__MAIN_TEXT__

Page 1

Ci d

ada n

Ativ ism o Info rma ção

ia


SUMÁRIO

Expediente: Editorial Participação, mobilização e articulação, portas abertas para 2012. Pag. 2 Aconteceu Retrospectiva 2011 Vida Nova Pag. 3 - 7 Entrevista Câncer e AIDS Pag. 8 Notícias O que é PEP O serviço onde você se trata não te Escuta! Vacina experimental contra a AIDS protege 83% de macacos em testes. Emílio Ribas ganha novo ambulatório e centro para teste rápido de HIV. Ministro da Saúde considera correta avaliação popular sobre desempenho do SUS que afirmam ser ruim ou péssimo. Duas mil academias da saúde vão ser construídas em 1.828 municípios no Brasil. Pag. 9 - 10 Conheça o Instituto Vida Nova Pag. 11

As matérias assinadas são de responsabilidade dos autores.

O Boletim Vida Nova é uma publicação do Instituto Vida Nova Integração Social Educação e Cidadania. Rua Professor Assis Veloso, 226 – São Miguel Paulista – São Paulo – SP. – CEP. 08021-470 Fone: (11) 2297-1516 – e-mail ividanova@uol.com.br www.ividanova.org.br BOLETIM VIDA NOVA Nº 01 Janeiro de 2012 Coordenador - Francisco Caldeira de Souza Jornalista Responsável Paulo Giacomini - DRT-SP 33.608 Conselho Editorial: Américo Nunes Neto Cássio Rogério D. L. Figueiredo Jorge Eduardo Reyes Rodriguez Texto; Projeto Gráfico e Diagramação: Américo Nunes Neto Colaboração Celso Vitor dos Santos Impressão - Artes Gráficas Prática Ltda. Tiragem – 2000 exemplares Diretoria do Instituto Vida Nova: Presidente - Jorge Eduardo R. Rodriguez Vice Presidente – Valdelice A. Senatori 1ª Secretaria - Dirce Aranda de Jesus 2ª Secretaria - Noriza Prado 1ª Tesoureira - Maria Eunice Silva 2ª Tesoureira - Maria Cristina Gomes Rua Prof. Assis Veloso, 226 – São Miguel Pta. CEP. 08021-470 – CNPJ. 03.855.787.0001-61 Utilidade Pública Municipal Nº 51.971/2010 www.ividanova.org.br – ividanova@uol.com.br Telefone: (11) 2297-1516 Parceria: Programa Municipal de DST-AIDS – SMS Doações: Instituto Vida Nova – Banco Bradesco Agência 2875-4 – conta corrente 6242-1

2


EDITORIAL

Participação,

mobilização e articulação, portas abertas para 2012. As três palavras que compõem o título deste editorial são nossas expectativas e ferramentas para o ano de 2012, para que as pessoas que vivem com HIV/AIDS (PVHA) lutem por seus direitos e deveres. A atuação do Instituto Vida Nova comprometida com o propósito de atender as necessidades do seu público prioritário tem dado provas de que está no caminho certo. Um exemplo disso é desenvolver projetos com visão para a formação e educação dessas pessoas com vistas à mudança de atitudes biopsicossociais. Em 2011 adentraram por nossas portas desafios com queixas sobre fracionamento de medicação, falta de profissionais de saúde, violação de direitos humanos; adentraram também avanços e conquistas com ações de atenção e preventivas. Conquistas estas que atribuo à humanização, já que nossas atividades e ações visam sempre um aprimoramento do ser humano como pessoa e, principalmente, como cidadãos do universo que aqui têm uma missão. Abrimos as portas para 2012, que abrirá não somente o que já realizamos com nossa equipe que produz atenção às pessoas que vivem e convivem com HIV/AIDS, abrindo também com a edição nº 1-2012 do Boletim Vida Nova, que será o difusor do que realizamos, bem como provedor de um canal de comunicação e aproximação. Fazemos também parte de um grupo do qual participam organizações não governamentais (ONG) e Governo com o propósito de discutir políticas de saúde para as PVHA. Isto nos fortalece para enfrentar os desafios e avançar com respostas mais eficientes e nos tornam protagonistas para o enfretamento da AIDS. Nesta edição, o Boletim Vida Nova inaugura uma nova etapa de comunicação entre o Instituto Vida Nova e o (a) leitor (a), com publicações trimestrais destinadas às pessoas que vivem e convivem com HIV/AIDS. Convidamos a todos (as), com alegria, para a leitura do nosso boletim; com a certeza de que o novo espaço de comunicação facilitará aos leitores o acesso à informação do que acontece em nossa instituição, bem como nos serviços de saúde e movimentos sociais. Participe, Mobilize-se, Articule-se e faça a diferença em 2012. Jorge Eduardo Reyes Rodriguez Presidente – Instituto Vida Nova

Este espaço é destinado a você leitor (a) para as publicações; Quero Conhecer Você para procura de namoro ou amizade e Prestação de Serviço para oferecer prestação de serviços diversos. Envie sua solicitação para o Instituto Vida Nova aos cuidados de Boletim Vida Nova com texto em 10 linhas, claro e objetivo. Rua Professor Assis Veloso, 226 – São Paulo – SP – CEP. 08021-470. A publicação sairá na próxima edição de Março/Abril.

3


Retrô 2011

PROJETO AGORA VOCÊ ESTÁ PRONTO!

45.850 preservativos distribuídos por mês; iniciativa inovadora.

L

ançado em junho de 2010, em parceria entre Programa Municipal de DST-AIDS, e estabelecimentos comerciais; o Projeto Agora Você Está Pronto é uma ação inovadora realizada pelo Instituto Vida Nova na região leste da metrópole de São Paulo. Como estratégia eficiente na disponibilização, desburocratização e acesso ao preservativo para a prevenção das DST/AIDS e promoção da saúde o projeto se tornou uma das ações preventivas importantes na área da saúde e relevância social de reconhecimento da comunidade local. Além de organizar e mapear locais de maior vulnerabilidade, o Projeto Agora Você Está Pronto promove estratégias de comunicação com os comerciantes, clientes e redes sociais com vistas para a prevenção das DST-AIDS e Assistência que permite aproveitar as diferentes características da população. Com uma média mensal de 45 mil preservativos fornecidos; o procedimento é adotado na estrutura de serviço comercial e institucional com horários de funcionamento alternativos dia e noite sendo, centros de tradições nordestinas, postos de combustível com point de jovens, bares, pizzarias, casas noturnas, escola de futebol, escolas de samba, associações amigos de bairro, bailes da terceira idade, academias e albergues. O projeto com suporte de cinco agentes interlocutores superou sua meta de 20 pontos de distribuição para 61 pontos gerados na região leste. Através do sistema de aplicação de questionário aos parceiros comerciantes e instituições, foi possível identificar e cruzar dados referentes ao grau de conhecimentos sobre as DST-HIV-AIDS e redes de referência de assistência e prevenção na comunidade. O projeto também realiza encontros de formação a partir dos indicadores dos questionários respondidos no intuito de torná-los multiplicadores em seus estabelecimentos, bem como potencializar para que façam o teste anti-HIV. Diferentemente de outras ações preventivas na cidade o projeto contribui para que as metas do Plano de ações e Metas do Programa Municipal de DST-AIDS – SMS sejam alcançadas. Outro fator importante é fazer com que os parceiros responsáveis e funcionários dos pontos de distribuição se sintam valorizados, pertencentes e co-responsáveis no combate à epidemia da AIDS. O resultado deste investimento como novas estratégias de prevenção, sexo mais seguro e na conscientização da popularização da camisinha reflete a importância da promoção da saúde, podendo interferir na diminuição de casos de HIV-AIDS na região leste. O Projeto Agora Você Está Pronto serve de exemplo para a rede de saúde e organizações não governamentais como uma estratégia incentivadora de fornecimento do insumo de prevenção bem sucedida de fácil replicação e com baixo custo. Américo Nunes Neto - Coordenador Geral de Projetos do Instituto Vida Nova.

Por um Natal Mais Solidário Com o objetivo de difundir o verdadeiro espírito natalino e solidário, coordenado por Jorge Eduardo presidente do Instituto Vida Nova; a Campanha de Natal foi realizada no dia 17 de dezembro de 2011 na sede da instituição. A iniciativa, que conta com o apoio de voluntários, padrinhos e madrinhas traz alegria, esperança e dias melhores para as crianças assistidas pelo Instituto Vida Nova. 171 crianças foram apadrinhadas e assistiram a apresentação do Coral Vozes da Cantareira; em seguida receberam do Papai Noel sacolas de presentes com roupas, brinquedos, calçados e panetones.

4


Retrô 2011

PROJETO MALHAÇÃO VIDA NOVA No ano de 2006, em 24 de abril, a Academia Malhação Vida Nova, realização do Instituto Vida Nova com apoio dos programas Municipal e Estadual de DSTAIDS, iniciaram nos olhares e com certeza havia expectativa e curiosidade de como seria, para nos professores de educação física um grande desafio, explorar e estudar a melhor metodologia, para alcançar os objetivos. Pois até então a Academia Malhação Vida Nova estava sendo um trabalho pioneiro na cidade de São Paulo. E ainda motivar, alegrar e trazer algo a mais na vida de cada pessoa vivendo com HIV/AIDS. Os desafios não eram poucos; a lipodistrofia em alguns, a obesidade em outros; dificuldades neuro-motoras e distúrbios metabólicos, e a maioria com baixa alta estima. Mas a cada dia uma nova experiência a cada dia uma vitoria, a cada descoberta, os recursos que no início eram muito simples, foram acrescentados semestre a semestre aumentando nossas possibilidades de trabalho e assim nos bateu a porta os resultados conquistados através da malhação do esforço do suor da camiseta de cada participante. Exploramos os trabalhos aeróbios na esteira, bicicletas ergométricas, aulas com música, step, jump, circuitos, hidroginástica, fisioterapia, atividades de nutrição e suporte psicológico. Não faltou estímulo para o fortalecimento do sistema cardiovascular e cardiorrespiratório o ataque contra os distúrbios metabólicos, como diabetes, hipertensão e triglicerídeos, foram intensos. Por meio dos exames de rotina dos pacientes podemos comemorar a melhora desses resultados a cada dia. O nosso olhar técnico se refinou, mas o olhar humano e afetivo trouxe a diferença; tratar o paciente como pessoa, além dos limites da academia, ouvindo suas duvidas nas oficinas, nos eventos e nas aulas ouvindo suas experiências e até mesmo dificuldades, nos trouxe a recompensa de pessoas com a auto-estima elevada, alegria no olhar e sorriso no rosto. A musculação foi a ferramenta indispensável nessa caminhada. No início, somente com pesos livres e hoje com equipamentos e máquinas. O trabalho muscular deu aos pacientes a melhora do tônus muscular, hipertrofia, e melhora da postura e estética, coxas mais fortes, bumbuns mais rígidos e braços mais volumosos; a união de variáveis que através de avaliações físicas nos mostraram que a atividade colaborou para manter a condição física e de composição corporal. Estamos tendo sucesso na luta contra a lipodistrofia; completaremos sete anos de Academia Malhação Vida Nova no dia 24 de abril, somos pioneiros e referência nacional e internacional; premiados em 2006 e 2007, replicamos o projeto em outros Estados com consultorias para ONG e podemos concluir que a atividade física não só traz benefícios físicos, mas benefícios para a auto-estima elevando a qualidade de vida das pessoas vivendo com HIV/AIDS. Caio Dervage CREF 067998-G/SP - Edson Timóteo CREF 071988-G/SP

Delegação Angolana visita o Instituto Vida Nova. Em julho de 2011 Dra. Áurea C. Abbade do GAPA-SP coordenou o grupo com 20 angolanos organizado pela ANASO - Rede Angolana das Organizações e Serviços da Sida para visitar e conhecer as ações e atividades do Instituto Vida Nova. Impressionados com a recepção e organização do Instituto Vida Nova, o vice-ministro da Juventude, Yaba Pedro questiona o presidente Jorge Eduardo como tem tempo para dormir diante de tantas atividades. Financiada pela Oxfam Internacional a delegação visitou outras instituições. O Brasil continua sendo um celeiro de resposta a epidemia da AIDS e transferência de know how para o mundo.

5


Retrô 2011

EDUCAR PARA FORTALECER Oficina para Conselheiros (as) Gestores é uma das atividades do Projeto Educar Para Fortalecer realizada pelo Instituto Vida Nova, com apoio do Programa Municipal de DST-AIDS- SMS e ONG parceiras. Com objetivo de fortalecer conselheiros gestores dos SAE - Serviços de Assistência Especializada, CR - Centros de Referência em DST/AIDS e CTA - Centros de Testagem e Aconselhamento, e promover a inserção dos usuários dos serviços de saúde realiza oficinas com temas sobre história da Saúde Pública no Brasil; Sistema Único de Saúde – SUS; movimento pela reforma sanitária; Constituição Federal brasileira; política neoliberal; diretriz de descentralização; atribuições dos conselhos; resposta brasileira na luta contra a AIDS; portaria 1824 de incentivo fundo a fundo e instâncias de controle social. Nos dias 12 e 16 de dezembro de 2011 com apoio e parceria das ONG Associação Civil Anima e EPAH Espaço de Prevenção e Atenção Humanizada aconteceu as duas das cinco oficinas nas respectivas ONG com a participação de conselheiros (as) representantes dos usuários, profissionais de saúde e interessados. Está prevista para o mês de março de 2012 a próxima que acontecerá na ONG Projeto Bem me Quer. O educador José Marcos de Oliveira representante do Movimento Brasileiro de Luta Contra AIDS no Conselho Nacional de Saúde é responsável pela capacitação dos participantes. Essa é mais uma estratégia para o desenvolvimento das pessoas que vivem com HIV-AIDS para que exerçam seus direitos e deveres.

D

oações de alimento são encaminhadas para o Instituto Vida Nova que tem contribuído para mudar a história de crianças, adolescentes e adultos vivendo com HIV/AIDS e seus familiares. Divirta-se na Trash80′s toda sexta e faça o bem. Reúna sua turma e arrecade o máximo de doação possível. As famílias assistidas pelo Instituto Vida Nova agradecem. Desde maio de 2002, a Trash 80’s é aclamada por público e imprensa como uma das melhores opções da cidade. Com ambiente e estrutura despojados, a festa fez muito de sua fama no boca-a-boca e com a mídia espontânea via internet. Essa atmosfera de “festa de amigos”, misturada com as músicas mais divertidas dos anos 80, criou um conceito único de diversão na noite paulistana. O crescimento do público já motivou por duas vezes a mudança de endereço da Trash. Atualmente a Trash80’s se realiza no Clube Caravaggio (Rua Álvaro de Carvalho, 40, Centro)- www.trash80s.com.br

6


Retrô 2011

10º ENCONTRO DE RELAÇÕES HUMANAS EM HIV AIDS DEZ ANOS CONSTRUINDO HISTÓRIA

A

s

comissões

organizadoras

e

política

delinearam

a

estrutura

e

programação do 10º Encontro de Relações Humanas em HIV/AIDS, realizado nos dias 22 a 24 de novembro de 2011, no Hotel Solar dos Girassóis, em Mairiporã - SP. Com nova metodologia de evento onde os participantes foram ouvidos a partir da escuta ativa em diversas oficinas temáticas e mesas qualificadas de debates expostas por mais de 24 renomados especialistas de diferentes Estados do Brasil. Cerca de 125 pessoas que vivem com HIV-AIDS estiveram presentes, assim como profissionais da saúde e ativistas do Movimento Nacional de Luta Contra a AIDS. A programação baseou-se em eixos temáticos, contemplando as seguintes sub áreas de especialidade: Adesão ao tratamento e medicamento, Efeitos colaterais, Saúde mental, Medicamentos biológicos, Direitos Humanos, Sexualidade, Lipodistrofia, Atividade física, Revelação de diagnostico HIV positivo, Serviços de referência em AIDS, Prevenção secundária, Viver e conviver com HIV-AIDS, Atividades de integração, Sessões de cinema e teatro e Exposição de trabalhos exitosos dos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo. A Comissão Organizadora e outras comissões estiveram comprometidas para que este encontro continue sendo um marco na história da AIDS em nosso país. Um dos principais objetivos do evento é abrir espaço para o crescimento das pessoas, gerar conhecimentos, experiências, controle social, visando promover e fortalecer as pessoas afetadas pelo vírus HIV, estimulando-as a lutarem pelos seus direitos e deveres para a redução de estigma, preconceito, discriminação e exclusão social. Na 10ª edição do Encontro de Relações Humanas em HIV/AIDS, dentro de um processo que já começou nas edições anteriores, caminha se cada vez mais para a ampliação de abrangência regional. Na região sudeste eventos como o Encontro de Relações Humanas existem poucos e com uma procura expressiva do público alvo e profissionais da saúde, seja pelo fato em possibilitar integração, acolhimento, humanização e dar voz e escuta ativa qualificada aos anseios, fragilidades e necessidades das pessoas que vivem com HIVAIDS. O diferencial deste evento por não ser deliberativo e sim um espaço acolhedor e multiplicador das lições aprendidas que direta ou indiretamente interfere para a melhoria da qualidade da assistência e prevenção das DST /HIV/AIDS, assim como nas instâncias de controle social. A abrangência e relevância dos temas propostos permitiram aprofundar a discussão dos principais desafios da epidemia da AIDS. O encontro foi realizado com financiamento do Departamento de DST-HIV/AIDS e Hepatites Virais – MS, Programa Estadual de DST/AIDS – SES e apoio do Programa Municipal de DST/AIDS – SMS, Colégio Emilia Marinho, UnG Universidade Guarulhos.

7


Entrevista

10 dicas saudáveis – Hábitos saudáveis afastam o perigo do câncer.

E

specialistas do ICESP - Instituto do

Câncer do Estado de São Paulo listam 10 dicas para prevenir a ocorrência de tumor, que consiste na segunda maior causa de morte na população. 1. Não fume. Mesmo uma pequena quantidade de tabaco pode fazer um grande estrago. 2. Não beba principalmente se estiver violando a regra número um. 3. Mantenha hábitos de sexo seguro. Use camisinha e vacine-se (antes da primeira relação) contra o HPV. O contato com alguns vírus transmitidos por via sexual, como o papiloma vírus humano e o HIV podem desencadear no surgimento de alguns tipos de câncer. 4. O sexo seguro é caminho, ainda, para evitar os vírus da hepatite B (para qual há vacina) e da hepatite C, ambos com potencial para levar ao câncer de fígado. 5. Evite o consumo excessivo de açúcares, de gorduras das carnes vermelha, de porco e das processadas. Invista em uma dieta saudável, rica em verduras, legumes e frutas. 6. Na mesma linha da dieta saudável, vale a importância de evitar o consumo de alimentos com muito sódio e conservantes, como é o caso dos enlatados, embutidos e fast foods em geral. 7. Cuidado com o sol. Use filtro solar diariamente e evite a exposição entre 10h e 16h. Na praia ou piscina, lance mão, também, de barreiras físicas, como chapéu, camiseta e guarda-sol. 8. Pratique atividades físicas todos os dias. Recomendação de que o exercício tenha duração mínima de 30 minutos. 9. Mantenha-se atento a sua saúde. Procure assistência especializada caso note qualquer anormalidade em seu corpo. 10. Faça check-up anual e realize todos os exames de diagnóstico precoce (screening) indicados pelo seu médico. Esta também é uma atitude fundamental. Fonte: SP Câncer outubro/2011.

P

erseverante, obstinado, ativista.

Sinônimos com nuances diferentes que definem bem a postura do Coordenador de Projetos Américo Nunes. Com 50 anos e vitorioso frente a um câncer no reto, ele transformou o que aprendeu com sua batalha pessoal em uma forma de ajudar outras pessoas que vivem com HIV/AIDS que passam pela mesma situação. Vive com HIV há 25 anos é fundador da ONG Instituto Vida Nova montou a instituição com a missão de juntar forças de vários segmentos da sociedade para melhorar a qualidade de vida de crianças, jovens e adultos que vivem e convivem com HIV/AIDS.

8


NOTÍCIAS

O QUE É PEP ? PEP significa Profilaxia Pós-Exposição. É uma forma de prevenção da infecção pelo HIV usando os medicamentos que fazem parte do coquetel utilizado no tratamento da AIDS, para pessoas que possam ter entrado em contato com o vírus recentemente, pelo sexo sem camisinha. Esses medicamentos precisam ser tomados por 28 dias, sem parar, para impedir a infecção pelo vírus, sempre com orientação médica. Essa forma de prevenção já é usada com sucesso nos casos de violência sexual e de profissionais de saúde que se acidentam com agulhas e outros objetos cortantes contaminados.

Atendimento inicial de URGÊNCIA. No caso de um possível contato com o vírus HIV, busque, o quanto antes, um serviço credenciado. Esse primeiro atendimento é considerado de urgência porque o uso dos medicamentos deve começar o mais cedo possível. O ideal é que você comece a tomar a medicação em até 2 horas após a exposição ao vírus HIV e no máximo após 72 horas. A eficácia da PEP pode diminuir à medida que as horas passam. A indicação de utilização dos medicamentos para prevenção será avaliada por um médico. A população de gays, outros homens que fazem sexo com homens e travestis é uma das populações que têm preferência no acesso a esse atendimento de urgência, visto a proporção de pessoas com HIV neste segmento populacional ser superior àquela da população geral. Buscar um serviço mais próximo - Lembre-se, o atendimento para quem possa ter se exposto ao vírus do HIV por meio sexual ou sofreu violência sexual ou ainda, teve um acidente ocupacional (para profissionais da saúde) deve ser sempre considerado uma URGÊNCIA MÉDICA. Onde fazer o teste? Telefones: Disque DST/AIDS 0800 16 25 50 - 11 5084-5235 - 5083-8780 - Endereço: Gerência de Assistência Integral à Saúde - Programa Estadual DST/AIDS-SP/Centro de Referência e Treinamento em DST/AIDS (Rua Santa Cruz, nº 81 - Vila Mariana, 1º andar. São Paulo SP CEP: 04121-000. Fonte: www3.crt.saude.sp.gov.br/profilaxia

O serviço onde você se trata não te escuta! Faça a diferença participe do Conselho Gestor, as reuniões acontecem mensalmente. Você pode participar para melhorar e sugerir mudanças no SAE Serviço de Assistência Especializada. Fale com a gerência do serviço onde você se trata para saber como participar. Veja o contato do SAE da sua região: Região Leste: SAE DST/AIDS Cidade Líder II R. Médio Iguaçu, 86 - Cidade Líder Telefone: 2748-0255 e-mail: saedstaidscl2@saude.prefeitura.sp.gov.br SAE Fidélis Ribeiro Telefone: 2622-0123 e-mail: saedstaidsfri@saude.prefeitura.sp.gov.br Região Centro Oeste: SAE Butantã Telefone: 3765-1692 - e-mail: saebutanta@gmail.com SAE Campos Elíseos - Telefone: 3331-1317 e mail:saedstaidscel@saude.prefeitura.sp.gov.br SAE Paulo César Bonfim Telefone: 3832-2386 e-mail: saelapa@prefeitura.sp.gov.br Região Norte CR Nossa Sra. do Ó Telefone: 3975-9473 E-mail: crdstaidsnso@saude.prefeitura.sp.gov.br SAE Marcos Lottemberg Telefone: 2950-9217 e-mail: saedstaidssan@saude.prefeitura.sp.gov.br Região Sudeste SAE Herbert de Souza Telefone: 2704-3341 e-mail: saedstaidshsb@saude.prefeitura.sp.gov.br SAE Jose Fco. de Araujo Telefone: 2273-5073 e-mail: saedstaidsipi@saude.prefeitura.sp.gov.br Região Sul CR Santo Amaro Telefone: 5524-3032 e-mail: crdstaidssama@saude.prefeitua.sp.gov.br SAE Cidade Dutra Telefone: 5666-8301 e-mail: saedstaidscdu@saude.prefeitura.sp.gov.br SAE Jardim Mitsutani Telefone: 5841-5376 e-mail: saemitsutani@gmail.com Fonte: www.prefeitura.sp.gov.br/dstaids

9


NOTÍCIAS

Vacina experimental contra a AIDS protege 83% de macacos em testes. Abordagem impediu o vírus, conhecido como SIV, de infectar grande maioria dos 40 animais do tipo "reso" usados como cobaias. Pesquisadores da Harvard University e do Massachusetts Institute of Tecnology, nos Estados Unidos desenvolveram uma nova vacina experimental que foi bem sucedida contra a versão do vírus HIV encontrada em macacos, causador da Aids em humanos. O próximo passo da equipe será levar o modelo das vacinas contra o SIV símio para desenvolver imunizações contra o HIV e iniciar testes clínicos em humanos. Saiba mais - Fonte: isaude.net

Emílio Ribas ganha novo ambulatório e centro para teste rápido de HIV. Um novo e moderno ambulatório foi inaugurado no hospital estadual Emílio Ribas, que vai ampliar em 67% a capacidade de consultas com médicos especialistas. O investimento foi de R$ 6 milhões em reformas e compra de equipamentos. No local também vai funcionar um centro de testes rápidos de HIV, com resultados em 15 minutos. Antes os pacientes demoravam em média duas semanas para retirar o exame. Com o novo ambulatório o número de consultas mensais passa de 3 mil para 5 mil. Além disso o prédio de internações do Emílio Ribas terá capacidade para mais leitos, uma vez que o atendimento ambulatorial será transferido para o novo espaço. O prédio conta com duas salas de pressão negativa para pacientes com tuberculose. O projeto modernizou o modelo de atendimento atual e oferece andares setorizados por cores, além de amplos consultórios e um ambiente confortável, adequado para os profissionais e pacientes. Logo na recepção, os usuários recebem uma identificação com a cor do setor em que será realizada a consulta. Fonte: isaude.net

Ministro da Saúde considera correta avaliação popular sobre desempenho do SUS que afirmam ser ruim ou péssimo. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, considera que a pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) sobre a percepção do brasileiro em relação ao sistema público de saúde é um "diagnóstico" correto da situação do setor no país. Na pesquisa, 61% dos brasileiros consideraram péssimo ou ruim o atendimento do SUS. A principal reclamação foi quanto à demora no atendimento. "O diagnóstico global feito pelos brasileiros está correto em vários pontos apontados na pesquisa. O primeiro passo para um bom tratamento é um diagnóstico correto" , disse à Agência Brasil. Padilha também comentou sobre a contratação de mais médicos, necessidade apontada por 57% dos brasileiros na pesquisa, para melhorar o atendimento. Segundo ele, entram em vigor este ano programas que visam a incentivar a ida de médicos recémformados para o interior do país e as periferias, onde há carência de profissionais. Para atraí-los, o governo federal vai conceder pontos extras nas provas de residência médica e permitir o abatimento da dívida de quem adquiriu financiamento estudantil. Saiba mais – Fonte: isaude.net – Foto: Google

Duas mil academias da saúde vão construídas em 1.828 municípios no Brasil.

ser

Iniciativa estimula a criação de espaços para atividades físicas e lazer; atualmente só 15% dos adultos são ativos no tempo livre. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, anunciou os municípios que serão contemplados pelo Programa Academia da Saúde, que estimula a criação de espaços adequados para a prática de atividades físicas e lazer. Em todo o Brasil, foram selecionados 2 mil pólos a serem instalados em 1.828 municípios. O anúncio foi realizado durante a 11ª Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças (Expoepi). De acordo com o estudo Vigitel 2010, 16,4% dos brasileiros são sedentários e apenas 15% dos adultos são ativos no tempo livre. Saiba mais – Fonte: isaude.net -

Foto: Bruno Oliveira/PMF 10

0 0 0


Conheça o instituto vida nova

SE VOCÊ É UMA PESSOA QUE VIVE COM HIV E AIDS, TEM MUITOS MOTIVOS PARA NOS CONHECER. O INSTITUTO VIDA NOVA INTEGRAÇÃO SOCIAL EDUCAÇÃO E CIDADANIA (IVN) é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, de natureza filantrópica sem fins lucrativos. Objetivos - Promover a melhoria da qualidade de vida das pessoas vivendo com HIV/AIDS; Combater a epidemia da AIDS; Promover o exercício da cidadania; Integração Social; Educação. Como surgiu - Motivado por algumas pessoas em maio de 2000, Américo Nunes Neto pessoa vivendo com HIV com experiência em gerenciamento institucional cria o Instituto Vida Nova na região leste da cidade de São Paulo com apoio de seus sócios fundadores. Com 11 anos de fundação a ONG é referência pela qualidade e reconhecimento das ações e atividades desenvolvidas. Com a missão de promover a solidariedade na sociedade civil através de ações dirigidas às pessoas infectadas com o vírus HIV, doentes de AIDS, seus familiares e amigos, visando melhorar a qualidade de vida e combater a epidemia da AIDS; Desenvolver Projetos Sociais junto à população de baixa renda, promovendo e desenvolvendo o indivíduo para o exercício de sua cidadania.

NOSSOS PROJETOS: Saúde na Feira Integração Social Malhação Vida Nova Educar para Fortalecer Agora Você Está Pronto Encontro de Relações Humanas em HIV/AIDS

Acupuntura pode melhorar seu estado físico e mental. A acupuntura trata o indivíduo, busca seu equilíbrio e fortalece seu corpo para que ele mesmo possa ir contra o mau que o aflige. A sensação de bem estar, a melhora do sono, do humor, das reações diante da vida são o que permitem que as pessoas aos poucos tomem consciência do que é ser tratado holisticamente.

Previna-se da Lipodistrofia Projeto Malhação Vida Nova Este projeto é pioneiro na implantação de uma academia no próprio espaço da instituição. Está sob supervisão técnica de profissionais de educação física, fisioterapeuta e biopsicossocial. As pessoas podem se exercitar, receber orientações físicas, psicológica, nutricional e adesão aos ARV (antirretrovirais) para promover a diminuição dos acúmulos de gorduras nas áreas abdominais, lombares e atrofias faciais.

11

0


Conheça o instituto vida nova

Arteterapia venha participar!

A

rteterapia tem como principal objetivo atuar como um

catalisador, favorecendo o processo terapêutico, de forma que o indivíduo entre em contato com conteúdos internos e muitas vezes inconscientes, normalmente barrados por algum motivo, assim expressando sentimentos e atitudes até então desconhecidos. A busca da terapia da arte é uma maneira simples e criativa para resolução de conflitos internos, é a possibilidade da catarse emocional de forma direta e não intencional.

Venha participar das nossas atividades Acupuntura Curso de inglês Grupo Mulheres Dança do Ventre Oficinas Temáticas Curso de informática Grupo de Arteterapia Lan house Vida Nova Grupo de Convivência Grupo de Adolescentes Festas de aniversariantes Encontros de lazer e cultura Grupo LGBT Café Espaço Livre Academia Malhação Vida Nova Campanha de natal para crianças Curso de políticas públicas de saúde Suporte Psicológico - Grupo Terapêutico Palestras de Prevenção das DST/HIV-AIDS Promoção do Dia Internacional de Combate a AIDS

Ligue e agende seu horário com o serviço social Além de oferecer serviços e apoio às pessoas que vivem com HIV-AIDS, o Instituto Vida Nova efetivamente participa em instâncias de Controle Social. Nossos projetos são financiados por instituições públicas e privadas de cooperação nacional e internacional. Programa Estadual de DST-AIDS – Programa Municipal de DST-AIDS - Departamento de DST HIV-AIDS e Hepatites Virais – Merck Sharp Dhome Instituto Vida Nova - Rua Prof. Assis Veloso, 226 – São Miguel Paulista – SP/SP - Fone: 2297-1516 www.ividanova.org.br - ividanova@uol.com.br - CPNP 03.855.787-0001-61 Utilidade Pública Municipal Nº 51.971/2010

Esta edição tem o apoio financeiro do Programa Municipal de DST-AIDS – SMS

Profile for Instituto Vida Nova

BOLETIM VIDA NOVA 1  

BOLETIM VIDA NOVA 1  

Advertisement