Issuu on Google+

abcdmaior.com.br

Envie sua notícia agora pelo WhatsApp (11) 97589-3847

/abcdmaior

Trabalhadores na Volks garantem emprego até 2019. PÁG. 8

Regional, de verdade

rodrigo pinto

DESDE 2005 | ANO 10 | nº 942 | 18 A 21 de SETEMBRO de 2015

Conselho Tutelar vai à Justiça contra corte em sala noturna O Conselho Tutelar de São Bernardo decidiu acionar o Ministério Público contra a “sugestão” do governo do Estado para os alunos migrarem do ensino à noite para a manhã. Para o órgão, a medida fere o Estatuto da Criança e do Adolescente. PÁGINA 3

ZOO DE São BERNARDO ACOLHE E TRATA ANIMAIS No Zoológico do Parque Estoril, em São Bernardo, filhotes abandonados pela mãe (como a onça-parda da foto) ou bichos machucados são encaminhados ao ambulatório e devolvidos à natureza. Aqueles que não têm condições de voltar ao hábitat natural recebem cuidados até o fim da vida. Página 7

rodrigo pinto

C I DA DE S

c ult u ra

es p ort es

autos

fundação tem candidata única para reitoria PÁG. 6

exposição sugere novas formas de olhar PÁG. 12

mauro silva, o militante do pequeno time PÁG. 11

carros nacionais oferecem fixador de cadeirinha PÁG. 15


2 ABCDMAIOR | 18 a 21 de setembro de 2015

opinião EDITORIAL

Nos sentimos enganados Levanta a mão quem, numa atitude republicana, seguiu as recomendações dos órgãos de trânsito, foi até uma loja de autopeças ou posto e comprou um novo extintor, o modelo ABC, conforme determinado no início deste ano. Com a correria em atender à norma, teve gente a pagar até R$ 150 no aparelho. Os que não levantaram a mão com certeza o fariam porque risco de multa era alto se flagrado com extintor vencido ou fora da característica. Como muita gente não deu atenção aos prazos iniciais da regra, assim como as fábricas não conseguiram atender a demanda, o prazo de troca foi esticado uma vez, depois outra vez, até estabelecer a data final, agora em outubro. Mas eis que antes surge um gênio e descobre que o extintor de incêndio não tem serventia, como afirma a nota emitida pelo Ministério das Cidades na tarde desta quinta-feira sobre a não (mais) obrigatoriedade do extintor nos automóveis. A Associação Brasileira de Engenharia Automotiva informou que, dos 2 milhões de sinistros em veículos cobertos por seguros, 800 tiveram incêndio como causa. Desse total, apenas 24 informaram que usaram o extintor, equivalente a 3%. Estudos e pesquisas realizadas pelo Denatran constataram que as inovações tecnológicas introduzidas nos veículos resultaram em maior segurança contra incêndio. Entre elas, o corte automático de combustível em caso de colisão, localização do tanque de combustível fora do habitáculo dos passageiros, flamabilidade de materiais e revestimentos. Quem em 1999 pagou um absurdo por um kit primeiros socorros determinado por uma lei que durou apenas três meses, ou em 1987 pagou por um selinho de licenciamento para colar no para-brisa dianteiro o mesmo valor do licenciamento, vai entender muito bem o título deste texto. *** O impedimento das empresas financiarem campanhas eleitorais como concluiu nesta quinta feira o Supremo Tribunal Federal não teve um gosto de vitória. Uma das grandes bandeiras da luta social e política, o tema do fim do financiamento privado foi achincalhado por um Congresso pouco preocupado em cortar a verdadeira fonte da corrupção no Brasil, ao propor o aprofundamento das relações obscenas entre empresas e membros do poder público. O julgamento do Supremo reforçará a posição da presidente Dilma em vetar o projeto de lei aprovado semana passada pela Câmara dos Deputados permitindo o financiamento. Melhor seria se movimento social tivesse dobrado o Congresso, na pressão, na mobilização e no voto. Este passo para consolidação da democracia seria mais firme.

Aqui tem

ABCD MAIOR

A excelência dos vinhos e espumantes brasileiros Denise Gorczeski *

Para aqueles que ainda têm preconceito quanto à produção nacional de vinhos, vai uma dica. Você está perdendo tempo e oportunidades em saborear produtos de qualidade. A ideia aqui não é defender rótulos de vinícolas X ou Y, e sim a produção nacional. Temos uma indústria vitivinícola forte e em plena ascensão. Somos o quinto maior produtor de vinhos e espumantes do Hemisfério Sul. São 10 mil hectares com uvas Vitis vinífera para produção de vinhos finos, com cerca de 150 vinícolas, em todo o país. Além disso, existem mil vinícolas que elaboram vinhos de mesa ou artesanais. No total, são 89 mil hectares de vinhedos, entre variedades viníferas e comuns. Se ainda não bastasse, temos mais de três mil prêmios internacionais para rótulos de excepcional qualidade. Este ano, no ranking da Associação Mundial de Jornalistas e Escritores de Vinhos e Licores (WAWWJ), o Brasilocupa a 13ª posição entre os 66 melhores países produtores de vinho. Mais. A mesma Associação indica dois vinhos brasileiros entre os dez melhores do mundo.

www.abcdmaior.com.br

Desde 1996, fazemos parte da Organisation Internationale de la Vigne et du Vin (OIV), na França, considerada a mais importante entidade mundial do setor. E também estamos no The World Atlas of Wine, livro que apresenta o mapa das principais regiões produtoras no mundo. A originalidade do vinho brasileiro é fruto da nossa capacidade em desenvolver a cadeia produtiva da uva e do vinho em várias regiões do Brasil, inclusive no Nordeste. Devido ao clima sempre quente, conseguimos gerar, por parreira, duas safras por ano, no Vale do São Francisco. Esse é um dos fatores da região que a diferencia das tradicionais regiões no mundo, que estão em áreas de clima temperado. O “Velho Chico” que irriga o solo também é um ator importante nesta produção. Além do Nordeste, temos outras cinco importantes regiões vinícolas no país: quatro no Rio Grande do Sul e uma no Planalto Catarinense. A Serra Gaúcha, por exemplo, é responsável por aproximadamente 85% da produção nacional. Ali está o Vale dos Vinhedos, primeira área de produção de vinhos a conquistar, em 2002, um

marco importante na história da vinicultura brasileira: a Indicação de Procedência. Poucos anos depois, o Vale recebeu a Denominação de Origem, uma certificação ainda mais elevada para a qualidade dos vinhos e a única no país. Campanha, divisa com o Uruguai, ganhou interesse nacional e internacional devido ao seu terroir (solo e clima) para o cultivo de videiras. Entendidos no assunto estão apostando suas garrafas nesta área que abriga um dos mais antigos vinhedos do Brasil. Particularmente, gosto dos vinhos e espumantes brasileiros. Eles têm personalidade e condição de agradar todos os gostos. Trazem na sua cor, aroma e sabor as características e peculiaridades de suas regiões produtoras. Assim como estamos abertos para conhecer e apreciar a nossa diversificada e rica culinária, vamos abrir uma garrafa de vinho nacional e apreciar o maravilhoso liquido que já conquistou fãs em 39 países. *Denise Gorczeski é jornalista e graduanda em gastronomia pela Universidade Metodista de São Paulo.

/abcdmaior

Expediente MP Editora Ltda | Endereço: Trav. Monteiro Lobato, 95, Centro, SBC | CEP 09721-140 | (11) 4930-7450

Padaria Nova Era Rua Taipas, 702 - Barcelona - SCS Ver lista completa no www.abcdmaior.com.br

Diretor e Jornalista Responsável: Walter Venturini | Diretor Executivo: Silvio Berengani Editores: Política: Júlio Gardesani, (11) 4930-7467, julio@abcdmaior.com.br |Cidades: Mauricio Milani, (11) 4930-7470, milani@abcdmaior.com.br Economia: Silvio Berengani, (11) 4930-7457, silvio@abcdmaior.com.br | Cultura: Marina Bastos, (11) 4930-7462, marina@abcdmaior.com.br | Esportes: Antonio Kurazumi, (11) 4930-7454, kurazumi@abcdmaior.com.br | Fotografia: Amanda Perobelli, (11) 4930-7465, amanda@abcdmaior.com.br | Projeto Gráfico: Ligia Minami | Diagramação e editoração: Evelyn Domingues | Tratamento de imagem: Fabiano Ibidi | Comercial: Paulo Lima (11) 4930-7452 , paulo.lima@abcdmaior.com.br | Distribuição: Casa da Arte - distribuicao@ abcdmaior.com.br (11) 4930-7474 Publicação trissemanal www.abcdmaior.com.br | Os artigos são de responsabilidade dos autores e não expressam a opinião deste jornal.

Circulação em Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

@ABCD_MAIOR TIRAGEM 20 mil exemplares certificação:

FONE 4193-5357


18 a 21 de setembro de 2015 | ABCDMAIOR

política

3

Verba para investimentos A Câmara de Santo André aprovou nesta quinta (17/09) projeto do Executivo que permite à Prefeitura utilizar 70% de depósitos judiciais. A Administração ainda não tem a informação de quanto será arrecadado.

Conselho Tutelar aciona MP contra corte de salas noturnas Proposta do governador Geraldo Alckmin fere o Estatuto da Criança e do Adolescente e preocupa pais rodrigo pinto

Karen Marchetti karen@abcdmaior.com.br

Diante das medidas proposta pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB), que pretende diminuir ainda mais o número de salas noturnas do Ensino Médio, o Conselho Tutelar de São Bernardo entrará com representação junto ao MP (Ministério Público) para que o Estado de São Paulo cumpra o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente). De acordo com a legislação, o governador tem o dever de garantir vagas à noite para estudantes que trabalhem durante o dia. A preocupação dos conselheiros é que já existe déficit de salas para os alunos. “Muitos pais nos procuram pois não conseguem transferência da manhã para o período noturno quando seus filhos

arrumam emprego. Isso tem sido muito comum. Se hoje já existe essa dificuldade, imagine com a nova decisão”, explicou a conselheira Solange Fernandes Araújo. O aviso de que haveria redução das salas à noite foi feito por meio de carta, encaminhada aos pais e alunos do período norturno, para que realizem a matrícula relativa ao ano de 2016 no horário da manhã. Apenas uma “sugestão” A proposta do governo do Estado não é apoiada pela Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) e recebe críticas de diretores de escolas na Região, preocupados com a superlotação de salas do período matutino e do eventual fechamento de classes à noite.

STF proíbe doação de empresas a partidos Por oito votos a três, o STF (Supremo Tribunal Federal) julgou nesta terça-feira (17/09) inconstitucionais as doações de empresas a partidos políticos. A Corte encerrou o julgamento, iniciado em 2013, de uma ação da Ordem dos Advogados do Brasil, que questionou artigos da Lei dos Partidos Políticos e da Lei das Eleições. Tais artigos autorizam as doações de empresas para partidos políticos e candidatos. Por oito votos a três, o Supremo entendeu que as doações desequilibram a disputa eleitoral. As doações de empresas nas eleições passam a ser proibidas,

mas a polêmica sobre o assunto não está encerrada. Semana passada, a Câmara dos Deputados aprovou um projeto de lei para regulamentar as contribuições. O texto aguarda decisão da presidente Dilma Rousseff sobre sanção ou veto. Se a presidente sancionar a lei, será preciso uma nova ação para questionar a validade das doações no Supremo, devido a posição contrária adotada pelo tribunal. Para entrar em vigor nas eleições municipais do ano que vem, a eventual sanção deve ser efetivada até 2 de outubro, um ano antes do primeiro turno do pleito. (Rede Brasil Atual)

Somente no início deste ano, o governo Estadual fechou pelo menos 3,3 mil salas de aula, sendo boa parte do período noturno, prejudicando alunos que também trabalham durante o dia. No ABCD, foram mais de 300 classes fechadas. O governo do Estado, por meio da Secretaria de Educação, informou que a carta foi encaminhada aos pais e alunos para informá-los da “opção da transferência” para outro horário, além de garantir que em nenhum momento houve pressão. Ressaltou ainda que todos os alunos têm vaga garantida.

De acordo com Conselho Tutelar, já existe dificuldade em encontrar salas à noite


4 ABCDMAIOR | 18 a 21 de setembro de 2015

política

Por mais Nesta segunda-feira (21/09), a Frente Parlamentar de Vereadoras do ABCD se reúne na Câmara de Diadema para tratar de políticas para mulheres e participação no Consórcio Intermunicipal.

Glória Kono assume o comando do Imasf em São Bernardo Integrante do governo Marinho desde 2009 será a responsável por reestruturar autarquia, diante de críticas dos servidores Karen Marchetti karen@abcdmaior.com.br

A ex-presidente da SBCPrev (Instituto de Previdência), Glória Satoko Kono, será a nova superintendente do Imasf (Instituto Municipal de Apoio à Saúde do Funcionalismo). A indicação é parte do processo de reformulação da estrutura administrativa da autarquia, que é alvo de inúmeras reclamações dos servidores e passa por problemas financeiros. A nomeação de Glória e a sansão da lei que muda a estrutura administrativa do Imasf será publicada no diário oficial do município. O projeto foi apresentado

pelo prefeito Luiz Marinho (PT) e aprovado pela Câmara. O secretário de Administração, José Augusto Guarnieri Pereira se reuniu nesta quinta-feira (17/09) com a direção do Imasf para informar as mudanças. A intenção da Prefeitura é alterar a estrutrua administrativa do Imasf para aumentar a fiscalização e ampliar a participação dos servidores na autarquia municipal. A gestão será feita por uma diretoria executiva, juntamente com um conselho fiscal eleito pelos servidores. Outra alteração é que todos os funcionários públicos com planos de saúde do Imasf passarão a ter direito ao voto.

andris bovo

Satoko Kono está na Administração de Luiz Marinho desde 2009 e tem a confiança do prefeito para promover melhorias


18 a 21 de setembro de 2015 | ABCDMAIOR

contra as enchentes

O secretário de Serviços Urbanos de São Bernardo, Tarcisio Secoli, ao lado dos vereadores, visitou nesta quinta-feira (17/09) as obras do Drenar, que irão combater as enchentes na cidade. Somente na região central o investimento ultrapassa R$ 300 milhões.

Preparado para 2016 Eduardo Casonato, assessor do prefeito Paulo Pinheiro (PMDB), foi exonerado nesta quinta (17/09) para cuidar de questões políticas envolvendo a reeleição do peemedebista.

Acisa barra aumento de vale transporte Empresários foram à Justiça contra medida da Prefeitura de Santo André Gislayne Jacinto gislayne@abcdmaior.com.br

Edu Guimarães

A Acisa (Associação Comercial e Industrial) conseguiu liminar junto ao TJ-SP (Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo) que impede a Prefeitura de Santo André de manter o amento no vale transporte (que é pago por empresas para seus funcionários) de R$ 3,50 para R$ 4,50, em vigor desde 18 de julho. A entidade conta com quatro mil associados. A Secretaria de Assuntos Jurídicos informou que a Administração irá, novamente, buscar derrubar a liminar na Justiça. Desde que aumentou o vale transporte, a Prefeitura enfrenta questionamentos. Além da Acisa, conquistaram decisões contra o Benefício pago por empresários aos trabalhadores ficou mais caro em Santo André, mas a Justiça considera irregular reajuste a Associação dos Padeiros, o Sindicato do Comércio Va- entrou na Justiça por discordar do de ônibus, diante “prejuízo”que dos os meses com o aumento do rejista e o Sindicato das Empresas momento em que o aumento foi as concessionárias sofreram após vale transporte. Dos 5,3 milhões de Asseio e Conservação. A Justi- concedido, diante das dificulda- a implementação do passe livre de passageiros de Santo André, para estudantes. Apesar de tem- cerca de 1,5 milhão usa vale ça reconheceu a violação ao prin- des financeiras enfrentadas. cípio da isonomia, porque só um Para aumentar o vale transpor- porariamente suspenso, a Secre- transporte que é comprado pelas setor sofreu com o reajuste. te, a Prefeitura alegou a necessida- taria de Mobilidade Urbana, empresas. Os empresários poO presidente da Acisa, Éverson de de ampliar o caixa devido aos Obras e Serviços Públicos estima dem abater os custos no Imposto Dotto, afirmou que a associação arrecadar R$ 500 mil a mais to- de Renda. altos subsídios 11_SET_ALIMENTOS.pdf 1 10/09/2015 11:15:57 pagos às empresas

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

5

Paulinho Serra se filia ao PSDB de Sto. André Paulinho Serra, ex-secretário de Obras e Serviços Públicos da Prefeitura de Santo André, deixará o PSD, do qual é presidente, para se filiar ao PSDB. Paulinho será candidato a prefeito nas eleições do ano que vem. A filiação ocorrerá nesta segunda-feira (21/09), às 19h, no Diretório estadual da sigla tucana, em São Paulo. O presidente do PSDB na cidade, Marcelo Chehade, confirmou a filiação. “A saída de Paulinho do PSDB, em 2011, foi muito ruim para o partido, que teve um desempenho ruim nas eleições municipais de 2012.” Troca-troca Agora de volta ao PSDB, Paulinho simplesmente abandonou os tucanos quando, em 2012, a legenda resolveu não ter candidatura própria, indicando o vice na chapa do então candidato Raimundo Salles (PPS). Na ocasião, Paulinho optou pelo PSD, criado pelo ministro das Cidades, Gilberto Kassab (PSD), para apoiar a candidatura do prefeito Carlos Grana (PT). O recém-tucano foi secretário do governo petista até mês passado. (Gislayne Jacinto)


6 ABCDMAIOR | 18 a 21 de setembro de 2015

cidades

Ensino de matemática continua falho Em uma escala de quatro níveis de aprendizado, pouco mais de 56% dos estudantes do 3º ano do ensino fundamental de escolas públicas não conseguiram superar os dois primeiros níveis de matemática. O dado é da ANA (Avaliação Nacional da Alfabetização), do Ministério da Educação.

Vice é único nome à reitoria da FSA Leila Modanez está interinamente no cargo desde agosto, após renúncia de José Amilton de Souza; calendário segue, com ajustes Rosângela Dias rosangela@abcdmaior.com.br

A professora Leila Modanez é a única concorrente na disputa pela reitoria da Fundação Santo André. A candidatura da docente, que tomou posse como vice-reitora em 2014 e administra interinamente a gestão do Centro Universitário desde agosto deste ano, foi homologada na noite da última quarta-feira (16/09) após reunião do Conselho Universitário da instituição. O encontro foi convocado para discutir o andamento do calendário eleitoral diante do baixo interesse ao cargo, após a renúncia de José Amilton de Souza em 11 de agosto. O período de inscrição, marcado para

8 e 9 de setembro, chegou a ser prorrogado por mais dois dias, mas ainda assim não apareceram outros interessados. O presidente da comissão eleitoral da Fundação, professor Iberê Luiz Di Tizio, relatou que, apesar da candidatura única, o processo será mantido. “A lista será singular e a candidatura já foi homologada. O calendário segue normalmente, mas com pequenos ajustes. Só não haverá debate (como estava previsto anteriormente), mas terá apresentação do programa dela.” Durante a coletiva de imprensa realizada para anunciar a saída de José Amilton de Souza, a então vice-reitora havia dito que não tinha intenção de participar da disputa pela sucessão na reitoria. “A

coletiva de imprensa aconteceu depois de algumas horas da saída do reitor, não tínhamos avaliado a situação naquele momento. Atendendo aos pedidos da comunidade acadêmica, me candidatei para dar continuidade ao ótimo trabalho que estamos realizando, desde que assumimos a reitoria”, argumentou a educadora. indefinição Ainda não há definição sobre o que pode acontecer com o cargo para o qual Leila foi eleita primeiramente. Há a hipótese de uma nova eleição, uma vez que a Fundação realiza dois processos distintos, um para eleição de reitor e outro para vice, assim como a nomeação de um substituto ou mesmo a vacância do cargo.

A consulta à comunidade acadêmica acontecerá entre 5 e 10 de outubro e a lista singular será enviada ao prefeito de Santo André, Carlos Grana, responsável pela definição, em 3 de novembro. Em entrevista ao ABCD MAIOR no final de agosto, o ex-reitor José Amilton de Souza afirmou que sua carta de demissão foi motivada por questões pessoais, de saúde e por atritos causados por políticas internas da instituição. A Fundação Santo André convive com problemas financeiros deixados por administrações anteriores e possui dívida estimada de R$ 17 milhões provenientes de empréstimos bancários e não recolhimento de impostos federais.

Daniel Tossato

Fundação: dívida de R$ 17 milhões


18 a 21 de setembro de 2015 | ABCDMAIOR

MOTORISTAS DE VANS PROTESTAM EM SBC

Motoristas de vans escolares protestam neste sábado (19/09) no Poliesportivo contra lei que obriga o uso de cadeiras infantis de segurança nas vans. A ação é organizada pelo Sintesc, o sindicato da categoria, presidido por Solange Amaral (foto).

7

Apreensão de 1,5 tonelada de maconha Policiais de São Bernardo encontraram nesta quarta-feira (16/09) mais de 1,5 tonelada de maconha que abasteceria o ABCD. Leia mais em www.abcdmaior.com.br

Zoo de São Bernardo acolhe e trata animais de todo o ABCD Zoológico cuida de filhotes abandonados ou bichos machucados que depois voltam à natureza rodrigo pinto

Jessica Marques jessica.marques@abcdmaior.com.br

O zoológico do Parque Estoril, em São Bernardo, acolhe e trata animais silvestres das sete cidades que formam o ABCD. Filhotes abandonados pela mãe ou bichos machucados são encaminhados ao ambulatório e devolvidos à natureza. Aqueles que não têm condições de voltar ao hábitat natural recebem cuidados até o fim da vida. Órgãos oficiais, como polícia e guardas ambientais, ficam responsáveis por encaminhar esses animais ao zoológico. Nesta quarta-feira (16/09), um tucano foi levado pela Defesa Civil de Ribeirão Pires com uma asa quebrada. A ave teve o membro imobilizado e será acompanhada até a recuperação. Como este, mais 20 bichos estão em tratamento no ambulatório, atualmente. “Aqui é um hospital público e uma creche da fauna da Região. O principal objetivo é devolver os animais saudáveis, mas se não for possível, eles ficam para visitação”, disse o veterinário Marcelo da Silva Gomes, responsável pelo zoológico. GAIOLA COM DEGRAU Todos os animais em exposição têm algum tipo de deficiência que impede a vida na natureza. Cegueira parcial, fraturas ou habilidades não desenvolvidas estão entre as limitações. “Algumas aves com asa quebrada, por exemplo, têm gaiola acessível com degraus para alcançar o topo”, contou o veterinário. Um caso de visitantes que permanecerão são duas fêmeas de onça-parda de três meses, que foram abandonadas pela mãe em Rio Grande da Serra. Ambas ficaram sem condições

A bióloga do zoológico, Andrea Moraes Prado, com um gambá fêmea que vai participar das aulas de educação ambiental ministradas a grupos ou escolas

de desenvolver habilidades de caça e sobrevivência. Já um gambá fêmea com seis filhotes tem a chance de recuperar-se de um atropelamento e voltar para a natureza. Apesar de toda a estrutura preparada no ambulatório do zoológico para receber os animais, os filhotes recebem cuidados especiais. A bióloga do zoo, Andrea Moraes Prado, os leva para casa e trata como filhos. “Eu os mantenho aquecidos durante a noite e acordo de madrugada para dar comida”, revelou Andrea. Ao todo, o zoológico possui cerca de 250 animais, de 65 espécies. Destes, a maioria é da Mata Atlântica. Apenas 25% pertencem a outras faunas e são apreendidos pela polícia por posse ou venda ilegal, por exemplo.

Visitantes podem tocar os animais Alguns animais silvestres que chegam ao Parque Estoril fazem parte de aulas de educação ambiental, ministradas para grupos de visitantes ou escolas. É o caso de iguanas, corujas e gambás. As aulas têm o objetivo de conscientizar a população sobre a importância da preservação das espécies. “Os visitantes podem pegar

os animais, passar a mão. Eles são treinados para serem dóceis”, disse a bióloga Andrea Prado. O Parque Estoril funciona de quarta a domingo, das 9h às 17h. Para agendar as visitas, basta ligar para 4367-6463. A entrada é gratuita para morador com carteirinha do parque, que pode ser feita na administração do local (com

uma foto 3x4, CPF, RG e comprovante de residência). Para os demais visitantes, o preço é R$ 3 para o pedestre e pessoas no veículo. O estacionamento custa R$ 10 para carro e moto; R$ 20 para micro-ônibus e vans; e R$ 300 para ônibus. Mais informações em 4354-9087 e 43549318.


8 ABCDMAIOR | 18 a 21 de setembro de 2015

economia

Conheça gente e faça negócios O BNI faz encontro na terça-feira (22/09) às 7h30 para atrair novos empresários ao grupo, ampliar a rede de contatos e gerar novos negócios na Região. Na Associação Comercial de São Bernardo. Informações e inscrições: www.bnidinamico.com.br ou benicio@ravel.com.br

Metalúrgicos aprovam PPE na Volks com estabilidade até 2019 Programa de Proteção do Emprego visa superar período de queda na produção; esta é a segunda montadora a aderir à norma federal Michelly Cyrillo michelly@abcdmaior.com.br

A Volkswagen adotará o PPE (Programa de Proteção ao Emprego) na unidade de São Bernardo. Os trabalhadores aprovaram em assembleia nesta quinta-feira (17/09) na porta da fábrica a proposta de reduzir a jornada em 20% e o salário em 10% durante seis meses. O propósito é evitar demissões. O acordo também determina estabilidade no emprego até 2019. Como alternativa para administrar a mão de obra diante do cenário de baixo volume de produção, a montadora alemã adotará o programa para quase os 13 mil funcionários. Apenas algumas áreas específicas não serão incluídas, já que as características do trabalho são diferentes, como a manutenção. O PPE permite a redução da jornada de trabalho e salário em até 30%. Há complementação de 50% do corte salarial pago pelo FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador). No caso da Volks, o plano de redução

vai durar seis meses com possibilidade de renovação do programa por mais um semestre. “Este programa é importante no atual cenário de queda de vendas do setor automotivo. A fábrica afirma ter 3 mil funcionários excedentes diante da baixa demanda. Tínhamos uma projeção de fabricar 250 mil carros e vamos fechar o ano com 190 mil. A principal alternativa para evitar demissões é a adesão ao PPE”, disse o secretário-geral do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Wagner Santana, Wagnão. O sindicalista afirmou que um dos diferenciais do acordo é a complementação salarial que a montadora fará para que os funcionários tenham de fato apenas 10% de redução de salário. “Pelo programa, o teto da compensação do FAT é limitada a R$ 900,84, correspondente a 65% do valor do maior benefício do seguro-desemprego. Como parte dos salários são mais elevados, a empresa se comprometeu a complementar e assegurou que a redução

rodrigo pinto

Wagner Santana destacou o PPE como a melhor forma de superar a perda na produção de 60 mil carros sem arriscar empregos

será apenas de 10%”. O acordo prevê ainda que não haverá redução de férias, 13º salário e PLR ( Participação nos Lucros e Resultados). A empresa também abrirá

mais um PDV (Programa de Demissão Voluntária) nos próximos dias. Esta é a segunda montadora do País que irá aderir ao programa. O Ministério do Trabalho aprovou

nesta semana o credenciamento da unidade da Mercedes-Benz de São Bernardo. Outras quatro empresas de autopeças da base do sindicato também adotarão o programa.

Caixa divulga crédito ao setor automotivo Se o freguês não vai ao banco, o banco vai ao freguês. Por isto, empresários ligados à cadeia automotiva interessados em mais informações sobre a obtenção de crédito estiveram reunidos na manhã desta quinta-feira (17/09) na Prefeitura de Santo André. Para o vice-presidente da Caixa Econômica Federal, Antonio Carlos Ferreira, é preciso ampliar o alcance de empresas que necessitam de ajuda para enfrentar esse período de dificuldades. “Concretizar a assinatura do convênio era a parte mais fácil, o que precisamos é fazer com que os investimentos cheguem a quem precisa”, disse.

O convênio foi assinado no dia 18 de agosto entre a Caixa, fabricantes e revendedores de automóveis e de autopeças e dispõe de linhas de crédito para antecipação de contratos firmados entre fornecedor e a montadora, financiamento do pagamento do 13° salário, além de investimentos internos da empresa. As taxas de juros são a partir de 0,83% ao mês, com prazo de 60 meses e carência de até seis meses para o início do pagamento das prestações. O vice-diretor do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo de Santo André, Norberto Luiz Perrella, comentou que os empresários estão descrentes em obter

crédito devido ao cenário econômico e dívidas com impostos, o que impede que eles consigam aprovação do crédito. “Cerca de 90% das empresas da nossa base filiada em Santo André estão inadimplentes o que as impede de conseguirem crédito para investimentos e que poderiam ajudá-las a quitar as dívidas”, disse. O gerente regional da Caixa, Ronny Peterson da Costa, informou que mais de 10 empresas do ABCD já procuraram o banco desde o anúncio do convênio e a projeção é de conceder mais de R$ 50 milhões em crédito até o final do ano. (Iara Voros)


nacional/internacional

18 a 21 de setembro de 2015 | ABCDMAIOR

9

Para continuar investigando... O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, foi reconduzido nesta quinta-feira (17/09) ao cargo pela presidenta Dilma Rousseff para mais dois anos de mandato.

Uso de extintor em carros deixará de ser obrigatório Obrigatório desde 1970, Conselho Nacional de Trânsito descobriu que equipamento não tem serventia Redação pauta@abcdmaior.com.br

O uso de extintor de incêndio em automóveis passará a ser facultativo no Brasil, conforme decisão tomada nesta quinta-feira (17/09) pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito). A mudança envolve ainda utilitários, camionetas, caminhonetes e triciclos de cabine fechada. Porém, o equipamento permanece obrigatório para os veículos usados comercialmente para transporte de passageiros, caminhões,

caminhão-trator, micro-ônibus e ônibus, além de veículos destinados ao transporte de produtos inflamáveis, líquidos e gasosos. De acordo com o Ministério das Cidades, a decisão pelo uso opcional do equipamento foi tomada após encontros com representantes dos fabricantes de extintores, do Corpo de Bombeiros e da indústria automobilística. O fato é que muita gente gastou dinheiro desnecessariamente, assim como em 1999, com o kit de primeiro socorros, e em 1987, como o

selo de licenciamento. Todos foram declarados sem utilidade pouco tempo depois. “Estudos e pesquisas realizadas pelo Denatran [Departamento Nacional de Trânsito] constataram que as inovações introduzidas nos veículos resultaram em maior segurança contra incêndio”, reconheceu o ministério, ao destacar o corte automático de combustível em caso de colisão, a localização do tanque de combustível fora da cabine de passageiros e a flamabilidade de materiais e revestimentos.

Fernanda Carvalho/Fotos Públicas

Decisão do Contran torna facultativo o uso do extintor em automóveis


10 ABCDMAIOR | 18 a 21 de setembro de 2015


18 a 21 de setembro de 2015 | ABCDMAIOR

esportes

11

Clássico no vôlei Sem vitórias ainda no Campeonato Paulista Masculino de Vôlei, São Bernardo e Santo André jogam nesta sextafeira (18/09), às 19h, no ginásio Poliesportivo. As duas equipes somam nove derrotas no Estadual.

Filho do ABCD, Mauro Silva trabalha pelos times pequenos Tetracampeão atua como interlocutor dos jogadores e visitará o São Bernardo nesta sexta-feira Guilherme Menezes guilherme.menezes@abcdmaior.com.br

Nesta sexta-feira (18/09), o São Bernardo receberá uma visita especial. Trata-se de Mauro Silva, tetracampeão mundial com a Seleção Brasileira e um dos filhos mais ilustres da cidade, que há dois meses assumiu um cargo na FPF (Federação Paulista de Futebol) que pode melhorar e muito a vida dos atletas, incluindo dos que atuam por times do ABCD. Nascido em São Bernardo, o ex-volante comanda o Departamento de Integração com os Atletas e busca ser a voz ativa dos jogadores dentro da Federação. Ele visita os clubes abrindo um canal de comunicação com os boleiros, para ouvir as reivindicações e sugestões na tentativa de melhorar a vida do protagonista do espetáculo. “Os atletas pouco se comunicavam com a Federação, sendo que eles são os verdadeiros responsáveis pelo futebol. Portanto foi criada esta ação inédita para o jogador apresentar seus problemas,

ideias e assim podemos melhorar de uma forma geral”, conta. Após conversar com os atletas, o tetracampeão marca um encontro com dois representantes de cada elenco a fim de debater as sugestões na sede da FPF. “Normalmente, o primeiro assunto citado é a questão dos salários em dia, que não tem como não ser a principal preocupação. Se o jogador se sente mais à vontade para desempenhar o trabalho, o espetáculo melhora, a torcida comparece, e tudo se torna mais forte”, opina. Outra preocupação do dirigente é a formação nas categorias de base, além das dificuldades no cotidiano das equipes pequenas. “Temos que trabalhar a base, contribuir para os times formadores, apresentar soluções. Temos um grande senso de criatividade, improvisação, mas precisamos aprender com os europeus na questão de planejamento e execução. Sobretudo, nossa ideia é fortalecer os clubes do Interior, que sempre desenvolvem grandes atletas”, enfatizou.

Rafael Ribeiro/CBF

Oriundo de São Bernardo, Mauro Silva escuta e debate sugestões dos jogadores para melhorar a situação do futebol

No Brasil, ex-volante só jogou no Interior Se hoje Mauro Silva defende os interesses dos clubes pequenos, a situação não era diferente no início de carreira. Quando jogador, o tetracampeão do mundo atuou apenas em dois times

do país: Guarani e Bragantino. O ex-volante passou 13 anos da vida no La Coruña, da Espanha, e se consagrou no Brasil depois do título da Copa do Mundo de 1994.

Mauro trabalhou por um bom tempo no ramo imobiliário após largar os gramados e, mais recentemente, foi auxiliar provisório da Seleção Brasileira.


12 ABCDMAIOR | 18 a 21 de setembro de 2015

cultura agenda

Roda da Primavera Neste sábado (19/09) das 9h às 13h, o Clube União Lyra-Serrano (av. Antonio Olyntho, s/n, na parte baixa de Paranapiacaba) receberá a Roda da Primavera. A atividade, que contará com a realização de roda de danças, é aberta ao público. Informações: 4439-0109.

Verdades surrealistas são temas de mostra no ABCD Exposição Outro lugar aqui está no Espaço Gambalaia para questionar o cotidiano através do imaginário

São Caetano

Arte Como parte das comemorações da 9ª Primavera dos Museus, promovida pelo Ibram (Instituto Brasileiro de Museus), a Fundação Pró-Memória de São Caetano, por meio do Museu Histórico Municipal (rua Maximiliano Lorenzini, 122, Fundação), realizará a exposição Artefatos Indígenas, entre os dias 21 e 26 deste mês. Serão exibidas peças típicas, como cocares, e tigelas e vasos feitos à mão. A visitação é gratuita e pode ser feita de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e aos sábados, das 9h às 13h. Informações: 4223-4780.

Santo André

Música Neste sábado (19/09), a partir das 19h, a banda Pastor Rottweiler vai tocar no 74 Club (rua Itobi, 325) reduto de bandas independentes de qualidade. Há seis anos tocando blues, rock pesado e psicodélico, o grupo vai apresentar as músicas do primeiro disco, Manhã do Caolho (de 2014) como Xamã da Luxúria. O grupo mostrará, ainda, parte do repertório do segundo álbum, em fase de gravação e cujo principal tema é a estrada, ícone do blues. Ingressos a R$ 10. Celebração Estes sábado e domingo (19 e 20/09) serão dedicados à comemoração dos 120 anos de amizade Brasil-Japão no Atrium Shopping (rua Giovanni Batistta Pirelli, 155). Entre as atividades e atrações, estão um festival de judô com participação especial do medalhista olímpico Rogério Sampaio, além de apresentação musical, exposição de quimonos, orquídeas, mostras e oficinas gratuitas de origami, kirigami, ikebana e Bonsai, que acontecem sábado das 10h às 22h e domingo das 12h às 20h. Grátis. Informações: 3135- 4500.

divulgação

Rafael Revadam rafael@abcdmaior.com.br

A agonia de ver quadros milimetricamente posicionados em paredes brancas fez Drenner Alves abolir o conceito básico de exposições. Sua arte não nasceu para ser olhada, mas sim imergida. É ela que aparece em desenhos pincelados com café, em grafites feitos no skate ou em paisagens ilustradas em caixas de feira. Ao se instalar no Gambalaia, em Santo André, o artista trouxe poltronas e espalhou obras do alto ao chão. Em cima de uma mesa ou dentro de uma gaveta, a mostra é ambientada em detalhes, como um convite para cada visitante: que tal se sentir cenário de uma arte? “Desde a infância, eu sempre desenhei. Parei durante um tempo. Então, comecei a pichar, depois fui para o grafite. Aí fui pesquisando outros estilos e linguagens, conheci o surrealismo e caminhei para esse lado”, contou o artista. Intitulada Outro lugar aqui, a mostra é um questionamento de olhares, onde um mesmo cenário pode trazer percepções variadas. “O surrealismo é a linguagem que mais gosto. Ele acaba trabalhando basicamente com o subconsciente, e isso me atraiu. Eu uso o surreal para explicar as coisas, o modo que eu vejo.” Para o artista, a mesma realidade que o inspira é aquela que se fragmenta nas imagens construídas. “É bem mais difícil trazer mensagens usando apenas o visual. Na minha página no Facebook, eu coloco as imagens com textos, só que aí tem uma discussão se a arte deve ser explicada, porque uma pessoa pode, segundo as informações que ela tem dentro dela, absorver aquela arte de outra forma. Acho interessante isso também”, considera. No processo de criação a obra se transforma em várias. “É fato que cada trabalho tem uma ideia inicial. Durante o processo, essa ideia se transforma. E quando a obra termina, já é outra coisa.”

O artista Drenner Alves enxerga suportes possíveis para suas obras em objetos como caixas de feira e shape de skate

Telas criadas com tintas que se aproveita Quando se viu produzindo cultura, Drenner começou a explorar formas de criar e facilitar o acesso às suas obras. “Artisticamente comecei no grafite. Pintei paredes e comecei a pesquisar outros suportes. Pensei em suportes que não precisasse comprar porque o material artístico já é caro.” Foi na criatividade, que o artista viu telas em caixas de madeira recolhidas em feiras e shapes de skates. Um violão também ganhou cortes e detalhes, se transformando num moinho de vento. “Esteticamente eu gosto mais da madeira, apesar de não ser a tela mais fácil de se trabalhar. São estéticas e experiências diferentes. Se é pra pintar, eu prefiro o muro,

a parede.” Assim como as formas, a multiplicidade artística de Drenner também apareceu em suas técnicas. “Eu aproveito o café do dia anterior pra pintar. Uso como tinta. É parecido com uma foto em sépia, com tons em marrom. Agora, eu estou tentando pintar com o café na madeira, mas é complicado. Porque a madeira absorve muito o café e ele a man-

cha”. De técnicas vistas na internet à experimentações pessoais, a coletividade criativa do artista se mescla e se une em um único objetivo: fazer do inconsciente, um olhar para o real. “Eu gosto de valorizar o universo interno, o emocional, o espiritual. Colocar a linguagem dos sonhos. Porque a gente vive um tempo do material. E gosto de passar a profundidade que tudo tem.”

Acomode-se e veja A exposição de Drenner Alves, Outro lugar aqui , permanecerá em cartaz até o dia 11/10 no Espaço Gambalaia (rua da Monções, 1018, Jardim, Santo André). O horário de visitação é conforme a agenda do local, que pode ser acessada no site: facebook.com/gambalaia. Entrada franca.


autos 18 a 21 de setembro de 2015

Transporte seguro Saiba quais carros nacionais estão equipados com sistema Isofix; dispositivo preso ao veículo aumenta a segurança na fixação das cadeirinhas infantis. Pág. 15 Divulgação


14 ABCDMAIOR | 18 a 21 de setembro de 2015

autos

Renave vai desburocratizar a transferência de veículos Sistema eletrônico promete simplificar o processo de compra e venda de automóveis amanda perobelli

Akira Sasaki pauta@abcdmaior.com.br

A partir de março do próximo ano, vai ficar mais fácil o processo de transferência de um veículo para lojas ou concessionárias, graças à decisão do Ministério das Cidades de implementar o Renave (Registro Nacional de Veículos em Estoque). Na prática, o sistema funciona da seguinte forma. Atualmente, o vendedor precisa preencher e autenticar o CRV (Certificado de Registro do Veículo) e então entregá-lo à loja. O comerciante, então, é obrigado a transferir para o seu nome a propriedade do veículo adquirido junto ao Detran. Com o Renave, o vendedor ainda será obrigado a assinar o documento transferindo a propriedade do veículo. A transferência, no entanto, passará a ser automática, assim que for emitida a nota fiscal. Para quem vendeu o carro, a vantagem é que esse processo, em teoria, acaba com o risco de o vendedor receber multas de infrações cometidas no período em que o carro estava na loja. Para o comprador, será simplificada também a transferência de um

Limpeza do ar-condicionado Não basta apenas aquela lavagem caprichada. Os donos de automóveis equipados com ar-condicionado também precisam cuidar da limpeza periódica do sistema. A negligência na manutenção pode levar ao acúmulo de fungos e bactérias na tubulação, que podem representar um perigo para a saúde dos passageiros.

Calibragem do estepe DIVULGAÇÃO

Hoje, vendedor tem de preencher o Certificado de Registro do Veículo para dar início à transferência do carro

veículo comprado em loja ou concessionária, bastando apresentar no Detran o CRV e a nota fiscal de compra para efetivar a transferência. Já para os lojistas, fica mais fácil também o processo de trans-

Licenciamento

ferência de um comerciante para outro, que passa a ser feito pelo próprio Renave. Fica dispensada, então, a necessidade de se solicitar a emissão de um novo documento de transferência.

Rodízio

Automóveis

serviço

Caminhão (carga)

Por vezes esquecido pelos motoristas, o estepe também merece atenção. Assim como as rodas que estão rodando, a roda de reserva geralmente tem uma calibragem especial exclusiva, que permite o seu uso mesmo com o veículo carregado, e também para compensar possíveis perdas de ar. Em caso de dúvida, consulte o manual do proprietário do seu veículo.

Telefones Úteis

carros e caminhões na Capital

emergência

Final da Placa

Mês de Licenciamento*

Final da Placa

Mês de Licenciamento*

Finais de placas

dias que veículos não podem circular

Polícia

190

1

abril

segunda

192

até setembro

1e2

Ambulância

1e2

2

até maio

3, 4 e 5

até outubro

3e4

terça

Bombeiro

193

3

até junho

6, 7 e 8

até novembro

5e6

quarta

4

até julho

9e0

até dezembro

7e8

Quinta

Índio Tibiriçá (DER)

0800-0555510

5e6

até agosto

9e0

sexta

Anchieta/Imigrantes (Ecovias)

0800-197878

7

até setembro

8

até outubro

9

até novembro

0

até dezembro

*licenciar até o último dia útil de cada mês *As tabelas valem apenas para veículos com placas licenciadas em cidades do Estado de São Paulo

** Válido das 7 às 10 horas e das 17 às 20 horas em ruas e avenidas internas ao chamado centro expandido da cidade. O centro expandido, também conhecido como minianel viário, é composto pelas marginais Tietê e Pinheiros, as avenidas Salim Farah Maluf, Afonso d’Escragnolle Taunay, Bandeirantes, Juntas Provisórias, Presidente Tancredo Neves, Luís Inácio de Anhaia Melo e o Complexo Viário Maria Maluf.

Rodovias

Rodoanel Trechos Sul e Leste/ ABCD (SPMAR)

0800-7748877

Trecho Oeste (CCR)

0800-7736699

EXPEDIENTE O Autos é um caderno semanal do ABCD MAIOR. Edição: Marcelo Picolo (marcelo@abcdmaior.com.br). Reportagens: Akira Sasaki (redacao@abcdmaior.com.br). Conteúdo: Fábrica de Notícias. Fone: (11) 4991-2509.


18 a 21 de setembro de 2015 | ABCDMAIOR

Volvo V40 por R$ 99.950

A Volvo passa a importar o hatch médio V40 na configuração T3 Kinect. Antes disponível apenas com o motor 2.0 turbo de 245 cv, o V40 de entrada está equipado com um propulsor 1.5 turbo de 152 cv. O carro pode ser encontrado a partir de R$ 99.950.

155

Hilux cinco estrelas A nova geração da Toyota Hilux se saiu bem nos testes de colisão do Latin NCAP. O carro, que chega ao País em 2016, conquistou a pontuação máxima de cinco estrelas na proteção para adultos e quatro para crianças.

Já há carros nacionais preparados para dispositivo que fixa cadeirinhas Sistema Isofix dispensa o uso do cinto de segurança para a fixação de cadeira, assento ou bebê conforto Akira Sasaki pauta@abcdmaior.com.br

dIVULGAÇÃO

Carros com Isofix HATCH COMPACTOS

Quem já teve que instalar uma cadeirinha infantil sabe como pode ser complicado ajustar corretamente o equipamento ao cinto de segurança. E pior: mesmo com a instalação correta, a rigidez do assento não é a mesma que a dos bancos do veículo. É por este motivo que surgiu, no fim dos anos 1990, o sistema de fixação Isofix, composto por ganchos que travam a cadeirinha diretamente à estrutura do carro, exigindo, obviamente, um assento especial. Embora comum na Europa e nos Estados Unidos, o sistema ainda não é tão comum no Brasil. Por aqui, o equipamento só será obrigatório em todos os carros a partir de 2018. Confira ao lado quais os modelos nacionais em cada categoria que estão equipados com o sistema.

Ford Ka Ford New Fiesta Hyundai HB20 Volkswagen Up

SEDÃS COMPACTOS Ford Ka+ Nissan Versa Honda City Hyundai HB20S

SEDÃS MÉDIOS

Chevrolet Cruze Honda Civic Mitsubishi Lancer Toyota Corolla Volkswagen Jetta

SEDÃ MÉDIO DE LUXO BMW Série 3 HATCH MÉDIO Fiat Bravo Chevrolet Cruze Sport6

HATCH MÉDIO DE LUXO BMW Série 1

MONOVOLUME Honda Fit

SUV/CROSSOVER

BMW X1 Chevrolet Trailblazer Ford EcoSport Honda HR-V Jeep Renegade Mitsubishi ASX Suzuki Jimny Cadeirinhas compatíveis ao sistema são encaixadas em ganchos ou diretamente no dispositivo que vêm preso nos carros

VW testa o Golf GTE, o híbrido exposto no Salão do Automóvel de 2014 A Volkswagen realiza testes no Brasil com o Golf GTE, versão híbrida esportiva do hatch médio e que foi mostrada por aqui durante o último Salão de São Paulo. Equipado com um motor elétrico e outro a gasolina, o GTE tem uma potência combinada de 204 cv, podendo atingir velocidade máxima de 222 km/h com uma autonomia total de 940 km. O conjunto motriz é composto pelo mesmo motor 1.4 TSI de 150 cv das versões normais vendidas por aqui, mas que trabalha em conjunto com um motor elétrico de 75 kW. Os dois propulsores

DIVULGAÇÃO

Carro com autonomia de até 940 km com um tanque de gasolina já circula no Brasil

podem funcionar simultaneamente ou apenas no modo elétrico, quando o Golf tem autonomia de 50 quilômetros e consegue atingir velocidades de até 130 km/h. A transmissão é a automatizada DSG, de seis marchas e

dupla embreagem. Com 1.524 kg, o GTE é 306 kg mais pesado que a versão Highline, graças às baterias e a componentes como o carregador de baterias, o servo-freio eletromecânico e um compressor

elétrico, que garantem o funcionamento dos freios e do ar-condicionado quando apenas o propulsor elétrico está em funcionamento. Externamente, o Golf ecológico é praticamente idêntico às versões movidas apenas a gasolina. O GTE traz também pintura em azul onde o Golf GTI vem com detalhes na cor vermelha. Outra diferença são os faróis, iluminados apenas por LEDs. Por dentro, as mudanças seguem a mesma linha do exterior. Com uma configuração interna próxima à do GTI. A cabine do GTE troca

também os detalhes em vermelho pelo azul, como nas costuras do volante revestido em couro, nos tapetes, bancos e câmbio. Esta versão elétrica também tem um painel com mais instrumentos que os tradicionais. A central multimídia conta com monitor de autonomia, mostrador de fluxo de energia e estatísticas de emissões. Já no quadro de instrumentos, destaque para o medidor de energia, que informa quanta energia está sendo utilizada e o nível de regeneração de carga da bateria. (Akira Sasaki)


16 ABCDMAIOR | 18 a 21 de setembro de 2015


Ed 942