Page 1

Abril - Ano 1

jornalcorpoemovimento.wordpress.com

Distribuição gratuita


Abril • 03

jornalcorpoemovimento.wordpress.com |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

V

ocê deve estar se perguntando por que o Jornal Corpo & Movimento não publicou ainda em suas edições algo sobre a “paixão nacional”, o futebol. Há hoje no mercado inúmeras publicações voltadas para este tema esportivo e que tratam bem do assunto, assim como de outros esportes mais tradicionais como o basquete e o vôlei. A nossa proposta é falar dos temas que você já conhece como leitor do Jor-

EDITORIAL nal Corpo & Movimento (saúde, fitness, esporte, estética e nutrição) e oferecer estas informações de forma gratuita. Há tantos esportes “escondidos” por aí e pensamos que você deve descobrir o que existe além do Brasileirão e dos campeonatos regionais. Por isso, falamos de vários esportes diferentes, um a cada mês, que normalmente são pouco divulgados. Não é também uma questão de caridade. É uma questão de respeito a tantos atletas existentes

no Brasil e que conquistam premiações em competições nacionais e internacionais, muitos dos quais você nunca ouviu falar e tantos outros que batalham e competem sem patrocínio. São esses atletas que divulgam o nome do Brasil mundo afora, pintam de verde e amarelo pódios por todo o planeta. São esses atletas, “ilustres desconhecidos”, que espalham o hino nacional brasileiro nos ouvidos estrangeiros. A parte que nos cabe é divulgar esse

corpoemovimento@tradeagencia.com (21) 2522-3042 | 8731-3042 | 8783-3042

pessoal e também a necessidade que eles tem de patrocínio. O patrocínio é uma das melhores ferramentas de marketing. Ter o nome de uma empresa associada a um bom atleta ou até mesmo a um bom projeto é um excelente investimento, mas muitas empresas ainda não se deram conta disso. Outras consideram estar fazendo um favor. Patrocínio não é favor. É uma troca, é o toma lá, dá cá! A empresa está investindo em algo que trará lucros financeiros a ela.

Então, não existe favor. É um negócio como outro qualquer, mas que gera lucro para patrocinador e patrocinado e disso o futebol está repleto. Vamos dar uma “forcinha” a quem também é muito bom e aguardar que muitos outros bons atletas e excelentes projetos esportivos sejam “a bola da vez”.

Boa leitura!

Expediente: O Jornal Corpo e Movimento é uma publicação da Trade Consultoria e Soluções em Marketing Ltda. | Av. N. S. de Copacabana, 978 sala 901 Registrado no INPI com processo número 903127156. Direção e edição: Marco A. Cidade Erika Pinto Diagramação, projeto gráfico e publicidade: Trade Consultoria e Soluções em Marketing Eventos: Elaine Pinto Os textos assinados são de responsabilidade de nossos colaboradores e podem não refletir a opinião dos editores. Os anúncios e informes publicitários são de responsabilidade dos anunciantes.

Para anunciar ligue: (21) 2522-3042

(21) 2522-3042

|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

ESPORTE

jornalcorpoemovimento.wordpress.com

Resistência e força com a canoagem

E

xercícios ao ar livre são excelentes para motivar aqueles que não gostam dos ambientes

fechados das academias. O contato com a natureza é o pontapé inicial para quem precisa praticar uma atividade física,

mas não tem idéia do que fazer. Praticada em canoas ou caiaques em águas calmas ou agitadas, a ca-

noagem é um esporte recomendado para isso. A cada dia uma aventura diferentes, não há rotina. É um esporte de força e resistência com o esforço físico concentrado nos braços. O praticante pode ainda ter benefícios com a postura corporal, melhora no desenvolvimento motor, controle do

corpo, da respiração e no controle das emoções. Não pense que esse é um esporte novo, as canoas e caiaques já eram utilizados na pré-história como meio de transporte. A canoagem passou a fazer parte dos jogos olímpicos em 1936 e tem como modalidades a canoagem de velocidade, canoagem slalom, canoagem oceânica, canoagem maratona, canoagem-polo e freestyle. É lógico que não basta comprar sua canoa ou

caiaque e sair por aí sem rumo. Como todo esporte, o praticante deve ter consciência dos riscos. Por isso o ideal é procurar um instrutor e praticar o esporte sob supervisão até que você esteja seguro para praticá-lo sozinho. Também deve fazer um exame médico completo (recomendado antes do início de qualquer atividade física). O esporte também pode ser complementado com corridas e caminhadas. Nãoesqueça da hidratação e aproveite dias fantásticos para manter o corpo e a mente em forma.


Abril • 05

jornalcorpoemovimento.wordpress.com |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

Bianca Innocencio

www.bianutric.com | biainnocencio@hotmail.com (21) 2717-6875

veis. As fibras solúveis, por apresentarem solubilidade mais alta em água, dificultam o trânsito de moléculas dentro do bolo alimentar capturando açúcares simples, gorduras, entre outras substâncias, por um tempo longo e evitando que elas sejam absorvidas. Já as fibras insolúveis não se dissolvem na água, aumentam o bolo fecal, aceleram o tempo de trânsito intestinal pela absorção de água melhorando a constipa-

ção intestinal e reduzindo o risco de problemas intestinais. A ingestão de fibras deve consistir em quantidades iguais de fibras solúveis e insolúveis num total de 20 a 30g de fibras diárias. Inclua de 3 a 5 porções de frutas por dia, 3 porções de hortaliças e vegetais no almoço e no jantar e procure substituir cereais refinados pelos integrais. Estas atitudes garantirão o seu aporte diário de fibras!

m

O que as fi-

ocê consome no mínimo 3 frutas ao dia? Inclui 3 porções de verduras e hortaliças no almoço e jantar? Procura dar preferência ao pão e arroz integrais? Sempre que possível troca biscoitos refinados pelos integrais? Se você respondeu sim a todas as perguntas, parabéns você está no caminho certo! Se você respondeu não a mais de 3 perguntas , você precisa rever seus hábitos. Existem dois tipos de fibras: solúveis e insolú-

a

r as f a z b i f e s

Oq

V

Fibras, uma necessidade diária!

ue

Nutricionista especializada em nutrição clínica funcional, esportiva e estética

Nutrição e suplementação

• Estimulam a mastigação e a liberação de suco gástrico; • Enchem o estômago proporcionando uma sensação de saciedade; • Atrasam o esvaziamento gástrico, tornando mais lenta a digestão e absorção; • Auxiliam no volume fecal; • Alimentam bactérias benéficas; • Atuam no metabolismo dos carboidratos, no controle da glicemia e no intestino tornando mais lenta a velocidade na qual a glicose entra na corrente sanguínea; • Atuam na absorção e na regulação de lípideos sanguíneos; • São substratos para a formação de ácidos graxos de cadeia curta.

|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||


06 • Abril

jornalcorpoemovimento.wordpress.com |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

entrevista

E d e r Jofre

Cinquenta anos após o primeiro título o grande campeão do boxe brasileiro será tema de filme. Treina o esporte diariamente e passa adiante a sua paixão pelo boxe, auxiliando esportistas iniciantes. Corpo & Movimento: Sua vida sempre foi o boxe. Conte o que mais o incentivou a lutar, além de seu pai. Eder Jofre: O que mais me incentivou além do meu pai, foram os meus tios Zumbanos, irmãos de minha mãe, que se ca-

sou com um técnico de boxe chamado Kid Jofre, meu pai , que sempre me deu todo o seu apoio e treinos. C&M: Você mais que merecidamente, já esteve na “Galeria de Heróis” da edição número 2 do Cor-

po & Movimento.” Qual sua expectativa agora que terá sua vida transformada em filme e será definitivamente consagrado um herói brasileiro? EJ: Com toda convicção e sinceridade, eu nunca tive em minha cabeça que um dia fossem fazer


Abril • 07

jornalcorpoemovimento.wordpress.com

|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

um filme sobre a minha vida. C&M: Após abandonar o boxe em 1976 devido a perda de seus pais e irmãos, como se sentiu passando a fazer apresentações na forma de exibição? EJ: É difícil conseguir falar a respeito disso agora. Mas para resumir, o boxe falou mais alto e me convenceu de que eu deveria continuar a lutar. C&M: Por que decidiu se tornar vegetariano aos 20 anos de idade (desde 1956) e como isso o influenciou em sua carreira? EJ: Deixei de comer carne depois que li um livro chamado “A saúde depende da cozinha.” Isso me convenceu de tal maneira que até hoje nunca mais comi carne e fui bi-campeão de boxe sem comer carne. Quem diz que não comer carne influencia está mentindo. C&M: Por falar em carreira, você tem um invejável cartel de 78 lutas, 72 vitórias sendo 50 nocautes, apenas 2 empates e somente 2 derrotas, ambas para o japonês “Fighting” Harada, numa luta mais que conturbada. Como foram essas derrotas para você, psicologicamente?

EJ: Psicologicamente não me influenciou em nada porque eu tive a certeza de que o resultado real não foi aquele. Se fosse fora do Japão, o resultado seria outro. C&M: Hoje você treina diariamente e conversa muito sobre boxe com modelos, artistas, empresários e vários outros tipos de pessoas. Como se sente com essa sua atividade atual? EJ: Hoje dou dicas de boxe para quem gosta do esporte e o está praticando. Me sinto um lutador realizado porque vêm pessoas me perguntar o que sei mais que eles e isso me deixa muito feliz. C&M: O que, em sua opinião, está faltando no boxe brasileiro? EJ: Está faltando mais lutadores e técnicos. Faltam valores. Tem muita gente treinando e poucos sendo aproveitados. São poucos os que têm capacidade de atuar no esporte. C&M: The Ring, Boxing Monthly Magazine, Boxing News. Estas são apenas três entre tantas publicações sobre boxe que há nos Estados Unidos. Não seria interessante uma publicação sobre o esporte no Brasil?

EJ: Infelizmente só nos EUA é que dão a cobertura que o boxe merece. Aqui o esporte não é valorizado C&M: De acordo com a revista “THE RING”, a publicação do setor mais prestigiada, você ficou em 9º lugar entre os 50 melhores boxeadores da era moderna. Concorda com essa classificação ou acha que poderia estar algumas posições acima ou quem sabe, em primeiro lugar? EJ: Eu concordo com essa classificação porque quem entende de boxe são eles e se eles acharam que eu merecia essa classificação entre os 50 melhores do mundo inteiro, eu fico sorrindo a toa. C&M: Citando apenas alguns campeões, o que pode dizer sobre Sugar Ray Leonard, George Foreman, Mike Tison, Muhammad Ali, Rocky Marciano e Willie Pep? EJ: Posso dizer com exceção de alguns, que não assisto, a maioria está mais que bem colocada no ranking C&M: Jose Legrá. O que lhe vem imediatamente à cabeça quando escuta ou lê este nome? EJ: Me vem uma satisfação enorme porque eu consegui ganhar de um

lutador de verdade, um grande pugilista e isso me fez ficar certo de que eu também sou um grande pugilista. C&M: Como vê “Don King” para o boxe? EJ: Don King quer queiramos ou não, fez muitas coisas pelo boxe. Promoveu grandes lutas, tornou conhecidos grandes lutadores e divulgou mundialmente o boxe. C&M: Há futuro para o boxe brasileiro? EJ: Há. Se a imprensa divulgar e não falar que o boxe é um esporte violento. Há esportes muito mais violentos como o vale tudo, que eu reputo como assassinato. Arrebentar a cara do outro, dar chutes violentos e cotoveladas? Isso não é esporte.

PRATIQUE ESPORTES


08 • Abril

jornalcorpoemovimento.wordpress.com |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

Eric Lobão

FITNESS

www.balancefitness.com.br eric@balancefitness.com.br

Gerente geral da academia Balance Fitness

Musculação para adolescentes. Isso pode?

C

aríssimos leitores, esse tema me leva a um dilema, pois é do tipo que demanda respostas de “morde a assopra”. E a dúvida está em morder ou assoprar primeiro... Bem, vou assoprar! O treinamento de força traz diversos benefícios para qualquer pessoa, não importando a idade. Vou apenas relembrá-los: aumento da força muscu-

lar e de outras estruturas que minimizam as chances de lesão, aumento da resistência muscular localizada, melhora na postura, melhoria da coordenação muscular, manutenção ou aumento da flexibilidade, aumento da densidade mineral óssea, melhor condicionamento físico, aumento das reservas de energia do corpo, melhoria da composição corporal, isto é,

Consulte um médico antes de iniciar uma atividade física.

melhor distribuição entre massa muscular e massa gordurosa, melhoria da performance no esporte e em atividades recreacionais e lúdicas. Agora vou morder. Se o programa de força não for bem elaborado pode trazer riscos como os de qualquer praticante mal instruído: lesões músculo esqueléticas, desarmonia muscular, desequilíbrios posturais e etc., acrescidos de problemas com o crescimento ósseo, prin-

cipalmente de ossos longos, que podem ter seu desenvolvimento interrompido. Mas não é comum, e um cuidado simples pode evitar isso: a escolha de uma boa academia, com bons profissionais. Muitas delas têm programas especiais para a galera “teen”, que necessita de

motivação e variação de treinamento. E é lógico que esse trabalho será complementado por um treinamento aeróbico e de flexibilidade! E digo mais, vamos a um desafio: que atividades

de força consideramos “saudáveis” para crianças e adolescentes? Fácil: flexões de braço (tecnicamente de cotovelos) e abdominais. Pois é, só queremos que nossos filhos trabalhem peitorais e tríceps (e costas e bíceps?) e músculos abdominais (e os paravertebrais?). Entenderam que um programa de musculação bem elaborado e supervisionado supera os “achismos”? Terminarei com uma frase de um amigo que me encontrou com meu filho de 14 anos malhando comigo: “Você vai agradecer muito a seu pai em alguns anos...”.

Com um programa adequado e supervisionado por um profissional de educação física, os benefícios são: • Aumento da força muscular, protegendo melhor as articulações e com isto evitando lesões. • Aumento da resistência muscular. • Melhoria da coordenação muscular. • Manutenção ou aumento da flexibilidade. • Melhor controle postural. • Aumento da densidade óssea. • Aumento do condicionamento físico. • Aumento das reservas de energia do corpo. • Melhoria da composição corporal, isto é, relação melhor distribuída entre massa muscular e massa gordurosa. • Melhoria da performance no esporte e em atividades recreacionais.


Abril • 09

jornalcorpoemovimento.wordpress.com |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

FITNESS Você é criança ou adolescente e quer ficar forte? Deseja melhorar nos esportes com maquinários e pesos livres da musculação? Isso é possível, mas se não usar as sobrecargas de maneira correta pode se machucar seriamente. Por isso, em primeiro lugar, seu médico deve aprovar e durante os treinamentos vai precisar ter sempre um profissional da área de educação física junto de você. A melhor maneira de fortalecer músculos é levantar pequenas cargas (pesos), diversas vezes e gradualmente ir aumetando este peso. Então, antes de começar dê uma olhada em alguns ítens importantes para usufruir 100% de seu treinamento: Seu Médico: Ele deve fazer um exame completo antes de iniciar seu treinamento. Ele deve conferir se você não tem qualquer problema de coração, pressão sanguínea, ou quaisquer lesões osteo-articulares, que por ventura não tenham se curado por completo; Suporte do Professor: Quando estiver utilizando os pesos ou debaixo de equipamentos de musculação, deve ter certeza que seu professor estará lhe dando um suporte, lhe explicando sobre a execução do exercício e ainda para qualquer dificuldade que porventura surgir; Sala adequada: A fim de prevenir acidentes, uma boa sala de

musculação deve ser limpa, bem ventilada e ainda ter boa iluminação. Além disso, deve ser espaçosa o suficiente, para que ao executar seus exercícios não fique se esbarrando nos outros colegas ou equipamentos. Dê uma olhada também se o piso ou seu tênis são escorregadios; Equipamento: É interessante utilizar todo tipo de material na sala de musculação como pesos livres, maquinários e barras. Mas dependendo da idade e tamanho do praticante certos aparelhos podem simplesmente parecer gigantescos, sendo recomendado para crianças pesos leves e livres, assim como o peso do próprio corpo em exercícios como abdominais, flexões de braço, levantamentos, etc; Aquecimento: Antes de iniciar seu treinamento na musculação você precisa passar pelo aquecimento. Pode fazer isso caminhando ou correndo na esteira, peladalando, pulando corda e em seguida fazer alongamentos para as principais articulações; Postura e Execução correta: A postura e a correta execução dos exercícios são fundamentais para um bom resultado. Por exemplo: nas flexões e extensões, execute o movimento com total amplitude levando o peso no caminho completo, de cima para baixo (ex: biceps, triceps). Mantenha a coluna sempre ereta,

O treinamento de força em si não garante o sucesso total nos esportes. Exercícios que melhoram a flexibilidade e condicionamento aeróbico também são muito importantes!

cotovelos e joelhos relaxados. Faça os movimentos lentos e equilibrados; Carga: Para cada exercício, se você for uma criança, terá que descobrir o peso ideal para executar repetições de 15 a 20. Então, faça uma a duas séries. Se conseguir fazer 20 repetições adequadamente, poderá acrescentar carga (sempre com moderação). Crianças, de 1/2 a 1,5 kg. Adolescentes podem levantar cargas de 6 a 10 kg com repetições de 3 a 5 séries e pode aumentar a carga quando conseguir executar os exercícios 10 vezes de maneira adequada. Equilíbrio Muscular: Os maiores grupos musculares estão no peito, costas e pernas, os quais devem ter prioridade na elaboração dos exercícios. Sobrando tempo poderá desenvolver outros grupos musculares, como braços e ombros. Outro aspecto importante é o equilíbrio dos exercícios. Por exemplo, se exercitar os bíceps, deve também exercitar os tríceps. Ou seja, frente e costas dos braços. Mas se você, por ser criança, está acostumado a só fazer abdominais na escola ou flexões de braço, você poderá acabar tendo um problema sério de postura ou quem sabe problemas de coluna. É preciso equilibrar tais exercícios com outros para a região das costas como puxadas e remadas. Frequência de treinmento: Para obter melhores resultados do treinamento, divida-o em 2 a 3 vezes

Caso o praticante seja uma criança, é importante observar que poderá correr sérios riscos de fratura se forçar carregar mais peso do que poderia. Nunca tente carregar excesso de peso! No caso do adolescente, poderá, desde que o médico aprove. por semana. Para crianças, o tempo de treinamento deve ficar entre 20-30 minutos e adolescentes podem treinar mais tempo. Sempre pule um dia entre os treinamentos para que seus músculos descansem. E não saia do treinamento sem alongamentos para obter um bom desaquecimento. Partindo destas afirmações retiradas de trabalhos de revisão, pode-se supor não haver riscos para a criança e o adolescente quando há um adequado acompanhamento e são seguidas algumas normas de segurança, sendo ainda enfatizada a necessidade de atividades dinâmicas de forma a minimizar a monotonia e aumentar o estímulo a este tipo de prática. Do ponto de vista prático, parece não haver diferença entre os benefícios obtidos pelo treinamento de força entre crianças, adolescente e adultos, havendo um ganho de força entre os dois grupos, sendo que do ponto

de vista fisiológico nas crianças pré-púberes, este aumento ocorre devido à melhoria na frequencia de transmissão e recrutamento das fibras motoras e não necessariamente a hipertrofia, fato que só passa a ocorrer com a puberdade devido ao aumento da quantidade de hormônio de crescimento, sendo que nos meninos ainda há o aumento da testosterona, o que tende a favorecer algumas respostas relacionadas à melhora da força. Nesta perspectiva, um ponto interessante a ser relatado, refere-se à afirmação de Payne et al (1997), que colocam que talvez haja um baixo ní-

vel de condicionamento de resistência muscular na criança e no adolescente devido ao fato de haver um provável estado de destreinamento dessa variável em relação à capacidade aeróbica nessa faixa etária. Segundo Fleck e Figueira Júnior (1997), quando a criança se aproxima da puberdade, o aumento da massa muscular em função do treinamento com peso pode apresentar resultados melhores que em outros períodos da vida, o que sugere ser este um bom período para o trabalho de aumento de massa muscular.

||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||


10 • Março

jornalcorpoemovimento.wordpress.com |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

Dra. Kassie Cargnin

sono e transtornos de natureza estética e psicológica, com diminuição da auto-estima. A prevenção e o tratamento da obesidade devem ser baseados na mudança de estilo de vida, reeducação alimentar e prática de atividade física. Em certos casos os medicamentos anorexígenos podem ser indicados, desde que prescritos pelo endocrinologista. Entretanto, na tentativa de emagrecer, os pacientes se deixam seduzir por métodos fáceis e “milagrosos” para perder peso, como dietas que prometem milagres em pouco tempo e fórmulas emagrecedoras “mágicas”, muitas vezes ditas “naturais” ou “homeopáticas”, compostas

que se refere às “formulas naturais” não existem evidências científicas que comprovem a utilidade e segurança destas substâncias no tratamento da obesidade, sendo inclusive documentados efeitos secundários e contra-indicações não podendo, portanto serem consideradas “inócuas”. Na tentativa de coibir estes abusos, o Conselho Federal de Medicina publicou em 1997 a Resolução 1.477, que “proibe a prescrição simultânea de drogas anfetamínicas com um ou mais dos seguintes fármacos: benzodiazepínicos, diuréticos, hormônios ou extratos hormonais e laxantes, com finalidade de tratamento da obesidade ou emagrecimento”, porém os profissionais passaram a prescrever os medicamentos em cápsulas separadas, apesar do entendimento de que “prescrição simultânea” não signifique necessariamente que seja numa mesma cápsula. Em 2007 a Agência Nacional de Vigilância Sanitária aprovou a resolução 58, que

de inúmeras substâncias, fora dos princípios básicos da farmacoterapia. O uso de formulações magistrais, muitas vezes ditas “naturais” para encobrir a presença de anorexígenos, hormônios tireoidianos ou outras substâncias não divulgadas nos seus rótulos, podem expor o paciente à efeitos colaterais desagradáveis pela somação de ações destes medicamentos, podendo levar à dependência física com consequências graves e até eventualmente letais, com grande risco à saúde da população, tais como quadros de hipertireodismo e arritimias cardíacas, entre outros. Ressalte-se a grande incidência do uso destes medicamentos em adolescentes, as quais, com o objetivo de perder peso e ganhar a silhueta de modelo, além de iniciar por conta própria dietas com baixíssimo teor calórico e praticar exercícios físicos excessivos, usam métodos purgativos (vômitos auto-induzidos, abuso de laxativos) e fazem uso de anorexígenos, o que pode ocasionar quadros graves de transtornos alimentares como anorexia e bulimia nervosa. Por outro lado, no

foi mais específica nesta proibição, estabelecendo, em seu artigo 3º que “Fica vedada a prescrição, a dispensação e o aviamento de fórmulas de dois ou mais medicamentos, seja em preparação separada ou em uma mesma preparação, com finalidade exclusiva de tratamento da obesidade, que contenham substâncias psicotrópicas anorexígenas associadas entre si ou com as seguintes substâncias:ansiolíticas, antidepressivas, diuréticas, hormônios ou extratos hormonais e laxantes, simpatolíticas ou parassimpatolíticas”. Recentemente entidades médicas e membros da Anvisa discutiram a proposta da agência de retirada de mercado de medicamentos anorexígenos à base de sibutramina e os anorexígenos anfetamínicos (anfepramona, femproporex e mazindol). Entretanto, os endocrinologistas presentes, que defendem a idéia de um maior controle da prescrição e não sua proibição, apresentaram dados comprovando que tais medicamentos são eficazes e apresentam baixo risco, quando utilizados de forma correta e sob prescrição ética, o que levou a Anvisa a recuar da sua decisão.

Diretora do Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro, Coordenadora da Câmara Técnica de Endocrinologia do CREMERJ, Coordenadora de Pós-gradução de Endocrinologia da Santa Casa.

A

O grande risco da obesidade

prevalência da obesidade vem aumentando progressivamente nas últimas décadas, inclusive nos países em desenvolvimento. Esta tendência é mundial, causada por diversos fatores. A globalização originou várias mudanças no estilo de vida, tanto na alimentação, com a popularização do fast food , levando a um declínio de alimentos saudáveis e a ascensão de biscoitos, refrigerantes e alimentos industrializados, bem como uma diminuição na atividade física, com o aumento do tempo dedicado às formas sedentárias de lazer, como TV e computador, etc. Estudos mostram que o número de obesos está aumentando de forma alarmante na Europa, onde um em cada quatro homens é obeso e uma em cada três mulheres tem excesso de peso. No Brasil a proporção de pessoas obesas dobrou em três décadas, chegando ao número de 18 milhões de adultos, sendo que se considerados todos os indivíduos acima do peso, este número chega a 70 milhões. O Índice de Massa Corporal (IMC), é considerado um método útil para medir obesidade em grupos populacionais, podendo ser usado para estimar a prevalência de obesidade e seus riscos associados, sem esquecer que existem variações entre indivíduos e populações. O IMC é reconhecido como padrão internacional para avaliar o grau de obesidade, e é calculado dividindo o peso (em kg) pela altura ao quadrado (em m), sendo o resultado expresso em kg/m2.

CATEGORIA

IMC

Abaixo do peso Peso normal Sobrepeso Obesidade Grau I Obesidade Grau II Obesidade Grau III

Abaixo de 18,5 18,5 - 24,9 25,0 - 29,9 30,0 - 34,9 35,0 - 39,9 40,0 ou mais

A obesidade é fator de risco para hipertensão arterial, doenças cardiovasculares e diabetes tipo 2, predispondo assim a uma maior morbidade e mortalidade. Além disso pode levar a problemas como artrose, apnéia do

Saúde


Março • 11

jornalcorpoemovimento.wordpress.com |||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

Dra. Daniele Balbi

Rua da Assembléia, 10/2511 | (21) 2531-1023 danielebalbi@dermatologista.net Dermatologia clínico-cirúrgica, medicina estética e cosmiatria Membro efetivo da Sociedade Brasilerira de Dermatologia Mestre em Dermatologia - UFRJ

O

s adesivos ou “patches” são fitas adesivas contendo substâncias, medicamentos, usadas para um tratamento. No caso da celulite, eles contém substâncias como a Centella Asiática, Fosfatidilcolina, Cafeína, L-carnitina, Fucus e outras, associadas ou não. A idéia deste tipo de apresentação do produto é promover uma liberação lenta e contínua da substância nele contida exatamente na área a ser tratada, tentando promover uma ação mais intensa e progressiva no local que, no caso, é o tecido gorduroso. Geralmente

Estética

Como funcionam os adesivos anti-celulite se aplica o adesivo na área a ser tratada, com a pele previamente limpa e desengordurada para garantir a aderência do mesmo, deixando-o no local por um tempo que varia de 3 a 8 horas ,dependendo das instruções do fabricante. Este procedimento deve ser feito 2 ou 3 vezes na semana, por 3 a 4 meses. Estes produtos são contra indicados em pessoas com peles sensíveis ou em áreas irritadas ou feridas, em gestantes, portadores de doenças de tireóide ou hipertensão arterial.

Algumas pessoas podem apresentar alergias ao adesivo ou às substâncias nele contidas, o que poderá ser visto por coceira, vermelhidão ou inchaço no local. Se isto ocorrer, o adesivo deve ser imediatamente retirado. Outro cuidado importante é evitar a exposição solar da área aplicada, para evitar manchas no local. A grande vantagem destes adesivos é a sua praticidade, uma vez que dispensa a aplicação diária dos cremes, garantindo maior adesão ao tratamento. A questão mais difícil de

avaliar neste tratamento vai de encontro à dificuldade do tratamento da celulite, que não tem resposta a nenhum tratamento local isoladamente. A melhora da celulite envolve toda uma mudança de hábitos, alimentares e de atividades físicas, para se conseguir algum resultado. A redução de peso, uma dieta equilibrada, saudável e atividades físicas regulares continuam sendo pontos fundamentais na briga contra a celulite. Tratamentos associados sempre re-

sultam em melhores respostas, como produtos locais, drenagem linfática, Ultrassom, Accent, dentre outros. Portanto estes tratamentos continuam sendo uma briga diária e sem fim.

||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||


Corpo & Movimento edição 6  

Jornal voltado para saúde, fitness, esporte, estética e nutrição.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you