Issuu on Google+

A criatividade em propaganda Criação e Redação Publicitária para Impresso


Plano das Aulas 03 e 04 • Tema da aula: • A criatividade em propaganda • Objetivos: • Apresentar o histórico da publicidade no Brasil • Apresentar a criatividade em publicidade • Metodologia: • Aula expositiva • Sistema de avaliação: • Trabalhos práticos


A publicidade no Brasil 1900 – 1910 Expansão das cidades e um novo perfil para a propaganda. - Êxodo dos trabalhadores rurais - Chegada dos imigrantes - Surgem novos nichos de consumo. - Fábricas de bebidas e alimentos e, ao mesmo tempo, evidencia-se uma nova de serviços.


A publicidade no Brasil 1960 - 1970 - A transferência da capital do país para o Planalto Central - Incremento da indústria automobilística, que se torna um dos maiores segmentos anunciantes da década. - Aumento da inflação e a transferência do eixo das decisões das agências do Rio de Janeiro para São Paulo


A publicidade no Brasil 1960 – 1970 - Legislação assegurando às agências 20% de remuneração sobre a veiculação. - Televisão - Golpe militar e as entidades de classe afinam-se com os propósitos do novo regime, sem imaginar que a propaganda, mais tarde, seria atingida pela censura.


A publicidade no Brasil

De origem dinamarquesa a gotinha da Esso, personagemsĂ­mbolo da empresa, ganha no Brasil uma companheira. Empatia do consumidor com o simpĂĄtico casal.


Melhor comercial de cinema no recem-criado Prêmio Colu-nistas, em 1967, o filme da Alcântara Machado posiciona o fusca como um carro acima de tudo resistente.


Analogia na imagem da bem-sucedida campanha em favor do trĂĄfego disciplinado, de grande repercussĂŁo na ĂŠpoca.


No final da década de 60, a ABAP começa a firmar-se no mercado publicitário como a mais importante das entidades de classe.


A publicidade no Brasil 1970 - 1980 - Censura incomoda a criação - Surgimento de festivais e concursos de propaganda - “Milagre Brasileiro” em cheque.


A publicidade no Brasil 1970 - 1980 - Televisão em cores - Aumento da audiência - Rádio: Emissoras FM - Outdoor - Segmentação na mídia impressa


A publicidade no Brasil 1970 - 1980 - Governo: o maior anunciante - Varejo de supermercados, shoppings, lojas de departamentos, cadernetas de poupanรงa.


O garoto Bombril incorporado por Carlos Moreno e criado por W. Olivetto e Francesc Petit, tonava-se o personagem de maior longevidade na hist贸ria da propaganda mundial.


Pela primeira vez uma mãe de santo protagoniza um comercial; a criação é da DM9 para o Governo do Estado da Bahia.


A modelo Ana L煤cia Bastos, s贸sia da atriz Marilyn Moroe, revivendo uma das mais famosas cenas do cinema.


Theobaldo, sucesso na TV, em anĂşncio impresso.


A campanha da JWThompson criada na virada da dÊcada valoriza as formas femininas e a calça jeans passa a estar na moda e ter status de grife.


A publicidade no Brasil 1980 - 1990 - Melhor momento criativo - Criação sobre a mídia e o planejamento - Copa do mundo como filão para a publicidade


Arte abstrata nos anúncios dos cigarros Hilton, publicados em revistas. Ainda não existem restrições explícitas à propaganda do produto.


A campanha conquista muitos prêmios entre eles o de outdoor do ano em 1987 e o de melhor comercial da década de 80, no prêmio colunistas.


A publicidade no Brasil 1990 - 2000 - C贸digo de defesa do consumidor - Expans茫o da TV por assinatura - Internet - Tecnologia


A publicidade no Brasil 1990 - 2000 - Benetton - Restrição à propaganda de cigarros - Campanha da Brahma (N1) - Tio da sukita - Mamíferos Parmalat - Brastemp. Não tem comparação.


O que é propaganda? - Difusão de idéias: - Religiosas - Políticas - Filosóficas


O que é publicidade? - Divulgação de um produto, empresa ou serviço no mercado consumidor. Para o CONAR: publicidade e propaganda são entendidas como “atividades destinadas a estimular o consumo de bens e serviços, bem como promover instituições, conceitos e idéias”.


Conceitos importantes - Anúncio: - Qualquer tipo de publicidade sem importar o meio que o veicule. - Publicidade realizada em espaço ou tempo pagos pelo anunciante. - Produto: - Tudo o que é promovido pela publicidade - Bens, serviços, facilidades, instituições, conceitos ou idéias.


Conceitos importantes - Consumidor: - Toda a pessoa que pode ser atingida pelo anúncio: - consumidor final - público intermediário - usuário


Modelos de publicidade? - Concorrencial: os concorrentes são importantes - Informativo: a publicidade serve para informar a respeito de um produto ou serviço. - Manipulação das preferências: a publicidade é responsável pela preferência do consumidor a um produto. - Cultural: a publicidade como um mecanismo de controle social.


A criatividade em propaganda - A persuasão - O anunciante quer vender - Massificação da propaganda: positivo? - Originalidade + economia + persusão - Criatividade => Economia e Persusão - Propaganda = solução de problemas - Criatividade em propaganda vem depois da criatividade em marketing


A criatividade em propaganda - A criatividade em marketing: - Novos produtos - Aumentar a utilidade - Modificar a distribuição - Embalagem - Descontos


A criatividade em propaganda - Persuasão para um comportamento imediato - Manipulação de pessoas - Forma de jornalismo? - Verdade comprometida - Tudo o que leve o público "por conta própria" a conclusões favoráveis ao que se quer anunciar, sem que para isso se incida em qualquer mentira flagrante, é exemplo de boa e profissional propaganda.


A criatividade em propaganda Perfil 1 1. Teve juventude desmandada e perdulรกria 2. Era esquivo e impopular, dando-se bem com os invasores de sua terra. 3. Convivia com famoso vagabundo, tendo sido, muito provavelmente, homossexual.


A criatividade em propaganda Perfil 1 4. Enchia os dedos de anéis, até fazê-los desaparecer totalmente. 5. Ao contrário de seu professor, nunca aprendeu a escrever direito. Seus textos estão cheios de repetições e contradições. 6. Quando deu para ensinar, negava a idéia de ser o Sol o centro do sistema; ao contrário, insistia que era a Terra.


A criatividade em propaganda Perfil 1 7. Embora tivesse estudado biologia, nunca tomou conhecimento da existência dos músculos, dizia que o cérebro é um órgão para resfriar o sangue; e ensinava que o homem possui mais dentes que a mulher (custava contar?).


A criatividade em propaganda Perfil 2 1. Iniciou-se cedo no estudo das artes, e ainda jovem pegou em armas para defender a pátria. 2. Entusiasmava os que o ouviam para a obra de soerguimento nacional, tendo sido então perseguido e preso. 3. Gostava imensamente de cães, ouvia música clássica com regularidade, reunia-se com crianças e gente do povo.


A criatividade em propaganda 4. Quando no governo, reorganizou as finanças, abriu modernas estradas, tornou o país grande potência, na época. 5. Implorava constantemente o auxílio da Providência. E em seu testamento proclama: "Somente o amor e a lealdade para com meu povo é que me guiaram em todos os pensamentos e ações na vida". 6. Horas antes de morrer, concordou em se casar com a mulher que sempre lhe fora fiel.


A criatividade em propaganda - A sedução: 1) Objetiva levar as pessoas a uma atitude que atenda interesses reais de quem paga a propaganda. 2) Considera tudo o que pode ajudar ou prejudicar essa finalidade. 3) Age através de veículos, age em massa.


A criatividade em propaganda - Alguns princípios: - A boa propaganda não mente - Mudança de perspectiva - A publicidade deve ser conveniente: respeito - Adequação = sensibilidade + autocrítica


A criatividade em propaganda - Alguns anĂşncios criativos


Como ser criativo em propaganda? - Localizar o problema. - Solucionar o problema - Persuadir Criatividade em propaganda ĂŠ o que persuade o pĂşblico e o mercado sobre os valores de um produto, servico ou ponto de vista.


As fases do processo criativo - Preparação - Incubação - Iluminação - Verificação


- Preparação - Incubação - Iluminação - Verificação

As fases do processo criativo

- Preparação - Incubação - Iluminação - Verificação


- Preparação - Incubação - Iluminação - Verificação

As fases do processo criativo - Preparação - Incubação - Iluminação - Verificação


Características do homem criativo - Inteligentes - Complicados - Ótima veia de humor - Capaz de suportar pressão - Conformista ou inconformista? - Autoconfiança


Sugestões para o aumento da criatividade - Jornais, revistas, TV e música todos os dias. - Cinema pelo menos uma vez por semana. - Teatro pelo menos uma vez ao mês. - 20 livros por ano. - Viajar para o mais longe possível - Ter qualquer outro interesse além da propaganda.


Atividade em grupo (até 5 alunos) - Escolha um produto (que alguém do grupo conheça bem) e pense em como seria um anúncio para revista. Considere: - O perfil do público-alvo - As características do produto: embalagem, situações de uso, sabor (quando for o caso) etc. - Como a publicidade costuma retratar produtos da categoria escolhida. - Tente fugir do óbvio sempre.


A criatividade em propaganda