Issuu on Google+

I

Repórter

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Notícias de Ourém

Baile de Gala da EPO

Momento de despedida dos alunos finalistas da Escola Profissional de Ourém dias antes de iniciarem os seus estágios finais, esta foi uma noite de emoções fortes... mas também de muita animação e boa disposição. // P.03

10 DE MAIO DE 2013 // ANO XVI // N.o 192 formação

destaques

Provas finais dos alunos da EPO

Falamos com o aluno que obteve a melhor nota, este ano letivo, nas Provas de Aptidão Profissional: o Miguel Santos do Curso Profissional de Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos. // P.02

Alunos da EPO: mais de 70% colocados

Um estudo realizado 6 meses após o término do curso na Escola Profissional de Ourém aponta para que mais de 70% dos alunos que concluiram a sua formação no ano letivo passado se encontram com a sua situação profissional resolvida. // P.04

Cursos para o próximo ano letivo...

Já te podes inscrever nos nossos cursos. Vê que áreas temos. // P.04 Diretor: Francisco Vieira // Conteúdos e Paginação: Sofia Albuquerque // Design: Ricardo Lopes // Revisão: Liliana Crispim // Fotografia: Insignare // Colaboradores: António Évora, Elisabete Marques, Sandrina Henriques


Notícias de Ourém

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Repórter

II

Alunos da EPO em prova de nervos Decorreram de 22 a 26 de abril as Provas de Aptidão Profissional dos alunos finalistas da Escola Profissional de Ourém dos cursos de Gestão, Energias Renováveis, Gestão de Equipamentos Informáticos, Design e Construção Civil. Foi uma semana de nervos enquanto os alunos finalistas apresentaram perante um júri a sua prova final: a Prova de Aptidão Profissional (PAP) que reúne os saberes adquiridos ao longo dos 3 anos de duração do curso e cuja realização se prolongou por todo o ano letivo. Como forma de dar a conhecer um pouco melhor esta prova e o que ela representa falamos com o aluno Miguel

Santos do Curso de Gestão de Equipamentos Informáticos que obteve a melhor nota da Escola com 18,15 valores. De referir que o projeto foi trabalhado em conjunto com o aluno Adriano Silva cuja nota ficou umas décimas abaixo da nota do Miguel (a nota final inclui vários parâmetros de avaliação individuais que resultaram nesta ligeira diferença).

1 – Qual o tema da PAP e como surgiu a ideia? O tema da PAP foi a elaboração de um Multicopter. Já antes de se falar em escolher tema para a PAP já estava com o “bichinho” de construir um Multicopter mas nunca levei a ideia para a frente. Então chegouse a altura de escolher um tema e tivemos uma visita de estudo ao Carlos Lemos onde tivemos oportunidade de ver ao vivo um exemplo de um projeto semelhante, e pensei em avançar com o projeto juntamente com o meu colega Adriano Silva.

aulas lecionadas durante o curso bem como adquirir novos conhecimentos.

Diretor Pedagógico da EPO

Editorial Os números contam…

Recentemente, a Insignare divulgou um estudo de empregabilidade dos seus alunos, meses após terem concluído o seu curso. Trata-se de um trabalho sistemático, que já vem a ser feito há algum tempo a esta parte. Em resumo, podemos afirmar e comprovar que uma taxa significativa, 74% dos alunos da Escola Profissional de Ourém (EPO), após a conclusão dos seus estudos têm a sua situação profissional resolvida. Seja a estudar em cursos superiores ou pós-secundários, seja no mercado de trabalho, trata-se acima de tudo de um número muito respeitável, sobretudo atendendo às taxas de desemprego jovem existente no nosso País. Mais do que estudo estatístico, tratase efetivamente de um indicador valioso, particularmente numa altura em que escolhas para o futuro terão de ser feitas. Escolhas internas, em termos da escola com a aposta em determinadas ofertas formativas, e escolhas por parte dos potenciais novos alunos que poderão extrair alguma informação que lhes permita ajudar na definição dos cursos pretendidos. Outra nota que retiro deste estudo é a coragem. Coragem da Insignare para divulgar publicamente estas taxas, que normalmente não chegam ao público em geral. Quantas escolas conhecerá o leitor, por exemplo da nossa região, que divulgam os seus dados em termos de taxas de empregabilidade? A escola, por deficiência da sua formação, e em termos gerais, continua ainda a ser uma ilha, com pouca interação com a comunidade envolvente, a não ser em situações pontuais, e quase sempre numa prestativa lúdica. Ora, nós por cá, temos outro entendimento. Gostamos e sentimos a necessidade de sermos pró-ativos para com a comunidade envolvente, gostamos e sentimos a necessidade de abrirmos as portas ao exterior, interagindo e colaborando com o tecido económico da região. Numa altura em que muitos jovens estão prestes a terminar mais uma etapa da suas vidas académicas, nomeadamente o 3.º ciclo do ensino básico, e terão de decidir uma via para a conclusão do ensino secundário, creio ser importante ter estes dados em consideração. Mais do que escolher com base em razões pessoais e de amizade, importa refletir um pouco sobre o futuro que cada um deseja para si próprio. Importa refletir e ponderar sobre as condições existentes, a experiência profissional e a capacidade de atuação para com o tecido empresarial. Não tenho dúvidas, com base nos parâmetros anteriores, que a melhor opção seria a EPO. Nós confiamos no bom senso dos jovens, confiem vocês em nós para vos formar enquanto pessoas e profissionais altamente qualificados. “Não tenham medo de sujar as mãos e transformem-se num Pro!” José Pegada

2 – O que é um Multicopter? Um Multicopter pode ser usado para fazer tanto fotografia como vídeo aéreo. Pode também ser usado para vídeo vigilância e chegar a sítios ou zonas de difícil acesso que ponham em risco a vida humana. 3 – Quais foram os principais problemas que encontraram? O principal problema que encontramos foi os tempos de entrega do material já que todo o material necessário teve de ser encomendado do estrangeiro. Em algumas das encomendas ouve um enorme atraso na sua receção o que atrasava a realização do projeto. 4 – Valeu a pena trabalhar neste projeto? O que aprendeste? Valeu muito a pena trabalhar neste projeto. Foi bastante interessante, pois tive oportunidade de aplicar e aprofundar os conhecimentos aprendidos nas

5 - Como é que este projeto se relaciona com o que aprenderam ao longo do curso de informática? Este projeto relaciona-se maioritariamente com a disciplina de eletrónica do curso de informática. 6 - Ficaram satisfeitos com o resultado? Ficamos muito satisfeitos com o resultado, conseguimos concluir com sucesso o projeto e a apresentação oral e defesa também correram bem, conseguindo assim obter uma boa classificação. 7 - O trabalho em grupo facilitou a realização do projeto? O trabalho em grupo ajudou bastante, pois podemos fazer divisão de tarefas, e avançar mais depressa com a realização do projeto. 8 - O que dirias, agora que tudo passou, aos alunos que para o ano têm que enfrentar esta grande prova (nesta área da informático ou de qualquer outra área da escola)? Agora que tudo passou a mensagem que quero deixar aos próximos alunos é que pensem bem no tema que vão escolher e comecem desde cedo a trabalhar no projeto. “Não deixem para amanhã aquilo que podem fazer hoje”, pois nem vão dar pelo tempo passar no último ano. Multicopter realizado pelos alunos


III

Repórter

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Notícias de Ourém

Baile de Gala da EPO: uma noite de emoções No passado dia 27 de abril, decorreu o Baile de Gala da Escola Profissional de Ourém que teve lugar na Quinta da Colina Verde, no Olival. A noite era de gala e todos os alunos se vestiram a rigor. De vestido comprido ou curto, de fato completo com ou sem gravata, com maior ou menor formalidade, o facto é que todos brilharam nesta noite, uma noite especial para os alunos finalistas da Escola Profissional de Ourém. O Baile de Gala é o momento de despedida dos alunos do 3.º ano. Logo após a apresentação pública das Provas de Aptidão Profissional e imediatamente antes do início dos estágios, esta é uma noite especial, de muitas emoções, de sentimentos à flor da pele… uma noite para se dizer o que vai no coração e na alma… uma noite, por isso, propícia a muitas lágrimas e nós na garganta. Na quinta da Colina Verde estiveram cerca de 150

pessoas, maioritariamente alunos finalistas, mas também alunos de outros anos e professores que quiseram estar presentes nesta noite especial, uma noite que serviu ainda de união em torno do que representa a passagem pela Escola Profissional de Ourém. Depois do jantar houve espaço para algumas surpresas. Os alunos quiseram agradecer aos professores que os acompanharam e diante de todos prestaram-lhes a devida homenagem com palavras sinceras de amizade e de gratidão. Afinal, ao longo de 3 anos, acompanharamnos. Ralharam quando tinham que ralhar. Ajudaram quando tinham de ajudar. Ampararam-nos e ensinaramnos a voar sozinhos. Fizeram, não raras vezes, o papel de

pais orientando os seus caminhos e aconselhando as suas opções. Foi um momento bonito que trouxe emoções e lágrimas. Um momento que recordou que afinal, tudo valeu a pena. A noite prosseguiu com o baile e muita animação. A noite era dos alunos… pensada para eles no final de uma etapa importante e antes de iniciarem as suas vidas fora das portas desta Escola. Parabéns a todos e muitas felicidades pela vida fora. A Escola Profissional de Ourém continuará sempre aqui para aquilo que entenderem.


Notícias de Ourém

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Repórter

IV

Alunos da EPO com taxas de empregabilidade elevadas Seis meses após a conclusão do curso, mais de 70% dos alunos da Escola Profissional de Ourém encontram-se com a sua situação profissional resolvida. Sempre atenta à integração no mercado de trabalho dos seus alunos, a Escola Profissional de Ourém (EPO) realiza, anualmente, um estudo de empregabilidade dos seus alunos, meses após terem concluído o seu curso. Os dados agora revelados (referentes aos alunos que concluíram os seus cursos no ano letivo passado) dão-nos informações muito positivas acerca da sua situação profissional. Apesar de existirem variações relativas aos vários cursos, no total 74% dos alunos da EPO têm a sua situação profissional resolvida seis meses após terem completado a sua formação. De referir que há uma crescente percentagem de alunos que optam pelo prosseguimento de estudos superiores, facto que é mais notório nos cursos de Gestão (69%) e de Design (55%). Assim, explicitando um pouco melhor os dados, verifica-se o seguinte cenário: 91% dos alunos de Design estão ocupados (55% prosseguiram estudos de nível superior e 36% estão

empregados); 82% dos alunos de Gestão estão ocupados (69% prosseguiram estudos e 13% ingressou no mercado de trabalho). 80% dos alunos de Construção Civil estão ocupados (60% estão empregados e 20% prosseguiu estudos). No curso de Energias Renováveis 55% dos alunos estão ocupados (35% prosseguiram estudos e 20% ingressaram no mercado de trabalho). Estes resultados, francamente positivos numa altura de forte recessão económica, são o resultado de um trabalho intenso de aproximação às empresas e à sua realidade laboral que tem norteado a atividade da EPO desde o seu início, há mais de 20 anos. Também o facto de existir um departamento que tem como responsabilidade a integração dos alunos de ambas as escolas no mercado de trabalho, acompanhando-os ao longo dos primeiros tempos após o término dos cursos, resulta nestes bons níveis de ocupação.

oferta OFERTAS DE EMPREGO Referência: 588091353 Categoria: Fiel de Armazém (m/f) Localidade: N.ª Sr.ª da Piedade Descrição: 1 Ano de experiência. Assíduo, responsável, limpo, dinâmico, com facilidade de comunicação e de interagir com os outros. Preferência por não fumadores. Referência: 588091351 Categoria: eletricista auto (m/f) Localidade: N.ª Sr.ª da Piedade Descrição: 12º ano profissional. Responsável, assíduo, educado, limpo, com facilidade de trabalho em grupo, dinâmico. Preferência por não fumadores. Referência: 588091348 Categoria: Caixa de comércio (m/f) Localidade: N.ª Sr.ª da Piedade Descrição: 12º Ano. Experiência em funções Comerciais. Capacidade de planeamento e organização. Excelentes competências de relacionamento e comunicação. Referência: 588089973 Categoria: Empregado de mesa (m/f) Localidade: Fátima Descrição: Cuidado na apresentação, gosto por trabalhar em equipa. Referência: 588089978 Categoria: Condut. máquina escavação (m/f) Localidade: N.ª Sr.ª das Misericórdias Descrição: Carta de condução de pesados de mercadorias e articulados. Salário negociável de acordo com a experiência demonstrada. Referência: 588089798 Categoria: Pintor de Construção Civil (m/f) Localidade: N.ª Sr.ª da Piedade Descrição: Experiência de um a dois anos para pintura de pavimentos de madeira flutuantes, afagamentos e envernizamento. Exige-se profissionalismo e cumprimento de horários

Contacte

gip@insignare.pt ou 916 342 826 Divulge a oferta de emprego da sua empresa no nosso site.

SEMANÁRIO LOCAL Pessoa Colectiva nº 501225226 Registo do título nº 101097

PROPRIEDADE Património dos Pobres da Freguesia de Nossa Senhora da Piedade Praça da República, 18 2490 - 498 OURÉM ADMINISTRAÇÃO Pe. António Bento; Armando Honório; João Abreu; Luís Silva; Manuel

Catarino DIRECTOR Vítor Cordeiro REDACÇÃO Aurélia Madeira CP 4525 Lucília Oliveira CP 4176 redaccao@noticiasdeourem.com noticias.ourem@gmail.com

SECRETARIADO Amélia Martins; Celina Pereira PUBLICIDADE Lurdes Costa publicidade@noticiasdeourem.com noticias.ourem@gmail.com Tm: 916 632 061 DESPORTO Eduardo Santos CR 119,

Nuno Abreu CR 331 nodesporto@gmail.com COMPOSIÇÃO E PAGINAÇÃO Notícias de Ourém EDIÇÃO E REDACÇÃO Travessa da Bela Vista, nº 4 Lojas nº 3,4,5,6 - Apart.152 2494 - 909 OURÉM Tel.: 249 542 850

Fax: 249 541 287 Tm: 916 631 995 geral@noticiasdeourem.com IMPRESSÃO Coraze - Oliveira de Azeméis grafica@coraze.com TIRAGEM Mês abril: 12.800 exemplares Média Semanal: 3.200 exemplares


REPORTER 10 maio