Page 1

R$ Editor-chefe: Kiko Carli Ano II - Edição 054

2,50

Quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Angatuba, Apiaí, Bom Sucesso de Itararé, Buri, Guapiara, Itaberá, Itararé, Itapeva, Nova Campina, Ribeirão Branco, Riversul e Taquarivaí

CETESB apresenta laudo sobre a situação do Aterro Sanitário

A Secretaria de Habitação e Meio Ambiente de Itararé apresenta laudos de vistoria técni-

ca realizada pela Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (CETESB), ocorrido no úl-

timo dia 15 e informa que, desde o início da atual administração, tem buscado fazer todos os

Ano letivo teve início com algumas novidades Na segunda-feira (27), 6.200 alunos iniciaram as aulas nas 27 unidades escolares da rede municipal de ensino. Para preparar este momento a Secretaria Municipal da Educação, juntamente com diretores, coordenadores, professores e funcionários se organizaram durante todo o período de férias para receber os alunos da melhor forma possível. Algumas unidades esco-

lares do município passaram por reformas, pinturas e manutenções gerais. Na sexta-feira (24), antes do início das aulas, todos os professores municipais foram reunidos para um convívio e uma palestra motivacional, que abordou temas como as novas diretrizes educacionais, que passaram a nortear o trabalho do docente nos últimos anos. Página 09.

Fiscalização realiza blitz de som no centro da cidade Na manhã da última quartafeira (22), o setor de Fiscalização da Prefeitura Municipal, juntamente com a Polícia Militar de Itararé esteve no centro da cidade realizando uma blitz de som automotivo. O princi-

pal objetivo da ação foi a de conter os carros e motos de propaganda, além de veículos particulares, que circulam com som alto, fora dos limites estabelecidos pela Lei de Perturbação de Sossego. Página 05.

esforços para que o Aterro Municipal funcione de forma correta. Página 06.

Chuvas: Córrego do Prata e Córrego Tatit preocupam

Os primeiros meses do ano são marcados pelos altos índices de chuva. A cidade de Itararé não costuma sofrer tanto com enchentes e deslizamentos, se comparada com

algumas outras cidades da região, porém, é sempre necessário um planejamento para evitar possíveis tragédias, como a ocorrida recentemente em Itaóca. Página 07.

Guarda Municipal apreende crack em praça da cidade Na quinta-feira (23), por volta das 23h30, soldados da Guarda Civil Municipal estavam realizando patrulhamento pela Praça Renata Guimarães, em Itararé, quando se depararam com um indivíduo de atitude suspeita, que ao ser revistado foi encontrado com droga. Página 05.

Copa Mercosul de Futebol: Organizador de Itararé desaparece e torneio é cancelado em Conchas Com isso mais de 67 grupos de jogadores, com idades entre 11 e 18 anos, ficaram sem os jogos e sem infraestrutura adequada. Porém, torneio em Pereiras teve continuidade. Página 11.


02

29 de janeiro de 2014

Estamos de Olho

Editorial

Direitos Humanos não servem Tomou doril Sujeito que se diz “se preopara “proteger bandidos” cupar com o esporte”, “incentiA polêmica em torno do assunto é grande. E não é raro aparecerem pseudo-intelectuais esbravejando e reivindicando os “Direitos Humanos” quando um bandido é levado para a cadeia por ter cometido um crime hediondo ou mesmo quando morre um policial em conflito. Em tese: por direitos humanos entende-se um conjunto de garantias asseguradas no ordenamento jurídico-constitucional de uma nação civilizada, e são conquistas, legados de toda a humanidade, frutos de longos séculos e até milênios de lutas de todos os povos. Servem para moderar o poder descomunal e onipotente do Estado frente ao cidadão (qualquer que seja, honesto ou acusado de algum crime) que esteja em posição de inferioridade.

No último domingo, um homem matou a pauladas um cidadão nas dependências da construção de um banheiro público em Itapeva. Segundo informações da polícia, o indivíduo sofre de transtornos mentais. É claro, ninguém defende o crime e, muito menos, os Direitos Humanos protegem o bandido. Tão logo, surgiram discussões sobre o que deveria ser feito com a vida de tal assassino. Alguns querendo trucidá-lo, outros, portanto, clamando pelos tais direitos humanos. Nestes casos, o meio termo e o equilíbrio são sempre a melhor opção. Que a lei seja aplicada com rigor, mas que a vida seja poupada. Quem protesta contra a violência praticando violência cai na vala comum e torna-se somente mais um demagogo.

NUTRICELER - COMÉRCIO, REPRESENTAÇÕES, CONSULTORIA E IMPORTAÇÃ O LTDA., torna público que recebeu da CETESB a Licença Prév ia N° 70000035 e requer eu a Licenç a de Instalação para FABRICAÇÃO DE FERTILIZA NTES QUÍMICOS DE USO A GRÍCOLA E DOMÉSTICO , sito à RUA ANTÔNIO EDMUNDO DE OLIVEIRA CAMPOS, 670, JD. NOVA ITAPEVA , ITAPEVA /SP.

var o esporte regional”, “ajudar os atletas” e que passou o ano de 2013 inteirinho se gabando em alguns meios de comunicação e nos finais das sessões da Câmara de como era importante para o desenvolvimento do esporte na cidade, chegando até a receber congratulação de certos vereadores, ficou “famoso” esta semana por fugir com todo dinheiro recebido das equipes que se inscreveram para participar do que era para ser a 3ª Copa Mercosul. Mais de mil crianças e jovens de várias cidades da região e também de países como Peru e Chile, foram abandonados em Pereiras e Conchas sem comida, água, alojamento e se viram obrigadas a voltar para casa. A revolta cresce geral e eu me pergunto se este cidadão terá a coragem (ou melhor, a ousadia) de dar as caras na região novamente. Lamentável, Eurico! Deixo aqui aberto o espaço para que você

possa desmentir tantos que hoje o acusam.

E os amigos? Onde estão os companheiros deste sujeito agora? Porque até ano passado ele vivia de conversinha com alguns vereadores na Câmara...

Do povo Rolezinho: Está passando da hora de alguns políticos darem um “rolezinho” nas ruas da cidade, visitarem bairros e locais críticos para entender realmente o que a população está precisando. A Novo Horizonte não é palco de comício para ser visitada só em período eleitoral. Algum político vai comparecer à Rua 4 para ajudar no lajotamento que os moradores estão realizando por conta? Não foi para isso que foram eleitos?

De volta Na próxima segunda-feira (03) terá início as Sessões na

por Kiko Carli Câmara Municipal. Com 4 CEIs e temáticas como o conturbado réveillon, a liberação de verba do resíduo dos professores, a criação da Imprensa Oficial, o escândalo da Copinha em Pereiras, entre outros, a sessão promete. Quem procura saber dos assuntos importantes de sua cidade apenas pelos relatos e depoimentos nas redes sociais muitas vezes pode estar sendo gravemente manipulado, portanto compareça às sessões, fiscalize e tire suas próprias conclusões acerca do trabalho dos vereadores. Se não mudará nada para os munícipes ao menos teremos mais assuntos para a coluna.

É a lei Desde o dia 22, todas as linhas de ônibus do estado de São Paulo têm a obrigação de oferecer 2 assentos gratuitos para pessoas com mais de 60 anos que desejam viajar para qualquer cidade do estado. Para tanto basta o cidadão retirar a passagem com mínimo de 24h

de antecedência. Itararé ainda é Estado de São Paulo! Faça valer seus direitos!

Bem melhor Frente de Trabalho recebe elogios de cidadãos satisfeitos com as ruas limpas da cidade. Cidade limpa já é um bom reinício.

Que calor Os rios são uma das poucas opções para a população de Itararé. Para ir ao Rio da Vaca ou no Rio Verde, porém a população se vê obrigada a pagar o pedágio (ida e volta = R$10,00). E agora para “melhorar” a situação estão cobrando uma “taxinha extra” para entrar na Prainha do Rio da Vaca, no valor de R$5,00. Solicitamos à fiscalização para verificar se tal “taxinha” é legal. Até para tomar um banho de rio à população vai ser explorada agora?! O calor está insuportável e a população não merece ser privada das poucas opções de lazer existentes. Alguém se importa?

Abertas as inscrições para o Processo Seletivo do “Projeto Judô” A partir de hoje (29) estão abertas, em Itararé, as inscrições para a realização do Processo Seletivo que visa a contratação por tempo determinado de professores para continuidade do “Projeto Judô” durante o exercício de 2014. São 04 vagas para professor de judô, com carga horária de 10 à 40 horas semanais, sendo a remuneração de R$11,79 por aula

para candidatos habilitados (Licenci atura Plena ou Bac ha r e la d o em Educação Física com registro no Conselho Regional de Educação Física (CREF) e Certificado da Confederação Brasileira de Judô)

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITARARÉ ESTADO DE SÃO PAULO PROCESSO SELETIV O Nº 1/2014 EDITAL d e ABERTURA de INSCRIÇÕES - RESUM IDO A PREFEITURA MUNICIPAL DE ITARARÉ, Estado de São Paulo, f az saber que fará realizar Processo Seletivo visando à contratação por tempo determinado de profes sor es “ não habilitados” para substituição eventual nas ausências e afas tamentos dos docentes efetivos da r ede municipal de ensino e na ausência de docentes habilitados para suprir a necessidade de referidas subs tituições, conf orme relac ionados no quadro abaixo e de acordo com as instruções constantes no Edital de Abertura de Inscr ições. 1. O process o v isa selec ionar Prof ess ores de Educação Básica II “não habilitados ”, nas áreas especificadas, para substituiç ão de acordo c om a necess idade da Sec retaria Municipal de Educação, nos termos da Portaria SECET nº 04, de 16 de dezembro de 2013 de acordo c om a remuneração, requisitos para o exercício da atividade e taxa de inscrição a seguir especific ados:

1.2. De acordo com a Por taria SECET nº 04, d e 16 de deze m bro de 2013, além daquelas condições arroladas no item 3 deste Edital, é necessário o atendimento de ao menos um dos seguintes requis itos: 1.2.1. Licenciatura com habilitação em área correlata (indicação CEE nº 53/ 2005); 1.2.2. Estudante do último ano do curso regular de Licenciatur a Plena, na disc iplina específ ica das aulas a serem atribuídas; 1.2.3. Bacharelado ou tecnólogo de nível superior, desde que no Histórico Escolar contemple, no mínimo, 160 (cento e sessenta) horas da disciplina a ser atribuída; 1.2.4. Estudante de curso regular de Licenciatura Plena na dis ciplina específica, que já tenham cumprido, no mínimo, 50% do curso; 1.2.5. Outros cursos superiores, des de que constem no Histórico Esc olar as disciplinas a serem atribuídas; 1.2.6. Outros cursos superiores, des de que constem no Histórico Esc olar as disciplinas correlatas àquelas a serem atribuídas. 2. As inscrições serão efetuadas no período 29 de janeiro a 09 de fevereir o de 2014, exc lusivamente atrav és da internet, acessando-se o si te w w w .pub licon sult.com .b r. 3. O Processo Seletivo terá duas fases de caráter classificatório, sendo a primeira de Prova Objetiva (testes de múltipla escolha) e a segunda fase de anális e dos documentos pertinentes à comprov ação dos requis itos mínimos para a função, de acor do com as disposiç ões constantes da Portaria SECET nº 4/2013. 4. As provas serão realizadas no município de Itararé/SP, com data prevista para o dia 23 de fevereiro de 2014 (dom ingo) às 10h00. A confirmação of icial da data, hor ário e local da realização das provas s erá div ulgada oportunamente, após o encerramento das inscrições , através de Edital de Convocação para Provas, a ser afixado no quadro de avisos da Prefeitura Municipal de Itararé e disponibilizado no site w w w .publiconsult.com.br. 5. O Edital deste Processo Seletivo estará disponível para consulta na sede da Prefeitura Municipal de Itararé, na Rua XV de Novembro, nº 85 – Centro – Itararé/SP e no si te w w w .pu bliconsu lt.com .b r, sendo publicado na impr ensa local de forma resumida. Itararé, 28 de janeiro de 2014. Pre feitu ra Mu nicip al de Itar aré

ATOS OFICIAIS DECRETO Nº 01, DE 08 DE JANEIRO DE 2014. Concede estabilidade ao funcionário que es pecifica. NOME: KL EBERSON WILL IAN RODRIGUES DE SOUSA – CARGO: OPERÁRIO – RG: 46.218.435-3 DECRETO Nº 02, DE 08 DE JANEIRO DE 2014. Conc ede es tabilidade à funcionária que especif ica. NOM E: ROSANA APARECIDA V IANA – CARGO: OPERÁRIO – RG: 226562347 DECRETO Nº 03, DE 24 DE JANEIRO DE 2014. Dispõe sobre remanejamento de r ecursos no valor total de R$ 750.000,00 (setecentos e cinquenta mil reais). Itararé, 27 de Janeiro de 2.014. MARIA CRISTINA CARLOS MAGNO GHIZ ZI PREFEITA MUNICIPAL

e R$9,44 para não hab i l i tad os (Ensino médio com reg i s t r o no Conselho Regional de E du c a çã o Física  -(CREF) e Certificado da Confederação Brasileira de Judô). As inscrições pode-

rão ser efetuadas no período de 29 de janeiro a 09 de fevereiro de 2014, exclusivamente através da internet, acessando-se o site www.publiconsult.com.br. A taxa de inscrição é de R$24,00.  O Edital do Processo Seletivo estará disponível para consulta na sede da Prefeitura Municipal de Itararé, na Rua XV de Novembro, nº 85 – Centro – Itararé/SP e no site www.publiconsult.com.br. 

A Prefeitura de Itararé torna público que estão abertas as licitações: Pregão Pres encial 01/14 - Pas sagens rodov iárias inter municipais, abertura dia 03 de fevereir o às 9:00hs, Pregão Pr esencial 02/14 - Aquisição de 01 ( um) veículo c om no mínimo 07 (s ete) lugares para Secretaria de Ação Social, abertura dia 03 de fevereiro às 14:30hs, Pregão Presencial 03/14 - Aquisição de gêner os alimentíc ios para Mer enda Esc olar, aber tura dia 04 de fevereiro às 8:30hs, Pregão Presencial 06/2014 - Aquisição de material de limpeza para Secretaria Municipal de Educação, abertura dia 05 de fevereiro às 8:30hs, Pregão Pr esencial 12/2014 - A quis ição de Insumos e Sais para manipulação para Sec retaria Municipal de Saúde, abertur a dia 07 de fevereiro às 9:00hs e Pregão Presencial 13/14 - Contratação de empresa especializada na prestação de serviços para transporte de efluentes (chorume) do Aterro Sanitário Municipal, abertura dia 07 de fevereiro às 14:30hs. Informações: Departamento de Licitações ou fone (15) 3532.8000.

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITARARÉ ESTADO DE SÃO PAULO PROCESSO SELETIV O Nº 2/2014 EDITAL d e ABERTURA de INSCRIÇÕES - RESUM IDO A PREFEITURA MUNICIPAL DE ITARARÉ, Estado de São Paulo, f az saber que fará realizar Processo Seletivo visando a contratação por tempo determinado de professores para continuidade do “Projeto Judô” durante o exercício de 2014, de acordo com as instruções constantes no Edital de Abertura de Inscrições. 1. O proc es so v isa s elecionar Prof es sores de Judô de acor do c om a remuneração, requisitos para o exercício da atividade e taxa de inscrição a seguir especificados:

2. As inscrições serão efetuadas no período 29 de janeiro a 09 de fevereir o de 2014, exc lusivamente atrav és da internet, acessando-se o si te w w w .pub licon sult.com .b r. 3. O Proc esso Seletivo consistirá ex clusivamente da aplic ação de Pro va Teórica, na forma de testes de múltipla escolha. As provas serão realizadas no município de Itararé/SP, com data prevista para o dia 23 de fevereiro de 2014 (dom ingo), às 14h00. A confir mação oficial da data, horário e local da realização das provas ser á divulgada opor tunamente, após o encerramento das inscrições, atr avés de Edital de Convocação para Provas, a ser afixado no quadro de avisos da Prefeitura Municipal de Itararé e dis ponibiliz ado no site w w w.public onsult.c om.br. 4. O Edital des te Process o Seletivo es tar á disponív el para consulta na sede da Prefeitura Municipal de Itar aré, na Rua XV de Novembro, nº 85 – Centro – Itararé/SP e no site w w w .pu bliconsult.com .br, sendo publicado na imprensa local de forma resumida. Itararé, 28 de janeiro de 2014. Pre feitu ra Mu nicip al de Itar aré

Itararé News - Jornais, Revistas e Serviços de Comunicação Multimídia Ltda - ME CNPJ: 13.614.945/0001-45 Inscrição Estadual: 380.041.059.119 Rua XV de Novembro, 770 - Itararé/SP - CEP 18460-000 Fone: 3532-3948 Editor-chefe: Kiko Carli Jornalista Responsável: Patrícia Gam - MTB 53.053/SP Consultor Jurídico: Dr. Renato Jensen Rossi - OAB 234.554 Impressão: Gráfica Ita News (Registrada em Cartório sob nº 2470 em 26/08/2009) Tiragem: 2.000 exemplares Registrado em Cartório sob nº 2474, no livro de matrículas de jornal no dia 17/09/2009. A direção deste jornal não se responsabiliza por artigos assinados que não necessariamente expressam a opinião deste veículo. O jornal Ita News não é responsável pela qualidade, proveniência, veracidade e pontualidade das colocações dos anúncios classificados publicados em suas páginas, bem como os conteúdos de seus colunistas, os quais não possuem nenhum vínculo empregatício com a empresa.


03

29 de janeiro de 2014

Escritos de História & Política por Luis Felipe M. de Genaro

Um velho jornal, um péssimo editorial Em editorial recente um tradicional jornal da região deixou claro de que lado está nas disputas políticas que se intensificam em Itararé – o que este mesmo jornal o fez, lembremos, em diferentes contextos passados. Seu editorial, intitulado “E, infelizmente, Itararé perde em tudo”, bate na mesma tecla de sempre: inveja cidades vizinhas por seu “progresso” e “desenvolvimento” e se queixa dos males que assolam nosso município. É irônico que este mesmo jornal se esqueça das razões de nossa cidade estar tão atrasada em relação à Itapeva e Jaguariaíva. Arcaico que só, e não me canso de dizer, um dos obstáculos que precisamos ultrapassar para atingir o progresso tão esperado é este e outros discursos da imprensa marrom e reacionária que, em diversos aspectos, atrasam nossa cidade. Isso para dizer o mínimo. No editorial, frente às nos-

Saúde

sas urbes vizinhas, Itararé é rebaixada como a cidade “parada no tempo”. Realmente a permanência de pequenos atos de corrupção e o desprezo pela esfera política ainda permanecem enraizados em nosso município – uma herança maldita dos tempos de outrora. A concentração de poder nas mãos de uma parcela pequena da população e a ignorância do restante, por falta de interesse ou oportunidades, impedem Itararé de crescer. E não foi este mesmo jornal conivente com administrações passadas? Administrações regadas à corrupção, despreocupação e clientelismo? Supracitado em meus artigos, a atual máquina pública sozinha não transformará Itararé. Apenas com a participação e o ativismo da sociedade civil avistaremos um novo tempo. Lamentavelmente – e a realidade vem à tona – sua população permanece viúva de antigos “políticos”. Um tempo onde tudo era mais

fácil, mais rápido e bem pouco honesto. Não obstante o jornal em questão também estampa em sua capa a seguinte afirmação: “Nota 0: para a perseguição política que continua a atrasar Itararé”. Não sei em que período ainda vive esta imprensa. Se há “perseguição”, esta não nasce nos gabinetes da Prefeitura. Os tempos mudaram, e por essa razão há um ódio crescente das classes abonadas e interesseiras em nosso município. O dinheiro público vem sendo tratado com zelo e seriedade. Nossa frota de automóveis vem sendo constantemente renovada. As perspectivas turísticas e culturais se mostram visíveis para os munícipes. Entre tantas outras coisas. Tudo está mudando. Só este jornal permanece “parado no tempo”.

por Josué Benedito Alberto

Construir

cio, a equipe queria quantificar a quantidade das moléculas de LDL após a prática de exercícios, mas descobriu-se que esse dado sofre poucas alterações com o exercício. Em compensação, houve uma diminuição considerável na densidade das moléculas de colesterol ruim, que por sua vez ficava impossibilitado de se depositar nas paredes dos vasos. Isso mostra que, quando as moléculas de LDL estão menores, torna-se mais difícil seu depósito, tornando seu colesterol menos tóxico, informação extremamente importante para incentivar aquelas pessoas que desanimam dos exercícios quando vão ao cardiologista e constatam que o nível do colesterol não diminuiu. Realmente, pode até não ter reduzido a quantidade de LDL, mas a simples impossibilidade de depo-

sição já e um dado de extrema relevância. Os pesquisadores também constataram que as taxas de triglicerídeos caíram e a resistência à oxidação do LDL aumentou. A oxidação é justamente o processo que pode desencadear o acumulo de LDL e a formação de placas de gordura nas paredes dos vasos, e os triglicerídeos são uma forma de gordura que figuram entre fatores de risco para desenvolver doenças cardíacas. Atividade Física Já! Fonte: http://ww.corposaun.com/ exercicio-diminui-danos-docolesterol-ruim/1353/

por Rhuan Marcos Nogueira

condições de trabalho e segurança nas obras, contribuindo para o funcionamento mais eficiente do sistema de produção. O mesmo deve ser projetado e dimensionado antes do início da obra, de forma a proporcionar um ambiente de trabalho sadio e confortável. O planejamento de um canteiro de obras tem por objetivo alcançar a melhor disposição, dentro do espaço disponível, para os materiais, a mão-de-obra e os equipamentos necessários à execução do empreendimento, levando-se em consideração, sempre, as recomendações da NR-18 (Norma Regulamentadora 18 – Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção). Portanto, o planejamento e a logística são ferramentas fundamentais para obtenção de um resultado positivo. Resumindo, não adianta a empresa investir apenas na tecnologia do processo de produção, deve investir também no sistema de gestão utilizado por ela, podendo obter uma maior eficiência nesse sistema de gestão investindo numa logística eficiente de canteiro, onde se procura aperfeiçoar os fluxos físicos e as informações, numa

Vamos falar um pouco sobre um problema de saúde que atingem a grande maioria de nós – a dor de cabeça. Este artigo será dividido em 03 (três) partes, onde abordaremos os tipos mais comuns da doença e como combate-la. Dores de cabeça estão entre os problemas de saúde mais comuns. Segundo dados médicos em todo o mundo, 40% das pessoas sofrem pelo menos de uma dor aguda na região por ano. As causas podem estar na ingestão de álcool e alimentos, outros problemas de saúde e principalmente em momentos de tensão, já que 90% dos casos esporádicos resultam de estresse. A dor não está no cérebro. O desconforto pode atingir qualquer parte da cabeça, desde a pele, músculos, veias, dentes e terminações nervosas. Se chegar até as células cerebrais é porque não se trata de dor e, sim, de um problema mais sério. Um bom diagnóstico precisa levar em consideração as características da dor, que pode ser latejante, como se fosse uma

pressão ou uma pontada, sua intensidade, a área afetada, frequência e duração. Os tratamentos mais comuns envolvem o uso de analgésicos, mas também podem ser indicadas outras terapias, como meditação, massagem, técnicas de relaxamento e psicoterapia. Se as dores são acompanhadas de outros sintomas, como náuseas ou quadros mais sérios, como febre, as causas podem chegar até a derrames ou tumores, portanto, nunca dispense uma boa avaliação médica. Febre pode indicar meningite, perda de visão e pescoço rígido estão associados a casos de trombose. Vejamos os dois primeiros tipos, a dor de cabeça de tensão e a enxaqueca: Dor de cabeça de tensão Atinge 90% das pessoas esporadicamente e pode ser resultado de noites mal dormidas, estresse, até mesmo pelo fato de não encontrar a carteira pela manhã e ter chegado atrasado ao trabalho. Essa dor é difusa, no alto da cabeça e na testa, segundo informações do Institu-

to de Neurociência e Neurocirurgia de Liverpool, na Inglaterra. O consumo de álcool e de cafeína também podem ser causadores. Um médico pode receitar um remédio apropriado para ser ingerido durante as crises. Enxaqueca Geralmente acomete um dos lados da cabeça e costuma durar horas. Em alguns casos, até dias. Quem sofre desse tipo mais severo fica sensível à luz e a barulhos. Uma em cada cinco pessoas que sofre de enxaqueca apresenta visão alterada e pode enxergar as coisas embaçadas. O tratamento deve ser feito com remédios, sempre prescritos por um médico, e compressas, quentes ou frias, no pescoço também podem ajudar. Na próxima semana abordaremos mais alguns tipos de dores de cabeça José Antonio Pinto – Reflexologista Joseantopn73@gmail.com

por Sargento Cristiano Borges

Seu pneu bonito, mas seguro

A importância dos canteiros de obra O planejamento e a logística em canteiros de obra possuem uma inegável importância. A exigência do mercado aliado às evoluções tecnológicas vem fazendo com que as empresas se enquadrem a novos conceitos, através de reestruturações técnicas e administrativas de forma a melhorar seus desempenhos. A implantação de um canteiro de obra deve ser avaliada de forma detalhada, confrontando e planejando as disposições das instalações no canteiro, pensando na logística de transporte, armazenamento e segurança. O Planejamento e a Logística, objetivam o aumento do nível de serviço, produtividade, qualidade, redução de custos, prazos e diminuição de desperdícios. Estes ganhos são obtidos através de controle, integração e coordenação de todas as atividades envolvidas no sistema, desde o projeto até o produto final. Para atender às normas, e a um mercado mais competitivo, exigindo a melhoria da qualidade e da produtividade das construções, torna-se necessário a elaboração do projeto do canteiro de obras, como forma de, atender as exigências legais, e possibilitar a otimização das

por José Antonio Pinto

Saiba mais sobre a dor de cabeça – parte 01

Fique atento!

Atividade Física e Colesterol A atividade física se tornou tão recomendada entre todos os especialistas em saúde pública que torna inquestionável o seu benefício e sua credibilidade para diversas doenças e síndromes. Mas mesmo assim, surgem estudos a cada dia mostrando a importância e a veracidade desse fato. Um estudo realizado no InCor (Instituto do Coração) em São Paulo realizado com 40 pessoas sedentárias mostrou que a atividade física modifica a estrutura do LDL (colesterol ruim), tornando-o menos nocivo. Das pessoas estudadas, 30 sofriam de síndrome metabólica (risco elevado de desenvolver doenças cardiovasculares e/ ou diabetes mellitus tipo II). A maior parte delas foi submetida a 45 minutos diários de exercícios na bicicleta ergométrica três vezes por semana. No ini-

Viva Bem Itararé

logística de rua onde se procura otimizar a gestão dos materiais e dos componentes, tudo isso em conjunto com um planejamento adequado, proporcionando um ambiente baseado na melhoria contínua e na otimização da flexibilidade. Acredita-se que a Construção Civil, ao buscar inspiração no processo de evolução verificada em outros setores industriais, descobrirá cada vez mais a necessidade de planejar e pensar na logística dos seus canteiros de obra para garantir o sucesso durante toda a execução dos seus empreendimentos.

Acaba ano, entra ano e alguns assuntos de trânsito continuam inalterados, e por isso é bom rever alguns tópicos importantes que podem auxiliar a todos os condutores de veículo, ainda mais os desavisados e espertinho de plantão que tentam burlar regras que oferecem riscos, não só a sua integridade física como a de terceiros. Nossos veículos, carros e motos, são compostos por um conjunto de equipamentos, que garantem o funcionamento e permitem maior segurança para seus usuários. Dentre esses equipamentos destacamos os PNEUS, que sendo peças indispensáveis para a locomoção dos veículos, merece uma atenção especial dos seus proprietários. A legislação Brasileira disciplinou a melhor adequação de PNEUS dos automotores muito antes do atual Código de Trânsito. A Resolução do Contran nº 558, de 15 de abril de 1980, já naquela época determinou algumas regras que perduram até os dias atuais “Art. 1º - Os veículos automotores só poderão circular em vias públicas do território nacional quando equipados com rodas, aros e pneus novos ou reformados que satisfaçam as exigências estabelecidas pela Norma EB 932 - Partes I, II e III de 1978, da Associação Brasileira de Normas Técnicas- ABNT”. Que todo veículo precisa de pneu, isso é absurdo dizer que não, mas o que todo proprietário de motos e carros devem atentar é para suas condições, de como se encontram no decorrer do uso, devido aos desgastes naturais, deficiências mecânicas e problemas causados pelo mau uso e vias públicas precárias. Toda fiscalização de trânsito, com foco na verificação dos PNEUS, tem por objetivo verifi-

car alguns requisitos básicos: Pneus adequados para o tipo de veículo, condições de segurança, verificação dos indicadores de desgastes entre outras. A resolução nº 558/80, estabeleceu que os PNEUS deverão ser fabricados com indicadores de desgaste, também chamados de TWI, que propicie a verificação da vida útil deste componente pneumático.... “Art. 3º.... todo pneu deverá ser fabricado ou reformado com indicadores de desgastes colocados no fundo do desenho da banda de rodagem;”..

Muitos proprietários, por desconhecimento ou até mesmo por motivos econômicos, acabam por riscarem os PNEUS do seu automóvel, acreditando que os tornará adequados para circulação, porém o que muitos desconhecem é que esta prática além de infringir a Legislação de Trânsito, constitui grande perigo, pois os PNEUS riscados perdem sua função de aderência ao solo, ainda mais neste período de chuvas em que o equipamento deve estar em condições de trafegar oferecendo segurança aos ocupantes dos veículos, e não sendo dessa forma poderá causar sérios acidentes pois muitas vezes procuramos um velho amigo borracheiro que nos oferece aquele pneu “meia vida” brilhando de pretinho, garantido que ainda da pra rodar alguns KMs, e na fé de estarmos colocando um “BOM” pneu em nosso carro acabamos de comprar GATO POR LEBRE, pois

com certeza o pneu da borracharia já atingiu os indicadores de desgastes e foram manualmente riscado pelo borracheiro, que ao invés de melhorar o equipamento acaba oferecendo mais riscos para quem utilizá-los e assim podemos até usar aquele famoso jargão “ O Barato sai caro”. O veículo que, durante uma fiscalização for flagrado com os PNEUS lisos ou riscados deverá ser autuado pelo art. 230, inciso XVIII, do CTB, “Conduzir o veículo em mau estado de conservação, comprometendo a segurança”, Infração grave; Penalidade multa e deverá ser retido para regularização.

Resolução 558/80,“Art. 4º Fica proibida a circulação de veículo automotor equipado com pneu cujo desgaste da banda de rodagem tenha atingido os indicadores ou cuja profundidade remanescente da banda de rodagem seja inferior a 1,6 mm. § 1º A profundidade remanescente será constatada visualmente através de indicadores de desgaste., Faça uma verificação periódica nos PNEUS de seu veículo, garanta a sua segurança, não circule com eles lisos e não os risque para não arriscar a sua própria vida.


04

29 de janeiro de 2014

Lei do Voluntário está em vigor no município Desde setembro de 2013, o município de Itararé conta com a Lei do Voluntário. A Lei aprovada em agosto pela Câmara Municipal e de autoria do Executivo prevê o serviço voluntário gratuito, ou seja, atividade não remunerada prestada por pessoa física para a Prefeitura, que tenha objetivos cívicos, culturais, educacionais, científicos, recreativos, ambientais, morais ou assistência social. Adaptada da Lei Federal, nº 9608/98, a Lei Municipal não gera vínculo empregatício, nem obrigação de natureza trabalhista, previdenciária ou afim. Atualmente Itararé conta

com o serviço voluntário de três munícipes. O primeiro a se prontificou foi Luiz Vaurof. Logo em seguida, Gilberto Santana e Alberto Ghizzi também preenche-

ram o termo de adesão. O tempo de serviço, como voluntário, será comprovado através de Certificado, expedido pelo órgão competente, da

Prefeitura Municipal de Itararé, ao qual estiver devidamente vinculada a prestação dos serviços voluntários. Na prestação de concursos públicos, para o preenchimento de cargos de p ro vi m e nto efetivo, no quadro de serviços da Prefeitura, os candidatos que forem habilitados nas provas objetivas, terão como contagem de pontos, o tempo de serviço. O interessado deve se dirigir à Secretaria de Administração, localizada no Paço Municipal, situado na rua XV de Novembro, 83, para preencher o termo de adesão de prestação de serviço voluntário.

Missa em Louvor a Nossa Senhora de Lourdes acontece no próximo domingo (09) No próximo domingo (09), acontecerá a 1ª Missa em Louvor a Nossa Senhora de Lourdes no Parque Ecológico da Barreira. A imagem da Santa, originalmente abençoada e colocada em novembro de 1939 e reentronizada em maio de 2013 na gruta que recebe seu nome, atrai inúmeros fieis de todo o Brasil o ano todo. A cerimônia será realizada ao ar livre, próximo à Gruta da Santa e haverá área de alimentação e estacionamento para os visitantes. A Prefeitura de Itararé disponibilizará transporte gratuito para os visitantes. O ônibus sairá da Infotur, localizado na Praça São Pedro, com saídas prevista para 8h e 8h40min. A Coordenadoria de Turismo de Itararé sugere alguns cuidados básicos para os visitantes: Usar roupas leves, confortáveis e de cores claras, Calçado confortável e resistente, Protetor solar, Garrafa de água, Chapéu,

Em dezembro passado, a Secretaria de Habitação e Meio Ambiente de Itararé realizou em parceria com a Secretaria de Ação Social mais um encontro mensal com os 36 beneficiários do Minha Casa, Minha Vida 2. Na ocasião o secretário da pasta, Antonio Robson Ferreira apresentou o registro fotográfico da construção, desde o terreno vazio até momento com as casas na altura da cobertura. A palestrante Maria Nicéia da Silva, assistente social, abordou sobre os beneficiários de transferência de renda como: Programa Bolsa Família, Peti, Programa Renda Cidadã, Programa São Paulo Amigo do Idoso e

Programa Ação Jovem, todos disponíveis no município. “Durante a reunião foi explanado sobre o porquê dos programas, que tem como ob-

jetivo reduzir as desigualdades sociais, os critérios de inserção em cada programa e as formas de encaminhamento”, explicou Ferreira.

Equipe Itararé Adventure de Ciclismo inicia o calendário 2014 com destaques no Paraná Foi realizada nesse último domingo (19) a 1ª etapa do Campeonato de MTB - Marathon, um espetáculo de prova, com um número recorde de inscritos, 702 atletas, teve como palco a belíssima região de São Luiz do Purunã - Campo Largo, que com o sol brilhando e “minando” a resistência dos atletas ofereceu um desafio pra lá de difícil, com terreno montanhoso, de subidas e descidas fortes, com muitas pedras soltas, raízes, barros e “single-tracks” inclusive com direito a “empurra-bike”, divi-

dida em dois percursos: Sport 23km e Pro de 43km, sendo um percurso onde não oferecia uma média alta de velocidade. Depois de aproximadamente um mês de férias, os atletas, Carlos Eduardo (Duzinho), Vagner Donizete e Reinaldo Fortes recomeçam o calendário 2014 de Ciclismo com grandes destaques que ficou assim: Reinaldo categoria Master C concluiu os 43km em 2h17 ficando em 5º na categoria e 49 na geral, Vagner categoria Master B concluiu em 2h18 ficando em 6º na

categoria e 51ºna geral. Os grandes destaques da prova foram os atletas Carlos Eduardo, que também percorreu os 43km, onde as dificuldades eram muitas para atletas profissionais e mesmo assim ele enfrentou, Duzinho da categoria Para-Desportista, que concluiu em 3h48h ficando em 4º na categoria. A equipe agradece mais uma vez o apoio recebido de seus patrocinadores: Bazar Cristal, Amazon Rep., Du Bike, Miraluz, Auto Posto Estradão.

Coluna Prodonto por Dra. Cintia Cristina Fadini

Dói mais que tapa

boné ou sombrinha. A cerimonia religiosa será conduzida pela Paróquia Nossa Senhora da Conceição, com início marcado para 9h. Maiores

informações: Coordenadoria de Turismo: (15) 3532.5514. Imprensa: 3531.1749 Infotur: 3531.4329. www.coordenadoria turismoitarare.blogspot

Santa Casa promove primeiro Bazar Beneficente A Santa Casa de Itararé estará promovendo em breve o primeiro Bazar Beneficente do ano de 2014. Para tanto, a entidade conta com a colaboração da população para a arrecadação de utensílios domésticos, roupas, calçados, bolsas, bijuteri-

Reunião do Minha Casa, Minha Vida 2 apresenta relatório aos beneficiários

as, enfeites de casa, panelas, cobertas, cortinas, móveis, artesanato, e demais objetos que possam ter sua venda revertida em verba para o Hospital. Toda a renda obtida com Bazar será revertida para a reforma dos banheiros da ala mas-

culina e para a compra da grade alocada na rampa do pronto socorro da entidade. Aqueles que se sentirem solícitos a contribuir, favor entrar em contato com Márcia ou Ana Lúcia (faturamento) através do telefone: 3532-4200 - Ramal 229.

Muitos se escandalizam diante das estatísticas de violência doméstica sem se dar conta de que a agressão verbal é outra forma de ataque. Ameaças, chantagens, comparações, mentiras, humilhações. Há coisas que nunca devem ser ditas a uma criança. Palmada dói, beliscão também, puxão de orelha é horrível e surra então nem se fale. Mas o que poucas pessoas se dão conta é de que as palavras também machucam. Podem doer, humilhar, provocar medo e causar muitos danos. Ninguém sai ileso de agressões verbais sarcásticas, chantagens, comparações e ameaças, principalmente quando elas vêm de pessoas queridas, nas quais depositamos confiança. Travestidas de desabafos, essas frases têm o poder de abalar o amor próprio, a coragem e

a iniciativa de qualquer um e quando se trata de uma criança, podem causar estragos irreversíveis para a auto-estima dela. A armadilha é que são ditas pelos Pais em momentos de tensão e/ou de despreparo emocional e seu sentido destrutivo passa facilmente despercebido. Então, o melhor é ficar atento e morder a língua antes de dizer a criança alguns desses impulsivos ataques verbais: - Como você é lerdo! - Bem feito! - Espera só seu Pai chegar. - Não vá lá, tem bicho papão. - Olha que o Papai Noel não traz presente. - Seu (sua) irmão (irmã) vai tão bem na escola e você não! - Se não se agasalhar, vai tomar injeção. - Não fez mais do que a obrigação! - Pára de chorar menino!

Esses tipos de frases e comportamento dos Pais são e geral decorrentes de dificuldades psicológicas deles próprios em exercer tais papéis e acabam comprometendo a auto aceitação e provocando sofrimento emocional aos filhos. Como conseqüência, comprometem o lado emocional da criança e prejudicam seu desenvolvimento. Portanto, fique atento, vamos priorizar o dialogo com afeto. Karyn M Komnicki Graduação: Psicóloga Pós Graduação: Psicopedagogia Clinica e Institucional.


05

29 de janeiro de 2014

Fiscalização realiza blitz de som no centro da cidade Na manhã do dia 22 (quartafeira), o setor de Fiscalização da Prefeitura Municipal, juntamen-

te com a Polícia Militar de Itararé, esteve no centro da cidade realizando uma blitz de sons

automotivos. O principal objetivo da ação é conter os carros e motos propaganda, além de veículos particulares que circulam com som alto, com volume dentro dos limites estabelecidos pela Lei de Perturbação de Sossego. A multa para motoristas que desrespeitam a lei e ultrapassam o limite estabelecido de volume de som para áreas centrais é de R$622. Esta é a quarta blitz de som realizada no munícipio desde o início de 2013. “É uma ação conjunta. Como a prefeitura não possui o equipamento decibelímetro, a PM faz a medição e o auto de infração para os veículos que estiverem fora dos limites estabelecidos. Essa já é a quarta vez que realizamos uma ação dessas devido a grande quantidade de reclamações de veículos que abusam do volume sonoro, principalmente em carros-propaganda, aqui no centro da cidade” disse o responsável pelo setor de Fiscalização Municipal, Sr. Autair de Jesus Gati. “Depois que nós começamos a realizar com mais frequências essas blitz já diminuiu bastante o numero de notificações por

abuso de som aqui na cidade”, completou. De acordo com a PM o limite de som permitido pela lei é de 80 decibéis, medidos a uma distância de 7 metros do veículo. Porém, devido a poluição sonora presente em horário comercial, há uma tolerância de 10 decibéis para ser realizada a autuação. Sendo

assim, se o equipamento decibelímetro marcar mais de 90 decibéis com a passagem do veículo de som, o motorista será autuado e multado. Todos aqueles que apresentarem números abaixo de 90 estão dentro do limite estabelecido perante a PM. Já de acordo com a legislação municipal, o limite de nossa cidade é de até 75

decibéis durante o dia, e de até 60 durante a noite, o que significa que, acrescentando a tolerância de 10 decibéis devido aos ruídos externos, perante a fiscalização municipal, os automóveis ou carros que estiverem com volume maior do que 85 durante o dia já podem receber auto de infração da fiscalização.

Guarda Municipal de Itararé recebe doações para o município de Itaóca A Guarda Civil Municipal de Itararé em um ato de solidariedade aos moradores de Itaóca, está realizando a arrecadação de itens para serem doados à população do município, que na última semana foi devastado pelas chuvas.

A arrecadação está em curso desde o dia o último dia 14 e até o momento foi recolhida cerca de meia tonelada de alimentos não perecíveis, além de cobertores, produtos de higiene pessoal, produtos de limpeza e quatro fogões a gás.

Os produtos já recolhidos serão transportados pela própria GCM até o município, porém aguarda o contato da Secretaria de Promoção Social de Itaóca para realizar o transporte, pois segundo consta, o município não possui alocação

Notas da GCM ATROPELAMENTO NO CENTRO DA CIDADE No dia 17 de janeiro de 2014, por volta 14h20, Guardas Civis Municipais que encontravam-se de serviço na Praça São Pedro foram informados por populares que uma pessoa havia sido atropelada por um motociclista nas proximidades do nº 1338. No local, a vítima se encontrava na calçada queixando-se de dores nas pernas e o condutor da moto aguardava o socorro no local do acidente. Após avaliar a situação, os GCMs decidiram socorrer a vítima, pois a mesma sofreu apenas ferimentos leves, escoriações nas pernas e membros superiores. O condutor foi encaminhado à Delegacia de Polícia para registro da ocorrência e providências da autoridade competente. PORTE ILEGAL DE ARMA BRANCA No dia 18 de janeiro de 2014, por volta da 00h15, uma equipe da Guarda Civil Municipal desconfiou de 04 indivíduos que caminhavam

pela Rua Antônio J. Luciano de Melo. Após busca pessoal, os GCMs encontraram com um dos rapazes, uma faca, o qual, após pesquisa realizada através do sistema Prodesp, apurou-se que o mesmo havia saído recentemente da Cadeia Pública de Itapeva e, segundo ele, estava portando a faca por segurança, pois alegava estar sendo ameaçado. Diante disso, o rapaz foi encaminhado à Delegacia local onde a Autoridade Policial tomou as providências de praxe. JOVEM É AGREDIDO POR DOIS INDIVÍDUOS NO CENTRO DA CIDADE Na data de 18 de janeiro de 2014, por volta da 01h15, uma equipe da GCM recebeu uma denúncia de funcionários de um Posto de Combustível no centro da cidade de que dois indivíduos haviam agredido um rapaz com socos, chutes e pontapés no rosto. Os suspeitos foram localizados no próprio Posto de combustível e após indagados a respeito, confirmaram a agressão, alegando que se tratava de desavença antiga. A vítima foi socorrida imediatamen-

te até o pronto Socorro, pois estava bastante ferida e os averiguados foram conduzidos à Delegacia de Polícia onde o ocorrido foi registrado para futura apreciação da autoridade competente. PORTE/USO DE ENTORPECENTE, DESACATO E DESOBEDIÊNCIA. No dia 20 de janeiro de 2014, por volta da 00h10, uma equipe da GCM se dirigiu até a Praça Vincenzo de Donno onde, segundo denúncia, um grupo de 04 indivíduos estariam fazendo uso de entorpecente no local. Após localizado o grupo na referida Praça, todos foram submetidos à busca pessoal sendo encontrado na grama, ao lado de um deles, uma pequena quantidade de erva esverdeada aparentando ser maconha. Ao ser indagado a respeito, o rapaz começou a ofender a equipe GCM com palavras de baixo calão. Em razão disso, o indivíduo foi conduzido à Delagacia de Polícia e autuado por desacato e desobediência.

para armazenamento dos produtos, visto que todo espaço está sendo utilizado para alojar os desabrigados. A GCM informa que foram recebidas doações de roupas e essas foram doadas para a Secretaria de Ação Social de Ita-

raré e para os Voluntários de Itararé no Combate ao Câncer (VICC), devido a falta de local para armazenamento de doações na cidade de Itaóca. Os interessados em doar devem se dirigir a sede da Guarda Municipal, localizada

à Rua Sebastião Jacopetti, 440, antiga Estação Ferroviária de Itararé. Lembrando que os itens de necessidade imediata são: alimentos (não perecíveis), produtos de limpeza, produtos de higiene pessoal e botijões de gás.

Preso indivíduo que portava porção de crack Na noite de quinta-feira (23), por volta das 23h30, soldados da Guarda Civil Municipal estavam realizando patrulhamento pela Praça Renata Guimarães, em Itararé, quando

se depararam com um indivíduo de atitude suspeita. Ao perceber a presença dos GCM´s o sujeito descartou 1 pedra de crack no gramado da praça e empreendido fuga.

O mesmo foi capturado e, após realizarem a abordagem, foram confiscados R$66 em dinheiro e a porção de droga encontrada. O indivíduo foi preso em flagrante.


06

29 de janeiro de 2014

Secretaria do Meio Ambiente apresenta laudos da CETESB sobre Aterro Municipal A Secretaria de Habitação e Meio Ambiente de Itararé apresenta laudos de vistoria técnica realizado pela Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (CETESB), realizado no último dia 15 e informa que desde o início da atual administração, tem buscado fazer todos os esforços para que o Aterro Municipal funcione de forma correta. Conforme o arquiteto Antonio Robson Ferreira, secretário da pasta, quando a Secretaria foi assumida, no início de 2013, a situação do local era de estagnação e daquele momento em diante as ações tem sido constantes como comprovação os laudos emitidos pela certificadora. “A verba destinada à manutenção com máquinas absorve mais de 50% da dotação da Secretaria e recebe total atenção dos colaboradores no sentido de prestar um bom trabalho. Conforme determinação dos

informações sobre a área em questão. A Secretaria destaca que no dia 21 de janeiro foi realizada mais uma coleta de chorume e

manuais de gerenciamento de áreas destinadas a aterros sanitários e como medida de controle é vedada a entrada de pessoas estranhas desde que pos-

suam autorização expressa da Secretaria responsável, com exceção a membros da Edilidade e técnicos da CETESB que tem livre e total acesso”, disse Fer-

o destino deste resíduo é a cidade de Itapetininga, para uma Estação de Tratamento de Esgoto certificada para recebimento deste material.

reira. Para que se identifique a lisura dos procedimentos a Secretaria de Habitação e Meio Ambiente está à disposição de qualquer cidadão para prestar

Buracos no asfalto são reparados nos bairros da cidade O ano começou com a administração voltada para a situação da pavimentação municipal. Ano passado os serviços de tapa-

buracos foram veementemente criticados pela população e pelos vereadores por não apresentarem bons resultados após os

reparos, surgindo problemas como piche derretido e massa asfáltica amolecida grudando nos pneus dos carros e nas solas de sapatos. Este ano, porém, segundo o Secretário de Planejamento, Sr. Colturato, medidas foram tomadas e uma nova organização foi desenvolvida para assegurar a eficiência nos trabalhos de tapa-buracos. O Secretário também informou que a partir de abril iniciarão as pavimentações em trechos de terra, pois é a época em que são liberadas as verbas parlamentares. ·Nas fotos, serviços de tapa buracos sendo realizados na Rua Manoel Caetano Martins, Vila Osório.

Casa do Comerciante é o lugar de confiança do empresário de Itararé A Casa do Comerciante é um estabelecimento comercial que oferece toda a assistência necessária que o proprietário de loja necessita. Com prestações de serviço de manutenção de equipamentos, desde manutenções preventivas até reparação, a Casa do Comerciante é o local ideal para confiar os bens de seu estabelecimento. Segundo o proprietário Marcos Vinícius Ferraz, a manutenção preventiva é fundamental para todo comerciante que deseja economizar e zelar de seu maquinário, principalmente os maquinários de alto custo. Esta manutenção deve ser feita no equipamento, no mínimo, a cada 6 meses, dependendo da frequência de uso do mesmo, para impedir que o equipamento sofra estragos futuros e necessite de uma futura e complicada reparação. Segundo Marcos, os comerciantes que se preocupam com a manutenção pre-

ventiva quase nunca são surpreendidos com a quebra ou estrago de seus equipamentos. Além de serviços de manutenção, a Casa do Comerciante é revendedora autorizada de diversas marcas cobiçadas pelos comerciantes como Filizola, Toledo, Sharp, Ramuza, Bematech, Elgin, Gelopar, Progás, Gural, C.A.F. e Sweda, e possui catálogos especiais dos produtos que são solicitados por encomenda diretamente do fabricante. Os produtos mais pedidos são impressora fiscal, cortadora de frios, caixa registradora, balanças, balcões refrigerados, tudo o que é necessário na parte de automação comercial. O diferencial da Casa do Comerciante é que é o único estabelecimento da região que possui cadastro no IPEM, Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo, e que pode assegurar uma efetiva e segura manutenção em balanças comerci-

ais, com selo de qualidade garantido pelo próprio IPEM. “Toda balança precisa ter um lacre. É obrigatório, pois o lacre assegura ao comerciante e ao cliente que a balança esta devidamente regulada e que nenhuma das partes esta sendo lesada na hora da pesagem. Toda balança, de todo tamanho, incluindo bomba de combustível, hoje vem com o lacre amarelo do IPEM. O proprietário destes equipamentos precisa realizar manutenções periódicas em seus equipamentos, pois caso os fiscais do IPEM passem em seu estabelecimento e encontrem uma balança ou bomba de combustível desregulada, a multa a ser aplicada é grande. Além da multa, os fiscais lacram o equipamento com um selo vermelho, que indica para o cliente que ele está desregulado, o que pode indicar que o cliente está sendo roubado. Nós aqui da Casa do Comerciante somos os únicos autorizados da região para fazer esta manutenção e garantir o selo de qualidade do IPEM. Quando um equipamento de pesagem recebe a nossa manutenção ele volta para o proprietário com o nosso selo azul, que tem o número de nosso cadastro oficial, e assim, proprietário e cliente estão assegurados de que o equipamento está bem regulado e nenhuma das partes está sendo lesada. É bom para os compradores ficarem atentos: Se a balança ou bomba de gasolina apresentarem lacre amarelo é porque é nova e ainda não foi feita ne-

nhuma manutenção; se tiver azul é que já foi feita uma calibração reguladora; se tiver um selo vermelho é porque ela não passou pela fiscalização do IPEM, porque está mal regulada e pode estar roubando o cliente. Roubando que nós falamos é quando vamos supor que o cliente pede 200 gramas de mussarela, dá este peso na balança, mas na verdade ele está levando 180, por exemplo. Caso o cliente perceba que está sendo utilizado um equipamento com o lacre vermelho, alerta. Os próximos meses, fevereiro, março, abril, são os meses que os fiscais do IPEM passam analisando todas as unidades de pesos e medidas do estado, com redobrada atenção nas cidades do interior, e é importante que todo comerciante fique atento

e leve sua balança para a manutenção. Tal medida simples pode evitar um grande prejuízo no bolso do comerciante, que além de ter que pagar a taxa de fiscalização de R$90, ainda pode ser multado em mais de R$2.000. Comerciante, regularize-se,

faça a manutenção de seus equipamentos e cuide de seu estabelecimento. Lembre-se: A Casa do Comerciante é o ponto de confiança dos comerciantes de Itararé e região, e está localizada na Rua João Batista Veiga, 167, centro de Itararé, perto da Rodoviária.


07

29 de janeiro de 2014

Córrego do Prata e Córrego Tatit apresentam situação irregular, diz secretário do Planejamento

O

s primeiros meses do ano são marc ados com os maiores índices de chuva. A região de Itararé não costuma sofrer tanto com enchentes e deslizamentos, se comparada com algumas outras cidades do país, p orém, é sempre nec essário um p lane jame nto para evitar possíveis tragédias maiores, como a ocorrida recentemente na cidade de Itaóca. Entrevistamos o Sec retário de Planejamento, Sr. Luiz Carlos Colturato, sobre o tema. Segundo ele, medidas especiais foram e continuam sendo tomadas em Itararé, porém, problemas mais antigos e crític os, como os relacionados aos córregos da cidade, ainda são um desafio para a administração. Confira: IN – Como a prefeiturade Itararé está s e prep arando para este período de fortes chuvas? Secretário – Normalmente não existe uma preparação específica, até porque nossa tipografia não privilegia problemas tão sérios como áreas quebradas, enchentes e deslizamentos, por e xemplo. N ós temos aqui bem poucos locais que apresentam problem as. Noss a maior preocupação este ano por parte das chuvas são os córregos, porque nossos córregos estão sem sofrer o processo de limpeza há muito tempo, e esse processo é complicado porque, por exemplo, no Córregodo Prata nós não podemos mexer, porque não temos a ou torga, a licen ça do

Meio Ambiente para fazer isso. Em função das chuvas, nós realizamos um processo de união das Secretarias de Meio Ambiente e Defesa Civil e elaboramos um documentodeclarando que nós teríamos que mexer no córrego por ser uma questãode risco para a sociedade. Este documento foi feito e, em breve, poderem os dar início à lim peza, pois a licitação terminou esta semana. Outroenfoque quando dá tempestades são as árvores e nós n ão temos muit o o que fazer quanto a isso, a não ser aquelas árvores que estejam já aparentando que têm riscos ou são muito ve lhas , com o foi o caso da Praça Coronel Jordão, ondenós cortamos algumas que estavam comple tamente ocas. Esse é um processo que não é só para o período dechuvas. Nós ainda não temos essa estrutura para toc ar a coisa com o deveria, pois a parte de árvores e jardins precisaria ter um serviço constante de cuidados e observação, mas a gente chega lá. A maior dificuldade que a prefeitura tem hoje é que existe um limite de recursos perante a lei para ser aplicados em pessoal. Se a prefeita estourar esse limite, que é de 54% do orçamento, ela sofre punição, processo administrativo e pode até perder o cargo. É uma coisa muito séria. E nós aqui em Itararé já estamos num limite bastante perigoso, passando de 50%. Então nós precis amos d e gent e em

várias áre as, mas não tem os como ampliar o pessoal. Essas são as principais dificuldades qu e precis amos ad ministrar. Mas como nós f elizmente não temos esses problemas de desmoronamento, de perda de moradias, temos apenas uma pequena quantidade de moradias construídas irregularmente na beira de córreg os, que são na verdade um problema de todo o país, eu acredito que com esse trabalhode limpeza de córregos já vai se e liminar bast ante o problema de focos de enchentes e também demosquitos, que é outro p roble ma sé rio ne sta época do ano.

Ônibus intermunicipal é gratuito para maiores de 60 anos em todo o Estado Um de creto as sinado n a última quart a-feira (22) pelo govern ad or Ge raldo Alc kmin prevê a res erva gratu it a de dois asse ntos p or ôn ibus d estin ados a pess oas m aiores de 60 anos. A gratu idade vale para viagens a qualquer cidade do Estado de São Paulo. Segu ndo a Lei 15.179/2013 se rá obrigatória a pres en ça dos dois assent os qu e ficarão à d isposição d os passageiros idosos e m cada um d os 2. 670 ônibus qu e ope ram e m 631 linhas de todo o Estado. “A única exig ência é qu e a pes soa pe ça a reserva 24 horas ant es e qu e e la ch eg ue

IN – Na última chuva várias árvores caíram n o C emitério Munic ipal. Func ionários d o local pediram à prefeitura que as árvore s mais an tig as s ejam cortadas. Esse pedido será entendido? Secretário - Para isso é preciso ter uma licença da Secretaria do M eio Ambiente. Se eles detectarem que as árvores estão realmen te oferecendo riscos, é autorizado. Não se pode simplesmente sair derrubando árvores, essa é uma decisão que precisa ser pensada e estudada. IN – E quanto aos bueiros da cidade?Será realizado algum serviço de limpeza e desobstrução?

Secretário – Já est á sendo feito. A equipe que está comigo daparte de tapa-buraco também faz es te s erviço, junt amen te com a equipe d a Secretaria de Se rviç os Gerais. H á bastan te tempo que isto n ão era feito, e esse é o tipo de serviço que não se pode achar q ue fez um a vez e te rm in ou, p rincipalm en te porqu e os bue iros ent op em com m uita facilidade nest e período de chuvas. Esse é um trabalho que tem que ser constante, t em que est ar sempre vistoriando. Mas nós já fize mos ess e trab alho e m vários bairros d a cidade, principalmente onde se encontram as ruas mais complicadas. IN – Em nossa cidade existem muitas áreas que apresentam riscos de enchentes? Secretário – Nós temos dois pontos mais complicados, que é o Córrego do Prata e o Córrego Tatit. O problema é que nós herdamos duas situações irregulares, devido a mudanças na lei, como, por exemplo, a proibição dos córregos entubados. Essa é a razão de nós não conseguirmos a outorga do Córre go do Prata, pois tem uma parte de seu leito que está passando em baixo do lago da c idade (Área de Lazer Miguel Jorge Fadel), de forma entubada, e como isso não é permitido por lei, enquanto não resolvermos isso não conseguiremos a licença necessária para tomarmos todas as providências necessárias para o local. Mas

estamos trabalhando nisso. O out ro problema é o “estrangulamento” que existe no Córrego Tatit. Ainda existe um trecho entubado que passa ali ao lado do Fron teira, e abaixo do Supermercado do Preto a saída de água não dá conta da demanda que cai neste córrego. Hoje o volume de água que chega àquele córrego é muito superior ao que c hegava antigament e, e o entub amento não está dando mais conta. Essa é uma coisa que precisa ser resolvid a, m as infelizmen te é um projeto caro, pesado e consequentemente para longo prazo. IN – Que orientações devem ser passadas à população quanto ao contato com águas de enchente? Secr etário – As águas de enchente não são nadalimpas e existe já um trabalho da Defesa Civil, onde uma das atividades da secretaria é alertar a população sobre os riscos desse tipo de ocorrência, fazendo um trabalho preventivo, principalmente com a população que vive perto desses córregos. A secretaria alerta a população e toma as medid as nec essárias c aso ocorra uma situação d e emergência, como transferir as pessoas, mas felizmente acho que nunca foi necessário em Itararé uma medida assim. Mas esse é um trabalho da Defesa Civil e felizmente nós não temos aqui em nossa cidad e muitas ocorrências de enchentes.

ITESP retomará os trabalhos na Vila Novo Horizonte A partir das próximas semanas o Instituto de Terras de São Paulo (ITESP) retomará os trabalhos já iniciados de Regularizaç ão F undiária da vila N ovo Horizonte. Essa é uma ação conjunta entre o ITESP e a Prefeitu-

ra Municipal de Itararé através da Secretaria de Habitação e Meio Ambiente. Os trabalhos fazem cumprir o Programa Minha Terra, que visa alcançar interesses comuns entre as partes, sobretudoo seu

desen volviment o sócio e conômic o. O convênio atende um todo de 675 unidades imobiliárias tendo a finalidade da emissão dos títulos de domínio aos moradores.

Prefeita visita Santa Cruz Prefeita e vereadores estiveram no distrito nesta quinta-feira, (23)

meia hora antes d o embarque. Não pre cisa te r carte irinh a,

não precisa ter nada, só m ostrar a id entidade para provar que tem m ais de 60 anos,” explicou o Governad or. Aind a f ic ou est ab ele cido que as e mpresas deverão reservar os as sent os em loc ais de fácil acesso para o emb arque e o desemb arque . Dec orrid o o prazo para a reserva, a com panhia pode vend er os bilh et es corre sp ond en tes aos asse ntos, m as enqu anto os lugares não fore m ven didos, os idosos podem requerer a g ratuidade, mesmo falt ando menos de 24 horas para o inicio da viagem . A lei prevê mu lta de 200 Uf esps (Unidade Fis cal do Estado de São Paulo), ou R$ 4.028, em caso de d escump rimen to. “Nós temos 645 municípios no Est ado. As pe ssoas vão poder conhecer municípios do litoral, e st ânc ias c lim áticas, re ligiosas, c ult urais, en fim, con hecer melhor tod o o Es tado de São Paulo. Além dist o, vão poder melhorar s ua qualidad e de vida, s ua saú de, visitar um amigo. É um a med ida de alcan ce social,” f inaliz ou Alckmin.

O Distrito de Santa Cruz dos Lopes recebeu no último dia 23, a visita da prefeita Cristina Ghizz i e dos ve readore s Willer Mendes, Lucio Mariano, João da Égua e Mara Galvão. A prefeita conversou com a população e rec olheu reivindicações. Seg undo C ristina são pedidos que podem ser atendidos a curto prazo. A chefe do Execu tivo tamb ém confe riu o trabalh o de pavimentação e a sinalização feita pela equipe do De partam ent o M unicip al de Trânsito (DEMUTRAN) que ajudará na segurança de motoristas e pedestres.

O vereador Willer Men des con ta que a pop ulação fez vários ped idos. En tre eles um parque p ara as crianças, um vig ia para a praça, guias e s arje tas, tamb ore s de lixo, um ve íc ulo para tran sporte s de pe ss oas at é It araré, f os sas sép ticas, iluminação no coreto, uma antena para intern et, ent re outros. O presidente da Associação dos M oradores do Distrito de Santa Cruz, José Maria da Silva, se disse honrado com a presença da prefeita que reafirmou a intenção de novos investimentos no local. Para José Maria,

morado há 10 anos no Distrito, muitas coisas foram realizadas em apenas um ano e disse estar dis posto a aju dar c om novas ideias e projetos. Para a prefeita Cristina Ghizzi, estas visitas são de suma importância. “A população merece umaatenção especial e nós estamos trabalhando neste sentido, sempre procurando estar presentes, emcada casa, em cada comunidade, escutando o que a população tem a dizer e reivindicar, assim poderemos avaliar o que se pode fazer para melhorar a qualidade de vida dessas pessoas”, explicou.


08

29 de janeiro de 2014

ETEC inicia o ano letivo com o novo curso de Logística e uma classe em Riversul

A

ETEC de Itararé foi inaugurada em 13 de fevereiro de 2011 e este ano está completando 2 anos em nossa cidade. Apesar de ser uma escola relativamente nova em Itararé, este ano mais de 600 alunos estarão desfrutando desta que hoje é considerada uma das melhores, e mais moderna, estruturas educacionais da cidade. Para este ano, duas importantes novidades foram conquistadas para a unidade: o curso de Logística e a Classe Centralizada em Riversul. Nossa equipe de reportagem esteve com a diretora da ETEC, Maria Luiza Côrtes Cavazotti, que nos contou como estão os preparativos para o início do ano letivo. Confira: IN – Como a ETEC está se preparando para este início de ano? Maria Luiza – É interessantíssimo porque estamos nos preparando para um ano diferente, o ano da Copa, até vamos buscar um foco educacional no patriotismo, no amor pela pátria, tendo um calendário diferenciado, respeitando o calendário nacional, que terá várias mudanças neste ano. Nós reiniciamos as aulas no dia 23, já com atividades diferenciadas, para que os alunos tivessem como sempre o devido acolhimento. E este acolhimento foi feito através de gincanas. É legal porque nós tínhamos dúvidas se os alunos tinham essa expectativa, ou se já chegariam dispostos à iniciar as aulas, com todo o conteúdo, os pro-

fessores, a disciplina, mas não. Além de tudo, foi importante oferecer esta integração entre as turmas e também entre a comunidade e os empresários, que também participaram. Ainda estamos aprendendo a fazer este modelo de aulas diferenciadas, porque todos os professores e funcionários estão tendo que romper com algumas experiências anteriores, mas todos os professores que nós temos estão correspondendo muito. IN – Quais as novidades que a escola está oferecendo este ano? Maria Luiza – A Classe Centralizada em Riversul é um grande foco, um desafio novo de uma escola de Ensino Fundamental, onde a prefeitura vai adaptar tudo o que for necessário para dar certo. Já estamos com uma estagiária lá e está realmente sendo muito legal. Lá vai funcionar uma classe centralizada do curso Técnico em Administração, esse é um curso básico para a formação de qualquer área do conhecimento de gestão e negócio, e nós estamos muito felizes também pelas pessoas que tiveram a ousadia de fazer o Vestibulinho e por começar com 40 novos alunos na cidade de Riversul. No eixo Gestão, nós precisamos atender as demandas e logística, pois é um setor muito crescente na empregabilidade. Este curso está sendo o marco de mudanças este ano. Houve uma procura grande, 4 para 1. Os nossos professores estão

se preparando para isso, alguns já tinham feito treinamento na logística portuária, e também já tínhamos pessoas dando aula de logística em outros cursos há alguns anos, então nossa equipe está preparada para este novo desafio de implantar o curso de Logística. IN – Qual a atual estrutura da ETEC de Itararé? Maria Luiza – O grande segredo é a preocupação não só com a acessibilidade, não só com a dignidade humana, mas acima de tudo uma praça de alimentação confortável, com qualidade, com o balcão térmico, com mais segurança e proteção na manipulação e higienização dos alimentos. Nós preparamos todos os ambientes para suportar o calor intenso, as dificuldades mesmo. Novas pinturas foram feitas, foi trocado todo o piso, estão chegando mais multimeios, a escola foi todinha decorada. É o Governo do Estado, a Prefeitura e todos nós reconhecendo que o dinheiro público tem que ser investido com qualidade. Está todo mundo encantado. Nós estamos muito felizes de ter gerado um dinheiro razoável de outubro a dezembro e de ter sido possível realizar neste período toda a reforma e adequação. Isso gerou uma renda muito importante em nosso município para os prestadores de serviço. Enfim, a escola está muito bonita, ficou tudo muito bom, nós temos bons parceiros de serviço aqui na cidade.

IN – E quanto à demanda do Ensino Médio Integrado, aumentou a procura? Maria Luiza – É emocionante dizer que a competição está grande, nós deveríamos estar crescendo mais ainda, já não temos mais salas de aulas para a demanda de 2015, mas o aumento da demanda é crescente porque era 1 sala em 2012, 3 em 2013 e 5 agora em 2014. Tem que ficar bem claro, registrado para toda sociedade, que nós não seremos capazes de atender mais do que uma turma só em 2015 se não houver um projeto de continuidade de expansão. Cabe à prefeitura e ao Governo do Estado continuar estudando a ampliação desta escola, porque as demandas existem, a comunidade quer. Registrando também que a Secretaria Estadual da Educação é brilhante,

também está fazendo seu papel, e o Instituto da Educação também está sendo reformado para o Ensino Médio Integral também. A única diferença é que nós somos profissionalizantes, e lá eles terão, de maneiras diversificadas, o Ensino Básico. IN – Qual o curso mais concorrido do ETEC de Itararé? Maria Luiza – O ETIM e Logística. Logística por ser um curso que está se iniciando agora, mas o ETIM mostra que os jovens querem estudar ensino médio integral, mesmo que seja um ensino de 38 horas semanais, eles querem. Eles querem se ocupar, eles querem estudar, querem se focar para melhorias na qualidade não só de formação básica mas acima de tudo ter uma oportunidade de profissionalização, mesmo aos 13, 14 ou 15 anos. Nós estamos muito

felizes de vê-los chegando de uma forma tão inocente, pois sabemos que os veremos saindo de uma forma muito mais madura, complementada. Em nome da nossa equipe, e de todos que trabalharam conosco aqui nas férias, pois nós fizemos um mutirão intenso para colocar tudo no lugar, contratamos serviços terceirizados para que o ambiente estivesse bem limpo, bem adequado neste início das aulas, nós queremos dar as boas vindas a todos e desejar um ótimo ano de estudos. O Itararé News está aqui e é testemunha de tudo o que nós fizemos de diferente entre dezembro e janeiro. O destaque dessa reportagem não só deve ser a comunidade escolar, mas acima de tudo os funcionários e profissionais que prepararam tudo isso.

Garamave: a tradicional auto mecânica da cidade Quando se fala em comércio tradicional, não tem como a Garamave Auto Mecânica ficar de fora. Passada de pai para filho, a oficina hoje conta com dois pontos de atendimento na cidade, sendo um localizado em frente à Praça do Divino e outro à Rua João Mariano Ribas, 1516, na Vila Osório. Atualmente o ponto em fren-

te à Praça do Divino tem funcionado mais como ponto de desmanche de peças, enquanto o ponto na Vila Osório oferece serviços automotivos variados como funilaria, pintura, auto mecânica e borracharia, incluindo venda de pneus. A Garamave é a única oficina que tem a licença para a realização de des-

manches de carros na cidade e assim todas as peças de desmanche compradas no local são legalizadas e asseguradas. O proprietário, Sr. Elielson Vieira Apóstólico, por ter nascido e se criado no meio dos automóveis, decidiu seguir os caminhos abertos pelo pai, que montou a primeira loja Garamave na cidade há quase 50 anos. Hoje, a oficina conta com um grande número de clientes fixos, além de conquistar novos

a cada dia devido a qualidade na prestação de serviços, a simpatia do proprietário e as ótimas condições de pagamentos. “Eu gostaria principalmente de agradecer a todos os nossos fregueses, tanto os mais antigos, que confiam no nosso serviço há anos, quanto os mais novos, que a cada dia aparecem e depositam sua confiança em nosso trabalho. Eles são o motivo de termos chegado até aqui. Obrigado!”, finalizou Elielson.


09

29 de janeiro de 2014

Ano letivo de 2014 teve início nesta segunda-feira Confira entrevista exclusiva com a Secretária da Educação

N

esta segunda-feira (27), se is m il e d uz en tos alunos iniciaram as aulas nas 27 unidades escolares da re de municipal de en sino. Para preparar este momento a Secretaria Municipal de Educação, juntamente com diretores, coordenadores, professores e fu ncionários s e organ izaram durante todo o período de férias p ara rec eber os alunos da melhor form a possível. Algumas unidades escolares do nosso munic ípio passaram por reformas, pinturas e manutenções gerais. Na sexta-feira (24) antes do início das aulas tod os os profe ssore s municipais foram reu nidos para um convívio e uma palestra motivac ional, que abord ou te mas como as novas d iretrizes educacionais que passaram a nortear o trabalho do docente nos últimos anos. Uma boa notícia é que a Escola do Con vento fin alme nte conseguiu as condições necessárias para continuar em funcionam ento. A mobilização dos pais foi fundamental para esta conquista, assim como o apoio dos func ionários, autoridades políticas e empresários que ajudaram no “Livro de Ouro” desenvolvido para a escola. A Escola do Convento, já tradicional em nossa cidade, até o ano passado não tinha condições de receber o AVCB para funcionar em 2014, e através da mobilização popular reformas foram feitas e agora a escola encontra-se novamente em condições de rece-

ber os alunos. Segundo a Secretária de Educação, Sra. Maria Aparecida Damásio, novidade s estão planejas para acontec er est e an o. Confira a entrevista completa à seguir: IN - Como a Secretariase prepara para a volta às aulas? Secretária - Nesta segundafeira 27/01 seis mil e duzentos (6200) alunos iniciarão as aulas em 27 unid ades es colare s da rede municipal de ensino. A secretaria municipal de educação, diretore s, coordenadores, professores e funcionários prepararam alguns aparatos para receber esses alunos. As escolas receberam pintu ra interna, alguns reparos, manutenção geral, bem como mobiliários, utensílios, equipamentos d e informática para melhor acolher nosso corpo discente, docente, profissionais da educação e toda

equipe escolar. IN - Realmente aconteceu o remanejamento de alguns alunos conforme proposto no ano passado? Secretária – Sim, o remanejamento foi nec essário em virtude de um espaço físico mais adequado para os alunos menores do Pré ao 5º ano, o que nos motivou essa mudança. Os alunos não terão dificuldades com a adaptação, uma vez que a mudança se deu apenas do espaço físico, permanecendo os mesmos colegas, professores e funcionários. Assim, a Escola Municipal Pres id en te Ju sce lino Kubitschek de Oliveira atenderá alunos do 6º ao 9º ano e EJA e a Escola Municipal Prefeito Eugênio Dias Tatit alunos do pré ao 5º ano. IN - Em relação aos alunos especiais, como vocês se preparam para realizar a inclusão?

Transporte escolar: Seu filho merece segurança! Nenhum pai e/ou mãe gosta de deixar a segurança dos filhos nas mãos de terceiros , porém com os afazeres muitas vezes é preciso contratar outras pessoas e/ou empresas para fazer o trabalho, e isto é bem comum quando falamos de transporte esc olar. Para ter certeza que seu filho será le vado com segurança, é preciso muitaatenção nahora de contratar o transporte escolar para as crianças. Gastar um poucomais de tempo e escolher bem o prestador do serviço vai garantir a segurança e o bem estar de filhos e pais.  Nem sempre os veículos que fazem transporte escolar estão autorizados a prestaresse tipo de serviço. Nas fiscalizações, é comum encontrarmicroônibus sem condições detráfego e motoristas sem a documentação necessária. Por isso, a primeira coisa a ser feita é verificar se o motorista e o veículo são credenciados junto à Prefeiturapara evitaro usode clandestinos. O credenciamento significa que ele atende a uma série de requisitos para garantira segurançadas crianças e pode ser atestado pela existência de um selo, que deve ser colado no canto superior direito do pára-brisa. Os pais devemconferir se ele existe e se está atualizado. O fornecedor dessaespécie de serviço deve respeitar as regras do Código Nacional de Trânsito (arts. 136 a 139, da Lei 9.503/97), além da legislação do seu município.  O Código Nacional de Trânsito determina que os veículos destinados à condução coletiva de escolares devem ser autorizados pelos Detrans, atendendo aos seguintes requisitos:  1) registro como veículo de passageiros;  2) inspeção duas vezes ao ano, para verificação dos itens obrigatórios e de segurança;  3) uma faixa amarela com a

inscrição “ESCOLAR”, à meia altura e em toda a extensão das partes laterais e traseira da carroçaria; 4) equipamento registrador instantâneo inalterável de velocidade e tempo;  5) lanternas de luzbranca, fosca ou amarela dispostas nas extremidades da parte superior dianteira e lanternas de luz vermelha, na extremidade superiora da parte traseira;  6) cintos desegurança em número igual à lotação do veículo. A autorização do Detran deve ser afixada na parte internado veículo, em local visível, contendo o número máximo de passageiros permitido pelo fabricante, sendo proibida a condução de escolares em número superior.  O condutor do veículo, por sua vez, deve obrigatoriamente:  1)ser maiorde vinteum anos;  2) ser habilitado na categoria D;  3) não ter cometido nenhuma infração gravíssima, ou ser reincidenteem infrações médias durante os 12 últimos meses;  4) ser aprovado em curso de especialização.  Os cuidados com o transporte escolar dos filhos vão além da checagem das condições do veículoe da documentação pessoal do motorista. O ideal é que os pais façam um contrato com o pres tador d e serviço para ter certeza do que está sendo ofere-

cido e poder cobrar depois. É aconselhável que os pais possuam o endereço e telefone do motorista. Outra dica é observar, se possível, como o motorista recepciona as crianças na porta da escola. Além disso, os pais devem verificar as condições internas da condução para observar higien e, conforto e a existência de cintos de segurança, por exemplo. Os pais devem se informar também se oserviço écobrado durante os meses deférias eainda se será prestado fora dos meses normais, em caso de recuperação do aluno. Toda e qualquer dúvida deve ser tirada com antecedência eé importante que tudo o que for combinado esteja escrito no contrato: horário e endereço de saída e chegada; períodode vigência;valor da mensalidade; data e forma de pagamento; índice e forma de reajuste, se o contrato for por prazo superior a um ano; percentual de multae encargos por atraso no pagamento; condições para rescisão antecipada, como uma eventual multa, por exemplo.  O transporte escolar coletivo prestado em desacordo com as normas indicadas é considerado viciado (art. 20, § 2º, do Código de Defesado Consumidor),dando direito ao consumidor à restituição da quantiapaga, monetariamente atualizada, ou o abatimento proporcional do preço.

Secretária - Atualmente nas escolas do nosso município funcionam 10 salas d e re curs os multifuncionais com mobiliários, materiais didáticos, recursos pedagógicos e de acessibilidade e equipamentos específicos doados pelo Ministério da Educação. Os professores têm a formação para atender o público-alvo da e ducação e spec ial com recursos acessíveis e o desenvolvimento das práticas de ens ino e ap rend izag em p ara atender as espe cificidades de cada um. O atendimento educacional especializado - AEE é um complemento da escolarização e não s ubs tit uto. C on tam os também com o Centro de Atendim ento Educac ional Espe cializado de Itararé (CAEEI) que realiza avaliações e atendimento nas seguintes áreas: psicológica, psicopedagógica, fonoaudiológica e n eu rop ediát ric a,

ap ós avaliação e d iagn óstico chamam os pais para esclarecer sobre o resultado do processo de avaliações, e mitem relatórios que subsidiam a escola e diante de ste resultado definem quais os procedimentos a serem adotados . Os profissionais do centro e stão à disposição das escolas para os esclarecimentos necessários durante todo o ano le tivo. IN - Quais são os principais projetos que e stão em pauta este ano? Quais serão as prioridades da Educação? Secretária - Os projetos pedagógicos que aconteceram em 2013 te rão continuidade em 2014: - O Programa Mais Ed ucação atenderá 10 escolas quase a tot alidade no Ensino F undament al. – O Projeto Judô será uma novidade nas escolas neste ano de 2014, a modalidade será oferecida em contra turno. As prioridades: – Bu sc ar parc erias c om fun dações p ara form ação de professores. – Invest ir na capac itação de educadores através de cursos, treinamentos e oficinas. IN - Como ficou o calendário escolar para este ano? Em decorrência da Copa do Mundo, a férias realmente mudam para o mês de junho? Secretária - Uma novidade neste ano da Copa do Mundo é a antecipação do início das aulas (27/01) e das férias de 12 de junho a 12 de julho, período de

realiz ação dos jogos, salientamos que mesmo havendo modificações no calendário escolar cu mpriremos os 200 dias letivos, não onerando o aprendizado dos alunos. IN - Ano passado houve um movim ento dos pais qu e tem seus filhos estudando na Escola do Convento e que não queriam que a escola fosse desativada. Houve reuniões e eles decidiram que efetuariam as reformas necessárias, com a ajuda de vereadores e empresários, para a escola conseguir o AVCB, já que a prefeitura não poderia investir no local, por ser propriedade particular. A senhora esta sabendo se tal atitude está dando certo? Teremos enfim a Escola do Convento em funcionamento em 2014? Secretária - A construção da Escola Nossa Se nhora de Fátima está dando certo. Uma sala já foi construída e nos próximos dias inicia-se a const rução da segunda sala. Atitude brilhante essa que oferecerá mais conforto aos 190 (cento e noventa) alunos lá matriculados. A ajuda e o empenho da população foi fundamentalpara que essa construção se concretizasse. IN - Como atual responsável pelaSecretaria da Educação, tem alguma mensagem que a senhora deseja deixar à população?  Secr etária - A S ec re taria Municipal de Educação deseja as boas-vindas a todos, um excelente retorno e um ano pleno de alegria, amor, luz, paz, entusias mo.

Polo Regional Escola da Beleza forma mais uma turma Na próxima terça-feira, 28, será realizada a formatura de 40 alunas que se capacitaram no Centro de Formação Profissional – Polo Regional Escola da Beleza. A escola é uma parceria entre a Prefeitura deItararé, através do Fundo Social de Solidariedade de Itararé (FSS) e o Fundo Social do Estado de São Paulo. A gestora do Polo, Selma Valim Almeid a Koyam a, inf orma que esta é a segunda turma e um novo grupo de alunas está sendo formado nos dias 30 e 31 de janeiro (inscrições abertas). As aulas tiveram início no dia 18/11. Devido o recesso, a formatura ficou para o final de janeiro em quatro cursos: assistente de cabeleireiro, depilação e designer de sobrancelha, manicure e pedicure, e maquiador. O programa cont ribui para geração de emprego erenda das alunas participantes. Todos os equipamentos e materiais utilizados nas aulas foram adquiridos por meio desta parceria. “Sabemos que o ramo da beleza cresce muito no nosso país, prova disso é o au-

mento ano a ano do faturamento das e mpresas d e cosmét icos, mais crescentes do quede outras empresas de ramos diferentes. Isso mostra que o mercado possui inúmeras oportunidades, basta estar capacitado e aproveitar as chances”, concluiu a gestora. A formatura irá ocorrer no Teatro Sylvio Machado . Participarão do evento a Prefeita Cristina Ghizzi, a Presidente do Fundo Social (FSS), Celia Greczuk de Donno, a Secret ária Municipal de Assis tência Social, Barbara

Lechinsk Cardoso de Camargo, o Gestor de Projetos do FSS, Gilson Antonio Camargo, autoridades e familiares das alunas. Uma nova turma de alunas do Polo Regional da es cola de beleza terá início no dia 10 de Fevereiro. Maiores informações podem ser obtidas pelo telefon e (15) 3531 – 4164 ou através do e.mail: escoladebeleza@ itarare.sp.gov.br O Polo Regional Escola da Beleza está situado na rua Amazonas Ribas nº 81, centro, Itararé-SP.

Prorrogadas as inscrições para o início da temporada esportiva Devido à resposta das cidades vizinhas qu anto à participação no Torneio início de Temporad a 2014, a Coordenadoria Municipal de Esportes de Itararé prorrogou as inscrições até o dia 31 de janeiro. As modalidades são: Futsal, basquete, vôlei, damas, xadrez, tênis de mesa, atletismo (corridas) e corrida rústica. Em todas as modalidades serão oferecidas competições masculinas e femininas. Para a inscrição, a equipe ou atleta deverá doar 1 kg de alimento n ão perecível q ue será destinado à Santa Casade Mise-

ricórdia De Itararé. Nesta competição não será cobrada taxa de inscrição ou de arbitragem. As fichas de inscrição estão disponíveis mediante a entrega

dos alimentos na Coordenadoria de Esportes,na rua Dr. Pedro De Ale ncar, 427 das 8:00 às 17: 00. Maiore s in form aç õe s pelo fone: 3531-3163.


10

29 de janeiro de 2014

“A acupuntura é eficaz no alívio da dor e da depressão”, afirma Dra. Mara Amélia

A

acupuntura foi criada há mais de 2 milênios e teve sua origem na Medicina Chinesa. Sendo um dos tratamentos médicos mais antigos do mundo, essa ciência consiste na estimulação de pontos específicos sob a pele, através do uso de agulhas, sementes, pedras e até mesmo laser. Cada ponto é rico em terminações nervosas que estão ligadas diretamente com os órgãos do nosso corpo, e com isso a acupuntura é uma grande auxiliadora nos tratamentos de problemas físicos e emocionais. De acordo com a Medicina Tradicional Chinesa a técnica da acupuntura é capaz de ajustar os canais energéticos do corpo, promovendo o equilíbrio do organismo, desde que, é claro, seja feita por um bom profissional. Entrevistamos a fisioterapeuta e acupunturista, Dra. Mara Amélia Volpato Garcia, que nós explicou mais sobre essa ciência. A Dra. Mara atende na cidade de Itararé e a cada dia conquista novos adeptos do tratamento que são atraídos devido à rapidez com que se apresentam os resultados e também por não ser necessária a utilização de medicamentos. Confira a seguir:

prias da China, que são utilizadas para ajudar no tratamento com acupuntura. IN – De onde veio o desejo de aprender esta ciência? Dra. Mara – Eu comecei a sentir desejo de fazer o curso de acupuntura quando eu comecei a notar que algumas técnicas que nós utilizávamos na fisioterapia, principalmente para aliviar a dor, já não faziam efeito. Então eu tinha vontade de adquirir novos conhecimentos onde eu pudesse aliviar a dor dos pacientes, como dores de hérnia de disco, cervicobraquialgia, as doenças crônicas. Então eu busquei na acupuntura essas técnicas e realmente elas funcionam muito para dor. IN – Como funciona a acupuntura? Dra. Mara – O tratamento de acupuntura é variável, o tempo é variável, depende de indivíduo para indivíduo, de patologia para patologia. Alguns indivíduos fazem 4 ou 5 sessões e já respondem bem ao tratamento. Outros precisam fazer mais. Varia de acordo com a gravidade da sintomatologia. A acupuntura vê o indivíduo de uma forma diferente. Ela é uma técnica da Medicina Tradicional Chinesa, e como uma técnica ela se

IN – Qual é sua formação? Dra. Mara – Sou fisioterapeuta de formação e fiz um curso de pós-graduação em acupuntura com duração de dois anos. Depois eu fiz outros cursos de especialização em acupuntura estética, de auriculoacupuntura, que é a aplicação de agulhas e sementinhas na orelha, e fiz também um curso de fitoterapia chinesa, que está relacionado ao uso de ervas pró-

utiliza de agulhas que são inseridas nos pontos de acupuntura que existem em nossos corpos. Esses pontos estão relacionados aos órgãos internos, então através do estímulo desses pontos nós atingimos esses órgãos, e que vão agir também no sistema nervoso central, endócrino, imunológico e sobre o emocional. A acupuntura integra o indivíduo entre corpo e mente, ou seja, existe uma integração no

tratamento entre os sintomas emocionais e físicos. IN – Quais as principais técnicas de aplicação? Dra. Mara – A principal técnica da acupuntura, como o nome já diz, “acus” vem do grego “agulha”, é a utilização da puntura de agulhas em determinados pontos específicos. Mas existem também outras técnicas associadas a esse princípio, que pode ser o uso de laser para estimular esses pontos; o uso de digitopuntura que é a pressão sobre esses pontos; o uso de mocha que é um bastãozinho com artemísia, uma erva própria da China, onde nós aquecemos os pontos; o uso de stiper que hoje está muito em voga, que são pastilhas de silício que nós colocamos no ponto. O silício tem o objetivo de equilibrar o ponto, e age também sobre todo o organismo. Essa pastilhinhas nós colocamos e deixamos no ponto por até 5 dias. Nós a usamos muito em crianças, que não aceitam as agulhas, e em pessoas muito debilitadas, como os idosos ou doentes terminais, para aliviar os sintomas de dor e harmonizar o sistema orgânico. IN – Existe alguma contraindicação? Dra. Mara – Não há contraindicação. Qualquer pessoa pode fazer acupuntura, só que ela não deve deixar seus tratamentos convencionais. Por exemplo, uma pessoa hipertensa vem fazer acupuntura para ajudar a melhorar a hipertensão, mas ela não deve, de imediato, deixar de usar os medicamentos convencionais. Ela dará continuidade ao tratamento da medicina ocidental, com o médico que ela vem fazendo, e se utilizará da acupuntura como um tratamento complementar. Em muitos casos as pessoas acabam ficando sem esses medicamentos porque realmente melhora, mas eu não aconselho que abandone de imediato. IN – Existe uma idade mínima para se fazer esse tratamento? Dra. Mara – Não. Qualquer criança, bebê, pode fazer. Lógico que daí nós não usamos agulhas, e sim as outras técnicas como massageamento do ponto, as sementinhas de mostarda, etc. IN – Quais os casos mais frequentes que chegam ao seu consultório? Dra. Mara – Como minha formação é de fisioterapeuta, os casos mais frequente que chegam até mim são os relacionados à minha profissão, como as

dores crônicas, dores de coluna, artrites, artroses, bursites, problemas respiratórios. Mas também há uma grande procura dos casos emocionais, como depressão, síndrome do pânico, ansiedade, stress. Até esquizofrenia nós conseguimos ajudar com a acupuntura. IN – Em quanto tempo o tratamento com acupuntura começa a apresentar efeito? Dra. Mara – Na primeira aplicação o paciente já começa a sentir a diferença. A durabilidade do tratamento depende de cada caso, da gravidade, do nível de dor e da capacidade também que cada organismo tem de se recuperar. Umas pessoas têm mais essa capacidade do que outras, e há alguns fatores que aumentam essa capacidade. Quando uma pessoa vem para uma avaliação, para fazer um diagnóstico, eu já oriento quanto à qualidade de vida, qualidade de alimentação, atividade física, sono. Porque para a Medicina Chinesa a alimentação, sono, uma rotina diária, interfere no tratamento, já é um início do tratamento. IN – Algumas pessoas têm receio deste tratamento, pois geralmente agulhas estão ligadas à sensação de dor. A acupuntura dói? As agulhas são diferentes da que as pessoas estão acostumadas a encontrar nos consultórios? Dra. Mara - A agulha de acupuntura não é uma agulha de injeção, ela se parece mais com um alfinete. Ela tem um cabo onde nós seguramos e depois a agulha propriamente dita. Ela é bastante fina, leva um banho de

silicone para ficar mais fácil a introdução e incomodar menos, e tem em diversos tamanhos, de acordo com a área que vai ser tratada e o objetivo a ser atingido. A parte inserida na pele é realmente milímetros apenas, então não chega a provocar dor propriamente dita, às vezes o que o paciente sente é uma sensação diferenciada, tipo choquinhos leves, uma pequena ardência. Isso se dá porque o ponto de acupuntura é rico em terminações nervosas, porque essas terminações é que vão fazer a sinapse até o sistema nervoso central para estimular. Mas de qualquer forma é uma sensação muito menos intensa do que uma injeção, é algo leve e varia muito de ponto para ponto, de pessoa para pessoa. IN – Qual o maior desafio da sua profissão hoje? Dra. Mara – Eu acho que o maior desafio ainda é a aceitação pela população. Algumas pessoas acham que a acupuntu-

ra dói, outras acham que é bobagem, outras acham que é feitiçaria, existe isso, então o maior desafio ainda é as pessoas conhecerem mais, terem a curiosidade de se informar acerca desta medicina alternativa. Conforme aumenta o número de bons profissionais atuando na área, o conhecimento acerca desta ciência consequentemente aumenta, mas ainda existe bastante resistência, inclusive pelos profissionais da área da saúde. Alguns aceitam como medicina alternativa e outros não. Mas hoje a acupuntura é uma ciência que está sendo cada vez mais divulgada e está tendo cada vez mais a procura da população. Caso haja o interesse de experimentar o tratamento com acupuntura, a Dra. Mara atende na AVOS (3531-5615), às segundas, quartas e sextas-feiras à tarde, e na Prodonto (3532-3232) às terças e quintas-feiras à tarde.

Lar São Vicente de Paulo promove Campanha Banho Legal para arrecadar produtos O Lar São Vicente de Paulo de Itararé deu inicio nesta semana a Campanha Banho Legal

2014 e tem o objetivo de arrecadar produtos de higiene pessoal para a utilização dos ido-

sos. A diretora do Lar, Tatiane De Donno, diz que o asilo está precisando de sabonete, creme hidratante para o corpo, desodorante, barbeador e papel higiênico. Para participar da Campanha basta fazer doações dos produtos e leva-los ao Lar São Vicente. Aqueles que ajudarem ao asilo estarão concorrendo a uma Bicicleta e vários brindes oferecido pela MMMercado Móveis de Itararé-SP, no dia 11 de Março de 2014. Participe! Sua ajuda é muito importante. A Diretoria do Lar São Vicente de Paulo e os idosos agradecem sua solidariedade. Para outras informações, favor entrar em contato com Gilson ou Sueli, através do telefone (015) 3532-1097.


11

29 de janeiro de 2014

Coordenadoria de Esportes promove treinos de futebol e Escolinha de Damas e Xadrez A Coordenadoria de Esportes de Itararé inicia o ano de 2014 promovendo duas atividades especiais destinadas aos amantes do esporte. A primeira são os Treinos de Iniciação no Futebol, dirigidos pelo professor Maurício Gomes Pinheiro e a segunda é a Escola de Damas e Xadrez, cujo responsável é o professor Adolfo Pereira Da Silva Filho. Saiba mais sobre cada uma das atividades, e do histórico dos responsáveis a seguir : Treinos de Iniciação de Futebol – Maurício, mais conhecido como Tuchê está na coordenadoria de esportes desde 1987 e é bem conhecido pelo trabalho que vem desenvolvendo a muito tempo na cidade de Itararé/SP. Sua área de atuação é o futebol e futsal. O primeiro contrato com a Prefeitura aconteceu de 21 de abril de 1987 até 16 de fevereiro de 1991; após este período o mesmo retornou em 23 de abril de 2004 e até hoje é funcionário da Cooresp. Maurício tem em seu curriculum os seguintes cursos: Curso Técnico de Papel e celulose, Curso de Capacitação para Profissionais não Graduados em Educação física, Curso Educa-

Professor de Futebol Maurício Gomes Pinheiro

ção Física em Licenciatura, Pósgraduação lato Sensu em Futebol e Futsal, Curso de Futebolmetodologia AUDAX SP E.C, Seminário: Introdução à Educação física e caracterização da profissão (Rio Claro/2004), Reasem – IX Seminário De Tecnologias de reabilitação e inclusão (2009), reciclagem de regras de futsal (2012) e Mestrando em Atividade Física. Gestão Esportiva e Treinamento Desportivo. Na temporada 2014 Maurí-

cio assume as categorias de base/iniciação na modalidade futsal. Você que tem interesse de estar participando das atividades serão muito bem vindos. Acompanhe os horários de treinamento: Local: Euclides Figueiredo – Futsal Iniciação Quarta – Sexta Das 09h às 11h Quarta – Sexta 14h às 16h Local: Lauro Loureiro De Mello – Futsal Iniciação Terça – Quinta Das 09h às

Cidade estará presente nos Jogos Regionais do Idoso em São Roque

A edição de 2014 dos Jogos Regionais do Idoso será na cidade de São Roque e acontecerá durante os dias 14 a 18 de maio. Itararé já se inscreveu e confirmou presença no evento esportivo. Esta competição é promovida pelo Fundo Social de Solidarieda-

de do Estado de São Paulo. O evento, que conta com apoio ainda das secretarias de Juventude, Esporte e Lazer, Educação, Saúde e Desenvolvimento Social, tem como objetivo promover a integração do idoso na sociedade, por meio de

atividades físicas e desportivas, sensibilizando a sociedade para as novas formas de participação desta parcela da população, valorizando e estimulando a prática esportiva, como fator de promoção da saúde e bem-estar das pessoas.

Itararé confirma participação na Copa Futsal de TV TEM 2014 O ano começa agitado no esporte de Itararé, pois além da realização do Torneio Início de Temporada, o Coordenador de Esportes, Denis Galvão Ribeiro

acaba de inscrever as equipes de futsal masculino e feminino na Copa TV TEM, edição 2014. Além da participação, o Coordenador enviou ofício solicitan-

do que a cidade de Itararé seja uma das sedes para esta competição. A parceria na modalidade feminina está mantida com o ARCI/ITARARÉ.

Professor de Damas e Xadrez Adolfo Pereira Da Silva Filho

11h Terça – Quinta Das 14h às 16h Escola de Damas e Xadrez Adolfo Pereira Da Silva Filho é a maior referência nos esportes de tabuleiro no município de Itararé. Teve seu primeiro contrato com a Prefeitura iniciado no dia 02 de junho de 1987. O mesmo obteve êxito no concurso público em 1999 no cargo de Instrutor Desportivo.

Antes de 1999 o mesmo prestava serviços como auxiliar de escritório no Semefer, atuando como anotador nos eventos realizados pelo setor. Adolfo, mais conhecido como Adolfinho, é formado técnico em Contabilidade, porém não trabalha nesta área desde 1979. Também tem formação de datilógrafo (não atuante). Em sua atuação dentro dos esportes de tabuleiro é damista desde 1968 e enxadrista desde

1986. Com diversos cursos na área é habilitado tanto em esporte de rendimento quanto na iniciação escolar. O instrutor tem em seu curriculum várias conquistas até em nível nacional. O destaque foi a conquista dos Jogos Abertos Do Interior em 1999 na cidade de Cubatão, na modalidade Damas. Como técnico conquistou também dois campeonatos nacionais de Damas (Individual), um paulista Damas (Individual), três de Xadrez Vice-Campeão do Mundo individual na firma de Engenharia de Curitiba, com jogos realizados na China. Você que tem interesse de aprender estes esportes que trabalham acima de tudo a concentração e o raciocínio, pode matricular-se na Escola De Damas e Xadrez promovida pela Coordenadoria De Esportes. Segue os horários das aulas: Local: Semefer Segunda-feira: Das 8h às 12h Segunda-feira: Das 13h30 às 17h30. Local: Clube Atlético Fronteira Terça-feira: Das 19h às 22h Sexta-feira: Das 19h às 22h O instrutor ainda atende o Projeto Da Assistência Social “Catavento” e da Guarda Mirim.

Copa Mercosul de Futebol de Base Organizador desaparece e o torneio infantil com mais de mil atletas é cancelado Uma competição de futebol que seria realizada em Conchas (SP) foi cancelada depois que a empresa responsável pela organização abandonou o evento. Com isso, mais de 67 grupos de jogadores, com idades entre 11 e 18 anos, ficaram sem os jogos e sem infraestrutura adequada. Os atletas chegaram na cidade no domingo (19) e permanecem no município. São mais de mil jogadores de diversas cidades de São Paulo, de outras cidades e também de países da América do Sul, como Paraguai e Chile. Os organizadores afirmam que cancelaram o evento porque a prefeitura, que deveria oferecer condições de alojamento, não cumpriu com o combinado. Houve falta de alojamento e chuveiros. De acordo com o árbitro Adilson Aparecido de Souza Oliveira, que havia sido contratado pelos organizadores da “3ª Copa Mercosul de Futebol de Base” para apitar os jogos, quando os atletas chegaram ainda não havia definição dos jogos. Eles ficaram no aguardo e nada foi resolvido. Na terça-feira (21), dois dias depois do prazo para o início das competições - marcadas entre os dias 20 e 25 - os responsáveis desapareceram e não deram nenhuma satisfação às pessoas contratadas e às equipes. O cidadão itarareense Eurico Marques, velho conhecido no meio esportivo, famoso por organizar Copinhas de futebol em várias cidades, muitas vezes até em âmbito internacional, segundo denúncias e informações, teria fugido após os preparativos da 3ª Copa Mercosul, organizada

para acontecer na cidade de Conchas. Cada equipe participante pagou uma taxa de R$1.500. A empresa responsável pelo torneio informou que organizou o evento em parceria com a prefeitura, que havia se comprometido a oferecer hospedagem e higienização dos atletas e comissões técnicas, bem como os campos para realização dos jogos. De acordo com a organização, a prefeitura não cumpriu com o acordo e os locais cedidos não comportaram todas as equipes. Também não havia chuveiros para todos. “Em razão disso, mesmo não sendo de sua responsabilidade, a empresa comprou e instalou os chuveiros por sua conta, porém, houve falta de água em todos os locais onde os atletas se encontravam, gerando reclamação e calamidade geral entre todos. Diante de todos os entraves as equipes que estavam em Conchas começaram a se revoltar. O responsável começou a receber represálias e ameaças, por isso, deixou a cidade para a preservação de sua integridade física”, aponta por meio de nota. Em nota enviada à imprensa, o Sr. Eurico Marques justificou sua saída da cidade de Conchas dizendo que a prefeitura não cumpriu o acordo e que por isso estaria sofrendo ameaças. Porém, vale lembrar que ano passado a prefeitura de Itararé recusou a realização da Copinha, proposta por ele, pois segundo informações da própria prefeitura, o contrato continha cláusulas abusivas. Em nota publicada na época, o Jurídico declarou: “permitimo-nos concluir que se trata de um evento

lucrativo, promovido por empresa particular, que não deseja apenas colaboração por parte da prefeitura. A mesma almeja que o lucrativo evento particular seja financiado pelos cofres públicos, e promovido às custas da utilização do bem público e do serviço de funcionários públicos municipais; tornando-se inviável para essa administração”. Na última semana, o Coordenador de Esportes de Itararé, disse que os motoristas que servem a Coordenadoria de Esportes são funcionários da Secretaria de Educação, e os mesmos aproveitam o mês de janeiros, de férias escolares, para tirar suas próprias férias e apenas por este motivo não teve como a prefeitura disponibilizar o serviço. Muitas críticas surgiram após esse depoimento, porém, esta semana as críticas mudaram e a indignação de técnicos, professores, atletas e pais de participantes, das várias cidades envolvidas, incluindo Itararé, para com a equipe organizadora da tal “Copinha” dominaram as redes sociais. Com a paralisação das competições, a Prefeitura de Pereiras notificou as equipes para deixarem os alojamentos. Já na Prefeitura de Conchas, ninguém quis falar sobre o assunto. Por meio de nota, a assessoria de imprensa afirmou que não tem nenhuma participação no evento e que apenas cedeu os espaços das escolas municipais para alojamento dos atletas. A prefeitura ainda ressaltou que todos foram orientados a procurar a polícia e registrar boletim de ocorrência, para garantir a integridade e o bem-estar dos jogadores.


12

29 de janeiro de 2014


Quarta-feira, 29 de janeiro de 2014 Editor Chefe: Kiko Carli Ano II - Edição 54

R$

Homem é morto a pauladas em Itapeva

2,50

Prefeito de Apiaí faz um balanço de seu governo O chefe do Executivo conseguiu colocar a casa em ordem e tem se mostrado responsável e sério com o compromisso assumido O prefeito de Apiaí, Ari Kinor, conversou com o editor chefe do Grupo IN, Kiko Carli, e falou dos trabalhos realizados e dos planos para o ano de 2014. Segundo ele, quando assumiu o cargo, tinha muitas expectativas e encontrou dificuldade frente à Prefeitura. Sobre a linha de trabalho adotada, reforçou mais uma vez o respeito ao munícipe, através de um controle sério sobre os gastos do dinheiro público. Página 04.

No sábado (25), um homem de 20 anos, portador de distúrbios mentais, matou a pauladas um homem de 45 anos, nas dependências da obra de construção de um banheiro público em Itapeva. Página 04.

No mês de aniversário, Buri ganha novos habitantes que darão início às atividades na UFSCAR

Obras de duplicação da SP-258 foram retomadas No último dia 21, o prefeito de Itapeva Roberto Comeron se reuniu com representantes da Concessionária CCR-SP Vias e recebeu o projeto final da obra de duplicação de dois quilômetros da Rodovia Francisco Alves Negrão (SP-258), no perímetro urbano do município de Itapeva. De acordo com representantes da empresa, as obras foram retomadas na semana passada e estão à todo o vapor. Página 02.

Solidariedade comemora aniversário do Paulinho da Força

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) oferece, a partir deste ano, três opções de cursos de graduação no Campus Lagoa do Sino, que fica entre Campina do Monte Alegre e

Buri. A proposta para Engenharia Agronômica, Engenharia Ambiental e Engenharia de Alimentos foi aprovada pelo Conselho Universitário da Instituição, em abril de 2013. A univer-

sidade elaborou os projetos pedagógicos dos cursos aprovados pelo MEC, das vagas de servidores docentes e técnico-administrativos para início das atividades. Página 06.

Página 05

Saiba as propostas do Conselho do Fundeb em Nova Campina

Página 03

Servidores terão reajuste salarial de 6,78% em Capão Bonito

Página 07


02

29 de janeiro de 2014

Estamos de Olho Dignidade

Trabalhando

O jovem vereador Ronaldo, do Solidariedadede Buri,recebeu filiados e simpatizantes do partido no último domingo em um almoço regado ao otimismo que impera entre os membros em toda a região. Na oportunidade, o presidente Kiko Carli pode fazer uma amostragem do que o Solidariedade pode representar hoje na região eenalteceu o trabalho desenvolvido por Ronaldo e também por João Fadel que é pré-candidato a Deputado Federal.

Em Itapeva, o vereador Oziel Pires mostraa cadadia que faz jus aoseu mandatoe não mede esforços para tentar elucidar os mais diversos problemas que atingem a população, muito diferente de quem seacha compoder esó sabe cantar de galo em redes sociais.

Liderança Mostrando-se atento a tudo que aconteceem sua cidade,o vereador mais votado de toda a região, Omar Chain do PRB se fez presente e mostrou-sesolidário ao novo partido apoiando seu companheirode Câmara.

Assassinato Uma pessoa que vivia com andarilho nas ruas de Itapeva matou apauladas um pedreirona calada da noite. Quem será responsabilizado, a família ou o poder público?

Diferente Tive a honrade passar alguns momentos com o chefe do Executivo do município de Apiaí, Ari Kinor e tive a certeza de que a ci-

por Kiko Carli dade estáem boas mãos. Simples, educado e compromissado com seus munícipes Ari com certeza fará um excelente mandato.

Concretizado O convênio para a implantação do programaCidade Digital já foi assinado pelo prefeito Roberto Comeron em Brasília. Uma grande conquista para a população.

Sem visão Depois dever seu mandato em risco em virtude de denúncias de compras irregulares e comprovadas através de CEI, resta ao prefeito Niltinho do Nicanor de Nova Campinaatacar os vereadores que não acompanhamsua formade gove rnar. O jove m prefeito n ão aprendeu que politica se faz somando. Está muito mal orientado. E vem mais por aí.

Campanha incentiva doação de medula óssea em Itapeva Na manhã do último sábado, 18, foi realizada no Itapeva Clube a campanha de cadastro para doação demedula óssea. Organizado pela AVACCI em parceria com a APAE, com o Hemonúcleo deJaú e o Instituto Nacional do Câncer (INCA), a campanhacontou também com total apoio da Secretaria Municipal da Saúde, que cedeu 12 profissionais paraa coleta do material, coordenados pela enfermeira da Atenção Básica Dalvane Cristina de Morais Oliveira O sucesso do evento surpreendeu a todos: 726 amostras de

Obras de duplicação da SP-258 são retomadas em Itapeva Prefeito Comeron se reuniu com representantes da CCR SPVias Ne sta terça-feira, o p refe ito R obe rt o C om eron se re uniu com re pre se nt an te s da Conces sionária C CR-SP Vias e rec e be u o p roje to final d a ob ra d e dup licação d e dois qu ilôm etros da R odovia Francisc o Alves Ne grão (S P-258), no pe rímet ro urb ano d o m unicíp io de It ap eva. D e acord o com rep res e nt an t es d a em pre sa, as ob ras f oram re-

tom adas na semana p assada. Part ic ip ar am da aud iência, o secr etário mun ic ip al de Ob ras e Ser viços , R ecu rso s H íd ric os e M eio s Amb ien te, J unior Zacharias, Alexand re S padaf or a, D ir et or Co mercial e Relaç ões In st itu cio nais d a C CR SPVias e a direto ra d e pr ojet os d a Co ncessionária Débo ra Oliveira Br is ola.

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITARARÉ

sangue foram coletadas, número bem maior do que era esperado, tanto quejá está agendadapara a primeira semana de março uma

nova campanha. “Essas amostras coletadas pelo Hemonúcleo deJaú serão en-

caminhadas aoBanco deDados do INCA e, caso haja compatibilidade, o possível doador será chamado para mais exames e só então dirá seaceita ou não doar sua medulaóssea”, dissea presidenteda AVACCI, Ivonete Issobe. Segundo ela, o SUS fica responsável por todos os custos pertinentes ao procedimento. Ivonete fez questão aindade agradecera todas as pess oas que compareceram e prestaram sua solidariedade, aos profissionais da Secretaria daSaúde ea todos que colaboraram voluntariamente com a campanha.

NOVA CAMPINA


02

29 de janeiro de 2014

Estamos de Olho Dignidade

Trabalhando

O jovem vereador Ronaldo, do Solidariedade de Buri, recebeu filiados e simpatizantes do partido no último domingo em um almoço regado ao otimismo que impera entre os membros em toda a região. Na oportunidade, o presidente Kiko Carli pode fazer uma amostragem do que o Solidariedade pode representar hoje na região e enalteceu o trabalho desenvolvido por Ronaldo e também por João Fadel que é pré-candidato a Deputado Federal.

Em Itapeva, o vereador Oziel Pires mostra a cada dia que faz jus ao seu mandato e não mede esforços para tentar elucidar os mais diversos problemas que atingem a população, muito diferente de quem se acha com poder e só sabe cantar de galo em redes sociais.

Liderança Mostrando-se atento a tudo que acontece em sua cidade, o vereador mais votado de toda a região, Omar Chain do PRB se fez presente e mostrou-se solidário ao novo partido apoiando seu companheiro de Câmara.

Assassinato Uma pessoa que vivia com andarilho nas ruas de Itapeva matou a pauladas um pedreiro na calada da noite. Quem será responsabilizado, a família ou o poder público?

Diferente Tive a honra de passar alguns momentos com o chefe do Executivo do município de Apiaí, Ari Kinor e tive a certeza de que a ci-

por Kiko Carli dade está em boas mãos. Simples, educado e compromissado com seus munícipes Ari com certeza fará um excelente mandato.

Concretizado O convênio para a implantação do programa Cidade Digital já foi assinado pelo prefeito Roberto Comeron em Brasília. Uma grande conquista para a população.

Sem visão Depois de ver seu mandato em risco em virtude de denúncias de compras irregulares e comprovadas através de CEI, resta ao prefeito Niltinho do Nicanor de Nova Campina atacar os vereadores que não acompanham sua forma de governar. O jovem prefeito não aprendeu que politica se faz somando. Está muito mal orientado. E vem mais por aí.

Campanha incentiva doação de medula óssea em Itapeva Na manhã do último sábado, 18, foi realizada no Itapeva Clube a campanha de cadastro para doação de medula óssea. Organizado pela AVACCI em parceria com a APAE, com o Hemonúcleo de Jaú e o Instituto Nacional do Câncer (INCA), a campanha contou também com total apoio da Secretaria Municipal da Saúde, que cedeu 12 profissionais para a coleta do material, coordenados pela enfermeira da Atenção Básica Dalvane Cristina de Morais Oliveira O sucesso do evento surpreendeu a todos: 726 amostras de

Obras de duplicação da SP-258 são retomadas em Itapeva Prefeito Comeron se reuniu com representantes da CCR SPVias Nesta terça-feira, o prefeito Roberto Comeron se reuniu com representantes da Concessionária CCR-SP Vias e recebeu o projeto final da obra de duplicação de dois quilômetros da Rodovia Francisco Alves Negrão (SP-258), no perímetro urbano do município de Itapeva. De acordo com representantes da empresa, as obras foram re-

tomadas na semana passada. Participaram da audiência, o secretário municipal de Obras e Serviços, Recursos Hídricos e Meios Ambiente, Junior Zacharias, Alexandre Spadafora, Diretor Comercial e Relações Institucionais da CCR SPVias e a diretora de projetos da Concessionária Débora Oliveira Brisola.

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITARARÉ Rua XV de Novem bro, 83 – Centro – Itararé/SP CEP 18.460-000 – Fon e/Fax (15) 3532-8000 PROCESSO SELETIVO PARA ESTÁGIO DA PREFEITURA M UNICIPAL DE ITARARÉ EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES – Nº 01/2014 A Pref eitura Municipal de Itararé faz saber que realizará Processo Seletivo para provimento de vagas para estágio nas áreas de Administração, Agronomia, Artes, Direito, Educ ação Física, Enfermagem, Engenharia Civil, Engenharia Florestal, Geografia, His tória, Letras, Pedagogia, Sis temas de Inf ormação, Assistência Social, Técnico em Administraç ão, Técnico em Contabilidade, Técnico em Enfermagem, Técnico em Nutrição, Técnico em Secretariado, Técnico em Serviços Jurídicos, através de Convênio com o Centro de Integraç ão Empresa Escola (CIEE). O Pr ocess o Seletivo será regido pelas presentes Instruções Especiais que, para todos os ef eitos, constituem parte integrante deste Edital. INSTRUÇÕES ESPECIAIS 1. DO ESTÁGIO 1.1. O PROCESSO SELETIVO destina-s e ao provimento de v agas de estágio nas áreas:

1.2. A Prefeitura convocará os candidatos aprovados nas vagas decorrentes da mov imentação de pessoal ocasionada por desistências, dispensas, rescisões, términos de contrato e outras c ar acterizaç ões de v acâncias que permitam nov as admissões de es tagiár ios. 1.3. Para os cur sos de Licenciatur a, a Complementação Pedagógica não car acter iza direito ao estágio remunerado. 2. DAS INSCRIÇÕES 2.1. São condições para inscriç ão: 2.1.1 Possuir o requis ito básico para o cumprimento do estágio par a o qual está concor rendo; 2.1.2. Conhecer e estar de acordo com as exigências contidas neste Edital. 2.2. Para participar do Processo Seletivo o interessado dever á, no período das inscrições: 2.2.1 Realizar sua inscrição através do portal: w w w.ciee.org.br. no período de 28 a 07/02/2014 dando inicio às 09h00 do dia 28 de Janeiro e encerrando às 16horas do dia 07 de Fevereiro. 2.2.2 A pós a inscriç ão o candidato deverá imprimir o protocolo que inc lui local, data e horário da prova. 2.2.3 Imprescindível: Até a data da realização do processo seletivo todos os candidatos dever ão atualiz ar seus dados cadastrais no CIEE através do site:w w w .ciee.or g.br. Cas o essa atualiz ação não seja r ealiz ada, o CIEE não se res pons abilizará pelos err os de dados pes soais do candidato no Termo de Compromisso de Estágio e Acor do de Cooperação. 2.3. À s pessoas portadoras de def iciência é assegurado o dir eito de se

sangue foram coletadas, número bem maior do que era esperado, tanto que já está agendada para a primeira semana de março uma

nova campanha. “Essas amostras coletadas pelo Hemonúcleo de Jaú serão en-

caminhadas ao Banco de Dados do INCA e, caso haja compatibilidade, o possível doador será chamado para mais exames e só então dirá se aceita ou não doar sua medula óssea”, disse a presidente da AVACCI, Ivonete Issobe. Segundo ela, o SUS fica responsável por todos os custos pertinentes ao procedimento. Ivonete fez questão ainda de agradecer a todas as pessoas que compareceram e prestaram sua solidariedade, aos profissionais da Secretaria da Saúde e a todos que colaboraram voluntariamente com a campanha.

NOVA CAMPINA Pre gão Pr esencial Nº 05/2013 Tipo Menor Preço - OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA SERVIÇO DE INSTALAÇÃO DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA COM FORNECIMENTO DE MATERIAL para atender as necessidades do Município de Nova Campina. Credenciamento início às 09h00min horas do dia 14/02/2014. O Edital completo dis ponível no Site:- w w w .no vacam pina.sp .g ov.b r. Inf or m açõ es : pregao@novacampina.sp.gov.br - fone(s) (15) 3535-6100. Demais detalhes serão fornecidos na Seção de Compras, no horário normal de expediente à Avenida Luiz Pastore, nº 240 - Nova Campina – SP. Prefeitura Munic ipal de Nova Campina, 21 de fevereiro de 2013. FABIANO UGO CAMARGO AYRES - CPL Pre gão Prese ncial Nº 025/2013 Tipo Men or Preço - OBJET O: AQUISIÇÃO DE MAT ERIAIS DE CONSTRUÇÃO para atender as neces sidades do Convênio Prefeitur a Munic ipal de Nova Campina e CDHU. Credenciamento início às 09h00m in horas do dia 17/02/2014. O Edital c ompleto dis ponív el no Site:w w w . n ov a ca m p in a . s p . go v. br .  I n fo r m aç õ e s : pr eg ao@ no vacam p in a.s p.gov.b r - f one (s ) ( 15) 3535- 6100. Demais detalhes ser ão for nec idos na Seção de Compr as, no horário normal de expediente à Avenida Luiz Pastore, nº 240 - Nova Campina – SP. Prefeitura Munic ipal de Nova Campina, 21 de fevereiro de 2013. FABIANO UGO CAMARGO AYRES - CPL

inscr ev er nes te Pr ocesso Seletiv o, des de que as atribuições do es tágio pretendido sejam compatíveis com a deficiência de que s ão portadoras, e a elas ser ão r eservados 10% (dez por cento) do total das v agas a ser em preenchidas, de acordo com a Lei nº 11.788/2008 (Federal). 2.3.1 O c andidato dev erá declar ar no ato da inscr iç ão, s er portador de necess idades especiais, especif icando-as. 2.3.2 Na falta de candidatos aprovados par a as vagas r eservadas a portadores de deficiência, estas ser ão pr eenchidas pelos demais candidatos, com estrita observância da ordem de clas sificação. 2.3.3. Os candidatos que, no ato da inscrição, se declararem por tadores de defic iência, s e aprovados no Processo Seletivo, terão seus nomes publicados na lista geral dos aprovados e em lista à parte, obs ervada a respectiva ordem de classif icaç ão. 3. DA PROVA 3.1. A prova constará de com 20 ques tões de múltipla Matemática e Conhecimentos 3.2. A prova terá duração

questões objetivas de c aráter classificatór io, escolha, vers ando sobr e Língua Portuguesa, Gerais; de 1 (uma) hora e 30 (trinta) minutos.

4. DA PRESTAÇÃO DA PROVA 4.1. A prova objetiva será realizada no dia 23/02/2014, ás 08h30min horas na Escola Municipal Maria da Silveira Vas concelos, situada a Rua Itararé, 765 – Vila Osório – Itararé/SP. 4.2. Ao candidato só será permitida a realização da prova na data, no local e horário constante conforme item 4.1 deste Edital. 4.2.2. Os documentos dever ão estar em perfeitas condições , de f orma a permitir a identif icação do candidato c om clar eza. 4.2.3. Não será admitido na sala de prov a o candidato que se apr esentar após o hor ário determinado. 4.2.4. Não haver á segunda chamada, seja qual f or o motivo alegado para justif icar o atras o ou a ausência do candidato. 4.2.5. O candidato deverá c omparecer no local designado, para r ealização da prova objetiva, munido de caneta esferográfica de tinta azul ou preta, bem como, do documento de identidade original Não será admitido a sala de prova o candidato que não apresentar o documento de identidade. 4.2.6 Serão c onsider ados doc umentos de identidade: carteiras expedidas pelos Comandos Militar es, pelas Secr etarias de Segur ança Pública, pelos Ins titutos de Identif icação, pelos Cor pos de Bombeiros Militares e pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (ordens, conselhos etc.); passapor te brasileiro; certificado de reser vista; c arteiras funcionais do Ministério Público, e expedidas por órgão público, que, por lei f ederal, valham como identidade; carteira de trabalho; carteira nacional de habilitação (somente o modelo novo com foto). 4.2.7 É de r espons abilidade do candidato, pr eencher corretamente seus dados (nome, RG e assinatura) no caderno de questões que será distribuído no ato da realização da pr ova, ass im como zelar pelo mater ial evitando rasuras. 4.2.8 Não será permitido ao candidato ausentar-se da sala de prova levando qualquer um destes materiais e sem autor ização e acompanhamento do fiscal. 4.2.9 Será excluído do Processo Seletivo o candidato que, além das demais hipóteses previstas nes te Edital; a) apresentar- se após o hor ár io es tabelec ido para a realiz ação da pr ov a; b) apresentar-se para a prova em outro local que não seja o previsto no Edital; c) não comparecer à prov a, seja qual for o motivo alegado; d) não apresentar o doc umento de identidade, par a a realizaç ão da pr ov a; e) ausentar-se da sala de prova s em o acompanhamento do fiscal; f) for surpr eendido em comunicação com outras pessoas ou utiliz ando-s e de calculadoras, livros, notas ou impress os não permitidos; g) estiver portando ou fazendo uso de quer tipo de equipamento eletrônico de comunicação (pagers, celulares, etc); h) lançar mão de meios ilícitos para ex ecução da prova; i) não devolver integralmente o material solicitado; j) perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos. 4.3. Do julgamento da Prova Objetiva 4.3.1. A pr ova objetiva, será avaliada na escala de 0 ( zer o) a 20 (v inte) pontos. 4.3.2. Na avaliação da prova s erá utilizado o escore bruto. 4.3.2.1. O escore bruto corresponde ao número de acertos que o candidato obtém na pr ova. 4.3.3. Ser á considerado clas sificado, aprovado no Processo Seletivo o candidato que obtiver nota superior a 0 (zero) pontos na prova.

5. DA CLASSIFICAÇÀO 5.1. A nota final do candidato aprovado no Processo Seletivo será igual ao total de pontos obtidos na prova. 5.2. Os candidatos aprovados ser ão classificados por ordem decresc ente do valor da nota final, em uma lista geral. 5.3. Em caso de igualdade na Class if icação Definitiva ter á pref erência, suc essivamente, os seguintes critérios de des empate, ao c andidato: a) tiver maior idade; b) maior nota de língua portuguesa c) maior nota de matemática 6. DA HOMOLOGAÇÃO 6.1. Caberá a Secretária Municipal de Educação da Prefeitura de Itararé a homologação deste PROCESSO SELETIVO, no dia 03/03/2014, c om publicação do resultado na mesma data. 7. DAS VAGAS 7.1. Os candidatos aprovados e clas sificados serão conv ocados pela Imprensa Oficial do Munic ípio ou imprensa local, par a se apresentarem na SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, mediante Edital Conv ocatório, para serem encaminhados aos locais de estágio, que será realizado entre 08h e 17h ou de acor do com necess idade em cas os especiais , s empre respeitando a jornada semanal, seguindo-s e rigor osamente a ordem de classificação final. 8. DO COMPROMISSO DO ESTÁGIO 8.1 . Ser ão firmados termos de compromisso de estágio obedecendose a ordem de classificação final dos candidatos habilitados, de acordo com as nec essidades da Prefeitura Municipal de Itarar é, atrav és do Convênio com o CIEE. Serão firmados termos de compromisso de estágio obedecendo-se a ordem de classificação final dos candidatos habilitados, de acordo com as nec essidades da Prefeitura Municipal de Itararé, através do Convênio com o CIEE. 8.2 . Nessa ocasião, s erão ex igidos dos candidatos apres entação de: 1) Cópia do RG, CPF, PIS, Comprovante de Residência, juntamente com a dec laração ORIGINAL da Unidade de Ensino, constando a matrícula, curso, horário de aula e semestre do estagiário para comprovação do requisito. 2) Estudantes portadores de nec essidades especiais deverão entregar, no ato da contratação, laudo médico (original ou cópia autenticada), emitido nos últimos 12 (doze) meses. 8.3. Da Remuner ação: O es tagiário aprov ado rec eberá BOLSA-AUXÍLIO equivalente a R$ 676,00 (Seiscentos e setenta e seis reais) m ensal e R$ 48,00 (Quarenta e oito r eais ) de Auxilio Tran spor te m e nsal para uma jor nada de trabalho de 06h00 (s eis horas) diárias e 30h00 ( trinta horas) semanais; a contratação s e dará por 01 (um) ano, prorrogável por igual período, a cr itério da administração. 9. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS 9.1. A inscrição do candidato implicará o conhecimento das presentes instruções e a aceitaç ão tácita das condiç ões do processo seletivo, tais como s e acham estabelecidas nes te Edital, das quais não poderá alegar desc onhec imento. 9.2. A inexatidão das afir mativas e/ou irr egularidades nos documentos, mesmo que verificadas a qualquer tempo, em especial por ocasião do compr omisso do estágio, acarretar ão a nulidade da inscr ição, c om todas as suas dec orrências, sem prejuízo das demais medidas de ordem administrativa, civil ou criminal. 9.3. O prazo de v alidade do proc esso seletivo será de 01 ( um) ano, contados a partir da data de homologação de seus resultados, prorr ogável a cr itério da Administração. 9.4. A aprovação e a c lassif icação definitiva geram, para o candidato, apenas a expec tativa de direito ao estágio, dentro da área específ ica. A Prefeitura Municipal de Itararé reserva-se o direito de proceder à c onvocação dos candidatos aprovados em número que atenda a dis ponibilidade de vagas para o estágio, durante o período de validade do pr ocesso seletivo. 9.5. O não atendimento, pelo candidato, das condiç ões estabelecidas nes te Edital, implicará na sua eliminação do processo s eletivo, a qualquer tempo. 9.6. É de inteira responsabilidade de o candidato acompanhar os Editais, Comunicados e demais publicaç ões ref erentes a es te proces so seletivo através da Imprensa Oficial do Munic ípio e/ou local. 9.7. Os cas os omis sos ser ão r esolvidos pela Sec retaria Municipal de Educação, Cultura, Espor tes e Turis mo. PREFEITURA MUNICIPAL DE ITARARÉ MARIA CRISTINA CARLOS MAGNO GHIZ ZI


04

29 de janeiro de 2014

Homem é morto a pauladas em obra de banheiro público em Itapeva

Prefeito Ari Kinor fala dos avanços de Apiaí em entrevista

O

N

a noite do último sábado (25), um homem de 20 anos, portador de distúrbios mentais, matou a pauladas Carlos Alberto Paulino Passos, de 45 anos,nas dependências da obra deconstrução do banheiro público da Praça Espiridião Lúcio Martins, próximo a Santa Casa. Depois de cometer o homicídio, o rapaz se dirigiu a uma guarnição da Polícia Militar que estava próxima ao local e relatou o acontecido. Em um prime iro momen to, os p oliciais pensaram se tratar de alucinações do rapaz, mas decidiram verificar e se depararam com a vítima caída c om feriment os profundos na cabeça. Uma equipe do SAMU foi acionado e foi, então, constat ada a morte da vítim a. O jovem que cometeu o crime, José Ricardo, tem 20 anos, foi preso em flagrante e encaminhad o ao p lant ão policial, juntamente com a arma do crime, um pedaço de madeira. O Tenente Evandro concedeu entrevista à nossa equipe de reportagem:

IN – O senhor tem detalhes sobre o homicídio praticado na construção do banheiro da Praça Espiridião Lucio Martins no último sábado? Tenente – Nós ficamos tristes com o acon tecido, mas eu acredit o da forma com o aconteceu e ouvimos dos policiais militares, foi um fato sue generis. O s policiais militares que atenderam a ocorrência disseram que o autor chegou próximo a viatura que estava estacionada próxima a Santa Casa e espontaneamente começou a conversar com os polic iais e dizer que estava na construção, e que procurou o local para dormir e havia ou tro morad or de rua no local que tentou agarrálo e violenta-lo. Para escapar, a alternativa foi pegar um pedaço de madeira e bater na cabeça dele. Acredito que a hora que isso aconteceu, ele viu a viatura e foi relatar o fato espontaneamente. O policial desconfiado, porque viu que ele estava agitado e já era conhecido nas ruas, pensou que fosse mais um distúrbio dele. O policial resolveu

verificar e quando entrou no local se deparou com uma pessoa caída, ensanguentada, eo prendeu em flagrante delito por homicídio, o colocando à disposição. Nesse momento foi acionado o SAMU e a médica constatou o óbito e f oi reg istrad a a ocorrên cia como hom icídio. IN – O autor é maior de idade? Tenente – O autor do homicídio é José Ricardo da Silva, tem 20 anos e émaior deidade. Consta para nós que ele tem passagem pela Polícia, mas ainda não conseg uimos visualizar qu al passagem. IN – Em sua opinião, o que o levou a cometer este crime? Tenente – Em se trat ando dele especificamente nós temos conhecimento que ele tinha alguns problemas de ordem psiquiátrica, e aliado ao fato de alguém tentar fazer alguma prática d e violê ncia corporal ou sexual com ele, o levou a esse distúrbio, mas é uma ocorrência isolada qu e normalme nte não es tam os acos tum ados a atender em Itapeva.

Mulher suspeita de tráfico de drogas é detida em praça de Taquarivaí Polícia chegou até a suposta traficante depois de denúncias anôn ima. Emb aixo de um banco da praçaforam encontradas 30 porções. Uma mulher de 44 anos, suspeita de tráfico de drogas, foi detida neste d omingo (19) em Taquarivaí (SP). De acordo com a Polícia Militar, ela era responsável pela vendade entorpecentes

em uma praça no Jardim Panorama. No local foram apreendidas mais de 30 porções de drogas. Segundo aPM, uma equipe foi até o local depois de denúncias anônimas. Na praça encontraram a mulher e um rapaz de 18 anos. Durante revista, foi encontrada uma porção de maconha escondida na roupa da suspeita. Com o rapaz, foi encontradoum cigar-

ro. Já embaixo de um banco da praça foram encontradas 30 pedras de crack. A políc ia identificou que o material pertencia à m ulher e ela foi presa. Após o flagrante, a suspeita foi levada para a cadeia de Apiaí (SP) e permanece à disposição da Justiça. O rapaz, usuário de drogas, foi ouvido e liberado. (Fonte: G1)

Aniversariantes de Taquarivaí

Amilton Leite de Barros 23/01

Amanda Danielly 28/01

Alessandra Aparecida dos Santos 25/01

Vania Luiza Arruda Carneiro 29/01

Kellyane Silva de Almeida 24/01

Irineu Durias dos Santos 29/01

prefeito de Apiaí, Ari Kinor, c onversou c om o editor chefe do Grupo IN, Kiko Carli, e falou dos trabalhos realizados e dos planos para o ano de 2014.Segundo ele, quando assumiu o cargo, tinha muitas expectativas e dificuldade frente à prefeitura. Sobrea linha de trabalho adotada, reforçou mais uma vez o respeito ao munícipe, através de um controle sério sobre os gastos do erário público. Acompanhe a entrevista exclus iva: IN – Como anda a nossa querida cidade daregião Sudoeste? Prefeito – Apiaí está a cada dia melhor, nós temos que ser otimistas e achar que as coisas vão melhorar, apesar de todas as dificuldades que encontramos no município. Passamos o ano de 2013 com muitas lutas tentando aparar algumas preocupações financeiras que nós tínhamos. Conseguimos colocar a casa, não totalmente, em ordem, mas quit amos uma boa parte das dívidas de fornecedores, conseguimos colocaras certidões negativas que é a CND que aprefeitura precisa ter para poder assinar convênios e nós conse guimos re cuperá-la porque ela estava negativada. Corremos muito atrás de recursos do governo do Estado e Federal e conseguimos vários convênios. Hoje eu estive com o Deputado Samuel Moreira e Apiaí é dos municípios que mais tem emendas e que mais tem convênios da região do Vale do Ribeira e isso é gratificante porque mostra que nós corremos e tivemos suce sso em toda essa caminhada. Ain da precisamos muito, tem muito para ser feito por Apiaí porque infelizmente a cidade parou no tempo. O nosso grande problema é a arrecadação do m unicípio que está

muito baixa e temos que fazer com que possa melhorar para podermos fazer mais por Apiaí, o orçamento é muito pouco diante danecessidade quea cidade precisa. Nós estamos trabalh an do com muit a vont ad e, muito empenho, muita seriedade e transparência, gastando o dinheiro que é pouco naquilo que realmente precisa. Nós estamos c ortando todos os despe rdícios, econ omizam os no trans porte escolar esporádico mais de 500 mil reais. No ano de 2013 nós não conseguimos dar o bônus para os professores, porque no ano de 2012 o recurso do FUNDEB não foi suficiente para dar essebônus porque foi gasto de uma forma errada. Em 2013, com todos os problemas que tínhamos, nós conseguimos sanar vários problemas e conseguimos fazer com que esse recurso dobrasse nos cofres daprefeitura somandoagora 405 mil reais num total de bônus pra todos os professores da rede mun icip al e tudo isso é c onquista. Nós também colocamos tod os os eq uipament os p ara funcionar, recuperamos máquinas, re cuperamos cam inhões, compramos ónibus para a saúde. Nós conseguimos dar gran-

de passo para que as coisas comecem a melhorar para a população de Apiaí. IN – Apesar de todos os problemas, como osenhor mantém esse astral? Prefeito – Com muita fé em Deus, Ele é o suporte que nos dá força e tranquilidade e coragem para enfrentar. Eu sempre digo que por mim eu já teria abandonado o barco porque a tarefa é árdua e o fardo é pesado, mas eu tenho muita fé em Deus e acredito Nele, e sei que Ele está na frente de nossas vidas e nada é por acaso nessemundo e eu não estou aqui por acaso. E se eu tenho fé nele eu não posso me desesperar, e se eu acredito eu tenho certeza que eu posso ficar tranq uilo qu er as cois as sempre vão dar certo. IN – Fazendo uma projeção futura, se amanhã fosse o último dia d e admin ist raç ão do Prefeito Ari Knor, c omo o s enhor gostaria de ser lembrado pela população de Apiaí? Prefeito – Por aquilo que eu preguei na campanha que é o respeito pelas pessoas, pelo dinheiro público, e saber que eu estou saindo decabeça erguida e que eu pude ser útil a população de Apiaí.

Quatro pessoas morrem em acidente na Rodovia Eduardo Saigh Quatro pessoas morreram entre elas, um bebê de ummês em um acidente na noite deste sábado (26), na SP-255, Rodovia Eduardo Saigh, entre Itaí e Taquarituba. De acordo com o Corpo de Bomb eiros d e Itaí, as vít imas estavam em um carro que foi at ing ido por outro veíc ulo o qual vinha no sentido contrário e estaria ultrapassando um caminhão. O motorista de um dos carros envolvidos no acidente disse à Polícia Rodoviária que não se lembra do que aconteceu no momento do acidente. O condutor deste outro veículo também ficou ferido e foi en caminhado ao hospital de

Itaí. Um homem de 60 anos, uma mulher de 63 e outra de 38 morreram no local.O bebê chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

De acordo com a Polícia, os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) em Avaré.


05

29 de janeiro de 2014

Festa de Solidariedade dos Amigos do Paulinho da Força

A

festa de an iversário do pre siden te nac ional do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força aconteceu no sábado (25) e reuniu mais d e 3.500 particip ante s, entre mais de 15 deputados federais, d ezenas de p refeit os, vereadores, líderes sindicais, empresários e familiares. A festa aconteceu no salão nobre do Juventus, no tradicional bairro paulistano da Mooca. Para 1º vice-pre sident e do Solidariedade e presidente nacional da Força S indical, Miguel Torres, o aniversário foi uma festa de cada brasileiro, pois “Paulinho é o deputado que mais defende os trabalhadores. Onde se precise dele, láele está na defesa intransigente dos direitos dos trabalhadores, da soberania nacional, da democracia”. O aniversário tamb ém f oi palco de mais um passo nas alianças Solidariedade/PSDB para as eleições 2014. Os tucanos Geraldo Alc kmin, governador de São Paulo, e Aécio Neves, senador e presidenciável, estiveram presentes e teceram elogios e palavras de apoio ao Solidariedade e ao aniversariante.

Alckmin comparou dois aniversariantes do dia: “São Paulo e o Paulinho têm as marcas do trabalho e da esperança. O Paulinho é o guerreiro do emprego, o emprego indus trial, que é o termômetro da soberania das nações”. Aécio Neves,principal nome do PSDB para a Presidência em 2014, afirmou que a criação do Solidariedad e foi “o ato m ais corajoso e de maior independência política que o Brasil assistiu em 2013”. Para ele, “o Solidariedade é essencial para que tenhamos nas e leições temas essenciais ao trabalhador, aos direitos dos aposentados”. Paulinho afirmou estar insatisfe ito com o governo D ilma, que não cumpriu seus compromissos com os trabalh adores, como o fim do fator previdenciário e uma política de reajuste para os aposen tados. Afirmou que, em São Paulo, o Solidariedade apoiará o PSDB para o governo. “Aqui nosso partido está com você, Alckmin. Aqui, nós vamos te reeleger governador”. E para Aécio, p rometeu apoio. “N osso partido foi criado na oposição. Quero garantir que o

nosso partido vai decidir oficialmente, em pouco tempo, apoio à sua candidatura”, afirmou. Do Solidariedade de nossa reg ião es tiveram presente s o coordenador region al e presiden te d o Partido em Itap eva Kiko Carli, os veread ores de Nova Campina Junior, Nilcéia e Ringo, o vereador de Bom Sucesso de Itararé, Pinheiro, o presidente do Solidariedade em Apiaí Antôn io R odrig ues S arti, o vice-presidente do Solidariedade em Itararé, Davi da Silva Gil, o pré-candidato a deputado federal João F adel e o asses sor parlamentar Carlos Lara. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, Kiko Carli falou sobre a importância de um evento como este, confira: IN - No sábado dia 25 o senhor e mais alguns membros do Part ido Solidaried ade aqu i da nossa região estiveram presentes no aniversário do Paulinho da Força. Qual a importância de se fazer presente num evento como este para o crescimento do Partido aqu i n o Su does te Paulista? Kiko – A primeira relevância quenós podemos destacar é

que nós estivemos no local junto com 16 deputados federais, um deputado federal da Itália, o nosso s enador Aécio N eves, o governador do Estado Geraldo Alckmin, além da liderança maior do Partido que é Paulinho da Força. Esse enc ontro das lideran ças locais com lid eran ças nacionais é de extrema importância, porque nós não tínha-

mos este acesso, sempre ficávamos restritos a receber visitas de pessoas ilustres, e agora nós estamos conseguindo abrir espaço para que as pessoas da região tenham uma proximidade com as lideranças e conhecer pessoas que podem trazer benefícios para a sua cidade e para a nossa região. IN – Como foi o contato durante o evento com esses deputados. Houve o aceno para que possam mandar mais conquistas para o Sudoeste? Kiko – O ambiente erade festa, mas a troca de informações, a troca de cartões e de promessas de visitas, tanto nossa aos locais de trabalho deles, como a deles em nossa região vai estre itar e sse re lacionament o e isso é muito importante. Estamos abrindo uma nova fronteira, porque o Solidariedade é um

CAMPINA DO MONTE ALEGRE

Professores e funcionários realizam confraternização de volta às aulas Nest a quinta (23), realizouse a confraternização de professores e funcion ários da E scola Mu nic ip al Alz ira d e O liveira Garcia e Escola Municipal Enil Boris de Moraes Ferreira. Aprove itand o a op ort unidade da

reunião, a Secre tária de E ducação Eliane Soraya Garc ia Ramos conve rsou com os funcionários sobre adequação p ara que esc ola futu rame nte obte nha exito nas aulas em tempo integral, também a secretária apre-

sent ou os novos c oorden adores, d iretores e professores. O Profes sor Gil Vicente de O liveira ap resentou aos presen tes a Gin astica Laboral onde todos os professores e funcion ários part iciparam.

Part ido novo e qu e já nasceu grande e forte. Algumas ideologias e algumas colocações do próprio Paulinho nos leva a trazer novidades para os filiados e diretórios, que já são 14 em nossa região. IN – O Solidariedade em nossa região irá apoiar os pré-candidatos tanto ao Governo Estadual como Federal anunciados durante a festa, ou seja, Aécio Neves e Geraldo Alckmin? Kiko – Não há dúvida alguma, a f idelidad e partid ária é uma marca regis trad a qu e o Partid o Solidariedade traz . Vamos est ar sempre trab alhando em funç ão dos candid atos do Partido ou indicados pelo mesmo, e essa é um a exigência que nós f azemos a t odas as n ossas lid eranças, aos noss os vereadores e preside ntes do Partido na re gião.


06

29 de janeiro de 2014

No mês do aniversário, Buri ganha novos habitantes que darão início às atividades na UFSCAR

A

Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) oferec e a partir deste ano três opções de cursos de graduação no Campus Lagoa do Sino, que ficaentre Campinado Monte Alegre e Buri. A proposta para Engenharia Agronômica, Engenharia Ambiental e Engenharia de Alimentos foi aprovada pelo Conselho Universitário da Instituição em abril de 2013. A universidade elaborou os projetos pedagógicos dos cursos aprovados para análise do Conselho de Graduação da Universidade e a liberação, pe lo Ministério da Educação (MEC), das vagas de servidores docentes e té cnic o-adm inist rativos para início das atividades. De acordo com a UFSCar, os cursos estavam p revistos no projet o orig inal ap res entado para o novo campus e possibilitam a articulação entre as três áreas, o que permitirá melhor aproveitamento dos prof essores e vai favorecer o surgimento de programas de pós-graduação interdisciplinares e a consolidação de redes de trabalho em pesquisa e extensão. Alé m do dese nvolvime nto dos p roje tos pe dag ógic os, a universidade viabilizou o início das atividades no novo campus. As edificações já existentes no local foram adequadas para abrigar as atividades administrativas e acadêmicas iniciais e foram feitas novas construções. O campus fica em uma fazenda de 640 he ctares. A propriedade perten cia ao escritor Radu an Nas sar, q ue em 1975 lanç ou o livro “Lavoura Arcaica”, obra que ganhou os principais prêmios literários do país e virou filme. Formada e no auge da produção, em 2010, o escritor resolveu doar a faz enda para a UFSCar. Depois de três meses de negociação, Raduan Nassar as-

s in ou os docu me nt os p ara transferira fazenda. Todos os empregados da fazenda foram contratados pela universidade. A sede, as casas de colonos e os galpões viraram laboratórios e salas de aula, com um investimento de R$ 90 milh ões. As matrículas para os candidatos aprovados nos cursos da U FSCar, campu s Lagoa do Sino, começaram a ser feitas na se xt a-feira (17). A mat rícu la pode ser feita também em qualquer uma das unidades da UFSCar. As aulas começam no dia 10 de março. De acordo com a UFSCar, serão d uas ch amadas ofic iais, além da lista deespera. Em Buri, são oferecidos nos três cursos de graduação 150 vagas, 50 de cada. Os três cursos do novo campu s tiveram concorrência muito alta, com média de 19 candidatos por vaga, a mesma dos cursos mais disputados no campus de São Carlos. O número de candidatos superou as expectativas da UFSCar. “Para nossagrata surpresa, tivem os quase 2.800 insc ritos optando pelos nossos cursos”, diz Luiz Manoel de Moraes Alme ida, resp ons ável pela implantação do Campus. No campus está tudo pronto para a chegada dos 150 estudantes. Foram investidos R$ 2 milhões em equipamentos novos e mobílias. A unidade Lagoa do Sino tem três salas de aula, laboratório multiuso, laboratório de informática, restaurante, sala de professores, sede administrativa e um campo experimental de lavouras commais de 770 hectares. O curso de E ngenharia de Alimentos é inédito na UFSCar. Em 2015 outros dois cursos vão ser oferecidos na unidade. No espaço que hoje abriga tratores e m áquinas agríc olas já e stá

sendo construído um novo núcleo com salas e laboratórios. Até março serão entregues tam bém seis quilôme tros de pista asfaltada desde dentro do campus até a Rodovia, que liga Buri a Campina do Monte Alegre. A estrada vai ter ainda uma ciclovia, que deve beneficiar o tran sp orte dos est ud an te s. “Uma forte tendência é fazer a valorização da questão local e regional, até porque aqui é uma região bastante agrícola e tem muito contato com a engenharia agronômica”, afirm a Flávio Sérg io Aferri, coordenador de engenharia agronômica. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, a professora Dra. Nancy V. F. Almeida, assessora da Reitoria para Desenvolvimento de Projetos Especiais e coordenadora do Projeto de Implantação do Campus Lagoa do Sino/UFSCarfalou sobre a expectativa des te p rime iro ano de funcionamento em Buri, confira: IN – Em princípio qual será o curso oferecido pelo campus de Buri? Profa. Nancy – Iniciaremos as atividades no novo campus oferecendo três cursos de Engenharia,a saber:Engenharia Agronômica, Engenharia de Alimentos e Engenharia Ambiental. IN – Qual o objetivo destes cursos? Profa. Nanc y – Engenharia Agronômica – O curso de Graduação em Engenharia Agronômica do Campus Lagoa do Sino da UFSCar tem por objetivo geral formar um profissional com visão ética e humanística, que domine os conteúdos científicos da área e os aspectos sociais, culturais, econômicos, tecnológicos, gerenciais, organizativos e polít icos do exe rcíc io profissional, com a finalidade de atuar na promoção do desenvolvimento rural sustentável. En genharia de Alimentos – o obje-

tivo da UFSCar Lagoa do Sino é formar um enge nheiro de alimentos capazde desempenhar com propriedade as atividades deengenharia aplicadas à indústria de alimentos com o objetivo de propor e desenvolver produtos e processos de alimentos. Embasado em sólidos conhecimentos tecnológicos e de engenharia o profissional egresso da UFSCar Lagoa do Sino terá uma visão in tegradora entre a produção agropecuária e o alimento processado, visando a sustentabilidade e o desenvolvimento agroindustrial. Ass im é obje tivo da UFS Car form ar um profissional com forte conhecimento científico para acompanhar o desenvolvimento tecnológico na grande área de Ciência de Alime ntos . En gen har ia Ambiental – O curso de Engenharia Ambien tal do C ampus Lagoa do Sino formará profissionais para atuar na conservação, preservação e manejo dos recursos naturais; na prevenção e controle de impactos ambientais (sobre a água, ar, solo e biodiversidade); na recuperação de áreas degradadas; e em projetos de reflorestamento. Um diferencial do curso é a formação específ ica para prover a interf ace entre os conceitos de sustentabilidade ambiental e segurança alimentar, por meio da compreensão dos problemas de gestão, econômicos, sociais e do ambiente e, fundamentalmente, de uma visão s istêmica dos processos rurais, agroindustriais e urb anos. Assim , o e studante será formado para ter uma atuação crítica e reflexiva, de caráter inter e multidisciplinar. IN – Há previsão para a abertura de outros? Pr of a. Nanc y – Em 2016 mais dois cursos de graduação deverão ser iniciados naquele camp us, as sim qu e as n ovas edif icações de laboratórios fi-

quem prontas. Neste momento, entretanto, não podemos dizer quais serão eles, pois o assunto encontra-se em análise. IN – O q ue a implant ação deste campus muda em relação ao progresso d o município de Buri? Profa. Nancy – Acredito que toda a re gião d o e ntorno do campus será beneficiada com a sua implantação. A Universidade tem, entre suas atribuições, o desenvolvimento de projetos de extensão que certamente auxiliarão a região em seu desenvolvime nto, além do impacto que o comércio local terá com um maior contingente de consumidores; est ima-se que nos próximos c inc o anos h ave rá aproximadamente mil pessoas frequentando o campus e, portanto, as cid ade s circu nviz inhas. IN – Inicialmente qu antos funcionários, docentes e discentes o campus terá? Profa. Nancy – No primeiro an o se rão 150 alun os, 20 d ocentes e 15 func ionários; no segu ndo ano ent ram mais 150 alunos, 33 docentes e mais funcionários. IN – Qual a expectativa da reitoria em relação ao início das atividades da UFSCAR em Buri? Profa. Nancy – Toda a administ ração s uperior da UF SCar está bastante ansiosa para que as atividades comecem naquele campus, particularmente para cumprir um compromisso assumido com o Sr. Raduan Nassar, que foi quem p ropic iou e ssa importante contribuição social ao doar a fazenda à UFSCar. IN – Qual a áreaconstruída? Ela teve que s er ad apt ad a? Como ficou? Profa. Nancy – Para que pudéssemos iniciar as atividades acadêmicas nas dependências da fazenda foi necessário que fizéssemos reformas nas edificações

exis tentes. No ent anto, e stas de ve m se r comp re en didas como e dificações p rovisórias enquanto as novas não sejam concluídas. Acredito que as instalaçõe s re formadas pode rão atender de formasatisfatória as atividades dos dois prim eiros anos de funcionamento. IN – O que os futuros universitários podem esperar deste campus? Pr ofa. Nancy – A UF SC ar sempre teve como meta formar profissionais altamente qualificados para atuar no mercado de trabalho e neste novo campus a meta não será diferente dessa. Além disso, o engajamento dos estudantes na produção de conhecimento através da pesquisa, e nas atividades de extensão a serem realizadas junto às comunidades da região, certamente prop iciarão a form ação de alto nível desejada. IN – Já está sendo oferecido o ves tibular 2014? Profa. Nancy – Na verdade, nos dias 17, 20 e 21/01 já foram realizadas as matrículas da primeira chamada para os cursos desse novo campus. IN - Qual o perfil dos profissionais q ue irão at uar nes te campus? Profa. Nancy – A com issão encarregada de se lecionar os docen tes para ess e c amp us teve como preoc upação principal explicitar aos diversos candidatos, e em todas as oc asiões do processo, a necessidade de ter nesse campus pessoas motivadas a enf rentar o desafio de se implan tar um n ovo campus, tarefa nada s imples, mas d e extrema relevânc ia. E acred ito que foi muito be m sucedida na sua e mpreitada, pois certamen te teremos lá um conju nt o de prof es sores m uito bem qualificados e dis postos a enfrentar o desafio que lhes foi apresentado.

Fartura terá Programa Praia Acessível neste verão Represa de Chavantes disponibiliza cadeiras anfíbias para pessoas com deficiência tomarem banho de mar Durante o verão, a Represa d e C havan tes , loc alizada em Fartura, te m u ma atraç ão es pecial p ara as p essoas c om de fic iên cia. Trata-se do Prog rama Praia Ace ss ível, qu e te m como objet ivo of erec er eq uipame nt os e t ec nologia para q ue p essoas c om d efic iê nc ia p oss am u su f ruir d a praia e do ban ho de m ar c om seg uranç a e dignidade. Os banhis tas com de fic iência poderão tom ar banh o de mar com as cade iras anf íbias, que são feit as com um tipo de pneu especial que permite supe rar a dific uldad e d e loc omoç ão na areia, e t ambém não afun dam dent ro da água.

De vido à s ua altu ra, é possíve l o us uário entrar na ág ua, em u ma profundidade não perigos a no mar. Os e quipam en tos pe rm it e m m aior fac ilid ad e n a transf erê ncia para a cadeira, q ue p os s ui b raç os re movíve is . A S ecre taria de Est ado dos Direit os d a Pe ssoa com Def ic iê nc ia é res pon sáve l p elo forneciment o das cadeiras, já a p refeitura, pelas eq uipes de su port e do program a. O Programa Praia Ac ess íve l em F art ura acont ec e de seg unda a sexta durante o verão, d as 8h às 17h e o s erviço é grat uit o.


07

29 de janeiro de 2014

Municípios da região recebem ISS arrecadados em pedágios Cidades beneficiadas ficam lindeiras às rodovias do trecho de concessão A receita oriun da d os p edág ios compõe parte s ignificat iva dos orçam entos de algu mas pref eitu ras, esp ecialme nt e em cidade s ond e há pouc os serviços t rib utados, contribuindo para invest imentos em áreas sociais e de infraestrutura. Em 2013, a CCR S PVias repassou R$ 25. 641. 935,39 m ilhões aos 26 mun icíp ios que compõem sua área de atu ação. Entre as cidades b eneficiadas est ão Itapetininga, Capão Bonito, Avaré e Tatuí. O s re cu rs os rep as sados são refe rentes ao p agame nto d o Im pos to s obre Se rviços (ISS ) do t otal arrecad ado pe las conce ssionárias com as tarifas

de pedág io. Aproximadam ente 5% são dest inados aos cofre s públicos d as prefeitu ras das cidad es lin deiras às rodovias qu e faz em p arte do t recho d e concessão da CCR SPVias. Em todas as cidades be neficiadas pelo p rograma de conces são das rodovias, os rec ursos garantidos pe lo pagamento deste tribut o são admin istrados pe los próprios gest ore s m unic ipais, e colaboram para melh orar a qualidade de vida dos m oradores. De ac ord o c om o diretorpresidente da C oncession ária, Márcio Zuqu im, além dos recursos repassados diretamente aos municípios, através do pagamento de impostos, a CCR

SPVias contribu i de outras maneiras c om o d esenvolvim ento dessas cidades. “Realizamos vários proje tos de auxílio cultural, social e e ducacional à comunid ade. Um d eles é o programa de responsabilid ade social Estrada para a Cidad ania, que t em por objetivo dis seminar inf ormações sobre se gurança de trânsito, meio ambiente e cidadania entre os alunos d o 4º e 5º anos das redes públicas de ensino de sses 26 municíp ios”, afirma Zuquim. De ntre os municípios b enef iciad os com o IS S da CCR SPVias estão Avaré, Buri, C apão Bonito, Itaberá, Itapetininga, Itap eva, Itaí, Itararé e Taquarivaí.

CAPÃO BONITO

Prefeitura recebe Licença Prévia para instalação do novo Distrito Industrial Membros da Comissão Especial de Planejamento, Implantação e Acompanhamento Industrial já foi definida A Prefeitura Municipal recebeu no começo de dezembro da CETESB a Licença Prévia para instalação do novo Distrito Industrial, na Fazenda Paineiras, às margens da rodovia Francisco Da Silva Pontes. A LP é um dos prim eiros grandes passos para reestruturação do novo Distrito. “A lice nça foi solicitada na fasede planejamento da implantação do Distrito ela aprova a viabilidade ambiental do empreend iment o. O próximo passo será a Licença de Instalação (LI), que aprova o projeto. Essa é a licença que autoriza o início das obras. Ela é concedida depois de atendidas as condições da Li-

ce nça Pré via. O vice -prefeito Marco Citadini e o secretário de Administração José Toshio Saito coordenarão as etapas dos processos”, explicou o prefeito Julio Fernando. Prioridade - A reest ruturação do novo Distrito Industrial e também do antigo (Distrito I) será uma das prioridades neste ano. A reestruturação é considerada estratégica para a política de geração de emprego e renda em Capão Bonito. Para ace lerar as aç ões, fechand o o ano, o prefeito Julio Fernando e vice Marco Citadini definiram através do decreto nº. 111, de 17 de dezembro, a Co-

missão Especialde Planejamento, Implantação e Acompanhamento Industrial. Compõem a comissão os seguintes membros: Alcides Sonvesso, Alessandro Souza Lopes, Francisco Carlos Ribeiro S ilva, Luis Fernando Fantti, José Roque Machado, Marcelo Pereira Bueno e Sônia Maria Esposte Sturaro. As reuniões ac0nteceram de dois em dois meses e/ou sempre que houver ne cessid ade, mediante convocação. Também estãoem andamento o projeto para levar água tratada e esgoto do novo distrito, inclusive a Sabesp já apresentou a Carta de Diretrizes para implantação dos s istemas de saneamento. A carta traz informaçõe s sobre os sistem as de abastecimento de água, de esgotamento sanitário e efluentes coletados. O projeto b eneficia 100 áreas. “Estamos avançando na parte burocrática. O objetivo não é só criar um novo distrito, mas sim dotá-lo de infraestrut ura para receber novas empresas e evitar erros cometidos no Distrito I” , frisou o vice-prefe ito Marco Citadini. Distrito I Além de ações para o novo Distrito, a prefeitura de Capão Bonito também não desistiu de

concretizar a le galização e pagamento do precatório do Distrito I “Abib Elias Daniel”. A prefeitura fará uma nova investida jurídica para finalizar o processo de pagament o do precatório da área que também é considerada fundamental para conceder escrituras as empresas instaladas e também definir um plano de investimentos para o local. “Apesar de ainda não conseguirmos concretizar a legalização d o Distrito I, devid o uma decisão da Justiça local que não hom olog ou o acordo firm ado com os herdeiros da área, conse guimos re ce nte men te um avanço importante no sentido de levar esgoto ao Distrito. Para isso foi construída uma elevatória de esgoto pela Sabesp, que

já está beneficiando empresas instaladas”, destacou Marco Citadini. Investe São Paulo em Capão Bonito - Outra boa notícia para os empresários de Capão Bonito é a vinda do Investe São Paulo (Agência Pau lista de Promoção de Investimentos e Competit ividad e). A vinda foi viabilizada depois de uma reunião do vice-prefeito Marco Citadini com os repre sent ante s da Inve ste São Pau lo. Segundo Citadini, o encontro deve acontecer em fevereiro, provavelmente no anfiteatro da Faculdade de Tecnologia (Fatec ). “Será u ma ótima oportunidades d os empresários terem in f0ormações p rec isas sob re

investimentos e ações para ampliar resultados. É bom salientar que a Investe São Paulo é a portade entradas das empresas que pretendem se instalar no Estado, além de estimular a expans ão de empree ndimen tos que já es tão e m São Paulo. A agência fornece, gratuitamente, informações es tratégicas que ajudam os investidores a encontrar os melhores locais para os negócios e facilita o contato das empresas com os órgãos públicos e privados. Parte do trabalho da Investe São Paulo é auxiliar os municípios no aten dimento ao investidor e no desenvolvimento do ambiente de negócios, além de estabelecer inte rcâmbios com organ ism os congêneres e agentes financiadores”, explicou Citadini.

CAPÃO BONITO

Servidores municipais terão reajuste salarial de 6,78% O índice aplicado corresponde à reposição de perdas inflacionárias medidas pelos órgãos do gênero A Câmara Municipal de Capão Bonito votou e aprovou no dia 22 de janeiro, em sessão extraordinária, o reajuste salarial dos servidores públicos da Prefeitura e do Legislativo. O ín dice aplic ad o foi de 6,78% e segundo a municipalidade, corresponde à reposição de perdas inflacionárias medidas pelos órgãos do gênero. Na mesma sessão, os vereadores também aprovaram, em regime de urgência, a criação de nove cargos na Prefeitura Municipal, sendo cinco de Agentes de Trânsito, dois de Técnico de Segurança doTrabalho e dois de Coordenador de Controle Interno, e a amp liação de mais 78 vagas na função de Agente Co-

munitário de Saúde. As novas vagas no Executivo Municipal serão preenchidas através de concurso público. Segundo o prefeito Julio Fernando, apesar das limitações orçamentárias, o governo municipal vem se esforçando para executar uma política de valorização dos servidores municipais. “Procuramos reporas perdas inflacionárias ao mesmo tempo melhoramos as condições de trabalho e m todos os set ores da municipalidade. A nova Secretaria Municipal de Obras e Serviços é u m bom exemplo. Além disso, recentemente regularizamos uma questão que foi levada literalmente ‘com a barriga’ por gestões passadas – a licença-

prêmio - que já está sendo paga a todos que têm direito”, destacou o prefeito. Quantoa criação dos cargos, o prefeito Julio Fernando explicou que existe a necessidade de ampliar a fiscalização do trânsit o, da prefeitura contar em seus quadros com profissionais especializados em segurança do trabalho, afin al são mais de 1.200 funcionários, e t ambém ampliaç ão do atendim ento no Set or de Saúde púb lica com mais agentes comunitários. “É bom ressaltar que a contratação de Coorden adores de Con trole Intern o seg uiu re comendação do Tribunal de Contas do Es tado” , re ssalt ou o pre feit o.


08

29 de janeiro de 2014

Proteção do entorno do PETAR pode atrapalhar a economia de Apiaí No ú ltima se gu nd a f eira oc orre u m ais uma rod ada de discu ss ões sobre a zona de amortecim ento duran te a reun ião do C ons elho do Pet ar, prese nte s n o d eb ate o vic ep re fe it o de Ap iaí Eris vald o Café, o presid ente da Camara veread or Samu e l, ve re ador Neg uinh o, repres entantes do as sen tam ent o, m ine rad ore s, me mbros da soc ied ade civil, té cnic os d a fu ndaç ão f lore stal. A re união f oi c oordenada por Rodrigo Aguiar, ges tor do parq ue. O es paço p ara proteção do ent orno d as áreas p ertenc entes ao Parque E stadu al Turístico do Alto Vale d o R ib eira, conhe cido como zona de amorte cime nto, propost a pe la s ecre taria estadu al de meio ambie nte colocava 68% do território de Apiaí sob orientação do p arq ue im possibilit an do atividade s econ ômicas, em algu ns p ontos a áre a previs ta che gava a ter 30 km de ext ensão, com isso coloc an do em ris co a atividade ag rícola no

dis trito de Lag eado, Araçaiba, bairros Qu eimadas, Pin halz inho e a exploração mineral. A zona de amortecim ento é uma áre a de larg ura variável em torno do parque que abrange municípios de Apiaí, Iporanga, It aoca, Guap iara, Eldorado, poden do ser de 0 a 50 km . Tem a função de diminuir os impactos sob re o parque, c ontendo pos síveis vizin hos d e invadir as áreas de proteção, impedir a contaminação da água, invasão de espé cies estranhas à mata atlânt ica, conte r a extraç ão de palmitos , queimadas et c.. Nesse espaço todaatividade desenvolvida prec isa de ap rovação do ge stor ou do órgão qu e esteja dirigindo o parque. Na pratica o município perde a direção d e uma área dentro d o seu te rritório. Faz parte do p roce sso do plano d e manejo conce bido em 2010 c om e stud os espe leológ ic os , socioe conômico, us o publico, para entre outras coisas retorn ar a atividade turístic a as c avern as qu e ficaram

sus pensas após um acide nte com visit ant e. O mapa proposto inic ialmen te pela secretaria estadual foi qu estion ado p ela população de Apiaí no con selho estad ual d e meio ambiente, na Fun dação Flores tal n a Sec retaria de Estado do M eio Am biente e a 6 m eses teve a sua prime ira alteração c om o retorno do plano para revis ão no con selho consultivo do Pet ar. A p artir daí a sociedade vem se m obiliz ando com argu mentos t écn icos, est udos e propos tas para dim inuir a área. A sobrevivên cia, ec onôm ica da comun idade aliada a pres ervação te m orient ado a se cret aria munic ipal d e meio ambiente e aut oridades d e Apiaí. Os téc nicos d a Fu ndaç ão Flores tal, se gu ndo ouvim os de pessoas ligadas a área, não pre tend iam faze r mu danç as, mas , de vido a proximidade da copa e ao fato do PET AR s er con siderado o parqu e da c opa no est ado de SP e a secretaria precis ar da aprovação d o plano d e mane jo cu ja z on a de am ort e c im e n t o é u m d os it ens mais im portant es, ace itaram reve r. Du rant e a reu nião f oi e xpos to o m apa c om algumas alte rações e as regras p ara se trab alhar n essa áre a. Dive rsas int erve nçõe s bu scaram m ostrar que a limitação não c onte mpla a pre servação e est imula a estagnação econômica. Pois limit ar a p rodução seja de aliment os c omo a exp loração min eral e m áreas já trabalhadas leva o cidadão a buscar a sobrevivê ncia in clus ive atra-

vés da c ontravenção ambiental, situ ação q ue já ocorre em diversos pont os do parq ue. O vice-p refeit o Caf é def endeu que se discuta com bom senso, o presid ente da C âmara citou a sobrevivência da região e q uestionou a direção do p arque pelo pouco inve stime nto que faz na área de Caboclos, Lia diretora de turismo pediu que se obs ervem as vocaç ões da região, Francisc o Ferrenha, popular Chico Cit, le mbrou q ue o pag amen to p ela pres ervação da mat a, c om valor compat ível a um a vida dign a é uma saíd a para a região sair do chamad o vale da m iséria. Os mine radore s Ne ls on M ilan d a Oxical e Jose Nas cime nto da Pu rical citaram os em preg os que prete ndem disponibilizar com o f uncionam ento da ex-

traç ão de calcário. Du rant e a re un ião He lio Shimada d o inst ituto geológico tamb ém e xpos características da S erra de Itaoca q ue most ra s er de sn ece ss ária a área de amortecime nto atingir aque le loc al. A prime ira apresent ação do plano foi em 2010, de lá p ara cá muitos debates aconteceram, o espaç o de prote ção entre Iporanga e Guapiara já foi fechado fican do para ultima disc ussão o município de Apiaí. Alg umas reuniõe s sobre o ass unto f oram feitas em anos ant eriore s, na Cachimba oc orreu u ma que não contou com a participação am pla e foi c onsid erada como audiê ncia public a. S eg un do m orad or d o bairro evitou-se com a falta de divulgaç ão que disc ordan tes

da lim itaç ão imposta pude ssem part icipar e discord ar. O Conselho consu ltivo que já foi constituído p or 80% do mu nicípio de I poranga, hoje es ta repre sent ado por tod os os m un ic íp ios qu e divisam com o parq ue, os as su nt os pe rtin ent es ao Petar e ao e ntorno são disc utid os e m re uniões bim estrais , as de cisões enc aminhadas p ara a secre taria do me io amb ien t e, são passos imp ortante s, m as n ão de cisivos por que o conselho é con sultivo. Ent re os conselheiros observa-se a pre ocupação com a des estrut uração que o est ado vem fazen do com a s ecretaria de meio ambien te o que p ode le var a um a privatiz ação de áre as de cons ervaç ão. (AI Prefeitura M unicip al)

Jornal Itararé News Edição 54  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you