Page 1

Igreja Paroquial de Santo Antรณnio


Escassseiam-se os indispensáveis elementos para determinar com absoluta precisão o ano em que se estabeleceu esta paróquia, mas o que encontramos nos arquivos paroquias nos leva a crer que foi por volta de 1557 devido pois existe a escrituração dos termos de batismos e casamentos.

No periodo decorrido de 1665 a 1682, acrescentou-se a capela-mor e construiram as capelas do Santissímo sacramento e das Almas, realizando-se outros melhoramentos importantes.

Os terrenos que na atualidade constituem esta paróquia pertenceram primitivamente á freguesia da Sé, e só em 1790 se desmembrou de Santo António.

Os antigos quadros a óleo da Via Sacra, foram na sua maioria substituidos e alguns restaurados, sendo também convenientemente reparadas as molduras em talha dourada.

É a paróquia suburbana mais antiga do Funchal e aquela que mais rapidamente se desenvolveu , atingindo em breve uma população supeiror ao resto das freguesias. Ainda hoje é uma das mais vastas e a mais populosa de todo o arquipélago.

A igreja foi arrruinada no terramoto de (1783-1789). O novo templo foi construido na 2ª metade do século XVIII.

As paredes laterais da Igreja tinham sido inteiramente cobertas, há 80 anos por um madeiramento com colunas e ornamentações em obra de talha, trazido da antiga Igreja de São Francisco.

As obras de pintura e decoração realizadas no tecto do corpo principal da igreja foram muito importantes e de execução bastante difícil, não só pelo tamanho das paredes, mas ainda pelo incômodo e risco.

Marco Cró - Panfleto informativo- Igreja Paroquial de St. António  

No âmbito da Prova de Aptidão Profissional do Curso Profissional Técnico Multimédia (12.º 28) da Escola Secundária de Francisco Franco, foi...

Marco Cró - Panfleto informativo- Igreja Paroquial de St. António  

No âmbito da Prova de Aptidão Profissional do Curso Profissional Técnico Multimédia (12.º 28) da Escola Secundária de Francisco Franco, foi...

Advertisement