Page 1

Boletim informativo do Instituto Politécnico de Portalegre N.º 112 | Ano 17 | 9/2017

“Acredito muito na família IPP”

Prof. Albano Silva assume presidência

O

novo presidente do Instituto Politécnico de Portalegre tomou posse na tarde de 12 de setembro. O Prof. Albano Silva iniciou o mandato de quatro anos, na sequência do processo de eleição realizado a 12 de junho e após homologação dos resultados, pelo ministro da tutela. No auditório dos Serviços Centrais, compareceram os membros do Conselho Geral, comunidade académica, representantes de entidades parceiras, membros do CCISP e inúmeros convidados, para assistir à passagem de testemunho da Presidência. “Ter a sala cheia de amigos da família IPP é um prazer imenso e um enorme voto de confiança de que caminharemos juntos e seremos

mais fortes. Ter aqui connosco tantos dirigentes da região, dos municípios, parceiros próximos do IPP, como empresas, organizações, agrupamentos de escolas e escolas secundárias da região, e demais instituições de natureza civil, militar e religiosa, dão-nos a certeza que continuaremos a aprofundar a nossa colaboração e fica o sinal que acreditam no IPP como vosso parceiro estratégico fundamental”, afirmou o novo presidente. O dirigente traçou o panorama do Instituto, as suas intenções, visão e posicionamento, que se consubstanciam em quatro objetivos estratégicos para o IPP, que fazem parte do programa de ação apresentado ao Conselho Geral (ver quadro). (continua na página 3)


2

PORTAL N.º 112 | 9/2017

OPINIÃO

FOI UMA HONRA PRESIDIR AO IPP!

Q

uero aproveitar mais esta oportunidade para agradecer a todos aqueles que, ao longo dos oito anos, me acompanharam. Fico grato a todos. A experiência que vivi na presidência do Instituto foi fruto da confiança que a comunidade académica do IPP e as personalidades externas depositaram em mim. A exigência do cargo moldou-me enquanto pessoa, afinou a minha orientação para o importante e, sobretudo, tornou-me mais responsável por todos e por tudo o que me rodeia. Hoje sou uma pessoa diferente. GRATIDÃO é a palavra que melhor exprime o sentimento que tenho por cada um, de dentro e de fora da comunidade académica. Como compreenderão, não posso deixar de realçar o apoio constante da minha família, decisiva em tantos momentos. Foi extraordinário trabalhar, em equipa, para o desenvolvimento e para a afirmação do IPP, instituição âncora do Alto Alentejo. OBRIGADO A TODOS.

Também quero renovar o desejo dos maiores sucessos à nova equipa da presidência e demais dirigentes do instituto e das escolas. Sei que a comunidade académica vai continuar unida na construção de um Politécnico cada vez melhor. Só com um Politécnico cada vez mais forte podemos ambicionar uma região mais desenvolvida, com mais pessoas, com mais emprego, com mais riqueza e com um património melhor preservado. O IPP é demasiado importante para a região, por isso não podemos abrandar a nossa entrega nem duvidar da nossa capacidade. Os desafios surgem a cada porta e requerem competências diversas. Só com o empenho de todos e com unidade é possível alcançar as metas que nos conduzem ao sucesso. EU ACREDITO na capacidade da comunidade académica do IPP e num futuro melhor para a nossa região! Por fim, quero dizer que continuo ao serviço do Instituto e do Ensino Superior. As funções que desempenhei nos últimos anos, quer no IPP quer no Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP) quer ainda noutras organizações nacionais e internacionais, não me deixam liberto de continuar a trabalhar e a pugnar por um IPP cada vez melhor, por um Ensino Superior mais inclusivo e de qualidade crescente. Contem sempre comigo para estes desígnios. OBRIGADO E ATÉ SEMPRE!. Prof. Joaquim Mourato Presidente cessante do IPP

ESTG e ESS integram novas parcerias estratégicas no âmbito do Programa ERASMUS+

O

IPP é parceiro de mais duas Parcerias Estratégicas Erasmus+ recentemente aprovadas: 3 Economy + e Correct It. O projeto 3Economy+ foi aprovado pela União Europeia, numa candidatura em consórcio europeu, integrado pelo Instituto Politécnico de Portalegre, a Universidade de Granada - Pólo de Melila (Espanha) e a Universidade de Malta (Malta). 3Economy+ pretende proporcionar um complemento da formação dos estudantes de cursos de Marketing e de Gestão, fornecendo competências adicionais nas áreas da Economia, Marketing, e Património e Turismo, aplicados às três regiões onde estão implantadas

as 3 Instituições de Ensino Superior públicas: Melilla, Alto Alentejo e ilha de Malta, desenvolvidos em parceria com empresas e instituições destas três regiões. A formação complementar integra uma parte científica aplicada, nas áreas atrás referidas, a par de uma formação linguística nas três línguas nacionais dos 3 países que integram este consórcio: Inglês, Português e Espanhol. O projeto prevê intercâmbio de estudantes e de professores para desenvolvimento das várias atividades e envolve igualmente empresas e instituições das 3 regiões do consórcio, proporcionando aos nossos estudantes oportunidades de estágios internacionais. (continua na página 11)


PORTAL N.º 112 | 9/2017

3

“Acredito muito na família IPP”

Prof. Albano Silva assume presidência (continuação da pag. 1)

A par do novo presidente, na sessão de tomada de posse intervieram o presidente do Conselho Geral (Eng. Hugo Hilário), o presidente cessante (Prof. Joaquim Mourato) e o presidente do CCISP (Prof. Nuno Mangas). “No dia em que termina o seu mandato de presidente do Instituto Politécnico de Portalegre, quero em nome de toda a família IPP, realçar, aqui e agora, o seu enorme empenho, inteligência, sentido estratégico, capacidade de trabalho e disponibilidade na condução do Instituto ao longo destes últimos oito anos”, reconheceu o Prof. Albano Silva, referindo-se ao seu antecessor, Prof. Joaquim Mourato. Anunciada a continuidade dos pró-presidentes para a Internacionalização, para a Investigação e para o Empreendedorismo e o Emprego (respetivamente, Prof. Carlos Afonso, Prof. João Emílio Alves e Prof. Artur Romão), o presidente do IPP anunciou e deu posse ao novo vicepresidente: Prof. Luís Loures. A sessão teve início ao som de bossa nova, com interpretações de Tom Jobim, pelo Grupetto Trio.

A nossa visão para o IPP passa exatamente por um Politécnico próximo e comprometido que seja âncora do desenvolvimento regional e que seja capaz de se autorrenovar criticamente.

* Prevemos um aumento gradual de alunos nos próximos anos, depois do decréscimo provocado pelo processo de Bolonha e pela crise económica e social que se iniciou em 2009.

* A nossa presidência será uma presidência extremamente atenta à família IPP. Os docentes, os funcionários não docentes e os alunos encontrarão sempre uma porta aberta para os ouvir e para os ajudar.

* Objetivos estratégicos do mandato

A comunidade académica conhece a nossa forma de estar. A lealdade, a coerência, a verdade, o comprometimento e a democracia serão valores de que não prescindiremos.

− Ter um ensino de qualidade e uma formação diferenciadora.

* − Ser uma comunidade de investigação e desenvolvimento tecnológico promotora de conhecimento e de respostas regionais inovadoras.

− Ser uma organização aberta com um ambiente internacional.

− Ter um Politécnico inclusivo e sustentável.

Temos que saber fazer regressar ao IPP os nossos diplomados com a sua experiência do mercado de trabalho, mas também os nossos aposentados, fontes de experiência e de vida inesgotáveis.

* O que formos capazes de refletir e de transformar ao longo deste mandato será decisivo para preparar a década de 2020 a 2030, uma década que vai ter um decréscimo demográfico acentuado, nomeadamente de jovens. Albano Silva


4

PORTAL N.º 112 | 9/2017

Docente da ESTG desenvolve projeto expositivo em espaço abandonado Acolhimento aos novos alunos

N

o dia 31 de agosto o docente Chuva Vasco (autor) desenvolveu o projeto expositivo em espaço abandonado. “É entre a natureza e a cultura que situamos a ruína, dela extraímos um passado que nos objetiva um futuro. Figura híbrida entre o mundo natural e artificial, realça a fragilidade das ações, como comportamentos humanos indissociáveis da tecnociência, e duma episteme contemplativa, por conseguinte, passiva. A ruína, e o memento mori, lembram-nos que somos apenas homens, e que morrer, é apenas o início de um processo melancólico.”

N

o dia 25 de setembro, pelas 10h, no Anfiteatro de Ensino da ESTG, decorreu a Sessão de Acolhimento aos novos alunos que ingressaram em 2017/2018 (Licenciaturas e CTeSP). Sejam bem-vindos aos melhores anos da vossa vida!

Docente da ESTG participa em cursos sobre Digital Media promovidos pela Universidade de Austin

ESTG presente na Feira de Enchidos, Queijo e Mel

E A

ESTG/IPP esteve presente entre 29 de julho a 6 de agosto na Feira de Enchidos, Queijo e Mel em Vila de Rei.

ntre junho e julho o nosso docente José Maia participou nos Cursos do DIGITAL MEDIA SUMMER INSTITUTE 2017 – UT AUSTIN – PORTUGAL Os cursos em questão centraram-se na construção de protótipos de narrativas multimédia em realidade virtual e realidade aumentada. Os cursos foram Lecionados por Simon Quiroz e Ben Bays professores da UT-AUSTIN no âmbito do projeto Digital Media Summer Institute desta Universidade.


PORTAL N.º 112 | 9/2017

5

Assinatura do Acordo de Parceria entre o Instituto Politécnico de Portalegre e a Fundação Cidade de AMMAIA

C

elebrou-se no passado dia 20 de julho, pelas 15:00h, no Museu Cidade de AMMAIA, a assinatura do acordo de parceria entre o Instituto Politécnico de Portalegre e a Fundação Cidade de AMMAIA, no quadro das ações comemorativas dos 20 anos desta Fundação. Com o principal objetivo de valorizar a importância deste património classificado que é a cidade romana de AMMAIA, este acordo traduz-se no apoio do Instituto Politécnico de Portalegre à Fundação Cidade de AMMAIA nas áreas do Turismo, da Comunicação e do Marketing, áreas nas quais informalmente se têm estado a dar os primeiros passos de colaboração, através da apresentação de propostas de trabalhos por parte de vários grupos de alunos. Para além deste momento, está também estabelecida, no âmbito deste acordo agora assinado, a formalização de uma associação com a designação de Grupo de Amigos da AMMAIA (GAA), a concretizar no início do novo ano escolar. O Acordo de parceria foi assinado pelo Professor Joaquim Mourato e pelo Professor Albano Silva, representantes do Instituto Politécnico de Portalegre e pelo Eng.º Carlos Melancia

DAM no Festival CINANIMA

e pelo Professor Carlos Fabião, representantes do Conselho de Administração da Fundação Cidade de AMMAIA. Seguidamente à assinatura deste acordo, realizou-se uma reunião, na qual se fez uma síntese das propostas e se apresentaram os resultados dos trabalhos sobre o tema “Fundação Cidade de AMMAIA” realizados pelos estudantes dos cursos de “Administração de Publicidade e Marketing”, “Design de Comunicação” e “Jornalismo e Comunicação - vertente de Comunicação Organizacional”, conjuntamente com um grupo de professores especialistas nas áreas de “Comunicação Digital”, “Marketing e Publicidade” e “Design de Comunicação”. Os trabalhos foram desenvolvidos no âmbito das unidades curriculares de “Oficina de Relações Públicas”, “Organização e Comunicação Online”, “Marketing Relacional” e “Projeto I” cujas propostas, tiveram como principal objetivo, relançar a marca AMMAIA nos mercados turísticos nacional e internacional e simultaneamente dar resposta aos desafios na área da comunicação. Também ali se estabeleceram novas linhas de ação para os próximos meses, não só relativamente ao apoio institucional, como também à definição de um plano de prioridades.

ESTG organiza Curso de Formação “Pharmaceutical Supply Chains”

em

O

IPPortalegre e a licenciatura DAM estão de parabéns! Dois dos filmes realizados pelos alunos no âmbito da cadeira de projeto foram selecionados no dia 14 de setembro pelo CINANIMA para a competição de filmes de escola. É a primeira vez que dois filmes da ESTG foram selecionados no mesmo ano. É também inédito o facto de um desses filmes ter sido selecionado para representar Portugal na competição internacional de escolas. “Mimesis”, realizado por Joana Freitas, Renilson Renner e Leonor Cortesão, e “A Viagem”, realizado por João Monteiro, Luís Vital e Ricardo Livramento, são os filmes em questão.

A

ESTG organizou o Curso “Pharmaceutical Supply Chains II”. Com enquadramento na Ação COST (Cooperação Científica e Tecnológica Internacional), esta segunda edição do curso decorreu de 3 a 7 de julho e reuniu professores, investigadores e estudantes interessados na temática.


6

PORTAL N.º 112 | 9/2017

IPP integra comissão organizadora e acolhe a “XI Workshop on Statistics, Mathematics and Computation”

14ª Edição do Concurso Poliempreende na BioBIP

A

A

Universidade Aberto, em conjunto com o Centro de Estatística e Aplicações da Universidade de Lisboa, o Instituto Politécnico de Portalegre, a Comissão ISI de Análise de Riscos, o ChicagoChec – Chicago Cancer Health Equity Collaborative, o Instituto Politécnico de Tomar e o Centro de Investigação em Matemática e Aplicações organizaram o Encontro Satélite ISI-CRA (em homenagem ao Professor David Banks) e o 11º Workshop sobre Estatística, Matemática e Computação (WSMC11). O workshop decorreu em Lisboa no dia 10 de julho e no campus IPP, de 11 a 12 de julho de 2017.

Jornadas de Enfermagem Veterinária

N

o passado dia 30 de setembro realizaram-se na Escola Superior Agrária de Elvas as Jornadas de Enfermagem Veterinária e que se destinaram principalmente a Enfermeiros Veterinários e estudantes de Enfermagem Veterinária. Os participantes tiveram a oportunidade de ouvir falar de temas como a hipertensão felina, o papel do enfermeiro no internamento do paciente cardíaco, e maneio e contenção de gatos e cães. As jornadas tiveram uma componente prática ministrada por Rui Máximo e Manuel Monzo – workshop de medição de pressão arterial em gatos – e Gonçalo da Graça Pereira e Sara Fragoso – Workshop de aplicação prática de diferentes metodologias de contenção. As jornadas foram organizadas pela Escola Superior Agrária de Elvas, com o apoio da Associação de Enfermeiros Veterinários Portugueses, a Sociedade Portuguesa de Cardiologia Veterinária e da CEVA.

Regional

do

BioBIP – Bioenergy and Business Incubator of Portalegre acolheu, no dia 7 de julho, a apresentação dos projetos ao Concurso Regional Poliempreende. A 14ª edição do concurso de ideias e de planos de negócios admitiu sete candidaturas, oriundas das quatro escolas do IPP: ESAE, ESTG e ESS, que foram apresentadas ao júri, composto por 6 elementos, em representação dos patrocinadores dos prémios regionais e de outras entidades com atividade e importância regional no domínio do empreendedorismo: – Presidente do júri: Albano Silva – Vice-presidente do Politécnico de Portalegre – Francisco Neves da Costa – Diretor Regional da Caixa Geral de Depósitos de Portalegre – Carlos Nogueiro – Primeiro-secretário da Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo – Jorge Pais – Presidente do Núcleo Empresarial da Região de Portalegre – Sandra Cardoso – Diretora do Serviço de Emprego e Formação Profissional de Portalegre – Artur Romão – Pró-presidente para o Empreendedorismo e Emprego do Politécnico de Portalegre Após todas as apresentações, o júri reuniu para análise, discussão e classificação dos projetos que tendo chegado à seguinte classificação: 1º Classificado – Projeto NeuroM, de Liliana Chaves Gonçalves, aluna do curso de mestrado de Gerontologia da ESS e ESECS; 2º Classificado – Projeto Alpha Pets, de Cristiana Virgínia de Sousa Lopes Pombinho, aluna da licenciatura de Enfermagem Veterinária da ESAE; 3º Classificado – Projeto Mercado Português, de Nuno Miguel Raposo Mendes e Pedro Alexandre Oliveira Garraio, alunos da licenciatura de Administração de Publicidade e Marketing da ESTG. O Poliempreende é uma iniciativa que visa avaliar e premiar projetos desenvolvidos e apresentados por alunos e diplomados das instituições politécnicas, admitindo-se a participação de docentes ou de outras pessoas, desde que integrem equipas constituídas por estudantes e/ou diplomados. Este projeto é constituído por todas as instituições politécnicas públicas do país e por escolas superiores não integradas e escolas politécnicas das universidades. O concurso tem uma componente regional e outra nacional. A nível regional, cada instituto politécnico promove um conjunto de iniciativas que culminam com a atribuição de prémios aos três melhores projetos apresentados. Os projetos vencedores em cada instituição foram submetidos ao concurso nacional. A vencedora do concurso regional, Liliana Gonçalves, representou Portalegre, no concurso nacional que teve lugar em setembro, em Bragança. É um projeto concebido para promover a mudança de atitudes dos atores académicos, induzindo-os a incorporar nas suas atividades regulares o desenvolvimento e a aplicação de métodos para a valorização do conhecimento gerado no sentido da assimilação do espírito empreender, contribuindo paralelamente para o enriquecimento curricular dos participantes.


PORTAL N.º 112 | 9/2017

IAPMEI visita empresas incubadas na BioBIP

O

IAPMEI colaborou com empresas da BioBIP a 11 de julho de 2017. Etelvina Nabais, chefe de Departamento do Centro de Apoio Empresarial do Sul da Direção de Proximidade Regional e Licenciamento do IAPMEI, e José Reis Malta, responsável dos serviços da extensão de Évora realizaram várias reuniões individuais com as empresas e projetos incubados. Destes encontros resultou um maior conhecimento da realidade das empresas incubadas, sendo apresentado aconselhamento, relativamente às diversas possibilidades de apoio a que podem aceder.

Projeto EUROACELERA lançado em Espanha

7

IPP participa na Volta ao Conhecimento 2017

O

Instituto Politécnico de Portalegre foi uma das instituições de Ensino Superior que integrou a iniciativa “Volta ao Conhecimento”, no âmbito da 79ª Volta a Portugal em Bicicleta, no dia 6 de agosto de 2017. Numa participação coordenada pelo GEE, o IPP esteve presente num stand, em conjunto com a Universidade de Évora e o Instituto Politécnico de Castelo Branco, em que deu a conhecer aos visitantes a sua oferta formativa, bem como os projetos presentes na sua Incubadora de ideias e negócios: BioBIP In. A Volta ao Conhecimento integrou o programa da RTP Há Volta, que incluiu no dia 6 de agosto uma entrevista ao diretor da Escola Superior de Tecnologia e Gestão e responsável pela BioBIP Energia, Paulo Brito, onde divulgou o BE4ALL, um dispositivo que se adapta a bicicletas e as transforma em bicicletas elétricas, um projeto da empresa incubada BE4ALL. Também a empresa Ecrã cúbico esteve presente com demonstrações utilizando os óculos de visão a 360º.

Marvão lança 4º Concurso Municipal de Ideias de Negócio de Marvão

R

ealizou-se a 5 de julho, em Badajoz, a primeira reunião do lançamento do Projeto de Cooperação Transfronteiriço EUROACELERA. No encontro participaram as 14 entidades que fazem parte do projeto, sendo o objetivo principal desenvolver e promover a cultura do empreendedorismo entre estudantes do ensino superior. Pretende-se atrair jovens talentos, proporcionando uma oportunidade para a concretização de ideias para negócios inovadores e tecnológicos. Do projeto fazem parte nove entidades espanholas e cinco portuguesas. Os parceiros espanhóis são Extremadura Avante, a Direcção-Geral das Empresas e da Competitividade da Junta da Extremadura, FUNDECYTPCTEX, a Direção-Geral de FP e da Universidade da Junta da Extremadura, o Instituto da Juventude da Estremadura, o Instituto da Mulher da Estremadura, a Associação de Jovens Empresários e Empregadores de Estremadura, duas empresas privadas estremenhas Sunhunter Investimento e conector IDE; os parceiros portugueses são a Associação Nacional de Jovens Empresários, o Instituto Politécnico de Leiria, o Instituto Politécnico de Portalegre, o Instituto Pedro Nunes e a Universidade de Évora. O projeto EUROACELERA é cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional através do Interreg V-A Cruz Border Programa de Cooperação Espanha-Portugal 2014-2020.

O

Município de Marvão apresentou, a 6 de julho, na Casa da Cultura de Marvão a 4ª edição do Concurso de Ideias de Negócio de Marvão. Uma iniciativa, promovida pela autarquia e Conselho Municipal da Juventude, em colaboração com a ADRAL – Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo e que tem como paceiro o Instituto Politécnico de Portalegre que oferecerá um ano de incubação gratuita, na BioBIP, ao projeto vencedor, seis meses ao 2º classificado e três meses ao 3º classificado. Este concurso pretende incentivar a população a apresentar ideias ou projetos inovadores, de forma a fomentar a criação de novos negócios e empresas que contribuam, simultaneamente, para o crescimento e desenvolvimento da economia local. Podem concorrer pessoas singulares, individualmente ou em grupo, bem como pessoas coletivas, com uma ideia de negócio que se enquadre nos objetivos do concurso. As candidaturas continuam abertas até ao dia 31 de dezembro de 2017.


8

PORTAL N.º 112 | 9/2017

Empreendedorismo do IPPortalegre destaca-se em Bragança

A

vencedora do prémio regional do Poliempreende, Liliana Gonçalves e os membros do Gabinete de Emprego e Empreendedorismo do Politécnico de Portalegre participaram na semana do empreendedorismo que decorreu em Bragança de 11 a 15 de setembro. Ao longo desta semana o projeto PIN (Polientrepreneurship Inovation NetWork) levou até ao Instituto Politécnico de Bragança 38 jovens empreendedores de todo o país com 19 projetos inovadores que se apresentaram ao concurso nacional da 14.ª edição do Poliempreende. Os primeiros dias forma dedicados às atividades de caráter sóciocultural e de descoberta da região. Seguiram-se os workshops de desenvolvimento das competências empreendedoras dirigidos aos elementos da rede politécnica e às equipas concorrentes e, nos últimos dias, foram apresentados os projetos finalistas e a eleição do vencedor pelo júri nacional do Poliempreende.

BioBIP participa na Feira Agrícola de Portalegre

A

Feira Agrícola de Portalegre decorreu de 15 a 17 de setembro na Associação de Agricultores de Portalegre. Coube ao GEE e à ESAE a dinamização da representação do Instituto Politécnico de Portalegre, participando com um stand onde foram divulgados os serviços prestados pela BioBIP, pelos laboratórios da ESAE e da ESTG e onde se divulgou a oferta formativa de todo o IPP.

BioBIP acreditada para prestação de serviços de incubação

Constituído grupo de “Economia Circular” no IPPortalegre

N

a sequência do I Fórum de Economia Circular do Alentejo, realizado no dia 5 de junho de 2017, nas instalações da CCDR Alentejo, em Évora, foi criado um grupo no seio do Instituto Politécnico de Portalegre que trata a temática da Economia Circular nas suas múltiplas vertentes. A importância da definição de uma estratégia do próprio IPPortalegre para esta área está inerente ao desafio lançado pelo Ministério do Ambiente através do Plano de Ação para a Economia Circular e da sua consubstanciação no Projeto Regional para a Economia Circular dinamizado pela CCDRA. O Instituto, através das suas escolas, e, principalmente, a partir das suas ligações às vertentes da bioenergia, da agroindústria, da produção agrícola e desenvolvimento do território, assume-se como um parceiro com competências claras nos domínios da ciência e da tecnologia. A primeira reunião do grupo de arranque ocorreu no passado dia 12 de setembro nas instalações da BioBIP e juntou 8 docentes das várias escolas do IPP. Houve oportunidade de identificar as áreas em que existem já projetos que se integram nas ações previstas pelo Plano de Ação governamental e temáticas em estudo por parte de alguns dos investigadores do IPP. Os participantes na reunião, dinamizada por Rui Pulido Valente, assumiram o compromisso de preparação de uma proposta de plano de ação até ao final do mês de outubro, para apresentação superior.

P

ortalegre passa a integrar o conjunto de entidades acreditadas para a prestação de Serviços de incubação – Vale Incubação. Tal acreditação, conferida mediante deliberação conjunta proferida pelo Turismo de Portugal e pelo IAPMEI, surge na sequência de uma candidatura submetida pelo GEE/BioBIP ao Aviso 16/SI/2017. Fica assim a BioBIP habilitada a que os seus incubados, atuais ou futuros, que se enquadrem nas áreas das indústrias criativas e culturais ou em setores com maior intensidade na aplicação de tecnologia e do conhecimento ou ainda que valorizem a aplicação de resultados de I&D na produção de novos bens e serviços, e que se candidatem, junto do IAPMEI, aos Vales incubação, sendo aprovados, possam beneficiar de apoios financeiros ao abrigo do programa Portugal 2020. Os Vales incubação destinam-se a apoiar as startups na contratação dos serviços de incubação, até um máximo 5000 euros, junto das Incubadoras acreditadas da Rede Nacional de Incubadoras com Programas de Incubação, reconhecimento que agora a BioBIP obteve.


PORTAL N.º 112 | 9/2017

III Feira de Emprego da ESS-IPP

Mobilidade de estudantes da ESS em Macau

D

O

ecorreu no dia 7 de julho mais uma Feira de Emprego para os recém-licenciados em enfermagem, onde foram apresentadas ofertas de emprego para algumas unidades de saúde da região e também para a Irlanda, EUA, Arábia Saudita, Inglaterra, Bélgica e Alemanha.

Início dos seminários de formação no âmbito do Projeto EmpAct

s estudantes de Enfermagem Ana Rita e António Barbosa, fizeram mobilidade no Instituto Politécnico de Macau, ao abrigo de um protocolo entre o CCISP e o Instituto Politécnico de Macau. No caso, os dois estudantes do IPP realizaram estágio no Hospital Conde de S. Januário.

CTeSP em Proteção Civil

N E

nquadrados no projeto EmpAct (Empower Active Ageing), financiado pelo Programa Erasmus+, e de que o IPP é parceiro, tiveram início os seminários de formação em Tecnologias de Informação, Empreendedorismo e Competências Sociais. Dirigidos a adultos com mais de 50 anos, estes seminários decorreram na ESTG, sob responsabilidade das docentes Mónica Martins e Maria José Varadinov, num total aproximado de 40 horas.

9

o seguimento do protocolo de colaboração entre o Instituto Politécnico de Portalegre e o Instituto Politécnico de Castelo Branco, teve lugar no Aeródromo Municipal de Ponte de Sor, a apresentação do Curso Técnico Superior Profissional em Proteção Civil, que irá funcionar na cidade de Ponte de Sor, com o apoio do município local. A ESS-IPP continua com a oferta formativa do CTeSP em Proteção Civil e Socorro em Portalegre, mas coopera também neste CTeSP.


10

PORTAL N.º 112 | 9/2017

NOVOS DOUTORADOS DO IPP

Conceição Cordeiro (docente da ESECS) No dia 25 de setembro realizaram-se as provas de doutoramento no ramo de Belas-Artes, especialidade Pintura, da docente Maria da Conceição Torres Cordeiro (ESECS), na Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa. A tese defendida tem por título: “O Processo Criativo da Pintura num Contexto Cultural Híbrido. Imaginários Ancestrais e Primitivos” e contou com o seguinte júri: Presidente: Doutora Isabel Sabino, Professora Catedrática e Diretora da Área de Pintura da Faculdade de Belas-Artes da Universidade de

Lisboa. Vogais: Doutor Vítor Manuel Oliveira da Silva, Professor Associado da Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto (1º arguente); Doutor Luís Herberto de Avelar Borges Ferreira Nunes, Professor Auxiliar da Faculdade de Artes e Letras da Universidade da Beira Interior (2º arguente); Doutor João Paulo Gomes de Araújo, Professor Auxiliar da Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa; Doutor Ilídio Óscar Pereira Sousa Salteiro, Professor Auxiliar da Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa (orientador), com a qualificação de Aprovada com Distinção.

Participação em Congressos, Seminários, Conferências, Provas para Atribuição do Titulo de Especialista Apresentação de poster Study of the impact with the implementation of the Manual: “Having ideas to Change the world”, to educate for entrepreneurship for children 3 to 12 years old (Cristina Guerra, Gastão Marques, Dionísia Gomes e Carlos Pêpe) at the 15th European Congress of Psychology, 11 – 14 July 2017, RAI Amsterdam, The Netherlands. Margarida Coelho, em colaboração com os Professores Maria del Carmen Arau Ribeiro (IPGuarda), Margarida Morgado (IPCBranco) e Manuel da Silva (IPP-ISCAP) apresentaram a comunicação intitulada “Desafios e barreiras na formação de formadores CLIL no Ensino Superior em blended learning” no 4º Congresso Nacional de Práticas Pedagógicas no Ensino Superior, CNaPPES 2017, que decorreu na Escola Superior de Ciências Empresariais do Instituto Politécnico de Setúbal, nos dias 13 e 14 de julho de 2017. O Professor Joaquim Mourato participou nos seguintes encontros/ simpósios:

Especialista na Área Audiovisual e Multimédia

– Ciência 2017 – Encontro com a Ciência e Tecnologia em Portugal, 3 a 5 de julho 2017, Centro de Congressos de Lisboa, Portugal. – The 9th Annual International Symposium on University Rankings and Quality Assurance 2017, 22nd June 2017, Brussels, Belgium. O professor Joaquim Mourato foi também convidado a proferir a Oração de Sapiência na Sessão Solene XXXVII Aniversário do Instituto Politécnico de Santarém, que decorreu na Escola Superior de Desporto de Rio Maior, no dia 6 de junho de 2017, tendo desenvolvido o tema “O Ensino Superior Politécnico em Portugal. Caminhos percorridos e a percorrer”. O Professor J. Mourato foi ainda coautor da seguinte publicação: Mourato, J., Alves, J., Morais, F., Mourato, I., Silva, A. e Quarenta, M., (2017), Sistemas de Garantia da Qualidade no Ensino Superior em Portugal acreditados pela A3ES. Convergências e Divergências. Evaluación de la Calidad de la Investigación y de la Educación Superior: Libro de Resúmenes XIV FECIES. ISBN 978-84-697-2781-2 . pg. 407.

Delegação do CEFET/Rio de Janeiro visita IPP

U D

ecorreram na ESTG/IPP no passado dia 14 de setembro, as provas públicas para Atribuição do Título de Especialista na Área Audiovisual e Multimédia do candidato José da Graça Gomes Maia tendo o mesmo sido aprovado por unanimidade.

ma delegação do CEFET/Rio de Janeiro, composta pelo diretor-geral (equivalente a reitor), a diretora de relações internacionais e o diretor académico do campus de Angra dos Reis, visitou o IPP de 9 a 11 de julho. Em discussão estiveram algumas ações de cooperação em curso, como é o caso de uma dupla titulação em Administração/Gestão, o desenvolvimento de investigação na área da bioenergia bem como o intercâmbio de estudantes. Do programa da visita constou uma reunião em ESAE e outra na ESTG, Escolas com as quais se iniciou a cooperação com esta instituição de ensino superior do Brasil.


PORTAL N.º 112 | 9/2017

11

INVESTIGAÇÃO NO IPP Workshop: Construção de Questionários e Recolha de Dados Online

D

ecorreu, no dia 13 de julho, na Escola Superior de Tecnologia e Gestão, o Workshop: Construção de questionários e recolha de dados online, dinamizado pela investigadora do N-CSHS, Professora Doutora Ana José. O workshop, que contou com a presença de 17 participantes, teve

como objetivos principais: abordar o processo de construção de um instrumento de recolha de dados online, através da utilização do google forms, e consequente processo de recolha dos dados; abordar algumas metodologias de tratamento dos dados, partindo da base de dados gerada pelas respostas, com a utilização do programa SPSS.

ESTG e ESS integram novas parcerias estratégicas no âmbito do Programa ERASMUS+ (continuação da pag. 2)

O projeto inicia-se já neste ano letivo e tem a duração de 3 anos. Pela ESTG-IPPortalegre integram o projeto os professores Helena Cameron, Carolina Santos, Paulo Canário e Ana José; pela Faculdad de Ciencias Sociales de Melilla da Univ. de Granada, participam os professores Miguel Montero, Pérez, Beatriz Cortina e Gemma Perez; pela Universidade de Malta, Giuseppina Cardia e Andrew Jones. A candidatura agora aprovada foi submetida em Espanha pela Universidade de Granada, que coordena o projeto. O IPPortalegre tem já um considerável histórico de cooperação internacional com esta Universidade, em várias áreas científicas, envolvendo intercâmbios de alunos para estudos e estágios e intercâmbio de docentes, além de cooperação científica desenvolvida por docentes do IPP com docentes da Universidade de Granada. Por seu lado, o grande objetivo do projeto CORRECT IT! é a prevenção da obesidade. De acordo com o Plano de Ação da UE sobre Obesidade Infantil 2014-2020, a proporção da população nos países da UE com excesso de peso ou obesidade permanece preocupantemente elevada em adultos, crianças e jovens, apesar dos esforços a nível europeu para reverter a tendência crescente (Plano de Ação da UE sobre Obesidade Infantil 2014-2020, p.2). As implicações do excesso de peso e da obesidade na Europa são críticas: a prevalência da obesidade mais do que triplicou em muitos países europeus desde a década de 1980 e com esse aumento vem um aumento concomitante das taxas de doenças não transmissíveis associadas. De acordo com a Iniciativa de Vigilância da Obesidade Infantil da OMS (COSI), cerca de 1 de cada 3 crianças da UE com idade entre 6-9 anos de idade tinham peso a mais ou obesidade em 2010. Este é um aumento preocupante em relação a 2008, quando as estimativas eram de 1 em 4. CORRECT IT! contribuirá para a erradicação deste importante problema global com os seguintes resultados esperados: análise de

um conceito de estilo de vida saudável e recolha de boas práticas, currículos de prevenção de obesidade e currículo de estilo de vida saudável, criação de uma plataforma e materiais em blended learning para prevenção de obesidade de e de promoção de estilos de vida saudáveis. O projeto criará também um conjunto de formadores dos 5 países participantes e pilotará a formação a nível internacional e local com 424 formandos entre os 3 grupos-alvo que adquirirão conhecimentos, competências e ferramentas para transmitirem mensagens claras sobre dietas saudáveis e nutrição, atividade física, prevenção de obesidade e doenças metabólicas e comportamento não discriminatório em relação às pessoas obesas ou com excesso de peso. Os grupos-alvo do projeto CORRECT IT! são enfermeiros, assistentes sociais e professores, que são profissionais adequados para abordar com sucesso a questão da prevenção da obesidade e promover um estilo de vida saudável, levando em consideração seu papel no aconselhamento e promoção de hábitos de vida saudáveis. Os parceiros do projeto são universidades, organizações profissionais, centros de pesquisa e ONG da Romênia, Itália, Lituânia, Portugal e Noruega. As atividades de disseminação, os eventos de conscientização e os materiais elaborados durante a implementação do projeto contribuirão para a prevenção e promoção de um estilo de vida saudável entre grupos-alvo, pacientes, beneficiários, crianças, adolescentes, adultos, autoridades públicas, outras partes interessadas. O projeto tem a duração de dois anos e um orçamento de 263.651 EUR. As Parcerias Estratégicas constituem uma das ações do Programa Erasmus+ e destinam-se à abordagem das prioridades definidas a nível nacional ou europeu nas áreas do ensino superior, ensino e formação vocacional, educação escolar, educação de adultos ou juventude.


CCISP e Gabinete de Apoio ao Ensino Superior de Macau celebram protocolo

Estudantes de Macau veem possibilitado o ingresso nos Politécnicos portugueses

O

Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP) e o Gabinete de Apoio ao Ensino Superior (GAES) da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) celebraram um protocolo de cooperação que possibilita a receção de estudantes macaenses nos politécnicos portugueses, já no próximo ano letivo. O acordo estabelece que o GAES disponibilize os resultados dos exames unificados de acesso ao ensino superior e emita os devidos comprovativos de realização de exame dos estudantes

que pretendam ingressar numa instituição portuguesa de ensino superior politécnico. Já ao CCISP compete divulgar os resultados dos exames aos seus afiliados, selecionar os candidatos e notificálos sobre os resultados das suas candidaturas. O protocolo foi assinado no dia 21 de setembro, em Leiria, perante representantes de várias instituições politécnicas e uma comitiva do GAES RAEM, composta por dirigentes das instituições de ensino superior de Macau. Em representação do Instituto Politécnico de Portalegre esteve presente o presidente, Prof. Albano Silva.

FICHA TÉCNICA Edição Instituto Politécnico de Portalegre | Direção Albano Silva | Coordenação editorial Carlos Afonso | Redação Maria do Carmo Maridalho, Maria José Quarenta (ESECS-IPP), Carla Serra (ESTG-IPP), Dora Gonçalves (ESAE-IPP), Beatriz Costa Pinto (ESS-IPP), Catarina Dias (C3i), Cláudia Lopes (BioBIP) e Artur Romão (GEE) | Paginação Margarida Dias | Contactos Praça do Município, nº 11, 7300-110 Portalegre | Telef. 245 301 500 | Site www.ipportalegre.pt | E-mail geral@ipportalegre.pt

Portal 112 – Boletim informativo do Instituto Politécnico de Portalegre  
Portal 112 – Boletim informativo do Instituto Politécnico de Portalegre  
Advertisement