Page 1

Boletim informativo do Instituto Politécnico de Portalegre N.ºs 114-117| Ano 2018

ANO 2018 EDIÇÃO ESPECIAL


2

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

38 ANOS DE VIDA DO POLITÉCNICO

O

Politécnico comemorou mais um ano de vida, e já são 38. As comemorações tiveram lugar a 26 de novembro, no Campus Politécnico, dado que o dia do aniversário da instituição, 25 de novembro, era domingo. Perante uma plateia que encheu o auditório Dr. Francisco Tomatas, entre alunos, docentes, e não docentes do IPP e personalidades e autoridades locais e nacionais, usaram da palavra, para enaltecer a importância do IPP, o Presidente da Associação Académica, o Presidente do Conselho Geral, o Presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Politécnicos e o Presidente do Politécnico de Portalegre. Além dos discursos, a Professora Maria Fernanda Rollo Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, ex-secretária de Estado do Ensino Superior, proferiu uma conferência, intitulada “Conhecimento e

Território: património e contrato social para a coesão e o desenvolvimento”. Foi, também, aproveitada a ocasião para assinatura de protocolos de colaboração, com a Embaixada da Guiné-Bissau, tendo em vista o acolhimento de estudantes deste país no IPP, e com a CCDR-A, visando a implementação do Laboratório Circular do Alentejo. Como habitualmente, foram distribuídos os diversos prémios, que distinguem os melhores alunos do primeiro ano, os melhores alunos diplomados, o melhor aluno de investigação operacional, o melhor estudante internacional e o prémio I&D. Pela primeira vez, atribui-se um prémio aos melhores alunos provenientes de escolas secundárias do Distrito. As celebrações de mais este aniversário do IPP terminaram com um “Alentejo de Honra” e com a atuação da Tunapapasmisto.


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

3

Mestrado em Enfermagem

Politécnico de Portalegre acolhe 3ª edição de mestrado em associação

A

s Escolas Superiores de Saúde dos Institutos Politécnicos de Portalegre, Beja, Castelo Branco e Setúbal e a Escola Superior de Enfermagem de S. João de Deus da Universidade de Évora promovem, em associação, um mestrado em Enfermagem. A terceira edição do curso realiza-se no IPPortalegre, contando com mais de 120 alunos, a maior parte dos quais são enfermeiros, sedeados no distrito. Disponibilizar uma oferta formativa, na região, promotora do desenvolvimento profissional, é uma realidade que orgulha o diretor da ESS−IPPortalegre e coordenador desta edição do curso, Prof. Adriano Pedro. O mestrado tem a duração de três semestres e organiza-se a partir de um tronco comum, constituído pelas unidades curriculares consideradas estruturantes e evolui depois para uma de sete áreas de especialização: Enfermagem de Saúde Infantil e Pediátrica; Enfermagem Comunitária e de Saúde Pública; Enfermagem Médico-Cirúrgica – A Pessoa em Situação Crítica; Enfermagem de Saúde Mental e Psiquiátrica; Enfermagem de Reabilitação; Enfermagem Médico-Cirúrgica – A Pessoa em Situação Crónica e Paliativa ou Enfermagem de Saúde Familiar, consoante a opção, com vista ao desenvolvimento das competências clínicas necessárias à prestação de cuidados especializados.

Novo mestrado em Design de Identidade Digital

A

Escola Superior de Tecnologia e Gestão conta com um novo curso: o mestrado em Design de Identidade Digital. Esta oferta formativa tem como objetivo capacitar os alunos para o desenvolvimento de projetos no universo da criação da imagem e comunicação da identidade das empresas, das organizações e dos produtos. As estratégias das marcas, os conceitos e os meios envolvidos nas relações entre os diferentes intervenientes atravessam um período de transformação acelerada, em parte, forçada pela evolução e ubiquidade dos media digitais. É nesse sentido que se pretendem desenvolver competências aplicáveis aos atuais projetos de identidade e comunicação das marcas e proporcionar uma formação especializada, para fazer face às exigências do mercado e da sociedade, seguindo uma perspetiva renovadora, cruzando conhecimentos do design, da animação multimédia, gestão das marcas e das comunicações nas redes digitais, interações entre os indivíduos, as organizações e os produtos, com especial enfoque no tecido empresarial local, rico em produtos endógenos e relações de proximidade.

CCDP.IPP foi a votos

J

osé Polainas continua a dirigir o Centro de Cultura e Desporto do Pessoal do Instituto Politécnico de Portalegre. Os sócios do CCDP.IPP elegeram os corpos sociais da associação, para o biénio 2018/2019, a 9 de abril. O CCDP.IPP foi criado para desenvolver e proporcionar atividades de desporto, lazer, cultura, solidariedade social, amizade e companheirismo entre os membros da associação e os seus familiares e a comunidade envolvente.

Órgãos sociais do CCDP.IPP (biénio 2018/2019) Assembleia geral: presidente – Joaquim Mourato; vice-presidente – Graça Carvalho; secretário – Antero Teixeira | Direção: presidente – José Polainas; secretário – Helena Morgado; tesoureiro – David Marques | Conselho fiscal: presidente – Albano Silva; vogal – Luís Loures; vogal – Francisco Morais | Equipa técnica de apoio à direção: António Casa Nova; Carlos Facha da Silva; Pedro Ranheta; Paulo Ferreira; Hermelinda Carlos; João Romacho e José Miguel Serafim.


4

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

WORKSHOP “ As Melhores Práticas na Gestão de Resíduos”, 23 de janeiro 2018 Diretores e subdiretores das Escolas tomaram posse

A

Conservação e Restauro do Livro – Princípios Básicos • Formação Modular 3, 10, 17, 24 de março e 7 de abril de 2018

cerimónia de tomada de posse das direções das Escolas realizou-se a 1 de fevereiro, nos Serviços Centrais. Pela primeira vez, os diretores são nomeados pelo presidente, de acordo com os Estatutos do Politécnico de Portalegre, de entre os docentes a tempo integral da instituição. Os mandatos têm a duração de quatro anos.

Direção da ESECS: Prof. Fernando Rebola (diretor) e Prof.ª Luísa Carvalho (subdiretora). Direção da ESTG: Prof. Miguel Serafim (diretor) e Prof. Valentim Realinho (subdiretor). Direção da ESAE: Prof. José Rato Nunes (diretor) e Prof. Paulo Ferreira (subdiretor). Direção da ESS: Prof. Adriano Pedro (diretor) e Prof. António Casa Nova (subdiretor).

P

romovida pelo CEARTE, o curso iniciou-se no dia 3 de março e teve lugar aos sábados (9h/13h-14h18h) na ESTGIPPortalegre, a formação tem inscrição gratuita e é aberta a todos os interessados!


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Dias Abertos

5

A Viagem

A

D

e 27 de fevereiro a 1 de março os finalistas do secundário tiveram a oportunidade de conhecer e contactarem diretamente com as nossas áreas de ensino e investigação, esclarecer dúvidas sobre o processo de candidatura ao Ensino Superior, bolsas e programas de apoio, mobilidade internacional (ERASMUS), entre outros. Os Pais/Encarregados de Educação também foram convidados!

Viagem/The Voyage, da autoria conjunta de João Filipe Horta Monteiro, Luís Daniel David Vital, Ricardo Jorge Aguiar Livramento, venceu no dia 30 de março o prémio de melhor Melhor Curta-Metragem de Estudantes Portuguesa da MONSTRA – Lisbon Animated Film Festival. A curta-metragem de cinema de animação distinguida agora na Monstra, alcançou em 2017, o Prémio Jovem Cineasta Português no CINANIMA. PARABÉNS!!!!! PARABÉNS!!!!!

Aula Aberta Concurso Municipal de Ideias de Negócio de Marvão

P

aulo Gonçalves, diplomado em Administração de Publicidade e Marketing da ESTG-IPP, integrou equipa vencedora da quarta edição do Concurso Municipal de Ideias de Negócio de Marvão.

D

ecorreu no dia 18 de abril às 11 horas. Carlos Manuel de Oliveira vem a Portalegre para uma aula aberta a todas as pessoas que queiram assistir, sobre Marketing e Marcas


6

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

D’day 2018

Politécnico de Portalegre celebra o Dia Mundial do Design e anuncia novo mestrado

Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor

C A

licenciatura em Design de Comunicação do Politécnico de Portalegre concretizou a 9ª edição do evento “D’day”, a 2 e 3 de maio. A iniciativa de carácter cultural e formativo integrou palestras, workshops e exposições ligadas ao design e áreas afins, a propósito da comemoração do Dia Mundial do Design. O D’day 2018 foi marcado pela parceria estabelecida com o Município de Campo Maior, no âmbito do projeto de valorização da marca “Flores de Campo Maior” e pela abordagem de temas centrais do novo mestrado em Design de Identidade Digital. No Campus Politécnico decorreu o workshop da Flor de Campo Maior e o workshop de design de interação, com a Professora Cátia Rijo, do IPLisboa. Antigos alunos foram convidados a intervir: Filipe Plácido (Tangível) abordou o tema da User Experience e, numa apresentação biográfica dos seus percursos académicos e profissionais, Filipe Costa, Bruno Carvalho e João Canhão participaram na “Retrospectiva de um amor profundo”. Os trabalhos desenvolvidos no âmbito do projeto 8-i (8 Hours Overtime for a Good Cause) foram entregues às entidades participantes na edição de 2018. O Centro de Artes do Espetáculo de Portalegre acolheu a exposição Métodos, uma mostra de trabalhos dos alunos finalistas do curso de Design de Comunicação, com enfoque nos métodos inerentes ao processo do design, apresentando uma ampla instalação representativa da clássica metodologia do projeto de Bruno Munari. O Dia Mundial do Design, celebrado a 27 de abril, marca a data da fundação da Icograda − the International Council of Graphic Design Associations (1963).

European Medicines Shortages Research Network COST Action “Medicines Shortages” (CA15105) Short Term Scientific Mission - STSM TRAINING SCHOOL 19 abril | 14 horas | sala 1.08

onstrução partilhada da “Parede das Palavras” Inauguração da Exposição “Víctor Palla (1922-2006), capista (e não só ...)”, da autoria do Prof. Pedro Matos no dia 23 e 24 de abril na Biblioteca. Apresentação do livro “Farrapos de Alma” de Daniel Horta Nova e sessão de autógrafos com o autor no Hall de entrada

Entrega das pastas 2017/2018 no dia 21 de abril aos nossos estudantes Boa Sorte e Votos de Muito Sucesso!!!


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

7

DESIGNING THE IPP CAMPUS LANDSCAPE PERFORMANCE AND DELIGHT

Voluntariado de alunos e professores do Politécnico de Portalegre distinguido a nível nacional

O

projeto 8 Hours Overtime for a Good Cause (8i) venceu o Prémio Santander de Voluntariado Universitário. A ação local do projeto é realizada na Escola Superior de Tecnologia e Gestão e envolve professores e alunos dos cursos de “Design de Comunicação”, “Design e Animação Multimédia” e “Administração de Publicidade e Marketing”. Os resultados do Prémio foram anunciados a 5 de dezembro, Dia Internacional do Voluntário. A par da distinção dos melhores projetos, atribuíram-se outros galardões como incentivo e valorização das ações de voluntariado e solidariedade social das instituições de ensino superior. Os três projetos vencedores do Prémio Santander de Voluntariado Universitário de 2018 receberam três mil euros para despesas de implementação, mentoria estratégica e apoio à comunicação.

8i – Edição de 2018 Uma vez por ano, durante oito horas, os voluntários doam trabalho criativo a instituições locais de solidariedade e apoio social, contribuindo para a renovação da identidade visual, das estratégias de comunicação e do reposicionamento social das entidades beneficiárias. Na quinta edição da iniciativa, realizada a 21 de março, participaram 39 voluntários, tendo sido apoiadas quatro instituições: Centro Social e Jardim Infantil de São Cristóvão; Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental − APPACDM Portalegre; Associação Cultural e de Desenvolvimento da Beirã − A ANTA e Santa Casa da Misericórdia de Campo Maior.

D

ecorreu nos dias 2 a 5 de maio, o workshop DESIGNING THE IPP CAMPUS LANDSCAPE, no campus do Politécnico de Portalegre. Ao longo de quatro dias, duas dezenas alunos “estudam” os 16 hectares de terreno do Campus do Politécnico, com o objetivo final de elaborar projetos para a melhor utilização daquele espaço.

I Jornadas de Informática 10 MAIO | 10 H


8

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

III Ciclo de Seminários da Matemática

WORKSHOP FOLLOW UP Gestão de PME´s e Contabilidade e Finanças 28 maio | 18h | ESTG - IPPortalegre

Nova Doutorada

Exposição: A Matemática de M.C.Escher

A

nossa docente Carolina Oliveira Santos defendeu, na passada semana, a sua tese de doutoramento em Marketing e Estratégia “A Satisfação dos Alumni dos Cursos Superiores de Marketing – Uma Abordagem aos Elementos Estruturantes da Lealdade” Doutoramento conjunto da Universidade da Beira Interior, Universidade do Minho, Universidade de Aveiro.

A

s obras de M.C.Escher, o artista gráfico que muitos dizem ter alma de matemático, continuam a apaixonar o mundo. Para dar a conhecer a sua obra, a Sociedade Portuguesa de Matemática concebeu a exposição “A Matemática de M.C. Escher”, a qual se encontra patente na ESTG (Átrio) podendo ser visitada até ao dia 3 de junho de 2018, entre as 9h e as 20h.


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Seminário DAM

9

A Determinação de um Povo

5 e 7 de junho | Anfiteatro E1

D

ocumentário desenvolvido na unidade curricular de Projecto do curso de Design de Comunicação da ESTG-IPPortalegre em parceria com o Município de Campo Maior. Dos alunos Bruno Roque, João Melo, João Miranda e Tiago Borges. 19 JUNHO | 19H

IV Edição da Academia GRACE

Projeto de alunos do Politécnico de Portalegre distinguido

Dia 05.06.2018 15:00-17:00 | PALESTRA “Design de Comunicação no Marketing de Cinema de Animação” Orador Convidado: Designer Rafael Flores 17:00-19:00 | PALESTRA “Os Diálogos entre o realizador e o Designer na Divulgação de uma curta-metragem” Oradores Convidados: Realizador José Miguel Ribeiro | Designer Rafael Flores.

e-University League 2018 - Liga Universitária Portuguesa de Desportos Eletrónicos

N

o dia 30 de Junho a equipa da ESTG - IPPortalegre [IPP ESTG] conquistou o 3º lugar no Counter Strike: Global Offensive, da EUL 2018, na Clickfiel Arena em Penafiel.

O

projeto “Programa de Limpeza Florestal e produção de energia”, da autoria dos alunos Francisco Simão, Guilherme Barreto e José Barandas, foi distinguido com menção honrosa na IV Edição da Academia GRACE. No ano letivo de 2017/2018, apresentaram-se a esta iniciativa do GRACE – Uni.Network mais de 90 candidaturas, 17 das quais foram submetidas por alunos do Politécnico de Portalegre. A avaliação dos trabalhos esteve a cargo de um júri constituído pelo Diretor-Geral do Ensino Superior e por representantes de várias empresas e entidades. No referido projeto dos estudantes da licenciatura em Gestão da ESTG – IPPortalegre propunha-se a limpeza dos terrenos florestais junto de habitações, com recurso a voluntários quando os proprietários não tenham capacidade financeira e/ou física, sendo que os resíduos florestais recolhidos serviriam para a produção de energia, através de processos de biomassa.


10

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Dia Mundial do Refugiado

MUITOS PARABÉNS Professor Joaquim Baltazar Vaz

S

OLIDARIEDADE é a palavra escolhida para dar mote às iniciativas do Conselho Português para os Refugiados (CPR) que este ano foca as atenções nas associações que foram criadas para apoiar os refugiados. Neste contexto, o Politécnico de Portalegre dá a conhecer a associação humanitária MyFriend, criada pela nossa docente Ana José e pela diplomada Andreia Cardoso, que leva educação às crianças que estão em campos de refugiados na Grécia.

3ECONOMY+

R

ealizaram-se ontem, com sucesso, as provas públicas de avaliação de competências na área disciplinar de Gestão Financeira, requeridas pelo Professor Joaquim Manuel Baltazar Vaz, que apresentou uma Lição sobre “Estrutura Financeira e Endividamento a Médio e Longo Prazo”. As provas foram prestadas conforme estabelecido na Lei nº 65/2017, de 9 de agosto e no Decreto-lei nº 207/2009, de 31 de agosto, alterado pela Lei nº 7/2010 de 13 de maio. O júri que aprovou as provas foi presidido Prof. Doutor Paulo Brito (Presidente do Conselho Técnico-Científico (da ESTG do IP Portalegre) tendo como elementos do júri o Prof. Doutor Joaquim Belchior Mourato (do IP Portalegre); Prof. Doutor Francisco Carreira (do IP Setúbal); Prof. Doutor António Lourenço (do IP Santarém); Profª Doutora Mª Fernanda Matias (da UAlgarve); Prof. Doutor Eurico de Basto (do IP Porto).

XXIX Feira de Enchidos, Queijo e Mel

S

ete alunos de marketing e quatro docentes da ESTGIPPortalegre estão em Melilla, no primeiro de 3 cursos intensivos, relacionados com o Programa 3Economy Plus, que junta o Politécnico de Portalegre à Universidade de Granada e à Universidade de Malta, para potenciar competências de Economia, Marketing e Turismo, numa base plurilinguística. Além dos módulos de aprendizagem, os alunos dos 3 países envolvidos, terão acesso a estágios internacionais e intercâmbios. Uma oportunidade única de desenvolver aptidões culturais e profissionais!


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

11

Sessão de boas-vindas aos novos alunos – ano letivo 2018/2019

A

Direção da ESTG-IPPortalegre do Politécnico de Portalegre expressou os votos de um excelente ano letivo para todos os colaboradores, docentes e não docentes, e para os estudantes, desejando em particular aos novos alunos a melhor integração na Escola e na cidade de Portalegre.

Sessão de Acolhimento | Mestrado Tecnologias de Valorização Ambiental e Produção de Energia

Sessão de Acolhimento aos alunos dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais de Gestão e Marketing e Manutenção Eletromecânica

O

A

rrancou a nova edição do Mestrado em Tecnologias de Valorização Ambiental e Produção de Energia que funcionará na ESTGIPPortalegre.

Presidente do Município, Ricardo Pinheiro, participou esta tarde na Sessão de Acolhimento aos alunos dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais de Gestão e Marketing e Manutenção Eletromecânica, cursos esses, que são promovidos em Campo Maior pelo Instituto Politécnico de Portalegre pelo segundo ano consecutivo. A cerimónia decorreu no Centro Cultural de Campo Maior. Nesta sessão participaram ainda Albano Silva, Presidente do Instituto Politécnico de Portalegre, Miguel Serafim, Diretor da Escola Superior de Gestão de Portalegre, Cristina Guerra, coordenadora do curso de Gestão e Marketing, Eliseu Monteiro, coordenador do Curso de Manutenção Eletromecânica, e o Comendador Rui Nabeiro. Estiveram também presentes os Vereadores João Muacho, Luís Rosinha e Vanda Alegria.


12

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Mural para a Inclusão

Festa Mundial da Animação 28 de Outubro a 2 de Novembro

O A

lunos do curso de design de comunicação da ESTG do Politécnico de Portalegre colaboram na pintura de um mural inclusivo que está a ser desenvolvido pelo coletivo artístico Las Piteadas. A iniciativa que partiu da Associação Portuguesa de Desenvolvimento Local (ANIMAR) e da Cerciportalegre, pretende despertar consciências para a inclusão. Obrigada pelo convite!!

CAE Portalegre, o Centro de Congressos de Portalegre, a Escola Superior de Educação e Ciências Sociais – IPPortalegre, a Galeria de São Sebastião e a ESTG-IPPortalegre acolhem a Festa Mundial da Animação, onde durante 6 dias se multiplicam as atividades: cinema, oficinas, encontro com autores, performances, improvisação e experimentação, culminando com a cerimónia de entrega de prémios da 7ª edição do PRÉMIO NACIONAL DA ANIMAÇÃO, que é atribuído aos melhores filmes portugueses de animação do ano em três categorias: Profissionais, Escolas e Oficinas. A Festa da Animação apresentou o cinema à comunidade, com sugestões para toda a família. Envolveu a comunidade escolar e o público em geral, resultando numa oportunidade ímpar para descobrir a riqueza, a diversidade e a magia do cinema de animação.

DAM soma e segue!! | Prémio Nacional da Animação 2018

P

elo 2º ano consecutivo, os nossos alunos de Design e Animação Multimédia (DAM) foram distinguidos com o Prémio Nacional da Animação (PNA). A curta-metragem de cinema de animação distinguida, SENTIR-ME,

de Débora Rodrigues, Joana Flauzino e Vanessa Santos e orientada pelo docente Luís Vintém, obteve o prémio de melhor filme na categoria ESCOLAS. O Prémio Nacional de Animação (PNA), promovido pela Casa da Animação, surge como forma de reconhecer, incentivar e homenagear a qualidade artística e técnica das obras de animação portuguesa e os seus protagonistas. Este é mais um galardão relevante, granjeado por estudantes de Design e Animação Multimédia, da ESTG-IPPortalegre Muitos Parabéns a todos! Muito orgulho!!


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

13

Todos Temos Amor para Dar Parabéns ESTG

O

Todos Temos Amor para Dar teve início em 2009 e desde então tem estado em constante crescimento. Integrado na Responsabilidade Social do Politécnico de Portalegre, conta com um ponto de recolha de donativos em todas as unidades orgânicas. Contamos convosco? O ponto de recolha da ESTG já está montado! Esperamos ter as listas dos nomes prontas até ao final da semana e dar início ao Natal dos nossos 125 meninos e meninas deste ano! – em ESTG-IPPortalegre.

D

ia 6 de novembro, a ESTG-IPPortalegre comemorou 28 anos de atividade letiva!! 28º ANIVERSÁRIO DA ESTG Lição do Prof. Rui Pulido Valente: Basta que sim – 30 anos de viagens Obrigado por tudo Rui! Continuaremos seguramente a trabalhar juntos por uma região melhor!

Recebemos hoje, na ESTG-IPPortalegre, Sara Madeira e Daniel Madeira, da Associação Atletismo Portalegre, para a entrega dos donativos que foram recolhidos no Torneio Todos Temos Amor para Dar. Muito obrigada, a todos os clubes e atletas, uma vez mais, por nos terem rodeado com o vosso amor e terem prescindido dos prémios a que teriam direito, em nome destas crianças e desta causa. Para dar as boas-vindas à AADP, contámos com a presença do professor Miguel Serafim, Director da ESTG, a quem aproveitamos para agradecer a disponibilidade e empenho permanentes para com o TTApD.


14

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Nova Doutorada

Cocktail dos Idiotas 2018 19 de Abril | 14h30

A

professora Hermelinda da Conceição Trindade Carlos concluiu, no passado dia 26 de novembro de 2018 o seu percurso académico, conducente ao grau de Doutor, com a nota máxima de”Sobresaliente Cum Laude” (excelente com louvor) na especialidade de Marketing. A tese subordinada ao tema: “As preferências de compra dos consumidores de vinho: uma análise da importância do design da embalagem” foi orientada pelo professor Doutor António Chamorro Mera (UEX) e Coorientada pelo professor Doutor José Manuel Garcia Gallego (UEX). Parabéns Hermelinda!

Almoço Informal de Natal Internacional

Projeto Agro Water Saving apoiado pela Fundação La Caixa

O

IPPortalegre vai liderar um projeto, apoiado pela Fundação La Caixa, através do programa Promove – Regiões Fronteiriças 2018. Coordenado pelo investigador Luís Loures, o projeto Agro Water Saving – Tecnologia de poupança de água, conta com uma equipa multidisciplinar internacional, da qual fazem parte vários investigadores do Politécnico de Portalegre e do VALORIZA. O projeto consiste no desenvolvimento de uma aplicação móvel para determinar, em tempo real, as dotações máximas de rega para diferentes culturas, potenciando a poupança de água. A Fundação La Caixa vai apoiar, sob a forma de subsídio ao investimento, cinco projetos-piloto nas regiões Norte, Centro e Alentejo.

Lan Party Solidária

R

ealizou-se no dia 7 de dezembro no refeitório da ESTG - IPPortalegre, o Almoço Informal de Natal Internacional, organizado pelo nosso docente Luiz Rodrigues. O objetivo deste almoço, tal como aconteceu no ano passado, foi que cada um, levasse um prato, uma sobremesa ou outra iguaria, típica do seu país ou terra ou região de origem ou residência, de preferência relacionada com o Natal e feita pelo próprio, proporcionando a oportunidade de dar a conhecer um pouco da cultura e tradições de outros países e de Portugal.

A

direção da Associação Académica do Instituto Politécnico de Portalegre promoveu durante a tarde de hoje na ESTG-IPPortalegre, um torneio de jogos virtuais, com o objetivo de cada inscrito doar um alimento ou uma peça de roupa que serão posteriormente entregues pela AAIPP a instituições necessitadas. Inscreveram-se cerca de 70 alunos com idades entre os 12 e 30 anos.


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Ciclo de Aulas Abertas

C

onversas de Marketing Paulo Sérgio Bicho Director de Marketing do Shopping El Faro Luís Navalhas – Marketing Digital António Costa e Ricardo Fernandes – Patrocínios, estratégias de captação e manutenção Andreia Cardoso – Marketing para Causas Sociais

BioBIP é Incubadora Certificada do Programa StartUP VISA

A

BioBIP é uma das incubadoras certificadas no âmbito do programa StartUP VISA, um programa de acolhimento de empreendedores estrangeiros que pretendam desenvolver um projeto de empreendedorismo e/ou inovação em Portugal, com vista à concessão de visto para cidadãos imigrantes empreendedores de estados terceiros. A responsabilidade pela análise, seleção e certificação das candidaturas, bem como pelo acompanhamento da execução do programa está a cargo do IAPMEI.

15


16

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

GEE em Congresso Internacional de Empreendedorismo

Economia Circular em debate na BioBIP

A D

ecorreu no Politécnico de Leiria, a 15 de junho, o Congresso Internacional – PIN – Polientrepreneurship Innovation Network dedicado ao empreendedorismo. A sessão de abertura do evento contou com a presença da Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo, que salientou a importância dos politécnicos na ligação com o tecido “empresarial, social e cultural” nos seus territórios e explicou que a intenção é aprofundar o conhecimento. O Congresso, de cuja Comissão organizadora fizeram parte Artur Romão e Pedro Ranheta, do Politécnico de Portalegre, teve a participação, entre outros, de Annmarie McHugh (Dunsalk Institute of Technology), José Carlos Sánchez García e Amaia Yurrebaso Macho (Universidade de Salamanca), Javier Riaño (Demola, País Basco) e Rogier Cazemier (Universidade de Roterdão).

Politécnico de Portalegre candidata ampliação da BioBIP

BioBIP recebeu, a 10 de maio, o seminário dedicado à temática da Economia Circular, organizado pelo Politécnico de Portalegre. O evento contou com a presença da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, com o Laboratório Circular do Ecoembes (Logrono-Espanha), com o Cicytex (Extremadura-Espanha) e com o projeto Alentejo Circular (ISQ e UEvora), pretendendo, acima de tudo, dar corpo à ideia de um Laboratório Circular ancorado na BioBIP.

Laboratório de Economia Circular do Alentejo terá sede na BioBIP

I

ntegrado nas comemorações do Dia do Politécnico de Portalegre, a 25 de novembro, foi assinado um protocolo de cooperação com a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDR). Na sequência deste, e em resultado da deliberação unânime dos membros do Fórum de Economia Circular do Alentejo, o IPPortalegre irá acolher nas suas instalações, ficando sedeado na BioBIP, o Laboratório da Economia Circular do Alentejo.

GEE com nova equipa

C F

oi submetida em novembro a Candidatura BioBIP2 Tech Transfer ao Programa Operacional Regional do Alentejo – ALENTEJO 2020. Visando o alargamento da sua intervenção para áreas de elevado potencial da região e do Politécnico, mantendo a aposta na Bioenergia e propondo um novo Centro de Experimentação e Prototipagem, Animação e Multimédia, num investimento total de 3.290.947,47 euros, que se estima possa estar concluído em dezembro de 2020. O Conselho Estratégico da BioBIP, reunido a 9 de novembro, enfatizou a pertinência da candidatura e a sua concordância com as opções tomadas.

om a posse dos novos Diretores e Subdiretores das Escolas do IPPortalegre, a 1 de fevereiro, e após transitoriamente a ESTG e a ESECS serem representadas pelos respetivos Diretores, o Gabinete de Empreendedorismo e Emprego (GEE) passou a integrar entre os seus membros o Subdiretor da ESTG, Valentim Realinho, e a Subdiretora da ESECS, Luísa Carvalho. Da equipa continuam a fazer parte os Subdiretores da ESAE e da ESS, Paulo Ferreira e António Casanova, os técnicos Pedro Ranheta e Cláudia Lopes, e o Pró-Presidente para o Empreendedorismo e Emprego, Artur Romão, que coordena o Gabinete. Desde o 2º trimestre, a equipa foi reforçada nas áreas do Marketing e do Design, com os bolseiros de investigação Liliana Pêgo e Rui Moura, no âmbito do programa EuroACE_lera. Em junho e julho, o GEE acolheu em estágio, ao abrigo do programa Erasmus+, Marios Zardis, aluno da Cyprus University of Technology.


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Politécnico de Portalegre coordenou Rede na 15ª edição do Poliempreende

S

ucedendo ao Politécnico de Bragança, assumiu, a coordenação da rede em 2017/18, culminando com a realização em Portalegre, de 10 a 14 de setembro, da Semana Nacional e Internacional do Poliempreende. Entre elementos da coordenação e equipas a concurso, estiveram presentes em Portalegre cerca de 80 pessoas, representantes de 19 institutos politécnicos, escolas superiores não integradas e escolas politécnicas das universidades portuguesas, Universidade da Extremadura e Politécnico de Macau. O programa da Semana incluiu visitas ao património e tecido empresarial da região: Museu das Tapeçarias Guy Fino, Museu Municipal e outros locais históricos da cidade de Portalegre; Forte da Graça e Museu de Arte Contemporânea de Elvas; NovaDelta, Centro de Ciência do Café e Adega Mayor; unidades industriais da Selenis e Evertis; vilas de Marvão e Castelo de Vide. As equipas participantes tiveram ainda acesso a uma jornada de formação, no Campus Politécnico, em Portalegre.

Na noite de dia 12, o varandim do Mercado Municipal de Portalegre acolheu um jantar de gala, que juntou representantes das diversas instituições de ensino superior, entidades parceiras, patrocinadores e outras personalidades que apoiam a rede Poliempreende.

A 13 e 14 realizaram-se os concursos nacional e internacional. As defesas dos 18 projetos decorreram perante um júri composto por: Artur Romão em representação do Politécnico de Portalegre, Luís Barradas, da Caixa Geral de Depósitos, João Brazão, da companhia de seguros Fidelidade, Nelson Ferreira da Ordem dos Contabilistas Certificados, Susana Almas da Delta Cafés e João Fernandes.

17


18

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Os prémios ficaram assim distribuídos:

1º lugar – Prémio CGD – 10.000 euros – The Paper Toy Factory – Instituto Politécnico de Lisboa

2º lugar – Prémio Fidelidade – 5.000 euros – Plantica – Instituto Politécnico de Bragança

O encerramento da 15ª edição fez-se com um balanço muito positivo da coordenação do Politécnico de Portalegre, marcada pelo reforço da rede e pelo seu alargamento da rede às Regiões autónomas e a novos parceiros internacionais. No fecho da cerimónia procedeu-se simbolicamente à passagem de testemunho, com o Presidente do Politécnico de Portalegre, Albano Silva, a entregar a bandeira Poliempreende a Eugénio Almeida, Presidente do Politécnico de Tomar, que coordenará a 16ª edição.

3º lugar – Prémio Ordem dos Contabilistas Certificados – 3.000 euros – Be Gold – Instituto Politécnico de Setúbal

Concurso regional Poliempreende

Prémio Delta Inovação – 2.500 euros – Pradaria – Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril

Prémio Delta Internacional – 1.500 euros – Educamuseo – Universidade da Extremadura

A cerimónia de entrega dos prémios decorreu em Elvas, no Coliseu Comendador Rondão Almeida, durante a 11ª edição Feira do Emprego e Empreendedorismo ENOVE+, a 8 de novembro. Antecedendo a cerimónia foi apresentado o livro “As instituições de Ensino Superior Politécnico e a educação para o empreendedorismo”, publicada sob a chancela PIN – PoliEntrepreneurship Innovation Network.

O concurso decorreu a 5 de julho, nas instalações da BioBIP, tendo sido apresentados 7 candidaturas oriundas da ESAE e da ESTG, premiou. 1º – Pedra Risca Limousine, de João Amado, estudante de Agronomia da ESAE – 2000 euros; 2º – Home Vegetable Garden de Rita Ferreira e Cátia Bonacho, estudantes de Agronomia da ESAE – 1500 euros; 3 – AlenTrekk de Rui Choças, estudante de Gestão de PME da ESTG e Patrícia Félix, diplomada em Assessoria de Administração pela ESTG - 1.000 euros; Além dos prémios monetários, os 3 primeiros classificados receberam ainda 3 meses de incubação grátis na BioBIP. No júri, presidido por Luís Loures, Vice-Presidente do Politécnico de Portalegre, estiveram ainda presentes: Maria Luís Rodolfo, representante da Caixa Geral de Depósitos, que patrocina o concurso, Rui Perestrelo, pela NERPOR; João Realinho, pelo IEFP; Manuel Belo, pela CIMAA e Artur Romão, pelo GEE-IPPortalegre, unidade organizadora do concurso.


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

11ª ENOVE + em Elvas

M

ais de 3 mil pessoas passaram pelo Coliseu Comendador Rondão Almeida em Elvas, nos dias 7 e 8 de novembro de 2018, para a 11ª edição da ENOVE+. O Politécnico de Portalegre, enquanto entidade organizadora, apresentou, na Feira de Emprego e Empreendedorismo, a sua oferta formativa e o trabalho desenvolvido por alunos, professores e investigadores, dos diversos departamentos e unidades orgânicas, de investigação e funcionais. A sessão de abertura contou com a presença do Secretário de Estado da Valorização do Interior, que destacou o papel do Politécnico de Portalegre no desenvolvimento do território. João Paulo Catarino referiu a importância das instituições de ensino superior “para que o conhecimento seja, acima de tudo e cada vez mais, ajustado à especificidade do território sendo também obviamente aquilo que as empresas precisam, para que possam ganhar novos mercados, criar mais emprego e por essa via também, criar mais riqueza.” Para Hugo Hilário, Presidente do Conselho Geral do Politécnico, o Instituto “demonstra com mais esta iniciativa que está sempre presente, preocupado com a valorização da região, uma missão por vezes tão difícil”. Também na sessão de abertura, Albano Silva, Presidente do Politécnico, destacou o trabalho conjunto do IPPortalegre “com os Municípios e as Empresas e organizações” para continuar “a lutar para inverter os dados demográficos e para vivificar este território onde teimamos em viver e para onde teimamos em atrair novos estudantes de outras zonas do país e de outros países”. Artur Romão, na qualidade de Coordenador da ENOVE+, referiu que este evento se tem vindo “a consolidar no panorama regional de promoção do emprego, do empreendedorismo, da inovação e do desenvolvimento regional, contribuindo também para a valorização do interior”. A Câmara Municipal de Elvas foi a anfitriã desta 11ª edição e o Politécnico de Portalegre teve na Câmara Municipal um parceiro próximo e proactivo. Nuno Mocinha, Presidente do Município, reforçou em breves palavras a importância deste evento para a região, pela “aproximação” e “criação de oportunidades”. Destinado especialmente os alunos que se encontram a concluir a sua formação no Ensino Secundário ou Profissional e que procuram novos caminhos para continuarem os seus estudos ou atividade profissional, a Feira de Emprego e Empreendedorismo assume o desafio de tentar potenciar o emprego na região. Pretendeu-se, assim, promover o contacto entre alunos, investigadores, empresários e organismos públicos, não só do Alentejo como da Extremadura espanhola, potenciando a criação de sinergias entre os diferentes sectores. A edição de 2018 da ENOVE+ contou com a visita de escolas dos distritos de Portalegre e Évora, e ainda da Extremadura espanhola.

19


20

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Na BioBIP recebemos: – Alunos internacionais e do ensino secundário e superior: – das Escolas Secundárias Mouzinho da Silveira, de Portalegre, Rainha Santa Isabel, de Estremoz e D. Sancho II, de Elvas, durantes os dias abertos do Politécnico, de 28 de fevereiro a 1 de março. – do CTeSP de Agropecuária e do 1º ciclo de Agronomia da ESAE, a 22 de maio; – do curso de Gestão da ESTG, 24 de setembro; – do ensino médio CEFET/RJ, Brasil, a 9 de outubro; – Delegação da Universidade Eduardo Mondlane, de Moçambique, composta por dois professores catedráticos do Departamento de Química da Faculdade de Ciências da, a 12 de fevereiro; – Encontros de Networking de empresários, promovidos por Filipe Calha, da dotIT, a 15 de março e a 11 de abril.

– Workshop Designing the IPP Campus Landscape, frequentado por cerca de 20 alunos de mestrado de Arquitetura Paisagista da UTAD, da UÉvora e do curso de Design de Comunicação da ESTG, onde “estudaram”, os 16 hectares do Campus do Politécnico, apresentando propostas de melhoria do espaço, de 2 a 5 de maio.

Destaque, em particular, para a Escola Secundária D. Sancho II de Elvas pelo apoio prestado na programação e dinamização do espaço. A 11ª edição da ENOVE+ contou com a participação de 38 expositores externos ao Politécnico de Portalegre, divididos por 45 stands e outros espaços do Coliseu Rondão Almeida. 26 atividades programadas e 34 atividades permanentes, que se distribuíram pela arena, salas e galerias, preencheram o programa da ENOVE+. As ações contaram com o envolvimento de alunos, professores, investigadores e elementos externos ao Politécnico de Portalegre que, através de palestras, apresentações, exposições, workshops, jogos e demonstrações tornaram o programa apelativo e participado, com várias atividades a esgotarem a lotação. A iniciativa contou com o apoio das Câmaras Municipais de Elvas, Arronches, Sousel, Monforte, Nisa, Portalegre, Campo Maior e Estremoz, na cedência de autocarros para o transporte de alunos dos seus para visita à Feira.

A votação do público premiou: Melhor expositor: stand de “Agropecuária” da Escola Secundária D. Sancho II de Elvas Melhor atividade: “demonstração de cavalos” do departamento de Ciências Agrárias e Veterinárias da Escola Superior Agrária de Elvas

– Semana Internacional do Politécnico de Portalegre, com 40 participantes de instituições parceiras de ensino superior da Europa, no âmbito da Semana Internacional, a 15 de maio,. – Reunião do Consórcio Erasmuscentro, a 15 de junho. – O Embaixador da Guiné-Bissau em Portugal, Hélder Vaz Lopes, a 9 de julho.

– Técnicos do Projeto EIS Everywhere International SME, oriundos de Portugal, Irlanda e Reino Unido, a 24 de julho;


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

– Reunião com responsáveis da CCDRA e dirigentes IPPortalegre da CCDRAlentejo, no âmbito de projetos de Economia Circular, a 17 de julho;

21

- da Valorização do Interior, João Paulo Catarino, o qual, após a visita, a 12 de dezembro, afirmou que “a Incubadora é um excelente exemplo do papel crucial que os politécnicos podem ter na ligação da comunidade académica ao tecido empresarial e no desenvolvimento de produtos e soluções inovadoras.”

– Pequeno almoço de trabalho para a apresentação da Enterprise Europe Network, Integrado na Semana Europeia das PME, organizado pelo Centro Europe Direct do IPPortalegre, com a participação da Margarida Ricardo, do IAPMEI, a 17 de outubro.

– Reunião do consórcio IDERCEXA, com 17 parceiros, para apresentação dos resultados da atividade, a 2 de outubro;

- A Semana da Ciência e da Tecnologia, que decorreu de 19 a 25 de novembro, acolhendo o seminário “Repensar áreas de baixa densidade – oportunidades e desafios”, a 20 de novembro, e o workshop “Creative Commons vs Direitos de Autor”, no Dia Nacional da Cultura Científica, a 22 de novembro. - Comissão de Avaliação Externa da candidatura VALORIZA à FCT, composta por 7 especialistas estrangeiros, 4 de dezembro.

O GEE e a BioBIP participaram em: – Reunião Plenária do Fórum para a Economia Circular do Alentejo, no Centro da Ciência e do Café, em Campo Maior, numa iniciativa da CCDR Alentejo (CCDRA), a 24 de janeiro. – Benchmarking no TRIP SAFARI Lisboa-Cowork, no âmbito do projeto Moove to Alentejo, a 25 de janeiro.

– Secretários de Estado: – da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo, participando numa reunião com dirigentes do Politécnico e do IESCTEC da UPorto, a 3 de outubro.

– Visita de Benchmarking ao Gabinete de Emprego e Empreendedorismo da Universidade de Vigo, a 18 e 19 de março. – Workshop “Indústria 4.0 – Oportunidade de Desenvolvimento na Região Alentejo”, organizado pelo PACT, em Évora, a 6 de abril.


22

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

– Visita ao Laboratório Circular da Ecoembes, em Logroño, Espanha, a 9 de abril. – Inauguração do Gabinete Invest Portalegre, qual integra o Espaço Empresa, sediado nas instalações do Município de Portalegre, a 16 de abril. – Workshop “Mecanismos de apoio a projetos baseados no conhecimento, por jovens empreendedores”, no âmbito do projeto EuroACE_lera, em Évora, a 19 de abril. – Apresentação do Projeto EuroACE_lera, por Pedro Ranheta, do Politécnico de Portalegre, e José Matías Sánchez, da Extremadura Avante, em Mérida, a 3 de maio.

– Na Volta ao Conhecimento, em articulação com a SECTES, dinamizando o stand do Politécnico e a apresentação na RTP do projeto NJOY, realizado numa parceria com o AEBonfim, em Portalegre, 3 de agosto.

– Na Alentejo Mini Maker Faire, promovida pela ADRAL, enquadrada no projeto Speed Talent – Acelerador de Talentos, na Arena de Évora, a 11 e 12 de maio. – Na Sessão “Potenciar a economia circular na agricultura e agroindústria do Alentejo”, integrada nas Jornadas Alentejo Circular, partilhando experiências e boas práticas de economia circular nas fileiras do projeto, na ESAE, a 7 de junho. – Na Feira de Emprego da Escola Superior de Saúde, em Portalegre, a 6 de julho. – No Encontro Nacional de Incubadoras e Aceleradoras, no Creative Science Park – Aveiro Region, com a presença do Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, a 11 e 12 de julho.

– Visita de Benchmarking ao Parque Científico e Tecnológico Cartuja, em Sevilha, Espanha, a 16 e 17 de julho. – Reunião da Coordenação da 15ª edição do Poliempreende, no IPCA, em Barcelos, a 20 de julho.

– Reunião de coordenação do Projeto EuroACE_lera, na ESTG, com a presença de 14 parceiros de entidades portuguesas e espanholas, a 26 de setembro.

– Nos IV Encontros Jornalismo no Alentejo, sob o tema “O jornalismo regional na era digital”, onde a bolseira de investigação Liliana Pêgo apresentou “A Estratégia de comunicação ENOVE+”, na ESECS, a 5 de dezembro.


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Promotores da BioBIP em destaque:

23

BioBIP e Projetos de Empreendedorismo Social objeto de estudo na Extremadura e Alentejo

Pedro Risca Limousine selecionado para o programa Contacto

A N

a sequência da apresentação de uma candidatura ao programa Contacto – Roteiros de Inovação, do Projeto “Speed Talent – Acelerador de Talentos”, o promotor João Amado viu o seu projeto Pedra Risca Limousine, inserido no Roteiro da Agricultura Tecnológica, contando com acompanhamento específico por parte da ADRAL. Para o seu desenvolvimento.

GreenFin participa em encontro mundial

G

reenFin Aquaponics, projeto incubado na BioBIP, participou no 8º Fórum Mundial da Água, que se realizou entre 18 e 23 de março em Brasília, Brasil. A representação de Portugal foi liderada pelo Ministro do Ambiente João Fernandes.

BioBIP e os projetos de Empreendedorismo Social aí dinamizados encontram-se entre os casos de estudo, no âmbito de um projeto transfronteiriço, promovido por uma consultora, nas regiões da Extremadura e Região do Alentejo.

Novos promotores admitidos na BioBIP em 2018: – Flashclot – Entogenex – Selma Fernandes – Marketing Digital, Formação Digital, Formação e Consultoria – Ambivide – Telemetria – Pedra Risca Limousine – Zoowish – Social Ride – Alpha Drone

Neuro M é um dos projetos selecionados para Programa Transfronteiriço de Aceleração

O

projeto NEURO M, de Liliana Gonçalves, que se encontra em incubação na BioBIP, foi um dos escolhidos para integrar o programa de apoio ao empreendedorismo do projeto de cooperação transfronteiriça EuroACE_lera.

Este programa encontra-se a ser desenvolvido nas regiões Centro e Alentejo, em Portugal, e na Extremadura, em Espanha, e com conta entre as entidades parceiras com o Politécnico de Portalegre.

Ciclo de Conferências “Curiosidades das Línguas e Culturas Estrangeiras” (CliC-IPPortalegre)

E

nquadradas no Ciclo de Conferências “Curiosidades das Línguas e Culturas Estrangeiras” promovido anualmente pelo Centro de Línguas e Culturas, ocorreram em 2018 três conferências que, na sua globalidade, tiveram como objetivos: atentar nos aspetos linguísticos e culturais de diferentes países; promover a reflexão crítica relativamente aos diferentes aspetos culturais, no âmbito da cidadania global e promover o exercício da cidadania global e uma participação ativa, responsável e consciente. Embora não tendo uma calendarização regular, este evento distribuiu-se em conferências respeitantes a distintas línguas e culturas a serem proferidas no Auditório dos Serviços Centrais do Instituto Politécnico de Portalegre por elementos nativos com uma relação académica e pessoal muito próxima

com a temática explorada. Neste âmbito, o Ciclo “Curiosidades das Línguas e Culturas Estrangeiras” teve início em junho de 2017 com a conferência “Língua e Cultura Chinesa”, pelo Docente Luís Fernandes. Assim, em 2018, no dia 31 de janeiro, foi realizada a segunda conferência, intitulada “The Curiosities of the English Language”, pelas Docentes Jacqueline Hogan e Mary Asthon. Entretanto, no dia 21 de fevereiro, realizou-se a terceira conferência deste ciclo – “Figures et Paysages dans les Légendes de France”, pela Docente Anne Studer – e no dia 9 de maio, decorreu a quarta e última conferência desse ano: “Os Yanomami do Brasil: o (Re)Conhecimento de uma Identidade Linguística e Cultural”, pela Docente Joëlle Ghazarian. (Continua na página seguinte)


24

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

2ª Conferência:

“The Curiosities of the English Language” por Mary Asthon e Jacqueline Hogan

Fonte: Margarida Dias (Flyer) e Maria José D’Ascensão (Fotos).

3ª Conferência:

“Figures et Paysages dans les Légendes de France” por Anne Studer

Fonte: Margarida Dias (Flyer) e Maria José D’Ascensão (Fotos).

4ª Conferência:

“Os Yanomami do Brasil: o (Re)Conhecimento de uma Identidade Linguística e Cultural” por Joëlle Ghazarian

Fonte: Margarida Dias (Flyer) e Maria José D’Ascensão (Fotos).


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

25

Espetáculo Final de Ano Kids (CliC-IPPortalegre)

N

o dia 19 de junho de 2018, pelas 16h, no Auditório da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais – Instituto Politécnico de Portalegre, foi realizado o espetáculo de final de ano, pelas turmas de inglês kids (Kids

Dark Blue Class e Kids Dark Orange Class) orientadas pela docente Mary Ashton. Neste espetáculo, com a duração de 2 horas, foi apresentada uma dramatização e um pequeno filme, tendo, como suporte linguístico, o inglês.

Fonte: Maria José D’Ascensão (Fotos).

Espetáculo de Natal Kids/Teens (CliC-IPPortalegre)

N

o dia 14 de dezembro de 2018, pelas 18h, no Auditório da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais – Instituto Politécnico de Portalegre, foi realizado o espetáculo de Natal, pelas turmas de inglês kids Blue Class, Teens Orange Class e Teens Red Class, orientadas pelas docentes Mary Ashton e Cláudia Belacorça. Neste espetáculo com a duração de 1 hora, foram declamados poemas e interpretadas canções em inglês.

Fonte: Maria José D’Ascensão (Fotos).


26

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Centro de Informação Europe Direct do Alto Alentejo

Ano Europeu do Património Cultural 27 de novembro 2018, ESECS, Portalegre

Ciclo de Jornadas Europeias da Juventude 8 de maio 2018, Escola Básica nº 1 de Montargil 9 de maio 2018, Agrupamento de Escolas de Avis 24 de maio 2018, Escola Básica 2,3 nº 2 de Elvas

Volta de Apoio ao Emprego 30 de novembro 2018, ESAE.

Sessão de Informação Programa Europa para os Cidadãos 18 de junho 2018, Serviços Centrais-IPPortalegre

Docentes da ESS participam em encontros e congressos internacionais

D

ois docentes da ESS participaram em congressos no âmbito do COST (European Cooperation in Science and Technology). O Professor Raul Cordeiro esteve presente em Leuven, Irlanda, no Core Group meeting da Ação COST 15208, de 19 a 21 de fevereiro. O Professor António Casa Nova, participou de 20 a 23 de fevereiro, na reunião Ação COST AC 15222, no Institute of Health and Care Sciences da University of Gothenburg, Suécia. Os professores António Casa Nova, Victor Assunçãoe Raul Cordeiro foram oradores na International Conference – Biomedical and Social Sciences: Education, Research and Innovation, na Klaipeda State University of Applied Sciences, Lituânia.

Semana Europeia das PME 12 a 19 de outubro 2018, Elvas e Portalegre

ESS acolhe docentes estrangeiros

A

Professora Demet Celik, da Universidade de Karamannoglou, Turquia e os professores Fadime Kaya, Yeliz Akus, Hadan Cifti e Neriman Mor, da Universidade de Universidade de Kars, também da Turquia foram recebidos em mobilidade Erasmus +, em abril.


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

ESS participa em jornadas de reflexão

A

s VI Jornadas Sobre Família: “Quem sai aos seus… “, organizadas pelo Núcleo Distrital de Portalegre da EAPN Portugal, em parceria com a Escola Superior de Saúde, a Câmara Municipal de Portalegre e o Centro Social e Comunitário de S. Bartolomeu, realizaram-se em maio e tiveram o intuito de promover o debate reflexivo sobre o papel e importância da Família como educadora e promotora de capacidades para o desenvolvimento saudável e harmonioso dos seus membros. Já a primeira edição das Jornadas de Proteção Civil e Socorro foi organizada pelos estudantes do 2º ano do CTeSP de Proteção Civil e Socorro, em maio, com o intuito de promover o debate sobre os temas mais relevantes no âmbito da Proteção Civil e do Socorro.

ESS organiza diversos eventos

C

om o objetivo de assinalar o fim do ano letivo, a AE organizou mais um Arraial Popular Fim de Ano Letivo, convidando toda a comunidade local a participar, no que se constituiu como um divertido e agradável convívio. Pelo quarto ano consecutivo e decorrente do interesse manifestado, empresas empregadoras mostraram e divulgaram as ofertas de emprego em enfermagem, destinado aos estudantes finalistas do 4º ano do curso de Licenciatura em Enfermagem, durante a IV Feira de Emprego, realizada em maio. A Escola Superior de Saúde comemorou o seu 46º aniversário, dedicado à formação de profissionais competentes na área do cuidar em todas as fases da vida. A Sessão Solene teve lugar na Sala de Conferências tendo no seu programa as alocuções do Diretor da ESS/IPP, Prof. Adriano Pedro e do Presidente do IPP Dr. Albano Silva.

IPPortalegre apresentou candidatura de nova unidade de I&D à FCT

O

IPPortalegre, na qualidade de Instituição de Gestão Principal, submeteu a candidatura do VALORIZA - Centro de Investigação para a Valorização de Recursos Endógenos, que integra um conjunto alargado de outras Instituições de Ensino Superior (IPBeja, Universidade do Algarve, Universidade Lusíada, Universidade de Granada, IPTomar, IPCastelo Branco, FCT-UNL, Universidade da Extremadura, Universidade de Évora, Universidade do Minho) e de empresas (Galp, Delta, ADER-AL, INIAV). A equipa de investigação do VALORIZA é composta por 23 membros integrados doutorados, 3 membros integrados alunos de doutoramento e 28 membros colaboradores. Em parceria com o Instituto Politécnico de Beja e as Universidades do Algarve e dos Açores, o IPPortalegre integra a Unidade de I&D NURSE’IN Nursing Research Unit for South and Islands, que tem como Instituição de Gestão Principal o Instituto Politécnico de Setúbal. Esta Unidade de I&D conta ainda com as Universidades de Évora e da Madeira e com o Instituto Politécnico de Castelo Branco na qualidade de Instituições Colaboradoras. A equipa de investigação do NURSE’IN é composta por 23 membros integrados, 5 dos quais com vínculo ao IPPortalegre, e 29 membros colaboradores. Para além do VALORIZA e do NURSE’IN, há ainda investigadores do IPPortalegre que fazem parte, como membros integrados, de outras Unidades de I&D, em áreas específicas, entre as quais se destacam a Unidade de Investigação em Governança, Competitividade e Políticas Públicas, o Centro de Estudos em Geografia e Ordenamento do Território, o Centro de Matemática e Aplicações, o Mediterranean Institute for Agriculture, Environment and Development, o Centro de Investigação e Estudos em Belas Artes, o Centro de Estudos Comparatistas; o Instituto de Comunicação da Nova, o Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos, o Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias; o Instituto de Bioengenharia e Biociências, o Centro de Linguística - UL, o Instituto de Saúde Ambiental, o Centro de Recursos Naturais e Ambiente e o Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais da Universidade Nova de Lisboa.

IPPortalegre tem 25 projetos de I&DT em curso

Visita ao Laboratório Circular da ECOEMBES

N

N

o início de 2018, a C3i é responsável pela gestão de 25 projetos de Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (I&DT), que representam, para o IPPortalegre, um investimento superior a 1.782.650,00 euros. O número de projetos acompanhados pela C3i tem registado, nos últimos anos, um aumento significativo, fruto da interdisciplinaridade dos investigadores, mas também das redes de parceria estabelecidas com outras unidades de I&D, entidades regionais, nacionais e transfronteiriças e com empresas dos vários setores de atividade. No total, estes projetos representam um investimento global superior a 31.130.000,00 euros, distribuído pelos 180 parceiros envolvidos. Para além dos projetos de I&DT, a C3i é ainda responsável pela gestão dos projetos relacionados com o CTeSP que representam um investimento total superior a 785.000,00 euros.

27

o dia 9 de abril, uma equipa do IPPortalegre, constituída pelos investigadores Luís Loures, João Emílio Alves, Artur Romão, Paulo Brito e Rui Pulido Valente, visitou o Laboratório Circular da Ecoembes, em La Rioja (Espanha), um espaço muito semelhante à BioBIP, sem a componente industrial e suportado pela Ecoembes, uma associação privada sem fins lucrativos que gere todos os resíduos em Espanha. O Coordenador do Laboratório, Zacarias Torbado Martinez, apresentou alguns dos projetos na área do EcoDesign, na área da Cidadania, na área do SmartWaste e na área do Empreendedorismo. Esta visita surge na sequência da participação do IPPortalegre no Fórum da Economia Circular do Alentejo e a perspetiva de criação de um Laboratório Circular na BioBIP.


28

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Seminário - “Uma estratégia baseada na Economia Circular”

Seminário - “VALORIZAr Comunidades e Territórios de Baixa Densidade”

T

eve lugar, no Campus Politécnico, no dia 10 de maio, um seminário dedicado à Economia Circular, que contou com a presença de representantes da CCDR-A, do CICYTEX e do ISQ, o que permitiu cruzar experiências de investigadores e técnicos de Portugal e de Espanha. Esta iniciativa surgiu na sequência da participação do IPPortalegre no Fórum da Economia Circular do Alentejo. Investigadores e bolseiros de investigação da C3i, que integram vários projetos na área da valorização energética e de resíduos, partilharam os trabalhos que estão a desenvolver, no painel dedicado às apresentações em formato de pitch.

IPPortalegre assinou Protocolo com Centro de Ciência Viva de Estremoz

D

ecorreu no dia 16 de julho, no Campus Politécnico, o Seminário “VALORIZAr Comunidades e Territórios de Baixa Densidade”, que teve como principal objetivo reforçar o conhecimento do trabalho que os investigadores do VALORIZA – Centro de Investigação para a Valorização de Recursos Endógenos se encontram a desenvolver e potenciar o estabelecimento de sinergias que possam contribuir, de forma decisiva, para o aparecimento de novas ideias de projeto. No Seminário participaram mais de 40 investigadores, que apresentaram os projetos que estão a desenvolver. Foram também apresentados os domínios de investigação do VALORIZA e a sua página web. A convite do IPPortalegre, a CCDR-A fez uma apresentação das oportunidades e linhas estratégicas de I&D no âmbito do H2020/30.

N

o âmbito do programa piloto “Vamos deixar uma marca na Sociedade”, foi assinado, no dia 18 de maio, um protocolo de colaboração entre o Centro de Ciência Viva de Estremoz e o Instituto Politécnico de Portalegre que contou com a presença da Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo. O protocolo visa uma colaboração futura na dinamização de um conjunto de atividades ligadas à divulgação científica, através da elaboração conjunta de um plano de atividades, a desenvolver no próximo ano letivo. Este programa piloto, desenvolvido pela área governativa da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, inclui diversas iniciativas que pretendem aproximar os alunos do ensino secundário (profissional e científico-humanístico) do ensino superior, reforçando a premissa de que todos os jovens são essenciais para um desenvolvimento social e económico sustentável da sociedade.

I WORKSHOP Luso-Brasileiro

T

eve lugar no Campus Politécnico, no dia 20 de setembro, o I Workshop Luso-Brasileiro, com o tema “Tecnologias associadas à produção de bioenergia a partir de resíduos municipais”, organizado no âmbito do projeto “Uso de Misturas Syngas/Biodiesel em Motores de Combustão Interna para Geração Descentralizada de Energia”, financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT – Portugal) e pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES – Brasil). O projeto tem como principais objetivos determinar a composição ótima das misturas de syngas/biodiesel a alimentar motores de combustão interna e a simulação numérica da combustão interna de misturas binárias e envolve investigadores do Politécnico de Portalegre, da Universidade Estadual Paulista (UNESP – Brasil) e do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet/RJ – Brasil).


PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

COLAB PROBIOREFINERY aprovado pela FCT

29

C3I presente na ENOVE +

A

FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia divulgou recentemente o resultado final da avaliação das candidaturas submetidas até março de 2018 para a atribuição do título e designação de Laboratório Colaborativo. O ProBiorefinery – Investigação e Inovação em Biorrefinarias foi um dos 15 laboratórios colaborativos aprovados nesta fase. Liderado pelo Laboratório Nacional de Energia e Geologia, I.P. integra várias entidades, entre as quais o Instituto Politécnico de Portalegre. Os Laboratórios Colaborativos visam a criação, direta e indireta, de empregos de alto valor acrescentado em Portugal, através da implementação de agendas de investigação e de inovação orientadas para a criação de valor económico e social.

Semana Internacional do Acesso Aberto no IPPortalegre

P

elo quarto ano consecutivo, o Instituto Politécnico de Portalegre associou-se às comemorações da Semana Internacional do Acesso Aberto, promovida pela SPARC – Scholarly Publishing and Academic Resources Coalition, enquadrada numa iniciativa internacional, que tem como objetivo disseminar o Acesso Aberto ao conhecimento. As várias iniciativas, destinadas a alunos, docentes e investigadores, decorreram nas quatro escolas do IPPortalegre, na semana de 22 a 28 de outubro. Destacam-se as sessões de pesquisa em acesso aberto e ações de sensibilização em contexto de sala de aula sobre a importância do acesso aberto.

À

semelhança das edições anteriores, a C3i participou na ENOVE+, que decorreu no Coliseu Rondão de Almeida, em Elvas, nos dias 7 e 8 de novembro. Foi uma oportunidade para dar a conhecer os projetos de I&D em curso, nomeadamente os resultados de algumas investigações e de estreitar contactos com outras instituições e empresas. A ENOVE + contou com a presença de João Paulo Catarino, Secretário de Estado da Valorização do Interior, na sessão de abertura, e acolheu cerca de 3000 visitantes.

4.º Fórum de Gestão de Dados de Investigação

Seminário - “Repensar Áreas de Baixa Densidade”

N

o dia 20 de novembro realizou-se na BioBIP o Seminário Repensar áreas de baixa-densidade: oportunidades e desafios. O evento, integrado na Semana da Ciência e da Tecnologia, que decorreu de 19 a 25 de novembro, contou a presença de investigadores do VALORIZA que apresentaram várias comunicações relacionadas com a temática em debate. Participaram no seminário cerca de 70 pessoas, entre as quais investigadores, bolseiros de investigação e alunos de mestrado.

O

s investigadores Helena Cameron, Cristina Dias, Maria José Varadinov, João Miranda e as técnicas da C3i Amélia Canhoto e Catarina Dias participaram no 4.º Fórum de Gestão de Dados de Investigação, que teve lugar no Politécnico de Castelo Branco no dia 16 de novembro. O programa contou com nove apresentações flash talks, representando iniciativas de cinco instituições diferentes, e com a realização de dois workshops dedicados a questões de “proteção de dados e privacidade” e “demonstração de ferramentas para o ciclo de vida dos dados e discussão sobre Open Data e como tornar os dados FAIR”.

Dia Nacional da Cultura Científica

VALORIZA recebeu Comissão de Avaliação Externa da FCT

O

N

Politécnico de Portalegre, através da C3i, e o VALORIZA organizaram três workshops no âmbito das comemorações do Dia Nacional da Cultura Cientifica e da Semana da Ciência e da Tecnologia, que tiveram lugar na BioBIP, no dia 22 de novembro. O Workshop Creative Commons vs Direitos de Autor foi dinamizado pela técnica da C3i Amélia Canhoto; o Workshop CIÊNCIA VITAE foi dinamizado pela Dr.ª Joana Nabais, da FCT-FCCN, e o Workshop Patentes e Propriedade Intelectual foi dinamizado pelo Dr. João Marcelino do INPI. Nos três workshops participaram mais de 50 pessoas, maioritariamente investigadores e bolseiros de investigação, mas também empresas incubadas na BioBIP (no último workshop).

a sequência da submissão da candidatura à Fundação para a Ciência e a Tecnologia no início de 2018, o VALORIZA recebeu, no dia 4 de dezembro, uma Comissão Externa de Avaliação, composta por 7 especialistas estrangeiros, que integram a equipa de avaliadores do painel THEMATIC AREAS – Sustainable Energy Systems, Circular Economy and Technologies for the Environment. Durante a sessão, que contou com a presença da maioria dos investigadores, foi feita a apresentação do VALORIZA pelo seu Coordenador, seguindo-se um período de questões e de reuniões mais restritas. No final da reunião com a Comissão Externa de Avaliação foi feita uma visita à BioBIP e à BioBIP_Energy.


30

PORTAL N.os 114-117| Ano 2018

Prémio de I&D do IPP recebe 3 candidaturas 10.º ANIVERSÁRIO DO RCAAP

A

A

convite da organização, Amélia Canhoto participou na sessão Estórias da história do RCAAP, no âmbito da comemoração do 10.º aniversário do RCAAP que teve lugar em Coimbra, no dia 17 de dezembro e que teve como objetivo principal reunir a comunidade para partilhar e refletir sobre o passado, presente e futuro. Amélia Canhoto, na sua apresentação, deu a conhecer os dados relativos ao número de depósitos no RCAAP do Politécnico de Portalegre e ao número de downloads efetuados que tem vindo a aumentar anualmente. Destacou a visibilidade externa, associada ao RCAAP e às publicações científicas e perspetivou alterações positivas, através da implementação do Ciência Vitae e da Ciência aberta enquanto modelo de ciência baseado na abertura e colaboração impulsionada pela sociedade digital e em rede. O Politécnico de Portalegre conta atualmente com um total de 620 documentos depositados no RCAAP. Em menos de dois anos, a imagem do Politécnico de Portalegre, enquanto instituição que promove investigação científica, afirmou-se, ganhou visibilidade e reconhecimento a nível nacional e internacional. Dos 620 documentos depositados, ultrapassaram-se os 530.000 downloads, maioritariamente em Portugal (cerca de 281.000), no Brasil (cerca de 100.000), nos Estados Unidos (cerca de 70.000), seguindo-se Angola e Moçambique (23.000) e os restantes países. Este número de downloads representa um acréscimo de 60 % em relação ao ano de 2016 e de 113% em relação ao ano de 2013.

Número de mobilidades não para de crescer

A

mobilidade de estrudantes (para estudos ou estágio), de docentes e de não docentes constitui uma das vertentes da internacionalização do IPP, consagrada em documentos internos e externos. Os respetivos números têm crescido de forma regular e atingiram em 2018 perto de 200 (74 de saída e 124 de entrada). Faz-se notar o número de mobilidades de estudantes, os quais têm vindo a crescer a um ritmo elevado, sobretudo por via dos acordos que o IPP tem celebrado com parceiros do Brasil.

s candidaturas ao Prémio de I&D, edição de 2018, terminaram no dia 31 de outubro. Foram recebidas três candidaturas que foram avaliadas pelo júri, constituído para o efeito, composto pelo Presidente do IPP e pelos Coordenadores e Subcoordenadores dos Núcleos de I&D da C3i. Após análise de um conjunto de critérios de avaliação, que teve em linha de conta as publicações e comunicações em encontros científicos; o desenvolvimento de projetos de I&D; a orientação e arbitragem de trabalhos e projetos; e as patentes registadas, o júri decidiu atribuir três prémios. Em 1.º lugar ficou o Investigador Paulo Ferreira, membro integrado do NIAS (Núcleo de Investigação em Agricultura Sustentável). Em segundo lugar ficou o Investigador Eliseu Monteiro, membro integrado do BEMS (Núcleo de Investigação em Bioenergia e Materiais Sustentáveis). E em terceiro lugar ficou o Investigador Valter Silva, membro integrado do BEMS. O valor dos prémios pode ser utilizado pelos investigadores para dinamizar a atividade de I&D do IPP. Neste sentido, à luz do regulamento em vigor, poderá ser utilizado para participação em congressos e ações de formação, aquisição de equipamentos e consumíveis, entre outros. O Prémio de I&D foi entregue no dia 26 de novembro, no âmbito das comemorações do Dia do IPP.

IPP participa em ações de captação de estudantes estrangeiros

N

o quadro da captação de estudantes internacionais, ao abrigo do respetivo Estatuto, o IPP desenvolveu um conjunto de ações concertadas, de que se destaca a participação em feiras internacionais, nomeadamente no Brasil. No âmbito do projeto Portugal Polytechnics, financiado pelo COMPETE 2020, coube ao IPP a organização logística da representação do ensino politécnico português nas Feiras do Estudante da Colômbia – Medellin, a 12 de abril de 2018 e Bogotá, 14 e 15 de abril de 2018. Na continuação do projeto, já sem financiamento do COMPETE 2020, o IPP participou nos Salões do Estudante do Rio de Janeiro e São Paulo, nas edições de março e de setembro de 2018. Embora estivéssemos integrados no stand do Portugal Polytechnics, o objetivo foi da divulgação específica da oferta formativa e condições oferecidas pelo IPP aos potenciais estudantes internacionais interessados na nossa instituição. Concorre, igualmente, para este desígnio o acolhimento de um grupo de estudantes de ensino médio (secundário) do nosso parceiro CEFET/ RJ, tendo em vista a divulgação da oferta formativa do IPP e o possível ingresso de estudantes desse nível de ensino no IPP, ao abrigo de um protocolo específico. Esta ação decorreu durante uma semana, de 8 a 13 de outubro. Realizaram-se visitas às diferentes Escolas, com sessões de demonstração de atividades em laboratórios e equipamentos, visitas a locais de interesse na região (Marvão, Campo Maior). Participaram 20 alunos, acompanhados pelo reitor e responsável pelas relações internacionais da instituição convidada. Também o acordo celebrado com a Embaixada da Guiné-Bissau em Lisboa visa o ingresso de estudantes deste país no IPP, em condições especiais. Refira-se que o número de estudantes com nacionalidade estrangeira, considerando todos os tipos e formas de ingresso, ultrapassou, em 2018, a centena.


Ações de mobilidade de estudantes e de pessoal docente e não docente do IPP passam a incluir parceiros do leste europeu

P

ela primeira vez, as ações de mobilidade do IPP passaram a incluir parceiros do leste europeu. Em resultado da sua participação no Consórcio Erasmuscentro, o IPP acolheu e enviou estudantes e pessoal docente e não docente para/da Federação Russa e Ucrânia.

Escolas do IPP participam em diversos projetos de cooperação académica internacional

A

s Escolas do IPP participam em vários projetos de cooperação académica internacional, sobretudo no âmbito do Programa Erasmus+, nas respetivas áreas de atuação. Em 2018, regista-se a participação em 7 destes projetos, que envolveram docentes e estudantes da Escola de Saúde, Escola de Tecnologia e Gestão e Escola de Educação e Ciências Sociais.

Organização Mundial do Turismo reconhece Observatório de Turismo Sustentável para o Alentejo/Ribatejo

IPP organiza primeira Semana Internacional conjunta

A

Semana Internacional do IPP, que, com esta abrangência, aconteceu, pela primeira vez na sua história, entre 14 e 18 de maio. Reuniu cerca de 40 participantes, entre docentes e não docentes dos nossos parceiros do Programa Erasmus+.

IPP concretiza primeiras duplas titulações

E

m resultado de negociações bilaterias institucionais que envolveram as direções e os órgãos de caráter científico, concretizaram-se em 2018, de forma inédita na história do IPP, as primeiras duplas titulações com instituições do Brasil, no caso a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e o Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, Rio de Janeiro (CEFET/RJ).

Ordem dos Enfermeiros atribui acreditação pioneira a curso da Escola Superior de Saúde

A O

Alentejo Sustainable Tourism Observatory (ASTO) foi reconhecido pela Organização Mundial do Turismo, passando a integrar a Rede Internacional de Observatórios de Turismo Sustentável, em janeiro de 2018. O projeto, que pretende monitorizar o desenvolvimento sustentável do turismo no Alentejo e Ribatejo, é suportado por uma parceria que envolve a Entidade Regional de Turismo do Alentejo, a Universidade de Évora, o Instituto Politécnico de Portalegre e o Instituto Politécnico de Santarém. O Politécnico de Portalegre responsabilizou-se pela produção do estudo sobre a perceção dos residentes face ao turismo no território do Alentejo, a primeira das nove áreas temáticas nas quais são produzidos indicadores para o sistema de informação do projeto. Este estudo é coordenado pela docente Eva Milheiro e integra na equipa as docentes Elisabete Rodrigues, Gorete Dinis e Adelaide Proença. O desenvolvimento e implementação do observatório preconiza o reconhecimento do turismo sustentável como um veículo para alcançar o desenvolvimento económico e social do território e constitui uma ferramenta fundamental para a identificação dos impactos económicos, sociais e culturais negativos que o turismo pode gerar e que devem ser monitorizados e geridos.

pós-graduação em Gestão em Saúde, da Escola Superior de Saúde, foi a primeira atividade formativa a obter a acreditação atribuída pela Ordem dos Enfermeiros. O processo de acreditação visa o reconhecimento para o desenvolvimento profissional do Enfermeiro, para efeitos de qualificação profissional. Neste caso, a conclusão da pós-graduação passou a resultar na atribuição de 3,5 créditos de desenvolvimento profissional (CDP) e de competência acrescida avançada em gestão. A ESS-IPPortalegre submeteu a candidatura a este processo para valorizar a sua formação e, consequentemente, potenciar a procura da pós-graduação. O curso de pós-graduação em Gestão em Saúde pretende dotar os estudantes de conhecimentos científicos e competências avançadas para o estudo e para a investigação no domínio da gestão de saúde, bem como para o desenvolvimento de aplicações práticas em áreas de gestão em unidades de saúde, gestão clínica e gestão do conhecimento em saúde, visando a qualificação para uma atuação profissional com aplicabilidade concreta e específica, que eleve o patamar do conhecimento existente neste campo.

FICHA TÉCNICA Edição Politécnico de Portalegre | Direção Albano Silva | Coordenação editorial Carlos Afonso | Redação Maria do Carmo Maridalho, Maria José Quarenta (ESECS-IPP), Carla Serra (ESTG-IPP), Dora Gonçalves (ESAE-IPP), Beatriz Costa Pinto (ESS-IPP), Catarina Dias (C3i), Cláudia Lopes (BioBIP) e Artur Romão (GEE) | Paginação Margarida Dias | Contactos Praça do Município, nº 11, 7300-110 Portalegre | Telef. 245 301 500 | Site www.ipportalegre.pt | E-mail geral@ipportalegre.pt

Profile for Instituto Politécnico de Portalegre

Portais 114-117 – Edição Especial 2018 – Boletim informativo do Politécnico de Portalegre  

Portais 114-117 – Edição Especial 2018 – Boletim informativo do Politécnico de Portalegre