Page 1

COLUNA RH ANO NOVO Aproveite o início de ano para refletir e repensar estratégias. É produtivo e traz resultado!

O

início de mais um ano é época propícia para todas as áreas da empresa repensarem o que aconteceu de bom e ruim em 2013 e definirem metas desafiadoras para 2014. Essa prática envolve muitas ações e não é tão simples como sentar as equipes com as devidas lideranças em um café e iniciarem uma sessão de brainstorming (tempestade de ideias), sem hora para começar e terminar. Na realidade, estamos falando de uma prática adotada por grandes empresas que serve de estímulo para não acontecerem os mesmos erros sempre, além de proporcionar reflexão positiva em cima de lucros e prejuízos relevantes obtidos pela organização. O nome dessa prática é gerenciamento de lições aprendidas — e a área de recursos humanos pode ser um grande parceiro na sua condução. As empresas que compreendem uma gestão de pessoas mais estruturada detêm essa prática no tema gestão do conhecimento, por se tratar de uma ferramenta demasiadamente eficaz para reter conhecimentos críticos e motivar a transmissão e troca de informações. Você que trabalha na área de recursos humanos, e não conhece essa técnica valiosa, deve estar se perguntando como

40 | ENGEWORLD | JANEIRO 2014

pode ser organizado esse tema, uma vez que ele pode gerar questionamentos duvidosos como, por exemplo, por que querem saber o que eu errei?; o que eu vou ganhar com isso?; servirá em que momento de minha vida profissional? Por esse motivo, qualquer ação voltada a essa prática, deve estar muito bem alinhada com a alta administração e envolver todos, uma vez que “todos” tiveram a oportunidade de aprender algo com o ano que passou. Apenas faz-se necessária a definição dos principais assuntos que deverão ser discutidos para não tornar o processo “lavação de roupa suja”, o que é desagregador e desestimulante. De acordo com grandes estudiosos do assunto, além das preliminares para convencer os principais executivos e, posteriormente, o corpo gerencial, cinco pontos são considerados fundamentais nesse processo:

1

Conscientizar os funcionários — Quebrar o paradigma de que as lições aprendidas são uma perda de tempo e promover a troca de conhecimentos, apenas como vantagens para todos. Não podemos esquecer que envolve também mudança de cultura. Cabe colocar que um processo bem dimensionado pela área de comunicação

corporativa poderá auxiliar a área de recursos humanos a explicar à população, sem que as pessoas se sintam constrangidas a se expor e “abrir o coração”;

2

Definir como as informações serão coletadas e registradas —Uma vez que as pessoas já entenderam e estão dispostas a cooperar, esse é o próximo passo. Essa é uma tarefa árdua e exige demasiado esforço de todos. A área de recursos humanos deverá orientar as equipes sobre como devem fazer para consolidar todo o material exposto e criar formas para organizar as ideias trazidas, além de informar quais temas serão discutidos para as pessoas se organizarem e estarem preparadas para uma discussão focada e assertiva. É interessante também definir tempo de início e término para a reunião;

3

Analisar sucessos e fracassos — É necessário que essas lições discutidas sejam entendidas e analisadas. Trata-se de uma excelente oportunidade de compreender e contextualizar esses registros de modo a utilizar essas medidas de melhoria quando necessárias. É importante a presença de um mediador, uma vez que algumas reuniões ficam mais calorosas devido à responsabilidade de êxito ou fracasso das pessoas perante os assuntos trazidos. Não se pode permitir que as reuniões se tornem cenários de bate-boca ou descontentamento entre os membros;

4

Difundir o conhecimento — Após a realização das reuniões de apresentação dos temas e discussão, os principais registros feitos e aqueles


Zell Ambiental

que causam maior impacto para a organização serão transformados em arquivos eletrônicos para que sejam acessados por qualquer pessoa que precise tratar o tema em dado momento na empresa. A área de recursos humanos precisará consolidar as informações e transformar os temas em uma verdadeira biblioteca. Nesse momento, mais uma vez a área da comunicação corporativa será nomeada para ajudar no processo, juntamente com a área de tecnologia da informação, a qual deverá estruturar a parte eletrônica do processo;

ticipar no mesmo grupo pessoas de áreas diferentes, mas que tenham forte parceria no dia a dia de trabalho. A utilização eficaz de lições aprendidas ao longo do ciclo de vida de empresas e projetos pode trazer diversas vantagens como otimização de tempo e recursos e melhoria contínua, além de reduzir expressivamente despesas e custos. Adote essa prática. Os benefícios são significativos e expressivos!

5

Manter os registros atualizados — O processo de lições aprendidas é cíclico e deve acontecer todos os anos. Cada equipe que discutiu assuntos deverá atualizar os dados devidamente no sistema. É muito importante para a empresa que todo funcionário novo estude o que já aconteceu em sua área ou função para não cometer os mesmos erros. Para finalizar, cabe dizer que a divisão das equipes pode ser feita pelos próprios gerentes de áreas, sendo que podem par-

Cynthia Chazin Morgensztern é psicóloga e coach graduada pela Universidade Mackenzie, além de pós-graduada em Gestão Estratégica de Pessoas e com MBA em Gestão Educacional. Possui dois títulos de educação continuada na Faculdade Getúlio Vargas nas áreas de administração e economia e acumula 15 anos de experiência na área de Recursos Humanos de empresas nacionais e multinacionais. Site: www.primeirovoce.com E-mail: cynthia@primeirovoce.com

Líder no desenvolvimento de soluções ambientais e de segurança, a Zell Ambiental comercializa uma grande variedade de equipamentos e serviços para: Detecção Fixa e Portátil de Gases, Monitoramento da Qualidade da Água e de Metais em Água, Análise de Gases (CEM’s), Monitoramento de Particulados e Monitoramento de Radiação NãoIonizante, além de Suporte Técnico Especializado. Entre em contato e solicite um orçamento!

(11) 2187-9355 | zell@zell.com.br

ENGEWORLD | JANEIRO 2014 | 41


Rev jan 2014  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you