Page 1

Out. 13 Ano 10| Número 1 E-mail: jornal.ebsis@gmail.com

Notícias da Escola

Jornal do Agrupamento do Concelho de Viana do Alentejo

A MINHA ESCOLA É MUITO BONITA! Alunos do Pré-Escolar e do 1º Ciclo contentes com o novo espaço escolar. Pág. 7

Associação de Pais - O BEM-ESTAR DAS NOSSAS CRIANÇAS

Pág. 2

Dia Mundial da

Ser GNR por um dia - Gerações de mãos dadas

Atividades

Jardim de Infância

Biblioteca Escolar: -uma porta para a vida

Pág. 3

Alimentação Pág. 4

- Horta está de volta - Geração depositrão

Autarquia e Educação - Entrega Prémios de Mérito

Pág. 8

Desporto

- Atribuição da Bolsa de Estudo Pág. 5

Pág. 6

do

Pág. 10

Escolar

Pág. Pág. 1511


2

EDITORIAL

O bem-estar das nossas crianças

Agora somos o Agrupamento de Escolas do Concelho de Viana do Alentejo. Contra ventos e marés, acabámos por nos agrupar, Viana e Alcáçovas, e cá estamos para realizar um trabalho em conjunto, pois o objetivo é certamente comum: desenvolver com os nossos alunos aprendizagens, saberes e capacidades, estabelecendo relações com toda a comunidade educativa, incluindo parceiros que se disponham a colaborar connosco. A escola é uma instituição determinante e imprescindível para a formação das pessoas, como tal é preciso dignificá-la. Não falo da escola velha ou da escola nova, da escola de Alcáçovas ou da escola de Viana, porque, embora importantes, não são as paredes ou os edifícios que pesam e contribuem para a qualidade de uma escola, mas a massa humana que a constitui, assim como o trabalho que aí se faz. Acredito que, apesar das mudanças, as pessoas e as ações são e serão sempre o mais valioso no nosso Agrupamento. Contamos, assim, com a colaboração de todos no sentido de valorizar cada vez mais a nossa escola.

Profª Gertrudes Pinto

Alunos, professores, auxiliares, pais e encarregados de educação sejam bem-vindos ao ano letivo 2013/2014. Neste início do novo ano letivo, a direção da Associação de Pais sofreu algumas alterações na sua constituição em consequência da saída de vários elementos, substituídos entretanto. Continuamos, porém, com o mesmo empenho na participação e trabalho na vida escolar dos nossos filhos. Definimos para o ano letivo 2013/2014 as seguintes áreas de atuação: 1 – apoio à família; 2 – representação nos órgãos representativos da comunidade educativa; 3 – melhoria nas condições educativas e de segurança; 4 - melhoria da capacidade de intervenção da Associação. O desenvolvimento e concretização destas ações e outras que poderão surgir dependerão, em grande medida, da capacidade de envolvimento de todos nós. Este ano letivo os nossos meninos do pré-escolar e 1º ciclo, sofreram

Notícias da Escola com o apoio de:

uma grande alteração com a mudança de instalações, das antigas escolas para o novo Centro Escolar. Um grande investimento do nosso município já há muito merecido e esperado por toda a comunidade educativa. Sabemos que o funcionamento não tem corrido como o desejado, mas apelamos a todos os intervenientes, pais, auxiliares, professores, CAP, Câmara Municipal, a melhor compreensão, o esforço e o bom senso para melhorar o que está menos bem. Teremos que ter em conta a fase de adaptação de todos os envolvidos, não só às novas instalações do Centro Escolar como também às alterações (estruturais e de organização) necessárias para o bom funcionamento dos dois espaços escolares.

Participem nas nossas reuniões onde estaremos sempre à vossa disposição para discutir todos os assuntos necessários. O objetivo de todos é, certamente, o bem-estar das nossas crianças. Associação de Pais e Encarregados de Educação de Viana do Alentejo e Aguiar


3

Ser G.N.R. por um dia… Gerações de mãos dadas No dia 10 de outubro de 2013, a turma do 3º ano E participou na Semana Sénior. Fomos ajudar os idosos, dando-lhes informações importantes. Todos os meninos e meninas foram fardados de G.N.R. Nós começámos por falar com os idosos que estavam na Rotunda, na Praça da República e no centro da vila e, por fim, no Lar de Terceira Idade. Quando encontrávamos idosos dizíamos-lhes: - Bom dia, como está? Deve ter cuidado com desconhecidos que lhe queiram vender ouro ou trocar notas porque podem estar a enganá-lo ou a tentar assaltá-lo. Tenha um bom dia. Também entregámos uns desdobráveis informativos e voltámos para a Escola.

Os meninos e meninas da Turma do 3º ano E, fardados de G.N.R

Gostámos de participar neste projeto porque é importante respeitar e ajudar os idosos.

Meninos de Aguiar, fardados de GNR

Notícias da Escola com o apoio de: Câmara Municipal de Viana do Alentejo

Turma do 3º ano E da Profª Margarida Rocha

Desfile de GNR pelas ruas de Alcáçovas


4

Dia Mundial da Alimentação A 16 de outubro de 2013, comemorou-se na Escola Básica e Secundária Dr. Isidoro de Sousa o dia Mundial da Alimentação, durante o qual foram realizadas algumas atividades. Fez-se a oferta de diversos alimentos a toda a comunidade escolar, tais como, iogurtes, fruta (peras, bananas, uvas e maçãs), mini sandes, de queijo fresco, compota de figo, tomate e abóbora. Igualmente foi sensibilizada a comunidade escolar para as vantagens decorrentes de se seguir a prática diária de uma alimentação saudável. Foi realizada uma mostra e venda de produtos hortofrutícolas locais, que mereceu elevada aceitação da comunidade escolar. Foram angariados alimentos, em benefício do Banco Alimentar Contra a Fome, dos quais se fará entrega na delegação de Évora deste banco. De salientar que a maior parte dos bens alimentares recolhidos, vieram do Centro Escolar, daí o nosso agradecimento por tão grande generosidade.

Foi ainda exposta a Roda dos Alimentos, elaborada pelos alunos do 6º ano A, B e C. As professoras Maria Custódia Serra, Maria de Jesus Pomares,

O nosso objetivo era encher um “Grande Cabaz” e graças à generosidade de todos os que participaram atingimo-lo. Os alunos do 1º ciclo e o seu professor Carlos Piló, assinalaram o dia da alimentação com a realização de um desenho individual alusivo à temática, que posteriormente ficou exposto no polivalente da escola.

Equipa do Gabinete Educar para a Saúde

Notícias da Escola com o apoio de: Junta de Freguesia de Aguiar

Filomena Pereira, Carla Graça e o professor Francisco Fadista, agradecem a todos os que colaboraram neste evento salientando, em especial, a professora Filomena Coelho, que mais uma vez colaborou ativamente nesta atividade. Deixamos o nosso agradecimento a todos os que nos honraram com a sua presença neste evento.

Viana do Alentejo


5

Programa Eco-Escolas Programa Eco-Escolas O Eco-Escolas é um Programa de Educação para o Desenvolvimento Sustentável promovido em Portugal pela Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE). Uma escola que adere a este projeto compromete-se a desenvolver um conjunto de ações e de atividades que deverão envolver os diferentes elementos da comunidades escolar, alunos, professores, auxiliares de ação educativa, encarregados de educação e ainda da comunidade envolvente, nomeadamente o município. Como forma de reconhecimento do trabalho desenvolvido, no ano letivo 2012/2013, na melhoria do seu desempenho ambiental e na sensibilização para a necessidade de adoção de comportamentos mais sustentáveis, a Escola Básica e Secundária Dr. Isidoro de Sousa, foi mais uma vez, premiada com o Galardão Eco-Escola “Bandeira Verde”. Só com a colaboração de todos os elementos da comunidade escolar, podemos dar continuidade a este projeto, encontrando conjuntamente, soluções que permitam melhorar a qualidade de vida na escola e na comunidade e criar nos alunos hábitos de participação e cidadania. Contamos consigo! Profª Carla Graça, Coordenadora do Programa Eco-Escolas

A HORTA ESTÁ DE VOLTA Novo ano letivo, entusiasmo redobrado para trabalhar a terra. Quem está ou passa pela nossa escola, não pode deixar de reparar na forma interessada e empenhada

GERAÇÃO DEPOSITRÃO O Depositrão é um instrumento logístico (contentor), destinado à recolha de pequenos REEE (Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrónicos), tais como secadores de cabelo, torradeiras/tostadeiras, batedeiras elétricas, telefones/telemóveis, leitores de mp3, portáteis, impressoras, televisores, computadores, monitores, impressoras, brinquedos, máquinas de café, ferros de engomar, facas elétricas, varinhas mágicas, relógios, balanças, máquinas fotográficas, rádios ou consolas, entre outros. Este ano terá também um recetáculo para pilhas e acumuladores, de forma a ser possível recolher, também, este tipo de resíduos.

surge de uma parceria entre a ERP Portugal e a ABAE e visa desafiar as Eco-Escolas a agir como centros de informação e recolha de REEE e RP&A (Resíduos de Pilhas e Acumuladores, tais como pilhas dos comandos, provenientes de brinquedos ou de outros pequenos eletrodomésticos, baterias dos telemóveis e dos computadores portáteis, pilhas dos relógios, etc.). Para os mais distraídos, recordamos que pelo segundo ano consecutivo, a Escola Básica e Secundária Dr. Isidoro de Sousa participa neste projeto, dispondo para o efeito de um contentor no polivalente da escola. Apela-se à participação de toda a comunidade no sentido de encaminhar os equipamentos elétricos e eletrónicos em fim de vida para o referido ponto de recolha.

O projecto Geração Depositrão

Prof. Manuel Rafael

de um grupo de alunos, maioritariamente do segundo ciclo, nos cuidados da Horta da Escola. É já usual assistir ao seu voluntarismo, aproveitando todos os tempos livres, para preparar a terra e construir uma vedação com canas bravas. De acordo com as estações do ano, daquela terra irão brotar brevemente novas plantas e novos frutos e a nossa escola ficará com outra beleza e encanto. Prof. Manuel Rafael


6

Atividades do Jardim de Infância Nós, as crianças do Jardim de Infância de Viana do Alentejo estamos muito contentes por estarmos na escola nova, com uma sala cheia de brinquedos e, jogos novos e sobretudo com uns triciclos espetaculares. Neste início do ano já fizemos alguns trabalhos, tais como: as capas para guardarmos os nossos trabalhos,

fazermos-lhes festinhas e alimentá-las.

Elas são muito queridas... Nós gostamos de pegar-lhes ao colo,

Ao lanche, fizemos uma salada de frutas que estava uma delícia, para além de ser muito saudável.

Festejámos o Dia Mundial do Animal, fazendo alguns trabalhos sobre eles. Mas o melhor foi que a ganhámos

uma gaiola com duas porquinhas-da-índia, a que chamámos Kitty e Marianita.

Para além disso, festejámos o Dia Mundial da Alimentação com todos os alunos do Agrupamento, uma iniciativa do Gabinete da Saúde.

Notícias da Escola com o apoio de:


7

A minha Escola é muito bonita A minha escola é em Viana do Alentejo, foi construída no ano de 2013 e foi inaugurada em setembro deste ano. É uma escola muito bonita, que tem muitas salas de aulas para o Primeiro Ciclo e para o Jardim de Infância; um grande polivalente, onde nós passamos os intervalos quando está a chover; tem também um pátio muito grande, onde podemos jogar futebol nos intervalos e muitas casas de banho. O horário da minha escola é o seguinte: entramos às 9 horas, temos um intervalo das 10h30m às 11h00m, depois saímos para almoçar às 12h e 30m. Voltamos a entrar para as aulas às 14h00m e trabalhamos até às 16h00m. Temos também as Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC), que começam 30minutos depois e finalizam às 17h30m. As AEC que eu tenho são: Expressão Dramática, Atividade Física e Desportiva, Adaptação ao Meio Aquático, Música e Tic. Os meus dias na escola são normalmente assim: levanto-me às 7h15m, para fazer a minha higiene diária e tomar o pequeno-almoço, vou para a escola às 8horas e até começar as aulas brinco com os meus amigos ao berlinde e jogamos às cartas. Às 9horas entramos para a sala para começar a aula com a minha professora que se chama Paula. É uma professora de que gosto muito, por-

Desejos e expetativas para o ano escolar 2013-14 Decorrido um mês de aulas, nós os alunos do 5º A, queremos partilhar alguns sentimentos e preocupações que temos sobre o novo ano escolar: - gostaríamos que os alunos das outras turmas convivessem mais connosco e não se considerassem como se fossem superiores; - que não houvesse alunos conflituosos que muitas vezes andam a bater nos mais novos; - o refeitório devia funcionar melhor, isto é, sem filas tão extensas, menos confusão e houvesse

que me ensina a ler e a escrever, mas também me chama à atenção quando me porto menos bem! Tenho um grupo de amigos de que gosto muito, pois divertimo-nos bastante nos intervalos, quando jogamos ao berlinde e à bola e também quando realizamos os vários trabalhos de grupo e individuais na sala de aula. As disciplinas que eu tenho são: Matemática, Estudo do Meio, Língua Portuguesa e as Expressões, e a que eu mais gosto é o Estudo do Meio.

mais doces como sobremesa; - a ementa do refeitório e bar devia ser mais variada; - nas salas de aula os professores não deviam de levantar tanto a voz pois às vezes chegam a perturbar o funcionamento da nossa aula; - os professores, mesmo os nossos, não deviam zangar-se tanto connosco; - será que os professores podiam avisar para não trazermos alguns livros quando estes não fazem falta nalgumas aulas? É que a mochila pesa! Por favor, professores, não nos marquem tantos trabalhos de casa! Vamos comemorar mais as datas festivas! Se tivéssemos ar condicionado na

Na minha escola também existem funcionárias que nos ajudam e protegem quando nós precisamos, que ficam com os nossos cartões para ao almoço, pois nós podíamos perdêlos. Também nos acompanham à hora do almoço para verificarem o nosso cartão e ajudarem-nos durante a refeição. Eu gosto muito desta escola porque é uma escola bonita! Ricardo Bonito 3ª ano turma D

sala de aula…que bom que era! Assim como maior diversificação de campos de jogos; E também gostaríamos de fazer mais visitas de estudo. Turma do 5º A


8

BIBLIOTECA ESCOLAR Poetas e Poesia Popular do Concelho de Viana do Alentejo

Outubro – Mês Internacional das Bibliotecas Escolares Biblioteca escolar: uma porta para a vida

A Biblioteca Escolar e a Autarquia lançaram, no início do ano letivo, a obra Poetas e Poesia Popular do Concelho de Viana do Alentejo – vol.II, organizado pela professora Luísa Bagão.

Um dos objetivos destas entidades é o estudo, a valorização e divulgação da poesia popular, enquanto uma das expressões do Património Cultural Imaterial desta comunidade. Vivemos numa sociedade sob muitos aspetos, muito diferente da de há trinta atrás (altura da primeira recolha), e estas manifestações culturais tendem a perder-se. Daí a importância deste tipo de trabalho para a salvaguarda destas práticas e destes saberes para as gerações vindouras. Os temas são os de sempre, os que sempre preocuparam os poetas: a reflexão sobre a natureza, a vida e a morte, o amor e o companheirismo, a crítica social. Há ainda a realçar, entre outros, o autobiografismo, muitas vezes humorístico, que tão bem caracteriza a alma alentejana. Prof.ª Luísa Bagão

As bibliotecas são das criações humanas as que melhor cumprem o desígnio de perpetuar, gerar e promover o conhecimento, no sentido de uma sociedade mais culta e instruída. A importância das bibliotecas no campo educativo é tão relevante que faz delas uma das condições para que seja uma realidade o sucesso escolar e pessoal de crianças e jovens. Segundo os princípios estabelecidos pela International Association of School Librarianship (IASL), o "Mês Internacional da Biblioteca Escolar" permite aos responsáveis pelas bibliotecas escolares, em todo o mundo, escolher um dia, em outubro, que melhor se adeque à sua situação de forma a celebrar a importância das bibliotecas nas escolas. Para celebrar a data, a IASL propôs, como tema, para este ano - Biblioteca escolar: uma porta para a vida. O Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) decidiu declarar o dia 28 de outubro como o Dia da biblioteca escolar, permitindo, deste modo, às escolas a preparação atempada de atividades específicas a realizar nesse dia, independentemente das ações que possam levar a efeito noutros dias do mês. A BE do AECVA decidiu, especificamente, consagrar a última semana do mês de outubro às atividades de promoção do livro e da leitura, integrando-se, assim, nas comemorações propostas pela RBE e pela IASL. De facto, com um agrupamento acrescido, um dia seria insuficiente para se intervir junto a todas as crianças e jovens. Assim, propôs-se a Semana das BE. A Prof.ª Bibliotecária,

Rosa Barros

A Biblioteca Escolar Agradece!

Todas as datas são ótimas para se endereçar agradecimentos a quem ajuda a promover a leitura e os livros, pois está a contribuir para uma sociedade mais informada, com mais conhecimento, logo mais justa e equitativa. A BE agradece a todas as pessoas e instituições, que ao longo destes anos de funcionamento têm, direta ou indiretamente, contribuído para a realização das atividades, para o aumento do fundo documental, para o incremento da leitura junto a crianças, jovens, adultos/as. A BE agradece à Rede das Bibliotecas Escolares (RBE) todo o apoio logístico, humano, formação, acompanhamento que tem possibilitado o desenvolvimento e a melhoria do trabalho. Os órgãos de gestão do Agrupamento (à exceção da 1.ª CAP), o Conselho Pedagógico, a Assembleia de Escola, o Conselho Geral sempre apoiaram, aprovaram, confiaram no trabalho das diversas equipas que trabalharam na BE, pelo que endereçamos um agradecimento especial. Todas as/os funcionárias/os que cá trabalharam, assim como professores/as das diversas equipas, ou extra equipas da BE, que sempre deram o seu melhor, para que o trabalho da BE desse frutos, assim como voluntários/as que dispensaram o seu tempo na BE contribuíram muito positivamente para que o trabalho fosse possível, mesmo em condições adversas merecem um grande Bem Hajam! A Biblioteca Municipal, a Oficina da Criança, depois a Oficina Aberta, a CMVA, assim como as Juntas de Freguesia do concelho, a CulArtes, a Oficina do Feltro, a Colecção B são instituições que sempre colaboraram, emprestaram os seus recursos humanos e materiais para que fosse possível melhorar-se o trabalho da BE. As famílias, amigos/as das crianças e jovens, Associações de Pais e Encarregados de educação também estiveram presentes. A BE endereça um grande e profundo agradecimento, porque “para educar uma criança é precisa a aldeia toda!”


9

Um gosto e um desgosto Este ano letivo começou com uma grande alegria para todos. Finalmente as crianças da pré escola e do ensino básico de Viana do Alentejo passaram a dispor de um espaço que, em princípio, oferece melhores condições do que as disponíveis nas velhinhas instalações da Cantina e das escolas de S. João e Escadinhas. Cumpriu-se um sonho de várias gerações e aqui deixo o meu agradecimento a todos aqueles que, ao longo de anos e anos, trabalharam para o tornar uma realidade. Agora falta dar alma àquele espaço, tarefa a que todos somos chamados. E vai ser uma festa! Mas, para mim, a festa está ensombrada por um desgosto – nesse espaço novinho em folha vive-se uma situação que eu pensava estar já ultrapassada e que me traz à memória os meus tempos de aluno da “primária”, em meados dos anos cinquenta do século passado – temos uma turma de primeiro ano do primeiro ciclo com vinte e sete alunos. Em mais de vinte anos de contacto com as escolas de Viana do Alentejo não me lembro de tal ter acontecido. Assisti, sim, à redução progressiva do número de alunos por turma, ao encontro do recomendado pela pedagogia e daquilo que se sabe da dinâmica de grupos – qualquer grupo de trabalho com mais de quinze elementos começa a perder eficácia na razão direta do aumento desse número. Os documentos oficiais fixam em vinte e seis o número de alunos das turmas do primeiro ciclo mas nem me preocupa muito que se esteja a cometer uma ilegalidade. Alguém poderoso sancionou essa ilegalidade

que deixou de o ser… Assim como alguém poderoso, evocando a crescente procura de matrículas no primeiro ciclo (como é possível que entretanto se despeçam professores invocando a falta de alunos?!), redigiu o despacho que fixou o absurdo número de vinte e seis. O que me preocupa é que, tal como na minha turma de vinte e sete alunos na escola do Alto de Santo Amaro em Lisboa, muitas das crianças deste primeiro ano vão ficar em desvantagem para o resto da sua vida. Podemos adivinhar quais… O primeiro ano do primeiro ciclo é crucial para que as crianças aprendam o que é estar na escola – regras, socialização, trabalho de escola “a sério”. Oferecer à criança a possibilidade de ter disponível, nesta altura, a atenção personalizada do professor é essencial para que ela se adapte ao ritmo, estabeleça parcerias, ganhe confiança. E assim

Notícias da Escola com o apoio de:

Zona Industrial

7090-222 Viana do Alentejo

tenha êxito no seu percurso educativo e na vida. Isto é confirmado por um estudo recentemente publicado no American Journal of Public Health. A equipa de investigadores concluiu que reduzir o número de alunos nas turmas do primeiro ciclo tem uma melhor relação custo benefício do que algumas políticas de cuidados de saúde. Isto simplesmente porque os alunos de turmas pequenas têm melhores condições para fazer um percurso académico que, no futuro, os colocará em vantagem para competirem no mercado de trabalho, disporem de melhores salários e conseguirem condições de vida mais favoráveis à saúde. Tudo isto me leva a pensar que se este erro não for reparado vamos pagá-lo muito caro no futuro. Dr. Augusto Santana de Brito


10

Autarquia e Educação Câmara entrega Prémios de Mérito

Candidaturas para atribuição de bolsas de estudo a alunos do ensino superior Até 30 de outubro estão abertas as candidaturas para atribuição de bolsas de estudo para os alunos do ensino superior. A atribuição da Bolsa de Estudo por carência económica tem por objetivo apoiar os alunos, no início e prosseguimento dos estudos que comprovem dificuldades económicas e com aproveitamento escolar. A Bolsa de Estudo visa contribuir para custear, entre outras, as despesas de alojamento, alimentação, transporte, material escolar e propina.

O Cineteatro Vianense foi palco,

no passado dia 4 de outubro, da cerimónia “Dia do Diploma” que contou com a presença de alunos, familiares e comunidade educativa. A cerimónia pretendeu reconhecer o mérito de alunos que, ao longo do ano, se distinguiram no Agrupamento de Escolas do Concelho de Viana do Alentejo. No decorrer da iniciativa, o Agrupamento de Escolas entregou diplomas aos alunos que completaram o ensino secundário no ano letivo anterior e aos alunos que se destacaram pela excelência das suas competências académicas, quer no ensino básico, quer no ensino secundário e que passaram, deste modo, a integrar o Quadro de Excelência da Escola.

A Câmara Municipal de Viana do

Alentejo atribuiu também, no âmbito do Regulamento do Prémio de Mérito, um cheque no valor de 500,00€ ao melhor aluno dos cursos cientifico-humanísticos, Ricardo Viegas Pinto, e à melhor aluna dos cursos profissionais/ tecnológicos, Alice Falcato Claudino.

A iniciativa, da responsabilidade do Município de Viana do Alentejo, visa minorar as dificuldades económicas sentidas por alguns agregados familiares do Concelho de Viana do Alentejo, as quais representam sérios obstáculos ao prosseguimento dos estudos por parte dos seus membros. Ao proporcionar estes incentivos aos estudantes mais carenciados economicamente, a Autarquia, além de reduzir as desigualdades sociais, possibilita-lhes uma vida profissional mais promissora, contribuindo, igualmente, para o desenvolvimento educacional e para a elevação cultural do Concelho. A Bolsa de Estudo é suportada integralmente pela Câmara Municipal de Viana do Alentejo, durante 10 (dez) meses, e paga em duas prestações uma primeira de 60% do valor em dezembro, e uma segunda de 40% do valor na pausa letiva das Férias da Páscoa. O montante estabelecido anualmente corresponde a 800,00€. Para mais informações poderá contactar a Divisão de Desenvolvimento Social e Humano, através do telefone: 266 930 010. Poderá ainda consultar a página eletrónica do município em www.cm-vianadoalentejo.pt ou págin a d e f a c e b o o k e m http://www.facebook.com/municipiovi anadoalentejo.


11

E B S I S

e m

M o v i m e n t o | O Coordenador do Desporto Escolar: Prof. João Horta

Núcleos de Desporto Escolar na nossa Escola Ginástica Artística

Futsal Iniciadas Femininas

Prof. Joana Freitas

Ténis de Mesa Prof. Vítor Vilela

Prof. João Horta

4ªF – 15.45H às 17.00H

3F – 17.30H às 18.30H

4ªF -14.30H às 15.45H

6F - 14.00H às 16.00H

Futsal Infantis Masculinos

Multiatividades Prof. Vítor Vilela

Prof. João Horta

Atividades planeadas de Educação Física - Corta-Mato,

-Torneio 10 dez

de

14 nov Futsal,

- Dia do Atletismo, 22 jan - Torneio de Andebol, 1 Abril 4ªF - 14.30H às 15.45H

4ªF - 15.45H às 17.00H

Notícias da Escola com o apoio de: Junta de Freguesia de Viana do Alentejo

-Caminhada (Semana da Escola)


12

Correio sentimental e espiritual Dr.ª Lizette Conselheira sentimental Escravidão e falta de liberdade Estou farta da escola e das secas que os professores nos dão, por tudo e por nada. Ainda agora começámos e já temos de estudar, estar calados e atentos, cumprir tarefas e nem podemos dizer nada que não se relacione com as matérias, que “levamos logo nas orelhas”, como se tivéssemos que estar sempre a trabalhar, sem um pequeno conviviozinho. Noutro dia, só porque estava a experimen-

tar um veniz de unhas novo, levei “uma desanda”; um colega meu, só porque estava a curtir um som, com phones e tudo, sem incomodar ninguém, apanhou com uma participação; um outro amigo meu, só porque se espreguiçou, levou com um raspanete de todo o tamanho. Parece-me abuso de autoridade por parte dos professores. Já pensei em apelar ao fecho da escola, porque se vive um ambiente de escravidão e de total falta de liberdade. O que lhe parece? Anónima exasperada Minha filha, aquilo que sentes e a que chamas escravidão e falta de liberdade deve-se, pura e simplesmente, ao facto de desconhe-

ceres qualquer regra de boa educação e de saber estar numa sala de aula. Informo-te, por isso, que numa sala de aula, devemos falar, sim senhor, devemos ouvir, sim senhor, mas devemos, sobretudo, trabalhar e, por vezes, até transpirar, porque o trabalho custa, sabias? Confundes sala de aula com sala de convívio, trabalho com escravidão, respeito com falta de liberdade . Não percebes que na sala de aula não se dorme, não se brinca e não se falta ao respeito a professores e colegas. Na sala de aula aprendemos com o trabalho, enriquecemos com o estudo e crescemos como pessoas. Lizette de Vasconcellos e Sá

On-line http://www.aevianadoalentejo.edu.pt/

Escola Básica e Secundária Dr. Isidoro de Sousa Viana do Alentejo Estrada da Quinta de Santa Maria 7090 Viana do Alentejo Tel.: +351 266 930 070 E-mail: jornal.ebsis@gmail.com Publicação da responsabilidade da Professora Gertrudes Pinto, produção gráfica do Professor Francisco Fadista e impressão na EBSIS. Tiragem: 220 exemplares

A coelhinha Minnie, a mascote do Jardim de Infância, está muito contente com o novo espaço escolar. Até já encontrou novas amiguinhas: a Kitty e a Marianita, duas lindas porquinhas-daíndia.

Profile for Notícias da Escola

Notícias da escola edição outubro 2013  

Jornal do Agrupamento de Escolas do Concelho de Viana do Alentejo

Notícias da escola edição outubro 2013  

Jornal do Agrupamento de Escolas do Concelho de Viana do Alentejo

Advertisement