Page 1

WWW.JMIJUI.COM.BR

Ijuí, Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

Ano 43 - Nº 373

R$ 3,00

8ª Tec-E-Inova traz a Ijuí cases de sucesso em gestão Feira, que começa na segunda-feira, vai debater ações para fomentar o setor do varejo. | 3

Recursos da repatriação podem ajudar municípios combater crise financeira

ALERTA

Governo está prometendo direcionar parte dos recursos de R$ 50,9 bilhões para os Estados e Municípios. | 3

Enem inicia hoje para mais de 8 mi de alunos Provas iniciam às 13h30, mas portões fecham às 13h. É importante o candidato estar atento aos horários | 7

Transbordo do lixo é feito de forma irregular em Ijuí

Comando Rodoviário do RS lembra que tráfego de maquinários nas ERSs é proibido | 18

Escolas Estaduais iniciam processo de matrículas na segunda-feira Prazo de inscrição de novos alunos e rematrículas inicia-se na segunda e encerra no dia 30 de novembro. O processo é feito pela internet, no portal do governo. 7

Promotora destaca que a gestão de resíduos sólidos está em segundo plano na administração. | 4

cmyk


RADAR EMPREGAR RS- Na próxima quartafeira, Ijuí recebe a segunda edição do Empregar RS. Ação que tem o objetivo de realizar atividades de orientação profissional e empreendedorismo, além de palestras motivacionais e, principalmente, fomentar a empregabilidade. Em função do turno único que será adotado pela prefeitura a partir de novembro, o Sine de Ijuí abrirá em horário diferenciado no dia da ação, obedecendo ao padrão definido para todas as agências do Estado. A unidade estará atendendo das 9h às 16h. DOAÇÕES - A Colônia de Pescadores Z18, e colaboradores, está arrecadando galeto, massa, arroz e saladas. Estas doações são para a Z18 e o Clube das Mulheres organizarem um jantar beneficente, na próxima terça-feira, em prol da Escola Municipal Infantil Cândida Turra, do bairro Getúlio Vargas, para o Natal das Crianças do educandário. A Z18 atua nesta causa em parceria com a diretora Shirlei Tamiozzo e demais professoras da Instituição. SAÚDE - Um grupo de 10 advogados da 23ª Subseção da Ordem dos Advogados (OAB), em Ijuí, juntou o montante de R$ 10 mil que será destinado às obras do Hospital Bom Pastor. A entrega do valor acontece na manhã de hoje, a partir das 10h, e inclui uma visita à estrutura do complexo que está sendo construído no bairro São Geraldo. ACORDO - O Acordo de Paris sobre as mudanças climáticas, adotado pelos líderes mundiais em dezembro de 2015 na capital francesa, entrou oficialmente em vigor ontem. O acordo estabelece mecanismos para que todos os países limitem o aumento da temperatura global e fortaleçam a defesa contra os impactos inevitáveis da mudança climática. Se cumprido à risca, o Acordo de Paris marcará o início de um novo capítulo para a humanidade e demonstrará que os países estão determinados a enfrentar o problema do aquecimento global. AEDES - O governo federal retoma no dia 20 deste mês as mobilizações para o combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor dos vírus da Dengue, Chikungunya e Zika. O objetivo é conscientizar a população para a importância da eliminação do inseto transmissor das doenças, um ano após a epidemia que surpreendeu o Brasil ao relacionar o vírus Zika em grávidas a bebês nascidos com microcefalia. Com a esperança de que o auge das transmissões de zika tenha ocorrido em 2015, o governo estima que neste ano o número de casos seja menor. CONVITE - AAssociação Tradicionalista Querência Gaúcha (ATQG), em parceria com a 9ª Região Tradicionalista, Prefeitura de Ijuí e Câmara de Vereadores Municipal, convida a comunidade para o 11º Rodeio Crioulo Regional de Ijuí. O evento acontece nos dias 9, 10 e 11 de dezembro, na Cancha de Rodeios Divo José Pizolotto, no Parque de Exposições Wanderley Burmann. Além de contar com entrada gratuita, a programação oferece praça de alimentação, almoços e jantas na ATQG, provas de laço, bocha, truco, vaca parada e concurso de rédea.

cmyk

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

2

OLHO DA RUA INDICADORES Poupança 4.11.2016 .......................0,6878 % Ouro 3.11.2016....................... R$ 130,00 (gr) Dolar Comercial (compra) ............ R$ 3,2310 Dolar Comercial (venda) ............. R$ 3,2315 Dolar turismo (compra) ............... R$ 3,1700 Dolar turismo (venda) ................... R$ 3,3700 Euro (compra) .............................. R$ 3,5929 Euro (venda) ................................. R$ 3,5935 IPC/FIPE Set/2016 ................................0,14% IGPM Set/2016 .....................................0,20% IPCA Set/2016 ......................................0,08% IGP-M set/16 ........................................0,20% IGP-DI Set/2016 ....................................0,03% ICV-Dieese set/16 .................................0,03% *valores acima de R$ 300,00

Incentivar o hábito da leitura nas crianças é uma tarefa dos pais, responsáveis e professores. Ler abre as janelas da imaginação e auxilia a criança na comunicação, na escrita e na construção do pensamento. São diversas as opções oferecidas pela Feira do Livro, que acontece na Praça da República, neste fim de semana.

ENTRE ASPAS "O montante necessário para cobrir o déficit previdenciário alcançou 24% da receita corrente no ano passado, enquanto que a média nacional ficou pela metade deste percentual. De longe o déficit previdenciário é o nosso maior problema em termos de equilíbrio das contas, devendo chegar a R$ 9 bilhões", disse o secretário da Fazenda, Giovani Feltes (PMDB).

LOTERIAS NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º 2º 3º 4º 5º

-

7.191 1.971 2.101 6.906 6.460

LOTOFÁCIL CONCURSO nº

1431

“Há razões fundadas para identificar Antônio Palocci Filho como a pessoa identificada pelo codinome Italiano no Setor de Operações Estruturadas da Odebrecht”, disse o juiz federal Sérgio Moro.

01 02 07 08 09

"O governo está fazendo de tudo para não parcelar os vencimentos, mas a situação financeira continua difícil. Economizamos, desde o primeiro dia do governo, tudo que podemos. E agradeço ao funcionalismo, mesmo com tantas dificuldades, por manter os serviços de que a população tanto necessita", disse o governador, José Ivo Sartori (PMDB).

17 19 20 23 25

"Com clubes que têm a mesma qualificação, o mesmo peso, é importante decidir em casa. O Atlético é extremamente difícil, traz o ambiente da torcida que estará presente em casa. Gera um elemento a mais para o jogo. Fundamental que seja nos nossos domínios", disse o presidente do Grêmio Romildo Bolzan. "Nós temos um perfil de time campeão. Quando cheguei aqui, só se falava que o Grêmio ia para a segunda divisão. Terminamos o Brasileiro em terceiro, brigando para ser campeão", disse o capitão do Grêmio Maicon.

10 12 14 15 16

QUINA

CONCURSO nº

4225

23 33 35 36 39 PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

Getúlio


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

EMPREENDEDORISMO

Tec-E-Inova abre com o tema gestão do esporte A próxima semana será dedicada ao empreendedorismo. Ijuí, novamente, vai discutir o tema, agora na 8ª Feira de Tecnologia, Empreendedorismo e Inovação (Tec-E-Inova), que será realizada no Campus da Unijuí. Entre os palestrantes que vão dividir sua experiência com o público no evento, na abertura, Ricardo Trade, diretor de Operações do Comitê Organizador da Copa do Mundo 2014 e CEO da Confederação Brasileira de Voleibol das Olimpíadas Rio 2016, vai abordar o tema Gestão e Inovação em Diferentes Cenários. “Vou falar sobre investimento em esporte, o que ele pode trazer de retorno para sociedade e a economia. Vou mostrar as ações do voleibol brasileiro, que é um exemplo positivo de como o esporte movimenta a cadeia econômica, e também o impacto que gera na qualidade de vida das pessoas”, salienta. O palestrante também vai dividir a experiência de ter atuado na organização da Copa do Mundo e Olimpíada no Brasil. “Nossa indústria de serviços teve um grande ganho com esses eventos. Além disso, o esporte é uma forma de mostrar as regiões e um catalisador de investimentos públicos. Quanto mais você tiver

necessidade de investimentos em turismo, como no Rio, trazer a Olimpíada catalisou investimentos públicos e privados para modificar a cidade”, complementa. O Sindilojas Noroeste e a Unijuí são os promotores da 8ª Tec-EInova que acontece entre os dias 7 e 10 de novembro, no Campus da Universidade. Com a temática Inovação, Tecnologia e Varejo, a Tec-E-Inova pretende ampliar o debate e o conhecimento acerca dos modelos e estratégias de desenvolvimento de territórios a partir da constituição de ecossistemas de empreendedorismo e inovação. Como apoiadores do evento estão a prefeitura, Associação Comercial e Industrial de Ijuí (ACI), Sicredi, Badesul e BRDE. No dia 8, acontece a palestra Perspectivas Econômicas e Mercado de Investimentos para 2017, com Ederson Schumanski, gerente de Análise Econômica do Banco Cooperativo Sicredi, de Porto Alegre; no dia 9, Turismo como um Negócio Sustentável, com Nestor Tissot, ex-prefeito de Gramado; e no dia 10, Abordagens e Instrumentos ao Comércio Eletrônico, com Paulo Kendzerski, presidente da empresa WBI On Life. Durante a semana, também

Ricardo Trade

será realizada, nos turnos da manhã e tarde, no Campus da Unijuí, a Semana do Empreendedorismo do Município de Ijuí, com o tema Tecnologia e Gestão Empreendedora. A Semana do Empreendedorismo é uma promoção da Prefeitura Municipal de Ijuí, Sindilojas Noroeste, Unijuí, Sebrae, ACI, Senai e 36ª Coordenadoria Regional de Educação. A programação está disponível no site do evento: www. tec-e-inova.com.br.

Repatriação rende R$ 50 bilhões O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, informou que chegou próximo dos R$ 170 bilhões os valores em bens mantidos no exterior repatriados por brasileiros. Desse valor o governo arrecadou através dos tributos cobrados, uma alíquota de 15% de Imposto de Renda e outros 15% de multa, o valor de R$ 50,9 bilhões. Meirelles confirmou que desse total, R$ 38,5 bilhões irão para o governo federal. O restante será dividido entre estados e municípios. Segundo Meirelles, do montante destinado ao governo federal, mais da metade será usado para o pagamento de restos a pagar do Orçamento e uma parte irá para cumprir a meta de resultado primário de 2016. Há ainda a previsão de que os recursos da repatriação sejam usados para contrapor “uma possível frustração de arrecadação” até o fim de ano, segundo o ministro. O analista de mercado Argemiro Luis Brum, disse que a iniciativa com a Lei da Repatriação foi salvar as contas públicas. "Sem entrar no mérito da ética e justiça em dar

essa vantagem a quem sonegou IR, o fato é que a ideia é recuperar o dinheiro legal não declarado em IR a fim de dar fôlego ao governo central para, dentre outras coisas, aumentar a arrecadação através dessa receita e diminuir, com isso, o déficit primário". Para Brum, com o volume prometido aos Estados e Municípios, os valores devem fazer a diferença para o fechamento das contas no final do ano. "O governo está prometendo direcionar parte dos recursos para os Estados e Municípios que, em sua maioria, têm a receber da União. Como Estados e municípios enfrentam enormes dificuldades, sem caixa para nem mesmo pagar o funcionalismo, tais recursos seriam muito bem-vindos e estão sendo esperados com grande expectativa", avalia mas alerta que o problema é que isso ajuda no curto prazo, porém, as causas do rombo tendem a continuar e, futuramente, esta fonte de recursos não existirá mais. Mesmo sendo uma ajuda paliativa, Argemiro aponta que os recursos terão impacto positivo.

Argemiro Luis Brum

"Um dos problemas maiores, e pouco abordado, é que a União concentra 70% dos impostos arrecadados no país e não os devolve em serviços adequados ao restante da Nação. Com isso, os Estados e municípios se obrigam a gastar acima de suas receitas, e dos percentuais de retorno de impostos, sem falar nos problemas de gestão, gerando um crescente rombo".

3

Folha dos servidores do RS custa R$ 60 mi por dia O secretário da Fazenda do Rio Grande do Sul, Giovane Feltes, confirmou que ainda não há uma expectativa definida com relação ao 13º salário já que o governo está com dificuldade até mesmo de pagar o salário mensal. "Estamos administrando um Estado que gasta muito mais do que arrecada. Somente a folha de pagamento dos servidores custa R$ 60 milhões por dia ", avalia. Ele confirmou que uma das alternativas avaliadas é um empréstimo junto ao BNDES. "Não para pagar o 13º, até porque a Lei de Reponsabilidade Fiscal não permite a contratação de empréstimo para pagamento de despesas correntes como é o caso do salário e 13º, mas para amortização de despesas de capital ou pagamento de despesas externas do RS, entre elas a própria dívida com a União", explica enfatizando que, se criada essa linha de crédito como aconteceu em 2009 e 2011, poderia se enfrentar parte das dificuldades e sobraria um dinheiro para pagar o 13º. O secretário participou nesta sexta-feira no Rio de Janeiro de um encontro do Conselho Nacional de Secretários Estaduais da Fazenda(Consefaz) para discutir alternativas diante do rombo dos regimes previdenciários. O governo do RS vai ter mais de R$ 9 bilhões para pagar em inativos

aposentados. "Claro que eles têm direito de receber, o fato é que ao longo dos anos não se criou um fundo para fazer frente na medida em que as pessoas iam se aposentando", afirmou sobre um cenário que é comum a todos os Estados. "É inegável que todos os Estados em maior ou menor dificuldade terão problemas no equilíbrio da Previdência". O encontro visa a análise de uma proposta conjunta entre Estados para a União. "Queremos levar ao governo federal uma posição que seja mais ou menos uniforme para que possamos todos fazer frente junto ao governo federal para pedir essa linha de crédito do BNDES", explica ressaltando que hoje são quase 20 Estados que não estão pagando os salários dos servidores em dia no Brasil. "Mas é claro que nenhum Estado do Brasil enfrenta problemas tão grandes como o Estado do RS". Além disso, Feltes confirma que na próxima semana serão anunciadas mudanças que devem desonerar os cofres públicos. "Vamos propor um conjunto de medidas envolvendo empresas públicas, fundações, autarquias. Isso não resolve o problema de imediato, mas acena para um Estado que será menos pesado, menos custoso, mais eficiente e mais moderno", conclui.

Nova repatriação poderá incluir parente de político O projeto para reabrir o prazo de repatriação de recursos de brasileiros no exterior vai ter taxação de 17,5% e pode vir a incluir parentes de políticos. A proposta será entregue pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) na próxima terça-feira. A principal diferença entre a primeira e a nova fase de repatriação será a taxação, que irá retomar os moldes da proposta original do governo Dilma Rousseff, com 17,5% de imposto de renda e 17,5% de multa. A proposta aprovada pela Câmara na primeira fase reduziu as alíquotas para 15%. O objetivo do aumento da taxação é garantir uma mínima vantagem para quem optou por repatriar primeiro, com um pequeno prejuízo para quem vai aderir na segunda fase. O novo prazo para repatriação seria aberto em 1º de fevereiro de 2017 e deve durar até 30 de junho. Entretanto, o período pode ser reconsiderado devido a necessidade de que os recursos sejam repatriados antes de março. A partir desse mês, instituições internacionais contra a lavagem de dinheiro vão iniciar um programa de transparência com a divulga-

ção de dados sobre recursos no exterior. Dessa forma, brasileiros citados em listas de organismos internacionais com os quais o Brasil possui acordos estariam impossibilitados de repatriar, além de estarem suscetíveis a multas e processos internacionais. Isso levanta outro alerta para uma tramitação breve da proposta. No Senado, Renan pretende que o projeto tramite em regime de urgência e passe apenas pela Comissão de Constituição e Justiça. De acordo com Renan, o texto de seu projeto não deve trazer mais modificações em relação à primeira proposta. Entretanto, já existem movimentações para permitir que parentes de políticos sejam autorizados a repatriar. O líder do governo, Romero Jucá, é o responsável por essa negociação com demais parlamentares. Ele defende que a Receita Federal possui mecanismos para apurar a origem dos recursos e evitar que dinheiro diretamente ligado à política seja repatriado. Por outro lado, Jucá defende publicamente que políticos não devem poder aderir ao programa. "Seria legislar em causa própria", alega.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

4

MINISTÉRIO PÚBLICO

Gestão de resíduos sólidos não é prioridade O ijuiense está pagando caro pela conta do lixo. Em menos de dois anos, a taxa referente ao serviço sofreu reajustes significativos. No entanto, na outra ponta, a gestão de resíduos sólidos no Município está longe de ser eficiente, de acordo com a promotora de Justiça de Ijuí, Diolinda Hannusch. Em entrevista ao Grupo JM , ela falou sobre os gargalos relacionados à gestão e aos custos da coleta, transbordo e transporte do lixo. “A questão me parece que é de maior reflexão porque estamos com um custo elevado em razão de uma opção que a administração municipal fez de mandar os resíduos aqui produzidos para fora do Município. E também por um desenvolvimento muito incipiente das políticas ambientais por parte do Município no sentido de ter um número mais significativo de percentual de separação de resíduos, porque certamente no que é levado, temos muitos resíduos que poderiam estar gerando renda para as famílias que trabalham na reciclagem, e estão sendo misturados aos rejeitos que vão para o aterro, e lá só servem efetivamente para a contaminação de solo e para gerar despesas”, comenta a promotora. Em 2002 ocorreu a primeira autuação do Município pela Federação Estadual de Proteção ao Ambiente (Fepam) em razão de problemas decorrentes da transformação do espaço que deveria ter sido construído um aterro sanitário em um lixão, resultando

em danos ambientais severos pela falta de manejo adequado dos resíduos sólidos. De acordo com Diolinda, a ideia inicial era de que o Município tivesse um aterro sanitário, e posteriormente foi debatida a possibilidade de Ijuí e região trabalharem de forma consorciada para a construção de um aterro sanitário regional. “Diminuindo os custos de deslocamento e os danos ambientais que decorrem, porque há um gasto. Ijuí ainda continua com transbordo irregular em que pese tem um processo judicial, já teve mais de uma autuação pela Fepam, que também representa custos ao Município em razão dessa, eu diria, má gestão dos resíduos sólidos. Continuamos com essa questão, me parece, em um segundo plano da gestão municipal porque o Plano de Gestão Integrada de Resíduos também não foi realizado, então nós temos um passivo de gestão de resíduos sólidos no Município muito grande”, afirma Diolinda. “Sem dúvida, um aterro sanitário também demanda recursos para sua manutenção adequada, mas nós poderíamos diminuir significativamente este deslocamento, e poderíamos trabalhar melhor a questão dos resíduos recicláveis, que são uma fonte de geração de renda, além de um ato ambiental positivo.” De 2002 para cá, foram realizados vários aditamentos entre MP e poder Executivo municipal, todos tendo como questão central o término da deposição de resíduos no antigo

Promotora de Justiça afirma que transbordo do lixo ainda não é regular no município

lixão. Diolinda conta que esse término e a recuperação ambiental daquela área, foco central do inquérito civil, estão acontecendo. O projeto que prevê a recuperação ambiental está em análise pela Fepam. O MP tem um expediente acompanhando a elaboração do Plano de Gestão Integrada de Resíduos, além de uma ação civil pública ajuizada visando à regularização do transbordo. “Porque entendemos que não é razoável o Município optar por levar os

resíduos para fora e operacionalizar em um transbordo irregular e continuar gerando danos ambientais. Hoje, o foco da atuação do MP está na ação judicial visando à regularização do transbordo e a questão do Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, onde deve estar prevista qual a forma que o Município irá implementar a questão dos rejeitos, porque esse plano é mais amplo do que apenas um aterro, prevê todas as outras ações que devem estar atreladas”, afirma.

Jerônimo Goergen

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

5

FIERGS

"A burocracia brasileira é algo medieval" O presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs) Heitor José Müller afirmou que as perspectivas para a indústria fechar o ano não são muito positivas, mas que a expectativa é que 2017 comece com melhores resultados."Vamos ter um 2016 sem grandes melhoras e estamos remetendo para 2017 um crescimento, pelo menos não esperamos a redução do PIB, o aumento do PIB entre meio e 1% o seria uma grande vitória frente aos 3,5 % que o Brasil deve encolher este ano". Sobre a crise econômica, Heitor aponta que houve prejuízos para o setor."A indústria depende do consumo e o consumo não está aumentando muito porque o PIB não está crescendo, está inclusive encolhendo, então não podemos esperar muito da indústria", aponta sobre o atual cenário enfatizando que as mudanças dependem das atividades que o governo está implementando e que estão em andamento. "Como por exemplo as concessões. Tivemos encontros com empresários da Europa dispostos a investir aqui em estradas, ferrovias, aeroportos, hidrovias, enfim na nossa infraestrutura, e isso tem que começar, só que a burocracia brasileira é algo medieval e não tem jeito de a gente remover alguns entraves e fazer com que as coisas andem mais". Ele afirma que por mais esforço que o governo federal esteja fazendo para que haja a publicação dos editais e as licitações, o processo é moroso, já que tem órgãos demais do governo federal interferindo.

"Eu já disse que deveria ter um artigo na Constituição que diria que tem obras de absoluto interesse nacional e quem decide é o presidente da República", fala questionando a interferência de tantas autarquias como o Meio Ambiente, o Ministério Público, o Tribunal de Contas, entre outros. "Eu vejo o esforço do governador Sartori e secretário Pedro Westphalen se desdobrando de várias formas para agilizar a questão das concessões no RS, que a Lei já foi aprovada na Assembleia, mas enfim a burocracia, a exigência legal e os vários órgãos que têm que ser ouvidos acabam entravando", questiona e reforça que no momento em que essas coisas começarem a andar e começar a circular o dinheiro desses investimentos, a contratação de pessoas aí vai impactar no aumento de consumo e a indústria vai crescer mais de novo. Para o presidente da Fiergs, são dois os principais entraves ao crescimento do País e da indústria: os altos custos da máquina pública e a atual burocracia que barra o empreendedorismo. "Nós pagamos impostos demais. A sociedade ainda não se deu conta de que tudo vira imposto. A ganância do sistema público está em cima dos ganhos da sociedade que trabalha e que produz". Heitor fala que atualmente pagamos a conta de más gestões. "O Estado contratou demais, deu privilégios demais para funcionários públicos, o funcionário público também não produz o que ele deveria e

poderia produzir", além disso, o presidente destaca que o Estado está grande demais. "Não temos mais como sustentar o Estado, então o governo federal está falido, o Estado e as prefeituras estão falidos e isso se deve a 40, 50 anos de más administrações que deram privilégios demais e a sociedade não tem mais como sustentar isso, a não ser que a sociedade trabalhe mais horas para produzir mais riqueza, para sustentar essa máquina", fala questionando ser algo realmente impossível. "Como o colono vai fazer três safras por ano para aumentar a arrecadação para o governo para continuar sustentando esse país? Isso não é viável, então que é viável a redução do Estado". Entre as mudanças para se reverter esse cenário, Heitor fala que a sociedade tem que assumir de novo muitas questões que entregou para o governo. "Cada vez mais coisas são pedidas para o governo. A sociedade pede, os deputados aprovam e daqui a pouco estão subindo mais os impostos. Estamos pagando mais e cada vez temos piores serviços públicos prestados. É uma situação que precisa ser mudada e é muito difícil porque ninguém quer perder privilégios". Heitor salienta que a primeira coisa que teria que acontecer é uma simplificação das coisas. "Tudo está sendo exigido do setor produtivo. As indústrias não têm nem tempo, nem dinheiro, nem especialistas e não existe como implementar tudo ao mesmo tempo. Isso parece um plano perfeito para acabar com a indústria, então

Heitor José Müller

tem que ser dado um basta nisso", avalia considerando ainda que está muito difícil o reconhecimento da importância que tem aquele que ainda quer empreender . "Emprego vem de empreender, de alguém que tenha vocação, vontade e o peito de ser herói e investir nesse país de malucos fazendo regras absurdas", conclui.

Nono dígito nos celulares entra em operação amanhã no Sul A partir de amanhã, quem ligar de um telefone fixo ou móvel para um telefone celular deve acrescentar o 9 antes do número atual. A medida vale para os Estados do Paraná (DDDs 41, 42, 43, 44, 45 e 46), de Santa Catarina (DDDs 47, 48 e 49) e do Rio Grande do Sul (DDDs 51, 53, 54 e 55). Com a implantação do nono dígito, a capacidade de numeração de cada DDD aumenta de 37 milhões para 90 milhões, atendendo a expansão da telefonia móvel. A implantação do nono dígito é gratuita e de responsabilidade das prestadoras da telefonia móvel. Cada operadora dis-

ponibilizará aplicativos que auxiliam o consumidor na atualização de sua agenda, já que este processo não será automático. A partir deste domingo, quando o sistema começa a funcionar, até o dia 15 deste mês, as chamadas feitas com oito ou nove dígitos serão completadas normalmente nos três Estados. De 16 de novembro até 13 de fevereiro de 2017, as ligações marcadas com oito dígitos para a Região Sul serão interceptadas e o usuário vai escutar uma mensagem informando que deve ligar novamente incluindo o 9 na frente do número do telefone. Segundo o coordenador de numeração

da Anatel, Affonso Feijó Ribeiro, já começou a funcionar no Rio, a Sala de Situação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) de onde serão coordenados os trabalhos de implantação do nono dígito."O objetivo é que o grupo possa resolver qualquer emergência durante a implantação do sistema", disse o coordenador destacando ainda que testes iniciados em agosto e encerrados em outubro atingiram 100% de eficiência. Os ensaios incluíram chamadas locais simples com o nono dígito a ligações entre códigos diferentes, interligando todos DDDs da Região Sul.

O dígito 9 (nove) deverá ser acrescentado à esquerda dos atuais números, que passarão a ter o seguinte formato: 9xxxx-xxxx. As chamadas feitas com 8 dígitos e com 9 dígitos serão completadas normalmente de 6 de novembro de 2016 a 15 de novembro de 2016, é o chamado duplo convívio. E as chamadas com 8 dígitos receberão mensagem orientativa sobre a mudança de 16 de novembro até 13 de fevereiro de 2017.

cmyk


Jornal da Manhã

OPINIÃO

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

FINAL DA LINHA

M

ENTREVISTA

á gestão dos resíduos sólidos. Assim é possível definir como a problemática é tratada dentro do Município. A falta de um Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos é apenas a ponta do iceberg, que tem como resultado custos elevados de uma conta endereçada ao contribuinte. A ideia de construção de um aterro sanitário foi descartada, e no lugar de uma solução mais adequada ao bolso e ao meio ambiente, o Executivo encontrou como saída levar o lixo produzido por aqui para o aterro sanitário licenciado de Giruá. No entanto, algumas pontas sempre ficam desamarradas e, neste caso, além do custo elevado, há a questão do transbordo que ainda não é feito de forma regular. O excesso de judicialização envolvendo as questões do lixo tem a ver com a falta de competência do poder Executivo de lidar com As pessoas não pen- essa problemática, sam no lixo como uma e a incapacidade responsabilidade sua. das prefeituras de Quando um indivíduo estabelecerem um decide construir uma plano em longo pracasa, por exemplo, ele zo, fazendo com que pensa em inúmeros o Judiciário precise detalhes, mas não intervir para que a pensa em uma forma coisa toda não vire sustentável de lidar uma bagunça, uma com o seu lixo vez que ocorre a troca de governo a cada quatro anos. Mesmo com capacidade técnica, não conseguem elaborar um plano para segui-lo em longo prazo. No entanto, a culpa deve ser compartilhada, considerando que 30% do lixo produzido em Ijuí poderiam ser destinados à reciclagem e menos de 10% têm esse fim, a comunidade tem sua parcela de culpa. O custo do transporte do lixo até outra cidade é alto, mas fica ainda mais caro considerando a quantidade significativa que é transportada. A economia poderia começar, também, além da adoção de uma política pública efetiva, pela separação correta dos resíduos produzidos por cada um. As pessoas não pensam no lixo como uma responsabilidade sua. Quando um indivíduo decide construir uma casa, por exemplo, ele pensa em inúmeros detalhes, mas não pensa em uma forma sustentável de lidar com o lixo que produz, como a elaboração de uma composteira, ou uma horta, mesmo que pequena. Ambas as iniciativas podem ser feitas ao ar livre ou mesmo dentro de apartamentos. No entanto, assim como no poder público, também no setor privado, a gestão do lixo é relegada ao segundo plano. Independente em que esfera cada um se encontra, se sentir responsável pelo lixo que produz é tarefa de todos, uma vez que as consequências também são compartilhadas. O meio ambiente tem dado sinais de esgotamento e a necessidade de uma melhor gestão dos recursos naturais é urgente e necessária. As coisas só andam quando os prazos se esgotam, que essa tendência não seja seguida com a natureza também.

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

Muito tem-se discutido sobre a reforma do Ensino Médio, há alunos/professores contra, a favor e outros que ainda estão em dúvida, mas como as mudanças que serão propostas devem alterar o processo de ensino e aprendizagem nas escolas? O Ensino Médio é uma etapa importante que finaliza a passagem do aluno pela Educação Básica. O modelo atual de organização do Ensino Médio está distribuído numa carga horária de 1.000 horas anuais, com um currículo distribuído no Rio Grande do Sul em 5 áreas – Linguagens, Humanas, Natureza, Matemática e Ensino Religioso. Porém, temos percebido através das avaliações externas e aqui citamos o Ideb com um decréscimo no RS mostrando que precisamos enfrentar essa situação, pensando num modelo diferente que contemple as necessidades dos alunos, o seu desempenho, permanência e sucesso na caminhada pelo Ensino Médio. O Plano Nacional de Educação prevê a criação de uma Base Curricular Comum. Esta proposta está em andamento e isso também vai garantir o aprendizado igualitário para todos. O atual modelo não se ajusta à diversidade de interesses dos jovens, produze fragmentação curricular, comprometendo a aprendizagem. O que se busca é um currículo comum com foco no conhecimento e nas competências essenciais para formação dos estudantes no século 21. Por que estão sendo propostas as mudanças? Qual o objetivo? Esta proposta está sendo encaminhada primeiramente para que cada Estado da federação possa iniciar uma discussão coletiva sobre o Ensino Médio, o seu papel na formação dos nossos jovens, uma avaliação criteriosa dos índices das avaliações externas, inclusive o papel das universidades na formação de professores, a fim de pensar um modelo que não será único, que levará em conta a realidade de cada Estado, regiões, escolas. Nesse sentido, esse processo precisa ser amplamente discutido com a participação de todos os envolvidos. No Rio Grande do Sul, como estão sendo propostas as mudanças? O Rio Grande do Sul, apesar dos índices não serem os esperados, tem uma caminhada na organização da Educação Básica e isto se dá nas diferentes redes com o auxílio das universidades. Porém, sabemos que precisamos avançar. Para isso, a Secretaria Estadual de Educação criou um grupo de trabalho que vem realizando profundas discussões sobre a realidade do Ensino Médio em nosso Estado. As 30 coordenadorias regionais também vão organizar um grupo de trabalho regional com participação das diferentes redes, instituições representativas da sociedade para discutir o tema e propor sugestões. A Secretaria Estadual de Educação planeja para 2017 uma pesquisa interativa com os alunos para que possa avaliar o modelo atual e apresentar sugestões. Enfim, o processo será de muita discussão a fim de obtermos o melhor resultado para todos os envolvidos. Existe algum prazo para começarem a ser implementadas? Como será (de forma gradativa ou imediata)? Sim, 2017 será o ano das discussões coletivas, a própria medida provisória 746 de 22 de setembro passará por amplas análises, até hoje já são mais de 500 alterações sugeridas e isso nós sabemos que vai evoluir. Sem dúvida,

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

cmyk

6

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com

Cláudio da Cruz de Souza Titular da 36ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE) todas as mudanças serão gradativas, nós iniciamos esse ano e já vai vigorar em 2017 um novo regimento escolar para o Ensino Fundamental e Ensino Médio nas escolas da rede estadual. Nós vínhamos trabalhando com um regimento outorgado para escolas de ensino médio para todo o Rio Grande do Sul e não se admite mais que em pleno século 21 tivéssemos um documento único para todas as escolas sem respeitar suas especificidades. As escolas queriam essa mudança e ela aconteceu. Sugerimos uma Matriz Curricular com um acréscimo de carga horária para dois componentes curriculares que é a Língua Portuguesa, introduzindo a Metodologia da Pesquisa com ênfase na pesquisa-ação no ensino Médio, e um acréscimo na Matemática, mantendo todos os outros componentes curriculares das diferentes áreas. Este já é um movimento pensando num novo modelo, porém destacando sempre que ler e escrever deve ser compromisso de todas as áreas. Como será a avaliação dos alunos com essas mudanças? Este ano a ênfase das formações com os professores foi o processo de avaliação dos alunos. Muito foi discutido com objetivo de garantir uma avaliação emancipatória, diagnóstica, com o foco na aprendizagem, sem esquecer que em algum momento ela vai classificar. Em virtude da elaboração dos nossos regimentos escolares, cada escola pode fazer a discussão coletiva e construir o seu processo de avaliação, determinando a expressão de resultados, podendo este ser por nota, conceitos, pareceres. Foi um movimento interessante onde percebemos um amadurecimento dos educandários nas definições tomadas. Neste sentido, em 2017 nossas escolas não terão uma expressão de resultado padrão, terão sim um processo que foi discutido e que levou em conta a realidade de cada uma das escolas garantindo a autonomia presente na lei de gestão democrática.

Representantes Comerciais: Grupo de Diários

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

www.jmijui.com.br

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0316 3331-0317 Semestral: R$ 200,00 Anual: R$ 400,00 Correio: R$ 400,00 (semestral); R$ 800,00 (anual)


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

ESCOLAS ESTADUAIS

Processo de matrículas inicia-se na segunda

A partir da segunda-feira, as escolas da rede estadual de ensino iniciam o processo de rematrículas e matrículas de novos alunos para o ano letivo de 2017. Conforme explica o titular da 36ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), Cláudio de Souza, a partir de segunda-feira até o dia 30 deste mês, todos os alunos com frequência igual ou superior a 75% matriculados em escolas estaduais em 2016 terão suas rematrículas confirmadas automaticamente. Os alunos com frequência inferior a 75% deverão ter suas rematrículas confirmadas na escola em que estudam pelos pais ou responsáveis por aluno menor de 18 anos, podendo ser feita pelo próprio aluno com 18 anos ou mais. Em caso de dúvida, os pais podem consultar a secretaria da escola em que o aluno estuda. Este mesmo período será dedicado à inscrição de novos alunos para o 1º ano do Ensino Fundamental; 1º ano do Ensino Médio; 1º ano do curso Normal e 1º ano dos cursos de Educação

Ingresso no 1º semestre de 2017 período de inscrição

matrícula

local

1º ano do Ensino Fundamental Ensino Médio (1º ano do Ensino Médio regular; 1º ano do curso Normal e 1º ano dos cursos de Educação Profissional)

de 7 a 30/11/2016

de 4 a 31/01/2017

Site da Seduc ou nas escolas estaduais

Educação de Jovens e Adultos (para o fundamental e médio)

de 4/01 a 17/02/2017

de 4/01 a 17/02/2017

Na escola pretendida

Fundamental (do 2º ao 9º ano)

de 4/01 a 13/01/2017

de 27/01 a 06/02/2017

Ensino Médio (de 2º a 3º ano; curso normal; 2º e 3º ano da Educação Profissional Integrada ao Médio)

de 4/01 a 17/02/2017

de 4/01 a 8/02/2017

no site da Seduc ou nas escolas estaduais Na escola pretendida

de 4 a 17/01/2017

de 18 a 31/01/2017

Modalidade

Educação Infantil

Profissional. A efetivação das matrículas (pelos pais) para os alunos que realizarem as suas inscrições nessas modalidades deverá ser feita do dia 4 ao dia 31 de janeiro de 2017. " As inscrições de novos alunos devem ser feitas no site da Secretaria Estadual de Educação

Na escola pretendida

(www.educacao.rs.gov.br). A inscrição para transferência (2º ao 9º ano do Ensino Fundamental) deverá ser feita de 4 de janeiro a 13 de janeiro de 2017. As inscrições para a Educação Infantil e de Jovens e Adultos será realizada no período de 4 a 17 de janeiro de 2017.

Escolas focam em vivências no campo Embora sejam minoria no País, as escolas rurais têm um papel importante no processo de ensino dos jovens que vivem nas localidades do interior. Em Ijuí, são nove escolas estaduais, uma municipal e ainda o Imeab que atua com foco no processo de educação desta área. De acordo com a assessora das escolas do campo, Ana Rolim, as escolas do campo passaram por um processo de discussões e reelaboração do Projeto Político Pedagógico, pensando em desenvolver um módulo diferenciado que auxilie o aluno a permanecer no campo. “Buscamos a qualificação do aprendizado com diretrizes básicas para essas escolas, com foco na permanência dos jovens no campo, bem como que a escola tenha um olhar direcionado para o interior”, defende. Na Escola Estadual Giovana Margarita, da Vila Floresta, uma iniciativa de cuidar de uma nascente é uma das atividades educativas que marcam as escolas do campo. A diretora da Escola, Leila Jacoboski Denes, conta que a nascente, adotada há dez anos, recebeu em parceria com a Ceriluz, Emater e

Enem inicia hoje para mais de 8 mi de candidatos Porta de entrada para universidades federais e vagas em diversas outras públicas, o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) começa hoje para 8.627.195 candidatos, 97,7% do total de inscritos. Os demais tiveram a prova remarcada por causa da ocupação de escolas. Além das vagas em disputa, as notas do Enem são necessárias para o acesso ao financiamento em faculdades privadas via Fies. Os portões de acesso serão abertos às 12h e fechados às 13h. As provas terão início às 13h30 (horário oficial de Brasília). Após o fechamento dos portões, os participantes deverão aguardar em sala de provas até que seja autorizado o seu início às 13h30, após procedimentos de verificação de segurança, sob pena de eliminação do Exame. Hoje a avaliação compreende as áreas de Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias, com tempo de 4h30. Amanhã, a prova será de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Matemática e suas Tecnologias. Nessa avaliação o tempo é maior, serão 5h30.

Antes da prova é importante que os alunos verifiquem na página do participante o local de prova para o qual foi designado e que compareçam ao local de realização das provas às 12h, de acordo com o horário oficial de Brasília. Em dezembro, 240.304 candidatos farão o exame nos dias 3 e 4, devido à ocupação de seus locais de prova. Até a manhã de ontem, as ocupações haviam afetado 364 localidades. Participantes que se enquadram na condição de pessoas privadas de liberdade (PPL) e jovens que cumprem medida socioeducativa farão as provas nos dias 13 e 14 de dezembro. Na véspera da realização do exame, o ministro da Educação, Mendonça Filho, garantiu que todas as medidas preventivas para preservar a segurança dos alunos foram tomadas. “Também adotaremos as medidas complementares que forem necessárias para garantir a segurança plena dos alunos”, afirmou. Durante as provas, a avaliação das condições de segurança e da violabilidade das provas será feita pelos coordenadores de sala. "Os alunos afetados terão garantida a oportunidade de realizar o exame".

Sinpro participa de colóquio sobre Ensino

Na Vila Floresta, alunos adotaram fonte e preservaram o espaço

A UFRGS sediou ontem, o Colóquio Regional Sul- Ensino Médio: reflexões e propostas, promovido pelas 11 universidades federais da Região Sul para refletir e propor sugestões em relação à Medida Provisória 746/2016 e Portaria do MEC 1.144/2016 que tratam de mudanças no Ensino Médio. Organizado em mesas temáticas e com espaço para manifestações dos participantes, o colóquio se configura em uma jornada de estudos e debates que culminará na elaboração de um documento

comunidade, mudas de árvores nativas."A melhor forma de ensinar sobre os cuidados que devemos ter com o meio ambiente é vivenciar com os próprios alunos aspectos que consideramos fundamentais para construção de um ambiente saudável", diz ela. Na Escola Fundamental Souza Lobo, a ideia foi desenvolver o projeto Preservação, Vida que tem o objetivo de resgatar as ações de Educação Ambiental desenvolvidas pela escola e tornar a área reflorestada da escola um espaço permanente de estudo, de novas ações ambientais e

Colóquio ocorreu durante o dia de ontem na Ufrgs, em Porto Alegre

um lugar de visitação permanente pela comunidade. Todas as atividades são desenvolvidas tendo como eixo estruturante o meio ambiente, o esporte e a cidadania. "Neste trabalho, a pesquisa documental que corresponde a toda informação de forma oral, escrita ou visualizada, de como funciona o ecossistema numa trilha ecológica, os benefícios da produção em uma horta orgânica, o uso da água coletada pela cisterna a preservação do espaço da escola com a manutenção, e reposição de mudas", destaca a diretora da Escola Ivanir Clarice dos Santos.

7

síntese a ser enviado pela Andifes ao Ministério da Educação. Os debates contaram também com representantes de diferentes entidades, como o Sinpro-Noroeste. Membros da diretoria plena do sindicato, as professoras Vera Daltrozzo, Eulália Marin, Lala Nodari e Célia Atkinson estiveram no evento e destacaram a relevância dos debates em torno das implicações políticas, curriculares e organizacionais da MP e da portaria do MEC que promove as alterações no Ensino Médio.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

NOVEMBRO AZUL

Mês é dedicado à saúde da população masculina Muitas doenças podem ser prevenidas quando os homens procuram os serviços de saúde regularmente. Esse é o alerta do Ministério da Saúde durante todo este mês de novembro, período em que ocorre campanha nas redes sociais sobre o tema. O objetivo é incentivar os homens a irem rotineiramente às unidades de saúde. Dados do Ministério da Saúde apontam que dos 6.141 homens que participaram do inquérito telefônico (Vigitel 2015), 1/3 (31%) ainda não têm o hábito de ir ao médico. Desses que não vão, 55% afirmam que não precisam. "Há alguns anos o Ministério da Saúde vem trabalhando baseado em algumas estatísticas relacionadas à saúde do homem, e vem descobrindo que o homem adoece ao longo de sua vida, muito mais por hábitos, escolhas inadequadas, do que por uma genética errada ou uma genética de doença", explica o médico urologista Gilnei Penno. A prevenção representa ganho de qualidade de vida. Neste sentido, no SUS, o homem pode fazer uma série de exames de check-up, como sangue (hemograma e dosagem dos níveis de colesterol total e frações, triglicerídios, glicemia e insulina); aferição de pressão

cmyk

arterial, verificação de peso e cálculo de IMC (índice de massa corporal); função pulmonar (indicada aos fumantes); pesquisa de antígeno de superfície do vírus da hepatite B (HBsAg); e teste de detecção de sífilis, pesquisa de anticorpos anti-HIV e dos vírus da hepatite C. E esses cuidados de prevenção, devem começar desde a adolescência. O câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens no Brasil. E é de olho naqueles que não se cuidam que a campanha Novembro Azul foi criada. O objetivo é levar informação e reduzir os números de mortes por causa da doença. "Na prevenção se fala muito em câncer de próstata, que é um número assustador, mas hoje esse é segundo câncer mais frequente do sexo masculino, só perdendo para o câncer de pele", acrescenta Gilnei. A doença é silenciosa e quando apresenta algum sintoma, pode ser tarde demais. A sorte é que é possível prevenir. "O cuidado prévio, hábitos saudáveis associados a consultas e acompanhamentos reduzem as chances de contrair a doença futuramente", ressalta o urologista. "A partir das 50 anos, o homem tem a necessidade de fazer a prevenção pensado em câncer de próstata.

Gilnei Penno Algumas etnias em especial, e pessoas com histórico familiar de doenças, devem começar a fazer essa prevenção a partir dos 45 anos." Em Ijuí, as ações desenvolvidas serão realizadas especificamente para o público masculino nos dias 8, 17 e 22 de novembro, onde todas as Unidades Básicas e Estratégias Saúde da Família estarão atuando com horário estendido, além do horário normal. Dentre as principais atividades que serão realizadas, estão consultas médicas, odontológicas, nutricionais e também testes rápidos para HIV, hepatite B e sífilis. Os horários de atendimento diferenciado serão das 17h até as 21h.

8

Psoríase é uma doença silenciosa e sem cura No último dia 29 foi celebrado o Dia Mundial da Psoríase e para disseminar o assunto e sensibilizar a população, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) lançou uma campanha de conscientização a respeito da doença. Caracterizada pelas placas vermelhas descamativas e “casca” branca saliente em algumas regiões da pele, a psoríase - enfermidade que atinge 2 milhões de brasileiros - por conta do desconhecimento ainda é tratada com muito preconceito e causa situações delicadas no cotidiano dos pacientes devido ao seu aspecto estético. Marcada pelas placas vermelhas e descamação mais evidentes e grosseiras nas regiões do couro cabeludo, cotovelo e joelho e em casos mais extremos pode se espalhar por toda a pele e também

atingir as articulações, a psoríase é uma doença crônica e não contagiosa. “Por não existir cura para esta enfermidade, muitas vezes os pacientes a tomam como uma sentença e habituam-se a ela após várias tentativas frustradas de tratamento”, afirma o médico dermatologista, André Lauth. A enfermidade, embora seja relativamente comum e de fácil tratamento, acarreta sofrimento constante ao paciente em virtude das feridas e da sua forma de manifestação. De acordo com um estudo brasileiro chamado Beyond, 63,7% dos pacientes com psoríase analisados apontaram algum tipo de dificuldade – seja associada à dor ou a questões emocionais, como o preconceito. A pesquisa apontou ainda a predisposição desses pacientes a outras doenças como à obesidade e hipertensão.

A Secretaria Estadual da Saúde (SES) realizou ontem uma reunião com 15 municípios prioritários no combate à tuberculose. O objetivo foi sensibilizar os gestores para as metas do governo estadual de ampliar o percentual de cura de casos novos de tuberculose de 62,5% para 75%. Por ano, são registrados cerca de 5

mil casos novos, sendo que três de cada quatro são em um dos 19 municípios prioritários. A meta da SES é uma das elencadas no Plano Estadual de Saúde para o período 2016-2019. A tuberculose é uma doença curável em praticamente 100% das novas ocorrências. O processo dura no mínimo seis meses.

Combate à tuberculose está nas metas do RS

Central de Transplantes seleciona estagiários magem cursando entre o quarto

A Central de Transplantes do RS realiza processo de seleção para estágio não curricular nos processos de doação e transplantes de órgãos. As inscrições, voltadas exclusivamente para acadêmicos de medicina e enfer-

e oitavo semestre, estão abertas e vão até o dia 28 de novembro. A seleção terá três etapas: uma prova no dia 3 de dezembro, entrevista com os classificados entre os dias 8/12 e 31/01/2017 e presença obrigatória na Aula Magna, que será a primeira parte do treinamento. Os estudantes interessados devem enviar a ficha de inscrição preenchida para o email estagio-transplantes@saude. rs.gov.br.


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

CASO KISS

"Não sei se vou ver", diz criminalista sobre o Júri "O Sistema Prisional do País é universidade do crime", sentenciou o advogado criminalista Amadeu Weimann em entrevista concedida ao Grupo JM ao longo da última semana. O advogado visitou as dependências do Jornal da Manhã e dentre diversos temas, criticou duramente o sistema penitenciário do País. "Como é nos países civilizados o sistema carcerário: o réu entra e existe uma missão do Estado, o Estado é obrigado a recuperá-lo. Aqui o sistema é a universidade do crime", definiu. Amadeu foi questionado sobre a situação envolvendo a crise, sem precedentes, instaurada na segurança no Rio Grande do Sul. Amadeu Weimann também não deixou de falar sobre o Caso Kiss, uma vez que é o atual representante do Núcleo Missões da Associação das Vítimas da Tragédia em Santa Maria. Questionado sobre a perspectiva da realização do Júri Popular dos quatro réus

Amadeu Weimann atua no caso da boate Kiss envolvidos, foi sarcástico e bem- a decisão da Justiça Militar que humorado: "Eu não sei se eu vou absolveu um bombeiro e reduziu ver". "Nessa questão da Boate pena de outros dois em sessão Kiss, houve desde o início um realizada no início do mês de interesse de ocultar as verdadeiras outubro. "Eu entrei com uma ação razões. Aquela boate não podia civil porque eu como professor há funcionar de maneira alguma, ela quase 40 anos do Direito Penal, eu não tinha condições. Sem falar cheguei a uma única conclusão: O no número de pessoas que estava Direito Penal fracassou no combate à criminalidade. O que tem é dentro da boate", resumiu. Amadeu ainda falou sobre que se mexer no bolso", ressaltou.

9

PPCIs voltarão a ser aceitos a partir de 2ª O Corpo de Bombeiros voltará a aceitar novos Planos de Prevenção e Proteção contra Incêndio, os chamados PPCIs, a partir da próxima segunda-feira. O recebimento está suspenso desde o dia 23 de outubro, quando ocorreu o fim do prazo regimental para validação das regras que foram modificadas. O comandante-geral da corporação, coronel Adriano Krukoski, disse ao Gaúcha Atualidade, programa da Rádio Gaúcha, que as alterações da nova regulamentação deverão ser publicadas até esse final de semana. Krukoski destacou também que essa adequação à lei tornou mais rígida as regras que precisam ser seguidas por danceterias e locais de refeições. Antes da modificação, estes estabelecimentos estavam classificados como empreendimentos com risco baixo de segurança e retornou a ser risco médio. Na última quinta-feira, o Diário Oficial do Estado publicou o decreto que regulamenta as normas de segurança, prevenção e proteção contra incêndio nas edificações e áreas de risco. O texto altera e complementa a chamada

Adriano Krukoski Lei Kiss, aprovada em 2013 para tornar mais rígida a fiscalização de casas noturnas após o incêndio da boate Kiss em Santa Maria. Krukoski concorda que o prazo para obtenção do alvará é elevado nas grandes cidades gaúchas. Ele destaca, porém, que a expectativa é que, até o início de 2017 o tempo de espera seja reduzido.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

10

ATITUDES MUDAM CAMINHOS

CT trabalha educação no trânsito

Nilton Kasctin dos Santos Promotor de Justiça

A viúva de Naim

Ao longo do ano, crianças de todas as idades, e adultos também, recebem orientações da Coordenadoria de Trânsito sobre legislação e uso consciente do espaço

A Coordenadoria de Trânsito (CT) trabalha com a educação no trânsito, em instituições de ensino e empresas públicas e privadas. Ao longo do ano, a equipe da pasta visita as escolas do Município, tanto da rede municipal, estadual quanto particular levando para as crianças noções de sinalização e uso do trânsito, visando à conscientização. As atividades integram o Programa de Humanização para o Trânsito (Prohumat) e o Em Trânsito: Atitudes Mudam Caminhos, que faz o trabalho de educação para o trânsito com o público jovem. “Essa educação, acredito ser muito importante, porque eu, em minha época de estudante, não tive nenhuma base de educação para o trânsito, e percebemos a importância que tem trabalhar desde o início, porque as crianças realmente co-

bram os pais e os próprios motoristas das vans, inclusive, sobre o uso da cadeirinha, do cinto de segurança, a questão da velocidade”, enumera a psicopedagoga da CT, Camila Zambon Eickhoff. Ela destaca que o desrespeito à legislação do trânsito é uma questão cultural, que vem de dentro de casa, o que torna importante o trabalho realizado na contramão dessa realidade, ou seja, que busca inserir na sociedade a importância do respeito às leis e aos demais pedestres e condutores. “Começa desde os pequenos até a idade adulta”, acrescenta. Desde a última terça-feira, as multas por infração de trânsito estão mais caras em todo o País. As regras mais rígidas para o Código de Trânsito foram estabelecidas pela Lei n.º 13.281, sancionada em maio deste ano. Segundo

o Ministério das Cidades, desde o ano 2000 as multas não eram reajustadas. “Muita gente reclama do aumento das multas para as infrações. Para quem é um bom condutor no trânsito, isso não vai influenciar, não sentirá no bolso. Então a gente vê que, realmente, é uma questão cultural, porque claro, quando mexe no bolso as pessoas respeitam um pouco mais”, opina Camila. "Todos nós fazemos parte do trânsito, e todos nós temos que colaborar para torná-lo mais humano, mais tranquilo, sem violência, a partir de nossas ações diárias, desde o uso do cinto de segurança, mesmo nos pequenos percursos, até atitudes de gentileza, de usufruir o espaço com respeito, deixando o pedestre passar, que são atitudes essenciais para o bom andamento do nosso dia a dia."

Profissional alerta sobre casos de abuso sexual Neste fim de semana, a comunidade do bairro São José recebe uma série de palestras voltadas a debater o tema da sexualidade. Abordando assuntos como o abuso sexual, construção da sexualidade na infância, buscando desmistificar o tema e, ainda, orientar as famílias. O tema será abordado pela médica ginecologista e teóloga, Longina Mandryk da Cunha. De acordo com a profissional, os encontros iniciam com um assunto delicado e que é mais comum do que se imagina. “O abuso é muito mais comum que as pessoas pensam e as sequelas do abuso são muito dolorosas”, afirma ela. Segundo Longina, 90% dos casos de abuso sexual acontecem dentro da casa ou vizinhança das crianças. “A denúncia é fundamental e posso afirmar que é importante não só pela criança, mas para responsabilizar aquele que abusa. É importante que ele seja denunciado, porque é um momento em que vai rever a sua

cmyk

conduta e pode mudá-la”. A médica salienta que quando ocorre a orientação, com a educação sexual desde cedo, auxilia no processo de assimilação de situações de abuso. “Ao construir a sexualidade da criança, já se dá as ferramentas de percepção e defesa desse mal”, acrescenta. O público alvo desses encontros são homens, mulheres, professores, psicólogos e líderes comunitários, “todos que podem atuar na prevenção desse mal que pode ser prevenido”, destaca. Um dos destaques dos encontros é o debate com os avós, que segundo Longina, dados estatísticos mostram que os jovens falam mais com os avós, “por isso esses familiares necessitam saber como construir sadiamente a sexualidade de uma criança”. Os encontros ocorrem na Comunidade Evangélica Luterana, no bairro São José. Hoje às 8h30; 14h e 17h e amanhã às 15h.

Longina Mandryk da Cunha

O filho às vezes a encontra chorando. Há momentos em que se torna impossível esconder a dor da saudade e a imensa tristeza que a morte do marido ainda lhe provoca. Mas é preciso tocar a vida mesmo assim, pois tem consciência de que o filho, agora órfão de pai, necessita de uma mãe forte o bastante para encorajá-lo a continuar a vida rumo à realização de seus sonhos. Sem falar que esse filho é sua única esperança de um dia voltar a ter a vida digna de outrora, quando era sustentada e protegida pelo marido. Nem imagina que o pior ainda está para acontecer. Não bastasse o sofrimento atroz da falta do esposo, agora uma notícia dilacera o que ainda resta de sua alma despedaçada: o filho querido está morto. Alguém lhe entrega o corpo de seu único amigo e companheiro de verdade. Frio. Com passos sem sentir o chão, entre pessoas comovidas por tanto sofrimento, segue ela para o cemiteriozinho da cidade de Naim a fim de sepultar o filho, o único bem que possuía. Junto com sua esperança, seus sonhos e sua própria vida. Aos soluços e gemidos, vai murmurando súplicas: “Eu quero o meu filho!”. E perguntas desanimadas: “Meu Deus, por que o Senhor deixou acontecer isso?”. Em lugar de alguma resposta, só a dor. A dor indescritível da mãe viúva que enterra o filho único. Está quase na hora do adeus definitivo. Do último beijo nas mãos geladas do filho amado. Do último olhar naquele rosto sereno que em minutos há de esconder-se para sempre. Pouco antes, a fantasia e a ilusão ainda lutavam freneticamente contra a realidade implacável. Por momentos até parecia tudo mentira. Mas agora é de verdade. Não tem jeito, esse filho nunca mais voltará para casa. O quarto, as roupas e o lugarzinho à mesa hão de esperar em vão por seu dono. Para sempre. Amparada para não cair sobre o caixão carregado por estranhos, a pobre viúva já não tem forças para chorar; apenas soluça e balbucia algo que ninguém entende. Sem sentido. Mas não está louca, como julgam-na pela aparência. Só está sentindo de antemão a dor da volta para casa depois do enterro. Na realidade não dá para voltar. É injusto infligir tamanha tortura a essa mãe. Até porque a alma de uma mãe que sepulta o filho recusa-se a sair do cemitério. Ela vai planejando ficar por lá para sempre, ao lado da sepultura do filho, pois isso seria bem melhor, já que, além de seu filho, lá ficarão todos os sonhos dele. E também os dela. Lá ficarão a energia e a beleza da juventude a fazer companhia para a alegria, a esperança, o amor e a razão de viver. Enterrados. O cemitério haverá de guardar dali a pouco o maior tesouro da face da terra. Junto com paixões, sorrisos, abraços e beijos que jamais acontecerão. Ninguém do cortejo entenderia, mas seu plano secreto de ficar eternamente no cemitério não é nenhum absurdo. É o único jeito de escapar da dor de voltar a estar em casa. Sem o filho. Ela sabe que agora no quarto dele há só um gélido silêncio. Não dá mais para entrar lá. Ela sabe que o lugarzinho do filho à mesa nunca mais será ocupado. Só ela pode sentir de antemão o tamanho do sofrimento de uma mãe que nunca mais poderá preparar o prato predileto do filho querido. Ou lavar e passar suas roupas. Ela não suportará viver naquela casa sem ouvir a voz doce do filho e sem vê-lo como de costume saindo e chegando em casa. Arrebatada nesses pensamentos tristes, eis que um homem se aproxima e diz: - Não chores, mulher! O cortejo para. O homem toca o caixão e ordena ao morto: - Levanta-te! E o rapaz ressuscita na hora. Num instante todo o mal que destrói sem piedade a vida dessa mulher então desaparece como a névoa na presença do sol.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

CORONEL BARROS

Executivo acompanha projetos de emendas

Na última semana, o prefeito de Coronel Barros, Senio Kirst, acompanhado pela secretaria de Educação, Cultura, Turismo, Desporto e Lazer e pela secretaria de Agricultura, Indústria, Comércio e Meio Ambiente, estiveram na capital federal verificando a tramitação dos projetos encaminhados pela administração. De acordo com o gestor, na saúde existe um projeto, de 2015, referente à emenda do deputado Onix Lorenzoni no valor de R$ 250 mil, para compra de equipamentos para a nova Unidade Básica de Saúde (UBS), “valor que já foi empenhado e autorizado a licitação”. Além deste montante, existem ainda outras oito emendas empenhadas em 2016, que serão encaminhadas para a compra de equipamentos de saúde. Nessa área serão investidas duas emendas dos deputados Onix Lorenzoni e Gerônimo Goergen, no valor de R$ 250 mil e R$ 100 mil, respectivamente. Na agricultura, os investimentos serão para a construção de sete pontes de concre-

to no interior do município, substituindo as atuais pontes de madeiras. Para isso, segundo o chefe do Executivo, estão encaminhadas três emendas, do deputado Pompeo de Matos, no valor de R$ 243 mil. Já do deputado Giovani Cherini, o valor de R$ 100 mil para compra de equipamentos destinados a patrulha agrícola. Do deputado Perondi, o valor de R$ 137.687,55 será investido na compra de trator novo destinado a patrulha agrícola. Na Cultura, a emenda do senador Paulo Paim para a Construção do Centro Municipal de Cultura (Auditório junto ao Novo complexo Educacional Miguel Burnier). Na Educação, o Executivo possui uma emenda do senador Lasier Martins, no valor de R$ 334 mil para construção de um bloco de sete salas de aula no novo complexo educacional Miguel Burnier. No Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA), a administração encaminhou um Projeto no valor de R$ 250 mil do deputado Marcon, destinado a perfuração de 4 poços, mais cisternas e redes de

Sênio Kirst

11

Estado pode ter usina térmica de alta eficiência Representantes de empresas japonesas manifestaram ao governador José Ivo Sartori, nesta quinta-feira (3), o interesse em construir uma usina térmica de carvão de alta eficiência, para a geração de energia, no Rio Grande do Sul. Em encontro no Palácio Piratini, os executivos da Copelmi Mineração e das empresas PWC Advisory LLC, Tokyo Eletric Power Company Holdinfs (Tepco) e IHI Corporation apresentaram o estudo de viabilidade. A iniciativa, com investimentos de cerca de 2 bilhões de dólares, tem apoio do governo japonês. "Estamos abertos a novos empreendimentos. O Rio Grande do Sul é estratégico porque possui 90% das reservas de carvão e pela sua localização", disse o governador. A ideia surgiu de uma parceria entre empresários e o governo japonês, que há um ano analisa a qualidade das reservas de carvão existentes no Rio Grande do Sul. A previsão é que em 2018 a usi-

na já esteja em funcionamento. O diretor de Novos Negócios da Copelmi Mineração, Roberto de Faria, explicou que foram feitos testes com 400 quilos de carvão gaúcho de diferentes minas. A conclusão é que o material do Baixo Jacuí tem condições de suportar a tecnologia Super Ultra Crítica (SUC), que prevê aplicação de altas temperaturas e pressão para aumentar a eficiência e diminuir a emissão de gás carbônico de térmicas a carvão. Acrescentou que a tecnologia é totalmente desenvolvida no Japão. O secretário de Minas e Energia, Lucas Redecker, contou que em janeiro deste ano conheceu esse trabalho. O JBIC, banco japonês de fomento à exportações, está disposto a financiar a maior parte do projeto, e a Tepco avalia entrar com a maior parte dos recursos. "Esse encontro é a consolidação que governo e empresas têm interesse no projeto para as energias alternativas", disse o secretário.

água no interior do município. “No total são mais de R$ 1,9 milhão de recurso extra orçamentário que serão liberados durante o ano de 2017”, comemora o gestor. Com isso, acrescenta ele, “o Município será entregue ao seu sucessor com bons projetos, aprovados, empenhados, com as contas em dia, além de processos fluindo dentro da normalidade”.

Municípios têm situação de emergência

A iniciativa pode ter um investimentos de 2 bilhões de dólares

Projetos culturais podem ser inscritos até dezembro

Municípios foram atingidos pela forte chuva e vento ainda em outubro

Foi publicado no Diário Oficial do Estado de ontem a homologação dos decretos de Situação de Emergência de nove municípios: Santo Antônio do Palma, Montenegro, David Canabarro, Jaguari, Vila Maria, Marcelino Ramos, Getúlio Vargas, Ivoti e Nova Bassano. O Decreto 53.283/2016, assinado pelo governador José Ivo Sarto-

ri, reconhece os prejuízos econômicos e materiais nos municípios atingidos, validando os decretos em âmbito estadual. Com a homologação, os municípios podem utilizar de benefícios como ajuda humanitária, dispensa do processo licitatório, abertura de crédito extraordinário, entre outros. Segundo Instrução Normativa

nº 01/2012, do Ministério da Integração Nacional, devem ser comprovados danos humanos, materiais e/ou ambientais, com prejuízos econômicos públicos que superem 2,77% ou prejuízos privados na ordem de 8,33% da receita corrente líquida anual do município, para que o Estado e/ou a União possam intervir.

Fundo de Apoio à Cultura, uma outra modalidade de investimento. Diferente da LIC, trabalha com fomento direto por editais. Neste ano, o investimento ultrapassa os R$ 6 milhões, envolvendo 26 municípios em 26 Coredes. Foram publicados 14 editais em 2016, o maior número da história, contemplando todas as regiões do Rio Grande do Sul e sem deixar de fora nenhuma das áreas culturais. Um dos projetos aprovados chamase Cine Caramelo: "É um festival de cinema voltado para o público infanto-juvenil, mas que também envolve os adultos, já que propõe, além da exibição de filmes, atividades que envolvem todas as idades, como por exemplo, a troca de brinquedos e as oficinas. Buscamos pro-

porcionar momentos de fruição artístico-cultural de qualidade e reflexão sobre temas da infância e da juventude", relata a coordenadora, Andrea Vigo. O Cine Caramelo ocorre desde 2013, em Porto Alegre e Região Metropolitana. Em 2014, contou com uma grande itinerância no interior do Rio Grande do Sul. A programação é toda gratuita. As ações ocorrem até terça-feira Os interessados ainda podem se inscrever em dois editais do FAC. Um deles (17/2016) é voltado para a produção audiovisual e teve as inscrições prorrogadas até o próximo dia 24. O outro chama-se Teatro de Arena 50 anos (18/2016) e estimula a produção de peças teatrais, com inscrições até 8 de dezembro.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de outubro de 2016

12

TAPA-BURACO

População cobra fim dos buracos nas vias A população ijuiense mostra-se preocupada com a atual situação das vias públicas do município. De acordo os moradores, os buracos nas ruas são considerados verdadeiras "crateras", por isso pedem resoluções urgentes para o problema. A situação precária do pavimento é alvo de reclamações da população em todas as áreas da cidade. Com isso, o Grupo JM percorreu três ruas, Rua 12 de Outubro, Rua Jorge Leopoldo Weber e Rua Pedro Thorstemberg, e constatou a existência de buracos em diversos pontos dos locais citados. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, Obras e Trânsito (Smodutran), informou que mantém cronograma de serviços de infraestrutura em todas as zonas da cidade, e que a operação Tapa-Buraco está ocorrendo, porém diverge com a opinião dos moradores, que afirmam que não estão sendo tomadas as devidas providências. O motociclista Adeilton, que sempre transita pela Rua 12 de Outubro, afirma que é uma injustiça

os moradores pagarem os impostos em dia e não receber assistência e vias adequadas. "É uma situação muito complicada, pois precisa-se de manutenção nesses buracos que acabam estragando os veículos e as motocicletas, e isso é tudo custo para o proprietário, que paga os impostos em dia e não recebe boas condições nas estradas para transitar. Um dos motivos dos buracos é que a Corsan geralmente faz a manutenção da água e esgoto e fica aquele buraco aberto para prejudicar as pessoas que passam pelo local", comenta. A Rua Pedro Thorstemberg, que fica ao lado do Poliesportivo, é uma das situações mais precárias. A moradora das proximidades Loreci Brudner ressalta que os buracos estão cada vez piores. "Eu moro aqui desde 1992 e vejo que está cada vez pior e um grande problema é que o poder público inicia uma obra e não termina. Cada chuva é um caos para os moradores, por isso o mínimo que estamos reivindicando, são melhorias concretas para esse problema", finaliza.

Na Rua 12 de Outubro, em frente ao Colégio Sagrado Coração de Jesus a situação prejudica o transporte escolar

A Rua Pedro Thorstemberg está com uma cratera aberta ao lado da calçada, prejudicando o estacionamento

cmyk

Na Rua Jorge Leopoldo Weber, os carros precisam desviar para não cair nos buracos da via


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

ESCOAMENTO DA SAFRA

Governo deve liberar R$ 150 milhões para o trigo

13

Plantio da soja atinge 10% na área da Cotrijui Enquanto muitos produtores estão na fase de colheita da safra de inverno, outros agricultores já preparam as culturas de verão, tradicionalmente maiores no Estado. É o caso do plantio da cultura da soja, que está ocorrendo dentro do período ideal recomendado para a sua semeadura, com chuvas regulares o plantio da safra 2016/2017 atinge no momento 10% da área disponível para esta cultura. Segundo o diretor de Produção Agropecuária da Cotrijui, Nelson Smola, o produtor deverá ter cautela no momento do plantio, observando a velocidade da semeadura que deverá ser de aproximadamente 6 km/h, para que haja uma melhor distribuição das sementes e, obser-

var também que a profundidade do plantio esteja entre 4 e 5 cm. Já no que se refere ao milho, o clima também tem se mostrado altamente favorável para o desenvolvimento da cultura que se encontra no estágio vegetativo antecedendo a fase de florescimento que deverá ocorrer nos próximos dias. Os produtores aguardam, com grande expectativa, excelente produtividade nessa cultura, devido aos investimentos tecnológicos realizados e pela condição climática favorável até o momento. Nelson Smola completa: “É importante o produtor realizar neste período as aplicações de fungicidas, já que o clima bastante úmido favorece o surgimento de doenças fúngicas.

Colheita do trigo iniciou há cerca de um mês. Incertezas e perspectivas negativas rondam a cultura de inverno.

O governo federal deve editar nos próximos dias uma portaria que prevê o aporte de pelo menos R$ 150 milhões para garantir o escoamento da safra através da equalização de recursos do Prêmio de Escoamento de Produto (PEP) e do Prêmio de Equalização Pago ao Produtor (Pepro). A medida depende de uma decisão conjunta dos ministérios da Agricultura, Fazenda e Planejamento, e deve ser assinada em até dez dias. A informação foi confirmada pelo deputado Jerônimo Goergen (PP-RS), coordenador institucional da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPAer) na Câmara dos Deputados em entrevista ao Grupo JM. Segundo ele, os mecanismos vão ajudar na distribuição do cereal

brasileiro, regulando os preços no mercado interno. "Há um excesso do grão no mundo, principalmente na Argentina, um grande e tradicional produtor. Por isso, precisamos desse aporte, que vai evitar que o nosso agricultor tenha prejuízos na hora de vender sua produção", explicou. Jerônimo destaca que, sem o PEP e o Pepro, a saca de 60 quilos do cereal acaba sendo comercializada abaixo do preço mínimo definido pelo governo federal, estipulado em R$ 38,65. "Estamos trabalhando intensamente em conjunto com a Fecoagro e com a Farsul, no sentido de ter a liberação dos recursos para o escoamento de produção. Alguma coisa já foi sinalizada pelo ministro Blairo,

mas ainda falta a confirmação. Nós precisamos ter um incentivo para que o custo de frete, de retirada desse produto, possa acontecer de maneira igualitária. Imagino que na próxima semana tenhamos alguma definição", afirma o deputado, projetando que a escassez de recursos do governo federal deverá prejudicar a concessão de benefícios para a safra de trigo. O Rio Grande do Sul deve colher cerca de 2,2 milhões de toneladas, segundo projeções da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A expectativa é de um haja um excedente entre 1,2 milhão e 1,5 milhão de toneladas, volume que deve ser exportado, principalmente para os Estados do Norte e Nordeste do Brasil.

Seapi moderniza registros de produtos A burocracia no serviço público é um dos problemas mais sérios a ser enfrentado pelos gestores públicos. É o caso do setor de registros de produtos agrícolas e pecuários do Estado. "Há seis meses, uma empresa esperava até 4 meses para que seus rótulos fossem analisados. Hoje o tempo de espera é de 15 dias", relata o Fiscal Agropecuário Luiz Carlos Dorneles, responsável pela análise de rótulos da Secretaria Estadual de Agricultura (Seapi) há

mais de uma década. Este salto em eficácia ocorreu devido a vários fatores. Dentre eles estão o aumento de funcionários, a descentralização e a informatização das atividades. Neste ano, já aconteceram cinco treinamentos que padronizaram e descentralizaram as análises de Rótulos para todo o Estado do Rio Grande do Sul. De acordo com o fiscal, hoje, uma pequena alteração no rótulo de um embutido na Região de São

Luiz Gonzaga pode ser analisada localmente. Com a informatização em processo de implantação, a documentação será enviada na velocidade de um click, tornando ainda mais ágil. A novidade é muito bem-vinda para as empresas que ingressarem no Sisbi para rapidamente levar os produtos gaúchos para todo o mercado brasileiro, relata o coordenador do Sisbi, Diego Viedo Facin.

Plantio iniciou em lavouras do Noroeste, Fronteira Oeste e região da Campanha

Campanha da aftosa vai até o próximo dia 30 Produtores de 22 Estados e do Distrito Federal devem vacinar bovinos e bubalinos contra a febre aftosa até o final deste mês. A segunda etapa da campanha, coordenada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), começou na terça-feira e se estende até 30 de novembro. A estimativa é que 150 milhões de animais sejam imunizados contra a doença. O produtor é responsável tanto pela compra da vacina quanto pela aplicação da dose. Quem não imunizar o rebanho está sujeito a multa. O valor varia de acordo com a unidade da federação.

No Rio Grande do Sul é de 60 UPF (Unidade Padrão de Financiamento) mais 1 UPF por animal do rebanho não vacinado. Hoje, a UPF no Rio Grande do Sul custa R$ 17,14. O criador que aplicou a vacina e não fez a declaração ao órgão estadual de defesa agropecuária também pode ser multado. A vacinação faz parte do Plano Nacional de Prevenção e Erradicação de Febre Aftosa, que tem como estratégia principal a implantação progressiva e a manutenção de zonas livres da doença, de acordo com as diretrizes da Organização Mundial de Saúde Animal.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

LIXÃO EM IJUÍ

Câmara analisa projeto de recuperação ambiental Os vereadores de Ijuí realizaram na manhã de ontem a reunião das comissões, para analisar os projetos que devem ir a plenário na sessão da próxima segunda-feira. Uma das matérias debatidas foi o Projeto de Lei que prevê crédito suplementar de R$ 100 mil para a primeira etapa da recuperação ambiental do antigo depósito de lixo de Ijuí, localizado na Linha 6 Leste. A reunião contou com a presença da secretária do Meio Ambiente, Andressa Gressler, e do diretor-presidente do Demasi, Ubiratan Erthal. Segundo ambos, os recursos serão aplicados na primeira fase da recuperação ambiental do local, onde serão implantados poços piezométricos, e feitas análises de águas e lixiviado, laudos dos resultados e levantamento planialtimétrico. As ações são exigidas pela Fundação de Proteção Ambiental do Estado (Fepam), e foram acordadas em um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado pela prefeitura de Ijuí. Após vários aditamentos, o pra-

Vereadores esclareceram destinação de recursos para obras no lixão

zo para a realização das obras de recuperação da área se encerra em poucos meses. Por isso, os trabalhos devem começar assim que o projeto for aprovado na Câmara - a matéria deve ir a plenário na próxima segunda. Também estará em análise na sessão da próxima semana o projeto que destina, ao todo,

R$ 125 mil para a realização 5º Canto de Luz e 1ª Lamparina da Canção Gaúcha 2016. Outra proposta que passará pelo plenário é a que altera a composição do Conselho Municipal de Defesa do Consumidor (Condecon). O objetivo é tornar paritário a participação dos representantes da administração.

PL proíbe obras em horários de pico no Estado O deputado Juvir Costella (PMDB) ocupou o período do Grande Expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa desta semana para defender que se proíba a execução de obras em rodovias nos horários de pico, das 7 às 10 horas e das 18 às 21 horas. O parlamentar informou ter protocolado na terçafeira (1º) um projeto de lei nesse sentido (PL 227 2016). O texto introduz modificação na Lei nº 14.033, de 29 de junho de 2.012, que trata da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), propondo a normatização das regras para a realização de obras de conservação, reparos, ampliação e construção nas rodovias do Rio Grande do Sul. “A medida tem o objetivo de simplificar, facilitar o uso das estradas pelos usuários e motoristas que constantemente são prejudicados pela utilização desses locais de tráfego nos horários de maior movimento de veículos, o que, por exemplo, provoca congestionamentos e atrasos na entrega de bens”, disse Costella. Na proposta, o deputado sugere ainda que as obras nas estradas sejam realizadas preferencialmente no horário noturno e que seja observado o bloqueio de, no máximo, 500 metros por trecho reparado.

Sem 'revolução interna', Comissão vai ouvir PDT sobre secretariado Tarso diz que deixa o PT O ex-governador do Rio Grande do Sul Tarso Genro defendeu ontem mudanças profundas no comando do Partido dos Trabalhadores. Em entrevista à Rádio Gaúcha, Tarso argumentou a importância de uma troca “nos principais cargos de direção do partido”, a fim de que ocorra uma espécie “revolução interna”. Tarso defendeu o nome de Fernando Haddad, atual prefeito de São Paulo, para comandar esse movimento. “Acho que esta direção se esgotou. Acho que o partido, pra se revigorar, tem que fazer uma revolução interna, trocar os principais cargos de direção do partido. Eu votaria no Haddad de olhos fechados”, disse. Questionado sobre a possibilidade de deixar o Partido dos Trabalhadores, Tarso Genro disse que pretende permanecer, num cenário em que o partido promova mudanças internas. Se isso não acontecer, Tarso fala sobre reavaliação e diz que poderá trabalhar “outra alternativa”. “Eu estou trabalhando pra que isso ocorra (mudanças para permanecer no PT). Se isso não ocorrer, acho que muita gente,

cmyk

não somente eu, vai reavaliar qual o tipo de movimentação política que vamos fazer: mantendo o PT ou trabalhando em outra alternativa”, disse. Tarso também defendeu que o ex-presidente Lula não seja candidato à Presidência novamente em 2018. “Temos que abrir espaço para novos quadros políticos. Não só do PT, mas também do campo político que representamos”.

Tarso Genro

A comissão de transição, formada por membros da coligação que venceu as eleições municipais, liderada pelo novo prefeito Valdir Heck, ainda trabalha na composição de nomes para o primeiro escalão do governo municipal. A informação é do presidente municipal do PDT, Josias Pinheiro. Segundo ele, a fase atual é de análise de dados como a composição do orçamento municipal para 2017, o que definirá algumas bases para a atuação da nova administração. Com relação a nomes, afirma Josias Pinheiro, ainda não há questões fechadas. No dia 17 de novembro, o prefeito Valdir Heck deve levar sugestões para análise da executiva do PDT. "A coordenação de campanha e a direção do PDT ainda estão conversando com os demais partidos coligados, para que façam a indicação de nomes com capacidade técnica e política de assumir cargos na administração. Falamos de funções estratégicas, que precisam ser muito bem pensadas. No próximo dia 17 nós vamos reunir o diretório e ouvir nosso partido sobre sugestões de nomes e cargos", explica o

Josias Pinheiro

presidente pedetista. O entendimento da comissão de transição e do partido é de que as exigências burocráticas de cargos de gestão, como secretarias e autarquias, necessitam de pessoal qualificado. "Estamos preocupados em montar uma equipe com perfil técnico, mas também político, porque assim se faz necessário", argumenta Josias Pinheiro.

14

ALEXANDRE GARCIA Jornalista

DIREITOS E PRIVILÉGIOS O Ministro do Supremo relator da Lava-Jato Teori Zavaski tirou do juiz de primeira instância – o juizeco, segundo Renan Calheiros – o caso da Polícia do Senado, aceitando o argumento de que o alvo não eram os policiais mas senadores investigados – portanto gente com foro privilegiado, que é Supremo. Isso estimulou o movimento para extinguir esse privilégio. A presidente do Supremo, ministra Cármen Lúcia, tem se manifestado contra o privilégio. A propósito, o artigo 5º da Constituição estabelece que “Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza...” Aí é que a porca torce o rabo, se isso for aplicado literalmente. Quantos tratamentos desiguais estabelecem as leis,, com o eufemismo de restabelecer igualdade? Vamos ler de novo: “... sem distinção de qualquer natureza”. Essa parte virou letra morta, assim como a primeira, que “todos são iguais perante a lei”. Na prática, alguns são mais iguais que os outros. Até na hora de executar pena: quem tiver diploma de curso superior é mais igual que os outros. Cotas para qualquer coisa, sob o argumento de que é um privilégio positivo, entram nessa desigualdade de tratamento. Incrível que um devedor do estado brasileiro é mais bem tratado por governos que o contribuinte que paga em dia seus tributos. Na capital do país, quem compra um lote dentro da lei, paga imposto; quem invade um terreno ganha a regularização dele. Quem mata é tratado com a exigência dos direitos; quem morreu não teve direito à proteção que é dever do estado. Agora uma irresponsabilidade adolescente invade escolas e impede que milhares estudem, votem, façam prova do Enem. E a demagogia das autoridades, que se borram de medo dos patrulheiros do políticamente-correto, declaram que vão respeitar os direitos dos invasores. O estado também respeita os direitos dos que invadem e destroem fazendas, dos que invadem prédios públicos ou propriedades urbanas. Só não respeita os direitos dos donos. “Todos são iguais perante a lei”. Se eu tocar fogo numa praça de pedágio, em instalações de pesquisa agropecuária; num trator; matar gado; quebrar vidraças de Ministério, vou ser tratado como criminoso. Se estiver vestindo camisa-e-boné de “movimento social” viro um mais-igual e meu direito de destruir será respeitado. Dentro do mesmo artigo 5º da Constituição também está escrito no inciso 36 que “a lei não prejudicará o direito adquirido”. Cai como uma luva na nossa cultura que troca o mérito pelo direito adquirido. E aí o inciso 36 desafia a cabeça do artigo a que ele se vincula, porque quem tem direito adquirido é mais igual que os outros.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

ELEIÇÕES SEM FIM

Justiça analisa possíveis crimes eleitorais em Ijuí Mais de um mês após a realização das eleições municipais, a Justiça Eleitoral ainda analisa processos que podem render cassações e impugnações de ambas as chapas que concorreram à prefeitura neste ano. São três processos em tramitação atualmente, sendo dois deles com decisão inicial da Justiça. Um dos processos foi movido pela coligação Construindo o Novo, do então candidato Bira Teixeira (PT), e pede liminar impugnando a candidatura da chapa adversária, encabeçada por Valdir Heck (PDT). O processo foi protocolado no dia 27 de setembro, antes da realização de um jantar onde candidatos da coligação do PDT iriam participar, fato que violaria a legislação eleitoral. Outro ponto citado no processo, onde está contida a liminar, seria a utilização da internet por parte de servidores públicos, que em horário de expediente estariam promovendo ações de campanha através da rede. Em sua decisão sobre o caso, o juiz eleitoral Eduardo Giovell

indeferiu o pedido de liminar, alegando que não há clareza e relevância de fatos para aceitar o pedido. "Os fatos narrados e objetos da representação demandam instrução probatória, com esclarecimento das circunstâncias em que se deram, o que até o momento não consta no feito, de sorte que deferir-se neste momento o pleito liminar seria temerário", diz o despacho, disponível no site do TRE. No caso do uso da internet para fins de campanha em horário de trabalho por parte de funcionários públicos, o juiz determinou cópia do processo ao Ministério Público "para apuração de eventual irregularidade no tocante à conduta dos servidores citados na esfera da probidade quanto a esta segunda ocorrência noticiada", afirma o magistrado. Outro processo foi protocolado pela coligação Juntos Por Ijuí, liderada pelo PDT, contra a coligação adversária. Sem pedido de liminar, o pedido feito à Justiça prevê sanções ao então candidato Bira Teixeira, por ter participado de inauguração de obra pública

durante a campanha eleitoral, o que é proibido. A ação foi protocolada no dia 28 de setembro, e o despacho do juiz Eduardo Giovelli também prevê o envio do material ao Ministério Público Eleitoral, que se manifestou sobre o tema e devolveu o processo à Justiça Eleitoral. No entanto, o teor da decisão do MP não está disponível. Há, ainda, uma terceira ação movida pela coligação Construindo o Novo, que pede a liminar de impugnação da candidatura da chapa Juntos Por Ijuí pela prática de loteamento de cargos antes das eleições. O despacho do juiz eleitoral sobre o caso negou a liminar, alegando que a prática é tida como comum em pleitos eleitorais. Ainda segundo o magistrado, o caso citado no processo não passou de uma conversação entre partidos para formação de alianças políticas, o que não é vedado pela lei. Os três processos foram encaminhados ao MP, que já emitiu parecer, não estando o juiz eleitoral não está atrelado ao parecer da Promotoria.

Renan ignora processos contra ele O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), divulgou nota à imprensa) informando que não é réu em nenhum processo no Supremo Tribunal Federal (STF). O esclarecimento foi dado em razão do julgamento pelo STF de processo que definirá se parlamentares que forem réus poderão assumir as presidências da Câmara e do Senado e, portanto, fazerem parte da linha sucessória da Presidência da República. "O presidente do Senado não é réu em qualquer processo judicial e, portanto, não está afetado pela manifestação dos ministros do STF ainda inconclusa", diz a nota divulgada pela assessoria de imprensa de Renan Calheiros. Renan responde a mais de uma dezena de inquéritos no STF, a maior parte deles relacionada a delações referentes à Operação Lava Jato. No entanto, a investigação pela qual o senador está mais próximo de se tornar réu é relacionada ao caso em que ele é acusado de ter utilizado uma empreiteira para pagar a pensão de uma filha que ele teve em um relacionamento extraconjugal com a jornalista Mônica Veloso. A Procuradoria-Geral da República apresentou denúncia contra

15

Temer envia reforma da Previdência até dezembro O presidente Michel Temer informou que está "decidido" a enviar o projeto da reforma da Previdência ao Congresso Nacional até o fim deste ano. De acordo com o porta-voz da Presidência, Alexandre Parola, o conteúdo das mudanças nas regras da aposentadoria "está sendo estudado" pelo governo. Assim como havia dito na semana passada , Parola disse que a reforma só será encaminhada aos parlamentares após "amplo diálogo" com trabalhadores, empresários e lideranças políticas. "O presidente da República ressalta que decidido está que o projeto da reforma da Previdência será enviado ao Congresso ainda este ano", disse o porta-voz. Sobre o adiamento das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nas escolas que

estão ocupadas por estudantes, Parola disse que o Ministério da Educação está "preparado" para oferecer locais alternativos de provas. Na última quinta-feira (3), a Justiça Federal no Ceará manteve a realização da prova no próximo final de semana para os demais estudantes, com exceção dos 191 mil jovens que fariam o exame em instituições ocupadas. Segundo o porta-voz, os candidatos "terão seu direito de prestar o Enem prejudicado pelas ocupações". Ele informou que, para Temer, o diálogo e a busca de "pacificação nacional são pilares fundamentais de seu governo", e os setores de educação e saúde "são prioridades que não serão afetadas" pela proposta que limita o crescimento dos gastos públicos pelos próximos 20 anos.

Presidente está "decidido" a enviar o projeto ao Congresso até o fim do ano

Jucá assumirá liderança do governo no Senado

Presidente do Senado diz que não é réu, e que processos serão arquivados

Renan neste processo, mas o STF ainda não decidiu se vai aceitar a denúncia e, consequemente, torná-lo réu. "O presidente responde a inquéritos e reitera que todos são por ouvir dizer ou interpretações de delatores. O presidente lembra ainda que todos serão arquivados por absoluta ausência de provas, exatamente como foi arquivado o primeiro inquérito", conclui a nota da assessoria do parlamentar. O STF iniciou na quinta o julgamento para decidir se parlamentares que forem réus poderão

assumir cargos na linha sucessória da Presidência da República, mas suspendeu a análise do caso em razão de um pedido de vistas do ministro Dias Toffoli. Até o momento, seis ministros, entre eles o relator do processo, Marco Aurélio Mello, votaram a favor do impedimento. Isso significa mais da metade dos ministros que vão votar neste caso, já que Luiz Roberto Barroso se declarou impedido. Mesmo assim, a decisão só valerá quando o julgamento for concluído e, até lá, os ministros poderão mudar o voto.

Menos de seis meses após ter deixado o cargo de ministro do Planejamento, o senador Romero Jucá (PMDB-RR) assumirá a função de líder do governo no Congresso. Jucá foi escolhido pelo presidente Michel Temer para substituir a senadora Rose de Freitas (PMDB-ES), que acabou se indispondo com a base aliada após criticar a ausência de líderes em sessões de interesse do Palácio do Planalto. Apesar da saída oficial de Jucá do Planejamento, ele nunca deixou de frequentar o Planalto, de participar de reuniões com Temer ou de influir nas decisões do Ministério. O senador entregou o cargo em 24 de maio, 12 dias após Temer assumir a Presidência como interino, após vir à tona uma gravação na qual o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado sugeria a existência de um pacto para conter a Lava Jato. No diálogo, ocorrido semanas antes da votação do impeachment

da então presidente Dilma Rousseff pela Câmara, Jucá dizia que era preciso mudar o governo para "estancar essa sangria", numa referência ao avanço da Lava Jato. Alvo da operação, o senador deixou o governo dizendo que provaria sua inocência e poderia retornar ao Planejamento. Isso, porém, não ocorreu. A nomeação de Jucá, presidente do PMDB, deve sair na semana que vem. De acordo com informações obtidas pelo Estado, Rose de Freitas ficou aborrecida com a troca. A senadora foi escolhida por Temer principalmente porque o governo apresentava uma carência de mulheres em postos de destaque. Ao protestar contra a falta de mobilização da base aliada em uma sessão do Congresso convocada para analisar a liberação de recursos para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), no mês passado, Rose subiu à tribuna para reclamar dos colegas e disse que não era "babá" para acordar senador e deputado.

cmyk


Esporte

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

Filipe vence em Santa Rosa O atleta de Ijuí Filipe Matter Cargnelutti, que representa a equipe Associação Medalha de Ouro (AMO) de Santa Cruz do Sul, com o tempo de 15 minutos e 37 segundos, foi campeão geral do 5º Circuito Regional de Corridas de Rua, etapa de Santa Rosa realizada no último domingo dentro do Parque de Exposições Alfredo Leandro Carlson da Fenasoja com o percurso de cinco quilômetros. Ricardo Rudek Sobucki, de Santo Ângelo ficou em segundo lugar com o tempo de 15 minutos e 57 segundos e na terceira posição Leandro Pinto Vieira, de São Luiz Gonzaga com o tempo de 16 minutos e 16 segundos. O quarto colocado foi André Clóvis Herther, de Ijuí com 16 minutos e 40 segundos. Maria Rosana Nunes Ferreira, do Clube de Corredores de Ijuí (CCI) venceu no geral feminino em 18 minutos e 19 segundos. Josiane de Fátima Anhaia, também do CCI ficou em segundo com o tempo de 20 minutos e seis segundos e terminou em segundo. Amanhã Filipe participa da Rústica Dom João, em Santo Ângelo, com percurso de cinco quilômetros.Depois retorna para Santa Cruz do Sul, onde está residindo e no dia 20 de novembro vai a Porto Alegre para

Filipe Matter Cargnelutti foi o campeão geral na prova de Santa Rosa

participar da POA Day Run, com percurso de 10 quilômetros. Em 4 de dezembro disputa a Summer 48 quilômetros. Em 24 de setembro, o atleta ijuiense venceu a POA Night Run, com o percurso de 10 quilômetros; no dia 25 de setembro disputou a 10ª Rústica Estadual de Santa Cruz, 4,6 quilômetros; e dia 26 de setembro ganhou a Corrida do Curso de Educação da Unisc, com o percurso de 2,2 quilômetros onde foi bicampeão. Filipe Cargnelutti disputará em 28 de janeiro de 2017 a Travessia Torres-Tramandaí representando uma equipe de

Filipe (no alto do pódio) venceu a POA Night Run, com o percurso de 10 quilômetros

Santo Ângelo que vai homenagear o atleta Roberson Velasques, que morreu na prova no início deste ano. Ele teve parada cardíaca e falência múltipla dos órgãos ocasionados por uma hipertermia. Filipe, após um período de descanso, tem como objetivo principal neste segundo semestre treinar para a Corrida Internacional de São Silvestre. "Comecei minha preparação em outubro, com 11 dias de base, depois uma semana de treinamento de um turno e agora começaram os treinos em dois turnos que irão até 31 de dezembro. A cada ano procuro

melhorar as minhas marcas. Estou realizando um treinamento exclusivo, europeu para fazer uma prova ainda melhor". Filipe Cargnelutti afirmou que a ideia é chegar entre os 20 primeiros na São Silvestre. O português Alberto Paulo, que já participou desta prova ficando entre os 20 melhores, passou o calendário de treinamentos para Filipe e vem auxiliando o atleta ijuiense. É a sexta vez que Filipe Cargnelutti participa da Corrida em São Paulo."Os treinos são intensos. É preciso dedicação e foco no objetivo principal, que é a São Silvestre", disse.

tou a primeira vaga para a final do 22º Campeonato de Pais do Colégio Sagrado Coração de Jesus, Futsal Masculino ao vencer novamente a equipe da Bolívia, desta vez por 3 a 1, no jogo de volta da fase semifinal da competição.No jogo de ida, a equipe da Argentina ganhou por 4 a 2. O segundo finalista será conhecido na próxima terça-feira a partir das 21h, quando voltam a se enfrentar as equipes do Uruguai e do Equador. A vantagem é para a equipe do Uruguai, que venceu o confronto de ida por 3 a 2. O Campeonato tem o objetivo de integrar a comunidade escolar, pais, professores e alunos. O tema principal é o Esporte pelo Saber.

Jogos semifinais do Campeonato de Mães foram disputados na quinta-feira

Divisão Única tem quatro jogos segunda-feira O Campeonato Municipal de Futsal de Ijuí tem a disputa de quatro jogos na próxima segunda-feira a partir das 19h no Ginásio Wilson Mânica. A rodada terá estas partidas pela segunda fase da Divisão Única: Audax/

cmyk

Renato Marsiglia renato.marsiglia@tvglobo.com.br

Campeonato de Mães conhece equipes finalistas As equipes Laranja e Maçã decidirão na próxima terça-feira às 19h45 o título do 2º Campeonato de Mães do Colégio Sagrado Coração de Jesus de Ijuí, Voleibol. Na disputa do terceiro lugar a partir das 18h45 jogam as equipes Uva e Morango. Na primeira partida da semifinal na última quinta-feira no Ginásio do CSCJ, a equipe Laranja derrotou a equipe Uva por dois sets a zero. A segunda vaga para a final foi conquistada pela equipe Maçã que derrotou a equipe Morango por dois sets a zero. A última partida da primeira fase foi disputada dia 1º de novembro, com a vitória da equipe Laranja por 2 sets a zero contra a equipe Uva. A equipe Argentina conquis-

16

Ramos Construções x S.E.Ouro Verde; F.C. Santa Cruz do Colonial x Pré-Moldados Dreffs; Independência Futsal x Colombianos e restante do jogo entre Atlético do Modelo e União do Getúlio Vargas que foi parali-

sado na última terça-feira aos seis minutos e dois segundos do primeiro tempo. O temporal causou a inutilização da quadra do Ginasião naquela noite. O Atlético vencia por 1 a 0. Na próxima terça-feira, a

partir das 19h15, o Campeonato tem estes jogos pela segunda fase da Divisão Única: Paladino x Lion Snooker Bar; Bahia x IBIS; e City Hotel/Clip Santo Antônio x Progresso/Marmoraria São Lucas.

GRÊMIO CONFIRMA FAVORITISMO A vantagem do Tricolor era difícil de ser revertida, ainda mais jogando dentro da Arena lotada e fervendo. O Cruzeiro colocou pressão no primeiro tempo, acertou uma bola no travessão de Marcelo Grohe, mas numa maneira geral, o Grêmio manteve o jogo sob controle e também teve uma oportunidade clara de gol com Pedro Rocha.Na soma dos 180 minutos, passou o time mais qualificado e que melhor se apresentou nestas semifinais. INTER FOI VALENTE Poucos esperavam uma atuação convincente do Inter contra o Atlético-MG, principalmente em função do resultado trágico contra o Santa Cruz-PE pelo Brasileirão, como pelo fato do clube ter priorizado claramente a luta para fugir do Z-4. Todavia, assim como no primeiro jogo em que foi derrotado no Beira-Rio, mas empilhou gols perdidos, o Inter jogou de igual para igual com o "Galo" e não seria nenhuma injustiça se tivesse voltado com a classificação. ARRANCADA DECISIVA As classificações de Grêmio e Atlético-MG, na realidade aconteceram no primeiro jogo e coincidentemente, fora de casa. O time mineiro achou uma vitória no último minuto dentro do Beira-Rio, quando escapou de perder, e perder feio. O Grêmio matou o Cruzeiro no primeiro jogo ao abrir dois gols de diferença. Por isso considero irrelevante a ordem dos jogos, e vale isto para a final, onde não tem gol qualificado. Diz o ditado: quem faz a tabela é o time. RETA FINAL PARA CARDÍACO A partir de amanhã, o Inter terá que encarar uma "final de Copa do Mundo" em todos os jogos. A luta contra o rebaixamento irá até a última rodada. Vitória é o mais forte candidato a completar o Z-4, mas Inter, Coritiba e Sport seguem trocando e-mails com a Série B. Controle emocional terá papel decisivo nesta reta final, pois mesmo tendo melhor time no papel dentre estes quatro, dentro do campo o Colorado não tem feito valer esta aparente superioridade.


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

17

DOIS TOQUES

Grêmio decidirá na Arena Carlos Alberto Padilha

esporte@jornaldamanhaijui.com

DECISÃO-O Grêmio, se a final da Copa do Brasil fosse na próxima semana, chegaria em melhor momento para decidir o título. Como os jogos serão daqui a 20 dias, tudo pode mudar, mas o time de Renato Portaluppi está mais equilibrado, mais ajustado coletivamente. O Atlético-MG tem mais destaques individuais, casos de Robinho e Lucas Pratto. O Grêmio também conta com jogadores que podem decidir, casos de Luan, Douglas, Everton. Quartafeira na Arena o Cruzeiro de Mano Menezes congestionou o meio-campo, marcou bem o Grêmio no primeiro tempo. Na etapa final os espaços surgiram para os dois lados com o Grêmio sendo mais agressivo. O Tricolor chega com justiça à decisão, para buscar um título após muitos anos de jejum em conquistas nacionais ou internacionais. Vai decidir em casa diante do seu torcedor. COLORADO- O Internacional encarou o Atlético-MG quarta-feira desde o começo do jogo, diferente daquele futebol burocrático do empate com o lanterna do Brasileirão, o Santa Cruz. Anderson teve uma grande atuação no primeiro tempo. O Galo tem qualidade, principalmente do meio para a frente, mas a defesa, que é uma das mais vazadas do Brasileirão ao lado do Figueirense, voltou a errar. O que eliminou o Inter foi a derrota em casa na partida de ida. Celso Roth voltou a cometer equívocos a optar por Ariel, Andrigo e insistir com William no meiocampo. Se jogar da maneira que enfrentou o Atlético-MG, não será batido tão facilmente pelo Palmeiras. SÃO LUIZ- O diretor de futebol do São Luiz Delmar Blatt confirmou que na próxima semana o clube pode anunciar os dois primeiros reforços para a Divisão de Acesso 2017. Hoje às 12h30 ele viaja para Concórdia, Santa Catarina em companhia do técnico Paulo Henrique Marques. Às 18h30 deste sábado a dupla assiste Concórdia x Operário de Mafra pela Série B do Catarinense. Amanhã às 19h30, na Arena Condá, assistirão Chapecoense x Figueirense, pelo Brasileirão. Na segundafeira será formalizada uma parceria com a Chape.

O Grêmio vai decidir a Copa do Brasil diante do seu torcedor. Em sorteio realizado ontem pela manhã na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ficou definido que o Tricolor vai jogar a segunda partida decisiva diante da torcida. No dia 23 de novembro às 21h45, o Atlético-MG recebe o Grêmio em Belo Horizonte. Ainda não está definido o local que pode ser o Estádio Independência ou o Mineirão. Uma semana depois, dia 30, às 21h45, o campeão será definido na Arena do Grêmio. O vencedor da competição assegura uma vaga na Copa Libertadores do ano que vem. O gol qualificado, fora de casa, não valerá para a final da Copa do Brasil. O Grêmio terá a chance de

decidir a Copa do Brasil em sua casa pela quarta vez. E o retrospecto é positivo. Em 1989 e 1994, o Tricolor gaúcho foi campeão, respectivamente contra Sport e Ceará. Em 1995, ficou com o vice-campeonato diante do Corinthians. Durante a semifinal de quarta-feira, o Grêmio passou por uma polêmica em sua arena. No fim do jogo contra o Cruzeiro, a filha do técnico Renato Portaluppi, Carol, entrou no gramado e foi citada na súmula pela arbitragem. O time gaúcho corre o risco de ser julgado no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e sofrer alguma punição caso o ato seja tratado como uma invasão. O Atlético-MG, por sua vez, decidiu a Copa do Brasil em

Grêmio e Atlético-MG disputam o segundo jogo decisivo dia 30 de novembro na Arena

2014 e foi campeão. A final foi no clássico contra o Cruzeiro, no Mineirão, em que, na teoria, o Galo era visitante. O técnico Renato Portaluppi

encaminha hoje o time do Grêmio que enfrenta o Sport segunda-feira às 20h na Arena pela 34ª rodada do Brasileirão. Vários titulares devem ser poupados.

Vitinho pode retornar amanhã diante do Palmeiras O treino do Internacional teve boas notícias para o técnico Celso Roth ontem. O atacante Vitinho se mostrou livre das dores na coxa direita que o tiraram da partida contra o AtléticoMG, na quarta-feira pela Copa do Brasil. Vitinho não participou do treinamento de quinta-feira para ir ao Rio de Janeiro acompanhar o julgamento pelas confusões do Gre-Nal 411. Ontem, porém, teve movimentação ativa nas atividades no CT Parque do Gigante. Apesar de o camisa 11 ter presença encaminhada entre os titulares, Roth não deu indicações do time que mandará a campo para enfrentar o líder do campeonato, Palmeiras, amanhã, às 17h no Palestra Itália, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A possível escalação do Inter para enfrentar o Palmeiras tem Danilo Fernandes; Ceará, Paulão, Ernando e Geferson; Rodrigo Dourado, Anselmo, William,

DE PRIMEIRA

Catuípe; vice-Cometa Panambi; goleador, Kaike- CMD Catuípe; defesa menos vazada-CMD Catuípe; sub-9, campeão-Cometa Panambi;vice-CMD Augusto Pestana; goleador, DeividCMD Augusto Pestana e defesa menos vazada, Cometa Panambi; sub-7,campeão-Cometa Panambi; vice, G.B.M Ijuí; goleador- Cássio-Cometa Panambi; e defesa menos vazada- Cometa Panambi.

8ª COPA CARLOS EDUARDO A competição de futebol tem a quinta rodada hoje no campo do Ipiranga em Coronel Barros. Serão realizadas estas partidas: sub-9, CMD Coronel Barros x CMD Augusto Pestana-9h30; sub-11-CMD Catuípe x CMD Coronel Barros-10h30; sub-15, Cometa Panambi x Campo Novo-14h; e sub-13-Campo Novo x Cometa Panambi-15h30.

COPA PAULO BAIER Os campeões da competição de futsal para categorias de base foram conhecidos no último sábado no Ginásio Capitão Dunga em Coronel Barros. Estas equipes ficaram nas primeiras posições: Sub-11, Campeão-C.M.D

Anderson e Sasha (Alex); Vitinho (Aylon). O Internacional segue sua luta contra o rebaixamento. O Colorado é o 16ª colocado na tabela de classificação, somando 38 pontos. Já o Vitória, 17º e primeiro integrante da zona da degola tem dois pontos a menos. A cinco rodadas para o término do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras é líder, com 67 pontos,

cinco a mais que o segundo colocado Flamengo. O técnico Cuca definirá o time titular hoje pela manhã, quando comandará o último treino antes da partida diante do Inter. O meia Moisés cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo.Thiago Santos e Cleiton Xavier são os mais cotados para atuar, apesar de Zé Roberto poder ser deslocado para o meio e Egídio assumir a lateral esquerda.

ra Cattaneo e de Salto do Jacuí, a CEEE, tiveram participação destacada, mas não alcançaram a fase final das disputas.Os vencedores de cada modalidade foram os seguintes:dominó duplas- campeão: Triel-HT (Erechim); futebol sete livre-campeã: equipe Inovação/Stara(Santa Rosa); futebol sete master-campeã: Kepler Weber (Panambi); futsal livre-campeã: Kuhn (Passo Fundo); futsal master-campeã: BRF (Marau); futsal sênior-campeã: Triel-HT (Erechim); futsal feminino-campeã: BrunningPanambi; pingue-pongue trio masculino-campeão: Inovação/ Staara(Santa Rosa); tênis de mesa masculino-campeão: Brunning A (Panambi); tênis de mesa feminino-campeã: Triel-HT-A (Erechim); voleibol masculinocampeão: John Deere (Horizontina) e xadrez-campeão: Conservas Bender (Panambi).

SÉRIE B

Vitinho pode reforçar o Internacional amanhã em São Paulo diante do Palmeiras

JOGOS DO SESI A Olimpíada Regional do Serviço Social da Indústria foi disputada no último domingo em Santo Ângelo. Participaram empresas das Regiões Norte e Noroeste. Foram mais de 500 atletas, em 12 campeonatos diferentes. De Ijuí, as empresas 3 Tentos, Hoff Pneus, Star Gesso e ainda de Cruz Alta a Construto-

O Brasil recebe o Vasco hoje às 16h30 no Estádio Bento Freitas, em Pelotas na inauguração da nova arquibancada pela 34ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Sem vencer há cinco jogos, o time pelotense precisa da vitória diante do vicelíder Vasco que tem 58 pontos. O Brasil é o 12º com 46 pontos.Na última partida semana passada, empate de 1 a 1 com o Joinville em Santa Catarina, o gol foi marcado pelo atacante Elias, ex-São Luiz. A rodada que abriu terça-feira com Londrina 0 x 0 Paysandu; e Luverdense 2 x 1 Criciúma tem mais estes jogos hoje: às 17h, Ceará x Tupi-MG; Sampaio Corrêa x Joinville; Atlético-GO x Goiás; às 17h30, CRB x Náutico; às 19h30, Avaí x Paraná; e às 21h, Bragantino x Oeste.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo,5 e 6 de novembro de 2016

18

RODOVIAS

Polícia alerta trânsito de máquinas Ainda na última terça-feira, Fábio André Botura, 37 anos, conduzia um trator na ERS-522, em Augusto Pestana, quando após uma colisão traseira acabou morrendo esmagado. A Polícia Rodoviária Estadual, unidade Cruz Alta, esteve em contato com a reportagem do Grupo JM e, além de lamentar mais uma vítima no trânsito da região, fez um alerta à comunidade no que diz respeito ao uso e trânsito de máquinas ao longo das rodovias. "Precisamos alertar que máquina agrícola não tem autorização e nem respaldo nosso para andar na rodovia. Salvo as exceções do motorista habilitada, no veículo deve conter todos os equipamentos e, dessa forma, se torna praticamente inviável. Gostaria de alertar a todos que tenham o máximo de cuidado. Máquinas agrícolas, a princípio, somente embarcadas nas rodovias e manter o máximo de atenção", enfatizou o sargento Luiz Peixoto, lotado junto ao comando rodoviário da Brigada Militar em Cruz Alta que auxiliou na ocorrência.

Embora a vítima estivesse habilitada, o PM voltou a reiterar a necessidade de cuidado por parte do condutor. "Mesmo habilitado, ele não poderia estar andando na rodovia", acrescentou. Segundo reiterado pelo sargento, para que o transporte do grão seja feito, é necessário um caminhão graneleiro com condutor devidamente habilitado. "Nós não temos autorização para autorizar. Veja bem. Nós não temos essa autonomia para autorizar essa situação. Em caso de flagrante da situação o veículo é retido e só sai após a baldeação da carga". Fábio, agricultor, fazia o percurso Jóia - Augusto Pestana conduzindo um trator que puxava uma carga de trigo. Um caminhão graneleiro com placa de Jóia percorria o mesmo sentido e ao fazer o movimento de ultrapassagem, chocou na traseira esquerda do reboque arremessando-o para fora da pista de rolamento. O condutor, com o impacto, caiu na rodovia e acabou sendo esmagado pelos veículos.

Denatran lança aplicativo que dá 40% de desconto No mesmo que dia em que comecaram a valer os novos valores de multas de trânsito, o Denatran lançou um aplicativo que oferece 40% de desconto para os infratores. O motorista que passar pela lombada eletrônica acima da velocidade vai receber o aviso pelo celular que foi multado. Essa é uma das funções do aplicativo lançado pelo Departamento Nacional de Trânsito. O motorista precisa baixar o aplicativo, colocar os dados pessoais e do veículo. Até o pagamento é feito pelo aplicativo. Quem aderir ao chamado Sistema Eletrônico de Notificação passa a ter um desconto de 40% na multa, se não recorrer e pagar até o vencimento. Antes, existia um desconto para multa em papel, mas era só de 20%. Dependendo da multa, veja só o que acontece: Antes do aumento desta terça-feira, quem andasse sem o cinto de segurança pagava R$ 127,69. Com o reajuste, foi para R$ 195,23. No caso do desconto de 40% pelo aplicativo, a multa cai para R$ 117,13. Dez reais a menos que o valor cobrado antes do aumento. Segundo o Denatran, a medida vai gerar economia. Além de estimular o motorista a pagar a multa mais rápido. “Essa questão do desconto

cmyk

tem dois aspectos: primeiro, modernizar. Até pelo meio ambiente, acabar com papel. As pessoas vão passar a receber as notificações eletrônicas pelo seu celular. Sem a dúvida se chegou em casa, pelos Correios, se não chegou. Muito mais econômico e online. Quando você aproxima o pagamento à sua infração, fica mais perceptível para a população. Mais educativo do que deixar para pagar no ano que vem, que fica parecendo imposto”, afirma Horácio Sousa, do Fórum dos Conselhos de Trânsito dos Estados.

Comando da PRE apela para que a população tenha cuidado

Estado ainda não aderiu ao sistema de descontos Estado não adere a sistema de descontos para pagamentos de multas por apps motoristas do Rio Grande do Sul estão alijados, pelo menos momentaneamente, de uma tecnologia que oferecerá 40% de desconto em multas caso sejam pagas por aplicativo de smartphone. O novo Sistema de Notificação Eletrônica (SNE) em aplicativo do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), que será lançado nesta terça-feira, vai beneficiar primeiro os condutores em Santa Catarina e Minas Gerais, onde os Departamentos estaduais de trânsito (Detrans) já aderiram ao sistema, ao contrário do Detran gaúcho. Quem cometer infração mas tiver o app instalado no celular pode ter acesso aos descontos. Isso ocorre porque não há necessidade de envio de boletos pelos Correios, o que reduz custos. Para garantir o abatimento do valor, o motorista precisa reconhecer a infração, sem apresentar recurso ou defesa prévia. Os 40% são abatidos em qualquer fase do processo, desde que o pagamento ocorra antes do vencimento.O sistema foi regulamentado em setembro pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran). O Ministério das Cidades informou que outros Detrans

e órgãos semelhantes "estão se adequando para adesão". Conforme a Assessoria de Imprensa do Detran-RS, o sistema que possibilitaria as notificações eletrônicas e novos sistemas para pagamento de multas ainda não foi disponibilizado ao órgão gaúcho pelo Denatran. A Assessoria informa que "já solicitou especificações técnicas ao Denatran, mas ainda não teve retorno, e dessa forma não há como aderir".O Denatran informa que a adesão deve ser solicitada pelos Detrans por meio de preenchimento de um formulário no site do SNE. As multas emitidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) também terão possibilidade de serem pagas pelo smartphone. O app estará disponível para Android e iOS, e poderá ser baixado na Google Play e na Apple Store. O sistema não prevê notificações via SMS ou e-mail. Com o aumento do valor das multas em mais de 50% que entra em vigor a partir de novembro, uma infração média, de R$ 130,16, pode ficar em R$ 78,10 com desconto no aplicativo. Na mesma linha, uma infração grave, que vai aumentar para R$ 195,23, pode ficar em R$ 117,14 com o abatimento.

Emater / Ascar

Programa Gestão Sustentável O Programa de Gestão Sustentável Agricultura Familiar, no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul foi instituído pelo Decreto Nº 53.052, de 02 de junho de 2016 e publicada no DOE em 03 de junho de 2016, sob a coordenação da SDR e executado de forma integrada à Política Estadual de Assistência Técnica e Extensão Rural no Estado do Rio Grande do Sul - PEATERS - e ao Programa Estadual de Assistência Técnica e Extensão Rural e Social no Estado do Rio Grande do Sul – PROATERS Programa vinculado ao PPA-2016/19 e monitorado no Acordo de Resultados na Sala de Governança da Secretaria - Geral de Governo (SGG). Seu objetivo geral é: Promover a Gestão e a Adequação Socioeconômica e Ambiental das Propriedades Rurais Familiares do RS. Para o desenvolvimento sustentável de uma propriedade e necessário: 1.Acordo interno na UPA sobre a necessidade de melhoramento com tecnologia. 2.Começar a organizar a UPA de forma gradual a partir das inovações de Custo Zero (ajuste tecnológico). 3.Incentivar a produtividade ou rendimento da terra, máquinas e animais (ao invés de adquirir outro animal ou máquina). 4.Administrar a UPA de forma eficiente com o objetivo de racionalizar os recursos nela disponível. 5.Diversificar a produção com o duplo propósito de reduzir a dependência de insumos externos e agregar valor (agroindústria). 6.Através da organização dos agricultores, reduzir os excessivos elos das cadeias de intermediação (cooperativas, associações...). Seus objetivos e metas são: Implantar Unidades de Referência; acompanhar a execução dos planos, através das ações de Assistência Técnica e Extensão Rural e Social (ATERS), construir indicadores de impactos . Indicadores econômicos: • Margem Bruta e líquida da Propriedade. *Renda Líquida por Unidade Trabalho Homem. *Capital imobilizado. *Diversificação da renda. *Grau de externalização. Indicadores Sociais: *Abastecimento d’água de qualidade para a família. *Produção de subsistência. *Renda não agrícola. *Mão de obra familiar disponível. *Acesso a bens e serviços (saúde, educação, internet...) Indicadores ambientais: *Área com práticas de conservação do solo. *Área com sistemas de integração lavoura pecuária e floresta. *Destinação das águas servidas, do esgoto cloacal e dejetos animais. *Coleta e separação do lixo. *Resultados esperados: *Aumento da Renda em pelo menos 20%. *Aumento da área com práticas conservacionistas em pelo menos 10%. *Acesso a bens, serviços e políticas públicas. Produção de pelo menos dez produtos para autoconsumo no estabelecimento


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

OPERAÇÃO ARGUS

PF desarticula grupo que trazia até 400kg de droga

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã de ontem a Operação Argus, de combate a uma rede de tráfico internacional que trazia drogas do Paraguai para o Rio Grande do Sul. O foco da investigação é uma organização criminosa responsável pela logística de transporte de cocaína e maconha adquiridas no Paraguai. Uma transportadora de fachada chegou a ser criada. Ela contratava caminhoneiros para realizar o transporte das cargas. A estimativa da Polícia Federal é que o grupo trazia até 400 quilos de cocaína e maconha por mês. A droga era trazida para sítios de Viamão. De lá, a distribuição ocorria principalmente para o Vale do Sinos e Vale do Taquari. As investigações iniciaram há aproximadamente um ano. Desde então, os policiais já apreenderam aproximadamente 850 quilos de cocaína e 400 quilos de maconha em 12 flagrantes que resultaram na prisão de 21 pessoas. Além das prisões, a PF solicitou o sequestro de 13 imóveis, 23 caminhões/carretas, 20 veículos e o bloqueio de contas de 27 pessoas. Segundo o chefe da Delegacia de Repressão a Entorpecentes da Polícia Federal, delegado Roger Soares Cardoso, o montante apreendido pode chegar a R$ 20 milhões. “Tão somente a prisão destes

PLANTÃO

AGENTES PENITENCIÁRIOS - Foi publicado no Diário Oficial do Estado ontem um decreto que autoriza o porte de arma para agentes penitenciários da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe). De acordo com a publicação, têm direito ao porte de arma os integrantes do quadro especial dos servidores penitenciários, em serviço. Os agentes ainda vão ter que ser do regime de dedicação exclusiva e apresentar laudos de capacitação técnica e psicológica. O presidente da Amapergs, Flávio Berneira, criticou o decreto, já que não contempla aposentados, agentes administrativos, técnicos e monitores. Já a Secretaria de Segurança Pública afirma que atendeu a legislação federal ao editar o decreto. A medida está inclusa em uma reivindicação antiga da categoria.

Trabalho foi desenvolvido por 350 agentes, e apreendeu carros de luxo

elementos, eles continuam no tráfico de drogas. O nível de reincidência é muito alto. Inclusive, várias pessoas que foram presas hoje já tinham sido presas anteriormente pela Polícia Federal. Então, um dos principais focos nossos é tirar os bens dessas pessoas, os valores, porque a movimentação financeira é que pode desarticular de fato essas organizações. Então, hoje, foram apreendidos entre R$ 15 e R$ 20 milhões em bens: 13 imóveis; 20 carros; 23 carretas e caminhões; e bloqueadas as contas de 27 pessoas. Acredito que com isso teremos mais êxito na desarticula-

ção criminosa” avalia o delegado. Cerca de 150 policiais federais cumpriram 24 mandados de prisão preventiva, 29 de busca e apreensão e cinco de condução coercitiva nos Estados do Rio Grande do Sul, Paraná, Mato Grosso do Sul e no Paraguai. No Rio Grande do Sul, foram cumpridos mandados em Porto Alegre, Viamão, Campo Bom, Novo Hamburgo, Gravataí e Santa Rosa. Na mitologia grega, Argus Panoptes foi um gigante de cem olhos que nunca dormia e que foi transformado em pavão pela deusa Hera.

Motoristas são assaltados em içamento de ponte

19

PC desarticula grupo que roubava carros em escolas A Polícia Civil prendeu na manhã de ontem um homem e uma mulher durante uma ação que visava desarticular uma quadrilha de roubo e clonagem de veículos em São Leopoldo, no Vale do Sinos, Região Metropolitana de Porto Alegre. O grupo, conforme a polícia, costumava realizar os roubos na proximidade de escolas, aproveitando o momento em que os pais buscam os filhos. “Com eles foram encontrados dois carros roubados e clonados, além de material utilizado para clonagem, placas frias e pinos para remarcar chassis”, disse o delegado Rodrigo Zucco, responsável pelas investigações. Além dois dois presos na manhã desta sexta, outras cinco pessoas suspeitas de integrar a quadrilha já haviam sido pre-

sas no final de outubro. “Eles aproveitavam o momento mais crítico, quando os pais estão com os filhos no carro, e a pessoa fica muito vulnerável, nem sonha em esboçar reação”, afirma Zucco. “Eles vendiam esses veículos para a prática de outros crimes ou para o transporte de drogas vindas de Foz do Iguaçu [no Paraná]”, explicou o delegado. O delegado alerta ainda a população para os riscos em momentos de embarque e desembarque de veículos, que é quando os bandidos costumam atacar as vítimas. “É sempre bom ficar atento para qualquer movimentação suspeita, não ficar parado dentro do carro. Ou que se dê uma volta na quadra ou que se espere dentro da escola, caso desconfie de alguma coisa”, diz o delegado.

Quadrilha presa é suspeita de ter matado PM no RS O Departamento de Investigações Criminais da Polícia Civil gaúcha está apurando se parte de uma quadrilha de assaltantes presa no Paraná integra o grupo que explodiu o Banrisul em Erval Grande, no Norte do Rio Grande do Sul. Bandidos mataram a tiros de fuzil o soldado da Brigada Militar João Marcelo Borges Desidério, 43 anos, durante a ofensiva criminosa do final do mês de outubro. A prisão ocorreu na tarde de quinta-feira no município de São Luiz do Purunã, no Paraná. O grupo era investigado pela polícia paranaense por ataques a terminais eletrônicos no Paraná e Santa Catarina. Foram apreendidos três fuzis 5.56, explosivos, munições, coletes balísticos, cinco pistolas, e equipamentos utilizados para explosões de

caixas eletrônicos. Segundo o delegado João Paulo de Abreu, do Deic gaúcho, duas pistolas apreendidas podem ter sido roubadas dos policiais militares que foram rendidos em Erval Grande. No entanto, só a análise da perícia vai confirmar se as armas são da Brigada Militar. Criminosos explodiram uma agência do Banrisul na cidade de Erval Grande, no Norte do Estado, na madrugada deste sábado. Na ação, que ocorreu por volta das 2h, os bandidos balearam e mataram João Marcelo Borges, sargento da Brigada Militar. A agência do Banrisul ficou totalmente destruída. O teto e as paredes do local desabaram. Ainda não há informações sobre a quantia de dinheiro levada pelos bandidos e a Polícia Civil segue investigando.

PRF fez buscas, mas até o fechamento da edição, ninguém foi preso

Motoristas que aguardavam a conclusão do içamento do vão móvel na Ponte do Guaíba, por volta das 14h de ontem, foram assaltados na BR-290. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um grupo de adolescentes abordou os condutores nos veículos, levando pertences e objetos pessoais das vítimas.

De acordo com testemunhas, os assaltantes não estavam armados. Após o fato, uma viatura da PRF que estava atendendo a outra ocorrência na BR-116 se deslocou para a Ponte do Guaíba. Os policiais realizaram buscas na região, mas até o fechamento da edição, ninguém havia sido preso.

Foram apreendidos três fuzis, explosivos, munições, coletes balísticos entre outros

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

29ºBPM

Comando anuncia volta dos PMs temporários O 29º Batalhão da Polícia Militar já aguarda um inesperado reforço. Conforme assegurado, o comando local deverá contar com o acréscimo dos policiais temporários, ausentes desde o final de fevereiro de 2016, quando o contrato com o Estado venceu e por (falta de) iniciativa do governo José Ivo Sartori, não foi renovado. A confirmação foi dada pelo comandante do (29ºBPM), major Edilson Góes. Dentro de uma crise sem precedentes na história do efetivo da Brigada Militar, qualquer sopro de reforço soa como bem-vindo. Ainda na semana passada, o Grupo JM esteve em contato com o major Góes que garantiu a informação a partir de um encontro realizado em Santa Maria, para tratar de questões envolvendo a segurança pública. "O que eu conversei pessoalmente com o subcomandante geral, é que ele me assegurou que nós seremos, de uma forma para repor de maneira imediata, é que teremos o reforço dos PMs temporários. Com o retorno deles, podemos

Jovem é preso suspeito de tráfico de drogas A Brigada Militar de Ijuí realizou a prisão de Mateus Henrique de Oliveira do Amaral, 18 anos, pelo delito de tráfico de drogas. O trabalho aconteceu ainda na madrugada de ontem a partir do serviço de patrulhamento ostensivo. Segundo revelado em nota pela Brigada Militar, Mateus Henrique foi preso pela guarnição do Pelotão de Operações Especiais há uns meses. Na ocasião, Mateus não havia completado 18 anos e dessa forma, foi apreendido como menor

infrator. Dessa vez, Mateus foi preso no Condomínio da Pedreira e ao ser revistado, foram encontradas 16 pedras de crack pesando 3,4g; uma bucha de maconha 2,6g; além de R$57 em espécie. Ele teve o flagrante lavrado pelo delegado plantonista e foi encaminhado até a Penitenciária Modulada onde, até as primeiras horas da tarde de ontem, permanecia recolhido. Mateus está à disposição do poder Judiciário.

Jovem foi flagrado em posse de droga e dinheiro

Mateus Henrique Oliveira do Amaral

Guarda externa é monitorada pela Brigada Militar e deve receber aporte

liberar alguns policiais militares e até mesmo pensar em reativar alguns trabalhos ou serviços", ressaltou o comandante. Questionado sobre o prazo exato para vinda, o major não soube precisar. A única certeza que há diz respeito a confirmação desse aporte. "Tão logo se libere para a formação desses PMs temporários, nós estaremos

divulgando", acrescenta. Ainda no início do ano, assim como todo o Estado, o comando local teve a perda dos policiais temporários, usados também para fazer guarda externa dos presídios. Em Ijuí foram 12 PMs a menos, o que trouxe um duro golpe no efetivo local, comprometendo serviços extras da BM, sobretudo, as políticas públicas.

PRF apreende mais meia "Sociedade é culpada", diz tonelada de maconha delegado sobre as drogas

Em intervalo de 24h, a região contabilizou duas grandes apreensões da droga

A Polícia Rodoviária Federal de Seberi apreendeu aproximadamente meia tonelada de maconha e recuperou um veículo clonado no início da tarde de ontem, na BR-386, em Lajeado. Por volta das 12h30, os agentes abordaram uma Fiat/Strada com placas de Morrinhos do Sul. Ao realizar vistoria no veículo, os policiais encontraram a maconha

O delegado Carlos Beuter, titular em Panambi e substituto em Palmeira das Missões, concedeu entrevista ao Grupo JM na tarde de ontem e falou sobre a apreensão recorde de maconha, registrada ainda na quinta-feira no município. Além de detalhar a apreensão de quinta-feira, exaltou o trabalho das forças policiais da região e ainda apontou a sociedade consumidora como a principal responsável pelas recentes apreensões. "Ao longo das abordagens se

constatou que todos eles eram do Paraná, inclusive o condutor da Captiva, já tinha antecedentes criminais. Certa vez foi flagrado em Carazinho transportando grande quantia também", pontuou. Ao longo desse 2016, só na região das forças policiais de Seberi e Sarandi, estima-se um total de aproximadamente 2 toneladas de maconha. "Enquanto houver a procura, seguiremos apreendendo drogas. A sociedade é a maior culpada", resumiu o delegado Beuter.

na carroceria. Em análise mais detalhada, descobriram ainda que se tratava de um veículo furtado em Canoas há pouco mais de um mês, e logo após clonado. O condutor tem 20 anos e é natural de Novo Hamburgo. Segundo ele, receberia R$ 2 mil para transportar a droga do Paraná para Caxias do Sul. O homem, que era reincidente, foi preso e recolhido ao presídio.

Trabalho resultante da união das polícias foi realizado na quinta-feira

cmyk

20

PLANTÃO

Veículo foi recuperado no Getúlio Vargas

EMBAIXO DA CÂMERA - Mais uma motocicleta foi furtada ontem, em Ijuí. Segundo repassado pela Brigada Militar, o veículo foi levado de uma posição que fica abaixo de uma câmera de monitoramento, localizada na esquina da Previdência Social. Poucas horas depois, no entanto, um comunicado levou uma guarnição a recolher o veículo no bairro Getúlio Vargas, onde um menor foi apontado como autor. Ele foi levado até a Delegacia de Polícia onde foi apresentado e liberado mediante presença de responsável. Caso será investigado.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

TRADICIONALISMO

Entidade comemora 42 anos de fundação em Ijuí

O CTG Laureano Medeiros completou 42 anos de existência, no mês de outubro, mas a comemoração acontece no dia 15, com um Costelão, a partir do meio-dia. “A partir das 6h já estará no fogo, e quem quiser prestigiar pela manhã pode ir porque o pessoal já estará lidando”, convida o patrão da entidade, Jamil de Souza."Para marcar este aniversário vamos fazer um evento diferente." O Laureano, que tem por lema O Rio Grande por Sinuelo e o Laureano por Abrigo, foi fundado em 19 de outubro de 1974, por um grupo de 24 idealizadores. Inicialmente, sem sede social, a patronagem reunia-se nas casas de seus membros ou em um pequeno galpão coberto de capim, localizado no terreno, em que hoje está construída a sede da entidade, na Rua Emilio Glitz, esquina com a rua Francisco Miron, 386. Bairro São Geraldo. Em 1976, foi inaugurado o galpão de alvenaria, com o primeiro baile animado pelo conjunto Os Serranos, tornando-se um marco do tradicionalismo. Jamil é um dos patrões de enti-

CTG comemora 42 anos com programação especial e participação das invernadas artísticas

dade mais jovem do Município, e assumiu o cargo em maio passado. "É diferente, mas gratificante, porque há o envolvimento com a cultura, ajudando as crianças, é uma família", resume o patrão.

O Laureano tem a invernada artística pré-mirim e mirim e a invernada campeira. Ingressos para o Costelão e Fandango podem ser adquiridos na entidade.

Apae trabalha em busca da excelência em serviço À frente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Marina Kuss avalia o período como importante no avanço dos convênios mantidos com o poder público, por meio do qual foram realizados alguns ajustes. Além disso, a partir da participação de empresas, instituições e da comunidade foi possível a execução de diversos projetos. “Conseguimos levantar recursos para equipamentos, para estrutura, mas não se consegue levantar recursos para mão de obra e, principalmente, para o pagamento de pessoal. Esse é o ponto mais negativo que temos, que é a dificuldade de recursos livres para fazer a gestão com mais tranquilidade na questão do pagamento de funcionários”, pondera Marina. Atualmente a Apae de Ijuí atende a 400 usuários, sendo 170 alunos da Escola Apae, e é composta por 60 funcionários, o que exige cautela na administração, e é considerada referência regional, mas caminha para ser excelência. “Temos dois projetos excelentes, com todo o trabalho de maketing, com a parte de projeção, desenho, o projeto em si pronto, inclusive com o material descritivo, para uma trilha ecológica, feita pelos alunos do curso de Design da

Campanhas inspiram a solidariedade O fim do ano se aproxima e com ele as campanhas de Natal que propagam a solidariedade. As iniciativas de duas empresas do município, têm como principal objetivo atender os pedidos das cartas escritas ao Papai Noel. Neste ano, a edição da Campanha Papai Noel dos Correios completa 27 anos e já está acontecendo. Desta vez, a ação será realizada com duas escolas de Ijuí que já foram selecionadas: a Escola Municipal João Gou-

lart, no bairro Pindorama, e a Escola Estadual Luiz Fogliatto, no bairro Luiz Fogliatto. Podem participar alunos que tenham até 10 anos, ou além desta idade, matriculadas no máximo até o 5º ano. Crianças com deficiência podem participar independentemente da idade. Segundo o gerente da agência dos Correios de Ijuí, Paulo Rogério Schneider, os educandários devem receber as cartas até dia 10 de novembro. Após este período elas serão enviadas para

PARTICIPAÇÃO DE FALECIMENTO E CONVITE PARA MISSA DE 7º DIA Os filhos, noras, netos e bisnetos de

JULIO MARTINS *17/07/1920 +27/10/2016

Ainda muito consternados com o seu falecimento, convidam para missa a ser celebrada hoje às 19 horas na Igreja Cristo Rei.

o cadastro nos Correios. Os padrinhos vão até a agência e escolhem uma carta para realizar a doação. Os correios encaminham os presentes para as escolas, que entregam para as crianças. Outra iniciativa solidária é a Campanha Um Sonho de Natal, realizada pela empresa Medianeira Transporte, há mais de 10 anos. Podem participar crianças de 6 a 10 anos que residem no município. Para isto, elas devem

21

escrever uma carta contando o que gostariam de ganhar no Natal e por quê. A carta deverá ser escrita à mão, pela própria criança. Podem ser enviadas pelo correio ou entregues para os cobradores nos ônibus. As cartas poderão ser enviadas até o dia 2 de dezembro e deverão conter a data de nascimento e o endereço completo das crianças. O valor máximo do sonho é de R$ 200,00.

AGRADECIMENTO E CONVITE PARA MISSA DE 7º DIA ALOYSIO RIVALDO SCHMITZ *24/08/1932 +29/10/2016

Esposa Ottilia, filhos, genro, noras, netos e bisnetos agradecem a dedicação e carinho dos médicos e toda equipe do hospital Unimed Ijuí,

A família antecipa o agradecimento aos que comparecerem.

ao Padre da Natividade e demais familiares e amigos que confortaram neste momento de dor. Convidam para missa a ser celebrada hoje às 19hs na Matriz da Natividade

Ijuí, 5 de novembro de 2016

Ijuí, 5 de novembro de 2016.

Marina Kuss

Unijuí”, relata a presidente da instituição. “Estamos fazendo a remodelação das salas do setor da clínica, tudo sugestões que os alunos estão trazendo, mas queremos caminhar na perspectiva de fazer essas remodelações caminhando para um serviço de excelência.” Ela destaca o trabalho realizado pela Apae no que tange à capacitação dos profissionais, para que o público possa ser assistido com o que existe de mais moderno em termos de recurso dentro da área da saúde, da educação e da reabilitação. "

PARTICIPAÇÃO DE FALECIMENTO E AGRADECIMENTO REGINA MACHADO *19/03/1935 29/10/2016 Esposa de Atilino conhecido Machadinho (in memoriam) Minha mãe, enquanto você viveu cultivou à sua volta tanto amor, tanta bondade e beleza que nem mil vidas poderão apagar a marca que você deixou. Eu também sou parte dessa marca, e sou o pedaço mais orgulhoso. Sinto muito a sua falta, do seu colo, das suas palavras sábias, do seu carinho e amparo. Mas hoje a dor da sua partida virou serena saudade, uma saudade que eu sei será eterna. Sei que tive muita sorte de ter tido você como mãe, de ter crescido e aprendido a viver pela mão de uma mulher tão fantástica quanto você, e por isso sinto gratidão. Amo você, hoje e para sempre, pois do meu coração você jamais partirá! Filho Jairo, nora Patricia, netos Stefani e Moroni, agradecem aos familiares e amigos que ajudaram neste momento difícil. Ijuí, 5 de novembro de 2016.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

AEDES AEGYPTI

Toda sexta será dia de combate

Hoje é dia de mutirão de limpeza no bairro Osvaldo Aranha. Organizada pelo líder comunitário, Aldair Cossetin, a ação estará concentrada na pracinha, que em função do tempo está precisando de uma revitalização. “Está precisando de roçadas, pintura de cordões, uma limpeza geral, porque a praça é um ponto de chegada, então cada pouco fazemos esses mutirões”, explica. No entanto, ele adianta que em breve será realizado um mutirão em todo o bairro visando arrecadação de vidros para destinação correta. “Recentemente realizamos um mutirão na área de aparelhos eletrônicos, onde juntamos quatro caixas deste material, e agora temos uma demanda de vidros também, que será agendado para este mês ainda”, conta Aldair. “É sempre um desafio para os moradores participarem conosco, porque a sede do nosso bairro não é pública, mas é da comunidade, então a responsabilidade é dos moradores de manter preservada para o uso.”

Além disso, a prefeitura realiza, na próxima segunda-feira, um mutirão de limpeza em locais com depósito de lixo clandestino e locais de risco indicados pelos agentes de saúde e agentes epidemiológicos. A ação está sendo coordenada pela Vigilância Ambiental, e integra as secretarias de Meio Ambiente (SMMA) e de Obras, Desenvolvimento Urbano e Trânsito (Smodutran), e conta com o apoio do Exército. Cerca de 20 pontos receberão o mutirão. Em âmbito nacional, algumas medidas foram anunciadas na última semana. O combate ao mosquito Aedes aegypti neste Verão contará com o esforço de oito Ministérios e da Casa Civil. O ministro da Saúde, Ricardo Barros, se reuniu na quinta-feira com o presidente Michel Temer e representantes das pastas para debater as ações integradas de todo o governo federal no enfrentamento à transmissão do Zika, Dengue e Chikungunya. O lançamento oficial da campanha deste ano será no dia 20 de

Mais de 40 casais participam do Clube Embora o parto seja o momento auge da espera por um filho, uma importante fase é o período gestacional. “Para um nascimento glorioso é preciso ter um pré-natal adequado”. A afirmação é da ginecologista e obstetra Nadia Maria Ceolin, que abordou o tema na abertura do 28º Clube da Gestante, promovido pela Unimed Noroeste/ RS. O primeiro encontro ocorreu na última quinta-feira. O acompanhamento da futura mãe e do bebê, bem como a realização de exames, são fundamentais para o desenvolvimen-

to de uma gestação e um parto mais seguros. Conforme a médica, este também é um período para estabelecer relação de confiança entre o casal e o obstetra. O módulo teve Oficina de Cuidado com as Mamas, orientada pelas enfermeiras Danieli Ciotti e Ananda Hoffmann. A atenção às mamas desde o início da gestação contribui para que a amamentação seja bem sucedida. Conhecer o mamilo e prepará-lo até o nascimento do bebê favorece para melhor pega do recém-nascido ao seio materno e para prevenção de fissuras.

Vigilância Ambiental tem pelo menos 20 pontos que receberão o mutirão, na segunda

novembro e, além do conhecido Dia D, quando há mobilização nacional em todo o País, serão realizadas ações para lembrar que toda sexta-feira é dia de eliminar focos do mosquito. Entre as ações que já estão previstas destacam-se uma mo-

bilização das escolas, leilão de carros apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal e pelo Detran e que servem de focos do mosquito, a participação das Forças Armadas na conscientização da população e eliminação dos criadouros do Aedes aegypti.

Espaços públicos passam por manutenção

Na Praça da República, os servidores fizeram a recolocação de areia

O departamento de Obras da Secretaria Municipal de Obras, Desenvolvimento Urbano e Trânsito (Smodutran) realizou, durante a última semana a manutenção de alguns dos principais espaços de lazer no município. Entre as ações realizadas, foi feito o reparo dos gramados na

Praça dos Imigrantes e, ontem, a praça do bairro Storch também recebeu as atividades. Além disso, foi realizada a recolocação de areia na pracinha infantil, da Praça da República De acordo com representantes do setor, na próxima segundafeira recomeçam as pinturas no asfalto da Avenida 21 de Abril.

SERVIÇOS

Primeiro encontro do Clube da Gestante, da Unimed, aconteceu na última quinta-feira

cmyk

COLETA SELETIVA - A coleta seletiva de resíduos recicláveis em Ijuí teve início em novembro de 2007, para a coleta e transporte de resíduos sólidos domésticos e de resíduos sólidos recicláveis. O material coletado pela empresa é encaminhado para associações de

catadores de materiais recicláveis (Acata; ARL6 e Galera da reciclagem), sendo esse material parte significativa de fonte de renda. OUVIDORIA - O atendimento ao público pela Ouvidoria do SUS é prestado pelo telefone 0800 6450 644.

22

Prof. Dr.

Argemiro Luis Brum Ceema/Dacec Unijuí

ECONOMIA MUNDIAL: AS INCERTEZAS CONTINUAM (I) Há um mês, mais precisamente no dia 4 de outubro passado, o Fundo Monetário Internacional (FMI) divulgou o seu tradicional relatório anual sobre a saúde e tendências da economia mundial. Ele está longe de tranquilizar! Pelo contrário, tal relatório, chamado de “Perspectivas Econômicas Mundiais”, traz um diagnóstico pessimista para o futuro próximo da economia internacional. Segundo ele, após um crescimento medíocre de apenas 3,1% em 2016, a economia mundial deverá crescer 3,4% em 2017. Porém, fatos novos podem impedir que mesmo esse modesto crescimento venha a acontecer no próximo ano. Isso porque os riscos de degradação econômica continuam superando as chances de melhoria. Pelo menos 15 pontos ou incertezas estariam rondando a economia mundial, com forte potencial de mantê-la no atual marasmo, iniciado quando da eclosão da crise econômicofinanceira de 2007/08. Ponto 1: temos as consequências da saída do Reino Unido da União Europeia, as quais ninguém conseguiu mensurar até o momento e que não deverão ser poucas. Ponto 2: os receios quanto aos efeitos da globalização em uma economia fragilizada aumentam. Eles levam os países a adotarem políticas protecionistas. Ora, reduzir o comércio mundial agrava e prolonga o marasmo atual da economia mundial. Ponto 3: a China se tornou uma interrogação. O país está buscando uma reequilibragem econômica visando reduzir sua dependência para com os investimentos e as exportações, em favor do consumo interno e dos serviços. Todavia, para obter sucesso nesse movimento, a China depende de muito crédito, dependência esta que aumenta perigosamente, alimentando o espectro de uma crise financeira. Ponto 4: há clara ameaça de um novo recuo no preço das matérias-primas, além da multiplicação dos atos terroristas, das guerras civis no Oriente ou na África, e mais as crises na saúde pública com a propagação do vírus da Zika e outras ameaças. Uma série de eventos que minam a confiança dos mercados, a demanda e a atividade econômica. Ponto 5: a economia dos EUA perdeu seu ímpeto. Diante da fraqueza nos investimentos e a alta do dólar, seus prognósticos de crescimento se desenham em drástica redução sobre o previsto anteriormente (PIB de 1,6% em 2016; e 2,2% em 2017). Ponto 6: por sua vez, a Zona Euro também recua em relação às projeções anteriores (após 2% em 2015, tem-se 1,7% em 2016 e 1,5% para 2017). Ponto 7: na Zona Euro tem-se ainda a demanda interna e o investimento que continuam insuficientes, além do envelhecimento demográfico e o enfraquecimento do crescimento da produtividade. (segue)


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 5 e 6 de novembro de 2016

23

Memória JM CARA OU COROA

Armindo Pydd

A CILADA DE 1988 **Nelson Marchesan Junior , prefeito eleito de POA, ainda como deputado federal em discurso na Câmara Federal falou sobre a Justiça do Trabalho e informou que ele em 2015 pagou benefícios aos que a procuraram no valor de 8 bilhões de reais. No mesmo período, no entanto, as despesas com seu funcionamento custaram 17 bilhões de reais. Não existe nada parecido no mundo. **São 3500 juízes, os desembargadores de 24 regiões e os membros Ministros do TST. A Justiça do Trabalho continua sendo uma das mais espetaculares extravagâncias brasileiras. Pode-se dizer que este sistema é uma conquista social. Só não pode se afirmar que um negócio destes funcione. (J.R. Guzzo -jornalista.) **Em 1988, através da Constituição, preparou-se uma cilada que funcionou. Foram colocadas muitas vantagens a servidores e aposentados. Os gastos eram na media 6% acima da inflação. Resultado, dobraram a carga tributária e a divida pública. FHC, Lula, Dilma presidiram o País. A cilada funcionou e jogou o país na situação dramática de hoje. Ironia da história. Os mesmos que com entusiasmo aprovaram a cilada em 88 agora estão às voltas com seu resultado. **Bispo Edir Macedo botou sua Igreja em mais de 100 países, tem a segunda maior rede de TV do país e 100 emissoras de rádio. Tem mais adeptos no exterior do que no Brasil. Ia construir 1 Templo de Salomão e fará 3. É extremamente profissional. (Antony Garotinho ao comentar que Crivela, genro de Macedo e eleito prefeito do RJ tem preparo.) **A Internet está atingindo 5 bilhões de pessoas no mundo. É muito mais do que qualquer tecnologia alcançou. Agora entra na terceira fase da revolução humana. um instrumento para substituir o cérebro. **Em 93 cidades com mais de 200 mil eleitores, o PT só elegeu prefeito de Rio Branco, Acre. **Leitor desta coluna manda carta (anônima) com elogios (obrigado) mas também discorda (muito bem), reclama da afirmação de que a ExpoIjui/Fenadi está entre as 5 melhores do Brasil. Preciso dizer que não se trata de tamanho, nem giro financeiro, nem público. É a particularidade de nossa feira com negócios, entretenimento e o diferencial das etnias.

Notícias de novembro de 1981

Seminário de planejamento familiar foi realizado O deputado Emídio Perondi, 1º secretário do Grupo de Parlamentares para Estudos de População e Desenvolvimento, abriu na Fonte Ijuí, o 1º Seminário Estadual de Lideranças Políticas para Debates sobre Planejamento Familiar, que contou com a participação de prefeitos, vereadores e demais autoridades. No início da exposição, foi mencio-

nado que a população brasileira de 120 milhões de habitantes, o grupo MaternoInfantil representa 70%. A necessidade de ampliar as medidas e serviços para a proteção da saúde materno-infantil seria uma das justificativas mais óbvias para a implantação de um Programa de Planejamento Familiar em escala nacional, que beneficie a todos.

A coleção completa do JM está disponível para pesquisa no Museu Antropológico Diretor Pestana

Encontro - A Escola de Enfermagem de Ijuí promoveu o 1º Encontro de Estudos, para estudantes de Enfermagem e Nutrição, professores e demais interessados. A programação foi iniciada com a palestra da enfermeira Clara Marques Colomé, sobre o Papel do Enfermeiro na estimulação psicomotora em crianças de zero a dois anos. Muita didática e habilidade nas exposições de Abel

Márcio falou na necessidade de mudanças

Casa de Saúde Cotrijui vai atender também trabalhador rural O ministro Jair Soares, da Previdência e Assistência Social, autorizou, em caráter excepcional, a Casa de Saúde Cotrijui, de Ijuí, a firmar convênio com o Inamps, para dar atendimento ao trabalhador rural. Comunicação nesse sentido foi enviada pelo ministro Jair Soares ao deputado federal Emídio Perondi, em Brasília, tendo o assessor do referido parlamentar, Élio Píccoli, transmitido essa importante notícia via telefone. Com isso, o trabalhador urbano poderá ampliar sua assistência atendendo aos trabalhadores rurais.

CONCURSOS Brigada Militar A Brigada Militar do Estado do Rio Grande do Sul, divulgou o edital DA/DRESA nº SVCT 01 - 2016/2017 de processo seletivo, visando a contratação de 600 Salva Vidas Civis Temporários, que serão con-

Sede - Com o desmembramento da região L-12 de Cruz Alta, foi criada a região 23 da Cohab-RS, com sede em Ijuí. A comunicação nesse sentido foi feita pelo secretário estadual do Trabalho e Ação Social, deputado Augusto Trein, ao prefeito municipal Wilson Mânica. A nova delegacia regional da Cohab-RS, em Ijuí, tem jurisdição sobre os municípios de Catuípe, Ajuricaba, Augusto Pestana, Condor e Panambi, continuando sob direção de Ary Thomé da Cruz. Eleitores - Há um ano das eleições, a 23ª Zona Eleitoral, que abrange os municípios de Ijuí, Ajuricaba e Augusto Pestana, tem inscrito um total de 44.853 eleitores. Segundo dados colhidos junto ao Cartório Eleitoral, o município de Ijuí tem um total de 34.713 eleitores, dos quais 19.198 são do sexo masculino e 15.515 do sexo feminino.

tratados para atuar nos meses de janeiro, fevereiro e março de 2017. As inscrições serão realizadas até o dia 10 de novembro de 2016, por meio do endereço eletrônico da Brigada RS - www.brigadamilitar. rs.gov.br. No ato da inscrição, o candidato deve optar se deseja atuar em águas de mar ou águas internas. Prefeitura de Venâncio Aires A Prefeitura de Venâncio Aires abre concurso público (nº 001/2016), destinado a selecionar pessoal de níveis de escolaridade fundamental, médio/técnico e superior, para a ocupação de 42 vagas imediatas, sob o regime jurídico estatutário. As

inscrições devem ser feitas no período de 10 de novembro de 2016, pela internet, no endereço eletrônico: www.sawabonaconcursos.com.br. O valor da taxa de inscrição vai de R$ 60,00 a R$ 180,00. Os inscritos serão submetidos à prova escrita objetiva, prática e análise de títulos, conforme o cargo pretendido. A realização da prova objetiva está prevista para ser aplicada no dia 15 de janeiro de 2017, em local e horário a serem oportunamente divulgados. A validade do concurso público será de dois anos, a contar da data de homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período.

cmyk


WWW.JMIJUI.COM.BR

ESCOLAS DO CAMPO

OPERAÇÃO TAPA-BURACOS

Aulas nas escolas do interior envolvem práticas ligadas à ecologia, sustentabilidade, aproximação das propriedades rurais e cuidado ao meio ambiente | 7

Moradores reclamam da falta de atenção do poder público em relação aos buracos que tomam conta das vias | 12

Crianças aprendem a importância do respeito no trânsito Psicopedagoga da Coordenadoria de Trânsito, Camila Eickhoff destaca a importância de abordar o tema ainda em sala de aula. | 10

Grêmio decidirá a Copa do Brasil em casa dia 30

Primeiro jogo da final contra o Atlético-MG será dia 23, em Belo Horizonte. Arena terá sua primeira decisão de título. Sorteio dos mandos ocorreu ontem, na CBF. | 17

EDITORIAL | 6 As pessoas não pensam no lixo como uma responsabilidade sua. Quando um indivíduo decide construir uma casa, por exemplo.

cmyk

Sitepaginas  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you