Page 1


Inovini A Inovini, divisão de vinhos da tradicional importadora Aurora, nasceu com o objetivo de trazer ao mercado brasileiro vinhos de qualidade e marcas de prestígio internacional. Nossa distribuição está fundamentada na forte parceria com os principais restaurantes, delicatessens e lojas especializadas em todo o país. Pautamos nossos esforços em proporcionar às pessoas experiências enogastronômicas surpreendentes e agradáveis. Neste catálogo 2013/2014 você encontrará marcas já consagradas no mercado brasileiro ao lado de algumas novidades, sempre com a marca do pioneirismo, dos valores humanos do mundo do vinho e da alta qualidade. Afinal, carregamos inovação no nosso nome. Saúde e boa leitura!


Índice África do Sul

Espanha

06 Ken Forrester

34 Beronia

Alemanha

36 Finca Constancia

10 Dr. Loosen 38 González Byass

Argentina 14 Achaval-Ferrer

Austrália 18 Hardy’s

Chile 22 Los Vascos

26 Undurraga

40 Vilarnau

Estados Unidos 42 Kendall-Jackson

LOGO MASTER RGB-Grande Job No:

XXXXXXX

Cliente: XXXXXXXX

Modelo: XXXXX Programa:

Illustrator CS3

Proceso:

Realizado:

Contacto:

Judie Willer

Impresión:

Tamaño de código de barras: XX% Fecha:

14/09/10

Colores

BLACK

PANTONE 478

PANTONE 583

PANTONE 235

R 0 G 0 B 0

R 128 G 50 B 28

R 188 G 189 B 0

R 154 G 0 B 87

FIRMA

TIERRA

HOJA

UVA

António

100%


França

Israel

46 Henry Fessy

68 Golan Heights

48 Laurent-Perrier

Itália 72 Barone Ricasoli

52 Louis Latour 76 Cusumano 58 Remy Pannier 80 Nino Franco 60 Saga

Portugal 62 Simonnet-Febvre

Hungria

82 Ferreira Porto

86 José Maria da Fonseca

64 Royal Tokaji 90 Legendas das Premiações


África do Sul

Ken Forrester Ken Forrester iniciou sua carreira profissional em 1977 na indústria hoteleira da cidade de Johannesburg. Em seguida, ainda em Johannesburg, migrou para o mercado de restaurantes, no qual trabalhou até o início da década de 1990.

Pretoria

Bloemfontein Stellenbosch Capetown

6

Em 1993, viajando pela região vitivinícola da Cidade do Cabo, Ken e sua esposa Teresa se apaixonaram por uma propriedade histórica de Stellenbosch, a Scholtzenhof (fundada em 1689). Ken e Teresa a compraram e iniciaram uma ampla renovação, tanto nas vinhas, sob o comando de Ken, como na histórica casa-sede, da qual cuidou Teresa. Com a maior parte de seus vinhedos plantados com a uva Chenin Blanc, Ken decidiu recorrer à ajuda do bom amigo e talentoso enólogo Martin Meinert. Ken e Martin definiram um objetivo: produzir vinhos de Chenin Blanc que rivalizassem com qualquer grande vinho branco do mundo.

têm origem escocesa); e no 85º aniversário do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela.

Passados quase 20 anos, os vinhos Ken Forrester têm sido servidos em importantes eventos, como a abertura do Parlamento Escocês (os Forresters

Os vinhos Ken Forrester têm recebido enorme reconhecimento internacional, com centenas de prêmios, pontuações e elogios dos mais respeitados

ÁFRICA DO SUL / STELLENBOSCH / KEN FORRESTER


Vista aérea da vinícola Ken Forrester em Stellenbosch.

“Mestre da Chenin Blanc sul-africana” Ken Forrester, o mestre da Chenin Blanc na África do Sul.

críticos e Ken, além de produzir excelentes tintos, atingiu seu objetivo, tornando-se reconhecido como o “Mestre da Chenin Blanc sul-africana”.

WWW.INOVINI.COM.BR

7


Petit Chenin Blanc

Petit Cabernet- Merlot

cód.: 565411 Um Chenin Blanc típico, em versão leve e sem carvalho. É super-refrescante e bastante cítrico. Um “matador de sede” indispensável em dias de calor. Amadurecido em tanques de aço inox, exala aromas de frutas cítricas, marmelo, pera e flores. Na boca confirma seu frescor, lembrando sabores de maçã verde e grapefruit, tem bom corpo e um final “picante”.

cód.: 565402 Para os apreciadores do corte bordalês à base de Cabernet Sauvignon e Merlot, eis uma deliciosa versão sul-africana para o dia-a-dia. Amadurecido em tanques de aço inox, tem caráter jovem, muito frutado e textura macia. Seus aromas lembram amoras e ameixas maduras com um tom picante de especiarias. Na boca é estruturado, com acidez vibrante, textura polida e ótima persistência. Stellenbosch Tinto :: Cabernet Sauvignon e Merlot 2011 - WA89 / 2010 - WA90

Stellenbosch Branco :: Chenin Blanc 2011 - WS86 / WA87 / WE87 2010 - WS88 / WA89

2011 WA87

2011 WA87 2011 WA89

Petit Pinotage cód.: 565401 Neste vinho, Ken Forrester nos oferece a emblemática uva sul-africana com a tipicidade das suas melhores versões: cheia de fruta, com textura macia e seu indefectível toque selvagem-esfumaçado. Amadurecido em tanques de inox, seus aromas trazem as clássicas nuanças de amoras da Pinotage, combinadas a pudim de ameixa e cereja, sobre um toque de bacon defumado. Na boca é suculento, gostoso de beber, com textura macia e deliciosa concentração de fruta. Stellenbosch Tinto :: Pinotage 2011 - WA87 / 2010 - WS87 / WA87

8

ÁFRICA DO SUL / STELLENBOSCH / KEN FORRESTER


Sauvignon Blanc cód.: 565415 Nobre uva branca francesa, a Sauvignon Blanc se adaptou muito bem às frias regiões vitivinícolas sul-africanas. Ken Forrester reconfirma essa teoria nesse elegante branco amadurecido por 8 semanas sur-lie (sobre as borras) em tanques de aço inox. Seus aromas combinam notas herbáceas e picantes de pimenta verde com nuanças frutadas de figo, pêssego, nectarina e uma certa mineralidade. Na boca, tem acidez viva, é saboroso, cítrico, mineral, límpido e persistente. Stellenbosch

Reserve Chenin Blanc cód.: 565416 Certamente, um dos melhores Chenin Blancs da África do Sul e à altura dos melhores exemplares do Vale do Loire. Parcialmente fermentado em barricas de carvalho francês (20% novas), nelas amadurece durante 9 meses sur-lie. Aroma potente, lembrando melão, maçã assada, especiarias, notas minerais, mel e caramelo. É encorpado, denso, muito saboroso, com acidez vibrante e longa persistência. Pura elegância e harmonia entre fruta, acidez e carvalho.

Branco :: Sauvignon Blanc 2011 - WS87 / WA87 2010 - WS87 / WA87 2008 - WS88

Stellenbosch Branco :: Chenin Blanc 2011 - WS88 / WA89 / Prata na IWSC / 2010 - WS90 / WA92 / Top 100 South African Wines 2011 / 2009 - WS88 / WA89

Renegade cód.: 565405 Com uvas Grenache de vinhas com 55 anos, este elegante corte inspirado no Vale do Rhône combina o estilo e sutileza do Velho Mundo com a fruta intensa do Novo Mundo. Amadurecido por 12 meses em barricas de carvalho (95% francesas usadas; e 5% americanas novas), tem aroma elegante, combinando o toque terroso-rústico da Grenache com a noz-moscada e a azeitona negra da Shiraz. Boca de médio corpo, com taninos de textura aveludada, equilibrada, cheia de frutas e especiarias, acidez justa e longa persistência. Um belo tinto!

2011 WA89

Stellenbosch Tinto :: Shiraz, Grenache e Mourvèdre 2006 - WA89

WWW.INOVINI.COM.BR

9


Alemanha

Dr. Loosen O título de “Rei do Mosel” cairia bem ao irreverente dínamo humano chamado Ernst Loosen, um multi-competente vitivinicultor, comerciante, marqueteiro e ‘embaixador’ do vinho alemão. Berlim

Mosel Pfalz

Há 25 anos à frente da vinícola de sua família, já conquistou muitos dos prêmios mais importantes do mundo do vinho: Melhor Produtor Alemão (Revista Wine & Spirits, 2007); Um dos Melhores Produtores do Mundo dos Últimos 25 Anos (Revista Wine & Spirits, 2007); Homem do Ano (revista Decanter, 2005); Um dos 50 Enólogos Mais Influentes do Mundo (Revista Wine & Spirits, 2004); Produtor do Ano (Gault Millau, 2001)... A vinícola Dr. Loosen pertence à família de Ernst há mais de 200 anos. Quando ele a assumiu, em 1988, concluiu que com vinhedos de idade média em torno de 60 anos, plantados em “pé franco” (sem enxertia sobre raiz americana) e localizados em alguns dos melhores terroirs da Alemanha, detinha todas as matérias-primas necessárias para produzir vinhos profundos, complexos e de classe mundial. Para atingir esse objetivo, Ernst reduziu drasticamente a produção de

10

seus vinhedos e substituiu todos os fertilizantes químicos por orgânicos. Também adotou práticas de vinificação mais sutis e com mínima intervenção tecnológica, para que seus vinhos expressem fielmente suas origens. Estes são os princípios adotados em suas duas vinícolas: Dr. Loosen, no Mosel e J.L. Wolf no Pfalz. ALEMANHA / MOSEL E PFALZ / DR. LOOSEN


O visionário e simpático Ernst Loosen.

“Inseriu o vinho alemão no cenário mundial e no século XXI ” Jancis Robinson, Decanter 04/2005 Casa-sede da vinícola Dr. Loosen, às margens do rio Mosel.

WWW.INOVINI.COM.BR

11


Ürziger Würzgarten Riesling Auslese (375 ml) cód.: 561020 Auslese significa “seleção da colheita tardia”. Ürziger Würzgarten, nome do vinhedo, significa “Jardim de Especiarias de Ürzig”. Um ‘grand cru’ com vinhas velhas (120 anos e pé-franco), solo vulcânico rico em ardósia e muito íngreme, que produz vinhos cheios de especiarias e notas terrosas. Amadurece sur-lie em carvalho e inox. Mosel Branco Doce :: Riesling 2010 - WS93 / WA91 / 2009 - WS93 / WA92 / 2008 - WS92 / WA92

Erdener Treppchen Riesling Spätlese

Riesling Kabinett Blue Slate cód.: 561010 Os vinhos classificados como Kabinett são os de estilo mais delicado entre os Rieslings alemães com predicado (QmP). Este Kabinett exalta a personalidade e o estilo mineral dos íngremes vinhedos de ardósia azul das famosas vilas do médioMosel, como Bernkastel, Graach e Wehlen. Amadurece sur-lie em tonéis de carvalho e tanques de aço inox. Sua sutil doçura é confrontada por uma acidez vibrante. Mosel

cód.: 561011 O predicado Spätlese significa colheita tardia. Este Spätlese provém de um vinhedo “grand cru”, o Treppchen, na vila de Erden. Seu solo rico em ferro e ardósia vermelha produz Rieslings complexos e com intensa mineralidade. Amadurece sur-lie em tonéis de carvalho e aço inox. Vinho de produção limitada.

Branco Semi-Seco :: Riesling

2008 WS91

2011 - WS88 2010 - WS90 / WE90 2009 - WS89

Mosel Branco Doce :: Riesling 2010 - WS91 / WA91 / 2009 - WS91 / WA91 / 2008 - WS91 / WA90

“Dr. L ” Riesling Qualitätswein Trocken (Seco)

2008 WA92

cód.: 561001 Este Riesling expressa perfeitamente a elegância dos íngremes vinhedos plantados em solos ricos em ardósia do vale do rio Mosel. Amadurece sur-lie em tanques de aço inoxidável. Cítrico, seco e refrescante. Um branco “matador de sede”! Mosel Branco Seco :: Riesling Eleita “Vinícola do Ano” pela revista Wine & Spirits: 2007, 2008 e 2009

12

ALEMANHA / MOSEL E PFALZ / DR. LOOSEN


Villa Wolf Pinot Noir Qualitätswein cód.: 560001 A região do Pfalz é uma das mais ensolaradas da Alemanha e, por esta razão, possui tradição na produção de Pinot Noir, onde é chamada de Spätburgunder, a tinta borgonhesa que encanta e desafia Ernst Loosen. Aqui temos um Pinot Noir tipicamente europeu, delicado e refrescante. Fermentado em tanques de aço inox, amadurece 6 meses em barricas de carvalho francês, o que aporta ao vinho maior complexidade e certa estrutura tânica. Notas de morangos frescos, cereja negra e um toque de especiarias. Pfalz Tinto :: Pinot Noir

Villa Wolf Pinot Gris Qualitätswein Trocken (Seco) cód.: 560002 A Pinot Gris é também conhecida na Alemanha como Grauburgunder ou Ruländer e é uma cepa típica na região de Pfalz. Em busca de maior profundidade e complexidade, metade do vinho é fermentada e amadurecida em grandes tonéis de carvalho neutro. A outra metade é fermentada e amadurecida em tanques de aço inox para preservar o frescor e a intensidade da fruta. Pfalz Branco Seco :: Pinot Gris 2009 - WS87

A J.L. Wolf foi eleita vinícola de melhor relação preçoqualidade pela Wine & Spirits em 2006

WWW.INOVINI.COM.BR

13


Argentina

Achaval-Ferrer A Achaval-Ferrer foi fundada em 1998 no distrito de Perdriel (Mendoza), por seis amigos apaixonados por vinho. Dois princípios fundamentais regem essa bodega: a busca pela qualidade em todos os seus vinhos e o respeito pelo terroir.

Buenos Aires

Mendoza

14

A direção técnica foi assumida pelo sócio italiano Roberto Cipresso, um dos mais respeitados e requisitados enólogos do mundo na atualidade, especialista em vinhos de pequena produção e alta qualidade. Os vinhos da Achaval-Ferrer estão divididos em três conceitos. O ‘Conceito Varietal’ é representado pelo vinho Malbec, que busca expressar o caráter frutado e jovem da Malbec argentina. O ‘Conceito Vinho de Autor’ é representado pelo Quimera, no qual Cipresso trabalha blends de uvas e vinhedos, buscando a maior complexidade possível. Já o ‘Conceito Terroir’, ao qual pertencem os Fincas Altamira, Bella Vista e Mirador, todos 100% Malbec de vinhedos antigos (entre 85 e 100 anos), busca a pura expressão e distinção dos terroirs, posto que são produzidos da mesma maneira, mas provêm de distintos vinhedos.

Apesar de muito jovem, a AchavalFerrer já é considerada uma das melhores vinícolas das Américas! A revista americana Wine & Spirits a elegeu “Vinícola do Ano 2009”. No site da Wine Spectator, ao elencarmos os 10 vinhos argentinos mais bem pontuados, vamos encontrar nada menos do que 8 vinhos da Achaval-Ferrer!

ARGENTINA / MENDOZA / ACHAVAL-FERRER


Sede Achaval-Ferrer e Finca Bella Vista, em Lujan de Cuyo, Mendoza.

S贸cios fundadores da Achaval-Ferrer: Diego Rosso, Santiago Achaval, Manuel Ferrer, Dr. Ferrer, Marcelo Victoria, Roberto Cipresso.

WWW.INOVINI.COM.BR

No site da Wine Spectator, ao elencarmos os 10 vinhos argentinos mais bem pontuados, vamos constatar que nada menos do que 8 vinhos s茫o Achaval- Ferrer!

15


Finca Altamira

Finca Mirador

cód.: 551011 Finca Altamira é o nome do vinhedo que dá origem a esta joia líquida. Localizados em La Consulta (Valle de Uco), seus 6 hectares estão plantados com vinhas de Malbec de mais de 80 anos de idade e em “pé franco”. Um verdadeiro tesouro vitícola que, fosse em França, faria jus à classificação Grand Cru. Amadureceu cerca de 15 meses em barricas novas de carvalho francês. De cor púrpura, combina potência e elegância. Na boca é denso, com taninos elegantes, saboroso, fresco e com incrível persistência. Nunca recebeu pontuação inferior a 92 da Wine Advocate (periódico editado por Robert Parker)!

cód.: 551013 Outro tesouro vitícola da Achaval-Ferrer, o vinhedo da Finca Mirador, plantado em 1921 no distrito de Medrano, possui 5 hectares de vinhas velhas de Malbec em “pé franco”. O vinho deste verdadeiro “Cru Mendocino” amadurece durante cerca de 15 meses em barricas novas de carvalho francês. Não nega ter nascido de vinhas velhas, pois é concentrado e elegante, com taninos finos e muito longo. Desde a safra 2004, nunca recebeu pontuação inferior a 91 da Wine Advocate (periódico editado por Robert Parker)!

Mendoza Tinto :: Malbec 2010 - WS96 / WA93 / 2009 - WS92 / WA99 / 2008 - WS94 / WA97

Mendoza Tinto :: Malbec 2010 - WS94 / WA95 2009 - WS90 / WA96 2008 - WS93 / WA96

2010 WS96

2010 WA95

Finca Bella Vista

2010 TOP 10 WS 2010 WS95

cód.: 551012 Finca Bella Vista é o vinhedo mais antigo da Achaval-Ferrer. São 5 hectares localizados no prestigiado distrito de Perdriel. Suas vinhas de Malbec estão plantadas em “pé franco” e têm mais de 100 anos de idade. Um sonho para qualquer enólogo! Cada videira produz apenas 400 g de uva e são necessárias três plantas para se produzir uma única garrafa de Bella Vista. Raro e fantástico, esse vinho amadurece cerca de 15 meses em barricas novas de carvalho francês. Nunca recebeu pontuação inferior a 93 da Wine Advocate (periódico editado por Robert Parker)! Mendoza Tinto :: Malbec 2010 - TOP 10 WS 2012 / WS95 / WA93 / 2009 - WS91 / WA98 / 2008 - WS93 / WA98

16

ARGENTINA / MENDOZA / ACHAVAL-FERRER


Quimera

Malbec Mendoza

750 ml = cód.: 551005 1500 ml = cód.: 551022 O Quimera é um dos mais elegantes vinhos de corte bordalês do Cone Sul e, desde a safra 2004, nunca recebeu menos de 90 pontos da Wine Advocate (periódico editado por Robert Parker). Amadurecido por 12 meses em barricas de carvalho francês, apresenta cor púrpura e um leque aromático de grande complexidade, com frutas negras, flores, especiarias, notas minerais, tostados, couro... Na boca, densidade e concentração com elegância; taninos finos e frescor na medida exata para potencializar seus sabores e persistência. Soberbo!

750 ml = cód.: 551001 1500 ml = cód.: 551021 Este é o Malbec da Achaval-Ferrer cujo objetivo é enfatizar as características únicas que essa uva expressa em Mendoza. Composto por frutas de quatro vinhedos distintos, o vinho amadurece cerca de 9 meses em barricas de carvalho e é engarrafado sem clarificação ou filtração, para preservar todo seu caráter. Nariz sedutor, cheio de frutas vermelhas e negras, notas de especiarias, flores e sutil madeira tostada. Boca gostosa, densa, com taninos aveludados, ótimo frescor e alta persistência.

Mendoza

2010 WA91

Tinto :: Malbec, Merlot, Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc e Petit Verdot

Mendoza Tinto :: Malbec 2011 - WS92 / WA89 2010 - WS88 / WA91 2009 - WS91 e Top 100 de 2010/ WA92

2010 - WS91 / WA91 2009 - WS89 / WA93 2008 - WS90 / WA92

2011 WS92

WWW.INOVINI.COM.BR

17


Austrália

Hardy’s Há mais de 150 anos, um jovem imigrante inglês teve um sonho... Produzir vinhos que seriam premiados em todos os mercados consumidores do mundo. Aquele sonho se tornou realidade. Aquele homem se tornou uma lenda. Seu nome era Thomas Hardy, um dos pais da vitivinicultura australiana.

South Australia

Tasmania

Canberra

Em 1854 Thomas plantou seus primeiros vinhedos com as uvas Shiraz e Grenache. A safra inaugural, produzida em 1857, marcou a história do vinho australiano por ser a primeira quantidade significativa de vinho exportada para a Inglaterra. Em 1865, inspirado pela noção de que o blending de vinhos de distintas origens e características produziria um vinho final melhor e mais complexo, Thomas começou a produzir blends inter-regionais, mesclando as uvas de sua propriedade com as de vinhedos situados mais ao sul. Eis a origem da linha de vinhos Hardy’s HRB (Heritage Reserve Bin). Em 1886, os vinhos de Thomas Hardy ganharam seus primeiros prêmios internacionais, nada menos do que medalhas de ouro em uma exibição em Paris.

18

Thomas Hardy Nottage, Whiskers Blake e um fiel amigo.

Seis gerações mais tarde, a família Hardy continua a nutrir aquele sonho e compartilhar com o mundo uma seleção de vinhos premiados que orgulhosamente carregam o nome Hardy. Seus vinhos receberam mais de 2.800 prêmios apenas na última década e Hardy’s se tornou também a marca de vinho mais forte da Austrália, com cerca de 2 milhões de taças bebidas por dia em mais de 50 países.

AUSTRÁLIA / SOUTH AUSTRALIA / HARDY’S


Nottage Hill Cabernet Sauvignon

Shiraz

cód.: 523004 Como primos dos Hardy, quatro gerações da família Nottage ajudaram a construir o sucesso dos vinhos Hardy’s e, até hoje, preciosas vinhas florescem na colina que leva seu nome, a Nottage Hill. Essa linha, lançada em 1967 para honrar e celebrar a contribuição dada por Thomas Hardy Nottage à empresa, é reconhecida por sua consistência e equilíbrio. A linha Nottage Hill se tornou uma das favoritas da Hardy’s ao redor do mundo, graças a vinhos como esse Cabernet: límpido, perfumado, macio e gastronômico.

cód.: 523003 Um típico Shiraz australiano, fermentado em tanques de aço inox e parcialmente amadurecido em contato com carvalho. Coloração rubi intensa com matizes púrpuras. Aromas fragrantes de mirtilo, framboesa, ameixa, pimenta negra e nuance floral. Na boca é saboroso, denso, com notas de ameixa, chocolate, pimenta, taninos macios e longa persistência.

South Australia Tinto :: Cabernet Sauvignon

South Australia Tinto :: Shiraz

Merlot cód.: 523002 Delicioso e gastronomicamente versátil, este Merlot australiano é fermentado em tanques de aço inox e parcialmente amadurecido em contato com carvalho. De cor vermelha com matizes púrpuras, emana aromas de mirtilo, cereja e nuances florais, que lembram violeta. Na boca apresenta sabores intensamente frutados, notas de carvalho, taninos sedosos e um final longo e puro. South Australia Tinto :: Merlot

Chardonnay cód.: 523101 A fermentação alcoólica ocorre em tanques de inox sob temperatura controlada. O vinho é submetido à fermentação maloláctica, estagia sobre as próprias borras e uma parte amadurece em contato com carvalho por alguns meses. Amarelo-palha com reflexos esverdeados, exibe intensos aromas de frutas cítricas, melão e pêssego, complementados por notas de especiarias e um sutil toque de carvalho. Na boca é elegante, com bom corpo, textura untuosa e longo final. South Australia Branco :: Chardonnay

WWW.INOVINI.COM.BR

19


Stamp of Australia Shiraz Cabernet Sauvignon cód.: 521002 Uma das maiores e mais respeitadas da Austrália, a Hardy’s é uma daquelas poucas vinícolas do mundo capaz de produzir vinhos de qualidade irretocável em quantidade para distribuição mundial. Este blend de Shiraz e Cabernet Sauvignon encanta com a pureza de suas notas de fruta vermelha madura, combinadas com especiarias, textura macia, taninos suaves e sabores persistentes. Fácil de beber e de gostar! South Australia Tinto :: Shiraz e Cabernet Sauvignon

20

Cabernet Merlot

Chardonnay Semillon

Riesling Gewürztraminer

cód.: 521001 Após suave prensagem das uvas, o mosto é fermentado em cubas de aço inox sob temperatura controlada. Um rápido e parcial estágio em carvalho agregou maior complexidade a este vinho pleno de aromas e sabores, com notas de ameixa e groselha, complementadas por nuanças de baunilha e carvalho. Na boca é saboroso, repetindo as notas frutadas e trazendo toques de canela e tabaco. Médio corpo, taninos sedosos e boa persistência.

cód.: 521102 Com mais de 150 anos de história e prestígio, a Hardy’s demonstra com a linha Stamp of Australia seu talento para produzir vinhos deliciosos inobstante a faixa de preço. Blend de Chardonnay e Semillon, fermenta em cubas de aço inox e tem um rápido e parcial estágio em carvalho. Amarelo-palha brilhante, com intensos aromas e sabores cítricos, notas de melão, pera, pêssego e especiarias. Final puro e boa persistência.

cód.: 521101 Colhidas durante a noite, com o propósito de reter ao máximo o frescor, as uvas são suavemente prensadas. A fermentação alcoólica e o rápido amadurecimento do vinho ocorrem em tanques de inox sob temperatura controlada. Cor amarelo palha, límpido e brilhante. Delicados aromas de frutas cítricas, flores e especiarias. Na boca é semi-seco e seus sabores de frutas cítricas maduras e acidez vivaz fazem deste um vinho equilibrado e com refrescante final.

South Australia

South Australia

Branco :: Chardonnay e Semillon

Tinto :: Cabernet Sauvignon, Merlot

2008 - Bronze-DWWA 09

South Australia Branco :: Riesling e Gewürztraminer

AUSTRÁLIA / SOUTH AUSTRALIA / HARDY’S


HRB Shiraz

Riesling

cód.: 524005 Este soberbo Shiraz resulta do corte incomum que combina a cor intensa e os tons de menta da Shiraz de Clare Valley com a elegância, as especiarias e a pimenta da Shiraz de Adelaide Hills. A idade dos vinhedos varia de 12 a 40 anos. O mosto é fermentado em tanques de aço inoxidável e o vinho amadurece durante cerca 14 meses em barricas de carvalho francês. Complexos aromas de especiarias doces, pimenta, amora e menta. Na boca é saboroso, de médio-corpo, com taninos finos e muito persistente.

cód.: 524110 Com a mesma variedade Riesling, este blend de vales combina os aromas cítricos, o palato concentrado e suculento de Clare Valley com as especiarias, a complexidade e a acidez elétrica da Tasmânia. As uvas são cuidadosamente manuseadas e sutilmente prensadas. O mosto fermenta sob baixas temperaturas em tanques de aço inoxidável. O vinho não é submetido à fermentação maloláctica e amadurece sur lie (sobre as borras) também em tanques de inox.

South Australia (Clare Valley e McLaren Valley) Tinto :: Shiraz 2007 - JH94 / Medalha de Ouro no Sydney Wine Show 2010 2006 - Vencedor do Concurso International Shiraz Challenge 2010 (derrotando lendas como Penfolds Grange e Guigal CôteRôtie Château d’Ampuis)

WWW.INOVINI.COM.BR

2007 JH94

2010 JH95

South Australia (Clare Valley) e Tasmania Branco :: Riesling 2011 - JH94 / 2010 - JH95 / Medalha de Ouro no Decanter World Wine Awards 2011 2008 - JH94

21


Chile Casablanca Santiago Colchagua Vale Central

Los Vascos Em 1988, o ramo da família Rothschild proprietário do legendário Château Lafite Rothschild – o mais aclamado dos Premiers Grand Cru de Bordeaux – adquiriu os vinhedos e adega da família Echeñique (proveniente do País Basco e pioneira no plantio de videiras no Vale de Colchagua, por volta de 1750), rebatizou-os de Los Vascos, em homenagem aos antigos proprietários e se tornou uma das primeiras famílias de vitivinicultores estrangeiros a se estabelecer no Chile. A decisão dos Rothschild de adquirir a Los Vascos foi conduzida pelo então diretor técnico do Château Lafite Rothschild e pautada em profundos estudos, numerosas visitas a vinhedos e degustação de incontáveis vinhos. Concluíram que o terroir de Los Vascos reúne uma combinação de características excepcionais: insolação e recursos hídricos ideais, solos semiáridos, intensa amplitude térmica e baixo risco de geada, ou seja, condições que geram uvas maduras para produção de grandes vinhos. Hoje, após receber altos investimentos e ser totalmente remodelada (vinhedos reestruturados para reduzir a produção; programa de replantio posto em marcha; estação de monitoramento climático instalada; e adega ampliada e modernizada) a Viña Los Vascos pratica os padrões Rothschild de plantio, vinificação e amadurecimento. Resultado: vinhos de alta qualidade em todas as suas faixas de preço.

22

CHILE / COLCHAGUA / LOS VASCOS


Barão Eric de Rothschild, proprietário do Château Lafite.

O equilíbrio entre a intensidade da uva chilena com a elegância da “mão francesa” Casa Los Vascos.

WWW.INOVINI.COM.BR

23


Le Dix cód.: 534003 Criado em 1998 para comemorar os dez anos da chegada dos Barões de Rothschild ao Chile, o Le Dix é produzido somente em safras excepcionais e resulta, principalmente, da seleção das melhores barricas de Cabernet Sauvignon produzidas por vinhas com cerca de 70 anos de idade. Amadurecido por 18 meses em barricas novas de carvalho francês, é um exemplo perfeito do equilíbrio entre a intensidade da fruta chilena e a elegância da “mão francesa”. Colchagua Tinto :: Cabernet Sauvignon, Carmenère e Syrah

Grande Réserve cód.: 534002 Majoritariamente produzido com a Cabernet Sauvignon e amadurecido por 12 meses em barricas de carvalho francês, o Grande Réserve é um tinto refinado. Com notas de frutas negras, tabaco, pimenta, baunilha e mineral; é encorpado, com longa persistência e taninos finos. Deliciosamente chileno, mas com o elegante toque francês! Colchagua Tinto :: Cabernet Sauvignon, Carmenère, Syrah e Malbec 2010 - WS88 2009 - WS87 / WA88 / Prata no Concours Mondial de Bruxelles 2008 - WA89 / Prata no Concours Mondial de Bruxelles 2010

2009 - WS89 / WA91 / W&S90 / Ouro no Concurso Catador-Chile 2011 2008 - WS89 / WA90 / Ouro no DWWA 2011 2006 - WE92 / Ouro no Concours Mondial de Bruxelles 2009

2010 WS88 2009 WA91

Cabernet Sauvignon cód.: 534001 Um clássico da Los Vascos. Bela cor rubi brilhante e nariz intensamente frutado, com aromas de amora, cereja, framboesa e ameixa, complementados por toques de especiarias, como pimenta, noz moscada, menta, cravo e nuanças de folha de louro. Na boca é saboroso, com taninos marcantes, mas elegantes; equilibrado e persistente. Colchagua Tinto :: Cabernet Sauvignon 2011 - WA86 2010 - WS84 2009 - WA87

24

CHILE / COLCHAGUA / LOS VASCOS


Cabernet Sauvignon Rosé cód.: 534201 Como bordaleses, os Rothschild são especialistas no cultivo e vinificação da Cabernet Sauvignon, que se apresenta neste rosé acompanhada pela Syrah. Tem uma linda cor rosa-cereja, encantadores aromas de frutas vermelhas, como framboesa, amora e morango, e nuanças de flores. Na boca é saboroso, com boa textura, super-refrescante e persistente. Colchagua Rosé :: Cabernet Sauvignon e Syrah 2009 - WS83 2008 - WS83 2007 - WS84 / Eleito entre os 4 Melhores Rosés do Novo Mundo (Marcelo Copello, fevereiro/2010)

Sauvignon Blanc cód.: 534101 Um vinho de relação qualidade-preço arrebatadora! Fermenta e amadurece em tanques de aço inox com o propósito de expressar fielmente as características da Sauvignon Blanc. “Uma deliciosa combinação de sabores herbáceos e cítricos. Este vinho tem acidez intensa e um toque de ‘mineralidade’. Um refrescante e suculento Sauvignon Blanc.” (W&S). Casablanca/Curicó Branco :: Sauvignon Blanc 2011 - WS86 / WA86 e Decanter *** 2010 - WS85 / WA88 2009 - WS84 / WE88

Chardonnay cód.: 534102 Um branco de qualidade rara em sua faixa de preço. Amarelo brilhante com ligeiros reflexos dourados. Aromas delicados e puros de melão, banana, grapefruit e um toque de avelã. Na boca é um Chardonnay muito saboroso e fresco, com um perfil deliciosamente frutado, boa estrutura e ótima persistência final. Colchagua/Casablanca Branco :: Chardonnay 2011- WA86 / 2010 - WA88 / 2009 - Eleito o 3º Melhor Chardonnay do Novo Mundo até R$ 50 (Marcelo Copello, 15.10.2010)

WWW.INOVINI.COM.BR

25


Chile Limari Leyda Maipo

Maule

Casablanca Santiago Cachapoal Colchagua Vale Central

Undurraga A origem da Viña Undurraga remonta ao ano de 1879, quando Francisco Undurraga Vicuña iniciou o planejamento da vinícola e a importação de diversos insumos e know-how europeus. As mudas de Cabernet Sauvignon e Pinot Noir foram importadas da França e assim, em 1885, foi oficialmente fundada a Viña Undurraga. Em 2006, a Undurraga foi incorporada pela Vinos del Pacífico (empresa familiar chilena) e teve início uma profunda e corajosa reformulação na qualidade, estilo e posicionamento da marca. Em 2007 uma nova adega para produção de vinhos premium foi construída. Novos vinhedos foram adquiridos nas sub-regiões de Leyda, Maipo, Cerros de Almahue e Cauquenes, aumentando a área de plantio de 600 para 1800 hectares. Novas linhas de vinhos foram criadas: Aliwen, Sibaris e T.H. (Terroir Hunter = Caçador de Terroir, o projeto enológico mais premiado do Chile).

E, assim, um novo ciclo de sucesso teve início. A Undurraga foi eleita pela Associação Vinos de Chile a “Vinícola do Ano 2012”; no respeitado concurso inglês Decanter World Wine Awards de 2009 o T.H. Sauvignon Blanc Lo Abarca 2008 foi eleito “O Melhor Sauvignon Blanc do Mundo”; na edição de 2012 desse mesmo concurso o T.H. Pinot Noir Leyda 2010 foi eleito “O Melhor Pinot Noir do Mundo”; Neil Martin, crítico da Wine Advocate, se encantou com os novos vinhos Undurraga e concedeu a oito deles 90 ou mais pontos (#204, dezembro/2012). Os críticos brasileiros também têm feito excelentes avaliações dos novos vinhos da Undurraga, em razão da inovação e qualidade que eles oferecem. Estamos profundamente orgulhosos em representar a Undurraga no Brasil, cuja equipe profissional, extremamente reconhecida, competente, criativa e audaz, está comprometida em posicionar a vinícola entre as mais contemporâneas e prestigiadas do Chile.

Novos rótulos e embalagens foram desenvolvidos para transmitir aos consumidores - do público jovem e despojado até os grandes conhecedores - a nova imagem da vinícola e de seus produtos.

26

CHILE / MAIPO / UNDURRAGA


Casa-sede de Undurraga, Chile.

Vinhedos Undurraga, Chile.

Da esquerda à direira: Patricio Lucero (Linha U), Hernán Amenábar (Diretor de Enologia), Carlos Concha (Sibaris e Aliwen) e Rafael Urrejola (T.H e Altazor).

WWW.INOVINI.COM.BR

A Undurraga foi eleita pela Associação Vinos de Chile a “Vinícola do Ano 2012”

27


Founder’s Collection Cabernet Sauvignon

Altazor Altazor é o topo de gama da Undurraga. É produzido por Álvaro Espinoza - um dos melhores e mais consagrados enólogos chilenos de todos os tempos – com a assessoria de Rafael Urrejola, este um craque da nova geração e o responsável pela linha T.H. O Altazor resulta do blend de Cabernet Sauvignon (predominante), Carménère, Syrah e uma pitada de Carignan. Amadurece 14 meses em barricas de carvalho francês e 12 em garrafa. Um vinho extraordinário!

O FC Cabernet Sauvignon é produzido com uvas do vinhedo histórico da Undurraga, o “Fundo Santa Ana”, no Vale do Maipo, o melhor terroir chileno para a Cabernet. O mosto fermenta em tanques de aço inox, em seguida o vinho amadurece em barricas de carvalho francês durante 16 meses e mais 12 meses na garrafa. Um grande, elegante e delicioso Cabernet chileno, intenso, de textura aveludada e persistente.

Vale do Maipo e Vale do Maule

Vale do Maipo Tinto :: Cabernet Sauvignon 2006 - WA91+

2006 WA91+

28

2007 WA93+

Tinto :: Cabernet Sauvignon, Carménère, Syrah e Carignan 2008 - WA90 / WE90 2007 - WA93+ / WE91

CHILE / MAIPO / UNDURRAGA


Linha U Cabernet Sauvignon O “U” Cabernet Sauvignon é produzido com uvas do Vale Central chileno, fermenta em tanques de aço inox e em seguida é mantido em maceração por mais 7 dias para maior extração de corpo e aromas varietais da uva. Sua cor é vermelho-rubi intenso, os aromas e sabores mesclam tons frutados e apimentados. Equilibrado e seco, é ótimo acompanhamento para as carnes vermelhas.

Merlot

Chardonnay

O “U” Merlot é produzido com uvas do Vale Central chileno, fermenta em tanques de aço inox e em seguida é mantido em maceração por mais 5 dias, para maior extração das características varietais da uva. Sua cor é rubi-violáceo e os aromas e sabores são de frutas vermelhas. Equilibrado, fresco e seco, é ótimo acompanhamento para as carnes vermelhas.

Um Chardonnay com boa tipicidade varietal, gostoso de beber, com ótimo preço e, portanto, perfeito para o consumo cotidiano. Fermentado e amadurecido em tanques de aço inoxidável sob baixas temperaturas para potencializar os aromas e sabores da uva, tem cor amarelopalha e intenso perfume frutado. Refrescante e seco, é ideal para acompanhar peixes e frutos do mar.

Vale Central

Vale Central

Tinto :: Merlot

Branco :: Chardonnay

Vale Central Tinto :: Cabernet Sauvignon

Carménère O “U” Carménère é produzido com uvas do Vale Central chileno, fermenta em tanques de aço inox e em seguida é mantido em maceração por mais 4 dias, para maior extração das características varietais da uva. Sua cor é violácea intensa e os aromas são pura fruta vermelha. Ideal com massas saborosas, carnes vermelhas grelhadas e queijos de massa mole. Vale Central Tinto :: Carménère

www.inovini.com.br catalogo2013B.indd 29

29 24/05/13 21:13


Aliwen Reserva Pinot Noir

Reserva Cabernet Sauvignon

O Aliwen Pinot Noir é produzido com uvas da região de Leyda e da porção costeira do Vale do Maipo, zona mais fria desse vale. A fermentação se deu em tanques de aço inox e o vinho amadureceu em barricas de carvalho francês e americano durante 6 meses. E, assim nasce um Pinot delicioso para o dia-a-dia, de cor vermelho brilhante, cheio de frutas vermelhas, suculento, com médio corpo, macio, fresco e com ótima persistência.

Este puro Cabernet Sauvignon combina frutas de dois vales chilenos que têm especial vocação para esta cepa: Maipo (70%) e Colchagua (30%). Fermenta em tanques de aço inox e 70% da mescla amadurece em barricas de carvalho francês e americano durante 9 meses. De cor rubi intensa e brilhante, tem aromas e sabores de fruta escura, um elegante toque de carvalho, gostoso frescor, taninos polidos e longo final.

Vale do Maipo

Vale do Maipo e Vale de Colchagua

Tinto :: Pinot Noir

Tinto :: Cabernet Sauvignon

2010 - WA87

2010 - WE90 / 2009 - WA87

Reserva Cabernet SauvignonCarménère Este Aliwen mescla as duas uvas tintas mais emblemáticas do Chile. Produzido com Cabernet Sauvignon (60%) e Carménère (40%) de vinhedos do Vale do Rapel, fermenta em tanques de aço inox e amadurece em barricas de carvalho francês e americano durante 9 meses. Tem uma linda cor violeta, nariz de fruta madura, especiarias, carvalho bem integrado, bom corpo, taninos finos e longo final. Vale do Rapel Tinto :: Cabernet Sauvignon e Carménère 2010 - WE87 / 2009 - WA88 2008 - WE87

Reserva Sauvignon Blanc 2010 WE90

O Aliwen Sauvignon Blanc mescla uvas de duas regiões chilenas: Leyda (70%) e Curicó (30%). A fermentação alcoólica transcorre lentamente em tanques de aço inox sob baixas temperaturas para que todos os aromas típicos da uva sejam extraídos. De cor amarelo-esverdeado brilhante, este saboroso e super refrescante Sauvignon Blanc emana perfumes clássicos de frutas cítricas, pêssego e tons herbáceos. Leyda e Vale de Curicó Branco :: Sauvignon Blanc 2011 - WE88 / 2010 - WE88 2009 - WA89

30

CHILE / MAIPO / UNDURRAGA


Sibaris Reserva Especial Syrah O Sibaris Syrah é produzido com uvas do Vale de Cachapoal, um terroir excelente para cepas tintas que gostam de calor como a Syrah. O mosto fermenta em tanques de aço inox e em seguida o vinho amadurece em barricas de carvalho francês e americano durante 8 meses. Vermelho-rubi com tons púrpuros, exala um perfume de fruta negra madura, especiarias e tabaco. Na boca é encorpado, aveludado e longo.

Reserva Especial Chardonnay O Sibaris Chardonnay, também proveniente do aclamado e histórico vinhedo da Undurraga, o “Fundo de Santa Ana”, fermenta em barricas de carvalho francês e americano e também nas barricas amadurece durante 9 meses. É um vinho de cor amarela brilhante, aromas varietais complexos de fruta cítrica madura, flores, especiarias doces, um toque de mel, boa densidade, frescor e longo final. Vale do Maipo Branco :: Chardonnay 2010 - WE88 / 2008 - WE88

Vale de Cachapoal Tinto :: Syrah

Reserva Especial Cabernet Sauvignon O Sibaris Cabernet Sauvignon é produzido com uvas provenientes do Vale do Maipo, um terroir fantástico para esta cepa, especificamente de um vinhedo histórico da Undurraga, o “Fundo de Santa Ana”. O mosto fermenta em tanques de aço inox, em seguida o vinho amadurece em barricas de carvalho francês (50%) e americano (50%) durante 12 meses e mais 10 meses na garrafa. Um típico e delicioso Cabernet chileno, cheio de fruta negra e ervas. Vale do Maipo Tinto :: Cabernet Sauvignon 2008 - WE87 / 2007 - WE88

WWW.INOVINI.COM.BR

31


TH

Syrah - Maipo

Cabernet Sauvignon Alto Maipo As uvas deste T.H. Cabernet provêm de um vinhedo plantado em “péfranco” e situado no Alto Vale do Maipo, em Pirque (700msnm), aos pés da Cordilheira dos Andes, zona mundialmente famosa por gozar de um clima perfeito para a produção de vinhos tintos. O mosto fermenta em tanques de inox e o vinho amadurece durante 12 meses em barricas de carvalho francês (28% novas). Expressivo, vibrante e elegante!

2010 WA90

As uvas Syrah deste T.H. são procedentes de vinhas plantadas em “pé-franco” no vinhedo Santa Ana, localizado no Vale do Maipo, região mundialmente reconhecida por gozar de um clima perfeito para a produção de vinhos tintos. O mosto fermenta em tanques de inox e o vinho amadurece durante 12 meses em barricas de carvalho francês (30% novas). Intenso, refinado, frutado e floral! Vale do Maipo Tinto :: Syrah 2009 - WA92

Alto Vale do Maipo Tinto :: Cabernet Sauvignon 2010 - WA90 / 2009 - WA90+

Carménère Peumo As uvas deste T.H. procedem de um vinhedo plantado em “pé franco” em Peumo, na zona ocidental do Vale de Cachapoal, reconhecida por produzir os melhores vinhos de Carménère do Chile. O mosto fermenta em tanques de aço inox e o vinho amadurece por 12 meses em barricas de carvalho francês (20% novas). Resultado: fruta vermelha intensa, carvalho sutil, chocolate escuro, alcaçuz; boca fresca, macia e longa.

2009 WA92

Peumo Tinto :: Carménère

32

CHILE / MAIPO / UNDURRAGA


Pinot Noir - Leyda

Sauvignon Blanc - Lo Abarca

O T.H. Pinot Noir é produzido com uvas de um vinhedo plantado em “péfranco” na sub-região de Leyda (em San Antonio), a apenas 14km do Pacífico. A fria brisa marítima e a bruma costeira geram um clima que permite às uvas um longo ciclo de amadurecimento. O mosto fermenta em tanques de aço inox e o vinho amadurece por 10 meses em barricas de carvalho francês (20% novas). Intenso, frutado, fresco e mineral!

O T.H. Sauvignon Blanc é produzido com uvas de um pequeno vinhedo de solo rochoso-granítico do vale de Lo Abarca (em San Antonio), a apenas 4km do Pacífico, onde os nevoeiros matinais são longos e as tardes ensolaradas e frias. 90% do mosto fermenta em tanques de aço inox e 10% em tonéis de carvalho francês de 500L. O vinho amadurece por 5 meses em contato com suas borras. Intrigante e cheio de personalidade! Lo Abarca

Leyda

Branco :: Sauvignon Blanc

Tinto :: Pinot Noir

2011 - WA89 / 2010 - WE88 / 2008 - WA88 / WE90 / Ouro e Troféu de Melhor Sauvignon Blanc no DWWA 2009

2010 - Ouro e Troféu de Melhor Pinot Noir no DWWA 2012 2009 - WA90

2009 WA90

Chardonnay - Limarí

2011 WA92

2008 WE90

O T.H. Chardonnay advém de uvas do Vale de Limarí, região de clima semiárido com influência marinha do frio Pacífico Sul, resultando em manhãs brumosas, tardes ventiladas, noites frescas, céus claros e intensa luminosidade. O mosto fermenta com suas próprias leveduras nativas em barricas de carvalho francês (10% novas) e nelas o vinho amadurece por 10 meses em contato com suas borras. Fino e profundo! Vale de Limarí Branco :: Chardonnay 2011 - WA92

WWW.INOVINI.COM.BR

33


Espanha

Bodegas

Beronia

Rioja

Madrid

No século III a.C., a região espanhola hoje denominada Rioja era habitada pelos Berones, povo guerreiro de origem celta. Sua terra, homenageada por essa bodega, era chamada de Beronia. Na década de 80, a família González Byass, produtora histórica da região de Jerez e do clássico Tio Pepe, tomou a decisão de investir na produção de vinhos não fortificados. Assim, em 1982, após prospecções em diversas regiões, adquiriu as Bodegas Beronia. Localizada na zona de Rioja Alta, considerada a fonte dos melhores e mais elegantes vinhos da Rioja, a Beronia é uma estrela em ascensão. Seus vinhos expressam o estilo riojano clássico, mas com fruta e carvalho convivendo em harmonia, gerando vinhos aromaticamente complexos, intensos, elegantes, com textura sedosa e delicioso frescor.

34

Enólogo Matias Calleja.

Blanco Viura D.O.Ca. cód.: 535101 Produzido com uma seleção de uvas Viura da zona de Rioja Alta, procedentes de terrenos argilo-calcários, este é um branco leve, refrescante, sutilmente perfumado e elegante, que não amadurece em contato com carvalho e, portanto, é a pura expressão da uva Viura. Aromas delicados de flores, ervas, pêssego e marmelo. Sabor muito agradável, com bom frescor, médio corpo, sensações gustativas de frutas frescas e flores. Final puro e refrescante. Rioja Branco :: Viura 2010 - GP86 / 2006 - Ouro e Melhor da Categoria na IWSC 2007

ESPANHA / RIOJA / BERONIA By GONZÁLEZ BYASS


Beronia Crianza D.O.Ca.(375 e 750 ml) cód.: 535010 (375 ml) / cód.: 535001 (750 ml) Produzido com uma seleção de uvas da zona de Rioja Alta, procedentes de terrenos argilo-calcários, este é o tinto Crianza da Beronia, exemplo perfeito da releitura vanguardista de um clássico espanhol, no qual a fruta límpida e intensa se encontra no mesmo tom do carvalho, resultando num vinho de sabores e aromas equilibrados, com textura macia e delicioso frescor! Amadurecido ao menos 12 meses em barricas de carvalho e mais 12 meses em garrafa antes de ser lançado no mercado. Frutado, cheio de especiarias e sedoso. Rioja Tinto :: Tempranillo, Garnacha e Graciano 2009 - Ouro e Melhor da Categoria na Los Angeles Internacional Wine Competition 2012 e Ouro no Berlin Wine Trophy 2012 / 2008 - WS87 / 2007 - GP87

Beronia Reserva D.O.Ca. cód.: 535002 Produzido com uvas de vinhedos antigos da zona de Rioja Alta, procedentes de terrenos argilo-calcários, este é o tinto Reserva da Beronia, um vinho cuja excelente qualidade e preço tentador foram reconhecidos recentemente pela revista Wine Spectator, que classificou seu 2005 com 91 pontos e o relacionou entre os Top 100 do ano 2010! Amadurece cerca de 20 meses em barricas de carvalho e mais 24 meses em garrafa nas caves da Beronia. É complexo, elegante, macio, cheio de frutas e especiarias. Rioja Tinto :: Tempranillo, Mazuelo e Graciano 2009 - Ouro no IWCh / 2008 - Ouro no CMB / 2006 - WA90 / 2005 - WS91 e Top 100 2010 / Ouro e Melhor da Categoria na IWSC 2009

Beronia Gran Reserva D.O.Ca. cód.: 535003 Produzido apenas nas melhores safras com uvas procedentes de vinhedos com mais de 50 anos da zona de Rioja Alta, o tinto Gran Reserva da Beronia é um vinho cuja extraordinária qualidade foi reconhecida recentemente pela revista Wine Spectator, que classificou seu 2004 com 92 pontos e o relacionou entre os Top 100 do ano 2012. Amadurece cerca de 25 meses em barricas de carvalho e mais 36 meses em garrafa nas caves da Beronia. Clássico, elegante, complexo, com frescor delicioso e taninos de seda. Um grande vinho!

2006 WA90

Rioja Tinto :: Tempranillo, Mazuelo e Graciano 2006 - Ouro no CMB e na IWSC 2005 - WE93 / 2004 - WS92 e Top 100 2012 / WA90 / Ouro Mundus Vini Alemania / 2003 - Ouro na IWSC

WWW.INOVINI.COM.BR

2005 WE93

35


Espanha

Finca Constancia Madrid

Uma das mais jovens vinícolas da González Byass, a Finca Constancia é o ponto culminante de um projeto cujo protagonista é o vinhedo, em um conceito de château do século XXI. A finca está situada no município de Otero, província de Toledo, em um terroir privilegiado para o cultivo da vitis vinifera e com altíssimo potencial para produzir vinhos de qualidade. Finca Constacia, vinhedos e bodega em Castilla La Mancha.

Castilla la Mancha

A propriedade foi adquirida pelo grupo González Byass em 2001 e, após um minucioso estudo das características do solo e da climatologia local se iniciou o plantio dos vinhedos com as variedades que mais se adequavam ao terroir da finca. A adega foi construída utilizando as técnicas mais modernas. Tudo foi pensado para privilegiar a qualidade do vinho. A Espanha moderna pede passagem...

36

ESPANHA / CASTILLA LA MANCHA / FINCA CONSTANCIA By GONZÁLEZ BYASS


Altozano Tempranillo V.T. Castilla cód.: 538003 Altozano é a linha de entrada da Finca Constancia. É produzida com uvas espanholas tradicionais e também com cepas estrangeiras. Seus vinhos privilegiam o perfil frutado, jovem e moderno, com excelente relação qualidade-preço. O Tempranillo amadurece 5 meses em barricas de carvalho francês e americano. Tem aroma potente e límpido de frutas vermelhas e negras, flores e notas de especiarias. Na boca é muito saboroso, frutado, com taninos sedosos, gostoso frescor, corpo médio e final puro. Castilla La Mancha, Toledo Tinto :: Tempranillo

Altozano Verdejo-Sauvignon Blanc V.T. Castilla cód.: 538101 Produzido com o blend “hispânico-francês” das uvas Verdejo e Sauvignon Blanc, este é um branco leve, refrescante, sutilmente perfumado e elegante, que não tem contato com carvalho e, portanto, é a pura expressão das uvas que o compõem. Amadurece ao menos 2 meses sur-lie (sobre as borras) em tanques de aço inoxidável. Nariz com delicadas notas de frutas cítricas e flores. Na boca é saboroso, com boa intensidade de fruta, gostoso frescor, médio corpo, final puro e persistente. Castilla La Mancha, Toledo Branco :: Verdejo e Sauvignon Blanc 2010 - WS84

Finca Constancia V.T. Castilla cód.: 538001 As uvas do Finca Constancia são colhidas à mão e o vinho é produzido apenas com os melhores cachos, escolhidos um-porum enquanto percorrem uma esteira de seleção antes de entrarem na adega. Após desengaçadas, as bagas de uva são movidas por gravidade para os tanques de fermentação para não sofrerem danos em suas cascas. Amadurece 13 meses em barricas novas de carvalho francês e americano. Tem aroma potente e complexo; boca bem estruturada, frescor justo e longo final. Castilla La Mancha, Toledo Tinto :: Syrah, Cabernet Sauvignon, Petit Verdot, Tempranillo, Graciano e Cabernet Franc 2011 - WA91 2010 - Prata no CMB 2012 2008 - Bronze no IWCh 2010 / Bronze no Japan Wine Challenge 2010

WWW.INOVINI.COM.BR

37


Espanha

González Byass Madrid

Em 1835, o jovem Manuel Maria González Angel, incentivado por seu tio José Angel de La Peña (o “Tio Pepe”), chegou à cidade de Jerez disposto a conquistar seu espaço no pujante negócio de vinhos. Animado pelas crescentes exportações, adquiriu naquele ano uma pequena bodega. González Byass tornou-se um dos mais prestigiados grupos produtores de vinho espanhol. Além de Jerez, também possui vinícolas na Rioja, Catalunha, Toledo e Somontano.

Jerez

38

Não há dúvidas, contudo, de que o vinho ícone do grupo é o mundialmente famoso Jerez Tio Pepe. Criado por volta de 1840 para homenagear o tio José, importante figura da vida do fundador. Tio Pepe foi a primeira marca formalmente registrada da Espanha. Hoje, está presente em mais de 110 países e é uma das marcas mais famosas da Espanha.

Em 2010, o ícone de Tio Pepe, reconhecido como um símbolo da Espanha, comemorou 75 anos.

ESPANHA / JEREZ / GONZÁLEZ BYASS


Solera 1847 Jerez Oloroso Dulce D.O. cód.: 581002 O Solera 1847 é um “Jerez Oloroso Dulce”, isto é, um vinho da região de Jerez (distrito da Andaluzia), fortificado (que recebe adição de destilado de vinho), com amadurecimento oxidativo (contato proposital com o oxigênio nos tonéis de carvalho) e é doce (cerca de 100 g/l. de açúcar residual: frutose e glicose da própria uva). Assim, após 8 anos amadurecendo em seus tonéis de carvalho, nasce um vinho ímpar, de cor âmbar escuro, textura aveludada, com notas doces de figos, passas, toques de caramelo e madeira. Jerez Fortificado Doce :: Palomino e Pedro Ximenez WS89 / WE91 / Medalha de Prata - DWWA 2007 / Medalha de Bronze - IWCh 2007

Lepanto Solera Gran Reserva cód.: 235002 O Lepanto é o único brandy Solera Gran Reserva produzido exclusivamente com uvas Palomino, cujos vinhos são destilados em dois alambiques Charentais importados da região de Cognac. Destilado duas vezes, apenas o “coração” (a parte central) da destilação é utilizado para produzir o Lepanto. Amadurece durante 12 anos em tonéis de carvalho antes usados para amadurecer o Tio Pepe e segue o clássico sistema de Criaderas y Soleras de Jerez. Cor topázio com reflexos ouro-velho, aromas e sabores de baunilha, caramelo, amêndoas secas, nozes e uva passa. Um brandy elegante que tem o dom de mesclar força e delicadeza. Jerez Brandy :: Palomino Ouro no IWCh 2012 Prata no IWSC 2009 / Prata e Melhor da Categoria no IWSC 2007

Tio Pepe Jerez Fino D.O. cód.: 581001 Criado por volta de 1840 para homenagear um tio materno, importante figura na vida do fundador e crucial na fundação da bodega, o Tio Pepe foi a primeira marca formalmente registrada da Espanha. Hoje, está presente em mais de 110 países e, decerto, é uma das marcas mais famosas daquele país. Amadurecido em tonéis de carvalho em contato com suas leveduras, o que lhe rende estilo inconfundível, é muito versátil na mesa e o vinho perfeito para acompanhar os mais diversos pratos da cozinha ibérica. Jerez Branco Fortificado Seco :: Palomino WE88 / Gran Bacchus de Oro no CB 2010 / Prata no CIV 2010 / Prata no IWSC 2010 / Ouro no concurso Zar 2009 / 1º Lugar no LNO 2008 / Medalha de Ouro e “Best Value” no concurso Vdic 2008 / Medalha de Prata no DWWA 2007

WWW.INOVINI.COM.BR

39


Espanha

Vilarnau A nobre família Vilarnau se estabeleceu no século XII nas privilegiadas terras do Penedés, região onde já se cultivava a vinha desde muito tempo. Catalunha

Madrid

O primeiro Cava com a marca Vilarnau nasceu em 1949 quando a família Cuscó decidiu comercializar o espumante que já produzia a partir dos vinhedos da propriedade. Desde então, a marca Vilarnau é associada a Cavas elaborados sob exigentes padrões de qualidade e com atenção máxima aos detalhes. Em 1982, a Vilarnau passou a fazer parte do grupo González Byass. A nova e moderníssima adega, inaugurada em 2005, foi erguida no centro da propriedade, que está situada no município de Sant Sadurní d’Anoia, a capital da Denominação de Origem Cava, no coração da Catalunha.

Vilarnau

Vilarnau

A marca Vilarnau é associada a Cavas elaborados sob exigentes padrões de qualidade e com atenção máxima aos detalhes 40

ESPANHA / CAVA - CATALUNHA / VILARNAU by GONZÁLEZ BYASS


Cava Brut cód.: 597001 Os critérios de qualidade adotados pela Vilarnau fazem com que seus Cavas mantenham a homogeneidade, suavidade e sofisticação safra após safra. Os Cavas de Vilarnau são produzidos buscando complexidade, elegância, frescor e “frutosidade”. Este Brut amadurece ao menos 12 meses sur-lie (sobre as borras) na própria garrafa. Seu perfil aromático é franco e delicado, com nuanças cítricas, flores e levedo. Na boca encontramos frescor, com certa estrutura, sabores cítricos, espuma macia e boa persistência. Cava - Catalunha Espumante :: Macabeo, Parellada e Xarel.lo Bronze na IWSC e na San Francisco International Wine Competition

Cava Brut Rosé cód.: 597101 Os critérios de qualidade adotados pela Vilarnau fazem com que seus Cavas mantenham a homogeneidade, suavidade e sofisticação safra após safra. Os Cavas de Vilarnau são produzidos buscando complexidade, elegância, frescor e “frutosidade”. O Brut Rosé amadurece ao menos 12 meses sur-lie (sobre as borras) na própria garrafa. Aromas de boa intensidade, com notas de frutas vermelhas, brioche e menta. Na boca é refrescante, macio, equilibrado, terminando com notas de ervas e ótima persistência. Cava - Catalunha Espumante :: Trepat e Pinot Noir Prata no CMB / Bronze na IWSC

WWW.INOVINI.COM.BR

41


Estados Unidos Washington DC

Califórnia

KendallJackson “O fato de sermos uma vinícola de propriedade familiar afeta totalmente nossa produção. Podemos nos conceder o luxo da visão de longo prazo. Podemos assumir riscos e cultivar nossos vinhedos em montanhas e encostas, mesmo que seja mais difícil para o agricultor e para a videira; pois, uvas produzidas em montanhas têm mais personalidade e sabor e é por isso que as produzimos assim. Como uma empresa familiar, podemos colocar os interesses de longo prazo das nossas futuras gerações acima dos ganhos financeiros de curto prazo. Nosso sucesso será medido pelo número de gerações da família à frente da empresa e não por números em relatórios trimestrais. Nós não podemos ficar pensando apenas no hoje, no amanhã, neste trimestre ou neste ano. Temos que mirar o longo prazo - 100, 200 anos - e pensar nas gerações futuras e no meio ambiente em que viverão. Há alguns lugares especiais onde se quer estar e viver. Dentre esses lugares está a costa da Califórnia, com sua brisa marítima, frescas colinas e montanhas. Eu me sinto em paz e

42

O lendário e visionário Jess Jackson.

Randy Ullom, enólogo-chefe.

espiritualmente feliz quando estou nas montanhas e colinas da Califórnia, onde as melhores uvas vicejam. Essa terra nos dá o que precisamos. Dános nosso abrigo, nossa comida, nosso ar puro, todas as coisas de que precisamos, exceto uma: a família.” Jess Jackson

ESTADOS UNIDOS / CALIFÓRNIA - SONOMA / KENDALL-JACKSON


Ícone da vitivinicultura americana e produtora do Chardonnay mais vendido nos EUA durante 20 anos

Avant Chardonnay cód.: 541011 A Kendall-Jackson é uma referência entre os produtores de Chardonnay dos EUA. O AVANT Chardonnay é produzido com uvas de vinhedos próprios da Kendall-Jackson situados nos distritos de Mendocino, Santa Barbara, Monterey e Sonoma. Fermentado e amadurecido em tanques de aço inox (59%) e parte em barricas de carvalho (41%), é um branco que expressa a face frutada, fresca e límpida dessa uva, “temperada” por um sutil e elegante toque do carvalho.

2010 WE90

Mendocino, Santa Barbara, Monterey e Sonoma, Califórnia Branco :: Chardonnay 2010 - WE90 e eleito entre os Best Buys 2012 2009 WE90 e eleito entre os Best Buys 2011

Avant Cabernet Sauvignon cód.: 541001 O AVANT Cabernet Sauvignon é produzido com uvas de vinhedos próprios da Kendall-Jackson situados na costa californiana, principalmente, nos distritos de Sonoma e Mendocino. Amadurecido parte em tanques de aço inox e parte em barricas de carvalho francês e americano, é límpido e intenso, com notas de cereja negra fresca, ameixa, cassis, romã, café e especiarias doces. Na boca é amistoso, com taninos macios, bom frescor, cheio de sabores de frutas negras e especiarias, equilibrado, elegante e persistente. Sonoma e Mendocino, Califórnia Tinto :: Cabernet Sauvignon

WWW.INOVINI.COM.BR

43


Vintner’s Reserve Chardonnay cód.: 541031 O Vintner’s Reserve é o vinho mais famoso da Kendall-Jackson e o Chardonnay mais vendido nos EUA (em valor). Produzido com uvas de vinhedos próprios da Kendall-Jackson, situados nos distritos de Monterey, Santa Barbara, Mendocino e Sonoma, é fermentado e amadurecido em barricas de carvalho francês e americano. Intenso, refrescante, macio e longo, é a pura expressão da Chardonnay dos terroirs costeiros da Califónia. Monterey, Santa Barbara, Mendocino e Sonoma, Califórnia Branco :: Chardonnay 2010 - WS88 / 2009 - WA89 / 2008 - WA89

Vintner’s Reserve Pinot Noir

cód.: 541022 Produzido exclusivamente com uvas de vinhedos próprios da Kendall-Jackson situados nos distritos de Santa Barbara, Monterey, Mendocino e Napa, este Pinot Noir é um típico exemplar californiano dessa cepa. Amadurecido por 8 meses em barricas de carvalho francês (96%), tem linda cor rubi, nuanças de frutas vermelhas, como cereja, morango e framboesa, especiarias e um toque defumado. Boca refrescante, taninos sedosos e final persistente. Um tinto super gastronômico! Santa Barbara, Monterey, Mendocino e Napa, Califórnia Tinto :: Pinot Noir

Vintner’s Reserve Merlot

2010 - WA87 / Ouro na San Francisco Chronicle Wine Competition / 2009 - WA87 / 2008 - WA88

cód.: 541023 Produzido exclusivamente com uvas de vinhedos próprios da Kendall-Jackson situados nos distritos de Sonoma, Mendocino e Napa, este Merlot é um clássico californiano gerado pela uva predominante nas famosas regiões de Pomerol e St. Emilion (Bordeaux). Amadurecido por 13 meses em barricas de carvalho francês (72%) e americano, revela intensidade e complexidade aromáticas combinadas com densidade e textura macia. Um tinto para debelar preconceitos contra a Merlot! Sonoma, Mendocino e Napa, Califórnia Tinto :: Merlot 2009 - Ouro na San Francisco Chronicle Wine Competition 2012 / 2008 - WE90 e Editor’s Choice / 2007 - WA88

Vintner’s Reserve Zinfandel cód.: 541024 Produzido com uvas de vinhedos da KendallJackson, antigos, não irrigados e plantados sobre solos rochosos e vulcânicos dos distritos de Mendocino e Monterey. Amadurece em barricas de carvalho francês e americano, é límpido, intenso, rico em aromas de frutas vermelhas, negras e especiarias doces e picantes. É cheio de cores, volúpia, vida, energia e diversão. Um clássico e típico ‘Zin’; a própria Califórnia transformada em vinho! Mendocino e Monterey Tinto :: Zinfandel

44

ESTADOS UNIDOS / CALIFÓRNIA - SONOMA / KENDALL-JACKSON


Grand Reserve Cabernet Sauvignon

2009 WA90

cód.: 541041 O Grand Reserve Cabernet Sauvignon é produzido artesanalmente e resulta da seleção dos melhores e mais antigos vinhedos próprios da Kendall-Jackson situados nos distritos de Sonoma e Napa. Um típico Cabernet Sauvignon californiano, mas numa leitura muito elegante, com madeira bem dosada e álcool moderado! Amadurece 17 meses em barricas de carvalho francês e americano. É muito intenso, com notas de fruta negra, ervas, café, tabaco, cedro e pimenta; taninos expressivos, equilíbrio e persistência. Sonoma, Califórnia Tinto :: Cabernet Sauvignon 2009 - WA90 / 2008 - WA88-90+ / 2007 - WA90-93

2010 WE92

Grand Reserve Chardonnay cód.: 541051 O Grand Reserve Chardonnay da Kendall-Jackson é produzido artesanalmente e resulta da seleção de lotes dos melhores e mais antigos vinhedos da Kendall-Jackson situados nos distritos costeiros californianos de Santa Barbara e Monterey. Fermentado e amadurecido por 9 meses sur-lie em barricas de carvalho francês e americano, tem nariz intenso de grapefruit, limão, pêssego, manga, baunilha e mel. Boca elegante, refrescante, cheia de fruta cítrica, densa e longa. Elegantíssimo Chardonnay! Santa Barbara e Monterey, Califórnia Branco :: Chardonnay 2010 - WS88 / WA88 / WE92 2009 - WA91/ 2008 - WA90

WWW.INOVINI.COM.BR

45


França

Henry Fessy

Paris

Bourgogne

Beaujolais

“Os melhores vinhos produzidos com Gamay nas colinas graníticas de Beaujolais podem atingir profunda complexidade (…) os consumidores deveriam dar atenção a esses vinhos.” (David Schildknecht, Wine Advocate/ Robert Parker). É nessa região de colinas graníticas que a família Fessy está baseada desde 1888, precisamente no vilarejo de Brouilly. No curso de sua mais que centenária história, os Fessy adquiriram diversas parcelas de vinhedos na maioria dos 10 Crus de Beaujolais, criando um invejável Domaine que hoje possui cerca de 70 hectares de vinhedos privilegiados.

Henry Fessy, membro da família emblemática de Beaujolais.

Adquirida em 2008 pela famosa Maison Louis Latour, a Henry Fessy sedimentou seu status de vinícola de vinhos de qualidade graças à experiência, tradição, respeito à terra e um profundo conhecimento dos vinhedos de Beaujolais.

46

FRANÇA / BEAUJOLAIS / HENRY FESSY


Fleurie

Morgon

cód.: 501401 Com suas suaves colinas e solos graníticos cheios de cristais, a vila (ou Cru) de Fleurie é considerada a ‘Rainha de Beaujolais’. Seus vinhos são marcados por finesse e elegância. Produzido com uvas geradas por vinhas de 50 anos, esse Fleurie amadurece em tanques de aço inoxidável e de concreto durante 10 meses. Aroma delicioso com nuanças de frutas vermelhas, notas florais e minerais. Na boca é concentrado, com sabores intensos de fruta, gostoso frescor, taninos aveludados e longa persistência final.

cód.: 501402 O Cru (ou vila) de Morgon, com seus solos de granito e xisto, produz vinhos robustos e frutados. Vinho de guarda, um bom Morgon se assemelha a certos Borgonhas. Produzido com uvas geradas por vinhas de 50 anos, amadurece em tanques de aço inoxidável e de concreto durante 10 meses. Aromas encantadores de cereja e amora negras, nuanças minerais e florais. Na boca, estrutura de um Morgon de alta qualidade, com densidade, textura macia, frescor típico e longa persistência.

Beaujolais

Beaujolais

Tinto :: Gamay 2010 - WS88 / 2009 - WS90 / WA88 / WE92

2010 WS90

Moulin-à-Vent

Tinto :: Gamay 2010 - WS90 / 2009 - WS89 / WA87 / WE91 / Prata no IWCh 2010

cód.: 501403 Delimitado em 1924, o Cru (ou vila) de Moulin-à-Vent é composto por solos rasos, areno-graníticos e ricos em manganês. Esse terroir gera vinhos encorpados, longevos e comparáveis a seus primos da Côte-d’Or. Produzido com uvas geradas por vinhas de 50 anos, esse Moulin amadurece em tanques de aço inoxidável e de concreto durante 10 meses. Aroma intenso e complexo, com cassis, ameixa, flores, especiarias e um toque mineral. Na boca é concentrado, refrescante, com taninos macios e longa persistência. Beaujolais Tinto :: Gamay 2010 - WS88 / WE92 / 2009 - WS90 / WE92 / W&S90 / 2007 - WE90

2010 WE92

WWW.INOVINI.COM.BR

47


França

LaurentPerrier Champagne

Paris

Situada no vilarejo de Tours-sur-Marne, interseção das três principais áreas produtoras de Champagne (Montagne de Reims, Vallée de la Marne e Côte des Blancs), a Maison Laurent-Perrier, maior vinícola familiar da região, foi fundada em 1812 e vem dedicando seus mais de 200 anos de história e know-how à produção de vinhos únicos e à construção de uma das marcas mais respeitadas de Champagne. Este êxito é, sobretudo, resultado da não transigência com tradições seculares da Casa: respeito à natureza e aos vinhos, amor pela qualidade e relações sólidas e duradouras com funcionários, fornecedores e clientes. É também o resultado da dedicação de Bernard de Nonancourt e de suas filhas Alexandra e Stéphanie, que têm preservado a independência da Casa e perpetuado seus valores. Essa independência permite a “criatividade enológica” que, aliada ao uso da uva Chardonnay em proporções maiores do que a média da região, dá origem aos incríveis Champagnes elaborados por Michel Fauconnet, o chefe da adega. Baseada nessa “liberdade criativa” e

48

na busca constante da melhor qualidade possível, em 1959, a LaurentPerrier lançou a Grand Siècle, primeira cuvée prestige de Champagne composta por uma mescla de três safras excepcionais (até então, as cuvées prestige eram elaboradas com vinhos de uma mesma safra). Em 1968,

FRANÇA / CHAMPAGNE / LAURENT PERRIER


Alexandra Pereyre de Nonancourt e Stéphanie Meneux de Nonancourt, a nova geração da Laurent-Perrier.

Uma das marcas mais respeitadas de Champagne e, também, a maior vinícola familiar da região

Vinhedo de Laurent-Perrier, em Champagne.

a Laurent-Perrier lançou sua famosa Cuvée Rosé Brut, um Champagne rosé produzido apenas com uvas Pinot Noir, através da técnica da maceração pelicular (sem mistura de vinhos tintos e brancos, como é praxe em Champagne), para obter um vinho mais elegante e complexo.

WWW.INOVINI.COM.BR

Laurent-Perrier: história, tradição, experiência e criatividade em prol da qualidade.

49


Brut L-P (187, 750 e 1500 ml) 187 ml = cód.: 595015 750 ml = cód.: 595001 1500 ml = cód.: 595011 Além de ter o dobro de Chardonnay dos Champagnes normais, o Brut L-P é produzido por um blend de vinhos oriundos de mais de 55 crus (vilas), cuja classificação média dos vinhedos atinge incríveis 94% (100% é a classificação qualitativa mais elevada). Cerca de 20% de vinhos de reserva são agregados ao Brut L-P para assegurar consistência de qualidade e seu estilo. Amadurecido 3 anos sur-lie (sobre as borras) na própria garrafa, é delicado, fresco, cheio de frutas cítricas, flores, brioche e cogumelos. Champagne Champagne :: Chardonnay, Pinot Noir e Pinot Meunier

WS 91

Cuvée Rosé

WS 91

cód.: 595102 Em 1968, a Laurent-Perrier lançou seu famoso Cuvée Rosé Brut, um Champagne rosé especial e raro, pois é produzido exclusivamente com Pinot Noir, através da técnica da maceração pelicular (sem mistura de vinhos tintos e brancos, como é praxe em Champagne), para obter um mosto de cor rosa e transmitir ao vinho mais aromas de frutas e complexidade. Produzido por um blend de vinhos de 10 dos melhores crus (vilas) de Champagne, amadurece ao menos 4 anos sur-lie (sobre as borras) na própria garrafa. Champagne Champagne :: Pinot Noir WS91 / W&S90

WS91 / WA90

50

FRANÇA / CHAMPAGNE / LAURENT PERRIER


Millésimé cód.: 595006 A Laurent-Perrier é extremamente criteriosa ao declarar um Champagne Millésimé. Raras vezes o faz. Mas, em anos excepcionais, em que uvas e vinhos atinjam altos padrões de qualidade, a L-P produz millésimés dignos do nome da Casa. Produzido com Pinot Noir e Chardonnay, apenas o mosto extraído da primeira prensagem foi usado para gerar esse Champagne. Amadurecido por 8 anos sur-lie (sobre as borras) na própria garrafa, exibe atraente caráter de fruta amarela madura, mel de acácia, flores e brioche.

2002 WE94

Champagne Champagne :: Chardonnay e Pinot Noir 2002 - WS91/ WE94 / IWC92 / 1999 - WS91 1997 - WS90

WE 96

Cuvée Grand Siècle cód.: 595003 Buscando a melhor qualidade possível, em 1959, a Laurent-Perrier lançou o Grand Siècle, primeira cuvée prestige de Champagne composto por uma mescla de três safras excepcionais (as cuvées prestige eram elaboradas a partir de vinhos de uma única safra). Fruto das melhores uvas de Champagne, Chardonnay e Pinot Noir, o Grand Siècle é produzido por um blend de vinhos oriundos de 12 dos melhores Grand Crus da região, todos com a classificação máxima (100%), e amadurece 5 anos sur-lie (sobre as borras) na própria garrafa. Champagne Champagne :: Chardonnay e Pinot Noir WS91 / WE96

WWW.INOVINI.COM.BR

51


França Beaujolais

Paris

Louis Latour

Chablis Bourgogne

Fundada em 1797, a Maison Louis Latour é uma empresa familiar que ergueu sua reputação com base no equilíbrio entre tradição e inovação e se tornou reconhecida internacionalmente pela qualidade dos seus tintos e brancos. A família Latour vem construindo, geração após geração, um Domaine singular na Borgonha, que hoje se estende por 50 hectares e é proprietário da maior extensão de vinhedos Grand Cru da Cote d’Or: cerca de 30 hectares.

Ardèche

Provence

As uvas dos vinhedos próprios do Domaine Louis Latour são vinificadas na histórica adega construída em 1834 ao lado do Château Grancey, em Aloxe-Corton. Trata-se da primeira adega planejada construída na França e a mais antiga ainda em operação. Distribuída em níveis, possui um sistema de vinificação por gravidade para movimentar uvas, mostos e vinhos, eliminando, assim, eventual oxidação e a agressividade decorrente do bombeamento. Pensando na qualidade de toda a cadeia produtiva, no início do século XX a Louis Latour adquiriu um bosque de carvalho a leste de Beaune e

52

Louis-Fabrice Latour, sétima geração dos fundadores de Louis Latour e atual presidente.

ergueu a sua própria tanoaria, onde produz as barricas de carvalho usadas para amadurecer seus vinhos. Na França, a Louis Latour foi pioneira na produção de Chardonnay e Pinot Noir de qualidade fora das fronteiras da Borgonha. Seus deliciosos vinhos das regiões de Ardèche e Côteaux du Verdon vem conquistando prestígio e mercados. Em 1997 a vinícola celebrou seu bicentenário e foi admitida no exclusivo “Club Hénokiens”, restrito a empresas familiares, líderes em seus segmentos de mercado, que tenham uma história de ao menos 200 anos e ainda possuam o nome de seu fundador. Só existem cerca de 40 dessas empresas no mundo! FRANÇA / BORGONHA / LOUIS LATOUR


Vosne Romanée Premier Cru cód.: 501804 O distrito de Vosne-Romanée cobre cerca de 220 hectares e inclui alguns dos menores e mais ilustres vinhedos Grand Cru da Borgonha. Seu próprio nome atesta o fato de que já nos tempos do Império Romano tais vinhedos eram considerados privilegiados. A Maison Latour seleciona rigorosamente os melhores vinhedos 1er. Cru para produzir este vinho. Fermentado nos tradicionais tonéis de carvalho borgonheses, amadurece por 10-12 meses em barricas de carvalho francês. Borgonha Tinto :: Pinot Noir 2009 - WS88 / 2008 - WS88 / 2007 - WS89

Gevrey-Chambertin Premier Cru cód.: 501803 Gevrey-Chambertin é a principal comuna vitivinícola do norte da Côte de Nuits. Possui solo rico em pedra-calcária e está distante apenas 10km da cidade de Dijon. As características que definem este 1er. Cru são sua estrutura firme, riqueza de fruta vermelha e negra e sutis notas terrosas. Fermentado nos tradicionais tonéis de carvalho borgonheses, amadurece por 10-12 meses em barricas de carvalho francês e requer uma certa guarda para que passe a expressar inteiramente suas virtudes. Borgonha Tinto :: Pinot Noir 2009 - WS89 / 2008 - WS90 / 2006 - WS89

Château Corton Grancey Grand Cru cód.: 501801 “Notas de cereja, alcaçuz e especiarias. Na boca é denso, persistente e com uma estrutura bem integrada. Seu estilo potente e firme realmente cresce no palato e torna o final de boca muito longo” (Wine Spectator). Produzido apenas nas safras em que a Pinot Noir atinge a maturidade perfeita. Provém dos vinhedos Grand Cru Les Bressandes, Les Chaumes, Les Pougets, Les Perrières e Les Grèves, todos com vinhas de mais 40 anos. Borgonha Tinto :: Pinot Noir 2009 - WE93 / 2008 - WS90 / 2006 - WS90 / 2005 - WS92 / RP87-89 / WE93 / AM90-93 / Prata-DWWA 09 /

2009 WE93

WWW.INOVINI.COM.BR

53


Chassagne-Montrachet Rouge cód.: 501810 Produzido exclusivamente com uvas da comuna de Chassagne-Montrachet, localizada no sul da Côte de Beaune. As uvas são fermentadas nos tradicionais tonéis de carvalho borgonheses e o vinho amadurece por 12 meses em barricas de carvalho francês. Vermelho-grená intenso. Perfume sedutor, revelando aromas muito puros e francos de morango, cereja, cassis e cravo. Médio corpo, delicioso frescor, taninos de excelente qualidade e longa persistência. Borgonha Tinto :: Pinot Noir 2008 - WS88 / 2006 - WE88 / 2005 - WE88

Volnay cód.: 501813 A pitoresca vila de Volnay está aninhada em uma pequena colina, distante apenas algumas centenas de metros da sua vizinha vila de Pommard. Da pequena praça em frente à capelinha do século XIV, ponto central da vila, pode-se ver toda a planície borgonhesa e, nos dias claros, até o pico nevado do Mont Blanc. Um tinto polido, fermentado nos tradicionais tonéis de carvalho borgonheses e amadurecido por 10-12 meses em barricas de carvalho francês. Borgonha Tinto :: Pinot Noir 2008 - WS88 / 2007 - WS89

Aloxe-Corton Premier Cru Les Chaillots cód.: 501802 A comuna de Aloxe-Corton é o berço da família Louis Latour e local onde cultivam a vinha e produzem vinhos há mais de 250 anos. “Chaillots” significa calhau (pedra de seixo), marca do terroir desse excepcional vinhedo 1er. Cru. Os vinhos de Aloxe-Corton costumam aliar a finesse da Côte de Beaune, sua origem, com a estrutura firme da Côte de Nuits. Fermentado nos tradicionais tonéis de carvalho borgonheses, amadurece por 12 meses em barricas de carvalho francês. Borgonha Tinto :: Pinot Noir 2009 - WS91 / 2008 - WS89 / Prata na IWCh 2012 / 2007 - WS91

54

2009 WS91

FRANÇA / BORGONHA, PROVENCE e BEAUJOLAIS / LOUIS LATOUR


Bourgogne Rouge Cuvée Latour (375 e 750 ml) cód.: 501840 (375 ml) / cód.: 501820 (750 ml) O Cuvée Latour Rouge é um Pinot Noir 100%, produzido a partir de vinhedos plantados em solos ricos em pedra calcária, argila e granito, localizados no sul da Côte-d’Or. Apresenta uma bela cor rubi clara e brilhante, típicos aromas de frutas vermelhas, notas terrosas, couro e sutil nuança de carvalho. Médio corpo, com taninos polidos, gostosa acidez, belo equilíbrio e persistência.

Marsannay

Borgonha Tinto :: Pinot Noir

cód.: 501811 Classificado entre os Top 100 da revista Wine Spectator em 2008 (com a safra 2005), este tinto 100% Pinot Noir é produzido exclusivamente com uvas do distrito de Marsannay, a porta de entrada norte da Côte d’Or. Fermentado nos tradicionais tonéis borgonheses e amadurecido durante 12 meses em barricas de carvalho, tem cor vermelho-grená, notas de frutas vermelhas silvestres, couro e minerais; boca sedosa e ótimo equilíbrio. Borgonha Tinto :: Pinot Noir 2009 - WS89 / 2008 - Bronze na IWSC 2011 / 2005 - WS90

Pinot Noir Domaine de Valmoissine

cód.: 501812 O Domaine de Valmoissine está situado nas colinas de Provence, nas terras do antigo monastério e universidade de Valmoissine. Com vinhedos plantados em solo argilo-calcário a 500 metros de altitude, as uvas gozam da insolação perfeita e de temperaturas amenas durante as noites de verão, graças à altitude e às brisas do Mediterrâneo. Provence Tinto :: Pinot Noir 2009 - “Wine of the Week” no The Guardian (UK, 11/2011) 2007 - Jamie Goode 88 pontos

BeaujolaisVillages cód.: 501821 Cor rubi com matizes lilás. Aromas típicos de Beaujolais, com frutas vermelhas maduras e um toque de doce de banana. Na boca tem corpo leve, taninos delicados, gostoso frescor e sabores de frutas vermelhas. Vinho fácil de beber e de gostar. Delicioso com embutidos (salame, mortadela...), rosbife e queijos de massa mole. Beaujolais Tinto :: Gamay

WWW.INOVINI.COM.BR

55


Meursault-Blagny Premier Cru Château de Blagny cód.: 501902 O Meursault-Blagny do “Château de Blagny” é um vinho exclusivo, um monopole da Maison Louis Latour. O Château e seus solos ricos em calcário do período jurássico estão localizados nas colinas sobre as comunas de Meursault e Puligny-Montrachet. Amadurecido 10 meses sur-lie em barricas de carvalho francês, tem aroma elegante, com notas minerais, frutas cítricas, flores brancas, mel, nuanças tostadas e especiarias. Boca de médio corpo, acidez viva, longa persistência e finesse. Borgonha Branco :: Chardonnay 2010 - WE91 / AM90 / JR17/20 / 2009 - WE90 / AM90 / The World of Fine Wine 17/20 2008 - WS90 / AM89-92

2010 WE91

Puligny-Montrachet Premier Cru cód.: 501903 A Maison Latour seleciona com muito critério a matéria-prima 1er. Cru que integra este vinho, escolhendo apenas as uvas de vinhedos que apresentam suficiente maturidade e consistência durante anos. Após amadurecer 10 meses em barricas de carvalho francês e sur-lie, o resultado é um típico Puligny-Montrachet. Um grande branco! Borgonha Branco :: Chardonnay 2010 - WS88

2009 WE94

Corton-Charlemagne Grand Cru cód.: 501901 Após os danos provocados pela phylloxera no final do século XIX, foi a família Latour que tomou a decisão, hoje celebrada, de erradicar as videiras mortas de Aligoté e Pinot Noir e replantar sua parcela (9,65ha.) do vinhedo de Corton-Charlemagne com Chardonnay. Tal parcela está situada na melhor área da colina de Corton, com perfeita exposição aos raios do sol. Amadurece cerca de 10 meses sur-lie em barricas de carvalho francês. Um dos melhores brancos do mundo! Borgonha Branco :: Chardonnay 2011 - JR17/20 / 2010 - WS92 / WE94 / AM94 2009 - WS93 / WE94 / AM93 / The World of Fine Wine 18/20 / 2008 - WS92 / WE95 / AM94

56

FRANÇA / BORGONHA, CHABLIS e ARDÈCHE / LOUIS LATOUR


Bourgogne Blanc Cuvée Latour (375 e 750 ml) cód.: 501940 (375 ml) / cód.: 501921 (750 ml) O Cuvée Latour Blanc é um vinho 100% Chardonnay. Suas uvas provêm, principalmente, de vinhedos plantados nos solos calcários da Côte-d’Or - Meursault, Puligny e Chassagne - resultando num elegante e autêntico Borgonha branco. Fermentado e amadurecido em tanques de aço inox, tem delicadas notas de frutas cítricas, pêssego, acidez refrescante, final puro e saboroso. Borgonha Branco :: Chardonnay 2010 - Medalha de Prata - IWCh 2011 / 2009 - The World of Fine Wine 16,5/20 / 2007 - Jamie Goode 87 pontos

Pouilly-Fuissé cód.: 501910 Pouilly-Fuissé é a zona que produz os melhores Chardonnays da sub-região de Mâconnais. Fermentado e amadurecido em tanques de aço inox, para expressar fielmente a pureza das uvas de Pouilly-Fuissé, tem aromas de frutas brancas, pêssego e um toque de clorofila. Boca refrescante, cítrica, mineral e com longa persistência. Borgonha Branco :: Chardonnay 2010 - WE88 / 2009 - WS88

Chablis cód.: 501911 O Chablis da Maison Louis Latour é um ótimo exemplo do que a uva Chardonnay é capaz de produzir nas famosas colinas de solo calcário da região. Fermentado e amadurecido em tanques de aço inox para ressaltar o frescor e a mineralidade da fruta, seu leque aromático revela notas minerais, frutas cítricas maduras e flores. Na boca é muito saboroso, puro, vivaz, com final refrescante e persistente. Chablis Branco :: Chardonnay

Chardonnay Grand Ardèche cód.: 501922 O Grand Ardèche é produzido com as mesmas técnicas e critérios dos Crus da Côte-d’Or. Fermentado e amadurecido sur-lie (sobre as borras), em barricas de carvalho francês durante 10 meses, é um delicioso Chardonnay com nariz elegante de flores brancas, amêndoa tostada, brioche, frutas cítricas maduras e especiarias. Na boca é saboroso e refrescante, nuanças de coco e longa persistência. Ardèche Branco :: Chardonnay 2010 - Bronze no IWCh 2012 / 2009 - Bronze na IWC 2011

WWW.INOVINI.COM.BR

57


França Paris Vale do Loire

Remy Pannier Em 1885, François Rémy fundou a Rémy Pannier em Saumur, no Vale do Loire. Com a associação à Maison Ackerman, em 1956, desenvolveu-se e tornou-se a maior produtora e comerciante de vinhos do Loire. Em 2009 a empresa passou a se chamar Ackerman e Rémy Pannier sua principal marca de vinhos.

Cave natural escavada na rocha.

Os vinhos Rémy Pannier aliam qualidade e personalidade, refletindo a grande variedade de microclimas do Loire. Parte de seu sucesso se deve às técnicas e equipamentos ultramodernos para vinificação e amadurecimento dos vinhos, que visam preservar as características peculiares e a riqueza das diversas uvas do Loire. É líder em sua região e tem fama mundial, exportando 60% da sua produção para mais de quarenta países.

58

Vinhedo de Remy Pannier e o rio Loire ao fundo.

FRANÇA / LOIRE / RÉMY PANNIER


Rosé D’Anjou cód.: 502203 Proveniente de uma das mais famosas regiões francesas produtoras de vinhos rosés - Anjou, no Vale do Loire, onde os vinhedos estão plantados sobre solos ricos em xisto - este vinho possui delicada cor rosa, aromas de morangos e cerejas frescas, boca macia (é semi-seco ou suave), com gostoso frescor, sabores frutados e bom equilíbrio. É um “matador de sede” perfeito para ser bebido gelado nos dias quentes e se entende bem com pratos à base de mariscos e peixes defumados. Loire Rosé :: Cabernet Franc, Gamay e Grolleau Gris 2011 - Comenda no IWCh 2012 2010 - Prata no IWCh 2011

2010 WS88

Muscadet Sèvre et Maine ‘Sur-Lie’ cód.: 502101 O nome da denominação de origem Muscadet Sèvre et Maine advém dos dois rios que a cortam: o Sèvre Nantaise e o Petite Maine. Essa região está localizada no extremo oeste do Vale do Loire, muito próxima ao Oceano Atlântico, onde os solos ricos em pedra calcária, granito e seixos, tendem a produzir vinhos muito frescos e minerais, como esse delicioso Muscadet que amadurece ao menos 6 meses sur-lie (sobre as borras) em tanques de aço inoxidável e apresenta excelente relação preço-qualidade. Loire Branco :: Melon de Bourgogne 2010 - WS88

WWW.INOVINI.COM.BR

59


França Paris

Bordeaux

60

Saga A junção de um “know-how” ancestral com o espírito dos novos tempos. Proprietária do Château Lafite Rothschild há cinco gerações, a família Rothschild está enraizada nos vinhedos de Bordeaux desde 1868. Após anos recebendo pedidos de amigos e da própria família, os Rothschild decidiram produzir uma gama de Bordeaux mais acessíveis e destinados ao consumo cotidiano e a momentos descontraídos. Assim, nasceu a linha de vinhos ‘Collection Saga’. Como qualidade é a premissa elementar de todos os projetos dos Rothschild, os Saga são produzidos sob a supervisão da talentosa enóloga Diane Flamand e com o mesmo nível de cuidado e atenção aplicado à elaboração dos grand vins dos Châteaux cru classes da família.

Enóloga Diane Flamand.

A junção de um know-how ancestral com o espírito dos novos tempos

FRANÇA / BORDEAUX / SAGA


Bordeaux Rouge

Médoc

Pauillac

cód.: 501201 Aqui temos um ótimo Bordeaux tinto para o consumo cotidiano, com tipicidade regional e o pedigree Rothschild. 50% do vinho amadurece em barricas de carvalho francês por cerca de 6 meses. Nariz intenso, combinando notas de grafite, alcaçuz, frutas negras, café e nuanças tostadas. Na boca é encorpado e equilibrado em todos os componentes. Seus taninos são marcantes, mas finos, os sabores de carvalho estão bem integrados com a fruta e seu final é longo, fresco e com nuanças de especiarias.

cód.: 501202 Neste Médoc com o pedigree Rothschild, já se consegue notar toda a intensidade e elegância dos vinhos da ‘Margem Esquerda’ do Rio Gironde. 50% do vinho amadurece em barricas de carvalho francês por cerca de 9 meses. Aromas expressivos e rescendendo a frutas negras maduras, como cassis e amora, nuanças tostadas, ervas e especiarias, como alcaçuz. Na boca é encorpado, mas com equilíbrio em todos os componentes: taninos com textura aveludada, gostoso frescor, final longo e com sabores de canela e pimenta negra.

cód.: 501203 Aqui temos um jovem Pauillac com pedigree Rothschild e já delicioso, que nos permite perceber as razões desse distrito bordalês produzir alguns dos melhores tintos do Mundo. 50% do vinho amadurece em barricas de carvalho francês por cerca de 9 meses. Nariz intenso e elegante, com frutas negras e vermelhas maduras, notas de couro, ervas, canela, pimenta negra e noz-moscada. Na boca é robusto, com taninos já bem integrados à estrutura do vinho; muito saboroso, com um final longo, cheio de frutas e especiarias.

Bordeaux Tinto :: Cabernet Sauvignon e Merlot Medalha de Bronze - DWWA 2012

Bordeaux

Bordeaux

Tinto :: Cabernet Sauvignon e Merlot

Tinto :: Cabernet Sauvignon e Merlot

Bordeaux Blanc cód.: 501301 Um belo Bordeaux branco com identidade regional, refrescante, cítrico-herbáceo e com o pedigree Rothschild. Amadurecido por alguns meses em tanques de aço inoxidável, sob temperatura controlada e sur-lie (sobre as borras), traz aroma de boa intensidade e límpido, lembrando frutas cítricas, como grapefruit e limão, com toques de ervas e pimenta verde. Na boca é bastante vivo e fresco, com uma certa densidade conferida pela Semillon. É fácil, muito gostoso de beber e com boa persistência. Bordeaux Branco :: Semillon e Sauvignon Blanc 2010 - Medalha de Bronze - IWSC 2011 2011 - Medalha de Bronze - IWSC 2012

WWW.INOVINI.COM.BR

61


França

SimonnetFebvre

Paris

Fundada em 1840 pelo produtor de barricas Jean Febvre, a SimonnetFebvre é uma tradicional casa de Chablis, sub-região mais setentrional da Borgonha. Chablis

Louis-Fabrice Latour (presidente e proprietário da histórica Maison Louis Latour) sempre desejou possuir terras em Chablis e ser um produtor relevante nessa que é uma das mais famosas regiões de vinho branco do mundo. Em 2003 Louis-Fabrice realizou seu sonho ao adquirir a Simonnet-Febvre. Os Chablis de Simonnet-Febvre advêm dos diversos terroirs dessa fantástica denominação de origem, desde Petit Chablis, passando por Chablis village, Premier Crus e culminando nos Grand Crus. Seus Chablis são típicos exemplares desse clima frio e solo rico em pedra-calcária.

62

Jean-Philippe Archambaud, diretor da Simonnet-Febvre.

Vinícola Simonnet-Febvre.

FRANÇA / CHABLIS / SIMONNET-FEBVRE By LOUIS LATOUR


Chablis 1er. Cru “Vaillons” cód.: 501712 Um Chablis produzido a partir de uvas geradas por vinhedos com cerca de 35 anos, plantados sobre o famoso solo de pedra-calcária da região (chamado Kimmeridgian; formado por conchas de animais marinhos fossilizados) do prestigiado 1er. Cru Vaillons, um dos clássicos climats de Chablis. A fermentação alcoólica ocorre em tanques de aço inoxidável sob temperatura controlada e o vinho amadurece sur-lie (sobre as borras) por 12 meses nos tanques de aço. Chablis Branco :: Chardonnay 2010 - JR 16,5/20 / 2009 - WS88 / 2008 - WS90 / 2006 - WS88

Petit Chablis cód.: 501702 Este vinho é produzido a partir de uvas geradas por vinhedos com cerca de 20 anos, plantados sobre os típicos solos argilo-calcários de Petit Chablis, sub-apelação situada na zona periférica de Chablis, norte da Borgonha. A fermentação alcoólica ocorre em tanques de aço inoxidável sob temperatura controlada. A fermentação maloláctica é total e o vinho amadurece cerca de 8 meses sur-lie (sobre as borras) nos tanques de aço. Chablis Branco :: Chardonnay 2010 - JR 16/20

Crémant de Bourgogne Brut cód.: 596001 Os Crémants de Bourgogne são espumantes produzidos na Borgonha pelo mesmo processo de vinificação utilizado em Champagne, chamado de Método Tradicional. A Simonnet-Febvre é uma especialista em Crémant e os produz desde 1840 por tal método. Este é um blend de 60% Chardonnay e 40% Pinot Noir, que amadurece 24 meses sur-lie (sobre as borras). Resultado: um espumante equilibrado, seco, superrefrescante, com notas de fruta amarela, toques minerais e longa persistência. Chablis Espumante Branco :: Chardonnay e Pinot Noir WS88

WWW.INOVINI.COM.BR

63


Hungria

Royal Tokaji A região húngara de Tokaj está situada 240 km a nordeste de Budapeste, nas montanhas Zemplén, confluência dos rios Tisza e Bodrog. Tokaj

Budapeste

Os vinhos Tokaji Aszú são considerados os vinhos doces primordiais da Europa, os primeiros (em torno do ano 1650) intencionalmente produzidos com uvas botrytizadas. Tornaram-se lendários a apreciadores como o Papa Pio IV, o rei Louis XIV (que o chamava de “O Rei dos vinhos e o vinho dos reis”), Voltaire, o presidente dos EUA Thomas Jefferson, a rainha Victoria... Tokaji é o nome do vinho; Tokaj, o da cidade; e Aszú se refere à presença de uvas botrytizadas. Fundada em 1990, e já uma das referências de Tokaj, a Royal Tokaji Wine Company foi a primeira nova vinícola a investir na região após a queda da “Cortina de Ferro” e, por isso, é considerada a fiadora da renascença desse lendário vinho húngaro.

diversos prêmios internacionais, como o Blue Label Aszú 5 Puttonyos, que foi relacionado entre os Top 100 da Wine Spectator nos anos de 2009 e 2010.

Tendo entre seus sócios o famoso crítico inglês Hugh Johnson e Karoly Áts (um dos melhores enólogos da região), a Royal Tokaji vem produzindo vinhos soberbos e vencedores de

64

HUNGRIA / TOKAJ / ROYAL TOKAJI


Hugh Johnson, um dos donos da vinícola.

Royal Tokaji 5 Puttonyos.

WWW.INOVINI.COM.BR

Fundada em 1990, a Royal Tokaji Wine Company foi a primeira nova vinícola a investir na região após a queda da “cortina de ferro”

65


Tokaji Furmint

Áts Cuvée Tokaji Late Harvest (500 ml)

cód.: 526121 Branco exótico, já em sua primeira safra (2003) foi considerado um Best Buy pela revista inglesa Decanter. A Furmint é uma uva de amadurecimento tardio e de alta acidez natural, com isso, gera vinhos longevos. Fermenta e amadurece sur-lie em barricas de carvalho húngaro por 5 meses. Aroma de flores, erva-doce, frutas cítricas e minerais. Na boca é seco, vibrante, macio, denso, e com longa persistência final.

cód.: 526104 Produzido com uvas de colheita tardia (late harvest), ricas em açúcar e ácidos e, parcialmente, afetadas pelo fungo botrytis cinerea. Amadurece 7 meses em barricas de carvalho húngaro. Nariz intenso e elegante de frutas cítricas, casca de laranja, damasco seco, pêssego, flores, mel e um toque mineral. Na boca, doçura e acidez se equilibram, deixando uma gostosa sensação de frescor, textura densa e um longo final.

Tokaj

Tokaj

Branco :: Furmint

Branco Doce :: Furmint, Hárslevelú e Muscat

2010 - Ouro no CIV / 2009 - Ouro e Melhor da Categoria na IWSC 2011

2009 - WS90 / Prata no DWWA / Prata e Melhor da Categoria na IWSC / 2008 - WS90 / 2007 - WS88

2009 WS90

66

HUNGRIA / TOKAJ / ROYAL TOKAJI


Tokaji Essencia (375 ml) cód.: 526111 Produzido apenas com uvas de vinhedos “Primae Classis” (1er. Crus). Os bagos Aszú (afetados por botrytis cinerea) com elevada concentração de açúcares, ácidos e outros componentes sólidos, são colhidos um-porum. Em seguida, o néctar espesso dessas uvas é coletado gota-a-gota em jarras de vidro. Nessas jarras ocorre lentamente a fermentação alcoólica (com leveduras silvestres) e o amadurecimento de 7 anos. Deliciosas notas de mel, damasco, flores, butterscotch, caramelo, especiarias... Um vinho único, para se tomar de colher!

Gold Label Tokaji Aszú 6 Puttonyos (500 ml) cód.: 526105 Produzido com uvas de vinhedos “Primae” e “Secundae Classis” (1er. e 2nd. Crus). Os bagos Aszú (afetados por botrytis cinerea) são colhidos um-por-um e transformados em uma pasta de uvas botritizadas que, na proporção adequada para produzir um 6 Puttonyos, é macerada com um vinho base de uvas frescas. Amadurece 30 meses em barricas de carvalho húngaro. Aroma intenso de casca de laranja, amêndoa, marmelada, damasco seco e especiarias. Doçura e acidez se equilibram perfeitamente. Tokaj Branco Doce :: Furmint, Hárslevelú e Muscat 2007 - Ouro no IWCh e no DWWA 2012

Tokaj Branco Doce :: Furmint, Hárslevelú e Muscat de Lunel 2003 - WS94 / 2000 - WS97

2007 WS92 2003 WS94

Blue Label Tokaji Aszú 5 Puttonyos (500 ml) cód.: 526101 Produzido com uvas de vinhedos “Primae” e “Secundae Classis” (1er. e 2nd. Crus). Os bagos Aszú (afetados por botrytis cinerea) são colhidos umpor-um e transformados em uma pasta de uvas botritizadas que, na proporção adequada para produzir um 5 Puttonyos, é macerada com um vinho base de uvas frescas. Amadurece 30 meses em barricas de carvalho húngaro. Aromas potentes de casca de laranja, figo, menta e canela. Na boca, doçura e acidez se equilibram perfeitamente. Tokaj Branco Doce :: Furmint, Hárslevelú e Muscat 2007 - WS92 / WE92 / Troféu Tokaji e Ouro no IWCh / Ouro no IWSC / 2006 WS94 e mais uma vez Top 100 da Wine Spectator ! / 2005 - WS94 e Top 100 da Wine Spectator !

WWW.INOVINI.COM.BR

67


Israel

Golan

Heights

Colinas de Golan

Jerusalém

A vinícola Golan Heights foi fundada em 1983 nas Colinas do Golan, na Galiléia, região montanhosa localizada no norte de Israel e conhecida localmente como a “terra do vinho”. Seus mais de trinta vinhedos se estendem das proximidades do Mar da Galiléia aos sopés do monte Hermon, formando uma rica paleta de terroirs com distintos solos (basalto-vulcânico, argiloso, com seixo, calcário...) e altitudes (de 400 a 1200 metros de altitude), condições fundamentais para a qualidade e elegância dos vinhos da Golan Heights. A adega está equipada com os mais modernos equipamentos enológicos e apenas as melhores barricas de carvalho são usadas. O enólogo-chefe, Victor Schoenfeld, graduou-se na prestigiada Universidade de Davis, na Califórnia. Desde os seus primeiros anos, a vinícola vem conquistando prêmios e reconhecimentos nos mais respeitados concursos internacionais, bem como dos mais famosos críticos. Em 2008 foi a primeira vinícola israelense a figurar na lista Top 100 da Wine Spectator, com o vinho Yarden Cabernet Sauvignon 2004.

68

Yarden, a marca dos vinhos premium da Golan Heights, significa Jordão em hebraico e homenageia o rio mencionado nos escritos sagrados judaicos e cristãos. Todos os vinhos Yarden são kosher (não cozidos) e a marca é representada por uma tradicional lâmpada a óleo.

ISRAEL / GALILEIA / GOLAN HEIGHTS


Vinhedo Ein Zivan no inverno.

Vinhedo orgânico Odem.

WWW.INOVINI.COM.BR

Em 2008 foi a primeira vinĂ­cola israelense a figurar na lista Top 100 da Wine Spectator, com o vinho Yarden Cabernet Sauvignon 2004

69


Yarden Syrah cód.: 565205 Este tinto é produzido a partir de uvas dos três melhores vinhedos de Syrah da Golan Heights: Ortal, no norte de Golan; Allone Habashan e Tel Phares em Golan central. O Yarden Syrah é um tinto prazeroso mesmo jovem, mas evolui com muita elegância na garrafa, afinando suas virtudes no curso de uma década ou mais. Amadurece durante 18 meses em barricas de carvalho francês e se revela encorpado, denso, com nuanças intensas de fruto seco e especiarias, taninos sedosos, gostoso frescor e longa persistência. Galileia

Yarden Mount Hermon Red (375 e 750 ml) cód.: 565202 (375 ml) / cód.: 565201 (750 ml) Delicioso tinto cheio de fruta e para o consumo cotidiano, este “corte bordalês” é produzido a partir de uvas de vários vinhedos situados nas frias Colinas do Golan. É fermentado e amadurecido em tanques de aço inoxidável sob temperatura controlada e sobre suas borras. Nariz bastante intenso e puro, com notas de framboesa, cereja, especiarias e ervas. Na boca segue saborosamente frutado, revelando estrutura sólida, com taninos polidos gostoso frescor e boa persistência final. Pronto para beber! Galileia

Tinto :: Syrah

Tinto :: Cabernet Sauvignon, Merlot, Cabernet Franc, Malbec e Petit Verdot

2007 - RG92 / 2006 - RG92 / 2005 - RG91

Yarden Cabernet Sauvignon cód.: 565206 Produzido a partir de uvas dos melhores vinhedos de Cabernet Sauvignon da empresa, situados nas porções norte e central das Colinas do Golan e também na alta Galileia, o Yarden Cabernet Sauvignon é prazeroso quando jovem, mas evolui com muita elegância na garrafa, afinando suas virtudes no curso de uma década ou mais. Amadurecido durante 18 meses em barricas de carvalho francês, é encorpado, denso, com notas de fruta negra madura, tons terrosos, especiarias, chocolate negro, cedro, tabaco e ervas frescas. Galileia Tinto :: Cabernet Sauvignon 2008 - RG93 / 2007 - WA88 / RG92

2008 RG93

70

ISRAEL / GALILEIA / GOLAN HEIGHTS


Yarden Chardonnay cód.: 565305 O Yarden Chardonnay é produzido com uvas de vinhedos situados no extremo norte das Colinas do Golan. Em altitudes que atingem 1.200 metros, a porção mais fria da região é excelente para a Chardonnay. A fermentação alcoólica ocorre em barricas de carvalho francês (50% novas), nas quais o vinho também amadurece por cerca de 7 meses. Um intenso e elegante Chardonnay, com notas de fruta amarela madura e especiarias. Galileia Branco :: Chardonnay

2009 RG90

2009 - RG90 / 2007 - RG90

Yarden Mount Hermon White cód.: 565301 Delicioso branco para o dia-a-dia, este vinho é produzido a partir de uvas de vários vinhedos situados no norte das Colinas do Golan, a porção mais fria da região. A fermentação alcoólica e o amadurecimento ocorrem em tanques de aço inoxidável sob baixas temperaturas, com o propósito de preservar todo o frescor e as características primárias das uvas. Intenso e puro, com notas de melão, frutas cítricas, maçã verde e nuanças florais. Galileia Branco :: Sauvignon Blanc, Chardonnay e Semillon

Yarden Muscat (500 ml) cód.: 565310 O Yarden Muscat é produzido a partir de uvas de vinhedos situados na porção sul das Colinas do Golan. É um surpreendente vinho doce e com excelente relação preço/qualidade. Produzido com a uva Muscat de Alexandria, é vinificado em tanques de aço sob baixas temperaturas e fortificado no início da fermentação com brandy envelhecido em barricas de carvalho. Tem aromas potentes e típicos da Muscat, como casca de laranja, flores, mel de laranjeira e nuanças de especiarias aportadas pelo brandy. Galileia Branco Fortificado Doce :: Muscat de Alexandria 2008 - WA87

WWW.INOVINI.COM.BR

71


Itália

Barone

Ricasoli

A vinícola Barone Ricasoli pode ser definida em poucas e reveladoras palavras: a verdadeira essência do Chianti Classico! Chianti

Toscana Roma

De fato, a família Ricasoli está intimamente ligada à história do vinho italiano. Credita-se ao Barão Bettino Ricasoli a criação do vinho Chianti, quando no ano de 1872, após trinta anos de pesquisas e experimentações, postou a “fórmula do Chianti” na famosa carta endereçada ao professor Cesare Studiati da Universidade de Pisa, na qual exaltava os aromas e a estrutura da Sangiovese. Além de ser a criadora do Chianti moderno, a família Ricasoli está envolvida com a produção de vinhos desde o ano 1141, quando adquiriu o legendário Castello de Brolio. Essa longa história faz da Barone Ricasoli a quarta empresa em atividade mais antiga do mundo e a vinícola mais antiga da Itália.

A vinícola Barone Ricasoli pode ser definida em poucas e reveladoras palavras: a verdadeira essência do Chianti Classico! 72

ITÁLIA / TOSCANA / CHIANTI / BARONE RICASOLI


Barão Francesco Ricasoli.

Campo Ceni Toscana I.G.T. cód.: 511205 Campo Ceni é um IGT que completa a abordagem estilística da qual o Casalferro é o representante mais importante. Trata-se de um vinho para ser bebido jovem, cuja qualidade e prazer decorrem de sua fruta fresca intensa e textura aveludada. 80% do vinho amadurece em carvalho e 20% em tanques de aço inoxidável. Toscana Castello di Brolio, propriedade da família Ricasoli desde 1141.

Tinto :: Sangiovese, Merlot e Cabernet Sauvignon 2005 - WS86 / 2004 - WS86 / 2002 - WS86 / Prata no IWCh 2004 e no DWWA 2004

WWW.INOVINI.COM.BR

73


Castello di Brolio Chianti Classico D.O.C.G. cód.: 511204 Este é o vinho que representa a essência da Barone Ricasoli, sua longa história em busca da perfeição e a natureza privilegiada de seu terroir. O Chianti Castello di Brolio é o “Grand Vin” de Ricasoli. Apenas as uvas que atingem a maturação perfeita são selecionadas para compor o corte deste vinho, sempre excepcional. Os vinhedos se situam entre 250 a 450 metros acima do nível do mar. A exposição perfeita, a elevação e o solo pedregoso são responsáveis pelo caráter do Castello de Brolio. O vinho amadurece durante 18 meses em pequenas barricas novas e em grandes tonéis de carvalho francês. Toscana Tinto :: Sangiovese, Merlot e Cabernet Sauvignon 2008 - WS92 / WA92 / JS94 / 2007 - WS91 / GR3B / Prata e Melhor de sua Classe no IWSC / 2006 - WS96 / WE92 / GR3B / Prata e Melhor de sua Classe no IWSC

2008 GR3B 2008 JS94

Casalferro I.G.T. cód.: 511203 Casalferro é o resultado das pesquisas iniciadas nos anos 90, quando Francesco Ricasoli assumiu a vinícola e começou a modernizar os métodos de produção. Atualmente, o Casalferro é 100% Merlot e gerado por plantas de uma única parcela do vinhedo de nome “Casalferro”, que está a 400 msnm., na formação geológica do Monte Morello. Seu solo é marrom, com uma fina camada de argila, rico em calcário, bastante pedregoso e com excelente drenagem: perfeito para a Merlot. Amadurece 18 meses em barricas novas de carvalho. Toscana Tinto :: Merlot 2008 - WS91 / WA90 / GR3B / 2007 - WS89 / DUE4G/ Ouro no Sélections Mondiales Canada / 2006 - WS92

74

ITÁLIA / TOSCANA / CHIANTI / BARONE RICASOLI


Brolio Chianti Classico D.O.C.G. (375 e 750 ml) cód.: 511215 (375 ml) / cód.: 511202 (750 ml) Os vinhedos da Ricasoli, plantados entre 280 e 480 metros acima do nível do mar, produzem as uvas para o Chianti Brolio. Os terrenos têm em comum uma composição rica em cascalho e calcário. O vinho fermenta em tanques de aço inox e amadurece durante 9 meses em pequenas barricas e grandes tonéis de carvalho. É a típica expressão do Chianti, com suas nuanças minerais, perfumes que mesclam frutas vermelhas e negras com toques de ervas e especiarias; “taninos à italiana” e um delicioso frescor. Toscana Tinto :: Sangiovese (+ outras castas complementares) 2010 - WA90 / 2009 - WA90 / JS90 / 2008 - JS90 / Prata na IWSC 2010

2010 WA90

Chianti del Barone D.O.C.G. cód.: 511201 Este é o Chianti da Barone Ricasoli feito para o dia-a-dia, carinhosamente chamado de “Chianti del Barone”. O vinho fermenta em tanques de aço inox e amadurece durante alguns meses, majoritariamente, em tanques de aço (para exaltar o frescor da fruta) e pequena parte em grandes tonéis de carvalho. Vermelho-rubi intenso, se expressa com aroma vinoso e floral, revelando notas de cravo, pimenta, cereja e chocolate. Médio corpo, sabores frutados, taninos supermacios e delicioso frescor. Toscana Tinto :: Sangiovese (+ outras castas complementares) 2011 - Ouro na Sélections Mondiales des Vins du Canada 2012

WWW.INOVINI.COM.BR

75


Itália

Cusumano “Anos de intenso intercâmbio entre nós e a Sicília. Apenas uma regra: fazer as coisas com natural simplicidade.” Alberto e Diego Cusumano.

Roma Sicília

Fundada em 1963, a empresa da família Cusumano começou como uma pequena produtora e fornecedora de uvas para as tradicionais casas vinícolas da Sicília. Seus primeiros vinhos foram produzidos apenas no ano 2000, após quase 40 anos acumulando sabedoria e conhecimento sobre uvas e terroirs da ilha. A família Cusumano conhece intimamente as virtudes de seus vinhedos, distribuídos por várias das principais regiões vitícolas da Sicília. Assim, apesar de sua curta história como produtora de vinhos, é capaz de talhar tintos e brancos de rara qualidade e por preços tentadores, habilidade que a levou em poucos anos do anonimato à condição de estrela da vitivinicultura siciliana. Os vinhos Cusumano são a própria Sicília em estado líquido, ao mesmo tempo simples e complexos, sutis e intensos, tradicionais e modernos... Puro fascínio!

76

ITÁLIA / SICÍLIA / CUSUMANO


Alberto e Diego Cusumano.

“Anos de intenso intercâmbio entre nós e a Sicília. Apenas uma regra: fazer as coisas com natural simplicidade” Adega Cusumano, em Partinico, Sicília.

WWW.INOVINI.COM.BR

Alberto e Diego Cusumano

77


Sàgana I.G.P. cód.: 519012 Produzido a partir do vinhedo San Giacomo (em Butera, Caltanissetta), no sul da Sicília, onde as temperaturas e o solo rico em calcário são perfeitos para a uva Nero d’Avola, o Sàgana é um vinho especial e já é considerado um dos melhores tintos da Itália. Das suas onze safras produzidas, nove receberam a pontuação máxima do guia italiano Gambero Rosso, os disputados “Tre Bicchieri”. Amadurece 12 meses em grandes tonéis de carvalho (20 hl.). Sicília Tinto :: Nero d’Avola 2009 - WS92 / GR3B / 2008 - WE91 / GR3B / 2006 - WA89 / WE90 / GR3B

Benuara I.G.P. cód.: 519011 Produzido a partir do vinhedo Presti e Pegni (em Alcamo, Trapani), no oeste da Sicília, onde a forte amplitude térmica e o solo rico em argila geram vinhos de cor intensa e robustos, este blend de Nero d’Avola e Syrah combina as virtudes da mais famosa uva tinta indígena da Sicília com o refinamento de uma variedade internacional. 80% do vinho amadurece em tanques de aço inoxidável e 20% em grandes tonéis de carvalho (20 hl.). Uma deliciosa combinação de notas florais, fruta negra e especiarias. Sicília

2006 GR3B

Tinto :: Nero d’Avola e Syrah 2010 - WS88 / WE88 / GR2B / 2009 - WE88 / GR2B / Ouro no Berliner Wine Trophy 2011 / 2008 - WA88 / WE89 / GR2B Rossi / Prata no Berliner Wine Trophy 2010

2008 GR2B

Angimbé I.G.P. 2011 JS90 2009 GR2B

cód.: 519111 Um branco com identidade mediterrânea, o Angimbé é um vinho super prestigiado: foi incluído no Annuario dei Migliori Vini d’Italia 2008 do crítico Luca Maroni; e acaba de conquistar o prêmio Qualidade/ Preço no guia Berebene 2013 do Gambero Rosso. “Há um caráter de pêssego neste vinho, com intensas notas florais. Médio-corpo, com boa intensidade e um final de coquetel de frutas e flamboyant. Delicioso. Muito Mediterrâneo” (James Suckling). Amadurece sur-lie em tanques de aço por 4 meses. Sicília Branco :: Insolia e Chardonnay 2011 - JS90 / Premio Qualità-Prezzo Berebene 2013 Gambero Rosso / 2010 - WS88 / WE87 / 2009 - JS91 / GR2B Rossi / Ouro Berliner Wine Trophy 2010

78

ITÁLIA / SICÍLIA / CUSUMANO


Nero d´Avola I.G.P.

Syrah I.G.P.

Insolia I.G.P.

cód.: 519001 Produzido a partir do vinhedo San Giacomo (em Butera, Caltanissetta), no sul da Sicília, onde as temperaturas e o solo rico em calcário são perfeitos para a uva Nero d’Avola, este tinto foi selecionado entre os 200 Best Values da Europa na Wine Spectactor de 15/10/2008! Fermenta e amadurece em tanques de aço inox por 5 meses sobre suas borras finas e mais alguns meses na própria garrafa. É cheio de frutas vermelhas maduras, flores, especiarias e um toque mineral, típicos da uva Nero d’Avola.

cód.: 519002 Produzido a partir do vinhedo Presti e Pegni (em Alcamo, Trapani), no oeste da Sicília, onde a forte amplitude térmica e o solo argiloso geram Syrahs de cor intensa e robustos. Este tinto foi selecionado entre os 200 Best Values da Europa na Wine Spectactor de 15/10/2008! Fermenta e amadurece em tanques de aço inox por 5 meses sobre suas borras finas e mais alguns meses na própria garrafa. Púrpuro intenso, com potentes aromas e sabores de frutas negras e especiarias.

cód.: 519101 Produzido com uvas do vinhedo de Ficuzza (quase 700 msnm.) na região montanhosa de Piana degli Albanesi (Palermo), este delicioso branco foi selecionado entre os 200 Best Values da Europa na Wine Spectactor de 15/10/2008! Produzido exclusivamente com a uva Insolia, autóctone da Sicília, amadurece sur-lie em tanques de aço por 4 meses. Amarelo brilhante, com nuanças de limão, maçã, flores e toques minerais. Médio corpo, acidez refrescante e um delicioso final floral.

Sicília Tinto :: Nero d’Avola 2011 - JS90 / 2010 - GR2B / 2009 - WS86 / GR2B

Sicília Tinto :: Syrah 2011 - Premio Qualità-Prezzo Berebene 2013 Gambero Rosso / 2010 - GR1B / 2009 - WS86 / GR2B

Sicília Branco :: Insolia 2011 - 16/20 no Guida dell’Espresso 2013 / 2010 - WS86 / WE85 / 2008 - WS86

Utilização das inovadoras tampas de vidro “Vino-Lok”

2011 JS90

WWW.INOVINI.COM.BR

79


Itália

Nino

Franco

Vêneto

Roma

80

“Os leitores que queiram experimentar o que há de mais fino entre os Proseccos devem colocar Nino Franco no topo de suas listas de compras” (Antonio Galloni, crítico da Wine Advocate, periódico de Robert Parker). Antonio Franco fundou a “Cantine Franco” em 1919 no município de Valdobbiadene, localizado na região pré-alpina do Vêneto, famoso produtor da uva Prosecco (hoje, oficialmente chamada “Glera”) e seus espumantes. A vinícola da família Franco se orgulha de ser uma das mais antigas produtoras de vinho de Valdobbiadene e, graças a uma cuidadosa e sábia gestão, hoje nas mãos de Primo Franco, neto de Antonio, vem crescendo e evoluindo ao longo de quatro gerações. A competência da família, a habilidade para comunicar a paixão por seu trabalho e, claro, a alta qualidade dos seus vinhos deliciosos são os fundamentos dessa história de sucesso.

Cave de Nino Franco.

Silvia Franco, a nova geração da família.

ITÁLIA / VÊNETO / VALDOBBIADENE / NINO FRANCO


Riva di San Floriano Valdobbiadene Prosecco Superiore D.O.C.G. Brut

Faìve Spumante Rosé Brut cód.: 599101 Faìve advém do termo faville, que em dialeto Vêneto significa faísca, fagulha. Este é o espumante rosé produzido com o know-how e pedigree da família Franco e, como tal, só poderia ser um vinho de alta qualidade, extremamente límpido, cheio de frutas vermelhas e com textura supermacia. É saboroso, muito fresco, seco, mas com uma maciez elegante. Ótimo como aperitivo ou com pratos à base de frutos do mar e carnes brancas.

cód.: 599002 “Os leitores que pensam que Prosecco não é um espumante sério devem provar este grande vinho” (Antonio Galloni, crítico da Wine Advocate, periódico de Robert Parker). É produzido com a uva Glera (nome oficial e atual da Prosecco) do excepcional vinhedo Riva di San Floriano, um Cru com terroir fora de série, cujas videiras estão plantadas em uma íngreme encosta de colina sobre solo rico em calcário. Intensos perfumes frutados de pera, maçã e banana, com nuanças florais e minerais.

Vêneto Espumante :: Merlot e Cabernet Franc

Vêneto Espumante :: Glera (Prosecco) 2011 - GR3B / 2010 - WA90 / 2008 - WA91

Rustico Valdobbiadene Prosecco Superiore D.O.C.G. Brut

W&S

2011 GR3B

92

cód.: 599001 “Clássicos aromas de pêssego, flores e especiarias doces. Corpo médio, excelente persistência e um final puro. Exemplo da melhor qualidade que um Prosecco não safrado pode atingir (...), está longe de ser um simples vinho de coquetel e, com certeza, será melhor na mesa do que só.” (Antonio Galloni, crítico da Wine Advocate, periódico de Robert Parker). 100% uva Glera (antes chamada Prosecco) gerada por vinhedos das faixas medianas e altas das colinas de Valdobbiadene. Vêneto Espumante :: Glera (Prosecco) W&S92 / GR2B / DUE3G

WWW.INOVINI.COM.BR

81


Portugal

Ferreira

Porto

Estabelecida em 1751, a casa Ferreira é há séculos sinônimo de vinho português de alta qualidade. Douro e Porto

A história da Ferreira acompanha e confunde-se com a história da evolução da Região Demarcada do Douro (delimitada em 1756) e dos seus vinhos do Porto e de mesa (Douro DOC). Herdeira do fundador da Ferreira, Antónia Adelaide - a famosa Dona Antónia - esteve à frente de uma grande empresa e concentrou em seu poder o importante patrimônio da família. Aos 33 anos assumiu as rédeas do negócio, mas não se limitou a gerir uma herança. Ela fortaleceu e aumentou a empresa graças ao seu espírito empreendedor e carisma, ainda hoje referências em Portugal.

Lisboa

82

Dotada de uma energia excepcional e de um talento comercial sem rival na sociedade portuguesa do seu tempo, Dona Antónia conseguiu dar um grande impulso à viticultura no Douro, criando quintas ainda hoje famosas, plantando vinhas, construindo modernas adegas, abrindo estradas, desenvolvendo métodos de viticultura e enologia e produzindo

vinhos de excelente qualidade. Sua inteligência e bondade conquistaram a admiração dos seus contemporâneos, que carinhosamente lhe chamavam de “Ferreirinha”. Hoje, passados mais de 250 anos, Ferreira é “a marca portuguesa”, a

PORTUGAL / DOURO E PORTO / FERREIRA


Dona Antónia Adelaide Ferreira.

Garrafa de Dona Antonia Reserva.

Hoje, passados mais de 250 anos, Ferreira é “a marca portuguesa”, a referência em vinhos do Porto e Douro de alta qualidade

referência em vinhos do Porto e Douro de alta qualidade, símbolo de um país e de uma cultura.

WWW.INOVINI.COM.BR

83


Ferreira Branco D.O.C. cód.: 571006 Porto Branco clássico, com o sabor genuíno dos melhores vinhos produzidos na região do Douro. Seu lote final é composto por vinhos amadurecidos por 3 anos em tonéis de carvalho. Amarelo-dourado, com nuanças de flores e fruta em compota. Na boca é macio, com ótimo equilíbrio açúcar/acidez, denso e longo. Porto Branco Fortificado Doce :: Malvasia Fina, Códega, Rabigato e Gouveio WE88

Ferreira Ruby D.O.C. cód.: 571008 Um Porto Ruby jovem e encantador. Seu lote final é composto por vinhos amadurecidos por 3 anos em tonéis de carvalho. Intensas notas de fruta negra madura e especiarias. Na boca é macio, com ótimo equilíbrio açúcar/acidez, denso e longo. Delicioso com sobremesas à base de chocolate amargo e tortas de fruta seca. Porto Tinto Fortificado Doce :: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Barroca, Tinto Cão, Tinta Roriz e Tinta Amarela

88

cód.: 571007 Um Porto Tawny elegante e provocante. Seu lote final é composto por vinhos amadurecidos por 4 anos em tonéis de carvalho. Bela cor vermelha com nuanças acastanhadas; aromas de especiarias e frutos secos. Na boca é macio, com ótimo equilíbrio açúcar/acidez, denso e persistente. Porto Tinto Fortificado Doce :: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Barroca, Tinta Cão, Tinta Roriz e Tinta Amarela WS88

WS88

WE

Ferreira Tawny D.O.C.

Ferreira Dona Antónia Reserva D.O.C.

WS

88

WS

88

cód.: 571003 Porto Ferreira Dona Antónia é um Vinho do Porto Reserva criado em homenagem à lendária Dona Antónia Adelaide Ferreira, uma mulher carismática que dedicou toda a sua vida ao Douro e ao Vinho do Porto. Trata-se de um Tawny com idade média de 7 anos. Seus aromas são intensos, lembrando fruta negra seca e flores. Na boca é encorpado, muito saboroso, tem final elegante e de grande persistência. Porto Tinto Fortificado Doce :: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Barroca e Tinta Amarela. WS88 / Ouro na Vin 2011 (França) / Ouro na Vin 2010 (França) / Prata no CIV 2009 (França) / Prata no IWCh 2009 (Londres).

84

PORTUGAL / DOURO E PORTO / FERREIRA


Ferreira Late Bottled Vintage D.O.C. cód.: 571011 Os LBVs são engarrafados entre o 4º e 6º ano após a colheita. O Ferreira LBV pode ser apreciado logo ou após algum envelhecimento em garrafa. Púrpuro, com aromas intensos de fruta negra madura, chocolate negro, flores e especiarias; encorpado e equilibrado. Porto Tinto Fortificado Doce :: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Roriz, Tinta Barroca, Tinta Amarela e Rufete 2007 - Ouro no CIV 2012 / 2005 - Ouro na Vin 2010 / 2004 - Ouro no CIV 2010

Ferreira Vintage D.O.C. cód.: 571009 Os Vintage são vinhos feitos com uvas de uma única e extraordinária safra e têm enorme potencial de guarda. Os Vintage Ferreira são vinhos excepcionais, exaltação máxima da qualidade de um Porto. Esse é poderoso, intenso, concentrado, fresco e muito elegante. Porto Tinto Fortificado Doce :: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Roriz e Tinta Barroca 2007 - WS90 / 2003 - Ouro no IWCh

Ferreira Quinta do Porto Tawny 10 Anos D.O.C. cód.: 571002 O Ferreira Quinta do Porto Tawny 10 Anos é composto por vinhos com 8 a 15 anos de amadurecimento em carvalho. É vermelho acastanhado, tem aromas florais, de frutos maduros, especiarias e frutos secos. Na boca, o clássico frescor da casa Ferreira.

2007 WS90

Porto Tinto Fortificado Doce :: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Barroca, Tinta Roriz, Tinta Cão e Tinta Amarela WS91 / Ouro na Vin 2013 / Ouro na Vin 2007

Ferreira Duque de Bragança Tawny 20 Anos D.O.C.

WS

91

cód.: 571001 O Ferreira Duque de Bragança Tawny 20 Anos é um Porto excepcional, símbolo da excelência da Ferreira na criação de Tawnies velhos e um dos vinhos mais celebrados no mundo. O blend final tem vinhos com idades entre os 15 e os 40 anos. Complexo e muito equilibrado. Porto Tinto Fortificado Doce :: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Barroca, Tinta Roriz, Tinta Cão e Tinta Amarela

WE

93

WS92 / WE93 / Ouro na Vin 2013 / Ouro no CIV 2011

WWW.INOVINI.COM.BR

85


Portugal

José Maria da Fonseca Douro e Porto

Setúbal

Lisboa

Alentejo

Inovação e tradição são termos que descrevem perfeitamente a trajetória da José Maria da Fonseca. Um negócio familiar com quase dois séculos de história que, sem nunca repousar sobre as glórias conquistadas, tem sabido modernizar-se. A José Maria da Fonseca produz vinhos desde 1834 e hoje é fruto da paixão partilhada pelos membros da sexta geração da família, que segue preservando e projetando a memória e o prestígio do seu fundador. Consciente da responsabilidade de ser o mais antigo produtor de vinho de mesa e Moscatel de Setúbal de Portugal, a JMF pratica uma filosofia de permanente aprimoramento, que a leva a investir sempre mais em pesquisas e na produção, aliando as mais modernas técnicas ao saber tradicional, contribuindo decisivamente para a divulgação e o prestígio dos vinhos portugueses.

Antonio Maria, Domingos e Antonio Soares Franco.

Sob orientação de Domingos Soares Franco - o primeiro enólogo português formado pela reconhecida Universidade de Davis, na Califórnia uma equipe de enólogos é responsável por conduzir um vasto conjunto de investigações, estudos e experiências, que tornam a JMF pioneira em muito do que se faz em termos de enologia em Portugal e no mundo.

Dos quase 700 hectares de vinhedos e de adegas dotadas de tecnologia de última geração, resultam vinhos que aliam a experiência acumulada ao longo de sua história com as mais avançadas técnicas de vinificação.

86

PORTUGAL / SETÚBAL / JOSÉ MARIA DA FONSECA


Moscatel de Setúbal Alambre D.O.C. cód.: 537011 O Alambre Moscatel de Setúbal amadurece durante 5 anos em tonéis de carvalho. É intenso, frutado, com notas de laranja, grapefruit, damasco, flores e caramelo e possui doçura e acidez em bela harmonia. Setúbal Branco Fortificado Doce :: Moscatel de Setúbal

Moscatel de Setúbal Trilogia D.O.C. (500 ml)

2007 - Prata no concurso Muscats Du Monde 2011 2006 - WA89 / Ouro no CMB e na IWSC

cód.: 537013 O Trilogia foi criado para celebrar a chegada desse novo milênio. É um vinho raro (apenas 13.926 garrafas produzidas!), resultado da mescla de três grandes safras do século XX escolhidas por Domingos: 1900, 1934 e 1965. Tempo e história em forma de vinho! SOBERBO! Setúbal Branco Fortificado Doce :: Moscatel de Setúbal (70% 1965 / 15% 1934 / 15% 1900) WA95 / JPM19,6

Domingos Soares Franco Colecção Privada Moscatel Roxo D.O.C. cód.: 537015 Domingos Soares Franco, o enólogo-chefe, assina todos os vinhos da JMF, mas há aqueles que traduzem sua criatividade e paixão. A estes chama de “Colecção Privada”. Seu fantástico Moscatel Roxo amadurece em carvalho por 9 anos. Setúbal Branco Fortificado Doce :: Moscatel Roxo 2001 - Prata no DWWA08 / “Os Melhores de 2010” pela Revista de Vinhos (Portugal) / 1999 - Ouro no Concurso de Vinhos de Setúbal 2010 / 1998 - Prata no DWWA / “Melhor Vinho” do Concurso de Vinhos de Setúbal 2008

WA

95

Moscatel de Setúbal Alambre 20 Anos D.O.C. (375 e 500 ml) cód.: 537014 (375 ml) / cód.: 537012 (500 ml) Resultado do talento de Domingos Soares Franco para mesclar vinhos de safras distintas (entre 20 e 40 anos), este vinho é uma verdadeira obra-prima, na qual a Natureza e o engenho humano geraram um produto memorável! Setúbal Branco Fortificado Doce :: Moscatel de Setúbal

WE

94

WS92 / WE94 / JPM - Melhor Branco Doce (guia2010) / Ouro no X Concurso de Vinhos de Setúbal

WWW.INOVINI.COM.BR

87


Domini D.O.C.

Domini Plus D.O.C.

cód.: 536001 Blend de três clássicas uvas da região do Douro geradas por vinhedos com idade média de 20 anos, plantados no Douro Superior em solo de xisto. Após fermentar, o vinho amadurece em barricas novas de carvalho durante 3 meses. De cor vermelho-rubi, tem nariz bastante intenso, com notas frutadas de cassis, as clássicas notas de esteva (arbusto típico do Vale do Douro) e nuanças de violeta. Na boca segue saborosamente frutado, com textura macia e persistente final.

cód.: 536002 Este vinho é produzido a partir de um pequena parcela de 2 hectares da Vinha de Mós - propriedade da José Maria da Fonseca no Douro Superior - cujos vinhedos antigos estão plantados sobre o típico solo xistoso do Douro. A união do terroir excepcional com o talento da José Maria da Fonseca não poderia gerar outro resultado que não fosse um grande vinho. Amadurecido 14 meses em barricas de carvalho francês, é potente, elegante, com taninos macios e fruta madura. Já delicioso hoje, mas bastante longevo! Douro

Douro

Tinto :: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Roriz e Tinta Barroca

Tinto :: Touriga Franca, Touriga Nacional e Tinta Roriz

2008 - WA90 / Ouro no Concurso de Vinhos Douro e Porto 2011 / WEV17,5/20 / Revista de Vinhos “Melhores de 2010” (Portugal) Categoria Melhores do Douro / 2007 - WE94 / 2005 - WE91 / WEV17,5/20

2007 - WA86 / 2005 - WE89 / 2004 - WE91

2008 WA90

2007 WE94

Hexagon V.R. Terras do Sado cód.: 536005 O Hexagon, o tinto “topo de gama” produzido pela José Maria da Fonseca na Península de Setúbal, é o culminar de todo um trabalho de pesquisas e ensaios efetuados na vinha e na adega. É a celebração do conceito de tinto super premium desenvolvido pelo enólogo Domingos Soares Franco. Para homenagear as seis gerações de descendentes do senhor José Maria da Fonseca, o Hexagon é composto por seis uvas, que lhe conferem grande complexidade e um estilo único. Expressivo, encorpado, complexo e com textura muito macia. Setúbal Tinto :: Touriga Nacional, Syrah, Trincadeira, Tinto Cão, Touriga Franca e Tannat 2007 - WA89 / WE94 / 17,5 / 20 na Revista de Vinhos (Portugal) / WEV18/20

88

PORTUGAL / DOURO, ALENTEJO / JOSÉ MARIA DA FONSECA


José de Sousa V.R. Alentejano cód.: 537001 José de Sousa é uma das vinícolas mais antigas do Alentejo e ainda mantém viva a tradição milenar de produzir vinho em ânforas de barro. O José de Sousa é produzido com uvas provenientes do solo granítico da Herdade do Monte da Ribeira, em Reguengos de Monsaraz. Uma pequena parte do mosto fermenta em ânforas de barro e outra parte em cubas de inox. Terminada a fermentação, cerca de 30% do vinho estagia em barricas de carvalho americano e francês durante 9 meses. Superfrutado, alegre e macio. Alentejo Tinto :: Grand Noir, Trincadeira e Aragonez 2009 - Prata no CMB 2011 / Bronze no IWSC 2011 e no DWWA 2011 / 2006 - WEV16/20 / 2003 - Ouro no concurso Mundus Vini

José de Sousa Mayor V.R. Alentejano cód.: 537002 José de Sousa é uma das vinícolas mais antigas do Alentejo e ainda mantém viva a tradição milenar de produzir vinho em ânforas de barro. O Mayor é produzido a partir de um vinhedo de 3,5 ha., com idade média de 50 anos, plantado na Herdade do Monte da Ribeira (em Reguengos) sobre solo granítico. As uvas são pisadas em pequenos lagares, parte do mosto fermenta em ânforas de barro e o vinho amadurece 10 meses em barricas novas de carvalho francês. É engarrafado sem filtração para preservar todo seu caráter. Alentejo Tinto :: Grand Noir, Trincadeira e Aragonez

José de Sousa “J” V.R. Alentejano

2007 - WEV17/20 / 2004 - WEV17/20

cód.: 537003 Este é um vinho especial, feito em pequenas quantidades e de maneira artesanal, utilizando técnicas ancestrais de cerca de 2 mil anos atrás, como a pisa da uva, leveduras indígenas e fermentação em ânforas de barro. Provém da melhor e mais antiga parcela do vinhedo da Herdade do Monte da Ribeira (em Reguengos), com 0,4 hectares e idade média de 50 anos. O amadurecimento ocorre em barricas novas de carvalho francês durante 15 meses. Ao final, é feito o blend do vinho, que é engarrafado sem filtração, para preservar todo seu caráter. Combina intensidade, elegância e complexidade. Alentejo Tinto :: Grand Noir, Touriga Franca e Touriga Nacional

2007

JPM 18/20

WWW.INOVINI.COM.BR

2007 - JPM18 e considerado por João Paulo Martins um dos “Melhores Tintos do Ano 2010”

89


Legendas das Premiações WA Revista Wine Advocate (EUA), do mais influente crítico de vinhos da atualidade, Robert Parker /

Pontuação de 50 a 100.

WS JS W&S WE IWC Dec JR AM DWWA

Revista Wine Spectator (EUA) / Pontuação de 50 a 100.

da atualidade.

IWCh IWSC JH GR LM LV DUE WEV JPM

International Wine Challenge (Inglaterra), respeitado e tradicional concurso de vinhos criado em 1983.

James Suckling (EUA), respeitado crítico de vinhos e ex-editor da Wine Spectator / Pontuação de 50 a 100. Revista Wine & Spirits (EUA) / Pontuação de 50 a 100. Revista Wine Enthusiast (EUA) / Pontuação de 50 a 100. International Wine Cellar (EUA), respeitado periódico editado pelo crítico Stephen Tanzer / Pontuação 70 a 100. Revista Decanter (Inglaterra) / Pontuação de 50 a 100 ou de 1 a 5 Estrelas. Jancis Robinson (Inglaterra), a primeira mulher a conquistar o título de Master of Wine / Pontuação de 10 a 20. Allen Meadow (Inglaterra), crítico inglês especialista em Borgonha / Pontuação de 50 a 100. Decanter World Wine Awards (Inglaterra), um dos mais importantes e prestigiados concursos de vinhos

International Wine & Spirit Competition (Inglaterra), respeitado e tradicional concurso de vinhos criado em 1969. James Halliday, respeitado crítico de vinhos da Austrália. Gambero Rosso (Itália), um dos mais prestigiados guias de vinhos italianos. Pontuação de 1 a 3 “Bicchieri”. Luca Maroni (Itália), respeitado crítico italiano e editor do influente “Annuario dei Vini Italiani”. Pontuação de 3 a 99. Luigi Veronelli (Itália), criador do prestigiado guia “I Vini di Veronelli”. Pontuação de 50 a 100. Duemilavini (Itália), guia de vinhos da Associação Italiana de Sommeliers. Pontuação de 1 a 5 “Grapolli” Revista Wine, A Essência do Vinho (Portugal) / Pontuação de 0 a 20. João Paulo Martins (Portugal), um dos mais respeitados críticos de Portugal, editor do guia Vinhos de Portugal /

Pontuação de 0 a 20.

CIV Vin CMB GP CB Zar LNO Vdic RG

Challenge International du Vin (França), primeiro concurso internacional criado na França há mais de 30 anos.

90

Vinalies Internationales (França), concurso internacional organizado pela Union des Oenologues de France. Concours Mondial Bruxelles, concurso internacional criado em 1994. Guía Peñin (Espanha), o mais famoso e respeitado guia de vinhos espanhóis. Concurso Bacchus (Espanha), concurso internacional organizado pela Unión Española de Catadores. Premios Zarcillo (Espanha), concurso internacional organizado pela Junta de Castilla y León.  Concurso La Nariz de Oro (Espanha), organizado pela revista Vino y Gastronomia.  Vinordic Wine Challenge (Suécia). Rogov’s Guide (Israel), editado pelo especialista Daniel Rogov, é o mais respeitado guia de vinhos de Israel.


SP (11) 3623 2288 | Outras Regiões 0800 77 11 700 www.inovini.com.br www.twitter.com/inovini www.facebook.com/inovini.importadora

SE FOR DIRIGIR NÃO BEBA

Obs.: Fotos meramente ilustrativas, podendo haver mudança de safra em função do estoque.

Textos: Eduardo Paes de Andrade Projeto gráfico e diagramação: Denise Kuperman - www.denisekuperman.art.br


Catálogo Inovini 2013 / 2014  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you