Page 328

"Olha," ela disse suavemente. Dois cisnes nadavam um ao lado do outro, o pescoço arqueado juntos, formando um desenho de coração. "É um sinal." "Claro que é, querida. Posso ir agora?" "Sim." Penni sentiu a última gota do seu medo sumir. "Tudo vai ficar bem. Eu posso sentir isso." Jackal sorriu. "Eu venho dizendo isso por nove meses." Sim, ele esteve dizendo a ela, mas ela não tinha acreditado até agora. As contrações começaram novamente, mas ela não lhe disse, não querendo distraí-lo de dirigir. Foi um alívio chegar na entrada de emergência. Ela não foi capaz de sair do carro antes dele voltar com uma cadeira de rodas. Felizmente Jackal não a tinha escutado, e seu médico estava presente, esperando por ela. Outra contração a atingiu enquanto ela estava se afastando na cadeira de rodas. Jackal estava ao seu lado quando ela foi levada às pressas para a sala de parto. A visão da cama a teria deixado histérica se ela não tivesse visto o sinal que os cisnes haviam presenteado a ela. "Leve-a e ligue-a aos monitores cardíacos," seu médico ordenou. Penni estava com muita dor para perceber que a sala estava se enchendo de enfermeiros e técnicos. Quando ela teve um vislumbre do rosto de Jackal, ela tentou aliviar sua preocupação. "Estou bem." Ele só balançou a cabeça, se movendo para sair do caminho para que o médico pudesse trabalhar. Penni estendeu a mão para ele, sentindo-o pegar com a dele. "Nós podemos fazer isso." Penni lhe deu um sorriso trêmulo. "De novo não. Um é o suficiente." "Vamos ver." Penni tentou se levantar quando uma dor irradiou através de seu corpo. "Meu peito está doendo." Ela começou a ter falta de ar quando o sinal agudo dos monitores encheu a sala. Penni viu o medo no rosto de Jackal quando ela começou a perder a consciência.

J A M I E

B E G L E Y

Profile for Jessica Rosa

Hostage - Jamie BEngley  

Hostage - Jamie BEngley  

Advertisement