__MAIN_TEXT__

Page 1

LisbonWeek 2015 N.º2

JANEIRO ­– abril 2015 REVISTA QUADRIMESTRAL JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Visitas Culturais Exposições 10-19 Abril

PATRIMÓNIO ARQUITECTURA DESENHO FOTOGRAFIA ARTE


Membros do executivo Presidente André Caldas Secretário Igor Roçadas Tesoureiro José Ferreira Vogais Ana Oliveira Rosa Lourenço Cláudia Cláudio Ricardo Varela Membros da assembleia Presidente Luís Nazaré – PS 1.º Secretário José Reis – PS 2.º Secretário Margarida Afonso – PS Vogais Joana Medeiro – PS Mário Branco – PS Cristina Campos – PS Diogo Carvalhêda – PS Mário Rui Costa – PS Mariana Teixeira – PSD Armando Estácio – PSD Valdemar Salgado – PSD

Editorial Alvalade é inspiradora! O Bairro de Alvalade foi concebido e construído de um modo tão especial, que os propósitos que presidiram a esses momentos impactam, ainda hoje, com enorme intensidade nas vidas do dia-a-dia de quem aqui vive ou que por aqui passa. Pensado de modo a que nenhuma habitação distasse mais de quinhentos metros do equipamento escolar mais próximo, aliou espaços residenciais a vias comerciais e, ao longo do tempo, foram nascendo equipamentos de grande importância. Por outro lado, o surgimento e crescimento do Bairro respeitou a manutenção de um conjunto de pré-existências, desde o Palácio dos Coruchéus ao Hospital Júlio de Matos, que ficaram integradas, em pacífica convivência, com a urbe que as envolveu sem as engolir. Há de tudo em Alvalade, desde equipamentos desportivos a museus, teatro, cinema, galerias, escolas, universidades, jardins, comércio tradicional. É isto que queremos mostrar a quem ainda não conhece e dar a desfrutar de uma forma muito especial a quem já se apercebeu. O LisbonWeek propôs-nos acolher a edição deste ano, o que aceitámos desde o primeiro momento. Agradeço à Actu, na pessoa da Xana Nunes, e à CML, na pessoa da Vereadora Graça Fonseca, a oportunidade. As visitas, as exposições, o teatro e todas as demais iniciativas programadas vão provocar Alvalade e pôr Alvalade a provocar. Alvalade vai-se vestir de gala para se mostrar no seu melhor, mas “o que fica do que passa” é ela, Alvalade, sempre provocante.

Diogo Bastos – PSD Joaquim Fernandes Marques – PSD

Aproveitem! ●

Maria Manuela Santos – PSD Francisco Bento – PSD Pedro Bastos – CDU Aquino de Noronha – CDU José Correia – CDS Nuno Beirante Domingues – BE

André Caldas Presidente da Junta de Freguesia de Alvalade

Propriedade Junta de Freguesia de Alvalade · Direção e Coordenação André Caldas · Redação Conteúdos LisbonWeek Actu - Associação Cultural e Artística Urbana · Restantes Conteúdos Junta de Freguesia de Alvalade · Composição e Design Gráfico Junta de Freguesia de Alvalade Impressão Gráfica VRBL Unipessoal, Lda. · Depósito Legal 380718/15 · Tiragem 27 500 exemplares · DISTRIBUIÇÃO GRATUITA Fotografia de capa © Tiago Fonseca / LisbonWeek

Junta de Freguesia de Alvalade

Sede: Rua Conde Arnoso, 5-B · 1700-112 Lisboa · Tel.: 218 428 370 · Fax: 218 428 399 · geral@jf-alvalade.pt Polo Ernesto de Vasconcelos: Rua Ernesto de Vasconcelos, n.º 8 · 1700-162 Lisboa · Tel.: 217 590 271 · Fax: 217 571 338 Polo Teixeira de Pascoais: Rua Teixeira de Pascoais, n.º 10 · 1700-363 Lisboa · Tel.: 218 446 609 · Fax: 218 493 196


LISBONWEEK 2015

LISBONWEEK 2015 Chegou a terceira edição do LisbonWeek, e com ela o sentido gratificante de contribuir para o conhecimento desta cidade de nome Lisboa.

esta descoberta e seguir este sonho. Um agradecimento muito especial ao público que nos tem acompanhado e nos tem dado dimensão para continuarmos.

Nos últimos anos, o LisbonWeek tem proporcionado encontros inesquecíveis a milhares de pessoas, que ficam a conhecer melhor os segredos de uma cidade aberta para o mundo, ouviram histórias menos conhecidas de ruas de todos os dias e viveram momentos de descoberta únicos proporcionados por uma pequena grande equipa que ao longo de 365 dias, em cada edição, faz o levantamento de uma zona da capital e a dá a revelar, cruzando as suas estórias com os encantos das sete artes, em diversos eventos e apresentações.

Alvalade merecia esta atenção. Um Bairro desenhado para viver com autonomia dentro da própria cidade, com pilares vitais no Ensino, com edifícios extraordinários de Arquivos, Museus, Centros de Arte, Zonas Verdes e Mercados, e com uma história Arquitectónica muito rica que estará em grande destaque este ano.

Av. da Igreja, Alvalade · © Estúdio Horácio de Novais

Sinais do tempo em que reconhecemos que com vontade e juntando forças, qualquer cidadão pode desafiar instituições, marcas, pessoas e empresas, a contribuir para a evolução de uma cidade – neste caso, de um bairro. A todos agradeço. Aos associados da Actu (Associação Cultural e Turística Urbana), à Câmara Municipal de Lisboa, à Junta de Freguesia de Alvalade que a nós se juntou este ano, à Caixa Geral de Depósitos que continua a apoiar a Cultura, e a todos os nossos parceiros, pois sem eles seria impossível proporcionar

Esta escolha não foi inocente, pois foi aqui que cresci em liberdade, segurança e proximidade. De 10 a 19 de Abril, contamos a história de uma Lisboa Moderna, de um Bairro que deu origem a uma geração que acreditava que tudo era possível. E foi. E, como provaremos, ainda é. Bem-vindos a Alvalade. ●

Xana Nunes Fundadora do LisbonWeek

O n.º 2 da revista Alvalade é uma edição especial dedicada ao LisbonWeek 2015, que se realiza de 10 a 19 de Abril. Durante 10 dias, Alvalade será palco de visitas culturais, exposições e inúmeras iniciativas de âmbito cultural e turístico. Descubra nesta edição os destaques de programação. ÍNDICE: 02 VISITAS CULTURAIS 05 VISITAS CULTURAIS DE AUTOCARRO 06 EXPOSIÇÃO 08 DESTAQUES 09 PROGRAMAÇÃO PARALELA JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE · 01


VISITAS CULTURAIS Compre o seu bilhete em www.ticketline.pt ou nos balcões Ticketline

Biblioteca Nacional de Portugal Último grande projecto do arquitecto Porfírio Pardal Monteiro, concluído pelo seu sobrinho António Pardal Monteiro, este é o primeiro edifício construído de raíz para a Biblioteca Nacional de Portugal. Inaugurado em 1969, tem uma área total de cerca de 60 mil m2. O seu traço vanguardista, bem como a intervenção de uma série de artistas de renome, transformaram a BNP num dos locais mais emblemáticos de Lisboa, sendo hoje imóvel de interesse público. ●

Jardim do Campo Grande Ocupa uma área de cerca de 14 hectares e é o maior espaço verde no centro da cidade. A imagem de postal que hoje vemos começou a ser idealizada em 1801, por D. Rodrigo Sousa Coutinho, Conde de Linhares, que projectou o jardim como “Passeio Romântico”, segundo ordens de D. João VI. Com dezenas de intervenções desde a sua abertura, o Jardim do Campo Grande, que já foi palco de corridas de cavalos, tem agora entre os seus caminhos o primeiro recreio canino de Lisboa. ●

Reitoria da Universidade de Lisboa A Reitoria da Universidade de Lisboa, edifício imponente que se ergue sobre a Alameda da Universidade, foi inaugurada em 1961, completando o projecto idealizado em 1956 pelo arquitecto Porfírio Pardal Monteiro. De modo a reforçar o seu espírito de grandiosidade, recebeu obras de vários artistas, das quais se destacam gravuras de Almada Negreiros, painéis de António Lino, um vitral de Lino António, ou pintura mural de Daciano Costa. ●

02 · JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE


VISITAS CULTURAIS Mais informações e horários em www.lisbonweek.com

Torre do Tombo O actual edifício da Torre do Tombo foi projectado pelo atelier do arquitecto Arsénio Cordeiro e inaugurado em 1990, para receber o vasto espólio que desde 1757 se encontrava no que hoje conhecemos como Palácio de São Bento. Com capacidade para albergar 140 quilómetros lineares de documentação, a Torre do Tombo guarda mais de dez séculos de história documental portuguesa, incluindo a Bula Manifestis Probatum, considerada a “certidão de nascimento de Portugal”. ●

Museu de Lisboa Palácio Pimenta A ideia de criar um museu que documentasse e divulgasse a história de Lisboa, nas diferentes etapas da sua evolução, remonta a 1909, mas este só viria a existir, tal como hoje o conhecemos, a partir de 1979, quando foi inaugurado no Palácio Pimenta. O Museu de Lisboa – Palácio Pimenta (imóvel de interesse público) traça o percurso cronológico da evolução da capital, desde a ocupação do território durante a pré e proto-história até ao século XX. ●

Museu Bordalo Pinheiro O Museu Bordalo Pinheiro dedica-se ao estudo e divulgação da obra de Rafael Bordalo Pinheiro (1846-1905). Aberto ao público em 1916, tem origem na colecção bordaliana de Cruz Magalhães, admirador da obra Bordalo – artista multifacetado e observador atento do seu tempo, que foi retratando com apurado sentido de humor, através de desenhos e caricaturas. O museu tem mais de 1200 peças de cerâmica, 3000 exemplares de originais (desenho e pintura), e outras preciosidades. ●

JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE · 03


VISITAS CULTURAIS Compre o seu bilhete em www.ticketline.pt ou nos balcões Ticketline

Hospital Júlio de Matos As primeiras plantas para criação do Hospital Júlio de Matos datam de 1913, mas a sua construção estende-se ao longo de 30 anos. Influenciado pela degradação do Hospital Miguel Bombarda e pela doação de um empresário, Júlio de Matos (1856-1922), especialista em alienismo e psiquiatria forense, foi o grande promotor da fundação deste centro hospitalar, que viria a abrir portas a 2 de Abril de 1942 – e rapidamente se tornaria uma referência a nível internacional. ●

Laboratório Nacional de Engenharia Civil Criado em 1946, o Laboratório Nacional de Engenharia Civil é um instituto público de ciência e tecnologia que desenvolve investigação em todos os domínios da Engenharia Civil. No seu campo, constitui um património nacional orientado por elevados padrões de ética, cujo investimento contínuo na inovação e na difusão do conhecimento tem permitido responder adequadamente à constante evolução da Ciência e Tecnologia. ●

Complexo dos Coruchéus Construído pelo Município de Lisboa como “o primeiro conjunto de ateliers, na cidade, para protecção e incitamento a artistas plásticos”, o Complexo dos Coruchéus abriu em 1971, com 50 ateliers. Em 2010 foi alvo de obras de manutenção e o jardim recebeu uma escultura de José Pedro Croft. Dele faz também parte a Biblioteca dos Coruchéus, que disponibiliza espaços de utilização comunitária, oficinas, e salas com tecnologias de informação. ●

04 · JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE


VISITAS CULTURAIS DE AUTOCARRO Mais informações e horários em www.lisbonweek.com

LISBOA MODERNA Curadoria Ana Tostões Ponto de encontro

Bairro das Estacas, Alvalade · © Arquivo Municipal de Lisboa

Porta principal da Bibllioteca Nacional de Portugal 1. Biblioteca Nacional de Portugal Av. Igreja Igreja São João de Brito 2. Av. Dom Rodrigo da Cunha Av. Aeroporto Areeiro Av. João XXI 3. Praça de Londres Praça de Londres, Pastelaria Mexicana Av. Frei Miguel Contreiras 4. Bairro das Estacas Av. Roma Rua Frei Amador Arrais 5. Escola Bairro São Miguel Clínica de São Miguel 6. Edifícios Vává, cerâmica Menez Av. EUA Av. Rio de Janeiro 7. Av. Brasil; LNEC; Conjunto edifícios arq. Jorge Segurado Reitoria Universidade de Lisboa

PORFÍRIO PARDAL MONTEIRO

Curadoria João Pardal Monteiro Ponto de encontro Reitoria da Universidade de Lisboa · © Mario Novais / Atelier Pardal Monteiro

Porta principal da Biblioteca Nacional de Portugal Biblioteca Nacional de Portugal (BNP) Reitoria da Universidade de Lisboa Laboratório Nacional de Engenharia Civil Instituto Superior Técnico Instituto Nacional de Estatística Av. António José de Almeida (estátua) Estação do Cais do Sodré Ritz Four Seasons Hotel Lisboa Igreja Nossa Senhora de Fátima Regresso à BNP, passando pela Aula Magna

JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE · 05


EXPOSIÇÃO

PORFÍRIO PARDAL MONTEIRO ARQUITECTO DE LISBOA

BIBLIOTECA NACIONAL DE PORTUGAL

Curadoria Ana Tostões e João Pardal Monteiro

MECENAS DA EXPOSIÇÃO

06 · JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE

Reitoria da Universidade de Lisboa, Hotel Ritz, Instituto Superior Técnico, Faculdade de Letras, Laboratório Nacional de Engenharia Civil, Biblioteca Nacional de Portugal… A lista podia continuar, tantos são os edifícios emblemáticos de Lisboa cuja autoria é de Porfírio Pardal Monteiro (1897-1957). Criador de impressionantes obras públicas, eficaz e pragmático, marcou a transformação e evolução urbanística da cidade com equipamentos vitais.

No início do século XX, foi o arquitecto que mais construiu e o que se celebrizou como primeiro moderno. Sem concessões, foi capaz de pegar no fio da tradição para inovar.


© Atelier Pardal Monteiro

É por isso urgente conhecer a obra de Porfírio Pardal Monteiro – para compreender Lisboa é preciso conhecer o trabalho, e o legado, de Porfírio Pardal Monteiro. Patrocinada pela Caixa Geral de Depósitos, esta exposição leva-nos numa viagem de descoberta do homem e do arquitecto. Setenta e sete anos depois da mostra realizada em 1938 no Instituto Superior Técnico, que assinalava os seus 20 anos de carreira, Lisboa celebra finalmente Porfírio Pardal Monteiro apresentando uma visão panorâmica do seu trabalho e da sua vida de labor e paixão. Obras como a Estação do Cais do Sodré ou as Gares Marítimas serão apresentadas a partir de desenhos originais, pinturas visionárias ou imagens de época, ocupando 1000 m2 de uma sala nunca antes visitada na Biblioteca Nacional de Portugal. ●

Edifícios EmblemáticOs do ArqUITECTO Porfírio Pardal Monteiro Gares Marítimas de Alcântara e da Rocha do Conde de Óbidos Diário de Notícias Hotel Tivoli Ritz Four Seasons Hotel Lisboa Instituto Superior Técnico Instituto Nacional de Estatística Igreja de Nossa Senhora do Rosário de Fátima Reitoria da Universidade de Lisboa + Complexo da Faculdade de Direito e Faculdade de Letras Biblioteca Nacional de Portugal Caixa Geral de Depósitos do Porto

EXPOSIÇÃO Biblioteca Nacional de Portugal Campo Grande, 83 Entrada Livre entre 10 e 19 de Abril 2ª a 6ª das 09h30 às 19h30, Sábados das 09h30 às 17h30 JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE · 07


DESTAQUES DE PROGRAMAÇÃO

© Eduardo Salavisa

© Direitos Reservados

Mais informações em www.lisbonweek.com

Encontrar Maria Keil

URBAN SKETCHERS

Uma produção da Actu que expõe alguns dos mais notáveis trabalhos de azulejaria de Maria Keil. A sua obra, construída ao longo de oito décadas, mistura ilustração, pintura, tapeçaria, mobiliário, cenografia, o que a torna uma das mais notáveis artistas portuguesas do século XX. ●

Um olhar diferente sobre o quotidiano de Alvalade, pelas mãos do Grupo Urban Sketchers, um colectivo de autores que desenha diários gráficos das cidades por onde passam, e que durante Janeiro e Fevereiro captaram o ambiente, as cores e a vida deste bairro. ●

Metropolitano de Alvalade · Exposição

Entrada Livre Reitoria da Universidade de Lisboa, Alameda da Universidade 2ª a 6ª das 10h00 às 19h00

Bairro das Estacas, Alvalade · © Arquivo Municipal de Lisboa

Entrada Livre [Necessário bilhete de acesso ao cais de embarque da estação] Estação de Metro de Alvalade, Praça de Alvalade 2ª a Domingo das 06h30 à 01h00

Reitoria da Universidade de Lisboa · Exposição

VANGUARDA

Centro Comercial Alvalade · Exposição Uma exposição de fotografia que recua até à década de 50 para mostrar o dia-a-dia de Alvalade, por muitos considerado um paradigma do urbanismo português. As imagens para este “regresso ao passado” foram disponibilizadas pelo Arquivo Municipal de Lisboa. ● Entrada Livre Centro Comercial Alvalade, Praça de Alvalade, 6 2ª a Domingo das 09h00 às 21h00 08 · JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE

E Morreram Felizes Para Sempre Hospital Júlio de Matos · TEATRO

Esta peça de teatro imersivo, da autoria de Nuno Moreira e com direcção de actores de Ana Padrão, é um cross over entre a tragédia amorosa de Pedro e Inês de Castro e a invenção da lobotomia, por Egas Moniz, neste hospital. Um espectáculo para descobrir as estórias dentro da história. ● Datas e informações de bilheteira em www.lisbonweek.com


PROGRAMAÇÃO PARALELA

Antigo mercado de levante, Alvalade · © Arquivo Municipal de Lisboa

Descubra mais eventos da programação oficial em www.lisbonweek.com

LNEC – Engenharia para a Sociedade A engenharia portuguesa ilustrada através de uma exposição de modelos reduzidos de estruturas e instalações experimentais, utilizados em estudos para a garantia da segurança de grandes obras de engenharia. Esta exposição conta com o apoio da EDP. ● Entrada Livre LNEC – Avenida do Brasil, 101 Átrio do edifício principal e galeria 2ª a 6ª das 09h00 às 19h00

Mostra de Arte

Feira da Buzina

A mOstra tem como objectivo promover, divulgar e comercializar arte contemporânea, portuguesa e não só. O espaço alternativo é obrigatório, e do conjunto de artistas fazem parte nomes consagrados e emergentes, de modo a criar uma nova dinâmica entre o mundo da arte e o público: “mostrar” como uma nova forma de expor. ●

Organizada em Portugal pela Taiga, a Feira da Buzina adopta o formato car boot sales, onde os vendedores utilizam a bagageira do carro como expositor de vendas. Em oito edições, participaram cerca de 500 carros com uma enorme variedade de produtos: velharias, roupa, antiguidades... ●

Entrada Livre Rua do Centro Cultural, 2 De 10 a 19 de Abril 2ª a 6ª das 13h00 às 20h00, Sábados e Domingos das 12h00 às 19h00 Saiba mais em www.mostradearte.com

Saiba como participar em www.facebook.com/feiradabuzina

Entrada Livre Parque do Mercado de Alvalade Norte, Av. Rio Janeiro Dia 12 de Abril das 11h00 às 19h00

Exposição Campo Grande

Peixe em Lisboa O Peixe em Lisboa junta-se ao LisbonWeek e vai do Pátio da Galé, no Terreiro do Paço (onde decorre, entre 9 e 19 de Abril) até ao Mercado de Alvalade, para alguns chefes bem conhecidos mostrarem aos visitantes formas de cozinhar os esplêndidos peixes e mariscos portugueses. ● Entrada Livre Mercado de Alvalade Norte, Av. Rio de Janeiro Dia 17 de Abril às 11h30

REGATA DE BARCOS A REMO O lago do Jardim do Campo Grande acolherá mais uma vez com Fernando Alvim a Grande Regata de Barquinhos a Remos, evento que vai receber a mais irreverente e divertida competição náutica da cidade. ● Saiba como participar em www.facebook.com/ barquinhosaremos

Lago do Jardim do Campo Grande Dia 18 de Abril às 15h00

Biblioteca Nacional de Portugal Campo Grande, 83 Entrada Livre

Exposição Cidade Olímpica Torre do Tombo Alameda da Universidade Entrada Livre

Exposição Inside Alvalade Biblioteca dos Coruchéus Rua Alberto Oliveira Entrada Livre JUNTA DE FREGUESIA DE ALVALADE · 09


Profile for Junta de Freguesia de Alvalade

N.º 2 Revista Alvalade - Edição Especial LisbonWeek  

Revista quadrimestral da Junta de Freguesia de Alvalade - n.º 2 (janeiro-abril 2015). Edição especial dedicada ao LisbonWeek, um evento a a...

N.º 2 Revista Alvalade - Edição Especial LisbonWeek  

Revista quadrimestral da Junta de Freguesia de Alvalade - n.º 2 (janeiro-abril 2015). Edição especial dedicada ao LisbonWeek, um evento a a...

Advertisement