Page 1

Uma história única dedicada à vida

www.institutocompartilha.ngo


QUEM SOMOS O Instituto Compartilha - SAMEAC possui expertise na prestação de serviços assistenciais de saúde; desde a sua fundação presta serviços exclusivos a saúde pública do nosso país. Ao longo de 60 anos realizamos a gestão dos Hospitais Universitários no Estado do Ceará, Hospital Universitário Walter Cantídio - HUWC e a Maternidade Escola Assis Chateaubriand MEAC. Nesse período conquistou sua parceria atual mais antiga junto à Secretaria da Saúde do Estado do Ceará, em apoio à HEMORREDE, presente nos 184 municípios do Estado, na prestação de serviços nas áreas da hematologia e hemoterapia, o que perdura desde o ano de 1983.

Missão Oferecer práticas de excelência e desenvolver soluções inovadoras nas áreas de gestão, assistência, pesquisa e ensino para as organizações de saúde ou similares, em território nacional e internacional, a fim de colaborar na implementação das políticas públicas de saúde sob a perspectiva de melhorar a vida humana.

Valores - O pioneirismo no Ceará em gestão e assistência na área da saúde. - Propõe-se a compartilhar o saber através da prestação de serviços, projetos e programas com eficiência. - Compromisso ético nos processos de trabalho e na prestação de serviços de saúde. - Preza pela eficiência com o foco na atenção humanizada em todas as suas relações. - Prioriza o aperfeiçoamento técnico, científico e seus colaboradores e parceiros.

PALAVRA DA PRESIDÊNCIA

compartilha@institutocompartilha.ngo Nós, Organizações da Sociedade Civil, buscamos - e muitas vezes criamos - soluções para questões importantes da coletividade. A causa é o eixo central do nosso trabalho, enquanto Terceiro Setor. É nossa bússola e nos leva sempre em frente, cada vez mais próximos de cumprir nossos objetivos. Nossa causa é a saúde pública e a atuação para o fortalecimento das organizações da Sociedade Civil (OSC). Com mais de 60 anos nossa expertise se concentra sobre a área da saúde coletiva, mais exatamente, os processos gerenciais e de governança da rede assistencial. Além disso, sempre buscamos conhecimento técnico em todos os procedimentos relacionados à atuação do Setor Social para construirmos uma sociedade mais humana e igualitária. O Instituto Compartilha caminha sempre rodeado de parcerias, pois com elas nos tornamos muito mais fortes. Nos unimos e realizamos ações em prol da saúde coletiva em cada projeto de sustentabilidade. Dividimos conhecimento com outras instituições e participamos de projetos coletivos no setor social. Por esse motivo organizamos anualmente a Jornada de Sustentabilidade Organizacional no Terceiro Setor. Cada passo é uma vitória. Cada dia é uma chance de aprendizado e de realização. Heleni Rocha Presidente do Instituto Compartilha


Indicadores de Impacto

Atuando na Sustentabilidade da Saúde Pública

8 Hospitais

64 APS/RAPS 5 Regionais de Saúde

Colaboradores Contratados em Regime CLT

MILHÕES

Mobilização de Recursos Financeiros Parcial em 2019

3

de atuação na saúde pública

2 Hospitais Federais gerenciados por 60 anos no Ceará

30% da capacidade técnica da Hemorrede Estadual do Ceará

4

Parcerias Institucionais

Pessoas que estão sendo impactadas pelo Instituto Compartilha neste ano de 2019"

64 anos

2

Estudos Técnicos Realizados

2.892.573

Uma história única dedicada à vida 1

SAMEAC

139 Municípios

1.225 20,8

INSTITUTO

Compartilha

Recorde em 2014

1º no ranking na América Latina em transplantes de fígado e rins

PROJETO DE FOMENTO À SUSTENTABILIDADE DA SAÚDE PÚBLICA LOCAL SUPORTE à GESTÃO PÚBLICA Suporte especializado de uma equipe multidisciplinar do Instituto Compartilha aos gestores e aos serviços da Rede Assistencial de Saúde

CUIDAR DA GOVERNANÇA Adequação das Conformidades com Analistas de Saúde, Colaboradores e Gestores, e servidores estatutários com ensino Teórico Prático in loco/em serviço

OPERAÇÃO DE SUPORTE LOGÍSTICO E DE MANUTENÇÃO Concessão de todos os materiais, serviços e insumos para suprir todas as necessidades


PROCESSOS DE FORMALIZAÇÃO

DA

PARCERIA

1

Estudo Preliminar

2

Proposta

3

Instrumentos de Parceria

4

Projeto Técnico

5

Diagnóstico

6

Prestação de Contas

Cobertura Assistencial à População para atender às necessidades e às peculiaridades locais (regionalização).

Economicidade, Eficiência, Indicadores Epidemiológicos

Plano de Trabalho, CNES, Avaliações (de Serviços e Profissionais), Regulação dos Serviços de Saúde (SMS) Ações, metodologias e cronogramas de execução dos Serviços de Assistência à Saúde

Equipamentos do Sistema de Saúde do Município

Relatórios Financeiros e de Atividades

PROCESSO DE GOVERNANÇA (R

ESULTADOS DE

JANEIRO A JUNHO DE 2019)

108 Encontros de Discussão de

53

Relatórios Financeiros e de Atividades

Casos com Analistas de Apoio a Saúde dos Municípios

104 Reuniões com

Gestores Públicos

77 Treinamentos no Programa de Educação Continuada em Serviços de Saúde

723

Profissionais qualificados pelo Programa de Educação Continuada em Serviços de Saúde

RESULTADOS PRELIMINARES DE OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS EDICAMENTOS E 60% M MATERIAL MÉDICO-HOSPITALAR

32% CEREAIS

ATERIAL DE LIMPEZA, 47,5% M LAVANDERIA E DESCARTÁVEIS

64% PROTEÍNAS


Como trabalhamos EVENTO

Jornada de Sustentabilidade Organizacional no Terceiro Setor A Jornada de Sustentabilidade Organizacional no Terceiro Setor surgiu da necessidade de reunir os setores da sociedade para pensar e articular a atuação do Terceiro Setor por meio das Organizações da Sociedade Civil. Seu principal objetivo é promover o intercâmbio de conhecimentos acerca do Terceiro Setor entre sociedade civil, pesquisadores, gestores, trabalhadores e estudantes por meio da divulgação de experiências e pesquisas realizados pelos diversos atores, bem como criar espaço para divulgação de metodologias bem sucedidas nas políticas públicas.

de 03 a 05 de Dezembro de 2019 no Círculo Militar de Fortaleza Realização

SAIBA MAIS SOBRE AS EDIÇÕES ANTERIORES 08 e 09/set (2016) Marina Park 132 participantes de 58 instituições 08/nov (2017) Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura 101 participantes de 47 instituições

21 a 23/nov (2018) Náutico Atlético Cearense 188 participantes de 53 instituições


nossas parcerias As parcerias com instituiçþes do terceiro setor acompanham a história do Instituto Compartilha. Seja por meio de convênios, termos de colaboração/fomento, acordos de cooperação e da realização de projetos, a alegria de poder contribuir para o crescimento de nossos parceiros nos move sempre adiante.

Parcerias no Terceiro Setor

8]bcXcdc^SP?aX\TXaP8]UÆ]RXP

INSTITUTO PRO HEMOCE

ASSOCIAĂ‡ĂƒO BETINHA QUINTELA

Parcerias Institucionais

Parcerias na ĂĄrea da SaĂşde

LABLUZ

CENTRO DE HEMATOLOGIA E HEMOTERAPIA DO CEARĂ

M E D I C I N A L A B O R AT O R I A L

E RN

NI I A

O

UDANDO PA A U

NO O TEM PO

SOTECH SOLUÇÕES E TECNOLOGIA


VI CONGRESSO BRASILEIRO DE DIREITO E SAÚDE VI ENCONTRO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO DE DEFESA DA SAÚDE Resultado da parceria com o Ministério Público de Defesa da Saúde e com a Comissão de Saúde OAB/Ce o INSTITUTO COMPARTILHA marcou presença com seu estande levando conhecimento sobre o Terceiro Setor e sua atuação junto aos municípios no interior do Estado do Ceará.


Como trabalhamos

AÇÕES EM SAÚDE

compartilha saúde O projeto Compartilha Saúde está sendo realizado no município cearense de Aratuba e tem como principal objetivo ofertar serviços de saúde especializados, itinerantes, com equipe multiprofissional qualificada, fornecendo atendimentos gratuitos de forma equitativa, integral e humanizada a partir da realização de ações de um dia, com apoio de um quadro de profissionais especializados, técnicos e de áreas administrativas.

em

Aratuba

2238 exames de ultrassonografia

18.689 procedimentos 3292 consultas médicas

187

consultas de orientação nutricional

40

localidades atendidas

619 pesquisas de

avaliação aplicadas

1962

2295

prontuários abertos

consultas de enfermagem

391

2299

atendimentos em Psicologia

560

exames de prevenção ginecológica

acolhimento multiprofissional

4846

refeições saudáveis fornecidas nos eventos Realização:

2018-2019: 19 ações | ATENDIMENTOS GRATUITOS

acolhimento multiprofissional SOCIEDADE HOSPITALAR PADRE DIONÍSIO - SHPD

consultas de orientação nutricional

exames de ultrassonografia

atendimentos em Psicologia

consultas médicas

refeições saudáveis fornecidas nos eventos

consultas de enfermagem


PREMIAÇÕES

Selo doar Gestão e transparência sempre foram a marca da nossa atuação. O Selo Doar é mais uma conquista para reconhecer o nosso desempenho: agora somos certificados com conceito A no Selo Doar, específico para instituições do Terceiro Setor. De acordo com o Instituto Doar: "O Selo Doar tem como objetivos incentivar, legitimar e destacar o profissionalismo e a transparência nas organizações não-governamentais brasileiras, na forma de um atestado independente de sua adequação aos Padrões de Gestão Profissional e Transparência.”

CUIDADO RECONHECIDO

comenda “Gente que Ama a Enfermagem” No dia 20 de maio de 2019 às 19h, na Câmara Municipal de Fortaleza, o Coren-Ce agraciou com a comenda “Gente que Ama a Enfermagem” como profissional de organização da sociedade civil atuante na área da saúde, Isabel Cristina da Silva Lima, coordenadora de serviços de saúde do Instituto Compartilha - Sameac. A enfermeira dedicou-se por 19 anos ao Hospital das Clínicas (HUWC), já como colaboradora do Instituto, e prossegue na nobre causa da saúde no Projeto de Fomento à Sustentabilidade da Saúde Pública Local, o qual realiza visitas técnicas multiprofissionais às unidades de saúde pública dos municípios parceiros com o objetivo de observar os processos à luz das políticas públicas preconizadas pelo Ministério da Saúde.

E RN

DESTAQUE NA REGIONAL DE SAÚDE

NI I A

O

UDANDO PA A U

NO O TEM PO

7º LUGAR NA 11ª CRES

Hidrolândia chegou à 7ª colocação dos melhores indicadores Regional de Saúde neste ano de 2019! O crescimento representou a superação de 8 colocações em relação à avaliação em 2018 e 14 colocações em relação ao mesmo índice em 2017. Para o Instituto Compartilha é uma satisfação o reconhecimento recebido pelo município de Hidrolândia. Através da parceria realizada pelo Projeto de Fomento à Sustentabilidade da Saúde Pública Local nos sentimos honrados em participar e acompanhar o desenvolvimento dos municípios parceiros no que diz respeito aos processos realizados pelos profissionais de saúde nas unidades do município.


Como trabalhamos AÇÕES EM SAÚDE

POR UMA NOVA EDUCAÇÃO PERINATAL NO INTERIOR DO CEARÁ Cumprimento da Lei do Acompanhante durante todo trabalho de parto A Lei Federal nº 11.108, de 07 de abril de 2005, mais conhecida como a Lei do Acompanhante, determina que os serviços de SUS, da rede própria ou conveniada, são obrigados a permitir à gestante o direito a acompanhante durante todo o período de trabalho de parto, parto e pós-parto. A lei determina que este acompanhante será indicado pela gestante. A lei é válida para parto normal ou cesariana e a presença do (a) acompanhante (inclusive se este for adolescente) não pode ser impedida pelo hospital ou por qualquer membro da equipe de saúde, nem deve ser exigido que a pessoa que acompanha tenha participado de alguma formação ou grupo. Neste sentido, tanto estamos cumprindo a Lei como elaboramos um guia específico de orientações para acompanhante além de garantir que pai possa ter livre acesso à mulher e ao bebê.

antes

Quarto de Pré-Parto, Parto e Pós-parto Após um diagnóstico sobre serviço ofertado, foi organizada a primeira sala PPP do setor da maternidade do Hospital Municipal Dr. Pontes Neto em Quixeramobim. De acordo com a resolução RDC nº38 (publicado em junho de 2008), os estabelecimentos devem contar com a presença com quarto de PPP (01 leito e banheiro anexo), destinado à assistência à mulher durante o trabalho de parto, parto e pós-parto imediato. Em breve será reformulado mais dois quartos PPP.

depois

Curso de Atualização Parto e Nascimento O Curso de Atualização do parto e nascimento foi proposto como forma de permitir que profissionais de saúde tanto do ambiente hospitalar quanto da atenção básica pudessem atualizar seus conhecimentos científicos sobre parto. A educação continuada é uma ferramenta que permite a fuga do aprendizado mecânico, promovendo a educação permanente e formando profissionais com competências éticas, políticas e técnicas. Sua primeira edição contou com quase vinte profissionais, nossa intenção é que nos próximos meses sejam formados mais 50 profissionais.

Depoimento “Foi um momento muito importante de formação para os profissionais da atenção básica uma vez que houve em Quixadá uma reunião para trabalhar o projeto nascer no Ceará e não foi dado tanta atenção quanto ao que o curso realizado prestou no nosso município.” (José Augusto de Souza Filho, enfermeiro da Atenção Básica, participante do curso)


COMO TRABALHAMOS FORMAÇÃO

Curso: Intervenções de Saúde Mental na Contemporaneidade - As Novas Formas de Adoecimento na Contemporaneidade OBJETIVO Habilitar de forma teórica e prática profissionais de saúde mental, da saúde em geral, da educação, da cultura e da assistência, para compreensão e a criação de possíveis intervenções de saúde mental, considerando os crescentes problemas socioclínicos deflagrados na contemporaneidade, em especial, a epidemia de suicídio, de depressão (fenômeno depressivo), da síndrome do desempenho e da eficiência, das automutilações, das violências e dependências diversas (químicas e tecnológicas).

PÚBLICO-ALVO Profissionais de saúde dos CAPS, Unidades Básicas de Saúde, Hospitais, bem como profissionais de Educação, Cultura e Assistência Social.

CAPACITAÇÃO EM ASSISTÊNCIA SOCIAL

TERRITORIALIZAÇÃO PARA A CONSTRUÇÃO DE PROCESSOS DE TRABALHO EM REDE A territorialização é um dos atributos essenciais para a organização do trabalho, sendo fundamental que os trabalhadores dos diversos serviços incorporem esse processo em sua prática, visto que possuem responsabilidades por territórios definidos a partir das áreas de atuação. Território é o espaço onde se dá a vida comunitária em toda sua amplitude e complexidade.

OBJETIVO Promover ações nos territórios possibilitando identificar suas características culturais, econômicas, aspectos produtivos, ambientais que possibilitarão conhecer e compreender a dinâmica social da região, fundamental para a apreensão das necessidades sociais, econômicas e políticas que devem orientar a estruturação dos serviços e dos processos de trabalho, sendo fundamental que os profissionais desenvolvam a competência de realizar a territorialização de modo ampliado e que responda às necessidades da população em seu local de produção de vida.


COMO TRABALHAMOS INDICADORES DE QUALIDADE

Antes e depois: resultados em estruturas hOSPITAL MUNICIPAL DR. PONTES NETO _ quixeramobim

Antes

Antes

DEPOIS

DEPOIS

sociedade hOSPITALAr padre dionísio _ aratuba

Antes

DEPOIS Antes

Antes

DEPOIS

DEPOIS


como trabalhamos APRIMORAMENTOS

pESQUISA DE satisfaçÃO

INDICADORES

A Pesquisa de Satisfação dos Usuários do Instituto Compartilha e parceiros tem como objetivo avaliar o grau de satisfação dos usuários dos espaços apoiados pela na atenção básica e atenção hospitalar. Podem participar da pesquisa usuários com 16 anos ou mais que utilizaram serviços de algum estabelecimento parceiro.

• • • • • • •

Na abordagem, feita após o atendimento, o usuário será informado sobre a pesquisa, seu objetivo e o órgão responsável. A pesquisa é aplicada mensalmente e tem meta de acordo com capacidade do estabelecimento de saúde.

Limpeza e organização Recepção (atendimento) Tempo de espera Avaliação Geral Indicação do estabelecimento Resolubilidade Profissional de saúde (nas categorias de Ouvinte e Orientação ao Usuário)

nossos resultados em pesquisa de satisfação Senador Pompeu - CE

Aratuba- CE

O resultado da Pesquisa de Satisfação do Usuário gerado a partir da aplicação do instrumento nos serviços da Maternidade e Hospital Santa Isabel do Município de Senador Pompeu – CE, no período de 02 a 22 de julho de 2019, foram aplicados 166 questionários.

O resultado da Pesquisa de Satisfação do Usuário gerado a partir da aplicação do instrumento nos serviços do Hospital Sociedade Hospitalar Padre Dionísio do Município de Aratuba – CE, no período de 12 a 30 de junho de 2019, foram aplicados 61 questionários.

Perfil socioeconômico: • 61,0% foram mulheres; • 32,7% estavam na faixa de idade de 30 a 45 anos; • 58,4% completou o ensino fundamental; • 85,5% declarou pardo; • 27,6% eram agricultores; • 61,8% tinha renda familiar entre 1 e 2 salários mínimos.

Perfil socioeconômico: • 88,5% foram mulheres; • 31,6% estavam na faixa de idade de 30 a 45 anos; • 45% completou o ensino fundamental; • 90% declarou como cor pardo; • 62,6% era agricultor; • 51,9% tinha renda familiar menor que 1 salário mínimo.

O profissional de saúde ouviu sua queixa com atenção? (%)

Tempo de espera para atendimento ou internação (%)

Fonte: Instituto Compartilha - Sameac (2019)

Fonte: Instituto Compartilha - Sameac (2019)

Como foi o atendimento como um todo? (%)

No fim do atendimento, você acha que sua demanda foi resolvida e/ou encaminhada (quando necessário)? (%)

Fonte: Instituto Compartilha - Sameac (2019)

Fonte: Instituto Compartilha - Sameac (2019)


como trabalhamos INOVAÇÃO

Projeto de Fomento à Sustentabilidade da Saúde Pública Local Um projeto para a sustentabilidade identifica, mensura e gerencia uma série de indicadores de forma sistêmica, que vão muito além do seu desempenho em termos de qualidade ou apenas econômico, pois abrange aspectos de governança corporativa, passando também por itens sobre conformidade e práticas de gestão assistencial, assim como todo o impacto social da operação sob a perspectiva de suas relações com trabalhadores, com a comunidade com clientes e até mesmo com a concorrência. A parceria com o município, contará com equipe de profissionais para a execução das atividades necessárias à consecução dos objetivos traçados no plano de trabalho. Para tal, responsabilizar-se-á pelas contratações, para a execução das metas pactuadas, através do regime celetista que prima pelas garantias e direitos dos trabalhadores. Igualmente, sendo o Instituto uma entidade sem fins lucrativos, a tributação ocorrerá em percentuais inferiores se comparados às cooperativas e até mesmo pela forma de credenciamento, conforme tabela a seguir:

COMPARATIVO DE TRIBUTOS E CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS NAS ENTIDADES JURÍDICAS Organizações da Sociedade Civil – OSC:

Órgãos Públicos:

TRIBUTOS E CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS /NATUREZA JURÍDICA

ENTIDADE FILANTRÓPICA “Instituto Compartilha” CELETISTA

COOPERATIVAS

GOVERNO FEDERAL, ESTADUAL E MUNICIPAL CREDENCIAMENTO

ISS

ISENTO

2% a 5% (sobre atos não cooperados)

2% a 5% (sobre RPA)

COFINS

ISENTO

3% (sobre o faturamento mensal)

Não incidência

PIS S/ FOLHA DE PAGAMENTO

1% (sobre a folha de pagamento)

1% (sobre a folha de pagamento)

1% (sobre a folha de pagamento)

PIS

ISENTO

0,65% (sobre o faturamento mensal)

Não incidência

CSLL

ISENTO

9% (sobre a base de cálculo)

Não incidência

IRPJ

ISENTO

ISENTO

Não incidência

FGTS

8% (sobre a folha de pagamento)

INSS PATRONAL

ISENTO

INSS-RAT

ISENTO

INSS – OUTRAS ENTIDADES

ISENTO

8% (sobre a folha de pagamento) 20% (sobre a folha de pagamento não-cooperados) 1% a 3% (sobre a folha de pagamento não-cooperados) 4,5% a 5,8% (sobre a folha de pagamento não-cooperados)

Não incidência 20% (sobre RPA)

1% a 3% (sobre RPA)

ISENTO


como trabalhamos PROJETO DE FOMENTO À SUSTENTABILIDADE DA SAÚDE PÚBLICA LOCAL É importante ressaltar que a imunidade é a limitação do Estado em tributar, ficando proibido cobrar impostos das Instituições de fins não econômicos. Já a isenção existe quando o governo incentiva uma atividade ou um seguimento, deixando de exercer seu direito de tributar alguém ou situação.

TIPOS DE IMUNIDADES TRIBUTÁRIAS E ISENÇÕES DAS CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS PERCENTAGENS

IMUNIDADE E/OU ISENÇÃO

IRPJ – Imposto de Renda Pessoa Jurídica

15% (sobre base de calculo)

Imunidade

ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços

18% (sobre o produto)

Imunidade

IPTU – Imposto sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana

-

Imunidade

IPVA – Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores

-

Imunidade

ITCD – Imposto sobre Transmissão Causa Mortis ou Doação de Bens e Direitos

2% a 8% (sobre a doação)

Imunidade

ITR – Imposto Territorial Rural

-

Imunidade

3% (valor do imóvel)

Imunidade

II – Imposto sobre Importação

60%(preço do produto)

Imunidade

IE – Imposto sobre Exportações

30%(preço do produto)

Imunidade

Contribuição Social Patronal sobre Folha de Pagamento

20% (incidentes sobre folha de pagamento)

Isenção

Lei nº 12.101/2009 e os Decretos nº 8.242/2014 e nº 7.300/2010.

Contribuição Social Patronal pelos Riscos de Acidentes no Trabalho

3% (incidentes sobre folha de pagamento)

Isenção

Lei nº 12.101/2009 e os Decretos nº 8.242/2014 e nº 7.300/2010.

Contribuição Social Patronal Outras Entidades

5,8% (incidentes sobre folha de pagamento)

Isenção

Lei nº 12.101/2009 e os Decretos nº 8.242/2014 e nº 7.300/2010.

COFINS Contribuição para Financiamento da Seguridade Social

7,6% (incidentes sobre o faturamento)

Isenção

1,65% (incidentes sobre o faturamento)

Isenção

IMPOSTO E CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS

ITBI - Imposto sobre Transmissão Inter Vivos de Bens Imóveis

PIS – Programa de Integração Social

LEGISLAÇÃO Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14. Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14. Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14. Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14. Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14. Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14. Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14. Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14. Constituição Federal -Artigo 150 alíneas b e c. Código Tributário Nacional – Artigo 9 e 14.

Lei nº 9.532/1997 artigo 15, Constituição Federal – Artigo 195, parágrafo 7. Lei nº 9.532/1997 artigo 15, Constituição Federal – Artigo 195, parágrafo 7.


INSTITUTO

Compartilha SAMEAC

Instituto Compartilha - Sameac Av. Francisco Sรก, 1822, 4ยบ andar Jacarecanga, Fortaleza, CE - CEP: 60010-450 Tel.: +55 (85) 3103.1489 www.institutocompartilha.ngo @institutocompartilha

Profile for Instituto Compartilha

Portfólio Instituto Compartilha  

Portfólio Instituto Compartilha

Portfólio Instituto Compartilha  

Portfólio Instituto Compartilha

Advertisement