Page 1

Sumário Executivo Sleep Hotel - Hotel Low Cost As condições naturais e climatéricas de Portugal, o sentido de hospitalidade e a peculiaridade da cultura e longa história, são factores que favorecem o desenvolvimento do turismo como actividade económica. Por isso acreditamos que o desenvolvimento do turismo será determinante para futura prosperidade do país. Encontrámos em aspectos como o crescimento mundial do turismo, a facilidade de mobilidade na Europa, o aumento de companhias aéreas com o conceito de low cost, a futura existência do TGV e do aeroporto da OTA factores circunstanciais relevantes para este projecto. Também durante a análise da viabilidade do Hotel e do seu potencial no mercado português para a implementação deste conceito tivemos em conta: A previsão da IATA (Internacional Air Transport Association) que refere que o número de passageiros na Europa passe dos 480 milhões em 2004, para 610 milhões em 2010, dos quais 180 milhões irão optar pelos serviços low cost, contra os 120 milhões em 2004; E informação da ANA – Aeroportos de Portugal que menciona que, no aeroporto de Lisboa em 2005 recebemos 1,2 milhões de passageiros provenientes das companhias aéras em low cost, que 82% dos passageiros das companhias low cost têm como destino a Região de Lisboa, sendo que 63% ficam alojados na cidade. Pretendemos assim, aproveitar uma oportunidade de negócio cujo mercado tem tido uma evolução surpreendente nos últimos anos: o Turismo Low Cost. Para corresponder a essa necessidade de mercado, iremos implementar um hotel em conceito “low cost” inicialmente em Lisboa, apostando na disponibilização dos serviços essenciais, para uma estada baseada em conforto, higiene, segurança, oferecendo assim uma opção de alojamento adaptada ao poder de compra e correspondendo às necessidades de um publico-alvo, que procura uma solução de alojamento de baixo custo. Trata-se de um segmento de mercado de grande dimensão com tendência para continuar a crescer. Esperamos, através de parcerias, vir a contar com o apoio da edilidade que terá todo o interesse em captar novos viajantes para a cidade, onde a oferta hoteleira é em geral reduzida, assim como, com operadores turísticos que farão a promoção e venda dos serviços do hotel. Após a expansão nacional, trabalharemos a internacionalização do conceito, para as principais cidades europeias.

Sleep Hotel - Hotel Low Cost

1


Objectivos do Sleep Hotel Criar uma marca; Ganhar notoriedade junto dos segmentos-alvo; Inovar no sector de actividade; Atingir uma taxa média de ocupação nos primeiros dois anos de 90%; Internacionalizar a marca e conceito.

Factores de diferenciação Conceito; Preços de alojamento; Serviços disponíveis 24h; Plataforma On-Line; Existência de uma linha verde para reservas; Acessibilidade ao hotel; Rede de transportes; Automação de processos com os clientes.

Este hotel tem como alvos os seguintes segmentos de Mercado Jovens estudantes nacionais e estrangeiros; Jovens casais de rendimentos médios que querem viajar em Portugal e não têm elevada disponibilidade financeira; Turistas estrangeiros que procuram boa localização, baixo custo, conceito multi-cultural do hotel; Profissionais de diversos sectores que têm necessidade de se deslocar em trabalho e que procuram uma solução de baixo custo.

As receitas do hotel serão geradas pelas seguintes fontes: Dormidas; Aluguer dos equipamentos e espaços; Restauração nos locais de convívio; Eventuais patrocínios e promoção de marcas junto destes targets.

Sleep Hotel - Hotel Low Cost

2


Custos de exploração Seis Colaboradores a três turnos – Recepcionista / RH Polivalente; Equipa central inclui uma administrativa/assistente, um gestor financeiro e um administrador/marketeer; Marketing e Divulgação; Office management – Telecomunicações, Electricidade, Água, Gás, etc; Lavandaria, limpeza, manutenção, assistência informática, etc. As rubricas de exploração deste último item poderão ser uma opção de fornecimento em outsourcing.

Investimento Edifício e Equipamento – €2.000.000,00; Marketing e publicidade iniciais – €200.000,00; Recrutamento treino e formação dos colaboradores – €5.000,00; Constituição da empresa, criação e registos da marca – €20.000,00; Market research – €25.000,00 (inclui os custos da equipa de projecto até ao lançamento); Fundo de maneio – €250.000,00.

Riscos Potencial entrada de hotéis low cost de grandes grupos económicos; Eventual falha na comunicação a nível nacional e internacional.

Oportunidades Conceito inexistente em Portugal; Expansão nacional e Internacional; Perda do poder de compra dos consumidores portugueses, que os leva a procurar soluções mais económicas; Implementação de parcerias estratégicas no sector de actividade; Aumento dos consumidores “adeptos” do “conceito low cost”.

Tempo de implementação 8 a 12 meses.

PayBack Aproximadamente 5 anos para recuperar o capital, 18 meses para cash flow positivo.

Sleep Hotel - Hotel Low Cost

3

Projecto - Sleep Hotel  

Projecto para um Hotel Low Cost. Este plano foi criado para a participação no concurso de empreendedorismo Start.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you