Page 1

Diretor: João Filipe Jornal de distribuição gratuita

Nº 358

SEMPRE AO SEU LADO

De 31 de outubro a 06 de novembro de 2010 EDIÇÃO NACIONAL

50.000 E X E M P L A R E S

ACUSAÇÃO REVOGADA

folhadeportugal.pt

Nós pagamos, eles esbanjam 436,70 euros em combustível, 382 euros em telemóveis e 370 euros em alojamento, transporte e alimentação é quanto Sócrates prevê gastar em 2011, por dia. Afinal, a crise não chega mesmo a todos e, enquanto o povo poupa, o Governo gasta P E X ... . 10/11 ORTUGAL

M

EQUE

PÁGS

FOTO: FERNANDO MARTINS

(((site remodelado)))

O Tribunal de Justiça de São Paulo ordenou a anulação de todas as acusações do Ministério Público contra a cúpula da Igreja Universal REPORTAGEM ESPECIAL...PÁG. 12

O ministro das Finanças apresentou o Orçamento

“mais importante dos últimos 25 anos”

SAIBA QUANTO O OE lhe vai custar FOTO: LUSA/NMÁRIO CRUZ

■ Os cortes por categoria nas pensões e no abono de família ■ As novas regras no subsídio de desemprego ■ As mudanças no IVA ■ Crianças obrigadas a ter cartão de cidadão ■ Prazos de IRS mudam

. 06/07

TEMA CAPA...PÁGS

UM FC PORTO MUITOFORTE E UM INÍCIO POSITIVO

As offshores ou os típicos paraísos fiscais servem para as empresas investirem de maneira menos onerosa ou para esconderem receitas ilícitas

Nos últimos 25 anos, este foi o melhor arranque da equipa azul e branca, estando André Villas boas a confirmar a aposta do presidente

ASSUNTO POLÉMICO...PÁG. O8

FOTO: D.R.

SÃO PARAÍSOS PARA EUROS E DÓLARES

DESPORTO...PÁG. 13

PUB


2|

opinião

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

Foto da Semana

EDITORIAL JOÃO FILIPE Diretor

UNS MAIS IGUAIS DO QUE OUTROS!

É PRECISO DAR O EXEMPLO!

Orçamento do Estado (OE) é uma ferramenta, ou, dito de outra forma, é a lei que permite a um determinado Governo realizar receitas e despesas públicas. Portanto, sem esta lei nenhum Governo consegue governar e é por este facto que se tem ouvido tanto ruído a este respeito. Só que este Orçamento traz consigo muitas medidas austeras: o aumento do IVA na sua taxa mais elevada; a transferência de alguns bens que eram tributados a 6% e que podem vir a passar para 23%; as reduções das deduções à coleta, quer isto dizer, que cada trabalhador irá pagar mais IRS por ano; enfim, medidas nada simpáticas dizem uns, mas que são necessárias dizem outros. Na verdade, existem outros caminhos, só que, na realidade, tudo depende muito da ideologia política de cada partido. Mas, para além das medidas acima descritas, ainda podemos observar outras, tais como a perda de benefícios fiscais para as pequenas comunidades religiosas e algumas instituições de beneficência. Contudo, a Igreja Católica poderá não sofrer nenhum corte nos seus benefícios! E muitas das entidades que poderão vir a ter os referidos cortes nos benefícios fiscais sentem-nos como um rude golpe na sua atividade, uma vez que muitas delas têm substituído o próprio Estado em muitas atividades de cariz humanitário. Situação esta que só pode envergonhar o Estado português, uma vez que um dos grandes, senão o Contudo, a igreja Católica maior, ideal da República é o Estado ser laico, quer isto dizer, sepoderá não sofrer nenhum parado por completo do poder eclesiástico. E a Constituição Porcorte nos seus tuguesa do pós-25 de abril gabenefícios! rantia a laicidade do Estado, pelo menos no aspeto teórico, visto que, na prática, se observam movimentações completamente contrárias à Constituição. Muitas vozes já se levantaram contra esta medida, entre elas o Dr. Mário Soares, o qual disse que é inédito uma medida destas ser proposta no OE, tendo mesmo colocado em questão a constitucionalidade da norma proposta. E muitas outras vozes completamente insuspeitas estão a levantarse contra esta situação, iremos, então, ver como os senhores políticos, em especial os do Governo, vão contornar esta situação. Mas, visto a esta distância, continuou a achar que é uma vergonha esta dualidade de tratamento!

FOTO: EPA/ANTÓNIO COTRIM

O

O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, anunciou, no passado dia 26 de outubro, a recandidatura ao cargo, nas eleições de 23 de janeiro de 2011. Tendo adiantado que já deixou indicações para que as despesas da sua campanha não ultrapassem metade do valor admitido pela atual lei, o que representará 2,09 milhões de euros. “Sabem bem os sacrifícios que, neste momento, estão a ser pedidos aos portugueses. Em consciência não me sentiria bem se, como político, não desse o exemplo. Posso ser prejudicado, mas neste momento o que está em causa é muito mais do que a perda deste ou daquele voto”, afirmou o candidato.

Tenha uma boa leitura!

Leia a opinião do Bispo EDIR MACEDO na página 3i, do caderno Folha Centro de Ajuda ACORDO ORTOGRÁFICO: Informamos os nossos leitores de que já começámos a aplicar algumas das alterações do Novo Acordo Ortográfico.

FOLHA DE PORTUGAL: ALAMEDA D. AFONSO HENRIQUES, Nº 35 (ANTIGO CINEMA IMPÉRIO) 1000-123 LISBOA TEL: 210 300 971 FAX: 210 300 999 Diretor: João Filipe jf.d@folhadeportugal.pt Secretariado: Cláudia Pereira Editor: IURD Redação: Carla Vaz, Isabel Barbosa, Sara Damásio Copydesk: Carla Vaz Paginação: Carlos Paredes, Eliane Rosa Tratamento de imagem: Bárbara Domingos Correio do Leitor: geral@folhadeportugal.pt Publicidade: publicidade@folhadeportugal.pt

FOLHA DE PORTUGAL Título registado no ERC com o nº 125046 Propriedade: IURD Sede administrativa: Praceta Professor Francisco Gentil, nº3 - Póvoa de Santo Adrião - Lisboa NIPC: 592001679 Periodicidade: Semanal Impressão: Rafik Comunicação e Imagem Unipessoal, Lda. - Sítio da Bemposta, nº 1, 1A, 1B. Longo da Vila - Mafra Tiragem: 50 000 exemplares Distribuição: Gratuita Circulação: Portugal Continental e Ilhas A FOLHA DE PORTUGAL NÃO SE RESPONSABILIZA NEM PELAS INFORMAÇÕES CONTIDAS NAS CARTAS DOS LEITORES, POIS ELAS NÃO EMITEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO JORNAL, NEM PELA AUTENTICIDADE DOS ANÚNCIOS PUBLICADOS

PUB


entrevista

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

|3

10 PERGUNTAS a IÇAMI TIBA

“O GOVERNO DEU UMA PALMADA NOS PAIS” IÇAMI TIBA FALA SOBRE A “LEI DA PALMADA”, OS SEUS BENEFÍCIOS, MALEFÍCIOS E AJUSTES já que cada família tem uma cultura e uma ética próprias? Acho que estão a invadir sim, porque o Governo não dá nada e cobra tudo. As pessoas não reclamam de terem de pagar impostos se tiverem os benefícios que os mesmos poderiam trazer. É como os pais egoístas que não dão nada aos seus filhos e querem deles mais do que podem dar.

ADRIANO AUGUSTO E NILBE SHLISHIA

O

Conselho Federal de Psicologia citou Içami Tiba como o terceiro psiquiatra mais admirado pelos psicólogos, depois de Sigmund Freud e Gustav Jung. Uma referência no Brasil e no exterior, Tiba criou a “Teoria da Integração Relacional” e os seus vídeos educativos atingiram mais de 13 mil cópias. Já realizou mais de 3.400 palestras em empresas nacionais e multinacionais, escolas, associações, condomínios e instituições, tanto no Brasil como no exterior. Desde 1968, que já atendeu mais de 77 mil adolescentes e as suas famílias. Tem 28 livros publicados, os quais já venderam mais de 4 milhões de exemplares. E “Quem ama, educa” foi o campeão absoluto de vendas em 2003.

2. Na sua opinião, isso pode de alguma forma gerar malícia nos filhos, no sentido de estes prejudicarem os próprios pais para se verem livres de uma punição? Isso vai gerar mais delinquência. Qualquer Governo que tenha uma lei mais forte do que a que os pais aplicam desorganiza a cabeça dos filhos. O Governo ensinou uma forma errada de mostrar poder. Na minha visão, o Governo deu uma palmada nos pais, sem ensinar qual o caminho que estes poderiam ter tomado. 3. Muitos pais já se estão a sentir afrontados com esta nova lei. Como é que pode orientar os responsáveis e educadores a tratarem os seus filhos daqui para frente? Estamos a falar de uma pequena percentagem de pessoas que batem nos filhos.

SE QUERO QUE O MEU FILHO TENHA LIMITES, PRECISO DE ESTABELECER LIMITES PARA MIM FOTO: CEDIDA

1. O que é que acha da criação da lei que proíbe as palmadas, no Brasil? Acho um absurdo, porque se está outra vez a saltar etapas. No amor dádiva, você ama o seu filho de paixão, independentemente do que ele tem feito. Mas ainda existe o amor que ensina, quando ele não sabe alguma coisa, e o amor que exige que ele cumpra o que aprendeu. Sou contra as palmadas e a aplicação da lei dessa maneira.

8. Na sua opinião, a conscientização e uma campanha massiva sobre a educação sem violência não teriam mais eficácia? Com certeza! Fazer uma campanha de educação maciça e espalhar em todos os meios de comunicação, para que não haja mais violência dentro de casa. Depois que entendem o que é certo ou errado, os pais terão a opção; de outra forma, fica tudo doloso. Se os pais forem

Palmada e tareia têm um espírito diferente. A impressão que dá é que quem fez a lei, a fez num atropelo danado, sem pensar no aspeto educativo.

As palavras têm pouco alcance, porque, se as palavras adiantassem, não existiriam tantos filhos ruins. O que os pais falam de bom para os filhos é muito maior.

4. Como funciona a “Teoria da Integração Relacional”? Funciona da seguinte maneira: “eu tenho que ser primeiro”. Se quero que o meu filho

6. Para pais que só conhecem as palmadas, não seria necessário que fossem orientados com novas alternativas de educar?

QUALQUER GOVERNO QUE TENHA UMA LEI MAIS FORTE DO QUE A QUE OS PAIS APLICAM DESORGANIZA A CABEÇA DOS FILHOS tenha limites, preciso de estabelecer limites para mim. Não sou todo poderoso. 5. Não se pode agredir fisicamente, mas, verbalmente, o dano pode ser ainda pior. Na sua opinião, a lei também deveria abordar a agressão verbal?

O argumento que esses pais usam é: “se foi bom para mim, não há-de ser ruim para os meus filhos”. Mas não se pode ficar a repetir um caminho que já fizemos no passado, quando existem tantos recursos hoje. 7. Esta lei pode ser interpretada como uma invasão de privacidade,

motivados, vão-se realizar cada vez que deixam de bater nos filhos; se forem ordenados, vão-se sentir frustrados cada vez que tiverem vontade de bater. 9. De que forma orienta hoje os pais a recuperarem sua autoridade com os filhos? Esse respeito vem daquilo que os pais fazem aos filhos. Os filhos gostam dos pais, mas não os respeitam, porque os pais submetem-se aos seus desejos. Se os pais querem recuperar a autoridade, não adianta falar: “respeite-me, porque eu sou seu pai”. Isso é pior, pois, é assumir que não há respeito. Comece a estabelecer ordens que ele tenha que cumprir. Assim esse filho vai assumir a posição de filho. 10. O que poderia ser feito como medida imediata contra a violência em família? Um projeto amplo de reeducação familiar. Se o Governo fizesse um trabalho durante uns três anos – e digo três anos, porque é um prazo para as pessoas executarem e sentirem o benefício para ficarem motivadas. Se fizer só um mês não adianta, tem que pegar uma fase da vida deles.


4|

SETE DIAS

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

aconteceu

FOTO: LUSA/ESTELA SILVA

Conduzem mais depressa e apresentam o mais alto índice de sinistralidade rodoviária

18-24 ANOS: Entre 2003 e 2007, 16% dos mortos e 18,7% dos feridos graves foram jovens desta faixa etária

Como condutores, os jovens dos 18 aos 24 anos representam 93% dos mortos, 91% dos feridos graves e 72% dos ligeiros. Relativamente ao consumo de álcool, os jovens bebem com menos frequência do que os restantes condutores, mas em maiores quantidades de cada vez, alcançando altas taxas de alcoolemia. Ligado a este

fator, surge o facto de serem os jovens a desvalorizar mais os efeitos do álcool, das drogas e dos medicamentos como causadores de acidentes. Também são os jovens que conduzem mais depressa, que pensam que os limites de velocidade devem ser aumentados e que acham que não é o excesso de velocidade a causa dos acidentes.

Maior APREENSÃO de sempre de QUADROS FALSOS de sempre efetuada em Portugal e uma das

FOTO: LUSA/ MIGUEL A. LOPES

Pe r to de 13 0 quadros assinados por grandes nomes, como Leonardo da Vinci, Picasso, Modigliani, Miró, Chagall, Matisse, Monet e Vieira da Silva, foram apreendidos na sequência de uma operação da PJ, intitulada “Caverna do Tesouro”. De acordo com a Polícia Judiciária, esta apreensão foi a maior

maiores da Europa. As obras estavam na posse de uma cidadã estrangeira e foram apreendidas no seguimento de uma busca domiciliária à sua residência perto de Lisboa, onde foram ainda encont rados a lg u ns certificados que visavam at e s t a r f a l s a me nt e a autenticidade dos trabalhos.

TECNOLOGIA

Foram estas as conclusões apresentadas por José Miguel Trigoso, presidente da Prevenção Rodoviária Portuguesa (PRP), durante a conferência “Jovens 18-24 anos e sinistralidade rodoviária”, que aconteceu na capital portuguesa e que pretendia colaborar na redução da sinistralidade nesta faixa etária.

Até 2030,

FOTO: D.R.

MAIOR ÍNDICE DE SINISTRALIDADE ENTRE OS JOVENS 30 novos países com centrais nucleares Segundo o diretor da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA), Yukiya Amano, 30 novos países poderão vir a construir centrais nucleares até 2030. “Penso que as vantagens da energia nuclear são cada vez mais reconhecidas nos fóruns que tratam problemas climáticos, incluindo Quioto”, explicou. Yukiya Amano acrescentou ainda que a AIEA tem procurado assegurar o desenvolvimento seguro da energia atómica e recomendado a criação de reatores a neutrões rápidos, aumentando assim o controlo dos materiais e das tecnologias nucleares.

A morte anunciada do walkman de cassete

FOT O: D .R.

O gigante da eletrónica japonesa Sony anunciou, na passada segunda-feira, que deixou de vender, no Japão, o walkman de cassete magnética para ouvir música, 31 anos depois de ter saído o primeiro modelo que revolucionou o Mundo. No entanto, este walkman, que funciona com cassetes magnéticas e que é fabricado na China, continuará a ser comercializado no estrangeiro, revelou um porta-voz do grupo nipónico.

Em três décadas, a Sony vendeu mais de 220 milhões de walkman, com cassete, em todo o Mundo

PUB


sete dias

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

a sua carreira

Multas podem ultrapassar os 44 mil euros

Entrevistas rápidas em vez de currículos

PAGAMENTOS: Os hiper e os supermercados irão estar sujeitos a normas mais rigidas

prazo de 30 dias, após a entrega dos bens e da fatura. Nos contratos de fornecimento de bens não perecíveis o prazo é de 60 dias. Ficam obrigadas a este prazo de pagamento as empresas com mais de 50 trabalhadores, “cujo volume de negócios anual seja

superior a dez milhões de euros”. As incumpridoras terão de pagar juros de mora, para além de uma coima que variará entre os 150 e os 3.740,98 euros, para as pessoas singulares, e entre os 500 e os 44.891,81 euros para as pessoas coletivas.

A segunda Justiça mais morosa da Europa entre o número de casos abertos e o número de casos resolvidos, anualmente, ainda continua a registar o peso de processos antigos, resultando em 430 dias, em média, para

a resolução de um processo. Sendo Portugal um dos países onde o divórcio contencioso em primeira instância é mais demorado, cerca de 325 dias de duração média.

. FOTO: D.R

Continente africano deverá ter 2,2 milhões de pessoas em 2050

reino da bicharada

Uma boa apresentação, um aperto de mão seguro e não evitar o olhar do entrevistador são detalhes importantes para se começar uma entrevista com o pé direito. Afinal, não existem segundas oportunidades para se causar uma boa primeira impressão, especialmente, se essa oportunidade durou somente 10 minutos. Esta tendência das entrevistas rápidas é internacional, esclarece Pedro Amorim, diretor da Hays, uma empresa especializada em recrutamento. O conceito é parecido com o de speed dating, em que uma pessoa tem apenas alguns minutos para seduzir outra, mas aqui aplicado ao emprego. O candidato tem 10 a 15 minutos para O CANDIDATO “seduzir” o potencial empregador e conseguir TEM 10 A 15 uma segunda entrevista. MINUTOS “Numa entrevista de PARA emprego, a impressão dada nos primeiros dois “SEDUZIR” O minutos equivale a 80% POTENCIAL do peso da entrevista”, EMPREGADOR garante Pedro Amorim. Contudo, para o especialista este terá sempre de ser um primeiro passo, porque “10 minutos não são suficientes para avaliar competências”. Por substituir o currículo, este método torna-se vantajoso para os candidatos por permitir um contato “cara a cara”. Contato esse que permite aos recrutadores obterem mais informações do que as dadas por uma pilha de currículos, o que, para a empresa, multiplica as oportunidades de encontrar um “achado”.

Aparelhos de TAC e raio X pouco fiscalizados

Tartarugas e vespas

gostam de brincar FOTOS: D.R.

Um estudo veio agora Burghardt defende mesmo revelar que os répteis, que estudar as brincadeiras tais como as tartarugas, dos animais pode ser útil ao Os aparelhos médicos que os peixes e até as vespas usam radiação ionizante, tais ser humano. “Nos animais Vespas precisam de ta mbém precisa m de como os de TAC e os de raio X, são podemos avaliar melhor descontrair descontrair e que gostam de o sujeitos a uma “fraca fiscalização” o papel que brincar tem na fazer com brincadeiras. “Durante em Portugal, por não existir uma capacidade de aprender, manter a forma autoridade reguladora independente, psicológica e física e melhorar as relações muitos anos, estudei o comportamento alertou o jurista Miguel Sousa Ferro, de jovens répteis e nunca vi nada que me sociais”, salientou. “Podemos desenvolver fizesse concluir que estavam a brincar. No ideias e aplicá-las às pessoas, como, autor do livro “Consolidação do entanto, um dia vi uma tartaruga com uma por exemplo, perceber qual o Direito Nuclear Português”, que bola de basquete no Jardim Zoológico de papel que uma brincadeira reúne toda a legislação relativa Já viu uma Washington e percebi que, afinal, os répteis pode ter nas pessoas com às radiações ionizantes e tartaruga jogar também precisam de brincar”, explicou o défice de atenção ou energia nuclear. “Não só é basquetebol? investigador Gordon Burghardt, justificando crianças hiperativas”, uma obrigação jurídica a a ideia que o levou a iniciar esta investigação. salientou. criação de uma autoridade reguladora independente,

como é também um imperativo no que respeita à segurança e à proteção da saúde pública”, salientou. Só que em Portugal, a fiscalização “está atribuída a diferentes entidades consoante o ramo de atividade em causa”. “No ramo da saúde, a fiscalização compete às autoridades regionais de saúde, que não têm pessoal treinado especificamente para isso. Esta fiscalização continua a não se fazer e são os médicos e os técnicos radiologistas os primeiros a queixarem-se desta realidade e a dizerem que estamos a correr grandes riscos”, referiu Miguel Sousa Ferro.

FOTO: D.R.

FOTO: LUSA/TIAGO PETINGA

De acordo com um diploma publicado, recentemente, em Diário da República, a partir de janeiro, os hiper e os supermercados terão que pagar atempadamente às micro e pequenas empresas que lhes fornecem produtos alimentares. Quem não o fizer pagará juros de mora e multas que podem ultrapassar os 44 mil euros. Quando estiverem em causa produtos alimentares perecíveis o pagamento deve ser feito no

FOTO: D.R.

Grandes

Segundo o quarto relatório da Comissão Europeia para a Eficácia da Justiça (CEPEJ), apesar de o sistema judicial português conseguir manter o equilíbrio

|5


TEMA CAPA

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

O que vai mu NA NOSSA VIDA

A

proposta entregue, parcialmente, no Parlamento, no passado dia 15, faz deste Orçamento do Estado (OE) o mais dramático das últimas décadas. Aceitar que é “o mais importante” e “o mais austero” dos últimos 25 anos, como afirmou o ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, vai depender da eficácia que vier a revelar no combate à crise da finanças públicas. Apesar de o seu conteúdo final ainda não estar aprovado, mesmo que mude, este continuará a ser muito rigoroso. Mas o que torna este OE tão assustador, traduzindo-se, literalmente, no maior “aperto

de euros do que em 2010. Ou seja, por dia, o Executivo quer cobrar 93,2 milhões de euros. Mas as novidades não se ficam por aqui... A Folha explica em que áreas os cidadãos vão ter que pagar mais. CRIANÇAS OBRIGADAS A TER CARTÃO DE CIDADÃO Os bebés e as crianças vão ser obrigadas a ter cartão de contribuinte, isto se os pais os quiserem considerar como dependentes para efeitos da declaração de IRS. Segundo a lei, as crianças terão de ter o cartão de cidadão a partir de março, data em que começa a FOTO: EPA

 ISABEL BARBOSA ib.r@folhadeportugal.pt

SEGUROS DE VIDA E DE ACIDENTES PESSOAIS DEIXAM DE TER ISENÇÃO. DESPESAS COM SAÚDE E EDUCAÇÃO TERÃO UM LIMITE MAIS APERTADO de cinto” dos portugueses nos últimos 25 anos? Mais impostos, menos deduções fiscais, cortes salariais, redução de apoios sociais, entre muitas outras medidas irão, por um lado, reduzir o poder de compra dos portugueses e, por outro, provocar uma retração da economia nacional. Depois de ter preparado dois Orçamentos do Estado (um para 2010 e outro para 2011) e duas versões do Programa de Estabilidade e Crescimento (em março e em maio), o Governo espera que a receita fiscal em 2011 suba 6,2%, mais 1,9 mil milhões

entrega das declarações de IRS em suporte de papel. A proposta do OE/2011 prevê que, para que se considerem como dependentes os filhos dos contribuintes, estes têm de ser “devidamente identificados pelo número de identificação fiscal do contribuinte na declaração de rendimentos”. Assim, as famílias terão de pagar 7,50 euros para terem o cartão de cidadão. Por seu lado, os filhos, enteados e adotados que tenham cumprido serviço militar ou serviço cívico deixam de ser considerados como fazendo parte do conceito de dependentes para efeitos de

IRS. Desta forma, são apenas considerados dependentes aqueles que não tendo 25 anos não receberam rendimentos superiores ao salário mínimo. PRAZOS DE IRS MUDAM Este ano, os prazos de entrega

da declaração de IRS mudam (alteração prevista no OE/10). Assim, os trabalhadores por conta de outrem só poderão entregar o IRS em suporte de papel em março. Os trabalhadores independentes terão o mês de abril para o

fazer. Já quem preenche o IRS pela Internet poderá entregá-lo em abril para os dependentes e em maio para os independentes. Os prazos são assim encurtados, já que até aqui, os contribuintes dispunham de cerca mês e meio para cumprir a sua obrigação.

ABONO DE FAMÍLIA As regras tornam-se mais rígidas e quem ganha mais deixa de receber. Cerca de 1,4 milhões de beneficiários já vão sentir os cortes ✓1. Eliminação do 4º e do 5º escalões (rendimentos anuais de 8.803,63 a 14.672,70 euros e de 14.672,71 a 29.345,40 euros, respetivamente); ✓2. Eliminação do aumento extraordinário de 25% (1º e 2º escalões, rendimentos anuais até 5.869,08 euros); ✓3. Não atualização dos valores do abono em 2011; ✓4. Não atualização do pagamento de abono adicional em setembro (para o 1º escalão); ✓5. Novas regras para fazer prova dos recursos do agregado (o património mobiliário, como depósitos bancários ou aplicações financeiras, não pode ultrapassar os 100 mil euros; passou a ser necessário autorizar a Segurança Social a ter acesso à informação bancária dos beneficiários; o conceito de agregado familiar é alargado até aos parentes em 3º grau, em linha direta ou colateral, que vivam em economia comum); ✓6. Redução para metade dos apoios para bolsas de estudo (atribuída ao 1º e 2º escalões).

FOTO: LUSA/INÁCIO ROSA

VAMOS DESCODIFICAR AS MAIS DE 300 PÁGINAS QUE IRÃO MUDAR AS NOSSAS VIDAS – COM A LISTA DOS PRODUTOS QUE SOBEM NAS TAXAS DO IVA E OS EXEMPLOS DOS CORTES NO SUBSÍDIO DE DESEMPREGO E NO ABONO DE FAMÍLIA – PARA PERCEBER COMO O ESTADO VAI FICAR COM O NOSSO DINHEIRO

O que vai

aumentar

Este ano, o Governo aumentou e criou pelo menos 19 impostos. Há mais subidas a juntar às do IRS e às do IVA

 Automóveis – 2,3%  Gás – 3,2%  Eletricidade – 3,8%  Contribuição audiovisual – 29%  Conservas (carne e moluscos), compotas, geleias, óleo alimentar, margarinas, aperitivos ou snacks, flores de corte, composições florais decorativas – de 13 para 23%  Refrigerantes, sumos e néctares de fruta, leite achocolatado, aromatizado, vitaminado ou enriquecido, sobremesa de soja, prestações de serviços por solicitadores e advogados a reformados, material de combate a incêndios, ginásios – de 6 para 23%

FOTOS: EPA/EFE/D.R.

FOTOS: D.R.

6|


tema capa

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

mudar DA em 201

|7

IRS: O DINHEIRO QUE O ESTADO VAI COBRAR

☛Limites de deduções (Saúde, Educação, etc.) 1º escalão (até 4.898€) – sem limite 2º escalão (mais de 4.898€ até 7.410€) – sem limite 3º escalão (mais de 7.410€ até 18.735€) – 800€ 4º escalão (mais 18.735€ até 42.259€) – 900€ 5º escalão (mais de 42.259€ até 61.244€) – 1.000€ 6º escalão (mais de 61.244€ até 66.045€) – 1.000€ 7º escalão (mais de 66.045€ até 153.300€) – 1.000€ 8º escalão (mais de 153.300€) – 1.100€

FOTO: LUSA/INÁCIO ROSA

☛Limites de outros benefícios fiscais (PPR) 1º escalão (até 4.898€) – sem limite 2º escalão (mais de 4.898€ até 7.410€) – sem limite 3º escalão (mais de 7.410€ até 18.735€) – 100€ 4º escalão (mais 18.735€ até 42.259€) – 80€ 5º escalão (mais de 42.259€ até 61.244€) – 60€ 6º escalão (mais de 61.244€ até 66.045€) – 50€ 7º escalão (mais de 66.045€ até 153.300€) – 50€ 8º escalão (mais de 153.300€) – 0€ Fonte: Ministério das Finanças e da Administração Interna

O BOLO DOS REFORMADOS

DESEMPREGO

FOTOS: EPA/EFE/D.R.

Menos prestação, com menor duração e mais rigor na reinserção laboral  Salário bruto antes do desemprego – 1.000€  Montante da prestação – 708,95€* (a prestação não pode ultrapassar 75% da remuneração de referência liquida);  Condição para aceitar novo emprego – auferir um salário bruto mínimo de 779,84€ (mais 10% do montante do subsídio), isto se a oferta de emprego ocorrer durante o primeiro ano de concessão das prestações. A partir daí, a retribuição ilíquida já poderá ser igual ao valor da prestação (708,95€);  Mínimo de tempo de trabalho para ter direito às prestações – 12 meses (nos dois anos imediatamente anteriores à situação de desemprego). *Considerando o caso de dois titulares com dois dependentes, nas tabelas do IRS

Direito ao subsídio social de desemprego Rendimentos familiares per capita máximos 335,38euros

dedução específica); 5. Cortes nas pensões, equivalentes aos cortes salariais da administração pública, para os reformados cujas atualizações nas prestações estão indexadas à remuneração dos trabalhadores no ativo (a medida abrande antigos juízes, ex-trabalhadores do Banco de Portugal, etc.).

FOTO: D.R.

SUBSÍDIO

1. Congelamento das pensões (incluindo as mínimas, que começam nos 189,52 euros); 2. Proibição de acumulação de uma pensão com um salário do Estado; 3. Corte de 10% nas pensões mais altas (superior a 5 mil euros – público ou privado); 4. Aumento do IRS (os pensionistas que ganhem mais de 1.607€ sofrem um corte na

Exemplos práticos

FOTO: LUSA/JOSÉ S. GOULÃO

Os pensionistas também vão contribuir para a redução do défice. As novas regras passam pelo congelamento, corte e aumento da tributação fiscal das pensões

Os impactos da redução do salário, do aumento de um ponto percentual nos descontos para a CGA, do aumento da taxa de IVA de 21 para 23% e da eliminação do abono de família nos 4º e 5º escalões

FOTO: IMAGE DJ

■ Família de dois funcionários públicos, com salários de 2.000 e 4.000 euros mensais brutos, com dois filhos em idade escolar: –Corte salarial de 70 euros (3,5%) e 400 euros (10%) mensal, passando a receber um total de 5.530 euros; –Passam a descontar 220 e 440 euros, respetivamente, para a CGA, em vez de 200 e 400 euros; –Assumindo que metade do rendimento bruto é para consumo, esta família verá agravadas as despesas em 55 euros por mês; –Não são afetados, porque já não

recebiam abono. ■ Família de trabalhadores do privado, com salários de 800 e 1.000 euros mensais brutos, com dois filhos em idade escolar: –Não são afetados; –Não são afetados; –Assumindo que metade do rendimento bruto é para consumo, esta família verá agravadas as despesas em 18 euros por mês; –Estavam no 4º escalão e, por isso, perdem o abono de família que, neste caso, seria de 22,59 euros por criança.


8|

geral

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

assunto POLÉMICO

Dinheiro que não interessa declarar, gira o Mundo inteiro até "cair" nos paraísos fiscais, uns mais legais do que outros

FOTOS: D.R.

sem deixar rasto

O conceito de offshore surgiu para referenciar lugares onde as empresas não pagam impostos ou pagam valores muito baixos; mas, acima de tudo, onde existe sigilo, ou seja, onde estas não precisam de justificar a origem dos seus rendimentos justificar a origem dos seus rendimentos e por a taxa de que é uma offshore? imposto ser muito mais baixa São regiões onde do que no país de origem. a carga f iscal Normalmente, quem investe é reduzida ou nestes lugares procura-os porque inexistente, podendo ainda ser a moeda que vai transferir é mais denominadas como “paraísos forte do que a do local de receção. fiscais” ou zonas francas. Mas, A grande “ liberdade” qual é o objetivo das pessoas permitida aos seus investidores e o ou das empresas ao fazerem financiamento das suas atividades investimentos nestes lugares? lícitas ou ilícitas torna estes lugares apetecíveis. Muitas vezes, talvez na sua grande maioria, Só em 2009 Porém, a pergunta que se impõe é a para não terem de “fugiram” seguinte: não podem do nosso os Estados acabar com País 11,2 mil milhões isso? Podem, desde que exista vontade de de euros todos para colocar u m f i m nest a situação. No entanto, o maior obstáculo é que todos beneficiam, de forma direta ou indireta. Enfim, se todos pagassem  JOÃO FILIPE jf.d@folhadeportugal.pt

O

os seus impostos corretamente, com certeza pagaríamos todos bem menos! Só que a fuga de uns “obriga” os outros a serem sobrecarregados com o pagamento dos seus impostos. ONDE ESTÃO? Seja nas ilhas Bermudas, na ilha de Jersey, nas Ilhas Caimão, no Grão Ducado do Luxemburgo ou no Principado do Mónaco, os depósitos bancários pagam uma tributação bem mais baixa do

CARIBE: Lugares paradisíacos para férias, mas também para fugir aos compromissos fiscais, em silêncio

no caso dos segundos destinos financeiros para os rendimentos, estes funcionam de forma legal. Só no ano de 2009 “fugiram” do nosso País 11,2 mil milhões de euros e, consequentemente, as tributações para os cofres do Estado português também

A CAMPANHA “EM BUSCA DO DINHEIRO PERDIDO”, CONSISTE EM QUEM TRANSFERIU DINHEIRO PARA ESSES LUGARES, FAZÊ-LO REGRESSAR AO NOSSO PAÍS, PROMETENDO O ESTADO APLICAR APENAS UMA TAXA DE 5% que nos restantes países. Todavia, existe uma diferença: enquanto nas ilhas as contas podem ser abertas de forma anónima; já

desceram. E, embora, o Governo luso esteja a levar a cabo uma campanha “em busca do dinheiro perdido”, que consiste em quem

transferiu dinheiro para esses lugares, ter de fazê-lo regressar ao nosso País, prometendo o Estado aplicar apenas uma taxa de 5%. Esta medida não visa despenalizar quem tem fugido com a riqueza do País, mas sim representar uma forma de financiar o sistema financeiro português, ou seja, os bancos nacionais teriam maior liquidez, não tendo de se endividar junto de bancos estrangeiros. Só que no total de pessoas ou de empresas que transferiram rendimentos “lícitos”, que assim voltariam ao circuito financeiro português, corria-se o risco de voltar a entrar também o dinheiro proveniente de ações criminosas.


Folha CENTRO DE AJUDA

LEIA MAIS: 4i/5i – ENCONTRO DAS FAMÍLIAS:

“Tome uma decisão na sua vida” 7i – NACIONAL: Póvoa de Sto. Adrião / Mercês / Faro / Açores / S. J. do Estoril

Nº 358 • DOMINGO • 31 • OUTUBRO • 2010

Congresso Universitário

 SARA DAMÁSIO sd.r@folhadeportugal.pt

O

Instituto Português da Juventude de Lisboa recebeu, recentemente, o primeiro Congresso Universitário, com o tema “Obras Sociais”, realizado pela “Força Jovem Portugal”. Estiveram presentes, na plateia, cerca de 150 pessoas e quatro convidados que analisaram vários subtemas, tais

“Obras Sociais” FOTOS: CEDIDAS

O grupo “Força Jovem Portugal” está a crescer e são muitas as pessoas que querem colaborar a favor da inclusão social e do contato humano com os que mais precisam. Para além disso, este grupo também tem o objetivo de formar e elucidar os jovens, através de eventos como o Congresso Universitário

e correspondente Internacional da Record), César Ribeiro (contabilista e administrador; com mestrado em Auditoria, doutoramento em Economia e pós-graduação em Fiscalidade), Conceição (formada em Educação da Infância, com mestrado em Intervenção Comunitária/Proteção de Menores e diretora da Casa de Acolhimento Mão Amiga) e o

Convidados especiais

PÚBLICO: No final das intervenções dos convidados, o público mostrou-se muito participativo lançando várias questões

Mauro Tagliaferri

(jornalista e correspondente Internacional da Record)

Conceição (formada em

Educação da Infância, com mestrado em Intervenção Comunitária/Proteção de Menores e diretora da Casa de Acolhimento Mão Amiga)

COFFEE BREAK: Durante o Congresso foi feito um coffee break, onde todos os participantes puderam trocar ideias e conviver

como: “Porque é que o jornalismo foca mais a violência e menos o meio ambiente e as obras sociais?”; “A Universidade, o conhecimento, o saber e o pragmatismo. No que podem ser úteis para a Sociedade?”; “O que é a Casa de Acolhimento Mão Amiga? E quais as suas necessidades?”. Mauro Tagliaferri (jornalista

coordenador da “Força Jovem Portugal”, Luiz Cláudio, foram os convidados.

O QUE FOI FALADO Mauro Tagliaferri quis começar, a primeira parte do Congresso, focando a falta de equilíbrio que existe entre a experiência de jornalistas mais velhos e os

César Ribeiro

(contabilista e administrador; com mestrado em Auditoria, doutoramento em Economia e pós-graduação em Fiscalidade)

mais novos, que na maioria dos casos, terminam os cursos apenas com o canudo e sem qualquer experiência em campo. De seguida, foi exibido um vídeo institucional, divulgando a fase atual de implementação da “Força Jovem” em Portugal.

perguntas dos presentes. Por outro lado, a diretora da Casa de Acolhimento Mão Amiga salientou mais o tema principal do Congresso, explicando todo o funcionamento da casa e explicando aos presentes como colaborar voluntariamente. Por fim, o coordenador nacional da “Força Jovem”, VÁRIAS PESSOAS Luiz Cláudio, fez questão de MOSTRARAM mostrar a sua satisfação com INTERESSE EM FAZER o evento, tendo em conta o PARTE DO MOVIMENTO trabalho conseguido em tão pouco tempo (três meses), UNIVERSITÁRIO e que vai continuar a ser Depois, Césa r R ibeiro, aperfeiçoado com o apoio de professor na área de economia todos os colaboradores. Foram e finanças, abordou a Teoria X várias as pessoas que ficaram (teoria tradicional, mecanicista interessadas em fazer parte do e pragmática de direção e Movimento Universitário, braço controle), despertando inúmeras da “Força Jovem Portugal”. Reunião todos os sábados, pelas 16H, em: espacojovem.net Lisboa Sede Nacional:

Luiz Cláudio

coordenador da “Força Jovem Portugal”

Rua Dr. José Espírito Santo, 36, Bairro das Amendoeiras, Chelas – Lisboa (a 100m da estação de metro)

Centro do País

Rua da Sota, nº 20 – Coimbra Rua Capitão Mouzinho de Albuquerque, nº 105 – Leiria Norte do País

Rua Serpa Pinto, nº 195 – Porto

Sul do País

Largo Gil Eanes, Lote A – Portimão (próximo da estação dos comboios)


2i |

superação

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

O poder do

SACRIFÍCIO TODAS AS SEMANAS, IRÁ ACOMPANHAR, AQUI, HISTÓRIAS EMOCIONANTES E DRAMÁTICAS DE QUEM ENFRENTOU E VENCEU DESAFIOS

Livres do

O que tem a perder em crer num Ser supremo? Nada, quando isso faz com que a sua auto-estima seja elevada e se sinta seguro de que os seus objetivos serão alcançados  ISABEL BARBOSA ib.r@folhadeportugal.pt

O “

meu sofrimento principiou quando tinha 11 anos de idade, pois, comecei a sofrer com problemas espirituais, devido a uma bruxaria feita para destruir a minha família. Via vultos, o meu coração batia muito forte, perdia a visão e as extremidades do meu corpo arrefeciam.

Passava muito mal, ia ao médico, mas nada se resolvia! Até que os médicos me diagnosticaram um problema no coração e me receitaram remédios que me enfraqueciam. O tratamento estabilizava as batidas do meu coração, mas também estava a causar outros problemas. Na altura, em que comecei a ter esses problemas, os meus pais, que até então se davam bem, brigavam constantemente e o meu pai tornou-se um homem vio-

mas também porque estava cansada de me ver a sofrer. Era a última porta em que batíamos! Nessa altura, estava sempre internada no hospital e, para os médicos, eu não tinha mais solução, inclusive, tinham dito aos meus pais para me levarem para casa para morrer. Quando cheguei ao Centro de Ajuda Espiritual, estava cansada de tanto sofrimento e não aguentava mais! Tinha apenas 11 anos, mas era uma criança muito madura para a idade, devido a todos os proble... LIBERTEI-ME mas. Lembro-me de que, no TOTALMENTE E JÁ NÃO início, estava um VEJO VULTOS pouco desconfiada, pois, era casse sozinha, tinha visões de totalmente diferente da igreja vultos e à noite tinha pesa- tradicional que frequentava. delos horríveis. Foi mediante Mas comecei a praticar o que essa situação que o meu pai me era transmitido pelos pastentou o suicídio duas vezes”. tores, a fazer as correntes e a participar nas orações fortes, O INÍCIO DE UMA LONGA especialmente, à sexta-feira. CAMINHADA E demorou um bom tempo “A Igreja Universal estava até me libertar! Mas graças a a começar em Cabo Verde, Deus, libertei-me totalmente principalmente, em Santo e já não vejo vultos. Afinal, o Antão, onde vivia. Foi uma problema no coração era um tia que falou para a minha problema espiritual, tendo mãe da existência da Igreja, também desaparecido. Hoje, um lugar onde as pessoas com sou uma pessoa saudável, aleproblemas espirituais e físicos, gre e equilibrada”. eram curadas e libertas. Então, a ANACLETO E MARLENE FONSECA minha mãe foi por curiosidade, CASAL DO MARCO lento, que agredia a minha mãe. Quando os meus pais viram que os médicos não resolviam a minha situação, levaram-me ao centro espírita, mas também ali nada se resolveu. Parei de estudar, porque não me conseguia concentrar, estava sempre com o pensamento distante e parecia mesmo uma pessoa maluca. Não brincava mais com os meus irmãos na rua e estava sempre dentro de casa, acompanhada, porque se fi-

A

os 11 anos de idade, saí do meu país e da casa dos meus pais, porque queria estudar. Na altura, Angola estava em guerra, por isso fui para Cuba, onde tinha mais oportunidades e paz para progredir na carreira estudantil. Estava à procura de um futuro melhor! Mas, quando cheguei lá, a minha vida não foi fácil! Estava sempre doente e pensei que não ia chegar ao ano de 2000. Acabei por ficar depressivo, fechado num mundo só meu! Era estudar sofrendo! Todos os dias, me queixava ao médico da escola com alguma coisa e, todos os dias, ele me receitava um novo medicamento, que não resolvia nada. Os médicos não conseguiram diagnosticar nada! Acabei o ensino secundário com esforço e fui para economia média, porque queria voltar para a minha terra natal rapidamente e ajudar a minha família. Quando entrei na carreira média, para além dos problemas de saúde, também apareceram os vícios. Bebia muito, a ponto de fazer coisas de que não me lembrava no dia seguinte. Acordado, tinha o pesadelo de estar longe da família, pois, não tive infância e estava noutro país, com outra língua e outra cultura; e, quando adormecia, tinha

FOTOS: CEDIDAS

INFERNO pesadelos. Quando acabei a carreira média, decidi entrar na universidade de Havana e formei-me em Engenharia Agrónoma. Mas os problemas continuavam! Quando terminei os estudos universitários, surgiu a oportunidade de viajar para Cabo Verde, onde tinha uma boa situação financeira, mas a vida de vícios continuou e acabei por gastar tudo. Foi o momento mais humilhante da minha vida, pois, não arranjava emprego, apesar de ter amigos empresários, com influência junto do Governo. Dependia deles para sobreviver e não entendia o que estava acontecer, porque tinha tudo para dar certo, mas tudo dava errado! Essa situação criou uma revolta em mim, a ponto de querer abandonar tudo. Foi, então, que recebi um telefone de um amigo para ir para a Ilha do Sal e foi aí que encontrei o Centro de Ajuda Espiritual. Esse amigo tinha uma situação financeira boa, tinha superado a vida de vícios que leva, estava casado, com filhos, e foi ele quem me falou do CdAE. No mesmo dia em que cheguei à ilha, fui à Igreja. Hoje, está tudo bem! Sou saudável, estou livre dos vícios e conheci a minha esposa no CdAE. Casei e sou feliz!


reflexão O CENTRO DE AJUDA ESPIRITUAL (IURD) NÃO COBRA: 1.Para realizar casamentos 2.Para realizar batizados (adultos) 3.Para dar aconselhamento matrimonial 4.Para aconselhar e acompanhar indivíduos toxicodependentes 5.Para aconselhamento pastoral 6.Para participar na Santa Ceia 7Para a realização da unção com óleo 8.Para visitas ao domicílio 9.Para visitas a doentes no hospital 10.Para visitas a presidiários 11.Para distribuição de cestas básicas às famílias carenciadas 12.Para distribuição de bens (roupas, mobílias, eletrodomésticos, etc.) a pessoas carenciadas 13.Para acolher o Instituto Português do Sangue nas suas instalações para a doação de sangue 14.Para ajudar a manter o Lar de Idosos Universal 15.Para a apresentação de crianças (não batiza crianças, somente adultos) 16.Para participar no Grupo de Jovens "Força Jovem" 17.Para a realização de orações 18.Para a entrada nas igrejas e participação nos cultos 19.Para a participação em Concentrações, em locais como: Coliseu dos Recreios, Pavilhão Rosa Mota, Estádios, Pavilhão Atlântico, etc. 20.Para ajudar a manter a Sociedade “Pestallozi” (presta assistência aos portadores da síndrome de Down)

21.Para manter a Fazenda Nova Canaã 22.Para a realização de cursos informáticos 23.Para aconselhar e apoiar na escolha de uma carreira profissional 2 4 . P a r a a t e n d i m e n to telefónico 24 horas 25.Para apoio a mulheres vítimas de abusos 26.Para apoio e aconselhamento a indivíduos dependentes alcoólicos 27.Para visitas a lares de terceira idade 28.Para dar alimento aos sem-abrigo 29.Para apoio em catástrofes 30.Para a realização de atividades lúdicas e desportivas com os jovens 31.Para aconselhamento e campanhas na prevenção do HIV 32 .Pelo transpor te de pessoas com dificuldades de locomoção 33.Pelo estacionamento no parque da Igreja 34.Pelos Estudos Bíblicos realizados 35.Pela entrada e participação no Maior Congresso Financeiro do País 36.Pela realização de funerais 37.Pela distribuição do Óleo Santo de Israel 38.Pelos cursos de Teologia (IBURD) 39.Pelos milagres que acontecem em todos os Centros de Ajuda espalhados pelo Mundo.

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

| 3i

mensagem BISPO EDIR MACEDO

Deus em primeiro lugar

P

orque é que Deus instituiu os dízimos dispostas a dar o seu melhor para Deus. Por isso, e as ofertas, chegando ao ponto de abra o seu entendimento para que saiba como vem nos convidar a fazer prova d’Ele? a resposta de Deus. Se você quiser viver uma vida de Fez isso para que coloquemos aquilo comunhão e gozar dos Seus benefícios, tem que dar. que é precioso e valioso fisicamente De contrário, não irá receber. Não importa se é uma em segundo plano na nossa vida e pessoa boa ou caridosa. Essa é a lei da vida, uma lei para que Ele se mantenha em primeiro lugar. Pois, a fixa. O próprio Deus teve que dar a vida do Seu Filho forma de se conhecer a si mesmo é quando você dá para nos poder salvar. Se desejamos ser abençoados, temos que aprender a dar. os dízimos e as ofertas. Quando oferecemos os dízimos, que são as Certa vez, uma pessoa perguntou-me qual era o primícias, os primeiros frutos do nosso trabalho, meu segredo. Respondi que o meu segredo é dar. Vivo estamos a dizer o seguinte: “Senhor, Tu és o primeiro a trabalhar em favor das pessoas. Vocês são os meus na nossa vida”. É problemas. Porque tão importante e tão queremos que todos SE DESEJAMOS SER significativo que se você tenham, no mínimo, o gastar os primeiros ABENÇOADOS, TEMOS QUE que Deus nos tem dado. 10% e pegar os 90% Não queremos que APRENDER A DAR restantes e levar à comam das migalhas Igreja, na verdade, será que caem da mesa e considerado como um ladrão diante de Deus. Os que são dos cachorrinhos. Queremos que se sentem primeiros frutos significam que Deus está em primeiro à mesa e comam do melhor. Mas, para isso, têm que lugar nas nossas vidas e quando desconsideramos isso se oferecer, sacrificar. é porque não temos nada com Ele. O maior prazer que temos é poder oferecer às A oferta mede a fé, a dedicação e a consideração que pessoas aquilo que Deus nos tem dado. A Igreja a pessoa tem para com Deus. Quando um chefe de Universal do Reino de Deus existe por causa disso, Estado visita outro, ou uma autoridade, normalmente porque temos dado, sacrificado. Não que sejamos leva um presente. O presente significa consideração. melhores ou tenhamos mérito, mas o ato de dar é o E da forma como você dá, irá receber! que faz com que venhamos a receber. A razão de muitas pessoas estarem na Igreja a viver uma vida miserável é o facto de não estarem Que Deus abençoe a todos abundantemente.

Só ensina às pessoas a VERDADE. O dízimo, como também as ofertas, são mandamentos bíblicos.

LEIA AQUI HISTÓRIAS DE PESSOAS QUE, POR UMA RAZÃO OU POR OUTRA, DEIXARAM A PRESENÇA DE DEUS, APENAS PARA PERCEBEREM QUE SEM ELE NADA PODEM!

s i o p De

DIDAS FOTOS: CE

es t n A

Livre da doença e dos vícios

SOLIDÃO: Antes de voltar para o CdAE, Cintia sentia-se muito só

TRANSFORMAÇÃO: Cinco anos depois, Cintia voltou para a presença de Deus

“Eu voltei!”

“Saí da Igreja porque fui esfriando na fé. Lembro-me de que só ia à Igreja para acompanhar a minha mãe e, por isso, quando vim para Portugal, aproveitei essa mudança e deixei de ir. Tudo para poder fazer a minha vontade, conhecer o Mundo e saber o que este tinha para me oferecer. Contudo, o que passei a conhecer foi a doença! Tive rinite alérgica e andava sempre triste, pois, sentia-me sozinha e sem amigos. Experimentei as bebidas alcoólicas e os cigarros. E fui infeliz na minha vida sentimental. Após cinco anos, voltei! Agora, sou feliz e livre da doença, das bebidas e dos cigarros. Hoje, sou feliz!” CINTIA CARLA DO NASCIMENTO – SÃO JOÃO DO ESTORIL


4i |

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

templo maior

mensagem

bispojulio.com

Qual é o seu espírito?

Domingo 9h30 Encontro das Famílias

“... Levanta-te e arremete contra nós, porque qual o homem, tal a sua valentia...” (Juízes 8.21), disseram Zeba e Salmuna, desafiando Gideão. Procure a valentia e a coragem no seu espírito para vencer e acabar com Zeba e Salmuna na sua vida

“T

pois, estes eram como uma coroa dos mesmos. Você pode ter um espírito valente ou cobarde, mas não se esqueça de que o mal sabe que só pode ser vencido por um espírito valente. Recorde-se de que Cristo, quando esteve cá, há 2.000 mil anos atrás, disse que para se vencer o valente, você tem que ser mais valente do que ele; para você entrar na casa do valente e saquear todos os seus bens, você só o vai conseguir, não a negociar ou a falar, mas sim a exercitar a sua valentia. Então, qual é o seu espírito? Se é de valentia, então, não espere que ninguém degole Zeba e Salmuna por si, porque quem tem de o fazer é você mesmo, afinal, quem tem o poder de decisão é você, pois, ninguém pode decidir por si. É claro que é difícil, tal como foi para Gideão, porque mesmo os reis estando amarrados, eles estavam vivos, eram uma ameaça e ele sabia disso. Aqui, na Igreja, todas as pessoas são valentes, todas gritam, cantam e dão as suas ofertas, mas o que eu quero ver é como é lá fora! Como é que você se comporta diante de Zeba e de Salmuna? Você pode responder: ‘Bispo, eu costumo conversar com eles’, só que eles não conversam com ninguém. Então, você acha que Gideão conversou com eles? Claro que não, era e é guerra. E, A ESTRATÉGIA DO MAL É QUE na guerra, ou você mata ou você A PESSOA DUVIDE DELA MESMA, morre; ou você vence ou é vencido; ou você pisa ou é pisado. Você pode NÃO CREIA NA PRÓPRIA também dizer: ‘Bispo, nunca fui FORÇA=FÉ, E ASSIM ELA JAMAIS pisado e quero ser pisado’. Então, digo-lhe que é só esperar para ver CONSUMARÁ A SUA VITÓRIA o que o Mundo faz consigo. No fim, o espírito da miséria, da separação e do reis eram intimidatórias, aparentemente nervosismo vai acabar por degolá-lo. estavam amarrados e derrotados, mas isto não Gideão era espiritual e físico também, ele era, os impedia de questionar a força daquele jovem. literalmente, dois reis. E o que é que está a reinar A estratégia do mal é que a pessoa duvide dela na sua vida? O que é que o/a está a oprimir? Não mesma, não creia na própria força=fé, e assim sei, mas sei que, no dia 31 de outubro, nós vamos ela jamais consumará a sua vitória. Portanto, matar o que o/a estiver a matar. Seja lá o que se você tem um espírito fraco, então, é um for, você tem que desembainhar a sua espada e homem fraco e ainda que seja jovem de nada acabar com isso, porque tal é o homem tal é o lhe servirá se se intimidar, tremer ou duvidar. seu espírito. E qual é o seu espírito? Que seja um Então, após o pedido dos reis: ‘...Dispôs-se, pois, espírito valente, porque ninguém pode fazer o Gideão, e matou a Zeba e a Salmuna, e tomou que só você pode fazer”. os ornamentos em forma de meia-lua que estavam no pescoço dos seus camelos’ (Jz 8.21), POR SEU SERVO EM CRISTO, BP. JÚLIO FREITAS odos nós temos um Zeba e um Salmuna a quem degolar! Estes foram dois reis do oriente que oprimiram o povo de Deus e destruíam tudo o que eles colhiam. Durante todo o ano, o povo trabalhava e no momento em que iam colher, lá vinha uma multidão de soldados que levava tudo. Então, Gideão revoltado com aquela situação, dispôs-se a lutar e, com 300 homens, venceu. Os dois reis foram capturados e, naquele momento, Gideão tirou a sua espada e a deu ao seu filho, que fazia parte dos 300 homens, sendo corajoso e valente: ‘E disse a Jéter, seu primogénito: Dispõe-te e mata-os...’ (Jz 8.20). Só que o rapaz era jovem e, quando viu que eram dois reis, tremeu, tendo os dois reis percebido isso: ‘...Porém o moço não arrancou da sua espada, porque temia, porquanto ainda era jovem’ (Jz 8.20). Então, Zeba e Salmuna disseram a Gideão algo, que marcou a minha vida durante todos estes anos: ‘...Levanta-te e arremete contra nós, porque qual o homem, tal a sua valentia...’ (Jz 8.21). Ou seja, os reis diziam, um para outro, que se iam morrer que, ao menos, fosse nas mãos de um homem valente. É importante salientar que as palavras daqueles

decisã O fim do ano aproxima-se e as oportunidades para mudar de vida, tomar decisões e atitudes estão a esgotar-se. Não deixe os seus objetivos para trás, valorize-os e não desista, foi esta a mensagem para aqueles que sentem as suas vidas a passar-lhes pelas mãos

 SARA DAMÁSIO sd.r@folhadeportugal.pt

Q “

uem tem o poder de decisão na sua vida?”, perguntou o Bispo Júlio Freitas, no passado “Encontro das Famílias”, realizado no Templo Maior, em Chelas. Pois, muitos esquecem-se de que são eles os grandes decisores das suas

DEUS NÃO É MENTIROSO E NÃO VIVE DE GLÓRIAS PASSADAS vidas e não Deus, a Sociedade ou o Mundo. A não ser que se considere um objeto ou um boneco, essa responsabilidade


templo maior

HISTÓRIAS EMOCIONANTES E DRAMÁTICAS DE QUEM DECIDIU ENFRENTAR OS DESAFIOS

“Sabia que não estava sozinha” FOTOS: DIOGO ALMEIDA

são

ALTAR: O Bispo Júlio convidou os presentes a colocarem as mãos sobre o Altar para "queimar" todo o mal que existia nas suas vidas

e autoridade é de cada um. Por isso, o Bp. Júlio lembrou que se você tiver essa consciência, certamente não aceitará que os dias que faltam para o fim do

esse mal, que tem sido uma barreira na sua vida”, afirmou o Bispo.

FUJA DA MORTE E SIGA OS SEUS OBJETIVOS Para o Bp. Júlio Freitas, quem deseja o suicídio matou os seus objetivos, ou seja, quando você os valoriza e acredita neles não

“NÓS NÃO FOMOS CRIADOS À IMAGEM E SEMELHANÇA DE DEUS PARA SERMOS MANIPULADOS”, ESCLARECEU O BP. JÚLIO esclareceu o Bp. Júlio. Tendo convidado, logo a seguir, todos aqueles que, por causa dos seus sentimentos e emoções, têm

perdido o controlo das suas vidas, a tocar com as duas mãos no Altar, “porque ainda que você não veja, aqui há fogo um fogo espiritual, que vai queimar

| 5i

Casos Verídicos

QUEM TEM O PODER DE DECISÃO NA SUA VIDA?

ano terminem sem que tenha alcançado os seus objetivos. “Aqui, neste altar, milhares de pessoas já deram os seus testemunhos e mostraram com factos que, sim, somos nós que temos o poder de decisão. Nós não fomos criados à imagem e semelhança de Deus para sermos manipulados”,

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

pode desejar a morte, pelo contrário, você vai querer viver para desfrutar de uma família, de um corpo saudável, de um casamento realizado, de uma vida profissional bem-sucedida e de uma vida espiritual equilibrada. Por esse motivo, “em nome do senhor Jesus, a muralha que nos separava do nosso objetivo cai por terra”, exortou o Bispo. Todos juntos e, ao mesmo tempo, cada um por si, até ao final do ano, não poderá haver limites e tudo o que estiver ao alcance de cada um terá que ser feito ou o que já foi feito terá de ser melhorado. “Não tem como dar errado”, sublinhou o Bispo, afirmando que “Deus não é mentiroso e não vive de glórias passadas. Ele vive para coisas maiores e é nessa fé que você vai escrever a sentença de morte desse problema, trazendo-a consigo no domingo que vem”.

“Tinha uma vida muito triste, deprimida e angustiada. Fui criada desde a infância com os meus avós e só, mais tarde, fui para a casa dos meus pais. Aí assisti a muito maus-tratos e brigas, tendo sido muito traumático para mim! A minha juventude também foi muito problemática, pois, a minha mãe teve muito doente com tuberculose, tendo estado entre a vida e a morte. Na altura, tive de ficar sozinha com o meu pai e com as minhas duas irmãs mais novas. Mais tarde, os meus pais separaram-se e eu conheci o meu marido. Na altura, pensava que íamos ter uma vida diferente, mas foi aí que começou uma fase ainda pior, por causa dos vícios. Comecei a fumar e a beber álcool, depois experimentei haxixe. E o meu marido, que ia para o Casal Ventoso buscar drogas, acabou por estar preso. Enquanto ele esteve detido, em Évora, fiquei sozinha e, na altura, já tinha um filho com oito meses e estava desempregada. Até que, um dia, ouvi falar da Igreja e de Jesus, tendo-me sido dito que eu tinha um mal dentro de mim. Foi aí que comecei a frequentar o CdAE, a fazer o processo de libertação, vindo às sextas-feiras. Mais tarde, comecei a ver melhorias em mim, mas o meu marido não conseguia ouvir falar da Igreja e ficava muito revoltado. Quando ele viu que eu tinha deixado de fumar, revoltou-se. Posteriormente, separei-me, tal como os meus pais, por causa das drogas. Nessa altura, tinha trabalho, mas o meu marido não queria mudar. Lembro-me de que quando ele era preso, eu pagava a fiança e, logo a seguir, ele voltava a ir para o Casal

O meu marido, que ia para o Casal Ventoso buscar drogas, acabou por estar preso. Enquanto ele esteve detido, em Évora, fiquei sozinha e, na altura, já tinha um filho com oito meses e estava desempregada Ventoso para consumir e traficar drogas. Entretanto, participei na Fogueira Santa e fiz o meu sacrifício com o meu ordenado. Passado um mês, ele voltou para casa e começou a libertar-se dos vícios. Aí ele já estava diferente e queria mudar! Consegui também uma casa nova e, agora, estamos juntos há 25 anos! O meu marido é um homem preocupado com a família e trabalha em casa, que também não era hábito. Na altura, custou, mas confiei, porque sabia que não estava sozinha”. LUCINDA

Casal Ventoso TRÁFICO: O Casal Ventoso foi uma das zonas mais frequentadas pelos consumidores e traficantes de droga


6i |

templo maior

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

ELES RESGATARAM

desperta Em Chelas, o Bispo Júlio Freitas realizou a reunião e ensinou sobre a importância de se colocar a fé em prática

“Estive 9 meses desempregado, mas nunca deixei de dar o meu dízimo, as minhas ofertas voluntárias e de fazer os meus propósitos de fé. Até que, no mês de setembro, consegui trabalho. Resgatei a dignidade e a minha vida profissional”. LUÍS

 ISABEL BARBOSA ib.r@folhadeportugal.pt

A

Todas as segundas-feiras às 20H – Templo Maior – CHELAS sucesso financeiro.

O EXEMPLO DE JERICÓ Exemplo disso é Jericó, que era apenas um potencial (2 Reis 2.19-22). Uma boa cidade, bem localizada, porém, as suas águas eram más e, em consequência disso, a sua terra era estéril. As águas eram más para a

TUDO NA VIDA DEPENDE DA FÉ E DA CORAGEM. FÉ PARA ACREDITAR EM SI MESMO E, SOBRETUDO, EM DEUS E CORAGEM PARA COLOCAR ESSA FÉ EM PRÁTICA

Histórias de Sucesso

terra, para os moradores e para os animais, por isso, havia um potencial impedido de prosperar. E muitas pessoas vivem assim! São um grande potencial, mas estão “enfermas”. São pessoas com atitude, positivas, determinadas, trabalhadoras, honestas, dedicadas, diligentes e de caráter, mas não progridem na vida profissional e financeira. A sua vida não tem sabor! Em situações como essas é preciso um “prato novo com sal” para tornar a vida saudável novamente – ou seja, a fé e a ousadia. Tudo na vida depende da fé e da coragem. Fé para

FOTOS: DIOGO ALMEIDA

noite de segunda-feira, dia 25, ficou marcada na vida de centenas de pessoas que afluíram ao Templo Maior, em Chelas, para participarem no Congresso Financeiro, ministrado pelo orador, Bp. Júlio Freitas, responsável pelo trabalho evangelístico da Igreja Universal em Portugal e na Europa. O Congresso Financeiro tem como objetivo fulcral ensinar todos os seus participantes a serem grandes. Contudo, “não dá o peixe, mas ensina a pescar”. Durante a palestra, o Bispo ensinou aos empresários, assalariados, independentes e profissionais sobre a importância de se tomar atitudes ousadas, baseadas na fé para alcançar o

acreditar em si mesmo e, sobretudo, em Deus e coragem para colocar essa fé em prática. Para sarar as águas de Jericó, o profeta Eliseu usou o sal e derramou-o na origem do problema. Porquê o sal? Não há um significado único para o sal. Este era o símbolo usado para se firmar alianças, para a consagração no início de um relacionamento e usado em sacrifícios. Era, portanto, o sinal de um compromisso de Deus com o Seu povo, de que Ele cumpriria as Suas promessas. Desta forma, na próxima semana, será distribuído o sal de Jericó a todos os participantes, como sinal de bênção.

“Estava há, sensivelmente, 6 meses sem trabalho e procurei-o de duas formas. Da forma material, que foi a seguinte: entreguei currículos, andei de um lado para o outro, esforcei-me, mas não me chamaram. Então, fiz da outra forma, a espiritual: voltei-me para Deus, sem esperar nenhuma campanha, fiz o meu sacrifício, orei, jejuei, dei tudo de mim. Então, surgiu uma oportunidade de trabalho, onde estou a caminhar e a lutar para me firmar. Além disso, um ex-colega que tem dificuldades na disciplina de Geometria Descritiva, paga-me para corrigir os exercícios e para o ajudar”. ADILSON

Um projeto de 2,5 milhões de euros “Quando entrei no Centro de Ajuda Espiritual já tinha a empresa que tenho até hoje. Tem 33 anos de existência e é uma empresa certificada, com alvará de construção, que pode concorrer a obras públicas. Na altura, tinha problemas de saúde, pois, sofria de enxaquecas e de depressão, o que originou problemas financeiros. Tinha falta de dinheiro, dívidas à Segurança Social e eram muitas as dificuldades por que a empresa passava. Quando entrei no CdAE , pela primeira vez, vinha cheio de dúvidas em relação a tudo. Tinha recorrido à Medicina para me curar e a muitos outros lugares, em busca de uma solução, mas sem resultados. Então, foi um pouco difícil aceitar o que ouvia, mas perseverei e Deus ‘empurrou-me’ sempre! Hoje, digo graças a Deus, porque entrei aqui arrasado e se não fosse Deus não estaria aqui hoje, pois, não tinha hipóteses! E não podia contar com o apoio da minha família em relação à minha fé. Mas, quando tomei a decisão de não ficar mais dividido entre

a Palavra de Deus e a dos meus familiares, comecei receber as bênçãos de Deus e a situação começou a melhorar. O primeiro sinal foi que os problemas de saúde desapareceram. Agora, já me podia concentrar na empresa e nos orçamentos, ter paciência para lidar com os clientes e com os meus subordinados. Enfim, tinha o controlo da minha vida! Hoje, a empresa dá lucro, não deve nada e tem viaturas e máquinas próprias. Só que estas não foram conquistas do dia para a noite, mas ao longo dos anos, sempre na fé sacrificial. Agora, nesta última Fogueira Santa de Israel, em que participei sacrificando, foi em prol de um novo projeto que já está em andamento. A minha empresa sempre construiu para os outros – particulares e Estado – mas, ao longo dos anos, fui comprando lotes de terreno e, agora, vou construir condomínios fechados para vender. É um projeto no valor de 2,5 milhões de euros”. ABEL DOMINGOS CARDOSO


nacional

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

| 7i

“EU SOU DA PAZ”

e a sua ação social

Este evento continua a ser realizado por todo o País e centenas de pessoas fazem questão de marcar presença no dia em que procuram acabar com a “guerra” nas suas vidas. Para além das orações pela paz, tem sido cultivada uma vertente social muito forte e satisfatória para todos

CdAE em Ponta Delgada Rua da Boa Nova, nº 5

BP. JÚLIO LEVA A PAZ AOS AÇORES

O evento “Eu Sou da Paz” nos Açores foi realizado pelo Bispo Júlio Freitas, num dia que reuniu cerca de 300 pessoas. Foram feitas várias orações por todas as áreas da vida dos presentes e o Bispo ministrou a cura de todos através da mensagem bíblica:“A sepultura não te pode louvar, nem a morte glorificar-te; não esperam em tua fidelidade os que descem à cova” (Is 38.18). Durante o evento foi também feita a consagração do Pastor Adriano Lima e da sua esposa Kátia Lima.

FOTOS: CEDIDAS

CdAE: Largo de São Sebastião, nº 10

Cerca de 1.200 pessoas compareceram neste evento realizado no Pavilhão Afonso III, vieram desde Vila Real de Santo António até Sagres. Juntamente com amigos e familiares levaram os seus pedidos até à cruz, onde os

S.J. do Estoril DIA DE FESTA

Mais de 800 pessoas estiveram reunidas no Pavilhão Desportivo de Vinhais e receberam várias orientações práticas para superar as dificuldades. 340 dessas pessoas estiveram pela primeira vez na Igreja Universal. Distribuíram-se 200 cestas básicas a famílias carenciadas e estiveram

presentes cabeleireiros que ofereceram os seus serviços a mais de 65 pessoas. Houve também animação cultural com espetáculos de teatro, música e dança. O CdAE convidou uma médica que fez atendimento e também uma assistente social que orientou muitas pessoas no momento.

sete pastores do sul e o Bp. Robson pediram que a paz chegasse a cada coração, com a certeza da vitória. Após a mensagem de fé, os presentes levantaram as velas numa oração para que haja Luz nas suas vidas.

Póvoa Sto. Arião

VIDAS ORIENTADAS A escola secundária de Mem Martins foi o local escolhido para acolher as cerca de 1.000 pessoas que vieram dos vários bairros sociais à procura de alento para as suas vidas. Cerca de 300 sacolas, de oito quilos cada uma, de alimentação básica, foram distribuídas. Muitas pessoas mediram o colesterol, a diabetes e o índice de massa corporal, com a ajuda de uma médica e de uma farmacêutica. Consultaram ainda um advogado e uma psicóloga. Aqueles que quiseram mudar de visual tiveram acesso a uma cabeleireira e foram distribuída roupas.

FOTOS: CEDIDAS

FOTOS: CEDIDAS

Vida volta ao CdAE em Faro

Mercês

CdAE : Rua General Alves Roçadas, nº 4

CdAE: Rua Sacadura Cabral, nº 102 (C. Comercial Galiza)

O evento foi realizado no Polidesportivo da Codivel, na freguesia de Odivelas para cerca de 600 pessoas. O CdAE reuniu todos os esforços e traçou um plano para apoiar as pessoas mais carenciadas, tendo sido distribuídas mais de 300 sacolas com material de suporte básico (arroz, massa, feijão, leite e afins). Conseguiram ainda reunir roupas e abrigos para proteger os presentes do inverno que se avizinha.

FOTOS: CEDIDAS

FOTOS: CEDIDAS

CABAZES PARA TODOS

CdAE: Rua Dr. João de Barros, nº 14


8i |

internacional

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

INAUGURAÇÃO DE NOVO TEMPLO NA NICARÁGUA

 ISABEL BARBOSA ib.r@folhadeportugal.pt

HÁ 13 ANOS NO PAÍS, A IURD CONTA COM 25 TEMPLOS ESPALHADOS POR TODO O TERRITÓRIO NICARAGUENSE

FOTOS: CEDIDAS

A

Nicarágua é o maior país da América Central, com cerca de 6 milhões de habitantes. Sendo conhecido como a terra dos lagos e dos vulcões – estejam estes ativos, inativos ou extintos – o país carateriza-se pela constante atividade terrestre, responsável pelos terramotos. Estando a IURD em território nicaraguense há 13 anos e contando com 25 templos e 14 núcleos, em todo o país. A sede nacional localiza-se na capital, Manágua, na Rua 27 de Maio, Praça Inter, antigo cinema

CONSAGRAÇÃO: Bispo e pastores derramaram o óleo santo na frente do Altar, determinando a bênção

Cabrera. Durante todo este tempo, os voluntários da Igreja têm levado esperança a milhares de nicaraguenses que ainda sofrem com a miséria decorrente do alto índice de desemprego, da desigualdade de salário e da falta de infra-estruturas. Através de visitas a hospitais, a estabelecimentos prisionais, a clínicas de recuperação e a comunidades carentes da região, a Palavra de Deus é anunciada e milhares de vidas são transformadas pela fé. A IURD conta ainda com um programa

de televisão e com o jornal “El Universal”, com tiragem semanal, para evangelização.

PERSEVERANÇA Mais de 400 pessoas estiveram presentes na inauguração de

um novo templo da Igreja Universal do Reino de Deus, em Manágua, na Nicarágua. No local funcionava, anteriormente, um famoso restaurante – Munique – frequentado por ex-presidentes e empresários. Este

DURANTE ESTES 13 ANOS, A IURD TEM ANUNCIADO O EVANGELHO ATRAVÉS DA TELEVISÃO E DO JORNAL "EL UNIVERSAL". MILHARES DE VIDAS TÊM SIDO TRANSFORMADAS PELA FÉ

novo templo tem capacidade para 400 pessoas sentadas e possui ainda salas para a Escola Bíblica Infanto-Juvenil. A reunião inaugural foi ministrada pelo orador, Bp. Robson Mendes, responsável pelo trabalho evangelístico da IURD neste país da América Central. Durante a

reunião, orações foram feitas, determinando a cura e a libertação de todos os presentes. Para além das preces, o Bispo orientou o povo acerca da importância da perseverança. “Embora a Igreja esteja a ser aberta para ajudar a todos, saibam que as conquistas só virão com as lutas, pois nada na vida é fácil e é preciso ter perseverança e fé em Deus para que a vitória aconteça”, orientou o Bispo. No término, o Bispo realizou a consagração do templo com o óleo e determinou que, a partir daquele dia, todos os pedidos que ali se fizessem fossem atendidos. O novo templo estará aberto, diariamente, para acolher todos os que desejam obter a bênção de Deus nas suas vidas.

MORADA: Calle 35 Avenida – Linda Vista – MANÁGUA


sociedade

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

|9

A moda das TATUAGENS e dos PIERCINGS pode matar

 SARA DAMÁSIO sd.r@folhadeportugal.pt

É

uma espécie de desafio para o corpo e para a coragem de cada um, a escolha do local, o desenho ou o piercing que se quer usar é o ponto de partida, depois é só arriscar e ter coragem de fazer uma marca que poderá ser para toda a vida. Os riscos são alguns, no mínimo, o de se arrepender, no máximo, a possibilidade de haver infeções, que podem levar ou não a outras complicações. Recentemente, foi registada uma morte após a colocação de um piercing na língua, numa mulher de 34 anos, no País de Gales. Amanda Taylor foi a vítima que, depois de ter colocado o adorno na língua, numa loja da cidade galesa de Cardiff, desenvolveu septicemia (infeção geral no organismo grave, desenvolvida por via sanguínea, a partir de outra infeção já existente). A mulher de 34 anos, no dia seguinte a fazer o furo, foi ao médico, queixando-se de dores de garganta e inchaço na língua. Nesse momento, foi-lhe diagnosticada amigdalite. Um dia depois de lhe ter sido receitado um antibiótico, desmaiou em casa, acabando por morrer. Entretanto, a polícia de Cardiff iniciou uma

FOTOS: D.R.

Pessoas de todos os estratos sociais e idades usam-nos como forma de diferenciação e de afirmação, mas será que conhecem todos os riscos implícitos?

investigação sobre a sua morte, começando pelo local onde esta teria feito o piercing. E os resultados revelaram que a morte de Amanda esteve relacionada com uma infeção generalizada através das bactérias que estavam na sua garganta, não ficando assim provada qualquer ligação direta com a loja, onde esta teria feito o piercing. No entanto, a sua irmã veio a público explicar que a vítima era uma pessoal extremamente saudável, estranhando assim o desfecho

tipo de estabelecimentos. PREVINA-SE A Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (DECO) fez, recentemente, um estudo junto de estabelecimentos de tatuagens e piercings, o qual revelou que grande parte destes apresenta falhas na informação dos riscos que as pessoas correm neste tipo de práticas. Este esclareceu também sobre os vários perigos para a saúde, tais como: infeções, alergias, doenças de pele, contaminação

com hepatite B, hepatite C ou mesmo com o vírus da SIDA. A DECO quis ainda alertar para a importância do profissional usar luvas, máscaras, agulhas descartáveis e uma sala com um caixote de lixo e lavatório acionados por pedal. No caso dos piercings, as

colocados na língua podem ainda provocar estragos na estrutura dos dentes. Mas tanto a alimentação como a colocação de acessórios de metal podem agravar o problema. Há que lembrar ainda que alguns alimentos contêm níquel ou crómio, tais como o milho,

consequências podem estar relacionadas com a introdução de metais no corpo. Osvaldo Correia, dermatologista português, avançou que 20% da população portuguesa já sofreu de alergias a metais. E quanto mais cedo e mais vezes for feito um piercing, maior é a probabilidade de alergias. Quando estes são colocados no nariz ou na língua podem surgir alergias respiratórias e quando são

os espinafres, o tomate ou o chocolate. Quanto às tatuagens, as tintas que permanecem no organismo podem, por vezes, levar a um estado cancerígeno. E os corantes estão, frequentemente, relacionados com alergias. As cores escuras e os vermelhos podem também trazer mais problemas por terem uma substância – a parafenilenodiamina – ligada a eczemas.

AMANDA TAYLOR MORREU NO DIA A SEGUIR A FAZER O PIERCING NA LÍNGUA, RESULTADO DE UMA INFEÇÃO NA GARGANTA da situação. Não foram detetadas evidências que comprovassem que ela pudesse ter sido contaminada com a bactéria na loja, mas a legista responsável pelo caso lembrou a importância de se ter atenção à higiene e à saúde do espaço e dos funcionários deste


10 |

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

PORTUGAL EM XEQUE

O povo

Em tempo de crise e num momento em que não se fala de outra coisa a não ser nas medidas de austeridade que vão obrigar os portugueses a “apertar o cinto” de novo, vejamos como é gasto o dinheiro dentro do próprio Estado. Desde negócios privados, a derrapagens em obras até às despesas do primeiro-ministro

Es tad

 SARA DAMÁSIO sd.r@folhadeportugal.pt

C

om a discussão sobre o novo Orçamento de Estado na ordem do dia, há já vários meses, e com as medidas de austeridade esmiuçadas por todos os meios de comunicação, já são poucas as novidades que se esperam. No entanto, muitos portugueses ainda se podem surpreender se souberem quanto é que José Sócrates gasta, por dia, para exercer o seu cargo de primeiro-ministro. Sabia que José Sócrates ganha mais do que o seu homólogo espanhol? Segundo dados revelados à revista Sábado, em 2011, Sócrates ganhará 95.886 euros brutos e Zapatero ficará

LUXOS: José Sócrates contratou, desde o início do seu mandato, 20 motoristas, no entanto, apenas ele e o seu chefe de gabinete têm direito a viatura para uso pessoal, ou seja, 20 motoristas para duas pessoas

SERÃO GASTOS 382 EUROS POR DIA SÓ EM TELEMÓVEL

FOTO: LUSA/ JOSÉ COELHO

combustíveis e lubrificantes. Isto quando o Orçamento de Estado aprovado em 2005, ainda por Santana Lopes, previa despesas de 95 mil euros, isto é, menos 64 mil euros do que agora. ESPECIFICANDO UM POUCO MAIS 177 mil euros é quanto Sócrates vai ter disponível só para despesas de

Sabia que Sócrates ganha mais do que Zapatero?

alimentação, fora ou dentro de Portugal, as despesas podem rondar os 135 mil euros, cerca de 370 euros por dia, ou seja, o equivalente a uma reserva por noite no hotel Ritz. Fora as refeições dentro do palácio de São Bento que chegam aos 101 mil

Pavilhão Atlântico, o gabinete do ministro facultou 9.107 mil euros. E muitos são ainda os eventos em que Sócrates participa, os quais são patrocinados pela presidência do Conselho de Ministros (PCM). O gosto exigente do primeiro-ministro fez-se notar logo em 2000, quando se tornou ministroDESDE QUE SÓCRATES ASSUMIU O CARGO, A 26 DE -adjunto de António OUTUBRO DE 2009, FORAM 71 PESSOAS NOMEADAS Guterres e redecorou PARA O SEU GABINETE, ENTRE ELAS 20 MOTORISTAS todo o gabinete a que teve direito na altura. comunicações, 80% deste valor euros, ou seja, 276 euros diários. Em 2009, já no cargo de primeiroserá gasto em telemóveis, fazendo No que diz respeito a material de -ministro, quando a crise estava as contas: são 139.468 euros por escritório, estão previstos gastos no seu pior, só nos jardins de ano, 382 euros por dia. na ordem dos 29 mil euros e 18 São Bento foram gastos 33.950 Falando agora mil para condecorações, prémios euros. Já para não falar dos gastos de alojamentos, e ofertas. Para as comemorações na residência oficial do transportes e dos 100 dias de Governo, no primeiro-ministro, que só GRÁFICO: Jornal PÚBLICO

pelos 78.184 euros anuais. De 2005 a 2011, as despesas do gabinete do primeiro-ministro tiveram um aumento de 11,4%. E para que conste, desde que Sócrates assumiu o cargo, a 26 de outubro de 2009, foram 71 pessoas nomeadas para o seu gabinete, entre elas 20 motoristas. Dado estranho quando, por lei, apenas o primeiro-ministro e o seu chefe de gabinete têm direito a possuir viatura para uso pessoal, com motorista. Muitos destes motoristas são contratados a privados, o que pode aumentar ainda mais a despesa. Prevê-se que, só em combustível, o gabinete de Sócrates gaste, por dia, 436,70 euros. Ou seja, estão previstas para o próximo ano, despesas no valor de 159.400 euros só em

Zapatero governa um país 5 vezes maior do que Portugal e ganha menos 20 mil euros do que Sócrates FOTO: EPA/ J.J GUILLEN


portugal em xeque

vo poupa eo

ado gasta “Orçamento do primeiro-ministo” FOTO: D.R.

Aqui ficam algumas despesas do gabinete do primeiro-ministro previstas no Orçamento para 2011

Combustível:

436.070€

(previsão por dia)

Comunicações:

177.000€ 135.000€ Despesas com pessoal em São Bento:

2.67 milhões € total, o primeiro-ministro tem 10 assessores, o mais próximo e mais bem pago é Guilherme Dray, chefe de gabinete que ganha cerca de 5.069,90 euros por mês. Em 2009, ainda sem cortes orçamentais, o

NO TOTAL, O PRIMEIRO-MINISTRO TEM 10 ASSESSORES, O MAIS PRÓXIMO E MAIS BEM PAGO GANHA CERCA DE 5.069,90 EUROS POR MÊS

| 11

As contas do Governo

Recentemente, Carlos Moreno, antigo juiz dos tribunais de contas portugueses e europeus, lançou um livro, no qual denuncia a forma como o Estado gasta o dinheiro do povo. “Devem servir os outros e não servirem-se a si próprios”, diz Carlos Moreno em relação ao Governo. Em declarações à revista Focus, chamou a atenção para 14 mil entidades que recebem verbas do Orçamento de Estado, para as 1.000 empresas estatais e locais e também para as 900 fundações e associações para uso público. A crítica recai sobre várias áreas: parcerias público-privadas (PPP), derrapagens nas obras públicas, gastos com entidades políticas, setor empresarial do Estado, o estado-providência, as festas e eventos públicos. No que diz respeito às PPP, tem sido um negócio de endividamento para o Estado. Em 2009, os encargos públicos com as PPP, feitas ou por fazer, chegavam aos 50 mil milhões de euros. Por exemplo, só nas rodovias, em 2009, os encargos eram já de 12 milhões de euros. O contrato com a Lusoponte, exploradora das pontes 25 de Abril e Vasco da Gama (primeira PPP), foi revisto sete vezes, resultando de sete acordos de reequilíbrio financeiro. O Estado gastou nesses reequilíbrios cerca de 160 milhões de euros, para além das compensações diretas de 250 milhões de euros. Somando mais 100 milhões de euros em construções de acessibilidade para a ponte Vasco da Gama, resultando no valor de cerca de 400 milhões de euros a mais, para um negócio que era suposto ser sustentável. Os maus contratos e as más gestões têm levado assim ao aumento dos encargos com as PPP.

DERRAPAGENS E SETOR EMPRESARIAL ESTADO

Alojamento/ transportes/ alimentação:

com arranjos florais triplicaram, passando de 19.200 em 2009 para 63.000 euros em 2010. A nível de despesas com pessoal em São Bento, em 2011, Sócrates prevê gastar 2.67 milhões de euros. No

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

primeiro-ministro ganhava, por mês, cerca de 8.010 euros ilíquidos. No entanto, e mesmo contra a sua vontade, em maio deste ano, com as pressões das agências de rating e dos parceiros europeus, depois de aprovar o PEC2 e com a imposição de Pedro Passos Coelho, Sócrates reduziu 5% no salário dos políticos.

As más decisões políticas, a falta de monitorização dos projetos e a não-análise de custo/benefício são alguns dos exemplos que criam as derrapagens. Para além disso, muitas vezes, os concorrentes apresentam um orçamento com um valor baixo, para depois de adjudicado anexar custos que, supostamente, não estavam previstos na obra. Ou então, como denuncia Carlos Moreno, às vezes, acontecem situações em que o Estado anuncia a compra de um carocha e aparece com um Ferrari. A Casa da Música no Porto é um exemplo disso, que passou de um valor inicial de 33.9 milhões para 111.1 milhões de euros; ou a ponte Europa, em Coimbra, com mais 41 milhões de euros do que o previsto. Em 2008, a dívida total com empresas públicas era de 32.8 milhões de euros (19,7% do PIB), conta Carlos Moreno. Há que referir ainda o facto de o Estado transferir, anualmente, cerca de 400 milhões de euros para empresas públicas, a título de indemnizações compensatórias. 160 mil milhões de euros vão para a RTP, para a CP 34.7 milhões e para a Refer 36.1 milhões. Já para não falar dos tão polémicos vencimentos dos gestores destas empresas, que totalizavam 39.4 milhões de euros, em 2009, contra os 35.4 milhões de 2008. .R. :D TO FO

O que custam as festas e as entidades na política EVENTOS: Só nas comemorações do centenário da República foram gastos cerca de 10 milhões de euros

FOTO: LUSA/MÁRIO CRUZ

Só nas comemorações do 160º aniversário da Direcção-Geral de Contribuições e Impostos foram gastos cerca de 260 mil euros. Já um aniversário da Anacom custou ao Estado 200 mil euros. Fora os 10 milhões de euros, recentemente, dispensados para as comemorações do centenário da República. Na Assembleia da República (AR), em 2010, existia um orçamento no valor de 200 milhões de euros, divididos em: salários, ajudas de custo, subsídios, despesas com o próprio espaço que rondavam os 85.5 milhões, subvenções políticas aos partidos e respetivos grupos parlamentares (91.6 milhões) e os custos com entidades autónomas ou dependentes da AR, tais como a Entidade Reguladora para a Comunicação Social ou Comissão Nacional de Eleições, no valor de 14.2 milhões de euros.


12 |

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

reportagem portagem especial O Tribunal de Justiça de São Paulo anulou o processo em que o líder da Igreja Universal do Reino de Deus, Edir Macedo, foi acusado de envolvimento em crimes de lavagem de dinheiro, através do envio de recursos para o exterior

Acusação do MP contra a IURD é anulada

 ISABEL BARBOSA ib.r@folhadeportugal.pt

Dois pesos, duas medidas

O

Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) ordenou, no passado dia 19, a anulação de todas as acusações do Ministério Público (MP) de São Paulo contra a cúpula da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD). A decisão é extensiva aos dez réus, entre eles

Diferente do que ocorreu em agosto do ano passado, quando o juiz da 9ª Vara Criminal de São Paulo aceitou a denúncia elaborada pelos promotores de Justiça de São Paulo, a notícia agora não causou estardalhaço na imprensa. No dia seguinte à decisão do TJ-SP, enquanto o jornal “O Estado de S. Paulo” publicou matéria de meia página do primeiro caderno (com chamada na capa) para noticiar o assunto, os veículos impressos das organizações “Globo” e do grupo “Folha” não deram sequer uma nota sobre o tema. A “Folha de S. Paulo” publicou um texto de poucos parágrafos na sua versão online e o jornal “O Globo” nem isso. Mas, há um ano e dois meses, ambos tinham dedicado manchetes agressivas e extensas matérias com textos tendenciosos sobre o caso, apesar de este estar protegido pelo segredo de justiça.

DUAS DERROTAS, EM MENOS DE 30 DIAS Este é o mais pesado revés imposto aos promotores de Justiça do Gaeco, do MPE. Em maio, a 16.ª Câmara do TJ-SP já tinha considerado nula parte das provas apresentadas pela promotoria e indicado erro de condução pelos promotores do caso, ao solicitarem cooperação internacional para investigar os acusados. O que fez com que Veríssimo de Jesus, que figurou como diretor das empresas “Cremo” e “Unimetro”, através das quais o dinheiro

FOTO: CEDIDA

o Bispo Edir Macedo, líder e fundador da Igreja. Por maioria de votos, os desembargadores da 16ª Câmara Criminal do TJ-SP entenderam que os promotores do Grupo de Atuação Especial e Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) não têm competência para investigar o caso. E ordenou a anulação de todos os atos do processo que tramitava perante a 9.ª Vara Criminal de São Paulo, até mesmo a denúncia (acusação formal à Justiça).

FOTOS: FERNANDO MARTINS/JOSÉ CÉLIO

MULTIDÕES: É o que identifica a Igreja Universal, que, ao longo dos anos, tem transformado vidas

PERSEGUIDO: Não são de agora as acusações contra a Igreja Universal e o seu líder, o qual chegou a ser preso. Mas todas elas foram arquivadas ou anuladas

arrecadado de forma ilícita pela Igreja seria remetido para o exterior, segundo sustentava a acusação, ficasse livre da ação penal. Em entrevista ao portal de notícias “R7”, o advogado

Pitombo, reponsável pelo processo, reforçou a importância do facto. “Esse caso foi a segunda grande derrota [para o Ministério Público] em menos de trinta dias. A primeira foi reconhecer que o promotor não pode pedir quebra

de sigilo bancário para país estrangeiro”. Após o processo ser tratado com grande estardalhaço pelos promotores na imprensa, a decisão reafirma a postura dos desembargadores em condenar iniciativas, exploradas nos media, baseadas em indícios frágeis, sem comprovação legal. O advogado afirmou que a decisão da Justiça comprova que a ação estava “completamente

AS ACUSAÇÕES AGORA ANULADAS, NADA MAIS SÃO DO QUE UMA REPETIÇÃO DO CONTEÚDO DE OUTRO PROCEDIMENTO INSTAURADO EM 1999, ARQUIVADO PELO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

errada”. Segundo ele, os desembargadores acolheram os seus argumentos de que não havia prova contra os acusados. “Argumentei que a acusação formal era nula, porque não havia nenhuma descrição de facto concreto. Que não havia nenhuma prova para o processo criminal. [...] E o Tribunal decidiu que, realmente, essa acusação não deveria nem ter-se iniciado e que estava tudo errado, primordialmente porque a matéria deveria ser julgada pela Justiça Federal e, por isso, anulou o processo inteiro”, afirmou Pitombo ao “R7”. De acordo com o advogado, embora a documentação do processo seja encaminhada para a Justiça Federal na sequência, a ação não prosseguirá nesta instância. “Não tem mais ação penal”, afirmou. ATAQUES REPETIDOS Não é a primeira vez que a Igreja Universal e o Bispo Edir Macedo são atacados. Já foram mais de 20 processos e inquéritos criminais e em todos o final foi o mesmo: o arquivamento ou a absolvição dos acusados. Na época em que a denúncia do MPE foi aceite, Arthur Lavigne, advogado da IURD e das pessoas incluídas na denúncia, já questionava a imparcialidade da ação dos promotores. O argumento dele era que a maioria das acusações feitas fugia da alçada do MP de São Paulo, o que ficou comprovado agora. “Estes factos são recorrentes há mais de 10 anos. Em 2006, houve um arquivamento de um inquérito deste pelo Supremo Tribunal Federal (...). Sobre a reiteração dessas acusações sobre os mesmos factos pode-se dizer no mínimo que há um inconformismo do Ministério Público, o que seria até um desrespeito à Justiça”.


FOTO: EPA/PAULO NOVAIS

desporto porto

O presidente Jorge Nuno Pinto da Costa, tido por muitos como o mal do futebol português, na realidade foi o homem que colocou o FC Porto no ponto em que está hoje, a nível nacional e europeu

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

| 13

Que boa

“colheita” este Porto Porto!

 JOÃO FILIPE jf.d@folhadeportugal.pt

Q

fim da época, para render Carlos Carvalhal. Mas Jorge Nuno Pinto da Costa, numa jogada de antecipação ou talvez nem por isso, contratou o jovem técnico, como uma aposta pessoal do Presidente. Apesar de muitos comentadores de futebol terem achado que este não tinha maturidade para o cargo e que era uma aposta arriscada, a verdade é que Pinto

HULK: Um início de época fora de série tem marcado o seu desempenho no Dragão

ligados ao FC Porto e à estrutura da arbitragem portuguesa, uma coisa é verdade: o clube da Invicta comete menos erros de casting do que os demais, tanto no aspeto dos treinadores que escolhe, como no dos jogadores.

FOTO: LUSA/JOSÉ COELHO

MUITOS COMENTADORES ACHARAM QUE VILLAS BOAS NÃO TINHA MATURIDADE PARA O CARGO E QUE ERA UMA APOSTA ARRISCADA

JOVEM: Contrariou tudo e todos, pois juventude não é sinónimo de incompetência

da Costa já nos habituou a estas decisões de risco, para quem está de fora, mas que, pelos vistos, são bem pensadas para quem está por dentro dos dossiers em questão.

Os anos têm dado razão ao líder azul e branco, mesmo com todas as evidências que têm vindo a público sobre as famosas escutas telefónicas entre membros

INÍCIO DE OURO Em 15 jogos, o FC Porto venceu 14 e empatou 1 – com o Vitória de Guimarães – um arranque que representa o melhor dos últimos 25 anos, ou seja, nem Mourinho fez melhor arranque do que Villas Boas. Muito se deve à forma absolutamente acima da média de Hulk, escolhido como o jogador do mês em agosto e em setembro. Este tem marcado golos atrás de golos – só na liga portuguesa já leva 8 – tem assistido aos colegas, enfim, tem jogado e feito jogar. E quando alguns comentadores, afetos a outros emblemas, diziam que o

TERMÓMETRO

FOTO: D.R.

FOTO: LUSA/JOSÉ COELHO

Villas Boas e Hulk têm sido os maiores trunfos deste início de temporada

uando há um ano atrás assumiu o comando técnico da Académica, poucos acreditavam que André Villas Boas pudesse vingar no meio futebolístico português. Carregando consigo o fardo de ter sido adjunto de José Mourinho, desde o início quis demarcar-se dessa situação, ou seja, sempre afirmou não ser o novo Mourinho. Com apenas 32 anos, André Villas Boas conseguiu desenvolver um bom trabalho à frente da equipa dos estudantes, tendo o seu nome surgido nos meios de comunicação social como uma alternativa para substituir o treinador Paulo Bento e, depois, no

A chegada do jovem Bebé à equipa principal do Man. United – onde se estreou com a marcação de um golo, na Taça da Liga Inglesa – quando, na época passada, jogava na 2ª divisão nacional

A ameaça de greve dos árbitros na 10ª jornada, por causa de uma norma fiscal. O estranho é que estes desejam fazer greve por este assunto e não quando é posta em causa a sua honestidade

Hulk não era tão bom jogador como o queriam “pintar”, este início de temporada veio mostrar exatamente o contrário. Em oito jornadas, o FC Porto é já considerado o melhor ataque, com 19 golos marcados, e a melhor defesa com quatro sofridos; na Liga Europa conta com três vitórias, sete golos marcados e

EM 15 JOGOS, O FC PORTO VENCEU 14 E EMPATOU 1 – COM O VITÓRIA DE GUIMARÃES – UM ARRANQUE QUE REPRESENTA O MELHOR DOS ÚLTIMOS 25 ANOS, OU SEJA, NEM MOURINHO FEZ MELHOR ARRANQUE um sofrido, estando assim com nove pontos e liderando o grupo L; na Taça de Portugal continua na competição. Até ao momento, a aposta do presidente está-se a revelar vencedora, mas existe sempre o risco de na reabertura do mercado de inverno poderem vir a sair alguns jogadores, ou até mesmo no fim da época. Aí terá André Villas Boas arte e engenho para reconstruir a equipa?


o seu corpo

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

etes b a i D Já fez os seus exames? Cerca de 400 mil portugueses não sabem que têm diabetes. E você? Considera-se uma pessoa sedentária? Com excesso de peso? Tem uma alimentação descontrolada e hipercalórica? Então, poderá ser um dos 400 mil casos

. D.R S: TO FO

14 |

Controlo

do peso em

PESO: O controlo do seu peso é essencial para equilibrar os valores da diabetes

10 passos

 SARA DAMÁSIO sd.r@folhadeportugal.pt

S

ó nos últimos 20 anos, o número de diabéticos em Portugal pode ter quadruplicado, são estes os dados revelados, este ano, pelo Presidente da Sociedade de Diabetologia. Perto de 400 mil pessoas não têm consciência desta patologia nas suas vidas,

a qual é provável que exista se reunir um grupo de caraterísticas, tais como: excesso de peso, vida sedentária, alimentação irregular e hipercalórica e tiver um grande perímetro abdominal. Por outro lado, a gravidade da doença pode também estar relacionada com fatores como: casos de diabetes na família; caso tenha nascido com mais de 4 quilos; ou se, no caso

FOTO: D.R.

CULINÁRIA

ARROZ DOCE COM FRUTOS SILVESTRES INGREDIENTES

 150G DE ARROZ  1 LITRO DE LEITE GORDO  300G DE AÇÚCAR  2 GEMAS DE OVO

 300G DE FRUTOS SILVESTRES  1 PAU DE CANELA  CASCA DE 2 LIMÕES

P R E PA R AÇ ÃO

Coza o arroz separadamente. E depois, junte, ao arroz já cozido, o leite, o açúcar, a casca de dois limões, a canela e, por último, as gemas, delicadamente. Coza até obter um ponto cremoso e deixe arrefecer. Numa frigideira anti-aderente salteie os frutos com 3 colheres de açúcar. Deixe arrefecer. Disponha em cada taça: uma porção de frutos no fundo, seguida de arroz doce e termine com uma colher de frutos silvestres no topo. Decore a gosto.

1.

Coma, principalmente, hidratos de carbono complexos, tais como produtos à base de cereais integrais, batatas, legumes e fruta; Não use gordura para cozinhar os alimentos; Use carne magra e enchidos, retirando as gorduras visíveis; Sirva peixe magro e aves sem pele; Use laticínios meio-gordos ou magros; Evite frutos secos, gelados e chocolate; Adoce as sobremesas com adoçantes sem calorias; Beba muitas bebidas sem açúcar ou com adoçante, tais como água mineral, refrigerantes, café ou chá; Não estabeleça proibições absolutas; A boa forma física ativa o metabolismo e ajuda-o a perder peso.

2. 3. 4. 5. 6. 7. 8.

9. 10.

das mulheres, tiver desenvolvido diabéticos, anteriormente, tem hoje entre 100 a 120. Sendo a diabetes durante a gravidez. É uma doença crónica que diabetes a maior causa de enfartes se apresenta com o aumento do miocárdio em pessoas com dos níveis de açúcar (glicose) menos de 40 anos, a primeira no sangue e na incapacidade do responsável pela cegueira, organismo transformar toda UM MÉDICO DE FAMÍLIA a glicose proveniente dos alimentos. E o relatório anual QUE TINHA, EM MÉDIA, do Observatório Nacional 30 A 40 DIABÉTICOS, de Diabetes revela que, atualmente, em ANTERIORMENTE, TEM Portugal, existe um HOJE ENTRE 100 A 120 milhão de pessoas, entre os 29 e 79 anos, com insuficiência renal e amputações esta patologia, valores que estavam não traumáticas de membros e calculados apenas para 2015. ainda um dos maiores fatores de Um médico de família risco para enfartes e acidentes que tinha, em média, 30 a 40 vasculares cerebrais.

Conselhos alimentares

para ajudar a

controlar a diabetes  Tente obter e manter o peso dentro dos limites adequados para a sua altura, sexo e atividade física.  Faça várias refeições ao dia, pois assim torna-se mais fácil controlar os níveis de glicose no sangue.  Procure fazer as refeições a horas certas, adaptadas às doses de insulina.  Reduza o consumo de alimentos fritos e com muita gordura. Opte por alimentos como queijos com baixo teor de gordura, carne magra e leite meio-gordo ou magro.  Procure consumir mais alimentos amiláceos, com alto teor de fibras, como por exemplo: feijões, ervilhas, lentilhas, legumes e frutas.  Evite consumir produtos açucarados. É mais aconselhável comer um bolo no final de uma refeição do que com o estômago vazio.  Não utilize sal em excesso. Uma elevada dose de sal contribui para uma pressão arterial alta.  Beba bebidas alcoólicas com moderação, mas nunca de estômago vazio. O álcool pode causar hipoglicémia ou um nível baixo de glicose no sangue, caso esteja a tomar injeções de insulina ou comprimidos.  Evite produtos alimentares e bebidas especiais para diabéticos. Além de serem caros, são desnecessários.


olhar ar feminino

ESSENCIAIS

 ISABEL BARBOSA ib.r@folhadeportugal.pt

D

epois de anos e mais anos de moda, vai levar umas boas horas para fazer algumas compras essenciais que a ajudem a conseguir um guarda-roupa ultraclean para esta temporada. Saiba que retornam as jaquetas trespassadas, o estilo alongado dos anos 90, a inspiração militar... 1. Estilo militar – caraterizado por casacos tipo trincheira, tabela dupla de botões, pormenores metálicos, cintos altos, bolsos e palas. O look feminino é valorizado com um aspeto forte e dominante, a mulher do futuro. Para as griffes masculinas, acentuam-se os pormenores nas calças, tais como os bolsos cargo, os casacos e os blusões. 2. Saias pelo joelho – uma

aposta que deverá fazer nesta temporada. Mas atenção porque se for baixa, escolha sempre saias acima do joelho. As saias lápis, com cortes evaseé e túlipa estão em alta. 3. Peças em pêlo, couro e pele – casacos, blusões, jaquetas e coletes... o pêlo e o couro estão em destaque para o frio, mas escolha o artificial! As golas e até as bolsas querem-se quentinhas e fofas! 4. Blusão aviador – é o grande hit da estação, para homem e para mulher. Crie um look arrojado e muito stylish com esta peça, combine com saias, jeans e vestidos! 5. Extralongos – saias, sweats compridas, camisolões, casacos, malhas... um estilo confortável e quente que, certamente, terá grande adesão neste inverno. 6. Escocês e xadrez – um clássico que retorna nestas tendências. Aposte

CRÓNICA...

F

alar em dificuldade para as pessoas é dar-lhes motivos para fugir. Começar do zero, quando aparentemente se estava lá na frente, é uma humilhação. Uma humilhação, porque a imagem e a posição eram bem reconhecidas pelos demais. E agora, problemas, verdades sobre mim? Ah não! Não posso aceitar! É uma injustiça! Tudo isso é devido ao que você é! O seu instinto é orgulhoso e não quer

em camisas, blusas, casacos, forros, cachecóis e sapatos... ah, e também collants! 7. Estilo anos 50 – uma inspiração que teima em não sair de moda, senão pense nas

ACESSÓRIOS Botins, botas de cavaleiro, botas militares, sapatos vintage, sapatos e botas plataforma, bolsas e carteiras clássicas e tribais... inove e crie o seu estilo e complemente-o com acessórios bem fashion!

FOTOS: BURBERRY-PRORSUM

Um guia de estilo e de moda para saber o que comprar, de acordo com as últimas tendências

DOMINGO

31 • OUTUBRO • 2010

| 15

PARA O OUTONO/ INVERNO

mulheres executivas dos anos 50, nas estrelas de Hollywood... vestidos, casaquinhos tipo Chanel, blusas e folhos, nervuras e tufados, combinados com saias travadas e tweeds. 8. Veludo – não deixe de ter um vestido, um bolero e até um casaco no seu guarda-fatos, pois, estes estão muito in e continuarão a estar. Os adamascados e os veludos lavrados também estão em destaque. Calças, calções, saias... 9. Calças direitas e cigarette – pois é, as calças afuniladas e estreitas voltam a estar na moda! Em pele, tweed, lã ou denim, o modelo cigarette conjuga-se bem com peças tufadas e volumosas na parte do torso. 10. O 2 peças, fatos executivos – um fato clássico, bem ao jeito masculino, não deverá faltar no seu guarda-

-roupa. Combine com blusas e tops extra-femininos para suavizar. 11. Estilo étnico – as cores, os pormenores e as fusões de tecidos e estilos fazem deste conceito uma lufada de ar fresco nas tendências invernais. Aposte em coordenados inspirados nos Andes, na América Latina, na África e na Ásia. Os estampados animais e selvagens. 12. Rendas – glamour e sofisticação para pormenores, como golas, encaixes e escapulários. Mas pode preferir peças totalmente confecionadas em renda: saias, vestidos e tops. O look boudoir e lingerie está na moda! 13. Calções – muitos estilos e modelos para esta peça bem arrojada. Combine com collants opacos ou fantasia, deixando as suas pernas espetaculares e trendy.

INOVE: Estes acessórios são essenciais para conseguir um guarda-roupa ultraclean para esta temporada

VIVI FREITAS

DIFICULDADES, O QUE ME FAZEM? deparar-se com a verdade. Você prefere ser enganada por si mesma, do que propriamente encarar essa verdade que está dentro de si. E o que os outros vão pensar de mim? Eu que estava lá na frente, crescendo em posição, sendo reconhecida como um “bom referencial”, agora vou deixar desmoronar tudo? Começar do zero? Não quero ouvir de ninguém! Porque sei que me vão

atacar! Prefiro esconder-me do que propriamente encarar! Ok, amiga! Você prefere assim, então, espere estar sempre a construir a sua vida sobre algo desestruturado, porque tudo o que você vive é uma mentira, um engano e uma farsa, somente em prol dos demais, somente para aparentar e aparecer. Para si, a dificuldade não faz morrer essa natureza rebelde.

A dificuldade aumenta o seu orgulho, as suas defesas e as suas desculpas, dizendo sempre que a culpa é dos demais! Até quando vai fugir do seu “grande eu” e da realidade que ele tem trazido? Até quando vai ser escrava, agradar aos demais, enquanto está a morrer por dentro, sendo iludida por si mesma, sendo a culpa a sua própria inimiga?

Até quando se vai desvalorizar, enganando-se a si mesma em prol de “satisfazer os pensamentos dos demais”? A dificuldade, fez-me ver quem eu era. Ai, ai, ai... se não existissem dificuldades na minha vida! Ai, ai, ai... se elas não tivessem existido, para que eu reconhecesse o quanto preciso de ajuda... Ai, ai, ai... se elas não tivessem aparecido para manifestar a minha fé, onde "A DIFICULDADE AUMENTA O estaria hoje? Então, porquê SEU ORGULHO, AS SUAS DEFESAS resistir quando E AS SUAS DESCULPAS, DIZENDO você pode ser SEMPRE QUE A CULPA É DOS melhor através DEMAIS!" delas?


Centro de Ajuda Espiritual

20 anos em Portugal

compartilhando a Palavra de Deus

S EMANA

DE:

31 OUTUBR0 A 07 DE NOVE MBRO

Uma das metas do CENTRO DE AJUDA ESPIRITUAL é mostrar a todos os que precisam, que as suas vozes serão ouvidas, os seus sentimentos e as suas perguntas serão tratados com cuidado e que receberão respostas práticas para ajudá-los a trazer sentido às suas próprias vidas

AGENDASEMAN AL DESTAQUE DESTA SEMANA

NO

CdAE

CONSAGRAÇÃO DOS Dizimistas “Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós bênção sem medida” (Ml 3.10). Você que tem sido fiel a Deus venha no próximo domingo, DIA 7 DE NOVEMBRO, fazer parte da consagração e da unção dos dizimistas

NO TEMPLO MAIOR E NO CDAE MAIS PERTO DE SI! SEGUNDA-FEIRA

SEXTA-FEIRA

Desemprego, dívidas, casos na Justiça, imigração, desenvolvimento da sua empresa e sucesso no mercado de trabalho

Energia negativa, insónia, inveja, má sorte...

Económico

LIGUE AGORA!

ESTAMOS ABERTOS

7 DIAS POR SEMANA EM 110

TERÇA-FEIRA

Problemas de Saúde

LOCALIDADES

Doenças, dores, problemas de saúde persistentes...

Não somos de aparências, nem estamos a tentar impressionar ninguém. O que você vê é aquilo que somos, um Centro de Ajuda realista que acredita que a vida de qualquer pessoa pode mudar para melhor, de facto, não apenas mudar, mas ser totalmente transformada. Estamos abertos diariamente, fique à vontade para nos fazer uma visita em qualquer dia da semana, faremos os possíveis para ajudá-lo no que precisar.

PODERÁ ENVIAR A SUA DÚVIDA:

Pessoalmente: Poderá deixar a sua questão no Templo Maior

Correio: Rua Dr. José Espírito

Santo, nº 36 - 1950-047 - Lisboa

E-mail: info@iurd.pt Telefone: 707 301 221 As dúvidas serão esclarecidas, durante o Estudo Bíblico, todas as quartas-feiras, às 20H, no TEMPLO MAIOR

SÁBADO

Causas Impossíveis-8H Problemas que aos olhos humanos já não têm solução

Quebra da Maldição-15H Quebra das maldições hereditárias

QUARTA-FEIRA

Crescimento Espiritual Desenvolva a sua vida espiritual e força interior, através da leitura da Palavra de Deus

QUINTA-FEIRA

Família e Casamento

Orientação para a resolução de conflitos familiares

Todas as QUARTAS-FEIRAS, pelas 20H, no Estudo Biblico “Somos todos Filhos de DEUS?”, o Bispo Júlio Freitas estará a responder a uma das questões colocadas. Par ticipe e oiça também a resposta à sua questão.

Limpeza Espiritual

Terapia do Amor-19H Problemas sentimentais, brigas constantes no casamento...

DOMINGO 7h30 / 9h30

ENCONTRO DAS FAMÍLIAS Desafio da Fé |15H Mulheres e Homens Sábios

18H

De Segunda a Sexta às 7H, 10H, 12H, 15 e 20H Em todas as reuniões, temos disponível aconselhamento espiritual

TEMPLO MAIOR

Centro de Ajuda Espiritual mais perto de si

Rua Dr. José Espírito Santo, 36 CHELAS (PRÓXIMO

DA ESTAÇÃO DE METRO)

PUB

Jornal Nº358  

Folha de Portugal

Advertisement