Issuu on Google+

Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza ETEC Vargem Grande do Sul Prof. João Paulo Pereira


Conteúdo  Introdução  Empresas  O lucro  Empresas e recursos  Empresas e fatores de produção  Áreas empresariais  Empresas como sistemas abertos  Eficiência e Eficácia  Exemplo – Indústria de Plásticos


Introdução  No mundo em que vivemos quase todas

as coisas são produzidas por organizações. Tudo o que comemos, vestimos, lemos, usamos em nosso cotidiano, para o transporte, higiene, saúde, lazer, trabalho, etc. é feito em organizações.


Exemplos de Organizações Indústria Comércio Universidades Escolas Bancos Financeiras


Exemplos de Organizações Rádio Televisão Imprensa Hospitais Igreja Exército


Exemplos de Organizações Repartições Públicas Empresas Estatais Clubes Policiamento, etc.


Introdução  Há uma enorme e extensa variedade de

Organizações – Pequenas, Médias e Grandes.  Força que exercem em nossas vidas.  Vivemos, nascemos, aprendemos, trabalhamos e nos divertimos nelas, e até para o nosso enterro dependemos delas.


Introdução  Homem Organizacional – Incapaz de

viver fora de uma Organização.  Objetivo da Organização – Produzir algo.


Empresas  Empresas – Tipo especial de

Organização.  Qual a definição de empresa?*  Empresas são organizações sociais que utilizam determinados recursos para atingir determinados objetivos.


Objetivo das empresas*  Pode ser o lucro ou simplesmente o

atendimento de determinadas necessidades da sociedade (empresas n達o lucrativas). Mas sempre existem para produzir algo.


Lucro, o que é?*  Valor marginal que ultrapassa todas as

despesas gerais da empresa. O lucro é sempre o valor excedente, um agregado sistêmico.


Como conseguir lucro?*  Duas alternativas:  1 Aumentar sua produção e vendas ou;  2 Reduzir seus custos


As empresas e seus recursos  Toda produção depende da existência

conjunta de certos fatores indispensáveis.  Quais estes fatores de produção?  Fatores de Produção: Terra, Capital e Trabalho.


Empresa e os fatores de produção  A empresa é o fator integrador capaz de aglutinar a

terra (natureza), o capital e o trabalho em um conjunto harmonioso que permite que o resultado alcançado seja muito maior do que a soma dos fatores aplicados no negócio. A empresa constitui o sistema que aglutina e coordena todos os fatores de produção envolvidos, fazendo com que o resultado do conjunto supere o resultado que teria cada fator isoladamente. Isso significa que a empresa tem um efeito multiplicador, capaz de proporcionar um ganho adicional, que é o lucro.


Recursos Empresariais


Áreas empresariais  Conceito das 5 principais áreas de uma empresa  Pergunta:  - Onde se insere a área de Administração de Materiais?


Principais recursos materiais Prédios ou edifícios Fábricas ou Oficinas Escritórios ou Lojas Máquinas e Equipamentos Instalações em Geral Matérias-primas e materiais Ferramentas e utensílios


Empresas – Sistemas abertos


Empresas – Sistemas abertos  As empresas constituem sistemas abertos em

constante e complexo intercâmbio com seu ambiente externo, obtendo recursos do ambiente por meio de suas entradas, processando e transformando esses recursos internamente, e devolvendo, através de suas saídas, o resultado desse processamento e transformação do ambiente.


Empresas – Sistemas abertos  A relação de entradas e saídas fornece a indicação da

eficiência do sistema. Isso significa que quanto maior o volume de saídas em relação a um determinado volume de entradas, tanto mais eficiente será o sistema. Por outro lado, a eficácia do sistema reside na relação entre suas saídas e os objetivos que o sistema pretende alcançar. Isso significa que quanto mais suas saídas ou resultados alcancem os objetivos propostos, tanto mais eficaz será o sistema.


Eficiência e Eficácia  Pergunta:  Qual a diferença entre elas?*  Eficiência – Ênfase nos meios  Eficácia – Ênfase nos resultados


Quadro – Eficiência e Eficácia

A eficiência e a eficácia são aspectos que devem balizar conjuntamente o trabalho da Administração de Materiais.


Indústria de Plásticos  Para seu funcionamento concorrem vários sistemas: o

comercial, financeiro, administração, humano e de produção. Focalizando especificamente o sistema de produção, vamos encontrar os seguintes subsistemas (ou seções). Nesse sistema de produção, cada subsistema tem suas entradas e saídas, de tal modo que as saídas de um subsistema constituem as entradas do subsistema seguinte e assim por diante.


Indústria de Plásticos  Existe uma interdependência entre os diversos

subsistemas, fazendo com que cada um dependa do outro para poder funcionar. Nesse exemplo, à medida que a matéria prima caminha de uma seção para a outra, vai sendo processada e transformada, recebendo acréscimos e alterações como resultados do trabalho de cada seção.


Indústria de Plásticos


Indústria de Plásticos  Da mesma forma, ocorre também uma

interdependência entre os diversos sistemas. A empresa – como um sistema aberto – é influenciada pelos vários outros sistemas ao seu redor – como empresas fornecedoras de materiais e serviços – para garantir suas entradas, e de outros sistemas – como os clientes e consumidores – para garantir as suas saídas. Obviamente, esgueirando-se de das empresas concorrentes ou lutando contra elas e balizando suas operações pelas agências reguladoras e pela legislação vigente.


Para Pensar  Homens e mulheres sĂŁo limitados nĂŁo

por seu lugar de nascimento, nem pela cor de sua pele, mas pelo tamanho de sua esperança. John Johnson


Administração de Materiais - Aula 1