Page 11

11

CIDADE

Garanhuns, 16 de julho de 2011

A arte de colecionar Bate-papo informal com Auroura Cristina Taças, copos, canecas e selos estão entre as paixões do colecionador Evandro Marques da Silva

Fotos: Igor Kliver

A jornalista Waldéria Santana entrevista a précandidata à Prefeitura de Garanhuns

1º Como você está vivenciando este momento da pré-candidata a prefeita da cidade de Garanhuns ? AURORA CRISTINA - Estou me sentindo feliz e imbuída de muita responsabilidade como pré-candidata a prefeita. Naturalmente sabemos do que representa uma disputa deste nível. No entanto, a vida inteira participei ao lado de Silvino de eleições difíceis de vice-prefeito, vereador e prefeito duas vezes, aprendi a gostar disso, ouvir o povo, suas reivindicações, dos seus anseios e das suas dificuldades. Evandro exibe parte de sua preciosa coleção de taças, canecas e copos

Com o incentivo do grande amigo Luis Antonio Afonso Jardim, o empresário Evandro Marques da Silva iniciou sua paixão por selos. Em 1975 achou interessantes os selos do amigo e decidiu ter sua própria coleção, foi aí que começou e nunca mais parou. Começou a colecionar e separar os selos por temáticas como borboletas, navios e caravelas, casarões antigos, flores e até de personalidades. Ao todo, sua coleção é composta por 2.500 unidades, distribuída em quatro belíssimos álbuns. O Colecionador não fica apenas nos selos, sua coleção também se entende a moedas, onde participou de exposições, aqui mesmo em Garanhuns, no 18º Festival de Inverno, no colégio Estadual onde diversos amantes da numismática (a ciência que estuda as moedas) estiveram presentes.

ficou encantado com taças que vinham de outros países e também do Brasil para os festivais de cerveja que aconteciam em Garanhuns. Suas 645 peças se dividem em 4 segmentos, que são eles: canecas, taças, copos e cálices. Uma delas, em cortiça já foi exposta entre outras raridades. Toda essa paixão surgiu através das belezas que o empresário enxergava nas peças, cada uma de um material diferente, um design ousado. São taças vindas de diversos lugares do mundo como: Alemanha, Bohemia, Itália, França, Dinamarca, Holanda entre outros. E outras de mais perto, como nas grandes redes de supermercados, nas distribuidoras e em casas especializadas. Algumas são presentes enviados de familiares que sabem da sua paixão. E ainda admite “minha maior relíquia

são as da minha terra, não por valor financeiro e sim por admiração e conservação, é minha estimação” conclui. E ainda não acabou. Evandro Marques ainda coleciona cartões postais de uma forma geral, que vão até os cartões ingleses de 1920/30, ainda datilografados. Alguns que o empresário tem em casa são do Trade Center, do Muro de Berlim (com fragmentos do próprio muro), da Itália (com areia do mediterrâneo) entre outras raridades. O empresário ainda diz que para ser um bom colecionador é necessário, acima de tudo muito amor no que faz, alem de fé no que está determinado a fazer. Paciência e disponibilidade de tempo também são dicas desse grande colecionador. Camila Tavares

Em Garanhuns, são diversos os colecionadores, uns mais modestos e outros que gostam de conversar entre si, trocar informações, conhecimentos e também fazerem permutas entre suas coleções. Apesar de não ser pioneiro na arte de colecionar em Garanhuns o empresário afirma “Já fui um seguidor, admirei, gostei e tomei iniciativa”. Em 1964, foi iniciada outra paixão de Evandro. O qual

Caneca do Flamengo. Produto oficial, licenciado pelo Clube de Regatas do Flamengo, um dos xodós do colecionador Evandro.

2º Qual sua experiência administrativa política que você considera importante e que poderá ajudá-la não só na vitória, mas realizar um grande trabalho a frente da prefeitura de Garanhuns?

educação e meio-ambiente. Fui Deputada Estadual, durante um ano e três meses, representei com dignidade, seriedade e competência o povo de Garanhuns e do Agreste Meridional, fiz inúmeras reivindicações em prol desse povo, participei de importantes comissões: Membro da comissão de Constituição, Legislação e Justiça, vice-presidente da comissão de Administração Pública, Integrante Titular da Comissão de Agricultura e Política Rural, Membro da Comissão Especial da Transposição do Rio São Francisco, Membro da Comissão de Saúde, Membro da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, Membro da Comissão de Ética. Foto: Divulgação

AURORA CRISTINASou funcionária pública, desde 1982 que trabalho na antiga FEBEM e hoje FUNASE, que trouxe-me um amadurecimento no trato com as questões sociais, principalmente na criança abandonada, crianças carentes e adolescentes infratores. Fui Secretaria de Assistência Social do governo Silvino, participei ativamente do governo, e posso “chamar de nosso governo”. Pois também contribui com as minhas idéias e meu trabalho para conquistar avanços importantes e significativos no desenvolvimento de ações efetivas no município de Garanhuns como: programas sociais na saúde “Quem se toca não se corta”, que possibilitou salvar inúmeras mulheres precocemente diagnosticadas com câncer de mama; “Quero Aprender”, o maior programa de Alfabetização para jovens e adultos, já realizado no município de Garanhuns; programa “Movimentação e Atitude” que integrava as comunidades de todos os bairros de Garanhuns com a Prefeitura, com ações de cidadania, saúde,

Reivindicações entre elas: Instalação de uma Agencia de Trabalho no município; Implantação Campus Avançado da Universidade Federal de PE-, Construção Implantação de um Centro Tecnológico de Educação Profissional na bacia leiteira do Agreste Meridional. 3º Quais as suas propostas principais se eleita prefeita desta cidade? AURORA CRISTINANaturalmente que o nosso programa de governo vai ser consolidado com os diversos seguimentos da nossa sociedade. No campo administrativo, o governo municipal tem que ser gerido, cuidar da sociedade e de seu povo, são as pequenas questões que

se tornam grande, quando o povo não é atendido no posto de saúde, quanto falta remédio, e a escola que não funciona com boa merenda, é o buraco nas ruas, é a praça mal cuidada e sem finalidade, é o transporte que não funciona, as complicações do trânsito, o combate as drogas. Essas questões tem que ser cuidadas todo dia, toda hora, todo instante. Ao mesmo tempo, o prefeito tem que ser um articulador com toda a sociedade, com os órgãos públicos estaduais e federais, para que possam ser trazidos recursos importantes da área pública e privada para investimentos que gerem renda, emprego e desenvolvimento. 4º Quais as outras questões que são também prioridades? AURORA CRISTINAÉ preciso elaboração de um grande programa de desenvolvimento agrícola, aproveitando o clima da nossa micro-região que possa melhorar a qualidade de vida e também trazer desenvolvimento a Zona Rural. A implantação de um grande centro de abastecimento para substituir hoje a já superada CEAGA, Implantação de um Programa de turismo (eventos, congressos e de negócios em parceria co o Sistema “S”, as Faculdades, Comércios e a Rede Hoteleira, o nosso ícone maior que é o “Festival de Inverno, precisa ser retomado com a participação do povo de Garanhuns, e maior investimento por parte da Prefeitura. O País nos últimos anos voltou a crescer, o Estado de Pernambuco acompanhou esse desenvolvimento e a nossa cidade também cresceu pela presença forte do Ensino Superior, do Empreendedorismo do nosso Comércio, é preciso que o Poder Público se modernize, acompanhe esse desenvolvimento e direcione quando necessário.

www.jo r nal c i dadepe . co m. b r

11.indd 11

14/07/2011 17:54:35

Abertura do FIG  

Mais de 30 mil pessoas na abertura do FIG 2011

Abertura do FIG  

Mais de 30 mil pessoas na abertura do FIG 2011

Advertisement