Page 1

Fortaleza-CE - 13 de Janeiro de 2017 - Turismo -Cultura - Negócios - Lazer - Esportes - Variedades PRAIA DO FORTE

CHARMOSO E DIVERSIFICADO DESTINO TURÍSTICO BAIANO O turismo brasileiro continua como um dos poucos segmentos da economia menos onerosos para os cofres públicos do País. Ao contrário, vem superando os difíceis momentos atuais, contribuindo para movimentação positiva dos vários setores da sua cadeia produtiva, como comércio, hotelaria, transportes, bares, restaurantes e casas de diversos, o que significa entrada de somas apreciáveis para os cofres públicos. PAG 3

CARROS COMPARTILHADOS

ALTERNATIVA DE MOBILIDADE URBANA S U S T E N T Á V E L

Carro elétrico de dois lugares

PAG 4

Vista aérea de Mata de São João e da Praia do Forte - BA

REQUALIFICAÇÃO DO MORRO SANTA TEREZINHA

F O R TA L E Z A V O LTA R Á A T E R CHARMOSO LOCAL TURÍSTICO

AEROPORTO PINTO MARTINS

880 EVENTOS ATÉ O FINAL DO MÊS, MAIS DE TURÍSTICOS EM 2016 800 VOOS EXTRAS PAG 4

PAG 2

ATÉ 19 DE FEVEREIRO

COM O PRÉ-CARNAVAL, FORTALEZA JÁ VIVE A FOLIA DE MOMO

PAG 2 Parte do Mirante do mMorro de Santa Terezinha

AZUL ANUNCIA

VOOS EXCLUSIVOS PARA JERICOACOARA E MOSSORÓPAG 3 ESPANHA

NA FITUR, A BAHIA RECEBERÁ O PRÊMIO SILVIA ZORZANELLO PAG 3

Desfile de Maracatu na Avenida Domingos Olimpio 2016

PAG 4


13 DE JANEIRO DE 2017 REQUALIFICAÇÃO DO MORRO SANTA TEREZINHA A MAGIA DE DEZEMBRO E A REALIDADE DE JANEIRO A estória se repete todos os anos, no Brasil e acho que em todo o mundo. O último mês do ano do calendário Gregoriano nos modifica, leva-nos a José Carlos de pensamentos positivos, acho Araújo que pela comemoração da data que se convencionou ser o nascimento de Jesus: 25 -o Natal. Também, pela chegada do final do ano, na esperança de que seja de bonanças, muito melhor do que está a expirar. A magia de dezembro contagia, nos enche de esperanças de boas novas, de um mundo melhor, mais solidário. O mês recém passado nos fez esquecer, momentaneamente, é certo, que estamos vivendo instantes de uma recessão terrível, de a economia e as finanças do país estarem abaladas fortemente por administrações temerárias, por falcatruas de dimensões dinossáuricas, por desastradas posições dos Três Poderes da Nação, enfim pelo descrédito do nosso homem público. A amnésia instantânea, sem dúvida um paliativo para todos os males que estamos vivendo, nos levou às compras de presentes ou bens de utilidade, mesmo pequenas. Tornou-nos mais humanos nos abraços e nas confraternizações, nos desejos de um mundo melhor, menos agressivo. Um milagre divino. Passado o Reveillon, porém, a realidade crua e nua. Voltamos ao pesadelo das dificuldades. O custo de vida nas alturas e subindo cada vez mais graças ao aumento dos impostos por parte dos governos federal, estadual e municipal. O desemprego de cerca de doze milhões de trabalhadores levando à instabilidade das famílias, principalmente das mais pobres. Que fazer para comprar os livros dos filhos, pagar o IPTU, o IPVA e o Imposto de Renda? E vem mais arrocho e desemprego, pois quase todos novos prefeitos dos municípios que tomaram posse “prometeram” uma administração austera para equilibrar as finanças. Dizem que vão eliminar gastos da máquina pública para equilibrar o cofre, inclusive com cortes de vários milhares de cargos comissionados e de empregados terceirizados. Uma medida sensata se bem aplicada, mas que vai aumentar o número dos aflitos. Uma zorra também será a reforma da Previdência, providência necessária, mas não na forma de antolhos anunciadas até agora pelo Ministro da Fazenda. Os brasileiros não podem nem devem pagar pelos erros impostos à previdência pública durante anos. Um acerto há de ser feito, mas não na dose em que está sendo divulgada, veneno letal para os nossos futuros “pé na cova”. Um fato não bate. Este sonho de austeridade para equilibrar as finanças só acontecerá no Poder Executivo? E o Senado, a Câmara e o Judiciário também não participarão desta dosagem de austeridade? Continuarão seus membros gozando de regalias tão desconcertantes. Há justificativas plausíveis para persistirem as excessivas mordomias que têm? Há justiça em o povão pagar com impostos excessivos moradias, automóveis, motoristas e outros privilégios para deputados, juízes e outras felizes autoridades que ganham muito bem nos cargos que exercem? Assim posto, se é hora de apertar o cinto que se aperte, mas nenhum “bonitinho” deve ficar de fora. O povo não perdoa. Para entornar mais ainda o caldo, mostra-se mais contundente a questão dos presídios brasileiros, se é que se pode chamar de presídio os “campos de concentração” que existem em todo o Brasil. Os indescritíveis morticínios que aconteceram ultimamente no Norte, Amazonas e Roraima, são apenas uma amostra de como o Governo trata os fora da lei em todo o País, misturando em cubículos comuns criminosos de alta periculosidade com outros que cometeram pequenos delitos. É, como diz o dito popular, estamos como cego em meio ao tiroteio...

FORTALEZA VOLTARÁ A TER CHARMOSO LOCAL TURÍSTICO As obras de requalificação do Morro de Santa Terezinha, iniciadas em novembro de 2015, estão merecendo especial atenção do Prefeito Roberto Cláudio, no início deste seu segundo mandato. A intervenção está orçada em R$ 12,6 milhões, oriundos da Prefeitura de Fortaleza e do Governo do Estado. A previsão de entrega é para o segundo semestre deste ano. A obra cumpre um triplo papel: social, turístico e de defesa civil. Esta será uma belíssima área de contemplação da orla de Fortaleza, explicou o Prefeito em recente visita. Segundo ele, a requalificação daquela área trará grandes benefícios para as comunidades de pescadores do Morro e para a cidade como um todo. “Vamos construir uma nova escadaria, que foi uma demanda da própria comunidade, para facilitar o acesso das pessoas que trafegam por essa região”, afirmou. O Morro de Santa Terezinha também está recebendo obras de drenagem e já está com 80% do muro de contenção concluído. Atualmente, a urbanização do calçadão, parte superior do morro, está com 95% de execução, restando a implantação do paisagismo e a urbanização da parte inferior para a conclusão da obra. HISTÓRICO - Em 2015, a Prefeitura de Fortaleza realizou parte da substituição da galeria de drenagem e a estabilização do coletor da rede de esgoto. Também houve serviços de concretagem para reforço das estacas expostas e fundações do muro de contenção e houve a

Prefeito Roberto Cláudio visita obras

limpeza do sistema de drenagem e retirada de lixo das bocas de lobo. Em janeiro de 2015, a Seinf retomou a obra de construção da escadaria do Morro, onde foram construídos 160m de degraus de concreto, guarda-corpo e calçadas de acesso à comunidade, além da instalação de iluminação com luz branca, o que garante maior segurança aos moradores da área. As duas obras, tanto a drenagem como a de reconstrução das escadas, tiveram

880 EVENTOS TURÍSTICOS EM 2016 Rotas gastronômicas, aniversários de cidades, feiras literárias e de artesanato, festivais de música, entre outros. Em 2016, o Brasil sediou quase 900 eventos turísticos em todas as regiões, de acordo com o Calendário Nacional de Eventos, do Ministério do Turismo. A ferramenta, criada em

SALVADOR SEM CENTRO DE CONVENÇÕES DESATIVADO O CC DE TANTOS ANOS - Nos últimos meses de 2016, como noticiado em todo o país, o Centro de Convenções de Salvador – que se encontrava em obras de conservação – padeceu do Carlos Casaes desabamento de um dos seus setores. Abrajet BA Em consequência, restou desativado e gerou um “problemão” para o Governo do Estado e para a atividade do turismo da capital baiana. O Secretário de Turismo de então, o Deputado Nelson Pellegrino, vinha investindo muito empenho na reestruturação daquele espaço. SALVADOR SEM CC - Por consequência do acidente inesperado, Salvador restou refém da falta de um equipamento da maior importância para o equilíbrio sazonal do seu turismo. Tal deficiência registra o temor justificado na comunidade turística baiana da continuação da queda do fluxo turístico, porquanto os possíveis eventos historicamente programados para a cidade não serão ressuscitados, por tempo indeterminado. EXISTE UM SUCEDÂNEO - Como forma de contornar a situação, os setores responsáveis pela captação de eventos na “boa terra” passaram a contar com uma alternativa adaptável: o expressivo espaço para esse fim destinado na “Arena da Fonte Nova”, inaugurada para a Copa do Mundo. SOLUÇÃO EMERGENCIAL - Durante as obras de conservação que vinham sendo realizadas, estava programado um grande evento na área médica para o Centro de Convenções. Por consequência do imprevisto acidente, os responsáveis pela realização daquele congresso tiveram que o transferir para a “Arena Fonte Nova”. POLEMIZADO O NOVO CENTRO - Mesmo durante o período em que o CC baiano se encontrava em recuperação, já era cogitada a construção de um novo e moderno equipamento. O Governo do Estado que, até então, imaginava que a melhoria das instalações do velho equipamento seria a solução mais indicada, capitulou no entendimento de que o velho equipamento já havia dado o que tinha que dar, e passou a admitir um novo projeto. OPÇÕES CONTESTADAS - Com a nova perspectiva, o passo seguinte foi a escolha do local onde pudesse se instalar um novo espaço. Pelo menos até o momento, não tem havido confluência de opiniões entre o Governo do Estado e a iniciativa privada. Isto porque, o primeiro local imaginado pelo Governo como ideal para tal destinação – as instalações dos Fuzileiros Navais na Cidade Baixa – de pronto mostrou-se totalmente inadequado, por todas as razões: espaço insuficiente, distância considerável da hotelaria, condições de acessibilidade precárias, dificuldade em conseguir apoio da Marinha. OUTRA OPÇÃO SURGIU - Embora relutante, o Governo reconheceu o equívoco e passou a advogar EXPEDIENTE Diretor/Editor: José Carlos de Araújo (Rg.149-1-37-52 DRT-CE) Diretor Comercial - Fenelon Gonçalves de Oliveira Paginação - Raimundo Pereira Paiva Jr

custo total de R$ 350 mil. PRAÇA DO MIRANTE – Em tempos passados, uma das melhores atrações turísticas estavam, dia e noite, no Morro de Santa Terezinha, nas vizinhanças do Porto de Fortaleza. Aos poucos, por incúria da administração de então, o lugar foi ficando degradado, com o consequente afastamento de empresários, principalmente ligados à gastronomia. Daí em diante os turistas deixaram de ir ao Mirante para bons momentos de lazer e os moradores do local passaram a sofrer diante dos problemas. Em junho de 2015, a nova Praça do Mirante, no Bairro Vicente Pinzón, foi totalmente revitalizada pela Secretaria Regional II da Prefeitura. . A praça com mais de 4 mil m², conta agora com piso intertravado, acessibilidade, guarda-corpo, mobiliário urbano, lixeiras de coleta seletiva, paisagismo e nova iluminação. O anfiteatro também foi totalmente restaurado. O investimento total foi de aproximadamente R$ 400 mil.

uma outra opção, o Centro de Exposições Agropecuárias, no final da Avenida Paralela, já próximo ao aeroporto. No entanto, mesmo essa hipótese conta com o veto da comunidade turística considerando encontrar-se o espaço fora do circuito mais adequado da cidade, o que equivale a estar longe do centro nervoso da hotelaria e dos equipamentos de animação. Segundo o ex-Secretário de Turismo, o Deputado Federal Nelson Pellegrino, está sendo buscada uma fórmula de PPP capaz de viabilizar os recursos para o novo projeto, onde quer que nele venha a ser localizado.

S A L V A - V I D A S

março de 2016, foi desenvolvida com o objetivo de divulgar os principais eventos turísticos do país e servir como uma importante fonte de informação para auxiliar o planejamento de viagens motivadas por eventos. Em 2016, os eventos artísticos, culturais e folclóricos lideraram o calendário com 303 registros, seguido das celebrações religiosas (149) e de gastronomia (101). Quase metade dos 880 eventos registrados, 410, são de médio porte. Outros 262 foram considerados de grande porte. O Ministério do Turismo inicia agora o cadastramento dos eventos de 2017. A ideia é que tanto as secretarias quanto os organizadores de grandes eventos e festivais do país colaborem com informações. Deverão ser cadastrados os eventos com notório conhecimento popular e geradores de fluxo de turistas. Os responsáveis pela inclusão no sistema deverão classificar os eventos por tipo e por categoria, além de observar critérios como relevância cultural e econômica. (Com o MTUR).

N A S

P R A I A S

As férias escolares e as de muitos trabalhadores, neste início de 2017, não terminaram ainda. Pela expressiva presença de cearenses e de turistas, ao longo do litoral, é de fundamental importância a permanência de salva-vidas, a partir Antônio José de das 7 horas da manhã, nas diversas Oliveira Pres. Abrajet CE praias alencarinas, sobretudo na capital. É preciso reconhecer e valorizar esses profissionais, responsáveis, com certeza, pela redução do número de afogados, nos bravios mares alencarinos, por causa da imprudência de alguns banhistas, que, sem resistência física, ou por não saberem nadar e, às vezes, por terem ingerido bebidas alcoólicas, afoitam-se nas águas dos mares, rios, lagoas e açudes. É de estarrecer o número de afogamentos, em Fortaleza, e na região metropolitana. Há um velho ditado popular que afirma: “Com muita água e fogo, não se deve brincar” (facilitar). Isso serve, pois, de advertência a quantos se encontram dispostos a mergulhar em águas profundas ou onduladas. No início deste comentário, escrevemos ser de fundamental importância a presença dos salva-vidas (o termo guarda-vidas não o julgamos apropriado, visto o profissional a socorrer pessoas, que estão afogando-se, estar tentando salvar vidas e não guardar vidas). Não sabemos o porquê de se mudar a nomenclatura dos profissionais, encarregados de salvar banhistas, nas praias, lagoas, rios, açudes etc., denominando-os, agora, de guarda-vidas. É interessante que o Corpo de Bombeiros forme parcerias com prefeituras interioranas, mediante a disponibilidade do potencial técnico em troca de material humano. A corporação, atualmente, conta com mais de 60 homens na função de – repetimos – salvavidas e não guarda-vidas, distribuídos pelas praias mais frequentadas de Fortaleza. Ainda sobre o assunto, temos a acrescentar que a presença de salva-vidas, na orla marítima de

Fortaleza, foi assunto de debates, por parte da extinta Comissão de Turismo da Facic (Federação das Associações do Comércio, Indústria e Agropecuária do Ceará), quando de suas reuniões quinzenais, na administração Raimundo Viana, da qual fazíamos parte como presidente da Associação Brasileira dos Jornalistas de Turismo (Abrajet-Ceará). Hoje, citada comissão, há muitos anos, não mais funciona. Levando-se a sério, na época, o problema, foi elaborado um projeto, que especificava o modelo ideal das torres de vigilância, a distância entre elas (500 metros), o número de salva-vidas, em cada torre, material de construção e os instrumentos a ser usados por esses profissionais, no caso policiais do Corpo de Bombeiros e funcionários da Prefeitura de Fortaleza, treinados para esse mister. Vale a pena relembrar que constava do projeto, também, o modelo de roupas apropriadas, binóculos, nadadeiras, boias de advertência, rádios para comunicação, de uma torre para outra, incluindo até jetski, sem falar do trabalho de surfistas, auxiliando-os na retirada de algum banhista prestes a se afogar. Mas, tudo não passou de um desejo dos membros da Comissão de Turismo da Facic. Ainda não sabemos a razão de a Prefeitura, naquele tempo, ter abortado um projeto, que, se executado, traria mais tranquilidade para quantos fossem desfrutar suas horas de lazer à beira-mar, principalmente acompanhados de filhos, sobrinhos e netos, menores de idade. Lembramo-nos até de duas barracas – se não nos falha a memória - localizadas na Praia do Futuro, a Itapariká e a Subindo ao Céu, que se comprometeram a bancar a construção das torres de vigilância e a compra dos equipamentos supracitados. Passados alguns anos, temos certeza de que, ainda, vale a pena, a Secretaria de Turismo do Estado(Setur) e o órgão oficial de turismo da Prefeitura de Fortaleza (Setfor), em parceria com a iniciativa privada, construírem mais torres de vigilância, em toda a orla marítima de Fortaleza, e colocar pessoal treinado e equipado.

Propriedade: JOTA CARLOS COMUNICAÇÃO Av. Barão de Studart 1966 - 201/B. - 60.120-001 C.G.C. 00.868.304/0001-75 - Fone: (85) 3244-4847 email : j.carlos.araujo@bol.com.br

jccomunicacao@hotmail.com Blog: http://rotadosolce.blogspot.com/ Twitter: @rotadosolce Fortaleza - Ceará MATÉRIAS ASSINADAS SÃO DE RESPONSABILIDADE DOS AUTORES


13 DE JANEIRO DE 2017

PRAIA DO FORTE

CHARMOSO E DIVERSIFICADO DESTINO TURÍSTICO BAIANO

Parte da avenida pricipal da prai do Forte

O turismo brasileiro continua como um dos poucos segmentos da economia menos onerosos para os cofres públicos do País. Ao contrário, vem superando os difíceis momentos atuais, contribuindo para movimentação positiva dos vários setores da sua cadeia produtiva, como comércio, hotelaria, transportes, bares, restaurantes e casas de diversos, o que significa entrada de somas apreciáveis para os cofres públicos. O introito vem por conta do que “Rota do Sol – Jornal do Turismo” observou em recente viagem que fizemos à Bahia, visitando diversos pontos não apenas da capital como do interior, constando as belezas e o vigor do turismo que oferece. Vamos a um deles. PRAIA DO FORTE – Anos atrás, estivemos na Praia do Forte, distante 80,2 quilômetros da Salvador e fazendo parte do município de Mata de São João. Fica nas proximidades do grande complexo turístico de Sauipe. Lá encontramos um lugar acolhedor, arborizado e que, além da gostosa praia, oferecia como principal atração visita ao projeto conservacionista Tamar, afora uns poucos restaurantes e casas de artesanato. Agora, a surpresa agradável. A Vila ganhou ares de um destino consolidado, sem perder o bucolismo. Possui várias dezenas de bons hotéis e restaurantes que dispõem de pratos variados que

vão dos beijús da casa de farinha aos gostosos pratos baianos ou sofisticados das culinárias francesa, italiana e japonesa. Demarcado, o seu passeio principal encontra-se bastante atraente, principalmente pela alegria que impõem as bicicletas cobertas, as bicitaxi, levando até quatro preguiçosos passageiros num passeio pelo seu entorno ou até o local em que se desenvolve o Projeto Tamar. A antiga aldeia de pescadores transformouse, pouco lembrando os tempos da fortaleza do fidalgo português Garcia D'Ávila no século XVI, a qual englobava a primeira fortificação portuguesa militar e residencial do Brasil, o Castelo Garcia D'Ávila ou a Casa da Torre, agora tombado pelo IPHAN. Hoje, as ruínas são motivos para boas recordações de um passado suntuoso. A Vila ganhou ares modernos, com a Capela de São Francisco de Assis, diante do Porto, lembrando os bons tempos das festas religiosas do passado. Conhecer todos os seus recantos, só a pé ou nas bicicletas. TURISMO PARA TODOS OS GOSTOS - Na Praia do Forte o visitante tem opções variadas para passar o tempo. No ecoturismo ou turismo de aventuras, oferece a Reserva Ecológica da Sapiranga, para caminhadas saudáveis, respirando ares puros em meio a flores e plantas nativas. A noite, a Vila é badalação para todos os

lados, com casas ou locais especializados oferecendo momentos de euforia. Haja fôlego para enfrentar as noitadas de shows e muita música.com agotações madrigada a dentro. EVENTOS – Afora tudo que pode oferecer normalmente ao turista, a Praia do Forte-Bahia tem variado calendário de eventos, do qual estacamos: Cortejo do Forte – baile de carnaval em 04/02/2017; Bloquinho do Forte - Banda Eva e Jau – 26/02/17; Festa da Baleia Jubarte – Celebrando a temporada das baleias – Julho; IV Batizado de Capoeira e troca de cordas, na Praça da Alegria - 19/08 a 21/08; 10ª Primavera dos Museus - 19 a 25 de setembro; Banda Mukanda em Praia do Forte - 10/09; Running Daventura (Corrida Natureza) – Outubro; Circutio Open de Polo Aquático – Campeonato Brasileiro de Polo Aquático – 21 a 23 de outubro; Festival de Integração Cultural – FIC - 15 e 16 de outubro; Tempero do Forte - 01 a 11 de novembro; Projeto Horta nas Escolas – Praça da Alegria – 12/11/2017; Suf Culture Festival - 03 a 06 de novembro; Alavontê no Tamar – 09/12/2017 O P R O J E TO TA M A R – A l u t a

Visão aérea da sede do Projeto Tamar

Na adoção dos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), definidos pela ONU, o turismo foi inserido em três deles: 8º) Promover crescimento econômico sustentável e inclusivo, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todos; 12º) Consumo e produção sustentável; e 14º) Conservação e uso sustentável dos oceanos, mares e fontes marinhas para o desenvolvimento sustentável. Em 2015, o Ministério do Turismo apresentou o Mapa da Sustentabilidade com um guia para consultas que promove e incentiva turistas a visitarem destinos que avançam na implementação de boas práticas para a sustentabilidade do turismo. (Com o MTUR).

NA FITUR, A BAHIA RECEBERÁ O PRÊMIO SILVIA ZORZANELLO A Feira Internacional de Turismo – Fitur , que ocorre em Madri, na Espanha e se realizará de 18 a 22 próximos, abrirá espaço para o reconhecimento ao trabalho e importância de Silvia Zorzanello (in memoriam) uma das fundadoras da empresa gramadense Rossi & Zorzanello. No dia 18, às 17 horas, será feita a entrega do prêmio Silvia Zorzanello, concedido pelo Grupo Excelências, da Espanha. Neste ano a

AZUL ANUNCIA

VOOS EXCLUSIVOS PARA JERICOACOARA E MOSSORÓ

Embraer 195 da AZUL

A Azul pretende em 7 de abril vindouro iniciar operações exclusivas em Jericoacoara, um dos destinos litorâneos mais paradisíacos do Brasil. A companhia espera ofertar quatro frequências semanais com saída do Recife, e a conectividade a partir da capital pernambucana, de São Paulo (Viracopos e Guarulhos) e Belo Horizonte permitirá a clientes de várias regiões do país e do exterior chegar rapidamente à nova base doméstica da empresa. Os voos serão cumpridos com o jato Embraer 195, de 118 assentos e com mais de 40 canais de TV SKY ao vivo. A aeronave decolará do Recife às quartas-feiras, sextas-feiras, aos sábados e aos domingos por volta de 13h00 e pousará em Jericoacoara às 14h35. O voo de volta partirá às 15h00, com chegada à capital pernambucana às 16h40. Entre 1º e 31 de julho, já prevendo o acréscimo de demanda para a alta temporada, a empresa operará voos também às segundas-feiras, nos mesmos horários. As conexões beneficiarão clientes de muitas regiões do Brasil, graças à ampla malha da Azul em São Paulo (Viracopos e Guarulhos) e Belo Horizonte, que contam com voos diretos para o Recife e que casarão

Igreja São Francisco de Assis

ESPANHA

ANO INTERNACIONAL DO TURISMO SUSTENTÁVEL O potencial do turismo para o desenvolvimento sustentável é reconhecido pela Organização das Nações Unidas (ONU) como um dos principais setores de geração de emprego do mundo. A atividade oferece oportunidade de subsistência, ajuda a reduzir a pobreza e direciona as atividades produtivas para o desenvolvimento e inclusão social. A meta da Organização Mundial do Turismo (OMT) ao designar 2017 como o Ano Internacional do Turismo Sustentável é ampliar a compreensão e conscientização da importância do turismo no compartilhamento do patrimônio natural, cultural e distribuição da riqueza proporcionada pelas viagens.

As turistas Carla Casaes e Goretti Araujo vão de bicitaxi ao Projeto Tamar

conservacionista brasileira começou nos anos 70, através de estudiosos em oceanografia que demandavam praias desertas para realizar pesquisas com o fito de proteger as tartarugas marinhas no Brasil. Tamar é uma contração das palavras tartaruga e marinha. O Projeto hoje é uma soma de esforços entre a Fundação PróTAMAR e o Centro Tamar/ICMBio. Objetivos: pesquisa, proteção e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil: tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta), tartaruga-depente (Eretmochelys imbricata), tartaruga-verde (Chelonia mydas), tartaruga-oliva (Lepidochelys olivacea) e tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea). Desenvolve-se atualmente em áreas de alimentação, desova, crescimento e descanso das tartarugas marinhas, no litoral e ilhas oceânicas dos estados da Bahia, Sergipe, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina.

perfeitamente com as ligações para Jericoacoara. Também serão beneficiados quem parte de Fortaleza, Natal, Aracaju, Maceió, Salvador e Goiânia, cujos horários de pouso no Recife proporcionarão conexões rápidas para o novo destino da empresa. A intenção da Azul de voar para Jericoacoara passa por aprovação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). As tarifas serão anunciadas somente depois da validação da operação pelo órgão regulador, momento em que também tem início a venda de passagens. Atualmente, a maioria dos turistas desembarca em Fortaleza e leva cerca de quatro horas, via terrestre, para chegar a Jericoacoara. TAMBÉM PARA MOSSORÓ - No próximo dia 12 de abril, a Azul também iniciará operações exclusivas em Mossoró, noroeste do Rio Grande do Norte. A companhia ofertará um voo diário para a cidade potiguar com origem no Recife – a novidade igualmente aguardando aprovação da ANAC. A aeronave responsável pelo trajeto será o moderno turboéliceATR 72-600, de 70 assentos. As viagens terão duração aproximada de uma hora e meia. Via terrestre, o trajeto entre o Recife e Mossoró pode levar até sete horas. A cidade será a segunda atendida pela Azul no Rio Grande do Norte: atualmente, a companhia opera também em Natal. A ligação direta com o Recife permitirá que clientes de todas as regiões do Brasil possam acessar Mossoró. Com a novidade, a cidade passa a receber clientes de mais de 25 cidades do Brasil, além de Orlando (Estados Unidos). As tarifas para os dois novos destinos somente serão informadas quando as operações forem aprovadas pela ANAC, momento em que também terá início a venda de passagens.

Silvia Zorzanello

homenagem será entregue ao Estado da Bahia. O secretário de Turismo do estado nordestino, José Alves Peixoto Jr, receberá o prêmio das mãos do diretor de Turismo do Rio Grande do Sul, Abdon Barreto Filho. A Bahia é um dos destinos mais importantes do Brasil e recebe milhares de visitantes estrangeiros a cada ano. Em 2016 foram pelo menos 600 mil visitantes estrangeiros e mais de 14 milhões de visitantes brasileiros. “O prêmio criado pelo Grupo Excelências leva o nome da minha falecida mãe, Silvia Zorzanello, que junto com minha sócia Marta Rossi, foram responsáveis por abrir as portas do nosso Estado na difusão do turismo internacional, ao promoverem o mais importante evento de turismo da América Latina, o FESTURIS”, destaca o filho de Silvia, e diretor do FESTURIS Gramado, Eduardo Zorzanello. O Prêmio - O prêmio foi criado pelo grupo Excelências da Espanha, há 6 anos, para homenagear alguma instituição, entidade, órgão ou personalidade do turismo que tenha contribuído decisivamente para o progresso e desenvolvimento do turismo do Brasil.

AIRBUS EM 2016

UM RECORDE DE 688 AVIÕES ENTREGUES PARA 82 CLIENTES As entregas de aeronaves comerciais da Airbus em 2016 cresceram pelo seu 14º ano consecutivo, batendo um recorde de 688 aviões entregues para 82 clientes. As entregas superaram em 8% o recorde anterior de 635 aeronaves em 2015. Estas incluem 545 aeronaves de corredor único da Família A320, das quais 68 eram modelos A320neo, além de 66 A330s, 49 A350 XWBs e 28 A380s. Mais de 40% dos aviões de corredor único entregues foram da sua maior versão, a A321. A Airbus alcançou 731 encomendas líquidas de 51 clientes, dos quais oito são novos. Isso inclui 607 aviões de corredor único e 124 modelos widebody. No fim de 2016, o backlog geral da Airbus chegou a 6,874 aeronaves, avaliadas em US$ 1,018 bilhões em preço de lista. As conquistas em 2016 incluíram a entrega da 10.000ª aeronave da Airbus – um A350 XWB – e o primeiro voo bem-sucedido do maior membro do programa: o A350-1000. A Airbus também deu início às entregas de ambas variantes de motor do A320neo, o avião de corredor único mais vendido do mundo. Enquanto isso, o A321neo equipado pela Pratt & Whitney foi certificado como o primeiro

O primeiro A350 XWB nas cores da TAM

construído nos Estados Unidos e entregue pela linha de montagem de Mobile, no Alabama. Outros marcos são a entrada em serviço do primeiro A330 regional e o início da construção do Completion and Delivery Centre do A330, na China, enquanto o A330neo ingressou em sua linha de montagem final. A Airspace, marca de cabine da Airbus, foi lançada como novo padrão de experiência para passageiros nos programas A330neo e A350 XWB. A Airbus também lançou o site de voo Ifly A380, permitindo aos passageiros escolherem e reservarem voos no A380.


13 DE JANEIRO DE 2017

ATÉ 19 DE FEVEREIRO

COM O PRÉ-CARNAVAL, FORTALEZA JÁ VIVE A FOLIA DE MOMO

Maracatu Nação Fortaleza O período do Pré-Carnaval de Fortaleza, que este ano vai oficialmente de 27 de janeiro a 19 de fevereiro, nos anos anteriores mostrou a sua força, levando às ruas, aos sábados, milhares de alegres foliões, não só da cidade mas de outros estados também.

Mesmo diante da séria crise por que o País atravessa, o que faz algumas tradicionais agremiações carnavalescas desistir das alegrias da pré-temporada, ainda assim, pelo que já foi mostrado no último sábado, a cidade continuará vivendo com intensidade a folia momina, arrastando multidões de descontraídos brincantes.Aprova foi dada pelos Moradores da Praia de Iracema, com o seu bloco “O Cheiro”, que agitou o bairro no último sábado, 7, com seus brincantes cantando eufóricos ao som de tradicionais marchinhas e sambas carnavalescos. O bloco é um dos que participarão da programação oficial do Pré-carnaval patrocinado pela Prefeitura da Capital A esta altura, lamenta-se que uma dos mais atuantes agremiações carnavalescas, a Sanatório Geral, tenha anunciado a sua não participação no período momino deste ano.

CARROS COMPARTILHADOS

ALTERNATIVA DE MOBILIDADE URBANA SUSTENTÁVEL Mais duas estações de carros elétricos compartilhados foram entregues pela Prefeitura de Fortaleza nesta quarta-feira (04/04). Os novos equipamentos estão localizados na Praça Martins Dourado, na Rua Gilberto Studart, e no North Shopping Jóquei. O sistema Veículos Alternativos para Mobilidade (VAMO) é coordenado pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito (PAITT), desde setembro de 2016. O VAMO é mais um modo de transporte para a população, sendo uma alternativa de mobilidade urbana sustentável. Além das novas estações, o VAMO Fortaleza já opera com 20 carros compartilhados, sendo cinco do modelo “BYD e6” e 15 do modelo compacto “Zhidou EEC L7e-80”, sendo ambos veículos 100% elétricos. Mais quatro estações serão entregues ainda neste mês. Parangaba, Bairro de Fátima, Edson Queiroz e Dionísio Torres são as regiões que poderão receber as próximas. De acordo com o engenheiro da Prefeitura, Sued Lacerda, a alocação das estações de compartilhamento do sistema depende de densidade populacional, comercial e de serviços, além da integração com outros modos de transporte. A iniciativa é uma das ações da Prefeitura de Fortaleza alinhadas ao Plano de Redução de Carbono da ICLEI – Local Governments for Sustainability e às diretrizes da Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP 21). O escopo do projeto está alinhado às condições, especificações e normas exigidas pela Lei Federal nº

CEARÁ RECEBE PRÊMIO NA CATEGORIA DESTINO PARA EVENTOS DE GRANDE PORTE

O presidente do Visite Ceará, Fortaleza Convention Bureau, Régis medeiros(foto), esteve em presente cerimonia de premiação, no dia 13 de dezembro, no Expo Center Norte, em São Paulo. O Ceará recebeu o Jacaré de Prata, na categoria Destino Para Eventos de Grande Porte. Segundo Régis Medeiros: "O Prêmio Caio é considerado o Oscar dos Eventos e receber o Jacaré de Prata é um reconhecimento do Ceará como destino para eventos de grande porte". Participam dessa premiação toda cadeia produtiva de eventos que contribui para o desenvolvimentos do setor turístico no País.

AS NORMAS DA PREFEITURA - Para a temporada oficial, a Prefeitura lançou, na sexta-feira (06), através da Secretaria Municipal da Cultura, o Edital do Ciclo Carnavalesco 2017, aí incluído o Carnaval propriamente dito, que vai de a O edital prevê o apoio aos blocos de rua e tem como tema os 100 anos do Samba. As inscrições encerram-se hoje, 13. O resultado final da seleção está previsto para ser divulgado na próxima sexta-feira, 20. Com o objetivo de apoiar os blocos de rua da Capital cearense, serão credenciados até 58 projetos. Desse total, 48 projetos são de blocos veteranos para quatro saídas e 10 são de blocos estreantes para duas saídas, que deverão participar do Ciclo Carnavalesco. O apoio financeiro consiste no total de R$ 530 mil. Os blocos poderão dividir as apresentações no período do Pré-Carnaval (27 de janeiro a 19 de fevereiro) e do Carnaval (25 e 28 de fevereiro), devendo essa opção ser informada no projeto e na ficha de inscrição. De acordo com o Edital, é facultativo o fracionamento das apresentações. EDITAL VISA O CARNAVAL - a Secretaria da

Cultura publicou edital visando o Carnaval do Estado, para consulta pública até o próximo dia 27. Pelo mesmo, anuncia-se um total de R$ 1.201.000,00 para apoiar projetos de Maracatu, Escola de Samba, Bloco, Cordão e Afoxé. As inscrições serão abertas a partir do dia 28 de janeiro e seguem até o dia 03 de fevereiro, conforme especificações detalhadas no texto do edital, na qual serão realizadas através da entrega na sede da Secult ou via Correios, com a documentação e formulários necessários, disponíveis nos sites da Secretaria e dos editais culturais estaduais. Através do Edital, o Governo do Ceará, por meio da Secult, apoiará 20 projetos de Programação Carnavalesca (com R$ 23.500,00 para cada um) e 36 projetos de Agremiações Carnavalescas, com diferentes valores, entre R$ 9 mil e R$ 27,5 mil, para cada tipo de agremiação. Serão apoiados ao todo 12 maracatus, 10 escolas de samba, oito blocos, quatro cordões e dois afoxés. De acordo com a legislação estadual, 50% dos recursos totais do edital serão destinados a projetos do Interior do Estado.

OPERAÇÃO ALTA ESTAÇÃO

REFORÇO NA SEGURANÇA PÚBLICA NO PERÍODO DE FÉRIAS

Carro elétrico compartilhado de Fortaleza 9.503/1997 do Código de Trânsito Brasileiro e suas alterações, além da Lei Federal nº 12.587/2012 da Política Nacional de Mobilidade Urbana. TARIFAS - A tarifação do sistema se dará conforme o tempo em que o carro estiver em uso. Para os primeiros 30 minutos, o valor cobrado do usuário é de R$ 20,00 sendo este valor indivisível, ou seja, do primeiro minuto ao trigésimo minuto o valor cobrado será fixo e totalizará R$ 20,00. Após meia-hora de uso, a cobrança se dará por minuto adicional, variando o custo do minuto conforme o tempo de uso da seguinte forma: Entre meia hora e 1 hora de uso: R$ 0,80 por minuto adicional. Entre 1 hora e 2 horas de uso: R$ 0,60 por minuto adicional. Entre 2 horas e 4 horas de uso: R$ 0,50 por minuto adicional. Após 4 horas de uso: R$ 0,40 por minuto adicional. As pessoas que fizerem uso mensalmente do sistema pagarão uma taxa de R$ 40,00, que é integralmente revertida em crédito para uso dos carros. Caso o usuário possua o Bilhete Único, será dado um desconto de 25% nessa taxa. Dessa forma, o usuário manterá um crédito de uso de R$ 40,00, mas pagará somente R$ 30,00. Além do benefício financeiro para os usuários que possuam Bilhete Único, os carros elétricos compartilhados poderão estacionar nas vagas de Zona Azul gratuitamente.

Saguão do Aeroporto Pinto Martins Fortaleza deverá receber mais de 858 voos extras no período de 19 de dezembro de 2016 até 31 deste mês. A projeção, divulgada pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), representa um aumento de 33,22% em relação aos voos e 71,65% na movimentação de passageiros extras, se comparada ao ano anterior. Ainda de acordo com a Infraero, no Réveillon foram contabilizados 432 pousos e decolagens e 70.858 assentos ofertados, entre embarques e desembarques, de quinta-feira

Até o dia 31 de janeiro, a atuação da Polícia e dos Bombeiros na Capital, Região Metropolitana e Interior do Estado ganha o reforço de 1.176 profissionais da área de Segurança Pública As regiões de maior fluxo turístico do Ceará estão contempladas, neste período de férias, com a Operação Alta Estação. Até o dia 31 de janeiro, a atuação da Polícia e dos Bombeiros na Capital, Região Metropolitana e Interior do Estado ganha o reforço de 1.176 profissionais da área de Segurança Pública, sendo 627 policiais civis, 487 policiais militares e 62 bombeiros, promovendo a segurança dos cearenses e dos turistas que visitam o Ceará. O reforço na Polícia Militar foi distribuído em 272 PMs para Fortaleza, 75 para a Região Metropolitana e 140 para o Interior do Estado. Já a Polícia Civil, teve o seu efetivo distribuído em 37 delegados, 91 escrivães, 285 inspetores e 14 viaturas para a Fortaleza e RMF; e 22

delegados, 56 escrivães, 136 inspetores e 30 viaturas para o Interior. O Corpo de Bombeiros disponibilizou 62 guarda-vidas distribuídos em 10 postos, com a utilização de duas viaturas, uma moto-aquática e dois botes salvavidas. Além de Fortaleza, cidades da RMF – como Caucaia, São Gonçalo do Amarante e Paracuru; Região Norte – áreas litorâneas como Praias da Almofala, Aranaú, Flecheiras, Mundaú, Guagiru, Lagoinha, Praia do Preá e Parque Nacional de Jericoacoara; e Região Sul – Praias do Parajuru, Morro Branco, Lagoa do Uruaú, Beberibe, Portal do Maceió, Marjolândia, Canoa Quebrada e Icapuí; recebem o aumento em seus efetivos. A Operação Alta Estação também abrangerá o Pré-Carnaval de Fortaleza, que é amparado por planos de ações de segurança, a fim de empregar o efetivo necessário para manter a ordem e segurança do evento.

AEROPORTOS DE ARACATI E JERICOACOARA

RECURSOS PARA AQUISIÇÃO DE MODERNOS EQUIPAMENTOS

Aeroporto de Jericoacoa

(29/12) a sábado (31/12). A ocupação da rede hoteleira na Capital foi de aproximadamente 95% no mesmo período. Para o secretário municipal de Turismo de Fortaleza, Alexandre Pereira, a oferta de mais voos representa uma maior demanda, um aumento de fluxo de turistas, o resultado do trabalho de promoção que a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal de Turismo, veio realizando ao longo do ano. “Em 2016, recebemos agentes e operadores de viagens de todo o País. Por meio do Projeto Fortour, desenvolvido pela Secretaria, os profissionais foram treinados e qualificados para venderem nosso destino. Foram mais de mil capacitações”, enfatizou o secretário. “A grande festa do Réveillon promovida pela Prefeitura, que hoje atrai a participação da iniciativa privada, é nosso grande chamariz. Os turistas vêm para a festa e ficam, em média, de seis a sete dias. Um incremento de mais de 2,2 bilhões na economia até fevereiro”, pontuou Alexandre Pereira. Em 2016, de janeiro a novembro, a capital cearense registrou via Aeroporto Internacional Pinto Martins cerca de 2.540.620 desembarques.

O Departamento Estadual de Rodovias garantiu recursos no valor de R$ 14,4 milhões para os aeroportos de Aracati e Jericoacoara. O repasse foi formalizado com a assinatura do convênio entre o Governo e o Ministério dos Tr a n s p o r t e s , P o r t o s e Av i a ç ã o C i v i l . A contrapartida do Estado será de 0,1% do valor total do contrato. A assinatura do convênio aconteceu no último dia 30 de dezembro, com a presença do superintendente do DER, Sérgio Azevedo, e do assessor de Infraestrutura Aeroportuária do órgão, coronel Paulo Edson Ferreira. O convênio permitirá a aquisição de modernos equipamentos de navegação aérea, possibilitando procedimentos de pousos e decolagens de voos por instrumentos. Para o aeroporto de Jericoacoara, localizado no município de Cruz, ainda serão viabilizadas a construção de vias de acesso da Seção Contra Incêndio ao pátio de aeronaves, a construção de cerca operacional, além da aquisição de duas esteiras de bagagens e equipamentos de arcondicionado. APLICAÇÃO DOS RECURSOS - Do total, R$ 2.137.860,00, serão voltados à aquisição e implantação da Estação Prestadora de Serviços de Telecomunicações e de Tráfego Aéreo (EPTA) CAT “A” no aeroporto de Aracati, voltado para a segurança de voo e navegação aérea. Em Jericoacoara: construção das vias operacionais entre a SCI/Pátio de estacionamento de aeronaves/pista de pouso e decolagem (R$2.310.739,50); construção de cerca operacional (R$1.187.488,53); projeto, aquisição de equipamentos, implantação e homologação de voos e EPTA-CAT (R$ 6.000.000,00); comunicação visual (R$ 85.000,00); duas esteiras de bagagem (R$ 700.000,00); ar-condicionado, som, sistema de CFTV/câmeras, raio X para bagagem, raio X tipo pórtico e monitores de informação de voos (R$ 2.000.000,00).

Rsn 20170113  

Noticias sobre Turismo, Lazer e Negócios enfocando a divulgação do Turismo no Ceará, no Brasil e no Mundo

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you