Page 1

Fortaleza-CE - 10 de agosto de 2018 - Turismo -Cultura - Negócios - Lazer - Esportes - Variedades

COM ÊXITO NA PROGRAMAÇÃO, AMANHÃ TERMINA O 28º CINE CEARÁ

PAG 5 Termina amanhã o 28° Cine Ceará

APROVADO NO SENADO

FIM DE COBRANÇA NA ESCOLHA DE ASSENTO EM AVIÃO PAG 4

NORWEGIAN AIR: A EMPRESA AÉREA DE BAIXO CUSTO VAI OPERAR NO BRASIL

DEFENDE O CONSELHO NACIONAL

INCLUSÃO DO TURISMO NA PAUTA PRIORITÁRIA DO PAÍS

PAG 3 Aeronave da Norwegian Air

VISITAS IMPERDÍVEIS

ROTEIRO DIVERSIFICADO PARA QUEM VAI A SANTIAGO DO CHILE Autoridades reunidas pelo CNT

PAG 4

TURISMO LGBT : PROMOÇÃO DO BRASIL COMO DESTINO PAG 4 GAY-FRIENDLY GRITO EM FAVOR DA CULTURA

O THEATRO JOSÉ DE ALENCAR VIVEU UMA NOITE DE GALA A Gran Torre Santiago e a mais alta da América Latina

PAG 3

PAG 5


2 UMA LÍNGUA EM TRANSIÇÃO – Já dissemos e repetimos: o Português do Brasil de há muito está esmaecendo. Para nós, longevos, há certos momentos, certas notícias e artigos José Carlos de publicados pela mídia que não Araújo entendemos patavina, pelos vocábulos que aparecem, técnicos ou não. Às vezes, quando abro os jornais e informações da TV, sinto-me quase analfabeto. São tantos brainstoring, brinefing, ceo, plus size e milhares de outras palavras que quase ficamos tontos, sem saber mesmo se estamos lendo informações em língua portuguesa ou, como dizíamos antigamente em “GADERI POLUTY”. Desde os tempos de estudante do Liceu do Ceará e, de Letras, da Faculdade Católica de Filosofia aprendemos que a língua de um país ou de uma região tende a sofrer modificações, chegando a gerar dialetos e até desparecer da vida cotidiana, caso do hebraico, ou se tornarem menos vulgar. É o caso do Latim, que após o fechamento dos seminários e de as missas serem rezadas totalmente em Português encontrar-se em processo violento de ser apenas uma lembrança. Pois o nosso Português do Brasil está também em descida violenta. A língua de um povo, pois, é como a vida humana. Nasce, cresce, se desenvolve e aos poucos foge das suas origens. À propósito do assunto, lemos na Internet uma colaboração de um cidadão, Léo Marques, com apoio em professores consagrados, comentando sobre a mudança de entendimento do significado de algumas palavras (evolução semântica?), entre elas bacana, virilha, aporrinhar, cocotinha, e s c u l h a m b a r, b a b a c a e c o i t a d o , t o d a s esquecendo o sentido anterior, quase sempre do antônimo do significado atual. Soe acontecer (outra velhice) o que está dito. Assim, não tendo

10 DE AGOSTO DE 2018 mais a capacidade de aprendizagem dos moços, os idosos costumamos sair pela tangente, certamente ficando para trás. É a vida.

REVIVENDO UM PASSADO – Fazia muitos anos que não íamos ao Theatro José de Alencar. Na última quarta-feira, lá estivemos, participando de uma solenidade que reuniu sodalícios dedicados à cultura. Logo ao chegar, diante do vetusto prédio, uma gostosa saudade nos invadiu. Na década de l940, éramos assíduos frequentadores do belo monumento da cultura cearense. Quantas vezes fomos aos espetáculos oferecidos por artistas e diversas companhias da antiga capital Federal, o Rio de Janeiro. Impossível esquecer de Procópio Ferreira, Vicente e Pedro Celestino, de “Deus lhe Pague”. Também vieram à memória as reuniões da Câmara Municipal de Fortaleza, quando, como repórter de “O Nordeste”, assisti a debates, no “foyer” do Theatro, de dois “monstros sagrados” das letras e história do Estado: Américo Barreira e Denizard Macedo. Ambos, competentes que eram, em plano superior, discutiam horas a fio problemas não só da terra mas universais. Américo era da bancada do Partido Comunista. Denizard, defendia suas ideias de Integralista. E os carnavais que vivi no “José de Alencar?. Que tempos! Eu era “liso” mas

O NECESSÁRIO GRITO DE ALERTA DA ABIH-NACIONAL Saudando o amigo-leitor e desejando-lhe maravilhoso fim de semana, nosso artigo, desta semana, versa, sobre algumas propostas turísticas, entregues aos presidenciáveis pela presidência da Associação Brasileira da Indústria Antônio José de Oliveira Hoteleira (ABIH-Nacional), na pessoa Abrajet-Ceará e do presidente Manoel Cardoso Conjotur Linhares, hoteleiro de Fortaleza, que está mostrando serviços, em prol do desenvolvimento sustentável desse segmento socioeconômico e cultural – o Turismo e, em especial, na área da hotelaria. Antes de apontarmos algumas soluções, ou seja, no documento, apresentado pela ABIH-Nacional, que são medidas corretivas, visando aumentar o crescimento do setor turismo/hotelaria, afirmamos, sem medo de ferir a suscetibilidade de quem quer que seja, tratar-se de um fato vergonhoso o fechamento de 90 hotéis, desde a Copa do Mundo de 2014, quando o Brasil levou uma lavagem da Alemanha por 7 a 1, envergonhando, também, mundialmente, a seleção brasileira, patrocinadora do supracitado evento. De acordo com o publicado pelo jornal Folha de São Paulo, edição de domingo, 5 de agosto de 2018, eis a relação das capitais com hotéis fechados. Vamos lá: Belo Horizonte, 23; Salvador, 21; Porto Alegre, 16; Rio de Janeiro, 13; Cuiabá, 7; Manaus, 4; Curitiba, 3; e Brasília, 2. Agora, capitais que não fecharam hotéis: São Paulo, Recife, Fortaleza e Natal. Ainda bem que a bela, sedutora e hospitaleira capital do Ceará (Fortaleza) ficou de fora de lamentável fato na rede hoteleira do Brasil. Isso é sinal de que hoteleiros cearenses sabem enfrentar as crises econômicas, sociais e políticas, de cabeça erguida, sendo criativos nas atividades de seus empreendimentos. Mas, isso, também, não significa estar tudo cem por cento, ( As observações são de nossa autoria) ,em matéria dos hotéis fortalezenses e pelo interior do Ceará. Há, ainda, imperfeições e falta de mão de obra especializada em muitos deles, apesar de treinamentos para seus trabalhadores nas diversas modalidades de serviços internos e externos. Faltam atendimento de qualidade, aposentos confortáveis e limpos ( banheiros, roupas de cama, mesa etc.), sem falar dos cuidados com a manutenção dos elevadores, além da cobrança de diárias, alimentação e serviços, com preços exorbitantes, sobretudo nos períodos da alta estação.

Este fato não é restrito a alguns hotéis, porém se estende ao comércio, artesanatos, restaurantes, bares, ambientes de diversão pública, barracas de praia, casas de shows artísticos e culturais e por aí... Exposto essas mazelas, que comprometem a imagem turística e parte da rede hoteleira brasileira e cearense, passemos ao que a ABIH-Nacional deseja para o desenvolvimento sustentável do turismo do Brasil. São propostas que não podem assegurar se serão praticadas, caso um dos muitos pré-candidatos à presidência da República do Brasil venha a ser eleito. De antemão, os parabéns ao presidente da ABIH-Nacional, hoteleiro, de Fortaleza-CE, Manoel Linhares pela elaboração, contando com ajuda e apoio dos presidentes e diretores das ABIHs-Nacionais, de importantes e necessárias propostas aos presidenciáveis. Aproveitando o ensejo, a indagamos: a presidência da ABAV-Nacional seguiu, também, o exemplo da ABIHNacional e elaborou propostas? E outras entidades de peso do turismo brasileiro procedeu, igualmente, à ABIHNacional? Prossigamos, amigo-leitor, com as propostas da ABIH-Nacional. Dentre elas, destacamos: acabar com a desburocratização, que atravanca o turismo brasileiro; manter o estabelecimento de um diálogo com os governos e futuros governantes, nos seus diversos níveis, para enfrentar as questões burocráticas e a elevada carga tributária, essas na opinião do presidente Manoel Linhares; falhas na infraestrutura do país, mormente nas áreas do transporte, segurança, saúde, educação e em outras; fortalecimento da imagem do Brasil no exterior e seus diferenciais como destino turístico; melhora nas condições, para investimentos nacionais e estrangeiros, e apoio à inovação como condição de competitividade; apoio e adoção de políticas de taxação inteligente, que incluam a simplificação, na tributação e desburocratização, para melhoria do ambiente de negócios; melhora da capacitação, em todos os níveis educacionais, assim como das habilidades técnicas; busca de mercados internacionais emissores de turistas. Por falta de espaço, encerramos com a proposta de aprimoramento dos transportes aéreo, rodoviário, ferroviário e náutico, garantindo conectividade eficiente, para facilitar as viagens para o Brasil e dentro do Brasil. Há outras importantes propostas, com vistas a incrementar as ações benéficas ao turismo brasileiro. Obrigado pela leitura e ótimo fim de semana, amigo-leitor! EXPEDIENTE Diretor/Editor: José Carlos de Araújo (Rg.149-1-37-52 DRT-CE) Diretor Comercial - Maria Goretti de Araujo Leitão Paginação - Raimundo Pereira Paiva Jr

inconscientemente feliz.. SEMINÁRIO – Realização do jornal O POVO, efetiva-se hoje, no Teatro Rio Mar, importante evento que tem como proposta o “impacto das tecnologias em um cenário de fortes mudanças”. Personalidades importantes da economia farão palestras, como o Phd em Economia Política Subramaniam Ragam; Miguel Fonseca, vicepresidente da Toyota do Brasil; Regiane Romano, doutora em Administração de Empresas; prof. Paulo Vicente, doutor em Administração pela Fundação Getúlio Vargas; e César Sanson, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte A programação do evento começa às13h30 e o último conferencista, Miguel Fonseca, vicepresidente-executivo da Toyota, falará a partir

das 18h20. FESTIVAL DE FRUTOS DO MAR – No próximo dia 15, a partir das 19 horas, o Jaguaribe Beach Restaurante ( Hotel Jaguaribe Lodge & Kite) realiza um Festival de Frutos do Mar. Com ingredientes regionais misturado com o toque da culinária francesa, o festival faz parte do início das

comemorações do primeiro ano do hotel na cidade de Fortim. Com menu exclusivo por R$ 120,00, a noite também conta com o DJ Robson e Junes, que irão animar a noite com uma seleção musical especial. O Jaguaribe Beach Restaurante localiza-se na rua Praia Canoé - Pontal de Maceió, Fortim – Ceará. NO ESTORIL A MEMORIA DO CANGAÇO - As Secretarias do Turismo e da Cultura da Prefeitura de Fortaleza, em parceria com o Sesc, estão apreentando a exposição “No Rastro do Cangaço”, no Estoril. Do artista cearense Vlamir de Sousa, a mostra de arte lembra os 80 anos da morte do lampião, Virgulino Ferreira da Silva. Com caráter regional, a exposição, que faz parte da série “Visões do Cangaço”, conta com mais de 20 obras que retratam a vida dos cangaceiros em pinturas a óleo, desenhos e aquarelas. A mostra ficará exposta até o dia 14 de setembro. Homenageando Lampião, os trabalhos de Vlamir de Sousa abordam o dia a dia do grupo que marcou a cultura popular nordestina e retratam uma imagem diferente de Virgulino em suas obras, deixando de lado a violência e focando no ponto de vista da vivência do grupo. Vlamir trabalha a mais de 20 anos em temas voltados para o cangaço. Com mais de 100 trabalhos, o pintor aborda diversas técnicas, trazendo consigo uma densa carga de conhecimento histórico e artístico. Lampião ficou conhecido por ter atuado no nordeste brasileiro e por sua integração como o melhor líder cangaceiro da história, intitulado como o Rei do Cangaço.

JÁ COMEÇOU REFORMA DO AEROPORTO DE SALVADOR O Aeroporto Internacional Luiz Eduardo Magalhães, de Salvador, já se encontra com ações de sua reforma em andamento. Segundo a VINCI, empresa que, desde janeiro, administra aquele equipamento, a reforma está acontecendo em Carlos Casaes 3 fases: A, que foi o momento de Conjotur / Abrajet BA transição da Infraero para a empresa francesa; B, que já está ocorrendo e é a fase mais importante, incluindo cerca de 90% de todas as intervenções; e a C, que será a complementação. O terminal de passageiros do aeroporto contará com um aumento de 20.000m², passando de 65 mil para 85 mil m². As atuais duas pistas de pouso serão objeto de reformas, sendo que a menor, de 1.500 m² já se encontra em obras de recapeamento, com conclusão programada para ainda este ano. Após estas obras, a pista menor deverá receber, também, vôos comerciais, uma vez que, simultaneamente, está sendo feita nela a base de instrumentação para vôos. Até o final deste ano será a vez da pista maior, com 3.000 m², que é a pista que detém a maioria dos vôos. Nela, será por etapas o seu recapeamento. Mesmo com o deslocamento provisório da cabeceira, ela terá espaço bastante para a operação normal e segura. Inicialmente, será a vez de uma das pontas com 900 m, depois a outra extremidade, também com 900 m e, por fim, os 1.200 m restantes, que é a parte do meio da pista. No entanto, somente no próximo ano isto ocorrerá, de sorte a que será indispensável a interrupção do tráfego por seis a sete horas por dia, sendo que as obras durarão cerca de três ou quatro mêses. Uma questão que vem sendo discutida já há vários anos, tendo, até mesmo, merecido projeto elaborado pela Infraero, é a construção da terceira pista, o que facilitaria o crescimento considerável da quantidade de vôos. No entanto, a atual empresa administradora do aeroporto assegura de que, no momento, não está prevista essa possiblidade. Na conformidade das projeções da Vinci, o emprêgo de simples tecnologia permitirá o aumento da capacidade operacional do aeroporto. Hoje, o Aeroporto Internacional de Salvador pode realizar 28 operações/hora, mas êsse volume poderá alcançar até 32 vôos/hora. A realidade é que o projeto de reforma deverá proporcionar a que os trabalhos planejados e em execução comecem a mexer em todos os seus

espaços. Inclusive a parte destinada aos lojistas, que deverá sofrer também intervenção, com deslocamentos de alguns e a ampliação pela admissão de outras empresas. Uma das alterações que deverá ocorrer é a mudança do local destinado ao processo de revista pelo raio – X, passando para o andar superior, no saguão que, atualmente, está totalmente desativado. Já o check-in permanecerá como nos dias que correm, no piso inferior. Apenas, a sua configuração será alterada da situação atual para ser instalada em linha reta. Com essa nova configuração, os passageiros, depois de realizado o check-in, subirão a escada rolante para se submeter à revista do raio – X, após o que seguirão para o mesmo local da sala de espera como funciona hoje. Na conformidade do projeto de reforma elaborado pela Vinci, a parte principal e mais importante será a construção de um novo píer, o qual será dotado de pontes rolantes. No momento, encontram-se em funcionamento onze pontes nas quais estacionam os aviões para embarque e desembarque. A nova configuração estará acrescentando a êsse espaço mais seis pontes de atracação, com os seus consequentes “fingers”. As obras que já se encontram em execução dão contas de atender a muitas outras prioridades, como o funcionamento dos aparelhos de ar condicionado, cuja deficiência atual vinha gerando muito desconforto para passageiros e funcionários. A modernização dos banheiros é outro setor que está sendo alavancado, sendo que já foram reformados mais de uma dezena deles. Um outro setor da maior importância para a comodidade dos usuários é que estará em uso o serviço de “wi-fi” ilimitado, além de ser gratuito e ter o seu cadastro simplificado. O próprio Diretor-Presidente do terminal pela Vinci, Júlio Ribas, esteve reunido com a Câmara Empresarial de Turismo da Federação do Comércio da Bahia, oportunidade em que detalhou, para os muitos representantes da comunidade turística baiana , como está sendo executado o projeto de reforma do Aeroporto. O encontro foi conduzido pelo Coordenador da Câmara da Fécomércio-BA, José Manoel Garrido. Também participaram da reunião o P r e s i d e n t e e m e x e r c í c i o d a A B AVBa, Jorge Pinto, a Diretora da Fecomércio, Avani Duran, uma das diretoras da ABIH-BA, Renata Prosérpio, entre vários outros dirigentes e integrantes das diversas entidades dos muitos segmentos do turismo baiano.

Propriedade: JOTA CARLOS COMUNICAÇÃO Av. Barão de Studart 1966 - 201/B. - 60.120-001 C.G.C. 00.868.304/0001-75 - Fone: (85) 3244-4847 email : j.carlos.araujo@bol.com.br

jccomunicacao@hotmail.com Blog: http://rotadosolce.blogspot.com/ Twitter: @rotadosolce Fortaleza - Ceará MATÉRIAS ASSINADAS SÃO DE RESPONSABILIDADE DOS AUTORES


3

10 DE AGOSTO DE 2018

VISITAS IMPERDÍVEIS

ROTEIRO DIVERSIFICADO PARA QUEM VAI A SANTIAGO DO CHILE

Valle Nevado

Principalmente que quem vai ao Chile pela primeira vez, é relevante lembrar que a capital do país, Santiago, é uma metrópole cosmopolita e multifacetada, e que certamente, atenderá além das expectativas. E uma boa. Com a alta do dólar, destinos na América do Sul mostram-se cada vez mais atrativos para os turistas brasileiros que desejam viajar para o exterior. O Chile é destino certo para os que procuram um roteiro diversificado e Santiago é a porta de entrada para esse país fascinante. Bem classificada pela National Geographic, a cidade é apontada entre 21 destinos não tradicionais que é bom para se visitar. De acordo com a publicação, seus atrativos centros de esqui, somados a bairros charmosos e arte de rua, fazem de Santiago uma pedida obrigatória. E o Chile foi eleito o destino número 1 no Best In Travel 2018 do guia de viagem Lonely Planet. Além da própria cidade, cheia de atrações, seus arredores são repletos de destinos interessantes, todos muito próximos, como vinícolas premiadas e estações de esqui. Vejamos atrações imperdíveis que despertam o turista na cidade e seus arredores: SKY COSTANERA - Vista completa da cidade no mais alto mirante da América Latina, a 300 metros de altura. A entrada da atração é pelo shopping Costanera Center. O mirante encontrase no 61º andar do edifício. A melhor experiência é num fim de tarde de dia claro, quando o sol poente ilumina a Cordilheira do Andes. LA CHASCONA – Não dá para ir ao Chile e não conhecer uma das casas do poeta Pablo

Neruda. É como deixar um pouquinho da história do país de lado. Ganhador do Prêmio Nobel de Literatura, Neruda deixou como patrimônio a seu país três casas-museus, com lindos objetos e poesias que, juntos, narram um pouquinho de sua história. La Chascona, uma das três casas, fica na capital Santiago, localizada aos pés do Cerro San Cristóbal, no bairro Bellavista. CENTRO HISTÓRICO - O Centro Histórico de Santiago é repleto de praças e museus, enriquecido por uma arquitetura que mescla tradição e modernidade. Na tradicional Plaza das Armas encontra-se a Catedral Metropolitana, o Museu Histórico Nacional e o Museu de Arte Pré-colombiano. Cada ruazinha é uma descoberta: charmosas cafeterias, lojas e feirinhas de artesanato adornam o caminho até os museus e praças. Um passeio imperdível é a Troca da Guarda no Palácio La Moneda. WINE TOUR - É fato! O vinho chileno está entre os mais apreciados do mundo. É aproveitar a ida a Santiago para uma esticada até as vinícolas mais próximas da capital a fim de contemplar belas paisagens, conhecer o processo de produção e degustar bons rótulos. É possível visitar mais de uma vinícola por dia, pois há opções de pacotes em agências e operadoras

com visitas pela manhã e à tarde. Entre as vinícolas mais próximas a Santiago, possíveis de se realizar em um passeio bate e volta, destacam-se: Concha Y Toro, Cousino Macul e Santa Carolina. VALLE NEVADO - Santiago é contemplada por ter nada menos do que a Cordilheira dos Andes como seu pano de fundo, já que, geograficamente, a cidade fica localizada aos pés da cadeia de montanhas. Durante o inverno, a cordilheira fica coberta de neve e as estações de esqui repletas de turistas e esportistas que desejam se aventurar nas pistas. A aproximadamente 90 minutos da capital encontra-se o Valle Nevado Ski Resort. Maior centro de esqui da América do Sul, é uma atração imperdível para quem deseja conhecer a Cordilheira, tanto no verão quanto no inverno. Tendo sua base situada a 3.000 metros de altitude, no verão o complexo oferece a suas visitantes atividades ligadas aos esportes de aventura, como trekking, mountain bike, cavalgada, além do passeio de teleférico e observação de condores, as aves típicas dos Andes. No inverno, os turistas têm à disposição a maior estrutura de neve do Chile, com capacidade para hospedar mais de 800 pessoas,

NORWEGIAN AIR: A EMPRESA AÉREA DE BAIXO CUSTO VAI OPERAR NO BRASIL A Norwegian Air, empresa aérea com passagens de baixo custo, está autorizada a operar no Brasil. Em publicação no Diário Oficial da União da quarta-feira (08), a Agência Nacional de Aviação Civil liberou a companhia do Reino Unido para fazer o transporte aéreo internacional regular de passageiro, carga e mala posta no Brasil. O próximo passo é o registro das rotas e a comercialização das passagens. Representantes do Ministério do Turismo têm mantido contado com a cúpula da empresa desde fevereiro para ajudar na interlocução com a Anac. “A operação da

Aeronave da Norwegian Air

Norwegian Air representa um importante passo na internacionalização do turismo brasileiro. Em um país de dimensões continentais como o Brasil, o transporte aéreo ganha ainda mais relevância. Por isso, é fundamental que o Congresso Nacional ajude na modernização das regras do setor”, comentou o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz. Está em tramitação no Congresso Nacional projeto lei que permite o aumento da participação do capital estrangeiros nas companhias aéreas nacionais. Na avaliação do Ministério do Turismo, a medida aumenta a competitividade do turismo nacional na medida em que permite a ampliação da oferta e a consequente redução do custo de passagens. O texto estava na pauta da terçafeira (7), mas foi retirado. Recentemente a Anac regulamentou os voos de férias, com fretamento de aviões, e a Presidência da República sancionou o Céus Abertos com os EUA. As empresas aéreas que operam entre o Brasil e EUA, não têm mais limites de rotas. Enquanto presidente da Embratur, o ministro iniciou as tratativas com a Norwegian. Em março, o presidente da companhia britânica, Bjorn Kjos, acompanhado do vice-presidente de Relações Institucionais, Matthew Hazelwood, reuniu-se com o secretárioexecutivo do MTur, Alberto Alves, que se colocou à disposição para ajudar na interlocução com a Anac. Há diversos exemplos espalhados pelo mundo da importância das low costs para movimentar os destinos. Estudo realizado pelo mestre em engenharia civil pela Universidade de Porto, em Portugal, Ricardo Sanches do Valle Garcia Lourenço, mostra que apesar de terem se desenvolvido tardiamente no mercado português, as companhias aéreas de passagens de baixo custo assumiram um papel fundamental para o mercado turístico daquele país e já em 2008 eram responsáveis pelo transporte de um em cada três viajantes.

44 pistas de todos os níveis, 15 teleféricos, 6 restaurantes, 6 bares, 8 condomínios de apartamentos, spa, fitness center, piscina aquecida, escola de esqui para adultos e crianças.

EM DIA COM FESTURIS FESTURIS GRAMADO RECEBEU MEDALHA DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA EM PORTO ALEGRE

A noite da quarta-feira, dia 1º de agosto foi de homenagem ao FESTURIS Gramado - Feira Internacional de Turismo. O evento recebeu, na Assembleia Legislativa, a Medalha da 54ª Legislatura, uma proposição do deputado Sergio Turra. Autoridades, entidades, convidados e imprensa prestaram homenagem ao evento e aos seus diretores Marta Rossi, Eduardo Zorzanello e Marcus Vinícius Rossi, destacando a importância do FESTURIS Gramado no fomento do Turismo na Região das Hortênsias, Serra Gaúcha, Rio Grande do Sul e do Brasil nos últimos 30 anos. Por vários momentos também foi destacada a importância de Silvia Zorzanello (in memoriam), uma das criadoras do FESTURIS junto com Marta Rossi. O evento terá sua 30ª edição de 08 à 11 de novembro de 2018, em Gramado, e deve receber mais de 2 mil marcas do mundo todo, 65 destinos internacionais e mais de 10 mil profissionais de diversos países. Todos os continentes estarão representados na Feira de Negócios que é considerada uma das mais importantes da América do Sul em geração de negócios. “A homenagem do parlamento gaúcho ao FESTURIS é uma homenagem à história. História de quem fez, história de quem faz e de quem acreditou. Empreendedores que mostraram o que temos de melhor no Rio Grande do Sul através do Turismo. Este setor às vezes tão esquecido mas que é um importante ativo, gerador de empregos e fundamental para nossa economia. Me sinto honrado em representar e ter sido o mensageiro deste reconhecimento do povo gaúcho”, destacou o deputado Turra. O secretário de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul, Victor Hugo, falou da emoção da homenagem. “É uma das homenagens mais humanas que já tivemos aqui na Assembleia Legislativa. Um reconhecimento merecido e importante para empreendedores com tantos serviços prestados ao Turismo no Brasil”, disse. Em suas falas, os diretores do FESTURIS agradeceram a homenagem prestada. “Nos honra esta distinção do Poder Legislativo pelo aplauso ao trabalho que desenvolvemos há 30 anos. Queremos compartilhar esta homenagem com todo o trade do Rio Grande do Sul. Chegamos aqui graças ao apoio de muitos e à credibilidade que deram ao nosso trabalho”, destacou Marta Rossi. Marta destacou a importância de o Turismo ser colocado em um patamar de destaque na economia do Brasil e do Rio Grande do Sul. “Tive a felicidade, de junto com a Silvia Zorzanello, um dia entender que nós tínhamos a possibilidade de investir na indústria turística. Apostamos nisso e acertamos! Vemos que o Turismo é a indústria mais inclusiva do planeta. O PIB do turismo mundial em 2017 foi de 2.6 trilhões de dólares segundo dados da OMT. Este, é o PIB do Reino Unido. Crescemos mais que a economia global. O Turismo é uma indústria que aproxima, elimina as diferenças e promove a igualdade social, sendo um importante motor da economia. Precisamos de políticas públicas efetivas para o setor e nós empresários precisamos de números e estatísticas confiáveis como existem a nível mundial. Precisamos no Brasil, no estado e nos municípios ter estes dados para sentarmos lado a lado com as demais indústrias e discutirmos em nível de igualdade. Nós acreditamos na indústria turística”, finalizou Marta Rossi.


4

10 DE AGOSTO DE 2018

DEFENDE O CONSELHO NACIONAL

INCLUSÃO DO TURISMO NA PAUTA PRIORITÁRIA DO PAÍS

Autoridades e representantes do Trade com blusa do movimento pelo Turismo

Integrantes do Conselho Nacional do Turismo, reunidos na última segunda-feira (06), em Itupeva (SP), aprovaram documento a ser entregue aos presidenciáveis com as

principais reivindicações do setor. A publicação, que será entregue aos candidatos, apresenta o potencial de geração de empregos e renda do turismo para o Brasil. Entre as medidas propostas pelo Conselho estão a modernização da Embratur, com a transformação em Serviço Social Autônomo, a isenção do imposto de importação para equipamentos de parques temáticos, a abertura total das companhias aéreas para o capital estrangeiro, entre outras. MOVIMENTO - Durante a reunião foi apresentado o movimento “Turismo: nosso trabalho gera empregos” que será trabalhado

TURISMO LGBT : PROMOÇÃO DO BRASIL COMO DESTINO GAY-FRIENDLY A definição de um plano de trabalho para o período 2018-2022 foi o assunto, em Brasília (DF), de reunião do Comitê Gestor que discute a implementação de um acordo voltado à promoção do Brasil como destino gay-friendly. A parceria, firmada em maio entre o Ministério do Turismo, a Embratur e a Câmara de Comércio e Turismo LGBT, prevê a adoção de ações como o desenvolvimento de estudos e pesquisas de diagnóstico do segmento, a fim de conhecer o perfil e os hábitos de consumo deste viajante. Os participantes discutiram a realização de uma campanha de sensibilização do trade turístico para o atendimento de visitantes LGBT, além da oferta de qualificação a trabalhadores e gestores do setor. Rodrigo Arevalos, analista da Coordenação-Geral de Turismo Responsável do MTur, previu avanços no sentido de se aprimorar a atenção a esse público. “A ideia é sensibilizar o trade e proporcionar ao turista LGBT chegar a um destino e ser bem recebido”, explicou Arevalos. O acordo envolve ainda o apoio à comercialização de produtos, serviços e destinos do ramo, além da participação conjunta em feiras de turismo.

FIM DE COBRANÇA NA ESCOLHA DE ASSENTO EM AVIÃO

Participantes da reunião do Conselho Gestor

A parceria para a promoção do segmento contempla metas previstas no Plano Nacional de Turismo 2018-2022 para oferecer acesso democrático à atividade. O grupo que debate a implementação do acordo tem nova reunião marcada para 15 de setembro. ORIENTAÇÕES - Uma cartilha lançada em 2016 pelo MTur orienta os prestadores de serviços do setor quanto à adequada recepção do público LGBT. O Guia 'Dicas para atender bem turistas LGBT' reúne práticas que proporcionam acolhimento e respeito a esse viajante em destinos e equipamentos da área. A publicação é uma parceria da Pasta com o Conselho Nacional de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais e o Ministério da Justiça.

FESTEJOS NOS DIAS DEDICADOS AO FOLCLORE E AO ESTUDANTE

A programação cultural da Secretaria Municipal da Cultura de tem como destaque, nesta semana, os eventos Feira de Produtos Orgânicos, Sons do Mercado e Mercado Coletivo, realizados no Mercado dos Pinhões, e a programação da Biblioteca Pública Infantil Herbênia Gurgel, alusiva ao Dia do Folclore e ao Dia do Estudante. O Mercado dos Pinhões recebe diversificada programação ao longo desta semana. Sempre às terças-feiras, das 5h às 13h, ocorre a já tradicional Feira de Produtos Orgânicos, realizada pela Associação para o Desenvolvimento da Agropecuária Orgânica (Adao), com o apoio da Prefeitura de Fortaleza. Hoje, o equipamento terá o grupo Samba da Vadiagem a partir das 19h, como parte do projeto Sons do Mercado, que leva semanalmente programação musical de samba e forró para o espaço. Amanhã, 11, às 17h, haverá o Mercado Coletivo, com mais de 50

representante do Sebrae Ana Clévia destacou que o trabalho prevê a elaboração de um portfólio de oportunidades para atrair investidores, além de oferecer uma consultoria para os interessados em acessar os R$ 5 bilhões em crédito do Prodetur + Turismo e ajudar na promoção dos destinos por meio de press trips que contemplem a imprensa tradicional e influenciadores digitais. O conselheiro Mário Carlos Beni sugeriu uma moção de apoio ao ministro Vinicius Lummertz - que foi aprovada por unanimidade - pelo diálogo com o trade e reformulação do Prodetur. Na ocasião foi lido um texto a ser apresentado à Presidência da República que pede a redução da alíquota do Risco Ambiental de Trabalho de um ponto percentual para o setor, por conta de distorções hoje existentes. (Com a Agência de Notícias do Turismo).

APROVADO NO SENADO

PROGRAMAÇÃO CULTURAL DA PREFEITURA

Em dia de feira

por todo o setor de viagens para sensibilizar a sociedade para a importância do turismo para alavancar a economia brasileira e contribuir para o desenvolvimento do país. Serão disponibilizadas peças publicitárias para os interessados em utilizá-las em suas empresas. Ainda foram apresentadas as boas práticas de gestão implementadas em Porto Seguro e como é o funcionamento do fundo de investimentos do governo mexicano que permitiu o desenvolvimento de Cancun. A península de pouco mais de 20 quilômetros injeta, na economia mexicana, mais de US$ 12 bilhões por meio do turismo internacional. O valor é o dobro do arrecadado por todo o Brasil, com mais de 7 mil quilômetros de litoral. Os conselheiros também foram informados sobre parceria assinada entre o Ministério do Turismo, Embratur e Sebrae. A

expositores de moda, arte, design, decoração, artesanato, música e gastronomia, além de programação musical com DJ convidado. A Biblioteca Pública Infantil Herbênia Gurgel realiza, ao longo deste agosto, programação especial em alusão do Dia do Folclore, celebrado no dia 22 do mês. Sempre às quartas-feiras, a biblioteca do Conjunto Ceará promove o projeto “Cultura e Folclore Brasileiro: de Lendas a Festas Populares”, que estimula e propaga as manifestações folclóricas com exposição de cordéis e livros sobre o tema, galerias com imagens e cartazes das principais festas e personagens do folclore brasileiro. Anteontem (08), a partir das 16h, houve leituras de lendas folclóricas e foi exibido o filme “Mitos e Lendas do Folclore Brasileiro”. Hoje, em alusão ao Dia do Estudante, a biblioteca também promove programação especial com atividades recreativas para as crianças. A programação ainda conta com cineclubes na Vila das Artes; o projeto Bom de Fortaleza, com atividades aos sábados em praças das sete Regionais; o projeto Sons do Mercado, também no Mercado da Aerolândia; atividades de leitura e escrita, na Biblioteca Cristina Poeta; programação dominical infantil no Passeio Público de Fortaleza; e o Festival de Comida Nordestina no Mercado Cultural dos Pinhões.

Os senadores aprovaram anteontem (8) projeto que proíbe companhias aéreas de cobrarem valor adicional pela marcação antecipada de assentos. A proposta coíbe práticas consideradas abusivas e garante a gratuidade na marcação de assentos para os voos ocorridos no território brasileiro. Como é originário do Senado, o projeto precisa ser aprovado também pelos deputados antes de ir para sanção presidencial e se tornar lei. A proposta do Senado ocorre após recente anúncio de empresas aéreas sobre cobrança pela marcação prévia de assentos em seus voos. O projeto de lei foi apresentado neste ano pelo senador Reguffe, que criticou a medida das aéreas e disse que os consumidores brasileiros ficaram “apreensivos com mais essa prática abusiva”. O Ministério da Justiça, por meio da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), avaliou que a cobrança para marcação dos assentos do voo não configura ilegalidade. As empresas aéreas já cobravam por bagagens despachadas, amparadas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que autorizou em 2016 a cobrança desse valor extra dos viajantes. “Não podemos permitir que tal abuso se concretize. Importante esclarecer que o ato de 'marcar o assento' nada mais é que a consequência natural e óbvia da própria compra

Cobrança na marcação de assento é proibida

da passagem aérea pelo consumidor. Nesse sentido, ao adquirir uma passagem aérea, a pessoa passa a ter o direito de ser transportado, em segurança, do local de origem ao destino, conforme contratado”, justificou o parlamentar, ao sugerir o projeto que impede a cobrança pelo assento. No plenário, a senadora Simone Tebet defendeu a aprovação do texto. “Desde fevereiro, estamos travando uma batalha. O consumidor, aquele que compra a passagem aérea, está tendo que pagar até R$15 para marcar assento. A Anac, notificada, disse que não tem nada contra, quer inclusive ajudar o consumidor, mas disse que essa matéria não está regulamentada. Portanto, o que a Anac disse? Que o Congresso Nacional pode regulamentar”, afirmou. (Com a Agência Brasil- Brasília).

GARIBALDI TERÁ O MAIOR CENTRO DE EVENTOS DO SUL

Imagem virtual do Centro de Eventos

O prefeito de Garibaldi (RS), Antonio Cettolin, juntamente com autoridades, empresários e imprensa, participou do lançamento do projeto do maior centro de eventos da Região Sul do Brasil. Foi na Vinícola Peterlongo, em Garibaldi, no dia 24 de julho, quando se apresentou o empreendimento de R$ 85 milhões, que vai integrar hotel, centro de convenções, área gastronômica, loja de vinhos, bosque, capela para casamentos e um grande boulevard, atendendo o turismo de lazer, de eventos e o corporativo.

O projeto é inspirado na Toscana. O modelo é a somatória de dois anos de estudo. O resultado é um complexo único, capaz de atender ao mesmo tempo e no mesmo lugar visitors (turistas de lazer) e MICE (Meeting, Incentive, Congress, Exibitions). Com um investimento estimado em R$ 85 milhões, o Boulevard Convention Vale dos Vinhedos terá 23.600 metros quadrados de área construída, sendo o maior centro de eventos da Região Sul do Brasil a integrar eventos, hospitalidade, compras e enogastronomia. O empreendimento é decorrente de parceria entre a Incorporadora VJ&J e o empresário Romeo Paludo. O Boulevard Convention Vale dos Vinhedos também chega como um atrativo turístico com traço arquitetônico integrado ao DNA da região, com a ambição de se tornar um ícone local. “Nossa pesquisa identificou que o turista anseia por estrutura e atrativos. Reunimos neste complexo tudo aquilo de melhor que a região tem a oferecer. Estamos apresentando o maior e melhor equipamento da região para atender o mercado de eventos e o turismo em geral”, destaca Romeo Paludo. (Jornalista Claret Rezende – Abrsajet e Confraria dos Jornalistas de Turismo)


5

10 DE AGOSTO DE 2018

COM ÊXITO NA PROGRAMAÇÃO, AMANHÃ TERMINA O 28º CINE CEARÁ

Renato Aragão

Henry Campos

No sábado passado, no Cineteatro São Luiz., às 19h30, com estreia nacional do filme O B a r c o , d o c e a r e n s e P e t r u s C a r i r y, e homenagens ao humorista Renato Aragão e o professor Henry Campos, reitor da Universidade Federal do Ceará, começou o 28º Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema. O 28º Cine Ceará acontecerá até amanhã, 11, exibindo cerca de 100 produções, entre longas e curtas-metragens, em várias salas de cinema e na Praça do Ferreira. Registre-se que, antes da noite de abertura oficial do grande evento nacional, duas mostras já deram início à programação. Ao longo do mês de julho foi realizada a Mostra os Trapalhões, no Cineteatro São Luiz e, no dia 31, começou

na Caixa Cultural Fortaleza a Mostra de Cinema Peruano, que se estendeu até o domingo passado, dia 05. Consolidado como uma janela importante para o cinema mundial, o festival já exibiu obras de grande sucesso na Mostra Competitiva, como “Que Horas Ela Volta”? de Anna Muylaert, em 2015, e em 2017 “Uma Mulher Fantástica”, do chileno Sebastian Lélio, que venceu o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Esse ano, muitas obras inéditas de longa e média metragem prometem chamar atenção mundial. A programação destes dois últimos dias, como vem acontecendo desde a abertura do Festival, envolve cineastas, críticos e amantes da sétima arte.com Mostras Paralelas, Oficinas e Seminários. envolvendo todas as atividades. Abaixo a programação: Hoje - 10h Debate com os realizadores. Filmes das mostras competitivas exibidos na noite anterior. Oficina: Estrutura e Técnica de Roteiro para Ficção e Documentário. Masterclass: do Clássico ao Contemporâneo, A Função do Melodrama da Atualidade. Exibição Especial no Cinema do Dragão – Sala 2. Exibição especial. Mostra competitiva

brasileira de curta-metragem e mostra competitiva ibero-americana de longametragem. Cineteatro São Luiz - Homenagem aos 10 anos de criação do curso de Cinema e Audiovisual da Universidade de Fortaleza. 19h30 – Cinema na Praça. Amanhã - 10h – Debate com os realizadores. Filmes das mostras competitivas exibidos na noite anterior. 19h30 – Cerimônia de encerramento e Premiação do 28° Cine Ceará. Homenagem a Paulo Mendonça. Homenagem aos 10 anos de criação do Instituto de Cultura e Arte da Universidade Federal do Ceará. Exibição especial do capítulo 1 da série Cine Holliúdy: Francisgleydisson encara novos desafios (Halder Gomes e Patrícia Pedrosa. Ficção. 32'. Brasil. 2018.

FESTIVAL DE DANÇA DO LITORAL OESTE COMEMORA 10 ANOS

O THEATRO JOSÉ DE ALENCAR VIVEU UMA NOITE DE GALA

Autoridades no palco

Na última quarta-feira, o Theatro José de Alencar viveu uma das suas maiores noitadas. Numa iniciativa do intelectual, ex-Deputado Federal e Ministro do Tribunal de Contas da União e atual Presidente da Academia Cearense de Letras, Ubiratan Aguiar, a secular casa de espetáculos esteve lotada de membros de cerca de 50 instituições acadêmicas do Ceará que, em meio a belas apresentações artísticas, veementemente deram forte grito em favor da cultura do Ceará. A competente cerimonialista Norma Zélia Andrade, inicialmente, deu o tom da brilhante noitada: “É com grande alegria que o Theatro José de Alencar, marco da cultura cearense, abre suas portas para receber a todos presentes nesta importante iniciativa da Academia Cearense de Letras, na pessoa do Presidente UBIRATAN AGUIAR, com o irrestrito apoio do Colegiado de Presidentes de Academias e entidades culturais e científicas do Ceará. Pelo canto e pela palavra, pela dança e pela música, pela força interpretativa nos palcos e nas ruas e pelos acordes das canções, nossos artistas ecoam as nossas vozes, refletem as nossas cores e contam as nossas histórias. Transmitem os anseios, as dificuldades, as alegrias e as reflexões da sociedade onde vivem. Em defesa dessa arte, que mistura estudo, talento e dom é que aqui nos reunimos, nesta noite de beleza e talento”. PROGRAMAÇÃO –A programação da noitada festiva foi extensa mas não cansativa, em razão do seu conteúdo. Assim se desenvolveu: Apresentação dos alunos da Academia Maria Esther de Leitura e Escrita. Hino Nacional, com os acordeonistas Adauto Filho, de Caucaia, e Jair Dantas, de Aquiraz. Palavra do dr. Lúcio Alcântara, presidente do Instituto do Ceará, Histórico, Geográfico e Antropológico (a mais antiga entidade cultural do Estado do Ceará). Registro de presenças e entidades. Apresentação de Jacaré do Repente com os acordeonistas Adauto Filho, de Caucaia, e Jair Dantas, de Aquiraz - Deca Araújo, no triângulo, e Carlinhos, no zabumba. Palavra do

AGÊNCIAS DE TURISMO: LEGISLAÇÃO FEDERAL DEFINIRÁ REGRAS

As regras para os veículos de transporte de passageiros das agências de turismo serão definidas exclusivamente por legislação federal. É o que determina o Projeto de Lei 8690/17, do ex-deputado Izaque Silva (SP), em tramitação na Câmara dos Deputados. O projeto altera a Lei 11.771/08, que trata da Política Nacional de Turismo. A norma determina que as agências de turismo deverão atender aos “requisitos específicos” exigidos para os veículos de transporte. O texto, porém, não determina quem definirá estes requisitos. Segundo Izaque Silva, a ausência legal tem feito com que estados e prefeituras adotem regras próprias para as agências, algumas em desacordo com a legislação federal. Para ele, isso fere a Constituição, que define, como uma das competências exclusivas da União, legislar sobre trânsito e transporte. O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Turismo; de Viação e Transportes; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. (Com a Agência Câmara Notícias).

Publico presente no Cine Ceará

LANÇAMENTOS

GRITO EM FAVOR DA CULTURA representante da Academia Cearense de Retórica – acadêmico Neuzemar Gomes de Moraes. Companhia de Teatro que História é Essa?, apresentando o esquete Padaria Espiritual - texto e direção de Selma Santiago, com Ronaldo Agostinho, Tales Valério e Oscar Roney. Palavras dos secretários de Cultura, Gilvan Paiva , do município de Fortaleza, e Fabiano Piúba, do Estado do Ceará. Apresentação do poeta popular e repentista Geraldo Amâncio. Apresentação da camerata de violões “Cordas Cearenses”, do Instituto Beatriz, e Lauro Fiúza - grupo de músicos representantes da Orquestra Jacques Klein. Poesia sobre a Lei Maria da Penha, com a criança Sâmia Abreu, 8 anos, de Columinjuba. Apresentação do tenor Franklin Dantas, cantando Tu, do compositor cearense Paurilo Barroso. Apresentação da Companhia de Dança de Parajurú - Beberibe Faz Folclore. Pronunciamento do presidente da Academia Cearense de Letras, Ubiratan Aguiar. Apresentação da Camerata da Unifor (Hino do Ceará). Coquetel.no jardim do Theatro, animado com danças dos índios Tapebas, de Caucaia. Ponto marcante do evento foi a leitura do Projeto de Lei apresentado à Assembleia Legislativa do Ceará instituindo o 8 de agosto como o Dia da Cultura no Estado. O autor da proposição, que tramita na nossa Casa Legislativa, Heitor Ferrer, recebeu os aplausos e os agradecimentos dos presentes.

Livre). Pré-estreia. Cine-Teatro São Luiz. Às 20h – Cinema na Praça, na Praça do Ferreira. Exibição de Os Trapalhões e o Mágico de Oróz (Victor Lustosa, Dedé Santana. Ficção. 94'. Brasil. 1984. Livre).

A Rua eh Noiz

A cidade litorânea de Trairi, no Ceará, será palco do 10º Festival de Dança do Litoral Oeste, que acontece neste final de semana. Começou ontem e vai até amanhã. Ontem, a noitada foi dedicada ao lançamento do catálogo Festival de Dança do Litoral Oeste: 10 anos em companhias. Com programação gratuita, o Festival recebe, além de companhias cearenses, o grupo colombiano em Ningúnlugar, com o espetáculo Las Últimas Cosas, hoje. às 22h, e, da Bahia, a Experimentando NUS Cia de Dança, com a estreia nacional de Borda Infinita, amanhã, às 21h. A abertura oficial da décima edição será hoje, às 19h30, na Praça da Justiça. Considerado um dos principais eventos do gênero no Ceará, o Festival de Dança do Litoral Oeste tem como proposta ser uma ação descentralizadora e democrática de circulação dessa arte, priorizando a produção cearense. O fortalecimento do segmento e a democratização do acesso à cultura na Região do Litoral Oeste cearense estão presentes desde a primeira edição do Festival, que é fruto de mais de duas décadas de ações continuadas e permanentes em dança das cidades de Itapipoca, Trairi e Paracuru. Com formação técnica, pesquisa, criação, montagem, mostra e difusão, as três cidades se dividem como sede do Festival a cada ano. Catálogo - Para comemorar os 10 anos do Festival de Dança do Litoral Oeste, ontem, à noite, foi lançado o catálogo Festival de Dança do Litoral Oeste: 10 anos em

companhias. A publicação reúne imagens e informações que marcaram uma década de realização do evento de forma compartilhada por instituições e grupos de dança de Itapipoca, Trairi e Paracuru. Houve também depoimentos de parceiros e colaboradores. Durante o coquetel de lançamento, no jardim da Pousada Lírios do Campo, em Trairi, o Mestre da Cultura / Tesouro Vivo do Estado do Ceará, Moisés, apresentou-se com a Roda de Coco de Lagoa do Alagadiço. PROGRAMAÇÃO - Hoje, após a abertura oficial, o Festival contará com três espetáculos de companhias cearenses. Quem abre a programação é a Paracuru Cia de Dança e a Escola de Dança de Paracuru. Depois.haverá o espetáculo “Estado de Luta”, da Cia Balé Baião de Itapipoca. A atração seguinte é “Caiçaras Entre Linhas e Redes”, com a Arreios Cia de Dança, de Trairi. Encerrando a programação da noite o grupo colombiano enNingúnlugar apresenta “Las Ultimas Cosas”, com direção de Luis Rubio.. Amanhã, quatro grupos a se apresentam: o Itinerário Formativo de Dança, da Escola de Artes de Sobral, com o espetáculo “Pertenço, direção coreográfica de Rubens Lopes (Fortaleza) e dramatúrgica de Gerson Moreno, diretor do Balé Baião, de Itapipoca. De Salvador, a ExperimentandoNUS Cia de Dança faz a estreia nacional do espetáculo “Borda Infinita”, obra que comemora 10 anos de existência e produção em dança da companhia baiana. Fortaleza estará presente no Festival com duas atrações. A primeira é “A Rua eh Noiz”, da Cia de Dança Katiana Pena, traduzindo a periferia em cena, mostrando a gente guerreira dos bairros e favelas. A outra é “Soluto”, da Cia de Dança Ritmo 'Soul'to, que aborda uma pesquisa desenvolvida onde o principal fio da meada é o café e sua história antropológica. Para encerrar a noite e o Festival, o público acompanhará o show dos Tambores Afro Baião, de Itapipoca.

HOMENAGEM AO DIA INTERNACIONAL DOS POVOS INDÍGENAS

Museu Inda Vanuíre

O Museu Índia Vanuíre - instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari -, realiza a Semana Tupã em Comemoração ao Dia Internacional dos Povos Indígenas (09 de agosto). A data foi criada em 2012, quando foi rememorado os 100 anos da “pacificação” Kaingang no oeste de São Paulo. As atividades começarão na

próxima terça-feira, 14, com oficinas, batepapo e exibição de vídeos sobre a cultura indígena. A sétima edição da programação é uma oportunidade de difundir informações e promover o conhecimento, buscando desfazer estruturas que consolidam ideias errôneas e limitadas sobre os índios no Brasil, aproximando a comunidade da cidade das etnias que habitam a região: os Kaingang, Krenak e Terena. As ações serão divididas em três projetos: as oficinas ministradas por indígenas na praça da Bandeira, de 14 a 18 de agosto, em quatro sessões; o Saberes e Fazeres Indígenas edição especial, com a presença de indígenas mediando a exposição do Museu com o público; e o Cultura e Questões Indígenas em Foco – Edição Especial, realizado no mesmo período, às 11h00 e às 16h00, com diferentes documentários.

ROTA DO SOL SEMANAL 10/08/2018  

Noticias sobre Turismo, Lazer e Negócios enfocando a divulgação do Turismo no Ceará, no Brasil e no Mundo.

ROTA DO SOL SEMANAL 10/08/2018  

Noticias sobre Turismo, Lazer e Negócios enfocando a divulgação do Turismo no Ceará, no Brasil e no Mundo.

Advertisement