Page 1

C Y M K

1

Outubro de 2011

Outubro de 2011 - Ano 4 - Nº 55 - O Jornal que fala com o Homem do Campo - Distribuição Gratuita

Veja nesta edição Caderno de 50 anos Catuípe


2

Medidas preventivas são adotadas para coibir entrada de aftosa no Brasil

Outubro de 2011

Feijão

Trigo

Mesmo com o andamento do plantio no Estado, alguns produtores ainda não definiram sobre o total da área a ser implantada, basicamente em decorrência do preço que se encontra abaixo das expectativas e sua demanda incerta. A lavoura já semeada prossegue com bom desenvolvimento vegetativo e chegando à metade da área inicialmente prevista.

Os períodos secos e ensolarados observados durante a semana proporcionaram um quadro favorável ao desenvolvimento do cereal, já que sua maior parte (63%) está na formação de grãos, com outros 20% em plena floração. Devido às condições favoráveis, a cultura está se aproximando da maturação de forma mais visível, já alcançando no momento 9% da área com boas condições de formação de grãos, resultado do uso intenso de produtos preventivos, que na maioria das lavouras foi de três a quatro aplicações durante o ciclo.

Hortigranjeiros As condições meteorológicas dos últimos períodos têm favorecido a implantação e o desenvolvimento de hortigranjeiros desta estação. As áreas de produção vêm melhorando o aprontamento das olerícolas, especialmente aumentando a ofertanas feiras e nos mercados, normalizando a comercialização e reduzindo os preços ao consumidor. Uma das doenças que mais preocupam os produtores de animais deixa em alerta o Brasil novamente. As medidas preventivas vêem sendo tomadas desde que o Paraguai, país vizinho registrou focos da doença. Entre as ações estão as barreiras para evitar que animais de origem clandestina entrem no país. Ijuí sediou no final do mês de setembro um encontro a portas fechadas para apresentar como o trabalho seria executado. Todos lembram do foco de aftosa que atingiu o município de Jóia em 2000 que resultou na morte de centenas de animais. Para evitar que esse pesadelo retome a vida dos produtores é necessário que se tenham cuidado e que principalmente denunciem aqueles que trazem animais de forma clandestina para o Brasil. Os primeiros dados apontam que já foram encontrados mais de 300 animais de forma irregular. Além disso, foram apreendidas carnes cladestinas durante fiscalização. As Inspetorias Veterinárias alertam que somente a vacina não impede que se tenha a doença, por isso, o cuidado deve ser redobrado evitando assim futuros embargos de produtos brasileiros. Entre as orientações está evitar visitar o país vizinho e principalmente ter contato com animais. Assim, se evitará de trazer o vírus para o Brasil. São diversas ações de conscientização que estão sento tomadas e os órgãos solicitam o apoio da população para que sejam parceiras na fiscalição. Já o Ministério da Agricultura suspendeu a importação de carnes e animais vivos do Paraguai. Os cuidados são válidos também para produtos oriundos da Argentina.

Milho O período foi muito favorável à efetivação das práticas culturais, incrementando fortemente a implantação de lavouras. A disposição dos produtores em estabelecer precocemente as áreas tem sido constante nos últimos anos, chegando a atingir, em algumas regiões, praticamente a finalização do plantio. As primeiras áreas plantadas tiveram alguns problemas de germinação, reduzindo o estande de plantas.

Canola A lavoura da canola encontra-se nas fases de formação de síliquas (final), enchimento de grãos e, em sua maior área, entrando em maturação. Em algumas regiões, como as do Noroeste Colonial e Alto Jacuí, há a tendência de alguma redução da produtividade, em decorrência do excesso de umidade durante o ciclo e de doenças ocorridas. Nas Missões e na Fronteira Noroeste, assim como no Planalto, o stand de lavoura é muito bom, mesmo com alguma incidência de doenças fúngicas nas lavouras,principalmente mofo branco e bacteriose, mas com controle sendo efetuado.

Pontos de Distribuição do Jornal Correio Rural na região AJURICABA MERCADO DEPIERI FERRAGENS COTRIJUI SUPERM. COTRIJUI AGROCIA POSTO CENTRAL AUGUSTO PESTANA SINDICATO RURAL MERCADO PESTANENSE LOJA JOST SUPERM. COTRIJUI BOM GOSTO BOA VISTA DO CADEADO CORREIO PADARIA BOA VISTA SICREDI POSTO IPIRANGA BOZANO MERCADO MANCHINNI ANTONELLO MAT DE CONST. COTRIJUI POSTO BOZANO CATUÍPE SINDICATO RURAL SUPERMECADO COTRISA AGROCENTRO LOJA JOST NEDEL DELLA CORTE AGRO CAMPO EMATER

CORONEL BARROS COTRIJUI LOJAS JOST EMATER CASA DO PRODUTOR CONDOR POSTO COTRIPAL SINDICATO RURAL POSTO LATINA DO CENTRO MERCADO CONDOR JOSIL CRUZ ALTA FACCINNI CENTROSUL NEG.RURAIS AGROCIL GARAFFA AGROCOM. RAZERA AGROCIL REDEMAQ REBELATTO FARM. VETERINÁRIA CRUZ ALTA AGRÍCOLA AGRICUZ BOA SAFRA SUL PEÇAS EUGÊNIO DE CASTRO POSTO SANTA TEREZIMNHA MERCADO FRISKE POSTO EVERLING MERCADO WILDNER SIND. RURAL

JÓIA COTRIJUI POSTO STA. TEREZINHA SIND. RURAL LOJA JOST VET. BICHO DE SETE CABEÇAS IJUÍ IROPEL CENTRAL DA CONSTRUÇÃO FERRAGENS COTRIJUI COTRIJUÍ-ATEND. AO PRODUTOR HORTISUL SINDICATO RURAL ASSOC. ARAI OSTER PNEUS/CHORÃO ESCOLA BARREIRO ESCOLA CHORÃO NOVA RAMADA COTRIJUI PANAMBI VET. IVO GAERTNER COMERCIAL TRENTINI POSTO BR CENTRAL SINDICATO RURAL SEMENTES VAN ASS PEJUÇARA COOPERLATE SINC.DOS TRAB. RURAIS SINDICATO RURAL REBELATTO FARM. VETERINÁRIA

C Y M K


3

Outubro de 2011

Febre aftosa volta a preocupar os gaúchos Com a divulgação de um foco de aftosa no Paraguai, o país entrou em alerta e estão sendo tomadas diversas medidas preventivas visando evitar a entrada do vírus no território brasileiro. No dia 21 de setembro foi realizada uma reunião em Ijuí do Departamento de Defesa Agropecuária (DDA), da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agronegócio. Na oportunidade esteve presente o chefe da Defesa Sanitária, o médico veterinário do Serviço de Doenças Vesiculares, Fernando Groff . Entre as ações planejadas está a vigilâncias de fronteiras objetivando para que não entrem animais de origem clandestina no Brasil. No entanto, o trabalho tem sido também de levar informações para os produtores participem das inspeções e ações preventivas para que o Rio Grande do Sul não registre nenhum foco da doença. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento possui uma preocupação especial com os estados de Mato Grosso do Sul e Paraná, pois tem fronteira com o Paraguai. Já o Rio Grande do Sul e Santa Catarina estão em alerta e realizando medidas de prevenção. Os cuidados são principalmente com os criadores e com os produtores de leite. De acordo com o médico veterinário a prevenção deve ser realizada em conjunto de forma compartilhada principalmente pelos produtores que detém os animais e possuem uma exploração econômica como forma de sobrevivência. A enfermidade que atinge o país vizinho em

Crédito: SAA

Fronteiras estão sendo fiscalizadas evitando que entrem animais de origem cladestina

Com o registro de foco de aftosa no Paraguai estão sendo realizadas medidas preventivas em todo o Estado

outras ocasiões atingiu o Rio Grande do Sul, inclusive a região de Ijuí, no município de Jóia. “Solicitamos que os produtores participem deste esforço tomando algumas medidas de precaução como, por exemplo, evitar de visitar o país vizinho”, ressaltou Groff em entrevista concedida ao Informativo Cotrijui. Algumas pessoas possuem vínculos familiares com moradores do interior do Paraguai e Norte da Argentina. A sugestão é que se evite visitar as propriedades e principalmente se ter contato com os animais. Caso haja contato, se possível evite pelo menos uma semana os seus animais. A orientação é sejam realizadas denúncias para as Inspetorias Veterinárias e Brigada Militar do ingresso de animais clandestinamente do país vizinho. Pois, estes possuem um risco muito grande de estarem contaminados. Por mais que a

Campanha de Prevenção contra a aftosa já encontrou mais de 300 bovinos em situação irregular Crédito: SAA

C Y M K

Fiscais vistoriam propriedades às margens do Rio Uruguai

Em onze dias de atividades nas regiões de São Luiz Gonzaga, Santa Rosa e Ijuí, fronteira com a Argentina, no trabalho preventivo contra o ingresso da Febre Aftosa no Estado, a partir do comunicado da existência de um foco no Paraguai, fiscais da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agronegócio já

encontraram 308 bovinos em situação irregular. A maior parte das irregularidades, constatadas a partir da fiscalização de 5.530 animais em 124 propriedades, deve-se a falta de documentação, o que origina a aplicação de multa para o proprietário, que também recebe o prazo de 48 horas para apresentar explicações sobre a procedência à Inspetoria Veterinária de seu município. No mesmo período, foram fiscalizados 668 veículos em 69 barreiras montadas pelas seis equipes que atuam na região. Nestas barreiras foram examinados 51.742 quilos de carne, 918 dos quais acabaram sendo apreendidos por estar em situação irregular. Quatro abatedouros clandestinos foram interditados e 800 pessoas foram beneficiadas pelas ações de educação sanitária. O trabalho é executado pelas equipes do Departamento de Defesa Agropecuária (DDA). De acordo com o diretor Eraldo Leão Marques, o trabalho, que conta com o apoio da Brigada Militar, é preventivo. “A situação está sob controle”, registra o médico veterinário.

experiência induza que os animais não estejam com a enfermidade notifique uma Unidade da Inspetoria Veterinária mais próxima ou até mesmo os veterinários das Cooperativas que estão todos os dias nos campos para que se tome o mais rápido possível alguma ação para que não se alastre e ocasione um foco de grandes dimensões. “Todas as medidas são de vigilância e de prevenção e quem está na atividade tem que tomar esse cuidado para proteger o seu próprio interesse”, alerta Fernando Groff. A vacinação O Rio Grande do Sul possui um bom índice de vacinação contra a aftosa. Porém, a existência de animais vacinados, não impede por si só que ocorram focos. Isto é, pode ocorrer um foco mais brando que talvez não se alastre para outros animais e propriedades. Assim, o embargo se existir o foco é o mesmo. O médico veterinário lembra que “o prejuízo econômico é o mesmo apesar do número de animais afetados e animais atingidos”. Com isso, deve-se evitar trazer animais e produtos de outros países inclusive do Paraguai é quase tão importante do que ter uma cobertura vacinal adequada. A medida preventiva engloba a vacina e os cuidados adotados pelas pessoas para evitar a introdução de vírus. Apesar do foco de aftosa estar há quilômetros medidas estão sendo tomadas para que não haja contaminação de animais brasileiros e consequentemente embargos.

Brasil suspende compra de carne e animais vivos do Paraguai O governo brasileiro suspendeu a importação de carne in natura e animais vivos do Paraguai, depois que o país vizinho identificou um foco de febre aftosa. De acordo com o Ministério da Agricultura, estão temporariamente suspensas as compras de animais vivos e produtos in natura provenientes do Paraguai. A categoria de processados não sofreu restrições. A medida vai afetar principalmente a importação de carne bovina e suína, os dois principais tipos que o Brasil mais importa do país vizinho. Até julho deste ano, o Brasil comprou 5,5 mil toneladas do Paraguai, num total de US$ 29,1 milhões. Em 2010, as importações de carne bovina somaram 6,7 mil toneladas, totalizando US$ 34,6 milhões. O foco de febre aftosa foi registrado no departamento de San Pedro, em uma localidade denominada Sargento Loma, a 235 quilômetros de Guaíra, no Paraná, e a 126 quilômetros da fronteira com Mato Grosso do Sul.


4

Outubro de 2011

ExpoIjuí/Fenadi acontece até o dia 19 de outubro A expectativa é que mais de 200 mil pessoas visitem a ExpoIjuí/Fenadi durante os treze dias de sua realização

A ExpoIjuí/Fenadi 2011 foi aberta oficialmente no sábado, 8 de outubro. Durante a cerimônia o presidente da Expofeira do Agronegócio e da Cotrijui, Carlos Domingos Poletto, destacou que a partir desta edição a Expofeira ganhou esta denominação. Ele lembrou que o agronegócio possui um elemento social. O evento ganhou uma nova infraestrutura, agregou a Feira Nacional de Produtos Lácteos – ( FeniLact ) e conta com uma programação inédita. Poletto encerrou sua fala fazendo um alerta em relação ao aumento dos impostos. “Deixem os produtores produzirem, pois estes produzem alimentos que geram PIB e ICMS”, disse. O presidente da Fenadi, Nelson Casarin, em seu pronunciamento afirmou que as etnias realizam um trabalho diferenciado na área de cultura. De acordo com levantamento são cerca de 3 mil pessoas envolvidas, sendo que destes são 800 dançarinos. Este ano, a Fenadi está comemorando 25 anos e possui novos desafios. Ele lembrou ainda que em 2005, a Feira das Culturas Diversificadas através de uma Lei da Assembleia Legislativa foi declarada patrimônio cultural do Rio Grande do Sul e na última semana através de um concurso foi eleito Símbolo do Estado. “Temos um sonho de construir um novo centro de eventos que irá proporcionar conforto e uma melhor estrutura. O projeto já esta pronto, mas será necessária a participação de todos para buscar recursos junto a Lei de Incentivo a Cultura”, otimizou Casarin. O presidente da ExpoIjuí, Walter Joel de Moura, está pela terceira vez consecutiva frente à Feira sendo que este ano comemoram-se os 25 anos de Fenadi e os 30 anos de ExpoIjuí. “O Parque de Exposições possui uma estrutura completa e que exprime tudo que o município realiza e faz negócios e com diversas atrações”, comentou. Moura ressaltou que o agronegócio vive um bom momento. A agricultura mostra o desenvolvimento social e econômico em dois módulos:

AS VENDAS ANTECIPADAS DE SOJA (II)

Walter Joel de Moura destacou em seu discurso a comemoração dos 25 anos da Fenadi e os 30 anos da ExpoIjuí

social e empresarial, promovendo o crescimento sustentável através de parcerias entre o público e o privado e o município de Ijuí sabe como fazêlas. O presidente da Associação Comercial e Industrial de Ijuí (ACI), Rubem Härter refletiu sobre a Lei de Incentivo às empresas. Ele relatou que as empresas que procuram a entidade questionam sobre a disponibilidade da energia, internet, mão-de-obra e principalmente qualidade de vida. Härter destacou a necessidade de aquisição de uma área com cerca de 100 hectares para a instalação de empresas. Já o deputado estadual Gerson Burmann fez referência a interiorização do Governo do Estado que ocorre no dia 18 de outubro. “É necessário que o governo lembre que não existe somente a região sul do país que se volte para a região Noroeste”, afirmou. Já o prefeito Fioravante Ballin enfatizou que em 2011, o município completa 121 anos de colonização. “A parceria entre o público o privado é muito importante para a realização da Feira. Ijuí se destaca principalmente pela União. Superação das pequenas diferenças, mas temos que trabalhar pelo futuro”, afirmou. Ele finalizou relatando os investimentos realizados pelo Poder Executivo. A ExpoIjuí/Fenadi acontece até o dia 19 de outubro, no Parque de Exposições Wanderley Burmann, em Ijuí.

No Brasil, a relação era de 81% para 86% na mesma data.O que se nota, portanto, é uma redução no ritmo de vendas da atual safra, em proporção à média, quando justamente o Real se desvaloriza. Ou seja, a expectativa de uma desvalorização ainda mais forte de nossa moeda levou os produtores a esperarem um pouco. Todavia, nem por isso as vendas antecipadas da safra futura sofreram queda. Em 12/08, quando a desvalorização do Real ainda se iniciava, os gaúchos já haviam vendido 7% de sua futura safra, contra apenas 1% na média histórica. No Brasil, a relação era de 17% para 12%. Um mês depois (09/09) a venda antecipada dos gaúchos pulou para 14%, contra 3% na média, enquanto no Brasil a relação era de 22% para 15%. Nesse mesmo momento, os preços em reais no mercado gaúcho pouco tinham se alterado de um período a outro (a média gaúcha passou de R$ 43,50/saco em 31/08 para R$ 43,00 em 03/10), já que as cotações em Chicago, dentro do efeito de compensação, recuaram fortemente em relação a desvalorização do Real (no mesmo período o Real se desvalorizou 19% enquanto o bushel de soja em Chicago perdeu 18,9%). Ou seja, os produtores percebem, desde que baseados em seus custos de produção, que os atuais preços são bons e merecem um travamento de parte de sua safra visando a realização de uma boa média final de negócios. Com esta prática o produtor pode deixar de ganhar, porém, não perde jamais. E caso o preço suba posteriormente, tem ainda outra parte da safra para negociar e melhorar a média. Caso recue, já aproveitou em parte os melhores momentos.

Apicultura foi debatida no município Apicultores, agentes da vigilância sanitária e especialistas estiveram debatendo a cadeia produtiva do mel no dia 12 de outubro, durante a ExpoIjuí/ Fenadi, em Ijuí. O encontro foi desenvolvido na Casa do Produtor Rural. O evento contou com a participação do presidente da Federação Apícola do RS (Fargs), Silvio Lengler, está confirmada. “O mel é um negócio com retorno garantido”, assegurou Lengler. O Rio Grande do Sul é o maior produtor nacional de mel, com produção estimada em 7 mil toneladas. O objetivo do encontro, promovido pela Associação de Apicultores de Ijuí, Emater/RS-Ascar e prefeitura, é fortalecer as associações de apicultores da Região Noroeste do Rio Grande do Sul. “Os produtores terão espaço para relatar suas deman-

das e angústias”, disse o técnico agrícola da Emater/ RS-Ascar, Edvin Bernich. Segundo Bernich, o debate irá aprofundar temas relacionados ao Serviço de Inspeção Municipal (SIM), que atesta a qualidade dos produtos de origem animal e vegetal, e o potencial econômico da produção de mel no mercado brasileiro. “A organização dos produtores para a comercialização ainda não está bem resolvida”, disse o gerente técnico da Emater/RS-Ascar, Dulphe Pinheiro Machado Neto. “Há muitos desafios, como buscar investimentos em tecnologia e apoio do governo através de políticas públicas”, disse Lengler. Segundo o presidente da Fargs, a iniciativa do Governo do Estado de criar a Câmara Setorial da Apicultura do RS é muito bem vinda, assim como

Cadeia produtiva do mel foi debatida em Ijuí

são bem vindos os financiamentos para custeio e investimento oferecidos pelos bancos. Mas, segundo Lengler, “há necessidade de mais ação”.

C Y M K


C Y M K

5

Outubro de 2011

Cotrijui promoveu Campo Tecnológico das Culturas de Inverno O Campo Tecnológico integrou a programação da ExpoIjuí/Fenadi 2011

Principais culturas de inverno foram conferidas em Campo Tecnológico

Durante o dia 7 de outubro foi realizado o Campo Tecnológico das Culturas de Inverno. O evento foi organizado pela Cotrijui e recebeu associados e produtores da área de abrangência da Cooperativa. Os agricultores puderam verificar as tecnologias para as duas principais culturas de inverno: aveia branca e trigo, além de uma mostra de forrageiras para produtores da área de leite. O gerente agrotécnico e engenheiro agrônomo, Mário Jung, explica que a Cotrijui trabalha com um programa chamado agricultura de resultados.

“Se tem resultado em agricultura hoje, significa ter produtividade. Cada tecnologia que é inserida no campo temos que mostrar ela na prática para o agricultor”, destaca. Os produtores puderam esclarecer no Campo Tecnológico suas curiosidades em relação a de irrigação e de agricultura de precisão. Conforme Jung, o agricultor pequeno têm a impressão que a agricultura de precisão é destinada somente para o para produtor maior. Porém, a Cooperativa possui um programa que atinge qualquer tamanho de unidade produtiva inclusive a agricultura de

precisão sobre pastagem. “Temos obtidos altos resultados e temos alguns produtos que o produtor não está habituado a usar, como o uso no gesso na agricultura que desperta bastante curiosidade”, ressalta o engenheiro agrônomo. Outros aspectos dizem respeito ao manejo de cada inseto, de cada adubo e conhecer cada variedade e população, o manejo de redutor de crescimento. Na demonstração do Campo Tecnológico foi apresentado como se manifesta o trigo e a aveia branca com o redutor, a questão do não acamamento e de produtividade foi mostrada para o produtor. De acordo com Mário Jung a questão do uso do redutor de crescimento possui uma grande valia. “A Cotrijui trabalha bastante com aveia branca e faz os flocos e não podem ter nenhuma mancha, senão a dona de casa quando vai comprar verá o grão preto pode achar que seja alguma coisa que faça mal. Então, a aveia branca não pode encamar de jeito nenhum para ser usada na indústria”, explica o gerente agrotécnico. O redutor de crescimento faz com que o tamanho do congo aumente e o tamanho da planta fique de menor estatura resistindo mais a ventos e as chuvas pesadas. Com isso, aumenta a produtividade e a renda do produtor. O Campo Tecnológico recebeu cerca de 250 produtores da área de leite para verificar a questão das forrageiras e irrigação de pastagens e em torno de mil produtores associados dos municípios da área de ação.

Definido nome para associação de pasteurização de leite Dando continuidade às discussões sobre o grupo de pasteurização de leite, representantes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural (SMDR) estiveram reunidos na primeira quinzena de setembro, com o grupo de Desenvolvimento Rural Sustentável da Esquina Heidmann. No encontro, que ocorreu na Escola Souza Lobo, os agricultores definiram a continuidade na organização do grupo, bem como o nome da entidade que será chamada de “Associação de Produtores de Leite Colméia (APLC)”. A diretoria para esta associação foi eleita há alguns meses atrás, sendo os agricultores Elemar Stenke e Élson Heldt, presidente e vice-presidente respectivamente. De acordo com o assessor do Núcleo de Produção Vegetal da SMDR, Eloir Haas, a associação oferece a estrutura física (prédio) e o pasteurizador ficará a cargo do Poder Executivo, sendo que nos próximos dias a pasta estará encaminhando documentação para a licitação dos equipamentos. “Com a pasteurização do leite os agricultores

Durante o encontro foi eleito o nome Associação de Produtores de Leite Colméia

estarão em conformidade com as leis vigentes, além de oferecem ao consumidor um produto com maior qualidade e com as características tradicionais do leite de colônia”, explica. “A Associação de Produtores de Leite Colmeia ira irá beneficiar toda a região Oeste do município, e é vista pelo Poder Público como um projeto regional”, frisa Haas. Grupo – Este grupo de Desenvolvimento Rural Sustentável foi constituído em 2009, dando continuidade ao Curso de Gestão Rural, realizado

pela Câmara Técnica do Desenvolvimento (grupo de técnicos de diversas entidades), envolvendo as comunidades de Esquina Dutra e Esquina Heidmann. O grupo da Heidmann é constituído por agricultores daquela localidade Heidmann e conta com um articulador comunitário técnico da SMDR, conforme consta na metodologia de trabalho da câmara técnica. Eloir Haas esclarece que muitas ações foram realizadas desde a criação deste grupo: compra e venda de forma coletiva de insumos e produção, dias de campo, visitas técnicas, solicitações conjuntas de licenças ambientais, e recentemente, uma grande discussão a cerca da legalização da comercialização de leite a domicílio. Devido à problemática da legalização da venda de leite a domicílio, após muitas discussões, o grupo optou em criar uma associação, para viabilizar a atividade, cuja legalização se dará pelo registro no Serviço de Inspeção Municipal (SIM), e a atividade resultará na pasteurização do leite antes da comercialização nas casas.


6

Outubro de 2011

Iniciada a colheita de trigo no Estado A colheita do trigo iniciou na primeira semana de outubro

Os primeiros grãos de trigo já foram colhidos no Rio Grande do Sul. De acordo com o engenheiro agrônomo da Cotrijui, Mário Jung, a colheita está apenas no início. No entanto, a expectativa é que o trigo seja de uma qualidade muito boa. Ele explica que “na nossa região houve uma incidência da floração num período em que ocorreu pouca chuva”. Outro fator que favorecerá a boa safra é que não estão sendo registradas doenças na espiga, assim melhore a qualidade. “A tendência é de ter um trigo de alta produtividade e de alta qualidade este ano”, frisou o engenheiro agrônomo. A área plantada foi 30% superior ao ano passado. Isto representa em toda a região cerca de 70 mil hectares de trigo. “Tivemos ainda um crescimento de área de aveia branca e vamos ter uma produção de 30 mil toneladas de aveia branca na região de abrangência da Cotrijui”, afirmou Mário. Devido às condições favoráveis, a cultura está se aproximando da maturação de forma mais visível, já alcançando, no momento, 9% da área com boas condições de formação de grãos. Isto é resultado

Primeiras áreas de trigo são colhidas no Rio Grande do Sul

do uso intenso de produtos preventivos que, na maioria das lavouras, foi de três a quatro aplicações durante o ciclo. Com 63% na fase da formação de grãos e 9% maduros, a colheita deve ser intensificada nos próximos dias. Conforme a Emater/RSAscar os rendimentos destas áreas foram de 2.100 kg/ha, considerados normais para a região.

Produtores são prêmiados na Expofeira O auditório da Casa do Produtor, no Parque de Exposições Wanderley Burmann recebeu na manhã do dia 9 de outubro, a cerimônia de premiação da Exposição Agropecuária. O evento foi um dos destaques da Expofeira cuja programação segue sendo desenvolvida na ExpoIjuí/ Fenadi 2011. A premiação contou com a presença da Comissão Central da Feira. O presidente da ExpoIjuí 2011, Walter Joel de Moura, o presidente da ACI, Rubem Härter, o prefeito Fioravante Ballin, além dos vice-presidentes do agronegócio Valdir Zardim e Carlos Karlinski. O vice-presidente da Cotrijui, Luiz Otonelli, completou a mesa de autoridades composta para o evento. Durante a premiação, muitos aplausos para todos os vencedores e as expressivas marcas alcançadas ao longo dos julgamentos que foram realizados desde a sexta-feira.

Confira os ganhadores do gado leiteiro: 1) Fidene/Deag/IRDER – Augusto Pestana; 2) Leopoldo Pierini Cavalheiro – Boa Vista do Cadeado; 3) Ederson Gehrcke – Augusto Pestana; 4) Andre Roberto Willig – Dois Irmãos das Missões; 5) Edson Luis Kurtz – Santa Rosa; 6) Gensur Brasil Agropecuária LTDA – Giruá; 7) Bruno Bickel – Humaitá; 8) Parceria Cabanha Gema e Cabanha Cappellari – Santa Rosa; 9) Carmem Petersen Dias da Costa – Cruz Alta; 10) Parceria Cabanha Agrogen e Szambelan – Ijuí; 11) Valdir Goergen e Filhos – Augusto Pestana; 12) Lauri Sparrenberger – Augusto Pestana; 13) IMEAB – Ijuí; 14) Mário Luiz dos Santos – Glorinha

VERDE CRESCIMENTO – Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil anunciou que o Produto Interno Bruto (PIB) da agropecuária brasileira cresceu 4,85% no primeiro semestre, na comparação com o mesmo período de 2010. Os dados fazem parte de levantamento elaborado em parceria com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da Universidade de São Paulo (Esalq/ USP). O incremento se deve à maior produção e à elevação dos preços médios de alguns produtos agrícolas, como algodão, café, milho, laranja, soja e carne bovina. A avaliação da CNA e do Cepea é de que o segmento agrícola vem impulsionando o bom desempenho do setor básico (6,75%), enquanto as taxas de crescimento da pecuária (2,43%), ainda que positivas, acabam por frear o ritmo de crescimento da agropecuária. As estimativas de preços e de produção também influenciaram de forma positiva na previsão para o Valor Bruto da Produção (VBP) da agropecuária, que deve crescer 12,9% em 2011, considerando as projeções de agosto. O faturamento obtido com a venda de 25 produtos agropecuários deverá somar R$ 293,9 bilhões no ano, superando os R$ 260,2 bilhões de 2010. AMARELO ESTABILIDADE - Segundo avaliação da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), divulgada neste inicio de outubro, através do boletim Mercado & Cotações, após 100 dias de restrições, o mercado interno tem reagido positivamente ao aumento de oferta, absorvendo todos os produtos excedentes derivados do embargo. Aliado a isso, o aumento das exportações para os já compradores da carne suína brasileira, Hong Kong e Ucrânia, que juntos compraram cerca de 10% a mais se comparado ao ano anterior, vêm proporcionando estabilidade nas cotações de suínos vivos nas últimas semanas. Já segundo a Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs), de janeiro a setembro de 2011, o Brasil exportou 5,32% a menos que no mesmo período do ano passado, queda que não chega a ser tão expressiva. Aqui no Rio Grande do Sul, o preço médio do suíno no mercado independente subiu, cotado a R$ 2,48 o quilo, como informou a Associação de Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (Acsurs). VERMELHO INVESTIGAÇÃO - O Ministério Público Federal pedirá para que o Ministério da Fazenda investigue o possível lucro abusivo das montadoras de automóveis instaladas no País. As empresas foram beneficiadas pelo aumento de 30% do IPI sobre veículos importados no mês passado. De acordo o MP, os preços dos automóveis são extremamente elevados, quando comparados com os mesmos modelos vendidos fora do Brasil. Os procuradores querem também a revisão da ‘Lei Ferrari’, que trata da estreita ligação entre produtores e distribuidores de automóveis no País. Isso pode vir a desencadear outras ações de investigação de preços e lucros de outros elementos do setor metal-mecânico, contemplando quem sabe, uma análise nos utilitários e máquinas agrícolas!?

C Y M K


7

Outubro de de 2011 2011 Outubro

forcapremiadasicredi.com.br

Sorteio de mais de

200

XBox 360

Ago/2011

C Y M K

Quer surpreender o seu filho? A gente dá uma força. CERTIFICADO DE AUTORIZAÇÃO SEAE/MF/Nº 06/0038/2011 e SEAE/MF/Nº 05/0037/2011. Promoção válida para as cooperativas de crédito participantes. Consulte condições de contratação dos produtos participantes, bem como o regulamento completo da promoção em forcapremiadasicredi.com.br ou nas cooperativas de crédito. Produtos e serviços sujeitos à disponibilidade na sua cooperativa de crédito. Para mais informações sobre produtos e serviços, vá a uma de nossas unidades de atendimento ou acesse sicredi.com.br. Imagens meramente ilustrativas. SAC Sicredi - 0800 724 7220 / Deficientes Auditivos ou de Fala - 0800 724 0525. Ouvidoria Sicredi - 0800 646 2519.

Quanto mais você usar, mais chances de ganhar: Poupedi • Previdência • Cartões Consórcios e muito mais


C Y M K

8

Outubro de 2011 (337D-1) Vende-se Carneira para 2 pessoas, Cemitério Municipal, paralela com a Rua Pernambuco. R$ 2.300,00. Fone: (55) 3332-5207/9963-5460.

(337D-3) Vendo cadeira para abdominal, pouco uso. R$ 200,00. Fone: (55) 9695-3563. (337D-4) Vende-se churrasqueira a gás. R$ 450,00. Fone: (55) 9623-2439. (337 D-5) Troca-se forno a gás de padaria de 8 esteiras por forno a lenha de 8 esteiras. e vendo um forno de lastro em ótimo estado a gás. Fone: (55) 9126-3169. Jonas. (337D-6)Vende-se título patrimonial do Tiarajú, valor a combinar. Fone: (55) 91520999. (337 D-7) Vende-se uma bicicleta feminina nova. R$ 160,00. Fone: (55) 3332-9329/9918-9181. (337D-8) Vendo antena Sky Livre, 43 canais, 60 cm na caixa. R$ 400,00. Fone: (55) 3332-8521 c/ Fernando. (337D-10) Troca-se máquina de costura Singer, 4 gavetas, estado de nova, por freezer. Fone: (55) 8403-7255. (337D-11) Vende-se canil, estrutura de ferro e arame soldado, coberto de telhas, 6m². Fone: (55) 3333-7599. (337D-12) Vende-se um celular LG, com câmera 2.0 megapixel, com Bluetooth, MP3, rádio FM e cartão de memória de 1gb. R$ 150,00. Fone: (55) 9155-9068. (337D-13) Vende-se rack grande p/ computador, cor mogno. Em bom estado. R$ 110,00. (55) 9151-2531. (337D-14) Vende-se fogão 4 bocas branco em bom estado. R$ 100,00 (55) 9151-2531 e rack p/ sala marfim em bom estado. R$ 100,00. Fone: (55) 9151-2351. (337D-15) Vende-se televisão 21 polegadas, tela plana, com controle remoto. Em ótimo estado. R$ 250,00. Fone: (55) 9151-2531. (337D-16) Vende-se máquina de bordar Brother TE 700, semi nova. R$ 2.800,00. Fone: (55) 3332-2886/81012275. (337D-17) Vende-se climatizador Cônsul 9000 btus R$ 750,00. (55) 3332-2886/8101-2275. (337D-48) Vende-se duas panelas Tramontina Inox, uma chaleira Inox, 1 bolsa feminina infantil, 1 bolsa feminina adulto, cor caqui. Fone: (55) 91429053. (337D-49) Vende-se um aparelho de som p/ carro, ótimo estado. R$ 200,00. Fone: (545) 9993-6521.

(337D-2) Vende-se jogo de rodas 17, do Vectra Elite, com pneus novos. R$ 3.000,00. Fone: (55) 9135-2434. (337D-18) Vende-se Impressora HP 4400, multifuncional. R$ 150,00. (55) 33322886/8101-2275. (337D-19) Vende-se suspensão a ar para Astra, ano 99 em diante, completa, com compressor Air Lift 480C, 6 solenóides, 3 bolsas novas etc. Ótimo estado. Fone: (55) 9115-2234. Martinho. (337D-20) Compro bicicleta Caloi 10 usada. Apenas Caloi ou Monark 10. (55) 9144-1691. (337D-21) Vende-se bicicleta de aro 16, 6 marchas, Sundown, azul. R$ 150,00. Fone: (55) 9664-3444. (337 D-22) Vende-se 2 pneus novos 215/75e17.5, Hankook com nota fiscal p/ caminhões de médio porte e microônibus. Fone: (55) 8139-1725. (337D-23) Vende-se um monitor de computador, 17 polegadas, preto R$ 100,00. Fone: (55) 9141-0771. (337D-24) Vende-se um párachoque traseiro de Celta, ano 2009, original, cor prata R$ 160,00. Fone: (55) 9141-0771. (337 D-37) Vende-se uma banheira de hidromassagem com 5 jatos de água, tamanho 1,50 x 0,80m. R$ 300,00. Fone: (55) 3332-6312. (337 D-39) Vende-se máquina de fatiar frios, semi automática Filizola. R$ 300,00. Fone: (55) 9171-8829/8403-7789. (337D-40) Vende-se uma roupa completa para trilha ou MotoCross ASW. Fone: (55) 9174-0094. Jackson. (337 D-41) Vende-se mesa de sinuca. R$ 350,00. Fone: (55) 9174-0094. Jackson (337D-42) Vende-se conjunto de sofá, 3 e 2 lugares, bordô. R$ 350,00. Fone: (55) 91740094 (337D-44) Vende-se notebook Philco, 4gb de memória, 320gb de HD, 3 meses de uso. R$ 1.390,00 ou troco por materiais de construção. Fone: (55) 8415-5806. (337 D-45) Vende-se carta de crédito contemplada. No valor de R$ 9.336,10. Parcelas de R$ 162,42. Fone: (55) 9153-9790. (337D-46) Vende-se uma cama de solteiro em MDF, reforçada R$ 70,00. Um conjunto composto de um berço

(337D-25) Compro estampas eucalol, futebol cards, ping pong, álbuns de figurinhas, revistas em quadrinhos, revistas antigas, tazos, figurinhas, rádios antigos, coleções diversas, espingarda de pressão. Fone: (55) 9146-3727. (337D-26) Vende-se ensacadeira e elétrica com elevador de canecas, fabricação artesanal e telhas de barro. Fone: (55) 8111-6848. (337D-27) Vende-se gravador digital de voz, telefone com mp3 e microfone sem fio marca Gemini, alcance de 40 metros. Fone: (55) 8111-6848. (337D-28) Vende-se cadeira de corte e lavatório para salão. R$ 100,00 cada. Fone: (55) 9195-3440/8402-3676. (337D-29) Vende-se 3 gaiolas p/ Hammster (pequena, média e grande). R$ 100,00 as três. E aquário 100 litros, completo R$ 120,00. Fone: (55) 3332-6865/81429561. (337D-30) Vende-se um bebê conforto, cinza, Galzerano, semi novo. R$ 150,00. Fone: (55) 8137-4232. (337D-31) Vende-se churrasqueira a gás, com giratória elétrica, mais 5 espetos . R$ 400,00. Fone: (55) 8137-4232. (337D-32) Vende-se fogão a lenha n° 1, branco, semi novo. R$ 250,00. Fone: (55) 91470751 ou 9132-1983. (337D-33) Compro título da Sogi, no máximo R$ 250,00. Pagamento à vista. Fone: (55) 9902-1023.

(337I-15) Compro casa de alvenaria que possa ser financiada pelo programa Minha Casa Minha Vida. Fone: (55) 9133-4649. (337E-1) Precisamos de cozinheira com experiência, para Restaurante Universitário na Sede Fidene. Turno diurno. Fone: (55) 3332-6227 ou 3332-6481. (337 E-2) Procuro emprego de empregada doméstica ou babá. Meio turno. Fone: (55) 9180-9225. (337 E-3) Procuro emprego de auxiliar de chapeamento. Manhã e tarde. Fone: (55) 9180-9225. (337 E-4) Preciso de empregada doméstica, com referências, turno da tarde, de segunda a sexta. Pago meio salário. Fone: (55) 91517499. (337E-5) Procura-se empregada doméstica, para trabalhar meio turno em residência no Bairro Jardim, exige-se muito responsável e caprichosa. Fone: (55) 9993-6521. (337E-6) Procuro confeiteira que faça bolo de casamento, com cobertura de pasta americana. Fone: (55) 9165-6813. (337E-7) Ofereço vagas para padeiro e confeiteiro, com experiência. Fone: (55) 33331929.

com rodas, colchão e uma cômoda com 4 gavetas R$ 250,00 e um bebê conforto em ótimo estado R$ 80,00. Fone: (55) 3333-7982/8411-4907. (337D-47) Vende-se colchão casal Probom, D33, medindo 1,38 x 1,88, sem uso R$ 200,00. Uma máquina de lavar roupas Brastemp, modelo Baby R$ 350,00. Fone: (55) 3333-7982/8411-4907. (336 D-5) Vendo 2 monitores LCD 17 polegadas Samsung, modelo 750B. Entradas VGA e DVI acompanham cabos. Perfeito estado. R$ 190,00 cada. Fone: (55) 9162-5476. (336D-6) Vende-se módulo Hurricane 1600 w, com caixa de som, alto falante de 12, Nitro, corneta super tweeter, semi novo. Fone: (55) 990126186.

(337I-10) Vende-se 4 hectares de terra, com sanga passando, e mata nativa próximo a Alma Brasil. Sem benfeitorias. Área boa para lazer. (55) 9954-4270. (337I-11) Vendo terreno com duas casas na Rua Professora Geny Coni, 242, Mundstock. 30m de fundo por 12m de frente. (55) 9177-3591. (337I-12) Aluga-se casa de madeira, 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, dispensa com área fechada, sem garagem. Rua Dr. Erno Fritz, Bairro Lulu Ingenfritz. Valor de meio salário mínimo. Exigem-se referências. Fone: (55) 33333055/91261390.

(337I-16) Compro terreno com boa localização, que possa ser financiado pelo Programa Minha Casa Minha Vida. Fone: (55) 9133-4649. (337I-17) Vendo duas casas em terreno de 500 m². Rua Siqueira Couto, próximo a Madeireira Leal. Fone: (55) 9115-4775. (337I-18) Vendo terreno de 12,5 x 28m, em cima uma casa não acabada. Próximo à Cotrijuí. R$ 55.000,00, aceito proposta. Fone: (55) 91988247/9142-5840. (337 I-20) Aluga-se uma peça comercial na 13 de Maio, 30m². Fone: (55) 33311433. (337I-21) Vende-se casa de alvenaria, 2 quartos. Trav. Pacifico Dias, próximo ao Shopping. R$ 120.000,00. Cruz Alta. Fone: (55) 8406-4346.

(337I-13) Vende-se belíssimo terreno de 350 m², Altos do Bairro São Geraldo, próximo ao Sicredi. Fone: (55) 8111-6848.

(337I-24) Vende-se terreno medindo 14 x 25 pertinho do Parque da Pedreira. Aceita carro no valor máximo R$ 10.000,00. Fone: (55) 96266881.

(337I-14) Vende-se um galpão medindo 23 x 8m² Fone: (55) 9971-4213.

(337I-25) Procuro moça para dividir apto no centro. Fone: (55) 9146-3486.

(337E-8) Procuro emprego de massoterapeuta, voltada a estética. Fone: (55) 91683999

Fone : 3332 - 1366 /9109-6009

(337D-34) Vendo jogo de rodas de ferro, aro 16, 6 furos. Serve para C10, D10 e C14. R$ 240,00. Fone: (55) 9171-0686. (337D-35) Vendo 4 woofers de 15”, Oversound 450w15, ou troco por rodas 15”. (55) 8425-9196.

(337I-9) Vendo casa de madeira, sala, cozinha, banheiro, 3 quartos, churrasqueira, garagem, em São Leopoldo, Bairro Rio dos Sinos. Aceito carro e moto na troca. Fone: (55) 9127-7105.

Rua do Comércio, 806 - Ijuí/RS Locação

(336 A-6) Vende-se filhotes de Boxer, machos e fêmeas, pais no local. Fone: (55) 9626-6881. (336 A-7) Vendo égua crioula com quarto de milha, preta, boa de laço e montaria. R$ 1.600,00. Fone: (55) 91785518. (337A-1) Vendo filhotes de Boxer branco. Machos e fêmeas, todo branco. Pais no local. Fone: (55) 8126-5688. (337 A-2) Vende-se lindos filhotes de Labrador, cor creme, uma boa dica para presentear no dia da criança. Fone: (55) 9154-9441/9939-7364. (337A-3) Doa-se uma cachorrinha com 4 meses, vacinada e desverminada, cor caramelo. Fone: (55) 9967-0569. (337A-4) Doa-se gatinhos, entrego no local. Fone: (55) 9908-9404. (337A-6) Compro Pinscher 1, macho, cor marrom. Fone: (55) 9942-1614.

UMA PEÇA COMERCIAL - AV. 21 DE ABRIL UM APARTAMENTO COM 1 DORMITÓRIO - BELA VISTA UMA CASA COM 3 DORMITÓRIOS - BAIRRO ASSIS BRASIL UMA CASA COM 3 DORMITÓRIOS - RUA Alvaro Chaves UMA CASA COM 3 DORMITÓRIOS - RUA ARISTEU PERREIRA UMA CASA COM 2 DORMITÓRIOS - BAIRRO ELIZABETE UMA CASA COM 3 DORMITÓRIOS , 3 BANHEIROS , GARAGEM , ÁREA DE LAZER, E QUIOSK - BAIRRO PINDORAMA -VALOR R$ 800,00 -RUA CARAJAS UM KIT NET PRÓXIMO AO CAMPO DO SÃO LUIZ UMA PEÇA COMERCIAL PRÓXIMO AO SÃO LUIZ UMA PEÇA COMERCIAL FRENTE AO QUARTEL PRÉDIO C/ 480M² - BR 285

VENDA /TERRENOS

TERRENO 14x30 - BAIRRO GLÓRIA ( ESQUINA) -RUA CEARA C/ SÃO RAFAEL VALOR 65MIL VÁRIOS TERRENOS EM FRENTE A ST AR GESSO - BAIRRO 15 DE NOVEMBRO (ÓTIMA LOCALIZAÇÃO E PREÇO). TERRENO 12x30 - BAIRRO ALVORADA (BOA LOCALIZAÇÃO - PRÓXIMO AO ASFALTO). TERRENO 12x26 - BAIRRO SÃO JOSÉ. TERRENO 20x50 - Antes do campo da Imasa a 100m - Linha 3 Leste. ( Aceita proposta, negocia ). TERRENO de 7000m² ( 44x160) - ATRÁS DO DEMEI - R$ 250.000,00

APARTAMENTOS À VENDA

APARTAMENTO 1 DORMITÓRIO COM GARAGEM E SACADA-EDF. PARAÍSO.

TERRAS

ÁREA DE 5,2 HECTAR - LINHA 7 OESTE. ÁREA DE 1 A 2 HECTAR- LINHA 6 OESTE - ITAÍ - PRÓXIMO A PONTE ÁREA DE 11,1 HECTAR c/ CASA, POÇO ARTESIANO, HÁ 4 KM DO CAMPUS DA UNIJUÍ - RS 342 - KM 108, LINHA 4 OESTE

CASAS À VENDA

CASA ALVENARIA - BAIRRO INDUSTRIAL. CASA MISTA GRANDE 9x16 C/GARAGEM, CHURRASQUEIRA, AMPLA COZINHA E ÁREA DE SERVIÇO C/ TERRENO CERCADO 17x22 - BAIRRO LULU ILGENFRITZ CASA DE ALVENARIA COM TERRENO MEDINDO 20x50 TODO CERCADO - LOCALIZADO EM ALTO DA UNIÃO. IJUÍ/RS. CASA DE ALVENARIA COM TERRENO 12x28 - BAIRRO SÃO JOSÉ. CASA DE MADEIRA COM TERRENO 12x30 BAIRRO PINDORAMA. CASA MISTA - AV. SÃO LUIZ - BAIRRO SÃO JOSÉ. CASA MISTA - BAIRRO TOMÉ DE SOUZA. 58 MIL( NEGOCIA, ACEITA CARRO). CASA MISTA C/TERRENO 12,5x58 - BAIRRO JARDIM. CASA COM 3 DORMITÓRIOS , 3 BANHEIROS , GARAGEM , ÁREA DE LAZER, E QUIOSK - BAIRRO PINDORAMA ( PODE SER FINANCIADA ) CASA ALVENARIA - BAIRRO GLÓRIA - R$ 75.000,00 CASA DE ALVENARIA COM 3 QUARTOS , SALA, COZINHA , BANHEIRO,GARAGEM , TODA CERCADA BAIRRO BURTET- R$ 130.000,00 ( PODE SER FINANCIADA ) CASA ALVENARIA COM TERRENO MEDINDO 20X40 - BAIRRO ELIZABETH - R$ 110.000,00 ( PODE SER FINANCIADA ) CASA MISTA COM 3 DORMITÓRIOS - BAIRRO PINDORAMA. - R$ 110.000,00 CASA DE ALVENARIA, ÓTIMA LOCALIZAÇÃO, PRÓXIMA A IGREJA CATÓLICA - BAIRRO SÃO JOSÉ VALOR 85 MIL CASA DE ALVENARIA - BAIRRO LULU ILGENFRITZ PRÉDIO COMERCIAL E RESIDENCIAL COM TERRENO DE 600M²,ÓTIMA LOCALIZAÇÃO - RUA 19 DE OUTUBRO - BAIRRO SÃO JOSÉ. CASA DE ALVENARIA (FUNDOS) BAIRRO ELISABETH - VALOR 90MIL CASA DE ALVENARIA C/ 200 M² DE ÁREA CONSTRUÍDA DE 1 SUÍTE 2 QUARTOS, SALA, 2 AMBIENTES, COZINHA , BANHEIRO SOCIAL, GARAGEM P/ 3 CARROS , CHURRSQUEIRA, PÁTIO COM CANIL - ÓTIMA LOCALIZAÇÃO ( ESQUINA) BAIRRO BURTET. DUAS CASAS DE ALVENÁRIA C/ TERRENO DE 480M², DE ESQUINA, PROX. DO SEMEI E DEMEI - RUA RIO GRNDE DO NORTE - BAIRRO GLÓRIA.

C Y M K


C Y M K

9

Outubro de 2011

Áreas Rurais à venda Cód.406 – Área 8.61 ha, sem benfeitorias. Barreiro. Cód.416 – Área 1.48 ha, sem benfeitorias. Linha Gramado - Panambi. Cód.144 – Área 1 ha, toda terraplanada, próxima do asfalto. Barreiro. Cód.770 – Área 145.000 m², sem benfeitorias - Alto da União. Cód.066 – Chácara 2.1 ha com casa alvenaria 100m², 3 dorrm, banh, coz, sala, garagem c/churrasqueira, varanda. 2 galpões madeira, água de poço artesiano comunitário, luz, arvoredo, prox. ao Rio Potiribú, 2 Km da BR. Linha 08 – Ijuí. Cód.438 – Sítio 1 ha para lazer e criação de cavalos, com galpão alvenaria 200m², depósito, pracinha, mato nativo, piquete, galinheiro, chiqueiro, 8 baias, cocheira, alicerce de 120m², água poço artesiano comunitário, luz, toda cercada com fios de arame 7 fios. Linha 4 Leste – Ijuí. Cód.271 – Chácara 1 ha com casa mista 96m², 2 dorm, sala, coz, banh, varanda e lavand. Tenente Portela.

Casas à Venda

Terrenos à Venda

Cód.062 – B. Assis Brasil – Rua Dom Pedro II - Casa alv 224 m². Superior: 3 dorm, sala/lareira, coz, banh. Térreo: 2 dorm, sala, coz, banh, Pátio fundos todo gradeado, gar 2 carros. Ter 650m².

Cód.221 – B. Assis Brasil - Rua Albino Brendler - Terreno 12m x 64m, área total de 768m², sem benfeitorias.

Cód.106 – B. Boa Vista - Rua Cristóvão Colombo Casa alv 97,12m². 3 dorm, 2 salas, coz, banh, gar 2 carros, chur, lav, toda gradeada, Pátio frente/fundos. Ter 312m². Cód.705 – B. Burtet - Rua Julio Zander - Casa de alv 198m². Superior: 1 suíte, 2 dorm (1 dorm. sac), coz, 2 sala, banh, sacada/chur. Porão: lav, gar 3 carros. Ter 381,60m². Cód.137 – B. Burtet - Rua Belém. Casa alv 380m² 2 pisos. Térreo: 2 dorm, 2 salas, coz ampla, banh, gar 3 car c/chur e lav. Superior: 2 suítes, 2 salas, coz, sac; Grade. Ter 450m². Cód.293 – Centro - Rua 7 de Setembro. Casa alv 297,98m² 2 pisos. Térreo: suíte, 2 dorm, coz, sala, salão de festas, 2 banh. Superior: suíte, 2 dorm, sala, coz, 2 banh. Grade, portão eletr. Ter 315,62m².

Cód.089 - Chácara de 15.133,9350m com casa mista 02 dormitórios, sala, coz, banh, varanda, água encanada, poço, luz. Linha 04 Leste (próximo Escola Fazenda Imeab).

Cód.329 – B. Elizabeth - Rua Simão Hickembick - Casa mista 292,50m². 3 dorm, sala, coz, porão, chur, lareira, dep, piscina/fibra, gar/chur, fogão/chapa, 2 portões eletr. Ter 756m².

Cód.613 – Área 9,6 ha com casa madeira, açude, luz, poço artesiano, potreiro, área p/planta e p/criação de gado. Jóia.

Cód.125 – B. Glória - Rua Amazonas - Casa alv 100m², 2 dorm, 2 salas, coz, 2 banh, desp, gar 13m², mais uma peça. Ter 480m².

Cód.221 – B. Assis Brasil - Rua Goiás - Terreno 20m x 50m, área total de 1.000m². Cód.040 – B. Assis Brasil – Rua Albino Brendler - Terreno 12m x 64m, área total de 768m², sem benfeitorias. (alicerce de 160m², água, luz, muro c/ pilares, cerca lateral). Cód.049 – B. Boa Vista – Rua Visconde de Mauá – Terreno de 11m x 30m área total 330m². Cód.059 – B. Burtet – Rua Carlota Burtet esq. com João Burtet – Terreno de 12m x 30m área total 360m². Cód.297 – B. Independência - Rua Humberto Garzella, esq. Rua Alcindo Pereira Gomes - Terreno 33m x 50m, área total de 1650m². Cód.047 – B. Jardim - Rua Carlos Pudwel - Terreno 13m x 30m área total 390m². Cód.003 – B. Oswaldo Aranha - Av. Nações Unidas - 3 terrenos, sendo 01 de 11,30m x 35m área total 395,50m² e 02 terrenos de 11,25m x 35m área total 393,75m².

Imóveis, investimento seguro!


10

(337I-26) Vende-se lotes no Bairro das Chácaras. Fone: (55) 91065080/8111-3053 Nelson. (337I-27) Alugo dois quartos, em casa de família, para senhora aposentada ou moça sozinha e responsável. Fone: (55) 9151-8364. (337 I-28) Aluga-se casa, para rapazes, moças, ou casal sem filhos, em Ajuricaba. Fone: (55) 8137-3705. (337I-35) Aluga-se apto com 1 quarto, sala, cozinha, sacada com churrasqueira, à 50 metros do Ruyzinho. Fone: (55) 9181-2579. (337I-29) Aluga-se apto de um quarto com garagem, na Rua Coronel Dico ou nas proximidades. Até R$ 400,00. Fone: (55) 9915-4301.

Outubro de 2011 (337I-33) Alugo salas comerciais. Uma com 50m², com banheiro. Outra medindo 22m² com banheiro e cozinha. Todas frontais, com portas de vidro. Na Rua 15 de Novembro em frente ao Ed. Esplanada Center. Fone: (55) 96293696/33332466 em horário comercial.

(337V-37) Vende-se Kombi, diesel, cabine dupla, ano 81, bege. R$ 9.000,00. Fone: (55) 33334906/9154-3784/9124-3866,com José ou Juarez. (337V-47) Vendo Brasília 76. R$ 1.200,00. Fone: (55) 8118-3659.

(337I-34) Procuro uma casa p/ alugar no valor de até R$ 700,00 de preferência perto da Fidene. Fone: (55) 8432-5154. (337I-36) Vende-se apto em Bombinhas – SC na praia de Canto Grande com 2 quartos, sendo um Suíte, todo mobiliado com churrasqueira na sacada para a rua, com box de garagem, piscina e área de festa á 60 metros do mar. R$ 360.000,00. Fone: (55) 9128-1772. (337I-37) Vende-se terreno de 16.331 m², frente a BR 285 em Ijuí, bem localizado, próximo a Auto-demolidora Ijuí, ótimo investimento. R$ 420.000,00. Fone: (55) 9128-1772

(337I-30) Vende-se terreno no Bairro Modelo medindo 12 x 30. Fone: (55) 3332-4145/ 9159-0641. Sulivan Kruger

(336I-7) Vende-se excelente propriedade no interior de Jóia. Total de 11,5 hectares. Com benfeitorias, instalações para tirar leite. Próximo a colégio e mercado. Fácil acesso. Valor a combinar. Fone: (55) 9969-3326

(337I-31) Compro terreno no valor de até R$ 40.000,00. Nos bairros Pindorama, Industrial, Elizabeth, Jardim e Mundstock. Fone: (55) 9634-0290.

(336I-9) Vendo dois terrenos com 360 metros cada um, na Guabiruba, Lageado Baixo, ou troco por sitio ou chácara. Fone: (55) 3396-7137 ou 9655-4861.

(337I-32) Vendo mercado e lancheria, com funcionamento de mais de 15 anos. Junto a condomínios residenciais. Aceito soja no negócio. Fone: (55) 3332-2662.

(336I-10) Vende-se terreno com escritura medindo12 X 30 m² na Rua Cassemiro de Abreu, Alvorada. R$ 21.900,00. Fone: (55) 8425-9612 ou 3332-2630.

(337 V-6) Vende-se Gol 1.0, MI, 8 v, 2 portas, azul, ano 99. R$ 12.800,00. Ótimo estado. Fone: (55) 8407-2215. (337 V-27) Vende-se Gol MI ano 99, cinza claro, 4 portas, com entrada de 60% e restante na safra de 2012. Válido somente para agricultores. Fone: (55) 9619-4906. (337V-28) Gol G4, 1.0, ano 2006, preto, AL, VE, som. R$ 19.000,00 Fone: (55) 9963-1914. (337V-29) Vende-se Gol bolinha 1.0, 2 portas, prata, modelo 95, sem multas, IPVA 2011 pago. R$ 8.900,00. Fone: (55) 9158-0043. (337V-40) Vendo Gol Bolinha ano 95, 1.8 AP em bom estado. Fone: (55) 9175-0893. (337V-21) Vendo Golf Sportline, teto solar, AC, CB encosto de braço, mascara negra. Fone: (55) 9610-5047.

(336 V-39) Vende-se Brasília 78, motor bom, pivô novo, pneus em bom estado, estepe original. R$ 3.800,00 Fone: (55) 9177-6014. (336V-42) Gol G2 ano 2001, branco, som (módulo digital + cornetas + alto falante Bravox, aparelho Pionner). Película, trava e AL R$ 15.000,00 Fone: (55) 9137-0451 (336V-50) Variant 74, toda mecânica feita, e mais uma lataria completa. Fone: (55) 3332-5546 Vilmar.

(337V-23) Vende-se Tempra 2.0, 8 v, 4 portas, roda 15, bordô. R$ 9.000,00. Fone: (55) 9645-7481 Daniel ou Marciano 9629-5094. (337V-19) Vendo Uno 98, 4 portas VE, AC, RLL aro 13. Aceito troca de preferência moto ou carro de menor valor. Super econômico Fone: (55) 8139-1725. (337 V-18) Vendo Palio ED 98/98. R$ 10.000,00 Fone: (55) 8434-0080. (337 V-36) Vendo Tempra ano 97, gasolina, com kit gás, completo, em ótimo estado. Fone: (19) 8127-1020. (337V-35) Vendo Uno Mille Economy WAY, 2009, prata, 2p, LDT, alarme, TE, manual. Entrada R$ 8.500,00 + 49 de R$ 295,00. (55) 8107-0715.

(336V-51) Vende-se ou troca-se Saveiro CL 1.6 MI, ano 98, por carro de menor valor. Fone: (55) 9958-8302.

Fone:(55)3331.6000

(335V-49) Vende-se Siena, ano 2008, Celebretion, completo, cor prata, carro semi-novo. Fone: (55) 9128.3818

(337V-22) Vendo Fusca ano 75, branco, em bom estado, com alternador. R$ 1.800,00. Fone: (55) 8118-0869. (Operadora Oi).

(337V-9) Vende-se Fiat Brava, ano 2000 financiado não precisa tirar do nome. R$ 9.000,00 mais parcelas de R$ 345,00. Fone: (55) 9127-4747.

(337V-14) Vendo fusca 1500, ano 70, 2° dono, super inteiro, azul, estofados, motor e lataria 100%. R$ 3.600,00 a vista. Fone: (55) 3332- 2893.

(337 V-7) Vendo Marea SX 1.8, completo, ano 99/00, quatro pneus novos. Carro impecável, revisão em dia. R$ 16.000,00. Fone: (55) 9167-7715.

(337V-34) Vende-se Voyage 1.6, ano 84, azul metálico. Aceito parte em material de construção. R$ 6.000,00. Fone: (55) 9170-4998.

(337V-26) Vende-se Siena ano 99, branco, AC, DH, VE, travas. Aceito carro de menor valor. Fone: (55) 9146-9478.

C Y M K


C Y M K

11

Outubro de 2011 (337V-66) Vende-se caminhonete Strada Working, cabine estendida, ano 2010, prata, com 22.000,00 km, DH, VE, AL, computador de bordo, motor 1.4, protetor de caçamba, capota marítima, ótimo estado. R$ 32.500,00. Fone: (55) 9128-1772

(337 V-2) Vende-se Ford KA GL, ano 2003, completo, AC, DH, TE, VE, azul. R$ 17.000,00. Fone: (55) 91315497/9166-9019. (337 V-31) Vendo Ford Royalle Ghia, ano 94, bordô, completo, carro inteiro. Fone: (55) 9983-3332. (337 V-30) Vendo Escort Hobby 1.0, ano 95, super inteiro, mecânica e lataria 100%. R$ 8.800,00. Fone: (55) 9613.5526.

(337 V-17) Vendo Focus Hatch, ano 01/01, vermelho, completo, AC, DH, VE, TE, LT, DT ABS, RLL, 4 pneus novos, reg. alt. faróis, volante escamoteável, som original, 2° dono. R$ 24.500,00. Fone: (55) 9144-9410. Email: jo_silveira1@yahoo.com.br.

(337 V-38) Vende-se Corcel I ano 77, branco, bom estado. Fone: (55) 91135920. (336V-43) Vende-se Verona ano 91 R$ 4.500,00 Fone: (55) 8131-7417 Vanessa.

(336V-10) Vende-se Focus Sedan 1.6, ano 2004. R$ 25.000,00. Fone: (55) 9923-8100. (336V-13) Vendo Escort Hobby 1.0, ano 95, segundo dono, 97.000 km, Azul Marinho, LDT, AL, AQ, som Pioneer c/ USB 02 alto falantes 6x9 Selenium, e insufilme. Fone: (55) 9142-4698. (336V-14) Compra-se Ford F-4000 de 85 a 90, pagamento à vista. Fone: (55) 9903-7256. (336V-46) Vende-se Ford Courier ano 2005, R$ 20.500,00 Fone: (55) 962-2769

(336V-54) Vende-se Ford Fusion 2.3, SEL, ano 07, preto. Top de linha, completo, mais teto solar. Com 40 mil km, estepe nunca rodado. Fone: (55) 9944-5197 Rafael. (336 V-56) Vendo Escort Hobby ano 95, 1.0 cinza metálico, AQ. Nunca foi batido. Super inteiro. R$ 6.500,00. Fone: (55) 9122-3891 e 9987-5729. (336V-66) Vendo Fiesta 99, 1.0, 4 portas, azul, bom estado. R$ 8.000,00 Fone: (55) 9175-0893. (336V-68) Vende-se Fiesta, ano 2005, branco, DH, VE, TE, com 61.000 km. Placa INK 6059, em ótimo estado de conservação. Fone: (55) 9118-9871

(337V-45) Vende-se Camioneta Ranger, 114 CV, Gasolina, ano 1997, azul, completa. R$ 22.000,00. Tratar: (55) 8439-2307. (337V-44) Vende-se camionete F1000 ano 95, SS furgão térmico com refrigeração. Fone: (55) 9963-4775 Jorge. (337 V-43) Vende-se Ford Courrier ano 2005, branca. R$ 20.500,00 Fone: (55) 9626-2769. (337 V-58) Vendo Escort XR3, cinza, ano 89, AC, VE, TE e teto solar, em ótimo estado. Fone: (55) 9967-0569. (336V-76) Vende-se Fiesta ano 2000, azul, 4 portas. Fone: (55) 9166-2515 ou 9944-5659.


12

Outubro de 2011 (337V-16) Vende-se Monza ano 89 SLE, chumbo, 4 portas, VE, DH, rodas de Vectra. Lindo carro! Documentação em dia. R$ 5.500,00 a vista. Fone: (55) 9927-2129/9689-2396.

(337V-32) Vende-se Monza, SLE, chumbo, super inteiro, doc em dia, 85. R$ 5.500.00 Fone: (55) 91974713 ou (55) 9958-4330. (337V-54) Vendo Monza Classic, ano 87, RLL, bom estado. R$ 5.500,00. Fone: (55) 9195-9597. (337V-50) Vendo Chevette 1.6, 5 marchas, ano 85, 4 portas, gasolina, branco. R$ 4.000,00. Fone: (55) 9136-9743. (337V-41) Vendo Celta Life, prata, ano 2008, básico. R$ 18.900,00. Fone: (55) 9183-7788. César. (337V-57) Vende-se Monza ano 88, azul, RLL, DH. Fone: (55) 99747353/9663-3331. (337V-55) Vendo camioneta Silverado, ano e modelo 2001, completa, preta, rebaixada com laudo, farol de xênon R$ 40.000,00 sem troca. Fone: (55) 9993-6328. (337V-59) Vendo Corsa Classic, ano 2004, VE, TE, Ar quente/frio, DT. 2° dono. R$ 20.000,00. Fone: (55) 9986-3802. (337V-60) Vende-se Omega GLS, ano 94, completo, 2.0. Fone: (55) 8134-3631/3333-0375. (337V-61) Vende-se Chevette, ano 89, rodas esportivas, AL. Fone: (55) 9157-0534/9184-1307. (337V-65) Vende-se Chevette Tubarão, ano 74, todo feito, suspensão, lataria, estofado novo, todo original, 4 pneus novos, raridade. R$ 10.500,00. Fone: (55) 9128-1772. (337V-5) Vende-se Celta 1.4, ano 2005, completo, preto, único dono. R$ 20.000,00. Fone: (55) 8404-2087. (337V-1) Vendo Ômega GLS, ano 98, completo, preto, Ômega GL, ano 95, completo, branco. Fone: (55) 9954-4270 Vandeco. (337 V-3) Vendo Astra sedan 1.8, ano 2000, completo, RLL, AL, insufilme, som com usb e cartão de memória, módulo de 3600 W, caixa com um sub 12” de 550 rms, uma corneta e um twiter, bateria de 75 própria p/ som. R$ 21.000,00. Sem o som R$ 20.000,00. Fone: (55) 9695-3563. (337V-4) Vendo Vectra GLS ano 98. Fone: (55) 9623-2439. (337V-8) Vendo Kadett preto, ano 94. R$ 13.000,00. Aceito outro no valor de R$ 4.500,00. Fone: (55) 9226-3501. Eldemir. (337V-24) Vendo Corsa Hatch 1.4 EFI, ano95, azul metálico, AC, VTE, AL, RLL, excelente estado de conservação. R$ 12.000,00. Aceito proposta. Fone: (55) 9107-1093. (337V-11) Vendo Corsa Sedan, ano 2001/2002, DH, AC, TE, AL. R$ 19.500,00 ou entrada + 45 de R$ 438,00. Aceito carro ou moto de até R$ 6.000,00. Fone: (55) 9139-7139.

(337V-33) Vende-se Corsa Wind, 1.0, 95/96. R$ 10.800,00 a vista. Fone: (55) 9109-0059. (336V-84) Vendo Corsa 1.0, branco, 4 portas, ano 01/02, AC, TE, CD/ USB, AL, roda de liga leve 14, documentação 2011 ok. R$ 16.500,00 Fone: (55) 9642-4689. (336 V-91) Vendo Corsa Sedan, ano 2000, 1.0, 8 v, prata, 4 portas, AQ, som mp3, DT, 4 pneus novos, IPVA 2011 pago, ótimo estado, revisado. Fone: (55) 9121-5609/9135-4471 Lucas.

(335 V-20) Vende-se Clio Sedan Privilege, 1.6, prata, completo, ano 2007. R$ 26.000,00. Fone: (55) 8123-0520. (335 V-13) Vende-se Renault Logan Expression 1.0 16 v, ano 2009, DH, AQ, DT, TE, IPVA 2011 pago. R$ 28.000,00. Fone: (55) 9163-0276. (335V-21) Vende-se Clio Hatch, ano 2000, 1.6, 8 v, 4 portas, vermelho. R$ 15.000,00. Fone: (55) 81366446/8438-8879.

(335 V-31) Vende-se Clio Hatch, ano 03, modelo novo, Authentic, 1.0, 8 V, 4 portas, AQ, DT, AL, para choque na cor do carro, IPVA 2011 pg, som original com controle no volante, impecável, particular. R$ 16.300,00. Fone: (55) 8132-4502 / (51) 9815-5360. (337 V-70) Vende-se Clio Sedan 1.0, 16 v, ano e modelo 2003, completo, prata, ótimo estado. R$ 23.000,00. Aceita troca carro de menor valor. Fone: (55) 9613-5957. (336V-30) Vendo Clio, ano 2007, AC, AL, TE. R$ 11.000,00 mais 31x de R$ 406,00. Fone: (55) 33335947/ 33325567/91280387.

(337 V-20) Vendo Peugeot 206 completo, ano 2002, preto, 4 portas, manual, chave reserva. Único dono. Fone: (55) 8136-6184. (337 V-64) Vende-se Peugeot, ano 2001, 2 portas, vermelho, completo menos DH. Carro em excelente estado. R$ 15.500,00. Estudo troca por menor valor. Fone: (55) 33321513/84256156.

C Y M K


C Y M K

13

Outubro de 2011 (337V-56) Vende-se camioneta 350, ano 72, cabine da 4000, azul. R$ 11.500,00. Ver na Borracharia do posto Belinaso, RS 155. Fone: (55) 9172-0664.

(337 V-68) Vende-se Honda Civic LXL, ano 2010, preto, bancos de couro com 26.000 km, completo, cambio manual, ACD, trio elétrico, AL. R$ 61.000,00. Fone: (55) 9128-1772.

(337V-25) Vende-se automóvel Classe A 160, ano 2000. Fone: (55) 84062170.

Outros

(334 V-67) Troco por Gol ou Corsa, moto Titan, ano 2001, 125. Fone: (55) 9175-9894. (336 V-7) Vendo ou troco Besta passageiro, ano 1995 a Diesel, em excelente estado de conservação. R$ 20.000,00. Fone: (55) 3332-6242 com Ailton.

(337V-10) Vende-se Picasso Exclusive, ano 2004, 2.0, ótimo estado, 5.6000 km. R$ 28.000,00 Fone: (55) 9616-8728.

(334 V-73) Compra-se carro a partir de ano 2000 que tenha financiamento, de até R$ 1.000,00 por mês, pago entrada em R$. Fone: (55) 9689-7373. (337 V-42) Vende-se Towner, ano 97 p/ 7 passageiros. R$ 10.000,00, aceito carro de menor valor e materiais de construção. Fone: (55) 8415-5806. (337 V-53) Vendo ótimo Suzuki Baleno 1.6, 16 v, ano 97, 4 portas, branco, DH, AC, VE, RE, documentação ok. R$ 8.300,00. Fone: (55) 3332-6897 ou 81187488. (337 V-51) Barbada! Vendo camioneta C14, ano 75, gasolina, ótimo estado. Fone: (55) 9942-7427.

(334 V-16) Vendo Camioneta, Nissan Frontier, ano 99, 4x4, Diesel, completa, aceito troca. R$ 35.000,00. Fone: (55) 9670-6006.

(337 V-67) Vende-se Rural, 4x4, ano 75 com 75.000 km originais, uma raridade muito inteira. R$ 25.000,00. Fone: (55) 9128-1772.

Máquinas Implementos Agrícolas (336V-41) Vendo carroceria de caminhão, 7,5m de comprimento, 2,5m de largura e 1,30 de altura. Fone: (55) 9978-0548 com Elio.

(334V-22) Vende-se Caminhão MB, 1518, ano 88. Fone: (55) 9148-1629/ 3333-3283. (334V-31) Vendo Caminhonete Agrale 7000, ano 93, completa. Recebo carro de menor valor. Fone: (55) 8413-5685. Com Aparício. (334 V-76) Vende-se caminhão Agrale com DH, 7000 D, ano 95/95, com furgão de alumínio, em ótimo estado, 2,10 alt. Por 4,20. Fone: (55) 9963-9065

(336V-64) Vendo plataforma de milho NH, BN Véctor ano 94. Fone: (55) 9975-3099.

(334V-87) Vende-se colheitadeira SLC 6200, ano 84/85, semi eixo. R$ 45.000,00. Aceita-se outra colheitadeira, ou camionete. Fone: (55) 9913-6271. (331V-1) Vende-se Plantadeira de trigo marca Fanhauser, ano 87, com 19 linhas com disco desencontrado e rolamento cônico. R$ 11.000,00. Fone: (55) 9168-0689. (332V-73) Vende-se Semeadeira IMASA, MPS 1600, ano 2002, caixa inoxidável, semi nova, usada somente em 2 safras. Planta trigo, milho e soja. Pagamento a combinar. Fone: (55) 9926-9261/9997-1000. (335V-1) Vende-se Plantadeira Imasa MP 2000. Planta trigo, soja e milho. Valor a combinar. Fone: (55) 9972-1585. (337V-13) Vende-se uma colheitadeira internacional Ideal 9090, ano 95, 23 pé de corte, revisada, cabinada, AC. Aceita-se grãos e sementes. Fone: (55) 9971-2471 Alex. (337V-48) Vende-se Carroceria graneleira, semi nova, para caminhão truk. R$ 7.000,00. Fone: (55) 99283734. (337 V-52) Vendo Trator MF, ano 77, em bom estado. R$ 19.500,00. Fone: (55) 9974-5901.

(336 M-4) Vendo YBR 2002, partida elétrica, rodas de liga leve, super inteira. Fone: (55) 3332-8811 ou 91682306.

(336 V-27) Vende-se MB 608, ano 84 em ótimo estado. R$ 36.000,00. Fone: (55) 9646-3544. (336V-45) Vende-se caminhão Ford F350, ano 2005, cor prata, com baú de alumínio. R$ 62.000,00 Fone: (55) 9626-2769

(336 M-8) Vendo CG125 1986, azul, revisada, documentação em dia. Apenas R$ 1.600,00. Fone: (55) 91444529 Giorgio.

(336 M-6) Vendo YBR 2008, azul, com pneus novos, aro viper com 2 jogos de raio em cada roda, IPVA 2011 pago, com 14mil km, único dono. R$ 3.700,00. Fone: (55) 9112-5778.

(336M-12) Vende-se Moto Titan 150 KS, ano 2007 vermelha, toda original, único dono, revisões feita na Honda, documentos e IPVA OK, super inteira. R$ 4.400,00 Fone: (55) 9155-9967 Tiago.

(334M-8) Vende-se Yamaha, ano 2008, XTZ 125, com freio a disco, partida elétrica com 15.000 km. Fone: (55) 9115-3838.

(336M-10) Barbadinha! Vendo XLV 125, preta, 2003, p/ trilha ou rua. R$ 2.000,00 + documentação. Aceito proposta. Fone: (55) 9136-5131. Júnior.

(334M-9) Vendo YBR ED, ano 2007/2008, azul, aros viper, inteira. R$ 4.200,00. Fone: (55) 9184-7920.

(336 M-11) Vendo Titan 150 KS, ano 2004, vermelha, em ótimo estado. Fone: (55) 9920-2775.

(337M-1) Vende-se YBR, ano 2008, com partida elétrica, em ótimo estado. R$ 3.500,00. Por motivo de mudança. Fone: (55) 9142-0756.

(337M-6) Vendo Honda Biz ES com partida elétrica, vermelha, ano/modelo 2003. R$ 3.300,00. Aceito material de construção. Fone: (55) 33326711/81118430.

(337 M-2) Vende-se YBR, ano 2004, partida elétrica. R$ 3.200,00. Fone: (55) 9135-2434. (337M-5) Vende-se YBR ano 2004 com partida elétrica. R$ 3,000.00. Fone: (55) 9145-6161. (337M-4) Barbada! Vendo Factor ano 2009, vermelha, em ótimo estado de conservação, baixa quilometragem. Fone: (55) 9143-8775.

(335 M-5) Vendo CG 125 Fan, preta, ano 2006, em ótimo estado, revisada. R$ 3.300,00. Fone: (55) 9196-4303. (335M-7) Vende-se Biz 125, ano 2005/2006, preta, com partida, em excelente estado de conservação. R$ 4.500,00. Fone: (55) 9603-0330. (335M-9) Vende-se CG 125 Fan, ano 2005/2005. R$ 3.200,00. Fone: (55) 9143-0279.

(337M-8) Vende-se YBR ano 2008, com partida elétrica. Ótimo estado R$ 3.500,00 Fone: (55) 9142-0756.

(337M-7) Vendo Traxx 125, preta, ano 2008. R$ 4.200,00. Pouco rodada. Fone: (55) 3332-2886/81012275.

Caminhões (337V-12) Vendo caminhão Mercedes Benz 1518, truk, ano 89, graneleiro, turbo, reduzido, DH, AC, revisado. Em bom estado. Aceito em grãos ou sementes. Fone: (55) 9971-2471 Alex.

(336M-1) Vendo CG Titan 150, modelo KS, ano 2007 modelo 2008, prata. R$ 4.200,00. Ou R$ 3.500,00 a vista o resto parcelado direto. Fone: (55) 91537609.

(336M-3) Vende-se Honda Fan 125, preço inferior ao de mercado, motivo: prêmio de sorteio. Fone: (55) 8413-6923.

(334V-46) Vende-se Trator CBT 1105, com comando e DH. Fone: (55) 91317167.

(334V-70) Vende-se Colheitadeira ano 79 New Holland 1530, com caçamba 4040, ano 84. Fone: (55) 8402-1168.

(337M-10) Vende-se Twister, ano 2002, cor vermelha, com 24.000 km, IPVA 2011 pago, dois pneus novos, e bateria na garantia. Fone: (55) 9153-0817.

(336 M-2) Vendo CG 125, ano 89, preta, em bom estado. Valor a combinar. Fone: (55) 9176-9002.

(336V-92) Vendo Pé de pato 5 pés, concha para carregar terra e plantadeira Eickoff. Fone: (55) 9112-3280.

(334V-57) Vendo Colheitadeira TC 59, ano 2000. R$ 190.000,00. Fone: (55) 9148-3354.

(337M-12) Vendo ou troco por carro ou moto de menor valor, uma CB 600 Hornet, ano 2005, preta. Super inteira, com 21000 km rodados. Fone: (55) 8118-1206 Ricardo.

(337M-13) CB 500 98/98 prata, 100% revisada, trocado filtro ar e óleo, pastilhas de freios + equalização carburador, pneus traseiro e dianteiro novos, ótimo estado, c /43.000 km, documentação em dia. R$ 13.900,00(estudo proposta c/ troca). Fone: (55) 9135-7730/3332-3217 Jeferson. (337 M-9) Vendo Hornet ano e modelo 2010, com ABS, preta. 4800 km rodados. (55) 9958-4057.

(335M-1) Vende-se Sundowm Web, ano 2008, prata, IPVA 2011 pago. Fone: (55) 9176-0814/9167-4734, com Tales/ Paula. (336M-7) Vende-se moto Sundown 125, vermelha, ano 2007. Aceito proposta de moveis novos ou materiais de construção em loja. Fone: (55) 9175-7669 Nadir.


14

Outubro de 2011

C Y M K


C Y M K

15

Outubro de 2011

Combate biológico de larvas impedirá infestação de mosquitos e borrachudos no verão Combate biológico de larvas vai impedir infestação de mosquitos e borrachudos no verão Para diminuir a infestação de mosquitos e borrachudos, nos meses quentes da primavera e verão, a Administração Municipal de Pejuçara através de uma ação conjunta entre as secretarias de Saúde e Agricultura, vai realizar a aplicação de um larvicida biológico nos cursos de água localizados no entorno do perímetro urbano da cidade. A ação tem o objetivo de eliminar as larvas dos insetos impedindo que eles cheguem a fase adulta e causem transtornos para a população. Entre as principais doenças causadas pelos mosquitos e borrachudos está a oncocercose, que provoca grandes tumores sobre a pele e quando localizada nos olhos pode levar à cegueira. A decisão de combater mosquitos e borrachudos foi aprovada pelo prefeito Leonir Perlin durante reunião na manhã de quarta-feira, com a presença do vice-prefeito Cerineu Mantovani, o secretário de Saúde Erasmo Daronco e o gestor ambiental Dimas Mastella. A Administração está preocupada com a possibilidade de uma proliferação com a mudança da estação, sendo desta forma oportuno tomar medidas preventivas adotando estratégias eficazes de controle. Para eliminar as larvas, será utilizado um produto biológico (de nome comercial Teknar), produzido pela Syngenta e distribuído pela área técnica da GDP Vetquímica, com sede em Passo Fundo. Trata-se de um larvi-

Uso de larvicida visa impedir infestação de mosquitos

cida biológico, desenvolvido a partir da bactéria Bacillus thuringiensis, cujos cristais protéicos são ingeridos pela larva e agem destruindo o seu intestino médio. O produto é específico, mata apenas as larvas de mosquitos (culcídeos) e borrachudos (simulídeos), apresenta baixa toxicidade e não representa risco a saúde humana ou animal. Dois locais foram mapeados para esse controle. Um deles é o arroio Mastella, em todo o perímetro que passa pela cidade, e outro é a nascente do arroio Turcatto, nas proximidades do Parque de Exposições. De acordo com o levantamento técnico da GDP Vetquimica, os 100

Patrocínio

pontos de aplicação do larvicida, consideram a distância de aproximadamente 800 metros do centro da cidade, que é a autonomia máxima de voo alcançada pelos insetos. A operação de controle vai começar nos primeiros dias de outubro e tem seu encerramento previsto para fevereiro do ano quem vem. Segundo o gestor ambiental Dimas Mastella serão realizadas no total seis aplicações em todos os pontos demarcados. Está é a primeira vez que será realizado um projeto deste porte e espera-se bons resultados, proporcionando melhor qualidade de vida e bem-estar da população.


16

Outubro de 2011

Produtores investem no plantio de soja e milho na safra 2011/2012 Preços e investimentos em tecnologia são os atrativos para essas lavouras, que contribuem com 80% da produção nacional de grãos

Soja e milho são os principais produtos de destaques do agronegócio brasileiro para a temporada 2011/2012. A perspectiva foi apresentada nesta quinta-feira, 6 de outubro, pelo diretor de Política Agrícola e Informação da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Silvio Porto, durante o anúncio da intenção de plantio do novo ciclo. O diretor disse que o milho está surpreendendo em função dos preços que têm se sustentando nesse último período. A previsão de produção deve ficar entre 157 a 160 milhões de toneladas. Já a área plantada terá variação entre 50,4 e 51,3 milhões de hectares. O resultado é estimado com base na tecnologia utilizada nas principais culturas e as previsões em relação ao comportamento do clima para esta safra. A Conab trabalha com a média obtida nas últimas cinco safras, descartando os anos atípicos e agregando novas técnicas

A previsão de produção deve ficar entre 157 a 160 milhões de toneladas

agrícolas. “O comportamento do clima poderá surpreender e fazer com que colhamos mais uma safra recorde”, avaliou Porto. As condições climáticas prevêem chuvas regulares principal-

mente na região Centro-Oeste e a ocorrência de estiagem no Sul. Renda – O secretário-executivo do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, José Carlos Vaz, disse que o governo está preocupado na proteção de renda do produtor com a contratação de seguro rural. “Vamos trabalhar nos próximos meses na construção de mecanismos de proteção de renda para 2011/2012 principalmente na região Sul”, explicou. O secretário garantiu que o abastecimento interno está normal e os produtos agrícolas estão com preços competitivos. “Os preços agrícolas não devem ter muita variação e o dólar está atrativo para as vendas externas”, afirmou Vaz. “A margem de renda dos produtores deve continuar positiva, graças à valorização cambial, que compensa o recuo dos preços das commodities, e ao aumento do custo de produção da safra que está sendo plantada”, concluiu.

Governador Tarso Genro recebe demandas da população da região Noroeste Colonial para Interiorização de Governo Pela nona vez neste ano, o Governo do Estado se desloca para o interior do Rio Grande do Sul. Desta vez, a região contemplada é a Noroeste Colonial (municípios de Ajuricaba, Augusto Pestana, Bozano, Catuípe, Condor, Coronel Barros, Ijuí, Jóia, Nova Ramada, Panambi e Pejuçara). O evento vai acontecer em Ijuí no dia 18 de outubro (terça-feira), a partir das 9h. O objetivo da Interiorização é estabelecer um amplo debate sobre temas relevantes para a região junto a autoridades, empresários, movimentos sociais e a população. Como nos demais deslocamentos para o interior, o governo busca a participação da sociedade para ajudar

a construir as pautas que serão abordados pelo governador Tarso Genro na atividade. O processo participativo da Interiorização de Governo em Ijuí é realizado por meio da ferramenta Agenda Colaborativa, do Gabinete Digital, que está recebendo contribuições para a visita do governador ao município. A Agenda Colaborativa é um espaço de participação cidadã e de comunicação direta da sociedade com o governador. Interiorização Desde janeiro, a atual gestão vem realizando deslocamentos sistemáticos da sede do Governo do Estado para municípios do interior. A

ação faz parte das estratégias de combate às desigualdades sociais e regionais, de fortalecimento da base produtiva já instalada e de integração das diversas regiões do Estado do Rio Grande do Sul. Gabinete Digital O Gabinete Digital apresenta-se como um espaço de participação que tem como objetivo estimular uma nova cultura na gestão pública, por meio do estabelecimento de canais de diálogo e colaboração com a sociedade. A partir do uso das ferramentas digitais, busca-se promover a cidadania, a eficiência e controle social sobre o Estado.

A Eletrosul concluiu a última etapa de enchimento do reservatório da Usina Hidrelétrica Passo São João, que está sendo construída nos municípios de Roque Gonzales e Dezesseis de Novembro. O lago que se formou tem 20 quilômetros quadrados e abrange áreas de outros três municípios do noroeste gaúcho: São Luiz Gonzaga, São Pedro do Butiá e Rolador. De acordo com o engenheiro residente, José Chagas da Silva Junior, a conclusão se deu dois dias antes do previsto no cronograma, totalizando 43 dias de trabalho. O enchimento iniciou no dia 12 de agosto e foi realizado em etapas, respeitando critérios

Crédito: Fábio Ritter

Eletrosul conclui enchimento de reservatório da Usina Passo São João

O lago com a cidade de Roque Gonzales ao fundo

técnicos e de segurança. A UHE Passo São João terá capacidade instalada de 77 megawatts (MW), o suficiente para atender o equivalente ao consumo de mais de 580 mil habitantes. A obra tem investimentos de R$ 500 milhões e faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal. O empreendimento irá ampliar a capacidade de geração de energia do Rio Grande do Sul e, principalmente, da região das Missões que hoje tem apenas uma hidrelétrica em operação. Nacionalmente, a UHE Passo São João aumenta a qualidade e a segurança do sistema elétrico.

C Y M K


C Y M K

17

Outubro de 2011

Tuparendi

Aposentado inventa o debulhador de amendoim

Onorino Rico Brun relata que a ideia surgiu quando estava debulhando milho com as mãos

No mês de abril de 2011, o aposentado Onorino Rico Brun, de 72 anos de idade, residente na cidade de Tuparendi, resolveu inventar uma máquina de debulhar amendoim, que não quebra os grãos e que separa as cascas das dos grãos. Naquele mês começou a trabalhar no seu projeto, não deu certo, desistiu, mas quatro dias após resolveu recomeçar os trabalhos idealizados, foram quinze dias de serviço, experiências, de colocar em prática as idéias, até que foi finalizado o seu invento. A segunda máquina foi concluída em três dias, a perfeição e a agilidade na conclusão das obras foram alcançadas a partir da terceira, que levam somente um dia para sua conclusão. A ideia surgiu quando estava debulhando amendoim com as mãos.

Já foram comercializadas mais de 60 máquinas debulhadoras de amendoim para clientes residentes nos Municípios de Tuparendi, Santa Rosa, Alecrim, Porto Mauá, entre outros, ao preço de R$ 130,00. Já lhe solicitaram se é possível fazer um projeto com motor e ar, disse que é possível sim, mas que o preço de venda seria superior a R$ 1.000,00. O professor Pardal de Tuparendi já fez outras invenções, tais como: máquina de moer uva que separa os cachos do suco (líquido), quebrador de nozes, cavalo de madeira para sentar criança que ao se mexer emite o trote de um cavalo, entre outros. O funcionamento da máquina de moer uva já foi apresentado em diversos meios de comunicação. O valor de venda deste moedor de uva é de R$ 800,00.

Bozano

Cotrijui inaugura loja de agroinsumos em Bozano Desde o dia 27 de setembro de 2011, está aberta para atendimento as demandas dos produtores de Bozano e adjacências a nova e ampliada Loja de Agroinsumos da Cotrijui. A troca não foi apenas de endereço, mas em espaço e condições de atendimento, além da qualificada linha de produtos. Na mensagem aos presentes, o presidente Carlos Domingos Poletto reconheceu os anos de espera da comunidade e deu crédito às repetidas reivindicações dos representantes e lideranças para que o tamanho do empreendimento fizesse juz ao volume de negócios. Agradeceu a fidelidade dos associados e a parceria do poder público. Poletto afirmou que “chegamos preparados e qualificados para atender melhor e oferecendo produtos só

encontrados na Cotrijui e com assistência técnica qualificada”. O presidente disse que a Cooperativa dá respostas na proporção em que é acolhida e que Bozano/RS sempre foi receptivo por tratar-se de um município com muito potencial. “A Cotrijui se prepara para um futuro que já começou”, finalizou Poletto, falando em nome dos 18 mil cooperados e suas famílias. Falando a seguir, o prefeito de Bozano, Gederson Mori agradeceu à Cotrijui pelo prestígio dado à comunidade, referindo-se a contratação de cem por cento dos funcionários do próprio município. Como administrador, disse entender que o atendimento às reivindicações nem sempre acontece no prazo desejado, mas dentro do possível.

Além do presidente Poletto e do prefeito Gederson, descerraram a fita inaugural o vice-presidente Luiz Ottonelli, o secretário Osmildo Bieleski, e o conselheiro de Administração da Cotrijui, Milton Soschinski. A visitação às instalações e o coquetel contaram com a presença do vice-prefeito Ernesto Natal Nicoletti, vereador Paulo Jair de Godoy, vicepresidente da Câmara, secretários municipais, direção da Sicredi Pestanense e gerência do Banrisul, Emater, sindicatos, Ceriluz, representantes de escolas e das comunidades do interior, bem como associados e familiares, diretores, gerentes e funcionários da Cooperativa.

Santo Augusto

Governo do Estado apresenta RS Mais Igual e Leite Gaúcho ao Território da Cidadania Noroeste Colonial Uma articulação feita entre a Casa Civil, Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Núcleo Dirigente do Território da Cidadania Nororeste Colonial viabilizou, no dia 6 de outubro, a apresentação dos programas RS Mais Igual e Leite Gaúcho aos representantes de cooperativas agropecuárias que integram o Território da Cidadania Noroeste Colonial, um dos 120 territórios existentes no país. “Esses dois programas são políticas públicas que fortalecem o que as nossas cooperativas estão fazendo e precisando”, elogiou o presidente da Cooperativa da Agricultura Familiar de Tenente Portela (Cooperfamiliar), Valmor Machado Soares. O encontro, realizado no Instituto Federal Farroupilha – campus de Santo Augusto, contou com as presenças dos representantes da Casa Civil, Sirlene Nunes Vieira e Daniel Ninog, do MDA, Cláudia Franz Vasques, da SDR, Júlio Paris, e da Emater/RS-Ascar, Geraldo Kasper. O RS Mais Igual, lançado pelo governo estadual em junho com a meta de tirar da pobreza 306,6 mil pessoas, sendo 35% delas residentes no

meio rural, e o programa Leite Gaúcho, lançado no mês passado com o objetivo de ampliar de 9 milhões para 14 milhões a produção diária de leite no Estado, segundo Soares, mostram agilidade de parte do governo em apresentar respostas às demandas que foram encaminhadas, em maio, por 110 cooperativas gaúchas. Soares destacou ainda outras duas iniciativas, a isenção do ICMS dos produtos destinados à alimentação escolar, produzidos pelos agricultores gaúchos, e a assistência técnica da Emater/RS-Ascar, prestada desde o início do ano a quatro mil famílias do Território da Cidadania Noroeste Colonial. Os representantes dos governos estadual e federal, segundo Soares, se comprometeram a analisar três pedidos encaminhados durante o encontro. A prorrogação do contrato de assistência técnica, que se encerra em março do ano que vem, entre Emater/RS-Ascar e MDA, contrato específico para assistência técnica de agroindústrias e assistência técnica para a comunidade indígena, pois, embora façam parte do Território, os indígenas não foram contemplados com o benefício.


18

Outubro de 2011

Bozano prepara 3ª FEMMOB A 3ª Feira Municipal e Mostra Cultural de Bozano (FEMMOB) será realizada de 25 a 27 de novembro em Bozano No ano de 2008, em uma iniciativa inovadora, deu-se o pontapé inicial para a realização de uma feira municipal no município de Bozano, a qual teve o objetivo principal de mostrar o potencial do município, baseado principalmente na agricultura familiar, impulsionada pelo incentivo público municipal e por possuir muitas famílias de pequenas propriedades rurais oriundas da colonização Europeia. A 1ª Edição realizou-se em outubro de 2008, com duração de um dia e contou com algumas atrações, tais como, exposição de artesanato local, produtos da agricultura familiar, mateada, veículos, etc. Na 2ª edição da Feira, realizada em novembro de 2009, com duração de 02 dias, houve um importante incremento de atrações e produtos para exposição, contando inclusive com shows artístico-culturais e diversos itens para comercialização, através de empresas locais e da região, com destaque para produtos produzidos no próprio município. Nesta segunda edição circulou na economia do município algo em torno de R$ 2 milhões em negócios e comercialização de produtos expostos na Feira. A 3ª Edição da FEMMOB será realizada nos dias 25, 26 e 27 de novembro e contará com uma ampla programação incluindo 3 shows, exposição de produtos de diversas empresas, locais e regionais, em diversas áreas de alimentação e lazer, recreação para crianças.

A FEMMOB tem como soberanas: 1ª Princesa Letícia dos Santos, Rainha Larissa Mastela Lena e 2ª Princesa Jéssica Padoin

Programação: Dia 25 de novembro – sexta-feira 10h – Aberto para visitação; 18h – Solenidade de Abertura Oficial; Oficina de Talentos de Panambi; Café Colonial; 22h – Baile do CTG Passo de Bozano. Grupo marca Gaúcha; 23h – Fechamento do pavilhão de comercialização da Agricultura Familiar e Vestuário. Dia 26 de novembro – sábado 10h – Abertura para visitação; 12h – Almoço no CTG Passo de Bozano. Café colonial 20h30 – Jantar no CTG Passo de Bozano.

22h – Show Sertanejo Universitário com Diego e Paulinho no palco principal. 23h – Fechamento do pavilhão de comercialização da Agricultura Familiar e Vestuário. Dia 27 de novembro – domingo 10h – Abertura para visitação; 12h – Almoço no CTG Passo de Bozano; Café colonial 16h – Apresentação Cultural do CTG Passo de Bozano; 20h – Show de encerramento com Os Serranos; 22h – Encerramento.

Lei de regulamentação de orgânicos é atualizada Os produtores de orgânicos devem ficar atentos ao novo regulamento técnico para os sistemas de produção animal e vegetal. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento publicou no Diário Oficial da União (DOU), do dia 7 de outubro, a Instrução Normativa nº 46 que irá substituir a norma nº 64 de 18 de dezembro de 2008, responsável pela regulamentação da produção orgânica animal e vegetal no Brasil. Uma das atualizações presentes na nova instrução é o reordenamento de informações relacionadas à produção orgânica animal. Os dados foram reorganizados para facilitar o entendimento das normas. Outra mudança foi a inclusão de

Foram incluídos algumas substâncias permitidas para uso nos sistemas orgânicos de produção

substâncias permitidas para uso nos sistemas orgânicos de produção. As demandas foram solicitadas pelas comissões estaduais. Depois de passarem por consulta pública, foram autorizadas. Os alimentos orgânicos são produzidos baseados em princípios agroecológicos que contemplam o uso responsável do solo, da água, do ar e dos demais recursos naturais. Na agricultura orgânica, não é permitido o uso de substâncias que coloquem em risco a saúde humana e o meio ambiente. Desde 1º de janeiro de 2011, todos os produtos comercializados como orgânicos devem conter o selo do Sistema Brasileiro de Conformidade Orgânica.

Biocombustível aumenta ICMS, diz Mainardi na Abertura Nacional da Safra da Canola Durante a Abertura Nacional da Safra da Canola no dia 4 de outubro, representantes dos governos estadual e federal reiteraram a importância para o país da produção de biocombustível, extraído a partir de plantas como a canola. “A agenda de biocombustíveis é definitiva para o Brasil e o mundo”, disse o presidente da Petrobras Biocombustível, Miguel Rossetto. “O governo vê na canola um potencial enorme não apenas pela lógica econômica, mas, sobretudo, pela

lógica social”, disse o coordenador geral substituto de Agroenergia da Secretaria de Produção e Agroenergia, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, João da Silva Abreu Neto. O secretário de Agricultura, Pecuária e Agronegócio, Luiz Fernando Mainardi, também defendeu a produção de biocombustível no Estado, pois considera essa estratégia mais uma possibilidade de o Estado elevar sua arrecadação de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Ser-

viços (ICMS). “Melhor do que exportar soja e canola é agregar valor”, disse Mainardi. Segundo o secretário, a produção gaúcha de biocombustível já estaria agregando ao ICMS de R$ 120 a R$130 milhões. A atenção dada pelo governo à cultura da canola, através de políticas públicas, segundo o diretor-presidente da BS Bios, Erasmo Carlos Battistella, é decisiva, especialmente quando surgem problemas, a exemplo do que ocorreu nesta safra.

C Y M K


C Y M K

19

Outubro de 2011

Mainardi: irrigação é decisiva A afirmação foi durante o Seminário de Alinhamento Estratégico da Cadeia Produtiva do Milho Representantes das instituições que fazem parte da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Milho destacaram, durante encontro no dia 22 de setembro, a importância da irrigação para elevar o índice de produtividade das lavouras gaúchas, durante Seminário de Alinhamento Estratégico da Cadeia Produtiva do Milho, realizado em Ijuí. O vice-prefeito, Ubirajara Teixeira, também acompanhou o seminário, realizado no Hotel Fonte Ijuí. Os participantes compararam a produtividade média do RS, que oscila entre 70 a 125 sacas por hectare, com a dos Estados Unidos, onde um hectare de milho produz de 170 a 200 sacas. O secretário da Agricultura, Pecuária, Pesca e Agronegócio, Luiz Fernando Mainardi, reforçou o coro dos produtores. “A irrigação é o investimento mais importante, temos de juntar a ação da natureza com a ação técnica do homem”, disse Mainardi. O Governo do Estado, segundo o secretário, saberá acolher as demandas que forem encaminhadas pela câmara setorial do milho e, se for necessário, intervir a favor da criação de políticas públicas que definam linhas de crédito para irrigação. “Queremos produzir mais do que o Estado consome e até exportar”, disse o presidente do Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos do RS (SIPS), Osmildo Bieleski. “É fundamental termos condições de continuar a produzir este ce-

O Seminário de Alinhamento Estratégico da Cadeia Produtiva do Milho foi desenvolvido no final do mês de setembro

real e o apoio do Governo nos traz segurança”, completou o presidente do Fundo de Desenvolvimento e Defesa Sanitária Animal do RS (Fundesa), Rogério Kerber. A cadeia produtiva do milho, segundo o presidente da Associação de Produtores de Milho do RS (Apromilho), Cláudio de Jesus, passa a ser um grande negócio desde que haja diálogo com as demais cadeias produtivas. “Fico feliz porque o Estado percebeu isso”, disse De Jesus. “O milho está na base da agricultura familiar, tanto na alimentação das famílias como na manutenção das cadeias produtivas de carnes, ovos, suínos, leite”, disse o gerente da Emater/RS-Ascar Regional de Ijuí, Geraldo Kasper. Com o crescimento de 4,8% na área plantada com o grão no Estado, a Emater/RS-Ascar projeta a produção de 5,3 milhões de toneladas na safra 2011 2012.

Leite: manejo de pastagem para maior rendimento Paralelo ao 12º Campo Tecnológico de Culturas de Inverno, foi realizado o Vº Seminário de Pecuária Leiteira no dia 7 de outubro, focou no aumento da produção com redução de custos. Perseguindo a tônica de produzir leite a pasto, graças aos resultados de pesquisa alcançados pela CCGL através de seu tambo experimental e Fundacep, os agrônomos Alberto Rossetto e Marcelo Michaelsen atestaram os acertos, citando inclusive experiências exitosas de países grandes produtores de leite. Rossetto disse que “há tempos se ouve falar pelos dirigentes e técnicos da CCGL que leite não se resume a preço”. Mesmo que em tempos como o atual os preços estejam em patamares satisfatórios, afirmou o agrônomo da Cotrijui, o que vai se recomendar sempre é a busca de produção com custos mais baixos. Acrescentou que todas as informações que seriam repassadas na abertura do Seminário de Pecuária Leiteira, parte integrante da programação da 2ª FeniLact – Feira Nacional de Produtos Lácteos, já passaram pelas fases de experimentação e receberam a aprovação de produtores. O agrônomo fez comparações de produtividade média de leite/vaca/dia. Se animal alimentado com pastagem, fica entre 17 e 18 litros, ao

passo que se fornecer apenas silalgem, a média cai para 8 a 9 quilos/vaca/dia. Sem complementos como ração ou técnica de irrigação. Também afirmou que o custo de um quilo de MS (massa seca) de pastagem fica entre R$ 0,07 e R$ 0,12 por quilo, enquanto a mesma quantidade de silagem o custo aumenta para R$ 0,20 a R$ 0,24. Alberto também recomendou aos produtores para que procurem aumentar a produtividade do solo, aconselhando medidas para tanto. Considerou cada vez mais importante observar o tempo de pastejo, diante das diferenças de manejo entre produzir pastagens ou grãos. Já Marcelo Michaelsen discorreu sobre os muitos projetos de irrigação em funcionamento e o sempre crescente número de pecuaristas leiteiros que estão se habilitando para ter esse importante insumo em suas propriedades. A irrigação segundo ele consolida o manejo de pastagens conforme recomendado, pois traz equilíbrio na produção e na produtividade, sem sobressaltos. Colocou-se à disposição para atendimento de novos projetos. O Vº Seminário de Pecuária Leiteira contou ainda com as palestras “Melhorias e Qualidade da Ração”, “Controle e Prevenção da Mastite” e “A Evolução do Agronegócio”.

Jeferson Luis Kumm OAB/RS 59280

Pós-Graduando em Direito Previdenciário

O empréstimo consignado para aposentados e pensionistas O empréstimo consignado não deixa de ser uma boa opção para os aposentados e pensionistas que necessitem de dinheiro. O melhor é que a juros mais baixos e atrativos que o cheque especial ou mesmo o empréstimo pessoa física. Entretanto é necessário tomar muitos cuidados antes de contratar um empréstimo nessa modalidade. Os juros são bem mais baixos que os convencionais. Atualmente mais de 20 bancos oferecem o empréstimo consignado a juros que variam entre 1,5% e 3,58%, dependendo da instituição financeira e do prazo de pagamento. E somente podem ser comprometidos 30%(trinta por cento) da renda. Essa modalidade de empréstimo vale a pena se a intenção do segurado do INSS é quitar dívidas com cartões de crédito, cheque especial ou empréstimos bancários (ou em financeiras). Comparando-se com as demais taxas praticadas no mercado (média mensal): a média de juros do cheque especial é de 8,02%, empréstimo pessoal é de 5,29% e dos cartões de crédito é de 10%, notadamente que a vantagem é muito boa. É bom frisar que o aposentado deve ter alguns cuidados para assinar um contrato. Importante encontrar um banco ou financeira(agente financeiro) de confiança, comparar as taxas de juros aplicadas pelos bancos, posto que pode fazer empréstimo consignado em banco diferente daquele que recebe seu benefício, é importante nunca passar informações pessoais (como n° de CPF) pelo telefone, bem como atentar para o fato de que descontos com pensão alimentícia, imposto de renda e a idade do aposentado podem vir a indeferir o pedido ou diminuir o valor a ser emprestado.

Hortisul está presente na ExpoIjuí/Fenadi A Hortisul em seu 3º ano consecutivo esta convidando a sua família, a visitar as suas instalações na ExpoIjuíFenadi 2011 que acontece até o dia 19 de outubro. Venha conhecer a produção de morango hidropônico, sendo uma das mais modernas técnicas na produção de alimentos. No dia 16 de outubro será realizado o 2º Encontro dos Produtores Hidropônicos da Região Noroeste do RS, às 14h, na Casa do Produtor. A 1º palestra será do diretor comercial da Hidrogood Carlos Orlandi sobre “Novidades tecnológicas do sistema hidropônico”. Já a 2º palestra será com engenheiro agrônomo Márcio Motta TopSeed que enfocará “As principais doenças e pragas no cultivo protegido”. Apoio: ACI, Emater, Banco do Brasil e Programa Mais Alimentos.


20

Outubro de 2011

C Y M K

Correio Rural - edição 55  

Outubro de 2011