Page 1

CRO-MG 5081

Núcleo de Implantodontia & Estética

Direção Geral

Dr. José Carlos dos Santos Pinto Implantodontia | Prótese | Ortodontia | Periodontia Cirurgia | Endodontia | Preventiva Rua Santa Rita Durão, 74 - 1º Andar Funcionário - BH | (31) 3286.8887 / 8761.9811

Igarapé dá mais um passo na área de saneamento básico.

EDIÇÃO 225 | 1 a 15 de agosto 2013

06

Estiagem e ações criminosas multiplicam incêndios florestais em Minas O tempo seco já está causando estragos às matas em Minas Gerais. Em um intervalo de 24 horas, o Corpo de Bombeiros atendeu 50 chamados para combate a incêndios. As chamas atingiram a vegetação do bairro Serra Verde, próximo a Cidade Administrativa, sede do governo de Minas. Em Igarapé Moradores do Bairro Vivenda Santa Monica, denunciam a escalada de queimadas que vêm ocorrendo com freqüência no bairro, próximo a Serra de Igarapé.

belo horizonte Envolto pelo universo das noivas, Edifício Mariana coleciona histórias

09

contagem Moradores de Contagem reclamam de ruas sem rede de esgoto e asfalto

05

são joaquim de bicas 06

Betim

Serra do Cipó

Saúde confirma duas mortes por gripe suína.

Professor Sérgio de Carvalho/ Horto da Jaguara/Ambientalista

......................... Página 07

Jaboticatubas à beira do abismo

....... Página 03

Cultura Belo está de volta aos palcos e faz show em BH ......................... Página 04

11

garotacidades

Daniela Priscila

Foto:Ibama

São Joaquim de Bicas vive tempo de mudanças

14


02

opinião

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

rondadocidades

Marco Túlio Chiabi

Belo Horizonte

Levaram coxinhas para o Léo “Coxinha” Manifestantes que tentaram invadir o plenário da Câmara Municipal de BH, na sessão do dia 05/08, entraram em luta corporal com os seguranças do legislativo municipal, produzindo um verdadeiro tumulto e confusão na casa. Mas, também, teve a parte irônica e cômica daquele “sururu”. Bandejas repletas de “coxinhas” foram levadas para o Léo Burguês para lembrar os R$62 mil gastos em lanches e refeições pela madrasta do presidente do legislativo de BH.

Lacerda chama manifestantes de preguiçosos. No último sábado (03), o prefeito Márcio Lacerda, do PSB, chegou a chamar os manifestantes acampados no legislativo de BH de”preguiçosos”! Segundo Lacerda, os dados referentes ao transporte da capital (planilha) exidos pelos manifestantes já estariam disponibilizados desde do início do mês no site da BHTRANS. Para tomar conhecimento bastaria eles acessarem o site.

Jaboticatubas / São José do Almeida

Jaboticatubas possui a maior área da Serra do Cipó. Com um patrimônio ambiental único no planeta, um biossistema riquíssimo e fabuloso: fontes, córregos e rios cristalinos; matas e florestas com vidas exuberantes, as duas cidades são destaque em ecoturismo. Para isso, o Jornal Cidades tem pleno entendimento que poderá contar com o legislativo municipal, na fiscalização do Parque Nacional da Serra do Cipó, graças a vereadores conscientizados e independentes, como José Alemar de Sousa, Racky Andrade, advogado atuante, Geraldo do “Curralinho”, Pastor Lalado e demais vereadores. No sentido de juntos somarmos forças, para preservar a fauna e flora e ir contra a ambição de empresários gananciosos, que, pouco, ou quase nada, se preocupam com o meio ambiente.

expediente Comercial BH: Rua Patagônia, 515/901 Sion - Belo Horizonte 30320-080 Comercial Igarapé: Endereço: Rua Joaquim Ribeiro,297 - Bairro Padre Eustáquio - Igarapé - 32.900-000 Insc. Municipal: 1541002404 Insc. Estadual: 001116934.00108 CNPJ: 10.707.322/0001-29 Contato: Tel: (31) 3317-2041 / 9358-5267 E-mails: jcidades@gmail.com jornal_cidades@hotmail.com Vendas Igarapé, Betim e Região: Silveira (31) 9984-6846

crônica

Fundador: Marco Tulio Chiabi Diretor Presidente: Leonardo Chiabi / jcidades@gmail.com Jornalista Responsável: Luana Carvalho - 32910/8090MG Diagramaçao: Hugo Capaiz Design (31) 8847.4948 Impressão: Gráfica Imprima (31) 3226-2845 Colaboradores: Marco Tulio Chiabi / Adeilson Andrade / Gysella Alvim / Fatima Mirandda / Roberto Vieira Machado / Pfrof. Sergio Carvalho.

O jornal não se responsabiliza por matérias e conceitos nele assinados. Artigos, matérias e cartas de colaboradores poderão ser reduzidos caso haja falta de espaço no jornal.

cidadesigarape@ig.com.br

Pânico na Serra

Na última terça-feira (06), estava navegando no Facebook, site de rede social de importantíssima ferramenta na atualidade. De repente, deparo-me com uma série de fotos sobre um incêndio florestal criminoso em tempo real, postada pelo casal amigo, Sheila Soares e Daniel Sousa. Eles moram nos arredores da Serra de Igarapé e estão chocados com a barbaridade de incendiários malucos e vagabundos, sem a mínima consciência e respeito ao meio ambiente. Como se já não bastasse as ações predatórias das mineradoras, que como aves de rapina liquidaram com a fauna e flora de Igarapé, São Joaquim de Bicas, Brumadinho e Mateus Leme, deixando para trás nestas cidades buracos e um passivo ambiental monumental, além de sonhos e ilusões que terminaram da noite para o dia, restando apenas o ouro dos tolos. Na última edição, denunciamos juntamente com o professor Sérgio de Carvalho e Júlio Lira, ambientalistas e defensores do Parque Nacional da Serra do Cipó, ligados ao Horto do Jaguara, e também atendendo aos apelos de moradores, o assédio de empresas gananciosas e empresários associados à políticos da região, interessados em lotear áreas de proteção ambiental, de suma importância para fauna e flora da Unidade de Conservação, que é resguarda-

do por Lei Federal. Pasmem, leitores! Agora, começam as práticas criminosas e assassinas de empreiteiras, corretoras, mineradoras e fazendeiros que ateiam fogo em nossa natureza que também é de extrema importância para uma sadia qualidade de vida humana. Os danos à biodiversidade, solo e água podem ser equiparados ao desmatamento e, por serem uma das maiores fontes de emissão de gás carbono, responsável pelo Efeito Estufa, têm de ser considerados calamidade pública, à semelhança das enchentes. É preciso que a comunidade tenha responsabilidade social, que passe a denunciar sistematicamente esses atos selvagens e bárbaros de incendiar nossas matas e campos, já reduzidos na RMBH. Afinal, temos que nos conscientizar que nossas reservas florestais guardam não apenas vidas de uma fauna já reduzida e uma flora em estado crítico e preocupante, mas também nossa garantia de água na torneira, clima estável e solo rico. O que salta aos olhos é ver tanta burrice e idiotice dos irresponsáveis incendiários, deixando para nossos netos e bisnetos e os deles também, uma herança maldita, onde o pó, a seca e o calor serão os algoses impiedosos de todos um dia logo ali à frente...

pontodevista Por: PPGC / Diretor e Editor da Folha de Engenharia.

Paternalismo Papa significa pai. Como nós brasileiros estamos acostumados com esse convívio paternalista de sermos protegidos por nossos pais, pelos partidos que estão no poder e governos em geral, vamos aproveitar a proteção do Papa Francisco que visitou nosso país, dias atrás, para pautar o assunto. Já é hora do povo brasileiro rever suas posturas. Nosso povo não precisa de bolsa-isso, bolsa-aquilo, de esmolas e facilidades. O que

o Brasil precisa é de infraestrutura e condições dignas de trabalho e habitação para o seu sofrido povo. Temos um país com dimensões enormes e desigualdades, também, gigantescas. Precisamos de um governo que seja capaz, a longo prazo, preparar o país para os desafios que enfrentaremos no futuro. Chega de dar importância apenas para eventos esportivos passageiros. Olhemos para nós mesmos e lutemos por melhores condições. O Brasil merece e precisa de atitudes que tragam progresso verdadeiro à nossa gente.


geral

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

03

Serra do Cipó – Jaboticatubas à Beira do Abismo

Foto: jaboticatubas tudo de bom Por: osmar branco

Por Sérgio de Carvalho/Gestor do Horto da Jaguara. Jaboticatubas é um município inserido na RMBH. Suas vocações econômicas são principalmente agropecuária e o turismo, tendo como patrimônio o Parque Nacional da Serra do Cipó. A hidrografia é bastante densa e faz parte da Bacia do Rio das Velhas. Tem o Rio Jaboticatubas como o rio da integração municipal. Nasce na Serra do Espinhaço, percorre todo o município e deságua no Rio das Velhas, na histórica região da Jaguara que, no passado, foi residência rural dos ingleses da Mina de Morro Velho. Abriga comunidades quilombolas organizadas e cultua suas verdadeiras festas religiosas. “De sua criação no século XVIII – por graça de DEOS a raynha de Portugal e dos algarges faz saber a posse legalizada da região onde chamam as Jaboticatubas.” E é com orgulho que os verdadeiros jaboticatubenses de nascimento ou por adoção não permitirão a derrocada da história e da cultura da cidade e de forma alguma haverão de esquecer seus grandes beneméritos, entre outros, Leônidas Marques Afonso, que foi um dos responsáveis pela emancipação da cidade, professor e diretor da Escola Padre Messias. Desde a juventude se dedicou às atividades culturais e ao progresso de Jaboticatubas. Fundou, junto com amigos, o teatro Jaboticatubas e compôs o hino oficial da cidade. Participou ativamente da abertura da estrada de rodagem que dá acesso ao município. Em 19 de janeiro de 1965 partiu para outros espaços,

mas seus ideais permaneceram. Agora com os ventos soprando para o Vetor Norte, grandes possibilidades de desenvolvimento, vêm atingindo o município. Empreendimentos imobiliários surgem a cada momento, o comércio e as hospedagens entram em ebulição. Os condomínios crescem e seus habitantes, cada vez mais participam da vida municipal. O crescimento, se traz benesses, traz também perigos, ao encontrar a cidade com administradores insensíveis e despreparados para conduzir o desenvolvimento com sustentabilidade, organizado e de forma conseqüente. No processo político e democrático das eleições de 2012, foi eleito Fábio Santos que, no imaginário do eleitor, era um jovem prefeito com idéias lúcidas e sinalizadas pelos princípios do trabalho, do respeito ao meio ambiente, ao seu povo e à sua história. Mas o que nos mostram os ventos atuais é que estamos ameaçados por um tsunami a nos jogar nos abismos dos belos penhascos da Serra do Cipó. Os dirigentes ignoram toda a importância da agropecuária local, expoente em produtos hortifrutigranjeiros e também a rica biodiversidade do município. Omitem a saga dos grandes jaboticatubenses e vêm propor um PLANO DE GOVERNANÇA que enterra literalmente a sofrida e querida sede de Jaboticatubas ao propor uma nova cidade desvinculada dos valores fundidos por nossos antepassados, trazendo uma ideologia que nos faz lembrar a ocupação do país nos anos de 1500. O importante nesta

Vestibular

Unopar 2013

Estética e Imagem Pessoal Duração: Mínima de 5 semestres. Grau Outorgado: Tecnólogo em Estética e Imagem Pessoal Encontros Presenciais para Teleaulas: Uma vez por semana no polo de apoio presencial para teleaulas e Quinzenalmente para aulas praticas em laboratório específico.

INSCRIÇÕES GRATUITAS

www.unoparead.com.br

proposta é criar condições para obter lucro, vender espaços institucionais, inclusive os dos atuais condomínios, abrindo espaços para empreendimentos condenáveis, nem todos. Já nos anos de 2005, nosso grande líder Valério Salles da Costa Sobrinho – LECO já alertava para o risco de uma invasão irregular no município. Naquela época, já havia identificado 82 condomínios em situação irregular que hoje se somam a muitos mais com a permissividade dos dirigentes que vêm funcionando mais como corretores de imóveis (inclusive de áreas públicas) do que gestores públicos. A população, atônita, pergunta: Se há condições para construir uma nova cidade, por que não recuperar nossa sede, nosso distrito? Por que não apoiar o produtor rural? Por que não dar qualidade ao atendimento de saúde e educação? Com estes grandes “projetos” do poder público e da iniciativa privada qual a real contrapartida é oferecida ao cidadão de Jaboticatubas? Criar benesses, alterar planos diretores para afrontar a legislação ambiental para criar empreendimentos, isto não é desenvolvimento sustentável mas sim, nos aproximarmos cada vez mais do abismo. * Sergio de Carvalho é professor e psicólogo da UFMG e foi Secretário da Administração do governo de Fábio Santos/Jaboticatubas/ 2005/2009.


04

cultura

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

Belo está de volta aos palcos GRUPO SEM comemorando 10 anos de carreira MUSEU e cantando seus sucessos. A apresentação será nos dias 16 e 17 de agosto, no Chevrolet Hall. Com seu novo show, Tudo Novo, Belo está de volta aos palcos para comemorar 20 anos de carreira, interpretando canções inéditas e seus grandes sucessos. As apresentações acontecem nos dias 16 e 17 de agosto, no Chevrolet Hall, em Belo Horizonte (MG) Os ingressos já estão disponíveis pela internet (www.ticketsforfun.com.br), pelo telefone 4003-5588, nos pontos de venda distribuídos pelo Brasil e na bilheteria do Chevrolet Hall. A realização é da TIME FOR FUN. Quando Belo decreta que “é tudo novo”, não é à toa que a expressão batiza seu 11º álbum em 13 anos de trajetória solo. São 16 músicas inéditas que apontam o caminho de mais uma bemsucedida guinada em sua carreira. Para comemorar, o cantor abandonou o característico loiro dos cabelos e trocou por dreadlocks. O visual acompanha o posicionamento artístico. Sua faceta mais forte, a de crooner, costura todas as variantes de samba que apresenta

em Tudo Novo, do partido alto ao samba de roda, passando, claro, pelo pagode. Receita muito bem sovada em romantismo, sua assinatura característica. O álbum começa com “Nos Desejos de Uma Paixão’, quase standart da bossa nova, que tem arranjos belíssimos de um rio de barquinho e violão dos anos 1950/60, para depois virar um samba/ pagode contemporâneo. O sotaque bossa-novístico reaparece também em “Meia Luz”, mas desta vez com ganho na cuíca. “Um Herói” nasce sobre uma base de sopros bastante elaborada, enquanto “A Gente Faz Amor” invoca o sambacanção. “Provocação”, “Prometo” e “Fica Mais Relax” são sambas para dançar, assim como “Menina Linda”, com seu clima latino, uma quase rumba que se transforma em pagode com acento de cuíca. “Onde Bate Fica”, por sua vez, é samba de roda com acordeão, flauta e cavaco. Já o pagode romântico, onde Belo veste

a camisa 10, se traduz em “Vi Amor No Seu Olhar”, primeiro single do álbum. Mas também em “Teu Refém”, “Mundo de Paz” e “O Dia Prá Você” e nas baladas “Olhando Os Retratos”, “À Deriva”, com seu arranjo orquestral, e “Eu Aprendi”, levada no piano e cavaco. Belo começou no Soweto em 1996. Poucos anos depois, o grupo explodiu e projetou-o a uma carreira solo das mais bem sucedidas entre os músicos brasileiros – mais de 7 milhões de discos vendidos, CDs e DVDs ao vivo e em estúdio, com várias músicas entre as mais executadas do país. Data:Horário: Dia 16 às 22h. Dia 17 às 23h. Local: Chevrolet Hall- Info ven-

Os Artistas plásticos a convite de Glauco Moraes e Yara Tupynambá se reunirão nesta semana na Maison Escola de Artes Plásticas em Belo Horizonte para reivindicação e discursão dos direitos e questões relacionadas a classe artística. da:4003-5588. Preço: DIA 16: MESAS

Foi definido um encontro com a Secretaria Estadual de

SETOR I: R$480,00. MESAS SETOR II:

Cultura Eliane Parreira, para assim tentar resolver alguns

R$360,00. ARQUIBANCADA – 1º LOTE

pontos discutidos na reunião de interesse de toda classe.

R$ 60,00(inteira) R$ 30,00(meia). AR-

Aguardem noticias...

QUIBANCADA – 2º LOTE R$ 80,00(in-

Estiveram presentes na reunião os seguintes artistas:

teira) R$ 40,00(meia). DIA 17: ARQUI-

Yara Tupinambá, Glauco Moraes, Fernando Pacheco,

BANCADA 1º LOTE R$ 60,00(inteira).

Fernando Vingholli, Fatima Mirandda, Sérgio Hubher,Luiz

R$ 30,00(meia).

Jahnel, Vânia Braga, Jarbas Juarez, Beatriz Abiackel, Elaine

Sabor do Som agita as quinta feiras de agosto do Metropolitan

Às quintas-feiras do mês de agosto a Praça de Alimentação e o Espaço Gourmet do Metropolitan Shopping Betim terão um tempero especial. O projeto Sabor do Som trará atrações musicais com um diferencial temático a cada apresentação. Quatro estados e seus ritmos musicais serão homenageados, um a cada show. A abertura do projeto será no dia oito de agosto, na Praça de Alimentação e a trilha será embalada pelo sertanejo de Minas Gerais, na voz de Victória Bicalho. Já na próxima quinta, 15 de agosto, é a vez do Espaço Gourmet receber o projeto, com a MPB de

São Paulo. O Rio de Janeiro será representado pelos ritmos Samba e Bossa Nova, no dia, 22 de agosto, novamente na Praça de Alimentação. Fechando o Sabor do Som, o Pop Rock do Distrito Federal tomará o Espaço Gourmet, no dia 29 de agosto. Os shows contarão com cenografia especial composta por um grande painel de vídeo wall. Enquanto o artista se apresenta serão transmitidos vídeos de atrativos turísticos e culturais do estado homenageado. De acordo com a gerente de marketing do Metropolitan, Lorena Ramos, a ideia do Sabor do Som é ofere-

cer uma proposta diferenciada de eventos musicais para a Praça de Alimentação e o Espaço Gourmet. “O projeto se apresenta como mais uma excelente opção de entretenimento que o shopping traz para a população de Betim e região”, explica. Serviço: O que: Sabor do Som Onde: Praça de Alimentação e Espaço Gourmet – Metropolitan Shopping Betim Quando: às quintas-feiras – 15, 22 e 29 de agosto Horário: a partir das 19h

Tassini,Marcelo Albuquerque, Sérgio Machado, Fatima Santiago e Glaucia Conleial


contagem

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

05

Moradores de Contagem reclamam de ruas sem rede de esgoto e asfalto Prefeitura afirma que obras foram abandonadas por responsáveis. Duas ruas no bairro Nacional, em Contagem, são motivo de problemas para quem mora perto dos trechos e tem que conviver com a ausência de pavimentação e de rede de esgoto no local. A Rua Marília de Dirceu tem foi coberta por cascalho pelos próprios moradores. Além disso, o esgoto das casas é despejado rua, já que a rede não existe. Os moradores contam que a prefeitura iniciou uma obra no local, mas abandonou o serviço. A técnica de telecomunicação Gisele Rocha lamenta que, nos quatro anos em que vive na região, viu a administração da cidade realizando a capina do local apenas uma vez. Já na Rua Pascoal da Silva Guimarães,

Reuniões do Legislativo de Contagem retornaram a normalidade

uma obra de pavimentação que deveria estar pronta é motivo de dor de cabeça para quem vive por perto. Arlete Costa, uma das moradoras, conta que há três anos a prefeitura assinou uma ordem de serviço, mas o problema permanece. “Eles vêm, iniciam as obras, e depois de 30 dias param”, diz. O problema no trecho é tão grave que a vendedora Maria Gorete, mesmo em trabalho de parto, teve que ir andando até um lugar com asfalto para conseguir pegar um carro para levá-la ao hospital. Dona Raimunda é outra pessoa que sofre com a situação precária. Já idosa, ela precisa ser carregada quando necessita ir a alguma consulta médica. “ É só dificuldade, só promessas e mais promessas. De promes-

sa eu estou farta e cheia”, desabafa. E se algum veículo tenta transitar pelo local, é melhor ficar atento, porque se andar desapercebido, há risco de cair em uma ribanceira, já que o lugar não conta com nenhuma sinalização. De acordo com a prefeitura de Contagem, a obra foi iniciada no governo passado e, neste ano, após o período chuvoso, a empresa responsável abandonou o serviço. A secretaria de obras do município disse que está fazendo um levantamento do processo para abrir nova licitação e retomar o trabalho o mais rápido possível. Em nota, a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) informou que já enviou uma equipe para avaliar a situação.

Parada do Orgulho LGBT reúne milhares de pessoas em Contagem

Evento reforçou luta por uma sociedade sem preconceitos

Fonte e Fotos: Leandro Perché Após quatro semanas de recesso parlamentar, as reuniões do Legislativo de Contagem retornaram a normalidade. Com a realização da 22ª reunião ordinária de 2013. A previsão é que sejam votados quatro projetos de lei complementar de autoria do Poder Executivo e um veto total da Prefeitura de Contagem a um projeto de lei proposto pelo vereador William Barreiro (DEM). As proposições do Executivo que serão apreciadas estão relacionadas a alterações e adequações na estrutura administrativa da Transcon (Autarquia de Trânsito e Transportes de Contagem), da Funec

(Fundação de Ensino de Contagem), da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e da ConParq (Fundação Municipal de Parques e Áreas Verdes de Contagem). Os quatro projetos seriam votados em junho, mas tiveram sua tramitação suspensa por quinze dias, para melhor avaliação. Em mensagem que acompanha os projetos, o prefeito Carlin Moura (PCdoB) destaca que as mudanças são baseadas nas diretrizes da reforma administrativa da Prefeitura de Contagem, aprovadas na Câmara em maio deste ano. “Visam à melhoria do processo gerencial da administração municipal, na busca de oferecer maior eficiência no atendimento das demandas de nossa população, em consonância com

os princípios constitucionais que regem a Administração Pública”, diz o texto. Os vereadores apreciarão, ainda, o veto ao PL 028/2013, que estabelece a obrigatoriedade de os motociclistas retirarem o capacete da cabeça ao entrarem em estabelecimentos comerciais de qualquer natureza em Contagem. O texto da matéria diz também que esses estabelecimentos devem manter, em local visível, uma placa que mencione a obrigatoriedade da retirada do capacete. A Prefeitura de Contagem justificou o veto total ao projeto do vereador William, ressaltando que “compete à União legislar, privativamente, sobre trânsito e transporte” e, por isso, seria inconstitucional.

Cerca de 40 mil pessoas marcaram presença na 9ª Parada do Orgulho LGBT de Contagem, com o tema “Onde há amor, tem família. Adote essa ideia!”. A organização foi do Centro de Luta pela Livre Orientação Sexual (Cellos-Contagem), em parceria com a Prefeitura de Contagem. A concentração foi na avenida João César de Oliveira, em frente ao Big Shopping. A marcha com trios elétricos seguiu até o espaço conhecido como “Passarela do Samba”, no bairro Cinco. Shows do músico e cantor Nando Reis, Banda Salto Alto e Onyx Show abrilhantaram o evento. O prefeito de Contagem, Carlin Moura, fez a abertura oficial da parada deste ano, ressaltando a importância da luta por uma sociedade sem preconceitos, baseada no princípio do amor ao próximo. “Temos que romper com os preconceitos e trabalhar por uma cidade em que as pessoas possam viver bem. Convido a todos

para ajudarem a planejar Contagem, por meio do Planejamento Participativo. Vamos construir, juntos, um futuro mais progressista com políticas públicas eficientes para os diversos seguimentos”. O presidente de honra do Cellos, Anderson Cunha, explicou que neste ano a organização deu ênfase para que as relações homoafetivas sejam tratadas com igualdade, tanto nos casamentos, quanto na adoção de filhos. “O judiciário tem caminhado a passos largos nesta questão, mas o poder legislativo ainda está nos devendo uma legislação que concretize esse direito”. A transexual, Francis Glamour, que apresentou seu show na parada, considera o momento importante para a busca de direitos. “Mostramos a nossa força e lutamos por nossos direitos. Aqui todos se misturam sem preconceitos!”.


06

igarapé

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

Igarapé conquista R$14 milhões para investimentos em saneamento básico Segundo a Copasa, Oitenta por cento da população de Igarapé terá rede de esgoto regular até 2015 Igarapé dá mais um passo na área de

desde o Bairro Madre Liliane até o Novo

saneamento básico. A Prefeitura, junta-

Horizonte.

mente com o Governo de Estado e Copasa,

Responsável por toda a infraestrutura

deu ordem de serviço à Sanesc – Sanea-

técnica e administrativa da implantação

mento e Construção Ltda. - para começar

do saneamento básico na cidade, a Copa-

a segunda etapa de ampliação do siste-

sa estima que, atualmente, cerca de 53%

ma de esgotamento sanitário na cidade. O

da população de Igarapé utiliza rede de

documento foi assinado pelo prefeito José

esgoto regular. O restante, calcula a con-

Carlos Gomes Dutra (Kalu), pelo vice-go-

cessionária, ainda recorre às fossas para

vernador Alberto Pinto Coelho e pelo presi-

o lançamento do esgoto doméstico. A ex-

dente da Copasa, Ricardo Simões, durante

pectativa da empresa é poder possibilitar

solenidade realizada na Cidade Adminis-

que pelo menos 80% da população tenha

trativa, no último dia 30.

o acesso ao serviço de rede de esgoto con-

O montante de recursos repassado

vencional até 2015.

pelo Estado é de quase R$ 14 milhões, constituindo-se numa das parcelas para

Programa - Os recursos liberados

concluir as obras de saneamento básico

para Igarapé fazem parte do Programa

no município. Os recursos fazem parte dos

Água da Gente que vai investir, até 2016,

investimentos captados junto ao banco

cerca de R$ 4,5 bilhões beneficiando 15,2

alemão KFW com o objetivo de melhorar a qualidade da água do rio Paraopeba. As obras que serão iniciadas no segundo semestre deste ano, estão previstas para serem concluídas em agosto de 2015.

milhões de pessoas com abastecimento de coletoras em vários bairros da cidade.

será construída a Estação de Tratamento

de, Igarapé recebeu 8 km de interceptores

água e 10,1 milhões com tratamento de

Também será instalado um emissário -

de Esgoto (ETE). Esse emissário receberá

nas Bacias de Córrego Fundo e Ribeirão

esgoto. Desde o lançamento do programa

tubulação de 6 km de extensão e 80 cm

o esgoto lançado nos 16 interceptores de

Machado. De acordo com o secretário

estadual, em março de 2013, já foram

de largura, que partirá do Bairro Novo

Igarapé e o levará até a ETE.

municipal de Infraestrautura e Serviços

autorizados mais de R$ 300 milhões, be-

Emissário - Pelo projeto, nesta etapa

Horizonte até a estrada do Bairro Nos-

Na primeira etapa de implantação do

Urbanos, Carlos Alberto da Silva, a obra no

neficiando, até o momento, 45 municípios

serão implantados interceptores e redes

sa Senhora de Fátima (Brejo), local onde

sistema de esgotamento sanitário na cida-

Córrego Fundo está parcialmente pronta,

mineiros.

Queimadas criminosas no Vivenda Santa Mônica Creosolino Silveira

destruição da vegetação, habitats naturais,

Moradores do bairro Vivenda Santa

morte de animais, extinção local de espé-

Monica, em Igarapé, denunciam a escala-

cies, perda de matéria orgânica no solo e a

da de queimadas que vêm ocorrendo com

sua exposição à erosão. Além disso, contri-

freqüência no bairro, próximo a Serra de

buem para o efeito estufa com a liberação

Igarapé. A mesma, também, é alvo de in-

de grandes quantidades de gás carbônico

cêndios criminosos, constantes, ocorridos

para a atmosfera e são também a causa

principalmente a partir do mês de agosto,

de poluição do ar .

época de estiagem. “A Serra é cartão postal

A poluição do ar causa inflamação dos

da cidade e, apesar de ser protegida por

brônquios (pequenos tubos por onde pas-

lei, infelizmente, não possui vigilância ou

sa o ar que entra nos pulmões) que ficam

sistema de proteção contra incêndios”,

mais estreitos e com isso a passagem do

lamenta o morador do bairro, Marcelo Oli-

ar fica mais difícil, provocando chiadeira

veira.

e falta de ar. Muitas vezes, esses quadros

Na última terça-feira (06), por volta

evoluem para a pneumonia, que é uma in-

das 16h, um incêndio criminoso de média

flamação dos pulmões. O material particu-

proporção chegou à porta da casa de al-

lado fino produzido nas queimadas é capaz

guns moradores do bairro que acionaram o

de penetrar nos brônquios causando a sua

corpo de Bombeiro Militar, através do 193.

inflamação (bronquite) que pode evoluir

Porém, infelizmente, “se os moradores não

para a pneumonia.

tivessem tomado providência imediatas, em um esforço em conjunto para comba-

não compareceram ao local, nem deram

uma solução rápida e eficiente para lim-

há casos de pura maldade, pessoas com

ter o fogo, a situação teria sido bem pior”,

satisfações.

peza de pastos, restos de cultura, quintais

intenção de devastar o meio ambiente e

Segundo levantamento feito pela re-

e até mesmo lixos. Infelizmente, por falta

prejudicar a comunidade local.

cado a ver navios juntamente com o ma-

portagem do Jornal Cidades, alguns mo-

de informação, as queimadas estão sem-

As queimadas causam inúmeros im-

rido, Daniel Soares, já que os bombeiros

radores da região ainda consideram o fogo

pre presente na região. Contudo, ainda,

pactos ambientais, dentre os principais a

desabafa outra moradora, Sheila Soares. Sua indignação consiste no fato de ter fi-

Queimada sem autorização e acompanhamento de um especialista é crime e deve ser denunciada aos órgãos fiscalizadores de proteção ambiental, sendo eles: Secretaria Municipal de Meio Ambiente, IEF, IBAMA e Policia Militar Ambiental.


betim

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

07

Saúde confirma duas mortes por gripe suína Balanço da secretaria estadual revela que Betim tem o terceiro maior número de infectados em Minas Gerais. Fonte: O Tempo Betim/EVANDRO TELES A Secretaria de Saúde de Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, confirmou que duas pessoas morreram em decorrência da gripe suína (H1N1) nos meses de junho e julho deste ano. Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, dados da Secretaria Municipal de Saúde confirmam ainda que, de janeiro deste ano até o dia 01/08/2013, sete casos da gripe Influenza A (H1N1) estavam sendo investigados. Além dos dois óbitos e dos casos em análise, quatro pacientes se recuperaram, totalizando 13 notificações. A Epidemiologia municipal informou que ainda não possui o mapeamento de casos suspeitos da doença por regiões da cidade.

Após reforma, restaurante Popular do Teresópolis é reaberto.

O Restaurante Popular Miguel

Restaurante popular é mantido pela

Alves Viana, mais conhecido como

Prefeitura de Betim, por meio da

Restaurante Popular do Teresópolis,

Secretaria Municipal de Assistência

foi reaberto em novo endereço (ave-

Social (Semas), e administrado pela

nida Belo Horizonte, 344, no bairro

missão Ramacrisna.

Jardim Teresópolis). O antigo imóvel ocupado pela unidade foi interditado pela Defesa Civil do município, em fevereiro deste ano, por não apresentar segurança aos frequentadores e funcionários do local. Com a reabertura, a unidade passa a ofe-

O novo espaço recebeu um investimento de R$ 180 mil. O Restaurante conta com uma equipe de 36 profissionais e os alimentos são preparados sob a supervisão de nutricionistas. Além disso, o estabele-

recer, diariamente, 1.500 refeições

cimento serve como um incremento

balanceadas e de baixo custo. A re-

à agricultura familiar do município,

feição completa, com almoço, fruta

com a aquisição de frutas, legumes,

e refresco, custa apenas R$ 2. Antes

hortaliças, dentre outros produtos,

eram feitas 700 refeições por dia. O

dos produtores rurais betinenses.

A Secretaria de Saúde está instruindo os profissionais da área a ficarem atentos aos sintomas de gripe que apontarem gravidade, principalmente em crianças, idosos e gestantes. De acordo com a secretaria, assim que for percebido sinais que indiquem um quadro de Influenza A, é iniciado, prontamente, o tratamento adequado. Os profissionais também orientam os pacientes sobre a “etiqueta respiratória”, como higienizar as mãos com frequência, usar o antebraço, ao invés das mãos, para cobrir espirro e tosse. A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informou que estão circulando neste ano por Minas Gerais três tipos de vírus da gripe: a Influenza A H1N1, A/H3N2 e Influenza B. Foram registrados 364 casos

da doença no Estado em 2013, com 81 óbitos. Desse total, 309 foram provocados pelo vírus Influenza A (H1N1), com 67 mortes. Ainda segundo a SES, em Minas Gerais o período de inverno é o mais crítico para doenças respiratórias. De acordo com o órgão, a fase epidêmica dura entre cinco e seis semanas e, nesse período, a influenza pode acometer até 40% da população. Os casos mais graves devem ser tratados rapidamente, se possível, nas primeiras 48 horas do início dos sintomas. Belo Horizonte registrou o maior número de infectados com a gripe suína neste ano, com 77 casos, seguido de Contagem, com 29, e de Betim, com 13 notificações da doença.

Defesa Civil aposta em medidas simples para combater enchentes em Betim

Desde janeiro deste ano, a Defesa Civil toma precauções quanto aos possíveis alagamentos no município. Além de apostar na prevenção, o órgão vai se empenhar em manter interação com a sociedade. Visando a prevenção de desastres e enchentes no município, desde janeiro deste ano,a Defesa Civil de Betim, adota como medidas de prevenção a limpezas de córregos, bueiros, corte/ poda de árvores com risco de queda, verificação do solo, fiscalização de construções e de áreas de aterro e desaterro. Para apresentar todas as medidas pre-

ventivas que estão sendo implantadas em toda a cidade, e também pedir a ajuda da população para acionar a Defesa Civil em lugares de risco, foi realizada na sede do próprio órgão uma reunião, a fim, de estreitar os laços entre população e Defesa Civil. Segundo o Superintendente da Defesa Civil da cidade, José Coelho Ribeiro, as medidas preventivas foram primeiramente tomadas nos bairros Citrolândia, Alterosas e Imbiruçu, por serem regiões que mais sofrem impactos durante o período chuvoso. Ainda conforme o superintendente do órgão está previsto para meados de

outubroo início do período de chuvas para a cidade e, até lá, grande parte do município estará fiscalizado. “Pedimos para que a população fique atenta e nos avise quanto aos bueiros entupidos pela cidade e casas construídas em áreas inapropriadas,para fazermos as devidas interdições e tomarmos os devidos cuidados”, ressaltou o superintendente, que ainda enfatizou que as medidas preventivas são consideradas simples, mas são atitudes possíveis e dentro da realidade e, por isso, trarão bons resultados porque são executáveis.


08

sociais

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

Fatima Mirandda tracosatelie@gmail.com

Ronaldo Lara ao lado de uma de suas obras que estão expostas na Câmara Municipal de Betim no Projeto Circuito Cultural de Artes da FUNARBE O artista plástico Sidnei Vargas e sua obra durante abertura da mostra Poesia Exposta na Casa da Cultura Josephina Bento em Betim. A exposição faz parte do Circuito Cultural de Artes da FUNARBE, com a curadoria de Fatima Mirandda

Dr. Leonardo Mota (delegado de Lagoa da Prata) e sua esposa Barbara Mota

A beleza estonteante da belíssima Adriana Soares ilumina os salões e arrasa os coarações da galera..!!

Samanta Santos ao lado de Michel Teló no espaço folia.

Jacki Costa e sua amiga Amanda Marina no Caipirão, Betim

NO TÚNEL DO TEMPO

Jornal CIDADES, primeiro jornal nascido em Igarapé a levar ás noticias do município para BH e região. 14 anos de história e referência de jornalismo!!

As curadoras Fátima Mirandda e Andreza Nazareth ao lado de Cristina Veloso

Ane Roberta, Marco Túlio Chiabi e Vera Martins curtindo o inverno em Poços de Caldas no sul Minas.

Marcinha, Lili, Kiko em primeiro plano, Gilberto, Marli e amiga, na Rua Chile/Sion/ BH. Personagens da turma do Funil...

A bela Mariana Vieira que completou mais um ano de vida no último dia 07/08.. Felicidades!!


belo horizonte

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

09

BH tem 53 áreas para moradias Ideia é burlar alto preço de terreno construção de 40 mil moradias, que reduziriam em 64% o déficit habitacional da cidade, estimado em 62 mil residências. As áreas estão espalhadas por todas as regiões da cidade, mas se concentram no vetor Norte. Na região da Pampulha, estão 14 terrenos, seis apenas no bairro Castelo, que tem a maior concentração de lotes públicos a serem destinados à construção de unidades habitacionais. Na região Centro-Sul, há apenas uma área disponível.

PUBLICADO EM 06/08/13-O Tempo-BER-

aprovada em junho na Câmara Municipal.

NARDO MIRANDA E LUCIENE CÂMARA

O texto destina 53 terrenos públicos em

Para destravar as ações do Minha

Áreas Especiais de Interesse Social (AEIs)

Casa, Minha Vida em Belo Horizonte, que

para a construção de unidades habita-

esbarram no alto preço dos terrenos, a

cionais. De acordo com o prefeito Marcio

principal aposta da prefeitura é uma lei

Lacerda, esses locais têm capacidade de

Nesta quinta-feira, o prefeito Marcio Lacerda vai apresentar a lista com as áreas ao Conselho Municipal de Habitação – na ocasião, será discutida a segunda etapa do Minha Casa, Minha Vida na cidade. Na primeira fase do programa, 199 mil pessoas se inscreveram na faixa 1, destinada às famílias com renda de até três salários mínimos. No entanto, até agora, apenas 1.470 unidades foram entregues. A prefeitura espera concluir até 2016 outras

Envolto pelo universo das noivas, Edifício Mariana coleciona histórias Quando Márcio Deslandes de Matos destranca os cadeados dos portões do Edifício Mariana, no Centro da capital, ele sabe do turbilhão de sonhos e expectativas que o dia aguarda. Essa familiaridade foi adquirida com os 38 anos dedicados à função de encarregado geral do condomínio, que o habituou aos movimentados corredores de um dos maiores centros comerciais de Belo Horizonte. Ao todo, são mais de 270 lojas, divididas em 12 andares, que apesar de oferecer comércios diversos, são compostos majoritariamente por produtos e serviços relacionados ao universo das noivas. “Cerca de 2.500 pessoas passam por aqui diariamente”, contabiliza Márcio. Construído na década de 1940, o prédio, que antes foi espaço para advogados, alfaiates e dentistas, é, desde 1994, Patrimônio Cultural, e segue celebrando a união de casais, mas sem esquecer de colecionar histórias. Uma delas quem conta é a fotógrafa Ivanilde Almeida, ao se lembrar da cobertura de um casamento que se tornou inesquecível. “O lugar era o Santuário Santo Antônio de Roça Grande, em Sabará. Igreja lotada, noivo alinhado, decoração pronta. Nesse dia até a noiva foi pontual. O problema foi o pastor que não compareceu à celebração”, relembra. No convite, o casamento começaria às 19h, mas naquele dia, os noivos só subiram ao altar depois das 23h, com a chegada de um pastor substituto, acionado de última hora. O bacana é que o episódio só fortaleceu o casal e ainda rendeu novos trabalhos para a Ivanilde. “Os dois continuam juntos! Inclusive, já ganhei três novos clientes indicados por eles, por ter sido flexível com o horário e tolerante com a situação. É o que chamo de custo benefício!”, brinca a fotógrafa, que desde 1996 trabalha com casamentos. Em algumas lojas, o aluguel de um vestido segue o cronograma que percorre os sete dias da semana. Na Allyence Damas, no 6º andar, por exemplo, as medidas são tiradas na terça-feira. Ao longo da semana é o tempo que as funcionárias levam para modelar o vestido ao tamanho da cliente. Feito isso, o vestido é lavado, se necessário, ganha um reforço no bordado e em seguida é embalado. As peças saem da loja prontas para serem usadas e costumam ser retiradas na sexta-feira, com devolução marcada para a segunda. Essa regra vale apenas para os vestidos que exigem pequenas alterações.

Investimento O investimento para se alugar um vestido de noiva fica entre R$ 650 e, isso mesmo, R$ 6 mil. Já o custo para as damas de honra ficam entre R$ 150 e R$ 800. Além dos trajes específicos, o edifício ainda oferece serviços de foto e vídeo, convites, artigos para festas, lembrancinhas e vestidos para debutantes. Sem contar os serviços de dentistas, protéticos, radiografia dentária, despachantes, advogados, pronta entrega e restaurantes. O horário de funcionamento é das 9h às 19h. Foi esse extenso catálogo de ofertas e possibilidades que motivaram os jovens José Caldeira e Natália Rodrigues a fazerem o orçamento pelas lojas do prédio. “Nosso casamento está marcado para o dia 2 de agosto. Como não tivemos muito tempo para organizar os preparativos com mais antecedência, conseguimos resolver 70% das pendências em um único lugar”, conta o noivo. Com este mesmo intuito, a vendedora Aline Borges Costa começa a correr atrás das exigências para o seu casamento, que acontece em abril do próximo ano. “Casar sempre fez parte do meu sonho. Vivi muita coisa ao lado do meu namorado e estou feliz em começar essa nova fase com ele”, conta. “Já tenho até meu vestido em mente: ela será branco, rodado, com uma cauda longa”, explicou, empolgada. Retorno positivo Na opinião da costureira Maria Antonieta Sampaio, que trabalha na área há 5 anos, o trabalho com as noivas é gratificante e vale a pena todo o esforço. “Gosto de imaginar a reação das noivas, principalmente quando chegam os vestidos novos. Fico emocionada em ver a noiva dentro daquele modelo, sentindo o que ela sente. A emoção é tão grande que algumas até choram”, lembra. Sua companheira no trabalho e proprietária da loja Beth Noivas, Maria Fernandes Costa também chama atenção para um fato curioso. “Em agosto ninguém gosta de casar, tenho só uma noiva agendada. As pessoas costumam dizer que o mês traz má sorte para o casal”, conta. Questionada sobra as superstições Maria ainda explica que algumas envolvem até as estações do ano. “Antigamente, os casamentos aconteciam com maior frequência no mês de maio. Mas hoje os noivos estão preferindo casar em setembro, o mês que primavera começa. Não custa nada arriscar, não é mesmo?”, disse, em sorrisos a empresária.

20.841 unidades. “A oferta de terrenos é muito baixa em Belo Horizonte, e isso eleva o preço, o que tem sido o grande obstáculo para a construção de unidades habitacionais para a faixa 1 do Minha Casa, Minha Vida”, explica a consultora do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon-MG) e membro do Conselho Municipal de Habitação Maria Henriqueta Arantes. Para se enquadrar na faixa 1 do Minha Casa, Minha Vida, o preço máximo da unidade habitacional deve ser de R$ 65 mil, valor considerado baixo pelas construtoras. A prefeitura da capital ainda dá um aporte adicional para viabilizar o empreendimento, que pode chegar a R$ 10 mil por moradia. Impactos A possibilidade de construção de vários conjuntos habitacionais no bairro Castelo não tem agradado aos moradores do

local, que temem uma desvalorização dos imóveis e a sobrecarga dos equipamentos públicos. O presidente da Associação dos Moradores do Bairro Castelo, Dorgival Modesto, pondera ainda que o local vai perder áreas verdes. “Alguns desses lotes da prefeitura são compostos de matas que ajudam a deixar o bairro mais agradável. Já fizemos abaixo-assinado para impedir a construção de uma nova Umei (Unidade Municipal de Educação Infantil) e também vamos nos mobilizar para impedir projetos de conjuntos habitacionais”, disse. Já o vice-presidente do Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB-MG), Sérgio Myssior, argumenta que o planejamento urbano deve permitir que diversas classes sociais habitem em uma mesma região. “Não se pode criar guetos, concentrando toda a população de baixa renda em um só local. A arquitetura contemporânea prevê que haja em um mesmo bairro espaço para todas as classes sociais”, concluiu.

Pedro Meyer se entrega à Polícia Civil em Belo Horizonte

Fonte: Luíza Andrade/G1 MG - Foto:EM Pedro Meyer, condenado a 13 anos e quatro meses de prisão por um estupro ocorrido em 1997, se apresentou à Central de Flagrantes da Polícia Civil, em Belo Horizonte, após o pedido de liminar pela liberdade e segurança do réu ter sido parcialmente negado. Segundo o advogado do réu, Lucas Laire, Meyer já passou pelo Instituto Médico Legal (IML) e foi encaminhado ao sistema prisional. O defensor esclareceu, ainda, que o pedido de habeas corpus ainda não foi julgado, uma vez que deve passar por três desembargadores antes da decisão final. A Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) informou que Meyer chegou ao Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) da Gameleira. Segundo a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), foi negado o alvará de soltura a Meyer. Contudo, o desembargador Alexandre Victor de Carvalho determinou que fosse expedido um ofício para que fossem tomadas providências de cautela para garantir a integridade física do condenado. A liminar proposta pela defesa de Meyer pedia que o acusado fosse protegido de qualquer forma de sensacionalismo. Meyer é apontado como o autor de uma série de estupros em Belo Horizonte. Esta condenação é referente ao caso de uma jovem, hoje com 27 anos, que foi abusada

sexualmente, em 1997, quando tinha 11 anos. O ex-bancário somente foi preso depois que a vítima o reconheceu quando andava em uma rua no bairro Anchieta, zona sul da capital em 2012.


10

são joaquim de bicas

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

São Joaquim de Bicas vive tempo de mudanças

ALUGUEL •Alugamos, casas, apartamentos, alojamentos, lotes e terrenos, venha conferir. VENDA Bairro Tereza Cristina •Uma casa de esquina, com lote de 360m², na avenida Jose Gabriel de Resende, R$ 250.000,00 •Um apartamento de 4 quartos, 2 banheiro, com área de 164 m², com garagem. R$ 240.000,00 •Lote de 360 m², ótima localização, no asfalto. R$ 80.000,00 •Lote próximo à casa Lotérica, R$ 150.000,00

Pesquisa recente feita pelo Centro Brasileiro de Estudos Latinos Americanos – CEBELA, apontando São Joaquim de Bicas como uma das cidades mais violentas da região metropolitana de BH, não corresponde a realidade atual do município. O estudo tem como base dados dos anos de 2009, 2010 e 2011, e abrange o numero e taxa de homicídio por população destes anos por município. com população acima de 20.000 habitantes. O que é questionado é uma destoante nesta informação onde os dados não se referem a uma realidade atual. O professor Julio Jacobo Waiselfisz, coordenador e idealizador do recente estudo que é disponibilizado no site da CEBELA, nos esclarece que os estudo foi publicado em 2013 mas com dados baseados em informações do Ministério da Saúde do Governo Federal abrangendo sempre anos anteriores ( 2009 a 2011) e que dados recentes e atuais dos municípios estão disponíveis nas Secretárias de Segurança de Estado de Defesa Social ( SEDS). o mesmo Professor Julio Jacobo, ao ser questionado sobre estas informações “antigas” se colocou a disposição para demais esclarecimentos. E a nova metodologia, adotada pela SEDS a partir de 2012, define o grupo deCrimes

Violentos como aquele composto por 07 naturezas criminais, a saber: Homicídio Consumado; Homicídio Tentado; Sequestro e Cárcere Privado; Roubo Consumado; Extorsão Mediante Sequestro; Estupro Consumado; e Estupro Tentado. Além disso, é importante destacar também que, para o cálculo do quantitativo do grupo de Crimes Violentos Contra o Patrimônio, as naturezas agregadas são: Roubo Consumado; e Extorsão Mediante Sequestro. Por fim, os dados relacionados a Homicídio Consumado estão detalhados segundo o quantitativo de Registros de Eventos de Defesa Social (Reds) e o quantitativo de Vítimas E a violência em São Joaquim de Bicas encontrasse em queda, segundo dados no site da SEDS/MG, nos fazendo ver que não somos mais os mesmos depois de 2011. Sabemos que muita coisa ainda precisa ser feita na área de segurança do município mas de longe não somos a cidade mais violenta de Minas Gerais, como querem nos fazer crer alguns periódicos locais. Julio Cesar de Melo Diretor do Conselho de Segurança de São Joaquim de Bicas e Jornalista.

Grupo Flor de Minas no Globo Horizonte e 2º Piquenique do Amor

GRUPO FLOR DE MINAS – VITRINE DA CULTURA MUSICAL MINEIRA:

no, baixo. Seu principal resgate é da vida de meninas, que através da música tem melhores oportunidades

Originário de São Joaquim de Bicas, MG realiza um

de crescimento pessoal e profissional. O Instituto Flor

primoroso trabalho com objetivo de resgatar e preser-

de Minas foi fundado com a proposta de estimular ta-

var a cultura, através da boa música popular regional

lentos através da cultura com atividades de musica e

brasileira.

artesanato. Atualmente, suas atividades estão tempo-

O grupo, formado pelo Maestro e Produtor Musical Luciano Severino e a professora Fabiana Couto em mar-

rariamente suspensas por falta de apoio de instituições públicas e privadas.

ço de 2011, é composto basicamente por meninas que

O REPERTÓRIO:

cantam, tocam, dançam e encantam com um repertório

O repertório valoriza os diferentes ritmos e estilos

singular, arranjos originais do produtor musical e um fi-

musicais tradicionais e genuinamente brasileiros, como:

gurino alegre e característico. Utiliza instrumentos como

xote, baião, xaxado, catira, moda de viola, guarânia, en-

flauta, percussão, bateria, teclado, violão, voz, violi-

tre outros, bem como resgatar os consagrados nomes

Bairro Bicas Velha •Uma casa de 3 quartos, com área construída de 175 m² aproximadamente, com uma área de terreno de 1.000 m². R$ 220.000,00 Bairro Santa Rita •Lote de 360m² - R$ 60.000,00 •Uma casa de 3 quartos, sala, copa, cozinha e banheiro. - R$ 300.000,00 Bairro Tupanuara •Lote de 500m², esquina, no asfalto R$ 80.000,00 •Lote de 360m² com uma casa em fase de acabamento R$ 120.000,00 Farofa •Uma área de 850 m², ao lado do supermercado com dois Barracões. R$ 220.000,00 Primavera / Imperador. •Uma área de 1080m² constituída por três lotes, sendo um para a Av.”B” e dois para rua, ótima localidade e topografia ACEITA CARRO R$ 50.000,00 •Um barracão, todo murado, próximo ao asfalto R$ 60.000,00 •Lote de 360 m² plano.

da MPB como: Luiz Gonzaga, Milton Nascimento, Renato Teixeira, Almir Sater, Rolando Boldrin, Pena Branca e Xavantinho, Fernando Brant, Juarez Moreira, Gilberto Gil, Vital Farias, Geraldo Azevedo, além de divulgar músicas autorais. CD: FLORES E ESTRADA Foi lançado o 1º CD: Flores em dezembro de 2012, com 10 faixas, 09 autorais com participação do Chico Lobo da Viola, Celso Moretti e 01 faixa do cantor e compositor Vander Lee. A música de trabalho deste CD “Minas tem Mar” terá seu clipe lançado em breve. O segundo CD intitulado Estrada com 10 faixas autorais que remetem ao romantismo, resgate de valores, tradições e valorização da figura feminina será lançado durante a programação do Festival da Primavera (São Joaquim de Bicas) que será realizado no final de setembro. O single “Deflorada” já foi lançado em São Paulo, capital e interior de Minas. É uma música de alerta e valorização da mulher. TRAJETÓRIA: Apresentação em vários eventos culturais, como Salão Nacional do Turismo em São Paulo e Salão Mineiro do Turismo, Brumadinho Gourmet, Festival de Inverno de Itaguara, Festival da Primavera de São Joaquim de Bicas. Divulgação em vários veículos de comunicação: Rádios Inconfidência, Trincheira, Programa de televisão: Brasil das Gerais com Roberta Zampetti na Rede Minas, Viola Brasil com Chico Lobo na TV Horizonte, Caleidos-

R$18.000,00 CHACARAS/ FAZENDA •Terreno de aproximadamente 8.000 m², com lagoa, duas nascentes, casa, e casa de caseiro. R$ 180.000,00 •Terreno de aproximadamente 6.100 m². R$ 50.000,00 •Terreno de 1.000 m², com nascente, pomar, e uma casa, de 2 quartos, sala, cozinha e 2 banheiros. R$ 75.000,00 Pedra Branca •Dois lotes na Av. Principal, R$130.000,00 Casa Grande •Uma casa, 2 quartos, sala, cozinha e banheiro, ótimo acabamento, asfalto, a 500 metros da BR 381. R$ 120.000,00 •Lotes partir de R$ 30.000,00 (A vista) •Lote no asfalto R$ 50.000,00 Retiro do Moinho •Lote de 400 m², no asfalto, a 1 Km do centro R$ 45.000,00 Fernando Costa •Lote de 360 m² com um barracão, no asfalto. R$ 48.000,00 •Lote de 360 m² com um barracão, no asfalto. R$ 55.000,00 •Lote de 360m² no asfalto R$ 30.000,00 Casas Financiadas pela Caixa (Minha casa, Minha Vida) • Casas no Bairro Pedra Branca a partir de R$ 95.000,00 •Casas no Bairro Tereza Cristina e Tupanuara a partir de R$ 125.000,00 •Apartamento de 2 quartos, no bairro Primavera – R$ 100.000,00

cópio na TV Horizonte, Senhor Brasil com Rolando Boldrim na TV Cultura de São Paulo e Rede Minas. No dia 09 de agosto gravar matéria para o Programa TV Horizonte, da Rede Globo, falando do seu novo CD, da trajetória e filosofia do Grupo, além de sua participação no 2º Piquenique do Amor (descrição segue abaixo). AGENDA: O Grupo Flor de Minas irá se apresentar no dia 15 de agosto dentro da programação do 2º Piquenique do Amor, um evento promovido pelo Movimento Desestressa Bh, que é uma rede de pessoas que se reúne para distribuir a paz, gentilezas e amor que são filosofias que o Grupo Flor de Minas é adepto e apoia. A apresentação será às 10:00 no Parque das Mangabeiras. A divulgação do evento está sendo feita no facebook e seu organizador é Arthur Santana. É um evento aberto ao público que o Grupo Flor de Minas convida a todos a participar! (Texto: Ângela Pinho Tavares) Acompanhe as atividades do Grupo Flor de Minas,acessando: www.institutoflordeminas.com.br https://www.facebook.com/grupoflordeminas?fref=ts https://www.facebook.com/cravoseglicinias?fref=ts


gerais

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

receitacidades

Roberto e Rachel

11

autocidades Mitsubishi ASX AWD

CALDO VERDE Trata-se de um caldo muito nutritivo, saboroso, econômico e prático (utiliza apenas uma panela grande e o liquidificador).

• 06 batatas inglesas – tamanho médio • 01 cebola - tamanho médio (metade picadinha e metade em rodelas) • 04 dentes de alho picados • 200g de carne de primeira, cortada em pequenos cubos • 200 g de bacon • ½ molho de couve – tamanho médio, cortada.

Crossover brasileiro consome mais que o japonês

PREPARO Pique o bacon em pequenos cubos e frite em uma panela grande, utilizando a sua própria gordura e um pouco de azeite. Retire da panela e reserve. Descasque as batatas, corte-as em rodelas. Na mesma panela que fritou o bacon doure o alho e a parte da cebola

picada, na gordura que resultou da fritura do bacon, acrescentando ainda um pouco de azeite. Refogue a carne juntamente com a batata e a outra metade da cebola. Acrescente água até cobrir levemente tudo. Deixe abrir fervura. Acrescente a couve e cozinhe até amaciar os alimentos.

Bata tudo no liquidificador, volte para a panela e assim que abrir fervura novamente, acrescente sal aos poucos, provando. Espalhe o bacon por cima. Está pronto.

Nicolelis divulga imagem de como será o exoesqueleto que desenvolve Neurocientista trabalha em máquina para fazer paraplégico andar. Previsão é que ele esteja funcionando na abertura da Copa de 2014. Fonte: G1- Fotos:Reprodução/Facebook/Miguel Nicolelis

paralisados – no caso de um paraplégico, as pernas. Ele pode

O neurocientista Miguel

ser conectado diretamente ao

Nicolelis publicou uma imagem

cérebro do paciente, que então

em seu perfil do Facebook de

controlaria o equipamento como

como deve ficar o exoesqueleto

se fosse parte de seu próprio

no qual trabalha para fazer um

corpo. Dessa forma, seria per-

jovem paraplégico dar o pontapé inicial da Copa do Mundo de 2014. “Revelada primeira imagem do exoesqueleto robótico que se encontra em processo de construção pela equipe internacional do projeto Andar de Novo (Walk Again Project)”, diz

Descoberto recentemente, planeta rosa tem tamanho similar a Júpiter Nasa divulgou ilustração do exoplaneta GJ 504b. Ele fica a 57 anosluz do nosso Sistema Solar.

paraplégico chutasse uma bola, como pretende Nicolelis. A técnica faz parte de uma linha de pesquisa conhecida como interface cérebro-máquina, com a qual o brasileiro já obteve resultados internacionalmente relevantes. Em um dos

pesquisador. Ele diz ainda que a

mais importantes, fez com que

figura mostra os 5 módulos do

macacos não só controlassem

exoesqueleto e o seu “backpa-

uma mão virtual, como também

ck” (mochila) de controle.

que sentissem uma espécie de

relho que envolve os membros

ASX brasileiro agora conta com rodas de 18 polegadas. Para compensar o aumento, os pneus têm a medida 225/55, ante 215/60 R17 do japonês. O revés está no consumo, que piorou. O ASX japonês fez 8,5 e 10,6 km/l, nos ciclos urbano e rodoviário - marcas mais convidativas que as do “nosso”. A nacionalização do ASX exigiu um investimento de 77 milhões de reais e faz parte de um projeto de expansão da Mitsubishi, que contará com a ampliação da planta goiana - cuja meta é dobrar a capacidade produtiva no Centro-Oeste. Hoje cerca de 64% dos componentes do ASX são nacionais, mas o índice será elevado para 80% até o fim do ano, quando alguns itens importados passarem a ser produzidos aqui. O motor, por exemplo, é montado em Goiás, mas as peças vêm de fora, bem como transmissões e componentes eletrônicos. A produção local não trouxe reduções maiores que 1,5% no preço. A versão CVT AWD custa 99 990 reais, ante 101 490 reais do importado. Com teto de vidro e xenônio, vai a 105 990 reais.

feitamente possível que um

a legenda da foto publicada pelo

O exoesqueleto é um apa-

Fonte: Ulisses Cavalcanti Os brasileiros conheceram o ASX em 2010, quando o ele chegou ao país importado do Japão. O gosto foi mútuo, o carro resolveu criar raízes aqui e começou a ser produzido na fábrica brasileira da Mitsubishi, em Catalão, Goiás. É o sétimo veículo da marca a ganhar nacionalidade brasileira, nos moldes dos demais. A Mitsubishi é representada pelo Grupo Souza Ramos, que produz os veículos sob licença da japonesa. Visualmente, o ASX nacional não sofreu mudanças, já que uma leve reestilização foi apresentada no começo do ano. A central eletrônica do motor foi reprogramada e a suspensão teve melhorias. Molas e amortecedores passaram por reajuste de carga, visando aumentar o conforto em pisos acidentados. O carro ficou 15 mm mais alto, mas a engenharia brasileira afirma que a alteração não trouxe prejuízos à estabilidade. “Sob grande solicitação, os amortecedores reagem à pressão maior e tornam-se mais firmes”, diz Reinaldo Muratori, diretor de engenharia da Mitsubishi. Além disso, o

tato quando exerciam a atividade.

Fonte:G1 A Nasa, agência espacial americana, divulgou, uma ilustração que mostra o exoplaneta (planeta fora do Sistema Solar) GJ 504b, descoberto recentemente, de cor rosa. Ele fica a 57

anos-luz da Terra e orbita uma estrela não muito diferente do nosso Sol. O GJ 504 tem o tamanho aproximado de Júpiter, mas massa quatro vezes maior, por ser mais denso. Sua idade é de cerca de 160 milhões de anos, estima a Nasa.


12

anunciantes

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

DIA DOS

NAMO RADOS

Presentes CALÇADOS Lara Calçados

Oportunidade

Vende-se um bar completo: Ótima localização ,Amplo espaço,2 banheiros ,Cozinha com espaço Local: Rua Sete de Setembro, 511, Vale do Amanhecer Igarapé, perto do Supermercado da Lurdes . Falar com Shinnyder ou Doris


variedades

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

13

Festival Cultura e Gastronomia de Tiradentes A 16ª Edição do Festival Cultura e Gastronomia de Tiradentes, acontecerá este ano entre 23 de agosto e 1 de setembro e vai surpreender, mais uma vez, em todos os aspectos. O Festival de Tiradentes é um dos maiores eventos gastronômicos do país. Tudo começou há 16 anos, com o intuito de reunir os melhores chefs de cozinha e artistas, na cidade símbolo do charme mineiro. O evento já recebeu os mais renomados chefs do Brasil e do mundo, além de visitantes de vários países, que se deliciam nos festins, degustações, shows e exposições. Um sucesso que gera emprego, renda e acaricia os mais exigentes paladares. Credito: Edson Teixeira

Café Palhares Se você é de Belo Horizonte e nunca ouviu falar em kaol ou Café Palhares, pergunte a seu pai, algum tio ou amigo. Vai ser difícil alguém não conhecer. Aberto em 1938, o Café Palhares fica no centro de Belo Horizonte e foi reduto de boêmios nos anos 40, 50 e 60, quando funcionava 24 horas por dia, sendo freqüentado por vários tipos de pessoas, entre elas importantes figuras, como o ex-presidente Juscelino Kubitschek. Mas o que fez o local se tornar famoso foi o kaol, assim batizado com as iniciais de cachaça (com K mesmo,

para dar mais pompa ao prato), arroz, ovo e lingüiça. O kaol de nosso tempo é mais incrementado, e ganhou o acompanhamento de couve, torresmo e farofa de feijão. Isso mesmo, não é tropeiro, pois não há bacon, ovos ou linguiça calabresa misturados ao feijão. Além disso, a farinha é mais fina. Para completar e contrabalancear a farofa, vem o suculento molho de tomates sobre o prato. O Café Palhares fica na Rua Tupinambás, 639 - Centro Belo Horizonte, MG

Para rolar de rir ... A mça do Cafezinho Uma empresa de grande porte,uma linda moça,de seus 25 anos era quem servia o cafezinho.O chefão da empresa era louco por ela. um dia ,quando ela entrou em sua sala com o café ,ele pediu a moça que fechasse a porta a chave.Tomou o cafezinho e,exitado,disse: Não se ofenda ,mas eu dou R$ 200 para você tirar a blusa. Ela guardou os R$ 200 e tirou a blusa .O patrão continuou : Dou mais R$ 300 para você tirar a saia .Ela guardou os R$ 300 e

tirou a saia ,mostrando sua lindas coxas.Mais excitado ele disse: te dou mais R$ 500 para você tirar o siltiã . Ela guardou os R$500 e tirou o sultiã.O patrão já tava virando os olhos e disse :agora R$ 700para tirar a calcinha ,ela guardou os R$ 700 tirando a calcinha .Com a voz tremula ,disse:quanto você quer para transar comigo? A moça inocentemente, disse:R$ 50,é o que eu cobro de todo mundo aqui.

Festival de Butecos de São Joaquim de Bicas

Artes e Culinária Em Tiradentes pode-se encontrar artesanato em madeira, pedra sabão, latão, folha de flandres, tecelagem prata de boa qualidade e originário de toda região. Em diversas casas podem ser degustados do-

ces mineiros como: canudo de doce de leite, doce de leite, ambrosia, biscoito de amendoim, pé de moleque, entre outros. A culinária local preza os pratos mineiros como o feijão tropeiro, tutu mineiro, frango ao molho pardo e frango com “ora pro nobis” (erva trepadeira com grande teor nutritivo).

E esta acontecendo o festival de butecos de São Joaquim de Bicas ,o festival conta com Oito butecos e vai até o dia 24 de Agosto ,os pratos selecionados são uma delicia e é claro agente sempre acaba encontrando um amigo ou outro,gente bonita e muita animação,não deixe de prestigiar .Vale apena

Telefax: (31)3534-4041 Av. Governador Valadares, Nº 282 Loja 3 - Centro - Igarapé - MG.

www.danauto.com. br

JOVIANO CONTABILIDADE Rua: Miguel Henriques da Silva, 455 Centro - Igarapé - MG / CEP: 32900-000

Contato: (31) 3534.2028 Email: joviano.almeida@bol.com.br


14

variedades

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

garotacidades

Wolverine: Imortal Sinopse e detalhes Não recomendado para menores de 14 anos Após matar Jean Grey (Famke Janssen) para salvar a humanidade por ela não conseguir controlar os poderes da Fênix, Logan (Hugh Jackman) decidiu abandonar de vez a vida de herói e passou a viver na selva, como um ermitão. Deprimido, ele é encontrado em um bar pela jovem Yukio (Rila Fukushima). Ela foi enviada a mando de seu pai adotivo, Yashida (Hal Yamanouchi), que foi salvo por Logan em Nagasaki, no Japão, na época em que a bomba atômica foi detonada. Yashima deseja reencontrar Logan para fazer-lhe uma proposta: transferir seu fator de cura para ele, de forma que Logan possa, enfim, se tornar mortal e levar uma vida como uma pessoa qualquer. Ele recusa o convite, mas acaba infectado por Víbora (Svetlana Khodchenkova), uma mutante especializada em biologia que é também imune a venenos de todo tipo. Fragilizado, Logan precisa encontrar meios para proteger Mariko (Tao Okamoto), a neta de Yashida, que é alvo tanto de seu pai, Shingen (Hiroyuki Sanada) quanto da Yakuza, a máfia

horóscopo Áries - 21/03 a 20/04 Amor: A sua cara-metade necessita da sua atenção, ouça-a e seja compreensivo.

Por: Anita Celeste

Leão - 21/07 a 22/08 Família: Não perca a chance de estar

Amor: Mudanças bruscas de humor

com sua família e aproveitar cada mo-

poderão causar conflitos com fami-

mento.

liares.

Touro - 21/04 a 20/05

Virgem - 23/08 a 22/09

Família: Tente ser mais generoso com

Amor: Estará mais suscetível e exi-

seus filhos retribua-os, o que fazem

gente para com a pessoa amada.

de certo.

Gêmeos - 21/05 a 20/06 Saúde: Procure ter mais horas de sono.

Câncer - 21/06 a 20/07

Sagitário - 22/11 a 21/12

Capricórnio - 22/12 a 20/01 Família: Aproveite cada momento com sua família visite-os sem pressa.

Libra- 23/09 a 22/10 Dinheiro: Mude de atitude relativamente à gestão dos seus recursos.

Aquário - 21/01 a 19/02 Saúde: Se manterá de forma regular.

Peixes - 20/02 a 20/03

Escorpião - 23/10 a 21/11 Saúde: Evite situações de tensão e

Dinheiro: Analise bem as novas pro-

Dinheiro: Adote atitudes de contenção

nervosismo pois poderá afetar o seu

postas antes de tomar qualquer deci-

de despesas.

organismo.

são.

Polícia apresenta suspeitos de sequestros relâmpago na Região Centro-Sul de BH Fonte: EM -Cristiane Silva / Bárbara Ferreira A Polícia Civil apresentou os integrantes de dois grupos suspeitos de extorsão e sequestros relâmpago cometidos em bairros da Região Centro Sul de Belo Horizonte. Eles agiam há nove meses no Belvedere, Mangabeiras, Sion e São Pedro e foram detidos por meio de mandados de prisão e busca e apreensão em diferentes datas. Apesar de os sete homens pertencerem a grupos diferentes, eles chegaram a agir juntos em um sequestro em determinada ocasião. A última ocorrência registrada pela polícia foi em fevereiro.Todos são moradores do Bairro Industrial, em Contagem, e têm passagens por diversos crimes, entre roubo a mão armada, homicídio, extorsão, ameaça e desacato. Ambos os grupos atuavam com muita violência, ameaçando e agredindo as vítimas. De acordo com a Polícia Civil, o primeiro grupo era formado pelo líder Charles Simil Marques, de 35 anos, Erik Thalison Soares dos Santos, de 18, e Marcos Henrique Guimarães Costa, de 21. Eles preferiam abordar as vítimas com carros importados, relacionando a posse do veículo a um alto poder aquisitivo. Charles e Erik abordavam e sequestravam as vítimas, que eram levadas para Contagem. Ainda

dentro do veículo, as pessoas eram obrigadas a fornecer cartões bancários e senhas. Já na cidade, o material era repassado a Marcos, que fazia as compras e os saques. As vítimas eram deixadas em outros locais e os veículos eram abandonados em Betim e Contagem. O trio está ligado a quatro sequestros. O segundo grupo era formado por três homens e um adolescente. Eles são apontados como responsáveis por outros nove crimes. O líder da quadrilha é Rogério Lopes Pimenta Júnior, de 21 anos. Os outros são Kyllder Fernandes Dias Fonseca, de 20 anos, Roberth Rithelle Lopes Moreira, de 22, e T.F.O, de 17 anos. Rogério e o menor sempre atuavam juntos e, esporadicamente, eles acionavam Kyllder e Roberth. Nos sequestros, Rogério portava a arma de fogo, T. Dirigia e os outros dois faziam os saques e as compras. Depois do roubo, as vítimas eram deixadas em Betim e os carros em Contagem. Em uma ocasião, eles renderam dois jovens e uma mulher que estava em um carro no

Bairro Belvedere. Uma das vítimas foi baleada. Conforme a delegada Carolina Bechelany, os criminosos agiam de forma oportunista. Sem alvo específico, eles rondavam os bairros procurando pessoas distraídas, alvos fáceis para as ações criminosas. Ao todo, foram 13 vítimas nas nove ocorrências registradas. Cada roubo causava prejuízos entre R$ 2 mil e R$ 5 mil. Além de responderem por extorsão, roubo e formação de quadrilha, os suspeitos devem responder por lesão corporal no caso em que uma pessoa foi baleada. Durante a presentação nesta manhã, Rogério, Erik e Killder assumiram um sequestro cada um, mas negam envolvimento nos demais crimes.

Daniela Priscila Nome Completo: Daniela Priscila Gonzaga Idade: 27 anos Cidade: Belo Horizonte Signo: Touro viagem inesquecivel: miami perfume: angel comida: japonesa Frase: Exija muito de ti e espere pouco dos outros Mania: pernas inquietas


esportes

JORNAL CIDADES EDIÇÃO 225 | 1 a 15 AGOSTO DE 2013 facebook.com/jcidades | @jcidadesbh | www.jcidades.com.br

15

CRUZEIRO

AMÉRICA

Primeiro jogo das oitavas contra o Flamengo será no Mineirão

Apresentado no América, Marcão se diz pronto para retribuir confiança com gols

Fonte:Site Oficial do Cruzeiro Após definir os confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil, em um hotel no Rio de Janeiro, a CBF realizou outro sorteio e definiu também os mandos de campo dos jogos dessa fase da competição. Ficou estabelecido que a primeira partida entre Cruzeiro e Flamengo será disputada no Mineirão, em Belo Horizonte, e o confronto de volta acontecerá no Maracanã, na capital fluminense. Os jogos de ida serão realizados nos dias 21 e 22 de agosto e os de volta nos dias 28 e 29 do mesmo mês. Haverá novos sorteios para definir os mandos de campo das próximas fases, quartas de final, semifinal e final. Veja os confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil

Os times à esquerda fazem o primeiro jogo em casa Chave 1 Luverdense-MT x Corinthians Santos x Grêmio Internacional x Salgueiro-PE Palmeiras x Atlético-PR Chave 2 Fluminense x Goiás Nacional-AM x Vasco Botafogo x Atlético-MG Cruzeiro x Flamengo

Atacante recém-contratado agradeceu à diretoria pela oportunidade de jogar em BH e se colocou à disposição do técnico Paulo Comelli para entrar em campo: ‘Estou pronto’ Fonte: Rafael Arruda - Superesportes Reforço para a sequência da Série B, Marcão realizou exames médicos em

ATLÉTICO MG

uma clínica de Belo Horizonte e foi apresentado no CT Lanna Drumond, onde concedeu sua primeira entrevista coletiva no América. Contente com a oportunidade de jogar em Minas Gerais, o atacante de 27 anos, que pertence ao Atlético-PR, prometeu retribuir toda a confiança passada pela

Cuca descarta título do Campeonato Brasileiro e mira a Copa do Brasil Treinador ‘joga a toalha’ do Galo, que só tem 10 pontos em 10 jogos Fonte:Globoesporte.com Com 10 pontos ganhos em 10 partidas no Campeonato Brasileiro e agora com o Atlético-MG na zona do rebaixamento, o técnico Cuca praticamente descartou brigar pelo título nacional e disse que o foco alvinegro deve voltar para a Copa do Brasil, na qual o time tem mais oito jogos para conquistar mais um título inédito na temporada. “Temos o Brasileiro para buscar a melhor pontuação possível. Lógico que você está atrás nessa situação, está a 10 pontos

dos primeiros colocados. Então, a gente não pode prometer título. Na Copa do Brasil está mais próximo, porque são quatro, seis jogos para conseguir um título”. Com a taça Libertadores nas mãos, o Atlético-MG agora pensa na preparação para o Mundial de Clubes, em dezembro, no Marrocos. O time alvinegro deixou de lado o Brasileiro para priorizar a reta final da competição continental e, por isso, acabou ficando para trás no Campeonato Brasileiro.

diretoria do Coelho com muita dedicação e gols. “Atacante vive de gols. Quando eu visto a camisa de qualquer clube, sempre procuro fazer os gols para ajudar a minha equipe. Do jeito que cheguei aqui, com a boa estrutura e a confiança que a diretoria me passou, fiquei muito feliz. Então a melhor maneira de retribuir esse respaldo é fazendo muitos gols”, declarou Marcão, que assinou contrato de empréstimo até o fim deste ano. “Acho que o América tem um time muito qualificado e de jogadores que querem cumprir o objetivo de subir para a Série A . Tudo está ao nosso alcance e meu objetivo é de ajudar. Sei que os atacantes que estão aqui são de bastante qualidade, mas espero conquistar minha vaga e ser muito feliz por aqui”, disse o atacante, que tem no currículo as artilharias da Série C do Brasileiro de 2008, com 25 gols, e do Campeonato Goiano de 2011, com 11 gols, ambos pelo Atlético-GO.


Vestibular Unopar 2013.

Inscreva-se já! - unopar.br

BACHARELADOS E LICENCIATURAS

Venha estudar na maior universidade de ensino a distância do Brasil.

INSCRIÇÕES

SUPERIOR DE TECNOLOGIA

GRATUITAS

II

NO POLO BETIM

1

2

2

1

/

/

Jornal cidades edição 225 09 08