Issuu on Google+

Eco Ponto é interditado e ferros velhos são notificados pela Vigilância Sanitária

Homem furta ambulância e capota na SP 249 A Polícia Militar após perseguição conseguiu capturar em Itapeva um rapaz de 21 anos que tinha furtado uma ambulância em Boituva, com a qual capotou na SP 249. Página 02.

Catadores de recicláveis e cooperados da COAMARI estiveram no Paço Municipal em manifestação depois que o Eco Ponto foi interditado com vistas a prevenção da dengue. Página 13.

Edição 786 Itapeva, 23 de maio de 2014

R$ 3,00

Editor-chefe: Kiko Carli - Ano XII

Transparência é isso. O que Itapeva tem a esconder?

Policiais da DIG prendem quadrilha que roubava caixas eletrônicos

No mesmo molde solicitado à Câmara Municipal de Itapeva sobre despesas de viagens dos vereadores foi também pedido à Câmara Municipal de Itararé. Sem esbarrar na “burocracia” e na hostilidade encontradas no Jurídico de nossa cidade, esta semana recebemos do Legislativo Itarareense o documento com os gastos da cidade vizinha, que mostrou que não tem nada a esconder. Página 08.

Três homens que faziam parte de uma quadrilha que assaltava caixas eletrônicos foram presos na manhã desta quartafeira (21), em Bela Vista do Paraíso e Francisco Beltrão, no Paraná. A operação contou com a ação de policiais do Estado de São Paulo, já que os dois suspeitos agiam aqui. A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) disponibilizou seu efetivo nesta operação, que culminou com o feliz desfecho. Dois homens ainda estão foragidos. Dentre os roubos realizados pela quadrilha está o de uma agência bancária em Guapiara. Página 12.

Técnicos da ANATEL virão a Itapeva para averiguar o serviço de telefonia O vereador Oziel Pires, juntamente com uma comitiva formada por autoridades da região estiveram em São Paulo na sede da ANATEL para mostrar a situação da operadora Vivo em nossa cidade, a qual tem vendido o serviço, porém realizado com má qualidade. Página 02.

Secretaria de Obras colocará outras faixas elevadas pela cidade Sábado é dia de Mostra Competitiva na 7ª edição do Festival Pop de Cinema Já está quase tudo pronto para a Mostra Competitiva do Festival Pop de Cinema, que acontece neste sábado (24) a partir das 20h, na sede social do Itapeva Clube. Com o tema comédia, o evento promete ser um dos melhores realizados até hoje. Vale a pena sair de casa e prestigiar o último dia do Festival. Página 05-C.

Alguns munícipes nos procuraram para reclamar da faixa elevada que foi instalada na Avenida Mário Covas. Outros

Comércio itapevense terá horário de trabalho diferenciado durante os jogos da Copa Página 02

elogiaram a atitude do secretário Junior Zacharias. Essas lombo-faixas serão construídas em outros pontos onde o fluxo é grande e há necessidade de acessibilidade. Obras em frente ao Fórum terão início ainda este mês. Página 09.


2

23 de maio de 2014

Editorial Ita News: 12 anos levando informação com responsabilidade à população Este mês é bastante especial para a família Carli, sempre empenhada na luta para se manter em pé e com a máxima responsabilidade. Como nada nessa vida é fácil, cremos que tudo o que vem dessa forma se vai com o tempo. A luta é árdua, mas vale a pena colher os frutos do trabalho, por isso é motivo de comemorar a colheita farta todos os anos. E este ano não é diferente. O Jornal Ita News está completando 12 anos de existência com uma participação atuante na vida de seus leitores, jornal este com um compromisso maduro com a verdade. O jornalismo regional é a voz e o rosto de um local e da sua gente. Mostra, questiona e procura as razões, esclarece e incentiva a reflexão individual, a discussão pública e o encontro de ideias e o debate. É um espaço de cidadania onde todos cabem. O jornal mostra a que veio e sabe que para se fazer jornalismo, é preciso vivê-lo, é preciso ter a noção do seu poder e do seu papel na sociedade. Com muita independência e criatividade, o Jornal Ita News faz um jornalismo ousado a serviço do público, dando voz a muitos setores da sociedade de Itapeva e de nos-

sa região. É um jornal com liberdade e coragem de ventilar os temas mais polêmicos e ainda tem a sorte de contar com uma equipe competentíssima de colaboradores. Os 12 anos do Jornal Ita News é um fato marcante no jornalismo local e regional por ser um jornal combativo, corajoso e que dá liberdade de expressão a quem escreve, demonstrando sempre a imparcialidade. Desejamos que vários outros aniversários ainda venham, para manter e fortalecer a parceria que muito nos orgulha em conservar. Na verdade, o Jornal Ita News sobrevive, porque demonstra ser o portador da verdade. É um projeto sério e idealista que vem se firmando ao noticiar fatos do nosso cotidiano. Parabéns aos assinantes, anunciantes, colaboradores, funcionários e em especial aos leitores, que são coautores na construção diária desta marca. Parabéns a nós por mais este aniversário e que continuemos a caminhada por muitas décadas, pois nossa história, trabalho e lutas fazem parte do patrimônio de Itapeva. Desejamos que o sucesso sempre esteja em ascensão e que nossa parceria perdure, até que a morte nos separe!

Técnicos da ANATEL virão a Itapeva para averiguar o serviço de telefonia

O

vereador Oziel Pires, juntamente com uma comitiva formada por autoridades da região estiveram em São Paulo na sede da Agência Nacional das Telecomunicações para mostrar a situação da operadora Vivo em nossa cidade, a qual tem vendido o serviço, porém realizado com má qualidade. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o vereador falou sobre esta reunião e da expectativa positiva após o encontro, confira: IN – Qual foi o teor da reunião que o senhor participou em São Paulo com a ANATEL? Oziel – Foram em relação as reclamações que temos dentro do município, a respeito de telefones que não funcionam, pois pagamos pelo serviço e não temos qualidade. Hoje temos linhas cruzadas e tem dias que não conseguimos falar pelo celular, ou seja, a Vivo tem um serviço, mas o presta de má qualidade. IN – Quem foi com o senhor nessa reunião? Oziel – Eu e mais três vereadores do município, o presidente do CONDERSUL, um representante do munícipio de Taquarivaí e representante da Câmara de Itaberá. IN – Quem participou da ANATEL? Oziel – Estivemos com o Dr.

Everaldo, gerente regional da ANATEL e a reunião foi no próprio prédio da Agência. IN – O que foi definido nesta reunião? Oziel – O encontro foi muito produtivo pela atenção que nos foi dada e pelas informações que ele passou. Deixamos uma reivindicação à população, para que continuem reclamando ao PROCON, porque muitas vezes no próprio site da Vivo, onde avaliamos a qualidade da operadora, estamos numa situação muito boa, ótima ou talvez regular e não esteja péssimo na

avaliação, e a qualidade é medida por eles por esses dados. A partir do momento que levamos as reclamações até eles, a Câmara vai fazer o seu dever de casa, que é reclamar na ANATEL para que tomem as devidas providências. IN – Os abaixo assinados feitos aqui em Itapeva foram apresentados a eles? Oziel – Nós não tivemos acesso ao abaixo assinado para levar, mas foi citado por mim, inclusive que a empresa Ita News, que é a imprensa da cidade tem se movimentado bastante quanto a isso. Eu acho que esse abaixo assinado deve ter sido encaminhado ao Ministério Público e que posteriormente ira chegar até eles e esse também é um caminho que eles cobram muito. IN – Foi apresentada alguma solução para este caso? Oziel – Nós ficamos felizes por ter ido até lá, porque nos próximos dias haverá uma visita de um técnico da ANATEL para averiguar esse serviço na cidade. Quando nós reclamamos do próprio prédio da Câmara por ser público, onde temos uma grande dificuldade com a internet e eles nos deram a posição

de que isso não pode acontecer em hipótese alguma, ainda mais por ser um prédio público eles tem uma qualidade de serviço. IN – Qual a sua expectativa depois dessa reunião? Oziel – A expectativa é muito grande, porque fomos muito bem recebidos, os esclarecimentos foram suficiente para quem estava lá, e para que nós continuemos lutando e que possa ser tomada uma atitude o mais rápido possível. IN – O que o senhor diria a população de Itapeva após esse encontro? Oziel – Eu digo que é uma luta que não está no final, estamos longe de conquistar essa batalha, mas eu peço ao povo que não desista e que continue fazendo as reclamações e cobrando. Enquanto representantes do povo estaremos à disposição e fazendo nosso dever de casa, que é cobrar a ANATEL, inclusive vamos articular pela Câmara uma audiência pública com a Vivo e o munícipio, com a presença do diretor Dr. Everaldo. Vamos agendar e convocar a população de toda a região para participar dessa audiência, que acredito será muito positivo para o nosso município.

Comércio terá horário de trabalho diferenciado durante os jogos da Copa Modificações na jornada ocorrerão somente nas partidas da seleção brasileira

Indústria Gráfica IN Ltda - ME CNP J: 15.017.953/0001-30 | Inscri ção Es tadual: 372.082.326.112 Rua Al fredo Moreira de Souza, 379 Parque Industri al Fones: 3521-1386 | 3521-1176 E-ma il: jornalitanews@ig.com.br | Site: www.jornalita news.com.br

Editor-chefe: Kiko Carli Jornalista Responsável: Marcus Oliveira - MTB42240 Consultor Jurídico: Dr. Renato Jensen Rossi - OAB 234.554 Impressão: Gráfica IN(Registrada em Cartório sob nº 2470 em 26/08/2009) Tiragem: 3.000 exemplares | Registrado em Cartório sob nº 2474, no livro de matrículas de jornal no dia 17/09/2009. A direção deste jornal não se responsabiliza por artigos assinados que não necessariamente expressam a opinião deste veículo. O jornal Ita News não é responsável pela qualidade, proveniência, veracidade e pontualidade dascolocações dos anúnciosclassificados publicados em suas páginas, bem como os conteúdos de seuscolunistas, os quais não possuem nenhum vínculo empregatício com a empresa. Circula em Buri, Capão Bonito, Guapiara, Itararé, Itapeva, Nova Campina, Ribeirão Branco, Ribeirão Grande, Riversul e Taquarivaí.

Os comerciários de Itapeva e região terão horário de trabalho diferenciado durante os jogos do Brasil na Copa. De acordo com o presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Itapeva (Sincomerciários), Marcelo Nunes de Castro, as empresas dispensarão seus empregados nos dias de jogos da seleção brasileira meia hora antes de cada partida. Ainda conforme Marcelo, as empresas que funcionam em ambientes e locais especiais, mistos ou assemelhados que tem turno diferenciado até às 22h, de segunda a sábado, devem seguir a mesma regra, porém o empregado terá 30 minutos após o

termino do jogo para retomar seu expediente normal (caso necessite). O acordo foi fechado no dia 16, entre o Sincomerciários e o Sindicato do Comércio Varejista de Itapeva (Sincomércio) e contemplam as 22 cidades atendidas pelo Sincomerciários. Tabela - Na primeira fase do Mundial, a seleção brasileira joga nos dias 12, 17 e 23 de junho. A primeira partida, na abertura da Copa, o Brasil enfrenta a Croácia, às 17h, na Arena Corinthians (SP). A segunda partida é contra o México, às 16h, na Arena Castelão (CE). O terceiro jogo é contra Camarões, às 17h, no Estádio Nacional Mané Garrincha (DF).


3

23 de maio de 2014

Estamos de Olho Vitória Parabéns ao prefeito Roberto Comeron e sua equipe por conquistar a Frente de Trabalho para Itapeva. Um novo impulso para a profissionalização dos munícipes em busca de um novo horizonte. Que o processo seja um sucesso e o contrato renovado posteriormente.

realização do evento. O pedido deve ser feito em conjunto pela Casa de Leis. Parabéns Oziel! Por outro lado se já tivessem implantado a Atividade Delegada em Itapeva isso não teria o menor problema. Vale ressaltar que isso não partiu do Batalhão, mas sim do alto escalão que recrutou efetivo do Estado todo.

Pergunta

Até tu?

Quantas promessa vocês receberam do candidatos a deputado? E daqueles que já têm mandato? As que foram feitas em 2010 foram cumpridas? Pense nisso antes de votar. Os oportunistas voltam a bater a sua porta.

Célio Cavaco – “Venho fazer uma crítica, para que o prefeito e o secretário veja isso, porque eu faço parte do governo. Hoje de manhã eu estive na UPA e não tinha nem o que fazer, pois estava lotado e por coincidência quando eu fui almoçar o meu neto estava com quase 40 gruas de febre. Eu levei ele na UPA às13 horas e saímos às 19 horas. Tirei foto e coloquei no meu facebook”. Lamento o ocorrido em função da criança ter que passar por tais provações. Por outro lado, o vereador sabe agora realmente o que acontece em alguns momentos com os munícipes que o elegeram.

Visão A vereadora Áurea Rosa de Itapeva parece que está com outra visão daqueles que se diziam seus amigos. Até onde sentar na Casa de Leis a vereadora mudou, já que vai procurar novos caminhos e horizontes que uma verdadeira representante do povo merece. Cansou de ser enganada e volta a ser a vereadora mais adorada pela população de Itapeva.

Com certeza Oziel – “Eu tive a informação que devido a Copa do Mundo, nós vamos perder parte do policiamento neste período. O Batalhão perderá em torno de 15 policiais, que estarão indo para Sorocaba. Eu acho que é uma perda muito grande para a nossa população”. A preocupação do vereador é pertinente, já que em momentos semelhantes onde a população participa ativamente sempre existem aqueles que exageram na bebida e ainda os amigos do alheio que não perdoam nem a

A verdade Toni do Cofesa – “Quanto à Rua Ricardo Whaterly, quero agradecer ao Patriarca, ao DEMUTRAN e ao prefeito, porque aquilo que foi proposto aos poucos está sendo cumprido. Estou entrando com um pedido, pois estive essa semana no Jardim Grajaú e lá tem uma rua muito perigosa com casas na beira de um barranco sem nenhuma proteção. Dias atrás caiu um carro no local quase em cima das casas. Da mesma forma que deram atenção à Rua Ricardo Whaterly eu também peço que vejam isso o mais urgente possível, para que vidas sejam preservadas. Também gostaria de agradecer o secretário Luiz Tassinari, por-

por Kiko Carli que passei para ele alguns pleitos em relação ao Posto do Jardim Grajaú e ele me disse que até o final do ano o problema estará resolvido. Espero e acredito, porque ele tem sido cuidadoso com as nossas necessidades, sei que ele vai tomar providências”. Problemas existem em todas as administrações e o vereador Toni sabe muito bem colocar as necessidades e virtudes do grupo de assessores do prefeito. O secretário Tassinari não se esconde e vai em busca de soluções dentro de suas possibilidades.

Prevenção Margarido – “Ouvindo a palavra do Oziel e sua preocupação me chamou a atenção a Copa do Mundo. Sei que todos vão estar preocupados em assistir jogos e nós temos que chamar a atenção do Poder Executivo para que tenha plantão na Saúde e na Segurança Pública”. Importante a preocupação dos nobres edis com um momento que dá alegria, mas pode se transformar em grande tristeza. Prevenir anda é o melhor remédio. Lembrando que o Batalhão já havia se programado quanto ao efetivo e não faltará segurança durante a Copa.

Informação Eliel – “No mandato passado, o Wilson do Bairro da Caputera doou esse terreno. Se for por falta disso, então já pode começar a escola. No Bairro da Caputera tem um terreno doado de 4 mil m² para a construção de um escola”. Junior Guari – “Quero esclarecer algo que talvez o vereador não tenha conhecimento. Eu sou totalmente favorável que se construa essa escola no Bairro da Caputera, mas a verba do Estado é só para a sede do Distrito”. A falta de

informação pode colocar um administrador em má situação perante a população de um local tão importante como a Caputera. Felizmente o presidente da Casa corrigiu a colocação, mas a reivindicação do vereador Eliel deve ter apoio dos demais.

Sugestão Margarido – “Eu acho que esse caso ao invés de ficar discutindo aqui na Câmara, porque quem tem o poder da caneta é o prefeito e quem tem o poder de negociação são os secretários, nós devamos achar uma solução, porque a verba é muito grande”. A discussão é saudável e muitas vezes traz a solução para vários problemas. A sua sugestão veio em função da colocação dos outros edis e que pode gerar um fato novo para o problema.

Colocação Áurea – “Gostaria de fazer uma reflexão junto com essa Casa de Leis no tocante ao ocorrido com o Jornal Ita News. Quero comunicar ao senhor presidente que eu estou fazendo minha prestação de contas e pedindo para o jornal publicar. Eu quero explicar que é permitido que o vereador use o veículo para as suas funções não importando o local, desde que seja justificado. Entendo que o que estão sendo questionado são os gastos. Durante o meu período de vereança nenhuma nota de alimentação foi trazida para essa Casa de Leis para que a Câmara pagasse. Acho justo que cada um banque a sua despesa de viagem, porque onde quer que eu esteja eu vou ter que comer, e se tiver alguém junto que pague também”. Concordo com a nobre vereadora que possa ser permitido uma viagem para o

vereador, mas não dezenas e em locais que nada tem a ver com nossa cidade, como Curitiba e Santos, entre outros. Por que nos omitiram os gastos? Toda vez que nosso funcionário vai a Casa de Leis surge um novo empecilho. Do que alguns tem medo? Quanto a publicação de sua prestação de contas o faremos com o maior prazer.

Boteco “Qualquer cidadão pode chegar ao jurídico e exigir a documentação para verificar as viagens, quem julga a Câmara é o Tribunal de Contas da União, e a imprensa está no seu direito de fiscalizar e apontar os erros, e se houver que se resolva. Eu estou no meu quinto mandato e sei quais são os meus procedimentos. Eu posso muito bem representar a Câmara, e que ela não fique nesse jogo, que os colegas façam uma reflexão, e que ajudem a resolver situações que chegam do outro lado, porque isso não fica bem para ninguém. Eu estou numa Câmara de Vereadores, não estou trabalhando em nenhum boteco, por isso peço a colaboração de todos”, finalizou a vereadora Áurea. Mais uma vez a fala foi correta, mas ainda pergunto: por que não existe na Casa de Leis de Itapeva a mesma transparência que demonstrou a de Itararé como mostramos nesta edição?

Quero ver Célio do Cavaco – “O meu gabinete também está aberto para mostrar os gastos”. Encaminhe as cópias para nossa equipe vereador.

Fato Falta liderança para o pre-

feito Roberto Comeron na Casa de Leis.

Fato II Existe muita arrogância de alguns funcionários e assessores na Câmara Municipal de Itapeva.

Fato III Tem gente ligada a Casa de Leis, que se acha mais importante que os vereadores e passa por cima dos mesmos sem dó. Quem comanda tais atos?

Ainda? O acusado na CEI da Educação Wagner Chinchila questionou nas redes sociais o porquê de não receber uma cópia de todos o processo que envolvia seu nome, já que fez o pedido há mais de 30 dias? Ele pergunta: “Qual é o medo”?

Ainda? II O acusado Wagner Chinchila e demitido sem que nada fosse provado e sem ter a oportunidade de fazer uma acareação com o presidente da CEI, o vereador Jé, não se conforma de não ter sido convocado para falar o que sabe. Qual o medo, agora pergunto eu?

Ainda? III O amigo pessoal (Giovani Gallo) do Wagner Chinchila postou nas redes sociais que uma pessoa teria comprado o mandato na eleição passada. Seria algum envolvido na CEI? Alguém da Casa de Leis? Seria esse o motivo da não convocação do rapaz? Acredito que o Ministério Público deveria chamar a todos e colocar um ponto final nesta história obscura, que denigri nossos vereadores. Quem são os reais culpados?

Conselho Municipal de Políticas Culturais é empossado

N

a última quarta-feira (21), o Conselho Municipal de Políticas Culturais de Itapeva foi empossado no Auditório Haru Izumi e dentre os membros eleitos pelo voto popular foram escolhidos os participantes para compor a Câmara Técnica e a Diretoria do Conselho. A Câmara Técnica, responsável por analisar, assessorar e avaliar os projetos e parcerias da Secretaria Municipal de Cultura possui cinco membros, são eles: Elcir Melo (regente do Coral Municipal), Fábio Ilczuk (poeta), Zico Oliveira (professor de teatro), Rafael Campolim (secretário da Agricultura) e José Luiz Couto (imprensa oficial). A Diretoria do Conselho foi escolhida entre os membros e ficou disposta da seguinte forma: Flávio Carvalho, diretor de Cultura como secretário do conselho, Zuleide Leite, responsável pelo IHGGI como vice-presidente e Setembrina Lourenço de Oliveira, secretária municipal da Cultura e Turismo como presidente do Conselho. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, a secretária municipal da Cultura e Turismo e agora também presidente do Conselho Municipal de

Políticas Culturais, Setembrina Lourenço de Oliveira, forneceu as informações a respeito deste importante passo para a construção de políticas culturais futuras. IN – O que é o Conselho Municipal de Políticas Culturais? Secretária – É um novo conceito, porque de 10 a 15 anos a Cultura era a última Secretaria do município onde se fazia o que podia, no intuito de acudir os pequenos grupos que existiam na cidade. A Cultura hoje tem status de política pública, com obrigação dos governos nas

três esferas de governo à promoção cultural, para que ela se desenvolva no município e seja uma coisa bem conversada e democraticamente resolvida, onde pode ser investido isso ou aquilo, através das deliberações do Conselho Municipal de Políticas Culturais. IN – E como foi feito a escolha dos cargos diretores entre os membros eleitos pelo voto popular? Secretária – Foi feito por aclamação, até porque tinha certa identidade das pessoas, uma liberdade muito grande na es-

colha e nesse sentido foi algo totalmente democrático e livre. Acho que nós demos um passo muito importante no sentido de que as pessoas estão reconhecendo o trabalho da Secretaria da Cultura. Os agentes culturais do munícipio estão entendendo a nossa proposta. IN – Quais serão os desafios desse mais novo Conselho? Secretária – Exatamente fazer o Plano Municipal de Cultura, para nos integrarmos ao Sistema Nacional de Cultura. Esse plano é feito da forma mais democrática possível, utilizando todas as manifestações culturais que existem e a participação de todas as pessoas que queiram caminhar conosco, inclusive as reuniões já estão começando a serem marcadas. Esse é um plano para 10 anos e eventualmente é revisto, nesse sentido é que precisamos fazer com que ele seja o mais democrático possível. IN – Há possibilidade de esse Conselho deliberar a nova edição do projeto VAI? Secretária – O VAI é uma lei municipal, onde a Secretaria da Cultura investe nos grupos, eu acho que é o que tem de mais novo e oportuno nesse momento. Para nós fazermos a nossa

Política Municipal de Cultura temos a obrigação de incentivar o VAI, porque são várias propostas que vamos receber e todos os grupos serão analisados

e estão convidados a apresentar as propostas. Essa lei é de autoria do então vereador Gegê, que por si só nos coloca no patamar de política cultural.


4

23 de maio de 2014

Entre Tantas Coisas

por Fany Almeida

Pacato Cidadão por Luiz Eduardo Galvão de Morais Paixão

Sou forasteiro aqui, em terra estranha estou Esse é um ano atípico, pois teremos dois eventos importantes para serem apreciados. De um lado a Copa do Mundo, de outro as eleições para Deputado Estadual, Federal, Senador, Governador e Presidente. Quanto a Copa do Mundo, sei que muitos mesmo se dizendo contra, no fundo sente uma pontinha de orgulho, pois sabemos que nenhum outro país do mundo tem a sua identidade tão ligada ao futebol quanto o Brasil. Para os brasileiros o futebol é mais do que um esporte, é uma paixão nacional, que vai muito além de um simples chute na bola. Milhões de pessoas praticam este esporte mesmo amadoristicamente, no seu dia a dia, qualquer lugar por menor que seja, ali se improvisa uma partida de futebol com qualquer tipo de bola, mesmo que seja de feita de pano. A importância da Copa do Mundo não é apenas econômica ou comercial. Na verdade, o mundo vai se encontrar no Brasil a convite do futebol. Eu confesso que mesmo vivendo o caos da política ultimamente, não podemos deixar de prestigiar esse evento, já que o nosso Brasil, brasileiro foi escolhido como sede. Mas quero chamar a atenção dos nossos tão amados leitores, sobre outro evento de grande responsabilidade que acontecerá logo após a Copa, esse sim decide que ganha ou quem perde. As eleições também estão se aproximando e nossa preocupação é sobre os candidatos paraquedistas que começam a aparecer na

nossa tão querida terrinha. Pessoas que não tem identificação nenhuma com bom conselho, aliás, muitos nem conhecem a cidade, acredito que alguns até descobriram pelo Mapa Geográfico do País. Será que os eleitores dessa terra vão dar ouvidos a pessoas estranhas sem compromisso e com promessas obsoletas? Essa é uma realidade que precisa ser pensada e questionada no nosso mundo político. Eles são audaciosos, escolados na malandragem, e você sabe por que isso acontece? Porque os tais famosos forasteiros têm políticos locais que são empregados para trabalhar por eles na compra de votos e como resultado disso, que se dane o município. A necessidade e a falta de educação levam o nosso eleitor a trocar o voto por qualquer benefício que o tal possa oferecer, pode até ser uma piadinha daquelas bobas, mas não é. Entra muito dinheiro e não têm como impeli-los, eles compram o mandato e chegam a Brasília sem a menor experiência política e dispostos a recuperar o dinheiro gasto com a compra da sua consciência, isso mesmo! Eles vendem até a alma ao diabo, como pagaram pelo mandato não se sentem na obrigação de trabalhar pelos que votam nele ou mesmo pelo seu município. Como maior consequência de tudo que falei, eles se corrompem e entram em trambiques dos mais diversos possíveis, empobrecem a vida política da nação pela corrupção e desmoralizam o Congresso Na-

Transparência Desproporcional e Desarrazoada

cional. Nesse quesito o Brasil está repleto de partidos paraquedistas, que abrigam os oportunistas que se engajam aos governos em troca de benesses. Aos leitores e amigos que compartilham diariamente a notícia façam uma reflexão. Será que vale a pena você vender seu voto para esses marmanjos de plantão que só aparecem a cada quatro anos e só vivem de vender a sua dignidade como uma grande mercadoria? Nos últimos tempos quais foram os candidatos eleitos que fizeram alguma coisa pelo nosso município, sim caros amigos, nós podemos contar nos dedos, ou será que estou vivendo uma amnésia? Se estou me perdoem, não lembro mesmo. Quem prestou bem atenção no que eu escrevo sabe muito bem que os forasteiros que cito, são aqueles que nem bem chegam e já se sentem o dono da situação; mentem e extorquem. E o que não falta em nossa cidade, são forasteiros aproveitadores na política. Apresentam-se como o salvador-da-pátria, o paladino das boas causas, o remédio para todos os males, apenas para subir mais um degrau para atingir seus objetivos pessoais. E tem candidato que ainda não se deu conta que é ficha suja, torço para que Itapeva não precise desse tipo de pessoas, e que tenhamos mais consciência e ciência na hora de votar.

Por Dentro da Lei

Na coluna semanal Pacato Cidadão tenho me concentrado em “falar” e criar discussões sobre temas macro, que abrangem fatos importantes na vida dos cidadãos de nosso país e do globo todo. Isso porque acho interessante “conversar” sobre assuntos de políticas e de economias nacionais e internacionais. Além disso temos colunistas de extrema competência em nossa equipe que já abordam os temas regionais e municipais. Porém, no artigo de hoje, “deixarei de lado” a minha linha de abordagem habitual para discorrer sobre um assunto que me deixou bastante indignado, como cidadão itapevense que sou, noticiado na edição 785 desse Jornal, onde fomos informados que o Setor Jurídico da Câmara de Itapeva indeferiu uma solicitação desse veículo importante de informação e comunicação na cidade e na região (encaminhada formalmente via ofício), pleiteando informações mais detalhadas sobre os gastos e despesas com viagens realizadas com veículo oficial. As notícias de despesas com inúmeras viagens com veículos oficiais e de gastos públicos já são rotineiras, infelizmente, para todos nós brasileiros. Quando são casos de corrupção em instâncias maiores (Nação e Estado), reclamamos, nos manifestamos, mas para que haja mudança um dia é necessário que um empenho coletivo gigantesco ocorra, como o que aconteceu nas “Diretas Já” e no movimento das “Caras Pintadas”. Mas quando a coisa começa a “ficar esquisita” na nossa cidade, a qual amamos, onde nascemos, crescemos e vivemos e

Licitações

por Wanderley Verneck Romanoff

acontecem descasos como esse (da recusa de fornecer informações), devemos todos cobrar veementemente. E cobrar sempre, até que sejamos atendidos. O Setor Jurídico da Câmara negou o pedido baseado e amparado por lei. Até aí, tudo bem. Esse nosso país está cheio de leis que servem como brecha para que algum fato seja ignorado ou analisado, dependendo da situação. Mas nós vivemos no século XXI, onde a informação é o ouro, o capital que dita as regras. E hoje em dia, todos têm direito de saber o que querem. Sinceramente, não entendi o motivo pelo qual a solicitação foi recusada. Não há funcionários suficientes para “levantar” essas informações? Não há tempo suficiente na carga horária de algum funcionário para que realize essa pesquisa e faça a tabulação dos dados? Ou sentiram-se acuados pela solicitação, com medo da análise e da interpretação dos dados que seriam fornecidos? Caramba! Quando li a notícia lembrei até da Dilma e de seus “guardiões”, tentando de tudo para que a CPI da Petrobrás não ocorresse. Eu aprendi desde criancinha que “quem não deve, não teme”. Até o que eu sei, o verbo “pedir” é diferente do verbo “acusar”. As informações foram simplesmente solicitadas. Não “puderam” ser fornecidas porque a lei “diz” que, nesse caso, pelo fato de não especificar-se o vereador e a viagem referida, configura-se uma solicitação genérica. Agora, uma coisa que eu não entendo mesmo é a falta de coerência quando se fala em transparência na política atual. Não sei

se você leitor já percebeu isso alguma vez (tenho quase certeza que já parou para pensar sobre), mas quando um vereador (não estou generalizando e tão pouco fazendo alusão a alguém aqui) lança um projeto, cria uma polêmica sobre algo ou “faz média” com um determinado bairro, não mede esforços para que isso seja divulgado. “Vereador Fulano faz questionamento sobre tal coisa”. “Vereador Cicrano lança projeto de lei blá-blá-blá”. “Vereador Beltrano visita comunidade tal”. Nessas horas é bom ser transparente e mostrar as coisas não é? Mostrar que está “trabalhando”, que está “na ativa”. Porém, no momento de dar satisfação para a população, fornecer informações que interessam a todos, usam de artifícios legais para dificultar o acesso. Podem conseguir negar o fornecimento dessas informações agora, mas uma hora tudo será esclarecido. Se até os arquivos da ditadura militar estão sendo abertos para o cidadão investigar, por qual motivo não podemos verificar os gastos de nossos vereadores? Parabenizo a equipe de reportagem e a direção desse Jornal pela atitude de solicitarem as informações de forma legal e por não desistirem de consegui-las mesmo depois da recusa do fornecimento. A tática da transparência desproporcional e desarrazoada não vai vencer nunca a gana de cidadãos que simplemente querem saber como é gasto o dinheiro público e como e por onde seus representantes andam viajando.

por Gilberto Mendes

Contrato de trabalho temporário O trabalho temporário foi instituído pela Lei nº 6.019/74, é definido como aquele prestado por pessoa física a uma empresa, para atender à necessidade transitória de substituição de seu pessoal regular e permanente ou a acréscimo extraordinário de serviços. O contrato de trabalho temporário é uma espécie de contrato de trabalho determinado e a partir de sua instituição buscou-se suprir uma necessidade transitória decorrente da substituição de trabalhadores ou do aumento da demanda. Ele é firmado entre o trabalhador e uma empresa do setor de trabalho temporário autorizada pelo Ministério do Trabalho e Emprego, deve ter duração máxima de 03 (três) meses, podendo ser prorrogado por mesmo período, mediante autorização solicitada à Superintendência Regional do Trabalho e Emprego. Ademais, o contrato entre a empresa de trabalho temporário e a empresa tomadora de serviço ou cliente deverá ser obrigatoriamente escrito e nele deve ser expresso o motivo pelo qual a empresa tomadora está requerendo trabalho temporário, assim como as modalidades de remuneração da prestação de

serviço. Em relação aos direitos, o trabalhador temporário tem jornada de oito horas diárias, remuneração de horas extras (não excedentes de duas, com acréscimo de 20%), repouso semanal remunerado, 13º salário, adicional por trabalho noturno, férias proporcionais acrescidas de 1/3 e proteção previdenciária, seguro de acidente de trabalho, entre outros, podendo-se observar que são semelhantes ao de um trabalhador efetivo. Entretanto, não tem direito a aviso prévio e nem recebimento de multa de 40% do FGTS. Vale mencionar que durante o trabalho temporário, as gestantes têm direito a estabilidade provisória, e no caso de serem demitidas, terão direito à reintegração ou indenização. A estabilidade decorrente de acidente de trabalho também se estende ao trabalhador temporário. Ocorre que, apesar de a Lei estabelecer as condições da celebração de contrato de trabalho temporário, é comum que muitas empresas, na tentativa de reduzir os encargos trabalhistas, utilizem a substituição de trabalhadores efetivos por temporários, sem haver as situações previstas em Lei, podendo gerar

Erros Comuns em Pregão Eletrônico

a descaracterização de todos os contratos temporários. Se houver a descaracterização, o contrato de trabalho temporário passa a ser considerado como indeterminado desde o início, com formação de liame empregatício direto com a tomadora de serviços. Destarte, pode-se concluir que a fraude não gera vantagens, e sim prejuízos, já que pode levar o empregador a pagar os direitos trabalhistas de uma só vez, além de gerar a possibilidade de ser o polo passivo em várias reclamações trabalhistas, onde os reclamantes requererão o reconhecimento de vínculo direto com a tomadora. Diante do exposto, concluise que a contratação de trabalhador temporário é vantajosa quando há o respeito e preenchimento dos requisitos previstos em Lei, já que para o trabalhador há a possibilidade de efetivação e conquista de um emprego formal em um dos diversos ramos comerciais, além de adquirir qualificação e experiência. Já as empresas encontram empregados imediatamente produtivos pelo período necessário, além de ter a opção de contratar o trabalhador temporário no seu quadro permanente, sem custos adicionais, entre outros. Sendo assim, o trabalho temporário gera benefícios para toda a sociedade, já que muitas pessoas encontram nele a possibilidade de auferir renda imediata com direitos quase equiparados aos dos trabalhadores efetivos.

Dando continuidade aos Erros Comuns em Pregão Eletrônico, descreveremos nesta edição sobre: 2 - Prazo de Impugnação do Edital Erro: É Comum os Licitantes confundir o prazo para entrega da impugnação que é de 02 (dois) dias úteis antes da data de Abertura do certame, porém a conta exclui o dia da licitação, na prática conte 03 dias úteis antes da abertura. Solução: Vamos supor que a licitação é 2ª feira, dia 28/04/14, não conta o fim de semana e conta os dois dias úteis anteriores à licitação, no caso (6ª feira e 5ª Feira), portanto o prazo final para entrega da Impugnação é 4ª Feira dia 23/04/14. Em alguns órgãos públicos o protocolo funciona até às 13h00, prestar bem atenção no horário máximo permitido para entrega. Próximo tema: Erros Comuns em Pregão Eletrônico – 3 - Registro da Proposta nos Portais de Licitação SOBRE A BOLSA ELETRÔNICA DE COMPRAS - BEC fonte: www.bec.sp.gov.br Perguntas frequentes (16) NEGOCIAÇÕES ELETRÔNICAS Envio de Lances Como enviar lances no Sistema BEC/SP? No Pregão Eletrônico, somente os fornecedores classificados podem participar da etapa de lances, que tem início após a análise das propostas, mediante ação do pregoeiro. Atenção! Os lances devem ser enviados por meio do botão Enviar Oferta, sempre com 4 (quatro) casas decimais. Exem-

plos: R$ 1,0000 (um real); R$ 5,5000 (cinco reais e cinquenta centavos). Teste seu conhecimento. Qual é a alternativa correta? Segundo a Lei nº 8.666/93, a modalidade de licitação que possibilita a participação de quaisquer interessados, independentemente de serem cadastrados ou não no órgão promotor da licitação, desde que atendam às exigências do edital, em especial no que se referem às condições preliminares de habilitação é (A) o pregão. (B) a concorrência. (C) o leilão. (D) o concurso. (E) a tomada de preços. Teste anterior: A desclassificação do licitante, motivada pelo não atendimento às exigências constantes no instrumento convocatório do certame, está diretamente relacionada com o princípio da: Resposta: vinculação ao edital (alternativa E) PAINEL DE LICITAÇÕES PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPEVA (SP) Pregão Presencial Nº 67/14 do tipo Menor Preço – SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS – Objeto: Aquisição de Grade de Metalão, para atender as necessidades da Secretaria Municipal de Obras e Serviços. Credenciamento início às 09h00 do dia 03/ 06/2014. PREFEITURA MUNICIPAL DE ITABERÁ (SP) Tomada de Preços nº 21/2014

– Objeto: Contratação de empresa para execução de obra de ampliação do PSF- Agrovila III, em regime de empreitada global, fornecimento de materiais, mão de obra e equipamentos necessários, no valor global estimado em R$ 89.550,00 (Oitenta e nove mil, quinhentos e cinquenta reais). ABERTURA 30/05/2014. Sistema BEC – Bolsa Eletrônica de Compras do Estado de São Paulo Pregão Eletrônico - DIR. ENS. REG. DE ITAPEVA (SP) Objeto: SERVICOS DE VIGILANCIA – Data do certame: 02/06/2014, às 09h00. TRANSPARÊNCIA / ACESSO Á INFORMAÇÃO A Lei 8.666/93, no § 3º do artigo 3º, estatui que “a licitação não será sigilosa, sendo públicos e acessíveis ao público, os atos de seu procedimento, salvo, quanto ao conteúdo das propostas até a respectiva abertura.” Link “LICITAÇÕES” dos sites da: Prefeitura de Itapetininga (SP): Bom. Prefeitura de Itaporanga (SP): Razoável. Prefeitura de Campina do Monte Alegre (SP): Constantemente desatualizado. Na próxima semana, mais três Prefeituras. ( * ) avaliação deste colunista.


5

23 de maio de 2014

por Gabriel Marcondes Caro amigo leitor, estou a tanto tempo escrevendo, falando de cultura, de política, de política e de cultura, às vezes cobrando do Prefeito a transparência das contas e dos encargos públicos, outras elogiando a construção de moradias populares, e apercebime que sou estranho há muitos que me acompanham. Por isso o texto de hoje tem como única e exclusiva função: apresentar-me. Filho de Magali Marcondes dos Santos, a melhor e maior assistente social do Estado, e do ex Cabo PM e hoje mais dedicado e competente supervisor de atendimento do Banco do Brasil, Márcio Alves de Moura. Prazer, quem vos fala é Gabriel Marcondes de Moura, tenho 21 anos, sou auxiliar de redação na Rede IN de Comunicação, bem como do Jornal Ita News, e professor de artes em regime eventual no período noturno da Escola Estadual Professora Zulmira de Oliveira. Mas dentre os três ofícios que empenho com amor e muito gosto, destaco o de ator da Cia de Artes Sem Limites, na companhia do diretor e ator Márcio Gouveia e da atriz Daniela de Oliveira. Faço malabares entre esses três ofícios nesta mesma ordem. Quando estou bem física e psicologicamente dedico minhas noites aos meus alunos do Zulmira, assim como procuro acumular as folgas e os feriados atrasados para poder viajar vez ou outra apresentar junto a Cia

que me fez ator. Além disso, considerome filho do Estado de São Paulo. Nascido em Taubaté, criado em Ribeirão Branco, fui educado por escolas de Itapeva tendo me formado no ensino médio e técnico em administração pela Escola de Minas, também exerci a profissão de Policial Militar no batalhão desta cidade. Fui parar em Ribeirão Branco aos 06 anos de idade, de onde saí com 17 anos com vasta formação e experiência em rodopiar pião, bolinha de gude, comer pitanga no pé, em futebol de rua, e outras travessuras como sair pulando muro olhando fechadura e vendo mulher nua. Enquanto a capital do tomate me adotou como filho, eu como cidadão decidi adotar Itapeva como minha cidade desde 2010. Ano em que graças ao Projeto VAI de autoria do ex-vereador e hoje vice-prefeito de Itapeva, Geraldo Tadeu, retomei meus trabalhos com teatro, os quais desempenho até hoje. Dentre tantos trabalhos desenvolvidos, dois me orgulham mais: a Paixão de Cristo a qual faço parte há 04 anos, dois anos atuando em Sorocaba e outros dois aqui em Itapeva, e o Projeto “Caravana do Teatro” que me concedeu a honra de ter apresentado peças de teatro em todas, absolutamente todas as escolas da cidade de Itapeva, da zona urbana e rural, num trabalho magnífico e tocante junto a Cia de Artes Sem

Os Bastidores da TV Hoje eu inicio a minha coluna comentando o planejamento das TVs por causa da Copa do Mundo. Mesmo contrariando alguns desejos e alegrando outros, quando a bola da Copa rolar as emissoras inclusive aquelas que não tem os direitos terão que estar dentro de um esquema que possa vir a ser uma opção para quem não gosta de futebol. Para a Televisão Brasileira de um modo especial será um mês muito particular. Nem tanto para a Globo e Bandeirantes donas do direito de transmissão do mundial na TV aberta, mais para todas as demais que serão obrigadas a se virar nos 30 todo esse período. Contra a Copa do Mundo, não há programação que resista até porque os Brasileiros estão voltados para esse acontecimento mundial. Por mais que as concorrentes (As que não tem direitos de transmissão) tentem inventar algo que possa servir de opção, será quase impossível despertar á atenção para qualquer outra atração que não seja o futebol. Até mesmo estreias devem ser evitadas nesse período. Tanto é verdade que a Globo errou em lançar a novela: Geração Brasil agora. Até porque já é de conhecimento da emissora que vão exis-

por Marlene Moraes Maciel

Fina Flor

Sociedade e Ímpeto

Há segredos?

Limites, que muito contribuiu para minha visão política, social e cultural, assim como me fez conhecer de perto as diversas realidades de Itapeva. Sou filiado e militante do Partido dos Trabalhadores (PT), mas muito antes disso e com muito mais afinco, sou militante da cultura. Está é a minha principal bandeira. Há pouco tempo, conquistei certo destaque discutindo e debatendo nos grupos virtuais e presenciais da cidade, bem como pelas denuncias que dei procedência sobre possíveis irregularidades nos empenhos da Secretaria Municipal de Cultura, e sobre as condições de trabalho dos funcionários da UPA de Itapeva. Aprendi nos últimos tempos que o maior e mais perpétuo respeito não se conquista pelo que temos, nem tampouco pelo que somos se comparado ao trabalho e pelo legado que fazemos e deixamos. Meu trabalho estará sempre acima de quem eu sou. Como diria a canção de Ataulfo Alves intitulada Na Cadência do Samba: “Mas o meu nome ninguém vai jogar na lama, diz o dito popular, morre o homem fica a fama!”.

por Tony Auad

tir problemas para sua exibição em meio ao Mundial, como vai errar a Rede Record de Televisão em estrear: Vitória, dias antes da  abertura da Copa do Mundo em São Paulo na Arena Corinthians. A bem da verdade será necessário alguém com muita habilidade para pensar e criar estratégias em suas grades de programação. A Globo estuda mesmo a possibilidade de exibir produções nacionais em: Tela Quente, nas noites de  segundas feiras. A ideia é ter quatro programas em esquema de rodizio, porém ainda não foi tudo definido até porque existem os prós e os contras. A diretoria da emissora ainda não se pronunciou oficialmente, porém a rádio peão informa que o esquema pode não dar certo. Tentando alavancar a novela das 21h (Globo) Em Família o autor Manoel Carlos vai continuar apostando em cenas de Bianca Rinaldi e Reynaldo Gianechini (Sílvia e Cadu), os encontros serão mais frequentes até em função do quadro do personagem Cadu, mas oficialmente não aparece nada que indique um romance entre eles. Isis Valverde, Bianca Bin e Marco Pigossi serão os protagonista de Boogle Oogie,  novela do estreante  Rui Vilhena,

Nem tudo que pensamos, é correto ou são frutos da luz, pois muitas vezes estamos envenenados por muitos negativos que vamos carregando pela vida. Não nos reciclamos e nem lidamos direito com situações negativas, nem com as positivas, pois reagimos como estopim, explodindo tudo que encontramos pela frente, ou simplesmente, fechando os olhos, para não termos o trabalho de pensar naquilo, de resolver ou ao menos, refletir melhor sobre outra possível solução. Nem sempre enxergamos o que a situação que nos mostrar e nem tiramos as devidas lições que aquilo nos fará crescer. Vejamos então algo surpreendente: Gastamos energia em guardarmos dinheiro e nos privamos de alimentação equilibrada, perdemos em qualidade de vida, em tempo com quem amamos, em relacionamentos que acresçam e ministram, e justificamos que precisamos garantir nosso futuro. Mas esquecemos de um pequeno detalhe: Não somos possuidores de nosso futuro, não detemos mais que alguns grãos de areia em nossas mãos, pois eles escapam pelos vãos dos dedos,

Saúde

e quando espirramos, mesmo que esforcemos, nossos olhos fecham. Nosso corpo tem um comando interno que todos os órgãos não são interdependentes, mas funcionam em sincronia e se um deles se recusar a trabalhar por qualquer falha, todo o resto vai sentir e teremos a falta de saúde. Estas descrições minuciosas e óbvias nos revelam o quanto nos enganamos, quando agimos com soberba, com egoísmo, com absoluta certeza do amanhã, quando comprometemos nossa saúde financeira e saúde emocional em projetos mirabolantes e muitas vezes que não consideram o coletivo, a ética e a intenção correta. Desprez armos a inteligê ncia alheia, agirmos feito tratores, vendo muitas vezes o retorno capitalista e financeiro somente, em detrimento de todo o resto nos fará derrotados e meros expectadores de nossa própria história, pois os prazeres que o dinheiro pode comprar dura até o tempo quem o dinheiro pode comprar. Ele não compra felicidade interior, afeto, fidelidade, amizade, amor fraternal, pois para estes estados, bastam à vida, cultivar relacionamentos e fazer esco-

lhas saudáveis. E esta vivência, em tempos que tudo é para ontem, esperar, cultivar anda meio fora de moda. Mas ainda é o que vai nos salvar da falência moral e interna, pois podemos acessar todas as modernidades em tempo real, mas nossa psique, ainda é mais densa, lerdinha e precisa de muito mais tempo - para as adaptações a este mundo novo, digitalizado e num movimento vertical que exige sua mudança social, nem sempre é acompanhado pela moral e habituais, que vai ocorrer depois de um tempo de cristalização de hábitos. Portanto , não somos máquina que se desliga o botão de um estado para o outro, mas somos uma máquina que precisa trabalhar em equilíbrio e este sim, deve ser nosso mestre. Viver em harmonia com os nossos propósitos, para que possamos realizar obras, pequenas ou grandes. Esta é uma maneira de viver mais saudável.

por Bruno Ricardo Pereira Almeida

Diferenças entre psicólogo, psicanalista e psiquiatra

que substituirá Meu Pedacinho de Chão a partir de agosto na Globo. Pigosssi, ficou com o papel que seria destinado á Caio Castro que desistiu da novela. A história deverá girar em torno de três personagens e sua produção será ambientada na década de 1978. A cantora Claudia Leite passou despercebida na entrega do prêmio Billboard Awards, em Las Vegas onde cantou a música da Copa do Mundo: We Are One, ao lado de Jennifer Lopes e Pitbul. Primeiro o apresentador esqueceu de cumprimentá-la em seguida o outro apresentador durante a premiação ignorou sua presença e agradeceu apenas outros cantores. A Jornalista Ana Paula Padrão confirmou em um programa de rádio durante uma entrevista o interesse da Rede Bandeirantes em contratá-la para apresentar um Reality Culinário com o nome de Master Chef. Esse formato incentiva os telespectadores em fazer algo diferente na cozinha. Tipo de uma competição entre cozinheiros amadores. Frase Final: A vida é como uma gangorra, as vezes estamos subindo outras estamos caindo, pena que ninguém presta a atenção para esse detalhe.

É comum a população não saber a diferença entre esses três profissionais o psicólogo, o psicanalista e o psiquiatra, o objetivo deste texto é esclarecer e exemplificar cada uma delas. O psicólogo é um profissional que estudou as estruturas psíquicas e os mecanismos de comportamento dos seres humanos. Na atuação clinica o psicólogo faz psicoterapia, orientação psicológica e psicodiagnóstico (testes psicológicos). Existem diversas áreas para atuação não somente clinica, mas também na área social, educacional, organizacional, desportivas entre outras. O psicanalista é o profissional que concluiu sua formação em psicanálise, podendo ser ou não psicólogo, pois a psicanálise pode ser cursada por quaisquer pessoas desde que tenham uma graduação. O método psicanalítico

foi criado pelo famoso Freud em que interpreta os conteúdos inconscientes do que o paciente traz dando uma devolutiva para o autoconhecimento. No atendimento clinico o psicólogo e o psicanalista NÃO podem receitar remédios. Pois sua formação não o permite fazer, quem receita é o psiquiatra. Se você conhece algum psicólogo que receite remédio pode denunciar que isso se chama exercício ilegal da profissão. O psiquiatra é um profissional que após ter concluído sua formação em medicina optou pela especialização em psiquiatria. Estudando neurologia, psicofarmacologia e treinamento específico para diferentes modalidades de atendimento, tendo por objetivo tratar as doenças mentais. Ele é apto a prescrever medicamentos. Em resumo podemos dizer

que o psicólogo atende pessoas com problemas emocionais e desordem psíquica. O psicanalista atende para o autoconhecimento do paciente trazendo a tona conteúdos reprimidos de infância e porque o sujeito se comporta do jeito que é. E por fim o psiquiatra que é médico e prescreve remédios para pacientes ajudando a ter equilíbrio psíquico. Quaisquer dúvidas ou sugestões entre em contato. Bruno Ricardo Pereira Almeida CRP: 06/119079 Psicólogo Clínico E-mail: psi.bruno@hotmail.com Tel.: (15) 9 9681-5009 / 35212358


6

23 de maio de 2014

6º EPM elegerá representantes para a região de Itapeva Nova área de articulação do SISEM-SP no interior reúne 32 municípios; já estão abertas as candidaturas para concorrer as vagas locais Buscando promover a qualificação e o fortalecimento institucional a favor da preservação, pesquisa e difusão do acervo museológico paulista, o Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP), instância ligada à Secretaria de Estado da Cultura, passa a contar com mais uma Região Administrativa. Com 32 municípios, a nova RA Itapeva vai contribuir para aumentar a articulação nos museus na região sul do Estado. As eleições para os representantes locais serão feitas durante o 6º Encontro Paulista de Museus, que acontece de 02 a 04 de junho, em São Paulo. Com a criação da R.A. de Itapeva formalizada neste início de ano pelo governador Geraldo Alckmin, a nova regional passará a ter representação no Grupo de Trabalho de Representantes Regionais instituído pelo SISEM-SP, cujas atribuições são a de atuar em conjunto com o Grupo Técnico do SISEM na definição das prioridades e no pla-

nejamento das ações da Secretaria de Estado da Cultura para a área museológica nas suas respectivas regiões. “Poucos são os municípios da R.A. de Itapeva que contam com museus em funcionamento e a representação no SISEM será de grande utilidade para estruturar esse setor no sul paulista”, afirma o diretor do SISEM, Davidson Kaseker. Encontro Paulista de Museus Considerado um dos maiores eventos estaduais da área museológica, o 6º Encontro Paulista de Museus, que acontece de 02 a 04 de junho, incluirá palestras com grandes nomes da museologia internacional e nacional. Em 2014, o EPM será realizado na sede da Associação Paulista dos Cirurgiões Dentistas, em São Paulo, e contará com a participação de David Fleming, diretor do National Museums Liverpool, Georgina Young, do Museum of London e Kátia

Felipini, do Memorial da Resistência. As inscrições gratuitas podem ser feitas pelo endereço www.encontropaulistademuseus. org.br. Sistema Estadual de Museus O Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP) congrega e articula os museus do Estado de São Paulo, com o objetivo de promover a qualificação e o fortalecimento institucional em favor da preservação, pesquisa e difusão do acervo museológico paulista. Em mapeamento realizado em 2010, foram listadas 415 instituições museológicas, públicas e privadas, em 190 municípios paulistas. O SISEM-SP se estrutura em torno das premissas de parceria e responsabilidade compartilhada, em que as ações previstas para cada região são concebidas levando-se em conta o contexto, as demandas e as potencialidades locais. É coordenado pela Unidade de Preservação do Patrimônio Museo-

lógico da Secretaria de Estado da Cultura (UPPM/SEC), tendo como instância organizacional o Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus (GTC SISEM-SP). Para saber mais acesse: www.sisemsp.org.br Em entrevista à nossa equipe de reportagem, Davidson Panis Kaseker falou sobre este evento, confira:

IN - O que é o SISEM? Davidson - O Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP) con-

grega e articula os museus do Estado de São Paulo, com o objetivo de promover a qualificação e o fortalecimento institucional em favor da preservação, pesquisa e difusão do acervo museológico paulista. Em mapeamento realizado em 2010, foram listadas 415 instituições museológicas, públicas e privadas, em 190 municípios paulistas. IN - A quem pertence a gerência desse sistema? Davidson - É coordenado pela Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico da Secretaria de Estado da Cultura (UPPM/SEC), tendo como instância organizacional o Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus (GTC SISEM-SP), do qual sou o diretor. IN - E o que a representação da 16ª RA significa nesse contexto? Davidson - Com a criação da R.A. de Itapeva formalizada neste início de ano pelo governador Geraldo Alckmin, a nova re-

gional passará a ter representação no Grupo de Trabalho de Representantes Regionais instituído pelo SISEM-SP, cujas atribuições são a de atuar em conjunto com o Grupo Técnico do SISEM na definição das prioridades e no planejamento das ações da Secretaria de Estado da Cultura para a área museológica nas suas respectivas regiões. Poucos são os municípios da R.A. de Itapeva que contam com museus em funcionamento e a representação no SISEM será de grande utilidade para estruturar esse setor no sul paulista. IN - E quais suas considerações finais acerca deste assunto? Davidson - Os museus são instituições vivas que ajudam a criar vínculos entre visitantes, gerações e culturas ao redor do mundo e exercem a mediação da memória coletiva para a construção das identidades. Todos nós temos responsabilidade em relação ao nosso patrimônio para transformá-lo em legado para as gerações futuras.

Um pedacinho de Miami em Itapeva

M

ichael Kors, Guess, Cal vin Klein, Armani, John John, Hollister, Carter’s. Estas são algumas marcas que você poderá adquirir na Miami Imports, uma loja especializada em produtos importados diretamente dos Estados Unidos com ótimos preços e opções variadas. Além dos produtos expostos na loja é possível ainda ser realizada encomendas de mercadorias. Localizada à Rua Santana, 262, a Miami Imports traz requinte e sofisticação e abre em nossa cidade um mercado o qual hoje está restrito aos grandes centros ou para quem viaja para os Estados Unidos. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o proprietário da Miami Imports, Thiago Lima falou sobre a inauguração desta novidade em Itapeva, confira: IN – Como foi a inauguração de sua loja?

Thiago – A inauguração foi bem movimentada, os clientes compareceram na quinta-feira (08) e tivemos um coquetel de inauguração com grande sucesso. IN – Qual é o diferencial de sua loja? Thiago – A nossa loja conta com uma gama enorme de produtos de marcas importadas 100% originais. Se o cliente desejar algum produto nós fazemos a encomenda. Eles são bons, originais e o preço é acessível. IN – Quais as suas expectativas quanto ao impacto no mercado itapevense de produtos importados? Thiago – A expectativa é a de conquistar a região inteira e fazer com que as cidades vizinhas venham até a Miami Imports, porque temos um excelente preço e disponibilidade de produtos para os clientes.

IN – Como surgiu a ideia da Miami Imports? Thiago – Surgiu há oito anos. Temos outra loja em Paulínia e viemos buscar um desafio novo em Itapeva. Como ainda não existia uma loja de importados desse porte, decidimos trazer para Itapeva uma opção para os moradores de Itapeva. Nós já trabalhamos com isso há bastante tempo e fazemos importação direto dos Estados Unidos. Temos uma empresa nos EUA da qual importamos os produtos diretamente. IN – Que recado você deixa para o público consumidor de sua loja? Thiago – Gostaria de convidar toda a população de Itapeva e região para nos visitar, nos conhecer melhor e ver que nossos produtos são de qualidade com preços excelentes e formas de pagamento facilitadas.


23 de maio de 2014

7


8

23 de maio de 2014

Zona Azul terá modificações significativas em relação ao estacionamento de veículos

A

Prefeitura de Itapeva, por meio da Secretaria Municipal da Defesa Social, inicia nesta semana uma campanha educativa sobre as novas alterações das vagas de estacionamento rotativo da Zona Azul. Serão distribuídas faixas e cartilhas para divulgar as alterações feitas no centro, onde já existe o sistema de rotatividade. O segundo passo será a regulamentação e expansão do sistema para outras vias da região central do município. Com as novas mudanças haverá maior disponibilidade de estacionamento rotativo, equalizando o direito às vagas especialmente na área comercial. Com as mudanças, o bilhete da Zona Azul deve ser deixado em local visível no interior do veículo. Bilhetes colocados no lado de fora do automóvel estão sujeitos à autuação de trânsito. Também não haverá mais a to-

lerância de dez minutos sem cartão e os motociclistas não poderão mais estacionar nas vagas destinadas aos veículos, mesmo com o cartão preenchido, porém serão isentos de pagamento nas vagas exclusivas para moto. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o presidente da ADESAI, Genivaldo Tezzoto falou sobre as principais mudanças em relação a Zona Azul, confira: IN – Quais foram as principais mudanças na lei da Zona Azul? Genivaldo – A lei 3665/14 foi promulgada no mês passado, a qual institui o novo sistema de estacionamento rotativo e prima pela rotatividade. Ela tenta fazer com que as pessoas entendam que se todos respeitarem a lei, dentro dos limites que são duas horas de estacionamento, tirar o seu veículo e colocar em outro local, vai haver vagas para todos na região

central da cidade, coisa que não ocorre hoje. As principais mudanças em relação a anterior é que o bilhete da Zona Azul tem que ser deixado dentro do veículo, obrigatoriamente a partir do mês de junho. O que deve ser salientado também é quanto à tolerância. Antigamente tinha aquele jeitinho brasileiro, os 10 minutos de tolerância e isso acabou. Se parar o carro, obrigatoriamente a partir daquele momento já está contando como estacionamento e necessariamente tem que ter o cartão. As motocicletas, motociclos e motonetas terão locais próprios para estacionamento, não podendo ser colocado mesmo com cartão em vagas de carro. O DEMUTRAN está estudando ampliar essas áreas pelo grande número de veículos dessa categoria na cidade. Em relação ao horário, na lei antiga se trabalhava das 8h às 18h de segunda a sexta, pela nova lei os horários são: das 9h às 17h de segunda a sexta e das 8h às 13h no sábado. Além dos jovens aprendizes, que vendem os cartões e fazem uma fiscalização na forma que se coloca os veículos nas vagas, estão sendo implementados vários pontos de vendas pela cidade. Hoje nós temos no total da Zona Azul em torno de 20 pontos de vendas fixos, que são comércios, o qual pela nova lei vamos fazer uma identificação melhor para que esses pontos sejam reconhecidos por qualquer um. Alegar ig-

norância que não achou o jovem aprendiz para comprar o bilhete não terá procedimento, porque ainda têm os 20 pontos de venda no comércio. IN – Qual é a validade do bilhete? Genivaldo – O bilhete hoje tem validade de 1 hora, podendo ser trocado uma vez, porém a partir de agora não poderá mais. A nova lei cria possibilidades de poder deixar a Zona Azul no prazo de dois anos totalmente informatizada, assim trabalharemos com tablets onde teremos o controle de vagas on line e os fiscais ou os guardas municipais terão um controle eficiente, no qual ninguém poderá alegar que está no local por pouco tempo. O jovem aprendiz não pode fazer nada, ele está ali para vender e auxiliar as pes-

soas, inclusive o preenchimento do cartão é de responsabilidade do usuário. Nesse sentido, quando a pessoas diz que está rasurada, com data ou placa errada, a culpa não é do jovem aprendiz, a culpa é do usuário. Temos que incutir na mentalidade do itapevense, que se ele atuar como preconiza a lei vai ter vaga para todo mundo. IN – Muitas dessas vagas são ocupadas pelos comerciantes? Genivaldo – Notamos que são comerciantes e comerciários. Tem muitas pessoas que chegam e querem colocar o carro na frente do comércio e é uma mentalidade tacanha, porque aquela vaga serviria para um possível cliente. IN – O perímetro da Zona Azul permanece como está? Genivaldo – Hoje nós temos

em torno de 650 vagas na região central e a nova lei amplia para 1200 vagas, pegando a região da Prefeitura até a região da Santa Casa. Vão ser instaladas a zona azul paulatinamente fazendo campanhas, panfletagem, avisando sobre a área da zona azul para que não haja reclamações posteriores. IN – Qual o prazo para a lei entrar em vigor? Genivaldo – Nesta semana, a partir do dia 26, na última semana do mês nós iremos colocar faixas e panfletos, fazendo uma conscientização a todo o usuário da Zona Azul a respeito dessas mudanças. É importante que a população entenda que a lei norteia a nossa convivência e o nosso norte em relação à Zona Azul é a rotatividade para que haja vagas para todos.

Transparência é isso. O que Itapeva tem a esconder? No mesmo molde solicitado à Câmara Municipal de Itapeva sobre a prestação de contas de viagens dos vereadores foi também pedido à Câmara Municipal de Itararé. Sem esbarrar na “burocracia” e na hostilidade encontradas no Jurídico de nossa cidade, esta semana recebemos do Legislativo Itarareense o documento com os gastos e as viagens dos edis da cidade vizinha, que mostraram que não

têm nada a esconder. Um de nossos repórteres esteve na Câmara por diversas vezes e cada momento um empecilho é nos dado, mesmo o Jurídico em ofício ter nos garantido que se disponibilizássemos de um funcionário este teria acesso a todas as informações. O que Itapeva tem a esconder? Por que esta falta de transparência? O exemplo de Itararé deveria ser seguido.


9

23 de maio de 2014

Marmo Fogaça reivindica melhorias para atender a comunidade Em atenção a reclamos da comunidade o vereador Marmo Fogaça solicitou da municipalidade providências no sentido de realizar diversas melhorias. Os pedidos são referentes recuperação e instalação de novos brinquedos em Praça do Jardim Maringá, pavimentação de rua no Jardim Pilar, limpeza de lotes e calçadas e desentupimento de bueiro, no Jardim São Camilo. Em relação ao parquinho da Praça Arnaldo Chueri no Jardim Maringá, o vereador solicitou que através da Secretaria de Obras e Serviços seja providenciada a instalação de brinquedos, bem como a recuperação dos existentes. A referida praça está localizada entre as Ruas Alberto Vilhena Júnior e João Antunes de Moura, no Jardim Maringá e conta apenas com alguns brinquedos, os quais estão danificados, oferecendo perigo às crianças que brincam

naquele local. Outro pedido do vereador refere-se a pavimentação asfáltica na Rua Benedito Geraldo Jonson, localizada no Jardim Pilar. Ocorre que a referida via pública se encontra ainda sem a dotação para pavimentação asfaltica e está localizada ao lado da Etec Dr. Demétrio Azevedo Júnior (Escola de Minas). Nos dias de chuva, devido a enxurrada, os estragos são muitos, pois os materiais utilizados para a manutenção da referida rua são levadas pela agua e depositadas ao longo da Avenida Europa que conta com pavimentação. Os referidos materiais, entre eles britas, acabam proporcionando perigo aos veículos que utilizam aquela via. A comunidade reclama da falta da pavimentação e solicitou do vereador empenho no sentido de viabilizar a referida obra junto ao Poder Público

Municipal. Eles argumentam que a prefeitura periodicamente envia a máquina ao local e

Toni do Cofesa quer vistoria em área de risco Requerimento do vereador Toni do Cofesa encaminhado ao prefeito municipal é para que junto ao setor competente, seja realizada uma vistoria na Rua Benedito Camargo Margarido, localizada no Jardim Grajaú, em frente ao nº 338, onde residem algumas famílias em área de risco. Argumentou o vereador que em uma breve visita no local, se deparou com as famílias morando em área de risco, pois no local existe um barranco que em dias de chuva proporciona medo e insegurança aos moradores. O vereador citou que naquele local há poucos dias um veículo perdeu o controle e por pouco não caiu em uma das casas. Diante desse risco constante vivido por aquelas pessoas é de extrema necessidade a referida vistoria, que apresentará a real situação das famílias, para que providências possam ser adotadas, proporcionando segurança a todos. USO RACIONAL DE ÁGUA O vereador Toni do Cofesa solicitou ao prefeito para que seja colocada em prática a lei nº 2333/05, que institui o Programa Municipal de conservação e uso racional da água em edificações e dá outras Providências. Salientou o vereador que a referida lei tem como objetivo instituir medidas que induzam à conservação, uso racional e utilização de fontes alternativas para a captação de água e reuso nas novas edificações, bem como a conscientização dos usuários sobre a importância da conservação da água. AGENDAMENTO DE EXAMES - Reivindicou também o vereador Toni do Cofesa que informe sobre a possibilidade de designar um funcioná-

coloca pedras, porém o problema não é solucionado definitivamente, sendo necessária uma

medida mais efetiva, nesse caso, a pavimentação. No Conjunto Habitacional

São Camilo o pedido da comunidade trata da limpeza de lotes, bem como das calçadas, nas imediações da Rua Juvenal Celestino dos Santos, 111, e também o desentupimento de um bueiro, localizado na rua Dr. João Benedito Ferreira de Melo, próximo ao nº 23. Os moradores estão reclamando dos lotes sujos, o mato tomando conta da rua e das calçadas, provocando transtornos às pessoas que passam por ali, além de um grande perigo principalmente para as crianças. A melhoria precisa ser feita, com a prefeitura acionando, caso a área não seja do poder público, a quem de direito e obrigação para efetuar a limpeza no local, atendendo assim os reclamos da comunidade, oferecendo um lugar limpo, sem perigo nenhum aos moradores da referida via pública. (Assessoria de Imprensa)

Secretaria de Obras se preocupa com a acessibilidade e colocará outras faixas elevadas pela cidade

A

lguns munícipes nos procuraram para reclamar da faixa elevada de transposição de pedestres que fora instalada na Avenida Mário Covas. Outros elogiaram a atitude do secretário de Obras, Junior Zacharias. Essas lombo-faixas serão construídas em diversos outros pontos, onde o fluxo é grande e há necessidade de acessibilidade para pedestres e portadores de necessidades especiais. Segundo o secretário, ainda este mês serão iniciadas as obras na Avenida Paulina de Moraes, em frente ao Fórum. Confira: IN – Alguns motoristas estão reclamando da faixa elevada de transposição para pedestres na Avenida Mário Covas, inclusive relatando que sofreram acidente no local. O que o senhor diz sobre isso? Secretário – A maioria das pessoas que me procuraram foi para agradecer e para elogiar esse trabalho. Foi comentado muito no início da obra que os carros não iriam passar pelo tamanho, pela altura, mas nós fizemos tudo dentro da normatização e dentro do que se pede para que um projeto seja bem executado. Também não tenho relato de nenhum acidente e as rio para auxiliar no agendamento de exames no PSF do Jardim Grajaú. Explicou que o bairro é populoso e que a estrutura física do local onde se encontra o PSF é muito ruim, sem condições de atender a população com respeito, dignidade e comodidade. Além disso, existe um número reduzido de funcionários no PSF, tendo a necessidade de mais um para fazer o agendamento dos exames que se encontram parados, pois os mesmos não conseguem dar

conta de tudo. TRÂNSITO – Ao Conselho Municipal de Trânsito – COMUTRAN o vereador Toni do Cofesa solicitou a implantação de “guard rail” na Rua Benedito Camargo Margarido localizado no Jardim Grajaú. Os usuários daquela avenida, bem como moradores das imediações pedem a benfeitoria, pois o fluxo de veículos é grande e tal medida contribuirá para oferecer mais segurança, evitando a ocorrência de acidentes. (Assessoria do Vereador Toni do Cofesa)

pessoas têm que se acostumar com essa faixa elevada. Os pedestres estão agradecendo e achando que é bastante útil. A percepção que tenho é de que os motoristas têm que ter menos pressa, ser menos afoitos não só na Avenida Mário Covas, mas como na cidade inteira. IN – Como coibir motociclistas empinando motos e skatistas usando a rampa como obstáculos? Secretário – Eu não tenho essa informação, mas quanto aos motociclistas é de responsabilidade da Polícia Militar, não compete à Secretaria de Obras. Se skatistas estiverem se utili-

zando da rampa, nós pedimos para a Guarda Municipal que verifique esse caso, porque além de destruir o patrimônio público, eles também correrão riscos por ser uma passagem de veículo. IN – Serão construídas rampas em outras localidades? Onde e quando se iniciarão essas obras? Secretário – Nós temos como meta da Secretaria de Obras, cuidar da acessibilidade. Em pequenos pontos da Avenida Paulina de Morais, ao lado da Secretaria, muitos canteiros que não tinham passagem nós estamos fazendo as calçadas. Vamos continuar fazendo as lombo faixas sim, vai ser feita uma na Avenida em frente à Sala Verde, outra na frente do Fórum, vamos fazer mais uma na Avenida Mário Covas e onde virmos que há necessidade nós vamos fazer esse tipo de intervenção para melhorar o trânsito e para melhorar a acessibilidade. A próxima será em frente ao Fórum ainda este mês. Nós montamos uma equipe pequena para essas obras de acessibilidade, mas elas terão continuidade, serão feitas na cidade toda.


10

23 de maio de 2014

Mino’s vence o 3º Campeonato Regional No último sábado (17), aconteceu na quadra de esportes da Escola Hernani a parti-

da final válida pelo 3º Campeonato Regional de Futsal de Taquarivaí.

O confronto foi entre as equipes Spartaks F.C. e Mino’s Supermercados, ambas de Itapeva, que haviam realizado uma bonita campanha até então, porém após o resultado e com os nervos à flor da pele, os atletas acabaram entrando em confronto dentro de quadra, mostrando que o espírito esportivo havia ficado em casa. Com o placar de 04 a 03, em partida bastante disputada a equipe Mino’s Supermercado venceu o adversário e conquistou o título do campeonato com os atletas Negão, Juca, Gilson, Rodrigo, Maykoll, Maiquinho, Rogério e Bruninho.

Copa Cidade de Itapeva de Futsal Na quinta-feira (15), aconteceu no Ginásio da CCE mais uma partida válida pela Copa Cidade de Itapeva de Futsal. O confronto aconteceu entre as equipes Agrovila x Alaska Futsal, que terminaram empatadas em 07 a 07. Na segunda-feira (19), a CCE recebeu embates entre as equipes em mais uma rodada da Copa. O primeiro jogo da noite foi entre as equipes Pontocomp x Mino’s Supermercado, que levou a melhor e venceu pelo placar de 08 a 06. Em seguida entraram em quadra as equipes Guarani x Faz Farma que conquistou a vitória pelo elástico placar de 06 a 01. O último jogo da noite aconteceu entre as equipes WRN Futsal x Spartaks FC, cujo marcador terminou empatado em 05 a 05.

Confira as próximas rodadas: Segunda feira– 26/05/14 – Ginásio da CCE

Quinta Feira – 29/05/14 – Ginásio da CCE

Campeonato Amadorzinho de Futebol 2014 O campo da Secretaria Municipal de Esportes foi palco para mais uma rodada válida pelo Campeonato Amadorzinho de Futebol 2014. As partidas aconteceram no domingo (18) pela manhã. Pela categoria Sub 11, jogaram FUT A x Wilson Pires que venceu por 01 a 00. Em seguida na categoria Sub 13 se enfrentaram as equipes Wilson Pires x FUT A que conquistou a vitória pelo placar de 02 a 00. Na categoria Sub 15 aconteceram dois confrontos. A equipe FUT A jogou conta Aprendiz, que venceu por 01 a 00. Já o Itapeva Futebol não

conseguiu passar pelo Kantian, que ganhou a partida por 01 a 00. Neste sábado (24) acontecem mais confrontos no campo da SEMJEL. No domingo (25) haverá apenas uma partida, porém no Estádio Municipal. Confira: Sábado 13h30 - Grupo B - Sub 15 Atleta Solidário X Aprendiz 14h00 - Grupo B - Sub 13 Atleta Solidário X Wilson Pires 14h30 - Grupo B - Sub 11 Agrovila1 X Wilson Pires Domingo 08h45 - Grupo A - Sub 13 – Fut B X Itapeva Futebol


11

23 de maio de 2014

Cliente ganha moto zero quilômetro na Valter Auto Peças A loja Valter Auto Peças e Acessórios sorteou no último dia 17, uma motocicleta CG 125 Fan zero quilômetro para os seus clientes, através de uma promoção interna para devolver à população o sucesso de muitos anos de prestígio em nossa cidade. O proprietário Valter Juniort e toda a sua equipe parabeniza o ganhador Luiz Antônio dos Santos, que pôde levar para a casa este grande prêmio.

Campeonato Amador de Futebol No sábado (17), aconteceu no campo da Secretaria Municipal de Esportes mais uma rodada válida pelo Campeonato Amador de Futebol 2014. O primeiro confronto da tarde foi entre as equipes Mercado Napoli x Vila Ribas, que conquistou a vitória por goleada 10 a 02. Em seguida entraram em campo as equipes Vila Boava x

E.C. Santa Maria, que ganhou pelo placar de 04 a 01. Neste domingo (25), acontece mais uma rodada do Campeonato, porém as partidas acontecerão no Estádio Municipal do Jardim Maringá. Às 09h15 jogam E.C. Santa Maria x Tech E.C. Logo em seguida se enfrentam as equipes Parque São Jorge x Vila Boava.

Classificados para a 2ª Fase - Amador Chaveamento Jogo 01 – 1ºC – Pq São Jorge x 2ºB – Vila Boava Jogo 02 – 1ºB – Guarani x 2ºA – RCC Jogo 03 – 1ºA – Vila Ribas x 2ºD – Spartak’s Jogo 04 – 1ºB – EC Santa Maria x 2ºC – Tech EC

DIA 26/05

Saudades... Muitas saudades... 19 de maio – 100 anos Caliza foi a 3ª filha do Sr. Júlio de Abreu e D. Deolinda. Eram 11 filhos. Nasceu na casa de nº 394, da rua Cel. Crescêncio. Estudou até o 3º ano no Grupo Escolar Cel. Acácio e foi ao trabalho. O Sr. Júlio, seu pai, tinha um açougue na rua Cel. Crescêncio e a família dividia-se: ora na cidade, ora no sítio. Aos 20 anos Caliza já estava casada com Cantídio Neves Pereira Filho, de onde vieram os filhos Cyrano, em 1935 e Euvaldo, em 1937. Cantídio, seu marido, tinha um carro FORD, com o qual trabalhava como taxista, na Praça Anchieta. Inúmeras vezes ela o acompanhava nas corridas noturnas, levando e trazendo passageiros para os trens noturnos, na Estação de Vila Isabel. Caliza sempre foi disposta, boa de prosa e contava muitas estórias desse tempo. Eram os dias da 2ª Guerra Mundial e Itapeva também sofria os efeitos, com reflexos na economia: muitos alimentos eram controlados. Em janeiro de 1944, ainda bastante jovem, ficou viúva, com filhos para criar. Retornou, então, à casa de seus pais, na rua Cel. Crescêncio e foi trabalhar. Frederico Bratz e Aurora Moura eram primos e tinham uma padaria num casarão da rua Jorge Tibiriça, ao lado da antiga Escola Normal. Caliza colocou, literalmente, as mãos na massa e passou a lidar com pães, roscas e doces. Diante da necessidade e de sua boa disposição, aprendeu com facilidade esse dom

que a acompanhou pelos anos seguintes, até os últimos dias de sua vida. Em 1947 casou-se, novamente, com um antigo namorado, agora, também viúvo, o Sr. Luiz de Souza Camargo, mais conhecido como Yoyô. Após o casamento, deixou a padaria e mudou-se para a Fazenda Figueira, lá para as bandas do Bairro Caputera. Na fazenda, a vida tornou-se

mais difícil. O dia começava de madrugada e o trabalho era constante e cansativo, até à noite. Eram vacas para ordenhar, comida para muitos colonos, galinhas para tratar e os filhos que foram chegando... Vieram mais quatro ao todo: João Luís, Maria Luisa(Malu), Jurandir e Paulo. E sua vida continuou, sempre com muito trabalho e dedicação. Nada lhe tirava o bom humor e a disposição, e dizia que a vida era difícil, mas os dias eram felizes e os problemas, mínimos. Tive o imenso prazer e privilégio de conviver com essa pessoa maravilhosa e extrema-

mente autêntica, minha mãe, que enfrentou a vida com perseverança, driblou muitos momentos contrários e faleceu aos 95 anos e meio, em 29 de novembro de 2009. Ouvi seus casos, durante 72 anos, que marcaram muito minha vida, deixando, após sua morte, uma infinidade de lembranças que preenchem os espaços, cheios de saudades. Mãe, que saudade da senhora, dos nossos passeios, das conversas que sempre tivemos, do nossos momentos juntos. Da sua sabedoria, da sua comida saborosa, de sua maneira simples de contar as coisas e da sua alegria de viver. Ah! mãe, quanta falta sinto... Seus carinhos, mesmo os simples gestos, guardo-os na memória. Tem dia que sinto sua presença em qualquer objeto que pego. Em sonhos, então, a sua presença é constante. Quatro anos de ausência. Hoje é seu aniversário. Aqui todos vão se lembrar. Iremos ao Cemitério enfeitar sua atual morada, com flores, carinho, muito amor, e com certeza, orações. Tudo o que uma mãe como a senhora merece receber. A senhora estará sempre em minha memória, na dignidade, na beleza da alma e do caráter, daquela que tudo fez para seus filhos, parentes e para os amigos. Descanse em paz, Minha Mãe. Seu filho: Euvaldo Neves Pereira (Lolé) Maio/2014


12

23 de maio de 2014

SAMU completa dois anos de atividades em Itapeva atendendo cerca de 125 mil emergências Qualificado pelo Ministério da Saúde recentemente, o órgão terá aumento de 55% no repasse de verbas Em maio deste ano, especificamente no dia 14, o SAMU de Itapeva completou dois anos de funcionamento. Durante esse período foram realizados 124.251 (cento e vinte e quatro mil e duzentos e cinquenta e um) atendimentos pelos 44 profissionais que atuam naque-

le órgão entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, condutores, auxiliares de limpeza e telefonista, sob a coordenação geral da médica Dra. Cíntia Albuquerque Zambianco. “Infelizmente ainda existem pessoas que não entendem a importância do trabalho pres-

tado pelo SAMU e passam trote, fazendo com que equipes deixem de atender urgências e emergências e – muitas vezes – a oportunidade de salvar vidas, que é o nosso objetivo principal”, comenta o técnico em enfermagem Emerson de Almeida Camargo. A qualificação obtida pelo SAMU recentemente, fará com que o órgão tenha um aumento de 55% (cinquenta e cinco por cento) no repasse que recebe do governo federal, aguardando apenas a liberação do Ministério da Saúde para incorporar à verba. “Não poderia deixar de aproveitar a ocasião e parabenizar todos os profissionais do SAMU pela dedicação e empenho diário durante esses dois anos”, disse o secretário municipal da Saúde, Luiz Fernando Tassinari.

Polícia Civil recupera veículo furtado Policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) localizaram um veículo produto de furto na tarde do último dia 19. Segundo a Polícia, o automóvel Voyage foi localizado em uma pequena oficina, o

qual havia sido furtado na cidade de Coronel Macedo. De acordo com o proprietário do estabelecimento, tal automóvel pertencia a um adolescente, que teria trocado o mesmo por uma motocicleta furtada em Ribeirão Branco.

Porém, rodas e pneus haviam sido negociados com o dono da oficina, fato que foi entendido pela autoridade policial como crime de receptação. O comerciante irá responder pelo crime e o veículo foi devidamente apreendido.

Moto é localizada pela Força Tática

No dia 20, por volta das 21h, a guarnição da Força Tática apresentaram no Plantão Policial, um rapaz de 19 anos e uma motocicleta furtada. Segundo a Polícia, ao efetuarem patrulhamento de rotina pela Vila Camargo, avistaram uma moto encostada, a qual estava com a placa levantada e sem retrovisor. Ao averiguarem o emplacamento do veículo

constataram ser pertencente a uma moto BIZ, incompatível com aquele modelo que era uma CG 150 Fan. Diante da situação adentraram uma lanchonete em frente ao local dos fatos e perguntou se alguém sabia quem era o proprietário daquela motocicleta e o indiciado se apresentou. Indagado, ele disse que a moto era proveniente de leilão. O

chassi esta parcialmente danificado, sendo porém possível recuperar o numeral e em pesquisa constatou-se ser produto de furto em Taquarivaí no dia 03 de maio. A numeração do motor também havia sido suprimida. O rapa foi conduzido ao DP, sendo o mesmo preso e encaminhado à Cadeia Pública de Capão Bonito, onde ficará à disposição da Justiça.

Polícia prende quadrilha que roubava caixas eletrônicos

T

rês homens que faziam parte de uma quadrilha que assaltava caixas eletrônicos foram presos na manhã desta quarta-feira (21), em Bela Vista do Paraíso, no Estado do Paraná. A operação contou com a ação de policiais de São Paulo, já que os dois suspeitos agiam aqui no Estado. A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) disponibilizou seu efetivo nesta operação, que culminou com grande êxito. Dois homens ainda estão foragidos. Dentre os roubos realizados pela quadrilha está o de uma agência bancária em Guapiara. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o delegado Dr. Marcelo Bruder Santini falou sobre esta operação, confira: IN – Como se desenvolveu essa operação até que tivesse esse desfecho? Dr. Marcelo – Em fevereiro nós tivemos um furto qualificado mediante arrombamento nos caixas eletrônicos de um banco em Guapiara. A partir de então as nossas equipes começaram a trabalhar com as investigações e tivemos notícias de que eles poderiam ser integrantes de uma quadrilha especializada do estado do Paraná até mesmo pelo modus operandi e pela forma com que eles cortaram os caixas eletrônicos, ao invés de explodirem. A partir dessas investigações nós prosseguimos para lá, pedimos medidas judiciais ao Fórum de Capão Bonito, comarca de onde se deram os fatos, tendo a Justiça nos fornecido mandados de busca e apreensão na residência desses supostos integrantes bem como a prisão temporária dos mesmos decretados por trinta dias. Na data do dia 20 prosseguimos com nossas equipes até a cidade de Londrina, próxima a residência dos indivíduos e com apoio da Polícia Civil do Paraná demos o cumprimento a essas buscas e as prisões. IN – Quantos indivíduos foram presos? Dr. Marcelo – Foram presos três indivíduos, dois na cidade vizinha de Bela Vista perto de Londrina e um na cidade de Francisco Beltrão, inclusive o terceiro indivíduo está sendo transferido nesse momento para Itapeva devido a distância que envolve esses deslocamentos. IN – O senhor se surpreendeu com a forma com que eles agiam? Dr. Marcelo – Eles eram uma quadrilha especializada, que tinha informações privilegiadas a res-

peito dos caixas eletrônicos, inclusive para saber qual caixa era possível de serem cortados, pois alguns eram passíveis de explosão e outros possuíam dispositivos de segurança como tinta, por exemplo, facilitando para que a quadrilha tivesse êxito. Dentro dessa situação eles nos informaram, que já haviam sido feito outros levantamentos e que novas cidades aqui da região poderiam

ser alvos do mesmo tipo de delito. Essa quadrilha pelo que checamos nas nossas investigações não é muito maior do que isso teria sim participantes, pessoas que passam informações, talvez aferindo algum lucro com isso, mas a maioria dos envolvidos, principalmente o cabeça da quadrilha foi preso. Uma pessoa com um nível intelectual um pouco maior e para nós o fato de termos alcançado esse indivíduo responsável pela quadrilha já é muito gratificante. Através dessas informações privilegiadas eles poderiam alcançar cem números de caixas eletrônicos no nosso Estado de São Paulo bem como no Estado do Paraná. Quanto aos dois indivíduos envolvidos, que não foram encontrados, já existem equipes acompanhando. Eu creio que em questão de dias os mesmos serão capturados e colocados à disposição da Justiça, que vai declarar a pena que eventualmente receberão.


13

23 de maio de 2014

Radar eletrônico é instalado na Rua Ricardo Whaterly

C

onforme prometido aos munícipes, após longa discussão e manifestações na última sexta-feira foi colocado na Rua Dr. Ricardo Whaterly o tão esperado radar eletrônico de velocidade. Agora quem trafegar pelo local deverá respeitar o limite de 40 quilômetros por hora e os caminhões além da velocidade devem estar atentos também ao comprimento do veículo, conforme nos contou em entrevista o diretor do DEMUTRAN, Luciano Barbarotti, confira: IN – Quais foram às modificações realizadas na Rua Ricardo Watherly? Barbarotti – Tudo o que foi prometido nas primeiras reuniões. Foram colocados os tachões, invertida uma quadra na Rua Ernesto de Camargo para não chegar a Ricardo Watherly, que era um dos principais problemas de trânsito existentes no local, sinalizada a passagem de pedestres, mas ainda temos lugares para pintar e por último na sexta-

feira foi instalado o radar no local, o qual estará em teste por algum período e depois entrará em funcionamento. IN – Como funciona esse radar? Barbarotti – Todos os veículos que passarem no local acima de 40 quilômetros por hora será autuado por excesso de velocidade e também vai pegar caminhões que ultrapassarem o limite do comprimento da carreta.

IN – Qual o valor da multa de quem não obedecer ao limite? Barbarotti – Começa com o valor de R$ 85,00, depois a R$ 125,00 e R$ 191,00, podendo chegar até R$ 600,00. IN – Quanto custou esse tipo de equipamento para a Prefeitura? Barbarotti – Esse radar foi locado através de licitação. Foi feito o primeiro contrato por seis meses, podendo ser pror-

rogado por mais tempo e o valor da locação é de aproximadamente R$ 8 mil mensais. IN – Como foi a reação dos moradores da Rua Ricardo Watherly e das proximidades? Barbarotti – Os moradores ficaram muito contentes e sentiram a redução só com a colocação do radar. O radar ficou em frente à casa de uma senhora que nos forneceu tudo o que precisávamos para a instalação. Com a instalação do radar e essas novas sinalizações com certeza vai diminuir o número de acidentes. Houve recentemente um acidente na Rua Jaú e a motorista confessou que não parou. A maioria dos acidentes é por imprudência, por falta de respeito à sinalização. IN – Tem outro lugar onde será instalado radar na cidade? Barbarotti – Ainda estamos estudando para colocar somente onde há lombadas eletrônicas, mas o primeiro que atendemos foi o da Rua Ricardo Watherly que foi uma promessa que fizemos. Nós pediríamos que os

motoristas reduzissem a velocidade. Os caminhões de grande porte também não podem entrar na cidade. Quanto à sinalização, hoje não precisa mais, nós vamos colocar uma faixa no

local dizendo que o radar está em apuração, mas depois vamos tirar essa faixa e deixar somente a velocidade, para que os motoristas não aleguem ignorância.

Eco Ponto é interditado e ferros velhos são notificados pela Vigilância Sanitária

N

a manhã desta terça-feira (20), catadores de recicláveis e cooperados da COAMARI estiveram no Paço Municipal fazendo uma manifestação pacífica depois que o Eco Ponto foi interditado pela Vigilância Sanitária devido ao mau trato com o lixo coletado, tornando-se ali um local de grande perigo para a proliferação do mosquito da dengue. Uma comissão foi recebida no gabinete pelos secretários municipais de Planejamento, Marco André D’Oliveira e de Governo e Negócios Jurídicos, Dr. Mauricio Andrade Maciel, os quais explicaram a situação e colocaram a Prefeitura à disposição da Cooperativa no que for necessário para que a sede seja regularizada para ter seu funcionamento normalizado. Confira as entrevista: IN – O que motivou o encontro dessa reunião com a COAMARI? Dr. Maurício – Foi uma ação da Vigilância Sanitária, que autuou preventivamente todos os comércios a céu aberto de ferros velhos ou sucateiros e interditou a COAMARI, a qual chamam de Eco Ponto. Em virtude disso eles tiveram uma posição do munícipio sobre o que poderia fazer para interferir junto à Vigilância Sanitária. A prevenção foi uma ação contra a dengue, que é um problema sério que se alastra pelo país. Temos o mosquito aqui dentro da cidade e qualquer local que tenha depósito de água, que não esteja limpo o necessário, vai ser um foco e depois toda a população acaba sofrendo. IN – O que ficou definido como meta nessa reunião com os cooperados? Dr. Maurício – A meta imediata é analisar com carinho especial a intervenção do Eco Ponto, situado na antiga casa de Furnas perto do Itapeva Clube e futuramente fazer uma nova instalação, onde possa ser instalada uma cooperativa da COAMARI dentro das regras legais de vistoria dos Bombeiros e Vigilância Sanitária. Eles fizeram uma proposta, a qual ficou a critério do presidente da COAMARI nos apresentar os orçamentos de adequação, tanto do local pretendido, quanto do local onde estão

estabelecidos para que possamos avançar na formatação de um convênio de cooperação entre munícipio e a cooperativa. IN – Qual o recado que vocês deixam para a população? Marco André – São três coisas importantes: a primeira é com relação a esse combate a dengue. Nós estamos fazendo essa ação preventiva por conta de diminuir o máximo possível os focos, para que não haja a possibilidade de haver casos em Itapeva e isso não depende só dos sucateiros, depende de nós cuidarmos o máximo possível para que não tenha água parada em casa, porque esse é um problema sério que esperamos que Itapeva não tenha. Com relação a cooperativa, o município tem interesse em auxiliar de alguma forma na regularização deles, mas todos têm que ter o princípio de tentar se regularizar. Não adianta colocar para o município algumas obrigações que são das entidades, porque são elas que têm a obrigação de buscar as suas regularizações. Situações que vem acontecendo em algumas entidades acabam sendo coisas que o munícipio não tem ação, a entidade é um órgão dependente, o município repassa o recurso e ela tem que administrar esse recurso, e isso não vale só para a COAMARI, mas para qualquer entidade. Que todas façam a lição de casa da melhor forma possível, pois o município vai tentar valer a dele e auxiliar as entidades. IN – O que o munícipio pre-

tende fazer na parte de coleta seletiva, para que se entenda de uma forma profissional a coleta de lixo em Itapeva? Marco André – O munícipio tem que fazer um plano de gerenciamento de resíduos sólidos, e dentro desse plano vai encontrar alternativas para melhorar a coleta seletiva. Esses resíduos que são reaproveitáveis e que possam ter reuso, não pode ir para o aterro sanitário após esse plano. Quando eu falo em profissionais o maior exemplo hoje é a Lira, o presidente veio até nós e fizemos um convênio. Ele apresentou a planilha orçamentária da sua reforma, o munícipio repassou o recurso para a Lira, que está fazendo a obra. Temos que ir por esse caminho, ou seja, através de uma possibilidade do munícipio financiar essas entidades com a aprovação da Câmara, repassando o recurso e as entidades tendo um tratamento mais profissional com o munícipio, ou seja, repassamos a verba, fiscalizamos o uso desse recurso, mas a entidade deve assumir o bom uso desse dinheiro. A Lira está sendo eficiente nisso e esperamos que sirva de exemplo para todas as outras. Nós temos que sair um pouco dessa relação que tínhamos antes, dizendo que o munícipio não prestava, porque essas coisas não resolvem para a entidade, que fica a mercê esperando o munícipio tomar uma decisão. Se hoje todas as entidades levarem o exemplo da Lira, que é pegar o recurso e fazer a refor-

ma, nós vamos conseguir ter uma nova ação, é isso que o governo pretende. O presidente da COAMARI, Fabio Rodrigues de Souza também falou sobre esta reunião e qual a opinião dos cooperados em relação a atitude da Vigilância Sanitária, acompanhe: IN – O que está acontecendo com a COAMARI? Fábio – Nós fomos surpreendidos pela Vigilância Municipal e a Guarda solicitando para que deixemos o Eco Ponto. Isso foi uma decisão imediata, nós fomos notificados por esta questão, mas gostaria que o munícipio tivesse um olhar melhor para a cooperativa, pelo fato dela não comprar o material. Ela não trabalha com crianças, é um trabalho de questão social e de saúde pública também. IN – Como fica a situação da COAMARI depois desse pedido? Fábio – Nós tivemos que parar e os catadores de recicláveis dependem desse material para sobreviver. Gostaríamos que a situação fosse regularizada por isso estamos aqui. A situação da Cooperativa hoje é bem precária e a Vigilância cai em cima todos os dias. IN – Você saberia responder se outras cooperativas ou iniciativas que lidam com o mesmo material que vocês, foram também autuadas pela Vigilância Sanitária? Fábio – Segundo informações, alguns ferros velhos também foram autuados, quanto a Cooperativas eu desconheço.

IN – Com o fechamento de alguns pontos de reciclagem, o que você sugeriria para as pessoas que querem deixar seus materiais recicláveis. Fábio – Nós estamos com um ponto na Rua Francisco Lima, 102, Vila Camargo II, que é um local mais retirado, e fica difícil para os catadores levarem material até lá. Hamilton Rodrigo, proprietário do HR Metais também falou sobre a iniciativa: IN – O que houve com o seu estabelecimento? Hamilton – Meu estabelecimento foi interditado pela Vigilância Sanitária, porque eles queriam que eu fizesse uma obra no local, mas eu não tenho condições, é uma exigência muito pesada sem prazos para eu regularizar. Eles já chegaram interditando e ameaçando, que se continuasse com a reciclagem eu iria preso, e que se comprassem eles iriam concretar a frente do ferro velho. IN – Com relação à reunião que houve na Prefeitura, o que o senhor espera do acordo feito com os responsáveis por essa interdição? Hamilton – Eu senti que eles vão enrolar mais um pouco, mas não vão liberar, e vão exigir muito. Estão a fim de montar alguma coisa para eles mesmos, porque o pobre querem impedir de trabalhar. IN – Há quanto tempo o senhor tem esse estabelecimento, e trabalha com ferro velho e reciclagem? Hamilton - Eu e meu pai estamos há 35 anos nesse estabelecimento. Quando mudamos para cá tinha apena duas casas, depois veio às melhorias. Eles falam que aqui é zona urbana, mas nós viemos primeiro e temos direito adquiridos, e nessa local nunca teve dengue. IN – Que recado o senhor deixaria para os órgãos responsáveis da cidade? Hamilton – Que tivessem consciência de que o depósito de sucata e de reciclagem faz a limpeza pública, inclusive existe uma lei, a qual diz que a Prefeitura tem que pagar para fazer esse serviço. Essa lei existe, mas não vigorou, porque não é de interesse deles, porque o dinheiro sai dos cofres da Prefeitura e eles

querem apenas que entre. Eu questionei um fiscal de que não tinha condições de montar uma grande empresa como a Orsa e ele me respondeu que se não tenho condições de montar um negócio de milhões não era para eu abrir nada. Disse para ele que nós iríamos nos reunir e fazer uma rebelião igual na cidade de São Paulo e não vamos deixar ninguém trabalhar. O catador Benedito Rodrigues de Souza procurou nossa equipe de reportagem e colocou seu ponto de vista sobre a atitude da Vigilância: IN – O que houve com o seu ponto de coleta de sucata? Benedito – Houve a interdição por parte da Vigilância, porque eles não fornecem o alvará para nós. Já fizemos tudo o que eles pediram e mesmo assim não deram o alvará. IN – Há quanto tempo seu ponto de comércio de sucata está fechado? Benedito – Já está fechado há sete dias. IN – E o que o senhor tem feito para regularizar essa situação? Benedito – Eu fui até a Prefeitura, atrás da Vigilância, da fiscalização para poder nos ajudar naquilo que precisamos. IN – E qual a posição deles e como têm orientado o senhor a fazer? Benedito – Eles querem uma estrutura que eu não tenho condições de fazer. Eu fiz tudo o que me pediram com relação os extintores e documentos, mas eles não aprovaram. Os nossos companheiros lutam com dificuldade, com carência, falta recursos para trabalhar e nós ganhamos 0,20 centavos por cada mercadoria. NR: A Prefeitura está disposta a ajudar os catadores de recicláveis, porém o perigo da dengue e iminente e ninguém tem se atentado contra esta situação. São vasilhames, latas, pneus e recipientes que ficam nesses locais à mercê e a espera do mosquito se proliferar. Todos devem fazer a sua parte e não apenas exigir do poder público ou dizer que estão errados. Basta vermos a situação de Itararé e Itaporanga, que estão infestados da doença devido a falta de planejamento da administração e o descaso da população e de comerciantes para este problema.


14

23 de maio de 2014


Sexta-feira, 23 de maio de 2014 Editor Chefe: Kiko Carli Ano XII - Edição 786 Não pode ser vendido separadamente

Colisão entre veículos deixa motoqueiro ferido Na sexta-feira (16), a Polícia Militar foi solicitada a comparecer ao cruzamento entre as Ruas Teófilo David Müzel e Érico Pimentel Dias para atender uma ocorrência de acidente de trânsito com vítima. Ao chegarem no local, os

PMs se depararam com uma colisão entre um automóvel Parati e uma motocicleta CG 125. Segundo informações, condutor da moto subia a Rua Érico Pimentel Dias, quando o motorista da Parati, não obedecendo o sinal de Parada Obrigató-

ria, acabou cruzando à sua frente, chocando-se contra o veículo, cujo condutor sofreu uma

queda. O resgate do SAMU foi acionado e prestaram os primei-

ros socorros à vítima, a qual foi encaminhada ao Pronto Socorro da Santa Casa de Itapeva

com ferimentos aparentemente leves. O motorista do carro nada sofreu.


3B

27 de maio de 2014

Força Tática apreende grande quantidade de drogas Na quinta-feira (15), por volta das 22h40, policiais da Força Tática de Itapeva lograram êxito na apreensão de grande quantidade de drogas pela Rua Capão Bonito, na Vila Bom Jesus. Segundo informações, os PMs tinham várias denúncias de que um indivíduo chamado de Buiu, já conhecido nos meios policiais, estaria traficando em sua residência, localizada na divisa entre o Pilão D’Água com a Vila Bom Jesus. Desta forma, os homens da lei caminharam a pé pela Avenida Dr. José Ermírio de Moraes até a casa do indiciado para averiguar se realmente o tráfico estaria ocorrendo. No local, os policiais avistaram uma pessoa na janela e ao verificarem descobriram tratar-se de Buíu, que teria fechado a mesma e começado a gritar Polícia. A casa foi invadida e um homem detido, o qual confessou que estava ali para comprar maconha do rapaz. Em seguida foram detidos mais duas

mulheres e um jovem. No interior da residência, os PMs en-

contraram pedras de crack embaladas e prontas para a comer-

DIG recupera moto em matagal na Vila Santa Maria Na tarde da última sexta-feira (16), após receber uma denúncia anônima, os investigadores da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) se deslocaram próximo ao barracão da empresa Purinho, na Vila Santa Maria para investigar possível moto produto de furto. Após algumas horas, os policiais civis encontraram a moto Honda CG, que havia sido furtada no dia anterior. A mesma foi encontrada coberta por mato para dificultar a visão, em um local de dificíl

cialização, um saco contendo crack a granel, vários apetre-

chos para embalar drogas, uma garrafa pet com 83 porções de

maconha, 33 munições intactas de pistola 9 milímetros e uma quantia em dinheiro. Havia ainda muitas moedas, celulares e um notebook. Diante dos fatos foi dada voz de prisão aos mesmos e conduzidos à Delegacia. No momento da prisão, o único que confessou o crime foi Buiu, que pediu para ligar para seu advogado. Conforme relato da Polícia, em dois anos foram realizadas diversas prisões naquela proximidade e todos que foram presos eram funcionários do indiciado, que de acordo com os moradores é o patrão das drogas naquele bairro. Diante do exposto, a autoridade policial ratificou a voz de prisão e determinou que todos ficassem presos à disposição da Justiça. As mulheres foram encaminhadas para Apiaí e os homens para Capão Bonito. Também foram apreendidos dois veículos Gol, os quais foram recolhidos ao Pátio do Resgate Car.

Detran volta a alertar sobre e-mails falsos Cidadão não deve clicar em links ou baixar anexos, que podem conter vírus que danificam equipamentos e copiam dados pessoais

acesso, onde possivelmente seria desmontada para venda. Após ser recolhida, os investi-

gadores foram procurar o proprietário para realizar a devolução da mesma.

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) alerta para mensagens falsas que voltaram a circular na internet, via e-mail. Um dos e-mails falsos começa com “Notificacao online de multas...”. Essa mensagem induz o destinatário a clicar em links (na cor azul) que indicariam as infrações supostamente cometidas, com os respectivos valores das multas. Como na maioria das mensagens falsas que circulam na internet (chamadas de SPAM ou lixo eletrônico), os links geralmente contêm vírus que podem danificar computadores, tablets ou smartphones. Além disso, os vírus eletrônicos podem copiar dados pessoais, como endereço, número de documentos e senhas de acesso a sites, inclusive de bancos. Por isso, ao receber emails suspeitos, os cidadãos não devem abrir arquivos anexados ou clicar em links. O Detran.SP não envia notificações de multas por email, apenas via Correios,

para o endereço de cadastro do veículo do cidadão. Ainda sobre essa mensagem, é importante esclarecer que não existe o chamado “Sistema Integrado de Estradas e Rodagens/SIER” e que o termo GRAVAME, citado no texto, nada tem a ver com infrações de trânsito (e sim com veículos financiados). SUSPENSÃO DE CNH - Um segundo e-mail que circula na rede trata de uma suposta suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), informando que o condutor atingiu 21 pontos e que o extrato das multas está em um link ou arquivo anexo (mesmo caso descrito anteriormente). A mensagem também orienta o cidadão a entregar a CNH em uma “agência” do Detran.SP. O Detran.SP também não manda e-mail para condutores que atingiram a pontuação máxima permitida na CNH, que é de 20 pontos, no período de 12 meses. A notificação é feita por carta, enviada pelos Correios, e também por meio do Diário Oficial do Estado (com a publicação do número da habilitação

do motorista). Além disso, o condutor terá direito a apresentar defesa, antes de entregar a habilitação. Outro ponto importante a respeito dessa mensagem é o e-mail do remetente (contato@detran.gov.br), que não existe. É fácil perceber que o endereço é falso observando o trecho depois do símbolo de arroba (@). Os Detrans são órgãos de trânsito vinculados aos governos dos Estados e do Distrito Federal. Logo, todos os Detrans têm em seus emails oficiais a sigla do estado ao qual pertencem - o que não é o caso desse endereço. Além disso, a terminação .gov.br só é utilizada por órgãos do governo federal e não existe um “Detran federal”. Tanto que o endereço www.detran.gov.br não existe. É importante esclarecer que o Detran.SP só envia emails para responder as manifestações enviadas pelos cidadãos aos seus canais oficiais de atendimento: Disque Detran.SP, Fale com o Detran.SP e Ouvidoria.


4B

23 de maio de 2014


Sexta-feira, 23 de maio de 2014 Editor Chefe: Kiko Carli Ano XII - Edição 786 Não pode ser vendido separadamente

Alunas comemoram o Dia da Enfermagem em parceria com a Santa Casa de Itapeva No último dia 13, o CEAPI comemorou o Dia da Enfermagem, em parceria com a Santa Casa de Misericórdia de Itapeva. A enfermeira Jaqueline

Moro, coordenadora do curso de Enfermagem, ressalta a importância de proporcionar conhecimento aos alunos e estar sempre atualizando, por isso o tema escolhido para este ano foi “Se-

gurança do Paciente”, que está em evidência e é uma exigência da ANVISA (Agencia Nacional de Vigilância Sanitária). O evento contou com a presença da enfermeira Fabiana Cruz e enfermeira Flávia da Santa Casa de Itapeva, em que foi

apresentado aos alunos o Núcleo de Segurança do Paciente como foco a prestação de serviço com qualidade e segurança, tendo como base os protocolos instituídos na Santa Casa de Misericórdia de Itapeva. A biomédica Vanessa Ferna-

des (coordenadora da Radiologia) abordou a importância da higienização das mãos, visando a diminuição e prevenção da infecção hospitalar. Para finalizar, o Grupo de Teatro da Santa Casa de Misericórdia de Itapeva apresentou uma

peça com o tema Higienização das Mãos. Elisangela Mendes, coordenadora do teatro, comentou que a intenção foi a de aprender brincando, pois assim o profissional fixa melhor as informações e o efeito esperado é superior.


23 de maio de 2014

3C


4C

23 de maio de 2014

Sebrae orienta MEIs a realizar declaração anual e imprimir guias atrasadas Prazo da entrega da declaração termina no dia 31 de maio. Microempreendedores Individuais inadimplentes, que já são quase 60% no País, devem pagar boletos atrasados para evitar riscos O Sebrae realiza de 26 a 30 uma ação junto aos quase 1 milhão de Microempreendedores Individuais do Estado de São Paulo. O objetivo é dar suporte ao MEI para a entrega da Declaração Anual e ajudá-lo na impressão das guias atrasadas de pagamento (DAS). Neste período, os 33 escritórios do Sebrae-SP, além das 35 vans do Sebrae Móvel distribuídas pelo Estado, estarão focados no atendimento aos MEIs, juntamente com parceiros como Sescon-SP, salas do empreendedor, escritórios contábeis, entre outros. O prazo de entrega da Declaração Anual Simples Nacional do MEI (DASN-SIMEI) termina dia 31 de maio. O empreendedor deve estar em dia com suas obrigações para evitar multas, perda de benefícios e até a exclusão do Simples Nacional. Em São Paulo, até o momento, 50% dos MEIs entregaram a declaração. “Faltando 10 dias para o prazo final, metade dos MEIs de São Paulo ainda não entregou a declaração. Quem não efetivá-la no prazo será notificado pela Receita Federal e pagará multa pelo atraso. Caso não realize os

procedimentos, poderá ser excluído do Simples Nacional”, afirma o diretor-superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano. A declaração anual é gratuita. Para enviar, basta acessar o Portal do Empreendedor (http:/ /www.portaldoempreendedor. gov.br), digitar o CNPJ, e informar o valor da receita bruta referente ao ano de 2013 e se possuía ou não empregado.

Inadimplência Além de fazer a Declaração Anual, o MEI que não estiver com os boletos de pagamento mensais (DAS) quitados até as datas dos vencimentos está sujeito a juros e multa na geração das novas guias. O não pagamento contribui para o aumento da inadimplência do MEI, que já chega a quase 60% em todo o País. O diretor-superintendente

Sueli Cardoso se aposenta e conta sua história de dedicação e amor à profissão Auxiliar de Enfermagem se aposenta pelo IPMI e conta sua história de trabalho pela saúde das pessoas Sueli Aparecida Melo de Oliveira Cardoso dedicou 38 dos seus 55 anos de vida ao exercício da profissão de Auxiliar de Enfermagem. Desses 38 anos de trabalho, 23 foram exclusivos ao serviço público municipal de Itapeva e em abril deste ano, ela se aposentou pelo Instituto de Previdência Municipal de Itapeva (IPMI). Sueli, após assinar os documentos que lhe dá direito à aposentadoria, garantiu que vai permanecer cuidando dos que necessitam. “Vou me dedicar agora às ações sociais no município de Itapeva”, diz. O superintendente do IPMI, Eduardo Yamaya, acompanhou a assinatura e, ao lado de Sueli, conheceu a história de trabalho da servidora, que ingressou na Prefeitura em novembro de 1990. Sueli conta que tinha 17 anos quando notou sua aptidão para auxiliar pessoas. “Fui fazer um curso de Enfermagem em Campos do Jordão (SP) por acaso, à convite de uma prima minha. Ali tive certeza de que era isso que eu queria para a minha vida. Ajudei muitas pessoas em tratamento, lidar com vidas e sentimentos de pessoas num momento em que estão com carência é desafiante. Um sorriso, um abraço, a atenção dispensada podem fazer toda a diferen-

do Sebrae-SP, Bruno Caetano, lembra que o empresário que deixa de honrar os pagamentos ou fazê-los com atraso perde os direitos previdenciários como auxílio-doença, licença-maternidade, pensão por morte e aposentadoria por idade. Além disso, poderá ser excluído do Simples Nacional, por débitos tributários, passando para a categoria de Lucro Presumido.

finais de semana. “Era o tempo que eu tinha para estar com meus filhos”, lembra. Agora, com mais tempo livre, o cuidado com os filhos vai ser maior. Sueli quer ajuda-los com os estudos, criar um ambiente favorável para que eles se preparem para o futuro. Ao mesmo tempo, ações sociais devem constar na sua nova agenda. “Sempre gostei muito de ajudar as pessoas que precisam e não estou cansada. Vou continuar ajudando”, garante.

Principais obrigações do MEI • Gerar na internet guia de

pagamento e pagar tributo único que varia de R$ 37,20 a R$ 42,20, e que será destinado à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS. Por estar enquadrado no Simples Nacional, o MEI fica isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). • Envio de declaração anual de faturamento da empresa até 31 de maio. Riscos da inadimplência •Perda dos benefícios sociais: auxílio-doença, licença-maternidade, pensão por morte, aposentadoria. • Exclusão do Simples Nacional. • Multa e juros até o efetivo pagamento. Quem pode ser MEI • Empresário com faturamento de até R$ 60 mil/ ano em atividades como costureira, pintor, cabeleireira, manicure, pipoqueiro, entre outras. • Não é sócio, nem titular ou administrador de outra empresa. ��� Pode ter apenas um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria.

Agenda Cultural 7º Festival Pop de Cinema de Itapeva MOSTRA REGIONAL – 24/05 – às 19h Itapeva Clube Exibição de até 07 curtas-metragens produzidos por diretores locais. O melhor filme, eleito pelo público, receberá um troféu. MOSTRA COMPETITIVA – 24/ 05 – às 20h30 Itapeva Clube Exibição de até 07 curtas-metragens premiados nos principais festivais do Brasil e do mundo. Participação do ator Global o Itapevense “Rafael Primot” a

ça para um paciente”. Sueli trabalhou nos hospitais Santa Lucinda, em Sorocaba, Hospital de Campos de Jordão, na Santa Casa de Misericórdia de Itapeva. Na sequência, passou a atender no Posto Central, o Postão de Saúde, numa época em que chegavam a ser atendidas 600 pessoas por dia. “Não existia Programa de Saúde da Família (PSF) como agora. Hoje é mais fácil trabalhar”, diz ela, que optou pelo trabalho na Prefeitura para poder folgar aos

O Sebrae-SP fez uma simulação: uma cabeleireira enquadrada como MEI, que fatura R$ 5 mil mensais, paga uma taxa de R$ 41,20. Caso passe para a categoria do Lucro Presumido, desembolsará mensalmente R$ 920 e mais os honorários contábeis. Ou seja, 20 vezes a mais o valor de que pagaria como MEI. “A maior parte da tributação paga pelo MEI é INSS, ou seja, a previdência do empreendedor. Trata-se de um seguro pessoal do empresário, que ele pode utilizar em caso de acidente ou doença”, lembra Bruno Caetano. A categoria dos Microempreendedores Individuais contempla atividades como costureira, pintor, cabelereira, manicure, pipoqueiro, entre outras. Um grande avanço, que colocou muitos trabalhadores no mercado formal de trabalho. Para quem tiver dúvidas, o Sebrae-SP oferece consultoria gratuita nos mais de 45 pontos de atendimento espalhados pelo Estado e também pelo 0800 570 0800.

Stephanie de Entre Tapas & Beijos. · Projeto Cultura na Praça Data: 24/05/2014 – Sábado – *transferido para o dia 31/05/ 14* Horário: 10h Local: Praça Anchieta · Cultura Hip Hop Pela Paz Data: 25/05/2014 – Domingo Horário: 18h Local: Praça de Eventos Zico Campolim · Circo de Pulgas – Teatro Infantil Data: 30/05/2014 – sexta-feira Horário: 20h Local: Itapeva Clube

Realização: SICOOB Apoio: Prefeitura Municipal de Itapeva – Secretaria Municipal da Cultura e Turismo Ingressos à venda no SICOOB/ APAE e Secretaria da Cultura a R$ 5,00 – renda em prol da APAE de Itapeva. · Projeto Cultura na Praça Data: 31/05/2014 – Sábado Horário: 10h Local: Praça Anchieta Programação: Grupo Musical da Luz da Visão Flash Mob. com a Escola da Família E.E. Geminiano David Müzel – participação: do grupo Corpo em Rua e Casual.


5C

23 de maio de 2014

Sábado é dia de Mostra Competitiva na 7ª edição do Festival Pop de Cinema

J

á está quase tudo pronto para a Mostra Competitiva do Festival Pop de Cinema, que acontece neste sábado (24), a partir das 20h, na sede social do Itapeva Clube. Com o tema comédia, o evento promete ser um dos melhores realizados até hoje. Vale a pena sair de casa e prestigiar o último dia do Festival, que é tão bem realizado pelos produtores Daniel Gaggini, Cristine Cardoso, Rafael Primot e Luh Moreira, os quais se empenham durante meses para trazer a Itapeva o que há de melhor no mundo do cinema nacional e internacional. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, Rafael Primot falou sobre esta edição do Festival e sobre o filme Gata Velha Ainda Mia, confira: IN – Como tem sido a 7ª edição do Festival Pop de Cinema em Itapeva? Rafael – Esse é o sétimo ano que fazemos o Festival aqui e ficamos felizes em trazer para cá os curtas que consideramos especiais. Fazemos a seleção dos melhores curtas brasileiros e internacionais do ano. Este ano

o foco é comédia, um evento para toda a família e tivemos duas semanas de oficina de interpretação e vídeos. Os alunos das oficinas junto com os professores fizeram um vídeo clip da banda Pink Big Balls e tem

um curta metragem, que será apresentado durante a Mostra. Essa é uma edição super importante para nós e acho que vai ser bem divertida. No dia 24, no Itapeva Clube, às 20 horas teremos a Mostra Competitiva.

Convidamos todos os itapevenses e as pessoas da região para vir assistir. Esses filmes são divertidos e para toda a família. O tema é comedia, temos um clown, que vem de fora para receber as pessoas. Ele vem dar uma

oficina na quinta e na sexta e quem quiser participar será muito bem vindo. IN – Como foi trabalhar com uma atriz do calibre de Regina Duarte? Rafael – Foi uma delícia. A Regina é uma atriz que se entrega, é tranquila para trabalhar. Nós tivemos quase dois meses de ensaio para tentar chegar a um bom resultado, a filmagem foi rápida e foi demais trabalhar com ela. IN – Regina Duarte estará presente na Mostra de Cinema que você irá apresentar? Rafael – Nós ainda não sabemos. Eu adoraria que ela viesse para ser homenageada aqui este ano no Festival Pop, mas a presença dela ainda não está confirmada. Estamos tentando trazer, mas vamos torcer para que ela consiga uma brecha na agenda para vir aqui em Itapeva. IN – Como tem sido para você receber críticas tão positivas pelo filme Gata Velha Ainda Mia dos críticos em geral e elogios de Regina Duarte nas entrevistas que ela tem dado? Rafael – O filme Gata Velha

Ainda Mia está em cartaz nos cinemas de São Paulo e Sorocaba, nós sempre pedimos para o público prestigiar e comparecer. O filme tem uma levada diferente, que começa como um drama, depois vira um suspense, ele é muito centrado na interpretação dos atores, acho que é por isso que eles gostam tanto, porque tem esse olhar sobre o trabalho deles. A Regina se entrega de uma maneira única e muito apaixonada, a Bárbara Paz também está no elenco e interpreta seu papel muito bem, é um filme que tem três mulheres. Ele fala sobre mulheres, mas ao mesmo tempo agrada um público bem diverso. Eu fico muito feliz com a generosidade da Regina de olhar para mim e falar do seu trabalho através do Rafael, ela é uma atriz que não precisa de muita direção é só conduzir um pouco e ela vai resolvendo. Eu quero convidar a todos para assistir Gata Velha Ainda Mia, ele está nos cinemas, mas em breve deve entrar no Canal Brasil, porém assistir no cinema sempre tem um gosto a mais.

Oficina de Interpretação traz a versatilidade e o talento de Guilherme Gorski

N

o início da semana teve início a Oficina de Interpretação (turma inicial e avançada) com o ator Guilherme Gorski. A alegria e o bom humor tomou conta do espaço, o que reforça mais ainda o espírito do Festival mais POP de Itapeva. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, Guilherme falou sobre esta experiência de poder ensinar e também de sua interpretação no vídeo clipe da banda Pink Big Balls, confira: IN – Como tem sido as oficinas de interpretação ministradas por você nesta edição do Festival Pop do Cinema? Gorski - Está uma delícia! É o segundo ano que eu participo ativamente do Festival. Acompanhava de perto todas as edições, mas no ano passado o Gaggini e o Rafael me convidaram para ministrar essas oficinas e foi uma experiência incrível, porque nunca tinha dado aula a alguém. Adorei o resultado, tive uma resposta muito

legal dos alunos. Este ano resolvemos inovar e avançar nessas oficinas e também tivemos uma resposta bem legal dos alunos, porque muitos que fizeram o ano passado voltaram para fazer este ano. Alguns fizeram as duas, a de iniciante e de avançado. Para mim é um prazer em ter essa resposta deles, isso significa que tem dado certo e que funcionou o que eu tenho passado a eles. IN – Em relação às turmas avançadas como tem sido essa evolução? Gorski – É muito legal e eu fico emocionado em perceber que quem fez a oficina no ano passado continua fazendo teatro. Durante conversa com alguns que eu encontrei este ano, me disseram que estão fazendo teatro, estão fazendo coisas próprias na escola ou até em casa fazendo vídeos para publicar no Youtube. Percebo essa evolução e esse crescimento deles. É gratificante saber que eu fui um pouquinho res-

ponsável por isso. Durante a semana de trabalho eles vão se jogando mais, vão ficando mais disponíveis para as coisas que eu proponho nessa troca de experiências e é muito legal observar esse crescimento de cada um. IN – Como foi essa experiência em participar do clipe da banda Pink Big Balls? Gorski – Há muito tempo já estava conversando com os meninos da banda e tentando elaborar esse projeto para o clip deles. Nós criamos um grupo no Facebook para discutir sobre isso, até que pintou essa parceria com o Festival e foi muito legal. Esse disco do Pink Big Balls está incrível e eles escolheram uma música muito legal, pois tem uma historinha de uma menina com os cabelos cacheados e ele vai procurá-la numa festa e ela está com os cabelos lisos. Tem uma dramaturgia muito legal no clipe que está muito bacana. Gosto muito da banda, faz anos que eu os acompanho seus shows até de garagem aqui em Itapeva. A experiência foi muito divertida. IN – Faça um resumo do Fes-

tival e sua trajetória até o momento. Gorski – Como espectador do Festival, posso dizer como observador que é muito bonito ver o crescimento que tem tido nos últimos anos de público e do interesse das pessoas. Esse interesse da população aqui de Itapeva é muito legal de ver, porque eu sou

daqui e quero trazer mais Cultura para cidade. IN – Deixe um convite para a população ir prestigiar o trabalho de vocês. Gorski – O Festival é sempre feito com muito amor para nós itapevenses. É um evento de extrema importância para a nossa cidade e nada mais justo

do que nós itapevenses prestigiar esse evento. Deixamos o convite para o dia 24, às 20 horas no Itapeva Clube com várias atrações. Teremos algumas surpresas como distribuição de brindes, show da banda Pink Big Balls, a estreia do clip e está cheio de coisas boas. Contamos com vocês nesta festa.


6C

23 de maio de 2014

Alunos da Escola Zulmira de Oliveira são destaques na OBMEP A Escola Escola Estadual Professora Zulmira de Oliveira juntamente com seus alunos e professores participaram de premiação pelo destaque alcan-

çado na OBMEP. Medalhas de ouro e menções honrosas a todos os brilhantes estudantes que não mediram esforços para estudar, aprender e utilizar seus

conhecimentos nas atividades matemáticas da Olimpíada.  Ainda no tocante ao recebimento de medalhas, a aluna Bianca Melo foi ao Rio de Janeiro, acompanhada por sua mãe, professora Gisele Melo, para receber das mãos da presidenta Dilma Rousseff uma medalha de ouro por representar como medalhista a Diretoria de Ensino da Região de Itapeva. Motivo de orgulho para professores, gestores e funcionários da Escola por ter em seu staff alunos tão brilhantes e também satisfação dos pais e responsáveis pelo prazer de incentivar e acompanhar nos estudos filhos tão esforçados e determinados.

Emcena Brasil traz teatro Sábado animado e de muitos eventos na E.E. Jeminiano David Müzel itinerante na Praça de Eventos No sábado (17) e domingo (18), a Praça de Eventos Zico Campolim foi sede para o Projeto itinerante Emcena Brasil. Às 15 horas foi apresentado o teatro infantil “Em Busca do Segredo Esquecido” da Cia. Abaréteatro. Às 17 horas teve a contação de histórias “Pedro Pedroca Catimbirimboca” e a oficina de plantio de sementes, pela Cia. Mão Livre. Às 19 horas teve a sessão de cinema do Cine Curta Brasil. Às 20 horas foi apresentado o Teatro de Mamulengos “A Festa da Rosinha Boca-Mole Mamulengo da Folia”. Às 21 horas foi apresentado o teatro para adultos “Villa dus Bisurdo” da Cia. Abaréteatro. O Pr oj et o it in er an te “Emcena Brasil” foi criado em 2007 para difusão cultural pela Cia. Abaréteatro e desde então vem circulando por todo o país trazendo em sua bagagem espetáculos de teatro para todas as idades, circo, cinema, mamulengos, contação de histórias, oficinas e muita cultura e entretenimento.

Aconteceu no dia 10, na E.E. Jeminiano David Müzel, grande evento com várias atividades, cujo objetivo foi proporcionar momentos para que os pais estejam na escola firmando cada vez mais a parceria tão importante e imprescindível para o sucesso na aprendizagem dos seus filhos. Inicialmente aconteceu a cerimônia de abertura oficial do evento com o Hino Nacional e na sequência a posse do Grêmio Estudantil com certificação aos integrantes da chapa “Se Eu Fosse Você”. Em seguida aconteceu a reinauguração da quadra poliesportiva da escola com a Copa Jemini 2014, atividade que também integra as ações do Projeto Copa 2014. Foram oito países representados no Campeonato. Aconteceu ainda a reunião de pais com entrega do Boletim Escolar e esclarecimentos pelos professores sobre o rendimento no 1º Bimestre. Os estudantes da 3ª série organizaram o Dia da Pizza em prol à formatura e para finalizar aconteceu o Dia das Mães com entrega de mimos e lanche. A equipe gestora parabeniza toda a escola pelas atividades desenvolvidas e agradece a participação efetiva de todos.

Oficina: Luz Ambiente e Ambiente de Luz Acontece na terça-feira (27), das 18h às 22h, a Oficina Luz Ambiente e Ambiente de Luz, que será ministrada por Elisabete Savioli. O evento acontece no Auditório Haru Izumi (Calçadão) e são apenas 20 vagas para pessoas a partir de 12 anos. Esta oficina pretende explorar as possibilidades de construção de sentido na fotografia por meio da análise e manipulação das mais diferentes condições de iluminação. Recuperando parâmetros históricos, e

exemplificando com imagens de fotógrafos consagrados (como Nadar, Brassai, Marck Chen, Bruce Gilden, Wolfgang Tillmans e Agnes Thor), os alunos serão estimulados a manipular fontes contínuas, flash embutido ou unidades dedicadas, ampliando seus conhecimentos técnicos e exercitando sua criatividade. Inscrições gratuitas na Secretaria da Cultura e Turismo – Calçadão Dr. Pinheiro (antigo Núcleo de Tecnologia) DAC – Departamento de Ação Cultural.


7C

23 de maio de 2014

Salvador, a terra do Carnaval, abriga praias, museus e construções históricas Salvador de todos os santos, de Nosso Senhor do Bonfim, dos mulatos inzoneiros e das morenas de curvas sinuosas. Se existe uma terra onde a miscigenação reina onipresente, esse lugar é Salvador, a capital do estado da Bahia. A intensa mistura de crenças e raças recriou uma gente temperada pela alegria e marcada pelo contraste. Deve ser por isso que esse reduto da efervescência turística e cultural se estabeleceu como ícone mundial da cultura, da hospitalidade e de belezas naturais infindáveis. O que não falta a Salvador são atrações, prova disso, são as praias, os museus e as construções seculares. Em Salvador, há ainda um amplo leque de atividades para relaxar ao ar livre, aliando exercícios ou uma simples caminhada a um passeio em

área verde e conservada nos parques locais. Na gastronomia, Salvador também é líder de aprovação nacional e internacional. Dessa miscelânea cultural nasceram iguarias renomadas e saborosíssimas. Dentre as comidas típicas da Bahia impossível não lembrar do vatapá, acarajé, das iguarias à base de dendê, leite de coco, gengibre e pimenta que dividem espaço com os restaurantes especializados nas cozinhas italiana, japonesa, chinesa, francesa, mexicana, mineira e sertaneja. Como a maioria das cidades nordestinas, o forte de Salvador é o artesanato, dos artigos simples, aos mais requintados. Os artesãos exploram bastante a religião, crenças e superstições em suas obras. Esculpem imagens de santos católicos e do

candomblé, além de patuás, figas e trevo de quatro folhas. O berimbau e os tambores d’água, ambos conhecidos no mundo inteiro como itens “tipicamente baianos”, também integram o vasto currículo artístico soteropolitano. As fitinhas do Bonfim são extremamente requisitadas e ótimas opções para você levar de lembrança. Pontos Turísticos em Salvador PELOURINHO Considerado Patrimônio Histórico da Humanidade, o Pelourinho é caracterizado pelas fachadas coloridas e pelos 800 casarões dos séculos 17 e 18. Conhecido internacionalmente por ser o centro da cultura e história soteropolitana, o local é palco de grupos de afoxé, como Filhos de Gandhy, e de grupos

afros, como o tradicional Olodum. O Pelourinho possui esse nome em referência às colunas onde os negros eram castigados em praça pública. É nessa parte de Salvador que estão a Fundação Casa de Jorge Amado, o Museu da Cidade e a Igreja de São Francisco. ELEVADOR LACERDA, PARADA OBRIGATÓRIA EM SALVADOR Ícone imponente do turismo de Salvador e cartão-postal memorável, o famoso Elevador Lacerda é a ligação entre a Cidade Alta e a Cidade Baixa. Construído em dezembro de 1872, no mesmo local onde antes existia a Casa da Moeda, o local propicia a seus visitantes a generosa vista panorâmica da Baía de Todos os Santos. Seu nome é uma homenagem ao seu idealizador, Antônio Francisco Lacerda. Com

70 metros de altura transporta aproximadamente 118 passageiros. A última reforma foi feita em 1993. Onde Comer em Salvador BABY BEEF Oferece a Salvador a sofisticação dos grandes restaurantes, com um cardápio especialmente preparado para atender aos desejos do público soteropolitano. Em seu menu figuram saladas, grelhados especiais, peixes, crustáceos, massas, acompanhamentos e sobremesas. CASA DA DINHA DO ACARAJÉ Os principais pratos da culinária baiana estão reunidos no cardápio desse restaurante, desde as deliciosas sobremesas naturais às bebidas diversificadas. Com capacidade para receber até 50 pessoas, oferece es-

paço para festas e eventos. Onde Comprar em Salvador MERCADO MODELO Datado do século XIX e tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), o edifício abriga mais de 260 de lojas de artesanato com produtos típicos da Bahia, além de conter uma praça de alimentação. É considerado por muitos, um dos maiores centros de artesanato da América. INSTITUTO DE ARTESANATO VISCONDE DE MAUÁ Outro importante centro de artesanato de Salvador, que reúne trabalhadores de toda a Bahia. O local também oferece curso para artesãos. Para mais informações Universal Turismo 3524-2705

Clientes Elaine e Junior curtindo Salvador

Unidade de ensino resgata a família através de palestra Na última quinta-feira (15), a Escola Estadual Professora Zulmira de Oliveira recebeu a capitão da Polícia Militar, Adriana Duch Machado, que ministrou uma palestra de conscien-

tização e valorização das famílias. Tendo a preocupação em resgatar as famílias da comunidade e os valores primordiais como amor, cordialidade, frater-

nidade, respeito e principalmente o diálogo entre as pessoas foram destaque na fala da oficial da PM. Através de uma linguagem simples, objetiva e eficaz mais de 800 pessoas, entre

pais e filhos, professores e funcionários, gestores e convidados tiveram a oportunidade de refletir sobre suas atitudes e ações no seio da família. “Para que nossa família seja

uma bênção e dê frutos, para que a Educação seja de qualidade e eficaz e para que nossos filhos tenham um futuro melhor antes, temos que nos esforçar para resgatar respeito ao próximo e

o diálogo. Pessoas conscientes certamente oportunizarão outras e assim teremos uma sociedade menos violenta, mais justa e fraterna”, assim afirmou a palestrante.


8C

23 de maio de 2014


Sexta-feira, 23 de maio de 2014 Editor Chefe: Kiko Carli Ano XII - Edição 786

Jogo das Estrelas terá Deco, Amoroso e Luizão

N

esta sexta-feira (23), a 2ª Copa 11 Pinheiro de Futebol Society terá disputa de dois grandes jogos, válidos pela fase semifinal. Na primeira partida a equipe da Mineração Itapeva/Ligamil enfrenta a equipe do SICOOB. Já na segunda partida da noite a equipe GRP/Plácidos Transportes enfrenta a equipe do Inter de Litrão. Os jogos acontecerão a partir das 19h30, na Chácara 11 Pinheiro com entrada franca. Os interessados poderão adquirir no local a pulseira, que dará acesso ao Jogo das Estrelas e a uma deliciosa feijoada, que será servida no dia 15 de junho com a presença de astros do futebol brasileiro como Deco, Amoroso, Zenon, Ronaldo Guiaro, Luizão, João Paulo e outros. Portanto, vale a pena prestigiar a semifinal que acontece neste dia 23, a final no dia 6 de junho e o sensacional Jogo das Estrelas no dia 15 de junho, acompanhado de feijoada e muito pagode. Lembrando que o evento tem a organização do curso de Educação Física da FAIT, sob a coordenação do professor Mariol Siqueira, em parceria com a 11 Pinheiro Empreendimentos, apoio da Ligamil e Itaipava e cobertura exclusiva do Jornal Ita News.


2D

23 de maio de 2014

Estudantes participam de seletiva das Paralimpíadas Escolares em São Paulo As Paralimpíadas Escolares buscam revelar novos valores e possíveis atletas para representar o Brasil nas Paralimpíadas de 2016. Trata-se de uma iniciativa do Governo do Estado de São Paulo destinado aos alunos matriculados em escolas públicas e privadas. Organizada pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pes-

soa com Deficiência e as Secretarias da Educação, de Esporte, Lazer e Juventude, Desenvolvimento Econômico e Ciência e Tecnologia, além de descobrir novos talentos para o esporte, o objetivo dos Jogos Escolares é promover, por meio da prática desportiva, a integração e o intercâmbio dos alunos para ampliar as oportunidades de

socialização e aquisição de hábitos saudáveis. O esporte adaptado no ponto de vista inclusivo nas escolas envolve valores fundamentais para o indivíduo com necessidades especiais tais como: autoestima; valorização, limites, segurança, superação e outros sentimentos que tendem a fortalecer o senso de pertencimento à comunidade escolar. A E. E. Jeminiano David Müzel respeitando os limites e valorizando as potencialidades do estudantes com necessidades especiais proporciona a participação destes em tão importante evento, onde os estudantes Patrick Evanison Borges Lima e Sergio Henrique Araújo Pinto acompanhados pelos professores Anderson Fabricio Souza Silva e Marcia Stuart Cardo-

zo representaram a Diretoria de Ensino de Itapeva na Seletiva, na modalidade atletismo. As competições aconteceram no último dia 14 na pista

Golfistas itapevenses competiram em Torneio de Ribeirão Preto Nos dias 14, 15 e 16, aconteceu em Ribeirão Preto a quarta etapa do Mini Tour no Ipê Golf Club, que teve a vitória de Ronaldo Francisco, profissional do Quinta do Golfe, patrocinado pela YKP e Azeite 1492.

Ronaldo que dividia a liderança no primeiro dia com Guilherme Oda com 2 abaixo do par, jogou par de campo para vencer por 1 tacada. Oda foi o segundo com 1 abaixo e em terceiro ficou o profissional do Ipê Golf

Club, Gustavo Teodoro com par do campo. O melhor amador foi Adriano Junqueira. A etapa contou com o apoio do Ipê Golf Club e dos profissionais Alexandre Holtz (itapevense) e Gustavo Teodoro.

Ícaro de Castro Melo, no Parque do Ibirapuera, em São Paulo. Ambos os alunos participaram do arremesso de peso e 300 metros rasos. Parabéns

2ª Copa Pinara de Tênis de Mesa

Os golfistas Pablo De La Rua e Lorenzo De La Rua participaram desta etapa terminando em 10º e 13º, respectivamente. Apesar do resultado, Pablo continua na liderança do campeonato. A próxima etapa acontece no mês que vem.

Aconteceu no sábado (17), no Ginásio de Esportes Antônio Queiroz, a segunda edição da Copa Pinara de Tênis de Mesa. Com o patrocínio da Pinara e apoio da Secretaria Municipal de Esportes, o evento teve como principal intuito divul-

Itapeva estreia com vitória na Copa Fecomerciários O time de futsal do Sincomerciários estreou com vitória na 7ª Copa Estadual de Futsal Fecomerciários, Troféu Luiz Carlos Motta. A equipe composta por 11 comerciários venceu Registro por 14 a 01. A partida aconteceu em Itapetininga no dia 18. No ano passado, o grupo conquistou o terceiro lugar no torneio. O objetivo para este ano é repetir o feito de 2009 e voltar para casa com a medalha de ouro. De acordo com o técnico Silvio Gonzaga Baz, o time está em treinamento desde fevereiro, mas o anúncio de quem sairá jogando só será feito momentos antes das partidas. “O grupo está mais forte do que em 2013, quando sofremos por falta de jogadores. Estou analisando um a uma para realizarmos

uma boa campanha e chegar a grande final”, conta. Conforme ele, este ano o torneio está mais difícil. Na primeira fase, além de Registro, o

grupo também enfrentará Sorocaba e Itapetininga. Este é o sétimo ano que o Sincomerciários participa da disputa. “Sempre estivemos

aos estudantes pela belíssima participação e aos professores Anderson e Márcia pelo apoio aos alunos nos treinamentos e acompanhá-los.

presente, levando o nome de Itapeva. O incentivo ao esporte faz parte também de uma das nossas políticas”, destaca o presidente do Sindicato, Marcelo

Nunes de Castro. Este ano, 37 sindicatos irão disputar o torneio, sendo 36 equipes compostas por membros de Sincomerciários e uma com atletas de práticos de farmácia. Em 2013, 24 times de todo o estado participaram do torneio. A grande final está marcada para o dia 02 de agosto, às 17h, em Praia Grande. Compõem a equipe de Itapeva: Tiago Ribeiro, Danilo Santiago, Wagner Schimidt, Junior Tavares, Whelentton Souza, Maicon Pratini, Marcelo Cruz, Rodrigo Chaves, Bruno Janeiro, Marcelo Aires e Claudinei Camargo. As próximas partidas serão realizadas no dia 08 de junho, em Itapetininga, contra os donos da casa e no dia 15 de junho, também em Itapetininga, enfrentando Sorocaba.

gar esta modalidade, que ainda é pouco praticada no município de Itapeva. Os três primeiros colocados foram da equipe da FAIT de Itapeva. Em primeiro lugar ficou o mesatenista Bruno Lima, em segundo Gabriel Bezerra e em terceiro Edson Rocha.

Agenda Esportiva 24/05 – Sábado Jogos Abertos da Juventude 2014 Ginásio Municipal Antonio Pelissari - Itararé 14h – Itaberá X Itapeva 25/05 – Domingo Liga de Sorocaba de Voleibol Feminino Adulto Itapeva – Ginásio da CCE 11h – Itapeva X Cotia 25/05 – Domingo Família na Praça EMEI Leni Mariano Sá Lima – Bairro de Cima Das 15h às 18h 28/05 – Domingo Dia do Desafio Exercite pelo menos por 15 minutos


3D

23 de maio de 2014

Alunos representam o município no Atletismo A lunos das escolas que abrangem a Diretoria Regional de Ensino passaram nesta terça-feira (20) por avaliação durante a segunda etapa da Seletiva de Atletismo, a fim de que sejam escolhidos os representantes que irão competir em Praia Grande por nossa região. Em entrevista à nossa equipe de reportagem, o inspetor de Esportes, Eduí Pereira falou sobre este evento ocorrido no Estádio Municipal, confira: IN – Como foram as seletivas que tivemos em Itapeva? Eduí – Nós tivemos uma préseletiva no dia 20 dos alunos da etapa II, que são das escolas municipais e particulares para selecionarmos os melhores alunos. Foi feita uma triagem em cada prova para que eles participem da seletiva estadual, uma delas vai ser na Praia Grande, onde pretendemos levar esses alunos. IN – Como foi o desempenho

dos alunos nessa pré-seletiva? Eduí – Houve alunos que se saíram muito bem, não tinham um calçado específico, vi alguns usando sapatilhas, mas são de escolas estaduais e que já estão treinando para isso. Em termos de tempo, salto em distância, e mesmo no arremesso de peso

estão bem colocados. Eles poderão em Praia Grande ter a chance de se classificar para a seletiva final, que é no mês de agosto. IN – Com relação ao interesse dos alunos em participarem de ações como essa, como o senhor avalia?

Eduí – O interesse deles é grande. Sou professor da Escola Dom Silvio Maria Dário e quando falo de uma seletiva, de um campeonato todos eles querem participar, e quanto a isso eu tenho que parabenizar os professores, que estão incentivando esses alunos à prática

esportiva. Não posso deixar de elogiar a Secretaria da Educação, que está dando todo o respaldo para que esses alunos possam participar. Nós tivemos na semana passada os jogos de tênis de mesa e hoje eles estão participando da Regional em Votorantim. Se forem campeões, passarão para a fase inter-regional, que vai ser em Lindóia, onde ficarão uma semana participando com todos os campeões das regionais do Estado. Dia 23 vai ter alunos do Sergio Mota e alunos do Nilton, que foram campões da fase sub no xadrez e estarão em Sorocaba participando com todos os campeões da região. Na terçafeira, dia 27, estarei trazendo com autorização do delegado Nelson Marcuso da cidade de Sorocaba, alunos para realizarem jogos de handebol e futsal aqui. Será a final regional em Itapeva, no Ginásio Antônio de Queiroz. A Escola Dom Silvio vai jogar handebol, a Escola

Nilton vai jogar futsal feminino e masculino e as equipes de Buri jogarão voleibol. Os alunos do nosso município estão bem colocados e com vontade de participar, porque essa seletiva pode levá-los para outra competição que é a estadual, se forem classificados vão representar o Estado nos jogos brasileiros. Nos jogos escolares temos duas etapas: a etapa I, que são as escolas estaduais, que foi realizada dia 20 com três Diretorias, Itapeva, Itararé e Apiaí e que se classificam para Sorocaba. Nós fizemos essa pré-seletiva da etapa II, que são as escolas estaduais, e na próxima semana jogaremos no Ginásio Antônio de Queiroz e no Ginásio da Vila Aparecida, onde o basquete da Escola Luis Gonzaga masculino e o feminino de Capão Bonito, jogarão contra a equipe de Sorocaba e quem for campeão estará representando a Diretoria na fase regional.

Equipe André Bike Shop faz bonito em etapa da Copa Sudoeste de Mountain Bike

R

epresentada pela equipe André Bike Shop, Itapeva fez bonito na terceira etapa da Copa Sudoeste de Mountain Bike, que aconteceu no último domingo (18) em São Miguel Arcanjo. Muitos dos ciclistas subiram ao pódio e puderam terminar este percurso, o qual não foi nada fácil, como nos contou em entrevista o atleta André, confira: IN - Como foi a competição deste final de semana? André - Neste domingo (18), ocorreu a 3ª etapa da Copa Sudoeste de Mountain Bike (4ª edição), com a presença de vários atletas de toda a região. Dentre elas a Equipe André Bike Shop. A competição foi um sucesso, pois obtivemos os resultados esperados, com vários pódios e com a participação efetiva de nossos atletas. IN - Onde foi e como era o percurso? André - A etapa ocorreu no município de São Miguel Arcanjo, a 185 km da capital, pelas

estradas da zona rural. Um percurso desafiador com um total de 44 km, com estradas de chão batido, areia, pedras soltas e devido ao clima seco havia muita poeira, exigindo dos atletas um estado físico e emocional bem preparado. IN - Quantas pessoas participaram pela sua equipe e quantos competidores haviam no ciclismo? André - A equipe André Bike Shop tem em seu elenco a participação de 25 atletas, distribuídos entre as 14 categorias da Copa. Nessa etapa estavam presentes cerca de 200 atletas da região. IN - Quais foram as melhores colocações de sua equipe? André - Os atletas tiveram resultados excelentes, com um destaque na classificação geral da etapa, onde o atleta Daniel Gomes conseguiu o melhor tempo de Itapeva. Resultados obtidos pelos atletas: João Silveira Gomes 1º lugar - Master E Juramir Almeida 4º lugar -

Master E Yassuo Ueda 5º lugar Master E Flavio Camacho 4º lugar Master C André Luis de Araujo 5º lugar Master C Daniel Gomes Pontes 5º lugar SUB 30 Luis Hitoshi Kato 2º lugar Junior  Eder Sebastião Junior 4º lugar ESTREANTE  IN - Como tem sido a participação das pessoas nesta modalidade em Itapeva? André - A cidade de Itapeva vem a cada dia crescendo a participação da população na prática do ciclismo, um esporte que conquista a todos pelos seus benefícios à saúde, ao bem estar, a forma física, ao meio ambiente e a toda sociedade. IN - O ciclismo virou febre entre os itapevenses? André - O ciclismo esta caindo no gosto popular e na rotina do itapevense. As pessoas estão tomando consciência, que

é necessário a prática de exercícios para um estilo de vida melhor e saudável. IN - Qual a próxima competição e o que você espera? André - A próxima etapa da Copa Sudoeste de Mountain Bike será realizada no município de

Ribeirão Grande, a 78 km da cidade de Itapeva, no dia 15 de Junho de 2014. A disputa deverá ser acirrada, a altimetria do percurso possui altos e baixos, a largada será numa subida de 7 km e estaremos presente com toda a equipe. O nosso estande

estará dando todo o apoio aos atletas. Esperamos também a participação de todos! IN - Como fazer para ser integrante de sua equipe? André - Ter uma bicicleta, os equipamentos de segurança, força de vontade e dedicação!


4D

23 de maio de 2014


SUPLEMENTO ESPECIAL DO JORNAL ITA NEWS

Sexta-feira, 23 de maio de 2014

Escoliose em adultos: doença não surge apenas na infância e na adolescência Enquanto a escoliose em crianças é muitas vezes descoberta durante uma triagem, a escoliose em adultos normalmente é descoberta quando a dor ou desconforto exigem uma visita ao médico De repente, você começa a notar mudanças no seu corpo: um quadril maior que o outro, uma perna da calça maior que a outra e, além de tudo isso, você encolheu cerca de um centímetro no último ano. “Diagnóstico: escoliose na idade adulta, uma curvatura assimétrica da coluna vertebral que, se não for controlada ou tratada, pode eventualmente deixar o paciente ainda mais baixo e torto, cheio de dores na coluna, e dependente de um andador para manter o equilíbrio”, afirma o neurocirurgião especializado em coluna, Cezar Augusto de Oliveira (CRM-SP 123.161). Embora a escoliose seja geralmente considerada como um problema de adolescentes, que muitas vezes necessitam de órteses ou de cirurgia para corrigir a curvatura, a condição é na verdade muito mais prevalente em idosos. Num estudo realizado por ortopedistas do Maimonides Medical Center no Brooklyn, com 75 voluntários saudáveis ??com mais de 60 anos de idade, 68% tinham deformidades da coluna vertebral que atendiam à definição de escoliose: uma curvatura desviada verticalmente em mais de 10 graus. Estudos anteriores relataram uma prevalência de escoliose em idosos de até 32%. Estas revisões podem ter incluído adultos mais jovens do que aqueles do estudo feito no Brooklyn, cuja idade média foi de 70,5 anos e que não apresentavam nenhuma dor ou prejuízo relacionado com a sua condição espinhal. Ao contrário do paciente mais jovem ou adolescente com uma deformidade na coluna vertebral, o idoso apresenta-se com um conjunto completamente diferente de problemas e desafios para o médico.

certas condições podem ser prevenidas, minimizando as chances da doença se desenvolver. “Uma delas é a obesidade e o sobrepeso, a outra é o tabagismo. A terceira causa para o surgimento da escoliose na idade adulta é a falta de aptidão física, resultando em músculos fracos no núcleo do tronco”, observa o neurocirurgião. Outros fatores de risco incluem o desgaste provocado pela osteoartrite e pela osteoporose. Pessoas que se submetem a cirurgias de coluna para remover um tecido pressionado entre os nervos, por vezes, desenvolvem desequilíbrios na coluna vertebral. Uma lesão da medula que deforma vértebras também pode levar à escoliose. Tratamento da escoliose em adultos “Normalmente, os adultos não procuram tratamento para escoliose até que desenvolvam sintomas, os mais comuns são dor lombar, rigidez e dormência, cólicas ou dor aguda nas

“Seja qual for a taxa real, a prevalência de escoliose em adultos é alta e deverá aumentar com o envelhecimento da população. A causa mais comum de deformidades da coluna vertebral decorrente do envelhecimento é a degeneração dos discos entre as vértebras e, por vezes, das próprias vértebras”, explica o médico. Ao contrário de escoliose na juventude, que aflige muitas mais meninas do que meninos, a escoliose em adultos afeta homens e mulheres em proporções mais ou menos iguais. Alguns tinham escoliose quando eram crianças. A doença estava estabilizada, mas voltou a progredir novamente a medida em que a idade avança e provoca seus efeitos sobre a co-

luna vertebral. No entanto, a maioria dos adultos com escoliose apresentava coluna com aspecto normal na juventude. Segundo Cezar de Oliveira, um corpo deformado é a consequência menos grave da escoliose. “A doença pode resultar em dor incapacitante nas nádegas, costas ou pernas, e neuropatia, uma ruptura da função quando um nervo espinhal é comprimido entre as vértebras. A neuropatia deve ser tratada sem demora, para evitar a morte do nervo e uma perda permanente de função”, alerta o médico, que também é membro da Sociedade Brasileira de Coluna. Enquanto não há nenhuma maneira infalível de prevenir os casos de escoliose em adultos,

pernas. Aqueles que são afetados frequentemente com esses sintomas inclinam-se para frente com regularidade para tentar aliviar a pressão sobre os nervos afetados”, ensina o médico. Outras pessoas afetadas com escoliose inclinam-se para frente porque perdem a curva natural em sua parte inferior das costas. “Esta postura de compensação, por sua vez, pode esticar os músculos na parte inferior das costas e pernas, causando fadiga e dificuldade para realizar tarefas rotineiras”, observa Cezar de Oliveira. Exercícios que fortalecem os músculos do núcleo - aqueles do abdômen, costas e pélvis - ajudam a apoiar a coluna e podem reduzir o risco de desenvolver escoliose, bem como prevenir ou minimizar os seus sintomas. A maioria das pessoas que desenvolve sintomas da escoliose pode ser tratada eficazmente com medicação para dor e exercícios para aumentar a força e a flexibilidade. A órtese não é recomendada

para a escoliose na fase adulta porque pode enfraquecer ainda mais os músculos do núcleo. “O tratamento cirúrgico é reservado para aqueles com sintomas incapacitantes não aliviados pelo tratamento conservador. A cirurgia, muitas vezes, envolve a fusão espinhal para aliviar a pressão sobre os nervos afetados. É mais arriscada em adultos do que em adolescentes com escoliose e os índices de complicações são maiores e a recuperação é mais lenta, de acordo com a Sociedade de Pesquisa em Escoliose”, informa o neurocirurgião. Mas, segundo o médico, progressos estão sendo feitos no desenvolvimento de medidas menos invasivas para tratar a escoliose em adultos, incluindo o uso de substâncias biológicas que estimulam o crescimento ósseo e a regeneração das vértebras. Márcia Wirth MW- Consultoria de Comunicação & Marketing em Saúde


2 Saúde

23 de maio de 2014

Prática da higienização correta das mãos é reforçada com evento na Santa Casa A ação faz parte das comemorações do Dia Mundial da Higienização das mãos, que busca a prevenção da transmissão de infecções Em evento ilustrado com palestra, vídeos e teatro a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar – CCIH, da Santa Casa de Itapeva, sensibilizou profissionais de saúde sobre a importância da higienização das

mãos, como prática para a prevenção da transmissão de infecções. O evento fez parte do desafio global “uma assistência limpa é uma assistência mais segura”, realizada em diversos hospitais, como parte da come-

moração do Dia Mundial da Higienização das mãos. De acordo com a enfermeira Claudete Oliveira Costa, responsável pela CCIH, é muito importante fazer a higiene das mãos antes e após cada procedimen-

Segurança com andaimes Siga sempre a legislação e normas relativas a andaimes. Adote as melhores práticas para a sua montagem, uso e a desmontagem. Prefira as empresas especializadas no ramo e inspecione frequentemente os andaimes. Veja abaixo algumas dicas: Quais são os riscos mais comuns? Quedas; colapso do andaime por instabilidade ou sobrecarga; Queda de materiais e ferramentas sobre pessoas; Eletrocussão pela proximidade com as linhas elétricas; Além dos riscos durante a montagem e desmontagem. O que fazer e observar? Suba apenas em andaimes inspecionados e aprovados por pessoas competentes; use o seu capacete com jugular; use calçados resistentes e com solado antiderrapante; use sempre o sistema antiqueda; movimente-se lentamente e cuidadosamente no andaime; chame o supervisor se suspeitar de qualquer irregularidade ou perigo. O que não fazer? Sobrecarregar o andaime; deixar material onde possa causar tropeços ou ser empurrado para fora, sofrendo queda; golpear o andaime com veículos ou peças pesadas; esquecer matérias ou ferramentas no andaime ao final do trabalho; trabalhar no andaime quando houver tempestade elétrica, vento ou chuva forte. Por Bertin Med. e Seg. Trabalho

to, prestando atenção no que a Organização Mundial de Saúde define como “cinco momentos” (veja ilustração), é um hábito capaz de prevenir e reduzir infecções, promovendo a segurança de pacientes, profissionais e demais usuários dos serviços de saúde. “A prática correta da higienização das mãos é de suma importância para os profissionais da área de saúde, mas também para pessoas que visitam doentes – seja no hospital ou em casa. A higienização deve ser feita com água e sabão ou com álcool em gel, antes e após esse contato. Esse mesmo cuidado também pode ser feito em casa, diariamente, antes de manipular alimentos; antes e após o uso do banheiro; após ter contato com áreas comuns como maçanetas e corrimão, e sempre após tossir ou espirrar”, explica Claudete.

Nesta semana, o grupo coordenado pela CCIH também participou da Semana de Enfer-

magem da FAIT e do CEAPI, apresentando essas informações sobre a higienização das mãos.

Não ignore o ronco! Roncar, às vezes é normal. Mas se o problema persiste e até incomoda seu eventual parceiro, pode ser um alerta de algo mais grave. Uma visita médica ajudará a descobrir as causas e a prevenir problemas futuros. O ronco é comum e pode aparecer em qualquer idade. Ele acontece quando as vias respiratórias são bloqueadas ou obstruídas, dificultando assim a passagem do ar para os pulmões. O problema não aparece sozinho. Ele pode estar relacionado, principalmente, a doenças do sono como a apneia, a má formação dos dentes, ao dormir numa posição inadequada, a obesidade, a problemas respiratórios e as amigadas. Para além desses casos, pesquisadores do hospital Henri Ford, de Detroit (EUA), afirmam que quem ronca tem maior risco de ter as artérias carótidas – responsáveis por levar sangue ao cérebro – mais grossas ou anormais. Há indícios de que essa situação possa ocorrer devido a inflamação e as que o ronco causa nesses vasos. O problema é que isso pode levar a um acidente vascular cerebral (AVC), a síndrome coronariana aguda e a hipertensão. O uso do tabaco Seu consumo pode levar ao ronco mesmo em pessoas sem distúrbios do sono ou obesida-

de. “Existe uma correlação entre o número de cigarros consumidos com a gravidade do ronco”, explica Carolina Helena Carmona de Oliveira, fisioterapeuta e especialista em Medicina do Sono (SP). Pessoas que fumam mais durante o dia, consequentemente roncam mais do que as outras que fumam menos. Por que roncamos? É importante lembrar que em meados dos anos 1990, se dormia em média, nove horas por noite, e o cotidiano era menos tecnológico. Resultado: havia mais tempo para descansar. Hoje esse cenário é outro: dorme-se cerca de sete horas por noite e as pessoas estão 24 horas preocupadas, ansiosas e estressadas. Essa má qualidade de vida está relacionada ao desenvolvimento de distúr-

bios do sono. “Dormir é essencial para a nossa fisiologia e bem estar, a memória, o humor, ao sistema cardiovascular e respiratório. Vários estudos mostram que dormir pouco aumenta o risco de doenças”, diz Geraldo Lorenzi Filho, pneumologista, especialista em Medicina do Sono e Presidente da Associação Brasileira do Sono (DRS-SP). O roncar é considerado um sintoma de distúrbios respiratórios do sono (DRS). E sua manifestação pode ser manifestada como primária, sem a presença de micro despertadores, até casos mais sérios como a síndrome de Apneia Obstrutiva do Sono (SAOS), com frequentes despertares durante a noite, respiração interrompida e sonolência diurna excessiva. Fique atento! Por Virgínia Ruzzi

Atenção com os vilões do estômago na hora do jogo Durante as competições, a alimentação deve ser feita com equilíbrio e moderação Durante os jogos de futebol que irão agitar o Brasil neste ano, algumas pessoas ficam mais propensas a desenvolverem irritações no aparelho digestivo devido ao excesso de consumo de alimentos gordurosos, ácidos ou apimentados. Essas afirmações são do médico Ricardo Leite Ganc, membro da Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva (SOBED). Ao falar dos alimentos que

mais serão consumidos na época dos megaeventos, tais como: churrasco, pipoca, coxinha e esfiha, Ganc ressalta que os efeitos dos alimentos no aparelho digestivo dependem da tendência que a pessoa tem a desenvolver algum tipo de doença. “Se o torcedor já tem gastrite, úlcera ou algum tipo de predisposição, o excesso no consumo desses alimentos poderá agravar determinada doença. Ago-

ra se a pessoa não tiver tendência, não existe problema algum”, explica o médico. Em relação às bebidas mais consumidas, o alerta é para o consumo de cerveja e refrigerante. “O álcool, ou seja, toda bebida alcoólica machuca a mucosa gastrointestinal. Se a bebida for consumida com moderação e o consumidor não tiver uma gastrite, úlcera ou outro quadro dispéptico (lesões

mucosas decorrentes da ação do ácido), não haverá problema. Caso a pessoa já tenha doença, o álcool deve ser evitado”, indica Ganc. A exceção é o indivíduo com pancreatite. Esse não pode beber em nenhum caso. Ainda em relação às bebidas, em específico o refrigerante, o especialista explica que a presença do gás pode causar um desiquilíbrio, pois existem pessoas com

refluxo gastroesofágico e doenças acidopépticas, porém se o indivíduo não sofre desse tipo de doença, a bebida pode ser ingerida sem complicações. Outro vilão na alimentação dos brasileiros na hora dos jogos é a fritura que além de ser muito calórica e predispor a obesidade ou favorecer o ganho de peso, estimula a contração da vesícula podendo causar cólicas e vômi-

tos em pessoas que tem cálculos vesiculares. Outros, com problemas de absorção intestinal, podem apresentar quadros de esteatorreia (perda de gorduras das fezes). Aqueles com predisposição aos quadros dispépticos também devem evitar o abuso das frituras. Ganc ainda conclui que durante as competições os torcedores devem ficar atentos e usar o bom senso no momento da alimentação. “O pensamento que devemos ter é aquele que se a pessoa tem tendência, evita, se não tem o consumo com moderação é o mais adequado”. Informações à imprensa: RS Press (11) 3868-2505 / (11) 3672-4197 Raquel Ribeiro – raquelribeiro@rspress.com.br Nicolli Oliveira – nicolli_oliveira@rspress.com.br


3 Saúde

23 de maio de 2014

O que todo usuário de lentes de contato precisa saber... E praticar! No caso de lentes de contato, faça desse o seu mantra: em caso de desconforto, tire as lentes. Se elas estão lhe causando algum desconforto, se seus olhos estão vermelhos, é melhor ouvir o seu corpo do que sofrer Se você é um usuário de lentes de contato, as chances que você tenha recebido orientação sobre o uso e a adaptação das lentes, quando você recebeu a indicação clínica para iniciar o uso das lentes são muitas. Então, teoricamente, você sabe o que fazer... Mas se você for honesto consigo mesmo, quantas vezes você realmente seguiu todos os passos cada vez que fez a remoção de suas lentes de contato? E quantas vezes você fez as coisas exatamente da maneira como o seu oftalmologista ou a sua contatóloga recomendou? E aquele dia em que você dormiu com as lentes? E quando você entrou na piscina com as lentes? E quando perdeu o prazo de trocar as lentes de contato que tinham validade mensal? “Dados do Instituto Soblec de Educação, órgão ligado à Sociedade Brasileira de Lentes de Contato, Córnea e Refratometria, mostram que aproximadamente 8 milhões de pessoas têm indicação clínica e estão economicamente em condições de usar lentes de contato no Brasil. Dessas, apenas 2 milhões as utilizam, sendo que somente 50% dos usuários o faz da forma correta”, informa o oftalmologista Virgílio Centurion (CRM-SP 13.454), diretor do IMO, Instituto de Moléstias Oculares. Nós reunimos duas oftalmologistas do IMO, Instituto de Moléstias Oculares, para conversarmos sobre os erros mais comuns cometidos pelos usuários de lentes de contato. Perguntamos às especialistas o que deve ser feito e o que pode acontecer no pior cenário, caso o mau hábito não seja corrigido a tempo. Confira o resultado dessa conversa: O que você está fazendo? Você deixa a água da torneira entrar em contato com suas lentes de contato. Por que deve parar? – “Parece inofensivo, certo? Errado. A água da torneira não é salgada como as lágrimas são, por isso, as lentes de contato tendem a absorver a água e inchar. Isso vale até mesmo para a água que bebemos, que não é estéril e contém microorganismos. Se a sua lente incha, a forma como ela se encaixa no seu olho se altera também, e, muitas vezes, a lente começa a apertar o olho.

Esta pressão pode abrir pequenas fissuras na córnea, por onde microorganismos podem entrar, podendo causar infecções. É por isso que é importante não tomar banho ou nadar com suas lentes de contato. Além disso, você nunca deve usar água no lugar da solução para armazenar suas lentes de contato”, afirma a oftalmologista Sandra Alice Falvo (CRM-SP 59.156). O que você está fazendo? Suas lentes de contato estão incomodando, mas você não tem solução disponível no momento, então usa água ou a própria saliva como “solução de emergência” para lavá-las antes de recolocá-las nos olhos. Por que deve parar? – “Sua saliva é composta por bactérias que pertencem à sua boca e não aos seus olhos. Colocar suas lentes em contato com a sua saliva é como colocá-las numa pia de louça suja, certamente você não quer fazer isso. Se você se pegar em uma situação onde suas lentes de contato estão incomodando, mas você não tem acesso à solução e ao estojo das lentes de contato, a melhor aposta é jogar as lentes fora. Outra opção é usar um lubrificante ocular para tentar aliviar qualquer desconforto. E, claro, é sempre aconselhável levar um vidrinho de solução e um estojo de lentes com você em todos os momentos”, ensina a oftalmologista Meibal Junqueira (CRM-SP 131.404). O que você está fazendo? Você está reutilizando sua solução. Por que deve parar? – “Reciclar a solução é como implorar por uma infecção ocular. Todos os detritos e bactérias que estão em seus olhos e nas suas lentes de contato vão para a solução.

Então, se você está reutilizando a solução, isso significa que você está deixando suas lentes de contato de molho numa piscina cheias de bactérias e, em seguida, está colocando essas mesmas lentes, que não estão limpas, de volta nos olhos. Se você tiver qualquer fissura microscópica na sua córnea, essas bactérias podem infectar a sua córnea. Ao invés de reciclar a solução, aposte na prevenção, tenha o cuidado de usar uma nova solução a cada vez que você precisar armazenar suas lentes. Ou, se você odeia lidar com a solução e o processo de armazenamento das lentes, considere as lentes descartáveis diárias”, recomenda Sandra Falvo. O que você está fazendo? Você está usando o mesmo estojo de lentes de contato por tanto tempo que não consegue lembrar mais a última vez que o trocou. Por que deve parar? – “Jogue o estojo antigo no lixo agora. Estojos de lentes de contato devem ser utilizados, no máximo, por três meses, depois desse tempo devem ser substituídos por um novo. As soluções de limpeza conseguem manter seu estojo em boas condições somente por um período de três meses”, defende Meibal Junqueira. O que você está fazendo? Você lava seu estojo de lentes de contato com água, em seguida, fecha-o antes de deixá-lo secar completamente. Por que deve parar? – “A melhor maneira de manter seu estojo de lentes de contato limpo é lavá-lo com a solução, e não com água, uma vez que a água não deve entrar em contato com suas lentes de contato. Em seguida, limpe o estojo seco com

uma toalha de papel descartável limpa ou deixe-o secar completamente antes de colocar as tampas de volta. Às vezes, é melhor comprar um estojo novo do que tentar desinfetá-lo por si mesmo”, orienta Sandra Falvo. O que você está fazendo? Você está usando uma “solução talibã” ou sem marca reconhecida. Por que deve parar? – “Quando você opta por comprar uma solução genérica, ‘talibã’, você está jogando na roleta. Isso porque você não sabe que tipo de produto estará fazendo uso. A melhor forma de escolher uma solução é perguntar ao seu oftalmologista sobre qual das soluções disponíveis no mercado é a mais indicada para você. Após a prescrição médica, o ideal é manter a marca. Não é uma boa ideia mudar a solução sem uma consulta ao oftalmologista, pois você pode desenvolver alergias, sensibilidades e olho seco”, destaca Meibal Junqueira. O que você está fazendo? Você está usando as mesmas lentes de contato prescritas pelo seu oftalmologista há cinco anos. Por que deve parar? – “Você não deve continuar usando lentes de contato prescritas há vários anos sem uma nova avaliação oftalmológica. Para começar, a prescrição pode não ser mais válida. Mas outra coisa a considerar é que a solução das lentes armazenadas tem uma data de validade. Assim, além das lentes estarem vencidas, a data de validade da solução pode ter expirado também, o que pode causar infecção e desconfortos devido à mudança de pH e à maior chance das lentes se contaminarem por microrganismos”, afirma Sandra Falvo. O que você está fazendo?

Você tem uma receita para lentes de duas semanas, mas só usa as lentes de contato uma vez por semana, para os jogos de futebol. Assim, está pensando em guardar e utilizar as lentes uma vez por semana, durante 14 semanas... Por que deve parar? – “Se as lentes de contato são aprovadas para serem usadas por 14 dias, isto significa que são duas semanas a partir do momento em que você abre o pacote das lentes e não 14 dias de uso, quando você bem quiser. Após esse período de tempo, de duas semanas, a superfície da lente vai começar a se alterar, podem surgir fissuras, o que o deixará vulnerável à formação de muco e ao ataque de bactérias que podem levar à infecções”, ensina Meibal Junqueira. O que você está fazendo? Sua visão é um pouco embaçada, seus olhos doem um pouco, mas você usa suas lentes de contato de qualquer maneira. Por que deve parar? – “No caso de lentes de contato, faça desse o seu mantra: em caso de desconforto, tire as lentes. Se elas estão lhe causando algum desconforto, se seus olhos estão vermelhos, é melhor ouvir o seu corpo do que sofrer, e, potencialmente, desenvolver uma infecção. Você deve se certificar de que seus olhos estejam bem e confortáveis com as lentes. Seus olhos devem estar claros, a parte branca deve estar visível. Seus olhos não devem ficar vermelhos ou irritados. Se você não está vendo bem, isso é um sinal de que há um problema. Seus olhos devem se sentir bem com as lentes, sem nenhuma dor física ou desconforto. A primeira linha de defesa deve ser a aplicação de lubrificantes oculares próprios para usuários de lentes de contato. Mas se isso não for suficiente, tire as lentes. Inspecione as lentes, certifique-se que não estão rasgadas ou cortadas”, recomenda Sandra Falvo. O que você está fazendo? Você coloca suas lentes de contato depois de colocar a sua maquiagem. Por que deve parar? – “Acredite ou não, há uma ordem correta de operações para as pessoas que usam maquiagem e lentes de contato. Para evitar que a maquiagem entre em contato com suas lentes, é preciso colocar as lentes antes de aplicar a maquiagem, e, em seguida, retirá-las antes de remover a maquiagem dos olhos. Também não é recomendável colocar cremes ou loções nas mãos antes de manusear as lentes de

contato. Suas mãos devem estar limpas, então, você deve colocar suas lentes em primeiro lugar, antes de manipular qualquer produto de beleza”, diz Meibal Junqueira. O que você está fazendo? Você usa maquiagem à prova d’água. Por que deve parar? – “As usuárias de lentes de contato não devem usar maquiagem à prova d’água, porque se a maquiagem ficar na lente, ela vai se ligar à ela. E como a maquiagem à prova d’água requer um removedor à base de óleo, ele vai lubrificar os olhos e as lentes”, ensina Sandra Falvo. O que você está fazendo? Você está usando suas lentes diárias por mais de um dia, ou suas lentes mensais por mais de um mês.... Por que você deve parar? – “Suas lentes de contato são feitas de plástico, mas elas têm poros para ajudá-las a mantê-las úmidas em seus olhos. No entanto, esses poros podem ficar sujos, acumulando detritos e sujeira nas lentes. Se você usa suas lentes de contato por mais tempo do que o recomendado, você está se preparando para ter alguns dos problemas a seguir: irritação ocular, olho seco, infecção e desconforto geral. O benefício das lentes de uso diário é que com elas não é necessário o uso de solução de limpeza/armazenamento, essas lentes não foram feitas para serem armazenadas, se você faz isso está colocando o seu olho em risco e perdendo o benefício da troca diária”, afirma Meibal Junqueira. O que você está fazendo? Você está dormindo com suas lentes de contato. Por que deve parar? – “Dormir com as lentes de contato é como dormir com a cabeça em um saco plástico. Isso porque dormir com as lentes limita severamente a transmissão de oxigênio para os olhos. Quando você está acordado, sua córnea recebe o oxigênio do ar e da lágrima. Mas quando você está dormindo, a córnea recebe menos alimento, lubrificação e oxigênio, porque seus olhos estão fechados e você não está piscando. Portanto, quando você coloca um pedaço de plástico sobre a córnea durante a noite, você está privando sua córnea de oxigênio. Isso pode fazer com que sua lente de contato comprima seus olhos, causando fissuras microscópicas na córnea. E se há um microorganismo também no seu olho, pode haver infecção”, alerta Sandra Falvo.


4 Saúde

23 de maio de 2014

Colaboradora da Santa Casa de Itapeva tem monografia de pós-graduação destacada pela Fehosp Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do Estado de São Paulo (Fehosp) homenageou as melhores monografias de conclusão do curso de pós-graduação em administração hospitalar. A gerente de farmácia da Santa Casa, Marize Theobaldo Garcia, foi um dos destaques A Fehosp promove essa especialização desde 2008, gratuitamente e em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, a Fundação Arnaldo Vieira de Carvalho e a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. O objetivo é capacitar os profissionais administradores hospitalares medi-

ante o fornecimento de uma sólida fundamentação teórica e subsídios para o conhecimento e a interação da realidade das unidades que prestam assistência ao paciente. Foram 18 meses de curso, realizados em quatro polos: São Paulo, Presidente Prudente, Rio Claro e Franca. Nesta última edi-

ção, a Fehosp destacou as três melhores monografias de cada unidade, entre elas, a da gerente de farmácia da Santa Casa de Itapeva, Marize Theobaldo Garcia, que explorou como tema os Principais fatores que podem ocasionar erros de medicação em um ambiente hospitalar. Para Marize, representar a Instituição nesse evento, que aconteceu durante o 23º Congresso de Presidentes, Provedores, Diretores e Administradores Hospitalares de Santas Casas e Hospitais Beneficentes do Estado de SP, foi uma enorme satisfação. “Foi uma honra poder retribuir à Instituição a oportunidade que tive de realizar esse curso. Esse prêmio fez valer a pena cada segundo debruçado nos livros de pesquisas e estudo”, contou. A homenageada também destacou que o tema de sua monografia é parte da rotina de trabalho que vivencia na Santa Casa. “Há algum tempo o Hos-

pital vem trabalhando processos para evitar erros de medicação e, por essa razão, uma equipe atua com treinamentos e análise dos processos que envolvem a medicação”, explica. Segundo a Fehosp,  esse processo de capacitação faz com que os hospitais participantes deem um novo passo na

concretização dessa profissionalização. O avanço na busca de conhecimentos e novas tecnologias na área de saúde proporcionará a esses profissionais um aperfeiçoamento de seus conhecimentos técnico-profissionais para atuarem como gestores e líderes regionais, com uma postura resolutiva em to-

dos os níveis de complexidade e áreas de abrangência do Sistema Único de Saúde – SUS. A Santa Casa de Itapeva já conta com 12 colaboradores especializados em administração hospitalar através dessa parceria com a Fehosp e, neste próximo semestre, mais dois colaboradores iniciarão o curso.


Jornal Ita News - Edição 786