__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

Uchôa | Nova Aliança | Cedral | Guapiaçu | Tabapuã | Novais | Catiguá | Potirendaba | Ibirá | Bady Bassitt | Urupês | Elisiário

ANO 10 | Edição nº 115 | março de 2021 www.gazetainterior.com.br


2

25 de março de 2021

publicidade


Uchôa | Nova Aliança | Cedral | Guapiaçu | Tabapuã | Novais | Catiguá | Potirendaba | Ibirá | Bady Bassitt | Urupês | Elisiário

ANO 10 | Edição nº 115 | março de 2021

www.gazetainterior.com.br

SAÚDE EM COLAPSO 2 pacientes morrem à espera de leito em Bady e Tabapuã; 31 pacientes esperam vagas de UTI e enfermaria na região; Hospital de Tabapuã sofre com falta de “kit intubação”;

Rio Preto decreta ‘lockdown’ de 15 dias; Quatro cidades da Gazeta também aderem medida; Região já registra maior alta de casos de Covid-19

Pág. 4 e 5

Pág. 6 e 7


4

25 de março de 2021

GAZETAdoINTERIOR

ESPECIAL

31 pacientes aguardam leitos para COVID-19 Luiz Aranha luiz@gazetainterior.com.br

O

colapso que a saúde pública do nosso país enfrenta diante da pior crise sanitária da história faz com que 31 pacientes peregrinem por um leito destinado para pacientes com COVID-19 na nossa região. Além da falta de insumos para intubação, duas pessoas já morreram em cidades da Gazeta por falta de uma vaga em UTI. A cidade com o maior número de pacientes aguardando por vaga é Urupês, que até o último levantamento realizado no dia 23/03, possuía 14

Aceitamos:

pessoas internadas, sendo 13 aguardando por vaga em enfermaria e uma para leito de UTI. No Hospital Maria Cavalotti Neves, em Potirendaba, 7 pacientes estão aguardando vagas. Um dos pacientes está intubado e outros seis estão em leitos de enfermaria, sendo que dois deles aguardam por leitos de UTI. Guapiaçu possui 4 pacientes internados na Unidade de Pronto Atendimento do município esperando por vaga. Uma idosa, de 81 anos, uma mulher de 49 anos e outra, de 45 anos, estão em enfermaria com oxigênio de uso continuo. Um idoso, de 63 anos, está com necessidade de respirador e deverá ser intubado. Em Tabapuã a situação é ainda mais grave. Duas pessoas estão intubadas no Hospital Maria do Valle Pereira esperando por um leito de UTI. Os pacientes são um idoso, de 74 anos, que está internado desde o dia 12/03 e uma idosa, de 64 anos, desde o dia 18/03. No começo deste mês de março uma idosa, de 73 anos, morreu depois de ficar 4 dias internada no local, aguardando por uma vaga em UTI. O município possui apenas dois respiradores e, de acordo com o hospital, há a necessidade de mais um aparelho para man-

Luiz Aranha/Gazeta do Interior

ter os pacientes. Em Bady Bassitt, três pacientes estão aguardando regulação no sistema. Um homem está intubado e aguardando leito de UTI. Outro homem e uma mulher estão aguardando leito de enfermaria. Bady é a cidade com o maior número de casos de COVID-19 na nossa região, até agora. No dia 18/03, uma idosa, de 70 anos, morreu depois de esperar por mais de 18 horas por uma vaga em UTI na UBS Central, Alcimino Assis Lourenço. A pacientes que era obesa e tinha diabetes sofreu uma parada cardiorrespiratória e infelizmente acabou morrendo no local. O colapso no sistema público de saúde vem ocorrendo desde a última semana de fevereiro, quando hospitais aqui do noroeste paulista já estão com sua capacidade de leitos destinados a estes pacientes, completamente ocupada. Um levantamento feito até o dia 20/02 aponta que, pelo menos 135 pessoas morreram de COVID-19 no estado de São Paulo esperando um leito de UTI. Entre as vítimas, estão um menino de três anos e um jovem de 25 que não tinha comorbidades. Em Irapuã, cidade vizinha de Urupês, um paciente, de 48 anos, morreu também aguardando um leito de UTI. Ele teria dado entrada no Pron-

to Socorro do município na noite do último dia 25/02, mas infelizmente acabou morrendo na manhã seguinte porque não havia vaga em nenhum hospital. Coordenadores de Saúde destes municípios afirmam que, felizmente, não houve um número maior de óbitos aqui na nossa região devido ao suporte que estes hospitais possuem para receber pacientes e manter estáveis até sua regulação. Quem faz a destinação de vagas é o sistema Via Cross que busca qual hospital na região ou no estado possui um leito disponível. A Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde CROSS é um sistema de Tecnologia da Informação desenvolvido para instrumentalizar o processo de distribuição, regulação e controle dos recursos disponíveis. As vagas são destinadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), através da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo. Até a última terça (23/03), a Divisão Regional de Saúde de São José do Rio Preto, que abrange 102 municípios do noroeste paulista, entre eles as cidades da Gazeta, possuía 95,3% da taxa de ocupação dos leitos de UTI destinados para pacientes com COVID-19.


25 de março de 2021

GAZETAdoINTERIOR

O

Falta ‘kit intubação’ em hospital de Tabapuã

Hospital de Tabapuã, Maria do Valle Pereira, já está com falta de itens do “kit intubação” de pacientes com a COVID-19. Dois anestésicos utilizados para manter o paciente sedado já estão em falta. O colapso devido à falta de leitos hospitalares em todo país, diante da piora dos indicadores da COVID-19, se agrava devido a um novo obstáculo criado pela escassez de medicamentos básicos para intubação de pacientes contaminados pelo vírus em estado grave. De acordo com o Hospital de Tabapuã, o anestésico Rocuronio, também usado para facilitar a intubação via traqueia e também o Precedex que mantem o paciente sedado estão em falta há vários dias. A instituição afirma que não encontra as medicações disponíveis para compra e muito menos emprestado de outros hospitais. Outros hospitais da região da Gazeta relatam que ainda possuem insumos para intubação, mas que não sabem por mais quanto tempo vão resistir. As direções também se queixam da dificuldade em encontrar as medicações para compra. Com a explosão de internações, entidades representativas do setor de Saúde já vinham alertando o Governo para o desabastecimento de insumos e remédios essenciais. Na semana passada, o Ministério da Saúde requisitou os estoques

Luiz Aranha/Gazeta do Interior

da indústria de medicamentos que compõem o chamado “kit intubação”, incluindo anestésicos e bloqueadores musculares, para abastecer a rede do Sistema Único da Saúde (SUS) por 15 dias. Em nota o Ministério da Saúde disse que a definição sobre a necessidade de compra de medicamentos do “kit intubação” ocorre em parceria com estados, municípios e com a Anvisa. “De posse dessas informações do Conass e Conasems, o Ministério da Saúde realiza análises em conjunto com os dados das indústrias enviados e atualizados semanalmente pela Anvisa”. Além da falta de medicamentos, os hospitais já enfrentam dificuldades para a compra de oxigênio, segundo levantamentos feitos pelo Conselho

de Secretários Municipais de Saúde de São Paulo (COSEMS/SP) e pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP). Devido à falta de vagas em hospitais destinados para tratamento de pacientes com COVID-19, as pessoas estão sendo internadas em hospitais e UBSs dos próprios municípios, até surgir vaga na CROSS. Devido estas unidades estão com dificuldade em encontrar oxigênio disponível para comprar. De acordo

5

com os órgãos, as cidades de Catiguá, Guapiaçu, Ibirá, Nova Aliança e Potirendaba enfrentam dificuldades na compra de oxigênio. Outros 19 municípios da região noroeste paulista também enfrentam a mesma dificuldade. Durante coletiva de imprensa no dia 22/03, o governo de São Paulo anunciou que vai construir em 10 dias uma usina de oxigênio em Ribeirão Preto para atender a demanda de pacientes no Estado. A iniciativa é uma parceria da Ambev e com a Copagaz que vai produzir e doar 120 cilindros de oxigênio diariamente. (LA)


6

25 de março de 2021

GAZETAdoINTERIOR

CIDADES

4 das 12 cidades da região aderem lockdown de Edinho Editoria de Artes/Gazeta do Interior

Luiz Aranha luiz@gazetainterior.com.br

A

s cidades de Bady Bassitt, Guapiaçu, Ibirá e Nova Aliança decretaram lockdown, a fase mais restritiva durante a pandemia de COVID-19. O decreto sugerido pelo prefeito de São José do Rio Preto, Edinho Araújo, começou a valer no dia 18/03 e em algumas cidades vão até o dia 31/03. Durante reunião no dia 14/03, Edinho e o Comitê de Enfrentamento da COVID-19 decidiram colocar Rio Preto na fase mais restritiva de uma pandemia, optando pelo fechamento completo da cidade. Por conta do colapso no sistema de saúde e superlotação dos leitos destinados para pacientes com a COVID-19, o prefeito pediu a colaboração dos prefeitos de cidades da região para que também aderissem ao lockdown. Quatro, das 12 cidades de circulação da Gazeta optaram em seguir o decreto. Em Bady Bassitt e Guapiaçu a medida começou a valer a partir da 00h do dia 17/03 e valem até o dia 31/03. Nossa equipe esteve em Bady Bassitt logo pela manhã do dia em que o documento entrou em vigor e constatou que o movimento de pessoas era intenso por toda a cidade. Vários comércios foram flagrados realizando

senha na entrada, fazendo assim com que o comércio controle a quantidade de pessoas que estão dentro no local. As pessoas deverão continuar tendo a temperatura aferida, além de ter as mãos higienizadas com álcool em gel. Os bancos e lotéricas estão sendo notificados pela Vigilância Sanitária do município ainda nesta sexta para que adote as mesmas medidas. A ação de orientação ocorreu durante toda esta sexta (19) e também no sábado (20), onde agora, os próprios estabelecimentos é que deverão seguir as regras, sendo monitorados e fiscalizaDos 102 municípios do noroeste paulista, apenas 15 aderiram ao decreto dos pela GCM e fiscais de postura. Em Cedral o prefeito, Pauatendimento presencial e até idosos Doria (PSDB). A “fase emergen- lo Ricardo Beolchi de Lucas (Janjão), indo comprar pão sem máscara. cial”, segundo Doria, é válida para os criou um novo decreto com medidas Em Ibirá o decreto já foi assi- 145 municípios do Estado e vai de 15 mais restritivas para tentar frear o nado pelo prefeito da cidade e durou a 30 de março. avanço da doença. Evitando o título do dia 18/03 ao dia 21/03. Em Nova Mesmo não adotando lolockdown, o município proibiu a aberAliança o decreto também entrou em ckdown, Potirendaba iniciou no dia tura de serviços essenciais, permitindo vigor no dia 18 e vai até o dia 31/03 19/03, uma ação de fiscalização e apenas entrega delivery. com medidas mais restritivas. conscientização de moradores nas Porém, moradores ficaram Pelo menos sete cidades da filas de bancos, supermercados e da sem poder efetuar compras de produregião de circulação da Gazeta decidi- lotérica da cidade. O objetivo é evitos alimentícios depois que mercados ram não seguir o decreto de Edinho. tar aglomeração para conter o avando município desistiram de efetuar enEstes municípios optaram continuar ço da COVID-19. trega delivery e a cidade viveu um fim na Fase Emergencial do Plano São Agentes de saúde, com o de semana de um verdadeiro caos. Paulo que começou a valer no dia apoio da Guarda Civil Municipal, De acordo com a dona de uma 15/03. percorreram os 10 supermercados mercearia que preferiu não ser identi Cedral, Catiguá, Elisiário, Po- do município, orientando sobre as ficada, a exigência é para que haja uma tirendaba, Novais, Tabapuã, Uchoa e novas medidas que estão sendo adoflexibilização no decreto e que os coUrupês optaram por não aderir à me- tadas pelos estabelecimentos. A parmerciantes possam atender o sistema dida e continuar na Fase Emergencial tir de agora só é permitida a entrada de drive-thru. do Plano São Paulo de Flexibilização de apenas um membro da família. “Nós somos totalmente a faestabelecida pelo governador João Além disso, os clientes recebem uma


GAZETAdoINTERIOR

25 de março de 2021

CIDADES

vor do decreto e das medidas mais restritivas, porém, temos idosos na cidade que não possuem WhatsApp, moradores da zona rural e que não estamos dando conta de suprir a demanda e realizar as entregas. Nosso pedido é que os comércios possam trabalhar com sistema de retirada no local e as farmácias possam atender as pessoas para ao menos aferir a pressão”, explica. Na tarde do dia 22/03, Janjão editou um novo decreto permitindo que os comércios realizem o atendimento na modalidade drive. Na “Fase Emergencial” imposta por Doria, 14 atividades foram suspensas para que mais de 4 milhões de pessoas deixem de circular. O serviço de retirada de produtos nas lojas está proibido. Lojas de materiais para construção e igrejas

deverão ficar fechadas. Campeonatos esportivos ficam proibidos. Praias e parques deverão ficar fechados e a circulação de pessoas continua proibida das 20h às 5h. O serviço de drive está permitido das 5h às 20h e delivery está autorizado 24h para restaurantes e comércios. Dos 102 prefeitos de cidades vizinhas da região de São José do Rio Preto, 47 participaram da reunião virtual feita com o prefeito Edinho Araújo. Até agora, 15 municípios afirmaram que vão aderir ao lockdown e outros 23 não. No mapa ilustrativo, municípios em vermelho são os que aderiram ao decreto de Rio Preto e os municípios em amarelo são os que optaram continuar seguindo o Plano São Paulo. Os municípios em branco ainda não se manifestaram.

Região já registra a maior alta de casos de COVID-19 Em 22 dias do mês de março, a região de 12 cidades da Gazeta do Interior já bateu o maior recorde de casos de COVID-19 de um único mês, desde o começo da pandemia. Os dados foram divulgados pelas Coordenadorias de Saúde destes municípios até a última terça-feira, 23/03. Somente agora em março

foram confirmados 2.004 casos e 28 mortes. Até então o pior mês da pandemia era considerado agosto do ano passado, quando a região havia registrado 1.539 casos e 22 óbitos, um aumento de mais de 15% no número de infectados – isso que ainda faltam 8 dias para terminar o mês. Desde o começo da pandemia já são 11.318 casos positivos e 222

mortes nestes 12 municípios. Em 2020 inteiro foram 6.843 casos e 154 mortes. Agora em 2021 já são 4.475 confirmações e 68 óbitos. A cidade com o maior número de casos da região continua sendo Bady Bassitt com 2.149 casos e 28 mortes. Em seguida vem Guapiaçu com 1.840 e 40 óbitos. Depois Potirendaba com 1.630 e 32 mortes. Bady Bassitt também possui o maio número de confirmações agora em 2021, sendo 881 casos em menos de três meses.

7


8

25 de março de 2021

GAZETAdoINTERIOR

www.gazetainterior.com.br

Profile for SUAVE NA NIGHT

Gazeta do Interior Março 2021  

Gazeta do Interior Março 2021  

Profile for jonasxaun
Advertisement