Page 1

INFORMAÇÃO MUNICIPAL PROPRIEDADE DA CÂMARA MUNICIPAL DE VILA POUCA DE AGUIAR Nº84 | ANO 15 DEZEMBRO 2016 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

RUMOS D´AGUIAR Preparação de candidatura de Tresminas a Património Mundial em parceria internacional com Las Médulas.

Orçamento 2017: Família, educação, freguesias, socioeconomia.

Entrega do 1º Cabaz Bebé marca o início de incen vos ao nascimento e primeira infância, famílias e fixação de jovens casais.

LAS MÉDULAS TRESMINAS Vila Pouca de Aguiar - Município

AO ABRIGO DO NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO

VilaPoucadeAguiar_Município


EM DESTAQUE | 2

...................................................... PERFORMANCE DO MUNICÍPIO EM ALTA:

ESTUDO NACIONAL MOSTRA QUE O NOSSO CONCELHO ESTÁ ENTRE OS MELHORES DA REGIÃO ......................................................

Vila Pouca de Aguiar surge em 2º lugar na região do Alto Tâmega no estudo City Performance Index 2016 que faz "uma análise abrangente dos municípios, comparando o desempenho de cada concelho na região onde se insere e no panorama nacional". Rela vamente ao país, dos 308 concelhos, o município surge na posição 160. A avaliação dos concelhos portugueses, edição 2016, é realizada em seis dimensões, designadamente produ vidade, talento, infraestrutura, governo, social e ambiente. O City Performance Index, da 20/20 Strategy, baseia-se em 54 indicadores com os dados anuais mais recentes, que se traduzem em informações sobre "fatores que influenciam o desempenho e a compe vidade de uma cidade, município ou região". Neste estudo, verifica-se uma preponderância dos grandes centros urbanos. Todavia, os concelhos mais pequenos têm outras vantagens como, por exemplo, o ambiente com baixos níveis de poluição e outros fatores. No que concerne à realidade concelhia, além do ambiente, é de destacar o relevo atribuído à polí ca de inves mento local, finanças locais e transparência. Este estudo demonstra ainda, entre outros dados, que a população é de 12.494 pessoas e que a esperança média de vida é de 79 anos.


EDITORIAL | 3

*

presidente@cm-vpaguiar.pt

Aguiarenses; 1. Tresminas tem um património arqueológico único que se preserva há cerca de dois mil anos. No processo de candidatura do Complexo Mineiro Romano de Tresminas a Património da UNESCO, têm sido levados a efeito contactos no sen do de estabelecer uma parceria que alicerce a extensão de classificação de Las Médulas como Paisagem Cultural da UNESCO ao território mineiro de Tresminas. Este acordo de cooperação internacional entre o Município de Vila Pouca de Aguiar e a Fundação Las Médulas é apadrinhado pela Direção Regional de Cultura do Norte e pela Junta de Cas lla y León, sendo operacionalizado pela Associação de Desenvolvimento Integrado das Terras de Jales (AOURO), e está a dar os seus primeiros resultados para a valorização dos respe vos territórios mineiros romanos. Em outra frente, sabemos também que Jales ainda é um sí o de referência pelo potencial aurífero que daqui se extraiu no século XX; por conseguinte, estamos a procurar implementar projetos que visem o aproveitamento das infraestruturas mineiras da mina de Jales para valorizar este território concelhio do ponto de vista patrimonial e turís co. 2. O ano de 2017 está planeado e uma grande parte da a vidade municipal advirá do orçamento já aprovado e que privilegiará as famílias, as freguesias, a educação, e o desenvolvimento socioeconómico através da agropecuária, indústria, cultura, urbanismo, e outras áreas de intervenção camarária. Nós acreditamos que juntos com a comunidade aguiarense faremos esse caminho de desenvolvimento regional com sucesso. Tenho e temos orgulho de ser transmontanos, temos orgulho de ser aguiarenses. Com a realização das festas de época natalícia damos entrada num novo ano pelo que desejo a todos os aguiarenses, aos residentes, aos aguiarenses espalhados pelo país e pelo Mundo, um feliz ano de 2017…

abraço amigo, Alberto Machado (PRESIDENTE DA CÂMARA)


DESTAQUE DE CAPA | 4

Enrique Saiz, Diretor Geral de Património Cultural da Junta de Cas lla Y León

Alberto Machado, Presidente da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar

APRESENTAÇÃO DE PARCERIA TRANSFRONTEIRIÇA FORTALECE CANDIDATURA DE TRESMINAS A PATRIMÓNIO MUNDIAL ...................................................... A apresentação da cooperação internacional entre Tresminas e Las Médulas decorreu na AR&PA, feira de restauro e gestão patrimonial em Valladolid e contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar, Alberto Machado e do Diretor Geral de Património Cultural da Junta de Cas lla Y León, Enrique Saiz. Alberto Machado sublinhou que no processo de candidatura do Complexo Mineiro Romano de Tresminas a Património da UNESCO, têm sido levados a efeito contactos no sen do de estabelecer uma parceria que alicerce a extensão de classificação de Las Médulas como Paisagem Cultural da UNESCO ao território mineiro de Tresminas. Enrique Saiz relevou estes territórios mineiros romanos que se encontram na mesma área geográfica do noroeste peninsular e que se complementam. A parceria visa a preservação do património, divulgação e promoção turís ca e a classificação de Tresminas como Património Mundial associado a Las Médulas.

LAS MÉDULAS TRESMINAS

Na feira internacional de Valladolid, Espanha, a apresentação contou com a presença de autarcas portugueses e espanhóis, designadamente o presidente da junta de Tresminas, António Teixeira, e os alcaides de A Ponte de Domingo Flórez, Julio Escuredo, e de Carucedo, Alfonso Pacios. A comi va de cooperação integrou os deputados de Castela e Leão, Alfonso Arias e Genaro Mar nez. Neste certame, que decorreu de 10 a 13 de novembro, a parceria implementou as primeiras inicia vas conjuntas, designadamente um stand de promoção turís ca com técnicos especialistas dos territórios mineiros romanos de Tresminas e Las Médulas (estes classificados como Património Mundial desde 1997), bem como a criação da imagem da parceria ins tucional que acompanhará as inicia vas conjuntas dos respe vos territórios localizados em Portugal e Espanha.


DESTAQUE DE CAPA | 5

TRESMINAS "MERECE SER"

PATRIMÓNIO MUNDIAL ...................................................... As an gas minas romanas de Tresminas merecem ser Património Mundial por vários mo vos, assegurou Javier Sanchez-Palencia, coordenador cien fico do Percurso Exposi vo do Centro Interpreta vo de Tresminas, cujo catálogo foi apresentado juntamente com o recém-premiado documentário O Ouro de Tresminas. É que houve dez milhões de toneladas de materiais removidas e consequente reconfiguração da paisagem, há uma conservação excelente do património (mineralização; hidráulica; outras); é representa vo do processo de exploração no Noroeste Peninsular. Alberto Machado, presidente do Município releva a importância histórica de Tresminas por ter um património arqueológico único que se preserva há cerca de dois mil anos. Miguel Rodrigues, da Direção Regional de Cultura do Norte, corrobora a existência de u m te r r i tó r i o m u i to e s p e c i a l co m ve s g i o s significa vos de exploração de ouro. Na mesa de apresentação de Catálogo e Documentário, a 15 de outubro, es veram ainda presentes o coordenador Pedro Carvalho, o gerente da Arqueohoje Luis Gomes, a representante da Assembleia Municipal, Arlete dos Prazeres e o autarca da Freguesia, António Teixeira. Na plateia, es veram deputados sociaisdemocratas à Assembleia de República (que irão apresentar projeto de resolução sobre Tresminas) e vários especialistas portugueses e espanhóis nas áreas de arqueologia e cultura. Com 70 páginas, em formato bilingue, o Catálogo do Centro Interpreta vo de Tresminas traduz a exposição permanente em Tresminas; o Documentário O Ouro de Tresminas (1º prémio no Fes val de Cine Arqueológico de Cas lla y León) enquadra Tresminas no mundo romano do noroeste da Península Ibérica. No final da apresentação destes produtos que promovem Tresminas, realizou-se uma visita guiada pelo percurso e uma reunião de trabalho sobre Tresminas a Património Mundial.


SOCIOECONOMIA | 6

APROVAÇÃO DE ORÇAMENTO E GRANDES OPÇÕES DO PLANO PARA 2017 ...................................................... Os documentos referentes ao orçamento e às grandes opções do plano para 2017 foram aprovados por maioria em reunião de Câmara (27 de outubro), na sede da Junta do Alvão. Nesta freguesia, o autarca Domingos Luzia deu as boas-vindas aos presentes. No que respeita ao orçamento, segundo o documento apresentado, "as receitas correntes previstas para 2017 apresentam um montante de 14.185.593€, que face às despesas correntes no montante de 12.928.500€, apresentam um saldo posi vo de 1.257.093€, o qual permi rá o financiamento das despesas de capital e amor zação da dívida a longo prazo, ou seja, os emprés mos". No resumo das grandes opções do plano, as rúbricas que envolvem mais verbas, em termos globais (plano de a vidades municipal e plano plurianual de inves mentos), são habitação e urbanização (mais de 3,6 milhões de euros), saneamento e salubridade (2,8 milhões de euros), educação (2,2 milhões de euros) e cultura, desporto e tempos livres (2,1 milhões de euros). Entre as rúbricas que recebem na ordem das centenas de milhares de euros, destaca-se desenvolvimento industrial, proteção civil, ação social, freguesias, desenvolvimentos económico e agropecuário, entre outras. Na reunião de Câmara, após a aprovação da úl ma reunião e dos documentos acima referidos, seguiu-se a aprovação dos seguintes pontos: mapa de pessoal para 2017 (por maioria); autorização de pagamento à Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega (por unanimidade); denúncia de protocolo com conselho dire vo dos baldios de Paredes do Alvão referente à cedência da an ga escola (por unanimidade); cedência de instalações ao Clube Automóvel de Pedras Salgadas (por unanimidade); renúncia do direito de exploração do quiosque e uma nova cedência de exploração (por unanimidade); procedimento conducente à candidatura de juízes sociais (por unanimidade); isenção/redução de passes escolares, atribuição de subsídios no âmbito da ação social escolar e reavaliação de subsídios na respe va área (por unanimidade); apoio financeiro às cole vidades para a época despor va 2016/2017 (por maioria); compar cipação financeira à Juventude de Pedras Salgadas e à Casa do Sport Lisboa e Benfica, ambas referentes a percursos despor vos excecionais (por maioria).


SOCIOECONOMIA | 7

BAIRRO DAS BARREIRAS COM MELHOR ACESSIBILIDADE E DEMOLIÇÃO DE CASA DESCARACTERIZADA ...................................................... Na apresentação pública rela va ao Plano de Pormenor do Bairro das Barreiras (17 de outubro no auditório do Palacete Silva), o presidente do Município, Alberto Machado anunciou intervenções no principal acesso ao bairro e demolição de casa descaracterizada no centro do bairro situado na encosta nascente da sede de concelho. Nesse sen do, a par r da capela do Senhor, avança a requalificação das ruas Conselheiro Adriano Gonçalves Pereira, Guerra Junqueira e Nossa Senhora de Conceição até à saída mais central de ligação ao santuário. Rela vamente à casa em jolo cuja saliência descarateriza o núcleo do bairro, deverá ser demolida até ao nível do arruamento para onde se prevê um miradouro com lugares de estacionamento. A demolição do imóvel é uma an ga aspiração dos residentes que será cumprida. No diagnós co efetuado no bairro, verifica-se que há bastantes elementos dissonantes que incluem telecomunicações, fios elétricos e vários edi cios degradados que acompanham os arruamentos. Há problemas a nível de drenagem de águas e necessidade de melhorar circulação e estacionamento. Nas intervenções em espaço público, será introduzida a zona 30 e valorizados os eixos estruturantes Nascente/Poente (Nossa Senhora da Conceição à Capela do Senhor e Norte/Sul (Mata da Carvalhada ao Parque Florestal), circulação pedonal desde o bairro até ao núcleo urbano da vila, arranjo urbanís co no santuário e nos lavadouros do bairro, entre outras propostas de um plano projetado para uma década. Na plateia, houve várias intervenções de residentes na encosta nascente da sede de concelho, rela vas a águas e saneamento, acessibilidades, higiene pública e urbanismo.

CASTANHEIRO REDONDO COM MELHORES ACESSIBILIDADES ...................................................... Na apresentação pública rela va ao Plano de Pormenor de Castanheiro Redondo (12 de outubro no auditório do Palacete Silva), o presidente do Município, Alberto Machado anunciou a intervenção do principal acesso ao bairro situado na encosta poente da sede de concelho. Nesse sen do, avança a requalificação da rua do Castanheiro Redondo desde a capela de S. Domingos até ao largo con guo a Vila Pouca dos Pequeninos. O acesso inclui asfalto e cubo visando conciliar peões e automóveis. Na zona dos lavadouros públicos, que permanecem no local, a via será alargada e haverá sete lugares de estacionamento. Outra das propostas em espaço público viabilizada é a designada Zona 30 em que, através de sinalé ca, desenho e diversidade de materiais em arruamentos, se pretende compa bilizar a circulação de pessoas e viaturas. Depois, há outras propostas para melhoria do espaço público (exemplos: aqueduto no Roxo, entroncamento na Fonte Nova, modernização do coreto, espaços verdes) e do espaço privado (edificação de prédios, eliminação progressiva de dissonâncias arquitetónicas, loteamento). Ainda no domínio da reabilitação foram abordados dois elementos iden tários do bairro: o castanheiro e a fonte do mouco. A adesão popular foi efe va e houve várias intervenções de residentes na encosta poente da sede de concelho.


SOCIOECONOMIA | 8

IBERDROLA INVESTE 12 MILHÕES EM PEDREIRA PARA BARRAGENS ...................................................... A pedreira de Gouvães é uma das obras da Iberdrola no que concerne à implementação das barragens, sendo a DST a empresa responsável pela empreitada, cuja instalação está prevista em cerca de 12 milhões de euros. A pedreira será implementada com uma forte componente tecnológica, através de equipamento muito sofis cado e, no pico de exploração, prevê-se que haja cerca de trinta pessoas a laborar no local. A Iberdrola, representada por Sara Hoya, deu a conhecer à comunidade local o projeto da pedreira de Gouvães que foi apresentado por Diana Almeida numa sessão (19 de outubro) onde es veram presentes o presidente do Município, Alberto Machado e o autarca da Freguesia, António Guedes. Algumas pessoas que residem no planalto do Alvão abordaram a empresa rela vamente aos acessos às propriedades. Através da construção das instalações e exploração de filões de granito, a Pedreira de Gouvães vai produzir britas e areais que servirão para produção de betões de barragens do Sistema Eletroprodutor do Tâmega. Os trabalhos iniciais envolvem, sobretudo desmatação, montagem de equipamentos, vedação e melhoria de acessos da estrada nacional 2 à entrada da pedreira. A fase de exploração iniciará em 2017. Nesse sen do, a Capital do Granito vai receber um novo inves mento, do qual é de relevar a super cie da pedreira (274.775m2), a super cie da área de exploração (132.933m2), a super cie da área de instalação (141.831m2) e a produção (2.040.358 toneladas).

FORMAÇÃO DE SOLDADORES PARA BARRAGENS ...................................................... O presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado convidou representantes da empresa Andritz Hydro e do Ins tuto de Soldadura e Qualidade no intuito de se realizar um curso de formação para 30 pessoas, que deverá decorrer entre os meses de janeiro e maio de 2017. Alberto Machado reuniu a 26 de outubro nos paços do concelho com representantes da empresa e do ins tuto no sen do de haver uma parceria para uma formação especializada para soldadores em aço e, de seguida, a comi va fez uma visita de trabalho ao parque empresarial de Vila Pouca de Aguiar, que é um dos locais onde existe a possibilidade de se instalar o curso. Com a formação a realizar-se, o ins tuto passa uma cer ficação ao formando que na prá ca é uma carta profissional que abre portas na respe va área. A empresa é responsável pelas obras de soldadura previstas para as barragens na região em que serão u lizadas dez mil toneladas de aço, pelo que, alguns dos formandos poderão ter, a par r do mês de junho, trabalho garan do em cerca de dois anos e meio e, posteriormente, com a possibilidade de con nuar a trabalhar integrado na empresa.


SOCIOECONOMIA | 9

ENTREGA DO 1º CABAZ BEBÉ MARCA O INÍCIO DE INCENTIVOS AO NASCIMENTO E PRIMEIRA INFÂNCIA, FAMÍLIAS E FIXAÇÃO DE JOVENS CASAIS ......................................................

A I L Í M A F À O I O P A . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ............. R

OUCA DE AGUIA

ILA P MUNICÍPIO DE V

CONHEÇA AS VANTAGENS E MAIS INFORMAÇÕES NO BALCÃO DE ATENDIMENTO DA CÂMARA MUNICIPAL OU ATRAVÉS DO SITE WWW.CM-VPAGUIAR.PT

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ............

O apoio financeiro do Município ao nascimento e à primeira infância começou a ser distribuído a 15 de novembro com o presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado a entregar o primeiro cabaz bebé aos pais de Maria Benedita Gonçalves. Na entrega do cabaz bebé, o presidente da Câmara, Alberto Machado referiu que se trata de um ato simbólico. O autarca sublinhou que para inverter o despovoamento é necessário que haja, a nível nacional, uma polí ca de diferenciação de territórios focada em valorizar o que se produz localmente. Sandrina Fernandes, a mãe da menina que tem pouco mais de um mês, recebeu o cabaz que considerou ser um incen vo muito bom. O cabaz bebé inclui um conjunto de higiene, termómetro por infravermelhos, embalagens de fraldas e toalhitas, chupeta, manta, gorro, biberão, conjunto de banho, entre outros produtos. Além deste cabaz, os auxílios ao nascimento e à primeira infância incluem compar cipação mensal para os primeiros ensinamentos junto da comunidade (creche, ama ou serviço similar), apoio em bens e géneros adquiridos no concelho (medicamentos, consultas, equipamentos, alimentação, e outros), compar cipação de 15% nas vacinas an -rotavírus e an -meningocócica, entre outros produtos. Além dos auxílios ao nascimento e à primeira infância, o regulamento criado pelo execu vo de Alberto Machado dá ainda apoio às famílias e à fixação de jovens casais.


SOCIEDADE | 10 A modernização das instalações da Escola Básica e da Secundária de Vila Pouca de Aguiar, em especial com a remoção de amianto nos dois edi cios escolares, vai avançar através de uma verba de 510 mil euros, dos quais 85% são suportados através do programa operacional regional Norte 2020, e os restantes por Município e Estado.

ELIMINAÇÃO DE AMIANTO EM ESCOLAS AGUIARENSES ......................................................

A co r ro b o ra r a a s s i n at u ra d o Pa c to p a ra o Desenvolvimento e Coesão Territorial (agosto de 2015) e o acordo de colaboração entre o Município e o Ministério da Educação (setembro de 2016), a requalificação do parque escolar (que integra uma empreitada mais abrangente com a escola de Campo de Jales) vai a reunião de Câmara para abertura de concurso público da obra. Na qualidade de dono da obra cabe ao Município assegurar a elaboração dos projetos de arquitetura e das especialidades para a ampliação e modernização do edi cio e dos arranjos exteriores incluídos. Além de subs tuir o fibrocimento nos telhados e corredores entre os edi cios, a empreitada nas instalações da Escola Básica e da Secundária inclui colocação de caixilharias, pinturas, arranjos, e outras obras.

PROJETO DE RESOLUÇÃO SOBRE PEDRAS SALGADAS APROVADO ......................................................

O projeto de resolução sobre Pedras Salgadas foi aprovado a 14 de outubro em Assembleia da República, por maioria. O Projeto agora apresentado pelo Par do Ecologista Os Verdes refere-se ao projeto PIN (Projeto de Interesse Nacional) em Pedras Salgadas. A proposta foi aprovada com os votos favoráveis de Par do Ecologista Os Verdes (PEV), Par do Comunista Português (PCP), Par do Social Democrata (PSD) e Pessoas Animais Natureza (PAN). O Par do Socialista (PS) e o Centro Democrá co Social (CDS) abs veramse.

No plenário, uma comi va de aguiarenses, residentes no concelho e na capital portuguesa, assis u com agrado à aprovação da medida pelo parlamento português. Logo pela manhã, foram muitos os que saíram de Pedras Salgadas rumo a Lisboa, num autocarro do Município, para assis r à sessão parlamentar da Assembleia da República.


SOCIEDADE | 11

MOSTRA GASTRONÓMICA COM MUITOS SABORES ......................................................

Foram dois dias a escoar produtos regionais e a servir dezenas de refeições à base de cogumelos, castanhas, cabrito ou vitela maronesa. A 12 e 13 de novembro, a XV Mostra Gastronómica de Vila Pouca de Aguiar disponibilizou os melhores produtos regionais e várias propostas para desfrutar da natureza envolvente. Nesta edição, houve um aumento de adesão de restaurantes e também as pastelarias com o doce de aguiar (à base de castanhas) e o pastel de aguiar (à base de cogumelos) quiseram fazer parte do mais importante evento de gastronomia local. Nesse sen do, houve quinze restaurantes com pratos associados ao cabrito, castanhas e cogumelos e outros produtos da gastronomia regional, sendo de destacar a conhecida míscarada por ser um refogado de cogumelos tão caracterís co no outono. Nesta altura de São Mar nho, também os fins de semana gastronómicos (inicia va promovida pela Turismo do Porto e Norte de Portugal) realçaram várias iguarias gastronómicas regionais fornecidas pelos restaurantes locais. Fruto da colaboração entre Município e empresários locais, EHATB, AE Corgo, Academia Micológica, Aguiarfloresta, Grupo de Caminheiros e Teatro Filandorra, a XV Mostra Gastronómica disponibilizou a vidades ao ar livre (caminhada, apanha de cogumelos, e outras) e dentro de portas (cozinha ao vivo, concursos temá cos, teatro e música).

CEBOLAS E MÉIS ENTREGUES ÀS INSTITUIÇÕES SOCIAIS ...................................................... As cebolas que serviram de cenário no recinto da Feira das Cebolas (420 cabos) foram distribuídas pelas Ins tuições Par culares de Solidariedade Social do concelho. E cerca de duas dezenas de frascos de méis, que integraram os concursos temá cos (qualidade e rótulos) na feira anual que decorre na vila termal, também foram entregues às ins tuições sociais concelhias. A tulo simbólico, o presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado procedeu a 10 de outubro ao início da entrega de sessenta cabos de cebolas no Centro Social Nossa Senhora de Lurdes em Pedras Salgadas. O autarca, que se fez acompanhar do presidente da Junta de Freguesia de Bornes de Aguiar, Rogério Mar ns, também entregou frascos de méis. As ins tuições sociais que receberam cebolas e méis: Centro Social Nossa Senhora de Lurdes em Pedras Salgadas; Centro Social e Comunitário Nossa Senhora de Fá ma em Vila do Conde; Centro Social Comunitário do Planalto de Jales em Alfarela de Jales; Centro Social Nossa Senhora do Extremo em Tourencinho; Centro Social de Santa Senhorinha de Vilarelho; Centro Social e Paroquial Padre Sebas ão Esteves e Santa Casa da Misericórdia, em Vila Pouca de Aguiar.


OBRAS | 12

Consignação da empreitada Requalificação do Largo do Eiró em Raiz do Monte

Consignação de Pavimentação em Ferreirinho

Consignação de Pavimentação em Outeiro

Consignação de Pavimentação em Zimão

Empreitada Requalificação de Acesso ao Cemitério de Capeludos

Início de Requalificação do Largo Principal da Freixeda


OBRAS | 13

Consignação da empreitada Alargamento da Rua Central e execução de abrigo de passageiros em Bragado

Consignação da empreitada Pavimentação da ligação de Granja a Trêsminas, em colaboração com Conselho Dire vo

Consignação da empreitada Pavimentação da Rua do Penaçal em Carrazedo da Cabugueira

Consignação da empreitada Repavimentação da ligação de Filhagosa a Revel

CONFIRA A ATIVIDADE DO MUNICÍPIO ATRAVÉS DO QR CODE

Consignação da empreitada Requalificação das envolventes da escola e da igreja em Valoura


DESPORTO | 14

CONTRATOS PROGRAMA COM TODAS AS COLETIVIDADES DESPORTIVAS ...................................................... O apoio financeiro do Município às cole vidades despor vas para a época despor va 2016/2017 será de 109.200 Euros. A medida foi aprovada por maioria em reunião de Câmara (27 de outubro). A compar cipação financeira da autarquia será por via de contrato-programa com as cole vidades q u e t ê m p rá c a d e s p o r v a fe d e ra d a e calendarizada, a saber: Associação Despor va de Tresminas, Casa S.L. Benfica, CTM, Juventude de Pedras Salgadas, Sabroso Sport Clube, Sport Club de Vila Pouca. As modalidades despor vas federadas são atle smo, basquetebol, ciclismo, futebol e futsal. Os contratos-programa compreendem o período entre os meses de setembro e agosto, de acordo com os planos de desenvolvimento das respe vas é p o c a s d e s p o r va s a p re s e n ta d o s p e l a s associações. A compar cipação será realizada em três tranches, sendo que a primeira deverá ocorrer até ao final do próximo mês de novembro. As duas restantes estão previstas para o ano de 2017, nos meses de janeiro e junho. Além do apoio monetário que a autarquia concede às cole vidades despor vas através de protocolos (quer por época despor va, quer por ano civil) e de apoios ocasionais (por exemplo, eventos associa vos), há ainda um forte apoio logís co às associações através da disponibilização de transporte para as equipas e pela disponibilidade de vários equipamentos municipais para prá ca despor va regular.

ANDRÉ PIRES ENTRE OS MELHORES NO ...................................................... GRANDE PRÉMIO DE MACAU André Pires foi um dos quatro pilotos portugueses (mais André Couto, António Félix da Costa e Tiago Monteiro) que par ciparam na 63ª edição do Grande Prémio de Macau que foi recebido pelo Consulado Geral de Portugal em Macau e Hong Kong pela brilhante prestação na prova despor va (foto ob da pelo consulado). O atleta que tem no Município um dos seus principais patrocinadores conseguiu terminar a prova num excelente 19º lugar. André Pires publicou um agradecimento a todos os que o apoiam e mostrou-se sa sfeito por estar no meio dos mais fortes.

LUIS MIGUEL SARAIVA ENTRE OS MELHORES ATLETAS ...................................................... Há muitas pessoas em Vila Pouca de Aguiar que veem quo dianamente um jovem que está sempre a correr e talvez já se tenham perguntado quem é… Luis Miguel Saraiva iniciou a prá ca de atle smo no CTM - Centro de Treinos Municipal, onde esteve duas épocas (2015 e 2016) e neste momento representa o Spor ng Clube de Braga. Este jovem atleta já venceu várias provas na nossa região e a nível nacional a ngiu recentemente o 7º lugar na classificação no Cross de Torres Vedras, tendo publicado que está orgulhoso por estar num nível tão próximo da elite nacional. Em suma, os munícipes podem incen var o Luis Miguel quando o virem a treinar na variante ou no complexo despor vo (foto ob da na sua página do facebook).


DESPORTO | 15

VILA POUCA DE AGUIAR CONSIDERADO MUNICÍPIO AMIGO DO DESPORTO 2016 ......................................................

A Associação Portuguesa de Gestão de Desporto em conjunto com a plataforma on-line Cidade Social premiaram o Município de Vila Pouca de Aguiar pelas "boas prá cas na gestão/organização/dinamização da prá ca despor va". A Câmara Municipal foi informada que, após uma análise preliminar efetuada, Vila Pouca de Aguiar foi considerado Município Amigo do Desporto 2016, um galardão entregue no dia 19 de novembro em Setúbal. Nesse dia, em que marcou presença o vereador do desporto, Duarte Marques, conheceuse a pontuação final do Município e uma análise comparada com os restantes municípios que ob veram mais de 100 pontos e, nesse sen do, também receberam o respe vo galardão. Para analisar o setor no concelho foram avaliados vários componentes, tais como, estratégia, carta despor va, organização e gestão, desporto solidário, instalações, entre outros. Na sequência do cumprimento do caderno de encargos referente a este prémio nacional, a organização felicitou o Município pelo "trabalho desenvolvido na área do desporto".


COMUNIDADE | 16

...................................................... CÂMARA MUNICIPAL E UNIVERSIDADE SÉNIOR TERRAS DE AGUIAR ESTABELECEM PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO ...................................................... A Câmara Municipal e a Universidade Sénior Terras de Aguiar (USTAG) estabeleceram um protocolo de colaboração para o cumprimento de um plano de a vidades educa vas e forma vas da população sénior. O acordo, rubricado a 28 de novembro, estabelece que o Município ceda as instalações do edi cio da casa da cultura (an ga estação CP) e uma compar cipação financeira. O acordo é válido pelo período de um ano, renovável por sucessivos períodos. A USTAG tem de apresentar um relatório de a vidades até 15 de junho. Refira-se que um mês antes da celebração deste acordo, o presidente da Câmara, Alberto Machado marcou presença na cerimónia de abertura do ano le vo da Universidade Sénior Terras de Aguiar onde marcaram presença a diretora da Universidade, Teresa Gonçalves, o diretor do Agrupamento Escolar, José Teixeira, e vários membros da direção, docentes e alunos da USTAG.


COMUNIDADE | 17

......................................................

APROXIMAR AVÓS E NETOS AGUIARENSES ...................................................... A Câmara Municipal iniciou em Sabroso de Aguiar o projeto "Aproximar avós e netos aguiarenses" em parceria com a associação Leque, que visa encurtar a distância dos nossos idosos aos seus familiares emigrados, com recurso a videochamadas. O presidente da Câmara, Alberto Machado e o presidente da Junta, Filipe Serôdio es veram presentes no início da inicia va (27 de novembro). Sob o lema "respeitar as pessoas idosas é tratar o próprio futuro com respeito", as pessoas podem aderir, desde já, através de formulário, disponível no sí o do Município, www.cm-vpaguiar.pt Este projeto, que conta com a colaboração da Leque Associação de Pais e Amigos de Pessoas com Necessidades Especiais, irá aproximar avós e netos através de tecnologias de informação e comunicação e será replicado em todas as freguesias.

MATEUS JÚLIO E MARCO NOTÁRIO CAMPEÕES NA EQUITAÇÃO DESPORTIVA ADAPTADA ......................................................

O Centro de A vidades Ocupacionais tem efetuado várias a vidades que aumentam a sa sfação dos respe vos utentes, quer a nível cultural quer a nível despor vo. A nível cultural, é de realçar as várias a vidades executadas por utentes e técnicos do CAO, apadrinhadas pelo pároco António Paulo, de entre as quais a celebração do 1º aniversário que juntou muita gente no salão paroquial. Nesse dia, 7 de outubro, houve representação teatral com música e o convívio contou com a presença do presidente da Câmara, Alberto Machado, de mais autarcas do execu vo, encarregados de educação e amigos do CAO. A nível despor vo, é de salientar que na 1ª Prova de Equitação Norte - Special Olympics Portugal, des nada a pessoas com necessidades especiais, Mateus Júlio e Marco Notário arrecadaram o 1º e 2º prémios na prova com o Nivel C - CS, que contou com 27 par cipantes. Os atletas aguiarenses, integrados no Centro Hípico de Pedras Salgadas através do CAO, ob veram brilhantes prestações na prova no Centro Hípico do Porto e Matosinhos, organizada pela Associação Equiterapêu ca do Porto e Matosinhos (realizada a 27 de outubro).


FREGUESIAS | 18

Reunião de Câmara de 27 de outubro decorreu na sede da Junta do Alvão. O autarca Domingos Luzia deu as boas-vindas aos presentes (no cia na página 6).

Protocolo de cooperação financeira e técnica entre Município e Junta de Freguesia de Alvão (alargamento da ponte no acesso a Vidoedo e pavimentação da rua do Boco em Gouvães da Serra).

Protocolo de cooperação financeira e técnica entre o Município e a Junta de Freguesia de Valoura (em Vila do Conde, execução de muro na rua Central e muro de acesso ao polidespor vo).

Parceria entre Câmara Municipal e Junta de Bornes de Aguiar para realização de obras na rua da Tapada em Pedras Salgadas.

Protocolo para cedência de instalações da an ga escola primária à Associação Recrea va de Montenegrelo e Freiria.

......................................................

A EDP Distribuição colocou em exploração um novo posto de transformação no lugar da Carrica, freguesia de Telões, para melhorar a qualidade de serviço dos moradores

......................................................


FREGUESIAS | 19

......................................................

ALDEIA DE FONTES COM NOVOS EQUIPAMENTOS ...................................................... REUNIÃO DE CÂMARA EM PEDRAS SALGADAS INTEGROU 14 ASSUNTOS ...................................................... A reunião de Câmara que se realizou na sede da Junta de Freguesia de Bornes de Aguiar, localizada no Centro de Serviços Públicos de Pedras Salgadas, integrou 14 pontos da ordem de trabalhos, sendo 13 aprovados por unanimidade e um por maioria.

A localidade de Fontes, na freguesia de Soutelo de Aguiar, vai obter melhorias a nível de acessibilidades e equipamentos sociais. A apresentação pública referente a novos inves mentos da autarquia decorreu a 25 de novembro e contou com a presença do presidente da Câmara, Alberto Machado e do presidente da Junta, António Gonçalves. A an ga escola primária vai ser reabilitada e terá um novo uso em conformidade com a vontade da comunidade. Nesse sen do, foi apresentado o projeto da casa mortuária de Fontes, cujo projeto estará concluído no mês de janeiro. Prevê-se que o início da obra aconteça no final do primeiro trimestre de 2017. A reabilitação da escola de Fontes inclui a requalificação dos espaços exteriores. O que está previsto que avance mais cedo é a pavimentação da rua do Mortol, dado que a obra deste novo acesso já está a concurso. Ambos os projetos foram concebidos pelos serviços municipais por forma a valorizar esta localidade do vale de Aguiar.

Nesse sen do, e após o deferimento da ata da úl ma reunião, seguiu-se a aprovação dos seguintes pontos: Celebração de protocolo com a empresa Iberdrola para financiamento de medida de compensação para património cultural; Auto de doação por parte da empresa Iberdrola; Minuta do contrato referente à conclusão dos subsistemas de drenagem de águas residuais; Minuta do contrato para exploração do quiosque da praça Luís de Camões; Protocolo de cedência de instalações para formação de seguranças; Revogação do protocolo de cedência de instalações com o conselho dire vo da Lagoa; Protocolo de cedência de instalações com a junta de freguesia de Bragado; Alteração do regulamento Autarquia Jovem (por maioria); Concurso para a criação do logó po do Conselho Municipal de Juventude; Protocolo de colaboração com a rede de autarquias par cipa vas; Anulação de deliberação camarária referente ao pagamento de refeições à ACAR no âmbito do campo de férias da Páscoa; Compar cipação financeira ao Moto Club do Corgo referente ao Portugal Lés-a-Lés; Protocolo de colaboração com a associação Leque no âmbito do projeto Aproximar avós e netos aguiarenses. No final da reunião (24 de novembro), houve várias intervenções que culminaram com o autarca anfitrião Rogério Mar ns a agradecer a presença do execu vo municipal na freguesia. Entre os assuntos abordados pelo público, é de referir o estado de águas residuais em Romanas; saneamento; um troço da estrada de S. Mar nho; acesso à barragem romana de Outeiro (Tinhela de Baixo); um troço da estrada regional 206, desde a sede de concelho até ao caminho florestal de Guilhado.


INICIATIVAS | 20

No âmbito da valorização das Minas de Jales, o presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado, que se fez acompanhar pelo presidente da Junta, Norberto Pires, realizou uma visita ao Complexo Mineiro de Aljustrel, tendo sido agraciado pelo presidente da Câmara de Aljustrel, Nelson Brito. Refira-se ainda que os autarcas aguiarenses também visitaram o Centro Ciência Viva de Lousal.

Os autarcas de Vila Pouca de Aguiar, Alberto Machado, e de Fabero Del Bierzo, Mari Paz Ramón, encontraram-se em Valladolid onde aproveitaram para estabelecer relações recíprocas nos respe vos territórios que, em grande parte, se associaram pela tradição mineira existente (complexo mineiro de Jales e complexo mineiro de Fabero).

Escritura da Associação da Rota da Estrada Nacional 2 em cerimónia que decorreu em Santa Marta de Penaguião.

O presidente da Câmara, Alberto Machado marcou presença no ato de entrega de cinco equipamentos de proteção individual que o Intermarché Aguiarense, gerido por António Pedro ofereceu à associação dos Bombeiros Voluntários, dirigida por José Eduardo.

......................................................

......................................................

......................................................

......................................................

Vila Pouca de Aguiar preside à Federação Europeia dos Caminhos de San ago através da qual se realizou em Vilnius, Lituânia, uma conferência de Rotas Culturais.

A Biblioteca Municipal promoveu o Atelier de Natal com os utentes. dos lares e centros de dia, que se diver ram a elaborar a árvore daquele espaço municipal.


CULTURA | 21

Boas Festas e Feliz Ano 2017 EM AGENDA ...................................................... VÁRIAS ATIVIDADES ATÉ 31 DE JANEIRO ...................................................... 17 DEZEMBRO | 16H30 | CINETEATRO MUNICIPAL CONCERTO DE NATAL BANDA MUSICAL DO PONTIDO Org: Banda Musical do Pon do Col. Município de Vila Pouca de Aguiar

......................................................

ATÉ 20 DEZEMBRO | 14H30 | BIBLIOTECA MUNICIPAL VISUALIZAÇÃO DO DOCUMENTÁRIO «O ARQUIVO SECRETO DO VATICANO» Este documentário assume-se como fundamental para o conhecimento da história, polí ca, religião e da sociedade no quadro das relações de Portugal com o Va cano.

......................................................

Org: Município de Vila Pouca de Aguiar

ATÉ 30 DEZEMBRO | BIBLIOTECA MUNICIPAL EXPOSIÇÃO BIBLIOGRÁFICA DAS OBRAS MAIS RELEVANTES SOBRE O CRISTIANISMO

ATÉ 20 JANEIRO 2017 MUSEU MUNICIPAL PE. JOSÉ RAFAEL RODRIGUES EXPOSIÇÃO DE PINTURA «TRAÇOS, CHEIROS E TONALIDADES» EXPOSIÇÃO COLETIVA DE PINTORES AGUIARENSES: MARIA AUGUSTA - MARIA PATULEIA - CARLA SANTOS ORLANDO SILVA. SOB O TEMA «CABRITO, CASTANHA E COGUMELOS» Org: Município de Vila Pouca de Aguiar

......................................................

DEZEMBRO E JANEIRO 2017 LOJA INTERATIVA DE TURISMO | PEDRAS SALGADAS 2ª EDIÇÃO DA EXPOSIÇÃO «PRESÉPIOS PARTICULARES» Org: Município de Vila Pouca de Aguiar

Organização: Município de Vila Pouca de Aguiar

......................................................

ATÉ 7 JANEIRO 2017 | VILA POUCA DE AGUIAR EXPOSIÇÃO DE PRESÉPIOS DE NATAL Org: AECORGO Col: Município de Vila Pouca de Aguiar - No cias de Aguiar - Rádio Clube Aguiarense

CONFIRA A ATIVIDADE DO MUNICÍPIO ATRAVÉS DO QR CODE


GRUPOS | 22

Comissão de Proteção de Crianças e Jovens, Município e Agrupamento de Escolas com ação de sensibilização para a proteção das crianças contra a exploração sexual e abuso sexual.

......................................................

Comi va da visita técnica ao Porto Welcome Center e apresentação pública da Mostra Gastronómica 2016.

...................................................... Fotografia Onda Rosa na campanha de sensibilização para a prevenção do cancro da mama.


CONTACTOS | 23

TELEFONES ÚTEIS ( Município de Vila Pouca de Aguiar: Geral - 259 419 100 Linha Verde - 800 203 472 Piquete - 966 816 120 Proteção Civil - 961 537 535 Bombeiros Voluntários - 259 419 140 GNR (VPA) - 259 416 543 GNR (Pedras Salgadas) - 259 434 165 Centro de Saúde - 259 419 460 Junta de Freguesia de Bornes de Aguiar - 259 434 390 Junta de Freguesia de Alfarela de Jales - 938 623 578 Junta de Freguesia de Alvão - 259 403 027 Junta de Freguesia de Bragado - 259 434 808 Junta de Freguesia de Capeludos de Aguiar - 276 908 040 Junta de Freguesia de Pensalvos/Parada de Monteiros - 259 434 400 Junta de Freguesia de Sabroso de Aguiar - 259 433 035 Junta de Freguesia de Soutelo de Aguiar - 259 416 342 Junta de Freguesia de Telões - 259 469 250 Junta de Freguesia de Tresminas - 938 619 036 Junta de Freguesia de Valoura - 925 648 482 Junta de Freguesia de Vila Pouca de Aguiar - 259 417 590 Junta de Freguesia de Vreia de Bornes - 925 648 464 Junta de Freguesia de Vreia de Jales - 259 416 085 Biblioteca Municipal - 259 419 027 Museu Municipal - 259 403 103 Piscina Municipal - 259 419 025 Centro Hípico de Pedras Salgadas - 962 406 051 Loja Intera va de Turismo - 259 439 000 Centro Interpreta vo de Tresminas - 259 458 091

Tribunal Judicial - 259 419 260 Conservatória - 259 419 440 Finanças (Geral) - 259 419 300 Tesouraria da Fazenda Pública (Finanças) - 259 419 305 Segurança Social - 300 522 790 Farmácia Central - 259 417 105 Farmácia Figueiredo - 259 403 050 Agrupamento de Escolas de Vila Pouca de Aguiar - 259 419 480 EDP Distribuição (Assistência) - 800 506 506 CTT Posto dos Correios - 259 419 120 Coopera va Agrícola - 259 417 122 Ancabra - 259 417 028 Aguiarfloresta - 259 417 634 / 259 417 637 Jornal No cias de Aguiar - 259 046 652 Rádio Clube Aguiarense - 259 417 874 Ecoambiente - 800 204 505 Direção Regional de Agricultura e Pescas do Norte - 259 419 180 Delegação Local da Cruz Vermelha Portuguesa - 932 287 017 Escola de Pedras Salgadas - 259 434 350 Centro de Saúde de Pedras Salgadas - 259 434 271 Farmácia Mar ns - 259 434 164 AIGRA - Associação de Granitos - 259 438 043 Farmácia de Jales - 259 458 137 Santa Casa da Misericórdia - 259 401 567 Centro Social e Paroquial Padre Sebas ão Esteves - 259 402 318 Centro Social Nossa Senhora de Lurdes - 259 431 324 Centro Social Nossa Senhora do Extremo - 259 468 028 / 259 468 051 Centro Social Comunitário do Planalto de Jales - 259 459 000 Centro Social Santa Senhorinha - 259 457 338 Agrupamento de Defesa Sanitária (ADS) - 932502384 / 259 100 192

FICHA TÉCNICA RUMOS D' AGUIAR Revista de informação municipal Edição Nº 84 - Ano 15 Emi da: Dezembro de 2016

Diretor: Presidente da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar Dr. António Alberto Pires Aguiar Machado Revista coordenada pelo GAP Gabinete de Apoio ao Presidente Produção de conteúdos: João Cláudio P. Lamas Designer gráfico: Philippe Ferreira Fotografias: Espólio da Câmara Municipal Gráfica: Minerva Transmontana, Tip.,Lda. Impressão: 5.000 exemplares.

Empresa proprietária: Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar (NIFº 506810267) Rua Dr. Henrique Botelho, 5450 - 027 Vila Pouca de Aguiar www.cm-vpaguiar.pt Obs: se deseja receber gratuitamente a revista, envie-nos nome e morada: imprensa@cm-vpaguiar.pt


A I L Í M A F À O I O AP ......... R A I U G A E D A C IO DE VILA POU

MUNICÍP ......................

.....

CONHEÇA AS VANTAGENS E MAIS INFORMAÇÕES NO BALCÃO DE ATENDIMENTO DA CÂMARA MUNICIPAL OU ATRAVÉS DO SITE WWW.CM-VPAGUIAR.PT

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ..............

INCENTIVO E APOIO À FIXAÇÃO DE JOVENS CASAIS

APOIO ÀS FAMÍLIAS AUXÍLIO AO NASCIMENTO E À PRIMEIRA INFÂNCIA

Rumos D' Aguiar  

Revista de Informação Municipal com destaque para cooperação internacional entre Tresminas e Las Médulas.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you