Issuu on Google+

AN O IX - Nº 1 84 ANO 18

B RASÍLIA, DF 7

UNIÃO PARALISA OBRAS

A

1 3 M AIO 13

DE

20 12 201

FOTO: QUENANNA GULES

DA CICLOVIA NA CIDADE

Uma comissão de empresários e líderanças comunitárias do Paranoá, em reunião na Secretaria de Obras com engenheiros e arquitetos, conseguiu com que as obras da chamada “ciclovia da discórdia” fossem paralisada até que seja feito COMEÇA INSTALAÇÃO ARQUIBANCADA um estudo de viabilidade. A paralisação aconteceu na segunda feira, dia 7. O DAA arquibancada superior do vice-presidente da Câmara Distrital, deputado Dr. Michel, que acompanhou a Mané Garrincha recebe peças concreto pré-moldadas e comitiva, destacou que a ciclovia necessita de uma solução política” e se com- de terá capacidade para abrigar prometeu em acompanhar o andamento das negociações com o GDF. Enquanto quase 40 mil pessoas PÁGINA 14 isso, a obra permanece parada. PÁGINA 8 TROTES VIOLENTOS FOTO: NILSONCARVALHO/FIBRA/UNICOM

PROIBIDOS NA UNB

Uma resolução do Conselho Universitário da UnB está valendo e proibe a prática de trotes violentos . Página 10

DIRETORIA DA ACIP TOMA POSSE DIA 25

A nova diretora da Acip, eleita dia 4, toma posse durante cerimônia no próximo dia 25, na sede da entidade. PÁGINA 5

AGROBRASÍLIA

DEVE ATRAIA MILHARES

A Agrobrasília será realizada no período de 15 a 19 de maio, no Parque Ivaldo Cenci, instalado no PAD-DF. PÁGINA 11

Os presidentes da Fibra, Antônio Rocha, e da CLDF, deputado Patrício, discutem cronograma

AGENDA LEGISLATIVA TEM DATA PARA LANÇAMENTO

HONDA CIVIC FAZ 40 ANOS EM 2012

O Honda Civic completa 40 anos de mercado em 2012 e tem novidades para quem é fã do segmento sedã. PÁGINA 15

A Câmara Legislativa do DF estará abrindo as portas para receber o empresariado do segmento industrial por ocasião do lançamento da Agenda Legislativa da Indústria do DF edição 2012. A solenidade será realizada dia 23, às 9h30. A decisão é dos presidentes da Fibra, Antônio Rocha, e do Poder Legislativo, deputado Patrício, que se reuniram esta semana. No evento também será comemorado o 40º aniversário da Federação das Indústrias. PÁGINA 3.

DR. MICHEL RECEBE HOMENAGENS

Condutores de veículos escolares homenagearam o deputado distrital Dr. Michel durante café da manhã. PÁGINA 4

GDF TENTA ACABAR COM A INSEGURANÇA

O GDF, numa tentativa de reduzir a violência,, busca colocar em prática o programa Ação pela Vida. PÁGINA 12


OPINIÃO

E

BRASÍLIA, DF 7

DITORIAL

UNIÃO

ISSO NÃO SE FAZ

O que está sendo feito na calçada de uma esquina na avenida Transversal, lado par, é totalmente contrário a qualquer manual de norma técnica. Um empresário simlpesmente mandou que se levante um verdadeiro muro na guia do meio fio, sabese lá porque. O transeunte que se dane. E a f iscalização faz-se de cega e não age, mesmo que provocada.

O MESMO

...ou parecido, vem ocorrendo em ooutras partes da cidade. A oessoa resolve construir ou reformar, faz um tapume que impede a passagem de quem quer que seja e, ainda, faz barreira até para quem deseja se aproximar do comércio ou da residência. Uma verdadeira demonstração de falta de cidadania.

FOTO: J. RODRIGUES

A

UNIÃO FAZ A FORÇA

Desde que o professor/administrador/promoter Garibel do Paranoá iniciou as obras da tal ciclovia da discórdia nos canteiros da cidade que a sociedade está se unindo para que a obra não seja concluída. Já aconteceram várias reuniões e o administrador em todas elas foi categórico em afirmar que a obra não ia parar e que seria concluída. No último dia 8 aconteceu uma reunião no auditório da Secretaria de Obras, onde vários empresários e morado-

A

Diretor Presidente: José Rodrigues Alves Diretor Financeiro: José Luiz de Brito Jornalista Responsável: Emílio de Faria - DRT 239.723-72 nº 9728 Editor-executivo: Marcos Antéro do Nascimento Sóter DRT 0888 -RO Repórteres: Marcos Medanha Assessoria Jurídica: Dr. Marcondes Paiva - (61) 8407-1986 Diretor comercial: J. Rodrigues - 3369-4480 - 9633-8091 Jornalista responsável pelas cidades do Entorno: Marina Durães (61) 9926-5960

I

res compareceram e lá foi apresentado o projeto de revitalização da Avenida Comercial da cidade. Durante a reunião que durou mais de 3 horas, os empresários foram bem claro que não aceitam a ciclovia onde ela está sendo construida e deram um aviso: “se for preciso vamos até ao governador e se ele não nos ouvi vamos fazer uma grande manifestação dentro da cidade mas a ciclovia não vai ser construida onde o administrador está querendo”.

UNIÃO FAZ A FORÇA

II

No dia seguinte, os empresários receberam uma ótima notícia através do deputado Dr. Michel, que comprou a briga dos empresários e moradores da cidade. Ele informou que, por ordem do vicegovernador Tadeu Filippelli a obra foi suspense até a segunda ordem. O deputado Dr. Michel irá marcar uma audiência com o vice-governador para ouvir os anseios dos empresários.

“DESAGRADOS”

Através dos seus versos, o cordelista Cícero Batista de Siqueira fez uma curiosa homenagem à Brasília. Ele pesquisou e escreveu o folheto “Brasília 52 Anos”, sua mais recente obra, onde exalta a beleza da Capital Federal. Mas, pelas suas palavras, o cordelista também retrata com ironia os bastidores políticos do surgimento de Brasília. Um dia Siqueira veio do sertão do Piauí para tentar a vida em Brasília, acabou morandono Paranoá.

POLÍTICA

E FRANGO ASSADO

O restaurante do João do Frango, na Quadra 22, é mesmo o point político do Paranoá. Acreditem ou não, mas naquelas mesas já foram decididos os destinos políticos de alguns dos mais importantes personagens da região. Pois, dia destes lá estavam proseando o próprio João do Frango, o empresário José Reis, (Supermercado Reis), o corajoso líder comunitário Pedro Barbudo (personagem de muitas histórias da cidade), o pioneiro Seu Hélio Francisco (dono de espantosa memória) entre outros representantes da comunidade. O que será que eles estavam conversando???

Administração, Redação e Publicidade: Av. Com. - Qd. 31 Conj. 23 - Lt. 4 - Sl. 201 - Paranoá - Brasília-DF - CEP: 71.573.100 Telefones: (61) 3369-5066 - (61) 8443-7138 - 3369-4480 Fotolito e Impressão: FC - Gráfica (61) 3356-7654 Esta é uma publicação da: Media One Comunicação e Editora Ltda CNPJ: 04.676.116/0001-04 - Inscrição Estadual: 07.426.563/001-40

1 3 MAIO 13

DE

20 12 201

FRASE DA SEMANA "A corrupção não é uma invenção brasileira, mas a impunidade é uma coisa muito nossa. " (Jô Soares)

ESSENCIAL

Os resultados colhidos esta semana na questão da obra da ciclovia tão discutida desde seu início, dão uma demonstração de que quando a população se reune em torno de uma causa comum, ela consegue aquilo que busca. Inicialmente tudo parecia que iria acontecer exatamente de acordo com o que foi planejado pela Administração Regional e a população teria que “engolir” a tal da “ciclovia da discórdia”, que é como aquela obra passou a ser denominada nas rodas de conversas nos quatro cantos do Paranoá. No entanto, o que se viu no decorrer do tempo, foi algo totalmente diferente. O que antes se parecia com vozes isoladas no deserto, transformou-se em um grito só até que ecoou lá pelos lados da vice-governadoria e da Secretaria de Obras do Distrito Federal e o que parecia impossível acabou acontecendo: o vice-governador acatou a reivindicação popular e ordenou que tudo voltasse à estaca inicial até que se chegue a um denominador comu, algo que agrade não só ao seu Antônio ou à dona Maria, mas sim a toda a comunidade. Restou provado que, quando a comunidade resolvi se unir em defesa de um interesse comum, tudo se torna mais fácil e viável. Com a suspensão das obras da “ciclovia da discórdia”, as partes antagônicas devem se sentar e buscar uma solução plausível de ser levada adiante, sem ferir o brio deste ou daquele outro. A prática da democracia nos ensina que toda ação deve ser maleável a fim de se evitar reações inoportunas e prejudiciais à honra, ao mérito e ao bolso de quem quer que seja, desde os envolvidos no embate até aqueles que, por comodidade ou senso comum fique apenas observando do lado de fora, esperando apenas auferir vantagens com os resultados da contenda, não se importando quem vença, desde que atenda a comunidade como um todo. Os mais antigos sempre disseram que de nada adianta remar contra a correnteza, pois ela, fatalmente, irá vencer e levar a embarcação a rodo e com ela todos os navegantes. Porém, se os ocupantes desta nau resolvem se unir e enfrentar a tormento em uma só força, as águas podem ser conquistadas e a vitória alcançada. Nada, no entanto, será conseguido se todos tiverem uma visão diferenciada da de seu companheiro, ou ouvidos moucos aos anseios daquele que viaja ao seu lado. A suspensão das obras da “ciclovia da discórdia”, ainda que provisoriamente, poderá trazer outros benefícios à população em geral, e não apenas e tão somente ao empresariado que se uniu contra o projeto. A tão sonhada revitalização da Avenida Comercial, por exemplo, seria uma conquista, caso o projeto saia da gaveta e seja executado. A diferença é que a ciclovia teria um custo de aproximadamente R$ 1 milhão, e a revitalização, o gasto ultrapassaria os R$ 10 milhões.

A

! Circulação da Edição Impressa: Paranoá, Itapoã, Bairro Alto Colorado, Sobradinho, Planaltina, Varjão, São Sebastião, Jardim Botânico, Lago Sul, Lago Norte, Asa Norte, Asa Sul, Cruzeiro, Guará, Sudoeste, Sia, Câmara Federal e Legislativa, Senado Federal, Ministérios, Autarquias e Secretarias do GDF e todas as administrações. ! Prefeituras Municipais do Goiás: Formosa, Brasilinha, Alvorado do Norte, Água Fria, Águas Lindas, Valparaizo, Novo Gama, Cidade Ocidental e Luziânia. ! Prefeituras Municipais de Minas Gerais: Cabeceira Grande, Unaí, Paracatu, Arinos, Buritis de Minas.

VEM SURPRESA AÍ

Se as pessoas estão pensando que o CPI do Pró-DF foi enterrada, estão enganadas. Ela apenas está adormecida. Segundo informações colhidas por esta coluna, em breve ela será reativada e terá grandes surpresas que irá abalar o DF. A dúvida que muitos tem é que o próprio PT através do deputado Chico Vigilante foi quem pediu a instalação da CPI do Pró-DF e no desenrolar dos trabalhos eles foram os primeiros a tentar transformá-la em pizza. Aqui uma pergunta: o que tem por trás disto tudo, será peixe graúdo que não pode aparecer?

VOLEI

DE PRAIA

A Polícia Militaer está convidado a população em geral para o Torneio de Volei de Praia “203 Anos”, que conta com a participação de atletas de diversos órgãos do GDF e que faz parte da semana comemorativa ao aniversário da Corporação. O torneio acontece na Arena do Parque Ecológico Águas Claras.

LEILÃO DO BRB

Os brasilienses que estiverem interessados em adquirir mobiliários, eletrodomésticos e eletrônicos por preços mais em conta podem participar do leilão público de bens do BRB, no próximo dia 25. Entre os itens que serão vendidos estão ar condicionado, geladeiras, bebedouros, cafeteiras, entre outros. Os interessados podem vistoriar os bens no período de 14 a 24 de maio, das 9h às 11h30 e das 14h às 17h30 em alguns depósitos do BRB. O Catálogo Oficial de Leilão estará disponível no site www.bsbleiloes.com.br e também do BRB. Os itens arrematados devem ser pagos à vista e aqueles que utilizarem cheques somente serão liberados após a compensação bancária.

ENVIE SUAS CRÍTICAS, SUGESTÕES, OPINIÕES, DENÚNCIAS, CARTAS E ARTIGOS, PARA OS NOSSOS ENDEREÇOS ELETRÔNI COS. jornaldascidadesdf@gmail.com imprensajornaldascidadesdf@gmail.com

V ISITE

O NOSSO SITE E FIQUE ATUALIZADO

www.jornaldascidadesdf.com.br AS OPINIÕES EMITIDAS NOS ARTIGOS E NAS MATÉRIAS ASSINADAS NÃO EXPRESSAM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO JORNAL .

É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DAS MATÉRIAS

PUBLICADAS DESDE QUE A FONTE SEJA CITADA.


B RASÍLIA, DF - 7

A

13

DE MAIO DE

POLÍTICA

20 12 201

A GENDA

AGENDA LEGISLATIVA DO DF TEM DATA PARA SER ENTREGUE

O LOCAL DESTA VEZ VAI MUDAR. A CÂMARA LEGISLATIVA VAI ABRIR AS PORTAS EM HOMENAGEM AOS 40 ANOS DA FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS

O

s presidentes da Federação das Indústrias do Distrito Federal (Fibra), Antônio Rocha, e da Câmara Legislativa, deputado Patrício, marcaram data do lançamento da Agenda Legislativa da Indústria do DF edição 2012. A solenidade será realizada dia 23, às 9h30. Desta vez, haverá uma mudança no local de realização. Em comemoração aos 10 anos da publicação da Agenda e os 40 anos da Fibra, a CLDF abrirá suas portas para receber os empresários da indústria do DF. No plenário da CLDF, haverá a Sessão Solene em comemoração ao 40º aniversário da Fibra, proposta pela Mesa Diretora do legislativo local. “Anualmente nós contamos com a participação da indústria em nosso processo legislativo. Neste ano, propusemos a Sessão Solene para registrar essa data tão importante, que são os 40 anos da Fibra, instituição que defende com propriedade o setor econômico da Capital Federal”, disse o deputado Patrício. Rocha destacou que, ao estabelecer as prioridades legislativas capazes de resgatar as potencialidades do DF, a indústria busca o fortalecimento econômico e a geração de empregos. “É preciso empreender para transformar cada vez mais positivamente a realidade de Brasília. É isso que buscamos ao aproximar o empresário do poder público, apontando as suas reais necessidades”. Deputado Patrício ressaltou a importância da parceria entre o Poder Legislativo e o setor industrial. “Estamos abertos às discussões de

WASNY

FOTO: SILVIO ABDON/CLDF)

O deputado distrital Agaciel Maia (PTC-DF) não teve qualquer conduta criminosa nos contatos que teve com pessoas ligadas ao esquema do contraventor Carlinhos Cachoeira. A declaração foi feita pelo delegado da Polícia Federal Matheus Mella Rodrigues, na sessão reser vada da CPI do Cachoeira, e revelada aos jornalistas pelo senador senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP). Além de Agaciel, o delegado citou os nomes dos deputados Ronaldo Caiado (DEMGO), Leonardo V ilela (PSDB-GO) e Marcos Monte. Todos tiveram contato com pessoas do grupo de Cachoeira, mas a investigação da Operação Monte Carlos não aponta conduta criminosa por parte dos

parlamentares. O delegado Matheus Mella Rodrigues af irmou também que durante as interceptações telefônicas feitas na Operação Monte Carlo há 81 autoridades com foro especial citadas nas conversas. Na lista, constam vereadores, deputados federais e estaduais, senadores, secretários de Estado, ministros do Supremo Tribunal Federal e até a presidente Dilma.

Os presidentes da Fibra, Antônio Rocha e da CLDF, deputado Patrício todos os segmentos organizados da nossa cidade, a fim de subsidiar o trabalho dos deputados. Assim, temos a garantia de que os projetos apresentados nesta Casa de Leis sejam cada vez mais eficientes na vida da nossa população e auxiliem a impulsionar nossa economia. A indústria tem uma participação ativa no PIB da capital com geração de riqueza, renda e milha-

res de postos de trabalho”. A Agenda Legislativa da Indústria do DF é produzida desde 2003 com a participação dos sindicatos do setor industrial. O Perfil dos Deputados Distritais – Legislatura 20112014 traz dados biográficos e posicionamento dos parlamentares a respeito de temas de interesse da indústria que possam ser objeto de debate e deliberação na Câmara.

APROVA LEI DE EDUCAÇÃO PARA GÊNIOS O projeto de emenda à Lei Orgânica do DF que torna obrigatório o serviço de orientação educacional nas escolas públicas e particulares e que permite o atendimento especial aos alunos portadores de altas habilidades (os chamados superdotados), de autoria do deputado distrital Wasny de Roure, foi aprovado pela Câmara Distrital. Vale lembrar que a lei que criou o Programa Permanente de Alfabetização de Jovens e Adultos é de autoria do deputado distrital Wasny de Roure (PT), que também permite a formação dos grêmios livres estudantis nas escolas e abre espaço para o exercício democrático da crítica e da cidadania. Trata-se de lei que permite o atendimento especial de alunos portadores de altas habilidades (superdotados) na rede pú-

Agaciel inocentado

blica de ensino. A respeito disso, Wasny também aprovou emenda à Lei Orgânica do DF que tornou obrigatório o serviço de orientação educacional nas escolas públicas e particulares. Wasny acompanhou a tramitação das proposições de interesse dos servidores da Educação desde a primeira vez que se elegeu como deputado distrital, e já estou no quarto mandato, tendo exercido um mandato de deputado federal, inclusive procurando aperfeiçoar tais medidas com o objetivo de fazer valer as reivindicações da categoria. Wasny participou da maioria das reuniões, negociações e assembleias, contribuindo para muitas conquistas dos profissionais da Educação. Como líder do governo, ele se empenha ainda mais na busca soluções, reunindo-

SÓ PARA MULHERES

Foi aprovado na Câmara Legislativa, o PL 98/2011 do deputado distrital Evandro Garla (PRB-DF) que tramitou juntamente com o PL 431/2011, da deputada Eliana Pedrosa (PSD), que obrigam o metrô do DF a disponibilizar vagões exclusivos para mulheres e para pessoas com necessidades

especiais, nos horários entre 6h e 9h e entre 17h e 20h, exceto sábados, domingos e feriados. O projeto prevê que a empresa administradora do sistema metroviário, f ica obrigada a destinar vagões exclusivos para mulheres e portadores de necessidades especiais nos horários de pico.

DIA DE COMBATE AO BULLYNG O DF terá uma data para a conscientização contra a prática do bullying, grau mais intenso do preconceito que pode gerar agressão verbal ou física principalmente entre crianças e adolescentes. Lei, de autoria da distrital Liliane Roriz (PSD), sancionada pelo governador Agnelo Queiroz (PT), institui no DF o dia 7 de abril como um marco Deputado Wasny é autor da lei dos superdotados se com representantes do governo, lideranças sindicais do movimento, parlamentares, dirigentes do PT, e lideranças sociais. "Quero reafirmar que nunca me neguei e nun-

ca me negarei a participar das lutas dos educadores, professores e auxiliares de educação em seus movimentosmelhores condições de trabalho”, disse Wasny.

para a realização de campanhas contra esse tipo de violência.

PALAVRAS CALUNIOSAS

A deputada Celina Leão (PSD), protocolou, dia 7, na Mesa Diretora da Câmara Legislativa, uma representação contra o deputado Chico Vigilante (PT), por quebra de decoro parlamentar. Ele teria proferido palavras caluniosas contra os colegas e acusado Celina de fazer parte de quadrilha organizada


POLÍTICA

T RANSPORTES

BRASÍLIA, DF - 7

A

13

DE MAIO DE

20 12 201

E SCOLARES FOTO: SILVIO ABDON/CLDF

FOTO: DIVULGAÇÃO

Deputado Wasny de Roure é autor da lei dos superdotados

LICITAÇÃO

DA NOVA FROTA DE ÔNIBUS ESTÁ PERTO DE SAIR Na exposição que fez dia 10 na Câmara Legislativa aos membros da Comissão Especial da Copa do Mundo, o secretário de Transportes do DF, José Válter, anunciou que as primeiras mudanças para melhorar o sistema de transporte público de Brasília poderão ser sentidas a partir da licitação da nova frota, cujo edital está em apreciação no Tribunal de Contas do DF, mas que deverá ser liberado em breve. O secretário lembrou que Brasília está entre as cidades que receberão recursos para obras de infraestrutura do PAC, destinados à mobilidade urbana. Para isso, cerca

de R$ 2,2 bilhões serão investidos na expansão do metrô do DF e na construção dos sistemas de transporte de passageiros nos eixos Sul — corredor Gama/Valparaíso por meio do Expresso DF — e Oeste — que passa pela EPTG, a Comercial Norte até a Avenida Hélio Prates, e o SIA ao Terminal da Asa Sul, na Rodoviária do Plano Piloto. Todo esse trabalho, no entanto, depende, segundo alertou o secretário de Transportes, de uma gestão eficiente, entregue a uma autarquia forte e dotada de autonomia, que possa controlar as operações e efetuar as necessárias correções pontuais.

S IMPLES CANDANGO

ADESÃO TEM PRAZO AMPLIADO Com 16 votos favoráveis, os deputados distritais aprovaram, por unanimidade, a ampliação do prazo de adesão ao programa Simples Candango para o dia 1° de maio de 2013. O PL 902/2012, de autoria do Poder Executivo, vai beneficiar micro e pequenos empresários, feirantes e ambulantes que ainda não migraram para o sistema de tributação. No DF, o Simples Candango regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplif icado

para pequenos empreendedores. "O projeto vai trazer tranqüilidade aos feirantes por mais um ano. Não é uma lei só do governo, mas de toda a sociedade, pois benef icia grande parcela da população”, afirmou o deputado Chico Vigilante (PT). Já a deputada Eliana Pedrosa (PSD) destacou que havia apresentado um projeto de lei de conteúdo semelhante, mas que abriu mão da autoria da lei para agilizar a aprovação do PL 902/2012.

E NERGIA

ENERGIA

PARA ÁREA SOCIAL

A Comissão de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Ciência, Tecnologia, Meio Ambiente e Turismo aprovou em reunião extraordinária, dia 9, a instalação em caráter provisório de energia elétrica em condomínios em processo de regularização. De acordo com o PL 863/2012, as unidades habitacionais devem estar em áreas de regulariza-

ção de interesse social e de baixa renda para receberem o fornecimento de energia por parte da CEB. O autor do PL, deputado Cláudio Abrantes (PPS), agradeceu o apoio dos parlamentares a sua proposta. "Esse projeto surgiu do acompanhamento do dia a dia de comunidades carentes, que sofrem com a proibição de atuação da CEB”. afirmou Abrantes.

O vice-presidente do legislativo, deputado Dr. Michel, foi homenageado pelos condutores de veículos escolares

CAFÉ DA MANHÃ CELEBRA O DIA DO CONDUTOR

O EVENTO SERVIU TAMBÉM PARA HOMENAGEAR O DEPUTADO DR. MICHEL PELA ISENÇÃO TOTAL DO IPVA PARA VEÍCULOS ESCOLARES

O

vice-presidente da Câmara Legislativa, deputado Dr. Mi chel reuniu-se com cerca de 500 transportadores escolares durante um café da manhã no Clube da Saúde (SIA) em homenagem ao Dia do Condutor de Veículo de Transporte Escolar e como forma de agradecimento ao parlamentar pela aprovação da LEI 4.728, que estabelece a isenção total do IPVA para os veículos de transporte escolar. O parlamentar, que propôs o projeto de lei, também foi homenageado. Ele ressaltou o papel importante dos transportadores escolares e destacou o respaldo do governo na concretização do projeto. "Quando o Legislativo e o Executivo trabalham em conjunto conseguimos resultados satisfatórios", declarou. A sanção foi realizada em dezembro de 2011 e depende de trâmites burocráticos para ser colocada em prática. Dr. Michel se comprometeu a

lutar, agora, para a inserção do ICMS, na aquisição de veículos destinados ao transporte escolar. O governador Agnelo Queiroz af irmou que vai mandar analisar os recursos em vista a inserção do ICMS e que a categoria é muito importante para o transporte escolar do DF. A expectativa do sindicato é que a economia por veículo seja de R$ 500 a R$ 1,2 mil a cada ano. O presidente do Sintresc, Albenir de Sousa, acredita que benefício não será apenas da categoria, mas da sociedade como um todo. "A nossa entidade é um elemento de ligação entre a família e a escola. Carregamos o patrimônio maior que tem a família. O dinheiro da isenção poderá ser investido na melhoria do transporte e em segurança para as crianças", declarou. O governador Agnelo Queiroz, que também participou do evento e foi homenageado, dis-

se que "a isenção do IPVA para o transporte escolar permite que as pessoas que transportam as nossas crianças possam fazer isso em melhores condições. A ideia é que invistam essa economia em segurança e em melhorias do serviço", enfatizou Agnelo Queiroz. "Ao mesmo tempo, o transporte escolar é um estímulo ao transporte coletivo porque representa menos carros na rua". O governador disse ainda que pretende liberar os transportes escolares para trafegarem em todas as faixas exclusivas para ônibus. Os veículos já estão liberados para a faixa da EPTG. De acordo com o Detran, há no DF cerca de 2,5 mil veículos usados no transporte escolar. "A isenção é justa para quem usa o veículo como meio de renda", afirmou o presidente do Detran, José Alves Bezerra. Táxis e autoescolas já têm o benefício fiscal.


BRASÍLIA, DF - 7

S

A

13

DE MAIO DE

C I D A D E S

20 12 201

MUDANÇA

EGURANÇA

O empresário J. Rodrigues é o novo presidente da ACIP

NOVA DIRETORIA DA ACIP, ELEITA DIA 4, VAI TOMAR POSSE GARANTINDO TRANSPARÊNCIA

Varjão completa 21 anos de instalação conquistando um feito histórico na área de segurança pública

VARJÃO COMEMORA BAIXOS

ÍNDICES DE CRIMINALIDADE

AO COMPLETAR 21 ANOS, A CIDADE É APONTADA COMO UMA DAS MAIS TRANQUILAS DO DF DEVIDO A PROJETOS DE CONSCIENTIZAÇÃO

O

Varjão acaba de conquistar um feito histórico na área de segu rança pública. Neste mês, quando completa 21 anos de existência, a cidade é apontada como a mais tranqüila do Distrito Federal. Há seis meses não acontece um homicídio na região. A última morte violenta ocorreu dia 14 de novembro do ano passado, na Área de Transição, na Quadra 11. Responsáveis pela área de segurança pública, a delegada Nélia Vieira, chefe da 9ª Delegacia de Polícia, e o tenente coronel Júlio César Lima, comandante do 24º Batalhão da Polícia Militar, afirmam que o sucesso do Varjão poderia

ser estendido a todo o DF. Eles apontam o trabalho social feito pela Administração Regional com o Projeto Varjão Contra as Drogas, realizado com crianças, adolescentes e jovens, na prática de esportes, como muito importante para reduzir os índices de violência na cidade. Outro fato importante destacado por Nélia Vieira e Júlio César é a colaboração dos moradores em denunciar pessoas que praticam crimes na cidade. O trabalho das policias vai ganhar ainda um grande reforço com a implantação de câmeras de segurança. A verba para a compra dos equipa-

mentos foi destinadas pelo deputado e atual titular da Secretaria de Regularização de Condomínios, Wellington Luiz, antes de se licenciar da Câmara Legislativa. De acordo com o administrador regional, Hélio das Chagas, o Projeto Varjão Contra as Drogas, em parceria com Frente Parlamentar de Combate às Drogas, da Câmara Legislativa, além de outros projetos sociais realizados na cidade, tem ajudado na redução da violência. "Um dos nossos objetivos é diminuir cada vez mais a criminalidade e dar tranquilidade aos moradores e visitantes", afirma.

NOVOS CONVOCADOS PARA O MORAR BEM Uma nova relação com os nomes de mais duas mil pessoas inscritas no Novo Cadastro da Habitação convocadas para a comprovação de dados e a habilitação no Programa Morar Bem foi publicada no Diário Oficial do DF. Com esta nova relação, serão 4 mil pessoas já convocadas pelo governo. A Sedhab e a Codhab são responsáveis pelo programa, que tem o objetivo de oferecer moradia com infraestrutura completa para famílias com renda mensal de zero a R$ 7.464,00. Os convocados deverão comparecer ao Núcleo de Atendimento ao Público da Codhab, no Setor Comercial Sul, Quadra 6, Bloco A, Lotes 13/14, das 9h às 16h, obedecendo o cronograma (VEJA QUADRO) Já os convocados que

- 1º grupo, do 2021º ao 2528º classificado, de 21 a 25 de maio - 2º grupo, do 2529º ao 3031º classificado, de 28 de maio a 01 de junho - 3º grupo, do 3032º ao 3537º classificado, de 4 a 8 de junho - 4º grupo, do 3538º ao 4047º classificado, de 11 a 15 de junho tenham pessoas com deficiência na família deverão comparecer à Sejus, no posto de atendimento da Estação 114 Sul do Metrô, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas, seguindo o mesmo cronograma. A partir da convocação, os classificados deverão comprovar que atendem aos critérios da política habitacional do DF, listados na lei nº 3.877/2006,

como residir no DF há pelo menos cinco anos e nunca ter possuído imóvel. Demais dados, como quantidade de filhos e existência de pessoas com deficiência na família também serão averiguados. Além disso, na ocasião, os candidatos deverão optar pela cidade - entre aquelas em que serão implantados projetos habitacionais do GDF - em que desejam financiar a sua moradia.

A nova diretoria da Associação Comercial e Industrial do Paranoá (ACIP), encabeçada pelo empresário José Rodrigues Alves, o J. Rodrigues, do Jornal das Cidades, tomará posse no próximo dia 25. Na ocasião haverá coquetel com a participação de políticos da região, lideranças e importantes empresários da cidade, na sede da entidade, localizada na Quadra 9. A eleição na ACIP ocorreu no dia 4 passado e o pleito teve chapa única, denominada Renovação Com União, Trabalho e Transparência. Empossado, J. Rodrigues garante que vai trabalhar pelo fortalecimento da ACIP e que buscará novos horizontes de negócios para os associados, através de parcerias, de acordo com seu projeto de mandato. Além disso, ele vai delegar funções e responsabilidades a todos os membros da sua diretoria. Ressaltando a ACIP como

MILHARES NA TORRE DIGITAL

J

A Torre de TV Digital, mais novo ponto turístico de Brasília, recebeu, em um único f im de semana, 2 mil visitantes. Entregue em 21 de abril pelo Governo do Distrito Federal, o monumento foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer e ganhou o apelido de Flor do Cerrado por apresentar formas semelhantes a um dos símbolos da savana brasileira O monumento está aberto ao público somente aos f ins de semana e feriados, das 9h às 17h, e pode receber, por dia, mil pessoas. A visitação é garantida por meio de senhas distribuídas na entrada da torre. As últimas são entregues às 16h30.

Teve início este mês, na Vara Cível do Paranoá, procedimento de correição inspecional ordinária previsto na Portaria GC 44/ 2012 do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios. Nessa primeira etapa, a ação visa correicionar cerca de 1.900 feitos em tramitação naquela serventia. Na sequência, serão vistoriadas a 1ª e a 2ª Vara da Família da cidade. O trabalho de inspeção é feito pelos servidores do Núcleo de Atividade Correicional e Inspeção Judicial, subordinado à Corregedoria da Justiça do TJDFT, e segundo sua Supervisora, "está correndo tudo dentro da normalidade". A atividade correicional está prevista no Provimento Geral da Correge-

geradora de desenvolvimento econômico e social do Paranoá, J. Rodrigues agirá para o crescimento da entidade e também atuará na promoção do progresso da cidade. A ACIP acompanhará de perto a construção do Residencial Paranoá Park, principalmente na implantação da Área de Desenvolvimento Econômico (ADE) nas proximidades do novo bairro. Uma das preocupações da nova diretoria da ACIP, de acordo com J. Rodrigues, será equacionar o surgimento do comércio do futuro bairro, para que a novidade não enfraqueça os estabelecimentos e os lojistas de outras áreas da cidade. QUALIDADE DE VIDA - Através de parcerias com outras entidades civis organizadas, a ACIP implantará um trabalho social voltado especificamente às famílias mais carentes do Paranoá. Existe a previsão da vinda de cursos profissionalizantes para jovens da comunidade.

USTIÇA

CORREIÇÃO NO FÓRUM DO PARANOÁ doria do TJDFT e objetiva a apuração e prevenção de irregularidades, o aprimoramento dos serviços cartorários e a eficiência na prestação jurisdicional. Conforme a Portaria, a correição inspecional deve alcançar, ainda, neste ano de 2012, outras seis Circunscrições Judiciárias do DF, na seguinte ordem: Paranoá, Planaltina, Sobradinho, Núcleo Bandeirante, São Sebastião, Santa Maria e Ceilândia. Durante o período de correição, o atendimento nas Varas será mantido, não havendo suspensão de prazos, interrupção de distribuição ou remarcação das audiências previamente designadas, a fim de não causar prejuízo às partes e seus procuradores.


C I D A D E S

BRASÍLIA, DF - 7

A

13

DE MAIO DE

20 12 201

C IDADANIA

FAZENDINHA

PRETENDE MOSTRAR NOVO CAMINHO

UNIDADE DE INTERNAÇÃO DE PLANALTINA LANÇA O PROJETO “ESPAÇO FAZENDINHA” PARA MELHORAR A A PROFISSIONALIZAÇÃO

C

A Subsecretaria de Direitos Humanos vem agindo em todo DF

BRASÍLIA SEM PEDOFILIA NO AREAL A Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejus) vem realizando palestras sobre o crime de pedofilia em escolas públicas e privadas do Distrito Federal. Cada palestra é para um público diferente, ou seja, para pais, alunos e professores. No dia 9, a palestra do projeto “Brasília sem Pedofilia” foi realizada no CAIC do Areal para cerca de 150 pais de alunos e foi mi-

nistrada pelo subsecretário de Direitos Humanos, Teddy Moreno. O projeto Brasília sem Pedofilia teve início em maio de 2011, com o objetivo de alertar pais, alunos e professores dos perigos da pedof ilia e da violência sexual contra crianças e adolescentes. Desde o ano passado já foram realizadas cerca de 100 palestras, onde mais de 40 mil espectadores estiveram presentes.

LUGAR DE LIXO É NO LIXO Foi sancionada pelo governador Agnelo Queiroz e publicado no Diário Oficial do DF do dia 4/5/2012 a lei, de autoria do deputado Agaciel Maia, que proíbe o descarte de resíduos sólidos em área não destinada a depósito ou coleta. “O objetivo é fazer com que Brasília se torne um exemplo para todo o país, sinônimo de limpeza”, explicou o autor do projeto.

A partir de agora quem for pego depositando lixo em locais inadequados, como lotes vazios públicos ou particulares, ruas e avenidas, será multado. A penalidade vai desde uma simples advertência até multa. O Governo, no prazo de 90 dias, irá regulamentar o assunto e se encarregará, também, de realizar campanhas educativas e de conscientização

Normalmente, as pessoas recebem a segunda-feira com um pouco de resistência, preguiça e falta de ânimo para encarar o resto da semana. Afinal, o final dela nos tira da rotina, nos oferece um pouco mais de disposição e distração. Mas não é todo mundo que reage com essa sensação de “segunda-feira de novo, não!”. Para o Grupo de Idosos de Planaltina, todos os dias são de muita disposição, anima-

ção, ginástica e música. No dia 07, de manhãzinha, a única coisa que não se via era preguiça na Praça São Sebastião, em Planaltina. Um café da manhã foi organizado pelo Grupo de Idosos, que não tem nome específico, responde apenas pela alegria, convívio social, momentos de descontração e integração familiar, “não temos um nome, temos união”, afirmou dona Diva, uim das participantes

CAFÉ DA MANHÃ NA PRAÇA

om o objetivo ampliar a ofer ta de atividades socioeducati vas e de melhor aproveitar o espaço físico, a Unidade de Internação de Planaltina (UIP) lançou, dia 3, o "Espaço Fazendinha". O projeto objetiva ainda nortear a profissionalização dos socioeducandos na área de horticultura, a partir do cultivo de diversas espécies de folhosas e verduras. A chefe da UIP, Gabriella Ferreira, destacou que, "hoje celebramos o sonho e a esperança de todas aquelas pessoas proativas que ousaram sonhar, inquietaramse, inconformaram-se e que ficaram com calos nas mãos para levantar o local e, assim, o tornaram produtivo", disse. O instrutor de Olericultura da UIP, Húdson Carneiro, explicou que a "Fazendinha" pretende ser também um espaço terapêutico, um local de aprendizagem para o manejo da terra. "Queremos investir na alimentação saudável dos jovens, complementando as refeições com as verduras produzidas na horta", lembrou. Além disso, em longo prazo, a ideia é trabalhar noções de cooperativismo e empreendedorismo, uma vez que o projeto pretende vender os excedentes de sua produção para a comunidade, tornando-se sustentável. "O nosso maior desafio é mostrar que esse é o caminho da ressocialização. Queremos devolver esses adolescentes como cidadãos mais sensíveis e aptos para o trabalho", frisou o instrutor. A secretária da Criança, Rejane Pitanga, ressaltou que esse projeto mostra uma vitória imensa das medidas socioeducativas, que ficaram em uma situação total de omissão durante anos, período

CASAMENTO

Muitos casais moram juntos há anos. Mas, juntar as roupas no guardaroupa e os sapatos na sapateira não signif ica exatamente que o tradicional ritual de entrada na igreja com véu e grinalda, tenha se consumado. O sonho de reunir parentes e amigos em cerimônia de casamento tem um preço que alguns não tiveram condições de pagar. Uma opção para realizar esse sonho é o casamento comunitário. A Secretaria de Justiça do DF realizou no último dia 5, o primeiro casamento comunitário do projeto “Alma Gêmea”. O Ginásio da Vila Olímpica de São Sebastião estava devidamente decorado, com direito as flores, altar e marcha nupcial. Vinte noivas receberam atenção e os cuidados necessários para encon-

FOTO: ASCOM/ADM.PLANALTINA

O excedente da produção deverá ser comercializado junto à população local

em que o Estado não tinha um olhar voltado a elas. "Esse projeto é uma construção coletiva que desenvolveu também a concepção de parceria, bem como o respeito ao meio ambiente, a sustentabilidade e a cidadania", afirmou. Rejane lembrou mais uma vez que qualquer transformação vem pela educação e aproveitou a oportunidade para externar o total apoio da Pasta em construir políticas públicas para melhorar a vida desses meninos e meninas, ampliar as oficinas, fortalecer os projetos ligados à escola ou ainda construir outras iniciativas. No encerramento as autoridades em conjunto com a comunida-

de participaram do plantio coletivo de mudas de alface. Logo após foi servido um lanche, preparado na Unidade e, em seguida, os convidados puderam conhecer as salas de materiais e de acolhimento, onde foi exibida uma apresentação de slides com as fotos do projeto. Também estiveram presentes à cerimônia a subsecretária do Sistema Socioeducativo, Ludmila de Ávila Pacheco, o rresidente da Estaca Brasília Norte da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, Alexandre Machado Vasconcelos, o diretor de Ensino, Pesquisa e Extensão do Instituto Federal Brasília/Campus Planaltina, André Ferreira Pereira, e outros.

COMUNITÁRIO

FOTO: Divulgação/Sejus

O casamento comunitário aconteceu em São Sebastão

trar o noivo no altaro sonhado “sim, aceito”. Às 16h as noivas saíram do Ginásio e, divididas em 11 carros, fizeram o cortejo pela cidade antes de se encontrarem com os noivos. A recep-

ção após as cerimônias foi regada a música gospel, com oito bandas dividindo o palco. O próximo casamento comunitário está marcado para o dia 14 de junho em Ceilândia.

ARTE

CONTRA AS DROGAS

O projeto “Viva a Vida sem Drogas” leva à população do Distrito Federal mais um braço de atuação: o “Viagem sem Drogas”. Esta ação leva o artista popular Apagão para os principais Terminais Rodoviários do DF com as famosas paródias. Apagão montou um extenso repertório de paródias com o tema de combate às drogas. O artista esteve dia 9 na Rodoviária do Plano Piloto lançando a ação. Eventualmente Apagão levará sua arte para dentro dos ônibus. Inicialmente a ação acontecerá semanalmente. O objetivo desta ação é usar a música como instrumento lúdico-pedagógico para se aproximar da população e transmitir a mensagem de prevenção ao uso indevido de drogas.


B RASÍLIA, DF --7 7

A

13

DE MAIO DE

20 12 201

PUBLICID ADE PUBLICIDADE


CIDADES

BRASÍLIA, DF - 7

A

13

DE MA MAII O DE

20 12 201

C ICLOVIA DA DISCÓRDIA

A LIMENTAÇÃO

Ao todo são 50 toneladas de alimentos por semana

CEASA

DOA ALIMENTOS A INSTITUIÇÕES DE CARIDADE Instituições que desejam receber alimentos de programas do GDF no âmbito da estratégia "DF Sem Miséria" Ceasa-DF para se cadastrar. A Ceasa possui um Banco de Alimentos - criado pela lei 4634/2011 - que faz o recebimento, seleção e distribuição dos alimentos. Bem como, o cadastramento das entidades. O Banco é coordenado pela Ceasa, em parceria coma a Seagri, Sedest e a Emater-DF. Ao todo, são 50 toneladas de alimentos por semana; um caminhão por dia, com mais de 40 variedades de frutas, verduras e legumes. Os produtos, em sua maioria vindos da agricultura

familiar, são distribuídos gratuitamente em instituições que atendem idosos, crianças carentes, dependentes químicos, dentre outros. Atualmente, mais de 130 entidades estão cadastradas, o que beneficia cerca de 25 mil pessoas no DF e Entorno. O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa de Aquisição de Produtos da Agricultura do DF (Papa-DF) este último, sancionado pelo governador Agnelo Queiroz, dia 3 - dispõem de recursos para comprar alimentos da agricultura familiar e distribuir para entidades que trabalham com pessoas em situação de insegurança alimentar.

T RÂNSITO

CORREDOR

EXLUSIVO NA

Os motoristas que desrespeitarem a faixa exclusiva para ônibus na W3 Sul serão multados. A regra está valendo desde o dia 7. Todos devem ficar atentos, pois as penalidades não são destinadas apenas aos condutores de veículos de passeio. Os coletivos que invadirem as outras duas pistas também estão sujeitos à punição. O Detran e o DFTrans são os responsáveis por garantir o cumprimento da lei. Táxis, vans e micro-ônibus também podem trafegar pelo corredor. Todos os outros não autorizados vão receber multa de R$ 53,20

W3

e três pontos na carteira de habilitação. Para os ônibus a multa é de R$ 85,13, além de quatro pontos na carteira. O corredor começou a funcionar em 15 março e, desde então, todo o trabalho era educativo. A fiscalização teve início com dois instrumentos para garantir o respeito à lei: um aparelho semelhante ao pardal, conhecido como OCR e a ronda diária de uma viatura do Detran. Os OCRs são leitores ópticos de caracteres que têm um banco de dados com as placas dos veículos autorizados a trafegar na faixa exclusiva.

As lideranças empresariais estiveram reunidos no auditório da Secretaria de Obras para discutir a ciclovia

EMPRESÁRIOS E MORADORES PARAM A OBRA DA CICLOVIA

O VICE-GOVERNADOR TADEU FELIPELLI ATENDEU OS APELOS

DE LIDERANÇAS LOCAIS E MANDOU SUSPENDER OS TRABALHOS

C

om indignação e palavras de protesto contra a construção da ciclovia no canteiro da avenida Comercial do Paranoá, líderes comunitários e comerciantes da cidade conseguiram suspender a obra, em reunião ocorrida no auditório da sede da Secretaria de Obras com arquitetos e engenheiros, na manhã de segunda-feira (7). O deputado distrital Dr. Michel (PSL), que acompanhou os representantes da cidade, na ocasião destacou que "a ciclovia necessita de uma solução política" e se comprometeu de levar pessoalmente a reclamação da comunidade ao governador Agnelo Queiroz (PT) ou ao vice-governador Tadeu Filippelli (PMDB). Contra a obra, os líderes comunitários e comerciantes ressaltaram, na reunião, sua preferência pela construção de novos estacionamentos de carros na avenida, a principal e mais movimentada artéria viária do Paranoá. Eles argumentaram que não são contra uma ciclovia na cidade, mas que ela seja construída em outro local, assim discordaram veementemente dos argumentos do administrador do Paranoá, Professor Garibel (PT), que também estava presente e advogava em favor da implantação da ciclovia na avenida. Suspensão - A reunião aconteceu depois que os membros da comunidade encaminharam ao gabinete de Filippelli uma reclamação contra a obra da ciclovia na avenida. Então, imediatamente Filippelli destacou o engenheiro civil Maurício Canovas, da Secretaria de Obras, para tomar conhecimento da situação.

O vice-governador Felippelli recebeu as reivindicações dos empresários do Paranoá

"Vamos ficar na frente das máquinas e impedir a continuação dessa obra na avenida", avisou João do Violão, presidente da Associação Comercial e Industrial do Paranoá (ACIP). Diante dos apelos contra a ciclovia, Canovas anunciou a paralisação da obra, ao lado de outros representantes do GDF. "Vamos parar provisoriamente a construção da ciclovia, inclusive temos mecanismos para prorrogar o cronograma da obra", anunciou o engenheiro, representante de Filippelli na reunião. Já estão previstas outras duas ciclovias na cidade: uma com a duplicação da rodovia DF-001, na região Sul, e a outra junto à im-

plantação do Residencial Paranoá Park, na região Norte. No auditório também estavam presentes os empresários José Rodrigues Alves, presidente eleito da ACIP, José Anchieta, ex-presidente da ACIP, Lucilene Bezerra do Vale (Super Gomes), José Reis (Supermercado Reis), José do Vale (Supermercado JL), José de Queiroz Júnior (Lago Centro), Vilmar de Oliveira (ConstruRápido), José do Carmo (Vem-Que-Tem). O advogado Roberto Stecanela, o pioneiro João Batista de Farias, conhecido como João Mata-Tudo, os líderes comunitários Pedro Barbudo e Hélio Francisco, o Seu Hélio, e Edson Vaz, da ONG Lixo Mania.


B RASÍLIA, DF - 7

A

A

1 3 13

DE MAIO DE

S A Ú D E

20 12 201

TENDIMENTO À MULHER F OTO: R OBERTO B ARROSO

H IGIENE

F OTO :MARCELLO C ASAL J R/AB R

Dia de Higienização das mãos lembrado nos hospitais

AÇÕES REGIONAIS MARCAM O DIA MUNDIAL DE HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS

O governador Agnelo Queiroz e a primeira dama Ilza Queiroz acompanharam o atendimento no Itapoã

UNIDADE MÓVEL DE SAÚDE DA MULHER EM ITAPOÃ O Q 61,

ATENDIMENTO É REALIZADO NA UADRA PRÓXIMO AO RESTAURANTE COMUNITÁRIO, NOS DIAS ÚTEIS, DAS 8H ÀS 17H

O

governador Agnelo Queiroz, acompanhado da primeiradama Ilza Queiroz, visitou a Unidade Móvel de Saúde da Mulher, que está na Quadra 61 do Itapoã. O Caminhão da Mulher atende a quarta cidade do DF, depois de passar pelo Condomínio Pôr do Sol, Núcleo Rural Taquara, em Planaltina, e Estrutural. "É uma experiência vitoriosa. Em dois meses, nós já realizamos, com esse serviço, 3.149 exames. É uma produtividade espetacular, com estrutura, aparelhos, investimentos com instalações, vigilância, energia, tudo isso que representa um serviço de qualidade de saúde", disse o governador. Para a secretária da Mulher, Olgamir Amancia, o governo realiza uma ação concreta de salvamento de vidas. "Os dados revelam que os cânceres de colo de útero

e de mama são os grandes responsáveis, além da violência, pela morte das mulheres. Se considerarmos que, nós mulheres, somos mais de 52% da população e que estamos em todas as áreas contribuindo para gerar riqueza para esta unidade da Federação e para o Brasil, é uma ação de cidadania", explicou a secretária. A doméstica Gorete de Souza, 44 anos, há muito tempo não realizava exames preventivos. "Gostei muito do atendimento. Fiz ecografia, mamografia e preventivo. Achei uma ótima iniciativa do governo porque para conseguirmos tempo para marcar esses exames longe da nossa casa é muito difícil. Perdemos tempo e o dia de trabalho", contou Gorete. O serviço faz parte da ação do GDF para recuperar a qualidade dos serviços da rede

pública de saúde. A próxima cidade que receberá a Unidade Móvel de Saúde será Sobradinho. A unidade chegou ao Itapoã no dia 2 e permanece na cidade até 18 de maio: o atendimento é realizado na Quadra 61, próximo ao Restaurante Comunitário. O serviço funciona nos dias úteis, das 8h às 12h e das 13h às 17h. A meta é realizar, por dia, 40 mamografias, 50 ultrassonografias e 40 exames de Papanicolau. As mulheres interessadas em fazer os exames devem apresentar documentos pessoais e comprovante de residência. Para fazer a mamografia, a paciente deve ter 40 anos ou mais e o pedido médico. O Papanicolau não possui pré-requisitos, mas é feito, preferencialmente, em mulheres que tenham se submetido a ele há mais de um ano.

B ANCOS DE LEITE DA A SA N ORTE E B RAZLÂNDIA PRECISAM DE DOAÇÕES

Os bancos de leite dos Hospitais Regionais da Asa Norte e de Brazlândia precisam de doações para reposição dos estoques. Balanço divulgado pela Coordenação de Bancos de Leite da Secretaria de Saúde mostra que a coleta, no primeiro trimestre deste ano, superou o mesmo período do ano passado. De janeiro a março de 2010 os bancos receberam 3.503 litros de leite, enquanto neste ano a coleta atingiu 4.214 litros. Mas ainda é insuficiente. De acordo com o levantamento, neste ano foram registrados 44.238 atendimentos a mães nas mater-

nidades e nos bancos de leite. Em 2010, foram 39.611 atendimentos individuais. Segundo a Coordenação de Bancos de Leite, Miriam Santos. o número de doadoras mantevese praticamente inalterado. De janeiro a março de 2010 foram registradas 1.423 novas doadoras, enquanto neste ano foram 1.427. O leite recebido pelos bancos de leite alimenta bebês internados nas unidades neonatais da rede pública. A coordenadora explica que a maior parte das doações é registrada até três meses após o nascimento

Este ano foram registrados masi de 44 mil atendimentos

do bebê, período em que a mãe tem maior volume de leite. Além do atendi-

mento no hospital e nos bancos de leite, são realizadas visitas domiciliares.

O Dia Mundial de Higienização das Mãos foi lembrado em várias unidades da Secretaria de Saúde. A programação incluiu ações nos hospitais regionais da Asa Sul, Samambaia, Guará, Brazlandia e de Base. O objetivo é alertar à população e os profissionais da saúde sobre a importância da lavagem das mãos, como meio eficaz de prevenção e controle de doenças. Os hospitais de Sa-

mambaia e do Guará promoveram eventos para destacar o Dia Mundial de higienização das Mãos no dia 4. Já o Hospital Regional de Brazlândia terá programação especial no dia 14. No Hospital de Base a ação será nos dias 14 e 15 e consiste na instalação de um painel para mostrar o resultado de uma pesquisa realizada na unidade, além de prestar orientações sobre a higienização das mãos.

P REVENÇÃO

VACINAÇÃO CONTRA GRIPE COMEÇOU

A 14ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começou dia 5, Dia de Mobilização Nacional, e vai até o dia 25. A Secretaria de Saúde do DF montou 142 postos de vacinação em todas as cidades. A campanha continua nas salas de vacinação da rede pública, das 8h às 11h30 e de 13h30 às 17h, de segunda a sexta-feira. O objetivo é reduzir a mortalidade, complicações e internações

decorrentes das infecções pelo vírus da influenza. A abertura of icial da campanha no DF foi no Centro de Saúde 1 do Guará, que f ica ao lado do Hospital Regional, com a participação do secretário de Saúde Rafael Barbosa. A meta é imunizar 80% da população alvo, totalizando 258.020 crianças de seis meses a dois anos de idade, gestantes, trabalhadores de saúde e pessoas a partir de 60 anos.

T RANSPLANTE

BRASÍLIA ESTÁ ENTRE OS MELHORES

O número de transplantes no Distrito Federal apresentou um salto significativo nos últimos meses. O DF está entre as unidades da federação que mais realizaram esse tipo de cirurgia, em números proporcionais. De janeiro a março, foram 23 transplantes de rim, 120 de córneas, sete de fígado e sete de coração. Essa estatística fez com que o DF assumisse o 1º

lugar no ranking de cirurgias de transplante cardíaco, 2º de córnea, 4º de rim e 5º em relação a fígado. Os dados são da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos e confirmam a meta estabelecida pelo governador Agnelo Queiroz no começo de sua gestão. O DF foi credenciado em novembro para realizar transplantes de fígado pelo Sistema Único de Saúde.


EDUCAÇÃO

S OLIDARIEDADE

BRASÍLIA, DF - 7

C ONVIVÊNCIA

A

1 3 13

DE MAIO DE

20 12 201

FOTO: CARLOS GANDRA/CLDF

FOTO: ASCOM/LAGO NORTE

Alunos de Ciências Biológicas fizeram placas ambientais

CALOUROS

DA UDF FAZEM TROTE SOLIDÁRIO NO URUBU Nos últimos anos, as instituições de ensino tentam eliminar ou amenizar a prática de trotes violentos e ou que causem vexame e maus tratos aos alunos. Para desvincular o trote tradicional dos atos de humilhação e violência, o Centro Universitário UDF em parceria com a Administração Regional do Lago Norte, o Movimento Salve o Urubu e o Instituto Salvia, realizou, no último dia 5, o Trote Eco Solidário UDF, na Cachoeira do Urubu. Cerca de 30 alunos do Curso de Ciências Biológicas fizeram uma experiência ligada a sua formação acadêmica, com o intuito de utilizar o trote para ajudar a comunidade do Núcleo Rural do Córrego do Urubu, no Lago Norte, a mostrar a importância de pre-

servar o meio ambiente. Os alunos participaram de uma ação planejada e organizada as margens do Córrego do Urubu retirando as pedras que promovem o assoreamento do córrego, pintaram algumas placas ambientais e fizeram ainda, um plantio simbólico de árvores do Cerrado. Flavio Sousa que coordena o Curso de Biologia destacou que a experiência vai ajudar muito a maioria dos calouros. "É notório o ânimo dos alunos em fazer parte de uma atividade que envolve a interação deles com os veteranos e com a comunidade. Espero que eles adotem este lugar para somar esforços e sempre que formos convidados vamos fazer o possível para ajudar", concluiu.

G REVE

REPOSIÇÃO DE AULAS TEM DATA

A comissão dse negociação do Sinpro e o secretário de Educação, Denilson Costa, acertaram os parâmetros para a reposição dos dias letivos perdidos em função do movimento grevista da categoria. Os parâmetros que foram acordados hoje, são as indicações resultantes da plenária realizada no último dia 5 com mais de 500 professores e professoras na sede do Sinpro. A reposição começa já no dia 12 e deve terminar até o dia 29 de dezembro. Como a adesão à paralisação variou de escola

para escola, caberá aos professores e professoras de cada unidade de ensino definirem seu calendário específico. Haverá 42 possibilidades de datas para a reposição dos 35 dias letivos. O primeiro semestre terminará no máximo até o dia 14 de agosto e o segundo deve começar no máximo até o dia 15 de agosto. As professoras e professores do EJA, CILs, Escolas Parque, sistema prisional ou de restrição de liberdade e educação profissional terão autonomia para montar calendário específico.

Uma das regras é a proibição dos "trotes sujos" e outras práticas consideradas humilhantes para os estudantes

UNB PROIBE O CHAMADO “TROTE SUJO” NOS CAMPI

O CONSUMO DE BEBIDA ALCOÓLICA PODERÁ OCORRER APENAS COM AUTORIZAÇÃO EXCEPCIONAL. A VENDA DE INGRESSOS TAMBÉM É VETADA

A

s regras de convivência da Uni versidade de Brasília (UnB) passaram a valer a partir do último dia 7, quando a resolução aprovada foi publicada. A partir daquela data, o Conselho Universitário (Consuni) passou a contar com um prazo de seis meses para aprovar o Plano de Responsabilidade Ética, onde serão estabelecidas as penalidades para quem violar as regras de convivência dentro da instituição. Esse texto é resultado de muitas discussões despertadas por episódios de agressivida-

de registrados no início do semestre, durante os famosos "trotes universitários". Uma das regras é a proibição dos "trotes sujos", que incluem xingamentos, consumo de bebidas alcoólicas durante a atividade e outras práticas consideradas humilhantes para os estudantes. A intenção é evitar um tratamento preconceituoso e violento com os calouros. As festas dentro dos campi da Universidade de Brasília também estão sendo restringidas. Apenas eventos de pequeno e médio por-

te poderão ser realizados dentro da universidade e só podem durar até meia-noite. O consumo de bebida alcoólica poderá ocorrer apenas com autorização excepcional. Também não poderá ocorrer comercialização de ingressos nem divulgação nos meios de comunicação. As festas maiores, que incluem a participação de pessoas sem relação direta com a comunidade acadêmica, deverão ser realizadas no Centro Comunitário Athos Bulcão, no campus Darcy Ribeiro, destinado a esse tipo de eventos.

“TIA ANGELINA” NO CANADÁ O Centro Social Comunitário Tia Angelina, uma referência em alfabetização de crianças, no Varjão, ganhou um novo espaço. Com apoio da Administração Regional, dirigentes da entidade sem fins lucrativos, desenvolveram o projeto Mini Fábrica de Produtos Artesanais, que recebeu o nome Tiarte (Tia Angelina Artesanato). O objetivo é trabalhar com mulheres artesãs da cidade. A iniciativa serviu de inspiração para o governo do Canadá. A primeira-dama canadense, Sharon Johnston, visitou o Centro Comunitário, na Quadra 4 do Varjão, para trocar experiências com as brasilienses. Depois de conhecer o projeto realizado no Tia Angelina e conversar com o marido, o governador geral do Canadá, David Johnston, Sharon f icou

FOTO: ASCOM/VARJÃO

O Triarte já está em funcionamento no Varjão

entusiasmada e apoiou a construção do centro, onde as mulheres do Varjão vão realizar seus trabalhos. O T iarte já está em funcionamento e foi construído em um espaço de 84 metros quadrado. Entusiasmada com a iniciativa realizada no centro,

Sharon Johnston garantiu levar a ideia para trabalhar com mulheres no Canadá. Ela disse que se sentia gratificada por ter a honra de conhecer a iniciativa do Tia Angelina. "Vim do campo e sou de origem humilde. Vou levar essa experiência para o Canadá”, disse ela.

OLIMPÍADA

DO MEIO AMBIENTE As inscrições para a 6° edição da Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente, projeto desenvolvido pela Fiocruz em parceria com a Abrasco, estão abertas. Até 12 de junho, alunos do Ensino Fundamental e do Ensino Médio de escolas públicas e particulares podem realizar suas inscrições gratuitamente. A Olimpíada cria oportunidades para reflexão sobre questões e problemas referentes à saúde e ao meio ambiente. A partir desta temática, os trabalhos podem ser desenvolvidos em três modalidades: produção de textos, Produção Audiovisual e Projeto de Ciências. Para par ticipar, é simples: basta acessar o site da Olimpíada (http:// www.olimpiada.fiocruz.br/ 6obsma/index.html).


B RASÍLIA, DF - 7

T

A

1 3 13

DE MAIO DE

C A M P O

20 12 201

URISMO RURAL FOTO: DIVULGAÇÃO

E

SCOAMENTO FOTO: ASCOM/SEAGRI

A Seagri sinaliza com a aquisição de novas máquinas

PARCERIA ENTRE SEAGRI E DER-DF FACILITA RECUPERAÇÃO DE VICINAIS

AGRICULTORES

Parte dos agricultores familiares integrantes do Grupo de Turismo Rural Crescer no lançamento do projeto

FAMILIARES BUSCAM NOVAS OPÇÕES

PEQUENOS PRODUTORES RURAIS DO CAPÃO DA ERVA, COM AJUDA DA EMATER DO PARANOÁ, LANÇAM PROJETO DE TURISMO RURAL

T

ransformar dezenas de peque nos produtores rurais em em presários do turismo rural. Este é o objetivo de um projeto que envolve várias famílias que vivem e trabalham na região conhecida como Capão da Erva, localizada cerca de 8 quilômetro de Paranoá, às margens da DF 250. No último dia 5, aconteceu o lançamento do Grupo de Turismo Rural Crescer - “Conto e Viola”, durante uma festa na Chácara Aurora, de Francisco de Assis e Gracilene. A turismóloga Clarissa Valadares, da Emater, órgão responsável pela implantação do projeto, explicou que pretende aproveitar grandes eventos esportivos, culturais e políticos que acontecem no DF para promover o turismo rural, “mostrando o oferecendo comidas típicas, lazer, aertesanato, moda de viola, de forma que traga o fortalecimento da agricultura familiar, com toda estrutura

AGROBRASÍLIA

necessária ao bom atendimento ao visitante”, disse ela. A região, de acordo com Clarissa, oferece todos os atrativos necessários ao desenvolvimento do turismo rural. “Temos uma paisagem deslumbrante, morros, córregos, rios, cachoeiras, plantação de flores, criação animais diversos, além de uma grande diversidade de tipos de comida que são oferecidos por restaurantes campestres, lanchonetes, salas de festas e espaços para a realização de eventos sociais. Isso desperta o interesse de quem visita o Distrito Federal que não tem apenas o turismo político ou religioso para oferecer”, ressalta a turismóloga da Emater. A idéia, de acordo com Alaida Jardim, técnica da Emater do Paranoá, surgiu do interesse dos moradores da região e aase concretizava na festa da família da Chácara Aurora, onde foi apresentada uma variadade de produtos

MOSTRARÁ O

Os agricultores brasileiros estão cada vez mais engajados com a causa ambiental. A adesão às práticas sustentáveis no campo tem crescido substancialmente nos últimos anos. Prova disso é o aumento da liberação de recursos pelo Governo Federal por meio do Programa ABC (Agricultura de Baixo Carbono). Na Agrobrasília 2012, que será realizada no período de 15 a 19 de maio, no Parque Tecnológico Ivaldo Cenci, a implementação dessas práticas será ainda mais incentivada. Além da organização demonstrar exemplos de técnicas limpas no Parque Tecnológico Ivaldo Cenci e orientar os produtores sobre a importância da sustentabilidade no meio rural, as instituições financeiras presentes à Feira disponibilizarão recursos do ABC para financiar processos tecnológicos que visam a reduzir os impactos do aquecimento global. ABC NO DF - Em uma ação estraté-

artesanais e alimentícios produzidos pelos agricultores familiares residentes em chácaras de dois hectares, condição primordial para participar do Grupo de Turismo Rural Crescer. Alaída Jardim lembrou que, “o Distrito Federal está se preparando para viver grandes momentos esportivos como a Copa das Federações e a Copa do Mundo de 2014 e os moradores do Capão da Erva estão buscando alternativas para que possam se integrar ao calendário turístico”, comentou a técnica da Emater do Paranoá. A festa, a exemplo do que ocorreu na Chácara Aurora dia 5, vai acontecer periodicamente, num espaço de tempo não superior a dois meses, sendo que a próxima será na chácara da ex-presidente da Asociação dos Produtores Rurais do Capão da Erva (Aspec), Tarcília Ramos, localizada no quilômetro 8 da DF 250, próximo ao Centro Comunitário.

ABC

gica para estimular a adesão dos agricultores da região a essas práticas sustentáveis e aos financiamentos específicos, o GDF, por meio da Secretaria de Agricultura e da Emater, fará o lançamento oficial do Programa ABC no DF durante a abertura da Agrobrasília. Segundo Cláudio Malinski, engenheiro agrônomo da Coopa-DF, realizadora da Feira, os produtores locais ainda não conhecem plenamente os benefícios do programa. O Programa ABC foi criado em 2010 e concede benefícios e créditos para agricultores que querem adotar técnicas agrícolas sustentáveis. A taxa de juros é a menor fixada para o crédito rural destinado à agricultura empresarial. As linhas de crédito f inanciam seis iniciativas que visam a contribuir para a redução das emissões de gases de efeito estufa e ajudem na preservação dos recursos naturais.

CAFEEICULTORES REUNIDOS NO DF

Com o desafio de aumentar a produção para atender o mercado nacional e mundial, representantes do Conselho Deliberativo da Política do Café, se reuniram em Brasília para discutir medidas para desenvolver a cultura do café, em volumes que não depreciem os preços. Com este cenário, o governo em articulação com as entidades do Conselho, estão construindo para o período de 2012 a 2015, o Plano Estratégico de Desenvolvimento do Setor Cafeeiro. Os recursos do Funcafé vão financiar as pesquisas do Consórcio Café, coordenada pela Embrapa, para desenvolver novas variedades.

A parceria entre a Seagri-DF)e o DER já traz bons resultados . A DF 445 principal rodovia que dá acesso às áreas de produção do assentamento do Betinho, Brazlândia-DF , foi recuperada para viabilizar melhores condições de tráfego. Outros 12 km de estradas que fazem ligações internas na região estão em andamento. Da mesma maneira, os moradores do Núcleo Rural Jardim II, em Planaltina, já estão sendo beneficiados.

A revitalização das DFs 441 e 285 já está pronta. De acordo com o subsecretário de Desenvolvimento Rural da SeagriDF, José Nilton Campelo, o objetivo da Seagri-DF é "melhorar as condições de quem vive e trabalha no campo. Até o fim do ano pretendemos revitalizar todas as rodovias que dão acesso aos Núcleos rurais do DF, tanto que já demos início ao processo de compras de novas máquinas''.

G ESTÃO RURAL

EVAF

BUSCA A SUSTENTABILIDADE

Aprimorar a gestão da pequena propriedade rural, incrementar a comercialização da produção agrícola e o desenvolvimento rural e incentivar a busca por sustentabilidade. Esses são os objetivos dos organizadores do Espaço de Valorização da Agricultura Familiar (EVAF) da Agrobrasília 2012. Com algumas transformações e várias novidades, a área de 43 mil metros quadrados vai levar orientação técnica especializada a milhares de pequenos agricultores, trabalhadores rurais e técnicos do DF e Entorno nos diversos campos temáticos instalados no Parque Ivaldo Cenci.

Além de mostrar tecnologias, a principal preocupação é abordar toda a cadeia produtiva. "Vamos mostrar a parte tecnológica da produção, mas também os custos, a viabilidade econômica da atividade, e fechar o ciclo da cadeia com a comercialização dos produtos do campo. Vamos atuar, principalmente, no pós-porteira", afirma o coordenador do EVAF, Ricardo Magalhães. O intuito, segundo ele, é ajudar o produtor rural em todas as etapas da produção, instigar a adesão de boas práticas agrícolas nas pequenas propriedades rurais e gerar renda ao agricultor familiar.


SEGURANÇA

BRASÍLIA, DF - 7

A

1 3 13

DE MAIO DE

20 12 201

C OMBATE AO CRIME

FOTO: DIVULGAÇÃO PMDF

CRIMES VIOLENTOS NA PAUTA DE DISCUSSÃO DA SEGURANÇA O

COM PISTOLA NA ESCOLA

O cabo Martines, lotado no Batalhão Ambiental, estava fora de ser viço, veio ao Paranoá para resolver assuntos particulares, dia 4 pela manhã. Quando passou em frente à Escola Classe 03, na quadra 26, suspeitou de um grupo de menores e resolveu fazer com a abor-

dagem. Durante o procedimento o policial encontrou uma pistola .40 pertencente à Polícia Civil. Ele pediu apoio ao Batalhão Escolar que enviou os sargentos Oliveira Cunha e Alexandre Gomes para auxiliá-lo O menor foi encaminhado à DCA para as providências pertinentes.

CRACK NO VARJÃO

No início da noite do dia 5, policiais militares do Grupo Tático Operacional (Gtop 44) patrulhavam a quadra 02 do Varjão quando viram dois homens em atitude suspeita. Feita a abordagem foram encontradas algumas pedras de crack e um quantia em dinheiro. A

dupla foi autuada por tráfico de drogas. Algumas horas depois, também no Varjão, mais três homens foram abordados pelo Gtop e com eles foram encontradas duas facas e uma porção de cocaína. Os homens foram encaminhados a delegacia para as medidas cabíveis.

ADOLESCENTE ESPANCADO Um grupo de jovens está sendo apontado como os principais suspeitos de terem espancado um adolescente de 15 anos no Paranoá na última semana. De acordo com informações preliminares, o menor foi abordado no momento em que saia de casa. O menino sofreu lesões nas pernas, braços e olhos. Um policial militar de folga foi quem socorreu a vítima e apreendeu

os envolvidos que estavam em uma moto. A Polícia Civil entrou no caso e busca mais detalhes sobre a agressão para indiciar os envolvidos. Os menores apreendidos já foram liberados e segundo relatos de familiares passaram a rondar a residência da família. A vítima das agressões está com medo de sair de casa e não quer voltar a frequentar as aulas.

Um homem foi visto por um morador da quadra 9, no Varjão, pulando muros e entrando em sua casa. Não contou conversa e partiu para cima do suposto ladrão, aplican-

do-lhe boas vassouradas, que só pararam com a chegada de policiais do 24º BPM No final descobriu-se tratar de um dependente químico que mora na casa vizinha.

NA BASE DA VASSOURA

GDF GARANTE ESTAR EMPENHADO EM COLOCAR EM PRÁTICA O PROGRAMA AÇÃO PELA VIDA - INTEGRAÇÃO E CIDADANIA

GDF está empenhado em co locar em prática o programa Ação pela Vida - Integração e Cidadania, criado para enfrentar a criminalidade no DF por meio da atuação conjunta das forças de segurança. Para isso, a Secretaria de Segurança Pública promove reuniões periódicas para apresentação de números, ações e metas para cada eixo criminal proposto no programa. A Secretaria de Segurança realizou, dia 8, o terceiro encontro para debater o eixo de Crimes Violentos Letais Intencionais, os chamados crimes contra a vida. Estavam presentes servidores das polícias Militar e Civil, do Corpo de Bombeiros Militar e Detran, além de representantes comunitários, especialistas e estudiosos do assunto. "Esta fase é a coluna vertebral do projeto. Estamos estabelecendo metas conforme a necessidade de cada região administrativa. Vamos priorizar as ações de acordo com as demandas e acompanhar os resultados das metas. Trata-se de uma iniciativa inédita no DF, que estamos começando do zero", destacou o titular da SSP, Sandro Avelar. A integração entre os comandantes e delegados das quatro Áreas Integradas de Segurança Pública (AISP) - Leste, Oeste, Sul e Metropolitana - que abrangem as 31 regiões administrativas é outro objetivo da reunião. Esses profissionais, que integram os Conselhos Operacionais Regionais

BÊBADO

Genivaldo Nunes, dono de uma padaria na quadra 31 do Paranoá, foi agredido por um homem bêbado, dia 8. A vítima levou uma paulada na cabeça e outra no braço. Ele foi levado para o Hospital Regional do Paranoá e depois transferido para o Hospital de Base, mas até o fechamento desta edição ainda não havia informações sobre o estado de saúde do comerciante. De acordo com o de-

FOTO: LULA LOPES

Policiai militares e civísreunidos com secretário de Segurança , Sandro Avelar

(COR), são responsáveis por coordenar as ações em cada área. As duas primeiras reuniões realizadas pela SSP serviram como apresentação do programa, que funcionará com sistema de integração geográfica de segurança pública, voltado à integração operacional entre os órgãos do sistema de segurança pública. A exemplo da última reunião, os próximos encontros terão como

tema os demais eixos criminais do programa: Crimes contra o Patrimônio, Tráfico de drogas, Armas de fogo, Violência no trânsito, Pacificação social, Entorno (reflexos) e Atos Infracionais cometidos por adolescentes, incluído na última reunião. A ideia é que essas reuniões gerem metas específ icas para cada região do DF a partir da meta geral, que é reduzir em 8% nos índices de violência.

ESPANCA PADEIRO

O agressor já foi preso e pode pegar 12 anos de cadeia

legado Joaz Bragança, o agressor está detido e nega que tenha entrado para assaltar. orém, os co-

merciantes afirmam que se tratava de tentativa de assalto. Ele pode pegar até 12 nos de cadeia.

ESTUPRADOR DE SOBRADINHO Após dois meses de investigações, policiais da 13ª DP prenderam, por força de mandado de prisão temporária, um homem, de 44 anos, acusado de estuprar quatro mulheres nas imediações de Sobradinho. Os crimes praticados pelo autor ocorreram entre os meses de março e abril deste ano, na BR 020, entre os km 16 e 14, estrada de chão próxima aos Pinheirais.


B RASÍLIA, DF - 7

L

A

1 3 13

DE MAIO DE

CULTURA

20 12 201

I

EITURA

NTERCÂMBIO FOTO: DIVILGAÇÃO

Os candidatos devem ter boa fluência oral e escrita em inglês

PROGRAMA JOVENS EMBAIXADORES RECEBE INSCRIÇÕES ATÉ 5 DE AGOSTO

O Sonho Candango promove uma volta no tempo para recuperar personagens da vida cultural de Brasília

LANÇADO O SONHO CANDANGO MEMÓRIA AFETIVA DOS ANOS 80 O LIVRO DE ROMÁRIO SCHETINO E CLÉBER LOUREIRO, NASCEU DA INICIATIVA DA ANTROPÓLOGA E DIRETORA DE CRIAÇÃO CLÁUDIA PEREIRA

O

que pode acontecer no curto prazo de cinco anos? A julgar pela história da Candango Produções (1982-1986), muita coisa: produção executiva de seis curtas-metragens, quatro espetáculos teatrais, três mostras de cinema, o primeiro festival de bandas de rock da capital brasileira e criação e administração do primeiro teatro de bolso de Brasília, o Teatro da ABO. Um currículo invejável para empresas que atuam há décadas na área no Brasil. Agora, toda esta história poderá ser conhecida através do relato de quem participou pessoalmente dela. No dia 2 de maio,na Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Cláudio Santoro, foi lançado o livro O Sonho Candango - Memória Afetivados Anos 80, que promove uma volta no tempo para recuperar perso-

nagens, passagens, pensamentos. O Sonho Candango nasceu da iniciativa da antropóloga e diretora de criação Cláudia Pereira, uma das sócias da Candango Promoções, que confessa ter sentido saudade da época em que "tudo era feito com a cara e coragem de uma geração que, tendo nascido nos anos 50, carregava na bagagem o sonho de liberdade dos anos 1960 e os horrores da repressão política que se alastrou pelos anos 1970". Foi a partir desta nostalgia que Cláudia chamou seus dois exsócios, o jornalista Romário Schettino e o produtor Cleber Loureiro, e convocou o jornalista Alexandre Ribondi para participarem de uma empreitada: escavar os arquivos da produtora e trazer à luz uma história que é feita de determinação e de muita arte. O resultado é uma

obra que terá tiragem inicial de 1.000 exemplares e que poderá ser referencial para o estudo da produção cultural em Brasília. Ao longo do livro desfilam textos assinados pela própria Cláudia Pereira, por Romário Schettino e Alexandre Ribondi. O ator, diretor, dramaturgo e jornalista Ribondi também assina uma série de entrevistas com figuras que marcaram o período e mantiveram alguma relação com os projetos realizados pela Candango Produções. São conversas com os diretores de teatro como Hugo Rodas, B. de Paiva, Guilherme Reis, com os atores Chico Sant'Anna, Marcos Bagno e Gê Martu, as atrizes Iara Pietricovsky e Carmem Moretzsohn,. Um grupo representativo do que se produziu na década de 80, em termos culturais em Brasília.

ATAQUE BELIZ FINALISTA DO “MÚSICA PARA TODO MUNDO” A banda brasiliense “Ataque Beliz” é uma das finalistas do prêmio “Música para todo Mundo”. Criado pela empresa de telecomunicações Oi, o projeto selecionou 30 conjunto musicais de todo o Brasil e os submeteu a votação popular. Os dois membros mais votados pelo público e os dois escolhidosa pelos curadores do prêmio irão participar do “Festival Música para todo Mundo”, que será realizado no Rio de Janeiro no segundo semestre. A Ataque Beliz é um das bandas representantres do Diastrito Federal ao lado da banda indie The Neves.

O grupo de rapazes do Paranoá toca um som que mistura rap com a cultura hip hop, temperado com várias outras vertentes da música negra como o rock e o funk. A Ataque Beliz surgiu no Paranoá eee venceu em 2009 um festival promovido pela Central Única das Favelas (Cufa). Neste mesmo ano, o grupo lançou seu primeiro CD, o “Reconceito”. No site da banda Ataque Beliz é possível fazer o download de todas as faixas do album, como as conhecidas do público “Poesia” e “Como Poderia”. Em 20112, o grupo foi convidado pela Rede

A banda Ataque Beliz nasceu e se formou no Paranoá

Globo para participar do “Som Brasil” em homenagem a Ataulfo Alves, um dos episódios mais

assistidos do programa. A Ataque Beliz é uma das bandas mais curtidas no Facebook do festival.

Estão abertas, até 5 de agosto de 2012, as inscrições para o Programa Jovens Embaixadores 2013, um intercâmbio de três semanas nos Estados Unidos, em janeiro de 2013, para 35 estudantes brasileiros entre 15 e 18 anos que jamais viajaram para os EUA. Os candidatos devem apresentar boa fluência oral e escrita em inglês, excelente desempenho escolar, histórico de trabalho voluntário de pelo menos um ano em sua comunidade e comprovar baixa condição socioeconômica. A Embaixada dos EUA cobre todos os custos com passagens aéreas, hospedagem, alimentação, seguro saúde para a

viagem, kit básico com roupas de inverno, cartão telefônico para ligações para o Brasil. O participante terá de arcar com despesas de emissão do passaporte e gastos com compras pessoais. Nos EUA, os jovens embaixadores participarão de encontros e reuniões importantes com autoridades do país e de atividades culturais; conhecerão monumentos, programas de voluntariado e escolas norte-americanas. As inscrições devem ser efetuadas somente pelo site: portuguese.brazil.usembassy.gov/ pt/je.html. Para participar, os candidatos precisam ficar atentos às 13 fases do certame.

C INEMA

FESTIVAL DE FILMES CURTÍSSIMOS O Museu Nacional da República recebe, até dia 12, o a 5ª Edição do Festival Internacional de Filmes Curtíssimos. Nesta temporada, o Festival conta com 147 filmes internacionais e 44 nacionais de até três minutos e a realização do 2º Encontro Internacional de Experiências Educativas no Audiovisual. A entrada é gratuita

e há filmes para todos os tipos de público. A organização do evento espera que sete mil pessoas participem do Festival. Além dos amantes do cinema, são esperados estudantes de escolas públicas, universitários, profissionais de áudio visual. A 5ª Edição do Festival Internacional de Filmes Curtíssimos é uma realização da Secretaria de Cultura do DF.

C HÁ

CRE REALIZA “CHÁ DE LEITURA” O CRE de São Sebastião realizou um Chá de Leitura que contou com a presença de professores, diretores e coordenadores da regional de ensino. Evento foi em continuidade as ações ocorridas na Bienal do Livro e da Leitura Livros, jornais, revistas em quadrinhos, bulas de remédio e receitas, são algumas formas em que a leitura se faz presente em nosso cotidiano. A ternura e o lirismo das palavras dos renomados poetas brasileiros como Thiago de Mello e Cora Coralina f izeram parte do Chá de Leitura, realizado pela Coordenação Regional de Ensino de

São Sebastião. O evento foi direcionado para os professores, diretores e coordenadores que visitaram a 1ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura. Estavam presentes no evento, a coordenadora da Regional de Ensino de São Sebastião, Edilene Abreu, a gerente do Livro e da Leitura da Subsecretaria de Educação Básica, Cristiane Salles, a gerente de Bibliotecas e Vídeos, Sônia Maria Soares e a representante da Coordenação de Educação Infantil, Cátia Cândido. Os convidados foram recepcionados com os cânticos da professora Arteme Silva Lira com uma mensagem poética.


A G R I C U LLT TURA ESPORTES

A

DOLESCENTE

F OTO : D IVULGAÇÃO

Seráo 36 equipes de futebol do DF participando da competiçao

EQUIPES DE FUTEBOL DE ADOLESCENTES DO DF VÃO À COPA COCA C OLA

A partir de agosto a bola vai rolar em quatro cidades do Distrito Federal reunindo crianças carentes de 13 a 15 anos. É a Copa Coca-Cola que foi lançada na sede da empresa, em Taguatinga, com a presença do secretário de Esporte, Célio René, e administradores regionais. A apresentação foi feita pelo presidente da Brasal Refrigerantes, Osório Adriano Neto. "O evento cumpre com seu objetivo de aproximar a empresa da comunidade", destacou ele. Para o secretário de Esporte, a competição é um evento que contribui para a melhoria da qualidade de vida de crianças

C

carentes. "Reaf irmo o compromisso da Secretaria em apoiar novamente a competição, que tem sido importante para a comunidade carente, pois, incentiva as crianças na busca do esporte para melhorar de vida". A Copa Coca-Cola é dividida em etapas regionais e nacional. No DF, participarão 540 atletas de 36 equipes, sendo 32 masculinas e quatro femininas. Os jogos serão no Plano Piloto, Ceilândia, Gama e Samambaia. Os campeões locais representarão o DF na segunda fase que ocorrerá em São Paulo. A final nacional será no Rio.

ENTROS OLÍMPICOS

FESTIVAL

INTERNO É SUCESSO

Mais de 1.500 pessoas estiverem presentes aos torneios internos dos Centros Olímpicos do Recanto das Emas e Santa Maria realizados dia 5. Foram disputadas competições de futsal, queimada, handebol, vôlei e provas de atletismo. No Centro do Recanto das Emas, as modalidades foram atletismo e futsal, com 390 inscritos, e um público estimado em mais de 500 pessoas. Em Santa Maria, os atletas competiram em queimada, atletismo, futsal, basquete e handebol com um público de mais de 1.200 pessoas, sendo 600 alunos. Os torneios ocorreram simultaneamente entre 8h e 12h e contaram com a

participação dos secretários de Esporte, Célio René, do ajunto, Júlio Cesar Ribeiro, e do deputado distrital Evandro Garla. Os torneios contaram também com participação dos pais de alunos, amigos, autoridades locais e comunidade em geral. Depois das competições, todos os alunos receberam medalhas de participação e premiações para o primeiro, segundo e terceiro lugares. Os torneios internos são realizados aos sábados com grande participação da comunidade, a exemplo dos Centros Olímpicos de Brazlândia e do Gama.

BRASÍLIA, DF - 7

M ANÉ GARRINCHA

A

1 3 13

DE MAIO DE

20 12 201

F OTO: P EDRO V ENTURA

Cerca de 20 trabalhadores estão envolvidos na instalação, realizada por meio de um guindaste para 650 toneladas

OBRAS DO ESTÁDIO DA COPA 2014 AVANÇAM

ATUALMENTE,

A OBRA DO MANÉ GARRINCHA É UMA DAS MAIS ADIANTADAS DO BRASIL, COM 56% DE SUA EXECUÇÃO CONCLUÍDOS

O

Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha iniciou mais uma etapa das obras da Ecoarena: a instalação de peças de concreto pré-moldadas que irão formar a arquibancada superior. O setor terá capacidade para 39.050 pessoas: é mais da metade do total (cerca de 70 mil lugares). O processo de fabricação em série dos pré-moldados está sendo realizado em uma central no canteiro de obras, desde dezembro de 2011. A solução agiliza a execução da obra e não gera custos adicionais. Além disso, garante melhor acabamento das peças e, consequentemente, aumenta a vida útil do concreto. Cerca de 20 trabalhadores estão envolvidos na instalação, realizada por meio de um guindaste que suporta até 650 toneladas. A estimativa é a de que sejam colocadas de oito a 10 peças por dia. A fabricação dos pré-moldados é feita em uma central dentro do canteiro de obras do Estádio Naci-

onal. Desde dezembro de 2011, foram produzidas 1.083 das 1.604 peças que irão formar a arquibancada superior. Cerca de 100 operários trabalham na produção das peças. Atualmente, a obra do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha é uma das mais adiantadas do Brasil, com 56% de sua execução concluídos. A arquibancada inferior está finalizada, a intermediária está 90% concluída e a superior, que é pré-moldada, está com 73% de seu material pré-fabricado na obra e já em processo de instalação. Em abril, foram iniciadas as instalações prediais e especiais, além dos acabamentos, entre outros. O estádio será uma arena multiuso adequada para receber eventos e shows de grande porte, e não apenas partidas de futebol. Antes mesmo da Copa do Mundo de 2014, o estádio passará por licitação internacional para que uma empresa especializada em entretenimento o administre e potenci-

alize o desenvolvimento econômico do DF, gerando emprego e renda. Além de pagar o aluguel da arena, a empresa vencedora ficará responsável por inserir Brasília em um calendário de eventos e shows nacionais e internacionais. ECOARENA - O Mané Garrincha também caminha para ser o primeiro na história a receber o certificado máximo de sustentabilidade. O selo Leed Platinum é reconhecido internacionalmente e garante que a construção é altamente sustentável. Atualmente, nenhum estádio de futebol no mundo possui esse selo. O conceito de arena verde começou ainda na criação do projeto do novo estádio. Na construção são usados materiais recicláveis ou reciclados. Tudo o que saiu do antigo estádio foi reaproveitado na própria obra ou doado a cooperativas de reciclagem do DF. Depois de pronto, o estádio terá captação de energia solar e de água da chuva.

PARATLETA DO DF NA ESPANHA O paratleta Rômulo Soares viajou dia 8 para Espanha, onde disputa um Torneio de ParaBadminton em Palma de Mallorca. O brasiliense que é o número 1 no ranking brasileiro e 23º no mundial viajou por meio do Programa Compete Brasília, da Secretaria de Esporte. "Se não fosse esse programa não poderia disputar a competição", disse o Rômulo ao receber as passagens do secretário Célio René e do adjunto, Júlio Cesar Ribeiro.

Praticante há 3 anos de Badminton, Rômulo treina no entro de Treinamento de Educação Física Especial (CETEF) todos os dias. Ele foi o primeiro brasileiro a ganhar uma competição da modalidade fora do país em 2011 na Alemanha. A conquista, segundo ele, serviu para impulsionar o esporte no País. O Compete Brasília foi criado pela Secretaria de Esporte com o objetivo de incentivar a participação de atletas de alto rendimento das

Rômulo Soares (C) viajou para Palma de Mallorca, Espanha

mais diversas modalidades em campeonatos nacionais e internacionais. Além disso, estimula o treinamento, contribuindo para a formação da identidade esportiva

da cidade. O incentivo é feito por meio de concessão de passagens aéreas ou terrestres. Em caso de equipes, a Secretaria aluga ônibus para levar os atletas.


BRASÍLIA, DF - 7

L

A

1 3 13

DE MAIO DE

VEÍCULOS

20 12 201

I

ONGEVIDADE

NFANTIL

FOTO: DIVULGAÇÃO

FOTO: FIAT

O mimo no valor de R$ 999 está à venda na Fiat Fashion

FIAT TRAZ PARA O BRASIL O 500 DE CRIANÇA QUE ANDA DE VERDADE

Para quem é fã do segmento de sedãs, o Civic reúne características que fazem dele um dos modelos referência

HONDA CIVIC COMPLETA 40 ANOS NO MERCADO

O MODELO, IDEALIZADO POR SOICHIRO HONDA, FUNDADOR DA MONTADOR, NA DÉCADA DE 70, JÁ PASSOU POR NOVE GERAÇÕES

O

Honda Civic completa 40 anos de mercado automotivo em 2012. O modelo, idealizado por Soichiro Honda, fundador da montadora que leva seu nome, na década de 70, já passou por nove gerações Para quem é fã do segmento de sedãs, o Civic reúne características que fazem dele um dos modelos referência neste mercado. Na reformulação que sofreu em 2006, o estigma de carro de tiozão foi deixado um pouco de lado, graças ao desenho moderno que o carro recebeu. Na época, o New Civic foi o pontapé inicial para iniciar uma mudança na configuração do mercado brasileiro de sedãs. A novidade chegou à liderança

do segmento, mas a evolução dos concorrentes, assim como a chegada de modelos com melhor custo-benefício, f izeram as vendas minguarem. Somado a isso, o fim ciclo de vida da geração, que chegou a cinco anos, foi atrasado pela catástrofe natural ocorrida no Japão, em março do ano passado. A linha 2012 começou a ser vendida no Brasil já em janeiro deste ano. O Civic foi atualizado esteticamente, mas, melhor que isso, ganhou equipamentos como teto solar elétrico, câmera de estacionamento e navegador GPS, itens que já faziam parte da lista dos concorrentes e não eram oferecidos aos compradores do sedã. O interior também foi trabalhado: há

mais espaço na cabine, no portamalas e no tanque de combustível para mais autonomia do modelo. Além disso, uma nova tecnologia passou a ser aliada do motor de 1,8 litro flex do modelo: o sistema ECON. Com ele ativado, todo o gerenciamento do carro é controlado de forma a consumir menos combustível; o processo vai desde o ar-condicionado até a antecipação de troca de marcha. De acordo com a Honda, a economia chega a 2,2%. Neste ano, o Civic, além de manter sua batalha sem fim com oToyota Corolla, ganhou mais um concorrente de peso: o Chevrolet Cruze que, junto dos dois modelos, forma a tríade dos sedãs.

PUNTO, DEPOIS DE TRÊS ANOS,

CHEGA CHEIO DE MODIFICAÇÕES A Fiat prepara mais uma festa de lançamento para 2013 e, desta vez, o convidado especial é o novo Punto. Reestilizado na Europa em fevereiro deste ano, o hatch aguarda mudanças no Brasil desde 2009. Após essa mudança parece que a marca "esqueceu" deste carro que é um dos principais players no país. Com a chegada do novo Palio, a situação do Punto piorou e a rejeição da Fiat parecia iminente, isso atéser descoberto junto a fabricante italiana que a nova linha do veículo chega às lojas em julho próximo. Logicamente, a Fiat diz que ainda não há certezas sobre a data de lançamento do novo Punto, tal como a faixa de preço e opções de motorização. As concessionárias também não estão cientes da chegada

FOTO: FIAT

O hatch ganhou um novo desenho para as lanternas

do modelo e ainda vendem a versão atual do Punto por R$ 41.000 equipado com motor 1.4 e R$ 43.500 com o bloco 1.6. As mudanças para a linha 2013 do Punto incluem um novo conjunto óptico, além da renovação da grade dianteira e

para-choque. Olhando as formas traseiras, o hatch ganhará um novo desenho para as lanternas. Enquanto isso, o interior recebe alguns traços comuns da marca, como o console central divido seguindo as linhas do Palio e Grand Siena.

CB 300R

PASSARÁ POR RECALL

A Honda informou dia 2, o recall de 3.314 unidades da CB 300R. Os proprietários de motos do modelo 2012 da moto devem comparacer a uma concessionária da marca a partir de 7 de maio. De acordo com a fabricante, um eventual problema no cilindro mestre do freio dianteiro pode fazer a moto perder a capacidade de frear, gerando risco de colisão ou queda. Após inspeção do elemento, o mesmo será trocado, caso necessário. A Honda recomenda o agendamento pelo telefone 0800-701-3432 (de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h). Além disso, os proprietários podem acessar www.honda.com.br/ recall/motos e fazer uma pesquisa.

A Fiat acaba de lançar no Brasil uma réplica do compacto 500, projetado para crianças. O "carrinho", que será vendido pela Brinquedos Bandeirante pelo preço de R$ 999, é equipado com motor elétrico e pode ser acionado pela criança, dentro do carrinho, ou pelos pais, por meio de um con-

trole remoto. O pequeno Cinquecento leva câmbio com marcha para frente e ré, faróis dianteiros que acendem e motor elétrico acionado por uma bateria recarregável. O mimo está disponível na Fiat Fashion, loja com produtos com desenho baseado no design dos carros da marca.

S EU BOLSO

ECONOMIA NO VW FOX BLUEMOTION A Volkswagen apresentou a versão Bluemotion para o compacto Fox. Em sua versão com apelo econômico e ecológico, o modelo recebeu modif icações para entregar um consumo mais baixo e por consequência, menor índices de emissões de poluentes. O propulsor, porém, é o mesmo 1.6 VHT flex do restante da linha da marca alemã, capaz de gerar 104 cv com etanol e 101 com cv com gasolina. A marca prevê que cerca de 5% das vendas de todos os Fox seja da nova versão. Em números, são por volta de 300 a 400 Fox Bluemotion vendidos por mês em todo o País. Entre as mudanças, estão a grade frontal exlu-

siva para melhorar a aerodinâmica, recalibragem da central eletrônica, adoção de pneus de baixo atrito com calibragem mais alta, câmbio alongado e suspensão retrabalhada. Com esses atributos, a Volkswagen promete que o Fox Bluemotion consegue atingir 16,1 km/l de gasolina num ciclo combinado entre trechos urbanos e rodoviários. No etanol, esse número é de 10,9 km/l. Segundo a Volkswagen, o consumo com gasolina é 12,7% melhor que o de um Fox 1.6 convencional. Outra característica que auxilia na economia é o baixo peso: 1.009 kg. A economia no litro da bomba sai por R$ 36.730 na versão de duas portas e R$ 38.300 na versão com quatro.


S O C I A L

L ANÇAMENTO

BRASÍLIA, DF - 7

A

1 3 13

DE MAIO DE

20 12 201

DO ÁLBUM

GENTE DE EXPRESSÃO III A embaixadora do Panamá, Gabriela Garcia Carranza e as escritoras Meireluce Fernandes e Nazareth Tunholi receberam cerca de trezentas pessoas no lançamento do Gente de Expressão, dia 24.04, na sede da Embaixada. Após a solenidade que, inclusive, comemorou Isabel e Hélsio Henrique Santos, o 52º aniversário de Brasília, Todos se delicia- Presenças ilustres: historiador Adirson viúva e filho do homenageado ram com os quitutes do Multifestas Buffet. Vasconcelos e maestro Sebastião Gomes José Agnaldo Santos

Édila Gomes apostou no brilho e ficou notável

A sóbria elegância da Embaixadora Gabriela Carranza

Lídia Neves Costa esbanjou elegância e bom gosto

Edneusa Carvalho, e sua presença marcante

Jaci Toffano, talen- Pedrita Braile com- Nestor Kirjner, alito e charme no even- pôs seu taje com nhado, mostra seu to belo estampado álbum O diretor presidente do Grupo Media One de Comunicação responsável pelo Jornal das Cidades foi eleito no último dia 4 como presidente da Associação Comercial do Paranoá e tomará posse no próximo dia 25

Silvana Andrade e Lídia Neves Costa atentas

O importante casal Elias Amorim e Edneusa Carvalho

O casal José Júlio dos Reis, presença marcante na solenidade Comemorando o sucesso do álbum, Rogério Tunholi e Marcus V inicius V ieira confraternizaram-se com os homenageados Leopoldo Chaves e Judivan Vieira, cujas entrevistas ilustram o Gente de Expressão III O casal José Carlos Brito e Meireluce Fernandes recepcionando o pianista Dib Francis no hall da Embaixada do Panamá

A graciosa Maria Eduarda, em seu modelito de festa, prestigiou o lançamento


Jornal das Cidades Edição 184