Page 23

JC 267

3/30/2016

2:43 PM

Page 23

TECNOLOGIA INDUSTRIAL

Abril 2016

Infestação de broca resulta no conhecido complexo broca-podridão vermelha

Cana afetada pela broca interfere na qualidade do açúcar Qual é o impacto desta matéria-prima que não apresenta conformidade ideal na indústria? Ela apresenta características de uma cana verde com menor pureza, maior teor de AR, além de um alto teor de ácido aconítico, o qual tem forte correlação com o potássio do solo em áreas de fertirrigação com vinhaça. Suas consequências no processo de tratamento do caldo serão oaumento no consumo de cal no processo de clarificação para atingir o pH desejado devido ao alto teor de ácido aconítico no caldo.

Este excesso de cal vai fazer com que ocorra um aumento do teor de cinzas no produto final açúcar e um aumento das incrustações nos evaporadores. Todos esses produtos estarão concentrados no mel final que irá compor o mosto. Portanto, na fermentação pode-se ter inibição da levedura pelo excesso de potássio e pela maior quantidade de ácidos orgânicos. O excesso de cal usado no tratamento do caldo pode aumentar a probabilidade de ocorrência de floculação da levedura.

É fundamental que os gestores industriais se preparem, pois a próxima cana que irão cortar é a cana em que se aplicou maturadores, que tem período certo para ser colhida. Assim, não devem passar deste tempo porque senão comprometerão a qualidade da matéria-prima. Se a cana não for retirada no período programado, ela poderá apresentar a morte da gema apical e consequentemente um aumento da entrada de contaminantes no processo industrial. Também não se pode esquecer das áreas

23

de cana com infestações de broca, pois ali acontece o famoso complexo broca-podridão vermelha que irá formar os compostos fenólicos. Na indústria, a cana afetada pela broca interfere na qualidade do açúcar, formando compostos escuros que são responsáveis por parte da formação da cor do açúcar, e na eficiência do processo fermentativo pelo seu efeito inibitório sobre a ação da invertase. Dependendo da sua quantidade podem provocar a sobra de sacarose nos vinhos fermentados (ARRT) Portanto, estar atentos a estes detalhes e estimular o constante contato entre os diversos setores da indústria e da área agrícola são ações importantes para transformar com máxima eficiência esta matéria-prima, superando todos os desafios. Boa safra.

*Nadir Caetano Junior e Lina Silber Schmidt Vitti são consultores do Programa Fermentação de Alto Rendimento do Pró-Usinas

JornalCana — Edição 267 / Abril 2016  

Um Pulmão a Todo Vapor!

JornalCana — Edição 267 / Abril 2016  

Um Pulmão a Todo Vapor!

Advertisement