Page 20

revista cólera

opinião ses dos poderosos, Jacobs tornou-se inspiração para diversos movimentos sociais de luta pelo direito à cidade ao redor do mundo.

Foto: Eulália Giles

quando o ordenamento urbano violenta: o caso josé estelita por Amauri lins “A segurança dos espaços urbanos é favorecida pelos ‘olhos da rua’, ou seja, pela quantidade de pessoas”, afirmou a escritora e ativista canadense Jane Jacobs em seu livro “Morte e Vida de Grandes Cidades”. “Manter a segurança da cidade é tarefa principal das ruas e das calçadas”, continua. Considerada uma das grandes referências

38

mundiais no debate sobre urbanismo, Jacobs chegou a ser homenageada por Bob Dylan numa canção em que o músico retrata o embate dela contra o poderoso engenheiro estadunidense Robert Moses, seu maior adversário político quando se tratava de discutir o ordenamento das cidades.

A escritora e ativista canadense Jane Jacobs (de vestido claro, ao centro) em protesto contra a demolição da estação ferroviária Penn Station, em 1962, na cidade de Nova Iorque Foto: Getty Images

De acordo com a urbanista, o que torna uma região segura está muito mais relacionado com o grau de vitalidade presente em suas ruas do que com a presença de forças repressoras por parte do poder público. Em um bairro onde crianças ocupam equipamentos públicos, vizinhos mantêm um convívio diário e intenso e as ruas e as calçadas são espaços comuns de troca, a probabilidade de atos violentos não premeditados acontecerem é muito reduzida. Por sua postura sensível às causas das minorias e contrária aos interes-

Um deles foi o Ocupe Estelita, mobilização que surgiu em 2012 contrária ao projeto Novo Recife, um empreendimento que pretendia construir mais de dez torres residenciais e comerciais na área do Cais José Estelita, no bairro de São José, região central do Recife. O terreno pertencia à Rede Ferroviária Federal (RFFSA) e o seu interior abrigava diversos armazéns e uma linha férrea, sendo posteriormente arrematado em leilão por um consórcio encabeçado pela empreiteira Moura Dubeux. O dilema na região pode ser tomado como um bom exemplo do quanto a disputa desigual entre o capital privado e a sociedade civil organizada pode tomar diferentes rumos a depender da intervenção do poder público, refletindo no modelo de cidade que se constitui. O abandono dos galpões da antiga RFFSA, extinta há cerca de duas décadas, dispostos ao longo da Avenida Engenheiro José Estelita, um dos cartões-postais da cidade, tornou o local propício à ação de criminosos, dada a ausência de agentes de segurança pública e de circulação de pessoas. Foi então que os empresários aproveitaram a lacuna deixada pelo governo para estimular uma falsa dicotomia entre o projeto

39

Profile for Jennifer Thalis

Revista Cólera  

A revista Cólera foi produzia no primeiro semestre de 2019 por alunos do curso de comunicação social - Jornalismo da Universidade Federal de...

Revista Cólera  

A revista Cólera foi produzia no primeiro semestre de 2019 por alunos do curso de comunicação social - Jornalismo da Universidade Federal de...