Page 90

Sob o céu azul de João Pessoa, crianças sentadas em círculo ouvem atentamente as instruções da oficina de teatro. Do outro lado, dentro da casa, vozes cantam afinadas. E, sob uma lona de circo, jovens domesticam os malabares. Esse é o Centro Cultural Piollin, que homenageia este que foi um dos grandes artistas populares do Brasil, Abelardo Pinto, o palhaço Piollin. Com um olhar voltado para a arte circense, o centro, que também é uma escola, desponta como um trabalho coletivo, no qual a proposta pedagógica se organiza por meio de ciclos, um conjunto integrado de atividades, oficinas e outras ações que duram de dois a três anos. Funcionando num antigo engenho de cana-de-açúcar, a escola existe desde 1977 e atende jovens e crianças da região do Bairro do Roger e adjacências, na capital paraibana. Os ciclos de estudo são multidisciplinares e

transversais. Neles, os alunos dispõem, gratuitamente, de aulas de circo, arte da palavra, teatro e, ainda, musicalidade, prática do conhecimento e semear o planeta, essa última orientada pelos princípios da sustentabilidade e da permacultura. Atendendo crianças e jovens de 7 a 22 anos, o Piollin conta com a coordenação pedagógica de Simone Alves, artista circense que entrou na instituição como voluntária e com poucos recursos passou a administrar oficinas. “A instituição funcionava de segunda a sexta e nossa oficina aos sábados. E mesmo com uma estrutura precária, sem poder ao menos oferecer um lanche, a procura foi crescendo. Era o recomeço do circo como ação educativa no Piollin. Isso fez com que pensássemos num projeto mais consistente, com mais turmas e mais dias de aulas durante a semana. Quando assumi a coordenação pedagógica do centro, tudo aquilo que era próprio das oficinas se ampliou para a instituição. E passamos a não pensar mais em oficinas, e sim em ciclos, não mais no individual, mas no coletivo, não mais em direção, e sim em gestão participativa.

Sentidos - Rumos Educação, Cultura e Arte  

"Sentidos - Rumos Educação, Cultura e Arte" registra o percurso da edição 2011/2013 desta carteira do Rumos.

Sentidos - Rumos Educação, Cultura e Arte  

"Sentidos - Rumos Educação, Cultura e Arte" registra o percurso da edição 2011/2013 desta carteira do Rumos.