Page 1

MR

ANO 32 • SÁBADO, 14 DE JANEIRO DE 2017• Nº 2280

Diretor: Fabricio Rezende

(11) 4198-4014 / R$ 2,00 NAS BANCAS

Saiba quem são os secretários e vereadores de sua cidade

BARUERI OSASCO 5

JANDIRA ITAPEVI 6

6

SANTANA DE CARAPICUÍBA 9 7 PARNAÍBA 8 ILUSTRAÇÃO

Temer inicia o ano com gafe Cuidados aos animais

PAGINA 11

Oeste F.C. se prepara para A/2 em Barueri Barueri ainda não tem agenda cultural 2017

de rua é meta Está previsto para este ano, a inauguração do Hospital Veterinário Regional da APPA (Associação Paulista de Proteção Animal). O objetivo do hospital é prestar atendimento médico veterinário gratuito, priorizando casos de maior complexidade, em animais de pequeno, médio e grande porte nas cidades de Santana de Parnaíba, Barueri, Cotia, Jandira, Itapevi, Cajamar, Carapicuíba, Osasco e Pirapora do Bom Jesus. De acordo com o presidente da APPA, Manoel Knop Melo, o Neco, a meta é prestar atendimento de emergência. “O que queremos atingir é a população carente de uma maneira rápida e eficaz”, disse o presidente.

9

PAGINA 12

PÁGINA 3

da APPA

COTIA

NOVA GESTÃO,

Barueri é uma cidade que apresenta cena cultural efervescente e agitada, no entanto, até o fechamento desta edição não conseguimos obter a programação cultural da cidade, elaborada pela Secretaria de Cultura e Turismo. De acordo com a Secretaria de Comunicação, as ações culturais, projetos e eventos estão sendo analisados e em breve serão divulgados para imprensa local e no Portal da Prefeitura de Barueri. Buscamos também informações diretamente com a Secretaria de Cultura e Turismo da cidade e não conseguimos retorno. É uma pena que ainda em plenas férias escolares os alunos não podem aproveitar boa música e peças teatrais criativas.

VELHOS CONHECIDOS Além de ainda não conseguir alcançar seu objetivo, que é diminuir de fato o número de secretarias municipais, o prefeito Rubens Furlan trouxe poucas “caras novas” ao seu secretariado. Das 18 secretarias, oito podem ser considerados como “novidades”.

A PEGADA DO JORNALISMO Jornalismo não é ciência exata e jornalistas não são autômatos. Além disso, não se faz bom jornalismo sem emoção. A frieza é anti-humana e, portanto, antijornalística. PÁGINA 2

O BARRIL DE PÓLVORA E A HIPOCRISIA Mais do que nunca, o sistema carcerário brasileiro é hoje considerado um barril de pólvora prestes a explodir. Os confrontos do Amazonas e Roraima... PÁGINA 5

PÁGINA 4

PÁGINA 10

Rogério Lins encontra crise financeira e déficit de funcionários PÁGINA 4


2 Uma publicação de ABC - Agência Barueri de Comunicações Ltda. Jornal Cidade de Barueri - Regional Insc. Estadual 206.272.004.110 Insc. Munic. 4.02360-8 CNPJ: 51.245.660/0001-73 Matrícula sob nº 06,Livro B/2, pág. 8 Cartório do 1º Ofício - Comarca de Barueri.

(11) 4198-4014 / comercial@jcbarueri.com.br / contato@jcbarueri.com.br

www.jcbarueri.com.br

FUNDADOR: João Bosco de Rezende Reg. D.R.T. 46.219 DIRETOR RESPONSÁVEL: Fabricio Rezende MTB nº 48.647 COORDENAÇÃO: Marlene L. de Rezende DIRETOR WEB: Flávio Rezende Os colaboradores, colunistas e articulistas não mantêm nenhum vínculo empregatício com a

A

rtigo publicado no jornal ‘O Estado de São Paulo’, na edição do dia 2 de janeiro de 2017. As virtudes e as fraquezas dos jornais não são recatadas. Registram-nas fielmente os sensíveis radares da opinião pública. Precisamos, por isso, derrubar inúmeros mitos que conspiram contra a credibilidade dos jornais. Um deles, talvez o mais resistente, é o dogma da objetividade absoluta. Transmite, num pomposo tom de verdade, a falsa certeza da neutralidade jornalística. Só que essa separação radical entre fatos e interpretações simplesmente não existe. É uma bobagem. Jornalismo não é ciência exata e jornalistas não são autômatos. Além disso, não se faz bom jornalismo sem emoção. A frieza é anti-humana e, portanto, antijornalística. A neutralidade é uma mentira, mas a isenção é uma meta a ser perseguida. Todos os dias. A imprensa honesta e desengajada tem um compromisso com a verdade. E é isso que conta. Mas a busca da isenção enfrenta a sabotagem da manipulação deliberada, a falta de rigor e o excesso de declarações entre aspas. O jornalista engajado é sempre um mau repórter. Militância e jornalismo não combinam. Trata-se de uma mescla, talvez compreensível e legítima nos anos sombrios do autoritarismo, mas que agora tem a marca do atraso e o vestígio do fundamentalismo sectário. O militante não sabe que o importante é saber escutar. Esquece, ofuscado pela arrogância ideológica ou pela névoa do partidarismo, que as respostas são sempre mais importantes que as perguntas. A grande surpresa no jornalismo é descobrir que quase nunca uma história corresponde àquilo que imaginávamos. O bom repórter é um curioso essencial, um profissional que é pago para se surpreender. Pode haver algo mais fascinante? O jornalista ético esquadrinha a realidade, o profissional preconceituoso

constrói a história. Todos os manuais de redação consagram a necessidade de ouvir os dois lados de um mesmo assunto. Trata-se de um esforço de isenção mínimo e incontornável. Mas alguns desvios transformam um princípio irretocável num jogo de cena. A apuração de faz de conta representa uma das maiores agressões à ética informativa. Matérias previamente decididas em bolsões engajados buscam a cumplicidade da imparcialidade aparente. A decisão de ouvir o outro lado não é sincera, não se apoia na busca da verdade. É um artifício. O assalto à verdade culmina com uma estratégia exemplar: a repercussão seletiva. O pluralismo de fachada convoca, então, pretensos especialistas para declararem o que o repórter quer ouvir. Personalidades entrevistadas avalizam a “seriedade” da reportagem. Mata-se o jornalismo. Cria-se a ideologia. É necessário cobrir os fatos com uma perspectiva mais profunda. Convém fugir das armadilhas do politicamente correto e do contrabando opinativo semeado pelos arautos das ideologias. A precipitação e a falta de rigor são outros vírus que ameaçam a qualidade da informação. A manchete de impacto, oposta ao fato ou fora do contexto da matéria, transmite ao leitor a sensação de uma fraude. Autor do mais famoso livro sobre a história do jornal The New York Times, Gay Talese vê importantes problemas que castigam a imprensa de qualidade. “Não fazemos matéria direito porque a reportagem se tornou muito tática, confiando em e-mail, telefones, gravações. Não é cara a cara. Quando eu era repórter, nunca usava o telefone. Queria ver o rosto das pessoas.” “Não se anda na rua, não se pega o metrô ou um ônibus, um avião, não se vê, cara a cara, a pessoa com quem se está conversando”, conclui Talese. E o leitor, não duvidemos, capta tudo isso. Boa parte do noticiário de política, por exemplo, não tem informação. Está dominado pela fofoca e pelo declaratório. Não tem o menor interesse para os leitores. O uso de

grampos como material jornalístico virou ferramenta de trabalho. A velha e boa reportagem foi sendo substituída por dossiê. De uns tempos para cá, o leitor passou a receber dossiês, que muitas vezes não se sustentam em pé. Curiosamente, quem os publica não se sente obrigado a dar nenhuma satisfação ao leitor. Entramos na era do jornalismo sem jornalistas, nos tempos da reportagem sem repórteres. Ficamos, todos, fechados no ambiente rarefeito das redações. Enquanto esperamos o próximo dossiê, tratamos de reproduzir declarações entre aspas, de repercutir frases vazias de políticos experientes na arte de manipular a imprensa. O jornalismo corre o risco de virar show business. É óbvio que esse modelo de jornalismo não é capaz de atrair um público qualificado. O leitor que precisamos conquistar não quer o que pode conseguir na internet. Ele quer algo mais. Quer o texto elegante, a matéria aprofundada, a análise que o ajude, efetivamente, a tomar decisões. Conquistar leitores é um desafio formidável. Reclama realismo, ética e qualidade. A autocrítica, justa e necessária, deve ser acompanhada por um firme propósito de transparência e de retificação dos nossos equívocos. Uma imprensa ética sabe reconhecer seus erros. As palavras podem informar corretamente, denunciar situações injustas, cobrar soluções. Mas podem também esquartejar reputações, desinformar. Confessar um erro de português ou uma troca de legendas é fácil. Mas admitir a prática de atitudes de prejulgamento, preconceitos informativos ou leviandade noticiosa exige coragem ética. Reconhecer o erro, limpa e abertamente, é o pré-requisito da qualidade. A pegada do jornalismo não admite comportamento burocrático. Nossa profissão enfrenta desafios, dificuldades e riscos sem fim. Só um sério investimento na qualidade do conteúdo garantirá a fidelidade dos consumidores. Precisamos mostrar que o jornal continua sendo útil, importante, um aliado na aventura da vida. *Carlos Alberto Di Franco – Jornalista. Email:difranco@iics.org.br

Celular pedagógico Governo do Estado de São Paulo propôs à Assembleia Legislativa flexibilizar a vedação do uso de celular em sala de aula. Não se trata de revogar a proibição. Abre-se uma ressalva: continua proibido, “ressalvada a finalidade pedagógica”. O professor é que saberá se o uso do celular, ou do smartphone, do tablet, notebook ou computador trará vantagens e qual o momento de sua utilização. A percepção é a de que o aluno gosta da ideia. Quem é que não tem celular em nossos dias? Se há o exagero de verdadeira dependência, com jovens totalmente desligados da realidade porque mergulhados nas redes sociais, há

um campo imenso de possibilidades de alavancar o aprendizado mediante adequado emprego da tecnologia disponível. Isso não é novidade na escola particular. Muitos aplicativos de comunicação e relacionamento escolar já conectam os estabelecimentos com os pais e alunos. É uma forma pouco dispendiosa, singela e muito eficiente. Garante-se rapidez no envio de informações, a privacidade, a segurança, pois é uma ferramenta validada pelos peritos em direito digital e ajustado à disciplina do Marco Civil da Internet. Comunicar-se pelas redes é valer-se de sistema proativo, que identifica o recebimento e a leitura das mensagens em tempo real. É sustentável, porque dispensa a agenda e o

desperdício do papel, com as árvores e o verde agradecendo. A Rede Pública da Educação Estadual já dispõe de Secretaria Digital para as diretorias e mestres e o projeto piloto foi aprovado por quem o experimentou. Também está a planejar a paulatina substituição dos livros em papel por livro eletrônico. Este, além de poupar o aluno de carregar peso excessivo em sua mochila, é viável para interação e também representa economia no uso do papel. É preciso avançar mais e, para isso, é urgente a conectividade a cargo das concessionárias das Comunicações, que estão a ver isso para os milhões de alunos brasileiros das Escolas Públicas. * José Renato Nalini é secretário da Educação do Estado de São Paulo.

ABC - Agência Barueri de Comunicações Ltda. A opinião dos artigos assinados não quer expressar necessariamente a opinião do jornal ou de seu editor, por isso não nos responsabilizamos. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS: Jornal Standard - 29,7cm larg. x 53cm alt. 6 colunas de 4,6cm.

SEDE PRÓPRIA: Av. São Paulo das Missões, 81 - Barueri/SP CEP 06411-300 CIRCULAÇÃO: Barueri - Cotia - Osasco - Carapicuiba - Itapevi - Jandira - Santana de Parnaíba e Pirapora do Bom Jesus

A Pegada do Jornalismo

O

JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

O barril de pólvora e a hipocrisia M

ais do que nunca, o sistema carcerário brasileiro é hoje considerado um barril de pólvora prestes a explodir. Os confrontos do Amazonas e Roraima, que resultaram na execução de quase 100 detentos, são apenas a amostra do inferno em que o país poderá se tornar se o mesmo ocorrer nas outras prisões onde o poder paralelo das facções disputam a hegemonia e naquelas onde, independente da disputa, há a superlotação e as condições de cumprimento da pena são precárias. As medidas determinadas pela ministra Carmem Lúcia, presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) e do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) chegam com anos de atraso mas, de qualquer forma, representam um avanço no Judiciário inerte por tantos anos diante do problema. A superlotação das prisões é recorrente. Existe há décadas e se agravou nos últimos anos, quando, apesar dos muitos favorecimentos legais aos cometedores de delitos, a população carcerária ampliou-se em muito. Com as penitenciárias abrigando mais detentos do que sua capacidade, caiu a qualidade dos serviços, tornaram-se precários o controle e a garantia da integridade física. Com esse quadro adverso, surgiram as facções criminosas que passaram a exercer o poder paralelo entre os apenados e cresceram a ponto de confrontar o poder do Estado e até promover a caça aos agentes estatais, além de dominar os esquemas de tráfico de drogas e armas nas diferentes regiões. Atribui-se o surgimento do PCC (Primeiro Comando da Capital) ao chamado “Massacre do Carandiru”, onde morreram 111 detentos, em 1992. O episódio foi politizado, sustentou campanhas eleitorais e eleições, serviu a muitos interesses e até hoje não foi concluído. Policiais que tiveram a infeli-

cidade de estar de serviço naquele dia e receberam ondens para agir, sofrem há 25 anos o linchamento profissional e até moral e vivem a possibilidade de ainda serem condenados, pois não há conclusão do caso. Mas a lição em nada serviu para evitar que o resto do sistema penitenciário se deteriorasse e ficasse pior a cada dia que passa. São estarrecedoras as informações divulgadas nos últimos dias, na esteira das matanças do norte. A notícia, dada pelo ministro da Justiça, de que 40% dos presos atualmente não deveriam estar recolhidos dá uma noção da negligência e da incompetência com que o sistema tem sido tratado ao longo dos anos. As estatísticas disponíveis dizem que existem 250 mil presos sem julgamento e muitos outros que poderiam em vez de privação de liberdade, cumprir sua pena através da prestação de serviços à comunidade ou até com tornozeleiras, pois seus crimes são leves. A simples solução desse problema aliviaria em muito a superlotação e tornaria os presídios mais administráveis e menos susceptíveis à ação das facções do crime organizado. Daí concluirmos que os institutos e as possibilidade existem, mas não há quem os aplique. É inacreditável, mas as declarações de Carmem Lúcia nos informam que não é conhecido o número de detentos que hoje cumprem pena no Brasil e, muito menos, qual a situação processual de cada um. É para vencer essa dificuldade que o STF e o CNJ convocaram os presidentes dos Tribunais de Justiça estaduais e a eles deram prazo até a próxima terça-feira, dia 17, para informarem sobre os presos provisórios de seus estados e a disponibilidade de juízes auxiliares e servidores que possam trabalhar num esforço concentrado para resolver a questão num prazo não superior a 90 dias. Ao lado disso, a ministra também anuncia a realização do censo penitenciário, que deverá fornecer às

autoridades o conhecimento para a boa administração do sistema e seus problemas. Apesar do avanço da informática, hoje presente em todos os setores, e da existência de órgãos e técnicas de pesquisa e estatística, parece que ninguém teve, até agora, o interesse em aplicar essas tecnologias e métodos na gestão do sistema penitenciário. Por conta disso e do crônico atravancamento da Justiça, temos os milhares de presos que aguardam julgamento e frequentemente vemos notícias daqueles que continuam presos apesar de já terem cumprido sua pena ou reunirem condições de livramento condicional. É a falência explicita aí demonstrada. Oxalá a Justiça consiga executar o plano de Carmem Lucia. Feito isso, será necessário que o Executivo também faça sua parte, destinando os recursos necessários aos empreendimentos e à boa administração das penitenciárias, e que o Legislativo elabore sem demora leis que tornem mais simples a aplicação das penas e, principalmente, oportunizem a recuperação do detento. É preciso acabar com o falatório, as propostas de métodos mirabolantes e especialmente com o sistema de empurrar com a barriga os problemas do setor. Quando comete um crime, o indivíduo tem de ser julgado e levado a cumprir sua pena da forma mais adequada e com a expectativa de voltar a viver normalmente em sociedade. Cada ente envolvido no processo tem de cumprir com sua missão para evitar o regime de barbárie hoje reinante, em que todos se omitem, quando a bomba explode chamam a polícia e, ainda, se dão ao luxo de, depois de controlada a situação, denunciar violência policial. É muita hipocrisia... *Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves - dirigente da ASPOMIL (Associação de Assist. Social dos Policiais Militares de São Paulo) aspomilpm@terra.com.br

Resenha Espírita *Roberto Sérgio Carneiro Contador, atualmente aposentado E-mail: rsergio39@yahoo.com.br

Morrendo e Nascendo de Novo

E

m encontro no Plano Espiritual foi-nos possível participar como ouvinte num diálogo instrutivo com um grupo de aprendizes desencarnados e encarnados que foram atraídos durante o sono para aquele encontro: Não resta duvidas, explicava o instrutor, que tudo é experiência valiosa. Muitos na Terra avançam pela estrada de qualquer maneira. Amanhã precisarão voltar para corrigir roteiros de ida e seguir por caminhos estreitos. Sempre iludidos por se imaginarem capazes de resolver suas pendências emocionais. Só os que

APOIO:

buscam aqueles que têm mais dificuldade que ele e assim usam o precioso tesouro do tempo, chegarão primeiro e pouparão séculos de sofrimento e decepções. Por mais incrível que possa parecer, muitos morrem e nascem, mas continuam acreditando que nada mais existe. Quando aqui, querem voltar a nascer mais por saudades da proteção do corpo e das sensações físicas a que se escravizaram viciando os centros de força, como o sexo, o paladar e os demais sentidos, e até na busca de paixões não resolvidas. Triste engano, pois as provas vão

se sucedendo e fazendo inimigos entre seus iguais indo e vindo presos a laços familiares que chegam a detestar, após curtos períodos de formais relacionamentos. Vivem num casamento de provas no qual confundem se suportar com o amor e prolongam estas relações até por algumas vidas, tais os compromissos recíprocos assumidos e agravados pela ausência de entendimento e perdão. É uma pena que não sabem aproveitar o tempo que é sempre igual para todos. – Resumo do livro “Vida Sem Fim”, Capitulo III, espírito Paulino Garcia.

AML TRANSPORTES LTDA (11) 3486-3715


JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

PO LÍ TI CA Alckmin anuncia crédito ao microempresário

O

governador Geraldo Alckmin anunciou nesta sexta-feira, 13, por meio da Desenvolve SP - Agência de Desenvolvimento Paulista e o Sebrae-SP, a criação de um programa de crédito voltado ao crescimento e desenvolvimento dos microempreendedores individuais (MEI) paulistas. O Programa “Juro Zero Empreendedor” financiará o investimento na ampliação e modernização dos negócios de microempreendedores que realizam curso de capacitação no Super MEI, do Sebrae-SP.

3

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

Crise penitenciária e gafe: Temer vive início de ano complicado Em meio a uma das mais sérias crises penitenciárias do Brasil (com as rebeliões no Amazonas e em Roraima, deixando mais de 90 detentos mortos), o presidente Michel Temer (PMDB), ao tentar manter a aparente calma, acabou sendo alvo de chacotas esta semana depois de uma gafe durante visita ao Rio Grande do Sul. Em sua primeira visita ao estado gaúcho depois que tomou posse como presidente, Temer foi recebido com protestos na segundafeira, 9, por cerca de 150 pessoas, do lado de fora do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, região metropolitana de Porto Alegre. Os manifestantes foram retirados após ação da Polícia Militar, que teve de usar gás lacrimogênio. O presidente participou de cerimônia de entrega de 61 novas ambulâncias do Samu. Ao falar da economia gerada pela gestão do ministro da Saúde Ricardo Barros, Temer confundiu as moedas correntes no Brasil. “Em pouquíssimo tempo, ele anunciou a economia de R$ 800 milhões de cruzeiros”, discursou. O cruzeiro deixou de ser a moeda brasileira em 1993.

BETO BARATA/PR

Cruzeiro ou Real?

Presidente Michel Temer e o Governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori

Crise penitenciária Também no RS, Temer anunciou a construção de um presídio federal no estado gaúcho. A afirmação é uma tentativa de demonstrar reação à crise penitenciária brasileira, agravada pelas rebeliões no Amazonas e Roraima.

Antes, Temer levara o tema à discussão junto à presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia. No encontro, além de tratar da repercussão dos massacres registrados nesta semana em Manaus e Boa Vista, os chefes do Executivo e

do Judiciário iriam negociar possíveis ações conjuntas entre os dois Poderes para conter a crise nos presídios e evitar que as rebeliões que ocorreram na Região Norte se espalhem para outras penitenciárias do país, informaram assessores.

A primeira medida anunciada por Temer após as rebeliões foi a construção de cinco presídios federais para criminosos de alta periculosidade. O governo deve liberar cerca de R$ 40 milhões a R$ 45 milhões para cada presídio.

PSDB-SP “segue” Aécio Neves e dificulta candidatura de Alckmin O PSDB de São Paulo decidiu não eleger uma nova direção para seu diretório, e o caso pode acabar beneficiando o senador Aécio Neves na corrida pela indicação do partido a uma candidatura à Presidência da República, nas eleições de 2018. Isso porque o deputado Pedro Tobias, presidente do PSDB-SP, contrariou a recomendação de Alckmin e seguiu a determinação de Aécio, comandante nacional da sigla, que prorrogou o próprio mandato e estendeu a medida para todos os diretórios. Alckmin esperava que um novo comando no PSDB paulista pudesse encaminhar uma aliança com

ILUSTRAÇÃO

o PSB que desse apoio ao governador em sua corrida pela candidatura à Presidência – em “troca”, os pessebistas emplacariam uma candidatura própria ao governo do Estado, apoiados pelos tucanos. O nome favorito seria o vicegovernador Márcio França, justamente do PSB. A alegação de Pedro Tobias é a de que o diretório estadual está preocupado com a sucessão ao governo do Estado, não querendo abrir mão de uma candidatura tucana. Por isso, a decisão acaba freando o PSB paulista, mas ao mesmo tempo minando as intenções de Alckmin ao Palácio do Planalto.


4

JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

Panorama

J.C.B.

Poucas caras novas no secretariado de Barueri Nova administração ainda não conseguiu diminuir de fato o número de secretarias: antes eram 21 e agora ficou em 19, apenas duas a menos

AGORA É OFICIAL Com publicação na imprensa oficial, o prefeito de Osasco Rogério Lins oficializou a nomeação de Alexandre Bussab como secretário municipal da Indústria, Comércio e Abastecimento. A oficialização só não aconteceu antes porque o indicado precisava do apoio da bancada do PRP (seu partido) na Câmara. Tão logo tomou posse, Bussab se reuniu com os vereadores Ribamar Silva e Daniel Matias, ambos do PRP, que declararam apoio. Também foram nomeados oficialmente Sérgio Di Nizzo para a Secretaria de Administração, e José Carlos Vido, para a Saúde, no lugar do ex-vereador André Sacco, que havia sido anunciado inicialmente por Rogério Lins. MODA MUTIRÃO O início das gestões municipais na região parece combinado entre os prefeitos. A principal notícia em comum entre as prefeituras são os chamados “mutirões de limpeza” - quase todas fizeram questão de divulgar que já estão com a mão na massa limpando a sujeira deixada pelas gestões anteriores. TAPINHA LEVE Já no dia 3 de janeiro, a Prefeitura de Barueri anunciou seu mutirão “em diversos bairros da cidade”. “A ação consiste na revitalização de áreas que nos últimos três meses não recebiam a manutenção de vias nem a coleta de lixo necessárias”, traz o informativo da Prefeitura, dando um tapinha de leve na administração anterior. COMO FISCALIZA? No final de 2016, uma lei determinou multa a quem jogar entulho na rua. Mantida a legislação municipal, resta ainda ficar claro como a Prefeitura pretende fiscalizar e flagrar os sujismundos que insistem em emporcalhar a cidade, num total gesto de falta de educação e desrespeito ao próximo. Aliás: bairros como a Vila São João, dias após o mutirão, já apresentava entulho “novo” nas calçadas. TARIFA GERA PROTESTOS Um grupo de usuários de transporte público de Barueri, em sua maioria jovens, realizou protesto na região central de Barueri contra o reajuste no preço da tarifa no transporte público municipal. O grupo paralisou as ruas centrais por cerca de 2 horas e tentou chegar até a prefeitura, mas foi impedido pela polícia. A convocação para o protesto foi feita pelas redes sociais. Vale lembrar que no final de dezembro, a

tarifa municipal passou de R$ 3,80 para R$ 4,20. NEVES REDUZ SECRETARIAS Diante da crise pela qual passa o País, o prefeito de Carapicuíba, Marcos Neves, não teve outra alternativa senão a diminuição do número de secretarias. Com o corte de seis delas - passou de 21 para 15 -, o prefeito afirma que irá economizar mais de R$ 1 milhão por ano. E nos primeiros dias de sua administração Marcos Neves desencadeou uma operação limpeza nos diversos bairros. MUTIRÃO MINIMIZA Também o prefeito osasquense Rogério Lins desencadeou e acompanhou o mutirão de limpeza no Jardim Rochdale. Ele ouviu as reivindicações dos moradores e prometeu agir rapidamente para minimizar os prejuízos causados pelas fortes chuvas neste período do ano, somadas à falta de limpeza dos córregos. “Quando a gente fala de enchente, não é com esse tipo de serviço que vai solucionar o problema, mas isso minimiza os danos ocasionados com as fortes chuvas. Esse trabalho deveria ter sido feito no final do ano passado. Agora vamos trabalhar para acabar com essa triste realidade do Rochdale”, disse o prefeito. REUNIÃO COM VEREADORES Rogério Lins também se reuniu pela primeira vez com os vereadores eleitos. Ele recebeu os 21 parlamentares em seu gabinete, e falou das dificuldades encontradas na administração, incluindo crise financeira e déficit de profissionais nas redes de Educação e de Saúde. Ele citou, como exemplo, a situação da Maternidade Amador Aguiar, que esteve fechada nos últimos dias de 2016 por falta de médicos, e das medidas emergenciais que precisou adotar. O prefeito pretende tornar rotineiro o encontro com os vereadores. FAZER MAIS, COM MENOS Sem citar números, Lins falou que o município passa por dificuldades financeiras como a maioria das cidades brasileiras que sentiram a crise. “Vamos ter que fazer mais, com menos recursos. Por causa da crise, a arrecadação cai e na outra ponta, a demanda pelos serviços públicos cresce. É preciso ter criatividade para superar esse momento, mas tenho certeza de que com muito trabalho, vamos conseguir”, completou Rogério Lins.

O prefeito Rubens Furlan ainda não conseguiu o seu objetivo que era uma grande redução do número de secretarias. Assim, das 21 pastas existentes restaram 19. Conforme afirmou antes da posse, algumas secretarias requerem uma grande estrutura. Quanto ao seu secretariado, poucas caras novas. A grande maioria deles já esteve ao lado de Furlan em outras administrações. De novidade mesmo apenas Jean Gaspar (Cultura), a advogada Regina Mesquita (Segurança), o médico Paulo Silas (Saúde) e Thazio Gomiero (Comunicação) - embora este último tenha tido uma passagem na gestão anterior de Furlan, mas não como secretário, e sim como assessor do então chefe da pasta, João Miras. Até mesmo a secretária da Mulher, Giane Cristina de Souza (que atuou na gestão Gil Arantes) segue à frente da pasta. Quem são os secretários? Assim, estão integrando o atual secretariado de Rubens Furlan: o vice prefeito Beto Piteri (Obras); Celso Furlan (Educação); Cilene Bittencourt (Administração); Marco Antonio “Bidu” (Meio Ambiente); Tom Moisés (Esportes); Jean Gaspar (Cultura); Adriana Molina (Promoção Social); Paulo Silas (Saúde); Mario Sadanori Doi (Finanças); Ana Claudia Albuquerque (Jurídico); Carlos Roberto da Silva, o “Prof. Carlinhos (Pessoa com Deficiência); Orlando Alvarez (Serviços Municipais); An-

tonio Lucena (Suprimentos); Joaldo Macedo (Indústria e Comércio); Nilton de Souza

(Planejamento e Urbanismo), Antonio Carlos Pasinato (Governo); Regina Mesqui-

ta (Segurança e Mobilidade Urbana) e Giane Cristina de Souza (Mulher).

DESCE

SOBE AÇÃO CONTRA AUMENTO DE TARIFA EM OSASCO

JACI TADEU DEIXA DÍVIDA DE R$ 40 MILHÕES

O Psol não concorda com o reajuste da tarifa dos ônibus municipais, que passou de R$ 3,80, para R$ 4,20, anunciado na última semana de dezembro, pelo então prefeito Jorge Lapas, e nesse semana protocolou uma Ação Popular pedindo suspensão da medida. O partido questiona os critérios adotados para o reajuste. Se não bastasse a posição do Psol – que se entende por ser oposição ao prefeito Rogério Lins – também o vereador Ralfi Rafael, do PTN, mesmo partido do prefeito também protocolou ação similar. Até o momento, apenas a cidade de Jandira teve o aumento de tarifa revogado pela nova gestão.

A Câmara de Itapevi realizou sessão extraordinária na última segunda-feira, 9, para a aprovação da reforma administrativa da prefeitura, que extinguiu quatro secretarias, além de 12 cargos comissionados o que economizará R$ 1,5 milhão ao município por ano. E a vereadora Tininha (PSD) – irmã do vice prefeito Teco – não perdeu a oportunidade para alfinetar a administração anterior, de Jaci Tadeu (PV), que segundo ela, deixou uma dívida de R$ 40 milhões para a atual gestão. A vereadora disse que não iria ficar lamentando, mas que as pessoas deveriam saber da verdade. “ Nos últimos quatro anos a cidade não teve prefeito”, finalizou.

OITO PAGARAM A FIANÇA

MINISTRA NEGA REDUÇÃO DE FIANÇA

Dos vereadores de Osasco que tiveram que pagar fiança de R$ 300 mil para serem colocados em liberdade, no final de dezembro, dos catorze envolvidos, oito deles Jair Assaf (PROS), João Gois (PT), Josias da Juco (PSD), Maluco Beleza (PTB), André Sacco e De Paula, ambos do PSDB, Antônio Toniolo (PCdoB) e o hoje prefeito Rogério Lins (PTN) efetivaram o pagamento integral do valor. O vereador Alex da Academia (PDT) fez pagamento parcial. Quem não conseguiu ainda pagar foi o vereador Batista Comunidade (PTdoB) - para a disputa da reeleição a vereador, o parlamentar havia declarado à Justiça Eleitoral que não possuía bens.

E o vereador osasquense Batista Comunidade (PTdoB), um dos suspeitos de envolvimento na contratação de funcionários fantasmas na Câmara de Osasco, e que foi preso em dezembro, está com dificuldades em levantar a quantia de R$ 300 mil para o pagamento da fiança arbitrada para que responda o processo em liberdade. A defesa do vereador pleiteou junto ao STJ – Supremo Tribunal de Justiça – a redução da fiança alegando que o valor não condiz com a situação financeira do vereador, mas o pedido foi negado pela ministra Laurita Vaz, presidente do STJ.

ACONTECEU NA SEMANA ELEIÇÃO NA CÂMARA TEM BRIGA O apoio velado do Palácio do Planalto ao deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) na eleição para a presidência da Câmara abriu uma disputa por cargos que ameaça contaminar a coalizão pró Michel Temer.

SEGUNDA

CRISE NA ODEBRECHT O caso da Odebrecht provoca crise em ao menos cinco países. Documentos divulgados pelo Departamento de Justiça dos EUA no fim do ano passado colocam sob suspeitas governos na América Latina e na África.

TERÇA

ÚLTIMO DISCURSO DE OBAMA Em seu último discurso, em Chicago, há poucos dias de deixar a presidência dos EUA, Barack Obama exaltou a diversidade e disse que racismo é uma ameaça à democracia.

ATRAVÉS DE CELULAR DE CUNHA PF inicia a operação Cui Bono, com 7 mandados de busca e apreensão, a fim de apurar um esquema de fraudes junto à Caixa Econômica. Um dos alvos é o ex-ministro de Temer, Geddel Vieira. LAVA JATO DENUNCIA 1º DO ANO Em denúncia da Lava Jato no MP, em Curitiba, o executivo Mariano Marcondes Ferraz, da Decal do Brasil, foi acusado por corrupção e lavagem de dinheiro, por propina ao ex-diretor da Petrobrás.

QUARTA

QUINTA

SEXTA


JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

5

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

OS EMPOSSADOS

CI DA DES

FABRICIO REZENDE

Prefeitura de Barueri Furlan toma posse e promete saúde de primeiro mundo

Rubens Furlan quando foi diplomado prefeito de Barueri

CCR repassa mais de R$ 12 milhões à Barueri e Parnaíba

A

CCR ViaOeste, concessionária que administra o Sistema CastelloRaposo, e a CCR RodoAnel, responsável pelo Trecho Oeste do Rodoanel, reforçou o Orçamento de 17 municípios da Região Oeste de São Paulo em mais de R$ 62,1 milhões, em 2016, por meio do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN). Em 2015, os repasses do imposto gerado pelos pedágios totalizaram R$ 61,4 milhões. Na região atendida pelo Sistema Castello-Raposo, 16 cidades são beneficiadas mensalmente. No RodoAnel Oeste, sete municípios contam com o recurso. Em todas as cidades, os gestores municipais são responsáveis pela administração da verba. O valor disponibilizado é proporcional à extensão da rodovia que atravessa o município. Eduardo Camargo, presidente da CCR ViaOeste e CCR RodoAnel, ressalta que “o repasse do ISS reforça diretamente o Orçamento dos municípios atendidos pelas rodovias e é outro dos benefícios do Programa de Concessões de Rodovias”.

Ao tomar posse pela quinta vez como prefeito de Barueri, Rubens Furlan disse que é de Deus que mais precisa neste momento e em todos os momentos nos próximos 4 anos, mas que também precisará dos vereadores: “preciso muitos dos senhores. Vamos trabalhar juntos em prol da nossa população. E ao final do mandato, os senhores serão os melhores vereadores do Estado, pois trabalharam na melhor administração que a cidade já teve”, disse. Furlan reiterou ainda compromissos de campanha nas áreas de educação e habitação e principalmente da saúde, prometendo até o final de 2017 a entrada em

funcionamento de um centro de diagnóstico, que será no prédio onde funcionou a PUC. “Ele disporá dos equipamentos mais modernos no país”, prometeu. “Vou trazer medicina de rico para os pobres e isso não é promessa de campanha”, enfatizou, sendo muito aplaudido pelo público presente. Furlan disse ainda não ter o sentimento do dever cumprido. “Isso só vou ter daqui há anos, quando andar pelas ruas e as pessoas me disserem: ‘valeu Furlan’”. Já para a segunda-feira, 2, prometeu a realização de um mutirão de limpeza, o qual só vai parar quando não tiver mais nenhuma sujeira na cidade.

Recadinho Esteve presente à solenidade o presidente eleito da Câmara Municipal de Osasco, vereador Dr. Lisandro Lindoso. Ao agradecer sua presença, Furlan pediu que levasse aos seus pares na Câmara um recado: “Que eles se unam muito mais, pois a nossa região não pode ser exposta e passar por toda essa vergonha (referindose ao episódio da prisão do prefeito eleito Rogério Lins libertado no sábado juntamente com os 11 vereadores presos)”. E Furlan foi mais além, dizendo que “os direitos, seja de quem for, tem que ser respeitados” ( mais uma

vez em clara alusão aos fatos ocorridos em Osasco). Lado humano A primeira-dama Sônia Furlan, ao fazer uso da palavra, com certa emoção, disse que sempre fará o que tiver ao seu alcance para cuidar das pessoas mais necessitadas da cidade. “A fome e as dificuldades que as pessoas passam não podem ser tratadas como coisa comum. Que o país passa por uma crise é verdade, mas não quero isso para nossa cidade. Mesmo com todas as dificuldades dá para se fazer uma cidade mais humana e que acolha a todos”, destacou Sônia Furlan.

Vice em sintonia O vice-prefeito José Roberto Piteri, em seu discurso, disse abertamente que não era seu pensamento nem do seu coração estar ali como vice, mas que ficou honrado pelo convite que lhe fez Rubens Furlan. Disse ainda que está mais do que comprometido em cumprir os compromissos que fizeram durante a campanha, pois em suas conversas com Furlan sabe “muito bem o que ele deseja que seja feito em prol da população”. “O homem público tem que estar em sintonia sempre com o povo, e o Furlan tem e quer essa sintonia. E, eu me comprometo a fazer o melhor por Barueri”, afirmou Piteri.

OS NOVOS SECRETÁRIOS SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

SECRETARIA DE ESPORTES

SEC. DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Antonio Eustáquio Moisés (Tom Moisés)

Celso Furlan

SECRETARIA DE INDÚSTRIA E COMÉRCIO

Carlos Roberto (Professor Carlinhos)

Joaldo Macedo Rodrigues (Magoo)

Professor de Matemática de Barueri, Carapicuíba e Pirapora. Criou as escolas de período integral e o prêmio Giz de Ouro.

Estudou contabilidade e marketing; administração pública e pós-graduação em gestão de Tec. da Informação. Já foi secretário de Comunicação.

Professor de ensino público e paraatleta (vôlei sentado). Foi candidato a vereador de Barueri pelo PTN. Teve 1.220 votos.

É advogado, natural de Andaraí (BA), foi candidato a vereador. Está há mais de 20 anos na área de gestão privada no setor automobilístico.

SEC. DE REC. NATURAIS E MEIO AMBIENTE

SECRETARIA DE PROMOÇÃO SOCIAL

SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA DE CULTURA

Marco Antônio de Oliveira (Bidu) Secretário na gestão anterior, Bidu volta para a Secretaria. Foi escolhido como homem de confiança do prefeito.

SECRETARIA DE SEGURANÇA E MOBILIDADE URBANA

Regina Mesquita Advogada com mais de 30 anos de experiência em direito criminalista. Quer honrar o legado de seu marido, coronel Edson.

Adriana Bueno Molina Trabalhou no governo Rubens Furlan (2008/2012), quando participou da criação de projetos de resgate a cidadania.

SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO

SECRETARIA DE FINANÇAS

Cilene Bittencourt

Jean Gaspar

Volta a ocupar a pasta onde já desenvolveu a implantação da licença gestante, dep. de medicina do trabalho e o RH online.

SECRETARIA DE PLAN. E URB.

É prof. universitário e mestre em filosofia, tem experiência em projetos culturais e sociais. Tem capacidade em equilibrar o erudito e o popular.

SECRETARIA DE SAÚDE

SEC. DE SERVIÇOS MUNICIPAIS Orlando Alvarez FIEB/ITB (INSTITUTO TÉCNICO DE BARUERI) Dr. Luiz Antônio

Thazio Gomiero

Mario Sadanori Doi

Nilton de Souza

Paulo Silas

SECRETARIA DE NEG. JURÍDICOS

SECRETARIA DE OBRAS

SECRETARIA DE SUPRIMENTOS

SECRETARIA DA MULHER

GANHA TEMPO Luizinho GRÊMIO RECREATIVO BARUERI

* Até o fechamento desta edição, a Prefeitura de Barueri não divulgou dados completos de alguns secretários

Ana Claudia Albuquerque Mesa Diretora Presidente – Carlinhos do Açougue (DEM) Vice - Silvio Macedo (PSDC) 1º Secretário – Sergio Baganha (PSDB) 2º Secretário - Rafa Gente da Gente (DEM) 3º Secretário – Wilson Zufa Junior (PRB) Tesoureiro - Robertinho (SD)

Roberto Piteri

Antonio Lucena

Giane Cristina de Souza

CÂMARA DE BARUERI Rodrigo Rodrigues (PV) Reinaldo Aparecido de Campos (PTN) Luiz do Supermercado Silva (DEM) Neto Amorim (PV)

Luizinho do Camargo (PDT) Allan Miranda (PSDB) Zé Baiano (PMDB) Fabião (PCdoB)

Jean Pedro

Toninho Furlan (PSDB) José de Melo (PRB) Jânio Gonçalves (PMDB) Barrão (PTN) Fabinho do Imperial (PSD) Chico Vilela (PTB) Kascata (PSB)

Rubens Furlan cancela concurso público aberto por Gil O prefeito Rubens Furlan (PSDB) cancelou o mais recente concurso público aberto pelo governo municipal, em dezembro, assinado pelo então prefeito Gil Arantes (DEM). A portaria que traz a medida foi publicada na edição de sábado, 7, do Diário Oficial da Prefeitura de

Barueri. O concurso, de número 03/2016, preencheria 23 cargos na Prefeitura, e as inscrições começaram dia 19 de dezembro, com prazo até 17 de janeiro. Na justificativa da portaria, a secretária de Administração Cilene Bittencourt alega que, no ato de abertura do concurso, não

houve planejamento. “Se faz necessário um novo estudo técnico e orçamentário, uma vez que não existiu nenhum quadro de impacto em relação ao preenchimento destes cargos”, relata o documento. A justificativa da secretária também cita a atual reorganização do quadro funcional da

Prefeitura, que neste início de ano já cortou centenas de cargos de comissão para equilibrar as contas. “No atual momento, a folha de pagamento do Município está atingindo patamares nunca vistos, colocando em risco a continuidade dos serviços essenciais, o que levou inclusive a exone-

ração, neste início de ano, de expressivo número de cargos em comissão”, afirma Cilene na portaria. De acordo ainda com o documento, a empresa que está organizando o concurso deve devolver os valores pagos pelos candidatos que já se inscreveram.


6

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

OS EMPOSSADOS DIVULGAÇÃO FACEBOOK

Prefeitura de Osasco Muita gente ficou de fora da Câmara na posse de Rogério Lins Rogério Lins, PTN, foi empossado prefeito de Osasco, em solenidade na Câmara Municipalda cidade. a presidência da sessão de posse ficou a cargo do vereador Dr. Lindoso, PSDB, o mais votado da eleição de outubro, e a secretária da sessão foi Ana Paula Rossi, a segunda mais votada.

Muita gente acabou ficando do lado de fora da Câmara, inclusive alguns profissionais de imprensa da região, porque, segundo o cerimonial da Câmara, era preciso credenciamento antecipado. Estiveram presentes à sessão o deputado estadual Gilmaci Santos e a presi-

OS NOVOS SECRETÁRIOS Até o fechamento da edição, a Prefeitura de Osasco não se pronunciou sobre quem serão os secretários na gestão do prefeito Rogério Lins

dente do PTN, deputada federal Renata Abreu. O prefeito Rogério Lins, após a posse, ao fazer uso da palavra, fez questão de agradecer nominalmente a todos os vereadores, demonstrando seu respeito pela Câmara, onde ele iniciou sua vida pública. “Teremos uma tarefa difí-

cil pela frente. Mas independente de partido, juntos reergueremos nossa cidade. Essa cidade onde nasci, me criei e estudei”, afirmou. Rogério falou ainda da queda de arrecadação que afeta todas a cidades, mas que tratará com respeito o dinheiro público. Quanto ao episódio de

CÂMARA DE OSASCO Mesa Diretora Presidente - Dr. Elissandro Lindoso (PSDB) 1º Vice-presidente - Ribamar Antônio da Silva (PRP) 2º Vice-presidente - Cláudio da Locadora (PV) 1º Secretário - Jeferson Ricardo da Silva (Ricardo Silva - PRB) 2º Secretária – Dra. Régia Maria Gouveia Sarmento (PDT) 3º Secretário - Valdenir Luiz de França (Ni da Pizzaria - PTN) 4º Secretário – Ralfi Rafael da Silva (PSD)

sua prisão, ele destacou que até agora não entendeu a razão de tal pedido. Porém, disse que em parte esse erro já foi corrigido. “Eu acredito na justiça e sei que em breve tudo será esclarecido e devidamente provado. É triste dizer que muita gente estava torcendo para que esse projeto naufragasse”,

Alex da Academia (PDT) Dr. Antônio Renato Bonin (PR) Batista Comunidade (PTdoB) Daniel Matias da Silva (PRP) De Paula (PSDB) Jair Assaf (PROS) Josias da JUCO (PSD) Lúcia da Saúde (PSDC) Rogério Santos (PTN) Mário Luiz Guide (PSB)

destacou Lins. Por fim, pediu à imprensa que desse a mesma ênfase sobre sua prisão e sua viagem com a família – que chegaram a dizer que estaria sendo custeada com dinheiro público – aos novos fatos e bons acontecimentos da cidade que virão pela frente.

Pelé da Cândida (PSC) Didi (PSDB) Tinha Di Ferreira (PTB) Antonio Aparecido Toniolo (PCdoB)

Prefeitura de Jandira

DIVULGAÇÃO FACEBOOK

“Maquiagem” de dados prejudicou Jandira, diz Paulo Barufi Em seu discurso de posse, o prefeito Paulo Barufi, de Jandira, apesar de priorizar a Saúde e a geração de empregos como sua prioridade nesse início de gestão,

também pediu “paciência” à população nesse início, já que ainda precisa conhecer a realidade da prefeitura. Barufi criticou duramente o que chamou de

“maquiagem” de dados da cidade, embora sem citar diretamente a gestão anterior. “Precisamos saber com exatidão como está a prefeitura, os equipamen-

OS NOVOS SECRETÁRIOS Governo – Paulo Roberto dos Santos Administração – Rogério da Silva Educação – Ana Paula Correia Leite Saúde – Jaqueline Pascali Habitação e Planejamento – Fernando Ferraz Ranzatti Meio Ambiente – Silvano Antonio de Oliveira Comunicação e Eventos – Milton Leite Indústria e Comércio – Júnior José

Finanças – Ana Lúcia de Souza Fonseca Desenvolvimento Social – Lurdete Vendrame Krummer Obras – Altamir Cipriano da Silva Trânsito – Odair Viana Receita – Cesar Gonçalves de Freitas Segurança Pública – Antônio Pessanha Cabral Cultura – Eduardo Martiniano dos Santos Chefe de Gabinete – Rafael Ferreira

Até o fechamento desta edição, a Prefeitura de Jandira não divulgou os dados completos e fotos dos secretários

tos públicos, ver se o que está no papel está in loco de verdade . O discurso era de que a cidade está muito boa, cada vez melhor, mas vamos combater esse tipo de tratamento que se faz, de se maquiar as coisas e não se mostrar os números exatos da situação de nossa cidade. Isso é inadmissível, enganar

quem paga os impostos”, completou. Sobre o Hospital Municipal, muito criticado pela população pelas péssimas condições, Barufi destacou que o equipamento será prioridade e prometeu buscar todos os dias solução para a saúde. Quanto a geração de empregos, outro

CÂMARA DE JANDIRA Mesa Diretora Presidente - Marcelinho (DEM) Vice - Franklin Venâncio da Silva Netto (PSC) 1º Secretário - Silvio Cabeleireiro (PEN) 2º Secretário - Marcos da Silva Ferreira (PRB) 3º Secretário - Gério Cabeleireiro (PMDB)

grave problema da cidade, disse que terá a parceria de seu vice-prefeito, Manoel Domingues, que tem grande atuação na Associação Comercial da cidade, buscará seus contatos com a Fiesp para trazer empregos para a cidade, e para isso, irá estruturar a área de indústria e comércio.

Arverino Xavier da Silva - Avelino (PTB) Toninho Amizade (PV) Josenildo Ribeiro de Freitas - Véinho (PR) Luciano Antonio Barbieri (PTB) Marcos Danilo de Sousa - Markinhos (PV) Michel de Oliveira Viana (PRB) Bilisca da Feira (PMDB) Rubens de Oliveira Alves - Rubinho (PTN)


7

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

OS EMPOSSADOS

Prefeitura de Itapevi Igor Soares é empossado e toma medidas emergenciais Em Itapevi, também no dia 1º de janeiro, a Câmara Municipal empossou o prefeito Igor Soares e o viceprefeito Marcos Godoy, conhecido como Teco, eleitos em outubro do ano passado. A data contou ainda com a cerimônia de transmissão de cargo no Paço Municipal. Após receber 68.942 votos, Igor assume o 14º mandato de prefeito da história do município. “Vamos governar com honestidade, respeito e aus-

teridade”, afirmou o novo prefeito. Ele disse que agora o governo municipal conta “com uma equipe preparada para fazer as mudanças que a cidade precisa”. E assegurou que a prefeitura vai ter ações que visem o futuro; que todos vão se orgulhar da cidade em que vivem e sempre sonharam. “Itapevi precisa de homens e mulheres que governem com muito amor no coração”, complementou o vice-prefeito Teco. Na Câmara, a sessão foi

comandada por Akdenis Mohammad Kourani, por ser o vereador mais votado. “Nossa missão é recuperar a credibilidade da política junto à população e sei que o Igor e o Teco darão conta do recado e honrarão seus votos”, disse. Redução de secretarias Na quinta-feira, 5, o prefeito de Itapevi Igor Soares encaminhou para a Câmara Municipal Projeto de Lei que altera a Lei Municipal nº

2237/14 e formaliza a redução, já anunciada, de quatro secretarias e a extinção dos seus respectivos cargos comissionados. Em mensagem encaminhada aos vereadores, Igor Soares solicita que o projeto seja analisado em regime de urgência e explica que a medida é necessária para reduzir os gastos municipais. “Neste momento de crise financeira, é urgente o enxugamento da máquina pública e a redução de despesas”.

Com a medida, a Prefeitura de Itapevi fará uma economia anual de R$ 1,5 milhão. Segundo Igor, os serviços exercidos atualmente por estas secretarias serão assumidos por pastas já existentes e que terão nova denominação. A extinta Secretaria da Mulher será absorvida pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social, Defesa da Cidadania e Defesa da Mulher. Ao mesmo tempo, a pasta de Meio Ambien-

te passará a ser denominada Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente. Cultura, por sua vez, se fundirá à Educação, criando a Secretaria de Educação e Cultura, enquanto que o departamento de Juventude e Turismo será absorvido pela Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude. Já a secretaria de Trânsito e Transportes se transformará na Secretaria Municipal de Segurança, Trânsito e Transporte.

OS NOVOS SECRETÁRIOS SECRETARIA DE GOVERNO

SEC. DE SEGURANÇA, TRÂNSITO E TRANSPORTE

Marcos Godoy

SECRETARIA DE ASSUNTO JURÍDICOS

Kleber Maruxo

SECRETARIA DE SAÚDE E BEM ESTAR

Thulio Nassa

Dra. Luiza Nasi Fernandes

Conhecido como Teco, é presidente do PSD de Itapevi. Foi vereador e presidente da Câmara Municipal por dois mandatos.

Formado em administração, ciências sociais e técnico em segurança do trabalho.

Foi advogado da Câmara Municipal de Itapevi e da Acita (Associação Comercial e Industrial de Itapevi).

É formada em fisioterapia pela PUC, especializada em administração hospitalar, saúde pública, gestão pública de saúde e direito sanitário.

SECRETARIA DE FINANÇAS

SEC. DE COMUNICAÇÃO E RESULTADOS

SECRETARIA DE PLANEJAMENTO

SEC. DE DESENVOLVIMENTO URBANO E MEIO AMBIENTE

José Mauro da Silva

Eurico Ramos

Marcos Toledo

Paula Pezzoni

Pós-graduado em gestão de cidades. Já exerceu as funções de secretário de Finanças em Pirapora, Araçariguama e Carapicuíba.

Jornalista formado pela Unifieo, atua desde 2006 na iniciativa privada, onde prestou consultoria para empresas e políticos.

Arquiteto e urbanista com escritório na cidade. Toledo teve longa trajetória na iniciativa privada.

Jornalista e viúva do vereador Luciano de Oliveira Farias, o Bolor. Tem experiência em assessoria parlamentar.

DESENV. SOCIAL, DEF.DA CIDADANIA E DA MULHER

SEC. ADMINISTRAÇÃO, GESTÃO E TECNOLOGIA

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E CULTURA

SECRETARIA DA RECEITA

Elaine Rodrigues

Virgínia Soares de Oliveira

Rogério de Oliveira

Cláudio Freitas

É advogada, teve atuação na implantação do CRAS, CREAS, Centro POP, Casa Porto Seguro e CCI. Foi chefe de gabinete em Itapevi.

Atual presidente da OAB Itapevi. Nascido em Itapevi, já atuou como juiz de paz, professor e foi secretário-geral da OAB (2012 a 2015).

Professora pós-graduada em didática e psicologia da educação. Foi diretora de escola e supervisora de ensino do município.

Advogado na cidade, atua no Legislativo desde 2008, onde exerceu funções como chefe de gabinete, assessor parlamentar e consultor.

SEC. DE INDÚSTRIA, COMÉRCIO E EMPREGO

SEC. DE INFRAESTRUTURA E SERVIÇOS MUNICIPAIS

SEC. DE ESPORTES, LAZER E JUVENTUDE

SECRETARIA DE HABITAÇÃO

Ramon Medrano de Almada

Mauro Martins Júnior Gestor com larga experiência em multinacionais. É formado em administração de empresas e com MBA em gestão de negócios pela USP.

Tem currículo extenso na iniciativa privada, em especial nas áreas de infraestrutura urbana e concessões rodoviárias.

Cláudio Dutra Vereador por dois mandatos, Cláudio Dutra conhece de perto as necessidades do município na área.

Sônia Maria E. S. Sousa É professora, foi responsável pela cobrança por projetos de moradia popular, bem como regularização e urbanização de áreas livres.

CÂMARA DE ITAPEVI Mesa Diretora Presidente - Anderson Cavanha (Bruxão do Táxi – PR) Vice-presidente - Rafael Alan M. Romeiro (Prof. Rafael - PTN) 1ª Secretária - Erondina Ferreira Godoy (Tininha - PSD) 2º Secretário - Adriano Camargo A. (Gordo Cardoso - PSDB) 3º Secretário - Ivonildo Andrade da Hora (Chambinho - PR)

Eduardo Zampieri Petrucci (Eduardo Kiko - PTN) Cicero Aparecido de Souza (Aparecido - PTN) Akdenis Mohamad Kourani (PSD) Camila Godói da Silva (Profª Camila - PSB) Yacer Issa Kourani (PSB) José Aparecido Ramos (Zeca da Piscina - PSDC)

Renato Passos da Cruz (Renatinho - PSDC) Thiago da Silva Santos (Thiaguinho - PSL) Mariza Martins Borges (PSL) Paulo Rogiério de Almeida (Prof. Paulinho - PV) Eduardo Sanches Casagrande (Casão - PTB) Denis Lucas de Oliveira (PRB)


8

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

OS EMPOSSADOS

Santana de Parnaíba Elvis Cezar é empossado para o 2º mandato O primeiro dia de 2017 em Santana de Parnaíba foi marcado pela cerimônia de posse do prefeito reeleito Elvis Cezar, do vice-prefeito Oswaldo Boreli e dos vereadores eleitos para os próximos quatro anos. Um grande público esteve presente no Espaço de Eventos Savana, em Alphaville, para acompanhar a sessão solene, presidida pelo vereador Alemão da Banca, escolhido por ter sido o vereador mais votado na última eleição. No mesmo dia foi realizada a votação da nova mesa diretora da Câmara Munici-

pal, quando os 17 vereadores elegeram o vereador Marcos Tonho como presidente do Legislativo para os próximos dois anos. O vereador Amâncio Neto ficou como vice-presidente, Alemão da Banca e Nilson Cadeirante ocuparão respectivamente os cargos de 1º e 2º secretários e o vereador Luciano Almeida inicia seu primeiro mandato como tesoureiro. Em discurso, o vice-prefeito Oswaldo Boreli desejou sucesso a todos os vereadores e secretários: “quero aproveitar para agradecer pelos 64% de votos, que reflete

FABRICIO REZENDE

Dia da Posse quando o prefeito Elvis Cezar o vice Oswaldo Borelli e os vereadores cantavam o Hino Nacional

o reconhecimento do povo, e isso se deve ao trabalho desenvolvido por esta gestão que, apesar das dificuldades enfrentadas nos últimos quatro anos e da crise econômica do país, conseguimos atender aos anseios da população parnaibana”. O novo presidente da Câmara, Marco Tonho, também falou sobre como espera conduzir seu trabalho a frente do legislativo: “afirmo que durante o meu mandato, Legislativo e Executivo andarão lado a lado, em prol de atender as necessidades da população da nossa cidade e es-

OS NOVOS SECRETÁRIOS Chefe de Gabinete – Hélio Souza Silva Habitação – Drª Marcela Pupim Comunicação – Max Santana Educação – Clécius Romagnoli Cultura e Turismo – Fátima Muro Segurança Urbana – Cel. Rinaldi Pereira Serviços Municipais – Marmo Cezar Ativ. Física, Esp. e Lazer – Flávio Mendonça Obras – Evandro Fernandes Emprego, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação – Mauro Brunetto

Planejamento e Meio Ambiente – Emílio Carlos Fonseca Soares Secretário Municipal de Tecnologia da Informação – Claudio Luis Senise Saúde – José Carlos Misorelli Negócios Jurídicos – Verônica Mutti Compras e Licitações – Cleo Carvalho Assistência Social – Fábio Mendonça Controle Interno - Maurício Ribeiro Nunes Finanças - Vaumil Pontes

pero conduzir a presidência com humildade e sabedoria. Quero aproveitar para agradecer ao prefeito Elvis Cezar, ao seu pai Marmo Cezar e a todos que confiaram no meu trabalho e me conduziram ao meu segundo mandato, pela confiança depositada em mim, muito obrigado”. Já o prefeito Elvis Cezar, em meio às lágrimas, agradeceu a presença dos seus familiares e a toda a população que acreditou na proposta de mudança que seria feita na cidade, iniciada há quatro anos: “Começamos o nosso 1º mandato assumindo a prefeitura com salários atrasados, com déficit financeiro e hoje podemos afirmar com orgulho que

Mesa Diretora Presidente -Marcos Tonho (PSDB) Vice-presidente - Amâncio Neto (PSDB) 1º Secretário - Alemão da Banca (SD) 2º Secretário - Nilson Ap. de Almeida (PRB) Adalto Silva Santos - Adalto Pessoa (PSDB) Ângelo da Silva Souza (PEN) Dr. Rogério (PCdoB)

FABRICIO REZENDE

Enfermeira Nelci (SD) Gino Mariano (PRTB) José Hugo da Silva - Hugo Silva (SD) Magno Eiji Mori (PSB) Pastor Ebenezé (PSC) Ronaldo Santos (PDT) Sabrina Colela Prieto (PSC) Vicente Augusto da Costa - Vicentão (PMDB) Antonio Aparecido Nunes (Xerife - PHS)

Pirapora do Bom Jesus Raul Bueno é barrado e não assume a prefeitura

Presidente da Câmara, Dany Floresti (PSD) é o prefeito interino

contra sua candidatura. O petebista, que já foi prefeito, chegou a registrar sua candidatura, porém com uma pendência de julgamento referente a operações de convênio rejeitadas

cações da revista Exame, em que nos últimos quatro anos, Santana de Parnaíba saiu do 42º para o 9º lugar de melhor cidade para se investir no País. Após ressaltar as conquistas da cidade, o prefeito reeleito anunciou o seu novo secretariado (veja abaixo) que, de acordo com ele, teve uma grande renovação em vista dos secretários que se destacaram e acabaram assumindo funções em outras prefeituras ou órgãos privados: “com esta nova equipe faremos um avivamento da nossa cidade transformando-a em uma das melhores do país, honrando todos os votos que tivemos”, concluiu Elvis.

CÂMARA DE SANTANA DE PARNAÍBA

* Até o fechamento da edição a Prefeitura de Santana de Parnaíba não divulgou os dados completos e fotos dos secretários

O prefeito eleito de Pirapora do Bom Jesus, Raul Bueno (PTB), foi impedido de assumir a Prefeitura em 1º de janeiro, depois de o Tribunal Regional Eleitoral julgar procedente recurso

somos a cidade mais segura da região metropolitana. Na educação fizemos o maior investimento da história, colocando três das nossas escolas entre as 30 melhores do Ideb, somos a única cidade que paga bônus aos professores. Na saúde reduzimos a mortalidade infantil e agora vamos implantar a maternidade e o pronto socorro infantil, pavimentamos mais de 90 km de vias, além de inaugurar o viário da ponte e o terminal rodoviário, trouxemos a Fatec e implantamos a melhor base do Corpo de Bombeiros do Estado, além de ser a cidade que mais gerou empregos”, comentou o prefeito citando ainda as recentes publi-

pelo Tribunal de Contas do Estado, e acabou barrado pela Lei da Ficha Limpa. Com isso, a votação que Raul recebeu nas eleições de outubro, que representaram 50,37% dos votos váli-

dos, foram “zerados”. Da decisão do TRE, cabe recurso no Tribunal Superior Eleitoral, que só pode julgar o caso após o recesso do Judiciário. Caso a decisão se repita desfavorável, o TSE

marcará novas eleições. Assumiu provisoriamente a Prefeitura de Pirapora do Bom Jesus o presidente da Câmara Municipal, Dany Floresti (PSD). Em caso de nova

eleição, a tendência é que o vereador apoie a candidatura do rival de Raul, Gregório Rodrigues Pontes (PMDB), que em outubro obteve 42,82% dos votos válidos.


JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

9

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

OS EMPOSSADOS DIVULGAÇÃO

Prefeitura de Carapicuíba Prefeito Marcos Neves prevê corte de 30 a 40% nas despesas

Diante do fato de Carapicuíba ter um dos menores orçamentos da região, cerca de R$ 500 milhões, o prefeito Marcos Neves, em seu discurso de posse deixou claro que precisará de muito controle no uso do dinheiro público e de reduzir as despesas em cerca de

30% a 40%. E uma de suas primeiras medidas foi a redução do número de secretarias de 21 para 15, o que representará uma economia de R$ 1 milhão por ano só em salários de secretários. Marcos Neves, que é filho do ex-prefeito da cidade Luiz Carlos Neves,

disse que sempre ouviu seu pai dizer que Carapicuíba é uma cidade como se fosse uma família que recebe um salário mínimo e que tem que economizar centavo por centavo e conferir o que está sendo gasto. “E é dessa forma que eu quero todos os nossos funcio-

OS NOVOS SECRETÁRIOS Governo – Oscar de Freitas Calvacant Administração – Mario da Matta Educação – Jônia Viana Saúde – Ana Maria Pessoa Obras – Alcides Pereira Transp. e Trânsito/Comunicação – Ronaldo Soares Faz., Receita, Renda e Conv. – Marcelo Botelho Assistência Social – Mirian Vanessa Pires

Assuntos Jurídicos – Dr. Bandeira Cultura e Turismo – Evaldo de Almeida Desenv. Urbano e Habitação – Ângelo Melli Esporte – Montini Infraestrutura – Alexandre Rodrigues Segurança Pública – Rubens Diniz Des. Econ. e Trabalho – Luiz Gonzaga

nários e secretários façam para nos ajudar, para fazer a economia necessária, para fazer investimento na Saúde, na Educação, na Segurança, que são gargalos importantes e que precisam ser mudados urgentemente”, destacou. Neves também afirmou que terá “um grande desafio” pela frente que é a

implantação de uma nova forma de fazer política, diferente da que não é só realizada até agora na cidade, mas também em todo o País. Segundo o prefeito, o modelo passado faliu, pois é um modelo com o qual tanto o Tribunal de Justiça quanto Ministério Público e promotoria têm tido muitas desavenças, pelo alto

CÂMARA DE CARAPICUÍBA Mesa Diretora Presidente - Ronaldo de Souza (SD) Vice - Guto Carapicuíba (PV) 1° Secretário - Irmão Jucelino (PR) 2° Secretário - José Carlos Adão - Adão (PSD) Professor Ladenilson (PMB) Flavinho Ampermag (PRP) Fabinho Reis (PSD)

*Até o fechamento da edição a Prefeitura de Carapicuíba não divulgou os dados completos e fotos dos secretários

aparelhamento que foi feito em ministérios, em governos e em prefeituras, numa clara crítica à distribuição de secretarias para partidos políticos aliados. “Nós temos que dar uma resposta rápida à população. E vamos fazer isso aqui em Carapicuíba. Vamos trabalhar muito pela cidade e governar para todos”, completou.

Joel Brito de Oliveira - Joel Madeireira (PROS) Arinaldo Jorge Cardozo (PRB) Zé Amiguinho (PDT) Cristovam Gonzalez Braga (PR) Antônio Beserra Lima - Beserra (PV) Vong lek Leong - Dr. Vong (PV) Valdemar Bovo - Valdemar da Farmácia (PV) Professora Cida Carlos (PT) Néia Costa (PSB) Emília Vieira Ramalho (PROS) DIVULGAÇÃO

Prefeitura de Cotia Rogério Franco toma posse na Câmara e promete governo eficiente e com resultados Empossado no dia 1º, na Câmara Municipal, o novo prefeito de Cotia, Rogério Franco, prometeu eficiência em seu governo. Para isso contará com equipe técnica de diversos setores. A cerimônia foi presidida pelo vereador Paulinho Lenha, o mais votado nas eleições de outubro. Também tomaram posse os 13 vereadores eleitos para a próxima legislatura, além do vice-prefeito Almir Rodrigues.

Rogério Franco (PSD) foi eleito com 39.933 votos. Em seu discurso, agradeceu a população que acreditou no projeto e se despediu da Câmara Municipal, onde esteve por oito anos como vereador. Rogério afirmou que as mudanças serão feitas pensando sempre em melhorar a qualidade de vida das pessoas e na prestação do serviço público. “O dia de hoje é a realização de um sonho para mim, para minha família,

para meus amigos e para minha equipe de trabalho. Não tenho palavras para agradecer a cada um de vocês. Temos muitos desafios pela frente e trabalharei muito para honrar a confiança de cada um. Vamos transformar Cotia em uma cidade ainda melhor”. O vice-prefeito, Almir Rodrigues, se emocionou ao lembrar de sua trajetória política. “Vamos ampliar e zelar pela igualdade, o respeito e a

OS NOVOS SECRETÁRIOS Governo – Fernando Libman Nascimento Administração e Logística – Luciano César Gestão Estratégica e Inovação - Raphael Gheneim de Camargo Assuntos Jurídicos - Marcondes Tadeu Obras e Serviços - Rodrigo Tavares Dantas Desenv. Urbano - José Roberto B. Filho Esportes, Cultura e Lazer - Givaldo da Costa

Transportes e Trânsito - Antonio Francisco Educação - Luis Gustavo Napolitano Desenvolvimento Social - Mara I. P. Franco Turismo - José Genival dos Santos Comunicação - Marcos Roberto Menão Segurança Pública - Almir Rodrigues Saúde - Ademir Rodrigues da Rocha Desenv. Econômico e Trabalho - Sergio Henrique Clementino Folha

*Até o fechamento desta edição a Prefeitura de Cotia não divulgou os dados completos e fotos dos secretários

Ligue e anuncie

4198.4014 comercial@jcbarueri.com.br

justiça acima de qualquer prioridade. Será pensando em cada um de vocês cidadãos que governaremos para que tenhamos uma cidade cada vez melhor.” Paulinho Lenha destacou, por sua vez, a importância da parceria entre os poderes Executivo e Legislativo. “Temos que atuar todos junto. Peço aos vereadores que ajudem o Rogério a administrar a cidade. Trabalhando juntos teremos uma vida melhor”. Transmissão de cargos Após a solenidade de posse, todos seguiram para

o Paço Municipal, onde aconteceu o hasteamento a bandeira e a transmissão de cargos. Durante a solenidade, Rogério anunciou seu secretariado e quatro atos que deram o pontapé inicial no primeiro dia do ano. “A nossa administração será eficiente. Todos os departamentos e secretarias trabalharão juntos, na mesma direção, no mesmo caminho”. Além disso, o prefeito também assinou quatro compromissos de seu plano de governo, dentre eles, a reestruturação e ampliação do Pronto Atendimento 24 horas

de Caucaia do Alto. A nova marca do governo foi apresentada com o slogan “novas ideias, grandes conquistas”. O ex-prefeito Carlão Camargo passou o bastão a Rogério Franco e disse confiar nele. “São muitos os desafios e os moradores estão confiantes de que você fará um grande governo. Eu, como morador de Cotia, também espero o melhor”, disse. Presente à cerimônia, o deputado estadual Márcio Camargo disse que seu gabinete estará de portas abertas para ajudar a buscar recursos junto ao governo do Estado.

CÂMARA DE COTIA Mesa Diretora Presidente - Paulinho Lenha (PSB) Vice-presidente - Marcinho Prates (SD) 1º Secretário - Sandrinho (SD) 2º Secretário - Marcos Nena (PMDB) Arildo Gomes Pereira (PDT) Dr. Castor (PSD)

Fernando Jão (PSDB) Jovino Ribeiro de Freitas Neto - Tim (PMDB) Celso Tadashi Ichigi - Celso Itiki (PSD) Edson Silva (PRB) Eduardo Nascimento (PSB) Francimar Macena Dantas - Pedinha (PROS) Osmar Danilo da Silva - Professor Osmar (PV)


10

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

Trio Orumalé faz CUL apresentação no TU SESC Osasco RA No domingo, 15, às 16h30, o grupo Orumalé se apresenta na Tenda 2 com entrada franca. A sonoridade do trio, cria pontes com a musicalidade árabe, africana, afro-brasileira e a música sacra de tradição europeia. No dia 20, às 20h, dando continuidade a programação musical “No Balancê” Edwin Pitre & Son Caribe animam a Tenda 1. O show reunirá um panorama das sonoridades

Barueri ainda sem agenda cultural definida

B

arueri é uma cidade que apresenta cena cultural efervescente e agitada. No entanto, até o fechamento da primeira edição do ano do Jornal Cidade de Barueri, não conseguimos obter a programação cultural da cidade, elaborada pela Secretaria de Cultura e Turismo. De acordo com o departamento de comunicação da Secretaria de Coordenação e Gestão Estratégica, as ações culturais, projetos e eventos estão sendo analisados e em breve serão divulgados para imprensa local e no Portal da Prefeitura de Barueri. Buscamos também informações diretamente com a Secretaria de Cultura e Turismo da cidade e não conseguimos retorno. A “nova” Cultura deve fortalecer as oficinas culturais. No entanto, resta saber se bons projetos da gestão anterior podem ser mantidos, como a Sala Barueri de Cinema (com necessária repaginação, para atrair mais público) e o incentivo à leitura, cujo trabalho só teria resultado a longo prazo. Programas mais antigos, como o Prêmio Barueri de Literatura, também ainda não têm garantia de continuidade.

Geração Beat é tema no CCBB

JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

DIVULGAÇÃO

do Brasil e sua trajetória pelo continente latino-americano em uma fusão de estilos como samba-rock, som cubano e o merengue. Ingressos disponíveis para venda a partir do dia 10/01 (online) e 11/01 (17h30). O SESC Osasco conta com diversas atrações durante o mês de janeiro, vale a pena conferir no endereço, Av. Sport Club Corinthians Paulista, 1300- Jardim das Flores/ Osasco.

Aniversário

Documentários, curtas, longas, palestras e obras literárias da geração que mudou o jeito como pensamos o mundo DIVULGAÇÃO

Durante o mês de janeiro, o Centro Cultural Banco do Brasil abriga mostra com mais de 30 filmes sobre o movimento que nasceu nos anos 1950 e teve

como principais nomes os escritores Jack Kerouac e William S. Burroughs. As sessões ocorrem de terça a sexta-feira, a partir das 17h, e aos sábados e domingos,

A R A P 7 201 R A V O N E R Celebre a vida • Uma Vida sem Limites (Nick Vujjicic) MAIS SUGESTÕES: • Nu, de Botas (Antonio Prata) • O Mágico de Oz (L. Franck Baum) • Extraordinário (R.J. Polacio)

a partir das 15h, com ingressos a R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada). A programação inclui curtas, médias e longas, documentários e ficções, além de filmes adaptados de algumas das principais obras literárias dos expoentes do movimento. Inclui uma aula magna, ministrada por Claudio Willer, poeta, ensaísta, critico e tradutor paulistano. O Centro Cultural Banco do Brasil fica na Rua Álvares Penteado, 112 - Centro de São Paulo, para mais informações ligue: (11) 3113-3651.

Olha quem está comemorando mais uma primavera, o Édinho, este ‘jovem’ de 37 anos, não vê a hora de receber os parabéns dos amigos e familiares, parabéns Édinho.

Novas atitudes, ações e decisões são importantes em nossa caminhada. Para isso, é fundamental que busquemos novos ares, novos amores ou até mesmo novos caminhos profissionais. O importante, no fim, é que celebremos a vida! Descubra livros que vão ajudá-lo a dar esse passo importante sem medo! Selecionamos algumas sugestões que vão fazer você se sentir transformado em 2017, aproveite cada momento e viva intensamente este ano.

Viva um novo amor • Da Próxima Vez (Marc Levy) MAIS SUGESTÕES: • Depois de Você (Jojo Moyes) • Espero Alguém (Carpinejar) • Amar de Novo (Danielle Steel)

Aprimore-se na profissão • Criatividade S. A. (Ed Catmull) MAIS SUGESTÕES: • Bem em 10 lições (Steven Silbiger) • Rápido e Devagar: Duas Formas de Pensa (Daniel Kahneman) • 10% Mais Feliz (Dan Harris)


JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

11

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

CIDADES 2

APPA terá Hospital Veterinário gratuito para toda região Associação Paulista de Proteção Animal busca parcerias para atendimento de maior complexidade em animais de pequeno, médio e grande porte, abandonados ou em situação de risco Está prevista para este ano, a inauguração do Hospital Veterinário Regional da APPA (Associação Paulista de Proteção Animal). Será o terceiro em referência do Brasil, com um prédio que está em fase de acabamento em área construída de mais de 1500 m² , na rua Mato Grosso, 60, no Jardim Diva (Fazendinha), em Santana de Parnaíba. O objetivo do Hospital Veterinário Regional é prestar atendimento médico veterinário gratuito, priorizando casos de maior complexidade, em animais de pequeno, médio e grande porte nas cidades de Santana de Parnaíba, Barueri, Cotia, Jandira, Itapevi, Cajamar, Carapicuíba, Osasco e Pirapora do Bom Jesus. De acordo com presidente da APPA, Manoel Knop Melo, o Neco, a meta é prestar atendimento de emergência. “O que queremos atingir é a população carente de uma maneira rápida e eficaz”, disse o presidente. A APPA é uma associação civil sem fins econômicos, sem finalidade política ou religiosa, dotada de plena autonomia administrativa e financeira, regida por um Estatuto e demais disposições legais. A intenção do hospital surgiu após a ideia do uso de Van (SamuPet). “Pegaríamos uma van que circularia entre os municípios, fazendo algumas ações sociais. Reparamos que não adiantava fazer uma cirurgia de emergência dentro da van, porque faríamos e levaríamos para onde? Poderíamos arrumar problemas com os animais que não tem tutores (de rua). Foi ai que nasceu a ideia de se ter um ponto fixo para atendimento, o hospital, contou Manoel Knop de Melo, acrescentando que a van só serviria para se fazer pequenos atendimentos, além de levar os animais para os hospitais particulares. Triagem Para atendimento, será

FABRICIO REZENDE

Hoje está tudo bem”, finalizou o presidente. Parcerias “Hoje precisamos finalizar o hospital, que estão com suas obras em 80%, portanto estamos buscando parcerias com a iniciativa privada e órgãos de classe para que não fiquemos só com as públicas”. Agora estão ocorrendo conversas com representantes das cidades parceiras. “Estamos em negociação avançadas com Barueri, por exemplo. Para que haja confiabilidade no projeto, convidamos secretários para que eles façam parte do conselho da associação”.

necessário ser feito um cadastro para controle. Não tem como a pessoa chegar ao hospital com 30 ou 40 animais ao mesmo tempo. Para essas situações, onde incluímos principalmente os protetores, pensamos em haver rodízios com visitas periódicas dos veterinários. O presidente Manoel Knop de Melo explica ainda que: “Faremos um trabalho diferenciado para as protetoras, através do SamuPet. Teremos que ter um plano de atendimento para não virar igual a uma creche, que é para pessoas que não tem onde deixar os filhos e não é o que acontece. Então fazer um trabalho de conscientização, vamos realizar parcerias com as prefeituras da região e assim determinar o nível de serviço que a associação poderá prestar em cada cidade. O hospital contará com um sistema de gestão que auxiliará na tomada de decisões, permitindo saber tudo sobre o procedimento de atendimento do animal”.

Animais silvestres Também há previsão para atendimento de animais como araras, hamsters, coelhos e furões por profissionais específicos. “Futuramente também vamos atender os aninais de grande porte como equinos. Já temos uma área pronta e uma veterinária”, disse Neco.

Funcionamento Será semelhante ao funcionamento das unidades geridas pela Anclivepa-SP (Associação Nacional dos Clínicos Veterinários de Pequenos Animais), que serve de modelo para o Hospital Veterinário Regional, em Santana de Parnaiba, que terá seus equipamentos fornecidos através de uma parceria com a Metalvet – maior e mais tradicional fabricante de móveis veterinários do Brasil.

Atendimento Para casos de maior complexidade, a ideia da APPA é fazer parcerias e manter as SamuPets. “A nossa intenção é continuar tendo parceria com a Renault, que nos procurou com a ideia de fazer carros mais baratos para deixar um em Barueri, Cajamar, Cotia, Pirapora do Bom Jesus, por exemplo, para quando se tiver a necessidade de transporte. Se a pessoa não tiver como levar, nos vamos

buscar”, completou Melo. Como exemplo do bom serviço prestado pela APPA, Melo, ainda citou o caso de uma moradora de Santana de Parnaíba. “Ela tem um pastor Alemão com idade avançada. O animal não poderia ser levado de sua residência. Cada veterinário que ia consultalo dizia uma coisa, até em eutanásia. A dona do animal entrou em choque. O veterinário disse que o animal só precisava de tratamento.

Cadastro e doações A associação já possui conta aberta. “Hoje estamos captando associados para fazer corpo. Estamos fazendo a inscrição a qual o associado pode pagar uma taxa mínima de R$ 30,00 ou qualquer outro valor a sua escolha. Vamos precisar desses recursos para manter o hospital, que terá gastos estimados em torno de R$ 650 mil por mês. O retorno terá que vir das doações, que podem ser feitas com CPF e/ ou CNPJ”, finalizou o presidente da APPA. As contribuições espontâneas podem ser realizadas através de depósito bancário identificado no Banco Bradesco, Agência 1282, Conta Corrente 13825-8, CNPJ 24.255.075/0001-25. Para mais informações acesse o site www.appapetsp.org.br.

IMÓVEIS Vendo Linda Chácara formada 580m² Escritura Registrada Casa sede 300m², casa de caseiro, piscina, Campo de Futebol, Edícula com Churrasqueira, Lago com peixes, Poço artesiano, asfalto na porta, água Sabesp. 2 salões comerciais 100m². Mais uma casa com 120m². Portão eletrônico. Tratar com proprietário. João. Tel: 98244-1988 (Tim).

CETESB INTERLED ELETRÔNICA LTDA, CNPJ: 00.775.116/0001-00 torna público que solicitou a renovação na SEMA - Secretaria do Meio Ambiente de Barueri do pedido de Licença de Operação Nº 0110196.15, válida até 11/01/2017, para atividade de fabricação de Lâmpada à Avenida São Paulo das Missões, 57, Jardim Barueri, Barueri/SP.

EXTRAVIO A empresa JOSÉ LAERCIO NUNES - ME, com sede na Rua Piraju, nº 31, Engenho Novo, Barueri- SP CEP: 06416-160, inscrita no CNPJ nº 58.520.560/0001-57 e inscrição municipal 5.19284-8, comunica a praça, a perda/extravio do talão de notas fiscais de serviço, talão série A de nº 1551 a 1800 (AIDF 02229/2008), conforme B.O de nº 1530441/2016. 14.21.28

ABANDONO CONTEXTO OFICINA DE MADEIRA LTDA , CNPJ Nº 06.210.114/0001-42, situada a Rua Lagoa Nova, 174, Jardim Califórnia, Barueri-SP. Solicita o comparecimento de seu funcionário Samuel Batista de Souza, portador da CTPS nº 29918, Serie 00082-BA, no prazo de 02 (dois) dias a contar da data desta primeira publicação. E o seu não comparecimento ou falta de justificativas implicará em rescisão contratual por Abandono de Emprego, conforme o art 482 Letra I da CLT.


12

SÁBADO 14 DE JANEIRO DE 2017

JORNAL CIDADE DE BARUERI REGIONAL

Oeste segue preparação para o Paulista da Série A/2 A equipe do Oeste FC, que transferiu sua sede para Barueri, para a disputa do Campeonato Paulista da Série A/2 e Copa do Brasil – neste primeiro semestre – segue se preparando para as duas competições. O técnico Vilson Tadei, já com o elenco completo, deu início aos trabalhos com bola. A equipe no sábado, 7, realizou jogo-treino contra o Grêmio Osasco, no CT da Vila Porto, e venceu pelo placar de 2x0, com gols dos volantes Lídio ( de cabeça) e Guilherme Batata pegando rebote da zaga osasquense. Para o treinador do rubro-

negro, o placar é o que menos importa neste momento, porém, Tadei disse ter gostado do rendimento geral da equipe e que a vitória serve mesmo para dar moral ao grupo. Quando a queda de ritmo da equipe no segundo tempo, tanto Tadei quando o preparador físico da equipe Cleber Augusto se deve a intensidade da preparação física das ultimas semanas. Vilson Tadei utilizou os seguintes jogadores contra o Grêmio Osasco: Fabio (Clayton), Reginaldo, Jaílton (João Vítor), Garutti (Murilo) e Gleison (Jean); Guilherme Batata (Felipi-

RENATO SILVESTRE

nho), Lídio, Da Mata e Vítor; Nata e Piauí. A direção do Oeste FC garante que por enquanto não deverá chegar mais nenhum atleta para compor o grupo, por entender que o grupo é forte e está apto para alcançar os objetivos traçados, que é o acesso ao Paulista da Série A/1 e ao Brasileiro da Série A. Além daqueles 17 que enfrentaram o Grêmio Osasco no jogo-treino, integram o grupo ainda, o meia Mazinho ( campeão da Copa do Brasil de 2012 pelo Palmeiras), o atacante Robert (com passagem por Palmeiras, Cruzeiro,

Bahia entre outros) e mais o volante Barra e o zagueiro Lino, campeões do Brasileiro da Série B de 2016, pelo Atlético Goianiense e também os atacantes Erick Luis (ex-Bahia e Vasco) e o zagueiro Tiago Adan. Contra o Shangai Na última quinta-feira, o rubro-negro fez um jogotreino na Arena Barueri contra a equipe Sub/19 do Shangai SIPG, da China, que tem no elenco profissional os brasileiros Hulk e Oscar, e venceu por 3x0, com dois gols de Robert e um de Mazinho.

Edição 2280 | Jornal Cidade de Barueri | 14/01/2017  

Jornal, Cidade, Barueri, Alphaville, Tamboré, Santana de Parnaíba, Jandira, Itapevi, Osasco, Cotia e Carapicuíba.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you