Page 27

enevoados e um pouco embaçados. Mac se agachou, afastou o cabelo castanho-escuro que cobria a testa dele e viu o machucado que sangrava e já havia inchado bastante. – Ok, não é um corte grande. Escapou de levar uns pontos. Mas ficou com um belo galo. Cara, o barulho foi tão alto que parecia que você tinha batido na parede com um martelo. Talvez um pouco de gelo e depois... – Me desculpe, mas... humm, não sei se percebeu... Será que você não deveria... Mac viu os olhos dele baixarem e os acompanhou. Só então notou que, enquanto tentava ajudá-lo, seus seios, mal cobertos pelo sutiã, estavam muito próximos do rosto dele. – Ops. Eu me esqueci disso. Sente aí. Não se mexa. – Levantou-se de um salto e se afastou. Ele não sabia se seria capaz de se mexer. Estava desorientado. Ficou sentado onde estava, com as costas apoiadas na parede. Mas, mesmo com passarinhos de desenho animado voando em torno de sua cabeça, tinha que admitir que os seios dela eram bem bonitos. Não pudera deixar de notar. Não sabia o que dizer ou fazer naquela situação. Então, ficar sentado ali, como ela tinha mandado, parecia a melhor opção. Quando ela voltou com uma bolsa de gelo, estava usando uma camiseta. Provavelmente seria errado sentir uma pontinha de decepção. Ela se agachou de novo, dobrando aquelas pernas compridas, reparou ele, agora que os seios não estavam mais à mostra. – Tome, experimente isto. Ela pôs a bolsa de gelo na mão dele e a levou até a testa, que latejava. Seus olhos tinham um tom maravilhoso de verde, que lembrava o mar. – Quem é você? – perguntou ela. – O quê? – Humm. Quantos dedos está vendo aqui? – indagou, levantando dois. – Doze. A moça sorriu e duas covinhas surgiram em seu rosto. O coração dele disparou. – Não, não está, não. Vamos tentar outra coisa. O que está fazendo no meu estúdio? Ou, melhor, o que estava fazendo antes de se contundir por causa dos meus peitos? – Ah! Eu tenho uma hora marcada. Aliás, a Sherry tem. Sherry Maguire. Ele viu que o sorriso dela se desfez um pouco e as covinhas desapareceram. – Ok, está no lugar errado. Devia ter ido para a mansão. Sou Mackensie Elliot, a fotógrafa da empresa. – Eu sei. Quero dizer, sei quem você é. Como sempre, Sherry não explicou direito aonde eu deveria ir. – Nem a que horas, pois sua reunião é só às duas. – Ela disse que achava que era à uma e meia, o que significa que vai chegar às duas. Eu deveria ter me guiado pelo Horário Sherry ou ligado pessoalmente para confirmar. Desculpe-

Álbum de Casamento - Nora Roberts  
Álbum de Casamento - Nora Roberts  
Advertisement