Page 1

WWW.JMIJUI.COM.BR

Ijuí, Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

Megaoperação deixa 36 presos na região

Ano 43 - Nº 324

R$ 3,00

Valdir quer reestruturar a garagem municipal Entrevistado no Palanque JM, Valdir Heck destaca que a estrutura da garagem será prioridade. | 15

Projetos geram polêmica na educação Profissionais da área defendem que Escola Sem Partido é contra debates sociais nas escolas. | 12 e 13

Empresários aderem ao combate à Dengue A partir de outubro, cada empresa terá um funcionário responsável por verificar focos do mosquito. | 4

Ministério Público e Brigada Militar deflagraram a Operação Dominó contra o tráfico de drogas. Em Ijuí, oito pessoas foram presas | 20

cmyk


RADAR FIES- As inscrições para as vagas remanescentes da edição do segundo semestre do Financiamento Estudantil (Fies) 2016 começam a partir desta segunda-feira e devem ser feitas na página do FiesSeleção na internet. Os prazos variam de acordo com a condição do estudante. O edital foi publicado no Diário Oficial da União de ontem. Para o estudante não graduado que tenha sido pré-selecionado na seleção regular do Fies e não tenha firmado o contrato de financiamento, o período de inscrição vai entre 22 a 28 de agosto. Para o graduado, o prazo vai entre 26 e 28 de agosto. Já para estudante não graduado que se inscrever para uma vaga remanescente em curso de instituição de educação superior em que não está matriculado, o período varia de 29 de agosto a 5 de setembro. Para o graduado, o prazo é de 2 de setembro a 5 de setembro. CAMPANHA - A Campanha do Agasalho encerra ainda neste mês. O local que está recebendo as roupas dos pontos de coleta do município é a Secretaria de Desenvolvimento Social, que após o recebimento das roupas, realiza a seleção e a contagem. As pessoas que estão precisando de agasalhos podem se dirigir à secretaria, onde existe uma sala específica onde ficam todas as doações. Após a escolha das roupas, as pessoas fazem um cadastro, onde colocam seus dados, bairro onde residem e também quantas roupas retiraram, para que assim a Campanha do Agasalho se torne mais organizada, e continue cumprindo seu papel, de aquecer quem precisa. ALTERAÇÕES - Ontem, a Coordenadoria de Trânsito de Ijuí (CT) informou que estará modificando a sinalização de uma parte do estacionamento de fronte ao Cacon, na rua João Perondi. A mudança se dará devido a necessidade de implantação de maior quantidade de vagas de estacionamento para ambulâncias, que transportam pacientes de toda a região. Desta forma, serão removidas todas as vagas de 30 minutos lá existentes, ampliando as vagas para ambulâncias, sendo que elas poderão estacionar pelo tempo máximo de 15 minutos, para que haja rotatividade nas vagas. SEMINÁRIO INTERNACIONAL - O Seminário Internacional de Administração e Cooperativismo teve o encerramento da sua programação na noite de quinta-feira, dia 18, na Unijuí Campus Santa Rosa. Na oportunidade estiveram participando lideranças cooperativistas de Santa Rosa e do Paraguai, colaboradores e associados de cooperativas, professores, acadêmicos, egressos e demais convidados. FEIRA DE ECONOMIA - Aconteceu, na última quarta-feira, na Incubadora da Unijuí, a reunião mensal da Associação de Coletivos Diversificados de Trabalhadores de Economia Solidária de Ijuí. O principal ponto da pauta foi a apresentação de sete novas sócias que farão parte da Feconsol e já participarão da próxima Feira. A Feira de Economia Solidária acontece em Ijuí desde 2003 a Feconsol proporciona um espaço de comercialização e de formação. Semestralmente os associados participam de encontros e atividades de formação voltadas para a economia solidária, cooperativismo, associativismo, autogestão, liderança, técnicas de vendas e formação de preço.

cmyk

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

2

OLHO DA RUA INDICADORES Poupança 19.8.2016 .......................0,7412 % Ouro 19.8.2016....................... R$ 137,70 (gr) Dolar Comercial (compra) .......... R$ 3,22056 Dolar Comercial (venda) ............. R$ 3,2061 Dolar turismo (compra) ............... R$ 3,1500 Dolar turismo (venda) ................... R$ 3,3500 Euro (compra) .............................. R$ 3,6310 Euro (venda) ................................. R$ 3,6317 IPC/FIPE Jul/ /2016 ..............................0,35% IGPM Jul/2016 .................................... 0,18% INPC/IBGE Jul/2016 .............................0,64% IPCA Jul/2016 ......................................0,52% IGP-DI-FGV Jul/2016 .......................... -0,39% UPF/RS 2016.................................. R$ 17,144 *valores acima de R$ 300,00

No universo particular infantil, a diversão é o carro-chefe de uma vida saudável. Na Escola Professor Pardal, as crianças brincam na pracinha, que mesmo na era digital, não perdeu o seu encanto e ainda é garantia de muita folia para os pequenos.

ENTRE ASPAS "A lei da ficha limpa é malfeita e parece ter sido elaborada por bêbados. Foi feita de afogadilho e os autores da legislação quiseram brincar de Deus", disse o presidente do Tribunal Superior Eleitoral e ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes. "O mico do ano, o mico olímpico da década. Tentaram colar uma mentira que trazia prejuízos à imagem do Rio e dos jogos", disse o diretor-executivo de comunicação da Rio 2016, Mário Andrada, que criticou a postura dos nadadores norte-americanos que denunciaram falso assalto no Rio de Janeiro. "O estado está garantindo o encaminhamento do Plano de Segurança Pública anunciado pelo governador Sartori, e esse esforço precisa ser permanente", disse o vice-governador José Paulo Cairoli, durante anúncio de convocação de BMs, enquanto ainda assumia o cargo de governador interino. "Vou jogar contra o Brasil, não vou jogar contra o Neymar", disse o técnico da Alemanha, Hurst Hrubesch, atacante do Hamburgo e do Borussia Dortmund entre os anos 1970 e 80 e da seleção. "Segurança absoluta", qualificou o presidente interino, Michel Temer, sobre as Olimpíadas. "As mudanças que estamos fazendo vão tornar o Rio Grande do Sul mais moderno, sustentável e com serviços qualificados. É assim que vamos buscar novos empreendedores", disse o governador José Ivo Sartori

LOTERIAS NÚMEROS EXTRA-OFICIAIS

1º 2º 3º 4º 5º

-

1.285 3.563 8.553 5.831 4.111

LOTOFÁCIL CONCURSO nº

03 04 05 08 09 10 11 12 13 15 16 17 21 23 25 QUINA

CONCURSO nº

4162

18 31 51 55 69 PREVISÃO DO TEMPO Fonte: Climatempo

Getúlio

1403


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

3

EMPREENDEDORISMO

Jovem transforma lazer em trabalho Algumas pessoas reclamam da crise econômica, outras aproveitam esse momento para abrir um negócio, empreender e ser dono da seu próprio negócio. Esse é o caso da já formada em Administração, Jéssica Metzdorf. A jovem possui um Ateliê de Costura em Ijuí e afirma que foi uma das melhores decisões da sua vida. "Eu sempre tive um perfil de empreendedora e atualmente possuo uma microempresa de costura. Então eu posso dizer que transformei um hobby, coisa que eu sempre amei fazer, em um trabalho rentável", conta. Sobre como ela iniciou, e a sua vontade de empreender, a jovem comenta que desde a faculdade que manifestou essa vontade, por não se encaixar nas empresas que trabalhava. "Eu comecei a empreender ainda no curso, pois não me encaixava nas empresas que trabalhava como colaboradora no comércio, percebia que aquilo não era para mim, foi aí que eu percebi uma oportunidade e comecei", explica Jéssica. Praticamente quatro em cada dez brasileiros adultos já possuem um negócio ou estão envolvidos com a criação de uma empresa. Este é o dado revelado pela mais recente pesquisa GEM (Global Entrepreneurship Monitor), realizada em 2015 e patrocinada pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) no Brasil. No ano passado, a taxa de

Jéssica Metzdorf

empreendedorismo no País foi de 39,3% segundo o estudo, o maior índice dos últimos 14 anos, e quase o dobro do registrado em 2002, quando era de 20,9%. Em relação à sua empresa, Jéssica ressalta o período do ano, que contribui para que o seu negócio cresça. "Como atuo no ramo da costura, essa fase é boa, pois têm formaturas e eventos na cidade que também colaboram, mas o que realmente faz diferença para mim são as competências que eu consegui desenvolver ao longo da minha graduação, pois o mercado pode estar bom, mas se não temos conhecimento, nada funciona", finaliza.

Troca de produtos sem defeito não é obrigatória

Quase tão tradicional quanto o costume de dar presentes no Natal é a corrida às lojas para a troca dos produtos que não agradaram no primeiro dia útil após o feriado. Roupas que ficaram apertadas, acessórios de gosto duvidoso, sapatos de uma cor que não combina com nada. Mesmo sendo prática comum, os lojistas não são obrigados por lei a substituir mercadorias sem defeito. Segundo a advogada especialista em Direito do Consumidor, Daniela Klimiuk, a troca de produtos é somente um ato de gentileza do fornecedor. "Percebemos isso em épocas festivas, onde é bastante comum a troca de presentes, as lojas são invadidas por consumidores com os presentes que ganharam em tamanho errado, cor que não gostaram.

Porém, não existe obrigação e sim é uma mera gentileza da loja e como forma de fidelizar o consumidor", explica a advogada. Sobre compras pela internet, a advogada explica que existe um prazo de sete dias. "As lojas físicas que vendem pela internet disponibilizam aos clientes esse prazo de sete dias para trocas em caso de tamanho errado em roupas, ou problemas gerais", comenta. A advogada ainda acrescenta que na hora da troca, é necessário possuir a nota fiscal da compra. "Para evitar constrangimento na hora de tentar trocar um produto, o consumidor deve verificar se há possibilidade de troca antes mesmo de adquirir a mercadoria. Então, quando for realizar a troca, precisa portar a nota fiscal", finaliza.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

AÇÕES PREVENTIVAS

Classe empresarial adere ao combate à Dengue A partir do mês de outubro, os empresários ijuienses integrarão as ações de combate à Dengue. A 17ª Coordenadoria Regional de Saúde está mobilizando lideranças comunitárias, empresariais, políticas e a sociedade em geral para intensificar o combate ao mosquito Aedes aegypti. De acordo com a titular da pasta, Silvia Ceccato, o Comitê Intersetorial do Município está planejando uma série de ações a serem implementadas antes da chegada do verão. Uma dessas ações envolveu a Associação Comercial e Industrial (ACI) de Ijuí e os empresários foram convidados a pensar em uma estratégia para contribuir no combate à Dengue. A proposta apresentada pela 17ª CRS foi de que, a partir de outubro, cada empresa tenha um funcionário com a função de verificar os possíveis depósitos de água e que poderão ser foco para o Aedes aegypti. “Foi acolhida pela classe empresarial, que ajudará a combater a

cmyk

Dengue nessas estruturas, porque os agentes epidemiológicos não estão dando contra sozinhos desse serviço”, alerta Silvia. Segundo a coordenadora, é possível dizer que Ijuí teve um surto de Dengue no verão passado, com 353 casos confirmados, uma vez que comparado esse índice a Porto Alegre, proporcionalmente, considerando o número de habitantes, será a mesma quantidade. “Isso implica dizer que desde 2010, quando tivemos mais de três mil casos de Dengue, a gente é, sim, o lugar com maior propensão, em função de ter o vetor aqui na cidade, e também pela mobilidade de outras regiões também infestadas que acessam Ijuí em razão de saúde, o Hospital de Caridade de Ijuí (HCI) tem abrangência em mais de 120 municípios”, conclui. O Procon RS informa que os valores cobrados pelas doses da vacina da Dengue, conforme divulgado pela Anvisa, não podem passar de R$132,76 a R$138,53.

4

Clube de Mães é espaço de lazer para mulheres Uma mãe não é apenas uma simples dona de casa, isto todo mundo bem sabe. A mãe trabalha, vai a luta, tem as responsabilidades que lhe cabem na vida, mas a mãe, este doce ser que nos guia em todos os momentos de alegria ou tristeza também cria, inventa, usa a imaginação e produz belas artes, sobretudo em pano e linha. A fim de compartilhar ideias e, as vezes, até materiais, as mães do Clube de Mães do bairro Assis Brasil se reúnem. Segundo a

vice-presidente do clube do bairro Assis Brasil, Evanir Brut, são diversas atividades que elas desempenham. "Nos encontramos todas as semanas para realizar atividades de pintura em panos de prato, crochê, tricô, além de trabalharmos com os materiais que recebemos do gabinete da primeira-dama", ressalta. A vice-presidente Evanir ainda acrescenta que o Clube de Mães é um espaço de lazer, para "soltar a imaginação" e conversar com as amigas e conhecidas.

Silvia Ceccato

Somado ao valor da dose, podem ser cobrados: o preço de armazenamento e também a aplicação do produto. Esses valores devem ser levados em consideração pelo consumidor, uma vez que são itens que apresentam variação nos seus valores.

As mulheres do clube do bairro Assis Brasil desenvolvem atividades durante todo o ano


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

5

REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL

Projeto completa um ano cercado de polêmica Há um ano e um dia, mais precisamente, foi aprovada em segundo turno a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que reduz maioridade penal de 18 para 16 anos no caso de crimes de homicídio doloso, lesão corporal seguida de morte e crimes hediondos, como o estupro. O texto, à época, seguiu para o Senado, onde tramita desde então. Recheado de polêmica e com o adendo de aparentar cunho político, a medida está longe da aprovação. Primeiro, e naturalmente, pelo excesso de burocracia envolvido nos corredores do Congresso; e segundo e principal por dividir opiniões. O debate, inclusive, ajuda a entender o quão demorado pode ser o período de adaptabilidade do tema. No último dia 18 de maio, o relator da proposta, Ricardo Ferraço (PSDB-ES) apresentou seu parecer, no qual sugere que caberá ao promotor pedir ao juiz que o adolescente infrator, com idade entre 16 e 18 anos, possa ou não ser julgado como adulto, de acordo com cada caso. Ferraço defende a redução da maioridade penal, inclusive. No projeto aprovado pela Câmara, os deputados reduziram de 18 para 16 anos a maioridade penal para crimes hediondos, homicídio doloso e lesão corporal seguida de morte. Nesta primeira proposta, a re-

dução valeria para qualquer adolescente. Já na proposta de Ferraço, um juiz que atue nas áreas de infância e adolescência deveria assumir o caso para decidir como será o julgamento no caso específico. Em sua decisão, o juiz deve levar em conta a "capacidade do agente de compreender o caráter criminoso de sua conduta", usando como critérios o histórico familiar, social, cultural e econômico do adolescente, além de seus antecedentes de infrações. Ainda ontem, o Grupo JM esteve em contato com a promotora da Infância e da Juventude em Ijuí, Marlise Bortoluzzi, que revelou que além de ser contra a proposta, lembrou que a discussão é muito mais ampla. "O que eu acredito que deve mudar é o prazo de internação. Isso sim eu acho que traria um grande avanço para os atos infracionais mais graves. Eu não acho que tratando o adolescente como maior de idade vai resolver o problema. Daqui a pouco estaremos diminuindo a maioridade penal para 14 anos porque os de 14 ou 15 também cometem atos graves", pontuou Marlise que ainda acrescentou: "Porque diminuir a maioridade se temos outras opções para resolver essa questão? Os adolescentes são pessoas em desenvolvimento e que merecem a proteção do Estado como manda a Constituição Federal e o Estatuto da Criança

e do Adolescente. Não vejo isso (a redução) como a melhor hipótese". A promotora também falou do tema em âmbito estadual. Questionada sobre a efetividade da Fundação de Atendimento Sócio Educativa (Fase), lembrou a necessidade de melhorias. "As Fases deveriam ser remodeladas. Elas deveriam exercer um poder de recuperação desse adolescente. As formas como as Fases vêm se portando também deveriam ser repensadas. Assim como as Penitenciárias, quando se priva a liberdade, tem que se pensar nessa reinserção, e o nosso sistema prisional não está cumprindo esse papel. A privação de liberdade é indispensável em algumas situações. Cabe ao Estado proporcionar um bom cumprimento desta pena ou desta medida socioeducativa da privação de liberdade. Só remodelando as fases e os presídios é que vai se alcançar isso. O que a gente quer, na verdade, é resolver a problema da forma mais simples possível, que é diminuindo a maioridade penal", completou a promotora. Por fim, muito mais que o necessário papel no Estado, é preciso a garantia da sociedade como um todo. "Na verdade o que a gente tem que ter em mente não é que não é o Estado que vai recuperar o jovem sozinho. É necessário que ele tenha todo um suporte familiar por trás", lembrou a

Marlise Bortoluzzi, promotora da Infância e da Juventude

promotora Marlise. Se aprovado na CCJ do Senado, o projeto precisa passar pela análise do plenário em dois turnos. Para ser aprovado, são necessários pelo menos 49 votos. Caso o relatório de Ferraço seja aprovado pelo Senado, devido às alterações, a proposta teria que voltar para a Câmara. Se o Senado, entretanto, optar por manter o texto original da Câmara, a redução da maioridade penal dependeria apenas da promulgação do Congresso Nacional para entrar em vigor.

cmyk


Jornal da Manhã

OPINIÃO

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

FICHA LIMPA

ENTREVISTA

A

lei da Ficha Limpa, criada para impedir que pessoas condenadas por crimes se mantenham na vida pública impunemente, continua gerando polêmica. Causou surpresa e estranhamento a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que tirou força dos tribunais de contas e enfraqueceu a abrangência da Lei da Ficha Limpa. Ao menos 4.849 políticos que tentam concorrer nas eleições municipais deste ano no País podem ter os registros de candidatura impugnados por serem considerados ficha-suja perante a Justiça Eleitoral. A 45 dias das eleições municipais, declarações do ministro Gilmar Mendes, do STF, atual presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a Lei da Ficha Limpa tiveram repercussão imediata. Para o ministro, a Lei da Ficha Limpa parece ter sido “feita por bêbados”. Além de criticar a lei criada para estabelecer critérios sobre quem pode e quem não pode concorrer a cargos públicos, É preciso decidir se Mendes defende a queremos mudar de tese de que é precipatamar ético ou so aperfeiçoar essa deixar tudo como lei não apenas com está. A reforma críticas e sugestões, política que precimas também com samos, necessariaprojetos de lei no mente, passará pelo Congresso. O maCongresso, mas gistrado diz que lei caberá à sociedade elaborada sobrecarcivil, assim como rega o Judiciário e fez para criar a Lei que o TSE, tribunal da Ficha Limpa, que preside, está usar seus mecanistentando fazer uma mos de pressão. interpretação construtiva dessa lei. O STF decidiu que cabe às casas legislativas dar a palavra final sobre as contas de candidatos. Assim, políticos que tiveram suas contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas local poderão concorrer nas próximas eleições caso elas não tenham sido rejeitadas pelas Câmaras municipais. A OAB entrou também neste debate, após as polêmicas declarações do ministro Gilmar Mendes, mas o momento não requer mais um bate-boca, mas sim sugestões para corrigir os defeitos da “lei torta”. Depois da polêmica declaração do ministro Gilmar Mendes sobre a Lei da Ficha Limpa, o Congresso e o próprio Judiciário têm o dever de contribuir com mais sensatez para o aperfeiçoamento das 10 medidas de combate à corrupção, propostas pelo Ministério Público Federal. O Brasil atravessa uma grave crise de natureza política, originada numa avalanche de denúncias de corrupção e malfeitos que tiveram como protagonistas agentes políticos dos mais variados escalões. É preciso decidir se queremos mudar de patamar ético ou deixar tudo como está. A reforma política que precisamos, necessariamente, passará pelo Congresso, mas caberá à sociedade civil, assim como fez para criar a Lei da Ficha Limpa usar seus mecanismos de pressão para forçar as mudanças. A política precisa ser um território que atraia cada vez mais cidadãos honestos e bem-intencionados.

Jornal da Manhã GRÁFICA E EDITORAJORNALÍSTICA SENTINELA LTDA. CNPJ: 87.657.854/0001-23

Fundado em 1º de Maio de 1973

Depois de três anos aguardando o julgamento dos acusados da boate Kiss, agora os quatro acusados serão julgados. Como o senhor acredita que o Direito Penal age nessa questão? O Direito Penal fracassou. Isso foi algo que o tempo me ensinou. Há alguns dias se falava sobre o sistema prisional, isso é algo que não existe. Eu, aqui em Ijuí, adotei o seguinte princípio: ajuizei a ação civil contra o Estado, que por seus órgãos permitiu que a boate Kiss funcionasse completamente fora dos padrões legais, isso inclui o Corpo de Bombeiros, e contra o Município de Santa Maria. Acredito que no Brasil a única justiça que se pode fazer é mexer no bolso do cidadão, porque a maior parte das pessoas que deveria estar na cadeia estão comandando o país. Sempre aprendi (com meus pais) que o exemplo vem de cima e esse exemplo que temos é o pior possível. A que se deve essa falta de acreditação com a Justiça brasileira? Quero dizer que, na década de 80, quando o doutor Vetoreti estava nascendo, eu fazia uma pós-graduação em penitenciaríssimo no Instituto Blanc, na Alemanha, e, vejo aqui que a pessoa completou 1 sexto da pena e tem direito de sair em liberdade. Na Alemanha, não é o juiz que diz se o prezo pode sair para serviço externo, é um psicólogo ou psiquiatra. Então, não posso deixar de criticar o poder público e isso se falou muito bem, quando se coloca na rua uma pessoa que não passou por uma análise de condições. Há casos em que ele passou três ou quatro anos onde se diz ‘a escola normal da criminalidade’. Acompanhei a inauguração do presídio central e ele foi construído para que existisse uma habitabilidade carcerária de 400 presos, já estava com 300 quando inaugurou. Hoje, está com 5.200. O que essas pessoas fazem lá? Por que estão aqui? Eles respondem com o código penal que colocou ali. Eles sabem o código penal de cima abaixo. Por isso, sempre digo, as ciências sociais fracassaram no combate à criminalidade. O que se pode fazer para tentar consertar essa situação? Como se pode corrigir isso a médio e longo prazo? Em primeiro lugar, o combate à criminalidade é muito mal feito no Brasil, em qualquer pais civilizado se combate à criminalidade com a presença da polícia na rua. A polícia civil na Europa, por exemplo, é fardada. A farda afasta o delinquente. Estamos em um ponto tal que, no dia dos pais, em uma cidade próxima de Porto Alegre, invadiram a delegacia, porque os policiais foram atender uma ocorrência e os bandidos tomaram conta. Não é raro se ouvir dizer que foi furtado um carro da polícia, tanto da civil como militar. Nós não nos preocupamos com coisas essenciais, que se chama civilização. Enquanto não tivermos um ensino que crie condições ao indivíduo se adaptar à situação de brasileiro, não vamos melhorar o País. Como a educação básica, no ensino regular, pode auxiliar na construção de um conceito de civilidade na sociedade? O senhor acredita que isso pode ser

Diretor: Edmundo H. Pochmann Editora: Jocelaine Simão redacao@jornaldamanhaijui.com

Rua Albino Brendler, 122 Centro - 98700-000 IJUÍ/RS Cx. Postal 518 - (55)3331-0300

cmyk

6

Jornal da Manhã: (55) 3331-0300 atendimento@jornaldamanhaijui.com Rádio JM: (55) 3331-0301 radio@jornaldamanhaijui.com

Amadeu de Almeida Weinmann Advogado e representante do Núcleo Missões de Vítimas da boate Kiss possível? Devo dizer que os últimos ministros de Educação, criaram um interesse de abordar em aula coisas que, no meu tempo se aprendia em casa. Como sexualidade, como diversidade, homo afetividade. Isso não é para a escola, a escola precisa formar caráter e cultura. Nós não vemos esse interesse. Quando frequentava a escola, aprendíamos latim, inglês, francês, história, geografia...hoje não existe nada disso. Hoje as pessoas aprendem aritmética, que vem um computador ou máquina de calcular. Não existe mais aquela formação que implique no desenvolvimento cerebral. Nós tínhamos que saber a tabuada de cor. Tínhamos que aprender civilidade e patriotismo. Me lembro do orgulho que desfilava na Semana da Pátria. Como o senhor percebe que o ensino jurídico, nas universidades, e o ensino de civilidade, nas escolas regulares poderia influenciar ou, ainda, melhorar o futuro da população? Estamos desenvolvendo um estudo sobre o ensino jurídico no Brasil. É algo surpreendente. Quando ingressei na faculdade eram apenas quatro em todo o Estado. Hoje são 300. Em qualquer lugar tem um câmpus. Então, não adianta querer combater a criminalidade com o direito penal. O que mais chama a atenção quando se compra um jornal? Situações de criminalidade. Não há uma formação educacional de que as pessoas vejam o futuro educacional do País. Enquanto não retroagirmos em questões educacionais, o País e a criminalidade seguirão impunes.

Representantes Comerciais: Grupo de Diários

Impressão em Off-Set Rotativa Cia de Arte CNPJ 92.107.978/0001-75 Rua Albino Brendler, 146 - IJUÍ/RS (55) 3331-0318 | 3331-0320 (após às 18h)

www.jmijui.com.br

ciadearte@jornaldamanhaijui.com

ASSINATuRAS E CIRCuLAÇÃO: (55) 3331-0315 | 3331-0316 3331-0317 Semestral: R$ 200,00 Anual: R$ 400,00 Correio: R$ 400,00 (semestral); R$ 800,00 (anual)


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

INOVAÇÃO E TECNOLOGIA

Áreas são fundamentais para o desenvolvimento O reitor da Unijuí e presidente do Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung), integrou, nessa semana, a comitiva oficial da Missão Governamental e Empresarial Gaúcha à Argentina. De acordo com o reitor, Martinho Kelm, existem duas perspectivas que podem ser adotadas a partir dos encontros: primeiro de todas, as relações que são estabelecidas quando a Unijuí é convidada a participar da Missão. A segunda são os contatos que se estabelecem junto ao País vizinho. “Nesse sentido, a área acadêmica estava representada por três entidades e, os encontros, visam buscar a questão da inovação tecnológica, de pequenas e médias empresas, bem como compartilhamento de experiências, se buscou alternativas de parcerias entre as entidades e universida-

des argentinas”, destaca. Na área da educação, o reitor acredita que o grande potencial das universidades é potencializar as estruturas de incubadoras tecnológicas e parques de inovação. “Nesse sentido, acredito que já estamos conseguindo avançar, entendo que o primeiro passo serão ações a partir da rede de incubadoras e parques, que também é o grande mote de ações que elegemos para organizar este ano, via Comung”. Para os próximos dias, ele adianta, que já existe a programação de alguns reitores das Universidades Comunitárias em participar de visitas a parques tecnológicos da Espanha e nos dias 20 e 21 de outubro um seminário de gestão e inovação universitária que tem como foco a constituição e gestão de ambientes de empreendedorismo e inovação. “Entendemos que

7

Alunos do Ruizinho fazem atividade educativa Na última quinta-feira, os alunos no 4º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Rui Barbosa, o Ruizinho, desenvolveram uma atividade educativa usando o Jornal da Manhã. De acordo com a professora, Ângela Knebel Michael, a ideia foi de ler, interpretar e depois os alunos tiveram que recontar o caso noticiado, além de identificar o local da notícia, onde ocorreu, a data de publicação e fato principal, "eles devem ler, entender e recontar". Assim, segundo ela,

busca-se desenvolver a escrita, oralidade e pronúncia das palavras e ainda se familiarizar com o jornal impresso. Como os alunos já passaram pelo processo de alfabetização, a ideia é desenvolver o letramento, compreensão e interpretação. A atividade realizada nesta semana na Escola Ruizinho faz parte do Projeto do JM que tem a finalidade de aproximar a escola da comunidade onde está inserida, bem como ser uma ferramenta didática para os alunos.

Concurso de Redação premia vencedores Martinho Kelm, reitor da Unijuí e presidente do Comung

nesses contextos, as universidades podem contribuir para o desenvolvimento do Estado”, completa.

Será na próxima terça-feira, às 19h30, na Casa da Amizade, a cerimônia de premiação dos vencedores da 9ª edição do Concurso de Redação Rotary Club de Ijuí e Jornal da Manhã. Entre as 450 produções, 200 do Ensino Médio e 250 do Ensino Fundamental, foram selecionadas 22 que devem ser publicadas e as cinco melhores serão premiadas. Além da coletânea impressa,

os vencedores recebem, para o primeiro colocado do Ensino Fundamental um vale-compras de R$ 350 da Loja Lavi, um kit O Boticário, medalha e certificado. Na categoria Ensino Médio, o primeiro colocado recebe um vale-compras de R$ 350 da Loja Lavi, um kit O Boticário, medalha e certificado. Este ano, o tema foi HCI na Comunidade.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

CONSELHO DAS SECRETARIAS DE SAÚDE

Cosems rejeita proposta dos planos populares O Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul (Cosems-RS), entidade legitimada por lei federal no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), considera uma ameaça grave à saúde pública a proposta do governo federal, através da portaria nº 1.482, de 4 de agosto de 2016, que visa a criação de Planos Populares de Saúde. Segundo o Conselho, esses planos irão excluir a população vulnerável e necessitada - composta principalmente por doentes crônicos e idosos - por não contemplar exames e procedimentos de média e alta complexidade. "Tratados pelo governo federal como novidade, os “planos populares de saúde”, na verdade, já existem. São os convênios vigentes no País que priorizam apenas o que é lucrativo e empurram para o SUS os tratamentos de maior complexidade. A proposta do governo federal irá privilegiar ainda mais o mercado privado de saúde, que já é favorecido com inúmeros benefícios como isenções fiscais, sem garantir a plenitude do acesso aos diferentes níveis de complexidade da atenção à saúde, não se furtando em “terceirizar” para o SUS o que é mais caro, mesmo aqueles

procedimentos obrigatórios que deveriam ser oferecidos por estes planos", manifestou-se por meio de nota, assinada pelo presidente do Conselho, Marcelo Bosio. E, ainda em nota, o Cosems afirma que preocupa-se com a justificativa do governo de que os planos serviriam para aliviar a demanda do SUS. "Acreditamos que a demanda do SUS não precisa ser aliviada. Ao contrário, o que se quer é que, cada vez mais, as pessoas tenham acesso a serviços de saúde na quantidade e complexidade que necessitam e, indiscutivelmente, de maneira integral. E para isso acontecer, o SUS necessita de mais investimentos." Para o Conselho, a proposta do ministro Ricardo Barros terá um efeito contrário ao esperado, ao invés de aliviar o SUS, o sobrecarregarão, gerando uma demanda ainda maior do que se tem atualmente por não incluírem o usuário numa linha de cuidado minimamente efetiva e terceirizando para o SUS novas demandas por situações mal resolvidas em sua origem, acarretando em mais custos, desperdício de recursos públicos e dos cidadãos que venham adquirir esses produtos e, principalmente, no aumento

8

Enfermeiras do HCI farão estágio na Alemanha A comitiva integrada por oito empresários ijuienses que está na Alemanha encerrou as visitas técnicas, ontem. Aproveitando a viagem, o presidente da Deula-Brasil, Erlo Endruweit e o médico Anibal de Melo Nogueira visitaram o Hospital Regional de Nienburg, Gruço, do grupo Helios, com o objetivo de realizar uma parceria entre a instituição alemã e o Hospital de Caridade de Ijuí (HCI), na realização de especializações na área médica e de enfermagem, por meio de cursos e estágios em Nienburg. “Fizemos excelentes contatos, fomos bem recebidos pelo diretor do Hospital, o médico Michael Stalp, que nos apresentou a estrutura”, conta Aníbal. Gruço é de médio porte com aproximadamente 300 leitos, atende a várias especialidades, é referência em

ortopedia e cirurgia do quadril, mas também tem um Instituto do Coração. O grupo Helios administra mais de 120 hospitais em toda a Alemanha. O Hospital Gruço era filantrópico e foi englobado pelo grupo, tem 120 médicos, e uma média de 550 a 600 funcionários, dependendo a época do ano. Por ter uma equipe reduzida para a quantidade de leitos, cada profissional precisa ser eficiente. “Estabelecemos contato para que possamos, futuramente, estabelecer estágios e um intercâmbio de conhecimento", revela Aníbal, da Alemanha. "Deixamos firmado um estágio para duas enfermeiras do HCI, que virão a partir de janeiro do ano que vem, em data a ser estabelecida, por 14 dias, tendo contato na área de escolha dentro do Hospital."

Marcelo Bosio, presidente do Cosems

nos índices de adoecimento da população. "Ao permitir que esses “planos populares” adotem uma cobertura limitada, se possibilitará que o mercado comercialize serviços deficitários e com baixa eficácia, desprovidos da assistência integral que um tratamento digno de saúde exige. Assim, no caso de a pessoa precisar de um exame ou serviço de maior complexidade, que obviamente estará descoberto no “plano popular”, terá que se reportar ao SUS", disse, em nota.

Aníbal Nogueira, Michael Stalp e Erlo Endruweit, no hospital regional de Nienburg

Para Federação, pagamento de atrasados não é a solução O anúncio do pagamento de R$ 182 milhões por parte da Secretaria Estadual da Saúde (SES) aos hospitais gaúchos foi visto com bons olhos pela Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes, Religiosos e Filantrópicos do Rio Grande do Sul. Embora não resolva a situação das instituições, que já devem R$ 1,4 bilhão aos bancos, a

cmyk

garantia de um repasse mensal alivia a pressão. No total, a dívida do Estado com os filantrópicos chega a R$ 144 milhões. De acordo com a titular da 17ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), Silvia Ceccato, o governo deverá pagar os atrasados dos meses de fevereiro, março, abril e maio, e no momento do depósito, mais 50%

dos recursos referente ao mês em curso. Para o presidente da Federação, Francisco Ferrer, o fato de o governo ter anunciado um cronograma é positivo. "Até agora, não tínhamos isso, havia incerteza quanto à data de recebimento", comenta. A pasta anunciou o pagamento da competência de julho, referente aos

programas criados para atender a necessidades específicas, como saúde mental e maternidade, e equivalente a R$ 36 milhões, e o pagamento de 50% do valor de fevereiro, também relativo aos programas, no valor de R$ 18 milhões. Ainda seguem em atraso o restante do mês de fevereiro e a integralidade de março, abril e maio, cuja quitação será

feita em oito parcelas. No entanto, Ferrer considera que esse repasse não é a solução. "Os hospitais enfrentam problemas seríssimos de disponibilidade de recursos, e isso resulta no atraso de pagamentos, tanto de funcionários como dos fornecedores", pondera. Para ele, ainda é necessário discutir a suspensão do cofinanciamento.


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

9

PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Semana será voltada à conscientização Amanhã, no período de tarde, acontece a abertura da Semana da Pessoa com Deficiência, na Praça da República, com mateada e apresentações artísticas de música, dança e instrumental, além de amostras de trabalhos, tudo feito por pessoas com deficiências. O momento, promovido pelo Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (Comped), também terá relatos de superação e do cotidiano de cada um. “Além de chamar a atenção da comunidade, temos o objetivo de mostrar as potencialidades das pessoas com deficiência, tirar dúvidas, prestar informações, porque temos as entidades no Município, as legislações em vigor, mas ainda falta um pouco de divulgação e informação para que consigamos fazer que tudo isso saia do papel e vire realidade”, relata a presidente do Comped, Camila Blocker. O Conselho reúne-se na primeira quinta-feira de cada mês para debater as demandas na área, e para apresentação de projetos voltados a todas as pessoas com deficiência. O Comped é integrado por representantes da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Ijuí, da Associação dos Deficientes Visuais

(Apadevi), do Centro de Atendimento Integral aos Surdos (Cais), da Secretaria Municipal de Educação (Smed), da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), da Coordenadoria da Mulher e da União das Associações de Bairros de Ijuí (Uabi), engajados no trabalho de desenvolver ações para as pessoas com deficiência. “Em Ijuí, podemos nos considerar privilegiados, porque temos a informação de que são poucos os municípios no Estado que têm um conselho específico para a pessoa com deficiência, e aqui já estamos desenvolvendo este trabalho”, comemora Camila. Tradicionalmente, a rede da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) celebra todos os anos, de 21 a 28 de agosto, a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla. Neste ano, para abrir a semana especial, a Apae de Ijuí, a convite do Comped, se agregou às demais instituições, para uma tarde de conscientização da comunidade em favor dos direitos da pessoa com deficiência e sua inserção efetiva na sociedade. Este ano, o tema da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual

Todos os anos a Apae celebra a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla

e Múltipla para 2016 é O Futuro se faz com a conscientização das Diferenças, proveniente de consulta da Fenapes à rede apaeana, e tem a participação da diretoria executiva, conselho consultivo,

administrativo e fiscal, autodefensores, coordenadores nacionais das diversas áreas e demais colaboradores. Até o próximo sábado, várias ações serão realizadas pela instituição.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

10

REPATRIAÇÃO DE RECURSOS

Valores podem auxiliar no fechamento de mandato

Podendo ser uma forma de aliviar os cofres municipais, auxiliando o fechamento de contas das prefeituras, a repatriação de recursos do exterior, que devem ingressar no País até o fim de outubro pode ser uma das saídas para muitos gestores. De acordo com coordenador geral da Famurs, José Scorsatto, os municípios tiveram, com o passar dos anos, um acúmulo de funções, como saúde, educação, segurança pública e geração de emprego e renda, e o financiamento vem, ao passar dos meses, diminuindo bruscamente, o que acaba atingindo de forma direta as prefeituras. Porém, segundo ele, um alento que surge, nos últimos dias é a questão dos recursos que estão no exterior, que pela nova lei prevê que possam ser repatriados até o fim de outubro. “A expectativa que nós temos é enorme aos valores que podem vir, mesmo não tendo um valor concreto, porque a repatriação está sendo feita”, esclarece.

Ele acredita que até o início de setembro, durante a assembleia da Federação, os prefeitos consigam ter um valor aproximado daquilo que os município devem receber. “Hoje trabalhamos com um dado aproximado de R$175 milhões, a incidência sobre o que é cobrado da repatriação pelo Imposto de Renda, que é rateado no FPM dos municípios. Cada município tem o direito de receber 15% desse IR”, explica. A expectativa da Famurs é de que o governo federal credite os valores, nas contas das prefeituras, até o fim do ano o valor da repatriação, “assim os gestores conseguem fazer o fechamento de contas, bem como auxiliar a continuidade de programas que estão ocorrendo nas cidades”, salienta. Para ele, os prefeitos têm passado por uma dificuldade muito grande para conduzir a gestão no último ano e, “esse retorno de valores trará um alento aos prefeitos”, completa.

José Scorsatto, coordenador geral da Famurs

Trabalhadores ainda não sacaram abono salarial Na região, mais de 1,6 mil trabalhadores ainda não sacaram o benefício do PIS, abono salarial concedido àqueles que já trabalharam mais de cinco anos e por, no mínimo um mês, no ano base 2014. A lista apresentada pela gerência Regional da Caixa Federal à Secretaria do Trabalho e do Desenvolvimento Social (STDS) mostra que, apenas na Capital, mais de 10 mil pessoas ainda não buscaram o benefício. O valor é de um salário mínimo (R$ 880) e está disponível em qualquer agência da Caixa, até o dia 31 de agosto.

cmyk

Em Ijuí, são mais de 470 trabalhadores que não sacaram. Em Cruz Alta, 288; Santo Ângelo 438; Panambi 300 e Ibirubá 134. Para o secretário Catarina Paladini, a ação desenvolvida entre o Ministério do Trabalho e a STDS mobilizou cerca de 40 mil pessoas non RS. “Mas ainda faltam muitas pessoas que não sacaram e devem fazer o saque. A Caixa Federal, num esforço ainda maior, está contatando empresas gaúchas que mantinham em seu quadro de pessoal 15 ou mais pessoas com

direito ao abono, ano base 2014 sem saque, totalizando mais de 3.000 trabalhadores”, informou. “Foi a maneira encontrada de ampliar essa divulgação. Ao todo, são mais de R$50,5 milhões que ainda podem reforçar a nossa economia.” Têm direito ao abono salarial os trabalhadores que tenham exercido atividade remunerada durante pelo menos 30 dias em 2014 e recebido até dois salários mínimos por mês nesse período. Além disso, é necessário estar cadastrado no PIS há pelo menos cinco anos.

Nilton Kasctin dos Santos Promotor de Justiça

Ficha limpa O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Ministro Gilmar Mendes, desqualificou completamente a Lei da Ficha Limpa, dizendo que ela “parece ter sido feita por bêbados”, de tão ruim que é. “Essa Lei é boa e sóbria”, retruca o Ministro Luiz Roberto Barroso, colega de Gilmar Mendes. E argumenta: "O Brasil está vivendo um momento muito importante em que nós vamos decidir se vamos mudar efetivamente de patamar ético, ou se vamos deixar tudo muito parecido como o que sempre foi. Eu estou do lado dos que querem mudar o patamar ético do País. A política não pode ser um espaço em que as pessoas de bem não queiram chegar perto”. O presidente da OAB, Cláudio Lamachia, também rebateu a infeliz manifestação do Ministro Gilmar Mendes, afirmando que “a Lei da Ficha Limpa é amplamente reconhecida pela sociedade como um avanço da democracia e do sistema eleitoral, impedindo a candidatura de quem tem ficha suja. Tanto é assim que foi apresentada como projeto de lei de iniciativa popular”, referindo-se ao fato de que a Lei só foi instituída em razão de uma ampla mobilização da sociedade, depois de protocolado no Congresso um documento com mais de um milhão e meio de assinaturas de cidadãos. Estou com o Ministro Barroso e com o Presidente da OAB. Pena que o STF já entendeu (sem a concordância do Ministro Barroso, é óbvio) que as condenações dos tribunais de contas não servem em nada para sujar a ficha de candidatos. Ou seja, mesmo que o Tribunal de Contas, ao julgar as contas de um prefeito, entenda que este cometeu atos ilícitos dolosos contra a coletividade, mesmo que este Órgão aplique multa e notifique o prefeito a devolver milhões roubados dos cofres públicos, o condenado pode ser candidato a vereador, prefeito, deputado, presidente da República etc. Sua ficha continua limpinha da silva. Que pena! A Lei da Ficha Limpa precisa ser melhorada. E muito. Ela é boa e necessária, mas incompleta. Por exemplo: conheço um caso em que um ex-vereador usou um “laranja” para realizar contratos com a Câmara de Vereadores quando ainda exercia o mandato. Essa pessoa (o “laranja”) locava um imóvel para a Câmara, mas o dono do prédio era o então vereador, que logicamente também recebia o dinheiro do aluguel. O edil foi condenado pela Justiça à perda do cargo, à suspensão dos direitos políticos por três anos e a pena de multa. Mas continua com a ficha limpa. Porque não se apropriou diretamente de dinheiro público. Um candidato pode ter feito as maiores falcatruas do mundo, mesmo no exercício de mandatos eletivos anteriores, mas se não roubou dinheiro dos cofres públicos para si, ou seja, se não deu prejuízo direto ao erário e se não lucrou com isso, continua ficha limpa. Isso está errado, sem dúvida. Todos os candidatos a qualquer cargo eletivo dizem que são do povo, que representam o povo. Então, logicamente, devem submeter-se à vontade da maioria do povo. No mínimo. E qual é a vontade do povo ? Que os políticos obedeçam aos princípios da Constituição Federal. Principalmente o da moralidade. Se fizermos uma pesquisa, não tenho dúvida de que a maioria da população responderá que um vereador ou um deputado não podem trabalhar o dia inteiro em seu consultório médico, sua empresa ou escritório de advocacia, e ao mesmo tempo exercer seu mandato político. A não ser que o cargo público seja sem remuneração. Caso contrário, o povo achará imoral. A maioria do povo também não concordaria com o fato de que um candidato investigado ou processado por crime, dívida, improbidade ou qualquer ato ilegal continue na condição de ficha limpa. Precisamos progredir. O conceito de ficha limpa para disputar uma eleição não pode ser apenas esse da Lei; deve ser o do povo.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

11

MISSÃO GAÚCHA

Encontros propõem política comum

Durante essa semana, em encontro realizado com o ministro argentino da Agroindústria, Ricardo Buryaile, em Buenos Aires, Argentina, dois assuntos foram destaque: o desenvolvimento recente do mercado mundial de alimentos e o crescimento da demanda por proteína animal. De acordo com o secretário da Agricultura, pecuária e irrigação do Rio Grande do Sul, Ernani Polo, a audiência foi propor uma política comum para potencializar a participação da agropecuária gaúcha e argentina nesse mercado, uma vez que os países da Europa Ocidental, Sudeste Asiático e América do Norte são grandes consumidores de produtos com alto valor agregado, como os alimentos funcionais, orgânicos e premium. “Foi uma audiência importante para discutir a implantação de ações integradas entre o Estado

e a Argentina, especialmente na área de defesa agropecuária, para termos uma maior efetividade no controle e combate de enfermidades transfronteiriças. Propomos ao ministério argentino, que acatou a iniciativa, de criação de um grupo de trabalho para dar sequência na construção dessa agenda conjunta, em um intercâmbio para troca de tecnologia no Agro". Segundo ele, dessa forma, seria uma forma de promoção comercial conjunta dos produtos do Estado para que assim possa se tornar uma base produtora de alimentos, a fim de atender a demanda mundial. "Também propomos a criação de uma Câmara de compensação entre exportação e importação de produtos entre RS e Argentina", destaca. Outra sugestão do secretário foi a troca de conhecimentos tecnológicos na área de vinhos. "O Laboratório de Referência

Encontro teve como finalidade estreitar laços com Argentina e ativar Mercosul

Enológica (Laren), pertencente à nossa Secretaria e que atende a todo o Brasil, tem interesse em buscar recursos do Fundo de Convergência do Mercosul para sua modernização. Queremos propor parcerias para qualificar o traba-

Milho tem bom desenvolvimento Apresenta boa germinação a área de cerca de 370 mil hectares cultivados com milho na região de Santa Rosa. As condições de umidade do solo foram propícias para a semeadura de algumas áreas localizadas mais ao Norte e Nordeste do Rio Grande do Sul. De acordo com a Emater/RS-Ascar, há indicativo de ampliação da área cultivada com milho nesta safra, porém a área destinada à silagem deverá permanecer a mesma, podendo haver leve retração pelo abandono da atividade de bovinos de leite em algumas propriedades. Em todas as regiões produtoras, prefeituras e sindicatos seguem distribuindo as sementes de milho do Programa Troca-Troca. A cultura do trigo, favorecida pelo clima, segue em desenvolvimento normal, bom stand de

Clima favorece desenvolvimento do milho na região Noroeste

plantas e ótimo estado fitossanitário. O período frio permitiu um maior perfilhamento, e a menor frequência de chuvas favoreceu uma baixa incidência de doenças, como as manchas

foliares e a ferrugem. No momento, os triticultores seguem com os tratos culturais, com aplicação preventiva de fungicida nas lavouras semeadas mais no cedo.

lho do Laren, para se tornar um laboratório de análise de vinhos. Atualmente, todas as análises do vinho que o Brasil importa são analisados lá. Também buscamos ações para o controle da mosca da bicheira. Como a Embrapa

Vacaria já domina a tecnologia para controle da mosca em frutas e o processo é o mesmo", destacou Ernani Polo. Polo ainda aproveitou a ocasião para convidar o ministro para a Expointer 2016.

Sindicatos paralisam na próxima terça-feira A Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag)e os Sindicatos dos Trabalhadores Rurais, inclusive o de Ijuí, realizarão na próxima terça-feira, mobilizações em 15 pontos do Rio Grande do Sul em favor da saúde pública, que vive uma situação caótica em decorrência da drástica redução nos repasses de recursos públicos do Estado para os municípios. Entre os motivos para a execução desses atos destacam-se a falta e o não-repasse de recursos pontuais às Secretarias Municipais de Saúde; Inexistência de

prestação de contas do dinheiro público por parte de alguns hospitais e clínicas; Defasagem na tabela de atendimentos prestados pelo Sistema Único de Saúde (SUS); Aplicação dos recursos destinados à saúde em outras áreas; e, falta de recursos voltados à Atenção Básica. "Quanto mais participação tivermos, melhor, sempre fazemos nossas mobilizações de forma pacífica, mas queremos que ela seja levada em consideração", solicita o presidente do STRI, Carlos Karlinski.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

12

ESCOLA SEM PARTIDO X ESCOLA SEM MORDAÇA

Projetos são desafios para a educação

O programa Escola Sem Partido, que tem angariado defensores e críticos nos últimos tempos, existe desde 2004 e foi criado por membros da sociedade civil, mais precisamente pelo advogado Miguel Nagib, para combater o que chama de "contaminação político-ideológica das escolas brasileiras". Com isso, o projeto de lei 193/2016, de autoria do senador Magno Malta (PR-ES), inclui entre as diretrizes e bases da educação nacional o programa Escola sem Partido. De acordo com Nagib, o movimento defende o respeito. "O que o movimento defende é o respeito aos limites jurídicos da atividade docente, e esses limites não são definidos pelos teóricos da educação, mas, sim, pelas leis do País, a começar pela Constituição Federal", afirmou Nagib, ao ser questionado se as ideias do grupo estavam

apoiadas em produção teórica de especialistas da área. A discussão motivou a apresentação de projetos de lei que estão no Congresso, em assembleias legislativas e câmaras municipais. No Rio Grande do Sul, a ideia baseou o PL 190/2015, protocolado no ano passado pelo deputado Marcel van Hattem (PP). A proposta foi contestada durante as ocupações das escolas estaduais e a greve do magistério, ambas iniciadas em maio, tanto por alunos quanto por professores. O primeiro dos 10 artigos do projeto traz como princípios a neutralidade política, ideológica e religiosa do Estado, o pluralismo de ideias e a liberdade de consciência e crença. Mas também determina como direito dos pais "que seus filhos menores recebam a educação moral que esteja de acordo com suas próprias convicções". No

artigo seguinte, acrescenta que são vedadas quaisquer "condutas por parte do corpo docente ou da administração escolar que visem impor aos alunos opiniões político-partidárias". Porém, em posição contrária ao projeto Escola Sem Partido, nasceu o projeto Escola Sem Mordaça, protocolado no início deste mês pelo deputado estadual Juliano Roso (PCdoB). O projeto tem a intenção de garantir a livre manifestação de pensamento nas escolas gaúchas. Ele, que é professor de História, tem como objetivo assegurar que a atuação dos educadores em sala de aula aconteça “sem qualquer censura ou vigilância”, o que aponta ser garantido pela Constituição Federal. O projeto se opõe ao “Escola sem Partido”, que na Assembleia foi apresentado por Marcel van Hattem (PP), mas que também

Marcel Van Hattem (PP)

Juliano Roso (PCdoB)

tramita de forma semelhante em todo o País, incluindo no Congresso Nacional. Iniciativas desse tipo, segundo Roso, prejudicariam o ambiente escolar, que deve ser plural, democrático

e possibilitar aprendizagem. O deputado afirma que o Ministério Público Federal (MPF) e a Advocacia-Geral da União (AGU) já apontaram que o “Escola sem Partido” é inconstitucional.

Projeto impõe proibição de debate nas escolas, diz Frantz No momento em que ganham força e se alastram pelos Legislativos do País, os projetos de lei que dizem defender a neutralidade do ensino, por meio da proibição da doutrinação ideológica nas escolas, começam a ter a sua legitimidade questionada, seja pela sociedade ou por profissionais ligados à área de educação ou, ainda, por projetos que visam apenas contrapor outro, como é o caso do projeto Escola sem Mordaça. No Rio Grande do Sul, a ideia baseou o PL 190/2015, protocolado no ano passado pelo deputado Marcel van Hattem (PP). A proposta foi contestada durante as ocupações das escolas estaduais e a greve do magistério, ambas iniciadas em maio, tanto por alunos quanto por professores.

cmyk

De acordo com o coordenador geral do Sinpro-Noroeste, João Frantz, é impossível ter uma educação sem que se debata o viés ideológico da sociedade. “Seja pelo professor ou integrante da sociedade, cada um carrega seu ponto de vista sobre o mundo que vive ou percebe”. Para ele, criar uma escola sem partido é algo fora de uma realidade educacional, “com certeza são pessoas que pouco conhecem sobre educação”, diz ele ao se referir ao deputado que idealizou o projeto. Para ele, o projeto (Escola sem Partido) impõe o fim de uma ideologia na escola, mas, por fim, acaba se tornando uma ideologia. “Isso é algo fora de propósito, na contramão de uma democracia que, inclusive preocupa bastante mas, ao mesmo tempo, se vê que

o setores conseguem identificar isso e não vão deixar que essas propostas conservadoras e ultrapassadas sejam levadas adiante”, defende ele. Frantz esclarece que a ideia do projeto não é de defender que uma escola não tenha um partido político e, sim, que não se façam discussões, contestações ou se levantem argumentos sobre fatos históricos que “são impossíveis de não se ter posicionamento”, defende ele. “No momento em que se tem uma definição se uma situação, como por exemplo o que aconteceu no Brasil em 1964, onde por um lado podendo ser visto como golpe e por outro como revolução. O professor não tem como falar que obrigatoriamente foi um golpe, mas sim, argumentar

a partir do que se tem de modo legal que essa intervenção resultou de uma articulação de golpe. Então, não é fazer a pregação de um partido, mas de colocar fatos históricos, que ocorreram e o cidadão, como ser político, vai apresentar argumentação para alunos e para a sociedade”. Se, por um lado a escola é parte importante no processo de aprendizado dos jovens, Frantz argumenta que não é a única que irá formar a opinião a partir de um fato. "É normal na educação esse tipo de discussão. Agora, apresentar situações de proibição, de querer enquadrar agentes de educação, controlar essas liberdades se está sendo conservador e ditador e isso é algo que não queremos", completa.

João Frantz, coordenador do Sinpro


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

"A política deve ser debatida na escola?"

ENSINO DEMOCRÁTICO

Profesora defende que discussão é importante Enquanto um lado quer evitar a doutrinação dos jovens nas salas de aula, por outro os profissionais que atuam nas escolas defendem que discutir situações atuais, sem impor sua posição e, sim, proporcionar aos estudantes que desenvolvam o seu posicionamento crítico, é importante. Para a orientadora educacional da Escola Estadual de Ensino Médio São Geraldo, Salete Carbonari, que já atua como professora há 27 anos, a forma como o projeto Escola sem Partido está sendo encaminhado vai impedir de expressar, argumentar e de promover o debate, “literalmente será uma mordaça”. Segundo ela, as escolas trabalham temas como, por exemplo, o religioso, respeitando a individualidade de cada cidadão. “A escola trabalha o ensino religioso, quem vai trabalhar as diferentes religiões são as igrejas

nas suas denominações religiosas”, explica. Para ela, a forma como está sendo proposto, o projeto representa um retrocesso para a sociedade. “Acredito que a educação é um ato político, a nossa vida é um ato político, dessa forma, não há neutralidade”, defende ela, se referindo aos diferentes setores que uma pessoas pode circular ou conviver, dessa forma, as pessoas se posicionam da forma como veem a sociedade e, “ao fazer isso é um ato político”, acrescenta. Salete salienta que a partir do momento que uma pessoa se declara apolítica, ela está defendendo uma posição, escolhendo um lado para defender. “Se o sujeito escolher um lado, não há neutralidade. Ou estarei do lado do opressor ou do lado do oprimido e, esse projeto, vem para reforçar a opressão, assim, com

Salete Carbonari

certeza está na contramão daquilo que lutamos muito tempo para conseguir, que é uma sociedade justa, democrática e com um sujeito emancipado a partir da educação”, ressalta.

13

A consulta pública sobre o polêmico projeto de lei que institui o programa Escola sem Partido entre as diretrizes e bases da educação, em apenas quatro dias de debate, a consulta sobre a proposta - que defende a "neutralidade do ensino" por meio da proibição

de suposta "doutrinação ideológica" nas escolas - já havia batido o recorde de participações, se tornando a maior da história portal do Senado Federal. A reportagem do Jornal da Manhã ouviu a opinião dos estudantes sobre o tema.

Jordan Taborda, 17 anos, Ruyzão

Laura Reis, 16 anos, Ruyzão

Eu não acho necessária a lei da Escola Sem Partido, mas não sou a favor de que partidos sejam colocados em um nível acima, não pode doutrinar um partido, é preciso mostrar todos os lados para o aluno e fazer com que ele debata sobre o assunto”.

Acho que o professor deve debater política, porque os alunos também precisam ter conhecimento sobre isso. Mas, influenciar uma posição eu acho errado, e ela não pode mudar pelo que os professores falam, mas acho importante o debate na escola”,

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

FICHA LIMPA

Lei pode barrar 4,8 mil candidatos Ao menos 4.849 políticos que tentam concorrer nas eleições municipais deste ano no País podem ter os registros de candidatura impugnados por serem considerados ficha-suja perante a Justiça Eleitoral, segundo levantamento obtido pelo Estado. A análise foi feita sobre as 467.074 candidaturas já validadas pelo Tribunal Superior Eleitoral até a última quinta-feira. Aprovada em 2010 com o intuito de evitar que políticos condenados disputem cargos públicos, a Lei da Ficha Limpa tornou-se alvo de uma das principais polêmicas neste início de campanha eleitoral. Parte delas ocorre por uma decisão do Supremo Tribunal Federal, que deu ao Legislativo a palavra final sobre a reprovação de contas de gestores públicos para fins de torná-los inelegíveis. Além da reprovação de contas, entre as irregularidades que podem enquadrar um político como ficha-suja estão condenações em segunda instância por crimes como lavagem de dinheiro, corrupção, peculato ou improbidade administrativa. Em 2012, na primeira vez que a regra foi aplicada na disputa para prefeito e vereador, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recebeu quase 8 mil recursos referentes a impugnação de candidatura, sendo que aproximadamente 3 mil foram baseadas na Lei da Ficha

Limpa. Os quase 5 mil casos neste ano foram identificados após cruzamento do CPF dos candidatos registrados com bases de dados de tribunais de Justiça, tribunais de contas e outros órgãos de controle. O cruzamento foi feito automaticamente por um sistema do Ministério Público Federal e os dados foram enviados aos cerca de 3 mil promotores eleitorais, que devem verificar se a ocorrência apontada vai ou não barrar o candidato. Isso porque o sistema pode encontrar, por exemplo, uma decisão judicial desfavorável ao político, mas que já está suspensa por uma liminar. O Ministério Público Eleitoral acredita que o número detectado até agora possa estar subestimado. Além de o TSE não ter validado todos os registros de candidaturas até o momento, há diversos casos de "falso negativo" – quando o sistema não verifica pendências do político pelo CPF, mas ele é inelegível. A procuradora da República e coordenadora nacional do Grupo Executivo Nacional da Função Eleitoral (Genafe), Ana Paula Mantovani, estima que ao menos 10 mil recursos questionando registros de candidatura cheguem ao TSE a partir da segunda quinzena de setembro. Apesar dos prazos curtos para impugnação de registro, a pre-

Renan diz que Dilma está 'bem e animada' Após uma visita ao Palácio da Alvorada, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDBAL), afirmou ontem que a presidente afastada Dilma Rousseff está "bem e animada" a seis dias do início do julgamento final do processo de impeachment. O peemedebista relatou a repórteres, na saída da residência oficial, que Dilma confirmou a ele que comparecerá ao Congresso Nacional para se defender no processo de afastamento e que se colocará à disposição para responder a eventuais questionamentos. Questionadas as assessorias de Dilma e Renan deram versões diferentes sobre quem havia pedido o encontro. Conforme os assessores da petista, foi o presidente do Senado quem solicitou a reunião. A assessoria de Renan, por sua vez, informou que foi Dilma que pediu a reunião. No encontro, deu detalhes à petista de como será o julgamento final do impeachment no Senado. O julgamento da petista está marcado para começar na próxima

cmyk

Renan Calheiros

quinta-feira. Segundo o cronograma do processo, Dilma deverá comparecer ao Senado no dia 29. "A presidente [Dilma] vai comparecer, vai ficar à disposição para responder qualquer pergunta. E, do ponto de vista pessoal, como sempre, ela está muito bem, animada", destacou Renan ao final do encontro no Alvorada.

Lei do Ficha Limpa voltou a tona nesse ano, com as eleições municipais

visão é de que nem todos os casos sejam solucionados antes do primeiro turno, que ocorre no dia 2 de outubro. "Podemos ter muitos candidatos concorrendo sem a definição com relação ao registro. Se ao final a decisão (do TSE) for pela improcedência do recurso, todos os votos são anulados", afirmou a procuradora. O Estado com maior ocorrência de possíveis fichas-sujas é São Paulo – localidade que também concentra o maior número de candidatos registrados. No total, o sistema identificou 1.403 políticos do Estado com ocorrências que podem inviabilizar a eleição.

Minas (620 casos identificados) e Paraná (461) vêm logo atrás. Na conta do presidente da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), Valdecir Pascoal, 6 mil prefeitos e ex-prefeitos serão "imunizados" pela decisão do Supremo de não enquadrá-los como fichassujas após a reprovação de contas por tribunal de contas. Pelo entendimento da maioria dos ministros, prefeitos que tiveram suas contas reprovadas por tribunais de contas poderão concorrer nas eleições se o balanço não tiver sido rejeitado também pelo Legislativo.

AGU pede para ter acesso a inquéritos da Lava Jato

O advogado-geral da União, Fábio Medina, pediu acesso aos inquéritos da Operação Lava Jato que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF) e que já tiveram as investigações concluídas pela Polícia Federal. Na peça, Medina pede para ter acesso "ao inteiro teor dos autos" e a "autorização para utilização das provas neles produzidas para que sejam adotadas as medidas judiciais de natureza civil e administrativa". O texto também diz que, conforme preveem as normas internas, "deverão ser comunicadas à AGU as investigações realizadas pela Polícia Federal que resultem na constatação de desvio, malversação de recursos públicos ou lesão ao erário." O objetivo é usar as provas levantadas para pedir a abertura de ações de improbidade administrativa contra parlamentares e a eventual restituição do dinheiro desviado aos cofres públicos. Em nota, a AGU afirmou que a "instituição possui

deveres e atribuições na esfera das ações de improbidade administrativa e ressarcimento ao erário, além de processos disciplinares". A decisão de compartilhar as provas dos inquéritos da Lava Jato cabe ao ministro relator Teori Zavascki.

Fábio Medina

14

ALEXANDRE GARCIA Jornalista

SOLDADO OURO O título não se refere aos sargentos, nosso atletas amedalhados, mas ao soldado PM Hélio Viana Andrade, de Roraima, que integrava a Força Nacional para dar segurança aos jogos olímpicos no Rio. Ele merece uma moldura de ouro, não por ter errado o caminho e entrado “por engano” em território fora da soberania nacional, dominado por traficantes. Merece moldura de ouro em seu túmulo em Boa Vista por ter sido a vítima, o mártir, de uma sucessão de descalabros legais e políticos que fizeram deste país o santuário de bandidos de todas as espécies. Sua cabeça perfurada a tiros de fuzil sacode as nossas, e nos faz perguntar como chegamos a esse ponto de medo, de submissão imposta à polícia, de descrédito na lei e nas instituições, fazendo com que o medo entre em nossas casas e nos encontre desarmados e desamparados. As manifestações de nossas maiores autoridades são algo que os jornalistas de países civilizados que nos visitam certamente jamais pensaram ouvir. O presidente interino disse que a morte do soldado foi “um acidente lamentável”. Ora, chamar isso de acidente só pode ter sido engano do jurista Michel Temer. Ele deve ter querido dizer “incidente”. Porque acidente, só se o traficante da Vila do João estivesse limpando o fuzil e a arma disparou. E chamar de “lamentável” é usar um adjetivo débil. Sem dúvida foi um incidente trágico, horroroso e desafiador. O presidente também ressalvou “Mas isto(SIC) não deslustra as Olimpíadas(SIC). As Olimpíadas(SIC) estão transcorrendo em um ritmo normalíssimo”. Desculpe, Presidente, mas não é “isto”- é “isso”. E é a Olimpíada, porque as olimpíadas são as 31 se considerarmos as da era moderna. Não deslustra a Olimpíada, Presidente? Claro que deslustra. É um incidente gravíssimo. Só se pode admitir que os jogos transcorrem em “ritmo normalíssimo” reconhecendo que é normal atirar contra a polícia - hoje quase mil policiais são mortos por ano. O país é recordista mundial com quase 60 mil homicídios dolosos por ano - mais de 160 brasileiros mortos por dia por tiros, facadas, pauladas, pedradas, agressões variadas. Normalíssimo com assalto ao Ministro da Educação de Portugal, com assalto a nadadores americanos? Deve ser normalíssimo para nós, jornalistas, noticiar que a viatura da Força Nacional, ficou sob fogo de fuzil por ter “entrado por engano” na Vila do João. Se eu fosse general de uma força estrangeira a ocupar o Rio de Janeiro, consideraria essa Vila como ponto estratégico crucial para a minha logística, já que domina a junção das duas vias mais importantes do Rio: a Linha Amarela e a Linha Vermelha. No entanto, o domínio é de um santuário do tráfico, como prova o cadáver do Soldado Hélio. A governadora de Roraima reclamou por eu ter lembrado nas redes sociais que ela não foi ao enterro, prestar a última continência ao soldado de ouro de seu estado. O governo alega que ela decretou luto e foi ao velório, mesmo doente. Mas os americanos nos ensinam que para combater o crime, além de leis eficazes, justiça rápida e bons presídios, é preciso que a autoridade civil - presidente, governador e prefeito - a cada oportunidade demonstrem fartamente a importância do policial.


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

"Garagem Municipal é prioridade" ,diz Heck

CRONOGRAMA DE ENTREVISTAS: TEMA 1: Agricultura e Infraestrutura Rural 16 AGOSTO: Ubirajara Teixeira 19 AGOSTO: Valdir Heck TEMA 2: Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e Renda 23 AGOSTO: Valdir Heck 25 AGOSTO: Bira Teixeira TEMA 3: Educação e Meio Ambiente 30 AGOSTO: Bira Teixeira 2 SETEMBRO: Valdir Heck TEMA 4: Infraestrutura Urbana e Trânsito 6 SETEMBRO: Valdir Heck 9 SETEMBRO: Bira Teixeira TEMA 5: Tecnologia, segurança e desporto e lazer 13 SETEMBRO: Bira Teixeira 16 SETEMBRO: Valdir Heck TEMA 6: Saúde e Desenvolvimento Social 21 SETEMBRO: Valdir Heck 23 SETEMBRO: Bira Teixeira ENTREVISTA VICE PREFEITO: 26 SETEMBRO: Jean Arais 27 SETEMBRO: Valdir Zardin

Valdir Heck

No Palanque JM de hoje, rebatendo as declarações do adversário Ubirajara Teixeira (PT), está o candidato pela coligação Juntos por Ijuí, Valdir Heck (PDT). Em entrevista ele sugere novos projetos para as áreas de Agricultura e Infraestrutura Rural. No próximo Palanque JM será abordado o tema Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e Renda. Para o candidato a prefeito Valdir Heck, a agricultura vive um bom momento. “A agricultura e o setor rural vão bem neste momento, mas claro que com demandas reprimidas, e com muitas situações a serem resolvidas a partir da infraestrutura rural. Mas no campo da atividade em si, a

soja chegou a patamares de preços muito bons, a produção foi boa, o tempo colaborou, a tecnologia foi aplicada e o produtor teve boas colheitas. O leite depois de muita baixa, hoje está com preço bastante agradável, até entusiasmante, na medida que o produtor consegue receber R$ 1,80 o litro, não sei quanto tempo isso vai durar, mas sabemos que é preciso produzir. Nós temos outras atividades ligadas ao campo, que não estão excelentes, mas seguem, por isso cito a frase quando o campo vai bem, a cidade vai bem também. Se a cidade tiver problemas, o campo vai ajudar a reconstruir as cidades”, ressalta Heck. Ele destaca que a coligação está focada no meio rural. “Estamos avançando cada vez, principalmente depois que saímos deste binômio soja-milho, e queremos continuar crescendo em termos econômicos”, salientando que “eu sou filho de agricultor, carreguei leite para estudar, e o meu vice conhece como poucos o meio rural, o qual já foi secretário da Agricultura, e com eles avançamos muito no meio rural. A nossa linha será sempre olhando o homem, queremos analisar se ainda tem famílias que ainda não têm água encanada no interior, eletricidade e concluir esse processo. Adequação e melhoria na iluminação pública nas áreas urbanas dos distritos, vamos chegar com o sistema led no interior, esse é um dos desafios”. O candidato a prefeito ressalta que também quer criar espaços de lazer, inclusive academias de ginástica, relembrando que no último governo, construiu ginásios de

Previdência complementar passa a valer O regime de previdência complementar do Estado começou a valer a partir de ontem e apenas para novos servidores. Agora, quem for nomeado com salário superior ao teto do INSS, que é R$ 5.189,82, terá desconto de 13,25% apenas em cima desse valor e, assim, vai se aposentar ganhando esse teto. Para a aposentadoria ser superior, será preciso pagar também previdência complementar, com descontos de até 7,5% do salário. O Fundo que vai gerir esse plano será autônomo, o RS-Prev, e não está vinculado diretamente ao Instituto de Previdência do Estado (IPE). Para os servidores atuais, não muda nada. Os militares, tanto os atuais como os que ainda vão entrar no Estado, também ficam de fora da nova regra, bem como cargos em comissões e trabalhadores contratados temporariamente. O projeto que criou o Fundo RS-Prev foi aprovado em 16 de setembro do ano passado, durante uma sessão na Assembleia Legislativa com portas fechadas.

15

esportes no interior, entre eles no Distrito de Chorão. “A prioridade nos primeiros meses de governo será reequipar a garagem municipal. Iremos fazer uma avaliação de todos os equipamentos, recuperando assim os que têm condições, como também queremos investir na compra de caminhões, rolos compactadores, retroescavadeiras, e assim por diante. Vamos buscar e queremos apostar na nossa equipe, mas não descartamos uma eventual terceirização, mas somente quando for extremamente necessário”, explica Heck. Entre as metas de governo, ele destaca que pretende incentivar a produção orgânica de alimentos juntamente com a Emater, sindicatos rurais e demais entidades ligadas ao setor. “Queremos ampliar os convênios com o Senai para cursos e treinamentos, inclusive de casais que não são agricultores, mas têm vontade de trabalhar no meio, inclusive na atividade leiteira. Iremos incentivar as atividades produtivas, auxiliar a bacia leiteira, a suinocultura, piscicultura, e avicultura, fruticultura, viticultura e os hortigranjeiros que têm um espaço grande para crescer”. Heck também salienta que irá reativar o projeto Mais verde mais Vida, onde o Executivo ajuda o produtor rural a reflorestar o Município, inclusive com o plantio de erva-mate. “As metas também estão focadas em ações para a juventude rural, pavimentação e alargamento das estradas do interior". Segundo ele, também será reavaliado o projeto Vida Rural que contempla as mulheres do interior, como também o Imeab.

Lei dos Bancos será debatida na sessão Os vereadores realizaram na manhã de ontem a reunião das Comissões, coordenada por Marcos César Barriquello (PDT). Na ocasião foram definidos dois projetos de lei para serem votados na sessão ordinária da próxima segunda-feira. Um dos projetos que estará na pauta para votação é o que trata da obrigatoriedade da disponibilização de vigilância ostensiva

durante todo o horário de funcionamento dos caixas eletrônicos e terminais de autoatendimento. As instituições bancárias abrangidas pela nova regulamentação foram certificadas e requereram ao poder público a prorrogação do prazo para a análise e a implantação de tais providências. O Executivo propõe a dilatação do prazo por mais 90 dias.

Expectativa é que o Fundo RS-Prev desafogue o IPE nas próximas décadas

Ela ocorreu um dia depois do previsto, já que houve um bloqueio das entradas do prédio por servidores, estudantes e sindicalistas. A votação não teve a participação

de deputados do PT e do PSOL, que se retiraram do Plenário em oposição à apreciação das matérias sem a permissão de entrada dos manifestantes.

A reunião das Comissões ocorreu na manhã de ontem, na Câmara

cmyk


Esporte

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

AIF ajusta time para segunda fase O técnico Jaques Schultz orientou treinos nesta semana na terça e quinta-feira preparando o time da Associação Ijuí Futsal (AIF) para a segunda fase do Estadual de Futsal Série Bronze. O time ijuiense disputará três jogos em casa e três fora. A próxima etapa será composta por quatro grupos, com quatro equipes em cada chave, e terá início no dia 27 de agosto. Os dois primeiros de cada grupo avançam.A AIF estreia na segunda fase contra o Horizontina Futsal no Ginásio Wilson Mânica, na chave 6. O treinador busca informações sobre o Expresso de Capão da Canoa, único time que ele não conhece bem. "O Horizontina enfrentamos duas vezes na primeira fase. Tem um time ajustado. A APF de Passo do Sobrado é uma boa equipe, com forte marcação", disse. No trabalho de quinta-feira, Jaques Schultz priorizou a marcação e o ataque. "Conversei com o elenco sobre a necessidade de manter um nível intenso nos treinamentos. Já fizemos todos os testes possíveis e vai jogar quem estiver melhor. É boa esta disputa pela titularidade",

Times Chave 4 AEU- Uruguaiana Nadas Branco-Rio Pardo AMF-Marau ASF-Santiago Chave 5 Parobé Futsal ACBF-Cerro Branco Cerro Largo Futsal ACF-Caçapava do Sul Chave 6 Horizontina Futsal APF-Passo do Sobrado AIF-Ijuí Expresso-Capão da Canoa Chave 7 União Independente-SM ADCH-Salto do Jacuí Guarani-Camargo SERCCA-Casca

frisou. O pivô Diógenes voltou aos treinos, mas sentiu um desconforto muscular e dificilmente terá condições de atuar dia 27. O ala Carlos Henrique, recuperado de uma lesão no joelho está treinando normalmente. O goleiro reserva Maicon Romero, cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo contra o Horizontina.

CHAVE 4 27/08 MARAU - AMF X AEU 27/08 SANTIAGO - ASF X NADAS BRANCO 03/09 RIO PARDO - NADAS BRANCO X AMF 03/09 SANTIAGO - ASF X AEU 10/09 URUGUAIANA - AEU X NADAS BRANCO 10/09 MARAU - AMF X ASF 17/09 RIO PARDO - NADAS BRANCO X AEU 17/09 SANTIAGO - ASF X AMF 24/09 MARAU - AMF X NADAS BRANCO 24/09 URUGUAIANA - AEU X ASF 08/10 URUGUAIANA - AEU X AMF 08/10 RIO PARDO - NADAS BRANCO X ASF CHAVE 5 27/08 CERRO LARGO X PAROBÉ FUTSAL 27/08 CAÇAPAVA DO SUL - ACF X ACBF 03/09 CERRO BRANCO - ACBF X CERRO LARGO 03/09 CAÇAPAVA DO SUL - ACF X PAROBÉ FUTSAL 10/09 PAROBÉ - PAROBÉ FUTSAL X ACBF 10/09 CERRO LARGO X ACF 17/09 CERRO BRANCO - ACBF X PAROBÉ FUTSAL 17/09 CAÇAPAVA DO SUL - ACF X CERRO LARGO 24/09 CERRO LARGO X ACBF 24/09 PAROBÉ - PAROBÉ FUTSAL X ACF 01/10 PAROBÉ - PAROBÉ FUTSAL X CERRO LARGO 01/10 CERRO BRANCO - ACBF X ACF

CHAVE 6 27/08 IJUI-AIF X HORIZONTINA 27/08 CAPÃO DA CANOA - EXPRESSO X APF 03/09 PASSO DO SOBRADO - APF X AIF 03/09 CAPÃO DA CANOA - EXPRESSO X HORIZONTINA 10/09 HORIZONTINA X APF 10/09 IJUI - AIF X EXPRESSO 17/09 PASSO DO SOBRADO - APF X HORIZONTINA 17/09 CAPÃO DA CANOA - EXPRESSO X AIF 24/09 IJUI - AIF X APF 24/09 HORIZONTINA X EXPRESSO 08/10 HORIZONTINA X AIF 08/10 PASSO DO SOBRADO - APF X EXPRESSO CHAVE 7 27/08 CAMARGO - GUARANI X UNIÃO INDEPENDENTE 27/08 CASCA - SERCCA X ADCH 03/09 SALTO DO JACUÍ - ADCH X GUARANI 03/09 CASCA - SERCCA X UNIÃO INDEPENDENTE 10/09 SANTA MARIA - UNIÃO INDEPENDENTE X ADCH 10/09 CAMARGO - GUARANI X SERCCA 17/09 SALTO DO JACUÍ - ADCH X UNIÃO INDEPENDENTE 17/09 CASCA - SERCCA X GUARANI 24/09 CAMARGO - GUARANI X ADCH 24/09 SANTA MARIA - UNIÃO INDEPENDENTE X SERCCA 08/10 SANTA MARIA - UNIÃO INDEPENDENTE X GUARANI 08/10 SALTO DO JACUÍ - ADCH X SERCCA

Otávio Caruso é vice-campeão na categoria juvenil Nos dias 5, 6 e 7 de agosto, quatro alunos da Escola Estadual de Ensino Médio Otávio Caruso Brochado da Rocha participaram no município de Osório da fase final dos Jogos Escolares do Rio Grande do Sul (Jergs) na modalidade Atletismo.A escola há alguns anos vem incentivando os alunos a participar das competições esportivas estudantis, Jergs, Jogos da Primavera e Rústicas Regionais. Até então o educandário tinha conseguido classificar para a fase final dos Jogos Escolares, três alunos em anos diferentes. Nesta edição ficou na segunda posição no Estado na categoria juvenil do Atletismo. "Os professores Suzane Pfeiffer e Paulo Schott têm trabalhado na escola com os alunos e eles correspondem nas participações em competições, tanto individuais

PLACAR GERAL FUTEBOL AMADOR O Campeonato Municipal de Futebol Amador de Ijuí será retomado amanhã depois de uma paralisação.A 1ª Divisão, quartas de final terá estes jogos no Estádio 19 de Outubro: às 9h45, Botafogo x E.C. Guarani; às 13h30, Juventude do Rincão dos Goi x Ouro Verde; e 15h30, Portuguesa x

cmyk

como o Atletismo e Xadrez, e em modalidades coletivas como Voleibol, Basquetebol e Futsal, sempre incentivando a participação com ética e cidadania, como forma de inserir socialmente os alunos, incentivando a prática saudável do esporte", destaca a direção da Escola. Conforme o Colégio, nos últimos dois anos houve a aproximação com o Clube dos Corredores de Ijuí (CCI) intensificando ainda mais a participação dos alunos nas competições.O trabalho deu resultado e a escola teve inúmeras conquistas em âmbito municipal, de coordenadoria e regional, classificando quatro atletas, que disputaram cinco provas de Atletismo na fase final dos Jergs deste ano. Os alunos Geliel Pelisson Scherer ( (2º lugar nos 800 e 3.000 metros) e Gabriel de Borba (4º lugar Palestino. A 2ª Divisão, 6ª rodada terá estas partidas neste domingo às 13h30 e 15h30: no campo do Modelo chave E,Atlântico x Atlético Boca Juniors;e SER Atenas x Barcelona; campo da Imasa, chave F, 14 de Julho x E.C. Bahia; e Flamengo da Linha 4 Leste x SER Ijuiense; campo do Lambari, chave G, São Paulo x Associação Independência; e Lyons x Corinthians; e campo do Flamengo da Linha 4 Leste, chave H, Audax x Guarani

Da esq. para a dir. Juliano, Gabriel Borba, professor Paulo, Geliel e Gabriel Lima

nos 200 metros) na categoria juvenil, além de representarem a escola, participam do Clube de Corredores de Ijuí e têm recebidos nestes dois últimos anos acompanhamento e treinamento do professor Paulo Poersch, desenvolvendo em muito seu rendimento neste período. O aluno Juliano Rubert dos e Huracan x Avenida.

COPA DUNGA A 19ª Copa Dunga de Futebol Sete para Menores tem andamento hoje a partir das 13h30 com estes jogos no campo de futebol sete do Sesc em Ijuí: infantil, Greminho Condor x São Luiz; pré-mirim, Grêmio Mareli x Ajuricaba B; infantil feminino,Greminho Condor x Bozano; pré-mirim, Grêmio

Santos, (3º lugar nos 100 metros juvenil) vem buscando há sete anos o seu espaço, atingindo o objetivo neste ano. O aluno Gabriel Czekalski de Lima (4º lugar nos 75 metros infantil) começou neste ano a treinar e competir, já apresentando resultados bem expressivos. Manjabosco x Ajuricaba A; pré-mirim,Grêmio Dimicron x CFE Garra; e infantil, Grêmio Dimicron x CFE Ijuí.

19ª Copa Dunga prossegue hoje à tarde

16

Renato Marsiglia renato.marsiglia@tvglobo.com.br

INTER: VENCER OU VENCERFaz tempo que o Inter não tem mais gordura para queimar e já está raspando o osso. Se não somar três pontos contra o São Paulo amanhã, corre sério risco de começar a trocar e-mails com a Série B. E time grande quando despenca, é difícil de segurar. Argel foi demitido com time na oitava posição e hoje é décimo-quinto a um ponto do Z-4. Ou seja, teve três treinadores em trinta e cinco dias e não cansa de perder. O jogador sai de casa para o treino e não sabe quem irá encontrar no vestiário. No contexto atual não vale a máxima de que contra clube grande, empate é normal. Para o Inter, é pura tragédia. GRÊMIO NÃO PODE VACILAR A situação do Tricolor é bem diferente da do Inter, mas igualmente joga sob pressão. Está na luta pelo título e nunca se viu um Brasileirão tão embolado. Do primeiro ao sexto colocado são apenas cinco pontos de diferença. A campanha fora de casa não é das melhores, mas o jogo em Brasília não coloca o Flamengo "dentro de casa". É uma torcida com perfil diferente da que frequenta o Maracanã. Mais familiar, vai mais para um evento social-esportivo do que para torcer com fanatismo. Isto faz com que o Estádio Mané Garrincha seja praticamente neutro, o que é bom para o Grêmio. BRASIL X ALEMANHA Aplaudo o que escreveu o comentarista do SporTV, Lédio Carmona: "Vai começar esta lenga-lenga de vingança contra a Alemanha, como se uma decisão de futebol olímpico (sub-23) tivesse o peso de um 7 x 1 numa semifinal de Copa do Mundo, e dentro de casa. Que o Brasil ganhe logo essa medalha para terminar com essa chorumela de "falta o ouro". Está cansativo". Na mosca, amigo ! A PROPÓSITO... Realmente, é completamente sem noção e ultrapassa os limites do ridículo uma eventual comparação de título de futebol em Jogos Olímpicos com o de uma Copa do Mundo. Espero que os jogadores não entrem com esta "pilha", considerando-se obrigados a vingar algo que somente teria sentido no dia em que vencêssemos a Alemanha por 7 x 1, numa Copa do Mundo e dentro da casa deles. O resto é conversa mole para enganar otário!


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

DOIS TOQUES

Carlos Alberto Padilha

esporte@jornaldamanhaijui.com

GRÊMIO- O técnico Roger Machado garantiu ontem que Miller Bolaños e Pedro Rocha serão titulares do Tricolor no jogo contra o Flamengo amanhã às 11h no Mané Garrincha, em Brasília pelo Campeonato Brasileiro. Os dois jogadores foram poupados dos treinos de quinta-feira e ontem. O goleiro Marcelo Grohe também vai para o jogo.O lateral Wallace Oliveira e o volante Ramiro substituirão Edílson e Jaílson suspensos pelo terceiro cartão amarelo. O time deve ter: Marcelo Grohe; Wallace Oliveira, Pedro Geromel, Wallace Reis e Marcelo Oliveira; Maicon, Ramiro, Pedro Rocha, Douglas e Everton; Miller Bolaños. O meia Diego, ex-Santos e que atuou por muito tempo no futebol europeu será a novidade no Flamengo fazendo a sua estreia. Leandro Damião ganhou a vaga de Vizeu no ataque rubro-negro. INTER- O volante Eduardo Henrique vindo do Atlético-MG deve fazer sua estreia no Inter amanhã às 16h diante do São Paulo, no Beira-Rio. O lateral Willian e o volante Rodrigo Dourado ficam no banco hoje na final entre Brasil e Alemanha e se apresentam ao técnico Celso Roth amanhã pela manhã. DERROTA- A Seleção Brasileira Feminina de Futebol despediu-se dos Jogos Olímpicos sem medalha. No início da tarde de ontem, em Itaquera, o time de Vadão voltou a mostrar ineficácia no ataque, pecou na defesa e acabou derrotado pelo Canadá por 2 a 1 (gols de Rose e Sinclair; Beatriz descontou). O Canadá garantiu o Bronze. Diante das canadenses, o Brasil, que havia anotado oito gols nas duas primeiras rodadas das Olimpíadas, ainda ultrapassou a marca de 400 minutos sem balançar as redes – ficou no 0 a 0 com África do Sul, Austrália e Suécia, seleção diante da qual foi eliminado da briga pelo ouro nas semifinais, nos pênaltis.A Alemanha é campeã olímpica no futebol feminino. Ontem, as alemãs enfrentaram a Suécia, no Maracanã, na grande final da disputa nos Jogos Olímpicos Rio 2016, e conseguiram garantir a medalha de ouro diante das algozes das brasileiras com uma vitória por 2 a 1. Marozsán e Sembrant contra, marcaram os gols da Alemanha. Blackstenius descontou. VITÓRIA- O Brasil-Pel venceu o Paraná por 2 a 0, ontem em Curitiba. Ramon e Felipe Garcia marcaram para o xavante na retomada da Série B do Campeonato Brasileiro.

17

Vale Ouro no reencontro No esperado reencontro da Seleção Brasileira de Futebol masculino com o Maracanã, no Rio de Janeiro, a equipe deu diante de Honduras na goleada de 6 a 0, o penúltimo passo da caminhada rumo ao inédito ouro olímpico. Se na Copa do Mundo de 2014 ficou a frustração por não ter tido o time verde e amarelo na final e, por consequência, nenhuma vez no estádio, agora, a torcida terá a oportunidade de ver, pela primeira vez em casa, a tentativa de uma conquista que se tornou obsessão. O adversário será, justamente, o país que fez a festa há dois anos no local, a Alemanha. A medalha dourada é o objetivo do time de Rogério Micale. O Brasil é o único campeão Mundial que nunca subiu ao topo do pódio em Olimpíadas, considerando a Inglaterra como integrante da Grã-Bretanha. O país tem três pratas: Los Angeles 1984, Seul 1988 e Londres 2012, além de dois bronzes: Atlanta 1996 e Sydney 2000. Na decisão marcada para este sábado, às 17h30, o Brasil vai enfrentar a Alemanha, que despachou a Nigéria por 2 x 0, na Arena Corinthians, em São Paulo, em duelo disputado após a vitória brasileira. Os europeus não trazem boas recordações para a seleção e foram responsáveis pelo maior vexame da história do

BRASIL

ALEMANHA

Weverton; Zeca Rodrigo Caio Marquinhos Douglas Santos; Walace Renato Augusto Neymar; Luan Gabriel Jesus Gabriel Barbosa Técnico: Rogério Micale

Timo Horn; Jeremy Toljan Matthias Ginter Niklas Süle Klostermann; Sven Bender Lars Bender Serge Gnabry Max Meyer Julian Brandt; Davie Selke Técnico: Horst Hrübesch

Local: Estádio Maracanã (RJ) Data: 20.8.2016. Início:17h30.

Gabriel Jesus marcou dois gols diante de Honduras. Atacante enfrenta a Alemanha

Matthias Ginter, 22 anos, é o único jogador que integrou a seleção na Copa de 2014 no Brasil. O meia Max Meyer é um dos jogadores mais talentosos do sele-

cionado bávaro. Em caso de empate no tempo normal a decisão vai para a prorrogação. Persistindo a igualdade a definição será nos pênaltis.

time verde e amarelo, quando fez 7 x 1 na semifinal do Mundial de 2014. O técnico Rogério Micale fechou ontem os portões do Ninho do Urubu, o CT do Flamengo, na zona oeste do Rio, No último treino antes da decisão no Maracanã, o técnico da seleção olímpica insistiu na marcação aos atacantes e aos laterais que viram alas e, sobretudo, aos contra-ataques e às bolas paradas. Micale entende que enfrentará uma partida a ser decidida nos detalhes.A imprensa conseguiu acompanhar apenas os primeiros minutos de treino, o aquecimento dos jogadores. No time alemão o zagueiro

São Luiz anuncia o técnico Paulo Henrique Marques O Esporte Clube São Luiz apresentou ontem à noite durante jantar no Grupo de Arte Nativa Cabo Toco o seu técnico para a disputa da Divisão de Acesso de 2017. É Paulo Henrique Marques, natural de Santa Rosa, 50 anos e que na Segundona deste ano comandou o Tupi de Crissiumal. Em entrevista o novo comandante disse que foram quatro ou cinco conversas antes do acerto. "Foi tranquilo. Era um desejo meu e também do São Luiz. A gente tinha conversado em outras oportunidades, mas agora enfim acertamos". Paulo Henrique afirmou que o principal para um trabalho dar certo é a organização e o Rubro que tem uma camisa forte no Estado pode sim voltar à Série A se pensar desta forma. O novo treinador lembrou que geralmente os planejamentos que são interrompidos no meio do caminho não dão resultado. O técnico salienta que o entrosamento entre a diretoria e a comissão técnica é decisivo para que o sucesso seja alcançado no futebol.

"O São Luiz tem que entrar em qualquer competição pensando em vencer. É um dos grandes clubes do interior. Dos 16 times que estarão na próxima Divisão de Acesso, 14 já atuaram no Gauchão. Lajeadense, Aimoré e Glória, tradicionalíssimos no interior jogarão o Acesso. É um Campeonato difícil, mas entraremos com chance".Paulo Henrique destacou

que é preciso fazer uma mescla de jogadores experientes como jovens. Paulo Henrique Marques começou a carreira como técnico de futebol em 1999, quando comandou o time júnior do Santo Ângelo. Depois de passar pelas categorias de base de outros clubes, assumiu o time profissional do Santo Ângelo em 2002 e foi quinto colocado no Gauchão. Trabalhou como coordenador de futebol profissional da Ulbra de 2003 a 2005, sendo vicecampeão gaúcho em 2004, e

2007. Como técnico, comandou Veranópolis, Santa Cruz, Bagé, Avenida, Ulbra, Guarany de Bagé, Passo Fundo, Guarany de Camaquã, Esportivo, Juventus de Santa Rosa e Palmeirense e Sub19 do Inter-SM. Como jogador, o novo técnico rubro foi lateral esquerdo e defendeu Inter de Santa Maria, São Borja, Dínamo, Santo Ângelo, São José de Cachoeira e Oriental de Três de Maio. O preparador físico será Anderson Delazzari. Fernando Antes auxiliará a comissão técnica e a preparação física.

Paulo Henrique Marques foi anunciado como novo treinador do São Luiz

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

18

USO DO CELULAR AO VOLANTE

Infração passará a ser gravíssima Dirigir com segurança exige atenção, o tempo todo. “Qualquer distração ao volante pode provocar um acidente, e os motivos para desviar a atenção são muitos, mas atualmente o campeão é o celular”, explica Celso Mariano, especialista em trânsito. Segundo estudos, dirigir e falar ao celular pode aumentar em quatro vezes o risco de acidente. Entretanto, muito pior é dirigir e digitar no celular, nesse caso, o risco de acidente aumenta 23 vezes. Quem faz uma simples chamada fica quase seis vezes mais exposto a se envolver em acidente, aponta um estudo do Departamento de Transportes dos Estados Unidos. O motivo é que se o condutor desviar a atenção e o olhar apenas para ver quem está chamando, ele perde em média 4 segundos de atenção, o que a

60km/h pode significar percorrer aproximadamente 65 metros sem ficar atento ao trânsito. E o risco de acidente devido ao uso do celular não está restrito ao ato de dirigir. Muitos pedestres causam acidentes ou morrem atropelados enquanto digitavam ou falavam ao aparelho. Atualmente essa infração é considerada de gravidade média, mas isso vai mudar. A partir de novembro, usar o celular ao volante passará a ser considerada infração gravíssima. Com os valores atualizados, a multa será de R$ 293,47. “Não são só os olhos que são desviados do trânsito, o pensamento, o foco, a atenção e a concentração são desviadas junto, quando o condutor responde uma mensagem, navega na internet, faz ou recebe uma ligação”, finaliza Celso Alves Mariano, especialista.

PRF alerta condutores em alta velocidade na BR-472 Desde a última semana, o Dnit implantou na BR-472 entre Boa Vista do Buricá e Santa Rosa, novo limite máximo de velocidade para veículos leves, que passou de 80 km/h para 100 km/h. O trecho foi o terceiro a ter a velocidade alterada em todo o Estado. Em nota divulgada nessa semana, a Polícia Rodoviária Federal de Ijuí, que é responsável pelo trecho, destacou que embora a velocidade tenha sido alterada, alguns pontos da rodovia, como acessos municipais e intersecções, o limite do velocímetro não mudou. Além disso, o novo limite máximo de velocidade é válido apenas para os veículos leves. Apesar da adequada sinalização da rodovia, alguns motoristas ainda insistem em andar em

excesso de velocidade. A PRF está operando com o radar fotográfico na BR-472, visando coibir tais infrações. Atualmente, os valores para as infrações de excesso de velocidade são R$ 85,13, R$ 127,69 e R$ 574,62, considerando respectivamente a gravidade média, grave ou gravíssima. Esses valores não são atualizados desde 2001, porém, em novembro deste ano, quando entrarão em vigor algumas alterações no CTB, esses valores passarão a ser de R$ 130,16, R$ 195,23 e R$ 880,41, respectivamente. No caso da infração por excesso de velocidade ser considerada gravíssima, além da multa, o condutor terá o seu direito de dirigir suspenso, que varia entre 2 a 6 meses.

Agentes da PRF de Ijuí, responsável pelo trecho, estão monitorando o local

cmyk

Emater / Ascar

CULTIVO DE HORTA DOMÉSTICA O cultivo de uma horta doméstica é uma excelente opção de aproveitamento de vários espaços para a produção de hortaliças de modo saudável. Para isso alguns critérios devem ser considerados para escolha do local da horta: - O solo deve estar livre de encharcamento; - Receber luz do sol durante todo o dia; - Terreno plano ou levemente inclinado; - Disponibilidade de água boa para as regas e adubo orgânico ou químico; - Ficar afastado, por pelo menos 5 metros de instalações sanitárias.

Atualização no Código de Trânsito deve acontecer só em novembro

Governo volta a discutir a renovação da frota O governo federal voltou a discutir com entidades do setor automotivo a possibilidade de tirar do papel um programa de renovação de frota, informaram ontem o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (Mdic), Marcos Pereira, e o presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Antonio Megale, em evento da Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Em discurso para os participantes do evento, o ministro disse que está empenhado no projeto e que pretende envolver os bancos públicos para facilitar o financiamento. "Já conversei com o presidente do Banco do Brasil e com o presidente da Caixa", contou. Afirmou também que quer ver o projeto do programa de renovação de frota finalizado até o fim deste ano, para que entre em vigor já no ano que vem. As conversas entre o setor e governo começaram no governo de Dilma Rousseff e foram interrompidas quando teve início o processo de impeachment da petista. A iniciativa, batizada de Programa de Sustentabilidade Veicular, tem o objetivo tirar de circulação veículos muito antigos e substitui-los por veículos novos e mais eficientes do ponto de vista energético. As negociações foram retomadas na semana passada, quando Megale se encontrou

com Pereira em Brasília para apresentar a versão preliminar do projeto. Segundo o presidente da Anfavea, ainda não há uma definição de como programa vai funcionar e nem qual é a previsão de qual será o impacto no mercado interno de veículos. O ministro disse que recebeu pessoalmente do presidente interino Michel Temer a missão de tocar as conversas com o setor. Ao todo, 19 entidades do setor participam das negociações, entre elas a Anfavea, a Fenabrave e o Sindipeças. Em linhas gerais, a ideia do programa é que os proprietários de veículos antigos ganhem um crédito ao trocar o antigo por um novo. O antigo seria mandado para sucata e a troca seria voluntária e não obrigatória. Em janeiro, quando Dilma ainda estava no comando do governo, o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Jr, disse que as conversas estavam avançadas e que o programa envolveria caminhões com mais de 30 anos de uso e carros com mais de 15 anos de uso. À época, afirmou que o programa resultaria em um aumento anual de 500 mil unidades no mercado interno. Em mensagem de vídeo destinada aos participantes do evento da Fenabrave, o presidente interino Michel Temer afirmou que espera receber sugestões do setor para tirar o País da crise econômica.

As mudas podem ser adquiridas ou produzidas em sementeira própria, para isso é necessário buscar orientação quanto a construção de sementeira ou aquisição de mudas. É importante planejar a formação da horta com certa antecedência para evitar falhas no uso dos canteiros. A área da horta deve estar limpa (capinada), o material gerado pela limpeza deve ser reservado numa parte do terreno, onde futuramente poderá ser usado como adubo orgânico. O solo necessita ser cavado ou arado na profundidade de 20 centímetros, procurando desmanchar torrões, deixando a terra livre de entulhos e afofada para o cultivo. Determinadas culturas de olerícolas, podem ser implantadas através prática de plantio direto, não há necessidade de revolver o solo, somente fazer uma pequena cova e fazer o plantio. No caso de áreas inclinadas, a posição do comprimento dos canteiros deve ficar atravessado em relação à caída do terreno, para evitar danos pela ação das águas. As dimensões recomendadas dos canteiros são: 15 a 20 centímetros de altura, e comprimento variável conforme a condição do terreno, no caso da largura é recomendável 1 metro e a distância entre um canteiro e outro de 30 a 40 centímetros. A dosagem de adubo varia conforme as condições de fertilidade do solo e características da hortaliça, para isso procure orientação técnica. Para que as plantas cresçam sadias, é fundamental que recebam regas diárias, geralmente, um metro quadrado de área cultivada necessita de 2 a 5 litros de água por dia. Considerando as características da planta, do solo e época do ano. O mato que crescer entre as plantas deve ser retirado para não causar danos ao crescimento das hortaliças, a frequência de capina é variável, dependendo do ciclo de cultivo de cada hortaliça. No caso de doenças sempre usar técnicas preventivas contra o ataque de pragas e doenças, no caso de controle, poderão ser utilizadas caldas e produtos alternativos, elaboradas com produtos naturais, para isso é importante buscar a opinião de um técnico. Após cada colheita, é recomendado alternar o cultivo da área com o plantio de hortaliças de famílias botânicas diferentes, para evitar a propagação de doenças e pragas.


Notícias

Jornal da Manhã Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

TRAGÉDIA

Colisão mata cinco da mesma família na região As cinco pessoas que morreram em um acidente, na manhã de ontem, eram da mesma família de Horizontina e iam a um aniversário em Porto Alegre de uma criança de um ano. O acidente ocorreu no km 26 da ERS-596 em Novo Barreiro, na região Norte, onde o carro em que estava o grupo bateu de frente com um caminhão. Segundo a polícia, chovia forte no momento da colisão, que ocorreu perto de uma curva. As vítimas foram identificadas como Iriceu Breunig, 73 anos; a esposa dele, Senilda Peiter Breunig, 71 anos; a filha do casal, Neuci Cirlei Breunig Zappe, 51 anos; o marido dela e motorista do carro, Astor Zappe, 58 anos; e a mãe dele, Romilda Irena Staffen Zappe, 85 anos. A suspeita, segundo as primeiras informações do Comando

PLANTÃO

19

Sem cinto, condutor morre na BR-285 Um homem morreu durante uma colisão entre um veículo de passeio e uma carreta na madrugada de ontem na altura do km 200 da BR-285, em Lagoa Vermelha, no Norte do Rio Grande do Sul. Conforme informações da Polícia Rodoviária Federal, o veículo de passeio com placas de São José do Ouro trafegava na rodovia no sentido Vacaria - Passo Fundo quando invadiu a pista contrária

e bateu de frente com a carreta. O condutor do veículo, de 32 anos, morreu no local por conta da violência do impacto. Ele não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e também não usava cinto de segurança no momento do acidente, informou a PRF. O motorista do caminhão ficou ferido e foi encaminhado para o hospital para receber atendimento e até o fechamento da edição, permanecia internado.

Carro e caminhão colidiram em Novo Barreiro e cinco pessoas morreram

Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), é de que o carro, um Toyota Corolla, tenha aquapla-

nado. Conforme o policiamento rodoviário, o caminhoneiro não se feriu.

Carro foi incendiado por causa de uma dívida

RESERVA - Um policial militar da reserva reagiu a uma tentativa de assalto e matou um suspeito na tarde de ontem em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. O aposentado não se feriu, e um comparsa do crime fugiu e é procurado pela Brigada Militar. Segundo a Brigada Militar, por volta das 14h o PM foi abordado por dois homens armados quando dirigia um veículo na Rua Barão do Rio Branco, no Bairro Niterói. Após os ladrões anunciarem o assalto, o aposentado disparou contra um deles, e o outro escapou. O suspeito baleado chegou a ser atendido no Hospital de ProntoSocorro da cidade gaúcha, mas não resistiu aos ferimentos.

O segundo suspeito preso pela morte da médica Graziela Müller Lerias, 32 anos, no último domingo em Porto Alegre, afirma ter participado apenas do incêndio no carro da vítima. Em depoimento, ele negou estar na cena do crime, na Zona Norte da capital. A polícia, no entanto, acredita que Davi Moreira Oliveira participou do latrocínio ao lado de Richard Correa Petry, preso na quarta-feira. Davi disse no depoimento que ajudou Richard a atear fogo no veículo roubado da médica, pois tinha uma dívida com o comparsa. O suspeito acabou se queimando ao incendiar o automóvel. “Ele não nega, diz que foi ele e mais

ABIGEATO - A Polícia Civil lançou ontem uma força-tarefa para combater crimes comuns em áreas rurais, como abigeato - roubo de animais - e roubo de maquinário. A cerimônia ocorreu em Rosário do Sul, mas as ações serão realizadas nos municípios do interior, principalmente nas áreas de fronteira. Além da base em Rosário do Sul, outras sete delegacias serão responsáveis pela segurança: Santa Maria, Alegrete, Bagé, Santana do Livramento, Pelotas, Santiago e São Luiz Gonzaga. Ao todo, serão 60 municípios beneficiados. A Patrulha Rural da Brigada Militar também vai auxiliar as ações.

Carro de Graziela, a vítima do latrocínio, foi encontrado incendiado

outro que foram lá colocar fogo. A alegação dele é que ele devia dinheiro para o Richard. Então, ele ajudou a tentar retirar aquelas provas e indícios que poderiam estar dentro do carro. Ele não nega isso aí. Realmente, ele se queimou quando eles colocavam fogo no automóvel”, relata o delegado Cleber Ferreira, que investiga o caso. A polícia busca uma terceira pessoa envolvida no crime, apontada por Davi. O terceiro suspeito seria o motorista do caminhão onde os criminosos estavam antes de abordarem Graziela e a irmã no carro em que elas voltavam de Camaquã, após passar o Dia dos Pais com a família.

Motorista não usava cinto de segurança no momento do acidente, conforme a PRF

Operação combate prostituição infantil no RS Uma operação deflagrada pela Brigada Militar em conjunto com a Polícia Civil contra a criminalidade no Centro de Porto Alegre, na madrugada de ontem, em estabelecimentos que estão localizados em uma área conhecida pelos “inferninhos” resultou na prisão de nove pessoas, além da apreensão de 85 adolescentes que estavam em casas noturnas que operavam com público acima da capacidade. O objetivo da ação é o combate à prostituição infantil, a venda de bebidas alcoólicas para menores de idade, a localização de armas de fogo, drogas e foragidos da Justiça. “A operação realizada durante a madrugada em conjunto com a Brigada Militar, denominada Dose Zero, nós visamos coibir o fornecimento e venda de bebida alcoólica para crianças e adolescentes, além da exploração sexual”, detalha a delegada da Delegacia de Polícia para Crianças e Adolescentes (Deca) Patrícia Tolotti. Entre os nove presos, seis eram foragidos da Justiça, sendo um por estupro de vulnerável,

além de três pessoas que deveriam estar cumprindo prisão domiciliar. Clientes dos estabelecimentos comerciais foram revistados e 85 adolescentes foram encaminhados para o Deca. Conforme informações da Brigada Militar, cada uma das casas noturnas onde ocorreu a operação, na Rua Marechal Floriano Peixoto, tinham capacidade para aproximadamente 180 pessoas, mas funcionavam com um público de 200 e 300 pessoas, respectivamente. Ainda de acordo com a BM, a ação é uma continuação da Operação Avante Centro. Os locais foram definidos com base em denúncia feita pelo Ministério Público. “Alguns indivíduos que estavam dentro destas casas aproveitam o horário para cometer diversos delitos, em especial o roubo a pedestre. A ação da Brigada Militar nestes ambientes tranquiliza o trabalhador para deslocar no centro, durante a madrugada”, afirmou o comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar, tenente coronel Marcus Vinicius Gonçalves de Oliveira.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

20

OPERAÇÃO DOMINÓ

MP e BM prendem 36 pessoas na região O Ministério Público de Santo Ângelo, com auxílio da Brigada Militar, deflagrou em toda a região a Operação Dominó. Os trabalhos foram de combate ao tráfico de drogas e desmontaram uma rede em sete municípios, a partir de 86 mandados de busca e outros 36 de prisão. Foram, pelo menos, quatro meses de investigações de uma ação que revelou o comando de dentro da cadeia, além do uso da tecnologia em prol do tráfico. Ainda na edição da semana passada, o Grupo JM reportou a realidade de toda região no que diz respeito ao comércio e consumo de drogas. Uma semana depois a Operação Dominó sintetizou toda essa condição. O resultado da ação de ontem foi mais um da parceria Ministério Público e Brigada Militar. Capitaneados pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), os trabalhos abraçaram sete municípios de toda região Noroeste: Santo Ângelo, Ijuí, Cerro Largo, Santa Rosa, Horizontina, General Câmara e Charqueadas. Em contato com o Grupo JM na tarde de ontem, o promotor e responsável pelo Gaeco na região, José Garibaldi revelou que os resultados estão sendo colhidos desde os primeiros momentos da investigação. "Tudo começou quando recebemos informações do tráfico de drogas aqui na região. Em consulta e uma série de diligências, constatamos que essa rede era muito mais extensa e abrangia diversos municípios da região e do Estado. "Dos oito grupos criminosos constatados, quatro vinham sendo chefiados do interior do sistema prisional do Estado. Mesmo encarcerados, apenados estavam negociando para que fossem repassados entorpecentes aos demais pontos em toda região. Foi possível

identificar que, pelo menos, uma das associações que era gerenciada por um apenado da Pasc (Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas), possuía ramificação nas sete cidades da região", explicou o promotor Garibaldi. Chamou a atenção em todo o Estado, inclusive, o uso da tecnologia em favor do crime organizado. Um drone era utilizado para a distribuição das drogas. "O aparelho era utilizado para distribuir a droga em pontos e ainda o ingresso de drogas no presídio de Santa Rosa", acrescentou o promotor. Em toda a região foram 36 mandados de prisão cumpridos, além de outros 86 mandados de busca e apreensão em todas as cidades. Questionado sobre a quantia de objetos, além de drogas e demais apreensões, o promotor revelou que os trabalhos estão sendo desenvolvidos ao longo dos quatro meses, e que nesse período foi possível subtrair do comércio uma quantia aproximada de 150kg entre todos entorpecentes. "Ao longo da investigação houve a apreensão de uma carga considerável de entorpecentes na região da Serra Gaúcha em virtude das informações coletadas nessa investigação. Tivemos também uma apreensão de pequeno para médio porte em Entre Ijuís há alguns meses, em virtude dessas informações locais. Não houve casos específicos de grandes quantidades de droga. Foram apreensões suficientes para configurar a traficância", acrescentou o promotor. EM IJUÍ Assim como adiantado nos trabalhos, Ijuí esteve relacionado nessa conexão em prol do tráfico. Foram 16 mandados de busca e apreensão, além de oito mandados de prisão cumpridos em diversos bairros, além de pontos da Zona Rural do município.

José Garibaldi, promotor de Justiça

Efetivo local contou com reforço da região. Em anexo, prisões em Ijuí

Edilson Góes, comandante do 29º BPM

Buscas, com ajuda de cães, também foram realizadas no interior de Ijuí

"Tivemos apoio, inclusive, de cães farejadores. Tivemos locais como chácaras com extensão maior de terra. Foram pequenas quantidades de drogas, grande número de aparelhos celular, além de materiais de informática", contou o comandante do 29º Batalhão da Polícia Militar, major Edilson Góes.

Foram sete homens e uma mulher presos em Ijuí e recolhidos a Penitenciária Modulada de Ijuí. Os demais objetos apreendidos foram encaminhados ao Ministério Público de Santo Ângelo, que deverá cuidar dos passos a seguir. Em entrevista coletiva concedida ontem, o major confirmou a informação de que a maior

Divulgada a lista dos convocados da Brigada Militar O Diário Oficial do Estado de ontem trouxe a lista dos convocados entre os aprovados no último concurso da Brigada Militar. São 530 candidatos, sendo que 424 serão destinados à Polícia Ostensiva. Outros 106 devem ser direcionados para os Bombeiros. Os selecionados terão que

cmyk

apresentar novos exames médicos. O curso deverá iniciar em outubro. A partir de janeiro de 2017, os recrutas passarão a atuar em eventos fechados, com supervisão, como festividades e praças esportivas. Os 530 candidatos aprovados no último concurso da Brigada

Militar irão atuar preferencialmente em Porto Alegre e na Região Metropolitana. A definição, porém, só irá ocorrer em maio de 2017, quando a nova turma estará formada. O governo do Estado autorizou a convocação do grupo nessa quarta-feira. Além da convocação dos

aprovados, o governo autorizou a prorrogação do concurso de 2014 até dezembro de 2018. Ainda restam aproximadamente 1,7 mil aprovados para serem chamados. Já os primeiros 178 chamados neste concurso público iniciaram curso em maio. A formatura ocorrerá em dezembro.

parte do esquema envolvendo o tráfico e o repasse de drogas é manuseado a partir do sistema carcerário. Para a ação no município foram utilizados 70 PMs, distribuídos em 20 viaturas. O aporte foi possível a partir do auxílio de PMs de Erechim, Cruz Alta, Carazinho, entre outros municípios.

PLANTÃO ROUBO - A Brigada Militar de Ijuí confirmou um delito de roubo no início da noite de ontem. Segundo repassado, quatro homens armados teriam rendido uma família na entrada de uma residência no bairro Assis Brasil, Rua Rio Grande do Sul. Na ação, amarraram as vítimas e levaram uma motocicleta, um notebook, além de dinheiro em espécie. Buscas foram realizadas, mas até o fechamento da edição, ninguém tinha sido preso.


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

CURSOS PREPARATÓRIOS

LFG inaugura unidade em Ijuí

Pensando em contribuir com a qualificação dos interessados pela carreira pública, a LFG – maior rede de cursos preparatórios para concursos públicos e Exame da OAB, além de pósgraduação nas áreas jurídica e MBA – segue expandindo suas operações na região Sul. Até o momento são cinco unidades inauguradas

nas cidades de Lajeado, Porto Alegre, Santa Maria, Uruguaiana e Santo Ângelo, desde o início de 2016. Agora, Ijuí é a cidade que recebe mais uma unidade. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a cidade gaúcha conta com 82,8 mil habitantes, o que a torna a terceira cidade mais populosa

PARTICIPAÇÃO DE FALECIMENTO E CONVITE PARA MISSA DE 7º DIA Esposo Julio Martins, filhos, noras, netos e bisnetos com profundo pesar participam o falecimento da sempre amada

dentre os 216 municípios da região Noroeste do Estado, atrás apenas de Passo Fundo e Erechim. A franqueada Fagep, que já atua na área da educação na região, conta que um dos principais motivadores para o investimento na franquia é o fato de a região possuir um grande número de universidades que oferecem o curso de Direito. “O grande potencial da região são os estudantes do Direito e os

associados da OAB”, conta o diretor do polo. A instituição tem vasta experiência na área educacional. “A LFG já é uma instituição renomada e faz parte do maior grupo educacional do mundo, a Kroton Educacional. Além disso, o país passa por uma fase que exige constante aperfeiçoamento profissional, gerando grande demanda por cursos preparatórios”, explica o diretor.

CONVITE PARA MISSA DE 1° ANO DE FALECIMENTO

HIRMA GAZZÃO MARTINS *19/12/1924 + *13/08/2016

ALBINA MARQUIORO *20/09/1944 +18/08/2015

Aos 91 anos. Buscamos conforto nos ensinamentos que você deixou e na certeza de que o nosso Deus colhe as flores mais bonitas desse mundo, e que assim como chegou sua hora, a nossa tam-

“Não me perguntem quantos anos tenho mas...queiram saber de mim se criei filhos, queiram saber de mim que obras eu fiz, queiram saber de mim que amigos tenho e se alguém, pude eu, tornar feliz. Não me perguntem quantos

bém há de chegar. Permanece em nós cada vez mais fortalecido e intenso o amor que sentimos por você. Familiares convidam para missa que será celebrada, hoje, dia 20 às 18h na igreja Cristo Rei. Ijuí, 20 de agosto de 2016.

É SEU ANIVERSÁRIO ROSÉLIA FREITAS ATKINSON *21/08 Quando nós nos apaixonamos, Tudo que eu queria, Era estar com você, Tudo que eu precisava, Era seu sorriso, seu amor, Para me fazer feliz; E pensei que sempre seria assim, Mas tudo muda, E eu me sinto feliz, Porque quando nos encontramos e nos apaixonamos, Eu não poderia saber que, O melhor ainda estava por vir, Que eu podia ser ainda mais feliz, Ou amar você ainda mais, Mas eu posso. Feliz aniversário querida Rose. Ademir. “Para estar junto, não precisa estar perto, basta estar do lado de dentro” . Ijuí, 20 de agosto de 2016.

anos tenho mas...queiram saber de mim! Que livros li, quantos livros escrevi, quantas histórias contei para meus netos, quantos versos fiz e quantos cantei. Queiram saber de mim por onde andei, o quanto observei, o quanto maravilhei-me da bondade de Deus...e assim, somente assim, todos vocês, por mais brancos que estejam meus cabelos, por mais rugas que vejam em meu rosto, terão vontade de chamarme: - Oi jovem. !!! Ao me verem passar aqui...ali... não saberão ao certo a minha idade, mas saberão por certo que amei de verdade!” ALBINA MARQUIORO Mãe, obrigada por nos conduzir à plenitude, por nos ensinar valores, por suas virtudes que serviram de espelho para nossa caminhada e, ser perseverante na luta de nossa jornada. Mãe, foste fonte, donde buscamos nossa inspiração! Foste o sol, que iluminava nossos passos. Iluminada como a lua... Foste tu, onde as estrelas são contas de quantos beijos, carícias, incentivos e gestos de amor que nos envolveram. A receita que nos deixaste. “A fórmula mais segura para alcançar a plenitude da felicidade está escrita no livro sagrado: Eu sou o caminho, a verdade e a vida, quem crê em mim não perecerá.” Mãe, tua falta cala em nossos corações todos os dias depois que partiste, porém estamos convictos de que tu foste o sol de nossa família e que Deus te quis aí para cantar para Ele. Te amamos. Os filhos Rogério, Rosane e Rosangela, do esposo Angelo, dos netos, bisneto, nora e genros convidam para missa a ser celebrada hoje, às 19 horas, na Igreja Matriz São Geraldo. Ijuí, 20 de agosto de 2016.

21

EM MEMÓRIA AO 1º ANO DE FALECIMENTO E CONVITE PARA MISSA NAIR MARIA SCHWEDE BAUER Esposa, mãe, sogra, avó. Há um ano que tu partiste e só resta saudade, mas leve a certeza de que cumpriste a tua missão aqui a terra. Tudo nós fizemos para que tua vida não se extinguisse, mas Deus assim quis. Seja feita a sua vontade. Dela guardaremos o exemplo de trabalho, honestidade e amor à família e aos amigos, sem exigir recompensa. Temos certeza de que Deus te recompensará, por tudo que deixaste e fizeste por nós. Eternas saudades do esposo Gilberto, filhos Maiquel e Pablo, nora Janaina e neto Bryan. Convidamos a todos para missa a ser celebrada hoje às 19hs na Paróquia São Geraldo. Ijui, 20 de agosto de 2016.

EM MEMÓRIA AO 17º ANO DE FALECIMENTO DE ÉRIC WILLIAN POFFO *15.02.1991 + 19.08.1999 Nosso querido Éric!!! Partiu tão cedo, com apenas 8 anos. Ficaram os brinquedos preferidos e os cartazes de boas-vindas na parede da sala. Contrariando os nossos sonhos, voltou para casa depois do tratamento que salvaria sua vida e não resistiu. A dor chegou e explodiu, não cabia no nosso coração. A inquietude do luto durou anos, não fazia sentido a breve passagem e nenhuma pergunta tinha explicação. O amor se misturou à dor e nos confortamos unidos. O tempo foi passando e com ele aumentando nossa fé de um dia nos encontrarmos. Querido Lili, agradecemos o que temos na memória, especialmente nossos momentos felizes!!! Nosso amor confia no presente divino do reencontro! Nós te amamos muito!!! Um beijo da mãe Cíntia, mano Artur, nona Rosa e nono Miguel. Ijui, 20 de agosto de 2016.

PARTICIPAÇÃO DE FALECIMENTO, AGRADECIMENTO E CONVITE PARA MISSA DE 7º DIA CARLOS ROGER ERIG *03/03/1944 +16/08/2016 Buscamos conforto nos ensinamentos que você deixou e na certeza de que o nosso Deus colhe as flores mais bonitas desse mundo, e que assim como chegou sua hora, a nossa também há de chegar. Permanece em nós cada vez mais fortalecido o intenso amor que sentimos por você. Familiares agradecem ao hospital Unimed e equipe de enfermagem em especial a Dr. Maria Leocádia. Convidam para missa que será celebrada terça-feira dia 23, às 19h na paróquia São Geraldo Ijuí, 20 de agosto de 2016.

cmyk


Notícias

Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

22

ENERGIA PARA A VIDA

Livro resgata história dos 50 anos da Ceriluz Integrando as comemorações dos 50 anos de fundação da Ceriluz, foi lançado ontem, o livro Energia para a Vida. Essa obra é fruto de um trabalho de pesquisa de pouco mais de dois anos do autor, jornalista e escritor Ademar Campos Bindé. Nas suas 218 páginas, o livro busca retratar os fatos mais relevantes que marcaram essa trajetória, nascida do idealismo e de ações de um grupo de produtores rurais do município de Ijuí, que alimentava o sonho de usufruir os benefícios da energia elétrica em suas propriedades. Os primeiros tempos foram voltados à formação e estruturação administrativa, marcados igualmente pela descrença de muitos e pelas dificuldades burocráticas que obstaculizavam a implantação dos projetos iniciais. Vencidos esses fatores adversos que marcaram os primeiros anos, a concretização de um projeto pioneiro viabilizado fora da área de ação do município mãe serviu como impulso necessário para abrir caminho a outros empreendimentos projetados a partir do ano de 1970. Assim a Ceriluz começou a trilhar novos passos na área da eletrifi-

cação rural. Graças às ações desenvolvidas pelos seus administradores e quadro social, a cooperativa foi seguindo uma trajetória ascendente até ingressar na área de geração de energia, que a levou a alcançar um destacado patamar que, somado à continua qualificação de seu quadro funcional e ao acompanhamento da evolução tecnológica coloca a Ceriluz nos dias atuais entre as principais cooperativas de eletrificação rural do País. A obra contém ainda diversos depoimentos de antigos e atuais administradores e funcionários da cooperativa, construtores dessa história de 50 anos, além de dados e informações coletadas pelo autor em inúmeros documentos, publicações e registros de valor histórico. Igualmente é enriquecida com uma mensagem do atual presidente da Ceriluz, Iloir de Pauli, na qual ele enfatiza que “o grande desafio ao longo destes 50 anos sempre foi garantir a energia necessária ao nosso associado” e por comentários do professor Walter Frantz, da Unijuí, versando sobre “A força e o sentido da

Integrando as comemorações dos 50 anos de fundação da Ceriluz, foi lançado ontem o livro Energia para a Vida

organização cooperativa” e do jornalista Vilson Wagner, da Assessoria de Comu-

Curso capacita mulheres na culinária Encerrou-se na tarde de ontem, mais um curso de culinária promovido pelo gabinete da primeira-dama em parceria com o Senar, que tem o objetivo de promover a qualificação para mulheres em diferentes áreas. O gabinete de primeira-dama tem entre suas principais ações a promoção da solidariedade e da cidadania. Recentemente, promoveu o 8º Chá Beneficente, e arrecadou R$ 32,3 mil. O valor arrecadado será repassado para Ação Fraterna da Paróquia São Geraldo; Caps – Hospital Bom Pastor, Grupo Escoteiro Ijuí 300° e Clube de Mães.

Curso encerrou-se na tarde de ontem, no gabinete da primeira-dama

HCI promove semana de prevenção A 19ª Sipat é uma promoção da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) com apoio do Serviço de Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho do Hospital de Caridade de Ijuí(HCI). A partir de segunda-feira até o dia 26 de agosto serão abordados temas relacionados a espiritualidade e saúde, gerenciamento de risco em terapia nutricional, prevenção e cuidados com a Dengue, riscos com a automedicação e o gerenciamento do tempo. “Os temas abordados foram escolhidos pelos cipeiros, que representam os 1.230 colegas da instituição”, disse a presidente da Cipa, nutricionista Vanise Prates. Durante os cinco dias, os co-

cmyk

nicação Social da Ceriluz, sob o título “Cooperativismo e seus princípios”.

Escola comemora aniversário e premiação Na semana passada, duas alunas da Escola Estadual de Ensino Fundamental Giovana Margarita receberam a premiação da 11ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). A cerimônia de premiação ocorreu no dia 12 de agosto na Escola Estadual de Ensino Fundamental Rui Barbosa. A aluna Paola Jacoboski Denes conquistou a medalha de prata e a aluna Jocieli Taís Karlinski Rocznieski recebeu o certificado de menção honrosa. A professora Ana Luisa Bigolin da Silveira foi premiada com o diploma e CD com edições da Revista do Professor de Matemática (RPM) e a Escola recebeu um kit de material didático. De acordo com a diretora da Escola, Leial Jacoboscki Denes,

a premiação é muito gratificante para a Escola e professores. “O prêmio é resultado do trabalho realizado na escola, contando com a colaboração das famílias na busca constante de uma educação de qualidade”, destaca ela. Neste fim de semana, a escola também comemora seus 80 anos de fundação. A festa ocorre no salão da Igreja São João Batista de Vila Floresta. A programação terá início às 10h com celebração ecumênica. Segundo a diretora, a Banda Municipal Carlos Gomes marcará presença no evento. “Os alunos da escola farão apresentação artística. Nesse dia serão feitas fotos dos ex-alunos, com objetivo de compor o álbum dos 80 anos da escola”, explica a professora.

Só Risos de Santa Cruz do Sul foi a atração do dia de ontem

laboradores também vão contar com o momento cultural, quando ocorrem apresentações ao final de cada palestra, como música instrumental, nativista, dos alunos da Escola de Educação Infantil

do HCI, grupos de escoteiros e finalmente a ONG Só Risos de Santa Cruz do Sul, que faz um trabalho fantástico, uma mescla de paródias, brincadeiras, mensagens de fé e otimismo.

Paola Jacoboski Denes conquistou a medalha de prata na OBMEP


Jornal da Manhã

Sábado e domingo, 20 e 21 de agosto de 2016

23

Memória JM CARA OU COROA

Armindo Pydd

SONEGÔMETROIMPOSTÔMETRO **TRUMP, candidato do partido republicano a pres. dos EUA anunciou que se eleito no seu país ninguém deverá pagar impostos acima dos 15% dos seus rendimentos. E isto que nos EUA os impostos já são muito inferiores atualmente aos nossos. Estima-se que o cidadão brasileiro paga tributos acima dos 40% considerando município, Estado e União. **Existe há muito tempo, organizado pelas entidades empresariais de S. Paulo, o Impostômetro que mede dia a dia o montante de tributos pagos que soma valores assombrosos. Agora, organizado pelo Sinprofaz (Sindicato Procuradores da Fazenda Nacional) foi lançado o Sonegômetro, que mede o valor dos tributos sonegados pelo cidadão brasileiro. E os números são também assombrosos.

Notícias de agosto de 1981

Escolhida a rainha da primeira Expo-Ijuí Uma reunião que aconteceu nos salões da Sociedade Ginástica foi palco para a escolha da rainha da primeira Expo-Ijuí. Muitas pessoas prestigiaram o Jantar Dançante que a Sogi promoveu em conjunto com a Associação Comercial e Industrial de Ijuí (ACI). Concorreram ao título as mulheres Marisa Perin, Rosecler Kirchner, Mara Sausen, Silvia Burkhard, Elisabete Stolz, Helenice Tonetto e Tania Maria Martins. O público participou da escolha

das soberanas, onde todos votaram nas candidatas. A soma dos votos apontou as quatro mais votadas: Mara Sausen, Silvia Burkhard, Marisa Perin e Rosecler Kirchner, as quais foram submetidas a novo julgamento por uma comissão especial. Essa comissão elegeu a soberana da Expo-Ijuí Mara Sausen, ficando suas princesas as três outras mais votadas Silvia, Marisa e Rosecler. Todas receberam um relógio de presente e ramalhetes de flores.

**Contando somente o ano de 2016 até agora, 617 bilhões foram arrecadados na área federal, mas outros 339 bilhões foram sonegados. É o dobro do déficit anual estimado para este ano, que é de 170 bilhões. Só no RS o Estado já perdeu este ano por sonegação 4,5 bilhões. Isto dá o dobro do déficit anual estadual e ainda sobrariam recursos para investir em áreas absolutamente carentes e dramáticas como segurança, saúde, educação. Um dos campeões de sonegação no RS seria o cigarro (tabaco). **Chegando ao final as Olimpíadas Rio2016. Diminuíram as notícias negativas no exterior. As estrelas que são os atletas fizeram sua parte com espetáculos, emoções, lindos eventos e superações. Estamos longe de um lugar de destaque, mas são metas a serem perseguidas. Até agora, noticiado só um atleta dopado, de um país asiático, e com o uso de veneno de rato (estricnica) que pode ser mortal, mas em pequena dose é estimulante. **Entre os muitos recordes superados está também o do uso da camisinha, disponível em máquinas automáticas. Estima-se que entre os 12.500 atletas 70 % se dedicaram também ao relax especial do sexo. **Corridas salto em distância, salto em altura, vôlei, basquete, são modalidades de pequeno investimento. Mesmo assim, nas escolas brasileiras quem pratica estes esportes? E nas universidades brasileiras qual o esporte que tem destaque? Parece que no geral se resume a uma bola, um apito e um jogo de futebol.

Silvia, Marisa, Mara e Rosecler

Novo modelo de habilitação já é fornecido em Ijuí A Delegacia de Trânsito de Ijuí está fornecendo aos interessados, o novo modelo da Carteira Nacional de Habilitação, que entrou em vigor no Estado no dia 1º de julho. O delegado Luiz Silveira Amaral informa ainda que os modelos antigos continuarão em vigor até a data especificada no documento, quando então os usuários receberão o modelo novo.

O novo modelo da CNH

A coleção completa do JM está disponível para pesquisa no Museu Antropológico Diretor Pestana

Exposição - Revestiu-se de pleno êxito a 1ª Exposição de Artesanato, promoção da recém-criada Associação dos Artesãos de Ijuí. Os trabalhos de 19 artesãos ijuienses ficaram expostos durante todo o dia no saguão e no salão nobre da Prefeitura Municipal. A professora Lori Polita, presidente da Associação, manifestou a sua satisfação em relação ao público, calculado em cerca de duas mil pessoas. Hemodiálise - Com a instalação de um moderno aparelho, que serve para o tratamento de doenças renais, agudas e crônicas, o Hospital de Caridade de Ijuí passou a ser uma das poucas unidades hospitalares do Rio Grande do Sul e mesmo do País a contar com um Centro de Hemodiálise. No Estado, segundo a médica nefrologista Anna Maria Hagel Ledur, apenas as cidades de Porto Alegre, Passo Fundo, Cruz Alta, Pelotas e Rio Grande contam com esse serviço. Expo-Ijuí - O presidente da Expo-Ijuí, Adair Casarin, regressou de Porto Alegre, onde manteve vários contatos relacionados a divulgação da feira. Com o governador do Estado, obteve também a confirmação de que o Estado concederá um auxílio de R$ 1,5 milhão para a primeira Feira de Exposições

**56% do comercio de POA já foi assaltado. É uma estatística macabra. **Em 13 anos o PT criou 41 novas estatais, que deram um déficit de 8 bilhões, gastaram com salários 5,5 bilhões. Serviram para aparelhamento politico-partidário sem retorno para a população (senadora Ana Amélia). **Cuba é a delegação que mais usa os serviços de odontologia da Vila Olímpica **Com transmissão ao vivo, a realidade entra em nossas casas. As narrações fantásticas dos locutores no tempo em que só havia rádio não enganam mais ninguém. E ficamos sabendo que mesmo no futebol não somos os melhores do mundo. Só de vez em quando. 11-Ze Dirceu, há pouco um dos homens mais poderosos do país teve suspensas por 20 dias as visitas junto com seu colega de cela Luiz Argollo. Foi encontrado pendrive com carregador no presídio de Curitiba.

sob o regime estatutário, além de formar cadastro de reserva. As inscrições ficam abertas até o dia 2 de setembro de 2016, pela internet, no endereço eletrônico: www.legalleconcursos.com.br.

CONCURSOS Prefeitura de Fontoura Xavier A Prefeitura de Fontoura Xavier, dá início à realização de um novo concurso público (nº 01/2016), cujo objetivo é selecionar candidatos de níveis fundamental, médio e superior, para a contratação imediata de 20 novos servidores,

Universidade Federal do Rio Grande do Sul A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) informa que estão abertas as inscrições para novo concurso público, regido pelos edital n° 11, 12 e 13/2016, visando a contratação total de profissionais que ocupem mais de 60 cargos na carreira de Técnico-administrativo em Educação. A remunera-

ção proporcionada poderá variar de R$ 1.834,69 a R$ 3.868,21. As inscrições estão abertas até o dia 05 de setembro de 2016 e podem ser feitas via endereço eletrônico: http://www.portalfaurgs. ufrgs.br/concursos, mediante pagamento de taxa de inscrição de R$ 70,00, R$ 95,00 ou R$ 120,00. A seleção dos candidatos constará de prova escrita objetiva, em Porto Alegre - RS e/ou na Região Metropolitana, como definido, prevista para datas diferenciadas, conforme o edital de interesse (16 ou 23 de outubro de 2016). Outras etapas seletivas programadas devem ser conferidas nos respectivos editais.

cmyk


WWW.JMIJUI.COM.BR

NOTÍCIA NA SALA

BUSCA PELO OURO INÉDITO

Nesta semana, uma das escolas que recebeu um kit de jornais do JM foi o Ruizinho, que já aproveitou e fez uma aula superdiferente com os alunos | 7

Neymar e Luan são armas da Seleção Brasileira para a decisão de hoje no Maracanã contra a Alemanha | 17

LEMBRANÇAS

QUALIFICAÇÃO

Iria Sommer expõe na Expo-Ijuí desde a primeira feira | Caderno Dois

Encerrou-se mais um curso do gabinete da primeira-dama, ontem | 22

Premiação do Concurso de Redação será na terça Cerimônia de premiação aos vencedores de cada categoria será às 19h30, na Casa da Amizade, na próxima terça-feira. | 7

EDITORIAL | 6 Causou surpresa a decisão do STF que tirou a força dos tribunais de contas e arrefeceu a abrangência da Lei da Ficha Limpa.

cmyk

Sitepagina  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you