Page 1

Locomotiva Puxando o assunto, trazendo o debate, levando informação 22 de março de 2014 - sábado - nº 125 - Distribuição gratuita

Sete de setembro será totalmente recuperada Uma das principais vias da cidade receberá um mega investimento da Prefeitura|Pág. 3

Alunos da rede pública recebem uniformes | Pág. 7

Haitianos vêm para Franco em busca de emprego | Pág. 5


2

22 de março de 2014 - sábado - nº125 Distribuição gratuita

Nesta seção,

SOCIAIS

traremos sempre as pessoas, lugares e

eventos que brilham na vida social de nossa cidade e região

Aniversariantes

Shamira Natassia 20 de março

Veronica Lyra 23 de março

EDITORIAL

C

onhecer os haitianos que estão morando em Franco realmen� te foi uma experiência inesquecível. Ver que pessoas tão simples continuam sorrindo todos os dias. Para eles, não importa quantas dificuldades tenham aqui, o que importa é conseguir man� ter bem suas famílias lá no Haiti. E, de qualquer forma, acreditam que o Brasil é um país muito melhor do que o que deixaram para trás. Apesar de

todos os problemas, eles encontraram aqui pessoas que os acolheram e que os ajudam. Eles encontraram em nossa cidade uma maneira de recomeçarem suas vidas, pois alguns perderam tudo com os terremotos, outros apenas fu� giram da miséria. E, mesmo com a saudade dos familiares, é aqui que eles querem se estabelecer e ajudar outros conterrâneos a buscarem uma qualidade de vida melhor.

Locomotiva

Errata O telefone do Centro de Orientação e Apoio Sorológico (COAS) mencionado na edição 124 do Jornal Locomotiva estava incorreto. O contato correto é o

4444.3118

Notícias da Câmara e Região

Projeto de lei prevê 20% dos cargos públicos efetivos para negros Letícia Beraldo 23 de março

Ronald Araújo 26 de março

Nara Melo 28 de março

Mariana Santiago 27 de março

Maria José (Majô) 28 de março

Anderson Amaral 28 de março

Expediente Locomotiva é uma publicação da Gráfica LWC Ltda

Circula em Franco da Rocha, Caieiras, Francisco Morato, Mairiporã e região.

Diagramação: Juliana Morais Tiragem: 10 mil exemplares - quinzenal E-mail: redacao@jornallocomotiva.com.br Todos os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não representam, necessariamente, a opinião do jornal.

As comissões da Câmara Municipal de Franco da Rocha estão analisando o projeto de lei 15/2014, de autoria do presidente Valdir da Santa Casa que determina que a Prefeitura deve disponibilizar em seu quadro de funcionários, em cargos efetivos, o limite de 20% das vagas para negros

e afrodescendentes. De acordo com o projeto, essas cotas deverão ser garantidas após realização de concurso público. O projeto deve entrar em votação nas próximas sessões a serem realizadas. Segundo Valdir da Santa Casa, o projeto é um estímulo para que todas as etnias participem do serviço

GCM receberá quatro novas viaturas Por meio de emenda parlamentar do deputado federal Otoniel Lima e por intermédio do vereador Pablo Cunha, a Guarda Civil Municipal ganhará quatro viaturas novas. Nesta semana, o vereador recebeu a informação de que o recurso

financeiro para a compra dos veículos já está no cadastro do Sistema do Governo e, assim que for liberado, a Prefeitura poderá fazer a licitação para a aquisição das viaturas. Na tribuna da última sessão realizada na Câmara, na quinta-feira

(20), Pablo Cunha agradeceu ao deputado Otoniel Lima pela atenção e à população franco-rochense por sempre confiar no seu trabalho. “Estou aqui na Câmara para representar o meu povo e trabalhar sempre pela minha cidade”, afirmou.

Mairiporã comemora 125 anos De quinta-feira (27) a domingo (30), a Prefeitura de Mairiporã irá realizar um evento em comemoração aos 125 anos da cidade, no espaço viário Mário Covas, com a presença do grupo Art Popular, na quinta-feira e da cantora Paula

Fernandes no domingo. A sexta-feira será marcada pela apresentação da peça teatral Este lado Para Cima, da Brava Companhia, além de grupos regionais, a partir das 18h. E no sábado, a orquestra Sinfônica SESI-SP se apresentará a partir das 20h.

CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO Rua da Consolação, 753 - Centro - 01301-910 - São Paulo - SP Fone: (11) 3017-9300 - Fax: (11) 3231-1745 - http://www.cremesp.org.br

DESAGRAVO PÚBLICO

Anuncie no Locomotiva

público fazendo com que toda a sociedade sinta-se representada. “Na realidade, o meu projeto de lei é a consequência de um processo de evolução das políticas públicas de promoção da igualdade racial no Brasil. Espero que seja aprovado e sancionado o mais rápido possível”, afirmou o vereador.

O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (CREMESP), em Sessão Plenária realizada em 28.01.2014, apreciou e aprovou, nos termos do parágrafo VII dos Direitos dos Médicos, inserido no Código de Ética Médica (Resolução CFM 1.931/2009), Ato de Desagravo Público a favor do Dr. Oswaldo Carvalho da Silva Júnior, CRM 73633, que foi atingido no exercício de sua profissão, com exposição sensacionalista no Jornal Locomotiva, tudo conforme apurado pelo Conselho Regional de Medicina.

O-NE Conte história de um jeito diferente. Presenteie de forma memorável. A O-ne têm diversos modelos de canecas que irão registrar os melhores momentos da sua vida. Rua Coronel Domingos Ortiz, 224 Centro l Franco da Rocha (em frente ao Mini Mercado Saito)

São Paulo, 05 de fevereiro de 2014.

(11) 7736-6562 (Nicolle)

Dr. João Ladislau Rosa Presidente Dr. Braulio Luna Filho 1º Secretário

97992.1666 | 97992.1667


Locomotiva

3

22 de março de 2014 - sábado - nº125 Distribuição gratuita

Obra promete recuperar toda a extensão das Avenidas Sete de Setembro e Tonico Lenci Fundamental para a cidade, vias serão recapeadas e contarão com sistema de drenagem de águas pluviais

A Avenida Sete de Setembro entrou em obras. No último dia 10 a Prefeitura iniciou a reforma das vias mais importantes da cidade, ligando o centro aos bairros do Monte Verde, Jardim Progresso, até o Lago Azul, quando muda seu nome para Avenida Tonico Lenci, na divisa com Francisco Morato, com quase cinco quilômetros de extensão. O projeto prevê drenagem, construção de bocas-de-lobo, recapeamento com asfalto reforçado para aguentar o tráfego pesado, troca de guias e sarjetas, construção de muros de arrimo, troca do sistema de água e esgoto e construção ou reconstrução de calçadas com acessibilidade. A drenagem é uma das partes mais importantes da obra, pois é responsável pelo escoamento correto das águas pluviais, evitando poças em calçadas e prejuízos ao asfalto, muito comuns para quem trafega por ali, como, por exemplo, na famosa “curva do S”.

O tráfego de veículos na Avenida Sete de Setembro é muito intenso, principalmente, devido às diversas linhas de ônibus que circulam na via, portanto, a execução do projeto será feita em partes para minimizar o incômodo. A Prefeitura estima que sejam necessários 360 dias para a conclusão da obra. “Não há como fazer um omelete sem quebrar os ovos. Essas obras causam um grande transtorno, mas são fundamentais para o combate às enchentes e para melhorar a mobilidade de veículos e pedestres”, afirmou o prefeito Kiko Celeguim. Em setembro de 2013, a edição 112 do Jornal Locomotiva mostrou a insatisfação dos moradores quanto aos problemas na Avenida Sete de Setembro como buracos nas ruas e calçadas. A Prefeitura explicou que, naquele ano, havia um projeto para a Avenida apenas

de recapeamento de via, não contemplando a drenagem e a instalação de bocas-de-lobo. Caso o projeto fosse executado, o asfalto continuaria a ceder devido às águas da chuva. Portanto foi feito um novo projeto que começa a ser executado agora. “Nós optamos por fazer aqui uma grande obra, com

tudo que a avenida precisa. Porque não adianta fazer mais um remendo, uma coisa que a gente sabe que quando chover já vai começar a abrir buracos enormes de novo. Milhares de pessoas passam aqui todos os dias e a obra tem que estar à altura dessa importância”, finalizou o prefeito.

O mais importante é tirar a água da chuva do meio da rua, pois, quando chove inunda o asfalto. Fazendo isso já melhora muito o asfalto”

contou Osmar Ribeiro, 56, que mora na Avenida há 28 anos. Extensão do início da Avenida Sete de Setembro até o final da Avenida Tonico Lenci

De olho no trânsito Com o início das obras a Avenida Sete de Setembro e a retomada das obras do reservatório de águas pluviais embaixo do Viaduto, o trânsito na cidade sofreu algumas alterações. A Rua José Rosa, na entrada da cidade, está completamente interditada, portanto a Rua Professor Carvalho Pinto voltou a transitar em mão dupla. A Avenida Sete de Setembro, ao lado do Saito Supermercados, também está interditada. O desvio é feito pela Rua Coronel Fagundes.


4

22 de março de 2014 - sábado - nº125 Distribuição gratuita

Locomotiva

Os prefeitos de Mairiporã, Márcio Pampuri, de Francisco Morato, Marcelo Cecchettini, de Franco da Rocha, Kiko Celeguim e de Caieiras, Roberto Hamamoto.

Cimbaju cria câmaras técnicas Grupos serão divididos por assunto e contarão com representantes dos cinco municípios

a última terça-feira (18) os prefeitos dos municípios de Caieiras, Mairiporã, Franco da Rocha e Francisco Morato reuniram-se em mais um encontro do Consórcio Intermunicipal dos Municípios da Bacia do Juquery (Cimbaju). O prefeito de Cajamar enviou um representante. O ponto mais importante discutido foi a criação das câmaras técnicas que serão divididas por assunto na qual cada cidade deverá enviar um representante dependendo do tema abordado. A primeira câmara técnica da saúde já está marcada para acontecer em Cajamar no dia 24 deste mês e terá a presença dos prefeitos de cada município e do novo Ministro da Saúde Arthur Chioro.

N

Além disso, discutiu-se a possibilidade da criação de um termo de cooperação técnica no qual todos os municípios se uniriam para integrar seus serviços, como no caso de grandes eventos, o município sede receberia auxílio dos agentes de trânsito das outras cidades. Por último, foi também discutida a necessidade da criação de um acervo

de projetos em comum que implica em possuir um único acervo para os projetos dos cinco municípios para que todos possam consultá-los ou utilizá-los, diminuindo tempo e custo na execução desses projetos. Os técnicos do Cimbaju responsáveis por viabilizar o projeto receberão a visita dos técnicos de Bragança Paulista, onde o acervo comum já existe.

Jardim Cruzeiro ganhará nova praça Local terá, também, academia ao ar livre Praça que já existe na Rua Hipólito Trigo Santiago, na altura do número 400, no Jardim Cruzeiro será reformada e contará com uma academia ao livre a partir do segundo semestre deste ano. A emenda parlamentar de R$487.500 enviada pela deputada federal Keiko Ota, veio a pedido do vereador Carlos Vicente Ferreira, o Topre. O vereador, que já está em seu terceiro mandato, é morador do bairro e afirma que, mesmo já existindo uma praça no Jardim Cruzeiro, um novo equipamento de lazer é sempre bem-vindo.

A

Noite de Gala Núcleo de Dança Mariana Santos convida a todos para participarem da comemoração de seus quatro anos de existência em uma Noite de Gala, neste sábado (22), às 19h, no Centro Cultural Newton Gomes de Sá. Durante o evento, os alunos receberão homenagens e o núcleo apresentará seus novos projetos para 2014. O ingresso para entrada pode ser comprado na secretaria do Núcleo, até as 14h do sábado, no valor de R$10, acrescidos de uma embalagem de leite em pó que será doada para o Fundo Social de Solidariedade.

O

A nova praça será muito importante, principalmente para que as crianças e os idosos tenham um espaço de lazer”

afirmou o vereador Topre


Locomotiva

5

22 de março de 2014 - sábado - nº125 Distribuição gratuita

Haitianos vêm para Franco em busca qualidade de vida Há 11 meses, estrangeiros lutam para sustentarem suas famílias que ficaram em seu país

Estamos tentando criar um diálogo entre os haitianos e os órgãos públicos para que eles saibam de seus direitos”

Afirmou o Professor Claudio Fernando, gestor do Núcleo da Igualdade Racial da Prefeitura Dezesseis haitianos chegaram em Franco da Rocha há cerca de 11 meses em busca de trabalho e melhores condições de vida. Os quinze homens dividem duas casas alugadas de dois cômodos cada com apenas uma mulher, a única que possui atualmente emprego fixo com carteira assinada. Todos vieram para a cidade para trabalhar na construção de casas na Vila Bela, bairro onde residem, porém os salários atrasaram e agora eles buscam novos empregos. Apesar

de todos possuírem os documentos necessários e carteira de trabalho, a língua é um grande obstáculo, visto que apenas alguns deles entendem e arriscam o português. As dificuldades são inúmeras. As casas alugadas comportam apenas os colchões, o fogão fica na área externa. E é só o que eles têm, além de algumas cestas básicas que foram doadas na última semana. Mas nada os desanima, pois vieram para o Brasil em busca de emprego para poder

sustentar as famílias que ficaram no Haiti, principalmente porque naquele país não existe escola gratuita e a maioria possui filhos que precisam estudar. “Isso aqui é o paraíso perto de lá. Meu sonho é trazer toda a minha família pra cá”, conta Joel Bastien, de 33 anos. E, além das doações que receberam, eles possuem grandes aliados como o Padre Cido da Paróquia da Paradinha e a vizinha, Maria Aparecida Machado, que ajuda os haitianos

em tudo, os ensinou como tirar os documentos, os levou até a Polícia Federal em São Paulo, leva para o médico quando necessário e até lava a roupa de alguns deles. Até os que não falam nenhuma palavra em português já sabem pronunciar o nome da Maria. “Gostamos daqui porque conhecemos pessoas muito boas que nos ajudam sempre e que nós podemos confiar. Não queremos mais voltar para o nosso país”, finalizou Joel.

Ação Cidadã é feita no Lago Azul o último sábado (15), o bairro do Lago Azul recebeu órgãos da Prefeitura de Franco para um projeto chamado Ação Cidadã que engloba capinação e limpeza de vias, conscientização da população quanto aos programas de transferência de renda, orientações da defesa civil e programas de vigilância sanitária nos arredores da Rua Arco-Íris. O Lago Azul é um dos bairros mais populosos de Franco, com cerca de 12 mil moradores e faz divisa com Francisco Morato. Por ser distante, as dificuldades do bairro são maiores. Apesar de possuir apenas seis ruas de terra, a infraestrutura ainda é precária, com grande parte das residências sem acesso ao saneamento básico. O bairro é carente de comércios essenciais como farmácias e padarias e, segundo os moradores, isso se deve a falta de segurança no local, gerando desinteresse dos comerciantes.

N

Moro no Lago Azul há 15 anos e não tenho vontade de sair daqui, mesmo com a falta de segurança e de áreas de lazer para nossos filhos”

disse Anderson dos Santos, de 33 anos


6

22 de março de 2014 - sábado - nº125 Distribuição gratuita

Locomotiva

Meninas começam a receber a vacinação contra o HPV Agentes de saúde passarão por todas as escolas do município até o dia 10 de abril

Começou no dia 10 de março a campanha de vacinação contra HPV em meninas que possuem entre 11 e 13 anos, em todas as escolas do município, públicas e particulares. Até o momento, receberam a vacina apenas as alunas das Escolas Estaduais Adail Jarbas Duclos, Adamastor Baptista, Azevedo Soares, Benedito Aparecido Tavares, Benedito Fagundes Marques, Professor Domingos Cambiaghi, Elvira Parada Manga, Iraci Sartori

AQUI TEM

Vieira da Silva, Isaura de Miranda procurar a diretoria de sua escola. Botto e Ivone dos Anjos da Silva Até o dia 10 de abril deveCampos. As meninas que faltaram rão ser vacinas 3668 garotas na aula no dia da vacinação devem franco-rochenses.

Cronograma dos próximos dias de vacinação nas escolas

24/3 E.E. Jocimara Vieira da Silva 25/3 E. E. Katia Maria T. L. Tonelli 26/3 E. E. Luiz Alexandre Santos 27/3 E. E. Parque Vitória IV l

l

l

l

28/3 E. E. Paulo Duarte 31/3 E. E. Pedro Lélis de Souza 01/4 E. E. Rituco Mitani 2/4 E. E. Zilton Bicudo l

l

l

l

3/4 Colégio Absoluto 4/4 Dom Macário 7/4 Ipinem 8/4 Imec 9/4 Rhema 10/4 APAE l

l

l l l

l

Esta seção do Locomotiva é dedicada ao comércio e serviços de Franco da Rocha. Em cada edição, vamos mostrar um produto ou serviço que é prestado logo aqui, do lado de casa.

Educação de qualidade: profissão passada de mãe para filha O Colégio Absoluto surgiu em 2003, quando Nívea Angelina Rodrigues Ramos e o marido, José Roberto Martins Ramos, precisaram expandir sua antiga escola Mundo Infantil, que ficava na Rua Dr. Hamilton Prado. Nívea, que já possuía experiência como professora e como diretora, tomou a frente dos negócios e hoje cuida de mais de mil alunos. Nívea é filha de Nelsina Bueno Rodrigues, que se aposentou como diretora na rede de ensino pública e, hoje, atua como vice-diretora da escola. O colégio particular possui três quadras cobertas, duas piscinas, sendo uma delas aquecida, diversos laboratórios e salas específicas para

leitura, música e artes e atende do maternal ao ensino médio nos períodos matutino e vespertino. Em 10 anos de existência, o colégio nunca parou de crescer. “Nós

tínhamos reformas até o ano passado. Sempre aumentando algum espaço ou reformando”, contou a diretora. Além disso, Nívea não deixa de ressaltar a importância

O Colégio Absoluto fica na Rua General Rondon, 120, Vila Barbosa. Telefone: (11) 4444-3393 ou (11) 4449- 3809

do trabalho dos educadores na cidade. “A educação é o serviço mais importante que existe, porém, muitas vezes as pessoas não sabem valorizar isso”, desabafou.


Locomotiva

7

22 de março de 2014 - sábado - nº125 Distribuição gratuita

Alunos da rede municipal recebem uniformes Primeira parte da entrega já foi concluída nas 30 escolas, inclusive para alunos do EJA

A primeira parte dos uniformes escolares já foi entregue para os 12.600 alunos das 30 escolas da rede municipal de ensino de Franco, inclusive para os estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA), que receberam o kit pela primeira vez. Ao todo, cada aluno possui duas camisetas e uma bermuda para os meninos ou um short-saia para as meninas. A Prefeitura informou que a chegada do uniforme de inverno, contendo uma jaqueta e duas calças, está prevista para o mês de maio. O uso do uniforme auxilia na identificação dos alunos garantindo maior segurança e a tranquilidade dos pais, professores e diretores.

Ainda falta...

Os kits com o material escolar ainda não foram entregues para os alunos da rede municipal. A previsão era que os estudantes estivessem com o material em mãos no final do mês de fevereiro,

porém, a empresa que irá fornecer os kits para a Prefeitura enfrenta problemas com os distribuidores de materiais como a Faber Castell que, inclusive, encaminhou uma carta à Prefeitura de Franco informando sobre o atraso. Segundo a Prefeitura, o município de Santo André, que licitou o mesmo fornecedor, também está com problemas na entrega de materiais. Em novembro de 2013, a Prefeitura iniciou a solicitação da compra dos materiais e em meados de fevereiro uma empresa foi escolhida para ser a fornecedora. Ficou estipulado, então, que o prazo máximo para entrega de todos os kits seria no dia 04 de abril deste ano, portanto, a empresa está dentro do prazo previsto em contrato. A Prefeitura também informou que está dando condições para que todos os alunos possam estudar sem que a falta do kit com o material afete negativamente o desempenho de cada um.

Governo do Estado reafirma parceria para a construção da FATEC Na próxima segunda-feira (24), o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação Rodrigo Garcia estará presente em Franco da Rocha, no local onde serão as futuras instalações da FATEC, na Estrada do Governo. O secretário virá para reafirmar a parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura na construção do equipamento de ensino. No ano passado, a Prefeitura de Franco colocou-se a frente das outras cidades candidatas a receber a FATEC por ter pagado o projeto executivo dos prédios. As obras começarão este ano.

Alunos na saída da EMEB Paulo Cardoso de Azevedo, no Monte Verde


8 NOSSA GENTE

22 de março de 2014 - sábado - nº125 Distribuição gratuita

Nesta seção vamos registrar as histórias, os “causos”, a vida dos homens e mulheres que fizeram e fazem, a cada dia, a nossa cidade.

Conhecendo Vinhos

N

Buscando o melhor para a população Elaine é uma mulher que dedicou sua vida ao serviço de assistência social

Elaine Rosângela Rodrigues Toth, de 49 anos, nascida na cidade, morou a maior parte da sua vida no Pouso Alegre e sempre estudou em Franco. Entrou em um concurso na prefeitura em 1986, como datilógrafa e depois foi para área de assistência social. Mãe de dois filhos: César, de 25 anos e Tatiane, de 23, Elaine só foi fazer faculdade após separar-se do marido, com quem tinha 25 anos de casada. Então, formou-se como assistente social. “Me sinto muito realizada na minha carreira, pois sei que o trabalho que eu faço ajuda muito a população”, conta. Elaine fez estágio na APAE de Franco e atualmente contribui financeiramente com a entidade. “Foi muito importante viver essa realidade na APAE, me fez crescer muito e valorizar o que eu tenho”, disse. Há dois anos, Elaine perdeu sua irmã mais nova que era usuária de drogas, por isso sensibiliza-se com o assunto. “Sei que é utopia, mas gostaria de ver nossa cidade sem incidência com drogas. Se já começasse a diminuir, eu ficaria feliz”, afirma, contando sobre

Locomotiva

ada como uma boa taça de vinho para acompanhar uma boa refeição. Mas existem alguns segredos para aproveitarmos o melhor sabor, tanto da comida, quanto da bebida.

A melhor harmonização é aquela que resulta da soma das características do prato e do vinho, formando um terceiro elemento único e prazeroso. Claro, que nem sempre vamos conseguir isso. O importante é realizar uma combinação em que não se percam sabores, ou apareçam sabores desagradáveis. Marcela Augusta Celeguim, Sommelière Profissional, formada pela FISAR (Federazione Italiana Sommelier Albergatori e Ristoratori) qualificada até o nível 2 em vinhos e destilados pela WSET.

Devemos levar em consideração que os vinhos possuem um corpo. Eles podem ser leves, médios ou encorpados. E um dos principais fatores para se combinar vinho e comida é tomar por base este aspecto. A comida mais leve combina com um vinho mais leve, uma comida mais pesada com um vinho mais encorpado. Se você servir um peixe no vapor com legumes, com um vinho tinto encorpado não vai sentir o gosto do peixe. Se servir um vinho branco leve com uma vitela condimentada não vai sentir o gosto do vinho. Portanto, prato leve combina com vinho leve.

os inúmeros casos que vê de pessoas que buscam auxílio por possuírem familiares dependentes. Elaine deve se aposentar em três anos e pretende criar um projeto de auxílio às pessoas por meio de sua religião, o espiritismo. “Tenho certeza de que a religião contribui muito para melhorar a vida das pessoas e é isso que eu quero fazer quando me aposentar”, finalizou.

Na dúvida, utilize uma regra: vinho branco com peixe, vinho tinto para carnes, vinho rosé com pratos de média estrutura, que são aqueles pouco gordurosos, ou com molho pouco acentuado, como um risoto de cogumelos, e nem tão leves como peixe com batatas sotê. Em um restaurante não sabendo exatamente o que pedir, comece pelo prato e depois peça o vinho. Uma dica é escolher pratos e vinhos típicos de uma mesma região. Por exemplo, um vinho da uva Pinot Noir, que é originária da região da Borgonha, França, com o Boeuf Borgonhon, que é um prato do mesmo lugar. Dessa maneira é impossível errar.

Conselho Tutelar convoca novos membros Do dia 24 ao dia 30 de março, os interessados em se eleger como membros do Conselho Tutelar dos Direitos da Criança e do Adolescente deverão inscrever-se na Unidade de Formação Empreendedora e Profissionalizante (UFEP), localizada na Avenida Washington Luiz, 531, no Jardim Progresso, das 9h às 16h. A taxa de inscrição é de R$30. São 10 vagas disponíveis, cinco para conselheiro efetivo e cinco para suplente. O salário é de R$1546,13 por 40h semanais. O candidato deve possuir o ensino médio completo. Quem efetuar a inscrição participará de um curso preparatório no dia 24 de abril, no Centro Cultural Newton Gomes de Sá e realizará a prova no dia 27 de abril, com 50 questões objetivas.


Locomotiva | Edição 125  

Jornal que abrange notícias sobre Franco da Rocha e região (Edição 125)

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you