Issuu on Google+

 

Igreja Metodista Central em Goiânia Rua 20, n° 448 - Centro (62) 3224.1087 metodistagoiania@terra.com.br

DISCÍPULAS E DISCÍPULOS NOS CAMINHOS DA MISSÃO

Formam uma comunidade de fé, comunhão e serviço

IMCG, 72 anos transformando vidas.


Mensagem Pastoral

“CHAVES”

“Disse Jesus: E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus”. Mt. 16:19

Virada de ano é tempo de avaliação! 2014 pode ser diferente, desde que não seja apenas mais uma virada no calendário. Dias atrás, incomodado pela quantidade de chaves que carregava em meu bolso – molho de chaves –, decidi fazer um levantamento das que eram obsoletas. Levei um susto! Percebi que algumas chaves não eram úteis, uma vez que as respectivas fechaduras haviam sido substituídas; outras, eram de portas que não mais existiam. Algumas eram de lugares que não mais frequento. Constatei que carregava em meus bolsos e pastas volumes desnecessários. O dono das chaves conhece cada uma delas! Pense nisso: você não precisa de identificação das chaves que você usa. Os outros, sim: ao utilizarem as nossas, precisam de identificação de cada uma delas; nós, não. Conhecemos cada chave! Sabemos onde e quando as utilizarmos. Algumas, como no meu caso, foram úteis, mas, agora, se atentarmos para elas, descobriremos que são obsoletas. Existem diversos tipos, no entanto. Algumas não as carregamos nos bolsos ou pastas, mas no coração. Todos carregamos chaves emocionais! Chaves são úteis para abrir e fechar. Liberar ou manter guardado. Geram segurança e permitem que vivamos tranquilos (ou impedem que prossigamos rumo a outras etapas na caminhada da vida). Quais serão úteis em 2014? Pensando nas emocionais, podemos aproveitar essa virada de ano para uma avaliação dos molhos que carregamos: viagens e férias podem abrir um tempo de descanso e renovação das energias para os desafios de um novo ano; diplomas e certificados são importantes chaves, podem conferir oportunidades de concursos e novos empregos que trarão possibilidades de melhora na qualidade de vida; quitação de dívidas e reorganização financeira são chaves imprescindíveis para um futuro promissor; relacionamento saudável com Deus com as pessoas oportunizam estabilidade espiritual e emocional para uma qualidade de vida identificada como abundante. Ao avaliarmos as chaves emocionais poderemos descobrir algumas que devem se tornar obsoletas, se ainda não o são. E, assim, serem removidas dos molhos do nosso coração. Quais? Exemplifico: Mágoas, amarguras, ressentimentos, vícios, comportamentos doentios e pecaminosos; enfim, situações que pesam em nossa vida e nos impedem de avançarmos rumo aos projetos que Deus tem para nós. Avalie com cuidado! Talvez, você esteja carregando algumas emoções que pertencem a “portas e cofres” que nem mais existem. Por que continuar com esse peso desnecessário? Para que 2014 não seja, simplesmente, mais uma mudança de calendário é importante que haja mudança e abandono de algumas chaves do passado. Porém, ao pensarmos nisso, temos medo de descartarmos algumas chaves que, no futuro, poderão ser necessárias. Como ter certeza que algumas emoções do passado não serão úteis no futuro? Jesus Cristo, pensando nisso, apresentou para sua Igreja (nós) uma única chave. Tal chave fecha as portas que poderão trazer complicações desnecessárias para nossa vida e abre as melhores portas, possibilitando oportunidades reais que tornarão a vida verdadeiramente feliz. Que chave é essa que Ele nos concedeu? A ORAÇÃO. Quer saber se funciona? Utilize-a agora mesmo! Ore para que Deus, por meio de Jesus Cristo, remova da sua vida as emoções (chaves) do passado – recente ou remoto –, e, para que O Espírito Santo abra oportunidades novas e abençoadoras. 2014 se apresenta com muitas oportunidades, aproveite cada uma delas. Para isso, utilize a chave que Deus disponibiliza. Qual o segredo desta chave? JESUS CRISTO! Ore em nome dEle!

Com carinho, seu pastor Edinei Reolon


Mensagem Pastoral

“Metodismo e a Visão do Discipulado”

A Igreja Metodista tem experimentado uma mudança de paradigma. Essa mudança está acontecendo na visão, estrutura e funcionamento da igreja local: o resgate da prática da Igreja Primitiva de se reunir nos lares. Há muitos anos, diversas igrejas têm promovido células ou grupos pequenos. Porém, apenas como mais um dentre muitos ministérios. A visão da igreja neo-testamentária, entretanto, era bem diferente. Na Igreja Primitiva, os cristãos se reuniam nos lares não como uma opção, e sim porque nos lares o cuidado era real, através das atitudes (At. 2:46, 47). Assim, o crescimento qualitativo e quantitativo era visível. Hoje, a grande crise que encontramos é que algumas igrejas têm esquecido que os discípulos perseveravam unânimes no templo e a consequência desta concepção é o preconceito, medo e rejeição da prática de se reunir nos lares. Além das células, restauramos o estilo de discipulado de Jesus que denominamos: “Modelo de Discipulado Apostólico (MDA)”, priorizando o discipulado um a um. Na visão do “MDA” é possível à igreja local ganhar multidões para Jesus sem deixar de cuidar bem de cada cristão – é o modelo de discipulado um a um em ação. Para que a visão MDA funcione plenamente é necessária a implantação dentro do grupo pequeno (célula), visto que, o acompanhamento acontece de forma intensa e exclusiva sendo supervisionado pelo líder (discipulador) do grupo. Jesus, sendo o primeiro Apóstolo, demonstrou que o discipulado era um conjunto de fatores que abrangia: convivência, o modelar do ministério, o investir nas pessoas uma a uma, o investimento em grupos de discipulado, orar e congregar juntos. Vemos, depois, os apóstolos e líderes da Igreja Primitiva seguindo esse modelo. A Bíblia deixa bem claro que o “Modelo de Discipulado Apostólico” iniciado por Jesus, continuou. Barnabé foi atrás de Saulo (Paulo) e, obviamente, investiu muito na vida dele. Paulo investiu em Silas, Timóteo, Lucas e outros. A história diz que Pedro investiu muito em João Marcos, e assim por diante. Esse é o “Modelo de Discipulado Apostólico” (Mt. 28:18 a 20; II Tm. 2:2). O MDA trata da visão geral de como a igreja local deve funcionar. O discipulado um a um possibilita que o cuidado seja mais profundo, intenso e específico. Portanto, na Sua rica graça e misericórdia, Deus tem dado uma visão clara e nítida. Uma visão que tem funcionado e produzido frutos permanentes e que tem a plena bênção e confirmação de nossa liderança: A visão do MDA. Tenho certeza que Deus está abrindo portas para continuarmos estabelecendo seu Reino aqui em Goiânia.

Pr. Thiago Amaral

Grupos Familiares “Vigia e Ora” Discipulado é o estilo de vida a ser adotado por cada metodista. Um dos métodos de desenvolvimento deste estilo de vida é o envolvimento e participação efetiva em um grupo familiar (célula). O Rev. J. Wesley (séc. XVIII) sentiu seu coração aquecido pela primeira vez em uma reunião de um Grupo Familiar (célula). Não foi em uma grande catedral, muito menos durante uma concentração de milhares de pessoas, mas sim, em uma pequena reunião. Assim começou o movimento de renovação espiritual que deu origem ao Metodismo. Nosso sonho é que todo metodista participe de uma célula de discipulado. Cremos que também é o sonho de Deus para que cresçamos em qualidade e bênçãos. Oramos para que seja o seu sonho! Momentos de comunhão e consolidação. Viver em comunhão é treinar para a eternidade. É desfrutar, aqui na terra, de um pedacinho do céu. As células oportunizam esta possibilidade real. Antecipam a benção da comunhão e edificação, experimentadas de forma plena na eternidade. Que tal iniciar uma célula em sua casa? Já temos pessoas dispostas para a liderança de novos grupos familiares! Ligue na secretaria (32241087) se informe sobre detalhes e participe. Em 2014 teremos muitas novidades abençoadoras! Ore e se prepare!

Vai Acontecer

Novos Metodistas Domingo, 16 de Fevereiro, acontece mais uma Festa de Recepção dos Novos Metodistas na Central. Profissão de fé e batismo, assunção de votos ou transferência serão os meios pelos quais dezenas de pessoas serão recebidas à comunhão da igreja. Glória a Deus por essas vidas!

Retiro Espiritual de Carnaval Entre os dias 01 e 04 de Março você tem um compromisso! Separe esta data e participe de mais um Acampamento. Tempo de comunhão, edificação e adoração. Reserve seu lugar e se prepare para ser impactado pelo poder de Deus. Mais que chamado, você é um escolhido!


O.P.S

. “Ta tu (21/S agens” et)

Form a Bíbli tura “Ra co” ( 08/D lly ez)

o Jeová Cia. Teatr et) Nissi (29/S

tral Peça Tea 7/Dez) (0 ” o tr “O Encon

Acampakids (11 a 13/Out)

Crianças da A MAI na Central (15/D ez)

xperiência Musical E (25/Out) com Deus

Corrida Bote Fé (24/Out)

Concentração Distrital de Natal (14/Dez)

fantil de Cantata In ez) 4 Natal (1 /D

Apoio:

Rev. Edinei B. Reolon

zian ento Sil Casam (11/Out) lfo e Rodo

Casamento Ta tiana e Flay (19/Out)

ora e nto Déb Casame (30/Nov) Gustavo

Bispo Presidente da 5ª R.E. – Revmo. Bispo Adonias Pereira do Lago Superintendente Missionário Centro-Oeste – Rev. Edinei Berteli Reolon Superintendente Distrital GO I – Rev. Elieser de Oliveira Alves Pastor Titular da IMCG – Rev. Edinei Berteli Reolon Pastor Coadjutor da IMCG – Pr. Thiago Pereira do Amaral Pastor Emérito da IMCG – Pr. Olavo Azevedo Congregação em Bela Vista (GO) – Pr. José Guimarães Costa Congregação no Finsocial – Rev. José Jorge Hermes da Fonseca Congregação em Inhumas (GO) – Pr. Ézio Maurício Berteli Congregação no Jd. Oliveiras – Revda. Maria Aparecida Camargo Ponto Missionário em Goianira (GO) – Pr. Ézio Maurício Berteli Ponto Missionário Ebenezer/Bela Vista (GO) – Pr. J. Guimarães Costa Ponto Missionário em Itumbiara (GO) – Pra. Édina Marta Gonçalves Sousa Ponto Missionário Eldorado Oeste – Rev. José Jorge Hermes da Fonseca Ponto Missionário em Cachoeira Dourada (GO) – Pra. Édina M. G. Sousa Evangelistas Ativo(a)s – Delcina H. Tork, Doralice M. Fleury, Léa B. Meister, Patrícia R. Guimarães, Reinaldo Durante, Suely Sahb, Taniôr Mota e Wilma L. Medeiros

predinei@terra.com.br

Nascim en (Cinthia to Clarice e Niter on)

Pr. Thiago P. Amaral thiago_amaral88@hotmail.com

PROGRAMAÇÃO SEMANAL

Domingo Boletim Informativo Periódico da Igreja Metodista Central em Goiânia, 5ª RE. Os artigos assinados são de responsabilidade dos autores e não refletem necessariamente a opinião da Igreja Metodista. Tiragem – 4.500 unidades DIAGRAMAÇÃO/EDITORAÇÃO ELETRÔNICA – Min. de Comunicação - KEILA REOLON (Publicitária) REVISÃO DA MENSAGEM PASTORAL – Min. de Educação - APARECIDA GONZAGA (Mestre em Teoria e Crítica Literária) e RIGOBERTO SANTOS (Especialista em Língua Portuguesa) IMPRESSÃO – Gráfica Talento

09h - Culto Dominical (Central) 09h - Esc. Dom. (B. Vista, J. Oliveiras, Finsocial, Inhumas, Goianira, Eldorado Oeste e Itumbiara) 10h - Esc. Dom. (Central) 19h - Culto (Central, B. Vista, J. Oliveiras, Finsocial, Inhumas, Goianira, Eldorado Oeste e Itumbiara)

Segunda-feira

20h - Reunião dos Grupos Familiares

Terça-feira

20h - Reunião dos Grupos Familiares

Quarta-feira

14h - Grupo da 3ª Idade 19h - Culto (Central e Bela Vista)

Quinta-feira

20h - Culto (Jd. Oliveiras, Finsocial e Eldorado Oeste)

Sexta-feira

20h - Reunião dos Grupos Familiares

Sábado

19:30h - Culto de Louvor e Adoração (Itumbiara)


A SEARA - dez. 2013.