Page 154

lubrificado me violou. Eu não conseguia acreditar que estava o deixando fazer isso. Respirei fundo e tentei pensar em outra coisa. Um carrossel. O mágico de Oz. Qualquer coisa, menos a pressão do plugue frio entrando lentamente no meu corpo. Fiquei tensa, me afastando quando Blake o enfiou mais fundo. — Fique parada. Agarrei o edredom. Quando Blake tinha me mostrado o brinquedo, parecia bastante pequeno. Brilhante e inocente. Quase bonitinho, parecido com o acessório fashion que ele fingiu ser. Agora parecia enorme na passagem estreita que tentava acomodá-lo. Inspirei bruscamente. — É demais, não consigo. — Quase lá, gata. Meu rosto ficou quente e eu quase gritei quando a parte mais larga entrou e o alívio tomou conta de mim. Relaxei, e a tensão deixou meu corpo. Graças a Deus tinha acabado. — Como você se sente? Me contraí em torno do plugue, sentindo a pressão na minha vagina. — Cheia. — Perfeito. Ele acariciou minha bunda de novo e subiu minha calça novamente. Me levantei desajeitadamente, me entendendo com meu novo acessório. Suspirei, resignada com meu destino. — Você tem mais algum presente para mim antes de eu ir? Minhas palavras eram um misto de sarcasmo e uma esperança distante. Talvez eu pudesse conseguir um orgasmo para viagem. Ele pareceu ler aquele pensamento sombrio. Um grunhido escapou do peito dele e ele nos deitou na cama. Repousei sobre o peito dele e o beijei suavemente. Ele tirou o cabelo dos meus olhos. — Tome cuidado esta noite. Não faça nada maluco. — Eu sei que você pensa que sou imprevisível, mas não sou eu a louca desse grupo. — Eu sei. Não beba demais, porque preciso de você consciente para o que tenho planejado para esta noite. Os olhos dele brilharam com pensamentos não ditos. Mordi o lábio e girei os quadris, tentando conectar meu clitóris à coxa dele. Ele já estava duro debaixo de mim. — Posso ter uma prévia?

Profile for Jennifer

Potência Extrema - Meredith Wild  

Série: Hacker #4

Potência Extrema - Meredith Wild  

Série: Hacker #4

Advertisement