Issuu on Google+

Itapeva, 17 de janeiro de 2014

Editor-chefe: Kiko Carli Ano XII Edição 768

R$

3,00

Fotos: Defesa Civil

Sobe para para Sobe 14 oo número número 14 de mortos mortos de em Itaóca Itaóca em

Onze pessoas continuam desaparecidas. As buscas são intensas a procura de sobreviventes

Estado libera R$ 1,9 milhão para a implantação da rede de esgoto no Alto da Brancal

Secretaria irá oferecer Natação e Hidroginástica a partir de fevereiro

tória de Esgotos – EEE, Linha de Recalque, Estação de Tratamento de Esgotos – ETE e Emissário de Efluentes Tratados da ETE. O Aviso de Licitação foi publicado no Diário Oficial do

Estado. A área de saneamento foi apontada como a principal prioridade no início da atual administração pelos moradores do bairro, que aguardam pelo benefício. Página 08.

Itapeva está preparada para as chuvas? Confira o que disse a Defesa Civil do município

A Secretaria de Esportes está dependendo do calendário estadual, que este ano sofreu alteração devido à Copa, para poder enfim finalizar alguns eventos que serão realizados em nossa cidade. Por enquanto a grande novidade são as aulas de Natação e Hidroginástica. Página 02-D.

Comunidade reclama a falta de sanitários na Praça Espiridião Lúcio Martins

O Governo do Estado de São Paulo abriu licitação para a execução das obras de implantação do Sistema de Esgotos Sanitários do Bairro Alto da Brancal, compreendendo Estação Eleva-

Páginas 06 e 07

Muitas são as reclamações dos usuários das unidades de saúde localizadas nas imediações da Praça Espiridião Lúcio Martins, devido a falta de sanitários públicos para as pessoas que ficam por horas aguardando o horário de atendimento no AME, na Santa Casa ou na UPA 24 horas. Página 05.

Itaóca ficou destruída devido a enchente ocorrida no último domingo (12). Nossa cidade já passou por isso também, inclusive a última ceifou duas vi-

das. Mas será que estamos preparados para as fortes chuvas, que ocorrem neste período, inclusive com vendaval como de Taquarituba? Página 10.

Policiais da Força Tática e ROCAM apreendem drogas no Centro

Policiais da Força Tática e ROCAM lograram êxito na apreensão de drogas pela Rua Quintino Bocaiúva. De acordo com a PM, durante patrulhamento depararam com quatro indivídu-

os. Com um deles foram encontrados três pedaços de maconha. Também foram apreendidas 9 porções da mesma droga, uma de cocaína, balança de precisão e eppendorfs vazios. Página 03-B.


2

17 de janeiro de 2014

Editorial Mais do mesmo Primeiro foi Santa Catarina com a morte de muitas pessoas provocadas pelas chuvas de janeiro de 2009, que não deram trégua e alagaram diversas cidades daquele Estado. Depois foi a vez do Rio de Janeiro sofrer com as enchentes em 2012, que ceifaram a vida de muitos inocentes e deixou a região serrana debaixo d’água. Agora a chuva atingiu o Vale do Ribeira, cidades vizinhas à nossa. O município mais atingido, Itaóca, teve parte arrastada pela força da água, que transbordou do Rio Palmital, o qual corta a cidade, levando consigo uma vida inteira de lutas e conquistas por grande parte da população, além das pessoas e entes queridos, os quais nunca mais virão. Desolador foi o cenário que ficou e a tristeza que acometeu aquela localidade, que até então vivia na tranquilidade e sobrevivendo como podia. Não é um dos muncípios mais ricos e tão pouco dos mais desenvolvidos, porém trata-se de uma cidade acolhedora de uma gente que ri, quando deveria chorar. O mais espantoso disso tudo foi a solidariedade das pessoas, que se colocaram no lugar das vítimas desta catástrofe e se empenharam na arrecadação

de roupas, alimentos, colchões, água, produtos de limpeza e de higiene pessoal. Espantoso não foi o gesto em si, mas de onde veio. A grande maioria dos bons corações partiram de pessoas humildes, que muitas vezes não têm sobrando, mas acharam algo em suas casas para compartilhar com a população de Itaóca. Machuca, fere, comove ver a dor que essas pessoas estão sentindo neste momento em que a ficha já caiu. Pensar que há um dia antes estavam todos conversando, sorrindo, contando histórias, sentados na praça... Muitas pessoas questionam Deus, mas apesar de ser provocado por um fenômeno da natureza, a culpa está no próprio e no descaso com que trata sua gente. Este cenário tem sido muito comum em diversas localidades brasileiras situadas em áreas próximas do litoral e nas encostas de planaltos e serranias e a população residente nesses locais permanece desamparada e destituída de um suporte eficaz por parte do poder público, que acaba tendo de assumir a sua incapacidade em evitar esse tipo de tragédia e gerenciar os seus impactos. Como ouvimos esta semana: “cada um sabe o lugar onde mora”!

ABANDONO DE EMPREGO  Sr. Vanderlei dos Santos Fernandes - CTPS 39909 - Série 00096 – SP. Esgotados nossos recursos de localização e tendo em vis ta encontr ar-se em loc al não s abido, conv idamos o Sr. Vanderlei dos Santos Fer nandes CTPS 39909 - série 00096 – SP, a comparecer em nossa empresa, a fim de retornar ao emprego ou justific ar as faltas dentro do praz o de 20 dias a partir des ta publicação, sob pena de ficar rescindido, automaticamente, o contrato de trabalho, nos termos do art. 482 da CLT. Itapev a, JC Mariano Transportes - ME CNPJ: 178.101.435/0001- 02 Rua das Dálias, 41, Vila Rosa – Buri/SP

PREGAO PRESENCIAL Nº. 02/2014 – ÓLEO L UBRIFICANTE Tipo Menor Preço, OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO DE ÓLEO, GRAXA AUTOM OTIVA, a fim de atender as necessidades do Município de Nova Campina. Credenciamento, Recebimento dos Envelopes da Pr oposta da Habilitaç ão: as 09h00 do dia 06/02/2014. O edital completo dis ponív el no s ite WWW.novac ampina.s p.gov.br. Inf ormaç ões : pr egao@nov ac ampina.sp.gov.br ou licitacoes @nov acampina.sp.gov.br, fone (15)3535-6100. Demais detalhes serão fornecidos na Divisão de Compras /Licitações, no hor ário normal de expediente á Av. Luiz Pas tore, 240, centro - Nova Campina/SP. PREGÃO ELETRÔNICO 03/2014 – VEÍCUL OS Tipo Menor Preço, OBJETO: AQUISIÇÃO DE VEICULO AUTOMOTOR para atender as necessidades do Município de Nova Campina. Rec ebimento das Propostas: a partir das 08h00 do dia 20/01/2014; A bertur a das Propos tas ás 09h00 do dia 02/02/2014. Inicio da SESSÃO DA DISPUTA DE PREÇOS ás 14h00 do dia 03/02/2014, Sessão de disputa de lances 14h00min dia 03/02/ 2014. O edital completo disponível no site w w w.novacampina.sp.gov.br e w w w .licit aco e s- e .co m .br Inf ormaç ões : pr egao@nov acampina.sp.gov.br, fone ( 15) 3535-6100. Demais detalhes serão fornecidos na Seção de Compras, no horário normal de expediente á Av. Luis Pastore, 240, Centro- Nova Campina/SP.

Cíve l e Come rcial. F oro de I tapeva. 1ª Vara. EDITAL DE CITA ÇÃO - Prazo de 2 0 dias. Processo nº 0007 47413.2008.8.26.0270. O(A) Doutor(a) RAFAEL BRAGAGNOLO T AKEJIMA, MM. Juiz(a) de Direito da 1ª Vara Judicial, do Foro Foro de Itapeva, da Comarca de de Itapeva, do Estado de São Paulo, na forma da Lei, etc. FAZ SABER a(o) J AIRO PEREIR A LOPES, R. Comendadei ra Ana Espi rito Santos Lopes Quei roz, 64, Ja rdim Sao Ca milo – CEP:18 408-220, It apeva-SP, CPF:048.940 .768-45, RG:11306178, VANDERLEIA TAVARES LOPES, R. Co mendadeira Ana Espirito Santos Lopes Queiroz, 64, Jardim São Camilo – CEP: 18408-220, Itapeva-SP, CPF:122.630.74856, RG:29625735, que lhe foi proposta uma ação de REINT EGRAÇÃO / MANUT ENÇÃO DE POSSE por parte de COMPAN HIA DE DES ENVOLVI MENT O H ABIT ACI ONAL E URB ANO DO ESTA DO DE S ÃO PAUL O - CDH U, alegando em síntese : “.....Por força de negócio jurídic o celebrado os primeiros requeridos se c comprometeram, dentre outras obrigações a oc upar o imóvel, bem com o a pagarem nos vencim entos pactua dos as pres tações relativas ao contrato a eles destinado, o que não ocorreu .. Ocorre que o imóvel objeto do contrato esta irregularmente ocupado , eis que em relação aos atuais ocupant es, pessoas desconhecidas e estranhas a contratação, não há por parte da requerente, qualquer autorização para ali estarem. Ante o exposto e presentes os pressupostos processuais, bem como as condições da ação serve a presente para requerer a procedência do pedido, a fim de que seja d eclarado rescindid o o contrato celeb rado os os requeri dos e assim descon stituído o vinculo jurídico entre eles e a req uerente , compe nsando-se even tuais d ireito s decorrentes de benf eitoria s imple mentada s no imóve l com o valor devido pela sua ocup ação gra tuita des de o advento da i nadimplê ncia ate a desocu pação efetiva do mesmo.. Encontra ndo-se os réus em lugar incerto e não sabido, foi det erminada a sua CITAÇÃO, por EDITAL, para os atos e termos da ação proposta e para que, no prazo de 15 dias, que fluirá após o decurso do prazo d o presente e dital, apres ente respost a. Não sendo contestada a ação, pres umir-se-ão a ceitos, pelo (a)(s) ré(u)(s), como verdadeiros, os fatos articul ados pelo(a)(s) autor(a)(es). Será o presente edital, por e xtrato, afixado e publ icado na forma da lei, s endo este F órum localizado na Aveni da Paulina de Moraes, 4 44, Vila Oph élia – CEP: 18400-8 18, Fon e: (15) 3522-4 990, It apeva-S P. Ita peva 06 de dezembro d e 2013. RAFAEL BRAGAGNOLO TAKEJ IMA - JUI Z DE DIR EIT O.

Equipes do Projeto Rondon chegam a Itapeva para atuar em diversas ações Projetos incluem ações nas áreas sócio-culturais, saúde, educação e cidadania No último dia 11, a equipe do Projeto RONDON chegou em Itapeva para a continuidade das atuações junto aos profissionais das diversas Secretarias Municipais e às comunidades carentes. Este é o quarto período de atuação da equipe, que conta com 24 componentes entre professores universitários e alunos das Faculdades de Medicina do ABC, (FMABC), Pontífice Universidade Católica (PUC-SP), (Universidade Metodista de São Paulo (UMESP), Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM) e Universidade de Santo Amaro (UNISA). As ações do Projeto RONDON visam aproximar os estudantes universitários da realidade que compõe o município, possibilitando o contato com comunidades carentes auxiliando na busca de soluções junto ao Poder Público. Além disso , permitem a formação de agentes multiplicadores locais e compartilhar aspectos importantes para a formação dos alunos e para a comunidade, num processo mútuo de aprendizagem. Os projetos visam o desen-

volvimento local integrado e sustentável e, por isso, tem como orientação principal o planejamento e a realização de atividades que incentivam as comunidades a se organizarem política e coletivamente para superar a situação em que se en-

contram, além de despertar e descobrir suas potencialidades. Os projetos propostos para o período incluem ações nas áreas sócio-culturais, saúde, educação e cidadania. Serão realizadas ainda oficinas de “Gestão Pública Participativa” para

secretários municipais e funções de liderança para profissionais da área da Saúde, Ação Social e Educação e Cidadania para Guarda Municipal. A equipe permanecerá alojada na EM Dom Silvio Maria Dário até o dia 19 de Janeiro, quando retornam a Sorocaba e São Paulo para as avaliações, diagnósticos e elaboração de novas propostas de trabalho , contribuindo com o desenvolvimento do município. Parceria A secretária municipal da Educação de Itapeva, Vânia Páschoa Prado, recebeu na segundafeira (13), a visita do professor Heitor Zóchio Fischer, docente e diretor de Departamento da PUCSP. Na ocasião, foi apresentada proposta de promover curso de capacitação voltada aos professores da rede municipal. A reunião foi acompanhada pela diretora do Departamento de Programas, Projetos Específicos e Plano Diretor da Secretaria Municipal de Coordenação e Planejamento, Eliana Corrêa Prestes, e pelos alunos e integrantes da equipe do Projeto Rondon, Lucas Augusto Ayres Ribas e Fernanda Figueiredo Cirino, além de assessores da Secretaria da Educação. A ideia é promover o curso de “Metodologias Ativas de Ensino” ao longo do primeiro semestre deste ano. “A estratégia é inovadora, pois permite ao estudante ser o sujeito da construção do seu próprio conhecimento”, avalia a secretária da Educação. Serão aplicadas as seguintes metodologias: Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP), Aprendizagem Baseada em Projetos (ABPr), Aprendizagem Baseada em Equipes (ABE) e a Problematização. O curso terá 40 horas, que serão divididas em momentos presenciais e a distância (EAD). Nos meses de janeiro e fevereiro, as ações serão planejadas PE a previsão é que o curso tenha início em março.

Indústria Gráfica IN Ltda - ME CNPJ: 15.017.953/0001-30 | Inscrição Estadual: 372.082.326.112 Rua Alfredo Moreira de Souza, 379 - Parque Industrial Fones: 3521-1386 | 3521-1176 E-mail: jornalitanews@ig.com.br | Site: www.grupoitanews.com.br

Editor-chefe: Kiko Carli Jornalista Responsável: Marcus Oliveira - MTB42240 Consultor Jurídico: Dr. Renato Jensen Rossi - OAB 234.554 Impressão: Gráfica IN (Registrada em Cartório sob nº 2470 em 26/08/2009) Tiragem: 3.000 exemplares | Registrado em Cartório sob nº 2474, no livro de matrículas de jornal no dia 17/09/2009. Adireção deste jornal não se responsabiliza por artigos assinados que não necessariamente expressam a opinião deste veículo. O jornal Ita News não é responsável pela qualidade, proveniência, veracidade e pontualidade das colocações dos anúncios classificados publicados em suas páginas, bem como os conteúdos de seus colunistas, os quais não possuem nenhum vínculo empregatício com a empresa. Circula em Buri, Capão Bonito, Guapiara, Itararé, Itapeva, Nova Campina, Ribeirão Branco, Ribeirão Grande, Riversul e Taquarivaí.


3

17 de janeiro de 2014

Estamos de Olho Tranquilo Apesar da pressão sofrida na entrevista da TV TEM podemos dizer que o prefeito Roberto Comeron saiu-se bem, com exceção da lembrança do Porto Seco, herança deixada por Junior Fontes, que está pesquisando o projeto até hoje em Indaiatuba e o caso da CEI da Educação, que nem foi citada pelos apresentadores. É ágil no microfone.

Se... As casas que o prefeito garante que virão acontecerem, já estará valendo por 50% do seu mandato, o restante fica por conta de uma administração rígida no setor financeiro e o término das obras já iniciadas. Daí então...

Brincadeira

que tanto alarmaram? Quem foi punido? Quem será punido? Quem é o culpado? O que faz o presidente além de viajar para o exterior em período normal de trabalho?

Parabéns A todos aqueles que direta ou indiretamente auxiliaram as vítimas do município de Itaóca. Em momentos tristes é que vemos a força e o carinho do nosso povo àqueles que mais precisam. Obrigado a vocês.

Repetindo Estamos preparados para receber as fortes chuvas que estão por vir? Prevenir ainda é o melhor remédio.

Repetindo II

Que fim levaram as CEIs

Quem é responsável pelas

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPEVA C.N.P.J. 46.634.358/0001-77

Edital de: - Pregões: N. 05,06,07,08/2014 Acham abertas nesta Prefeitura as seguintes licitações: Pregão Presencial Nº 005/2014 Pregão Prese ncial Nº 005/14 do tipo Menor Preço, OBJETO: Aquisição de Cestas de Alimentos, para atender as neces sidades das diversas Secretarias Munic ipais.. Credenc iamento início às 14h00min horas do dia 30/01/ 2014. O Edital completo disponível no Site:- ww w. itape va .sp.gov.br.  I nforma ções: prega o@itapeva.sp.gov.br ou silma ra@itape va.sp.gov.br fone(s) (15) 3522-1002 - 3526-8030. Demais detalhes s erão fornecidos na Seção de Compras, no horário normal de expediente à Praça Duque de Caxias, nº 22 – Centro - Itapeva –SP. Prefeitura Municipal de Itapeva, 15 de janeiro de 2014. SILMARA DE OLIVEIRA GARCEZ SANTOS – Pregoeira Pregão Presencial Nº 006/2014 Pregão Presencial Nº 006/14 do tipo Menor Pr eço – OBJETO: Contratação de empresa especializada para monitoramento de unidades escolares, para atender as necessidades da Secretaria Municipal. de Educação. Credenciamento início às 09h00min do dia 31/ 01/ 2014. O E dital c omplet o dis ponível no Sit e: www.itapeva.sp.gov.br. Informações: pregao@itapeva.sp.gov.br - fone(s) (15) 3522-1002 - 3526-8048. Demais detalhes serão fornecidos na Seção de Compras, no horário normal de expediente à Praça Duque de Caxias, nº 22 – Centro - Itapeva –SP. Prefeitura Municipal de Itapeva, 15 de janeiro de 2014. LEONARDO DIAS DE OLIVEIRA – Pregoeiro Pregão Eletrônico Nº 007/2014 Pregão Eletrônico Nº 007/14 do tipo Menor Preço – OBJETO: Aquisição de Insumos para pacientes diabéticos, para atender as necessidades da Secretaria Municipal da Saúde. Recebimento das Propostas: a partir das 09h:00min do dia 21/01/2014; Abertura das Propostas às 09h:00min do dia 03/02/2014. Abertura da SESSÃO DA DISPUTA DE PREÇOS às 14h00min do dia 03/02/2014.. O Edital completo disponível no Site:- www.itapeva.sp.gov.br. Informações: pregao@itapeva.sp.gov.br ou kleberdiniz@itapeva.sp.gov.brfone(s) (15) 3522-1002 - 3526-8048. Demais detalhes serão fornecidos na Seção de Compras, no horário normal de expediente à Praça Duque de Caxias, nº 22 – Centro - Itapeva –SP. Prefeitura Municipal de Itapeva, 15 de janeiro de 2014. KLEBER APARECIDO RIBEIRO DINIZ – Pregoeiro Pregão Eletrônico Nº 008/2014 Pregão Eletrônico Nº 008/14 do tipo Menor Preço – OBJETO: Aquisição de Medicamentos, para atender as necessidades da Secretaria Municipal da Saúde. Recebimento das Propostas: a partir das 09h:00min do dia 22/01/ 2014; Abertura das Propostas às 09h:00min do dia 03/02/2014. Abertura da SESSÃO DA DISPUTA DE PREÇOS às 09h00min do dia 07/02/2014. O Edital completo disponível no Site:- ww w. itapeva. sp.gov.br.  Inform açõe s: pregao@itapeva.sp.gov.br ou pinhe@itapeva.sp.gov.br- fone(s) (15) 3521-1510 - 3526-8030. Demais detalhes serão fornecidos na Seção de Compras, no horário normal de expediente à Praça Duque de Caxias, nº 22 – Centro - Itapeva –SP. Prefeitura Municipal de Itapeva, 15 de janeiro de 2014. JOSÉ CARLOS PIGNAGRANDI – Pregoeiro

por Kiko Carli pessoas que estão fazendo uso do Pilão D’ Água para nadar? Reclamar depois não adianta.

Grande conquista

Problemas

O prefeito Roberto Comeron assinou no dia 15 de janeiro a concretização da totalidade do esgoto no Alto da Brancal. Promessa de campanha cumprida.

A reclamação em função da má qualidade do feijão servido nas cestas básicas dos funcionários públicos de Itapeva foi muito discutida nas redes sociais. O prefeito Roberto Comeron notificou a empresa e exigiu um posicionamento imediato, já que o que é pago seria para atender os funcionários com artigos de excelente qualidade. O aviso já foi dado.

Solução Basta a empresa cumprir o contrato firmado que o mesmo será mantido. O povo não é mais conivente com ações semelhantes e a fiscalização é rigorosa. Que se cumpra o que foi assinado.

Votação Segunda será votado o aumento dos funcionários públicos de Itapeva. Um pouco mais de 5%, que seria de acordo com a lei. Nesta edição a postura de dois vereadores sobre este projeto.

amigo saiba as novidades de nossa região. Boa leitura!

Enaltecido O secretário da Saúde de Itapeva é sempre lembrado quando o assunto é enaltecer o trabalho na Prefeitura. O nome é respeitado por demais.

Enaltecido II O mesmo ocorre com o secretário da Agricultura Rafael Campolim, que quietinho vai transformando a sua Pasta e boas novas estão por vir.

Ampliando

A certeza

Com as necessidades e oportunidades de melhor informar o nosso povo nas edições de quarta-feira estaremos além do Itararé News, levando à população o Ita News Regional com notícias locais e para que o

Sabemos quem quer fazer algo, quando surgem situações inusitadas e tristes como o que aconteceu na Itaóca. Aqueles que resolvem todos os problemas nas redes sociais somem em momentos semelhantes. Fa-

lar até papagaio fala. Felizmente muitos se mobilizaram de diversas formas e poderemos nos sentir orgulhosos pelo trabalho desenvolvido em Itapeva. A parceria Itapeva/Itararé gerou dois caminhões com muitas doações para Itaóca.

Confirmando Agradecemos também os amigos do Itapeva Times, que recolheram doações, as quais seguiram juntas com o que foi arrecadado por aqui. Obrigado ao Neno por ceder o caminhão e aos que colaboraram com o combustível para levar todas as doações.

Em férias Com os vereadores em férias (alguns trabalhando) falta assunto para debatermos na coluna, mas em breve todos estarão de volta a ativa e gerando polêmica com certeza.

Câmara vota na segunda-feira aumento previsto em lei para servidor

N

a próxima segunda-feira, às 15h na Câmara Municipal, vereadores irão votar em sessão extraordinária projeto que prevê o aumento de 5,56% no salário dos servidores efetivos. Este valor, porém, está embutido na revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos para este ano e é obrigatório. “Entretanto o funcionalismo está aguardando um reajuste que foi prometido em campanha pelo atual prefeito. Vamos continuar cobrando o aumento salarial, pois consideramos que a maioria dos servidores está com seus salários achatados”, afirmou o vereador Marmo. Alguns servidores já fazem campanha nas redes sociais reivindicando o aumento salarial e dizem que vão estar presentes na sessão para cobrar uma posição do chefe do Executivo. A vereadora Williana preferiu não falar muito do assunto, mas afirmou que o PR (seu atual partido) é a favor de qualquer aumento. IN - Haverá uma votação polêmica na segunda-feira na Câmara Municipal em relação ao aumento de salários. Que votação é essa?

Marmo – O prefeito encaminhou à Câmara um Projeto de Lei que trata da revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos municipais para o exercício de 2014, na ordem de 5,56%. Vale ressaltar que essa revisão é garantida por lei e deve ser feita todos os anos no mês de janeiro. Williana - Sou a favor a todo tipo de aumento, e para todas as categorias. IN - O senhor é contra ou a favor a este aumento? Marmo – Não sou contra, pois como já disse é uma exigência legal e o Executivo tem que cumprir, porém o funcionalismo está aguardando um reajuste salarial que foi prometido em campanha pelo atual prefeito. Vamos continuar cobrando o aumento salarial, pois consideramos que a maioria dos servidores está com seus salários achatados, principalmente os efetivos que são os que mais sofrem com a defasagem que vem acontecendo ano a ano. Williana - Sou a favor a todo tipo de aumento, e para todas as categorias. IN - Como o senhor analisa este valor?

Marmo – Essa é apenas a reposição, de acordo com o índice inflacionário, não se trata de um aumento salarial. A expectativa era de que o Executivo encaminhasse um índice maior, concedendo, assim, um aumento real aos servidores, o que não aconteceu. Williana – Esta é uma revisão anual. IN - É apenas a revisão que já acontece todo o ano. Como fica o aumento prometido para o funcionalismo municipal? Marmo – Pois é, o aumento ainda continua na promessa de campanha, ou seja, apenas no papel, no programa de governo, na prática nada aconteceu. O ano passado as promessas continuaram e de fato os servidores não foram agraciados em suas reivindicações. Em 2014 vamos bater nessa tecla, cobrando do Executivo uma posição sobre a valorização dos funcionários municipais, concedendo os aumentos merecidos pelas diversas categorias dos servidores públicos municipais. Williana – Sim, verdade! É só o prefeito mandar o projeto que nós, do PR, somos a favor de qualquer aumento. IN - Haveria orçamento para poder aumentar mais a porcentagem da folha de pagamento? Marmo – Como já disse por ocasião da votação do orçamento anual no final do ano passado, o Executivo não assegurou recursos para o reajuste do funcionalismo municipal e isso dificulta o aumento dos salários. Porém, é preciso efetuar um estudo aprofundado no orçamento e de alguma forma buscar alternativas que possam viabilizar o reajuste salarial, especialmente dos que estão com seus ven-

cimentos defasados e totalmente fora da realidade. Uma dessas ações é fazer com que a Câmara rejeite o Projeto de Lei da Reforma Administrativa, que beneficia apenas cargos em comissão. Williana – Com certeza, como o prefeito mandaria o projeto para a Câmara se não tivesse orçamento. IN - Como o senhor acredita que irão reagir os servidores? Marmo – Pelo que já sentimos no ano passado, quando diversas categorias foram à Câmara para reivindicar melhorias em seus salários, com certeza será de decepção com o descaso da administração. Muito se prometeu em campanha, sem conhecimento da realidade do orçamento do município e agora com a caneta na mão o prefeito percebeu que não pode fazer milagre e que a situação é realmente complicada. Estamos ao lado dos servidores e vamos apoiá-los em suas reivindicações e continuar fazendo o nosso papel como legislador, de cobrar da administração municipal uma posição coerente em relação à valorização do funcionalismo municipal. Williana – É apenas um reajuste anual, é lei.


4

17 de janeiro de 2014

Licitações

por Gilberto Mendes

Entre Tantas Coisas

Vícios com relação aos procedimentos de julgamento Vícios com relação aos procedimentos de julgamento - Não indicação do tipo de licitação. (fere o art. 45, par. 1º); - Tipo de licitação não previsto em lei ou misto de dois ou mais tipos (de média, de base, de preço oculto). Fere art. 45, par. 5º; - Pontuações técnicas totalmente subjetivas (graus de pontuações muito distanciados. Ex. o a 50; 50 a 100); - Considerar no julgamento documentos apresentados na fase de habilitação, ou transformar a aferição técnica da fase de habilitação em julgamento técnico. Desqualificação ou inabilitação / Desclassificação; - Indicar motivos de desclassificação subjetivos e/ou distanciados da efetiva inviabilidade técnica ou econômica da proposta; - Permitir julgamentos que levem necessariamente ao empate. (havia ocorrência de empate na licitação do tipo preçobase ( revogado pela atual Lei). PERGUNTA & RESPOSTA Pergunta: Tenho pendências junto ao INSS e estou na fase de parcelamento da divida, nesse caso posso participar de licitações? Resposta: Para a participação em licitações, a empresa deverá apresentar prova de regularidade com para a previdência social, por meio de certidão negativa de débitos ou de certidão positiva com efeito de negativa. Com relação ao questionamento, como se está em fase de parcelamento de dívida, assim que a negociação for efetivada

com o órgão, começará a ser expedida a certidão positiva com efeito de negativa, que permitirá a participação nos certames. Por outro lado, as microempresas, as empresas de pequeno porte e os microempreendedores individuais possuem o benefício dos arts. 42 e 43 da Lei Complementar n. 123/06, e podem participar dos certames mesmo que com alguma pendência em relação à regularidade fiscal. Nesse caso, posteriormente, quando essa empresa for considerada vencedora, em momento anterior a contratação, deverá demonstrar que sanou essa pendência, ocasião em que a Administração concederá 2 dias para a demonstração de regularidade, que poderá ser prorrogado por mais 2 dias. No entanto, destacamos que essa prerrogativa somente deverá ser utilizada pela ME, EPP ou MEI se a situação de pendência é momentânea e poderá ser resolvida até o término do certame no qual esteja participando. Isso porque, caso a empresa requeira o benefício para demonstrar a regularidade fiscal a posteriori e não consiga sanar o problema até a convocação pelo órgão, poderá estar sujeita a penalidades. O mais prudente é aguardar a emissão da certidão positiva com efeito de negativa e aí sim participar dos certames. Próximo tema: Vícios do procedimento Iicitatório (da fase de habilitação). Editais publicados: EDITAL DE PREGÃO ELE-

Muitas Lutas por Lutar “Não durmasobre os louros. Não se contente com uma ruidosa nomeada; reaja contra as sugestões complacentes do seu próprio espírito; aplique o seu talento a um estudo continuado e severo; seja enfim o mais austero crítico de si mesmo.” (Machado de Assis) Meu amigo Prefeito Cavani, certa vez em tom de brincadeira me disse: “Voce elogia meu pai, Antonio Cavani, o Shimitão, e não fala bem de mim”. Ele sabe que das vezes que falei de seu governo, foi de casos pontuais, e que logo foram consertados e sabe também que sempre que for candidato pode contar com meu apoio e voto, não apenas por ser meu amigo, mas sim por um ótimo administrador, um homem que soube colocar nossa cidade no destaque que ela tem hoje no cenário paulista. Sem medo de errar, coloco Luiz Cavani entre os melhores prefeitos que nossa região sudoeste já teve. Mas, como diz a frase acima, todo cidadão eleito pelo povo não pode dormir sobre os louros, deve descer da rampa ou do palanque e parar com seus discursos, colocando em prática suas promessas de campanha. Esse ano teremos eleições e estamos vendo que a falta de lideranças em nosso país é grande, quem não vota na Dilma, vai votar em quem? O mais conhecido é o Aécio, mas

Copa do mundo x Eleições

TRÔNICO nº 01/2014 PROCESSO n° 064/2013 ENDEREÇO ELETRÔNICO: www.bec.sp.gov.br ou www. bec.fazenda.sp.gov.br DATA E HORA DA ABERTURA DA SESSÃO PÚBLICA: 23/01/ 2014 – 09h30 OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de posto fornecedor de COMBUSTIVEL AUTOMOTIVO GASOLINA COMUM, com entrega parcelada. Prefeitura de Taquarituba (SP) Pregão 001/2014 - “Aquisição de Tiras Reagentes, Lancetas e Seringas, a serem utilizadas no ano de 2014” Credenciamento dia 24/01/ 2014 as 13h00 Prefeitura de Itapeva (SP) Pregão Presencial Nº 004/14 do tipo Menor Preço – SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS OBJETO: Aquisição de pedra brita e pedrisco, para atender as necessidades das diversas Secretarias Municipais. Credenciamento início às 09h00 do dia 28/01/2014. Dúvidas e/ou esclarecimentos, faça-nos contato enviando e-mail para: gilberto.licita@ gmail.com – cel. (15) 997040542 Amplie seus negócios no mercado de licitações públicas!!!

por Jair Carvalho

muito conhecido em Minas Gerais apenas. E os outros? Quem são? Na verdade nosso país já passou da hora de fazer uma reforma politica, de tirar a obrigatoriedade do voto, afinal, quem exercer o direito do voto cobrará mais, pois terá a consciência de seu voto. Não é possível que passemos a conhecer os candidatos apenas vendo programa eleitoral. Infelizmente nosso povo não tem consciência na hora de votar, exemplo disso foi a eleição passada para prefeito aqui em Itapeva onde na verdade não se votou no mais capacitado e sim no mais simpático, mesmo porque estávamos “a pé” de candidatos, a verdade nua e crua é essa. Ouvi muita gente falando que votou no Gegê pela sua honestidade, ética e simpatia, e consequentemente no atual prefeito, é claro. O voto deve ser visto como um direito do cidadão e não como um dever, pois assim, uma cesta básica ou um frango assado ou até uns 30 paus no dia da eleição elege muitos vereadores que quando tomam posse parece cachorro que caiu da mudança, ficam perdidinhos, pois estão no ninho errado. Na verdade nosso povo engrossam uma massa manipulável pelas campanhas vazias, assim como os “protestos” ocorridos no pais, muito embora legítimos, caíram no vazio dado a falta de lideranças e pauta de reivindicação. Vimos

por Fany Almeida

placas absurdas sendo levadas por cidadãos que nem sabiam o significado da coisa. Voltando a Itapeva, novamente entramos num beco sem saída, pois nosso querido prefeito gosta muito de discursos e ainda não saiu ou caiu do palanque, um ano se passou e nossa cidade ainda está fazendo a contabilidade do orçamento. Não há projetos, não há mudanças, mas há discursos e muito bonitos. Estamos carentes de lideranças e é necessário que pessoas como Luiz Cavani comece a pensar em retomar o poder para alavancar novamente essa cidade carente de muita coisa. Israel (o nosso véio do rio) sempre dizia: “O cavalo passa ensiado apenas uma vez, se não montar, ele vai embora e daí....”. Ou nosso prefeito esquecer que é um grande locutor e começa a prefeitar ou se prepare para aposentar, pois do jeito que a coisa tá indo, infelizmente a reeleição tá perigando. Por enquanto é só, pessoal, abração e feliz 2014 a todos.

Uma breve reflexão para hoje com boa dose de coerência e humor negro, digamos, uma breve e boa comédia que vai nos seguir no decorrer deste ano com as expectativas no seu alto grau de prioridade, bem lá no topo do gráfico de estatísticas, na realidade, o descaso no que diz respeito às prioridades de um país, que acabam descansando dentro de gavetas escuras cheirando a mofo. Imagino e vivencio o encontro de dois poderosos adversários se enfrentando no ringue, de um lado a Copa do Mundo e do outro lado as Eleições. As atenções divididas entre a realidade de um país e a obsessão por um esporte que é conhecido mundialmente. Quem vai vencer esta luta? A realidade ao escolher o próximo presidente ou o time do Brasil diante de fortes adversários, no evento tão esperado que é esta Copa do Mundo. Acredito que vivemos no mundo de ilusões. A segurança, a educação, a saúde, ficaram esquecidas diante destas personagens que saíram do papel para a realidade. O país em pandarecos falta verbas para tudo, catástrofes que ocorrem por falta de infraestrutura e planejamento ou por falta de

humanismo. Tudo bem, mas vamos lá, este ano tem copa do mundo, e o protagonista desta vez é o Brasil, que hilariante. Quem virá nos socorrer quando o caos que está por vir nos atingir bem no meio da nossa cara, o nocaute será certeiro na cara do povo brasileiro que assiste a tudo pacificamente, sem qualquer reação. Quanto se gastou para construir um sonho que mais se parece com um pesadelo. Quanta dificuldade passa o povo brasileiro nas filas gigantescas ao procurar assistência médica gratuita. Quantas promessas não cumpridas, que passam de mãos em mãos, um empurra empurra na hora de apurar as responsabilidades. O tempo passa e tudo continua na mesma, as mesmas promessas, as mesmas dívidas, as mesmas dores de cabeça com o resultado que deteriora o nosso dinheiro através de taxas e juros altíssimos mascarados por mentiras. E as eleições, quem ganha quem perde, na verdade nós perdemos sempre. Muita promessa, muita falcatrua, tudo acaba em pizza, e mais outra eleição frustrada. Temos que engolir a seco as opiniões e decisões erradas que nossos conterrâneos

tomam na hora de votar. Brasileiros e brasileiras, por favor, se informem a respeito de seus candidatos, votem com consciência, os brasileiros de bom senso agradecem. Vamos respirar bem fundo, relaxar um pouco, porque ainda é um pensamento individual que manifesta esta pessoa, é um desabafo. Com fé e esperança, arregacemos as mangas, porque a luta continua, e acredito que um dia teremos um país melhor, governado por homens sóbrios e de boa vontade. Quanto à copa do mundo que se aproxima todos unidos numa única força, numa única fé, com um grito potente, vai em frente Brasil! Vença esta copa! Pelo menos isto. Nós brasileiros, que acordamos cedo todos os dias para ralar, para suar a camisa, debaixo de chuva ou debaixo do sol escaldante, pagamos as nossas contas em dia, com taxas e juros abusivos merecemos este alento.

Pacato Cidadão por Luiz Eduardo Galvão de Morais Paixão

E está rolando a festa Os primeiros meses de todo ano são quase sempre iguais. Calor insuportável e chuvas fortes. Tudo bem que cada estação tem sua temperatura média e no Verão é sempre quente mesmo. Também é aceitável chuvas mais fortes que o normal, porque quando as massas de ar frio chegam ao país, provenientes de um lugar qualquer e encontram em seu caminho as massas de ar quente, é isso que acontece (pelo menos é o que “as moças do tempo” dizem). Mas se nós cuidássemos melhor de nosso planeta, desmatando e poluindo menos, quem sabe a temperatura não seria tão alta e consequentemente a “batalha das massas de ar” não ocorresse com tanta frequencia. Além disso, para quem tem filhos estudando, surgem as famosas listas de material escolar (não tenho filhos ainda, mas fiquei sabendo que são solicitados alguns itens absurdos) e as matrículas a serem pagas (para quem estuda ou possui filhos nas escolas particulares). Aliás, esse “lance” de matrícula até agora eu não entendo, desde que me descobri gente adulta. Por que pagar para participar de algo numa situação em que você já está pagando todo mês em que participa? Algumas instituições eu sei que já consideram a matrícula como a primeira mensalidade do ano, mas há muitas que não fazem isso. Para piorar a situação começam a chegar as cobranças de impostos. Vamos comentar um pouco sobre o IPVA e o IPTU: a arrecadação do primeiro (pelo menos a maior parte dela) deveria ser destinada à implantação de melhorias nas rodovias,

como asfaltos de boa qualidade e com nenhum buraco, sinalizações visíveis e de fácil interpretação, et cetera. “Eita! Sonhar não faz mal a ninguém”. Já o dinheiro recebido com os pagamentos do segundo deveria custear despesas de administração e obras de infraestrutura de uma cidade, et cetera. “Sonhar com algumas coisas faz mal sim”, concluo. Pergunto eu ao leitor: você já dirigiu em alguma rodovia na qual o seu carro “pulava” mais que pulga quando está com fome, de tanto buraco que havia e quando precisava de orientação pelas placas encontrava algumas pichadas e tortas ou até mesmo cobertas por arbustos? Acho que somente os dedos de uma mão não são suficientes para quantificar essas experiências, estou certo? Outra pergunta: você ou alguém de sua família já sentiu falta de algo na infraestrutura do bairro onde mora, como por exemplo: rua asfaltada e limpa, sem a “selva amazônica” que vemos por aí de vez em quando? Os dedos da outra mão não devem ser suficientes para essa outra contagem. O IPVA e o IPTU, assim como a “tal da matrícula”, também são coisas que não “entram” na minha cabeça. Para que pagar imposto todo ano sobre o valor de um veículo que você batalhou para adquirir e pelo qual já pagou o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI)? E questiono mais ainda: já que existem tantos pedágios (admito que nas rodovias nas quais estão presentes, a qualidade do asfalto, a sinalização e a assistência é de qualidade “rázoável para cima”), o IPVA não poderia ter seu valor reduzido? E sobre o terreno e/ou a casa, que você lutou tanto para comprar ou ainda está pagando: há alguma justificativa plausível para pa-

garmos o IPTU todo ano, sendo que aquele imóvel é nosso (ou será, caso esteja com financiamento vigente)? É como se pagássemos aluguel às prefeituras para podermos ter residência num lugar que já é ou será de nossa propriedade. Esses dias atrás assisti vagamente uma reportagem na TV na qual um economista deu dicas sobre como programar-se para as “despesas de verão”. Ele orientava guardar um determinado valor em conta-poupança desde o início do ano vigente para que no começo do próximo ano todas as despesas já fossem suportadas sem maiores problemas. Educação financeira é excelente. Poupar é necessário e com certeza possibilita conquistar vários objetivos. Mas “fala sério!”: o normal e o ideal seria fazermos isso para comprar algo que queremos a longo prazo, para viajar, para amparar emergências e não para pagarmos impostos anuais com incidência sobre coisas que já pagamos. Como eu já disse num artigo anterior, no exterior os cidadãos investem seu dinheiro em iPhones e iPads. Aqui, somos, todo início de ano, “obrigados” a pagar nossos iPVAs e iPTUs. E pagamos não porque concordamos, mas porque somos pessoas sérias e queremos “manter nosso nome limpo”. Apesar do Carnaval acontecer um pouco mais adiante no calendário, a festa já “rola” logo nos primeiros meses do ano para alguns dos que controlam essa “grana” toda, oriunda do suor de milhões de brasileiros.

PREFEITURA MUNICIPAL DE TAQUARIVAÍ - SP AVISO DE LICITAÇÃO   1 - Pregão Pr esenc ial n° 01/2014 – 30/01/14 – Locação de Veículos; 2 Pr egão Pr esenc ial n° 02/2014 – 31/01/14 - Aquisiç ão de gêner os alimentícios; Todas as  licitações  ter ão  iníc io às  09:00 hor as,  na s ede  da Pr ef eitur a Munic ipal. Inf or maç ões e editais pelo email compr as@taquariv ai.sp.gov.br.


5

17 de janeiro de 2014

Comunidade reclama da falta de sanitários na Praça Espiridião Lúcio Martins O vereador Marmo Fogaça ouviu diversas pessoas que pedem da municipalidade providências nesse sentido

Muitas são as reclamações dos usuários das unidades de saúde localizadas nas imediações da Praça Espiridião Lúcio Martins, devido a falta de sanitários públicos para as pessoas que ficam por horas aguardando o horário de atendimento, seja no AME - Ambulatório Médico de Especialidades, na Santa Casa ou no UPA 24 horas. O atendimento médico nessas unidades, principalmente AME e Santa Casa não se restringe apenas ao município, e muitos pacientes de outras cidades chegam pela manhã e ficam aguardando o horário de ser atendido, e enquanto isso não podem adentrar aos prédios para utilizar sanitários, pois a entrada no interior das unidades só é permitida no horário marcado para a consulta e/ou exa-

mes previamente agendados. Procurado por diversas pessoas o vereador Marmo Fogaça esteve no citado local para verificar as condições da obra e ouvir reclamações dos usuários do AME e também das pessoas que utilizam a Santa Casa e o UPA 24 horas. Conforme pode verificar naquele local existem materiais de construção jogados e a invasão de pessoas que aproveitam para pernoitar, fazer bebedeira, fumar, deixando ali restos de alimentos, vasilhames de bebidas. Com isso as obras iniciadas acabam sendo destruídas, acarretando prejuízos aos cofres públicos, uma vez que já foi investido um grande montante no local. As pessoas reclamam da falta

de infraestrutura naquela Praça onde permanecem enquanto aguardam o horário de atendimento e pedem providências das autoridades competentes nesse sentido, principalmente no que se refere à conclusão das obras dos sanitários já iniciadas e que se encontram paralisadas. Diante do problema, e depois de ouvir diversas reclamações dos usuários do sistema público de saúde, o vereador Marmo Fogaça encaminhou ofício à Secretaria de Obras, relatando o fato e pedindo informações sobre quando as obras no local serão retomadas e concluídas para serem utilizadas por todos aqueles que necessitam de atendimento médico nas unidades de saúde ali localizadas.


6

17 de janeiro de 2014

Sobe para 14 o número de mortos em Itaóca Defesa Civil e Corpo de Bombeiros continuam as buscas pelos desaparecidos

O

município de Itaóca de cretou Estado de Calamidade Pública, cujo decreto do governador foi homologando sumariamente à situação de anormalidade no dia 15 e também reconhecida pela União, em decorrência das perdas humanas e materiais, ocasionadas pelas inundações bruscas que atingiram a cidade na noite e madrugada dos dias 12 e 13 de janeiro. O secretário da Casa Militar e coordenador estadual de Defesa Civil coronel PM Marco Aurélio acompanhado de equipes da Defesa Civil Estadual (CEDEC- SP), do Instituto Geológico, do Corpo de Bombeiros e do Grupo de Resgate e Atendimento a Urgências (GRAU/ Secretaria de Saúde) permanece no município, a fim de auxiliar nas ações de resposta (socorro e assistência aos afetados), centralizadas no Posto de Comando Unificado localizado no Fundo Social do município. A Força Tarefa do Corpo de Bombeiros foi acionada para suplementar as ações, que já estão sendo realizadas. Compõem a equipe: 15 bombeiros, 4 cães farejadores e 5 viaturas. A Secretaria de Saúde do Estado enviou mais uma equipe (médico e enfermeiro) com vacinas e remédios para atender a população afetada. Uma aeronave da Polícia

Militar (Grupamento Aéreo) está no local para apoiar os bairros de difícil acesso. A Cruz Vermelha também está por lá com 14 integrantes, divididos em equipes de enfermeiros, socorristas, de logística e de ajuda humanitária. No dia 14, Geraldo Alckmin anunciou a construção de 90 casas no município, para as famílias que tiveram as moradias atingidas. Aproximadamente 100 ca-

sas foram afetadas, até o momento foram localizados 14 corpos, destes 11 foram identificados, sendo 9 do sexo feminino e 2 do sexo masculino, e encontram-se hospitalizadas 2 pessoas. Aproximadamente 83 famílias (332 pessoas) estão desalojadas e 20 pessoas foram abrigadas na Escola Municipal Elias Lages de Magalhães. Há ainda o registro de 11 pessoas desaparecidas. A Defesa Civil já disponibi-

lizou materiais de ajuda humanitária (produtos de higiene, limpeza e colchões) e está enviando mais material de Registro para o depósito de Apiaí, para, que, se necessário, seja utilizado em Itaóca. Ao todo, foram disponibilizados cerca de 300 cestas básicas, 1000 colchões, 260 kits de vestuário (agasalho), 145 kits de higiene pessoal e 100 kits de limpeza. Foram enviados ainda banheiros químicos, sendo 4 femi-

ninos, 4 masculinos e 2 para deficientes, que foram instalados na Praça Central, Bairro Lajeado e na ponte situada na região central, para apoio a população da cidade. O DER a CODASP e municípios vizinhos (Apiaí e Ribeira) disponibilizaram maquinários (caminhões e retroescavadeira), para auxiliar nos trabalhos de limpeza e desobstrução das vias, e a SABESP fornece ainda água potável e caminhão pipa para limpeza das ruas. A Prefeitura divulgou os números das contas bancárias do Fundo Social de Itaóca (Banco Bradesco, agência é a 2027-3 e conta 1003321-7), e da conta SOS Itáoca (Banco do Brasil, agência: 3637-4 e conta 1000004) para realização de doações às vítimas da ocorrência. Durante a visita, o governador Alckmin disse que o Estado vai reconstruir a ponte que dá acesso à cidade, destruída durante a inundação. “Houve uma chuva de 200 mm, localizada. Não foi nem na cidade, foi na serra. Então, o deslizamen-

to da serra moveu árvores, que vieram com as águas. Quando chegou à cidade, a ponte foi quase que um dique, que causou todo este problema”, disse. “A ponte era antiga, com muitas pilastras, o que formou um dique, e o rio saiu do leito, formando outro rio do lado, que levou as casas. Então, a ponte terá que ser refeita, e nós vamos refazê-la com concreto armado, mais alta e com arco, sem nenhum pilar.” Durante toda a quinta-feira (16) a chuva não deu trégua e a Defesa Civil pediu atenção redobrada para a população de Itaóca e também à ajuda que tem vindo de toda a região através de caminhões com doações às vítimas desta tragédia indescritível. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o prefeito de Itaóca, bastante abalado coma situação e as perdas nos concedeu a seguinte entrevista, confira: IN – Qual o balanço que o senhor faz hoje da tragédia ocorrida no munícipio de Itaóca? Prefeito – O balanço que fazemos hoje é maior que o PIB anual da cidade, ultrapassando R$ 13 milhões de prejuízo. A Prefeitura sozinha não tem condições de se recuperar. Nós estamos entrando em contato com os Governos Estadual e Federal, que se sensibilizaram e estão nos apoiando. Contamos ainda com o apoio da população e dos prefeitos vizinhos, que também estão todos envolvidos. Acredito que nós conseguiremos sair dessa o mais breve possível. IN – É possível dimensionar um tempo ou um valor para que a cidade possa se reerguer novamente? Prefeito – Ela foi parcialmente destruída, o centro e o acesso à cidade foram atingidos e isso causa um transtorno muito grande. Se isso for encarado como emergência pelos governantes eu acho que nós pode


10 de janeiro de 2014

7


8

17 de janeiro de 2014

Estado libera R$ 1,9 milhão para implantação da rede de esgoto no Alto da Brancal Área de saneamento foi apontada como a principal prioridade no início da atual Administração Municipal pelos moradores do bairro O governo do Estado de São Paulo abriu licitação para a execução das obras de implantação do sistema de Esgotos Sanitários do Bairro Alto da Brancal, compreendendo Estação Elevatória de Esgotos – EEE, Linha de Recalque, Estação de Tratamento de Esgotos – ETE e Emissário de Efluentes tratados da

ETE. O Aviso de Licitação foi publicado no diário Oficial do Estado na edição do dia 19 de dezembro passado. As obras foram orçadas em R$ 1.931.759,97 e terão prazo de execução de 540 dias, contados a partir da homologação do vencedor do certame, assinatura do contrato e autorização de

serviços. O recebimento das propostas comerciais e análise de documentos de habilitação das empresas interessadas ocorrerão no próximo dia 21 de janeiro, às 9h. A implantação da rede de saneamento básico foi a principal reivindicação apontada pelos moradores do Alto da Brancal durante o evento “Governo Participativo”, realizado no dia 8 de março do ano passado. Na ocasião, o prefeito Roberto Comeron, secretários de governo e vereadores se reuniram com moradores para definir uma proposta de trabalho para atender as reivindicações da comunidade. “Esta será uma obra importante para a qualidade de vida dos moradores, que é o resultado de um trabalho que começou no início do nosso governo, quando fomos até o distrito do Alto da Brancal para saber por

onde deveríamos começar. E a implantação da rede de esgoto foi apontada como a principal prioridade”, disse o prefeito Roberto Comeron.

No ofício que encaminhou ao prefeito, o Superintendente da Sabesp no Alto Paranapanema, Ivan Sobral de Oliveira, destacou que “trata-se de obra de grande

importância para a comunidade do Alto da Brancal, que ao seu término, refletirá na qualidade de vida de todos os moradores e do meio ambiente”.


9

17 de janeiro de 2014

por Marlene Moraes Maciel

Fina Flor

Munícipe reclama de maus tratos de médico na UPA

Viver é uma arte? Muitas vezes nos indignamos com as más ações dos outros. Ele será sempre imperfeito, maledicente e precário. Não nos cabe em hipótese alguma, nos crivarmos e nos atermos as falhas que cometemos. Temos em nós, uma auto proteção moral, física e sobrevivência pura para nossas justificativas das mais simples, a mais elaborada. Nossa acidez ao pinçarmos a ferida alheia, não nos é clara e se pudéssemos viver num reality show veríamos as nossas barbáries e nos envergonharíamos? Se formos honestos na resposta, sim, morreríamos de vergonha ou de arrependimento. Mas e quando não conseguimos reconhecer honestamente que erramos, mesmo quando somos pegos no flagrante? Nos justificamos, centenas de vezes e de tanto repetir, acreditamos que a nossa inocência é real e convencemos quem está por perto, e com o tempo a dúvida vai desaparecendo. Todos conhecemos alguém assim, que um dia fez algo, não reconheceu, e outro alguém pagou o preço pelo si-

lêncio, pelo prejuízo, pela ação e a vida continuou. E é vida que segue sempre. Mas há muitas que param. Que não superam uma traição, uma desilusão, uma derrota, uma perda e que culpam outros pela situação imerecida. E a tristeza de ter que em algum momento da vida, levantar-se e recomeçar de onde se perdeu, é preciso de muita coragem e força e que as vezes não se consegue equalizar de onde é o ponto de partida e este sim é um marco para nossa sobrevivência. As receitas inexistem, pois cada situação é uma em particular, e nem sempre o que dá certo para um poderá fazer o mesmo efeito para o outro, mas é importante, aprendermos com nossos erros e acertos, pois são para isto que eles ocorrem. A vida não nos perdoa, quando não abrimos a verdade para nós mesmos e esta é maior chance de nos darmos bem: nos olharmos bem no fundo de nossa alma e termos um bate papo nu com nossas fraquezas e virtudes. Se este procedimento não ocorrer, passa-

L remos por situações muito parecidas, pois atraímos como imã, tais inverdades. Revermos desta forma clara quem nós somos, do que somos capazes e o que não podemos e nem queremos para nós e quem nos cerca, nos fará um pouco melhores e nos forçará a darmos sempre um passo à frente de nossa comodidade, da liberdade e aperfeiçoamento da alma e corpo, pois todos somos passíveis de erros e enganos, e que é imoral, é sermos deliberadamente egoístas, mesquinhos e preguiçosos. Estes pecados matam nossa alma e ceifam as esperanças. Portanto, devemos ir sempre em busca do sim, pois o não é real, já está para nós e as respostas só virão, quando forem feitas as perguntas. Pois o que passar disto é zero a zero.

Por Dentro da Lei por Wanderley Verneck Romanoff

As dívidas após a morte da pessoa Os herdeiros não possuem obrigação de pagar, eles próprios, as dívidas do falecido. Cumpre esclarecer que é o patrimônio, ou seja, o conjunto de bens imóveis, móveis, seguro de vida, dinheiro, etc, da pessoa falecida, é que será o responsável pelo pagamento das dívidas, não importando se tais valores sejam suficientes ou não. A regra jurídica que prevalece em situações dessa natureza é a seguinte: os herdeiros respondem no limite das forças da herança, mas não com seu patrimônio próprio. Caso uma pessoa faleça deixando dívidas em valor menor que o seu patrimônio, ela será via de regra quitada e o saldo remanescente do patrimônio será dividido entre os seus herdeiros, de acordo com as normas do Código Civil. Outro exemplo é o da pes-

soa que falece deixando dívidas em valor maior que o seu patrimônio, nesse caso a dívida será parcialmente quitada, sendo que o restante da dívida não tem a obrigação de ser pago pelos herdeiros, tornando-se um prejuízo para o credor. O mesmo acontece se alguém falecer deixando dívidas, mas nenhum patrimônio. É importante fazer o cancelamento dos cartões de crédito do falecido, pois a multa pelo atraso no pagamento pode ser cobrada. Com relação à dívida oriunda de crédito consignado (empréstimo feito com desconto direto em folha de pagamento) é diferente, pois a regra aplicada neste caso (Lei 1.046/50, Artigo 16) é ainda mais benéfica, eis que os empréstimos consignados em folha extinguem quando o consignante falece. Ou seja, nem a

herança, muito menos os herdeiros, responderão por esta dívida. Caso o falecido tenha feito um financiamento, é importante verificar se no contrato havia à previsão de um seguro por morte ou invalidez permanente (também conhecido como seguro prestamista), caso em que à seguradora será responsável pela quitação do saldo da dívida (dependendo do contrato), caso não tenha tal previsão e não exista nenhuma garantia real constituída no financiamento financiamento (hipoteca, penhor, etc), aplicam-se as mesmas regras já comentadas neste artigo;

Em Defesa do Trabalhador Por Norival Romeda

A CLT será alterada para permitir trabalho de curta duração Alteração na CLT, por meio de medida provisória, será feita pelo governo para permitir contratos de trabalho de curta duração Durante a Copa e as Olimpíadas, com no máximo 14 dias de validade e sem carteira assinada para beneficiar o setor turístico no país durante os eventos. A iniciativa foi anunciada pelo ministro do Trabalho, Manoel Dias no dia 03 de dezembro e que a medida será enviada à Casa Civil da Presidência da República pelo Ministério do

Trabalho. Segundo Manoel Dias, a medida provisória vai estabelecer um período de 60 dias por ano em que o empregador poderá fazer esse tipo de contratação, pelo prazo de um a 14 dias. Assim, por exemplo, ele poderá firmar 60 contratos de um dia de trabalho ou apenas um contrato de 14 dias. Para que isso seja possível, precisa alterar o Artigo 455 da CLT, de modo a acrescentar um dispositivo 455 A – permitindo

o trabalho de curta duração. O movimento sindical inclusive o SINTICOM está fazendo um manifesto junto a Câmara Federal repudiando esta medida provisória, porque aí começa a flexibilização da CLT, colocando em jogo outras categorias como a nossa Construção Civil e outras.

ino Catarino Cursi e sua esposa Maria Vanda da Silva Lourenço estiveram na UPA no último dia 08 e segundo o denunciante ele e sua esposa teriam sido agredidos pelo médico que atendia no local. O mesmo registrou Boletim de Ocorrência e acabou procurando nossa equipe de reportagem para contar o que aconteceu e pedir providências por parte do secretário municipal da Saúde, confira: IN – O que aconteceu com o senhor em relação ao atendimento da UPA? Lino – Eu levei minha esposa Maria Vanda Silva Lourenço até a UPA, no dia 08 de janeiro, porque ela depende de um remédio especial pelo fato de ter dor crônica. Além de o médico negar de prescrever o remédio, ele jogou a cadeira de roda para fora e me agrediu com chutes. Depois que eu saí correndo com ela, na porta da enfermagem, ele veio com uma máquina de descarga elétrica, lançando a descarga sobre minha cabeça e até agora eu estou passando mal, com a pressão alta e não estou conseguindo nem andar por causa do acontecido. Fui até a Delegacia e registrei um Boletim de Ocorrência. Eles mandaram a minha esposa doente gritando de dor e a Santa Casa a socorreu na mesma data. Eu abri mais um Boletim de Ocorrência pelo fato de a mandarem embora, lhe negando o remédio e ministrando somente uma dipirona. IN – Por que o senhor acha que ele tomou essa atitude? Lino – Eles vivem negando esse remédio para ela, mesmo eu tendo posse de um mandado judicial para que esse remédio seja prescrito todas as vezes que ela precisar. Isso já acontece há muito tempo, alguns prescrevem e outros não. Sobre não dar o remédio, eu não falo nada, porque não sei como é a ética médica e como funciona, mas não aceito maus tratos, porque até hoje nenhum médico nos fez isso, foi a primeira vez que acontece. Eu sempre respeitei os médicos. Com o choque que ele me deu eu poderia ter morrido e se isso tivesse acontecido quem ia cuidar de minha esposa? IN – Ele agrediu só o senhor? Lino – Ele agrediu a nós dois, porque ela também sentiu o choque. Se a câmeras da UPA estiverem funcionando vai estar registrado esse fato lá. Teve um paciente que viu tudo e chamou a Polícia, portanto nós temos testemunha do acontecido. IN – Quantas pessoas tinham no momento do ocorrido? Lino – Na sala de espera tinha em torno de 10 pessoas. IN – O que o senhor tem para dizer sobre a atitude desse médico? Lino – Eu acho que isso não deveria acontecer com ninguém, mas principalmente com uma pessoa que está desenganada da Medicina. Eu também sou doente e tenho que me esforçar para cuidar de minha esposa, não podemos ficar recendendo maus tratos da UPA, eles nos tratam como se fôssemos

animais. IN – Após essa data o senhor precisou utilizar a UPA? Lino – Sim precisei, mas fui atendido por um médico bom, que prescreveu o remédio certo. Mas, quanto ao Dr. “J”, eu só estou vivo hoje, porque os pacientes que estavam presentes o seguraram e me socorreram, já que ele queria me matar de qualquer jeito. IN – O senhor pretende tomar uma atitude em relação a esse caso? Lino – Sim, eu vou tomar uma atitude, e quero que o povo de Itapeva fique ciente do acontecido, porque se precisarem de médico o povo tem que ficar sabendo que o Dr. “J” é um perigo para a saúde. Nossa equipe entrevistou o secretário municipal da Saúde, Dr. Luiz Fernando Tassinari, o qual falou sobre o ocorrido e que a denúncia está sendo apurada, confira: IN – O que a Secretaria apurou até agora sobre esse caso de agressão na UPA?

Secretário – Chegou até nosso conhecimento através do Disk Denúncia. Esse senhor veio até aqui, formulou a denúncia e nós temos um tempo para levantar os fatos. Pelo grau da seriedade da denúncia foi enviado para a Dra. Valéria que é a responsável médica hoje pela UPA e ela está apurando e colhendo informações, tanto do médico, quanto dos funcionários. A partir do momento que tivermos certeza absoluta do ocorrido iremos tomar as medidas cabíveis. Acho que tenho que ouvir tanto o paciente, quanto o médico. Eu como secretário tenho que proteger a integridade do profissional mé-

dico e a integridade do nosso paciente. Eu acredito que é um assunto extremamente sério, que deve ser abordado não só por essa Secretaria, mas também como o Departamento de Polícia, onde foi feito o Boletim de Ocorrência. IN – Até hoje como tem sido a conduta desse médico? Secretário – Eu já tive oportunidade de trabalhar no passado com ele na cidade de Nova Campina, tive a oportunidade de trabalhar com ele aqui em Itapeva e depois de certo tempo ele retornou, mas não tem nada que desabone a conduta dele, quanto ao tratamento a pacientes e quanto a isso estou tranquilo. IN – Ele já foi ouvido? Secretário – Ele ainda não foi ouvido. Foi enviada uma cópia do Boletim de Ocorrência, uma cópia da denúncia feita pelo paciente e ele vai ter que se manifestar quanto a isso. IN – Ele será afastado até o final da apuração do caso? Secretário – Eu acho que seria imprudente afastá-lo antes de ouvi-lo, temos que ver se realmente isso aconteceu para depois tomarmos as atitudes que melhor se ajustem no contexto. IN – O denunciante alega que tudo aconteceu diante de uma câmera de segurança, elas estão funcionando? Secretário – As câmeras de segurança estão funcionando, mas quero ressaltar que dentro do consultório não tem câmeras, mas segundo o que consta no relato foi no corredor no dia 08. Eu já notifiquei meu técnico de informática e a empresa que presta serviços quanto às câmeras para podermos verificar o que aconteceu de fato. IN – A partir de agora quais providências serão tomadas? Secretário – Vamos ouvir o médico, a médica responsável pela UPA, comparar com a declaração dele, e ver o que é fato é o que não é fato. Não podemos ser levianos de falar que aconteceu algo sem ter certeza absoluta do caso. Como foi feito um Boletim de Ocorrência as autoridades policiais irão tomar as devidas providências de ouvir ambas as partes. A partir do momento que isso for constatado como fato ou não, as atitudes serão tomadas.


10

17 de janeiro de 2014

Itapeva está preparada para o período de chuva? “Cada um tem que saber onde mora e o risco que ele corre”, diz secretário

O

município de Itaóca ficou destruído devido a enchente ocorrida no último domingo (12). Nossa cidade já passou por enchentes também, inclusive a última ceifou duas vidas. Mas será que estamos preparados para as fortes chuvas que ocorrem neste período, inclusive com vendaval como o ocorrido em Taquarituba? Buscando uma resposta a esta questão e para saber quais são as áreas de risco em nossa cidade, nossa equipe de reportagem entrevistou o secretário municipal da Defesa Social e responsável pela Defesa Civil de Itapeva, o qual disse que não podemos prever ou evitar os fenômenos naturais, mas que há um planejamento caso ocorra qualquer desastre, confira: IN – Itapeva está preparada para enfrentar as fortes chuvas de janeiro? Secretário – Nós estamos nos preparando. Desde o começo do ano passado estamos tomando medidas na área da defesa civil para que Itapeva esteja preparada, não só para as ocorrências de enchentes, mas qualquer outra da Defesa Civil, porém deixo claro que desastres como os que aconteceram em Taquarituba e Itaóca não têm preparo que possa extinguir a possibilidade. O que podemos preparar é minimizar certos sofrimentos da população em casos como estes. IN – Em nossa cidade quais

são os pontos de risco? Secretário – No caso de enchentes e escorregamentos nós não temos áreas de alto risco. Algumas áreas que tinham no passado, as pessoas já foram retiradas dos locais, mas a população que vive em área de risco geralmente é a carente e se descuidarmos já constrói um barraco ao lado de um rio. Porém, quando detectamos isso nós vamos até essas pessoas e convidamos a sair desse local. IN – A população deve ficar alerta? Secretário - Sim no caso de todas as ocorrências que possam causar um desastre. Nós temos aqui em Itapeva hoje a possibilidade de enchentes, vendavais e o escorregamento. A pessoa que mora num lugar em que possa haver uma inundação e se a chuva começar a

ficar muito intensa terá que tomar algumas medidas protetivas como sair desse local e tentar um abrigo. Com relação aos vendavais é a mesma coisa, em dia de chuvas fortes e ventos, a pessoa também tem que procurar um abrigo seguro. Cada um tem que saber onde mora e o risco que ele corre. O poder público hoje consegue ver alguma situação em relação àquilo que dá mais impacto, mas a segurança particular cada um tem que tomar as suas medidas protetivas. IN – O senhor tem conhecimento da última ocorrência registrada em nosso município? Secretário – Ocorrência por chuvas todo verão tem, porém com mortes ou desastres já faz alguns anos que não temos. Há cinco anos tivemos algumas ocorrências com duas vítimas fatais próximo ao Jardim Marin-

gá, mas isso faz algum tempo. IN – Caso haja uma enchente aqui em Itapeva quais os instrumentos utilizados para deter a enchente? Secretário – No primeiro momento tem que fazer o socorro da vítima, retirar essas pessoas dessas áreas de risco e depois tentar acomodá-las em algum local que seja mais seguro. Dentro da Defesa Civil nós sempre procuramos acomodar essas pessoas em casa de parentes, mas também temos um plano para acomodar essas pessoas em prédios públicos, fazendo alojamentos nesse momento crítico. IN – O que o senhor diria à população que tem assistido a tragédia do município de Itaóca? Secretário – Infelizmente isso tem acontecido com mais frequência em nosso país. A ocorrência de Itaóca é muito parecida com as ocorrências do Rio de Janeiro e a quantidade de vítimas nesse tipo de ocorrência é muito grande. Nós só temos a lamentar o que aconteceu. Estamos solidários à população de Itaóca, o prefeito Roberto Comeron se colocou à disposição no primeiro momento e nós conversamos com a Defesa Civil da região. Mas, nesse momento uma ocorrência como aquela a Defesa Civil do Estado tomou todas as medidas, e os meios mais próximos da cidade de Apiaí têm dado a susten-

tação necessária. Porém, a cidade de Itapeva se coloca à disposição e aquilo que Itaoca precisar estamos aqui preparados para ajudá-los. IN – Vocês tem algum plano dentro da Defesa Civil? Secretário – Desde o ano passado nós começamos a elaborar um plano de contingência e proteção da Defesa Civil. Este plano consiste em colocar todas as definições como um acidente, como ele ocorre e

A população que vive em área de risco geralmente é a carente e se descuidarmos já constrói um barraco ao lado de um rio

quais as medidas que temos que tomar, que são de prevenção e depois as de socorro. Quando o fato já aconteceu são aquelas medidas recuperativas para apoiar a população na reconstrução daquilo que foi perdido, no caso de um desastre como este que aconteceu em Itaóca. Nós temos hoje esse plano que foi elaborado pela Defesa Civil, juntamente com o comandante da Guarda Municipal. Foi man-

dada cópia desse plano para todos os secretários, que também nos mandaram propostas. Eu posso dizer que já temos algo pronto, mas quando se trata de Defesa Civil, sempre estamos em construção com relação a medidas de proteção. O objetivo desse plano, é que se no caso de acontecer um acidente como o vendaval de Taquarituba e a enchente de Itaóca, nós percebamos que precisamos tomar medidas protetivas. O plano de Defesa Civil ajuda a minimizar o sofrimento das pessoas no caso de ocorrer fatos como este, e o plano estamos em construção. Além do plano de contingência, que vai falar de toda a situação do emprego da Defesa Civil do município, nós também estamos elaborando o plano de ação específico. Aqui em Itapeva hoje qualquer ocorrência que a pessoa tenha com relação a esses fenômenos, pode ligar no telefone 199. A Guarda Municipal está integrada no sistema de Defesa Civil do município e ela vai tomar as primeiras medidas de socorro à população nessas circunstâncias. Também temos o e-mail da Defesa Civil defesafundep@itapeva.sp.gov.br. Estamos à disposição da população, que tenha alguma ideia ou sugestão a respeito, através desse telefone e do e-mail. Estamos esperando a participação da população na elaboração desses nossos planos.

Casas do Jardim Vitória continuam sem muro de arrimo Moradores estão com medo de novo desabamento

F

oi buscando a dignidade que alguns munícipes e seus familiares conseguiram conquistar uma casa popular no Jardim Vitória, extensão da Vila São Benedito. O intuito da administração passada era tirar pessoas de área de risco e colocá-las em lugar seguro, porém o que encontramos no mês de outubro foi o contrário. Sem muro de arrimo, algumas casas estavam ameaçadas, pois o barranco desabou e destruiu muros. Após três meses, a situação continua a mesma e as famílias

estão bastante preocupadas, já que janeiro é mês de chuvas fortes e intermitentes. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o vereador Toni do Cofesa, que abraçou a causa desde o início falou sobre este problema que aflige os moradores da São Benedito, acompanhe: IN – A situação dos moradores do Jardim Vitória sobre o muro de arrimo conforme prometido no ano passado foi resolvida? Toni – Estive no dia 15 de outubro do ano passado na Secretaria da Defesa Social conver-

sando com o secretário Major Ivair Leonardo Patriarca, sobre quando o Executivo pretendia retomar as obras (muro de arrimo) nas casas do Jardim Vitória. Argumentei que estou sendo questionado pelos moradores, solicitando a continuidade das obras de muro de arrimo em algumas casas. Agradeci pelo atendimento do secretário, que entrou em contado com o secretário de Obras e tivemos uma resposta positiva, que até o final do ano passado continuariam as obras de muro de arrimo, porém até o presente momento ainda não iniciaram as obras. IN – O que temem os moradores neste mês de janeiro? Toni – Como todos sabemos, janeiro é mês de chuva, o que tem preocupado os moradores do bairro. Aguardamos uma resposta positiva do prefeito aos moradores. IN – O que será feito por parte do vereador em relação a este assunto? Toni – Como ainda não foram iniciadas as obras, continuaremos cobrando da Secretaria de Obras, que tais benfei-

torias sejam providenciadas para atender os moradores, que vivem num clima de insegurança o tempo todo, principalmente quando ameaça chover. Cobraremos resposta junto ao Executivo caso a obra não seja efetuada. IN – O que alega a Secretaria de Obras? Toni – A Secretaria de Obras

não se manifestou sobre o assunto, porém estamos aguardando juntamente com os moradores o início das obras e nos próximos dias vamos reiterar a nossa reivindicação, solicitando não apenas uma resposta, mas uma ação que contemple aqueles moradores. IN – O que o senhor diria ao prefeito neste momento?

Toni – Ao prefeito eu lembraria novamente que a prioridade de uma administração municipal deve ser sempre cuidar do bem estar da população, entre tantas outras que são necessárias, essa é uma delas, pois a obra do muro de arrimo visa garantir segurança e preservar as vidas daquelas pessoas que ali residem.


11

17 de janeiro de 2014

Itapeva debate a política de assistência social no Estado Coordenador de Ação Social, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social, visitou a região

A

Secretaria de Desenvolvimento Social, por meio da Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social (Drads), realizou um encontro com entidades e gestores municipais para debater a política assistencial no Estado. O coordenador estadual de Ação Social, Vinicius Carvalho, participou da atividade. Ele é responsável pela coordenação das 26 Diretorias Regionais de Assistência e Desenvolvimento Social no Estado de São Paulo. Esta foi a 24ª Drads visitada por ele. “Os encontros são importantes para conhecermos os parceiros do Estado na área social, a realidade e as dificuldades de cada região”, destacou Vinicius Carvalho. Lideranças das 18 cidades da região de Sorocaba foram convidadas (Apiaí, Itapeva, Barra do Chapéu, Itapirapuã Paulista, Bom Sucesso de Itararé, Itararé, Buri, Nova Campina, Capão Bonito, Ribeira, Guapiara, Ribeirão Branco, Iporanga, Ribeirão Grande, Itaberá, Riversul, Itaóca e Taquarivaí). O evento aconteceu na quarta-feira

(15), no plenário da Câmara Municipal de Itapeva. Cerca de 60 pessoas estiveram presentes. Entre os assuntos debatidos estavam: a política de convênios sociais; o Fun-

do Municipal de Assistência Social; repasses da Secretaria de Desenvolvimento Social; apoio às APAEs; programas estaduais de assistência (Viva Leite, São Paulo Amigo do Idoso, Creche Escola, etc). Segundo o diretor da DRA-

DS Luciano de Oliveira, os participantes da reunião puderam perguntar e tirar dúvidas diretamente com o coordenador e com toda equipe técnica da DRADS, dúvidas como as questões ligadas aos repasses de verbas do Estado às pefeituras e entidades, além da oferta de cursos, ampliação dos serviços e readequações de alguns programas sociais. Ainda comentou o diretor Luciano de Oliveira “Devemos conhecer de perto a realidade para assim planejarmos, adequarmos e corrigirmos todas as ações que visam somente um objetivo: A diminuição da vulnerabilidade social e a melhora de vida das pessoas, afinal: Cuidar da população é o mais importante para qualquer governo”. Confira a entrevista com o coordenador das Drads, Vinicius Carvalho: IN – O que foi tratado nesta reunião? Vinicius – A reunião que estamos fazendo por intermédio da nossa Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social aqui de Itapeva é com o

Duplicação do trevo de acesso da SP-258 foi retomada As obras de duplicação de dois quilômetros do trecho urbano da Rodovia Francisco Alves Negrão foram retomadas nesta quarta-feira (15).

A informação foi confirmada pelo diretor Comercial e Relações Institucionais da CCR SPVias, Alexandre Spadafora, durante audiência com o

prefeito Roberto Comeron no Paço Municipal. O engenheiro rodoviário, Fábio Tury de Carvalho, também participou da reunião.

intuito de trazer os gestores municipais de assistência social, bem como os representantes das entidades e da sociedade civil organizada, que trabalham diretamente na área da assistência social, para que possamos apresentar os números do investimento, que é feito por parte do Governo do Estado na região

que compreende esta diretoria regional (DRADS) de Itapeva. Nós temos 26 Diretorias Regionais no Estado e essa é a 24ª DRADS que visitamos como coordenador, sempre fazendo esse mesmo trabalho. Apresentando números, resultados, aos gestores municipais e entidades de como o governo tem atuado na área. Não obstante a isso nós temos ouvido as demandas, as necessidades e muitas vezes as experiências que dessas entidades, onde os gestores têm trabalhado para atuar diretamente no enfrentamento das questões e vulnerabilidade do povo aqui de São Paulo. Hoje nós chamamos para cá prefeitos da região, assistentes sociais, secretários de Assistência Social de cada uma desses municípios para que possamos trabalhar políticas públicas e alcancemos um resultado de forma mais rápida, mas tem que ser um trabalho de sinergia entre o poder

público municipal, estadual e a sociedade civil organizada, representada também por essas entidades sociais. IN – Como o senhor vê a Assistência Social como um todo? Vinicius – A Assistência Social de forma geral tem um trabalho preponderante no resgate da dignidade e da cidadania das pessoas, que vivem em situação de vulnerabilidade e de extrema pobreza. A Assistência Social não pode ser confundida com assistencialismo, ela tem que atuar de forma emergencial para tirar a pessoa da situação de vulnerabilidade, resgatar a sua dignidade e prepará-la para que tenha uma vida social digna. O tempo que for necessário para que essa pessoa saia dessa situação de vulnerabilidade, de extrema pobreza, seja resgatada e inserida novamente numa vida social digna de um cidadão é o papel da Assistência Social e é dessa forma que temos atuado.


12

17 de janeiro de 2014

Moradores do Bela Vista pedem pavimentação da Rua Principal

O

vereador Toni do Cofesa e seus assessores estiveram no Jardim Bela Vista, após serem procurados por alguns moradores. Eles reclamam da falta de pavimentação na Rua Principal, que liga o Bairro ao Taquaral, pois é de terra e em dias de chuva tem ocasionado transtornos aos mesmos. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, Toni falou sobre esta situação: IN – Qual a reclamação dos moradores do Jardim Bela Vista? Toni – Fomos procurados por alguns moradores do Jardim Bela Vista, que reclamam da rua principal, a qual é de terra e que em dias de chuva tem causado transtornos aos mesmos, pois a enxurrada chega a levar barro

Toni – Entramos em contato com o secretário de Obras, que nos respondeu que não tem como dar uma previsão do início das obras, porém como agente fiscalizador da população eu preciso dar uma resposta aos munícipes. IN – Como resolver a situação desta parcela da população? Toni – Vou falar com o prefeito municipal a respeito do problema, que necessita de uma solução urgente. Acredito que ele terá uma posição de quando se dará o início às obras. IN – O que o senhor pede para o secretário de Obras? dentro de suas residências. IN – O senhor esteve no local e o que constatou? Toni – Estive no local, juntamente com minha assessoria e

presenciamos na casa do senhor João Quirera, a invasão da chuva e do barro em seu interior. IN – O senhor procurou a Prefeitura? O que foi dito?

Toni – Peço encarecidamente ao secretário de Obras, que tenha mais seriedade com a população itapevense e que quan-

do questionado sobre uma determinada benfeitoria, procure dar uma resposta com o respeito que todo cidadão merece.


Sexta-feira, 17 de janeiro de 2014 Editor Chefe: Kiko Carli Ano XII - Edição 768 Não pode ser vendido separadamente

Vândalo quebra blindex de loja no Jardim Maringá Na sexta-feira (10), a Polícia Militar foi solicitada a comparecer à Rua Alexandrino de Moraes, no Jardim Maringá para atender uma ocorrência de vandalismo. Em princípio havia a informação de que a loja poderia ter sido invadida por meliantes, porém, depois de verificado no interior do estabelecimento, junta-

mente com a presença do gerente, nada teria sido subtraído. Assim, os policiais fizeram a segurança do local para que o mesmo não fosse violado, até o funcionário tomar as devidas providências. Segundo informações, um vândalo teria atirado um objeto no blindex, vindo a causar o dano material.


2B

17 de janeiro de 2014

Colisão entre veículos na SP 249 faz duas vítimas Na última sexta-feira (11), a Polícia Militar Rodoviária, o Corpo de Bombeiros e o SAMU compareceram à Rodovia Pedro Rodrigues Garcia, SP 249, para atender uma ocorrência de acidente de trânsito. Ao chegarem no local, os policiais constataram tratar-se de uma colisão lateral entre uma motocicleta e um ônibus circular, que acabou envolvendo ainda um caminhão. Segundo informações, o acidente aconteceu em uma curva próximo ao Bairro Lavrinhas. O motociclista vinha sentido Ribeirão Branco a Itapeva, quando ao fazer a curva acabou se perdendo, invadiu a contramão, vindo a colidir com o coletivo, que vinha sentido Itapeva/Alto da Brancal. Com o forte impacto dos dois ocupantes da motocicleta

sofreram uma queda e um caminhão que vinha atrás do ônibus para não atingi-los jogou o veículo para o acostamento, evitando assim atropelar as vítimas. O condutor da motocicleta sofreu graves ferimentos e foi imediatamente encaminhado ao Pronto Socorro da Santa Casa de Misericórdia. Até o fechamento desta edição o condutor da moto de 20 anos continuava internado na clínica cirúrgica, mas seu estado era bom. O outro rapaz de 18 anos, que estava na garupa foi atendido no hospital e depois de medicado foi liberado. A Polícia Rodoviária alerta aos motoristas para que trafeguem com cuidado nesta Rodovia, principalmente com chuva ou forte neblina.

Acidente na Avenida Paulina de Morais

Carro desgovernado atinge residência no Jardim Grajaú Na manhã de quarta-feira (15), a Polícia Militar compareceu à Rua 10, no Jardim Grajaú, para atender uma ocorrência de acidente de trânsito. Ao chagarem no local, os policiais constataram tratar-se

No final da tarde desta quarta-feira (15), a Polícia Militar e o resgate do Corpo de Bombeiros estiveram na Avenida Paulina de Morais, onde segundo informações via CAD, havia ocorrido uma colisão

entre veículos. De acordo com informações da Polícia, um motociclista trafegava pela referida Avenida, quando teria sido fechado por um caminhão baú e sem conseguir frear acabou colidindo con-

tra o mesmo. Um veículo Corsa, que vinha logo atrás acabou freando para não passar por cima do motoqueiro. O condutor da moto sofreu ferimentos leves e foi atendido pelos bombeiros.

Aberto concurso para preencher 1.384 vagas de investigador de Polícia Hoje (13) é o primeiro dia das inscrições para o preenchimento de 1.384 vagas para o cargo de Investigador de Polícia. As vagas serão distribuídas em 25% para a capital, 25% para a região da Grande São Paulo e 50% para o interior do Estado. Desses percentuais, 5%, ou seja, 69 vagas estão reservadas aos candidatos com deficiência, conforme a Lei Complementar nº. 683/92. Para participar, os candidatos devem possuir ensino superior completo. A remuneração inicial do cargo é de R$ 3.278,20. As inscrições devem ser re-

alizadas exclusivamente pelo site www.vunesp.com.br, a partir das 10 horas da manhã. O

período de inscrições se encerra às 16 horas de 14 de fevereiro de 2014. A taxa de inscrição é de R$ 63,92. A prova preambular está prevista para o dia 13 de abril de 2014, e ocorrerá nas cidades de Araçatuba, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo (Capital e Grande São Paulo) e Sorocaba. É recomendável que os interessados leiam atentamente o edital e suas atualizações, disponíveis no site da Polícia Civil.

da colisão de veículo contra uma residência de esquina. Segundo o condutor do veículo, devido a falha mecânica, o mesmo acabou perdendo o controle do automóvel Pálio e assim invadiu a casa para

evitar que uma desgraça maior pudesse acontecer, já que o local possui grande fluxo de pedestres. Os prejuízos foram apenas materiais e ninguém ficou ferido.


3B

17 de janeiro de 2014

Policiais da ROCAM apreendem drogas no Centro No dia 14, por volta das 21h20, policiais da ROCAM, lograram êxito na apreensão de drogas pela Rua Quintino Bocaiúva, no Centro de Itapeva. De acordo com a PM, durante patrulhamento de rotina pelo referido endereço, depararam com quatro indivíduos, sendo que um deles estava empurrando uma motocicleta. Eles foram abordados e durante revista pessoal foi encontrado em poder de um deles uma pequena porção de maconha, envolta em plástico transparente. Um segundo indivíduo adentrou sua casa para pegar o documento da moto e admitiu aos policiais que também tinha droga, informando ser para uso próprio. Com a sua permissão, os policiais

revistaram a residência e na geladeira havia três pedaços de maconha de tamanho considerável, além de 9 porções da mesma droga. Na pia havia uma porção de cocaína, uma balança de precisão, um saco de eppendorfs vazios, um rolo de papel film, dois apa relhos celul ares, uma faca, R$ 25,00 em notas e R$ 18,20 em moeda. O indiciado admitiu ter adquirido a droga em Mato Grosso e alegou ser usuário, mas que vende periodicamente drogas para seus amigos. O rapaz de 25 anos foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e encaminhado à Cadeia Pública de Capão Bonito. Os demais indivíduos foram ouvidos e posteriormente liberados.

Falta efetivo para as Bases Sala Azul: “Local é usado para uso de drogas” da Guarda Municipal

I

tapeva conta com 10 Bases da Guarda Municipal e com apenas 87 GMs para suprir toda a demanda. Para se manter 24 horas estes locais em funcionamento seria necessário disponibilizar 40 GMs diariamente, o que inviabilizaria o trabalho da instituição, pois há outros setores e patrimônios que necessitam de guardas realizando o patrulhamento e a fiscalização. Segundo o secretário municipal da Defesa Social, Major Patriarca, este ano, podendo realizar novas contratações deverá desafogar um pouco as funções e distribuir melhor este efetivo existente. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o secretário falou sobre esta situação, confira: IN – Como ficarão as bases da GM diante de tantas reclamações de que não há guardas nelas? Secretário – Com relação às bases da GM é que no passado foram criadas mais bases do que realmente a instituição tinha capacidade para suprir e hoje

nós realmente temos dificuldade, porque uma base para que tenha o atendimento de apenas um guarda durante 24 horas há necessidade de quatro por base para revezamento. Foram criadas no passado 10 bases e para ter apenas um guarda em cada nós vimos que teríamos que usar o efetivo de 40 só para cuidar delas. Temos um efetivo de 87 guardas e temos que analisar que eles têm que cuidar do Pilão D’ Água, das escolas municipais e da zona rural e tem as questões da própria administração. Hoje temos dificuldade de colocar um guarda durante 24

numa base, mas para este ano teremos um concurso em andamento, que ainda está em validade e pretendemos contratar mais, assim que as questões do orçamento da Prefeitura forem definidos em relação à possibilidade de contratação, porque voltamos na mesma situação dos agentes de trânsito pelo fato de querer contratar e termos possibilidade para isso, mas o município está hoje quase no teto da responsabilidade fiscal com relação à folha de pagamento e com relação ao orçamento anual. IN – Há possibilidade de contratação de novos guardas para este ano? Secretário – Nós estamos tentando, fizemos o planejamento, colocamos no orçamento da Secretaria e da Guarda, só dependendo de rever as questões envolvendo a possibilidade do município de contratar. Fizemos o planejamento setorial, mas vamos ver se o município vai ter essa capacidade, porque o prefeito não pode contratar funcionários que estejam acima do limite de 53% da folha de pagamento, uma vez que pode causar improbidade administrativa para o gestor. IN – Existem planos para a construção de novas bases? Secretário – Não temos planos no momento, porque precisamos equacionar a questão do efetivo. O que nós temos é um planejamento e já estamos tentando comprar bases móveis para colocar nos locais onde haja um problema mais imediato e resolvendo este problema pode-se deslocar para outro local.

N

a gestão anterior foi anunciada pelo então secretário de Obras e Meio Ambiente, Francisco Vasconcelos Araújo a construção da Sala Azul no Jardim BeijaFlor, que serviria para reuniões e estudos voltados ao meio ambiente, que até hoje está abandonada. Em 2001, o então vereador Roberto Comeron e hoje prefeito pediu informações sobre qual a data prevista para a retomada da construção da Sala Azul, próximo a EM Professora Ivis Piedade Marques. Argumentou que a paralisação da referida obra tem causado problemas, pois o local tem servido para depósito de lixo e abrigo para usuários de drogas. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, uma munícipe, que não quis ser identificada falou sobre esta obra parada e os transtornos que ela tem causado: IN – Há quanto tempo a senhora mora aqui no local e desde quando perdura esse problema? Munícipe – Eu moro aqui há um ano e faz tempo que está tudo abandonado, sendo utilizado por vândalos e usuários de drogas. À noite fica abandonado e as pessoas dormem ali dentro. Estão jogando muito lixo no local, que estava sendo usado até como pasto, onde colocavam cavalos e vacas. Tem um monte de materiais não utilizados e o povo vem, e leva pedra, areia e tijolo. IN - Em relação a animais

peçonhentos, a senhora já presenciou alguma coisa? Munícipe – Sim, já vi cobras na rua, ratos invadindo as casas, escorpiões, aranhas, que saem do mato, que está servindo como depósito de lixo. IN – Qual o problema maior aqui, além do abandono? Munícipe – São os usuários de drogas e o depósito de lixo, porque onde tem lixo tem invasão de insetos e bichos, e muitos vândalos que usam aquele barracão para uma infinidade de coisas. IN – Durante este ano que a senhora mora no local o que presenciou aqui? Munícipe – Eu já presenciei usuários de drogas principalmente à noite. Eles ficam dentro desse barracão e eu até suspeito que os roubos que houve aqui na rua sejam cometidos por essas pessoas que ficam ali e depois à noite entram nas casas. IN – Essa era uma reinvindi-

cação de quando o atual prefeito era vereador. O que a senhora pode dizer sobre esse primeiro ano que passou e ele não ter feito nada no local? Munícipe – Essa reivindicação foi feita outras vezes por outras entidades e até pelos moradores da rua, que levaram abaixo-assinado para ele e para a Secretaria do Meio Ambiente e até agora não foi feito nada, mas nós estamos com esperança que isso vai mudar. IN – Como a senhora sendo moradora daqui gostaria de ver esse local? Munícipe – Eu gostaria de ver sendo utilizado para o fim que foi destinado. Poderia ser uma área de lazer, ou então que reformulasse e fizesse um campo de futebol para as crianças, mas que mantivessem o lugar limpo, um lugar vigiado e não abandonado e destruído, porque eu vejo ali o dinheiro público sendo jogado fora.


4B

29 de novembro de 2013


Sexta-feira, 17 de janeiro de 2014 Editor Chefe: Kiko Carli Ano XII - Edição 768 Não pode ser vendido separadamente

Equipe do Projeto Rondon fará campanha para castrar animais na Vila Santa Maria Aproximadamente 200 animais serão castrados ainda em julho deste ano No último domingo (12), a bióloga Tatiana Ribas Gemignani Vancini da Vigilância Ambiental, a coordenadora do Departamento de Programas, Projetos Específicos e Plano Diretor da Secretaria Municipal de Planejamento, Eliana Correa Prestes e o veterinário professor Celso Martins, da UNISA – Universidade de Santo Amaro - São Paulo, representando o Projeto Rondon, se reuniram na E.M. Dom Silvio Maria Dário para tratar do Programa de Controle Populacional de Cães e Gatos em Itapeva. Na ocasião ficou estabelecido que no próximo mês de julho, haverá um mutirão de castração de 200 animais na Vila Santa Maria. Os critérios utilizados para a escolha do bairro a ser beneficiado com esta ação foram a baixa renda e a distância do centro da cidade. Serão efetuadas 70 castrações por dia, durante 3 dias, realizadas pela equipe do Projeto Rondon, que é formada por 25 profissionais da área de veterinária. Em janeiro de 2015 a mesma equipe estará de volta à Vila Santa Maria para mais 200 castrações, nos mesmos moldes desta primeira, pois só assim será possível fazer o monitoramento e verificar se as ações estão tendo bons resultados. Aliadas aos mutirões serão realizadas campanhas educativas para que os proprietários de animais também colaborem, praticando a guarda responsável e se responsabilizando pelo bem estar do animal.


2C

17 de janeiro de 2014

Projeto Guri dá início ao processo de matrículas para 2014 O Projeto Guri, programa de formação musical da Secretaria de Estado da Cultura voltado para crianças e adolescentes, abre inscrições para matrículas de novos alunos, de 03 de fevereiro a 07 de março de 2014. Há vagas em mais de 300 polos do interior e litoral do Estado. Em Itapeva o Projeto funciona à Rua Coronel Crescêncio, 714. Os interessados devem comparecer diretamente ao polo em que desejam estudar, acompanhados pelos pais ou responsável, portando RG ou certidão de nascimento, além de comprovante de matrícula escolar e/ou declaração de frequência escolar. Não é preciso ter conhecimento prévio de música, possuir instrumento, nem realizar testes seletivos. Sobre o Projeto Guri Mantido pela Secretaria de

Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o

maior programa sociocultural brasileiro e oferece, desde 1995,

nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação

musical, canto coral, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopro, teclado e percussão. Mais de 49 mil jovens fazem aulas em mais de 400 polos distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os polos de ensino localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação Casa, são administrados pela Amigos do Guri, enquanto o controle dos polos da capital paulista fica por conta de outra organização social, ambas ligadas à Secretaria de Cultura. A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Em 2013, o Projeto Guri comemora 18 anos de existência, tendo atendido, desde o início, cerca de 500 mil jovens, em todo o estado.

Sobre a Amigos do Guri A Amigos do Guri é uma organização social de cultura que, desde 1995, administra o Projeto Guri. De 2004 até hoje, é responsável pela gestão do programa no litoral e no interior do estado de São Paulo, incluindo os polos da Fundação Casa. Além do Governo de São Paulo – idealizador do projeto – a Amigos do Guri conta com o apoio de prefeituras, organizações sociais, empresas e pessoas físicas. Instituições interessadas em investir na Amigos do Guri, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm incentivo fiscal da Lei Rouanet e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Pessoas físicas também podem ajudar. As informações completas estão no site www.projetoguri.org.br.

Educação cadastra novos voluntários para atuarem nas Escolas da Família

Alckmin leva mutirão de reformas para todas as 406 escolas da região

As 206 escolas que integram o programa abrem inscrições dia 20 para o voluntariado nas áreas de esporte, cultura, lazer, saúde e trabalho

Programa “Trato na Escola”, da Secretaria da Educação, investe no total R$ 40 milhões para pinturas e pequenos reparos antes da volta às aulas

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo começa a receber a partir da próxima segundafeira (20), os interessados em fazer parte do trabalho voluntário desenvolvido nas 2,3 mil unidades do Programa Escola da Família, sendo 206 delas na região de Sorocaba. Atualmente são 12,1 mil pessoas, cerca de 1.350 nas unidades locais, que todos os finais de semana disponibilizam o tempo livre para auxiliar na promoção das atividades gratuitas voltadas aos alunos e à comunidade escolar. Os “voluntários da Educação” atuam em ações de esporte, cultura, lazer, saúde e trabalho. Quem quiser participar deve procurar a escola mais próxima que ofereça o programa, preencher a ficha de cadastro (nome, RG e CPF) e apresentar o projeto que pretende realizar aos finais de semana. Os interessados podem, por

exemplo, planejar e executar atividades como aulas de dança ou oficinas de artesanato, sempre com a supervisão de educadores e universitários contratados pelo Programa. A lista com-

pleta de escolas da família pode ser acessada no site da Secretaria www. educacao.sp.gov.br/escoladafamilia/. “A integração com os voluntários é uma das principais vertentes do programa que preconiza justamente a parceria da escola com a comunidade local. O voluntário fortalece a participação da sociedade na educação e ao mesmo tempo permite a atuação da escola no bairro em que ela está inserida”, afirma o secretário da Educação, professor Herman Voorwald. Em 2013, o Programa Escola da Família completou uma década com a marca de 35,3 milhões de atividades gratuitas e 724 milhões de atendimentos realizados no período. Secretaria da Educação do Estado de São Paulo - Assessoria de Comunicação e Imprensa

A Secretaria da Educação do Estado dá início nesta terçafeira, dia 14, às atividades do projeto “Trato na Escola”. Todas as 5 mil unidades estaduais, sendo 406 delas da região de Sorocaba, começarão o ano letivo organizadas, limpas e recuperadas após receberem um mutirão de serviços como pintura, jardinagem, pequenos reparos e higienização. No total, a verba investida é de R$ 40 milhões, R$ 3,2 milhões destinados às escolas locais. A iniciativa é organizada pela Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE), órgão da Secretaria responsável pela realização das obras escolares. O objetivo é que as escolas fiquem de “cara nova” para a chegada dos mais de 4,3 milhões de estudantes a partir do dia 27 de janeiro, data em que voltam às aulas. Na região de Sorocaba, são 270,6 mil estu-

dantes que retornam aos estudos. Para isso, a Secretaria desde o último dia 10 de janeiro realiza repasses de R$ 7,9 mil para que cada escola fique responsável por contratar os serviços de reforma, adequação, consertos e instalações de equipamentos que compõem o patrimônio escolar. Algumas unidades podem inovar e usar a verba para grafitar muros ou levar outros conceitos artísticos à unidade. “Este investimento permite preservar as instalações físicas das nossas escolas, com ações imediatas que preparam a unidade escolar para receber os alunos no novo ano letivo. Promover o bom ambiente escolar é um dos compromissos e só no ano passado investimos R$ 688 milhões em melhorias de infraestrutura escolar”, afirma o secretário da Educação, professor Herman Voorwald. Este ano, são 2,1

mil obras em andamento em todo o Estado, em um investimento de aproximadamente R$ 1,3 bilhão. Além do Trato na Escola, para 2014, a Secretaria elaborou um calendário escolar especial. No ano da Copa do Mundo, o início das aulas foi antecipado para 27 de janeiro, assim como as férias do meio do ano, que acontecem entre 12 de junho e 13 de julho período de realização dos jogos, mantendo os 200 dias letivos. Em outubro, os alunos terão um recesso escolar de uma semana, entre os dias 13 e 19. Já o término das aulas está programado para a segunda quinzena de dezembro, de acordo com o cronograma de cada escola. Secretaria da Educação do Estado de São Paulo Assessoria de Comunicação e Imprensa

Soja safrinha ganha espaço nas lavouras do Sul Paulista Oleaginosa tira o milho de cena e deve ocupar o dobro da área que foi utilizada em períodos anteriores. Promessa é de safra recorde, assim como na safra de verão Com preços muito mais atraentes e mercado futuro promissor, a soja passou a ser a principal opção, tanto na safra de verão quanto na safrinha, para a maioria dos agricultores da região Sudoeste Paulista. De acordo com dados da Coordenadoria de Assistência Técnica Integrada (Cati), órgão da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, o aumento de área plantada na região de Itapeva será de mais de 60%. “Em 2013 a soja safrinha ocupou cerca de 15 mil hectares. Este ano pode passar de 25 mil hectares”, estima o engenheiro agrônomo Vandir Daniel da Silva. Vandir explica que, mesmo com os riscos e custos aumentados devido à necessidade de maior investimento contra pragas e doenças, a soja ainda é a melhor opção na hora da comercialização. “Embora o custo seja maior e a produtividade caia um pouco, a soja está em um ótimo momento. Não haverá prejuízo financeiro”, afirma Vandir.

Soja sobre soja – Quem apostou na soja no verão, também pode entrar com a cultura na safrinha. Porém, Vandir explica que essa combinação pode ser arriscada, a menos que o histórico da propriedade esteja dentro das técnicas corretas de rotação de cultura. “O agricultor que sempre fez a rotação de cultura de forma correta pode apostar em soja sobre soja. Mas vale lembrar que essa prática é agronomicamente incorreta e não é recomendada”, explica o agrônomo. Riscos – Não é apenas a lagarta Helicoverpa armígera a preocupação dos sojicultores da região. De acordo com o agricultor e técnico José Eduardo Amadeu, a incidência de outras pragas mais comuns também pode colocar em risco o bom desenvolvimento da cultura. “Além das lagartas, existem varias outras pragas importantes que podem comprometer a produtividade e consequentemente a lucratividade da lavoura. Os percevejos e a mosca branca

podem ser até mais agressivos neste período de safrinha do que a Helicoverpa”, explica José Eduardo. Os investimentos em inseticidas e fungicidas podem aumentar em até 50% os custos da lavoura. José Eduardo afirma ainda

que para obter bons resultados de produtividade durante a safrinha, o agricultor não pode abrir mão de uma nutrição balanceada. “O mercado possui hoje produtos de alta tecnologia que, com doses menores, consegue corrigir mais rapida-

mente a deficiência nutricional das plantas, além de trazer resultados mais rápidos, mais econômicos para oagricultor e com menor impacto ambiental”, destaca. Nutrição – O engenheiro agrônomo Ricardo Werneck,

supervisor da empresa Nutriceler, com sede em Itapeva, explica que ao optar por soja sobre soja, a possibilidade de maior ataque de pragas e doenças é aumentada. “Nestas condições é muito importante que a cultura esteja em seu melhor equilíbrio nutricional para suportar as condições de stress que serão comuns nos plantios tardios. A Nutriceler possui soluções que podem garantir este equilíbrio, desde a emergência até o enchimento de grãos, usando produtos de alta tecnologia como o Maxifós, Como Kelp, Metalosate Manganês, Koringa, Coron, entre outros, afirma. Milho garantido – Apesar da atenção estar voltada para a soja, o país não corre risco de ficar com baixas de estoque de milho. A cultura é a segunda mais produzida no estado do Mato Grosso, principal produtor e responsável pelo abastecimento nacional do grão. Bárbara Laranja de Paula Analista de Comunicação


3C

17 de janeiro de 2014

Centro de Referência do Idoso foi inaugurado após 10 anos parado

N

a sexta-feira (10), a Prefeitura de Itapeva, por meio da Secretaria Municipal da Saúde em parceria com o Fundo Social de Solidariedade, inaugurou o Centro de Referência do Idoso da Vila Aparecida.  O prédio possui 456 metros de área construída com recursos próprios do município. Além das atividades de recreação e lazer, os idosos também terão atendimento médico especializado e acesso à farmácia com os principais medicamentos. O geriatra Dr. Leonardo Tassinari será o médico responsável pelo Centro e atenderá de segunda a sexta. Serão efetua-

dos aproximadamente 300 atendimentos ao mês. “O mais importante é conseguirmos proporcionar melhor qualidade de vida a estas pessoas, através de atividades lúdicas e de lazer, práticas esportivas, artísticas, artesanais e muita recreação”, disse o médico. O secretário da Saúde, Dr. Luiz Fernando Tassinari demonstrou grande satisfação em entregar essa obra à comunidade de Itapeva, que espera pela benfeitoria há mais de 10 anos. Bastante entusiasmado, o prefeito municipal Roberto Comeron disse que lançou um desafio ao secretário municipal da Saúde sobre a data da inaugura-

ção e não se surpreendeu com o resultado conforme nos contou em entrevista, confira: IN – Depois de anos de obra parada e de tantas expectativas do governo e da população, qual o seu sentimento em relação e essa conquista? Prefeito – Meu sentimento é de muita alegria, pois é gostoso entregar um prédio como este para um grupo tão especial, que é a Terceira Idade. São

pessoas que já contribuíram para a cidade, que já se dedicaram para progresso de Itapeva e que hoje têm que ter o retorno de nosso município. Com muito carinho retomamos essa obra, que estava há oito anos totalmente parada. IN – Além do espaço de entretenimento e diversão para os idosos, para que mais vai ser utilizado o espaço? Prefeito – Vai ser utilizado

para fazer palestras e orientação de saúde. Vai haver uma clínica com um médico especialista em Geriatria para atender os idosos com problemas de saúde. IN – Como vai ser administrado esse local? Prefeito – Vai ser administrado pela Secretaria da Saúde junto com o Fundo Social, que ficará responsável pela parte de entretenimento com bailes para a Terceira Idade e a parte e saúde

pelo Dr. Leonardo Tassinari, que ficará responsável pelo setor. IN – O senhor tem planos para reformular toda a Praça? Prefeito – Sim, nós queremos deixar essa Praça especial para a Terceira Idade com acessibilidade. Temos projeto de colocar uma cancha de bocha, uma farmácia ao lado com medicamentos e também manteremos a segurança da Praça com a Guarda Municipal.


4C

17 de janeiro de 2014


5C

17 de janeiro de 2014

Lego é a nova ferramenta educacional do Colégio Leme Com a palavra, o diretor Gustavo Vasconcelos

C

om muito empenho dos mantenedores e equipe gestora, o Colégio LEME, traz para os estudantes da Educação Infantil, Ensinos Fundamental e Médio mais uma ferramenta de aprendizagem, o projeto LEGO ZOOM de Educação. Este programa relaciona o desenvolvimento de competências aos conteúdos disciplinares, de forma prática e lúdica. Estudantes e educadores terão a oportunidade de colocar em

prática os conhecimentos específicos, tornando o processo de ensino e aprendizagem divertido, rico e significativo, integrando o aprender-fazendo aos conteúdos curriculares propostos pelo MEC (Ministério da Educação). Nos dias 16 a 18 de dezembro todos os professores, coordenadores e direção participaram de uma formação e nesta oportunidade, foi nítido o encantamento e alegria de todos ao criar, resolver problemas, construir máquinas e equipamentos, objetos, cumprir os desafios propostos pela LEGO® ZOOM. Ansiosos para trabalhar e acreditando que sem dúvida todos estarão envolvidos na aprendizagem, os professores serão os mediadores, para que os estudantes em tempos de tecnologia apliquem conhecimentos e utilizem novas tecnologias, vivenciando já. Daí a importância de preparar o estudante para a vida e para o presente, já que preparar para o futuro é preparar para as incertezas, ana-

lisando que muitas das profissões que existiam estão sendo substituídas e novas surgirão, e com certeza em meio a tecnologia e ciência. Por meio de uma proposta pedagógica que se baseia na metodologia do aprender-fazendo, o estudante tem a oportunidade de vivenciar seus experimentos, em um ambiente cuidadosamente preparado para atender suas reais necessidades de convívio e aprendizagem. Com kits compostos por fascículos de educação tecnológica e peças do brinquedo LEGO® que possibilitam inúmeras montagens e projetos, de ciência e tecnologia de mecanismos simples e motorizados, sensores e programação com notebook. Os benefícios serão vistos em diferentes áreas do conhecimento com toda estrutura pedagógica e professores bem preparados. Espera-se que o estudante por meio do trabalho em equipe, inicie o processo de descentralização e que aja de forma cooperativa. Dessa forma,

ele entra em contato com o mundo da tecnologia, da autonomia e das regras de convivência. É também visão do Colégio promover uma atmosfera mo-

Você sabia?

LEGO® é muito mais do que um brinquedo, suas peças são usadas da pré-escola a universidades. Com LEGO, é possível ensinar vários assuntos: de matemática e ciências a princípios de engenharia e tecnologia.

tivadora de ensino que ajudará na ampliação e potencialização do nível de raciocínio lógicomatemático, com capacidade de abstração e interatividade.

Agradeço aos colaboradores e parceiros do colégio LEME e desejo um ano de bênçãos para todos! Venham conhecer nosso Colégio e as propostas para 2014.

Mágico Logan encanta público no Balanço da Secretaria de Saúde Auditório do Parque Pilão D’Água mostra avanços nas campanhas

de prevenção de DSTs Diagnóstico rápido contribui no tratamento das doenças

Abrindo as atividades das Férias Culturais 2014, a Secretaria Municipal da Cultura e Turismo de Itapeva trouxe o Show de Mágica com o conceituado Mágico Logan, um dos melhores mágicos de salão da atualidade. Foi uma apresentação envolvente onde o mágico, tendo como assistente sua esposa Clotilde, interagiu com a

plateia, entre números com animais (coelho e pombas), mentalismo, teletransporte de objetos, levitação, entre outros números clássicos de ilusionismo e novos truques criados pelo próprio mágico. O público presente (cerca de noventa pessoas) ficou encantado com os números apresentados, sendo que para a grande maioria foi uma opor-

tunidade ímpar de assistir a um espetáculo de mágica, como comentou o espectador Jonas Meira (coreógrafo e professor de dança) “quem não foi perdeu a chance de assistir a um grande show que raramente se tem oportunidade de ver”. As atividades de férias preparadas pela Secretaria da Cultura e Turismo seguem até o dia 26.

A Secretaria Municipal da Saúde de Itapeva teve grandes avanços na área das DST/AIDS este ano com a implantação dos testes rápidos de HIV, sífilis, Hepatites B e C em toda rede básica de saúde, além de diversas campanhas municipais e locais coordenadas pela equipe SAE - Serviço de Atendimento Especializado. Em 2013, só em testes rápidos, foram coletados 16.360 exames, sendo diagnosticados através destes 26 casos de HIV, 251 de sífilis, seis de hepatite B e 25 de Hepatite C. A importância do teste rápido nas unidades de saúde está em realizar o diagnóstico precocemente, o que contribui muito no tratamento. Além disso, foram efetuadas 48 ações de rua com a realização de testes rápidos, orientações e distribuição de mais de 450 mil preservativos,

abrangendo escolas, áreas de tráfego de drogas e prostituição, casas noturnas e bares. Foram realizadas 13 capacitações voltadas aos profissionais de saúde, promovendo a orientação sobre as DST/ AIDS, tuberculose, hanseníase, bem como os cuidados que se deve ter com as doenças in-

fecto contagiosas. As pessoas interessadas em realizar os exames de HIV, Sífilis, Hepatite B e C ou que tenham qualquer dúvida sobre doenças infecto contagiosas devem procurar o SAE, à Rua Mário Prandini, 858, Centro ou pelo telefone 015 3522 2365.

Equipe da Secretaria de Saúde, que divulgou nota informando avanços nas campanhas de prevenção de DSTs em 2013


6C

17 de janeiro de 2014

Mercado Imobiliário: “Tendência é estabilizar”, diz corretor

P

ara o corretor de imóveis e proprietário de imobiliária Roque José Antunes Godói este ano o mercado imobiliário em Itapeva tende a estabilizar. De acordo com ele, isso se deve aos eventos em curto espaço de tempo, que tomarão o lugar de investimentos em imóveis e a construção de diversos condomínios em nossa cidade. Porém, Roque atenta que esses fatores não criarão maiores problemas para as imobiliárias, pois a procura continua sendo grande. Para ele, investimento na construção de apartamentos com estacionamento é uma das estratégias para quem quer ganhar dinheiro, devido a migração de pessoas de grandes centros acostumadas com este tipo de moradia. Confira a entrevista: IN – Como está o mercado imobiliário em nossa cidade? Roque – Nos dias de hoje ele está calmo, mas a tendência é que melhore. Estamos vivendo um ano bastante atípico, teremos grandes eventos em espaços curtos de tempo e isso atrapalha o mercado, não só o imobiliário, como o comércio de toda a cidade. Temos o carnaval, depois vem Copa do Mundo, eleições, são eventos que tiram um pouco o foco do consumidor em vir buscar algo, tanto no meio imobiliário, quanto em outro ramo de atividade de comércio da cidade. IN – O que muda no mercado imobiliário de nossa cidade com as casas e condomínios financiados direto com empreiteiros? Roque - Eu acredito que essa movimentação de novos condomínios, financiamento direto por proprietários e consumidor final não vai afetar em nada o ramo imobiliário em si. Lógico que para nós seria muito melhor se todos centralizassem nas imobiliárias, mas não temos esse poder, esse limitador, o cliente tem a liberdade de escolha, porém ele altera muito pouco, a proporção é muito pequena, porque a maioria das pessoas ainda buscam as imobiliárias,

visando segurança no negócio. O bom corretor hoje tem que se preocupar em dar todas as informações necessárias do imóvel e tirar certidões tanto do imóvel, quanto dos proprietários. Quando a pessoa opta em comprar diretamente, algumas etapas desse procedimento nor-

Teremos grandes eventos em espaços curtos de tempo e isso atrapalha o mercado, não só o imobiliário, como o comércio de toda a cidade mal são amputadas, e nisso quem está comprando o imóvel pode comprar alguma coisa que tenha um problema lá na frente, mas se o corretor for realmente compromissado em oferecer um bom trabalho, ele vai buscar todas as fontes de informações para oferecer um bom negócio. Por isso eu aconselho aquele que vai comprar que procure um corretor credenciado, capacitado a levantar toda essa documentação. Comprando direto com o proprietário às vezes se pensa que está ganhado tempo e está arrumando problemas. IN – Quanto a valores como está Itapeva em relação a outras cidades?

Roque - Eu acho que o preço de Itapeva veio aquecendo ano após ano em função de realmente não termos outros empreendimentos dentro da cidade. Nós conhecemos alguns loteamentos, mas nada surgiu de novo. Acredito que num limite de tempo de 20 anos continua sendo os mesmos loteamentos e isso é a lei da oferta e da procura. Com esse número de lotes e casas para vender o preço vai aumentando. A chegada desses novos loteamentos não vai fazer com que o preço diminua, mas vai estabilizar um pouco. IN – Quanto a locação qual é a maior procura? Roque - A locação não tem um lugar específico para moradia, se for um bom imóvel e estando em perfeito estado de conservação independe se é na vila A ou B, ele com certeza vai alugar. Uma das preocupações que nós temos é com o número de apartamentos, porque muitas pessoas estão vindo de fora acostumados com outros centros comerciais, outras cidades onde têm apartamentos com garagem e aqui em Itapeva nós não temos isso. Os novos empreendedores que querem construir prédios, que pensam em construir apartamentos deve ter no mínimo uma vaga de garagem. Itapeva é uma cidade boa, eu vim para esse lugar e amo viver aqui, quem vem para Itapeva vai ter as mesmas condições, porque a cidade está crescendo e está melhorando.

Marmo Fogaça defende reforma administrativa que atenda todos os servidores municipais O projeto da Reforma Administrativa do Executivo deverá ser encaminhado à Câmara até o final do recesso parlamentar, que ocorre no dia 31 de Janeiro de 2014 O vereador Marmo Fogaça voltou a falar sobre seu descontentamento com os caminhos que a reforma administrativa da prefeitura está tomando, sem levar em consideração a grande maioria dos servidores, especialmente os que são do quadro efetivo. O vereador criticou o Executivo que encaminhou à Câmara projeto parcial de aumento o qual beneficia apenas os cargos em comissão  e frisou que a Câmara deve debater a reforma como um todo, e não apenas parcialmente. Ainda, segundo explicou o vereador, o projeto da reforma administrativa que afirmam ser o melhor para os próximos vinte anos, prioriza apenas 45 cargos em comissão de apadrinhados políticos, esquecendo a maioria dos servidores de cargo efetivo. Lembrou dos diversos técnicos que prestam serviços à

município”, ponderou Marmo Fogaça.

prefeitura na área de saúde, agricultura, educação e outros que recebem em média 800 reais mensais e não são valorizados como merecem, pelo trabalho que realizam para a população. “Isso é um desacato com os servidores públicos do

REFORMA ADMINISTRATIVA – Na sessão do dia 19 de Dezembro foi lido em plenário um ofício do Prefeito Roberto Comeron, no qual afirma que foi criado um grupo de trabalho que apresentou ao Executivo uma nova proposta de Reforma Administrativa, de forma a atender os Termos de Ajustamento de Conduta firmado em 2012. Diante da grande relevância da matéria e tendo em vista o período de recesso de final do ano, afirmou que estudará a matéria e se compromete a encaminhar o Projeto de Lei Substitutivo ao anteriormente apresentado, até o fim do recesso legislativo (que se encerra em 31 de Janeiro), como forma de prosseguir o trâmite da matéria até a aprovação por parte dos vereadores. (Assessoria do Vereador Marmo Fogaça).

Elektro abre inscrições para a Escola de Eletricistas em Itapeva Até o dia 01 de fevereiro, estão abertas as inscrições para a Escola de Eletricistas Elektro em Itapeva. Voltado para a comunidade e para os colaboradores da Elektro, o treinamento será realizado por meio de parceria com o ETEC (Escola Técnica Estadual) e com a Prefeitura de Itapeva. As aulas serão ministradas de segunda a sexta-feira, no período noturno, das 18h às 22h30. O programa tem duração de 972 horas e está distribuído em quatro módulos. As primeiras 40 vagas são para o Primeiro Módulo, que terá duração de 200 (duzentas) horas. Os alunos que apresentarem melhor desempenho e nível de comprometimento ao longo do treinamento serão selecionados para os demais módulos (segundo, terceiro e quarto), para os quais serão disponibilizadas 25 vagas.

O treinamento é gratuito e para se inscrever é necessário atender aos seguintes requisitos: - Ter de 18 a 35 anos; - Ensino médio completo; - Estar disponível no horário estabelecido das aulas; - Possuir carteira de habilitação na categoria B (desejável

categoria C). SERVIÇO: Evento: Escola de Eletricistas Elektro Inscrições até: 1/02 Local: ETEC – Doutor Demétrio Azevedo Junior (Escola de Minas) – Av. Europa, 1097. Jd Europa – Itapeva.

Unesp seleciona docentes Inscrições podem ser feitas até 7 de fevereiro A Unesp de Itapeva abre três concursos para professor assistente doutor junto ao Curso de Engenharia de Produção da Unidade. Veja informações abaixo: Quant. de vagas: 01 Disciplinas: “Cálculo Diferencial e Integral I”, “Cálculo Diferencial e Integral II”, “Cálculo Diferencial e Integral III”, “Cálculo Diferencial e Integral IV”, “Geometria Analítica” e “Álgebra Linear” Titulação: mínima de Doutor Regime de Trabalho: RDIDP, 40 horas semanais Regime Jurídico: CLT Data Início das Inscrições: 08/ 012014 Data Término das Inscrições: 07/02/2014 Requisitos: Titulação mínima de Doutor EDITAL No. Edital: 01/2014-STAAd-ITA Data de Publicação no DOE: 08/ 01/2014, Executivo I, pgs. 147 Link para o Edital http://www.itapeva.unesp.br/ #!/instituicao/administracao/ secao-administrativa/concursos732/docentes/ Quant. de vagas: 01 Disciplinas: “Introdução à Ciência da Computação I”, “Introdução à Ciência da Computação II” e “Sistemas de Informação” Titulação: mínima de Doutor

Regime de Trabalho: RDIDP, 40 horas semanais Regime Jurídico: CLT Data Início das Inscrições: 08/ 012014 Data Término das Inscrições: 07/02/2014 Requisitos: Titulação mínima de Doutor EDITAL No. Edital: 02/2014-STAAd-ITA Data de Publicação no DOE: 08/ 01/2014, Executivo I, pgs. 147 a 148 Link para o Edital http://www.itapeva.unesp.br/ #!/instituicao/administracao/ secao-administrativa/concursos732/docentes/ Quant. de vagas: 01 Disciplinas: Disciplinas: “Desenho Técnico I”, “Desenho Téc-

nico II” e “Introdução à Engenharia de Produção” Titulação: mínima de Doutor Regime de Trabalho: RDIDP, 40 horas semanais Regime Jurídico: CLT Data Início das Inscrições: 08/ 012014 Data Término das Inscrições: 07/02/2014 Requisitos: Titulação mínima de Doutor EDITAL No. Edital: 03/2014-STAAd-ITA Data de Publicação no DOE: 08/ 01/2014, Executivo I, pgs. 148 a 149 Link para o Edital http://www.itapeva.unesp.br/ #!/instituicao/administracao/ secao-administrativa/concursos732/docentes/

CCR SPVias abre vagas para profissionais com deficiência A concessionária de rodovias CCR SPVias abriu processo seletivo para a contratação de 15 profissionais com deficiência por meio do Programa de Inclusão de Pessoas com Deficiência do Grupo CCR. A coordenadora de Gestão de Pessoas da concessionária, Vivian Nobrega, afirma que os candidatos com deficiência concorrerão às vagas disponíveis na empresa em base de igualdade

com os outros candidatos, desde que preencham os requisitos de qualificação exigidos. “Após a contratação buscamos integrálos de forma gradual, por meio de cursos de capacitação, o que possibilita seu desenvolvimento profissional e suas chances de crescimento na empresa”, diz Vivian. Segundo a CCR SPVias, o processo seletivo vai priorizar candidatos que morem em cidades

próximas à atuação da Concessionária, valorizando a mão-deobra local. Os municípios são: Tatuí, Itapetininga, Alambari, São Miguel Arcanjo, Capão Bonito, Avaré, Itaí, Buri, Taquarivaí, Itapeva, Itaberá, Itararé, Araçoiaba da Serra, Capela do Alto, Sarapuí, Cesário Lange, Quadra, Porangaba, Torre de Pedra, Bofete, Pardinho, Itatinga, Cerqueira César, Iaras, Águas de Santa Bárbara e Santa Cruz do Rio Pardo.

Secretaria da Cultura abre inscrições para as Férias Culturais 2014 A Secretaria Municipal da Cultura e Turismo está com inscrições abertas para oficinas de férias em teatro; danças urbanas; desenho – ilustração e criação de personagens; dança de salão; DJ – pick-up e vinil e MCs – composição de letras musicais e capoeira. Além das oficinas, uma intensa programação cultural está programada. Atividades como exibição de filmes de animação,

jogos de tabuleiro (xadrez e damas), roda de leituras infantis, pista livre de skate (apoio da loja Backside) e Palco Livre para novos talentos, são atrações que acontecerão até o dia 26 (domingo) quando o encerramento se dará com a 8ª edição do FestFérias – Festival de Dança, a partir das 20h no Itapeva Clube. Todas as atividades são gratuitas. Mais informações poderão ser obtidas através do

site: www.culturitapeva.com.br ou no telefone (15) 3522-3875. “Oferecer entretenimento de qualidade a todas as faixas etárias é nosso objetivo, com a realização dessa rica programação” afirma a Secretária Setembrina. As Férias Culturais - 2014 serão encerradas com o 8 º FestFérias, que será realizado no dia 26/janeiro, na sede social do Itapeva Clube e terá a participação de grupos de dança de Itapeva e região.


7C

17 de janeiro de 2014

Barcelona alia diversidade cultural e turística à qualidade de vida Ao contrário da maioria das cidades que têm pontos turísticos, Barcelona se mostra toda turística. Bairros, ruas, vielas, construções, tanto faz! Tudo nela parece mesmo ter sido desenhado milimetricamente aos turistas As cores de Picasso, as formas de Gaudí e Miró, aliadas a suntuosidade e imponência do gótico catalão ajudam a compor as feições cativantes da cidade. Os moradores e turistas têm a sua disposição verdadeiros monumentos, onde podem desfrutar de horas de lazer e descanso. O Jardim Botânico, por exemplo, oferece diferentes possibilidades aos visitantes que se aproximam da natureza e são envoltos pelo encanto do lugar. Os jogos de futebol sediados no estádio do Barcelona também estão entre os principais programas da cidade. As partidas contagiam os espectadores e garantem animação aos devotos torcedores. Ecletismo parece ser a palavra de ordem para entender Barcelona, sua cultura e sua gastronomia. De influências israelenses, mediterrâneas, americanas, mexicanas e tipicamente espanholas, os pratos preparados na cidade agradam diferentes paladares, desde os mais simples aos mais sofisticados. As tapas, a paella e os frutos do mar devidamente acompanhados de Cava, bebida típica da região, são o pedido exato. As compras em Barcelona seguem o mesmo padrão: diversidade. Há opções para os que desejam artigos de luxo, grandes lojas de departamentos, bem como as lojas vintages tão ao gosto dos moradores da cidade. Isso sem mencionar as lojas e produtos exóticos. Assim, na cidade de Barcelona, se encontram produtos das marcas mais famosas, em espaços igualmente famosos como é o caso do Shopping Arenas. Um destino turístico tipicamente espanhol, mas com identidade própria. Prova disso é a proibição das touradas, além da sede de um dos maiores clubes de futebol do mundo e o berço de artistas únicos. Definitivamente, Barcelona tem muitas facetas, para todas as caras. Pontos Turísticos em Barcelona CATEDRAL DE BARCELONA O estilo arquitetônico dessa catedral impressiona. Seus retábulos e pinturas são representantes fiéis do gótico catalão, corrente que obteve expressividade especial nessa região. O ostensório, as cadeiras do coro, os vitrais e as esculturas seguem também o goticismo. Não por

acaso, a Catedral de Barcelona está situada no histórico bairro gótico de Barcelona, Barri Gòtic, em catalão. Na região, há outras opções como os edifícios da prefeitura, o Palacio de Generalitat e restos das muralhas romãs. Recomenda-se tempo, para visitar o bairro e a Catedral, onde só se pode entrar com os ombros cobertos e com bermudas (saias) sempre abaixo dos joelhos. MUSEO PICASSO Maior expoente da cultura catalã e espanhola, de modo geral, Picasso teve sua formação artística completada em Barcelona. Ali, ele consolidou seu estilo, bem como foi um dos propulsores da efervescência artística que a cidade viveu. O museu dedicado à sua memória e arte, inaugurado em 1963, possui a maior coleção de suas obras, abrangendo da juventude a sua maturidade. Recebe ainda exposições de outros artistas e criadores, revelando-se a melhor alternativa aos apaixonados por arte e cultura. CAMP NOU “Camp Nou” significa campo novo em catalão. O terceiro estádio do Barcelona recebeu classificação 5 estrelas pela UEFA – União das Federações Europeias de Futebol . Palco de importantes disputas esportivas, o local abriga um museu onde há exposições que contam a história de um dos maiores clubes do mundo; um mini estádio (com capacidade para 20 mil pessoas) e um ginásio multi-uso. Dessa forma, o estádio se transforma em um verdadeiro ponto turístico, especialmente aos obstinados por futebol. LA SAGRADA FAMILIA No final do século 19, Gaudí aceitou dar continuidade a obra

não concluída da Catedral de Barcelona, que até então era dirigida por Francisco de Paula. Respeitando os traços iniciais do arquiteto, Gaudí não deixou de imprimir seu estilo e maneira de trabalhar no monumento. Os estonteantes detalhes da fachada, o colorido da cripta e o Portal de Nascimento merecem atenção especial. Um dos principais destinos turísticos de Barcelona merece ser visitado com tranquilidade, para que as sutilezas da construção possam ser contempladas. JARDIM BOTÂNICO DE BARCELONA Revitalizado e ampliado em 1995, o novo Jardim Botânico de Barcelona está instalado na Montanha de Montjuïc. Sua idealização e posterior construção é fruto de uma subvenção entre a União Europeia e os Fundos de Coesão dos Países. Nele, há milhares de espécies de plantas medicinais, organizadas por meio de um critério atípico: foram medidas em sua “mediterraneidade”, ou seja, necessariamente deveriam ser provenientes de uma das cinco regiões de clima mediterrâneo do

mundo. Assim foram catalogadas mais de 4000 espécies. Onde Comer em Barcelona FRESC CO Rede relativamente nova de restaurante, possui seis unidades em Barcelona. Seu diferencial se apresenta nas diversas receitas de pratos saudáveis. No estilo self-service o estabelecimento tem preços acessíveis, oferece almoços e jantares, com excelentes sobremesas. No horário do almoço, as filas são comuns. Por isso, depois de uma manhã de visitações, o melhor horário para os turistas é no começo da tarde. CAN CULLERETES Simplesmente o mais antigo dos restaurantes de Barcelona, o local oferece pratos típicos a base de frutos do mar, peixes e carnes. Os destaques do cardápio são as saladas e o “Bacalhau com batatas assadas”, especialidade da casa. A carta de vinho também merece atenção. O espaço se mostra alternativa imperdível àqueles que querem provar o melhor da culinária mediterrânea.

DOSTRECE Um ambiente pensado para ser acolhedor, com serviços personalizados e acesso à internet wi-fi. A cozinha eclética oferece pratos típicos espanhóis com influências mexicanas, asiáticas e israelenses. As bebidas são selecionadas, com destaque para os cocktails. Embora os preços sejam acessíveis, há a possibilidade de conseguir cupons de descontos no site do restaurante. 7 PORTES Restaurante refinado e tradicional, foi apontado como o lugar em que se come a melhor paella de Barcelona. Instalado em um casarão do século 19, o local já recebeu personalidades famosas e ilustres como Marcelo Mastroianni, Lou Reed, Miró, Orson Welles e outros. Seu nome faz referência às suas sete portas de entrada. O estabelecimento conta ainda com uma loja e pinacoteca, transformando-se em uma atração turística à parte. XAMPANERIA CAN PAIXANO Um clássico de Barcelona, o espaço se dedica à venda e degustação de cava, um vinho espanhol similar ao champanhe e bebida típica da cidade. Para acompanhar as taças de cava são servidas as tradicionais tapas espanholas, por preços bastante acessíveis. O local é indicado para lanches e aquisição de diferentes rótulos. Onde Comprar em Barcelona EL CORTE INGLÉS Loja de departamento genuinamente espanhola, o local possui três instalações em Barcelona. Em suas unidades, podem ser adquiridos eletrônicos, produtos para informática, eletrodomésticos, moda masculina e feminina, artigos esportivos, livro,

artigos de luxo, cosméticos e outros. Também há praça de alimentação, área de entretenimento e salas de cinema. ARENAS Espaço high-tech no coração de Barcelona, o centro de compras está instalado na antiga e primeira praça de touro da cidade. Ali, em uma construção faraônica, são comercializados produtos de luxo, roupas, eletrônicos e afins. A área de alimentação e as salas de cinema chamam atenção, assim como a parte externa coberta de grama. DIAGONAL MAR CENTRO Maior centro comercial e de lazer da Catalunha, o local tem opções em artigos de luxo, decoração, vestuários, acessórios, roupas, eletrônicos de marcas nacionais e internacionais. Sua área de lazer junto ao mar possui espaços abertos, além de terraços com bares e restaurantes. LE BOUDOIR Instalado em um luxuoso espaço, essa loja se dedica a produtos eróticos e exóticos. Entre eles, lingerie, perfumes, livros, cosméticos e acessórios. O destaque são as joias com design de inspiração vintage. O edifício por sua estrutura e estilo transformou-se em um verdadeiro ponto turístico. BRECHÓS, ARTESANATOS E SOUVENIRES: CARRER D’AVINYÓ Instalada no centro do bairro gótico, essa rua concentra nos brechós, peças alternativas, vintages e souveniers. Artigos de decoração, artesanato catalão e outros produtos são comercializados por preços bastante baixos. Esta rua ganhou a preferência dos jovens que buscam por presentes, espaços e artigos alternativos. Para mais informações ligue, 15 3524 2705 UNIVERSAL TURISMO

Cliente Semile Souza, aproveitando as férias em Barcelona

Sebrae: Varejo mundial em destaque É grande a expectativa dos milhares de visitantes interessados nas principais novidades e perspectivas do segmento na NRF Retail’s Big Show, o maior e mais tradicional evento de varejo do mundo, que acontece esta semana em Nova York. A feira reúne 520 expositores, de mais de 80 países. Nesta edição de 2014, o Sebrae-SP trouxe uma missão de 160 empreendedores, que ao fim da viagem certamente estarão mais capacitados para desenvolver em seus negócios as tendências mundiais de gestão no varejo – o segmento que mais reflete a situação econômica dos países. Apenas para lembrar, em 2012, em virtude do impacto das crises norte-americana e eu-

ropeia, aquela edição da NRF teve como tema “Retail Means Jobs”, enfatizando a importância do setor na geração e manutenção dos empregos e seu protagonismo na recuperação econômica das nações. Já em clima de pós-recessão a economia norte-americana tem apresentado sinais evidentes de recuperação. Assim, a temática da NRF neste ano derivou deste sentimento de perspectivas elevadas para o varejo e sua importância na composição do PIB dos países. Ao longo dos últimos anos, a relação entre o mercado varejista e os consumidores passou por profundas transformações. O que impõe às empresas varejistas a necessidade de se abastecerem de informações detalhadas e precisas para au-

xiliar na tomada de suas decisões com relação ao comportamento do consumidor. O desafio agora é como aproveitar todos esses dados e informações geradas pela relação com o cliente na estratégia de relacionamento com eles. De nada adianta colher dados e não saber interpretá-los, tão pouco não usá-los para melhorar um atendimento, aperfeiçoar um produto ou oferecer um serviço extra que atenda a necessidade deste consumidor. Nesta edição da NRF Retail’s Big Show pudemos ver várias formas inovadoras de aperfeiçoar a experiência de compra dos consumidores, considerando os diversos segmentos e portes de lojas e como anda a integração dos diversos canais de comercialização nos principais vare-

jistas ao redor do mundo. Em meio a tanta tecnologia e estratégias para colher dados, a mensagem central desta edição traduz uma espécie de retorno à verdadeira alma do varejo. Muitos varejistas nascidos no boom do e-commerce trouxeram suas experiências de resgate da loja física, mais repaginada da forma que o mercado exige; moderna, acessível e adaptada para propiciar ao cliente uma experiência de compra mágica dentro da loja. Isso exige dos empreendedores do segmento adaptações constantes, com experiências personalizadas e capazes de encantar e fidelizar um novo consumidor, que é cada vez mais exigente. As tecnologias apresentadas na feira também refletem esta nova realidade. São centenas de

expositores, a maioria deles com vendedores falando em português e preparados para tirar as duvidas dos empresários brasileiros, que trouxeram seus lançamentos voltados para mobilidade, interatividade e integração dos diversos canais de venda. Sempre com o objetivo de fazer com o que o cliente se sinta em casa, fique mais tempo nas lojas e isso se converta em vendas. Diante de tanta tecnologia e importantes sacadas dos grandes varejistas brasileiros, os empresários das micro e pequenas empresas paulistas participantes da nossa missão empresarial certamente têm muito dever de casa para fazer ao voltar ao Brasil e repensar seus negócios. Mas, certamente, voltarão mais confiantes por saber

que o grande recado esta numa regrinha básica do varejo, que muitos já aprenderam: o cliente em primeiro lugar, mas com todo o carinho e atenção que ele merece.

Ivan Hussni, Diretor Técnico do Sebrae-SP


8C

10 de janeiro de 2014


Sexta-feira, 17 de janeiro de 2014 Editor Chefe: Kiko Carli Ano XII - Edição 768 Não pode ser vendido separadamente

FUT – Escola de Craques é a campeã do Torneio em Itararé O ano de 2014 promete ser muito positivo para a FUT – Escola de Craques, pois já na primeira competição disputada, os atletas conquistaram o primeiro lugar no Torneio Quadrangular da AABB – Itararé na categoria Sub-14 (2000/01). E não foi somente nessa categoria o destaque, pois a FUT – Escola de Craques também conquistou outros dois 2º lugares, sendo na categoria Sub-17 (1997/98/99) e categoria Sub12 (2002/03). O Torneio foi organizado e realizado pela AABB de Itararé e participaram as equipes AABB (Itararé), Ponte Preta (Osasco), Cruzeiro (Itararé) e FUT – Esco-

la de Craques (Itapeva). Os jogos aconteceram no último final de semana, no sábado e no domingo. Com o intuito de integrar e promover oportunidades aos garotos, o Torneio foi muito bem elogiado por todos devido a organização e “fair play” de todos os participantes. A FUT – Escola de Craques representou muito bem nossa cidade e alguns atletas foram escolhidos como destaques em suas categorias: Aylton Jr foi o destaque na categoria Sub-12, Erick Carli na categoria Sub-14 (esse marcando o gol decisivo da final) e Guilherme Almeida na categoria Sub-17.

Com a intenção de elevar o nome de Itapeva em toda a região e dar oportunidades aos garotos, a FUT – Escola de Craques,

se prepara agora para a Copinha Internacional, que será realizada nas cidades de Conchas e Pereiras, a qual terá incío a partir

do próximo final de semana. PATROCINADORES: BOLA BRANCA ESPORTES, PINARA, GARCIA, COLEGIO OBJETIVO, CI-

NELANDIA LANCHES, KUMON, ARENALES HOMEOPATIANIMAL E SOL INTERNET BANDA LARGA.


2D

17 de janeiro de 2014

Secretaria irá oferecer Natação e Hidroginástica a partir de fevereiro Ainda sem calendário oficial definido, a Secretaria de Esportes vem com novidades este ano

A

Secretaria Municipal de Esportes está dependendo do calendário estadual, que este ano sofreu alteração devido à Copa do Mundo, para poder enfim finalizar alguns eventos que serão realizados em nossa cidade este ano. Por enquanto, a grande novidade são as aulas de Natação e Hidroginástica e o possível retorno da Capoeira. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o secretário municipal de Esportes, Rogério Galvão, falou sobre o calendário esportivo, confira: IN - Qual o planejamento da Secretaria Municipal de Es-

portes para este primeiro semestre? Secretário - Nosso planejamento para esse primeiro semestre será pautado dentro de avaliações dos eventos que realizamos no ano passado e que nós julgamos que deram certos, e outros que vamos acrescentar no calendário esportivo da SEMJEL, já no Departamento de Escolinhas e Esporte de Rendimento estamos no aguardo do calendário da Secretaria de Estado, e outras competições esportivas que devem sofrer alterações pelo motivo da Copa do Mundo. IN - E quanto ao segundo se-

mestre? Secretário - Estamos elaborando o calendário oficial da Secretaria, mas como já mencionei dependemos de datas de outras competições para que não ocorra duplicidade de eventos ao mesmo tempo.  IN - Quais as principais novidades para este ano de 2014? Secretário - Vamos ter algumas como Campeonato Futebol de Campo, Final Estadual de Futebol em parceria com a Secretaria do Estado, aulas monitoradas de natação e hidroginástica na Secretaria, Campeonato de Futebol Sociaty, enfim várias atividades voltadas às diversas faixas etárias. IN - O que os itapevenses podem esperar para este ano? Secretário - Algumas novidades no calendário esportivo, parcerias e podem ter certeza muito trabalho e empenho de toda equipe da SEMJEL. IN - Além de campeonatos e outras competições, quais os projetos em relação a infraestrutura esportiva? Secretário - Iremos realizar um processo de revitalização do Estádio Municipal, já iniciei a conversa com engenheiros e arquitetos para que tenhamos um projeto e possamos avançar nas obras pontuais, pois temos que investir em dois esportes nesse local. IN - Como o senhor avalia os

Aula de capoeira no Pilão D´Água Acontece no Auditório do Pilão D’Água, a Oficina de Capoeira, ministrada pelo Grupo Cordão de Ouro do professor Danilo, projeto que faz parte da pro-

gramação do “FÉRIAS CULTURAIS” da Secretaria Municipal da Cultura e Turismo. As aulas serão realizadas nos dias 17, 19, 23, 24 e 25, das 14h

às 16h. Haverá certificado de participação com carga horária e uma super apresentação de encerramento no dia 26 no Itapeva Clube. Não fique fora dessa!

trabalhos que vêm sendo realizados pelas escolinhas nas mais diversas modalidades? Secretário - Gostaria de deixar claro que todos os profissionais da Secretaria são credenciados e habilitados no CREF. Agora falando das escolas de base todas as modalidades que desenvolvemos cada uma tem sua particularidade técnica, por isso algumas se destoam de outras, no entanto entendo que precisamos investir em cursos e estágios, para que nossos profissionais possam prestar um serviço de qualidade à popula-

ção. Aproveitando, gostaria de dizer que realizamos aulas de diversas modalidades gratuitas como: futsal, futebol, basquetebol, voleibol, ginástica rítmica, ginástica laboral na Praça de Eventos, judô, karatê, tênis de mesa, e agora a novidade será a natação e hidroginástica. Lembrando que essas atividades voltam a sua grade de horários normal no início de fevereiro. Mais informações 3522-3967 ou 3521-7246. IN - A piscina irá funcionar este ano então? Secretário - Já está funcio-

nando para o Projeto Férias Quentes. Agora as aulas monitoradas com professor de natação e hidroginástica começam em fevereiro. Aproveito para ressaltar que a piscina irá funcionar para projetos de iniciação e treinamento da modalidade.  IN - Capoeira está nos planos da Secretaria para um possível retorno? Secretário - Iniciamos uma conversa com o mestre Beto e temos a intenção de iniciar um projeto nos ginásios esportivos também com essa modalidade.

Atletas treinam durante recesso No dia 14, atletas do judô realizaram treinos com circuito com abdominais, flexão de braço, agachamento sumo, exercício ondulatório com corda, troca de pegada e luta de solo.

Na oportunidade eles foram aplicando e adaptando em lutas os cursos de Periodização e Biomecânica ministrado pelo professor Eduardo Ayub Lopes. “É a busca constante de conhe-

cimento para uma melhor qualidade no meu trabalho. Somente se aproxima da perfeição quem a procura com constância, sabedoria e, sobretudo humildade”, disse o professor Neto Torresilha.


3D

17 de janeiro de 2014

Ícone no Basquete em nossa cidade fala dos tempos em que representou Itapeva A ndré Luiz Amorim de Sousa, hoje advogado atuante em nossa cidade, já foi jogador e treinador de Basquete, época em que representou nossa cidade nos mais diversos campeonatos existentes. Apesar de tempos difíceis, a Seleção de Itapeva era bem representada e contava além da técnica e da raça dos seus jogadores, também com o amor pelo esporte pelos seus praticantes. Dé, como é conhecido lembra desta época como se fosse hoje e mostra-se bastante saudosista quando o assunto é Basquete, uma vez que além de oferecer a prática esportiva, também o inseriu na sociedade e lhe oportunizou viagens e bolsa de estudos, conforme nos contou em entrevista, confira: IN – Como era fazer parte da Seleção de Basquete de Itapeva? André – É uma época bem rêmora em minha vida, porque tive participação como atleta e após isso como treinador. Quando comecei a fazer parte, eu tinha 15 anos de idade, e a nossa cidade tinha uma boa representatividade no Basquete em termos de competição regional. Na época o que todo garoto sonhava era integrar esse grupo de pessoas, que representavam Itapeva. Eu consegui isso com 14 anos de idade, atuei aqui até os 17 anos e posteriormente fui atuar em equipes de outros municípios. Com 24 anos eu retornei a Itapeva para me firmar e começar a exercer uma atividade de treinador de basquete, onde eu atuei por sete anos na Seleção. Para mim com relação a ser atleta foi ótimo, a cidade não tinha a infraestrutura que tem hoje, tínhamos apenas uma quadra em condições de uso, que era o Ginásio Municipal da CCE, e nas escolas tínhamos a quadra do Otavio Ferrari. Praticamente todos os atletas que integravam a seleção daquela época advinham da Escola Otávio Ferrari. Quando eu voltei para assumir a atividade de atle-

ta no mesmo período em que atuei como treinador numa equipe que disputava um Campeonato de Federação, a estrutura da cidade já era outra. Já tínhamos quadras em várias escolas, inclusive com ginásios e naquela época a CCE, que era descoberta, já possuía cobertura. Existia uma evolução na parte esportiva e o basquete continuou tendo a sua projeção como sempre teve, desde que me conheço por gente. IN – Quais atletas formavam a Seleção e quem era o treinador? André – Na realidade eu fazia Natação e participei nos Jogos Regionais por esta modalidade, mas esse é um esporte solitário, muito frio e como eu jogava Basquete na equipe do Colégio Otávio Ferrari tinha vontade de ingressarem na Seleção. A primeira vez que eu fui para os Jogos Regionais com a Seleção de Basquete de Itapeva, formei um laço de amizade muito grande e o grupo de pessoas que praticava esporte não era tão grande. Hoje como referência e que mora aqui em Itapeva dessa época e fazia parte daquela equipe é o Walmir, o Airton Humber, o Ramon, o Benedito Celso, o Carlinhos, o Marcão, e muitos outros. IN – Naquela época já havia investimento no Basquete? André – Na primeira fase como atleta, o que existia era muita determinação e motivação do grupo que frequentava, porque nessa época não existia a internet e o vídeo game e o jovem gastava muita adrenalina jogando vídeo game. Na nossa época gastávamos adrenalina passando a tarde toda jogando 21 na quadra ao lado da CCE, que era do Acácio Piedade. Não existia SEMETUR e nós praticamente comandávamos, pois não havia uma Secretaria Municipal e sim uma Comissão Municipal de Esportes que era a CCE. Não éramos remunerados e todos faziam por paixão. Quando eu voltei para cá, anos depois, já

Sábado acontece a 3ª edição do Festival de Natação No sábado (18), acontecerá a 3ª edição do Festival de Natação de Itaberá na Piscina Pública Municipal, com provas de 25 e 50 metros para meninos e meninas, serão 3 categorias em disputa: Sub 13, Sub 15 e Livre. Para os interessados em participar do festival, deverá formalizar sua inscrição diretamente na piscina municipal

até às 19h desta sexta-feira (17), lembrando que para os atletas menores de 18 anos, os pais terão de preencher um formulário de autorização para participar, esta autorização pode ser retirada na sede da piscina. A competição começa a partir das 09h00 com as provas classificatórias, onde as finais acontecem no fim do dia.

tinha sido criada no município a Secretaria, em que as pessoas que dirigiam o Esporte passaram a ser remuneradas como profissionais e o incentivo passou a fazer parte de outra forma profissionalizada, não que existisse remuneração para atleta, mas existia uma cobrança de atitudes das pessoas que trabalhavam e o investimento vinha através da Prefeitura e de empresas que cooperavam. Dentro dessa segunda fase, com o meu retorno dentro dos Jogos Regionais de 1985, que foi o primeiro evento que voltei a disputar por Itapeva existia um pessoal aqui, que eram os irmãos Antunes, os quais através da empresa Agro Real davam apoio para o esporte, mas que não cobria tudo, porque viajávamos com nossos próprios veículos, colocávamos combustível, mas ainda existia a paixão e um suporte financeiro de certa forma para pagamentos de despesa, Confederação Paulista, uniformes,

entre outras coisas. IN – Por que o senhor acha que o esporte foi se perdendo com o tempo? André – Eu acho que o esporte não se perde com o tempo, o que existe é uma falta de administração. O esporte não está perdido, porque se olharmos um país de primeiro mundo o esporte é super desenvolvido. Em determinados lugares ele deixou de ser praticado. Aqui no nosso município antigamente nós tínhamos uma equipe boa, em que eu atuava, existia um grupo, no qual nós chegamos a ter mais de 50 atletas treinando na ACM. Participamos de competições e a faixa etária desses atletas era de 14 a 18 anos. Naquela ocasião existia uma motivação. Eu não vou emitir uma opinião a respeito do que acontece hoje, mas naquela época tínhamos uma expressão maior em nível regional, em função de motivação e de administração. Se não existir uma infra-

estrutura baseada na Educação, que venha dos colégios para uma única da Seleção de Itapeva, nós não vamos conseguir reunir uma quantidade para sair uma qualidade. Quando eu comecei a participar do esporte ele inseria a pessoa na sociedade. Hoje nós temos aqui em Itapeva alguns esportes que foram trabalhados muito bem a parte adulta competitiva, mas que não existiu um trabalho de base, de motivação. Traduzindo e levando para a época passada com relação a que é hoje nós tínhamos uma escola de basquete e íamos para fora para dar escola, a fim de inserir o atleta na sociedade através do esporte. Hoje eu vejo uma inversão em algumas modalidades competitivas na fase adulta, que não existe essa base e isso contribui muito para que o esporte se perca no município e talvez até na região. IN – Como eram as competições na época? André – Até hoje eu ainda acompanho as competições da Federação e os Jogos Regionais. Com relação aos Jogos Abertos e Regionais existia a representação do município e independente da idade dos atletas eles competiam entre eles. Nós saíamos daqui com 15 ou 16 anos para competirmos nos Regionais com equipes como Bauru, Sorocaba e Presidente Prudente, que eram pessoas semiprofissionais, que jogavam Baquete no Campeonato Paulista com mais de 30 anos de idade. Jogávamos de igual para igual e às vezes até ganhávamos dessas equipes. Hoje os Jogos Regionais têm uma filosofia de incentivo para as cidades que não têm um investimento muito grande no esporte, pois existem duas divisões. Quando participamos de uma segunda divisão, você não compete com os melhores do evento e sim com a pré-seleção que existe de primeira e segunda divisão, mas numa categoria diferente como é num Campeonato Paulista. Na época existia só uma divisão e nós participávamos como iguais. Hoje mudou bastante, posso dizer que em termos de resultados ficou mais fácil de se obter, quando se participa de uma segunda divisão, mas em termos de incentivo para o atleta essa filosofia é boa, porque se na minha época com 14 ou 15 anos nós jogássemos numa segunda divisão, seríamos campeões todos os anos. Em compensação alguns de nós perdeu a motivação, ou deixou de praticar em

função disso. É uma faca de dois gumes, porque no passado era mais difícil que na atualidade. IN – O que o senhor acha que falta para o Basquete de hoje voltar ao que era antes? André – Falta incentivo, não o incentivo financeiro, mas sim pessoal do atletas ou do potencial para que possam fazer parte de uma nova equipe. Esse incentivo tem que ser dado em nível escolar no nosso município, onde se crie dentro da escola um gosto pelo esporte, porque a Educação de certa forma está atrelada ao Esporte. Essa prática esportiva consequentemente vai inserir a criança hoje numa sociedade e isso é uma questão de incentivo escolar, de colocar para o aluno a motivação e a determinação. Se não tiver esse incentivo na escola, ele vai sentar na frente de uma televisão jogar vídeo game, pegar o celular, ficar nas redes sociais o tempo todo e o esporte ficaria em segundo plano. Eu entendo que se for para reestruturar o esporte, tem que existir uma reestruturação em nível de Educação. Quando eu saí daqui para jogar, ganhava minha bolsa de estudo para a faculdade e joguei em equipes ganhando bolsa de estudos, alimentação, moradia e auxílio, e se transformarmos o auxílio financeiro hoje, era um salário mínimo que dentro das condições era ótimo. Entretanto os atletas que são de elite ganham em torno de R$ 15 mil por mês, e isso é uma diferença muito grande. Para que a criança na escola possa fazer do esporte um meio de vida, tem que ter incentivo e determinação para se tornar um profissional, coisa que não existia naquela época, pois era somente um esporte amador, mesmo o futebol. IN – O que, como atleta, sente saudade dessa época? André – Sinto saudades de tudo. Eu não me imagino sem ter praticado esporte. Comecei com 10 anos e na Natação e logo surgiu a parte competitiva. A competição é saudável, faz bem e então a adrenalina foi crescendo e o esporte me inseriu no meio social. Eu não tinha uma situação financeira para frequentar determinados lugares ou para viajar, tanto quanto viajei e a medida com que fui me inserindo no esporte isso me deu a oportunidade de viagens, de conhecer outras pessoas e de ter uma formação profissional, porque eu me beneficiei de bolsa de estudos na prática de esportes, enfim eu tenho saudades de tudo.

Férias Quentes: Aproveite esta oportunidade Teve início nesta segunda-feira (13) e irá durar por todo o mês de janeiro o projeto Férias Quentes, o qual tem como objetivo preencher este período sem aulas das crianças e adolescentes de nossa cidade oferecendo atividades esportivas de lazer. Nesta terceira edição do projeto, a Secretaria de Esportes, organizadora do evento, espera alcançar um público de mais de 1.000 crianças e adolescentes entre 6 a 17 anos. Todas as atividades serão acompanhadas por monitores e quem se interessar em participar como monitor voluntário deve procurar a Secretaria de Esportes de Itapeva através do telefone (15) 3522-3967 ou e-mail eventos.esportes@itapeva.sp.gov.br. Confira a programação do evento nos próximos dias.

Para crianças e jovens de 6 a 17 anos

Obs.: Em caso de chuva, as atividades ao ar livre serão canceladas.


4D

17 de janeiro de 2014


SUPLEMENTO ESPECIAL DO JORNAL ITA NEWS

Sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Até o Carnaval doações de sangue podem cair mais de 20% Queda no número de doadores permanece no período de férias Desde as festas de fim de ano até o Carnaval as doações de sangue diminuem em razão de muitas pessoas estarem de férias. Em contrapartida, nesta época do ano aumenta significativamente o número de acidentes. No período, hemocentros e bancos de sangue precisam manter os estoques para atender as demandas por transfusões dos hospitais e serviços de urgência e emergência. A Associação Beneficente de Coleta de Sangue (Colsan), entidade que abastece com hemocomponentes todos os hospitais da prefeitura do município de São Paulo e hospitais das regiões do ABC, Jundiaí e Sorocaba, reforça que, apesar das campanhas de conscientização quanto ao ato de doar, o número de doadores de sangue está abaixo do esperado. De acordo com José Augusto Barreto, superintendente geral da Colsan, se cada pessoa saudável doasse sangue pelo

menos duas vezes ao ano, os hemocentros teriam hemocomponentes suficientes para atender toda a população. “Cada doação pode ser utilizada por, no mínimo, três pessoas. O material é fracionado em hemácias (que podem ser armazenadas por 35 dias), plaquetas (muito requisitadas por pacientes com câncer, podem ser conservadas por apenas cinco dias), e plasma, que pode ficar armazenado por até um ano. Requisitos para doação * Portar documento oficial de identidade com foto (RG, Carteira Profissional, Carteira de Habilitação); * Ter entre 16 e 69 anos de idade, sendo que a primeira doação deve ter sido feita antes dos 60 anos (os postos de coleta de sangue terão que se adequar ao aumento da idade máxima para doar sangue de 67 para 69 anos até dia 11/02. Quem estiver nesta faixa etária e quiser doar antes desta data deverá ligar para

o posto escolhido para confirmar se ele já está adequado às novas regras); * Pesar acima de 50 Kg; * Estar em boas condições de saúde; * Estar alimentado, porém tendo evitado refeições pesadas (gordurosas); * Não deve ter risco acrescido para doenças transmissíveis pelo sangue (usuário de drogas injetáveis e inalatórias, prática de sexo não seguro e vários parceiros sexuais ou ser parceiro sexual de portadores de Aids ou Hepatite). *Obs: Os doadores menores de 18 anos acompanhados pelo responsável legal devem levar cópia do documento de identidade de ambos e preencher autorização no momento da doação, ou se desacompanhado, levar cópias dos documentos de identidade e o documento de autorização para doação com firma reconhecida em cartório. RS Press

Clareamento dental sem orientação pode trazer danos à saúde Produtos comprados no comércio não garantem segurança aos pacientes A sabedoria popular já diz que o sorriso é o melhor cartão de visita. Em busca de dentes mais brancos e brilhantes, muitas pessoas aderem a produtos clareadores vendidos em farmácias ou supermercados, como cremes dentais, enxaguantes e fitas adesivas. O que poucos sabem é que tais escolhas podem trazer sérios danos à saúde. Ao procurar o dentista para fazer clareamento dental, o paciente é submetido a uma avaliação completa, para indicação do melhor tratamento. São duas opções: em sessões no consultório ou em casa. No consultório, o clareamento é realizado com o auxílio de géis, associados ou não ao uso de luz. Ao optar por esse procedimento, o paciente ganha agilidade.

Como são utilizados produtos com concentração mais elevada, o tratamento pode ser útil àqueles que não têm tempo e disciplina para o uso e cuidado com moldeiras. Já para o tratamento em casa, o dentista faz uma moldeira e passa as instruções ao paciente, que continua o procedimento, visitando o profissional regularmente. Nesse caso, a vantagem está em fazer o clareamento de acordo com a rotina pessoal, com tempo de uso de moldeira de 30 minutos a 4 horas diárias, utilizando tanto em casa quanto no trabalho. A dentista e doutora em odontologia Flávia Magnani Bevilacqua explica que a ocorrência de sensibilidade dental, durante o clareamento caseiro supervisionado, é comum. Ao ob-

servar as reações do paciente, o profissional pode alterar o pro-

tocolo de utilização do gel clareador ou, em alguns casos, in-

tercalar com o uso de um dessensibilizante. “Nem todos os pacientes podem realizar clareamento caseiro, por isso é imprescindível o acompanhamento de um profissional. O clareamento dental sem supervisão pode trazer diversos problemas, sendo os riscos maiores do que os benefícios”, alega. Para Constanza Odebrecht, doutora em odontologia e consultora científica, o perigo de comprar produtos clareadores em supermercados ou farmácias é o potencial de uso abusivo. Durante o tratamento em consultório, o dentista verifica se há contraindicações, prescreve a concentração adequada do produto e monitora o momento em que é preciso parar, assim como o tempo adequado para repetir o pro-

cedimento. Em casa, o paciente não reconhece o limite, imaginando que, quanto mais tempo utilizar, melhor será o resultado. Com esse uso equivocado, em vez de dentes brancos, podem surgir problemas como reações alérgicas, ocorrência de hipersensibilidade, reações inflamatórias em dentes e gengiva, manchas decorrentes do uso não supervisionado, principalmente em dentes com restaurações, entre outros aspectos. Por isso, é necessário um exame clínico e radiográfico antes do tratamento para verificar a presença e o estado das restaurações, ausências de cáries e inflamações gengivais, diagnóstico do tipo de manchas e o grau de sensibilidade dental. Por Letícia Caroline


2 Saúde

17 de janeiro de 2014

Santa Casa de Itapeva promove curso gratuito para gestantes Os encontros acontecerão nos dias 22 e 29 deste mês e é aberto a todas às gestantes ou mulheres que desejam se preparar para ter um bebê Na quarta-feira (08) de janeiro, profissionais da Santa Casa, do Ambulatório Médico de Especialidades (AME) e do Santa Saúde deram início ao Curso Gratuito para Gestantes. Uma equipe multiprofissional composta por Enfermeiras Obstetras, Fisioterapeuta e Nutricionista são as responsáveis pelas aulas ministradas na Sala de Estar da Santa Casa. Na próxima quarta-feira (22), acontece o terceiro encontro, as aulas tem início às 14h30 com duração de duas horas. As gestantes e mulheres que estão planejando uma gravidez po-

dem comparecer mesmo que tenham perdido a primeira aula, pois num próximo curso terá a chance de receber as informações do primeiro dia. As interessadas podem levar um acompanhante, ou seja, o futuro papai, vovó ou mesmo uma amiga que também tem planos de engravidar. Os temas abordados durante o curso são: As mudanças corporais vivenciadas pelas gestantes, alimentação, aleitamento materno, cuidados com o bebê, entre outros. A participante Milena M. de Queiroz G. Santos com 22 semanas de gestação disse que para

ela o curso será o momento de tirar as dúvidas e trocar informações com os profissionais de saúde. “É a minha primeira gravidez e temos muitas perguntas para fazer, acho que esse é um momento de saber melhor como será o parto da minha filha Rebeca”, diz. Já para a mamãe Andressa Oliveira Frezzatti com apenas 15 semanas, o curso ajudará a desmistificar a gestação. “Tem muitos mitos que envolvem esse período, como também sou mãe de primeira viagem, acredito que aqui é um ambiente propício para receber as informações sobre a gravidez”. Também estiveram presentes no primeiro dia de aula, Cristiane Lolico Dezani e Débora Seglin Araújo que desejam engravidar em breve e já estão se preparando para esse momento. “Sei que é uma fase da mulher cheia de mudanças e acredito que vir participar deste curso irá me ajudar a me conhecer melhor”, comenta Débora. No primeiro encontro, a gerente de enfermagem da Santa Casa de Itapeva, Lucila Vieira

Ar-condicionado: herói ou inimigo? No dia a dia, muitos recorrem aos sistemas condicionadores de ar, seja no trabalho, no carro ou até mesmo em casa. O ambiente fica fresco e agradável, porém, diversas complicações podem surgir, caso certas precauções para o uso adequado não sejam devidamente tomadas. Um alerta relevante vem do dr. Ricardo Milinavicius, diretor da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT). Ele explica que o ar-condicionado faz com que importantes regiões do pulmão fiquem ressecadas: “A mucosa nasal é revestida por cílios vibrantes, responsáveis por expulsar bactérias, fungos e vírus que adentram em nosso organismo pelo ar que respiramos. Como há o ressecamento da região, a chance de se contrair infecções aumenta”. O filtro dos ares-condicionados não consegue reter todas as impurezas existentes, que se acumulam nos ductos e fazem com que a circulação de ar prejudique a saúde de quem está exposto ao aparelho. Assim, é extremamente necessário que o ar-condicionado seja higienizado e seu filtro trocado periodicamente. “Este é o principal desencadeador de doenças respiratórias: a falta de limpeza. Para pessoas que já apresentam quadros de bronqui-

te, asma ou doença pulmonar obstrutiva crônica, a DPOC, os riscos são ainda maiores, podendo levar a casos de sinusite, amidalite e até mesmo pneumonia”. O ideal é evitar ao máximo a longa permanência em locais com grandes conglomerados de pessoas, onde existe uma enorme troca de infecções virais. Quando não há jeito, a melhor forma de se prevenir é através de hidratação. É essencial beber muita água e umidificar bem as vias aéreas nasais com soro fisiológico, que lava e higieniza completamente. A depender do caso, uma medida mais extrema ainda pode ser tomada. “Para alguns pacientes, como portadores de asma ou DPOC que estão sujeitos a passar por uma crise a qualquer momento, é indicada a aplicação de vacina contra pneumonia para aumentar a imunidade, principalmente

em pessoas com mais de 50 anos”, comenta o dr. Ricardo. Limpeza é fundamental Conforme o especialista, não só o filtro do ar-condicionado deve ser higienizado, mas também os ductos internos, pois é lá que bactérias e resquícios de água ficam alojados. A limpeza é normalmente realizada a cada três meses e, a cada seis, deve-se trocá-lo. O mesmo serve para o ar-condicionado de carros, porém, o parâmetro para troca é de 5 mil a 10 mil quilômetros rodados, o que dá aproximadamente um ano. “É preciso ressaltar a real necessidade de uma manutenção frequente desses aparelhos, pois normalmente as pessoas se esquecem de fazê-lo ou deixam para depois, o que resulta em um desconforto geral e constante”. Acontece Comunicação e Notícias

Murat explicou como são os procedimentos quanto à internação no Hospital para o parto, mostrou fotos da maternidade, do centro obstétrico e do préparto, ainda reforçou quais são os primeiros exames realizados logo após o nascimento do bebê e lembrou a importância do Teste do Pezinho. “Dentre os exames que são realizados no re-

cém-nascido, o Teste do Pezinho é fundamental para diagnosticar doenças hereditárias e irreversíveis no bebê, por isso, como esse é um exame que deve ser feitos após a alta do bebê e da mamãe, lembro que é fundamental que até o sétimo dia, a mamãe leve seu filho para fazer o teste. Atualmente todos os Postos de Saúde da rede pública

fazem esse Teste e também nos laboratórios particulares”, ressalta a enfermeira Lucila. Quem perdeu a primeira aula ainda pode participar dos próximos módulos, que acontecerão às quartas-feiras, dias 22 e 29 de janeiro, das 14h30 às 16h30. Não precisa fazer inscrição. A entrada é pela Portaria 5 da Santa Casa.

Cuidados na compra de um óculos solar

No verão, os dias ensolarados e o reflexo do sol - no mar e na piscina – acentuam o desconforto visual. Para diminuir esta sensação, cresce a busca por proteção contra a luz e aumenta a procura por óculos escuros, com ou sem grau. Algumas dicas para não errar na escolha dos óculos e aponta alguns equívocos comuns que podem prejudicar a visão: 1. Proteja os olhos sempre e não só no verão: a incidência dos raios ultravioleta - UVA e UVB, altamente nocivos para os olhos, é tão intensa em dias ensolarados quanto nos dias nublados. A falta de uma película protetora aumenta os riscos de danos na córnea, mácula e retina, o que pode levar à catarata. Opte sempre por óculos com 100% de proteção UV. 2. Coloração/tonalidade da lente: para cada uso, a recomendação da cor da lente muda. Isso porque a tonalidade da lente afeta a quantidade de luz que che-

ga a seus olhos. Ao avaliar seu comportamento, a ótica irá apontar qual é a mais indicada. Os tons marrom e âmbar, por exemplo, reduzem o brilho e são boas para dirigir e uso geral. São indicadas para míopes e hipermetropes. O verde diminui a claridade e aumenta o contraste e é ideal para pessoas com mais de 60 anos, quando começa a diminuir o contraste da visão. As cinzas são mais indicadas para quem possui astigmatismo porque reduzem o brilho sem distorcer as cores. 3. Para quem usa óculos de grau a proteção contra a claridade é fundamental: a indicação é optar por lentes que mudam de cor conforme a claridade ou ter um óculos de grau com lentes escuras somente para uso em situações externas. 4. Para esportes ao ar livre, opte por armações curvadas para garantir mais conforto visual e proteção contra os raios UV que entram pelas laterais. O

design curvado é ideal para fornecer campos visuais mais precisos e amplos e, adicionalmente, evita a entrada de sujeiras nas laterais. 5. Desconfie de óculos muito baratos. Usar um óculos falsificado é pior do que não usar nenhum. Isso porque quando uma pessoa usa óculos escuros sua pupila se dilata porque o olho entende que está em um lugar escuro. Com isso o olho fica mais exposto à radiação, acentuando os efeitos nocivos dos raios UV. Para conferir a qualidade da lente, posicione o óculos de maneira que ele reflita uma superfície reta (pode ser uma janela ou cortina). Se não refletir linhas retas, pode ser um indício de falsificação. Segundo dados do Fórum Nacional contra a Pirataria e a Ilegalidade, os óculos pitaras representaram 41% das vendas em 2012. Approach Comunicação Integrada


3 Saúde

17 de janeiro de 2014

Férias: Exposição a som alto pode prejudicar a audição de crianças e adolescentes Atenção redobrada ao volume e tempo de uso dos eletrônicos como smartphone, vídeo games, MP3 Player pelos jovens pode evitar o zumbido no ouvido No período de férias escolares aumenta o uso de aparelhos eletrônicos, os smartphones, o vídeo game, os MP3 Players, os computadores e a televisão. Ainda mais, que agora são oferecidas opções com fone de ouvido e sem fio (tecnologia Bluetooth) e que permitem mais comodidade para o usuário. Os jovens, que já têm um desses equipamentos em casa e na mochila e que fazem uso, quase que regular, para sair, ir à escola, no transporte e até mesmo em casa, terão, nas férias, mais tempo livre para desfrutar e abusar um pouco mais do volume. Segundo a especialista Tanit Ganz Sanchez, otorrinolaringologista com doutorado e livredocência em zumbido pela USP, o canal auricular é extremamente sensível aos barulhos e colocá-lo a exposição contínua de sons muito altos, como costume dos adolescentes, pode causar o zumbido no ouvido. “Zumbido é o nome popular do Tinnitus, sintoma que ocorre geralmente por uma lesão em uma das partes do ouvido: externo, médio ou interno e pode ocorrer pela exposição contínua a sons muito altos, seja em baladas ou mesmo com esses dispositivos. Uma alimentação inadequada, medicamentos, atividade profissional, dentre outros podem também causa o zumbido”, explica Tanit, que há 20 anos estuda as causas e os tratamentos . O zumbido já atinge quase 28 milhões de brasileiros, de crianças até as pessoas idosas. Os sons do zumbido são pareci-

dos com o apito, o barulho de uma cigarra, abelha, de uma panela de pressão, o barulho da chuva, dentre outros. Se um trabalhador, por exemplo, um motorista de ônibus, ficar exposto aos barulhos do trânsito pode se tornar mais uma vítima do zumbido, só que o pro-

blema pode ser gerado também em uma pessoa que escuta som alto todos os dias. Temos duas situações, o motorista que desenvolveu o sintoma devido ao trabalho e outra devido ao mau hábito de sempre ouvir som alto. “É preciso policiar sempre quanto tempo e o volumes que

os jovens estão com os fones de ouvido”, complementa a Dra. Tanit Ganz, que é presidente da Associação de Pesquisa Interdisciplinar e Divulgação do Zumbido (APIDIZ) e do Instituto Ganz Sanchez. Segundo Tanit, em uma pesquisa realizada pela APIDIZ e fi-

nanciada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) com 170 jovens de um colégio em São Paulo, 93 jovens (54,7%) responderam que apresentam ou já apresentaram algum episódio de zumbido nos últimos 12 meses. Deste número, 51,1% associa-

ram essa ocorrência por algumas horas ou alguns dias depois de sair de ambientes com música alta. Para a especialista, o problema é latente, e a forma de combater é educar os jovens que eles não devem escutar música alta por muito ou mesmo ficar em locais com som muito por tempos prolongados. “Apesar de acharem que não, pois são muito jovens, eles podem sim desenvolver o zumbido no ouvido e que necessitará de tratamento para que seja sanado ou mesmo minimizado”. Orientações para uso de fone de ouvido e outros: Evitar utilizar por mais de 8 horas por dia. O volume do fone de ouvido não pode ser superior até 80 dB, pois não oferece risco riscos. Atenção com a qualidade dos fones que são comprados. De preferência para os fones de modelos maiores que ficam fora do canal auricular. Evite ficar dentro de espaços com som muito alto e por tempo prolongado. Profa Dra. Tanit Ganz Sanchez, Otorrinolaringologista com doutorado e livre-docência pela FMUSP, Diretora-Presidente do Instituto Ganz Sanchez e Presidente da Associação de Pesquisa Interdisciplinar e Divulgação do Zumbido (APIDIZ). Assumiu a “missão” de desvendar os mistérios do zumbido e foi pioneira nas pesquisas no Brasil, sendo reconhecida por sua didática, objetividade e compartilhamento aberto de ideias.

Calor aumenta risco de pedra no rim Mudanças na dieta ajudam a diminuir as chances de cálculo renal, alerta especialista do ‘Hospital do Homem’ O Centro de Referência em Saúde do Homem, unidade da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo gerenciada em parceria com a SPDM (Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina), na capital paulista, faz um alerta à população: o intenso calor de verão, associado ao aumento da transpiração e a falta da ingestão adequada de água podem gerar sérios riscos para o surgimento de “pedra nos rins”. Mudanças na alimentação, constante reposição de líquidos e a atenção à coloração da urina, são algumas das principais recomendações para evitar o cálculo renal. Segundo o urologista Fábio Vicentini, médico-chefe do ambulatório de litíase renal do centro, nos períodos mais quentes do ano, há um aumento de 30% dos casos de cálculos renais. As vítimas mais comuns são homens, porém o alerta inclui toda população. Para o especialista, no verão, a dieta ideal para a saúde dos rins inclui primordialmente o

aumento da ingestão de água (cerca de dois litros ao dia) e de sucos de frutas cítricas, associado à diminuição do uso de sal nos alimentos. As refeições diárias devem conter mais verduras, legumes frutas e saladas. Os frutos do mar contêm altas doses de ácido úrico, um dos responsáveis pelo desenvolvimento dos cálculos renais. “É importante também considerar a redução de frituras e carne vermelha nesta época de calor”, enfatiza o urologista. Mais de 15% da população mundial apresenta cálculos renais, sendo que na maioria dos

casos, 85% conseguem expelir as pedras naturalmente, pela urina. Para evitar esse transtorno, o urologista explica que a maneira mais fácil de monito-

rar a hidratação ideal do corpo está ao observarmos a coloração da urina. “Quanto mais transparente estiver a urina, melhor. Se estiver com aparência amarelada e escura, é sinal de que o corpo precisa de mais líquidos para manter-se hidratado, longe dos cálculos renais”, explica. É importante que o paciente esteja atento para os perigos das receitas caseiras como chás popularmente conhecidos como ‘quebra-pedras’. “Nos casos de dores e cólicas renais, os pacientes com cálculos renais devem procurar o médico para evitar infecções graves”, ressalta.

O Centro de Referência em Saúde do Homem realiza mais de 200 cirurgias de cálculo renal por mês.

Centro de Referência em Saúde do Homem Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo


4 Saúde

17 de janeiro de 2014

Endometriose: uma doença silenciosa Mulheres com sintomas como cólicas menstruais intensas, menstruação irregular, inchaço e dor abdominal devem ficar atentas. Com diagnóstico difícil, a endometriose afeta mais de seis milhões de mulheres no Brasil. Especialista alerta que a demora no tratamento da doença pode levar a infertilidade A endometriose é uma doença incapacitante relacionada à dor pélvica crônica e causa dificuldade para engravidar. Segundo a Sociedade Brasileira de Endometriose, mais seis milhões de mulheres na faixa de 20 a 40 anos são afetadas pela endometriose apenas no Brasil. Os sintomas da doença são cólicas menstruais intensas, menstruação irregular, dor profunda e desconfortável na relação sexual, inchaço e dor abdominal. Quando a doença não é diagnosticada e tratada precocemente, pode levar a infertilidade. “Em alguns casos a paciente não manifesta nenhuma dor, apresentando apenas dificuldades para engravidar. E são exatamente esses os casos preocupantes. Como não

aparecem sintomas, a mulher não se preocupa em realizar exames”, explica o médico João Sabino Cunha Filho, especialista em reprodução humana “Uma mulher sadia de 30 anos tem 25% de chance de engravidar por mês. Já uma mulher com endometriose terá apenas 2 a 4% de possibilidade de gestação no mesmo período”, explica Sabino. A doença ocorre quando partes do endométrio - tecido que reveste internamente a cavidade uterina e é parcialmente eliminado pela menstruação fixam-se em órgãos como ovários, ligamentos pélvicos, intestino, bexiga, apêndice e, em casos extremos, o pulmão. As causas, segundo o especialista, são variadas. “Possíveis fatores de

risco são: começar a menstruar muito cedo, nunca ter tido filhos, ciclos menstruais frequentes, menstruações que duram sete dias ou mais e a hereditarieda-

de, pois a mulher cuja mãe ou irmã tem endometriose apresenta seis vezes mais probabilidade de desenvolver a doença do que as mulheres em geral”, aler-

ta Sabino. Sabino, que é professor Faculdade de Medicina da UFRGS, realizou uma pesquisa inédita sobre a doença, que abre perspectivas no tratamento de mulheres com endometriose. O estudo identificou uma mutação do gene do Hormônio Luteinizante (LH), relacionado à endometriose e fundamental para a ovulação e manutenção da gravidez. Mulheres com anormalidade na liberação do LH poderão ter dificuldade para ovular ou até mesmo para manter a gestação. Sabino destaca que a pesquisa é pioneira em ligar essa importante doença com anormalidades genéticas que podem relacionar a infertilidade a alguma alteração hormonal.

Sabino ressalta que o diagnóstico precoce ainda é a melhor maneira de evitar a infertilidade. Pois, será possível realizar um acompanhamento e um tratamento. “Os dados observados são suficientes para que se perceba a dimensão e importância do diagnóstico da doença. A clínica de inseminação Insemine realiza o diagnóstico por laparoscopia, um exame ambulatorial com uso de anestesia geral que não exige internação hospitalar. Através de uma pequena incisão – cerca de 1 cm, no umbigo, e com ajuda de câmeras, visualizamos o interior da cavidade abdominal e pélvica”, completa. Eliana Camejo Comunicação Empresarial Ltda

Morte súbita e a posição para o bebê dormir

Regularmente surgem notícias de bebês que morrem de repente enquanto dormem em alguma creche ou berçário pelo país. Negligência dos profissionais que cuidam desses bebês? Nem sempre. A Síndrome da Morte Súbita pode ser a causa dessas mortes. A morte súbita em bebê não tem causa definida e ocorre durante o sono. O diagnóstico é feito quando não há outra explicação para a morte. É realizado por exclusão. A síndrome da morte súbita é um dos maiores fatores de morte no primeiro ano do bebê. Profissionais da área de saúde analisam a ligação entre o modo como o bebê dorme e casos de morte súbita durante o sono. Uma campanha lançada pela Pastoral da Criança, estruturada por uma pesquisa reali-

zada na cidade de Pelotas e por campanhas e pesquisas internacionais, como EUA e Inglaterra, diz que colocar o bebê para dormir de barriga para cima diminui em 70% a morte súbita no bebê. Isso tem explicação: o bebê que dorme de lado ou de bruços respira o mesmo ar que expira, isto é, o bebê inala um ar rico em gás carbônico e pobre em oxigênio, realizando uma asfixia, onde o bebê fica sem oxigênio podendo chegar ao óbito. Os adultos também passam por isso, mas diferentemente dos bebês, os adultos mudam de posição quando ficam sem oxigênio suficiente. Por isso, a maior parte das mortes súbitas acontecem em bebês de 2 a 4 meses, podendo ocorrer desde o nascimento até por volta do primeiro ano. A questão sobre o modo ide-

al de colocar a criança para dormir é controversa. Muitas mães têm medo de colocar o bebê dormindo de barriga para cima, pois podem e ng a s ga r com o próprio vômito. Ao engasgar, o bebê tem o reflexo da tosse, que logo chama a atenção dos pais. Já inalando um ar rico em gás carbônico, o bebê está sujeito a morrer “silenciosamente”. Como evitar riscos - Além de inalar o ar que expira, outros fatores podem ser causa da morte súbita, como: - o superaquecimento do bebê. Por isso evite agasalhar demais o seu bebê na hora de dormir - deixe o bebê com os bracinhos para fora das cobertas para que não deslize e fique debaixo das cobertas - evite deixar no berço bichos de pelúcia, paninhos, almofadas, travesseiros ou outros brinquedos. Isso pode sufocar o bebê durante o sono. - exposição do bebê ao fumo ou fumaça do cigarro durante a gestação e depois do nascimento. Os bebês de mães que fumaram durante a gestação têm três vezes mais riscos de morte súbita do que os bebês de mães não fumantes. - nascimento prematuro ou baixo peso ao nascer

- dormir na mesma cama que os pais ou outras pessoas. - o não aleitamento materno. O leite materno é digerido facilmente pelo organismo do bebê evitando, e muito, a regurgitação. Opiniões distintas - A afirmação de que é melhor os bebês dormirem de barriga para cima ainda não é consensual entre os pediatras, mesmo que pesquisas indiquem que dormir nessa posição diminui os riscos de morte súbita. Muitos afirmam que dormir na posição de lado ainda é me-

lhor em alguns casos, como, por exemplo, os bebês que tenham refluxo gastroesofágico. Além de dormir lateralmente, o berço deve estar inclinado entre 15 e 30° na parte do tronco e posição lateral. Essa posição tende a esvaziar mais rapidamente e eficazmente o estômago do bebê, evitando a regurgitação e sufocação. A posição lateral deve ser bem posicionada para que o bebê não vire para a posição bruços, essa posição, sim, tem maiores risco de sufocação e asfixia.

Dr. Lucia Thomaz Pediatra


5 Saúde

17 de janeiro de 2014

Ministério da Saúde recebe primeiro lote da vacina contra HPV Começa a ser distribuído no SUS em março o insumo, fruto de parceria entre o Butantan e laboratório estrangeiro, com transferência de tecnologia para produção nacional. Este ano, 5 milhões de meninas terão acesso gratuito à vacina que protege contra câncer do colo de útero O Ministério da Saúde recebeu o primeiro lote da vacina contra o papiloma vírus (HPV), com quatro milhões de doses, que serão distribuídas gratuitamente na Campanha de Vacinação deste ano, em março, no Sistema Único de Saúde (SUS). O insumo, que previne contra o câncer de colo de útero, será aplicada gratuitamente em meninas de 11 a 13 anos em 2014 e, a partir do ano seguinte, será ofertado também para meninas de 9 e 10 anos. O Ministério da Saúde investiu R$ 465 milhões na compra de 15 milhões de doses da vacina para este ano, quantidade suficiente para que 5 milhões de pré-adolescentes sejam imunizadas. É a primeira vez que a população terá acesso gratuito, em nível nacional, à vacina contra o HPV. “O dia de hoje marca dois passos importantes na história da saúde pública. O primeiro é a proteção de futuras mulheres, e consequentemente também homens, contra uma doença sexualmente transmissível. Por meio da campanha de vacinação, vamos iniciar um processo de conscientização e orientação sexual para essas meninas que ainda vão iniciar a vida sexual. O segundo passo importante é a redução dos gastos da população na área da saúde: ao ter

acesso gratuito à vacina contra o HPV no SUS, as famílias vão deixar de gastar R$ 1 mil reais na rede privada na compra de três doses para proteger suas filhas contra um problema sério e grave, o câncer de colo de útero, que em algumas regiões do país é a principal causa de morte entre as mulheres”, declarou o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, nesta sexta-feira (10), no Instituto Butantan, em São Paulo. O ministro participou de evento que marca o início da Parceria para o Desenvolvimento Produtivo (PDP) do insumo, que envolve a transferência de tecnologia da empresa estrangeira atual produtora da vacina, a Merck Sharp & Dohme (MSD), para o laboratório público brasileiro, que passará a produzi-lo em território nacional. O ministro vai visitar a área de formulação e envase de vacinas do Butantan, que foi reinaugurada com instalações mais modernas. “Através dessa parceria com o Butantan, damos um passo importante para fortalecê-lo e consolidá-lo como instituição pública de referência mundial. É uma grande aposta nesse instituto, o Brasil precisa de instituições como essa. Certamente eu e outros tomaram gosto pela

ciência e pela pesquisa visitando o Instituto Butantan quando criança. Ao investir mais de R$ 400 milhões na compra da vacina contra o HPV este ano – dobrando o faturamento do instituto –, o Ministério da Saúde dá um forte apoio à modernização do Butantan, mantendo o seu papel na saúde pública e de espaço formador de pesquisadores. Vamos contribuir para que continuem fazendo pesquisa e inovação tecnológica.”, concluiu o ministro. O Ministério da Saúde vai investir R$ 1,1 bilhão na compra de 36 milhões de doses da vacina durante cinco anos – período necessário para a total transferência de tecnologia para o laboratório brasileiro. A Parceria para o Desenvolvimento Produtivo (PDP) entre o Butan-

tan e a Merck possibilitou uma economia estimada de R$ 78 milhões na compra da vacina em 2014. O Ministério da Saúde pagará cerca de R$ 30 por dose, o menor preço já praticado no mercado – 15% abaixo do valor do Fundo Rotatório da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS). A produção da vacina do HPV faz parte de um conjunto de ações que o Ministério da Saúde tem estabelecido com o Butantan para ampliar a produção brasileira de insumos e medicamentos. Atualmente, o Butantan está envolvido em oito PDPs firmadas pelo Ministério da Saúde com laboratórios privados para a produção de oito produtos de Saúde – vacinas contra Hepatite A e Influenza e medicamentos oncológicos.

Além desses medicamentos, o Butantan produz vacinas contra Hepatite B, contra Raiva, a Tríplice (Difteria, Tétano e Pertucis) e a Dupla (Difteria e Tétano), além de soros antiaraquinídico, antitetânico, antiescorpiônico, antibotulínico, antilonômico, antibotrópico. Com a parceria para produção da vacina contra o HPV, o faturamento do laboratório público paulista triplicará em cinco anos, passando de R$ 348 milhões em 2013 para 1,1 bilhão em 2018. E o país passará a produzir 16 biológicos, dentre os quais medicamentos para câncer de mama, leucemia e artrite reumatoide. HPV E CÂNCER – A vacina contra HPV que será distribuída no SUS é a quadrivalente, que previne contra quatro tipos de HPV (6, 11, 16 e 18). Dois deles (16 e 18) respondem por 70% dos casos de câncer de colo de útero, responsável atualmente por 95% dos casos de câncer no País. É o segundo tipo de tumor que mais atinge as mulheres, atrás apenas do câncer de mama. A cada ano, 270 mil mulheres no mundo morrem por conta da doença. No Brasil, 5.160 mulheres morreram em 2011 em decorrência da doença. Para 2013, o Instituto Nacional do Câncer estima o surgimento de

17.540 novos casos. Cada menina deve receber três doses da vacina para estar imunizada contra o HPV. Após a primeira dose, a segunda deverá ocorrer em dois meses. E a terceira, em seis. A vacina deve ser aplicada com autorização dos pais ou responsáveis. Ela tem eficácia comprovada para mulheres que ainda não iniciaram a vida sexual e, por isso, não tiveram nenhum contato com o vírus. O Ministério da Saúde orienta ainda que as mulheres dos 25 aos 64 anos façam anualmente o exame preventivo para verificar se há indício de HPV. Em 2012, foram 11 milhões de exames no SUS, o que representou investimento de R$ 72,6 milhões. Do total, 78% foram na faixa etária prioritária. O HPV é capaz de infectar a pele ou as mucosas e possui mais de 100 tipos. Do total, pelo menos 13 têm potencial para causar câncer. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 291 milhões de mulheres no mundo são portadoras do HPV, sendo que 32% estão infectadas pelos tipos 16, 18 ou ambos. No Brasil, a cada ano, 685, 4 mil pessoas são infectadas por algum tipo do vírus. Por Vera Stumm e Fabiane Schmidt, da Agência Saúde

A fratura do lutador Anderson Silva e os desafios de sua recuperação O mundo todo assistiu atônito à fratura de Anderson Silva no dia 28 de dezembro de 2013 durante o UFC 168 realizado em Las Vegas. O planeta se deparou com uma imagem muito forte na qual a perna do atleta se deforma totalmente após o impacto virando num ângulo, no mínimo, assustador. Certamente, os telespectadores tiveram as mesmas dúvidas: É possível se recuperar após uma fratura como aquela? Ele conseguirá voltar a lutar com 100% do seu rendimento? Alguns pontos devem ser analisados para respondermos a estas perguntas. Quando qualquer lesão acontece o importante é saber se existe alguma predisposição. A qualidade do osso de Anderson Silva, segundo o médico que o operou, é completamente normal, livre de lesões anteriores.

Apesar do prognóstico otimista, os tecidos ao redor dos ossos podem levar mais tempo para serem recuperados, e, neste momento, ainda não se tem como precisar o quanto. Sabemos que a área da saúde - em especial a fisioterapia evolui constantemente, e, por se tratar de uma fratura na qual as articulações não foram envolvidas, a reabilitação torna-se mais rápida e com maior probabilidade de sucesso. Podemos, inclusive, citar um acidente emblemático para o esporte mundial que foi o protagonizado pelo ex-jogador de futebol profissional Ronaldo. A ruptura total dos ligamentos do joelho direito foi precedida por uma ruptura parcial, que o fez parar de atuar nos gramados, primeiramente, por cinco meses. Quando retornou, em abril de 2000, sofreu outro acidente

mais grave enquanto jogava pelo Internazionale de Milão. Depois de um tratamento intenso, com muita fisioterapia, a maioria das pessoas já não acreditava mais na recuperação do craque. Mas, após quase dois anos afastado dos campos, Ro-

naldo voltou a jogar, alcançando o auge de sua carreira e deixando sua marca no futebol: na Copa do Mundo de 2002, quando foi a grande estrela, marcando dois gols contra a Alemanha na final e se tornou o artilheiro do campeonato, com oito bolas

nas redes. No caso de Anderson Silva, após o combate, o atleta foi levado imediatamente a um hospital em Las Vegas, onde o Dr. Steven Sanders, cirurgião ortopédico do próprio UFC, realizou um procedimento cirúrgico para reparar as fraturas. A nota oficial divulgada no site diz que foi inserida uma haste intramedular na tíbia esquerda do lutador, enquanto a fíbula quebrada acabou sendo estabilizada e não precisará de uma cirurgia à parte. Como a própria entidade informou, o procedimento em Anderson Silva foi bem-sucedido, corrigindo as fraturas na tíbia e na fíbula, e que agora o ex-campeão dos pesos médios vai passar por um período de recuperação que varia entre três e seis meses, porém, a volta aos treinos não seria imedi-

ata, levando de seis a nove meses. A expectativa da equipe médica é de que Silva não tenha problemas em seu retorno aos combates. Neste momento devemos fazer outras perguntas: Será que Anderson Silva vai conseguir chutar com a mesma gana e força que antes, sem medo de se lesionar novamente? Será que o fator psicológico não poderá atrapalhar seu desempenho? Estes, sim, são pontos que, caso ele não os consiga superálos, os mesmos podem afastar o nosso campeão dos octógonos precocemente! Por Giuliano Martins, fisioterapeuta, diretor regional da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna (ABRC), perito do trabalho e proprietário do Instituto de Tratamento da Coluna Vertebral - ITC Vertebral Ribeirão e Curitiba.


6 Saúde

17 de janeiro de 2014

AVC: uma a cada seis pessoas do mundo são vítimas A cada ano, cerca de seis milhões de pessoas morrem de acidente vascular cerebral (AVC). No Brasil, essa é a primeira causa de morte e incapacidade. “De acordo com estudos, uma a cada seis pessoas no mundo terá um AVC durante a sua vida, mas isso pode ser prevenido através da informação.”, explica o Dr. Rubens José Gagliardi, vice-presidente da ABN. Conforme a dra. Sheila Martins, coordenadora do Departamento Científico de Doenças Cerebrovasculares, Neurologia Intervencionista e Terapia Intensiva em Neurologia da ABN, o número de casos de AVC pode diminuir amplamente caso sejam controlados os fatores de risco. Outra forma de minimizar as ocorrências de morte por AVC é garantir que os centros hospitalares sejam especializados e organizados, dispondo de equipe médica ágil e bem treinada, com neurologistas disponíveis para o atendimento aos pacientes. MEDICAÇÃO AGORA NO SUS O tratamento trombolítico, utilizado em casos de AVC isquêmico - o tipo mais comum, ocasionado pela falta de fluxo sanguíneo cerebral -, antes à criação da portaria era disponibi-

tritamente correta.” Entretanto, novos anticoagulantes orais – como dabigatrano, rivaroxabano e apixabano –, que não necessitam de monitoração laboratorial assídua ou acompanhamento alimentar, se mostram eficazes e mais seguros a curto e longo prazo. “Uma novidade recente é a chamada dieta mediterrânea, hábito alimentar que se mostra como uma boa opção para a redução dos fatores de risco para AVC. Ela não tem como finalidade o controle de peso, sendo apenas um conjunto de hábitos alimentares saudáveis que ajudam na prevenção das doenças circulatórias”, explica a especialista.

lizado através do setor privado e de poucos hospitais públicos universitários e algumas secretarias de saúde; agora, também é acessível pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo dra. Sheila, os dois primeiros hospitais públicos no Brasil habilitados pelo Ministério da Saúde para o tratamento do AVC foram o Hospital de Clínicas de Porto Alegre e o Hospital Geral de Fortaleza.

“Essa medicação é utilizada apenas em casos de AVC isquêmico e quando aplicada em até aproximadamente quatro horas consegue abrir a circulação fazendo com que o fluxo volte ao normal, diminuindo as chances de sequelas.” A portaria foi assinada na abertura do Congresso Mundial de AVC - em outubro de 2012 em Brasília – e a partir de então outros hospitais passaram a fornecer atendimento a casos de AVC com tudo pago pelo SUS. “De outubro para cá, temos mais 20 novas unidades especializadas”, conta dra. Sheila. NOVIDADES Ao longo dos últimos 20 anos, surgiu uma série de novidades em prevenção do AVC e hoje em dia já é possível precaver aproximadamente 90% dos casos. Dra. Sheila alerta que o mais importante é con-

trolar os fatores de risco, como hipertensão, diabetes, colesterol elevado, tabagismo e fibrilação atrial. “Descobrimos que a aspirina diminui o risco de AVC isquêmico em 20%. Quem já teve um AVC deve usar de forma contínua o medicamento pra evitar que outro acidente eventualmente aconteça.” Já a pressão alta, fator de risco mais comum, tanto para o AVC isquêmico quanto para o hemorrágico - menos frequente, que ocorre pela ruptura de um vaso sanguíneo intracraniano -, quando tratada, diminui em mais de 50% a probabilidade do acidente. “Quanto ao colesterol alto, muitos dizem que para reduzilo basta a prática de exercício físico, quando na verdade é uma indicação equivocada. Sabe-se hoje que o colesterol alto durante muito tempo acaba lesan-

do a parede do vaso sanguíneo, o que pode causar uma obstrução da circulação ao longo da vida, no coração ou no cérebro”, alerta. Evitar frituras, reduzir a ingestão de carne vermelha e substituir molhos calóricos, como maionese e cremes são dicas para o combate do colesterol alto. Tratar a fibrilação atrial também é de extrema importância e a maneira mais eficaz se mostra através de anticoagulantes. O uso do anticoagulante Marevan diminui em 68% o risco de AVC causado pela arritmia, porém é de difícil manejo. “Junto ao anticoagulante devem ser realizados exames de sangue frequentes, sem contar que o remédio interage com a alimentação e outros medicamentos. Deve-se atentar também a possíveis sangramentos e à dosagem, que deve estar es-

MENSAGEM Dra. Sheila acredita que o plano será bastante eficaz. “A implantação ainda é recente, mas a chance de haver um grande impacto na redução da mortalidade e sequelas causadas por AVC é enorme, já que mais hospitais estarão preparados para atender de forma adequada os pacientes vitimados”, assegura. Para ela é fundamental a criação desse tipo de política pública, pois é através dele que é possível implementar o que existe em evidência e aprimorar as pesquisas na área. “Já entramos com campanhas de alerta à população justamente para que as pessoas saibam sobre a existência da doença e que, quando ocorra, caso o paciente chame rapidamente a assistência, haverá unidades especiais para tratá-la”, finaliza dra. Sheila. Acontece Comunicação e Notícias


Sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

For matura UNESP 2013 No dia 11 de janeiro, aconteceu o Baile de Gala da VII Turma de Engenharia Industrial Madeireira da UNESP - Campus de Itapeva, produzido pela Realize Eventos, com buffet e decoração de Vanda Cerdeira. Sucesso aos recémformados engenheiros madeireiros! Fotos: Realize (15) 3521-6773

SUPLEMENTO ESPECIAL DO JORNAL ITA NEWS


4

Amigos do Sul

17 de janeiro de 2014


17 de janeiro de 2014

5


6

17 de janeiro de 2014

Happy Birthday

Tarso – 24/01

Silvia – 21/01

por Du Camargo

Camila – 24/01

Patricia – 20/01

Dani – 20/01

Manu – 21/01

Luiz Claudio – 25/01

Fer Fer Vendo Quem festejou o aniversário no último dia 11 foi a linda Maria Eduarda. O seu primeiro aninho foi bastante comemorado pela mamãe Miriã Leal e toda a sua família. Leandro – 23/01

Lucas – 21/01

Junior Noel – 23/01

Janaina – 22/01

Valesca – 00/01

Francieska – 23/01

Flavia – 24/01

Dr. Jamil – 22/01

Ederaldo – 21/01

Danilo – 25/01

Dani – 20/01

Camila – 24/01

Aline – 19/01

Alberto – 19/01

Flavia – 24/01

Francieska – 23/01

Janaína – 22/01

Aline – 19/01

Junior – 13/01

João Fadel – 10/01

Daniela – 11/01


17 de janeiro de 2014

Parabéns pra você! O pequeno Thiago festejou o seu primeiro aniversário no último dia 04 com uma linda festa realizada pelos papais Henrique e Cristiane no Salão de . Festas Vitória Régia com o tema Safari Fotos: Woolck Produções Fotográficas.

7


8

Bar S達o Paulo

17 de janeiro de 2014


17 de janeiro de 2014

9


10

Villa Victoria Music

17 de janeiro de 2014


17 de janeiro de 2014

11


12

17 de janeiro de 2014


10 de janeiro de 2014

Privillegivm

13


14

Gouveia’s Bar

17 de janeiro de 2014


17 de janeiro de 2014

15


17 de janeiro de 2014

15


17 de janeiro de 2014

15


17 de janeiro de 2014

15


17 de janeiro de 2014

15


16

Restaurante Alameda

17 de janeiro de 2014


17

17 de janeiro de 2014

Destaque

Funcionário Nota 10 Destaque para os queridos amigos Guaraci e Suely, que ao longo de muitos anos dedicaram-se ao esporte de Itapeva e região, treinando e participando das equipes de futebol e futsal feminino e masculino de nossa cidade. O casal contribuiu com ensinamentos e ocupou o tempo ocioso dos nossos jovens.

A funcionária nota 10 desta semana é a Betty Camargo, que tem realizado um excelente trabalho no Salão Park Belle da nossa amiga Tereza. Com profissionalismo e dedicação ela tem conquistado muitos clientes.

Hoje é um daqueles dias no mês em que o cenário astral volta a ficar tenso. No seu caso, tem a ver com instabilidades domesticas e familiares aumentadas - é tudo passageiro, mas quanta bobagem não somos capazes de fazer em pouco tempo. Daí a importância de se controlar mais hoje.

A Lua hoje em seu signo vai-se aproximando de Júpiter e ambos inspiram mais sintonia consigo mesmo. É para você levar a sério as intuições, sensações e percepções que tiver sobre a sua vida particular. Convencido de estar certo nisto, ninguém vai segurar você rumo a realização.

Tensões no ar, que só irão piorar se você mantiver atitude hesitante. Seus parceiros podem tomar rumo inesperado diante disso. A tensão astral incide sobre sua vida profissional e particular - não é fácil! Para se preservar, evite promessas, pedindo tempo para pensar.

Atenção total ao parceiro, sintonia profunda com as pessoas torna você um ótimo conselheiro, alguém que ampara e acolhe. Evento inesperado em casa - problemas elétricos e de conexão talvez - são superados com originalidade. Chefes hesitantes, não sabem o que querem.

Muitas demandas externas e pouco espaço mental pra mudar o jeito como gosta de executá-las - o clima em torno vai-se tornando explosivo por causa disso. Escolha muito bem as palavras na reunião, evitando cutucar os brios de colegas. Confira documentos e correspondência.

Um dia bom pra você se dedicar a causas maiores, deixando de lado a auto-importância. Quanto menos se entupir de trabalho, melhor- assim sua saúde se mantém firme e você preserva um pouco de sua energia. Lua e Vênus, de noite, atrapalham fluxo suave das relações amorosas.

Será um dia incerto e surpreendente, mas sua experiência de vida associada a uma saudável desconfiança das coisas fáceis será de grande valia. Com calma, ajudará um parente a apaziguar situações tensas, e o trabalho prossegue bem se você pesar as palavras antes de criticar.

Sua saúde enfrenta um momento mais delicado hoje, vigie a alimentação e os hábitos e evite ficar horas sentado, mexa-se e respire ar puro; isso também ajudará você a solucionar um entrave no trabalho. Relações familiares tensas, tem a ver com dinheiro e promessas.

Alerta vermelho na zona financeira hoje, um dos piores dias do mês para se dedicar ao esporte do consumismo! Além de não escolher bem, os itens e produtos apresentarão defeito rapidamente. Adie conversa com chefe sobre aumento salarial. No amor, seja mais objetivo e claro.

O dia começa com dissonâncias e segue assim até a noite. Esteja aberto a surpresas, imprevistos, mudanças repentinas de planos. Avarias com objetos eletroeletrônicos, rede elétrica etc podem ocorrer. Por isso, tenha copia de documentos importantes. Inspirações criativas, anote-as.

Sinal verde para compreender emoções e sentimentos - tire um tempo para isto, pois irá fundo. Essa visitação ao terreno das emoções elucidará duvidas e medos. Não force ninguém a ter o destemor que é sua marca registrada, para manter o ritmo fluido de um dia super criativo.

Apesar dos altos e baixos astrais de hoje, você flui bem com as pessoas, os filhos e os amores! Dívidas e dinheiro são assuntos explosivos, e você está esgotando seu arsenal de paciência para com quem promete e não cumpre. Pessoa amiga surge com convite bom e inesperado.


18

17 de janeiro de 2014


19

17 de janeiro de 2014

Suave Veneno Gatinhos Guilherme estava arrasando com seus outros dois amigos em um Bar este fim de semana. Além do sorriso lindo, eles parecem ser bastante simpáticos. Tem gente que está se candidatando para ter uma chance com os gatinhos. O recado foi dado. Solteiro Rodrigo está solteiro e não quer saber de nenhum compromisso ultimamente. Porém, com seu carro preto faz sucesso por onde passa e sempre há um monte de meninas fazendo

plantão em frente ao seu empreendimento. Vamos ver quem vai ganhá-lo!

naldo. Até quando esse encanto irá durar? Que dure até o próximo show.

ficar com qualquer uma. Não é bem assim a vida!

A procura Cinthia está solteira e doidinha para arrumar um namorado. Porém, sua fama de interesseira é tão alta que ninguém quer ficar com ela sabendo que terá que dividir o pão.

Solteira A linda Dany está solteira novamente. Após um duradouro relacionamento, o casal se separou e a bela agora está curtindo a vida e por onde passa atrai a atenção dos cuecas de plantão.

Coitado Coitado do Ricardo, sua namoradinha deve ter colocado um par de chifres nele... é o que estão falando por aí!

Sumida A bela Juliana sumiu da rua e das baladas. A morena que não perdia uma só festa resolveu dar um tempo e se aquietar, mas isso tem um nome: Ro-

Está se achando Dizem por aí que o Leandro está se achando. Carrão não compra ninguém não, dispensou uma gata para

Babado Felipe foi pego em alta velocidade. O rapaz que dava a maior pinta de playboy, no final de semana estava todo sem graça num bar da cidade. Bem coisa de moleque! Nova O Rafinha está de namorada nova? Dizem que ela é uma “gatinha”. Será? Sozinho Juliano continua sozinho pelas ruas da cidade. Depois que terminou seu namoro, ou melhor, que a namorada terminou com ele, o rapaz não conseguiu mais nada. Vai ter sorte se pegar gripe neste verão! Moda Gente, xadrez está na moda neste verão? Tem um pessoal por aí que está confundindo moda xadrez com festa junina. Ninguém merece!


19

17 de janeiro de 2014

Suave Veneno Gatinhos Guilherme estava arrasando com seus outros dois amigos em um Bar este fim de semana. Além do sorriso lindo, eles parecem ser bastante simpáticos. Tem gente que está se candidatando para ter uma chance com os gatinhos. O recado foi dado. Solteiro Rodrigo está solteiro e não quer saber de nenhum compromisso ultimamente. Porém, com seu carro preto faz sucesso por onde passa e sempre há um monte de meninas fazendo

plantão em frente ao seu empreendimento. Vamos ver quem vai ganhá-lo!

naldo. Até quando esse encanto irá durar? Que dure até o próximo show.

ficar com qualquer uma. Não é bem assim a vida!

A procura Cinthia está solteira e doidinha para arrumar um namorado. Porém, sua fama de interesseira é tão alta que ninguém quer ficar com ela sabendo que terá que dividir o pão.

Solteira A linda Dany está solteira novamente. Após um duradouro relacionamento, o casal se separou e a bela agora está curtindo a vida e por onde passa atrai a atenção dos cuecas de plantão.

Coitado Coitado do Ricardo, sua namoradinha deve ter colocado um par de chifres nele... é o que estão falando por aí!

Sumida A bela Juliana sumiu da rua e das baladas. A morena que não perdia uma só festa resolveu dar um tempo e se aquietar, mas isso tem um nome: Ro-

Está se achando Dizem por aí que o Leandro está se achando. Carrão não compra ninguém não, dispensou uma gata para

Babado Felipe foi pego em alta velocidade. O rapaz que dava a maior pinta de playboy, no final de semana estava todo sem graça num bar da cidade. Bem coisa de moleque! Nova O Rafinha está de namorada nova? Dizem que ela é uma “gatinha”. Será? Sozinho Juliano continua sozinho pelas ruas da cidade. Depois que terminou seu namoro, ou melhor, que a namorada terminou com ele, o rapaz não conseguiu mais nada. Vai ter sorte se pegar gripe neste verão! Moda Gente, xadrez está na moda neste verão? Tem um pessoal por aí que está confundindo moda xadrez com festa junina. Ninguém merece!


19

17 de janeiro de 2014

Suave Veneno Gatinhos Guilherme estava arrasando com seus outros dois amigos em um Bar este fim de semana. Além do sorriso lindo, eles parecem ser bastante simpáticos. Tem gente que está se candidatando para ter uma chance com os gatinhos. O recado foi dado. Solteiro Rodrigo está solteiro e não quer saber de nenhum compromisso ultimamente. Porém, com seu carro preto faz sucesso por onde passa e sempre há um monte de meninas fazendo

plantão em frente ao seu empreendimento. Vamos ver quem vai ganhá-lo!

naldo. Até quando esse encanto irá durar? Que dure até o próximo show.

ficar com qualquer uma. Não é bem assim a vida!

A procura Cinthia está solteira e doidinha para arrumar um namorado. Porém, sua fama de interesseira é tão alta que ninguém quer ficar com ela sabendo que terá que dividir o pão.

Solteira A linda Dany está solteira novamente. Após um duradouro relacionamento, o casal se separou e a bela agora está curtindo a vida e por onde passa atrai a atenção dos cuecas de plantão.

Coitado Coitado do Ricardo, sua namoradinha deve ter colocado um par de chifres nele... é o que estão falando por aí!

Sumida A bela Juliana sumiu da rua e das baladas. A morena que não perdia uma só festa resolveu dar um tempo e se aquietar, mas isso tem um nome: Ro-

Está se achando Dizem por aí que o Leandro está se achando. Carrão não compra ninguém não, dispensou uma gata para

Babado Felipe foi pego em alta velocidade. O rapaz que dava a maior pinta de playboy, no final de semana estava todo sem graça num bar da cidade. Bem coisa de moleque! Nova O Rafinha está de namorada nova? Dizem que ela é uma “gatinha”. Será? Sozinho Juliano continua sozinho pelas ruas da cidade. Depois que terminou seu namoro, ou melhor, que a namorada terminou com ele, o rapaz não conseguiu mais nada. Vai ter sorte se pegar gripe neste verão! Moda Gente, xadrez está na moda neste verão? Tem um pessoal por aí que está confundindo moda xadrez com festa junina. Ninguém merece!


19

17 de janeiro de 2014

Suave Veneno Gatinhos Guilherme estava arrasando com seus outros dois amigos em um Bar este fim de semana. Além do sorriso lindo, eles parecem ser bastante simpáticos. Tem gente que está se candidatando para ter uma chance com os gatinhos. O recado foi dado. Solteiro Rodrigo está solteiro e não quer saber de nenhum compromisso ultimamente. Porém, com seu carro preto faz sucesso por onde passa e sempre há um monte de meninas fazendo

plantão em frente ao seu empreendimento. Vamos ver quem vai ganhá-lo!

naldo. Até quando esse encanto irá durar? Que dure até o próximo show.

ficar com qualquer uma. Não é bem assim a vida!

A procura Cinthia está solteira e doidinha para arrumar um namorado. Porém, sua fama de interesseira é tão alta que ninguém quer ficar com ela sabendo que terá que dividir o pão.

Solteira A linda Dany está solteira novamente. Após um duradouro relacionamento, o casal se separou e a bela agora está curtindo a vida e por onde passa atrai a atenção dos cuecas de plantão.

Coitado Coitado do Ricardo, sua namoradinha deve ter colocado um par de chifres nele... é o que estão falando por aí!

Sumida A bela Juliana sumiu da rua e das baladas. A morena que não perdia uma só festa resolveu dar um tempo e se aquietar, mas isso tem um nome: Ro-

Está se achando Dizem por aí que o Leandro está se achando. Carrão não compra ninguém não, dispensou uma gata para

Babado Felipe foi pego em alta velocidade. O rapaz que dava a maior pinta de playboy, no final de semana estava todo sem graça num bar da cidade. Bem coisa de moleque! Nova O Rafinha está de namorada nova? Dizem que ela é uma “gatinha”. Será? Sozinho Juliano continua sozinho pelas ruas da cidade. Depois que terminou seu namoro, ou melhor, que a namorada terminou com ele, o rapaz não conseguiu mais nada. Vai ter sorte se pegar gripe neste verão! Moda Gente, xadrez está na moda neste verão? Tem um pessoal por aí que está confundindo moda xadrez com festa junina. Ninguém merece!


19

17 de janeiro de 2014

Suave Veneno Gatinhos Guilherme estava arrasando com seus outros dois amigos em um Bar este fim de semana. Além do sorriso lindo, eles parecem ser bastante simpáticos. Tem gente que está se candidatando para ter uma chance com os gatinhos. O recado foi dado. Solteiro Rodrigo está solteiro e não quer saber de nenhum compromisso ultimamente. Porém, com seu carro preto faz sucesso por onde passa e sempre há um monte de meninas fazendo

plantão em frente ao seu empreendimento. Vamos ver quem vai ganhá-lo!

naldo. Até quando esse encanto irá durar? Que dure até o próximo show.

ficar com qualquer uma. Não é bem assim a vida!

A procura Cinthia está solteira e doidinha para arrumar um namorado. Porém, sua fama de interesseira é tão alta que ninguém quer ficar com ela sabendo que terá que dividir o pão.

Solteira A linda Dany está solteira novamente. Após um duradouro relacionamento, o casal se separou e a bela agora está curtindo a vida e por onde passa atrai a atenção dos cuecas de plantão.

Coitado Coitado do Ricardo, sua namoradinha deve ter colocado um par de chifres nele... é o que estão falando por aí!

Sumida A bela Juliana sumiu da rua e das baladas. A morena que não perdia uma só festa resolveu dar um tempo e se aquietar, mas isso tem um nome: Ro-

Está se achando Dizem por aí que o Leandro está se achando. Carrão não compra ninguém não, dispensou uma gata para

Babado Felipe foi pego em alta velocidade. O rapaz que dava a maior pinta de playboy, no final de semana estava todo sem graça num bar da cidade. Bem coisa de moleque! Nova O Rafinha está de namorada nova? Dizem que ela é uma “gatinha”. Será? Sozinho Juliano continua sozinho pelas ruas da cidade. Depois que terminou seu namoro, ou melhor, que a namorada terminou com ele, o rapaz não conseguiu mais nada. Vai ter sorte se pegar gripe neste verão! Moda Gente, xadrez está na moda neste verão? Tem um pessoal por aí que está confundindo moda xadrez com festa junina. Ninguém merece!


20

17 de janeiro de 2014


Jornal Ita News edição 768