Page 1

/RedeInforme

/RedeInforme

CONTEÚDO É TUDO

INFORME REDE DE JORNAIS

R$ 2,50

www.jornalinforme.com.br

CAÇADOR

SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017. ANO 17 . NO 2.936

EDITOR: ADRIANO RIBEIRO

COMUNICADO A direção deste Jornal Informe declara que em função do recesso motivado pelas festividades de Natal e Virada do Ano, circula sua última edição hoje (23) e volta a circular dia 13 de janeiro.

BANCA/AVULSO

Caçador terá Festa da Virada O dia 31 de dezembro será repleto de shows locais, brinquedos e, também terá queima de fogos, no Parque Central.

ECONOMIA

Câmara devolveu para o Executivo em torno de R$ 2,5 milhões em 2017 Além desse repasse, a atual gestão da Câmara unicipal conseguiu diminuir em 11% as despesas do Legislativo em relação a 2016

PÁGINA A10

DIVULGAÇÃO

PÁGINA A02

ADMINISTRAÇÃO

Caçador busca recursos em Brasília Foram visitas feitas pelo prefeito Saulo Sperotto (PSDB) a vários ministérios e parlamentares, em busca de recursos e ações para o município PÁGINA A14

50%

de DESCONTO na 1ª parcela

PROCESSOS GERENCIAIS GESTÃO DA QUALIDADE DESIGN DE INTERIORES


A|02 .................................................................................................. CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017 |

2018

Adelcio Machado

Caçador terá Festa da Virada

E-mail adelciomachado@gmail.com Fone (48) 9961-0168

O dia 31 de dezembro será repleto de shows locais, brinquedos e, também terá queima de fogos, no Parque Central.

D

ando continuidade à programação de final de ano, Caçador contará com uma Festa da Virada. O dia 31 de dezembro será repleto de shows locais, brinquedos e, também terá queima de fogos, no Parque Central. Fazendo a alegria das crianças, a partir das 15h, haverá brinquedos infláveis, touro mecânico, guerra de cotonetes, cama elástica e piscina de bolinha. O show de fogos de artifícios deve colorir os céus de Caçador durante os 10 minutos iniciais de 2018. Na sequência, a banda Espaço Restrito seguirá com a festa até à 1h da manhã.

DIVULGAÇÃO

A ILÍADA – O POEMA E O FILME I

Várias manifestações artísticas marcarão a data

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO: 15h - FAIXA ACÚSTICA Luna Barbosa Itah Albuquerque Zé Fernando 16h - METAL Peabirus

17h - LIVE SUNSET Bruna Manenti 18h30 - HORA GOSPEL Clark Eduardo e Banda 19h30 - VEM PAGODEAR Pagode Classe A

20h30 SERTANEJO NOTA 10 Marcelo & Alexandre 22h - POP ROCK Ka Heme TrezZe 23h30 - CONTAGEM REGRESSIVA Banda Espaço Restrito

Prefeitura faz doação de veículo para a PM A Prefeitura de Caçador fará, na quarta-feira, 20, a doação de uma viatura para a Polícia Militar. O veículo, um Ka Sedan 1.6 já recebeu a identidade visual da PM e o seguro, que também será pago pela Prefeitura. O investimento é de mais de R$ 50 mil. “Estamos auxiliando a Polícia Militar para que possa continuar desempenhando o ótimo trabalho para os caçadorenses. A segurança pública também é uma das nossas preocupações”, destacou o prefeito Saulo Sperotto. Em uma coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira, 19, o tenente-coronel Renato Medeiros, comandante da PM de Caçador, agradeceu o apoio da Prefeitura. “Quero enaltecer o apoio do prefeito Saulo ao nosso pedido”, completou.

DIVULGAÇÃO

O investimento é de mais de R$ 50 mil

EXPEDIENTE EDITOR: Adriano Ribeiro 0002902SC (48) 99922-8133

PROJETO GRÁFICO: Dóda Design REPORTAGEM Adriano Ribeiro TIRAGEM 2 mil

RedeInforme

O autor Pós-Doutor em Gestão do Conhecimento pela UFSC. Docente e Pesquisador da Uniarp. Advogado (OAB/SC nº 4912), Jornalista (MTPS/SC nº 4155 - JP), Administrador (CRA/SC nº 21.651), Turismólogo (ABBTUR/ SC nº 15583 - B), Historiador (IHGSC nº 956 - ME), Comunicador Organizacional (Abrapcorp nº 1807 / PQ - SN), Corretor de Imóveis (CRECI/ SC nº 15070), Comunicólogo (INTERCOM nº 5681 / AE), Gestor Financeiro (CRA/ SC nº 21.651 / T), Publicitário (MTPS/SC nº 380), Musicólogo (ANPPOM nº 163063b / P), Cientista Político (ABCP nº 1203 / SE), Filósofo (ACF).

DEPARTAMENTO COMERCIAL ANÚNCIOS: Entre em contato com nossa equipe comercial: E-mail: comercial@jornalinforme.com.br fone: (49) 3567-5699 ASSINATURAS O jornal Informe circula semanalmente, sempre nos sábados, em Caçador e municípios da região

do Meio-oeste. Parte da edição tem circulação gratuita em pontos estratégicos (que podem mudar de tempos em tempos), porém, quem desejar receber seu jornal com comodidade em sua residência ou empresa, pode fazer uma assinatura. Anual: R$180,00 Formas de pagamento: à vista ou em duas vezes

wwwjornalinforme.com.br/cacador

Em primeiro lugar, vale projetar luz sobre o fato de que o poema “A Ilíada” constitui a base do matriz axiológica da cultura ocidental. Todos reconhecem que os princípios inerentes ao Ocidente deitam suas raízes nesta obra – a coragem, o amor, a guerra como atividade nobre e não como carnificina; e, mormente, o misticismo, posto que se tratando de divindades míticas, considerando a ingerência do transcendente no secular. À semelhança do verificado na cultura helênica, fulcro filosófico do Ocidente, a par do Direito Romano, as divindades consistem em entidades dotas de faculdades mitológicas, todavia com comportamento assemelhado ao humano, visto que se pautam pelos mesmos sentimentos – amor, ódio, vingança, ressentimento, comiseração, unilateralidade. Destarte, a obra figura no inconsciente coletivo, personificado até em seu uso na música popular, enfocando o drama do amor que desencadeia a tragédia e a destruição. Por conseguinte, a indústria cultural, nos termos da Teoria Critica emanada da Escola de Frankfurt, soube aproveitar o tema enfocado na “Ilíada”. Neste contexto, um dos veículos mais relevantes da indústria cultural, o cinema, lançou mão do poema e o usou com abundância, produzindo muitas versões midiáticas da obra. Todavia, a disparidade entre este filme e os demais consiste no grande investimento, desde as cenas épicas até atores e atrizes de renome no elenco, personificando os partícipes no drama desenrolado. Este fato faz a versão sob análise especial. Contudo, o que mais discrimina esta versão dos demais filmes anteriores acerca do poema? Sem dúvida, a discrepância reside em adotar perspectiva totalmente secular, eliminando a dimensão teológica dos eventos, mantendo-se, embora, fiel ao enredo. A compreensão deste fato fica mais acessível na cena da morte de Aquiles – este morre a partir de uma flechada no calcanhar, seu ponto fraco. Deste fato emana o termo metafórico “calcanhar-de-aquiles” para representar o ponto vulnerável de alguém. Todavia, mantém sincronia com a lenda que cerca o personagem Aquiles – semi-deus, imortal, desde que não atingido no calcanhar, ponto que sua mãe o segurou quando o imergiu no rio sagrado que lhe outorgou a imortalidade.

ATENDIMENTO Horário de Atendimento: De segunda a sexta: das 9 h às 12 h e das 13h30min às 18h30min Aos sábados: das 9 h às 12h Telefone: (49) 3567-5699 E-mail: comercial@jornalinforme.com.br Avenida Santa Catarina, nº 228, centro, Caçador (SC) CEP 89500.000

redacao@jornalinforme.com.br

IMPRESSÃO

Av. Ivo Silveira, 3811 | Bairro Capoeiras CNPJ: 92.821.701/0003-71


.................................................................................................. A|03 | CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017

EVENTO

Campanha de Natal da ACIC foi sucesso

FOTOS: THAIS CARDOSO SIMÃO

Dia 08 de dezembro foi realizada a entrega dos presentes, com a presença do Papai Noel, colaboradores da ACIC e integrantes dos Núcleos

M

ais de 130 crianças da creche Sininho e da escola do bairro Nossa Senhora Salete, em Caçador foram beneficiadas no 2º Natal Solidário da Associação Empresarial de Caçador (ACIC). Dia 08 de dezembro foi realizada a entrega dos presentes, com a presença do Papai Noel, colaboradores da ACIC e integrantes dos Núcleos.

Segundo o diretor Diego Bridi, ao todo 103 crianças da escola e 32 da creche foram contempladas com presentes. Ele reforça a importância desta ação, que trouxe alegria para os alunos e inspira a fraternidade. “Nós só temos a agradecer a Acic, pois a grande maioria dessas crianças não teria o que ganhar. Isso é a magia do Natal”, disse. A secretária executiva

da ACIC, Cristiane Brusco agradeceu a todas as pessoas envolvidas nesta ação, que acabou superando a edição do ano passado e foi um sucesso. “Houve o envolvimento da comunidade, dos Núcleos, e só temos a agradecer a todos, porque tudo isso é fruto da união de esforços. Com certeza foi um sucesso e é muito gratificante. Não tem palavras para descrever isso”, destaca.

Veja momentos das entregas dos presentes


A|04 .................................................................................................. CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017 |

ADMINISTRAÇÃO

Caçador busca recursos em Brasília

Foram visitas feitas pelo prefeito Saulo Sperotto (PSDB) a vários ministérios e parlamentares, em busca de recursos e ações para o município DIVULGAÇÃO

O

prefeito de Caçador, Saulo Sperotto, juntamente o secretário de Administração, Roberto Marton, esteve durante a semana final do mês de novembro cumprindo agenda em Brasília. Foram visitas a vários ministérios e parlamentares, em busca de recursos e ações para o município. “Elaboramos muitos projetos e esta busca de recursos para viabilizar todos eles tem que ser constante. Caçador tem muito a avançar e vamos trabalhar para fazer com que a nossa população tenha mais qualidade de vida”, ressaltou o prefeito Saulo. SAÚDE Para o ministro da Saúde, Ricardo Barros, Saulo solicitou a liberação de três ambulâncias e R$ 200 mil em verbas para Caçador. Além disso, destacou a dificuldade financeira e de custeio que o hospi-

Silvio Figueiredo. O diretor destacou que o projeto está dentro dos interesses do Ministério e vai ao encontro do Avançar Cidades. Outro destaque é a Regularização Fundiária, que o Ministério vai liberar recursos e a Prefeitura deve apresentar a relação dos núcleos que devem ser regularizados.

O prefeito de Caçador, Saulo Sperotto, juntamente o secretário de Administração, Roberto Marton

tal Maicé, pedindo liberação dos leitos da UTI e o valor a ser repassado ao hospital. E enfatizou a necessidade de infraestrutura para implantação da Hemodinâmica. ESPORTE Já em reunião com o se-

nador Dalírio Beber o prefeito Saulo solicitou apoio para a liberação dos recursos para o esporte de Caçador. Beber solicitou uma audiência com o ministro do Esporte, Leonardo Picciane, para pedir a liberação destas verbas.

MINISTÉRIO DAS CIDADES Na secretaria Nacional de Desenvolvimento Urbano, o andamento do Projeto Parque Linear foi repassado junto ao diretor do Departamento de Assuntos Fundiários Urbanos,

DEFESA CIVIL Saulo e Roberto ainda estiveram no Ministério de Integração Nacional, na Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil. Lá, foi repassada a situação acerca dos casos de enchentes, devido a localização geográfica da cidade. O coronel Renato Newton Ramlow abriu a possibilidade de Caçador ser contemplada no Programa de recursos para Ações de Prevenção em Áreas de Risco e Desastres. A partir

disso, Caçador já está encaminhando um projeto com as adequações necessárias. AEROPORTO No Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, o diretor do Departamento de Investimentos em Aeroportos Regionais, Eduardo Henn Bernardi, destacou que os equipamentos de Raio X, bem como os pórticos para o aeroporto de Caçador já estão sendo licitados pela INFRAERO e que a entrega, de acordo com a programação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), deve acontecer no final de fevereiro de 2018. “Foi uma agenda bastante intensa, mas recompensadora. Temos a certeza de que o retorno será positivo por parte de todos os representantes de ministérios e parlamentares que visitamos”, finalizou Saulo.


.................................................................................................. A|05 | CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017

PRODUTORES RURAIS

Projeto autoriza produtores locais a comercializarem queijo colonial

Projeto possibilitará ao produtor rural vender o produto colonial de forma legalizada, já que a legislação em vigor não permitia a venda de queijo cujo o leite não fosse pasteurizado

A

s últimas duas sessões ordinárias do ano, promovidas pela Câmara Municipal de Caçador nesta semana, foram marcadas pela análise e aprovação de cinco Projetos de Leis de autoria do Presidente do Legislativo, Rubiano Schmitz (PSD). Um deles dispõe sobre a produção e a comercialização do queijo artesanal caçadorense, que possibilitará ao produtor rural vender o produto colonial de forma legalizada, já que a legislação em vigor não permitia a venda de queijo cujo o leite não fosse pasteurizado. Rubiano lembrou que a ideia surgiu após o Governo do Estado criar, em setembro do ano passado, o Queijo Artesanal Serrano, que se refere

ao queijo colonial e que pode ser comercializado naquela região do Estado. “Buscamos então o autor do Projeto, o deputado Gabriel Ribeiro (PSD), para que pudéssemos criar em Santa Catarina o Queijo Artesanal do Contestado. Paralelo a isso, iniciamos a elaboração da Lei em Caçador. Na semana passada foi aprovado, em primeiro turno da Assembleia Legislativa, o Projeto que cria o Queijo Artesanal Catarinense, de autoria do Deputado João Amim (PP), e nesta semana conseguimos aprovar a Lei Municipal que dará subsídios às dezenas de produtores de queijo de Caçador, que poderão sair da informalidade e comer-

cializar com segurança o seu produto”, informou Rubiano. O Presidente enalteceu ainda a participação efetiva da Epagri neste processo, através de seus colaboradores Carlos Alberto Teixeira e Daniela Helena Conorath, objetivando o crescimento e expansão da pequena agroindústria. O Projeto também foi enaltecido pelo Vereador Alcedir Ferlin (PMDB) que, ao cumprimentar o autor, destacou a importância desta iniciativa em benefício do produtor rural. Ele lembrou ainda que a partir do ano que vem a Câmara pretende trabalhar em um novo projeto visando que os agricultores locais possam comercializar também produtos

DIVULGAÇÃO

em conserva e enlatados. O QUEIJO ARTESANAL CAÇADORENSE Considera-se queijo artesanal caçadorense o produto elaborado, na propriedade de origem do leite, a partir do leite cru, integral e recém-ordenhado, que se obtém por coagulação enzimática do leite, por meio da utilização de coalhos industriais e, no ato da prensagem, utilizando somente o processo manual e cujo produto final apresente massa uniforme e consistência firme, cor e sabor próprios, isento de corantes e conservantes, com ou sem olhaduras mecânicas, conforme a tradição na Região do Meio Oeste de Santa Catarina.

Rubiano é o autor da proposição


A|06

CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017 |


.................................................................................................. A|07 | CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017

SER HUMANO

Música para celebrar a vida

DIVULGAÇÃO

“Uma nova chance pra sorrir” foi composta pelo músico Renato Goetten para a irmã que ficou 16 dias internada no Hospital Maicé; visa celebrar a vida e o excelente atendimento que ela recebeu

T

odas as melhorias e a grande transformação que está acontecendo no Hospital Maicé de Caçador, como qualidade da estrutura, equipamentos, atendimento e equipe foram celebradas com muita alegria e em forma de música. O músico Renato Goetten, 40 anos compôs em homenagem à irmã Renata Goetten Zanotto, 38 anos uma música para celebrar a vida. Confira a música acessando este link: https://www.youtube. com/watch?v=H6JZAEwjZ ko&feature=youtu.be Renata esteve internada no Hospital Maicé no período de 04 a 20 de dezembro. Ela teve alta no dia do seu aniversário. “No dia 12 de dezembro, o dia seguinte que ela acordou do coma foi o primeiro dia que ela pode conversar na UTI. Eu fui visitá-la com o Carlos meu cunhado. Esse dia foi o dia da esperança, o dia em que pudemos respirar (assim como ela) mais aliviados. Percebemos que a vitória se aproximava. A primeira coisa que ela fez quando me viu, foi abrir o sorriso enorme que ela tem, e as primei-

ras palavras que ela me falou foram: agora estou bem, mas eu achei que eu “ia” meu irmão. Quando cheguei em casa, me veio logo a inspiração para compor uma música para ela, com o título: Uma nova chance pra sorrir. Pois foi exatamente o que ela recebeu de Deus e do universo: uma nova chance pra sorrir. A Isamara Goetten (minha esposa) interpretou a música, como se fosse a Renata cantando, e entregamos para ela como um presente, no dia do aniversário dela, que foi o dia que ela teve alta do hospital”, explica Renato. Ele avalia o atendimento do Hospital como excelente. “Tanto que quando cogitamos transferi-la para um centro maior, todos os médicos e pessoas que conheciam o Hospital Maicé e a UTI, nos falavam para manter ela lá mesmo, pois o que tem melhor em medicamentos e atendimento, ela estava recebendo. E a decisão se mostrou correta, graças a Deus”, relata. Renato destaca que o Hospital é um dos melhores, se não o melhor da região. Segundo ele o estado

da irmã Renata era muito grave e o Hospital Maicé, não mediu esforços para manter ela viva. “Isto é incomensurável. Nós todos, familiares e amigos da Renata, só temos que agradecer muito, mas muito mesmo pelo trabalho incrível que todos fizeram por ela. Incluindo a equipe médica, enfermeiros, atendentes, enfim, todos que fazem parte de uma forma ou de outra dessa nobre missão que é salvar vidas. Nosso muitíssimo obrigado”. Com relação à canção composta para a irmã, Renato destaca que ela reverencia a vida e quer que se torne um hino de inspiração. “Que possa servir como um hino de inspiração para todos os enfermos do Hospital Maicé (e de todos os hospitais do mundo); para que nunca desistam de lutar, para que sempre acreditem no poder da fé, como um suporte indispensável para que a ciência dos homens seja iluminada na busca pela cura. E que todos possam (assim como a Renatinha) ter uma “Nova chance pra sorrir”, completa. DIVULGAÇÃO

Renato e sua irmã

Desejo a você, sua família e amigos, um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de conquistas, saúde, paz e prosperidade!

DINAMIZAR É O CAMINHO Hospital está recebendo melhorias constantes

l a t a N z i l e F


A|08 .................................................................................................. CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017 |

CÂMARA DE CAÇADOR

Vereadores deliberaram 936 proposituras em 2017 As indicações, pedidos de melhorias oriundos da comunidade e sugeridas pelos Vereadores ao Executivo, lideram a lista com 615 apresentações

O

ritmo acelerado de trabalho na Câmara Municipal de Caçador pode ser traduzido pelo número de proposituras apresentadas e analisadas pelos parlamentares durante as 66 Sessões Ordinárias e 8 Extraordinárias (sem remuneração adicional) realizadas em 2017. No total, 936 matérias foram deliberadas em plenário, nos mais diversos setores da municipalidade. As indicações, pedidos de melhorias oriundos da comunidade e sugeridas pelos Vereadores ao Executivo, lideram a lista com 615 apresentações, seguidas pelos requerimentos (154) e Projetos de Leis Ordinárias (46). Os números foram apresentados nesta terça-feira (19), pelo Presidente Rubiano Schmitz, durante a última sessão ordinária do ano. Segundo ele, os dados mostram o comprometimento de todos os parlamentares na busca por um serviço eficiente e que atenda os anseios da população, destacando ainda a fiscalização assídua nas mais diversas áreas, zelando pela aplicabilidade correta de recursos públicos, efetivação de obras e serviços, além do bom atendimento à comunidade. “Esta é a função do legislador, e todos os parlamentares desta Casa, sem exceção, cumpriram com o seu papel sem olhar cores partidárias ou interesses individuais”, destaca Rubiano. Parlamentares avaliam o ano Durante a sessão, al-

guns parlamentares aproveitaram o espaço dos pequenos comentários para apresentar informações referentes ao mandato, agradecer o apoio dos demais colegas e servidores, além de enaltecer o trabalho em conjunto em prol da comunidade. O primeiro a se manifestar, Itacir Fiorese (PDT) fez agradecimento aos servidores do Legislativo pelo profissionalismo e comprometimento em 2017, além de enaltecer a união dos edis no exercício da vereança. Amarildo Tessaro destacou a experiência adquirida no primeiro ano de mandato, lamentando, no entanto, que das 39 indicações apresentadas até o momento apenas 19 foram executadas, sendo que boa parte deste total se quer foi respondida. O Democratas Moacir D’Agostini salientou a dedicação de todos os integrantes do Legislativo, resultando em um trabalho de evidência perante a comunidade. O Peemedebista Paulo Jarschel também informou o total de indicações enviadas ao Executivo no período, sendo 81 no total. Dessas, 18 foram executadas, sendo a maioria na área da infraestrutura. Lamentou que o pedido visando à instalação de posto de atendimento dos bombeiros no Bairro Martello e a melhorias na iluminação pública nas proximidades do cemitério municipal ainda não teve sinalização positiva.

Uso da tribuna Livre Também fazendo avaliação deste primeiro ano, os Vereadores tucanos Sirley Ceccatto e Adriano Pares usaram a Tribuna Livre para se manifestar. Sirley disse que das 41 indicações apresentadas teve em torno de 80% atendidas, sendo que as demais resultam de grande aporte financeiro e que necessitam de tempo para o atendimento. Além disso destacou os trabalhos nas comissões de Finanças e Orçamento, na qual é presidente, e na de Legislação e Justiça onde atua como relatora, bem como a busca de recursos por meio de emendas parlamentares, onde viabilizou R$ 200 mil através do deputado Kenedy Nunes (PSD) e outros R$ 100 mil do deputado Leonel Pavan (PSDB). Já o Vereador Adriano Pares informou que foram 57 indicações feitas por ele, além de requerimentos, pedidos de informação e providência, que o auxiliaram na função de fiscalizar. Dentre os pedidos atendidos o parlamentar destacou a efetivação da reabertura do Posto de Saúde do Castelhano no início do ano e a reabertura das Praça do CEU, no Bairro Martello, além de pedidos importantes na área da infraestrutura. Disse ainda que pretende continuar cobrando a instalação de redutores de velocidade na Avenida Fahdo Thomé e a construção de creche no bairro Bom Jesus.

O TRABALHO EM NÚMEROS INDICAÇÕES 615 REQUERIMENTOS 154 PEDIDO DE INFORMAÇÃO 32 PEDIDO DE PROVIDÊNCIA 23 MOÇÕES 01

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR 29 PROJETO DE LEI ORDINÁRIA 46 PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR CMC 2 PROJETO DE LEI CMC 23

PROJETO DE RESOLUÇÃO 2 PROPOSTA DE EMENDA À LEI ORGÂNICA 2 PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO 7 TOTAL 936

DIVULGAÇÃO

As indicações lideram a lista com 615 apresentações, seguidas pelos requerimentos (154) e Projetos de Leis Ordinárias (46)


| CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017

A|09


A|10 .................................................................................................. CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017 |

ECONOMIA

Câmara devolveu para o Executivo em torno de R$ 2,5 milhões em 2017 Além desse repasse, a atual gestão da Câmara Municipal conseguiu diminuir em 11% as despesas do Legislativo em relação a 2016

E

conomia e responsabilidade com o dinheiro público pautaram o trabalho da Câmara de Vereadores em 2017. A gestão, iniciada em janeiro sob a presidência do Vereador Rubiano Schmitz, conseguiu economizar nestes 12 meses o montante aproximado de R$ 2,5 milhões, sendo que boa parte desses recursos foram devolvidos durante o ano, a pedido do chefe do Executivo. A última transferência foi realizada nesta quinta-feira (21). Este total representa 35,2% do orçamento geral da Câmara e, comparado ao ano de 2016, totaliza 25% a mais do que foi devolvido no ano

DIVULGAÇÃO

Presidente da Câmara, Rubiano Schmitz prezou pela economia

passado e com mesmo valor orçamentário.

Também em um comparativo com 2016, mes-

mo com o reajuste salarial dos servidores, encargos

trabalhistas e progressão de carreira de funcionários efetivos da Câmara, as despesas gerais da Casa Legislativa tiveram uma redução de 11% entre um ano e outro. Isso representa uma economia de R$ 532 mil somente no que se refere a cortes de gastos e a eficiência na aplicação dos recursos públicos. A Câmara Municipal de Caçador teve ainda um superávit de R$ 17.682,97 referentes a rendimentos líquidos de aplicação financeira a curto prazo, ou seja, juros que renderam com as aplicações no ano. Esse valor também está incluso no percentual devolvido.

Para o Presidente Rubiano Schmitz, os números mostram a seriedade com que o trabalho vem sendo desenvolvido no Poder Legislativo e o compromisso em zelar pelo dinheiro público. Para ele, além das suas atribuições legais, a Câmara Municipal de Caçador cumpre o seu papel de auxiliar a comunidade através desta política de economia, já que estes recursos retornam à população através de serviços e atendimentos oferecidos pelo Executivo. Vale ressaltar que estes números são dados oficiais do setor contábil da Câmara Municipal.


| CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017

..................................................................................................

GOVERNO DO ESTADO

Assinadas ordens de serviço para reforma em 5 escolas DIVULGAÇÃO

O

secretário executivo da ADR de Caçador, Imar Rocha, assinou nesta quinta-feira, 21, com representantes de duas construtoras, as ordens de serviço para reforma de cinco escolas. A empresa Femaks Construtora e Incorporadora venceu as licitações para as reformas das unidades: EEB Dom Daniel Hostin, de Matos Costa, e Frei Caneca, 30 de Outubro e Santa Terezinha, de Lebon Régis. E a Engegrau Construções vai realizar as melhorias na EEB Thomaz Padilha, em Caçador no distrito de Taquara Verde. De acordo com os documentos assinados, o valor total é de R$ 259 mil. A maior obra é na escola de Matos Costa, onde será ne-

Secretário Imar Rocha assinando as ordens de serviço

cessária a reforma do piso do ginásio de esportes. Além disso, as reformas na escola e no ginásio de esportes da EEB Machado de Assis, de Timbó Grande, do ginásio da EEB Santos Anjos, em Rio das Antas, da

EEB Calmon e EEB Albina Mosconi, em Macieira, estão com as licitações em andamento. No total, o valor liberado pelo Governo do Estado para as reformas nas escolas da ADR de Caçador passa de R$ 2,5 milhões.

A|11


A|12 .................................................................................................. CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017 |

ESTRADAS

Sancionado projeto que destina 10% do IPVA para as rodovias

O governador Raimundo Colombo sancionou nesta semana o projeto de lei de autoria do deputado Valdir Cobalchini (PMDB)

O

governador Raimundo Colombo sancionou o projeto de lei de autoria do deputado Valdir Cobalchini (PMDB) que prevê destinação de 10% da parte que compete ao governo do Estado no Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotores (IPVA) para a manutenção de rodovias. O Governo deve agora regulamentar o projeto com a criação de um fundo, onde o dinheiro ficará ex-

DIVULGAÇÃO

clusivamente para a manutenção das rodovias. Pela legislação atual, 50% do IPVA fica para o município de origem e 50% vai para o cofre do governo do Estado. Em 2016, de acordo com a Secretaria da fazenda, o Executivo arrecadou R$ 1.490.542.360,28 com o IPVA e multas. O governo do Estado ficou com R$ 745.271.180,14. Pelos números do ano passado, R$ 74.527.118, 00, será carimbado e aplicado na re-

cuperação de nossas rodovias a partir de 2018. "Considero que tivemos uma grande vitória para as nossas rodovias. Com este projeto será possível assegurar no orçamento um recursos específico para a manutenção . Grande parte de nossas rodovias está em péssimo estado e com esse recursos já podemos ter um começo para que o Governo possa fazer a manutenção”, afirmou o deputado.

Deputado, Valdir Cobalchini (MDB)

Lei que regulamenta prazo para suspensão de CNHs O governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo (PSD), sancionou na manhã de quinta-feira (21) a lei que determina que a suspensão das Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) por pontuação acumulada só seja feita no mesmo ano em que o motorista tiver acumulado os 20 pontos. De autoria do deputado Gelson Merisio (PSD), a iniciativa tramitou na Assembleia Legislativa sob a forma do Projeto de Lei 81/2017, tendo recebido parecer favorável das comissões de Constituição e Justiça; e de Trabalho, Administração e Serviço Público, sendo aprovada em plenário no início do mês de dezembro. O texto, sancionado pelo governador e que deverá entrar em vigor na data da sua publicação, determina que o Departamento Estadual do Trânsito de Santa Catarina (Detran-SC) realize os procedimentos administrativos necessários para a suspensão da CNH do motorista que atingir 20 pontos no mesmo ano em que ocorrerem as notificações de trânsito que originaram as penalidades. Em caso de descumprimento do prazo, o órgão deverá arquivar o processo. Ainda segundo a normativa, o Detran-SC deverá disponibilizar sistema de cadastro de usuários em seu site possibilitando que o condutor possa optar por receber notificação de multas

EDUARDO G. DE OLIVEIRA/AGÊNCIA AL

via e-mail, caso atinja o limite prudencial de 15 pontos por infrações de trânsito no período de 12 meses. 500 mil beneficiados Recentemente algo em torno de meio milhão de pessoas no estado foram comunicadas pelo Detran-SC sobre a eminente suspensão de suas carteiras de motoristas devido a multas registradas entre os anos de 2012 e 2016. A cobrança, de forma acumulada, teria acontecido devido à implantação pelo órgão de um sistema automatizado de notificações. O ato de sanção da nova lei foi acompanhado por Merisio e também pelo presidente da Alesc, deputado Silvio Dreveck (PP). Na ocasião, Merisio argumentou que a legislação não tem por objetivo anistiar os motoristas infratores, mas retomar o caráter pedagógico das penalizações impostas pelos órgãos de trânsito. “Não se trata de encobrir falhas, muito pelo contrário, já que as multas foram

Governador Colombo sanciona lei ao lado dos deputados Gelson Merisio e Silvio Dreveck

aplicadas e pagas pelos motoristas, mas no momento oportuno não foi aplicada a pontuação como pena acessória e este incômodo agora deixa de existir.” O mesmo entendimento foi expressado por Colombo durante a assinatura

da sanção. “Não é o caso de legitimar falhas, mas de regularizar uma situação que vem afligindo grande parte dos catarinenses.” Já Dreveck destacou o alcance social da medida. “Foram muitos os projetos deliberados neste ano na

Assembleia, mas esse tem um peso especial, já que vai proporcionar um benefício muito grande para a população catarinense, razão pela qual parabenizo o deputado Gelson pela autoria e o governador Raimundo Colombo por sancioná-lo.”

Adelita Adiers

Absoluta Soluções em Sustentabilidade

consultora.absoluta@gmail.com

Como estimular empresas e instituições ao pleno exercício da sustentabilidade? Em maior ou menor proporção empresas e instituições já realizam boas práticas, ocorre que a grande maioria delas não faz uso de um importante instrumento de gestão, o Balanço Social/Socioambiental ou Relatórios de Sustentabilidade. Segundo a GRI - Global Reporting Initiative “o que você não mede, não pode gerencial, e que você não gerencia, não muda” A utilização destas ferramentas de gestão permitem a empresa/ instituição publicizar os impactos da sua atuação na sociedade e demonstram a sua abertura para dialogar com os diferentes públicos com os quais se relaciona, além de constituir uma oportunidade de medir o estagio em sustentabilidade, planejar a evolução e verificar progressos, integrando-se com outras iniciativas, além de comparabilidade, compartilhamento com outros públicos , relato e visibilidade das ações. São exemplos destes indicadores o IBASE, Indicadores ETHOS para negócios sustentáveis e responsáveis, GRI, além de normas especificas como a norma ABNT ISO 26000. Ferramentas publicas e que permitem este autodiagnostico inicial, auxiliando na construção do Balanço Socioambiental ou Relatório de Sustentabilidade.


| CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017

..................................................................................................

A|13

BRASÍLIA

Celso Maldaner faz balanço de 2017 Deputado encerra 2017 em destaque no ranking da atuação parlamentar e liberação de recursos

O

ano de 2017 encerra para o deputado federal Celso Maldaner com excelentes resultados. O parlamentar catarinense foi o campeão em liberação de recursos para os municípios catarinenses e ocupa a sétima colocação do Brasil na liberação de verbas segundo o Portal do Planejamento ultrapassando R$ 35 milhões. “Fui eleito para isso! Para lutar, a cada dia, para que Santa Catarina receba o respeito e o reconhecimento pelo que produz”, comemorou. Maldaner explica que trazer verbas para o estado é trazer mais infraestrutura, saúde, educação, transporte, segurança, lazer e todas as necessidades que dão dignidade à vida do cidadão catarinense. “As emendas são essenciais para os municípios e como um municipalista vou buscar ainda mais resultados para as cidades catarinenses. Já fui prefeito, conheço a realidade das administrações municipais e é lá que as demandas acontecem. As emendas são um

meio de descentralizar os recursos de Brasília para os municípios que produzem a riqueza do Brasil e estou feliz com os resultados obtidos”. Maldaner também encerra o ano de 2017 ocupando a destacada 29ª colocação em atuação parlamentar entre todos os deputados federais do Brasil no Ranking dos Políticos divulgado pelo site políticos.org. Além disso o parlamentar conquistou a segunda posição entre os deputados de Santa Catarina. O objetivo do Ranking é oferecer informação para ajudar de forma objetiva as pessoas a votarem melhor, levando em consideração principalmente o combate à corrupção, privilégios e desperdício da máquina pública. "Este é um momento de muita felicidade, emoção e reconhecimento. Só faz aumentar a minha responsabilidade e missão de representar com dignidade, força e muito trabalho os interesses do interior de Santa Catarina no Congresso Nacional, como já venho fazendo", afirmou o deputado.

Avaliação do ano de 2017

Deputado Celso Maldaner

“Corrupção, Operação Carne Fraca, prisão do Eike Batista, JBS, denúncia contra o presidente Michel Temer, condenação do ex-presidente Lula, foram alguns fatos que atrasaram o nosso desenvolvimento”, lamenta o deputado que é autor da PEC 247/16 que pede o fim do foro privilegiado para todas as esferas e acredita que quem deve tem que pagar. Para o deputado o privilégio configura uma afronta à população que tanto almeja o fim da corrupção. O parlamentar comemora a aprovação das reformas trabalhista e política, juntamente com o teto de gastos públicos que prevê os gastos de acordo com a arrecadação, pois as mesmas estão fazendo o Brasil entrar nos trilhos novamente com controle da inflação e com a menor taxa de juros da história. “As refor-

mas deram um animo para a retomada da geração de empregos e rendas no país”, destacou o deputado. E para finalizar, Maldaner também comemora o fim do impasse judicial para as obras de melhorias e recuperação da BR 282 – trecho de Chapecó a Ponte Serrada, uma vitória importante que, após mais de um ano de espera, beneficia especialmente a sua região de atuação. “A rodovia tem suma importância no escoamento da produção, sendo a única que atravessa o Estado do Oeste ao Litoral. Atualmente, o trecho de Chapecó a Ponte Serrada passa por recuperação, assim como, em breve, poderá iniciar as obras no trecho de Chapecó a São Miguel do Oeste”, comemorou. Além da BR 163 que foi incluída no projeto “Avançar”, programa que prevê a retomada das obras paradas em 2018.


A|14.................................................................................................. CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017 |

FINAL DE ANO

Cobalchini realiza confraternização Almoço foi realizado no Clube 29 de Setembro em Caçador, no final de semana passado

O

deputado estadual de Caçador, Valdir Vital Cobalchini (MDB) realizou no final de semana passado uma grande con-

fraternização envolvendo amigos, apoiadores e lideranças políticas de Caçador e de toda região. Centenas de pessoas compa-

receram no Clube 29 de Setembro para brindar as realizações de 2017 e reforçar o compromisso para 2018. “Que a paz e harmonia fes-

tejadas no Natal estejam presentes em todos os dias do ano novo. Feliz Natal e 2018 repleto de conquistas", disse o deputado.


A|15

| CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017

contato@fernandofischer.com.br

A empresária Daniela Tombini apresenta as 3 belas modelos que desfilaram com a nova coleção! Arrasaram com a beleza e com as maravilhosas peças produzidas na empresa caçadorense. Lucimara Rocha recebe elegantemente amigos para festejar a troca de idade! Parabéns querida!

Mateus Perertti, mãos que transformam ouro em peças maravilhosas. Vale a pena conferir o trabalho que vem desenvolvendo em Caçador e região.

Stely Cofferri ofereceu a amigos e familiares um chá maravilhoso para comemorar idade nova. felicidades!

Boas Festas cheias de Riquezas

Os noivos Priscila Worel e Alysson Ceolla em viagem às praias catarinenses, desfrutando a gastronomia por onde passaram.


A|16

CAÇADOR (SC) SÁBADO, 23 DE DEZEMBRO DE 2017 |

Jornal Informe Caçador - 23/12/2017 - Edição 2936  
Jornal Informe Caçador - 23/12/2017 - Edição 2936  

Jornal Semanal

Advertisement