Page 1

Visite o nosso site: correioatlantico.com Ano XVIII - N° 552

SEXTA-FEIRA, 14 DE FEVEREIRO DE 2014

Avenida Roque Vernalha um grande boulevard em Matinhos

R$ 2,00

Assinado o Convênio para a revitalização da orla de Matinhos Noticia Pág. 02

Senador Italiano recebe o Prefeito de Pontal do Paraná Noticia Pág. 03

Temporada pode render 3 bilhões pela primeira vez Noticia Pág. 04

Fuja de sete perigos que ameaçam seu verão Noticia Pág. 05

Em mais um esforço incansável do prefeito de Matinhos Eduardo Dalmora finalmente a Avenida Roque Vernalha está totalmente revitalizada e será reinaugurada em breve e entregue a população. A reviltalização desse es-

paço público era um anseio de toda a população que transita pelo centro da cidade e principalmente pelos comerciantes que ali tem os seus estabelecimentos comerciais e que agora virou cartão postal da cidade de Matinhos, atra-

indo cada mais turistas e veranistas que aqui vem passar seus momentos de lazer e férias, tendo agora um espaço mais bonito e mais seguro para fazerem suas compras. Durante muito tempo o projeto ficou engavetado na prefeitura e somente

agora na administração do prefeito Dalmora é que a grande obra de revitalição do centro da cidade se tornou realidade, graças ao esforço do prefeito e toda a sua equipe de governo que esta obra também ja transformou a vista da cidade.


2

Matinhos

Deus é Fiel e Justo!

Matinhos - Pontal do Paraná - Guaratuba Sexta-feira, 14 de Fevereiro de 2014

Assinado o Convênio para a revitalização da orla de Matinhos Cursos, Grupos e Oficinas na casa da Cultura de Matinhos

Na foto o prefeito de Matinhos Eduardo Dalmora ladeado pelo presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Paraná , deputado Valdir Rossoni e o também deputado Mauro Moraes

A revitalização da orla de Matinhos começou na sextafeira (31) com a assinatura do convênio entre o Governo do Paraná e a prefeitura de Matinhos que autoriza o início das obras. A Assembleia Legislativa também entrou na iniciativa através dos recursos economizados na gestão do ano passado e repassados ao governo estadual. Cerca de 200 pessoas compareceram à cerimônia realizada no hotel Caiobá, em Matinhos. O prefeito Eduardo Dalmora elogiou o empenho decisivo do governador Beto Richa e do deputado Valdir Rossoni, presidente da Assembléia Legislativa,

e do Deputado Estadual Mauro Moraes no projeto. “Há quatro anos eu batalhava por estas melhorias que são um desejo antigo da população”, afirmou. “Inúmeros projetos foram feitos e ficaram no papel. Sem estes R$ 5,6 milhões vindos da Assembleia e o avalizados pelo governador, continuaríamos sem as obras. Este é um grande presente do governador Beto Richa e do presidente Rossoni”, afirmou. Esta primeira etapa da obra vai beneficiar o trecho da orla que vai da Praia Brava até o Canal da Avenida Paraná. Será feito uma completa restauração do calçadão, melhorias na ilumi-

nação e construção de banheiros públicos, entre outros serviços. O prefeito Dalmora ressaltou que o município foi beneficiado em R$ 150 milhões na gestão do governador Beto Richa. O deputado Rossoni lembrou que o município recebeu investimentos em Saúde e Educação. “Agora chegou a hora de tornar realidade este sonho antigo da população para embelezar mais esta orla que é bonita por natureza. Esta parceria vai beneficiar não só os moradores daqui como os milhões de veranistas que sempre vem para cá nas férias”. Fotos:Edilson T. Giordano.

Professora da UFPR-Litoral é morta a facadas pelo filho em Matinhos Um crime chocou a população de Matinhos, no litoral do Paraná, por volta das 21 horas desta segunda-feira (10). A professora da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Jussara Rezende Araújo, foi morta a facadas pelo próprio filho, que teria problemas psicológicos.

A morte aconteceu dentro da casa da professora e teria ocorrido após uma discussão. As primeiras informações são de que Jussara levou dois golpes de faca no tórax. O corpo foi encaminhado para o Instituto Medico Legal de Paranaguá. O filho da professora, Matheus Araújo

Bertone, foi encaminhado para a delegacia de Matinhos. Ele foi preso em flagrante. Jussara era natural da cidade de Londrina, formada em Comunicação Social, ela morava em Matinhos onde lecionava na UFPR Litoral. * com informações do site M F News

Atleta Matinhense participa de seletiva do mundial de Jiu-jitsu O atleta Jonathan Costa de Oliveira natural de Matinhos, Litoral do Paraná, vai partici-

par da seletiva do Mundial de Jiu-jitsu, ele tem grandes chances de representar o Bra-

Publicação de: Bazzper Editora Ltda Fone: (0**41) 3453-1795 Diretor Geral: Luiz Carlos Tetor Pereira Diretora Comercial: Mônica Morais Designer: Julio Ferreira de Almeida

Circulação: Matinhos - Pontal do Paraná -Guaratuba

E-mail/MSN: correioatlantico@hotmail.com Artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, necessariamente, a opinião deste informativo. Não aceitamos, para publicação, material manuscrito. Somente serão publicadas as matérias, de terceiros, que chegarem à redação até às 12:00 horas de quinta-feira.

sil no Mundial. Atleta federado pela FPJJB e pratica o esperte já há um ano e meio ininterrupto, veja o que Jonathan já conquistou em tão pouco tempo e confira porque ele é uma promessa para o Mundial. Principais Títulos individuais Internacionais e Nacional: 3º Lugar na 3º Copa New Nature Federação Paranaense de Jiu Jitsu Brasileiro 24/09/2012 (Etapa Curitiba-Ginásio Bagozi); Campeão 1º Evento Zuba Combate Jiu jitsu Morretes PR 19/05/2013; Vice Campeão III Etapa Campeonato Paranaense IV Copa Plastilit Universidade Positivo Curitiba – PR (24-25 de Junho). Campeão IV Copa New Nature FPJJB Universidade Positivo Curitiba; Campeão Estadual Circuito Paranaense de Jiu jitsu Brasileiro 1º lugar no ranking Estadual na Cat. Muio-pesado. Aqui esta o contato deste atleta: Tel (041) 9718-5595 / 3458-3782 / 9580-7224 (J.A. Informatica – Referencia) E - m a i l : jhow_tubo@hotmail.com E. G. Equipe————— Agradecimento a Equipe Excellence Ground Matinhos (mestres Guilherme e Eduardo), todos os Patrocinadores e o apoio da Prefeitura Municipal de Matinhos. Matéria: Julio Ferreira de Almeida

E muito mais ligue e se informe: (41) 3971-6259


Matinhos - Pontal do Paraná - Guaratuba

Deus é Fiel e Justo!

Sexta-feira, 14 de Fevereiro de 2014

Pontal do Paraná

3

Recuperação da Biodiversidade Marinha- Rebimar 2ª fase

A Associação MarBrasil anuncia o REBIMAR fase 2 e traz novidades O Programa de Recuperação da Biodiversidade Marinha (REBIMAR), que iniciou em 2010, começa sua segunda fase. A iniciativa é realizada pela Associação MarBrasil no município de Pontal do Paraná/PR e conta com o patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Ambiental. A segunda fase do programa tem como objetivo dar continuidade aos trabalhos, procurando inovar na recuperação e conservação de espécies e ambientes costeiros e marinhos. De 2010 a 2013, durante a primeira fase do programa, foram instalados 3 mil recifes artificiais na costa paranaense. Além disso, foram realizados

trabalhos nas áreas de pesca, biodiversidade, educação ambiental e comunicação. Entre as novidades do REBIMAR fase 2 está o monitoramento da ocorrência e comportamento de tartarugas-verde e meros nos locais de instalação dos recifes artificiais e também nos ambientes rochosos naturais, tendo em vista que estas são espécies bandeira ameaçadas de extinção. A coordenadora do REBIMAR, Lilyane de Oliveira Santos, explica que após a instalação dos recifes artificiais na fase 1 do Programa, pode-se observar uma rápida colonização dos blocos de concreto, porém ainda não é possível avaliar a produção dos recifes e sua influência nas pescarias artesanais. No entanto, os pescadores relatam o aumento

de peixes na região. “Nas conversas com os pescadores artesanais tivemos vários relatos do aumento da produtividade nas áreas de entorno dos recifes, com o REBIMAR fase 2 trazemos algumas novidades com relação aos monitoramentos da biodiversidade marinha e dos recursos pesqueiros, com novos equipamentos e novas metodologias que trarão resultados inovadores sobre a colonização dos blocos e sua influência”, conta Lilyane. As ações de educação ambiental continuam para professores e estudantes da rede pública e estadual, visando também comunidades de pesca artesanal e turistas do litoral do Paraná. O REBIMAR é patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Ambiental

Pontal do Paraná promove Workshop para Lideranças Aconteceu na Biblioteca Municipal do Balneário de Canoas nos dias 05 e 06 o Workshop para Lideranças uma parceria da Prefeitura, Amlipa e Sebrae. Os participantes tiveram, a oportunidade de aprimorar e reconhecer o papel que exercem na sociedade, o de liderar pessoas para o desenvolvimento. Segundo , a palestrante Indakéia Marisol Lima é possível aprender a ser líder, não pela imposição de regras aos liderados, mas conhecendo quais são as atitudes de liderança e qual o

comportamento que o líder deve ter para que a equipe o perceba como líder. “É preciso entender que liderança não é algo imposto aos outros. Líder não é apenas aquele que fala ou cobra trabalho dos demais. Liderança é uma característica que se conquista, com atitudes que são observadas no dia a dia “. O Prefeito Edgar Rossi, esteve presente no encerramento do curso, agradeceu a todos . “Espero que todos que participaram deste curso tenham aproveitado o máximo em em

conhecimento. A consultora do Sebrae/PR, Mariléa Rodrigues de Britto, agradeceu a presença do prefeito Edgar Rossi e de todos os secretários e diretores que participaram da capacitação . Assim todos poderão fortalecer suas características de liderança e a melhoria do trabalho em equipe, ou se preparando para exercer uma posição de liderança. – disse Mariléa. Cleusa Ferreira Assessoria de Comunicação Prefeitura de Pontal do Paraná

Senador Italiano recebe o Prefeito de Pontal do Paraná No ultimo dia 11, o prefeito de Pontal do Paraná Edgar Rossi esteve em audiência com o senador italiano Domenico Scilipoti no Hotel Bourbon em Curitiba. A pauta da audiência com o senador era sobre investimentos no Brasil, com foco em Pontal do Paraná . O Senador Domenico Scilipoti medico cirurgião e tem sido professor convidado no "Departamento de Anatomia Humana 'para' Universidade Federal do Paraná , e o ABPS'' Institute "de Salvador de Bahia . Scilipoti é autor de oito livros, dos quais 5 são traduzidos em

Português. Para Edgar Rossi foi uma honra este encontro com o

senador, onde a troca de informações foram de grande valia, afirmou o Edgar.

Prefeitura Municipal de Pontal do Paraná Secretaria Municipal de Finanças Decadri-Departamento de Cadastro Econômico e Tributário Informam: IPTU 2014 de Pontal do Paraná foi reajustado pelo acúmulo do IGPM – 3,85%. A Prefeitura Municipal de Pontal do Paraná confirmou na última sexta-feira (03), que o IPTU de Pontal do Paraná, ano base 2.014 foi reajustado em 3.85%. O aumento no valor do Imposto Predial e Territorial Urbano foi definido com base no IGPM (Índice Geral de Preços de Mercado), previsto no CTM (Código Tributário Municipal). Além do reajuste no valor do imposto, o Município definiu a data limite para o contribuinte obter o desconto de 10% em cota única, sendo o primeiro vencimento em 14/02/2014, o segundo vencimento com desconto de 5% em 07/03/2014, ocasião em que estará vencendo a 1ª parcela do parcelamento. Prezado contribuinte, se você possui débitos de: IPTU, ISSQN, Taxas e Contribuição de Melhorias; Compareça a Prefeitura Municipal de Pontal do Paraná, e renegocie ou quite sua dívida através do REFIS- Lei nº1269/13 regulamentada pelo Decreto 4398/13. Os descontos abaixo são para os anos de 1996 até 2012, para adesão do REFIS os Impostos e taxas referente ao anos de 2013 deverão estar em dia com o erário público. 1-Pagamento à vista até 100% de desconto na multa e juros. 2-Pagamento parcelado em 06 x 80% de desconto na multa e juros. 3-Pagamento parcelado em 12 x 60% de desconto na multa e juros. 4-Pagamento parcelado em 18 x 50% de desconto na multa e juros. 5-Pagamento parcelado em 24 x 40% de desconto na multa e juros. 6-Pagamento parcelado em 30 x 30% de desconto na multa e juros. 7-Pagamento parcelado em 36 x 20% de desconto na multa e juros.


4

Geral

Deus é Fiel e Justo!

Matinhos - Pontal do Paraná - Guaratuba Sexta-feira, 14 de Fevereiro de 2014

Temporada pode render 3 bilhões pela primeira vez O calor fora do comum e a falta de chuvas têm contribuído e, muito, para os negócios no Litoral do Paraná na temporada 2013/2014. O comércio, que previa um aumento de 12% em relação à temporada passada, está refazendo as contras, e vê que o crescimento pode ser ainda mair — 42% a mais no movimento e faturamento. O setor calcula que já foram movimentados R$ 2,8 bilhões — R$ 300 milhões a mais que os R$ 2,5 bilhões previstos inicialmente para a temporada até o Carnaval. Com isso, pensando no faturamento com o Carnaval, não fica difícil que a temporada de verão nas praias do Paraná supere pela primeira vez os R$ 3 bilhões. “Esse verão foi o melhor dos últimos 10 anos”, avalia Paulo Rogério Perciak, vice-presi-

dente da Associação de Hotéis, Pousadas, Restaurantes e Similares do Litoral Paranaense (Assindilitoral). Apenas nos 24 primeiros dias da temporada, 1,7 milhão de pessoas movimentaram R$ 1 bilhão, resultado calculado pelo número de turistas diariamente presentes no litoral, multiplicado pelo gasto mínimo de R$ 70,00 por pessoa — tomando como base o balanço de 19 de dezembro de 2013 a 12 de janeiro de 2014, divulgado pelo Assindilitoral. “Em janeiro, com certeza, foram faturados mais R$ 1,8 bilhão”, afirma Perciak. A taxa de ocupação dos hotéis e pousadas, no final do ano, já estava em 99%, sendo que Guaratuba atingiu 100%. “Neste ano, o comerciante que não ganhou

dinheiro foi aquele que não soube trabalhar, porque está sendo muito bom, mas muito bom mesmo para nós aqui do litoral”, ressalta o dirigente da associação. Diferente — Apesar de a temporada oficial terminar apenas em 8 de março, com o sábado da ressaca, a volta às aulas mais cedo em função da Copa do Mundo, também antecipou, de certa forma, o fim da temporada. De agora em diante, o movimento maior no Litoral se concentrará nos finais de semana. “Mas, se esse calor continuar fecharemos a temporada deste ano com resultados superiores a 50%”, declara Perciak. Fonte: http:// www.bemparana.com.br/noticia/303868/temporada-pode-render-r-3-bilhoes-pela-primeiravez

Reforço na vigilância sanitária garante qualidade dos produtos no Litoral Com a Operação Verão, o Governo do Estado intensificou o trabalho de inspeção sanitária nos estabelecimentos comerciais da região do Litoral. O objetivo é garantir segurança e qualidade dos produtos e serviços ofertados à população no comércio local. Desde o início da temporada, 115 estabelecimentos foram fiscalizados pela Vigilância Sanitária estadual, em parceria com os municípios. São supermercados, bares, lanchonetes, sorveterias, restaurantes, peixarias, quiosques, panificadoras, açougues e outros serviços de alimentação, saúde e estética. Do total de serviços inspecionados, dez foram interditados por conta de graves irregularidades estruturais e de higiene. Além disso, 22 estabelecimentos foram intimados a promoverem adequações e 14 tiveram produtos apreendidos e inutilizados. Segundo o chefe do Centro Estadual de Vigilância Sanitária, Paulo Costa Santana, as principais irregularidades encontradas estavam relacionadas ao armazenamento e re-

frigeração dos produtos. “É importante que a população fique atenta à temperatura e condições de higiene de balcões refrigerados e geladeiras dos estabelecimentos. Carnes, peixes, laticínios e outros alimentos podem estragar facilmente fora da temperatura adequada”, afirmou. Para a conservação de carnes congeladas, o ideal é manter os refrigeradores com temperatura entre -5ºC e -10ºC. Já para o armazenamento de leites pasteurizados, iogurtes, manteigas e frios, a temperatura limite aceitável é 10ºC. VALIDADE – Outra dica importante é verificar a data de validade dos produtos disponíveis nas gôndolas de supermercados e lojas de conveniência. Augusto Steri, morador de Pontal do Paraná, afirma que por conta do tempo às vezes acaba esquecendo de olhar a validade dos produtos na hora da compra. “A gente sabe que isso tem que se tornar um hábito, mas a correria do dia-a-dia nos impede de fi-

car atento a esse detalhe tão importante”, explicou. Até agora, a Vigilância Sanitária já apreendeu e inutilizou 385 quilos de produtos, como carnes congeladas, embutidos, iogurtes e queijos. A medida retirou de mercado alimentos que poderiam oferecer risco aos consumidores e, inclusive, causar intoxicações alimentares. ANTIFUMO – Em todos os estabelecimentos, a equipe da Vigilância Sanitária também fiscalizou o cumprimento da lei antifumo, que proíbe o consumo de cigarros e derivados do fumo em locais fechados de uso coletivo no Estado. Neste quesito, nenhum estabelecimento foi autuado. De acordo com Jaime Martins da Silva, proprietário de um quiosque na praia Brava de Caiobá (Matinhos), a lei trouxe diversos benefícios para os clientes e comerciantes. Ele conta que cerca de 90% das pessoas respeitam a lei e quem não cumpre a norma é orientado a se retirar do local. “Quando vemos alguém fumando em lugar impróprio, explicamos que é proibido e hoje em dia todo mundo entende e respeita isso”, ressaltou.

PM vai usar tecnologia avançada para intensificar policiamento no Carnaval

A Polícia Militar do Paraná vai intensificar a segurança no litoral do Estado durante o Carnaval com o uso de quatro caminhões denominados Centros de Comando e Controle Móveis. Os veículos serão usados em Guaratuba, Matinhos/Caiobá e em dois pontos de Pontal do Paraná – Ipanema e Santa Terezinha. Para garantir o uso eficiente das unidades móveis, dezenas de policiais militares foram capacitados durante quatro dias para utilizarem os veículos. “Os integrantes da corporação aprenderam a operar os equipamentos de videomonitoramento para que nada passe aos nossos olhos no Carnaval do litoral”, disse o major Robson Lima, da Diretoria de Tecnologia e Informação da Polícia Militar, responsável pela capacitação das equipes. Os caminhões, entregues pela Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos, foram recebidos para serem usados na Copa do Mundo, mas serão utilizados neste Carnaval como projeto

piloto. “Com isso, vamos dominar a operação dos equipamentos e identificar detalhes que precisam ser vistos antes de um grande evento como a Copa”, destaca o major. Os caminhões possuem câmeras com tecnologia de infravermelho, televisores e telefones e terão geradores de uma rede sem fio (wi-fi). Eles também são adaptados com sistemas de c o m u n i c a ç ã o , videomonitoramento e de gestão de eventos. “Trata-se de uma plataforma elevada que nos permitirá observar toda a movimentação dos locais de aglomeração de pessoas. Como têm rádios integrados com as viaturas, podemos repassar as situações e agir de maneira bem rápida em qualquer circunstancia identificada”, explica o major Robson. Nos quatro locais do litoral escolhidos para receberem os caminhões durante o Carnaval haverá uma parceria com as prefeituras para que as câmeras da cidade possam

ser integradas aos Centros de Comando e Controle Móveis. “Além da parceria com as prefeituras, temos parceria com Copel, Sanepar e com outras forças de Segurança Pública como a Polícia Federal e a Guarda Municipal”, conta. Antes do Carnaval os caminhões serão levados novamente ao litoral para serem feitos os ajustes necessários. “Assim, nos dias de folia estaremos preparados e em pleno funcionamento”, garante o major. Os caminhões foram testados e os policiais capacitados de quinta-feira (06/02) a domingo (09/02). COPA 2014 – O major explica que durante a Copa do Mundo os caminhões serão usados próximo à Arena da Baixada, estádio onde vão acontecer os jogos do Mundial, em Curitiba, e no entorno de locais em que serão realizados outros eventos organizados pela a Fifa. “Com esses caminhões nós teremos a coordenação direta no Teatro de Operações, nome técnico das ações que ocorrem na área de evento”, afirma.

Atendimento do Detran via telefone agora é 24 horas Usuários do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) agora contam com atendimento telefônico gratuito 24 horas, inclusive aos sábados e domingos. Quem precisa de informações sobre processos de veículos, habilitação e infrações pode ligar para o 0800 643 7373 a qualquer hora do dia e da noite. Antes, o serviço funcionava disponível de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. “A ampliação do horário da central telefônica é uma demonstração de que o serviço de atendimento ao cidadão é, para Governo do Paraná, um instrumento estratégico de relacionamento.

Por isso, temos um compromisso com a qualidade e a atenção ao usuário do serviço público”, disse o diretor-geral do Detran, Marcos Traad. Além de aumentar o horário de funcionamento, o Detran ampliou a equipe para atender à demanda. O serviço recebeu 27.366 ligações em 2013 e neste ano tem registrado, em média, 2 mil ligações por dia. “O número de atendentes mais que dobrou, passou de 20 para 50 funcionários”, conta o diretor. Com as mudanças, que estavam em adaptação e testes, o número de ligações

abandonadas pelo usuário caiu 75% em dezembro de 2013, na comparação com o mesmo mês de 2012. A queda acompanha a diminuição no tempo de espera por atendimento. Antes, nos horários de maior procura, o cidadão ficava até vinte minutos aguardando na linha. Hoje o prazo é de 30 segundos. Além do 0800 643 7373, o cidadão pode encontrar informações no site do Departamento, no www.detran.pr.gov.br.Fonte:http:/ /www.bemparana.com.br/ noticia/303743/atendimentodo-detran-por-telefone-agorae-24-horas


Deus é Fiel e Justo!

Matinhos - Pontal do Paraná - Guaratuba Sexta-feira, 14 de Fevereiro de 2014

Saúde

5

Fuja de sete perigos que ameaçam seu verão Álcool Segundo o fisiologista e pesquisador do Centro de Estudos da Medicina da Atividade Física e do Esporte (CEMAFE) Raul Santo de Oliveira, o problema não está no consumo das bebidas alcoólicas, mas nos exageros. "Álcool e bebidas à base de cafeína são altamente diuréticos e aceleram a desidratação natural do corpo, já mais intensa quando está calor". Ele recomenda, se você estiver bebendo, alternar as doses de álcool com um copo de água. Batata frita - Foto Getty Images Frituras "Com o aumento da perda de líquidos, causada pelo calor excessivo, as gorduras não são bem metabolizadas. Por isso, você pode sentir sensação de mal-estar e desconforto", explica Daniel. Além disso, o consumo de frituras acontece junto à ingestão de bebidas alcoólicas, o problema piora. "O álcool altera o controle de liberação da bile, fluido que auxilia na digestão de gorduras", explica o especialista do CEMAFE. Sal - Foto Getty Images Sal Uma porção de fritas e sal. Salada e mais sal para temperar - sem contar o sal que já vem embutido nos alimentos. Resultado: pernas e pés inchados. Segundo Raul Santo, isso acontece porque o sódio, presente no sal, favorece a retenção de líquidos no corpo. "Até certa quantidade ele é benéfico, mas grande parte das pessoas exagera e não se lembra que o sal

consumido não é somente aquele visivelmente acrescentado aos alimentos", afirma. No calor, a situação complica ainda mais: os vasos ficam dilatados, dificultando o retorno do sangue principalmente dos membros inferiores. Mulher correndo na praia Foto Getty Images Overtraining "Overtraining é a prática excessiva de exercícios e pode prejudicar até quem está acostumado a treinar regularmente',afirma Raul. Segundo ele, quem se exercita demais pode apresentar problemas como dificuldade para dormir, falta de disposição e irritabilidade. No calor forte, típico do verão, há ainda o perigo de desmaio, devido à queda de pressão; risco de insolação, caso o treino seja feito sob o sol da tarde; desidratação e hipertermia, quando a temperatura corporal fica muito elevada. Mulher queimada de sol Foto Getty Images Superexposição solar A temperatura corporal interna de uma pessoa deve ser de 37º C, independente do horário do dia. Por isso, ficar exposto ao sol, principalmente entre 10h e 16h, pode causar hipertermia, quando o corpo não consegue mais estabilizar o calor interno. "Nesse estágio, o organismo direciona toda sua energia para tentar dissipar o calor e, assim, algumas células param de funcionar, podendo causar desmaios graves", diz Daniel Portella. Mulher bebendo água -

Foto Getty Images Baixa ingestão de líquido Desidratação, a perda de líquidos pelo organismo, age de forma similar à insolação. "Ela atrapalha o funcionamento de algumas células essenciais para a manutenção da vida, podendo gerar desde um pequeno mal-estar até desmaios", esclarece Daniel. Por isso, ande sempre com uma garrafinha de água e crie o hábito de dar pequenos goles de tempos em tempos. Não espere sentir sede para se hidratar - nesse estágio, o corpo já está sofrendo com a falta de líquidos. Ostras - Foto Getty Images Alimentos mal conservados Se existe algo que pode estragar de vez suas férias, a intoxicação alimentar está na lista. Isso porque o alimento contaminado ou mal conservado que você consumiu precisará ser eliminado por vômito ou diarreia. "Além disso, dependendo do estado do alimento, ele pode conter bactérias bastante perigosas à saúde e até causar a morte nos casos mais graves", afirma Raul. Se você desconfiar de intoxicação, não pense duas vezes: procure imediatamente um pronto-socorro e se hidrate intensivamente. Para prevenção, evite alimentos de origem duvidosa, prefira consumir frutas e sanduíches que você mesmo comprou ou preparou manteve em mochilas térmicas.

Cuide dos olhos no verão com essas sete dicas Banho de mar "A irritação mais frequente após o banho de mar é a conjuntivite", afirma a oftalmologista Keila Monteiro de Carvalho, coordenadora da Pós Graduação em Oftalmologia FCM/ UNICAMP. Por isso, ela recomenda usar um colírio lubrificante ao sair do mar e não coçar os olhos, evitando, assim, o risco de lesões por agentes que estejam na superfície ocular. Lembre-se ainda de retirar as lentes de contato antes de mergulhar. Elas podem ser contaminadas com a sujeira da água, favorecendo infecções. Pessoas mergulhando na piscina - Foto Getty Images Piscina Embora pareçam limpas, piscinas costumam ser usadas por diversas pessoas e ainda são alvo de inúmeros produtos químicos. Por isso, a oftalmologista Denise Fornazari Oliveira, da Unicamp, recomenda o uso de colírios lubrificantes ao sair da água. "Algumas pessoas são tolerantes a esses agentes e não apresentam qualquer desconforto mesmo mergulhando de olhos abertos, mas isso não é regra", explica. Ela alerta ainda para que as lentes de contato sejam retiradas antes de entrar na piscina para evitar sua contaminação. Criança tomando sol - Foto Getty Images Sol forte Na falta de óculos de sol,

invista em bonés ou permaneça na sombra para evitar o desconforto ocular. "Contrair os olhos também é um método de proteção natural do corpo, já que a ação é reflexa e involuntária", aponta a oftalmologista Keila. Isso reduz a entrada de luz nos olhos, promovendo mais conforto para quem está exposto ao sol. Mulher de óculos escuros Foto Getty Images Óculos escuros "Óculos escuros sem filtro de raios ultravioletas podem prejudicar os olhos, por isso, não invista em produtos de procedência duvidosa", afirma a oftalmologista Denise. Segundo ela, o conforto proporcionado pela redução da luminosidade faz com que nossos olhos fiquem mais vulneráveis, caso não haja proteção adequada. Por isso, na dúvida prefira bonés, uma sombra ou mesmo a exposição direta. Mulher passando filtro solar - Foto Getty Images Filtro solar O contato dos olhos com o filtro solar costuma causar ardência e irritação, por isso, fique atento na hora de espalhar o produto no rosto. "Prefira versões mais concentradas ou que sejam específicas para essa região mais sensível", recomenda a oftalmologista Denise. A especialista afirma, entretanto, que não há grande perigo decorrente da interação e que lavar o rosto com água

corrente ou usar colírios lubrificantes já é o suficiente para aliviar o desconforto.

Como escolher o seu protetor solar

"Os fotoprotetores devem ser aplicados 30 minutos antes da exposição ao sol e reaplicados a cada uma hora", ensina a dermatologista Shirlei Borelli, de São Paulo. Na meninada a atenção deve ser redobrada e, se o bebê for menor de 6 meses, é melhor nem pôr a carinha para fora nos horários mais quentes. Aliás, muitos especialistas desaconselham a ida à praia no primeiro semestre de vida. "Os efeitos do sol são cumulativos", alerta o dermatologista Victor Reis, do Hospital das Clínicas da capital paulista. Estragos invisíveis - no núcleo das células - ocorridos na mais tenra idade podem virar o câncer da maturidade. A radiação solar se divide em quatro tipos: 1. Ultravioleta A (UVA) Vai até a segunda camada da pele, a derme, e estimula o bronzeado. 2. Ultravioleta B (UVB)

Pára na superfície da pele e a deixa ressecada. 3. Ultravioleta C (UVC) É o mais nocivo e causa tumor porque vai fundo. Mas costuma ser barrado pela camada de ozônio. 4. Infravermelhos Aquecem o corpo e dilatam os vasos. A proteção contra os raios solares é essencial Infelizmente o sol envelhece e, o que é pior, leva ao câncer. Mas não é por isso que todo mundo vai ficar trancado em casa. Para desfrutar da estação ensolarada, fique de olho no relógio. Fuja dos raios de sol entre 10 e 15 horas (acrescente 60 minutos se estiver no horário de verão). E não deixe de se lambuzar de filtro. Nada de economia. "A camada deve ser espessa", diz o dermatologista Sérgio Yamada, da Universidade Federal de São Paulo. Os

fotoprotetores estão cada vez mais modernos e existem até fórmulas sem perfume para quem tem alergia. Se você dormir na cadeira de praia, os raios ultravioleta podem maltratá-lo. "São eles que danificam o DNA das células, fazendo com que elas se multipliquem de forma desordenada", explica o cirurgião plástico Rogério Izar, do Hospital do Câncer, em São Paulo. É assim que surge o tumor de pele. Existem duas formas de filtrar a radiação 1. Barreira física Esse tipo de filtro forma uma película que reflete o raio solar. Ele bate nela e se dissipa. 2. Barreira química As moléculas desse filtro absorvem os raios, transformando-os em outro tipo de energia, inócua para a pele.

Correio 552 1 05  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you