Issuu on Google+

A Balsa

Ano IV l Edição 65 l 2a. quinzena de maio de 2014 l Jornalista Responsável: Cacá Alberti - MTB: 42587 l Distribuição Gratuita

lhabela lança “Cidade Digital” com sinal gratuito de internet no dia 6 de junho A Prefeitura de Ilhabela disponibilizará à população o sinal gratuito de internet banda larga Wi-fi, a partir de 6 de junho, dentro das áreas cobertas por 16 Pontos de Acesso, da Barra Velha até a Vila. Trata-se do projeto “Cidade Digital”, realizado com recursos do Ministério da Ciência e da Tecnologia por meio da Caixa Econômica Federal e coordenado pelo DPD (Divisão de Processamento de Dados), da Secretaria Municipal de Administração. “A ampliação do acesso à internet em áreas populosas e até então desprovidas desse serviço possibilitará a inclusão digital da população, democratizando a web”, salienta o prefeito Toninho Colucci. A medida também terá reflexo no turismo, oferecendo o sinal gratuito em vários pontos de visitação da cidade. Diversos equipamentos podem ser utilizados

para conexão à rede de internet grátis. Nas proximidades de cada um dos 16 Pontos de Acesso é possível se conectar com dispositivos móveis que disponham de interface de rede wireless, como celulares, notebooks e tablets. De distâncias maiores, a conexão pode ser efetuada com o auxílio de antenas externas (roteadores), a serem fixadas sobre o imóvel, com capacidade de captar e amplificar o sinal de rádio transmitido pela antena. Todos os equipamentos necessários aos usuários para conexão podem ser adquiridos no comércio local. A Prefeitura gerenciará a rede do “Cidade Digital” e será a responsável pela operação e manutenção de toda a infraestrutura que possibilita a emissão do sinal pelas antenas de cada um dos 16 Pontos de Acesso. Para solucionar as questões que Leia mais na pág. 5

Foto: Luís Daniel/PMI

A Praia do Perequê já disponibiliza o sinal gratuito de internet do projeto “Cidade Digital” que será lançado oficialmente no próximo dia 6 de junho

Prefeitura inaugura novos ranchos de pescadores no sul da Ilha

Foto: Cláudio Rodrigues/PMI

A Prefeitura de Ilhabela inaugura na próxima quinta-feira (29/5), a partir das 9h, dois novos ranchos de pesca na região sul do arquipélago. Trata-se dos ranchos do Cambaquara e do Itatambora, ambos no bairro São Pedro. As obras fazem parte do Programa de Ação Participativa para a Pesca (PAPP). O projeto é uma compensação ambiental pela instalação da tubulação de gás das plataformas em alto mar. “São estruturas que beneficiarão a comunidade pesqueira local, não só pelo rancho mas também pelo acesso à praia”, destaca o prefeito Toninho Colucci. O rancho do Cambaquara Leia mais na pág. 4

Ilhabela

Escolas e Prefeitura de Ilhabela terão horário diferenciado durante jogos do Brasil na Copa O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, durante visita a obra de reforma do rancho dos pescadores do Cambaquara em fevereiro, acompanhado pelos secretários municipais Valdir Verissimo e Cristobal Parraga

Cultura

Biblioteca de Ilhabela é contemplada com verba de R$ 200 mil para modernização

Ilhabela

Profissionais de turismo de Ilhabela devem ser vacinados contra sarampo em razão da Copa

Ilhabela

Ilhabela prorroga Campanha de Vacinação contra a Gripe Esporte

XTerra Ilhabela terá etapa mundial de Triathlon com atletas consagrados Colunas

As Forças Armadas tem que estar perto de nós por Mino Carta

A Jiripoca vai piar por Cacá Alberti


Colunas

o2

As Forças Armadas tem que estar perto de nós por Arnaldo Jabor Eu sou um pobre aspirante a oficial-da-reserva, de segunda classe, do Exército brasileiro, da heróica arma da Cavalaria. Apesar das agruras do serviço militar, não nego que, muita vez, vibrei com minha arma, como no dia em que cavalguei, com a lança embandeirada, na orgulhosa escolta do general-comandante Justino Alves Bastos, não tendo, infelizmente, desfilado depois na parada de 7 de Setembro pela maldade de um tenente que me fez montar a égua negra Epopéia, muito temida no regimento, pois empinava e se jogava para trás ("boleava") , tendo assim quebrado meu braço - eu, um desastrado e trêmulo calouro. Mas, lembro com emoção dos tambores e clarins, do passo firme dos batalhões, da sensação de unidade, de ser um soldado num mar verde-oliva, o que apaga a solidão e consola a alma. Escrevo estas coisas remotas como réplica a uma carta do general Luiz Cesário da Silveira Filho, chefe do Centro de Comunicação Social do Exército, a propósito de meu artigo da semana passada, na qual ele me aponta como "denegridor" da boa imagem do Exército. Ao contrário, general, considero o Exército uma das poucas instituições decentes do País e meu artigo, ao imaginar uma eventual participação militar na luta contra o tráfico, visava um pouco (confesso-o) a provocar nossos "milicos" e a suscitar respostas e explicações. E fico orgulhoso de poder, hoje, até questionar o Exército sem sentir medo. Sei das dificuldades da instituição num país semiquebrado por séculos de oligarquias e dependência, talvez até por ser filho de um brigadeiro-do-ar que morreu duro num apartamento de dois quartos em Copacabana. Ademais, quem sou eu para criticar o Exército? No entanto, penso que talvez o Exército devesse ter mais contato com a opinião pública brasileira. Há uma curiosidade, que não é só minha, que se pergunta qual é o papel dos militares brasileiros no mundo da globalização e das mudanças no velho Estado-Nação, da democracia de massas e suas mazelas. Muita gente diz: "Tem de botar o Exército na rua contra o tráfico!" Outros: "Pra que serve o Exército?" Fique claro que não acho que o Exército tem de "sair e botar para quebrar". Não sou o homem mais burro deste país (meus inimigos dirão: "Olha a modéstia..."); por isso, me pergunto: não seria oportuna uma atuação das Forças Armadas,

em alto nível estratégico, coordenada com a experiência concreta e "suja" das polícias, de modo a romper essa cadeia de pó e armas, que começa lá fora, invade fronteiras, sobe favelas e acaba no nariz da burguesia? Não podemos continuar considerando esses crimes apenas como um "desvio da norma" ou como um pecado diante do "Bem". O crime do tráfico e da miséria armada já tem outros nomes, já é uma "mutação social", já é uma forma de vida, um mercado de trabalho, um desafio aos poderes públicos. Esse neocrime não se combate mais com castigo e prisão; trata-se de uma Outra Sociedade, criada na lama e na fome, e só será vencido por uma conjunção de instrumentos que vão desde a repressão até o saneamento, que vão desde a guerra explícita até uma reeducação das comunidades periféricas. O tráfico no Rio e em São Paulo não é só um problema de polícia, pois não nasce cocaína na favela nem lá se fabricam metralhadoras, como disse o Zuenir; tudo começa como uma invasão do território nacional. Por que as Forças Armadas não podem agir, em nível de Estado maior, da ESG, etc.? Sabemos que, no Rio, grande parte do pó entra pela Baía de Guanabara. Por que a Marinha não pode policiar essas águas? Outro dia, li a entrevista muito lúcida de um brigadeiro que reclamava da ausência da "Lei do Abate" na Amazônia. Os jatos da Aeronáutica perseguem os aviões cheios de cocaína, dão ordem de descida, mas eles nem ligam, pois é proibido abatê-los. Os pilotos clandestinos chegam a fazer gestos obscenos para os militares e continuam seus vôos impunes, em direção aos "cafungueiros" do País. Como leigo, pergunto se as Forças Armadas não devem se repensar em função das mudanças econômicas e políticas do País, se "enxugando", ficando mais efi-

cazes, com melhores armas e homens bem pagos. Se alguma crítica posso fazer a imagem do Exército, é em relação a uma mentalidade meio "napoleônica", de "forças maiores", acima do cotidiano nacional, defendendo abstrações como "civismo", "renúncias", "anseios patrióticos". Hoje, o inimigo mudou e não podemos continuar a combatê-lo com formações do século19. Agora, o inimigo vem de dentro do atraso nacional, de dentro da tecnologia veloz, vem do fanatismo, da loucura, da miséria armada. Acho que um dos erros de comunicação das Forças Armadas é um ocultamento diante da população. Por quê? Será que ficaram com complexo de culpa por terem cedido à tentação autoritária , há 30 anos? Isso já passou. O Exército não pode aparecer muito ou sumir muito, à espera de um "grande acontecimento" histórico. Não há mais "grandes acontecimentos". A guerra hoje é minimalista, tática, misturada à vida social, até invisível. Os americanos amam seu Exército. Quantos filmes já fizeram louvando seus soldados? Por que ignoramos os nossos? Será que é só culpa de nosso ibérico e colonial medo do "poder"? Ou não haveria também da parte do Exército uma fobia, uma timidez em se assumir como importante instituição nacional? Gostaria de ver o Serviço de Comunicação, prezado general, aparecendo "antes", nos informando e não reclamando de injustiças. O Exército é grande demais para isso e eu sou pequeno demais. Sou apenas um aspirante de segunda classe, mas minhas dúvidas são de brasileiro e patriota pois, como diz o nosso hino da Cavalaria, no evento de uma guerra contra a Pátria, quero que "o Sol, sem eflúvios, sem luz e sem calor, me encontre no solo a morrer, do que vivo sem te defender..."

A Jiripoca vai piar por Cacá Alberti A loira voltou Para aqueles, que assim como eu, estavam sentindo falta de ouvir nossa maior jornalista e comunicadora nas manhãs dos finais de semana, tenho uma boa notícia. Cleusa Maciel voltará a por a boca no trombone, agora na rádio Morada (95,5). O novo programa estréia domingo, dia 1º. de junho das 10h às 12h. Imperdível!!! E levem seus fones Para ouvir a estréia da Cleusinha no 5º. Passeio Ecociclístico em comemoração à Semana do Meio Ambiente, A concentração está programada no domingo as 8h e a largada será às 10h, na Praça Alan Kardec, na Barra Velha, onde as inscrições poderão ser feitas. Na tenda de inscrições os participantes poderão retirar as camisetas e os cupons para o sorteio das bicicletas. A chegada será na Vila, na Praça Coronel Julião, onde estarão instaladas as barracas com água e frutas e onde serão sorteadas 10 bicicletas. Em 2010, foi realizada a primeira edição do evento, com a participação de pouco mais de 150 pessoas. Desde então o evento tem crescido a cada ano com o aumento do número de participantes, que no ano passado chegou a cerca de 300 ciclistas... Tentação E para aqueles que acham que já provaram tudo... terão que rever seus conceitos ao se esbaldarem em novas orgias gastronômicas lá na Barra Velha. A balsa será testemunha desta Tentação que em breve, abrirá suas portas para a alegria de todos ilhabelenses

Todos contra a Dengue A Prefeitura de Ilhabela tem realizado uma série de ações no combate à Dengue, porém, a participação da população é fundamental. Todos os moradores devem limpar seus quintais, retirando objetos inservíveis que possam acumular água onde a maioria dos criadouros é encontrada. Os moradores de todos os bairros devem estar cientes que o perigo da Dengue está diretamente relacionado com a limpeza e a higiene de suas residências. “Mesmo com todo o alarde, a equipe de combate à Dengue vem encontrando imóveis com criadouros. Estão sendo aplicadas multas que variam de R$ 762,22 a R$ 1.524.43, na reincidência estes valores dobram”, explica o coordenador do Plano de Intensificação de Ações de Controle da Dengue (PIACD), Maurício Pires Barbosa. O comprometimento de toda a comunidade é a melhor forma de prevenir a Dengue, evitando a proliferação do mosquito transmissor da doença. A orientação é eliminar todos os recipientes que possa vir acumular água, garrafas, baldes ou latas vazias; água acumulada sobre a laje, calhas e ralos desentupidos. É necessário que seja verificada a vedação da caixa d’água. Lixo em terrenos baldios, calçadas, ruas e cachoeiras também contribuem com a proliferação do mosquito. O lixo deve ser colocado em sacos plásticos e a lixeira deve estar bem fechada. Para quem tem piscina em casa é necessário tratá-la com cloro ou se ela estiver vazia é preciso mantê-la sem poças de água. Quanto às broméli-

as, o ideal é trocá-las por outras espécies que não acumulem água. A Prefeitura de Ilhabela também prossegue com campanha em rádios e jornais da região. Embora o número de casos já tenha começado a diminuir e a tendência é que de forma gradual diminua ainda mais, devido à queda da temperatura e a proximidade do inverno que não é favorável à proliferação do mosquito. As ações para o combate à dengue são realizadas pela Secretaria da Saúde, por meio do Plano de Intensificação de Ações de Controle da Dengue (PIACD) e da Vigilância Epidemiológica; pela Secretaria do Meio Ambiente, por meio da equipe de Educação Ambiental; e pelo Gabinete, por meio do Departamento de Comunicação. O trabalho da equipe do PIACD (Plano de Intensificação de Ações de Controle da Dengue) acontece inclusive aos finais de semana com arrastões, remoção de focos e nebulização. E ai, como fica? Na edição passada denunciei uma área de invasão no final da rua Pedro Ribeiro Pontes, no Reino e não vi acontecer nada... ai pergunto ao povo do Departamento de Fiscalização da Prefeitura, como fica? Será que vou ter que fotografar isso e publicar na capa do próximo jornal? Aguardo providências...

Expediente Cacá Alberti Jornalista Responsável MTB: 42587 (12) 99111-3406

Edilson Cesar dos Santos Comercial (12) 99179-0545 É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer matéria sem prévia aprovação do editor. Matérias que não são assinadas tem como fonte a Comunicação da Prefeitura de Ilhabela. O jornal A Balsa é uma publicação quinzenal da Em Pauta Comunicações Ltda - CNPJ: 09.008.023/0001-17


03

Cultura Biblioteca de Ilhabela é contemplada com verba de R$ 200 mil para modernização

Divulgação/PMI

A Biblioteca Pública Municipal Dr. Renato Lopes Corrêa, localizada na Vila, em Ilhabela, será contemplada com uma verba de R$ 200 mil, dentro do Programa de Modernização de Bibliotecas Públicas Municipais, vinculadas ao Siseb (Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas). A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria da Cultura, efetuou a inscrição do projeto que visa modernizar as instalações e aprimorar seus serviços à comunidade. “Toda a equipe da secretaria está sempre atenta a editais como este, pois é uma forma de captação de recursos para a melhoria dos serviços oferecidos

à população. E, no caso da biblioteca, estes serviços são essenciais para o desenvolvimento da sociedade”, comenta o secretário da Cultura, Nuno Gallo. De acordo com a bibliotecária Rosa Maria Alves, a verba que será recebida do Governo do Estado em breve será destinada à aquisição de mobiliários como estantes, mesas, cadeiras e equipamentos de informática e à atualização de acervo, com a aquisição de livros voltados ao público infantil, infanto-juvenil e adulto. Três unidades Ilhabela hoje conta com três bibliotecas.

A Biblioteca Pública Municipal “Dr. Renato Lopes Corrêa”, fica à rua Dr. Carvalho, nº 234, na Vila, e funciona das 8h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira. O telefone é (12) 3896-2555. A Biblioteca Pública Municipal “Prefeita Nilce Signorini” fica na Av. Princesa Isabel, nº 1682, no Perequê, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e o telefone é (12) 3896-5817. E a Biblioteca Pública Municipal “José Julião dos Santos – Zé Leite” fica à Av. Riachuelo, nº 6323, na Praia Grande, e está aberta das 8h30 às 12h e das 13h às 17h30, de segunda a sexta-feira. Telefone: (12) 3894-2112.

Novo Rei do Congo é coroado em Festa de São Benedito Ronald Kraag

A tradicional Congada de São Benedito, que aconteceu na XIV Semana da Cultura Caiçara de Ilhabela de 13 a 18 de maio, recebeu um novo rei. Após 34 anos como Rei do Congo, Dito de Pilaca passou a coroa para Alcedino José da Cruz, conhecido popularmente como Dino. Benedito Hipolito de Carvalho, o Dito de Pilaca, deixa o reinado do Congo aos 84. Dito entrou para a Congada ainda pequeno, devido promessa de sua avó, que pediu à São Benedito pela cura do menino e em troca ele seria congueiro. Benedito foi Príncipe e Cacique até ser nomeado Rei. Dino assumiu a posição de Rei da Congada de Ilhabela aos 53 anos, no último domingo (25/5), durante a missa. Natural de Ilhabela, Alcedino é devoto de São Benedito. Congueiro desde os cinco anos de idade, já foi Soldado,

Dito de Pilaca deixa o reinado do Congo aos 84 anos Príncipe e Embaixador do Congo por onze anos. Para o novo Rei do Congo, é im-

prescindível continuar o trabalho da Congada e cultivar a cultura caiçara.

A verba que será recebida em breve será destinada à aquisição de mobiliários como estantes, mesas, cadeiras e equipamentos de informática e à atualização de acervo

Ilhabela inicia oficinas da Olimpíada de Língua Portuguesa em escolas municipais A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Educação, iniciou as oficinas de produção de textos aos alunos do 5° ao 9° da rede pública de ensino para a edição deste ano da Olimpíada de Língua Portuguesa “Escrevendo o Futuro”. “O lugar onde vivo” é o tema desta edição. Os professores da rede realizarão oficinas de leitura e produção de textos com seus alunos, visando à elaboração dos trabalhos, de acordo com os seguintes gêneros: 5º e 6º anos - poema, 7º e 8º anos - memórias literárias, 9º ano – crônica. Para Ilhabela participar da Olimpíada, os professores da rede municipal de ensino de Ilhabela passaram em abril (28) e maio (7 e 8) de uma oficina de formação. A capacitação continua no dia 6

de junho (quinta-feira) na Associação Barreiros. Em setembro, os textos da primeira etapa (Escolar) serão selecionados para a etapa municipal. A Comissão Julgadora ainda não foi definida pela organização. “A oficina de formação oferecida aos professores teve um retorno bastante positivo. O encontro é uma oportunidade de trocar experiências e corrigir os erros. Esperamos um bom desempenho dos alunos”, explica a

coordenadora Lidia Anita Dória Göedert. A Olimpíada tem caráter bienal e, em anos pares, realiza um concurso de produção de textos que premia as melhores produções de alunos de escolas públicas de todo o país. O projeto é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC) e da Fundação Itaú Social, com coordenação técnica do Cenpec - Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária.


Ilhabela

04

Prefeitura inaugura novos ranchos de pescadores no sul da Ilha Comunidade ganha os novos ranchos no Cambaquara e no Itatambora A Prefeitura de Ilhabela inaugura na próxima quinta-feira (29/5), a partir das 9h, dois novos ranchos de pesca na região sul do arquipélago. Trata-se dos ranchos do Cambaquara e do Itatambora, ambos no bairro São Pedro. As obras fazem parte do Programa de Ação Participativa para a Pesca (PAPP). O projeto é uma compensação ambiental pela instalação da tubulação de gás das plataformas em alto mar. “São estruturas que beneficiarão a comunidade pesqueira local, não só pelo rancho mas também pelo acesso à praia”, destaca o prefeito Toninho Colucci. O rancho do Cambaquara foi contemplado com a reforma da via de acesso à praia, além da ampliação com retirada do

muro e desapropriação. Já o rancho do Tatambora agora conta com novas instalações e uma estrutura ampla e moderna. A Prefeitura, em parceria com a Secretaria de Patrimônio da União (SPU), acompanhou o andamento das obras e viabilizou os licenciamentos, o que tornou o projeto uma realidade. Homenagens O rancho do Cambaquara será inaugurado às 9h e terá o nome de “Rodrigo Boaventura de Freitas – Seu Santinho”, que já denomina a servidão de passagem de acesso à costeira. Já o rancho do Cambaquara ganha o nome de “Pedro Antônio de Oliveira – Pedro Enduta”, que também denomina a servidão de passagem local.

O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, durante visita a obra de reforma do rancho dos pescadores do ambaquara em fevereiro (foto). Inauguração será nesta quinta-feira (29/5), às 9h

Profissionais de turismo de Ilhabela devem ser vacinados contra sarampo em razão da Copa do Mundo Toda a população de Ilhabela que tem até 49 anos e não esteja em dia com o calendário de vacinas deverá se imunizar gratuitamente contra o sarampo. Porém, as pessoas que têm mais contato com viajantes fazem parte de um grupo prioritário que deve ser vacinado independentemente da idade. Este grupo é formado por profissionais como taxistas, mototistas de van e de ônibus, jipei-

ros, funcionários de restaurantes e hotéis, atendentes em estabelicimentos comerciais de grande circulação e profissionais do setor turístico. O objetivo da ação preventiva promovida pela Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria da Saúde, é evitar o possível contato das pessoas com a doença, devido ao grande número de turistas que visitarão o Brasil no mês de junho e julho, por conta da

Copa do Mundo. A expectativa do Ministério do Esporte é que o Brasil receba cerca de 3 milhões de turistas vindos de 32 países durante o período de 12 de junho e 13 de julho. Alguns países não erradicaram o sarampo. Não podem ser vacinadas mulheres grávidas e que queiram engravidar nos próximos 30 dias após a vacina e pessoas que tenham alergia grave a ovo. Para os profissionais do tu-

rismo, a vacinação será feita gratuitamente na sede da Secretaria de Turismo e Fomento, nesta quinta e sexta (29 e 30/ 5), das 8h às 12h, e das 13h às 16h. E até o final do mês de julho em todas as unidades de saúde das 8h às 16h. Segundo a Vigilância Epidemiológica, trata-se de uma intensificação das atividades de vacinação que já acontecem na rotina do município.

Escolas e Prefeitura de Ilhabela terão horário diferenciado durante jogos do Brasil A Copa do Mundo está chegando e a 23 dias da estreia do Brasil no Mundial a Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Educação, prepara uma programação diferenciada nos horários das aulas da rede municipal de ensino. Um calendário escolar especial foi elaborado este ano em que o país recebe o mundial. Com isso, nos dois

Foto: Cláudio Rodrigues/PMI

primeiros jogos da Seleção Brasileira no Mundial – 12 e 17 de junho, às 17h e 16h – as atividades no período da tarde serão suspensas. O recesso escolar começa no dia 23 de junho, data do terceiro jogo do Brasil na Copa do Mundo. As férias vão até o dia 14 de julho. Expediente da Prefeitura Alteração também no ho-

rário de funcionamento da Prefeitura de Ilhabela, que terá expediente das 8h às 14h nos dias 12, 17 e 23 de junho (dias dos jogos do Brasil), com exceção da coleta, limpeza e remoção do lixo; plantão médico no Pronto Socorro; plantão no Paço Municipal e fiscalização; plantão na Garagem Municipal e auxiliares do tráfego e segurança. O Brasil estreia na

Copa do Mundo contra a Croácia no dia 12 de junho, às 17h, na Arena São Paulo, na capital paulista. O segundo jogo da Seleção Brasileira é contra o México, no dia 17 de junho, às 16h, em Fortaleza (CE). O último jogo do Brasil na primeira fase do Mundial é no dia 23 de junho, às 17h, contra a seleção de Camarões, em Brasília (DF).

Ilhabela prorroga Campanha de Vacinação contra a Gripe A Campanha de Vacinação contra a Gripe em Ilhabela será prorrogada para até 30 de maio em todas as unidades de saúde do município. Os grupos prioritários são: crianças de 6 meses a menores de 5 anos; trabalhadores da Saúde; gestantes; idosos; portadores de doenças crônicas e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), que receberão a vacina na maternidade do Hospital Municipal. A imunização protege contra os subtipos do vírus influenza: H1N1,

H3N2 e B. As doses devem ser aplicadas antes do período de inverno. De acordo com o Ministério da Saúde, a vacinação pode reduzir entre 32% e 45% o número de hospitalizações por pneumonia e de 39% a 75% os índices de mortalidade por influenza. Segundo a Vigilância Epidemiológica de Ilhabela, a meta seria vacinar 5.508 pessoas, mas a cobertura foi de 61%, ou seja, 3.361 pessoas, das quais 1.131 crianças, 335 trabalhadores da saúde, 171 gestantes, 47 puérperas e 1.677 idosos.


Cotidiano

05

Ilhabela lança “Cidade Digital” com sinal gratuito de internet no dia 6 de junho Da Barra Velha até a Vila a população terá sinal gratuito em 16 Pontos de Acesso por meio de celulares, notebooks e tablets. De distâncias maiores, a conexão pode ser efetuada com o auxílio de antenas externas Foto: Luís Daniel/PMI

A Prefeitura de Ilhabela disponibilizará à população o sinal gratuito de internet banda larga Wi-fi, a partir de 6 de junho, dentro das áreas cobertas por 16 Pontos de Acesso, da Barra Velha até a Vila. Trata-se do projeto “Cidade Digital”, realizado com recursos do Ministério da Ciência e da Tecnologia por meio da Caixa Econômica Federal e coordenado pelo DPD (Divisão de Processamento de Dados), da Secretaria Municipal de Administração. “A ampliação do acesso à internet em áreas populosas e até então desprovidas desse serviço possibilitará a inclusão digital da população, democratizando a web”, salienta o prefeito Toninho Colucci. A medida também terá reflexo no turismo, oferecendo o sinal gratuito em vários pontos de visitação da cidade. Diversos equipamentos podem ser utilizados para conexão à rede de internet grátis. Nas proximidades de cada um dos 16 Pontos de Acesso é possível se conectar com dispositivos móveis que disponham de interface de rede wireless, como celulares, notebooks e tablets. De distâncias maiores, a conexão pode ser efetuada com o auxílio de antenas externas (roteadores), a serem fixadas sobre o imóvel, com capacidade de captar e amplificar o sinal de rádio transmitido pela antena. Todos os equipamentos necessários aos usuários para conexão podem ser adquiridos no comércio local. A Prefeitura gerenciará a rede do “Cidade Digital” e será a responsável pela operação e manutenção de toda a infraestrutura que possibilita a emissão do sinal pelas an-

tenas de cada um dos 16 Pontos de Acesso. Para solucionar as questões que envolvem a conexão do usuário ao sistema, como aquisição, instalação, configuração e proteção de equipamentos, cobertura do sinal, entre outros, o usuário deverá recorrer aos prestadores de serviço da cidade na área de informática de sua preferência. A Prefeitura realizou um treinamento técnico para as empresas de informática da cidade, voltado a apresentação do Sistema Municipal de Internet Gratuita e a preparação das empresas para a prestação de serviços e suporte aos usuários do sistema. A Rede do Cidade Digital Foi instalada uma grande rede pública municipal de telecomunicações, que interliga 25 prédios públicos e alimenta um sistema de 16 estações rádio-bases. A rede de fibra óptica alcança aproximadamente 25 km cobrindo os bairros da Barra Velha até a Vila, e concentrará toda a comunicação de dados e voz transmitida entre as unidades conectadas, além de acesso à internet banda larga em alta velocidade por link dedicado. Essa funcionalidade do projeto é denominada Rede Dedicada de Comunicação Digital da Prefeitura. A rede de rádio-bases possibilitará o acesso gratuito a Internet WIFI à população no entorno das antenas. Essa vertente do projeto é denominada Sistema Público de Acesso à Internet. Sistema Público de Acesso à Internet O sistema permite a qualquer cidadão maior de 18 anos - e menores a par-

A parte baixa do bairro da Barra Velha, em Ilhabela, será um dos pontos do município com acesso ao “Cidade Digital” com sinal gratuito de internet tir de 16 anos com autorização dos pais - a se conectar à internet dentro da área de cobertura, mediante o fornecimento de uma conta de acesso. No primeiro acesso ao sistema, o usuário deve executar o cadastramento on line, ao final do qual recebe um Código de Acesso pessoal e intransferível. Essa senha deve ser memorizada e será requisitada a cada acesso posterior, permitindo a conexão a qualquer uma das antenas. Cada seção de navegação tem a duração de 2 horas consecutivas. Para iniciar uma nova seção, basta o usuário acessar a tela de login e informar seu Código de Acesso, sendo permitida a reconexão sempre que o sistema esteja disponível e

a rede não tenha atingido o número máximo de usuários. O serviço será prestado ininterruptamente exceto por ocasião de manutenções. Os bairros que dispõem de cobertura são: Barra Velha, Água Branca, Reino, Costa Bela, Perequê, Itaguaçu, Itaquanduba, Saco da Capela, Vila e Saco do Indaiá. O sistema tem capacidade para 4 mil usuários simultâneos e proporcionará uma velocidade mínima de navegação de 128 kbps ou superior, caso haja disponibilidade de banda. O alcance do sinal permite a conexão de dispositivos móveis como notebooks, tablets e celulares, no entorno imediato das antenas (50 a 75 metros) e a quaisquer equipamentos com interface wireless dotados de ante-

na externa nos imóveis localizados num raio de até 2 km. A Prefeitura indica o uso de um equipamento de recepção externo instalado em local que possua visada da antena mais próxima. Como se conectar Para se conectar, o usuário deve selecionar a rede wi-fi Ilhabela, digitar o endereço da página de login: http:// internet.ilhabela.cd, selecionar a opção de cadastro, preencher os dados cadastrais e aceitar o Termo de Adesão. O Código de Acesso será exibido na tela e para os próximos acessos, basta informar o Código de Acesso na página de login. Todos os equipamentos necessários à co-

nexão são de responsabilidade do usuário, assim como a adoção de medidas para a proteção de equipamentos, sistemas e arquivos contra vírus e invasões. A Prefeitura disponibiliza suporte ao usuário através do Portal do Cidade Digital, na seção FAQ (Perguntas Frequentes) e Recomendações Técnicas. Fase de testes O sistema está em fase de testes, com duração prevista de três meses, para configuração e ajustes no sistema em ambiente de produção. Durante o período experimental, o serviço está sujeito a quedas, instabilidade e interrupções. Mais informações podem ser obtidas no Portal Cidade Digital: http://cidadedigital. ilhabela.sp.gov.br.

Diretoria da ACEI é reeleita por mais dois anos O presidente da ACEI (Associação Comercial e Empresarial de Ilhabela), Leopoldo Pedalini Neto, que encabeça a chapa União do Comércio, foi reeleito para o cargo. A eleição ocorrida nesta quinta-feira (22/05), com chapa única, ratificou a permanência da atual diretoria por mais dois anos. Leopoldo agradeceu o apoio de todos seus diretores e associados e destacou que o fato de ter

apenas a chapa de situação concorrendo demonstra uma satisfação com o trabalho realizado. O presidente reeleito afirmou que entre as suas prioridades para o segundo mandato estão avançar nas conquistas já realizadas e dar andamento àquelas que não teve oportunidade de concluir. “Queremos reformar a nossa sede e promover uma grande campanha para atrair novos associados,

mostrando a importância da Associação para os empresários”. Leopoldo Pedalini Neto é associado da ACEI desde 2006. Em 2010, foi coordenador do Núcleo dos Meios de Hospedagem da entidade. Esteve como presidente do Comtur (Conselho Municipal de Turismo) de 2011 a 2013. Em maio de 2012, foi eleito presidente da Associação Comercial, reeleito agora para mais dois anos de mandato.

Diretoria A diretoria da Associação Comercial e Empresarial de Ilhabela ficou assim composta: Presidente: Leopoldo Pedalini Neto (Pousada Praia do Portinho) Vice Presidente: Rubens José Maio Junior (Play House) 1ª Secretario: Mario Sergio Gonçalves Perrechil (Dive Shop) 2ª Secretario: Orlando Dias Bexiga Neto (Borrachudo)

1º Tesoureiro: Hilton Fabio Picioto (Rest. Capitano) 2º Tesoureiro: Maria Angélica G.F. Amaral (Chácara Pau Brasil) Diretor Social: Sonia Maria Alves Guimarães (Portu-Brasil) Conselho Deliberativo: André Luiz Ludovice (Ponto das Letras),Luiz Orlando Rodrigues Maio (Ilha Flat),Edílson Moretto (Pousada do Alemão), Paolo Angeloni (Centro

Náutico),Raimundo Araújo (Pousada Recanto da Villa) eMarianne Schmidt (Deck). Suplentes: Abílio Alves de Lima (Estrela da Ilha) eRafael Oliveira Morais (Rafael Turismo) Conselho Fiscal:Lucilena Santos dos Reis Oliveira (Vila Bela Contabilidade), Anna Rosa Vilas (Loja das Tintas) eTrycia Casamayor (Aloha) Suplente: Valdemar Monteiro (Data Ilha)


Esporte

06 Douglas Leão é vice-campeão da Copa Internacional de Jiu-Jitsu

XTerra Ilhabela terá etapa mundial de Triathlon com atletas consagrados O arquipélago de Ilhabela recebe nos dias 7 e 8 de junho um dos eventos esportivos mais importantes do país: o XTerra Brazil Tour. E na edição deste ano a novidade é a etapa do mundial de Triathlon. A modalidade terá a participação de renomados atletas como o atual campeão do circuito, Felipe Moletta, além do líder do ranking em 2014, Stênio Berreza e o sul-africano Dan Hugo – campeão de diversas provas mundo afora. São esperados cerca de 3 mil atletas, o que deve resultar em 8 mil turistas na ilha. O percurso de 1,5km de natação, 22,5km de bicicleta e 9 km de corrida, será um desafio a parte para atletas da elite e amadores. Com trilhas bastante exigentes, Ilhabela se destaca como um dos acidentes geográficos mais elevados do litoral paulista. O XTerra Ilhabela, por fazer parte do Xterra World Championship, valerá classificação para a etapa mundial, em Maui, no Havaí. Além disso, o evento distribuirá R$ 25 mil para os vencedores da elite. Nas provas de corrida, os prêmios serão de R$ 10 mil. Além de sediar a etapa brasileira e mundial do triathlon, o XTerra Ilhabela também valerá pontos para outras modalidades no ranking nacional: corri-

PMI

Ilhabela já se prepara para receber o XTerra Brazil Tour nos dias 7 e 8 de junho das noturnas de 7km e 21km e Endurance 50km e 80km. A tradicional corrida kids não poderia faltar e pretende animar bastante a criançada. As inscrições podem ser feitas através do site www. xterrabrasil.com.br. Confira como serão as disputas: Triathlon A prova é válida para o ranking do XTerra Brazil Tour 2014 e do XTerra World Tour. Os atletas irão nadar 1,5 quilômetros, pedalar 22,5 quilômetros e correr 9 quilômetros Night Run 7 quilômetros

Correr no XTerra Ilhabela vai ser a oportunidade perfeita para os amantes e iniciantes do esporte off road. O clima ameno junto à paisagem do município vai tornar o percurso ainda mais especial. Night Run 21 quilômetros Uma prova ideal para atletas mais experientes e que têm grande capacidade de traçar boas estratégias para superar trilhas noturnas. Endurance 50 e 80 quilômetros Pelo segundo ano consecutivo em parceria com a The North Face, o Endurance é uma modalidades

mais desafiadoras do circuito. São ultramaratonas que exigem resistência e estratégia de todos os atletas que desejam completar os surpreendentes percursos. Kids Mini Corrida Uma corrida infantil aberta aos novos guerreirinhos. É diversão garantida para os pequeninos de 1 a 13 anos de idade. Idealizada como uma corrida de perfeita harmonia com a natureza, a disputa é simbólica e todos ganham medalha. Uma ótima forma de entretenimento ecológico e integração esportiva para as crianças.

O atleta de Ilhabela, Douglas Leão, conquistou o vice-campeonato da Copa Internacional de JiuJitsu, realizada em São Paulo, dia 18. Leão disputou a competição na categoria intermediária meio-pesado. “Tive um bom desempenho na competição. Venci as três lutas disputadas, mas nas semifinais a luta era contra um amigo de equipe. Ele veio de Pernambuco disputar o torneio. Fiz o que o meu coração mandou e não fui pra disputa. Ele (amigo) infelizmente perdeu a final e eu fiquei com o segundo lugar”, explica o atleta. Douglas Leão tem o apoio da Prefeitura de Ilhabela. “Gostaria de fazer um agradecimento especial aos meus pais, meu mestre Rodrigo Cavaca, professor Rafael Nicholas, meus companheiros de equipe e o amigo Luan

Frasson. Não posso esquecer também da minha família, amigos, nutricionista Fernando Fernandes, e principalmente a Prefeitura de Ilhabela, na pessoa do prefeito Toninho Colucci, e do secretário de Esportes, Flavio César. Obrigado pelo apoio de sempre”, agradeceu. Leão agora volta aos treinamentos visando o próximo desafio: a 3ª etapa do Circuito Baixada Santista de Jiu-Jitsu, no dia 1º de junho. O atleta de Ilhabela busca patrocinadores para ajudar nas despesas com suplementação, treinos e competições. Você pode curtir a página do atleta Douglas Leão no Facebook. É só digitar na barra de pesquisa: Douglas Leão – Lutador. Lá você encontra outras informações do lutador, além de ficar por dentro dos resultados alcançados e a rotina de treinamentos.


07

Variedades Fotolegenda

Gastronomia

A equipe de Limpeza Pública que atende a Vila, promoveu a sua confraternização com a presença do prefeito Toninho Colucci e do secretário de Serviços Municipais, Valdir Veríssimo, além dos supervisores de equipe Mauro Arlindo, José Anselmo, Jurandir, Clóvis, a chefe da Limpeza Pública Municipal, Ana Lúcia dos Reis Silva, e o gerente do Aterro Antonio Teixeira, mais conhecido como “Português”. A supervisão da equipe da Vila é de responsabilidade de Arnaldo Nascimento.

Sardinha crocante assada Ingredientes

Parabéns para o Rian que fez 1 aninho dia 25... os pais Roseli e Luiz (da Agroilha) são só sorrisos e felicidade

Na 2a. etapa do Aloha Spirit, em Niteroi, Ilhabela foi novamente ao podium com os atletas Isstefany Moraes, Iasmim Moraes, Jonas Romano e Rafael Guedes

1,3 Kg de sardinhas limpas Suco de 1/2 limão Sal a gosto 2 xícaras (chá) de farinha de milho 1 xícara (chá) de farinha de rosca

Salsa e orégano a gosto Pimenta vermelha picada a gosto Raspas de 1 limão 2 claras para empanar

Modo de Preparo Tempere as sardi-

nhas com o suco de limão e o sal. Em uma tigela, misture a farinha de milho, a farinha de rosca, a salsa, o orégano, a pimenta e as raspas de limão. Para empanar passe a parte de dentro da sardinha na clara e envolvaa na farofa. Não empane

a parte da pele. Distribua em uma assadeira untada com um pouco de margarina com a parte da pele virada para baixo. Asse em forno médio durante 20 minutos ou até dourar


Social

08


A Balsa - Ed. 65