Issuu on Google+


Atividades-chave:

Principais responsabilidades:

Finanças

- Desenvolver e executar estratégias de financiamento - Gerir riscos dos investimentos financeiros e o fluxo de caixa consolidado das operações correntes

Relação com Investidores

Contabilidade e controladoria corporativa

- Manter estratégias de comunicação com investidores e estabelecer-se como ponto único de contato para consultas provenientes de atuais e futuros investidores - Liderar o processo de orçamento das unidades - Desenvolver e aplicar padrões de contabilidade de custos e investimentos - Estabelecer os padrões de relatórios contábeis e gerenciais para controle dos resultados das operações

Atividades-chave:

Principais responsabilidades:

Gestão de Riscos

- Desenvolver e implementar estratégias de Gestão de Riscos e coordenar as atividades de avaliação e mitigação dos riscos associados aos processo de negócios e de operações - Coordenar o Comitê de Gestão de Riscos e Auditoria - Elaborar, implementar e monitorar a política corporativa de gestão de crises

Compliance

- Implementar um processo corporativo de monitoramento das atividades críticas de negócio e de operações

Auditoria Interna

- Elaborar e coordenar a execução do Plano de Auditoria Interna - Coordenar as atividades da auditoria externa - Auxiliar a Gestão de Riscos na avaliação e priorização dos riscos, bem como na elaboração dos planos de mitigação - Coordenar análises críticas (due diligence) nos processos de fusão e aquisição (M&A)


Inventário completo e atualizado Levantamento contempla emissões de todas as operações da empresa no ano passado Acaba de ser concluído o mais completo e atualizado inventário de emissões de gases de efeito estufa (GEE) nas Unidades de Negócio Brasil e Argentina. O levantamento, que contemplou as operações de Cimento, Concreto, Ferrosur e Recycomb, aponta que atingimos as metas previstas para 2010 e continuamos bem posicionados em relação à indústria mundial de cimentos, com índices melhores que a média internacional do CSI – Cement Sustainability Initiative. A produção de cimento responde por cerca de 5% das emissões de GEE provenientes de atividades humanas. A InterCement, no entanto, como parte do seu firme compromisso com a sustentabilidade, tem colocado em prática diversas iniciativas para reduzir gradualmente as emissões nas suas operações e, com isso,

apresentar padrões de excelência cada vez melhores nessa área. “Seis frentes de mitigação, formadas por profissionais de diversas áreas, estão trabalhando intensamente para buscar soluções que ajudem a reduzir nossas emissões. O trabalho é contínuo e temos ainda muitos desafios pela frente, mas é animador constatar que as ações estão surtindo efeito”, destaca Seiiti Suzuki, Consultor Técnico Especialista de Sustentabilidade/ Pesquisa & Desenvolvimento. Nas páginas a seguir, acompanhe os resultados do inventário de emissões de GEE em 2010. Leia também na página 8 sobre outra importante conquista da InterCement: estamos cumprindo a maior parte dos compromissos assumidos na Agenda Climática do Grupo Camargo Corrêa. E vamos seguir avançando!

novAs iniCiAtivAs Além das seis frentes de mitigação, voltadas a reduzir o impacto das emissões de GEE nas operações da InterCement, a empresa está começando a acompanhar de perto outras emissões que fazem parte das suas atividades: Agregados • No próximo inventário, relativo ao ano base 2011, serão incluídas as emissões da operação de agregados na Argentina e no Brasil. Viagens aéreas • Serão estimadas as emissões por viagens aéreas a serviço da empresa.

InterCement

02

Essa medição não é obrigatória para a indústria de cimentos, mas ela tem caráter educativo e também representa uma boa prática empresarial. Transporte rodoviário • Começarão a ser mensuradas as emissões no transporte rodoviário e marítimo de matérias-primas e insumos das fábricas de cimento e concreto. Neste caso, também não se trata de item mandatório, mas é igualmente considerado boa prática empresarial. As medições ajudarão a gerir e a influenciar positivamente a cadeia de logística.


Cimento AR - BR

03


Cimento Brasil

04


Cimento Argentina

05


Ferrosur

06


Concreto

Recycomb

Compromissos cumpridos Dos 9 compromissos da Agenda Climática, estabelecida há um ano e meio pelo Grupo Camargo Corrêa, a InterCement já apresenta avanços significativos em 8. “A InterCement, assim como outras empresas do Grupo, tem avançado na elaboração de inventários de GEE e planos de gestão de carbono. A velocidade e o rigor técnico com que a InterCement vem cumprindo os compromissos da Agenda Climática demonstram seu sólido comprometimento com a sustentabilidade”, destaca Ciro C. Fleury, da área de Sustentabilidade da CCSA.

Agenda Climática

Exemplos de iniciativas da InterCement

Incluir no planejamento estratégico, nas decisões de negócio e de investimento alternativas que minimizem as emissões de GEE e capturem oportunidades de negócios.

A Intercement possui meta de emissão específica e um planejamento de longo prazo com indicadores e investimentos representado pelo RoadMap Tecnológico de Mudanças Climáticas.

Realizar inventários periódicos de emissões e divulgar seus resultados, estabelecendo metas de redução.

Já concluímos os inventários de 2007, 2008, 2009 e 2010 e divulgamos regularmente os resultados em nosso website, ao CSI e Relatório Anual.

Buscar, continuamente, a redução de emissões específicas (por unidade de produto) em nossos processos, produtos e serviços, por meio da racionalização dos recursos e do uso de insumos sustentáveis (energia e matérias-primas).

Temos um RoadMap com 6 frentes de mitigação de GEE (Adições, Coprocessamento, Eficiência Energética, Concreto, Transporte Ferroviário e Novas Tecnologias), cada uma com metas aplicáveis e específicas para reduzir emissões.

Investir em iniciativas de reutilização e armazenamento de carbono.

A empresa está buscando parcerias com instituições de pesquisa para desenvolver projetos de P&D relativo à biofixação de carbono por micro-organismos (ex.: algas).

Investir em atividades de reflorestamento e utilização de insumos de manejo florestal sustentável e apoiar ações de redução de desmatamento e degradação, valorizando a floresta em pé.

A Intercement está realizando estudos de viabilidade para produção de biomassa (reflorestamento) na fazenda Gleba Campão, em Bodoquena, e busca uma oportunidade similar nas proximidades da fábrica de Catamarca.

07


Agenda Climática

Exemplos de iniciativas da InterCement

Participar de iniciativas em parceria com a sociedade civil, centros de pesquisa e setores público e privado que visem à inovação sustentável para superar os desafios de mitigação e adaptação às mudanças do clima.

A InterCement possui um convênio de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) com a UFMG – Universidade Federal de Minas Gerais para o desenvolvimento da nanotecnologia aplicada ao cimento.

Conscientizar o público interno para que adote atitudes de consumo consciente, e capacitálo para capturar oportunidades de negócios e gerenciar riscos associados às mudanças climáticas.

Foram treinados mais de 120 profissionais em diversas fábricas de cimento entre os meses de fevereiro e março. Os profissionais da Ferrosur e Concreto também receberão o treinamento sobre Mudanças Climáticas até o final de 2011.

Atuar na cadeia de valor, incluindo a variável carbono como diferencial competitivo na compra de insumos e na venda de produtos e serviços, influenciando clientes e fornecedores.

[neste quesito esforços]

Contribuir para a formação dos marcos regulatórios e das normatizações nos âmbitos federal, estadual, municipal, setorial e outros.

A Intercement participa de fóruns internacionais, como o CSI (Cement Sustainability Initiative) e FICEM (Federación Interamericana de Cemento), e atua em iniciativas como “Empresas pelo Clima” da FGV (Fundação Getúlio Vargas), Fórum Clima (secretariado pelo Instituto Ethos) e do Grupo de Trabalho de Mudanças Climáticas da ABCP (Associação Brasileira de Cimento Portland).

ainda

devemos

concentrar

“A InterCement agradece aos gerentes das fábricas de cimento, gerentes de operações de concreto, Ferrosur e Recycomb e especialmente aos responsáveis pela busca pelas informações. A qualidade de nosso inventário tem sido atestada pelas certificações de terceira parte, aonde os desvios encontrados no resultado corporativo tem sido ao redor de 1%”.

Operações

Responsável pela Coleta 1

Responsável pela Coleta 2 Responsável pela Coleta 3

UN ARGENTINA Barker Catamarca Lamali Olavarria Ramallo Sierras Bayas San Juan Zapalla Lomax Lomax Recycomb Ferrosur Ferrosur

Roberto Belocchi Mauricio A. Nóblega Alvaro Grande Alexis Ezequiel Sbardolini Flavio Enrique Zarate Emiliano Rueda Paula Strada Leonardo Hernandez Marcelo Orlando Macchiaroli Pamela Rodriguez Cuenca Maria Andrea Cucchi Antonio Cesar Rago Alejandro Arguello

Facundo J. Betbeder Enrique Barrio Ernesto Acosta Ariel Bacci Martín Román José Markievich Gastón Fornasier P. Bonini Edberto Herrera Horacio Guerras

Gustavo Calcinelli

Carlos Morcillo Horacio Daniel Rodriguez D. Mantegna Cecilia Kessler Claudio Filardo

UN Brasil Apiaí

Edson Scarabelo

Bodoquena

Adrião Pires de Paz Filho

Ijaci

Diogo Valerio Borges

Jacareí Pedro Leopoldo Santana do Paraíso Suape Concreto

Cristiano Ferraz Aline Cristine Barbosa Evandro Domingues Fabricio da Silva França Cybelle Maria Brito da Silva Gabriel Portela Senarezi

Nilton Aparecido Oliveira Amurim Christianne Maciente Silvino Silva

Suelba Souza Soares

Roberto Maia Costa Lucas da Silva Souza Gilberto Terra da Silva

Marco Túlio Lima Nessralla

InterCement Sustentabilidade

08

Ingrid de C. Vompean Fregonez Seiiti Suzuki

Ricardo Mastroti


Revista Integraçao Ed. 15 + Encarte Ed. 15