Page 86

— Sim, claro. Você pode me pagar em drinks. Por falar nisso, quando vamos sair de novo? Ouvi rumores de uma despedida de solteira. Dei uma risada nervosa. — Alli já deixou você a par dos planos? — Ah, sim. Ela piscou, um sorriso malicioso erguendo seus lábios. Quase engasguei com o café. — Ih… Essa sua cara está me deixando seriamente preocupada. — E deveria. Ela riu de novo. Sacudi a cabeça e ela me deu um tapinha brincalhão no braço. — Nada com que se preocupar, Erica. Vamos nos divertir um monte. — Não tenho dúvidas. — Sorri e peguei a bolsa para sair. Por mais preocupantes que as ameaças brincalhonas dela fossem, eu tinha coisas mais importantes em mente. — Bom, conversamos mais tarde. — Sem problemas, querida. Vá lá e acabe com eles. Ela sorriu e me deu um abraço rápido antes de eu ir embora. Saí do café, hesitando na entrada que me levaria de volta ao escritório. O aroma do café e a promessa de outono se misturaram no ar. Eu não podia voltar ao trabalho com todas aquelas novidades na minha cabeça. Dei uma olhada para os dois lados da rua, incerta quanto a qual caminho seguir. O Escalade preto de Clay estava estacionado no final da quadra. Fui naquela direção. Entrei no banco de trás. — Oi, Clay. — Srta. Hathaway. Gostaria que eu a levasse para casa? — Não, ainda não. Você se importaria em me levar até Harvard? — É claro que não. O distrito financeiro desapareceu à medida que nos dirigíamos ao outro lado da cidade. Atravessamos o rio e entramos nas ruas estreitas que contornavam o campus histórico de Harvard. — Aqui está bom, Clay — falei, quando paramos em um sinaleiro em uma região que eu conhecia bem. — Onde você gostaria que eu a buscasse? — Eu ligo para você. Ele hesitou. — Vou ficar bem, prometo. Só vou dar uma volta no campus. Não vou me

Profile for Jennifer

Potência Extrema - Meredith Wild  

Série: Hacker #4

Potência Extrema - Meredith Wild  

Série: Hacker #4

Advertisement