Page 1

ISCAC JUNIOR SOLUTIONS COIMBRA BUSINESS SCHOOL | ISCAC

Atual direção da IJS No passado dia 30 de Maio, teve lugar no INOPOL, a tomada de posse da atual direção da IJS. A nova direção é constituída por Rodrigo Fonseca — Presidente, Andreia Coimbra — Vice-presidente, António Rodrigues — Secretário e Marta Fernandes — Coordenadora geral. Procuramos que a nossa direção seja composta pelos membros mais… não me atreveria a dizer capacitados, ou competentes, pois são características que descrevem toda a equipa. Mas talvez pelos membros com mais iniciativa, com mais garra. Certificamo-nos de que todos os objetivos são cumpridos, de que todos os membros estão motivados e a fazer aquilo em que se sentem mais à vontade. Pois apenas desta forma conseguimos garantir harmonia com toda a equipa, paz interior com cada um, e resultados cada vez melhores perante os nossos clientes. As pessoas são o motor de qualquer organização.

Set./Out. 2016 | nº03

Solutions Place Vem ter connosco ao piso um do ISCAC, junto ao multibanco! Preparámos um local onde podes, perguntar-nos diretamente o que quiseres, bem como experimentar jogos para o cérebro (os chamados Brain Games), testes de personalidade e muito mais. Fica atento à nossa página, para saberes quando nos poderás encontrar.

IMAGEM DO SOLUTIONS PLACE


Semana das matrículas no ISCAC

Bruno Campos, júnior do mês em Junho e Julho

Júnior do mês Todos os meses, distinguimos um dos nossos membros, por forma a premiar a dedicação, pontualidade e assiduidade de cada um. Tomamos este hábito como um incentivo à nossa equipa, para que possam continuar o bom trabalho e para que possam ser cada vez melhores. Achamos importante a atribuição de um feedback, como forma de promoção da melhoria contínua, um dos pontos por que se pauta a IJS. Nos passados meses de junho e julho, decidimos atribuir o título de júnior do mês ao Bruno Campos. O Bruno realizou um trabalho digno deste mérito, na área do Design e da Publicidade. No mês de Agosto, decidimos que este lugar seria do Nuno Cardoso, pela sua dedicação e esforço presentes no trabalho que apresentou na área da informática. É com orgulho que felicitamos estes dois membros, e os aconselhamos a não desistir dos seus objetivos e das suas potencialidades.

A semana de 12 a 16 de Setembro, foi a semana das matrículas para os alunos do primeiro ano que optaram por vir estudar para a Coimbra Business School. Como não podia deixar de ser, a IJS esteve presente no piso 2, ao lado dos representantes da Caixa Geral de Depósitos. Pretendemos desta forma dar a conhecer aos novos estudantes a empresa júnior do ISCAC, para que possam integrá-la, se assim o decidirem.

.

Nuno Cardoso, júnior do mês em Agosto

Rodrigo Fonseca (presidente) e David Dias, num dos dias das matrículas


Nesta edição entrevistamos Margarida Ferreira e Céline Mendes, anteriores presidente e vicepresidente da IJS, respetivamente. Margarida Ferreira nascida a 01/02/1987, em Coimbra, é licenciada em Informática de Gestão e mestre em Arquitetura, pelo Instituto de Contabilidade e Administração de Coimbra, e pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra. Atualmente podemos encontrá-la como treinee-consultant na Timestamp:biw. Céline Mendes nascida a 28/07/1993, em Coimbra, é finalista da Licenciatura de Informática de Gestão, pelo ISCAC, e conta já com um estágio do PEJENE.

Céline Mendes e Margarida Ferreira, antigas vice-presidente e presidente da IJS. Como foi a vossa candidatura à direção da Margarida: A candidatura à direção surgiu naturalmente. Já tinha estado no ano anterior como secretária da direção, inserida numa equipa brilhante, pelo que para o mandato seguinte só tive de me fazer acompanhar de pessoas igualmente brilhantes, exigentes, criativas, e sem medo de dar um passo mais à frente, como efetivamente aconteceu. Como descrevem o vosso mandato? Céline: O nosso mandato foi uma aventura, foi a exultação para angariar novos projetos e ao mesmo tempo a preocupação de dar a conhecer a IJS a possíveis novos membros. Conseguimos concluir os objetivos a que nos tínhamos proposto. Conseguimos manter equipas de trabalho e principalmente conseguimos aumentar a visibilidade junto daqueles que nos viam todos os dias mas não nos conheciam, a comunidade do ISCAC. Apostámos em novos clientes, em marketing digital e em novos processos internos. Margarida: Concordo com a Céline. Este mandato foi uma verdadeira aventura. Desafiámo-nos e desafiámos todos os que nos rodearam: fossem membros da júnior, fosse a comunidade envolvente, de escola, órgãos diretivos, alunos e o tecido empresarial local e regional. Foi alucinante em termos de timings, atividades, dinamizações e projetos.


Passou tudo muito depressa e fez-nos ganhar noção de que no contexto empresarial as oportunidades não esperam: ou se avaliam rapidamente e se agarram no momento certo, ou perdemo-las para sempre. Estas aprendizagens, a dinâmica entre o ponderar e o agir, a justiça que se queria implementar como foco para todos os projetos e membros, foram desafios que nos fizeram crescer.

SERVIÇOS QUE PRESTAMOS Informática:

Alguma vez se sentiram à beira de colapsar? Como lidam com essas situações?

Céline: O bom da IJS é que nunca colapsamos sozinhos. Sempre que algo não corre como esperado temos sempre uma equipa inseparável que está lá. É mais uma vantagem de ter pertencido à IJS, aprendemos a lidar com todas as personalidades e aprendendo a aceitar as qualidades e os defeitos dos nossos colegas de trabalho conseguimos tirar partido do projeto e as ideias fluem e o que correu mal é ultrapassado com ideias novas, diferentes e inovadoras.

Construção de websites;

Construção de lojas online.

Contabilidade:

Margarida: Sem dúvida: o bom da IJS é perceber que com uma equipa forte, temos margem para errar e corrigir. Mas para a criar é preciso aprender a conhecer a personalidade de cada um, ser tolerante e estar disposto a partilhar. Apesar de toda a responsabilidade que sentimos, acho que nunca estivemos à beira de “colapsar”. Manter o sangue frio, manter uma postura assertiva, procurando ser justo, reconhecendo os erros, e procurando ajuda nos momentos certos e com as pessoas certas, é a chave para que os maus momentos sejam ultrapassados.

Elaboração de relatórios finais de contas;

Realização de formação de conceitos básicos de contabilidade/ fiscalidade;

Organização de documentos.

Recursos Humanos:

Atualmente, numa fase de transição da licenciatura para o mercado de trabalho, que conselho dariam, em geral, aos juniores empresários?

Manual de procedimentos de recrutamento;

Manual de acolhimento;

Plano de formação.

Marketing:

Céline: Os júnior empresários não precisam de conselhos! Tenho a certeza que a júnior os preparou para esse novo passo. Dou sim o conselho de quem não conhece o movimento júnior nem a ISCAC Junior Solutions de se candidatar, fazer parte do processo de recrutamento, conhecer um bocado aquele que será o mundo depois de terminar a licenciatura. Arrisquem, ambicionem sempre mais.

Plano de Marketing operacional;

Plano de comunicação;

Design gráfico.

Contactos Ijs.iscac.pt

direcao@ijs.iscac.pto

ISCACJUNIORSOLUTIONS

@iscacjuniorsolutions Quinta Agrícola - Bencanta, Inopol, 3040-316 Coimbra

Newsletter nr03  

Newsletter ISCAC Junior Solutions nº 03

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you