Page 1

EDIFICA NA MISERICÓRDIA DE

DEUS PAI!


ANO PASTORAL 2015-2016

"Edifica na Misericórdia de Deus Pai!" Tema para o ano JMV 2015/2016

Bem-aventurados os misericordiosos porque alcançarão misericórdia (Mt, 5,7) Caros jovens Edifica na misericórdia de Deus Pai é o lema que nos vai congregar no próximo ano pastoral. Segundo o dicionário edificar é um verbo transitivo que vem do latim “aedificare” e pode significar: construir; erguer; levantar; induzir ao bem e à virtude, doutrinar. Sendo um verbo transitivo (não possui sentido completo sem um complemento) é o complemento que vai determinar o seu significado. E aqui o complemento já está bem determinado: a misericórdia de Deus. A JMV, como Associação de jovens cristãos, desejada e querida por Maria, Mãe de Misericórdia, sente fortemente a convocatória do Papa Francisco para este Jubileu Extraordinário da Misericórdia: “Precisamos sempre de contemplar o mistério da misericórdia. É fonte de alegria, serenidade e paz. É condição da nossa salvação. Misericórdia: é a palavra que revela o mistério da Santíssima Trindade. Misericórdia: é o acto último e supremo pelo qual Deus vem ao nosso encontro. Misericórdia: é a lei fundamental que mora no coração de cada pessoa, quando vê com olhos sinceros o irmão que encontra no caminho da vida. Misericórdia: é o caminho que une Deus e o homem, porque nos abre o coração à esperança de sermos amados para sempre, apesar da limitação do nosso pecado” (MV 2). Com efeito, o próximo ano conduzir-nos-á, envolvidos pela misericórdia de Deus Pai, a dois momentos muito importantes na vida da nossa querida Associação, ambos vividos em Cracóvia: o Encontro Internacional de Jovens Vicentinos que tem como lema: Vicentino, fiel à caridade e a Jornada Mundial da Juventude que tem na quinta Bem-aventurança: Bem-aventurados os misericordiosos porque alcançarão misericórdia (Mt, 5,7) a sua força mobilizadora. Caros JMV´s, como é bom poder edificar na misericórdia de Deus Pai tendo como alicerce as Bemaventuranças. É sempre muito útil ler e meditar as Bem-aventuranças! Foi Jesus, o rosto da misericórdia do Pai, quem as proclamou no seu primeiro grande sermão. E que prega Ele? Prega o caminho da vida; aquele caminho que Ele mesmo percorre, ou melhor, que é Ele mesmo, e propõe-no como caminho da verdadeira felicidade. Ao proclamar as Bem-aventuranças, Jesus convida-nos a segui-Lo, a percorrer com Ele o caminho do amor, o único que conduz à vida eterna. Não é uma estrada fácil, mas o Senhor assegura-nos a sua graça e nunca nos deixa sozinhos. Na nossa vida, há muitos momentos em que vacilamos e perdemos o entusiasmo mas, se abrirmos a porta a Jesus, se nos deixarmos envolver pela sua misericórdia, experimentaremos uma paz e uma alegria que só Deus pode dar. É verdade que as Bem-aventuranças são portadoras duma novidade revolucionária, dum modelo de felicidade oposto àquele que habitualmente é transmitido pelos mass media e pelo pensamento dominante. Na lógica deste mundo, aqueles que Jesus proclama felizes são considerados «perdedores», fracos. Ao invés, exalta-se o sucesso a todo o custo, o bem-estar, a arrogância do poder, a afirmação própria em detrimento dos outros. “Jesus declara que a misericórdia não é apenas o agir do Pai, mas torna-se o critério para individuar quem são os seus verdadeiros filhos. Em suma, somos chamados a viver de misericórdia, porque, primeiro, foi


usada misericórdia para connosco. O perdão das ofensas torna-se a expressão mais evidente do amor misericordioso e, para nós cristãos, é um imperativo de que não podemos prescindir. Tantas vezes, como parece difícil perdoar! E, no entanto, o perdão é o instrumento colocado nas nossas frágeis mãos para alcançar a serenidade do coração. Deixar de lado o ressentimento, a raiva, a violência e a vingança são condições necessárias para se viver feliz”(MV 9). São Vicente de Paulo e Santa Catarina Labouré descobriram nas catorze obras de misericórdia – sete corporais e sete espirituais – as diferentes declinações da caridade, vertendo esse dinamismo interior, que é o amor, em gestos, atitudes e obras, tornando claro que a caridade não é um mero sentimento ou uma opção facultativa, mas antes o modo de fazermos da «casa comum» um lugar habitável. Caríssimos, a juventude “é o luxo de ter tempo para decidir que tipo de pessoa se pretende ser”. É o tempo do discernimento e da decisão. Jesus interpela-vos para que respondais à sua proposta de vida, para que decidais qual estrada quereis seguir a fim de chegar à verdadeira alegria. Trata-se dum grande desafio de fé. Jesus não teve medo de perguntar aos seus discípulos se verdadeiramente queriam segui-Lo ou preferiam ir por outros caminhos (cf. Jo 6, 67). E Simão, denominado Pedro, teve a coragem de responder: «A quem iremos nós, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna» (Jo 6, 68). Ora, se souberdes, vós também, dizer «sim» a Jesus, a vossa vida jovem encher-se-á de significado, e assim será fecunda. Na última Assembleia Nacional decidimos abrir o processo de revisão dos nossos Estatutos Nacionais. É, também agora, o tempo de decidir que tipo de “paredes” queremos para este edifício que é a nossa querida JMV. Contamos com contributo e a participação de todos. “A arquitrave que suporta a vida da Igreja é a misericórdia. Toda a sua ação pastoral deveria estar envolvida pela ternura com que se dirige aos crentes; no anúncio e testemunho que oferece ao mundo, nada pode ser desprovido de misericórdia” (MV 10). Esta seja a trave mestra do edifício que queremos construir através das várias atividades, encontros, formações e celebrações que teremos ao longo deste ano pastoral. E a terminar, voltemos o nosso olhar para Maria, Mãe da Misericórdia que a doçura do seu olhar nos acompanhe neste Ano Santo, para podermos redescobrir a alegria da ternura de Deus que Ela canta no seu Magificat, também ele dedicado à misericórdia que se estende de «geração em geração» (Lc 1, 50). p. Fernando, CM (Assessor Nacional)


SETEMBRO 2015 9 Dia do Beato Frederico Ozanan 25 IV Jornadas Nacionais da Pastoral Juvenil 26 IV Jornadas Nacionais da Pastoral Juvenil 27 Dia de S. Vicente de Paulo Encontro Nacional da Família Vicentina

Centros Locais Fátima Fátima Centros Locais Fátima

OUTUBRO 2015 7 Dia do Rosário 17 VI Jornadas JMV 18 Dia mundial das Missões

Centros Locais Paialvo Centros Locais

NOVEMBRO 2015 7 XVII Fórum Ecuménico Jovem 21 Encontro Regional Centro 22 Encontro Regional Sul 27 2ª Aparição de Nossa Senhora – Dia da Medalha Milagrosa 28 Dia de Santa Catarina de Labouré Dia da fundação da Companhia das Filhas da Caridade Encontro Regional Norte 29 Encontro Regional Norte

Castelo Branco (a definir) S. João Evangelista Centros Locais Centros Locais Centros Locais Lagares Lagares

DEZEMBRO 2015 8 Dia da Imaculada Conceição de Nossa Senhora 25 Natal

Centros Locais Centros Locais

JANEIRO 2016 8 Reunião do Conselho Nacional da Pastoral Juvenil 9 Reunião do Conselho Nacional da Pastoral Juvenil 25 Dia da Província da Congregação da Missão

Fátima Fátima Centros Locais

FEVEREIRO 2016 5 Encontro Sub-16 Sul 6 Encontro Sub-16 Sul / Norte 7 Encontro Sub-16 Sul / Norte 8 Encontro Sub-16 Sul 11 Dia Mundial do Doente

Sines Sines / Lagares Sines / Lagares Sines Centros Locais

MARÇO 2016 4 Retiro Quaresmal Norte 5 Retiro Quaresmal Norte 6 Retiro Quaresmal Norte 12 Retiro Quaresmal do Centro 15 Dia de Santa Luísa de Marillac 20 Dia Mundial da Juventude 27 Páscoa Torneio JMV

Lagares Lagares Lagares (a definir) Centros Locais Centros Locais Centros Locais Catujal


ABRIL 2016 2 Encontro de Formação JMV 3 Assembleia Nacional e Conselho Nacional Alargado 15 Reunião do Conselho Nacional da Pastoral Juvenil 16 Reunião do Conselho Nacional da Pastoral Juvenil 30 II Encontro Mariano e Vicentino

Fátima Fátima Fátima Fátima Olival Basto

MAIO 2016 1 II Encontro Mariano e Vicentino Caminhada Mariana Norte 7 Fátima Jovem 8 Fátima Jovem 13 Aniversário da 1ª Aparição de Nossa Senhora de Fátima 28 Sub-16 Centro 29 Sub-16 Centro

Olival Basto Centros Locais Fátima Jovem Fátima Jovem Centros Locais (a definir) (a definir)

JUNHO 2016 4 JMV Sem Fronteiras

(a definir)

JULHO 2016 16 Arraial JMV Norte 18 1ª Aparição de Nossa Senhora – Dia da JMV 23 Encontro Internacional de Jovens Vicentinos 24 Encontro Internacional de Jovens Vicentinos 25 Encontro Internacional de Jovens Vicentinos 26 Jornadas Mundiais da Juventude 27 Jornadas Mundiais da Juventude 28 Jornadas Mundiais da Juventude 29 Jornadas Mundiais da Juventude 30 Jornadas Mundiais da Juventude 31 Jornadas Mundiais da Juventude

Lagares Centros Locais Cracóvia Cracóvia Cracóvia Cracóvia Cracóvia Cracóvia Cracóvia Cracóvia Cracóvia

AGOSTO 2016 24 XXXII Encontro Nacional JMV 25 XXXII Encontro Nacional JMV 26 XXXII Encontro Nacional JMV 27 XXXII Encontro Nacional JMV 28 XXXII Encontro Nacional JMV

(a definir) (a definir) (a definir) (a definir) (a definir)

11 de Janeiro até 3 de Julho de 2016 – Peregrinação da Cruz Missionária das JMJ pelas dioceses do país.

Plano de Atividades JMV PORTUGAL 2015/2016  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you