Issuu on Google+

HOT MOVES - Um documentário sobre a origem das danças urbanas (Totalmente em português) Edição 005 - Ano 01 Distribuição Online Gratuita

Luan Funk Fockers Conheça um pouco mais sobre esse b-boy que está arrebentando nos campeonatos internacionais nesse ano... B-boy Salo Grande b-boy venezuelano, um grande representante da america latina em campeonatos, conheça um pouco mais dele... Informação Sites e páginas do Facebook sobre breakdance indicados pela revista.

B-BOY DY ROCK Representando a Furious Force Crew de Ilha bela, nos deu uma entrevista e contou um pouco sobre sua história e sua dança.


INTRODUÇÃO Ae Galera Mesmo com um singelo atraso aqui está a nova edição da Revista BreakSP. Nessa edição temos bastante conteúdo, junto com os vídeos agora lançados semanalmente no youtube, portanto você sentirá falta de alguns itens da revista, mais não se preocupe, todos eles estarão no youtube, para economizar um pouco de trabalho. Temos agora entrevista e diversas matérias para gerar informação, somente sites e canais nacionais para melhorar o entendimento e estimular todos a procurar e se interar cada vez mais do assunto. Espero que todos gostem dessa edição, e aguardem nas próximas semanas nossos vídeos no canal do youtube. Youtube.com.br/RevistaBreakSP Agora boa leitura, e espero novamente seus comentários sobre os conteúdos contidos nessa edição. Estamos com 7 assuntos em foco. 24 páginas de conteúdo. Até a próxima, PAZ

Edição do mês de Agosto de 2013 Direção e Edição: Jefferson da Silva Carapicuíba - SP


ÍNDICE Inspiração

04

B-boy Luan Funk Fockers Gang, o nosso grande representante no momento nos mundiais, e ele está mandando super bem, conheçam um pouco mais sobre ele e vejam alguns dos titulos já conquistados por esse b-boy que está vindo com tudo... Break Dicionário

07

A Função do Crash dentro da batalha, muitos fazem mais poucos entendem a sua real função. Destaques

08

Um pouco do b-boy Salo, grande representante Venezuelano e Latino americano nos campeonatos mundiais. Entrevista

10

B-boy Dy Rock, representando a crew Furious Force de Ilha Bela, Litoral de São Paulo, nos deu uma entrevista contanto um pouco sobre ele, sua relação com a break e experiências que já teve graças a dança... Historia

14

Documentário sobre breakdance, origem e muito mais, e está totalmente em português. Indicação

15

22

A revista está com algumas indicações de sites e páginas do youtube para você ter mais informações sobre breakdance. Notícias Time Brasil no World Street Dance desse ano que acontecerá na França, fique por dentro...


B-boy Luan Funk Fockers 04


Natural de :São Paulo, Brasil Crew: Funk Fockers Gang Idade: 23 Anos Profile Luan começou no B-boying aos 12 anos, por influência dos amigos. Viu a primeira roda de Breaking neste época, no caminho de volta para casa, quando retornava da aula de capoeira. Isso foi em 2003 e, de lá para cá, nunca mais parou de dançar. Aos 21 anos, ele conquistou uma das vagas entre os 16 B-boys que disputarão em Monterrey, México, no final de agosto, a qualifier Latino-americana do Red Bull BC One; o maior campeonato do mundo em disputas homem-a-homem. “Meu estilo é inspirado na minha vida, no meu dia-a-dia, é um estilo da “quebrada”, gangsta, com muita humildade, respeito e sentimento.”, resume. Se vencer lá, classifica-se para a final mundial da temporada 2012 que, neste ano, será no Rio de Janeiro em dezembro. “Quero aprender muito por lá e representar bem a minha crew”, disse sobre a expectativa em relação a qualifier latinoamericana. Sua maior fonte de inspiração é a própria realidade e aqueles que estão por perto; e lhe acompanham no dia-a-dia. “A rua me inspira. Meus amigos, minha crew e minha família.” A hora da batalha é sempre um momento de grande expectativa, não tem como não ficar nervoso. “Todos os B-boys ficam tensos nesta hora. Mas você tem que ser muito verdadeiro quando está lá. Eu escuto a música e deixo fluir.” E assim, Luan executa os movimentos que considera a sua marca tais como os freezes, tricks, powermoves, além de musicalidade e os saltos. “Para mim, o B-boy tem que ser completo.”, enfatiza. Falando da cultura Hip Hop, Luan revela-se um grande fã do trabalho dos DJs e o rap é o seu estilo favorito. “É o tipo de música que mais gosto porque fala da realidade, é algo totalmente underground.”. Seu gosto musical também inclui o soul e o funk; ritmos que são para dançar com a alma, como ele mesmo classifica. Luan vive da dança, ou melhor, “eu sobrevivo da dança” diz sobre as dificuldades muito comuns a quem decide abraçar o B-boying como estilo de vida no Brasil. A mãe e os irmãos, além dos amigos da crew Funk Fockers, são seus maiores incentivadores. “Tirando eles, meu círculo familiar não aprova que eu sobreviva da dança. Acham que, por já ter 21 anos, deveria arrumar um emprego. Mas eles sabem que eu nunca vou parar de dançar.” Tamanha certeza pode ser comprovada quando ele responde sobre como se vê daqui alguns anos. “Me vejo ensinando tudo o que aprendi na dança.”, conclui. 05


2010 1st place  Batalha da Amizade Piracicaba 2010 1st place  3.movimento hip Hop Bauru 2011 1st place  Original Breaking Jam Rio de Janeiro 2011 1st place  Duelo de Titãs, São José do Rio Preto 2011 1st place  Cara a Cara, Lins 2012 2nd place  Duelo de Titãs, São José do Rio Preto 2012 1st place  Batalha na Vila São Paulo 2012 1st place  Red Bull BC One Cypher São Paulo 2013 1st place (Dupla) B-boy World CLassic 2013 1st place  Eurobattle

06

FUNK FOCKERS

Titulos:


Nome Técnico: CRASH Gesto muito usado, mais poucos infelizmente sabem da nomeclatura ou o porque ele é feito do modo que é feito. O Crash se caracteriza pelo simples ato de bater a palma da mão no chão, para simular o barulho de um queda, por isso o nome de “CRASH“, e como o barulho de algo se quebrando ao bater no chão ou de encontro a uma superfície mais dura. Ele além de ser usado ao ver quedas no meio das sessions ou coreografias, ele também é usado ao ver um erro as vezes de técnica ou de simples execução, como nos exemplos: B-boy fazendo Air Chair Thread (segurando o pé) e nisso o pé escapa da mão antes do movimento ser finalizado, Crash. B-boy fazendo Airflare e quando passa pro Flare acaba arrastando o joelho de encontro ao chão, Crash. E também, outros diversos movimentos em sequências que pelo fato do pé enconstar no chão na hora errada, ou pela queda literal do dançarino e caracterizado Crash, então bate-se a mão contra o chão. Alguns b-boys também tem o costume de simular a mesma queda do oponente de forma a contrange-lo pelo erro, se jogando contra o chão na mesma situação, isso também caracteriza o Crash mais de uma forma mais figurativa, além de indicar o erro você também, simula o mesmo. 07


B-boy Salo Venezuela

08


B-boy Salo Idade: 28 Anos

Títulos 2010 1 º lugar El Dado / EUROBATTLE - Portugal

Natural: Venezuela.

2011 1 º lugar

Nascimento: 13 de fevereiro de 1985 Crews: Flying Legs Crew / Aborígenes de Venezuela

2011 1 º lugar

Eastpack Throwdown - London Batalha VNR - Francia 2011 1 º lugar

Além de B-Boying Também gosta de Promover a Venezuela B-Boying em todo o mundo!.

Warairarepano - Venezuela 2011 1 º lugar Poder Truque Mania - Venezuela

Lema Represente! Seja firme! Não importa de onde você é, sempre dar 100%!

2011 1 º lugar Venezuela B Boy - Venezuela 2012 1 º lugar DBI - Peru

Vindo de um dos países B-Boy da América do Sul mais fortes, Venezuela, com sua tripulação Flying Legs, Carlos Felipe Suarez Arvelo aka SALO foi um dos primeiros sul-americanos B-Boys para participar de importantes Batalhas europeias de B-Boy. Seu estilo é baseado em truques de dinâmica e movimentos de energia. SALO descobriu B-Boying em 2000, quando ele viu o filme “Meninos de entrega.” Ele foi imediatamente preso e começou a dançar em Fevereiro de 2001. Para ele, cada batalha, a tripulação ou solo, significa uma oportunidade de representar o seu país. Ao lutar, ele nunca retém qualquer de suas habilidades, mas dá tudo desde o início. Para Salo, observando a evolução do B-Boying é o que mais o inspira. SALO não vem de uma cidade rica. A família não é pobre, mas vivem perto de uma área atingida pela pobreza. Isso ajudou a torná-lo uma pessoa pouco exigente. Ele é grato por aquilo que ele tem na vida, especialmente por seu talento. Sua família o apóia em sua carreira B-Boy, embora eles estão preocupados que ele vai se machucar. SALO vê sua vida ligado ao Hip Hop para sempre e diz que se ele tiver que parar de dançar, ele ainda iria promover B-Boying e organizar eventos ou julgar. Ele vê o Hip Hop como uma cultura de paz e de unidade. Ele acha que algumas pessoas não entendem sua natureza batalha e tentar apresentá-lo como uma cultura de gangues guerreira. Para ele, o Hip Hop dá às pessoas uma oportunidade de igualar as diferenças entre eles e ser igual. Venezuela não é um país rico, mas há muitas crianças dedicados que daria tudo por Hip Hop. 09


B-BOY ALLAN DY ROCK 10


Nome: Allan Harrison Vulgo: Dy Rock Idade: 21 Anos Crew: Furious Force Cidade: Ilha Bela - SP (BreakSP) Por que o vulgo Dy Rock ? (Allan) Por mim mesmo, por não gostar de divulgar b-boy allan, então eu mesmo me dei esse apelido, mudou bastante, antes não me reconheciam pelo nome, por outros terem o mesmo nome, agora dy Rock já reconhecem a minha pessoa. Estuda ou trabalha ? Trabalho em shows de rap, com a dança em geral, mershandising entre outros.

de não ser o mais velho de idade, sou o mais velho de tempo na dança, mais o bom é que somos uma familia. A distancia da crew atrapalha? Todos são de ilha bela, eu queria muito estar lá perto pra treinar juntos, ainda participamos de alguns campeonatos juntos, mais infelizmente atrapalha um pouco.

Dança a quanto tempo? 13 anos de dança, na verdade começei em 98 mais não levava a serio, comecei mesmo em 2000.

A dança já atrapalhou a sua vida? A dança já atrapalhou bastante pela questão do preconceito, a galera fala “a isso é coisa de noiá“, sair de casa sem comer, pegar busão, trem, e chegar sem nenhum certificado e ainda gastar com tudo isso, pedia 20 reais pra minha mãe e ela reclamava quando eu não chegava com um troféu, e na questão do trabalho, pois ou era trabalho ou dança, dai atrapalhou bastante.

Quanto tempo de treino por dia ? 5 horas por dia, de domingo a domingo, as vezes um pouco mais cansado eu paro um dia e só alongo.

Um b-boy que te inspira ? Ninjinha - Die Hard Crew Careca - die Hard Crew Mr. Kokada - Bioallstars

Como é a relação com a crew ? É boa, eles me ouvem, tenho até mais experiência do que eles, apesar

Movimento que você mais gosta ? Flare moinho, forma os primeiros que eu aprendi, é uma coisa que você 11

Relacionamento fora da dança ? Sou casado, e meu relacionamento e muito muito bom.


não perde, eu me acidentei e voltei e não perdi, adoro ver, adoro fazer, é basico mais é muito bonito de ver.

ninguém, você ir num campeonato e virar a cara pro povo, ser só você e a sua crew, acho que tem que treinar, evoluir, mais pensar assim, você é Qual o primeiro video de break que b-boy, mais todo mundo ali também você assistiu ? é, você é chamado de b-boy e outro, Battle of the year 1998, na fita VHS. e outro, vocês estão ali pra batalhar, ganhar, perder, então ser menos O que te motiva a continuar ? individualista e treinar bastante, e não O Sonho, representar o Brasil lá fora, parar de sonhar. eu amo a dança, independente, o que E estudar bastante, por que não me motiva é o gostar, estar dentro adianta só dançar, tem que estudar da cultura, não importa o ganhar ou bastante, não só a dança mais o perder, eu amo a cultura hip hop, o estudar tudo, tudo possivel é bom , breakdance, eu posso estar velinho e você aprende e é a melhor maneira eu ainda estarei envolvido em eventos de seguir em frente. de break e tudo mais só pra não sair da cultura. Uma mensagem pra quem está começando agora ? Pra galera que está começando agora eu acho que é bom treinar bastante, é bom não ser individualista, chegar num evento e não falar com

12


Estudar bastante, por que não adianta só dançar, tem que estudar bastante. não só a dança mais estudar tudo, tudo possivel é bom, você aprende e é a melhor maneira de seguir em frente. Dy Rock Essa entrevista com o b-boy Dy Rock estará disponivel em video na próxima semana no nosso canal do youtube. Acessem: Youtube.com/RevistaBreakSP

13


Frank Ejara, grande nome das danças urbanas no Brasil, postou em sua página no Youtube um video documentário sobre danças urbanas, o conceito e o que é mostrado no vídeo é simplesmente incrível, porém ainda tem poucas visualizações pelo tamanho do conteúdo. O vídeo dura pouco mais que 1 hora, e aconselho a todos a separarem um pouco de tempo e assistir, é super interessante e ninguém vai se arrepender de ter tido esse conteúdo absorvido. Fica a dica da Revista BreakSP. Mês que vem tem mais dicas e indicações. 14


Catálogo com páginas que você não pode perder a chance de olhar e ficar mais informado

15


B-boy Grilo Vlog e tutoriais com o b-boy grilo, representante tricks, ensina em seus videos diversos movimentos, tutoriais em português e tudo bem explicado, e em seus vlogs mostra toda a sua opinião em relação a descriminação que alguns b-boys sofrem e sobre a cultura no Brasil no momento atual em que estamos.

Power Tricks TV Cobertura total de eventos e batallhas com foto e vídeo, Ivan vai a diversos eventos toda semana e grava desde cada batalha, até cyphers, debates, conversas e tudo mais, então entrar no canal da PowerTricks e sem dúvida encontrar todo o conteúdo das ultimas batalhas e eventos, e o Ivan também é um cara com grande opinião. 16


Power Tube Moves Brasil Canal do André Dias, mais conhecido como b-boy Alemão, Vlog e tutoriais para b-boys, conselhos sobre powermove, e em alguns vídeos mostrou um pouco da IBE, entrevistas e também da grandes ajudas aos b-boys iniciantes, sua página do facebook é cheia de informações também, e ele é bem atencioso.

Cultura Digital Produções De Brasília, Canal com cobertura total sobre batalhas de Break, acompanha diversos campeonatos, ótima cobertura de vídeo, todos em alta qualidade e com filmagens excelentes, eles cubriram nos ultimos tempos Cyphers da BC One entre outros vídeos, criado a pouco mais de 1 ano, já tem grandes vídeos com sua cobertura. 17


B-boy Jonas Flex Canal de Vídeos do b-boy Jonas, onde ele coloca vários trailers de si e também batalhas que ele participa, seus vídeos são super bem acessados pelo seu estilo diferente, super flexivel, e com movimento que caracterizam ele perfeitamente, é possivel encontrar algumas montagens e ate sessions ótimas de tricks e combo.

YaK Films Um canal gringo pra quebrar um pouco a sequência, porém não poderia falar de canais de break sem falar da YAK, pra quem não conhece a Yak Films faz diversos tipos de filmagens dentro da cultura, comerciais, trailers, teasers, grava batalhas, eventos e tudo mais relacionado a cultura, e também faz um Vlog contando algumas novidades. 18


http://bboystar.ueuo.com/index.htm Sobre o Blog Esse Site consiste em vários links para downloads de batalhas, tanto mundiais quanto nacionais, dentre elas estão Red Bull BC One, BOTY, UK B-boy Championship. E no seu canal do youtube posta vários vídeos de Trailers de b-boys famosos.

http://hiphopsteps.blogspot.com.br/ Sobre o Blog Esse blog tem intenção de ensinar os principais movimentos, variações e ramificações da cultura hip hop dance (street dance ou danças urbanas) oferecer ajuda aos usuários que não tem a oportunidade de fazer workshops sobre esse movimento deixa-los informados e atualizados com as últimas novidades. 19


http://www.dancaderua.com/ Sobre o site Dança de Rua.com é um site criado para disponibilizar dicas de como ser um bom bboy ou bgirl, o site oferece tutoriais desenvolvidos por profissionais da dança breaking, DVDs aulas baseados por workshops dos mais renomados bboys na atualidade. Também usa-se material encontrado na própria internet, texto explicativos, vídeo aulas, imagens inlustrativas, além de debates com membros de crews de diferentes estilos.

http://www.bboydownload.com/ Sobre o site Site de Downloads gerais para b-boys, diversos campeonatos nacionais e internacionais desde de BOTY até BC one e também algumas qualifiers, músicas, mixtapes e tudo mais que você precise, site com bastante conteúdo, e uma vasta lista de indicações para outros sites e discografias completas para downloads. 20


http://www.hip-hopbrasil.com/Home.php Informação, conhecimento, Attitude, História e Evolução. Você também tem o poder da transformação, esse é nosso espaço, para divulgar e informar tudo que acontece no Hip-Hop o movimento está formado, seja rapper´s, Dee Jay´s, Graffiteiros, B.Boy´s ou simplesmente um apreciador, seja de forma direta ou indiretamente, vamos a cada dia fortalecer mais o Hip-Hop e você faz parte dessa evolução.

http://www.nacaohiphopbrasil.com.br/ Sobre o Site Suas propostas centrais são; efetivar a organização de uma rede nacional do movimento hip-hop brasileiro, travar as discussões sobre as principais pautas e demandas do movimento, potencializar as ações positivas desenvolvidas pelos protagonistas e desencadear o processo das grandes lutas sociais com a efetiva participação das pessoas que fazem o hip-hop no Brasil. 21


O Campeonato do momento The World Street Dance acontece nos dias 9 e 10 de Novembro de 2013 na França, esse campeonato vem com um sistema inovador e que pessoalmente achei incrivel, ao invés de ter uma única crew representando um pais, eles montam um time com os b-boys que eles acham merecer participar como uma federação, representando o seu país, nesse ano estão os seguintes Brasileiros selecionados nas categorias:

- 1vs1 break - B-boy Klésio - 6vs6 - Pelezinho, Neguin, Luka, Luan, Kekeu e Mixa - 1vs1 popping - Bidu - 1vs1 locking - Jeff - 1vs1 hip hop - Picolé e Como técnico o b-boy Pelezinho. 22


Aqui está a informação oficial no site da The World Street dance

E ae galera, o que acharam do time que vai representar o nosso país lá na França no fim desse ano ?

23


www.Facebook.com.br/RevistaBreakSP www.Youtube.com.br/RevistaBreakSP RevistaBreakSP@Gmail.com


Edição Revista BreakSP nº5 - Agosto de 2013 - Entrevista Bboy Dy Rock