Page 114

A estrada estava próxima quando Jackal viu uma brecha no meio da grande multidão o suficiente para fazer a sua moto atravessar. Ele andava de moto pela abertura passando pela fila de motos que estavam estacionadas. Os idiotas estavam muito fodidamente ocupados assistindo a luta armada para sair do perigo. Sua moto atingiu o pavimento, e ele acelerou o motor, seguindo a fila de faróis vermelhos que conduziam até a cidade. Penni afrouxou o aperto que ela tinha em sua cintura, e Jackal deu um suspiro de alívio que ela estava segura. Quando se aproximavam da cidade, carros de polícia e ambulâncias acelerados passaram por eles com as luzes piscando. Ele esperava que Hennessy não fosse um dos motoqueiros que precisaria de uma carona para o hospital local. Jackal estacionou sua moto na frente, correndo com ela para o quarto de hotel, em seguida, fechando a porta atrás deles. Olhando pela janela, ele viu no estacionamento vários motoqueiros, mas nenhum deles parecia interessado neles. Jackal apostava que a maioria deles só estava pegando suas coisas e saindo da cidade antes que os policiais voltassem. "Estamos bem agora?" Jackal se afastou da janela com a pergunta trêmula. "Sim." Ele pegou seu celular, discando o número de Hennessy. Quando ele não atendeu, Jackal ligou para Ice. O telefone foi para a caixa postal. Merda. Ele teria que esperar por um deles ligar para ele. Frustrado, ele passou os dedos pelo cabelo suado e cheio de fumaça. "Eu preciso de um banho." "Continue. Se alguém bater, eu vou deixar você sabe." Jackal parou quando ele estava prestes a entrar no banheiro. Penni tinha sentanda numa cadeira, olhando para a porta. Ela lidou com o que tinha acontecido melhor do que a maioria dos recrutas teriam lidado. Ela quase tinha sido morta. Nenhum dos motoqueiros tinha dado a mínima que uma mulher estava em sua linha de fogo. A maioria dos recrutas teria retornado ao clube para ficar bêbado ou foder qualquer mulher que abrisse suas pernas quando a merda tinha ido mal. Inferno, seu próprio corpo estava tão cheio de adrenalina que ele queria bater em alguém ou foder. Penni parecia tão cal-

J A M I E

B E G L E Y

Profile for Jessica Rosa

Hostage - Jamie BEngley  

Hostage - Jamie BEngley  

Advertisement