Issuu on Google+

Ano II

Fev / 2013 -Mai / 2013 | nº 2

Portugal

Sob o signo da Inovação

Catherine Piana Diretora-Geral da EVA

Destaques: VENDING 2012

"Uma máquina é uma loja de café de 1m2"

Um olhar retrospetivo

VENDING - NA VANGUARDA DA INOVAÇÃO Yves Dalton Dall'Olio, presidente da ABVA

Permanente aposta no aperfeiçoamento

VENDING CENTRO "Clientes procuram serviço de qualidade e de preço competitivo"

"Poderemos crescer mais de 50% apenas nos próximos dois anos"

NOVO DECRETO-LEI MARCA INÍCIO DE ANO Setor obrigado ao registo das operações

Jorge Cordova, Channel Manager da Intel Corporation Iberia « A Intel Corp. tem colaborado, desde longa data, com a indústria da distribuição automática»

Feiras: ALIMENTARIA & HOREXPO LISBOA 2013 "Novos Compradores, Novos Mercados, Novas Oportunidades”


Ficha

técnica / hostelvending

FICHA TÉCNICA PROPRIETÁRIO/EDITOR INFOVEND – Publicações, Lda Edifício Avenida, Av. Narciso Ferreira, nº 25, R/C – Loja 15 4765-200 Riba de Ave (Portugal) Franchisado de HIPALA Communication S. L. DIRETORA Cristina Azevedo Silva (cristina.azevedo@infovend.pt)

EDITORIAL

SEDE DA REDAÇÃO Novo ano, novas metas!

Edifício Avenida, Av. Narciso Ferreira, nº 25, R/C – Loja 15 4765-200 Riba de Ave (Portugal)

2013 chegou! Com ele, vieram novos desafios e projetos. Mas se muitos são os que aparecem, outros há que permanecem inalteráveis, com especial relevo para a aposta

NÚMERO DE REGISTO

contínua e ininterrupta na inovação.

ERC 126277

Para a maioria das empresas que desenvolvem atividade na indústria da distribuição automática, ela continua a ser,

DEPÓSITO LEGAL

efetivamente, um fator decisivo de diferenciação competitiva.

MA-1140-2001

Pese embora alguma inexatidão, ela não é outra coisa senão a tentativa de dar resposta, hoje, àquilo que são os desafios do

Nº CONTRIBUINTE

amanhã. Pela importância estratégica que assume, foi este o

509 882 129

tema central escolhido para este segundo número. TIRAGEM

2013 trouxe, também, novas imposições legais. Regras que

5000 exemplares

não são claras e geram dúvidas na sua aplicação. Tentámos decifrar a letra da lei, para aferir da sua verdadeira implicação

PERIODICIDADE

no vending, através de vários contatos com a AT. Fizemos um

Quadrimestral

pedido de informação vinculativa à AT para acabar com todas as dúvidas, mas, até ao fecho desta edição, não tínhamos ainda

TIPOGRAFIA

obtido resposta. Fica a promessa de voltar a este tema, assim Mota e Ferreira - Artes Gráficas, Lda

que tivermos a interpretação clara do que o decreto-lei

Rua Artes e Ofícios, nº 135 4770-226 Joane VNF

197/2012 implica para o mercado de venda automática. E como não podia deixar passar em “branco”, quero deixar

REDAÇÃO

um agradecimento especial à DouroVending que, através do seu

Ângelo Ferreira (redacao@infovend.pt)

sócio Alfredo Cardoso, entregou-me o PIN de ouro DV, durante a MARKETING/COMERCIAL

realização da Vending 2012. É sempre recom-pensante ver o

Cristiano Silva (cristiano.silva@infovend.pt)

nosso trabalho reconhecido. Para finalizar, quero agradecer a todos os que contribuíram

DESIGN Cristiano Silva (cristiano.silva@infovend.pt)

para que esta edição fosse possível. E como é nossa intenção

MAQUETAÇÃO

mos que esta colaboração se mantenha.

fazer sempre mais e melhor pelo vending em Portugal, deseja-

Nuno Santos (nunoazevedosantos@gmail.com) A Editora Cristina Azevedo Silva (cristina.azevedo@infovend.pt)

´ / HostelVendingPortugal ficha tecnica


Um bom café merece uma água perfeita BRITA Professional - O especialista em ltração de água Escolhe água BRITA®

As 3 vantagens: - Excelente qualidade da água - Alta abilidade - Funcionamento simples Certicado: ACS conform Todos os ltros da gama BRITA respondem às exigências do Certicado de Conformidade Sanitária (ACS)

Desenvolvimento sustentado: Desde 1992, a reciclagem está no coração da atividade internacional da BRITA, que dispõe da sua própria unidade de reciclagem de cartuchos.

BRITA Iberia, S.L.U Rambla Catalunya, 18 - 4º izq 08007 Barcelona - Spain PPD-ES@brita.net Tel.: +34 93 342 7570 www.profesional.brita.es


hostelvendingportugal

Catherine Piana Diretora - Geral da EVA «...a máquina de venda automática é um lugar onde a informação pode ser partilhada de maneira informal»

Toda a atualidade em www.hostelvending.com.pt

Toda a atualidade em www.hostelvending.com.pt

Toda a atualidade em www.hostelvending.com.pt

Toda a atualidade em www.hostelvending.com.pt

Toda a atualidade em www.hostelvending.com.pt

Toda a atualidade em www.hostelvending.com.pt

Entrevistas 23 / 24 / 25 Catherine Piana, Diretora-Geral da EVA Análise ao segmento das máquinas de bebidas quentes

Reportagens

28 / 29 / 30 Yves Dalton Dall'Olio, presidente da ABVA "O consumidor busca agilidade no atendimento e variedade na oferta»

4 / 5 / 6 / 7 / 8 Vending - Na vanguarda da inovação

40 / 41 Jorge Cordova, Channel Manager da Intel Corporation Iberia

Permanente aposta no aperfeiçoamento

18 / 19 / 20 / 21 Vending Centro «A Intel está profundamente envolvida em todas as áreas que podem melhorar a vida das pessoas e empresas.»

«Clientes procuram serviço de qualidade e de preço competitivo"

Empresas

Especiais

26/ HotVending Máquinas Selfmat e Pharmat 24, uma aposta na versatilidade

31 / 32 / 33 / 34/ Novo Decreto-Lei marca início de ano Decreto-Lei n.º 197/2012 de 24 de Agosto

38 / ONEsw Novas soluções para o Vending

44 / 45 Lojas do café online Uma nova solução ao serviço dos consumidores


Twitter: @hostelvendingpt

Facebook: /hostelvendingpt

Toda a atualidade em www.hostelvending.com.pt

Toda a atualidade em www.hostelvending.com.pt

Internacional 36 / 37/ Comesterogroup Sistemas de pagamento cashless

42 / 43 Nayax Um mundo de soluções para pagamento cashless + telemetria

Feiras 11 / 12 / 13 / Vending 2012 Um olhar retrospetivo Fotoreportagem

14 / Sandwich & Snack 2013 Mercado em crescimento

14 / Vendexpo Rússia 2013 Abertura a mercados do leste

16 / Alimentaria & Horexpo Lisboa 2013 "Novos Compradores, Novos Mercados, Novas Oportunidades”


reportagem / HostelVendingPortugal

VENDING - Na vanguarda da inovação Permanente aposta no aperfeiçoamento Ao falar-se do vending, é inevitável a

Apesar de alguns estigmas que

No presente, a distribuição automá-

alusão à inovação, considerada um dos

parecem ainda dominar o imaginário

tica, como circuito complementar e

valores mais prioritários para o setor.

coletivo dos consumidores, a trajetória

alternativo aos ditos convencionais, já

Comprometido intimamente com a inovação tecnológica, o setor da

que o vending tem percorrido ultima-

não se contenta somente em oferecer ao

mente revela que, longe de ter assumido

consumidor um mero produto. Mais do

distribuição automática traz consigo,

uma postura de conformismo e resigna-

que um simples artigo, procura também

desde tempos longínquos, o selo dessa

ção, sempre procurou superar as suas

proporcionar-lhe uma experiência de

permanente aposta no aperfeiçoa-

limitações e falhas, numa busca inin-

compra que, além de atrativa e excitan-

mento. Aliás, o investimento contínuo

terrupta de aperfeiçoamento das suas

te, possa ser algo de inesquecível e

das empresas nos departamentos de

múltiplas funcionalidades / recursos.

arrebatador.

I+D é a confirmação mais cabal da busca de soluções mais inovadoras e vanguardistas. Noutro domínio, as múltiplas competições a nível nacional, mas também internacional, destinadas a distinguir os esforços mais significativos ao nível da conceção e desenvolvimento de soluções novas, adequadas à satisfação das mais díspares exigências dos consumidores, atestam, de novo, a ampla importância do valor da inovação. Se o investimento nesta premissa comporta custos ou encargos óbvios, não é menos verdade que, em contrapartida, isso representará, para quem o fizer, um diferencial competitivo decisivo. As mudanças drásticas verificadas ao nível dos ritmos e estilos de vida dos consumidores são, em boa verdade, uma das razões com maior influência na evolução gradual do setor. Muito concretamente, fatores como a mudança dos padrões de compra, os ritmos agitados e apressados impostos pelas rotinas quotidianas, os gostos sofisticados do público mais jovem, as crescentes preocupações ambientais e a maior sensibilidade às questões da saúde, estiveram na origem de uma aposta notória no desenvolvimento constante de soluções.

4 / reportagem / HostelVendingPortugal


reportagem / HostelVendingPortugal

claramente, entre os que mais incre-

Com a crescente integração das

Carlos Pereira, gerente da Bianchi

novas tecnologias interativas, conside-

mentam a rentabilização e crescimento

Vending Portugal, comentou, por seu

rada uma das principais tendências em

do negócio dos operadores.

turno: "na atualidade, os principais

voga no setor, o vending tem contribuído

Uma vez considerada uma das

desenvolvimentos tecnológicos na

para transformar, de forma impressio-

marcas mais distintivas do setor do

nossa indústria passam por produzir

nante, uma enfadonha e banal expe-

vending, quisemos perceber de que

equipamentos com soſtware touch

riência de compra em algo de cativante

modo a inovação é uma exigência

screen e com LCD's interativos, que

e fascinante.

inadiável e incontornável para diversos

tornam estes equipamentos mais

fabricantes de equipamentos. Colocá-

atrativos, pois facilitam a interação com

mos-lhes algumas perguntas, cujas

o consumidor".

Inscritas no conceito de 'vending inteligente', muitas são as máquinas

respostas temos, agora, a oportunidade

que, dotadas de um vasto conjunto de

de expor.

Na identificação dos principais avanços ocorridos, Sabrina Peroni, export manager da GPE Vendors,

recursos e funcionalidades revolu-

preferiu destacar, desta feita, outros

cionárias, conseguem otimizar e redimensionar a relação de interação

PROGRESSOS TECNOLÓGICOS

progressos ainda não mencionados: a

entre a máquina e o usuário.

Quais são os desenvolvimentos

"Telemetria, o pagamento dos produtos

O que, no passado, era impensável há muito que deixou de o ser. Desde as

tecnológicos de maior relevo no seio da

através de telemóvel".

indústria do vending? Para Miguel Angel Bruni, diretor

que sugerem o tipo de produto que devemos comprar até às que permitem

geral da FAS International DA S.L, "os

discriminar os utilizadores conforme a

avanços mais significativos baseiam-se

sua idade, as atuais máquinas de venda

na evolução das máquinas e na quali-

automática fazem-nos crer que para o

dade com que preparam ou dispensam o

vending não há impossíveis.

produto…".

Inúmeros são, na verdade, os avanços tecnológicos realizados no setor, seja em matéria de meios de pagamento, segurança, seja ao nível da interatividade, conetividade, etc. Entre os mais impressionantes progressos tecnológicos do setor, temos de considerar, nomeadamente: a introdução progressiva de displays interativos LCD e touch-screen, sistemas de pagamento cashless (permitem o pagamento através de telemóveis e cartões de crédito/débito), soluções de telemetria, sistemas de reconhecimento facial e vocal, integração dos média sociais e, não menos importante, a sinalização digital (permite fornecer informações nutricionais e gráficas bastantes úteis acerca dos produtos, para além de permitir a exibição de promoções, anúncios de vídeo e outros conteúdos digitais, potenciando o impacto publicitário desejado). No tocante aos recursos de maior relevo, a conexão à Internet está,

5 / reportagem / HostelVendingPortugal

INOVAÇÕES MELHORAM EXPERIÊNCIA DE CONSUMO E RENTABILIDADE OPERACIONAL


reportagem / HostelVendingPortugal

Com um discurso mais centrado no

"O outro fator revolucionário foi o

percurso evolutivo da distribuição

desenvolvimento da tecnologia de

automática, Manuel Díaz, diretor da

injeção de plástico de forma significa-

Rheavendors España, considera que

tiva, ao longo da década de 90, tanto em

"São muitas as melhorias que nós, os

peças e componentes como nas portas e

fabricantes, aportamos, no dia a dia, às

acabamentos. Isto permitiu aos fabri-

nossas máquinas, mas, do meu ponto de

cantes reduzir sensivelmente o tamanho

vista, as duas grandes revoluções

de muitos componentes, especialmente

ocorridas, nos últimos anos, no interior

os grupos de café expresso, oferecendo,

do setor têm sido, em primeiro lugar, a

deste modo, modelos cada vez mais de

substituição dos sistemas eletrome-

menor dimensão…", continuou ele.

cânicos pela eletrónica (anos 80), o que Em representação da Azkoyen,

fez com que as possibilidades das máquinas se multiplicassem de maneira

Eduardo Andueza, responsável de

exponencial. Apareceram combinações

marketing da divisão de vending,

anteriormente inimagináveis, como

indicou, em primeiro lugar, "haver uma

cappuccinos, moccaccinos, choco-leche,

série de desenvolvimentos inerentes ao

etc. Esta aportação foi também a base

setor do Vending e que fazem parte do

para o começo de todos os desenvolvi-

dia a dia de todas as empresas fabrican-

mentos posteriores como a telemetria,

tes e operadores".

contabilidade completa e sistemas de pagamento (…)".

Sem ignorar a sua importância real para melhorar "a experiência de consumo para o usuário e a rentabilidade do operador”, especifica: "São todos aqueles desenvolvimentos orien-

um bom produto a um preço excecional,

tados a melhorar as prestações da

sendo que as novas tecnologias nos

máquina, desde os sistemas de extração

permitem realizá-lo".

até à flexibilidade, fiabilidade, durabili-

Carlos Pereira, da Bianchi Vending

dade e eficiência energética de cada um

Portugal, incluiu, por sua vez, a

dos seus componentes. Neste domínio,

incorporação de sistemas touch screen e

destaca-se o aperfeiçoamento que se

LCD's interativos entre as “principais

está a verificar na elaboração de bebidas

tendências”, considerando-a, de resto, a

quentes, como o café ou o chá, que nada

sua “principal aposta em termos de

fica a dever à que se consegue obter num

marketing".

hotel por meio de uma máquina tradicional".

Dentro do que considera serem as tendências em voga, Sabrina Peroni, da

Em complemento, não deixou de

GPE Vendors, põe o acento, por sua vez,

acrescentar ainda: "a indústria do

nas "Máquinas que vendem apenas

vending está a introduzir tecnologias

garrafas, máquinas de grande porte, de

desenvolvidas noutros domínios,

emissão verde".

obtendo novas funcionalidades que permitem ao operador otimizar custos e

Ainda em relação a este assunto,

maximizar a rentabilidade com novas

Eduardo Andueza, da Azkoyen, consi-

possibilidades de gestão".

dera existir "uma tendência relacionada com a introdução das novas tecnologias,

TENDÊNCIAS PREDOMINANTES

ainda que, algumas vezes, não se analise

Quais são as principais tendências

o benefício real que elas trazem ao

prevalecentes no setor? Miguel Angel Bruni reconhece que a "tendência continua a ser a de oferecer

6 / reportagem / HostelVendingPortugal

operador. Em muitos casos, são incorporadas por uma mera questão de moda ou tendência predominante".


reportagem / HostelVendingPortugal

Em resposta, Miguel Angel Bruni, da

Aludindo ao caso específico da Azkoyen, este responsável refere que a

FAS International DA S.L., esclareceu-

companhia prefere "fazê-lo sempre que

-nos nestes termos: "as novas tecno-

sejam tecnologias que permitam obter

logias far-nos-ão atingir limites impen-

uma maior rentabilidade da operação".

sáveis até agora: ecrãs táteis para a

Noutro âmbito, acrescenta que "A

compra do produto; conexão à internet

mobilidade é a tendência que está a

para, a partir da máquina, sermos

consolidar-se dia a dia, dispondo-se de

capazes de solicitar outro produto não

cada vez mais serviços e produtos

disponível na mesma; conexão

orientados a satisfazer uma vida em

telefónica direta a partir da máquina,

constante ação". "Neste sentido, o

para solicitar qualquer informação

vending foi e é um dos primeiros e mais

adicional ou problemática, etc. Enfim, o

importantes setores dirigidos à mobili-

vending do futuro não terá nada a ver

dade", remata ele.

com o atual". Preferindo focar-se no tema dos

PREVISÕES Partindo, agora, para o terreno das

meios de pagamento, Carlos Pereira, da

previsões, interpelámos os fabricantes

Bianchi Vending Portugal, realça que "O

inquiridos para que nos antecipassem o

futuro do vending irá passar cada vez

futuro das máquinas de vending. Em

mais pela utilização de sistemas de

estreita articulação, procurámos obter

pagamento alternativos, em vez das

respostas para as questões de como

tradicionais moedas, utilizando, por

Admitindo não ser fácil antever o

veremos as máquinas daqui a dez anos e

exemplo, os Smartphones, que irão

futuro do vending, Sabrina Peroni, da

o que as distinguirá das atuais.

proporcionar uma maior comodidade na

GPE Vendors, crê, porém, que a

utilização dos equipamentos".

"telemetria e o pagamento através de telemóvel irão criar uma revolução neste campo". Manuel Díaz, da Rheavendors

AS NOVAS TECNOLOGIAS FARÃO ATINGIR LIMITES ATÉ AGORA INIMAGINÁVEIS

España, diz que "Na Rhevendors, já dispomos de máquinas para responder à pergunta de como será o vending do futuro. Poderíamos denominá-lo de "Vending Online", porque fará parte da 'Rede' e responderá às novas necessidades da sociedade. As máquinas serão inovadoras, multimédia, com interfaces dinâmicos, e serão geridas on-line". "O ato de compra passará de um simples intercâmbio mercantil ou transação monetária para uma comunicação evolutiva, que transmitirá ao consumidor a sensação da mais elevada qualidade (…). Nossas máquinas multimédia já estão demonstrando o que será o vending dentro de dez anos…", prossegue ele. Eduardo Andueza, da Azkoyen, reconhece a dificuldade de "fazer previsões tecnológicas num cenário de mudança como o atual". Parafraseando: "O surgimento do iPhone em 2007

7 / reportagem / HostelVendingPortugal


reportagem / HostelVendingPortugal

Apesar de considerar que já nos

revolucionou, em apenas cinco anos, a

que devemos enfrentar na atualidade é o

forma como utilizamos a informática, a

de levantar a cabeça e sair desta pesada

encontramos nessa fase, Miguel Angel

telefonia e a internet. Acreditar que esta

crise que nos trava em todos os aspetos

Bruni, da FAS International DA S.L.,

revolução, ou outra similar, não afetará

e a todas as figuras que compõem o

assinala que "os novos sistemas de

o Vending será pouco realista".

setor (fornecedores de produto, opera-

compra, por meio de ecrã tátil, com

dores, clientes finais, etc)".

conexão à internet, tornam as compras

No seguimento da alusão que fizera

mais atrativas".

à questão da mobilidade, este resSem desvalorizar esta mesma

ponsável realça que "é previsível a incorporação de sistemas orientados à

problemática, Carlos Pereira, da Bianchi

Para Sabrina Peroni, da GPE Vendors, "Usar o display touch screen é

personalização total dos produtos

Vending Portugal, refere que "Os

muito mais divertido, e muitas coisas

dispensados, especialmente em bebidas

principais desafios que a nossa indústria

podem ser adicionadas nestes displays,

como o café; a aplicação de promoções

enfrenta é a constante procura por parte

mesmo que nós não vejamos isso como

individuais, dependendo do consumo; a

do consumidor de algo que seja inovador

uma prioridade".

utilização de sistemas biométricos; e,

e os surpreenda". Ainda neste campo, Manuel Díaz, da

venda para oferecer todo o tipo de

Pondo o enfoque em qualquer uma das exigências do novo consumidor,

sobretudo, a utilização de máquinas de

Eduardo Andueza, da Azkoyen, explica

produtos em qualquer lugar, satisfa-

Rheavendors España, deu-nos uma

que "qualquer tecnologia ou desenvolvi-

zendo qualquer necessidade em mobili-

resposta bastante esclarecedora:

mento que satisfaça uma só dessas

dade".

"Outros desafios que todos os fabrican-

necessidades tornará a experiência de

SETOR DEVE PROCURAR SURPREENDER OS CONSUMIDORES COM SOLUÇÕES INOVADORAS

tes têm nas suas carteiras estão

compra mais agradável", não deixando

relacionados com os consumos e com o

de sublinhar, de resto, que "a satisfação

meio ambiente. Têm sido grandes as

do consumidor é sinónimo de rentabi-

modificações realizadas nos últimos

lidade para o operador".

anos para evoluir em termos de eficiência energética: conseguiu-se importantes reduções nos consumos elétricos e também ambientais; mudou-se para o uso de gases refrigerantes ecológicos; passou-se a utilizar sistemas de iluminação de menor consumo e menos poluentes, com a substituição das fluorescentes pelas leds; introduziu-se novos materiais mais ecológicos e fáceis de eliminar, uma vez chegado o final da vida útil das máquinas. A indústria do vending, à semelhança das outras indústrias, não cessa de projetar e trabalhar pensando no futuro". Por sua vez, Eduardo Andueza, da Azkoyen, partilha da opinião de que "o maior desafio é adaptar-se ao novo consumidor deste século, uma pessoa cada vez mais exigente, mais informada,

DESAFIOS

mais conetada e muito preocupada com

Atendendo à sua evolução, o setor

a sua saúde e seu ambiente".

enfrenta, atualmente, diversos desafios. TRANSFORMAÇÕES

Importa, pois, conhecê-los!

O que deverá e poderá ser feito para tornar a experiência de compra mais

Para Miguel Angel Bruni, da FAS International DA S.L., "O único desafio

emocionante, lúdica e atrativa?

8 / reportagem / HostelVendingPortugal

‘o maior desafio é adaptar-se ao novo consumidor deste século, uma pessoa cada vez mais exigente, mais informada (...)’


estatísticas / HostelVendingPortugal

MERCADO DE MÁQUINAS DE VENDING Portugal e Espanha - 3.º trimestre 2012 No intuito de darmos conta da evolução do mercado ibérico de máquinas de vending, divulgamos, agora, os dados estatísticos referentes ao terceiro trimestre do ano transato. Mercado português Relativamente ao mercado nacional de máquinas de vending, os dados que a PVA (Proveedores de Vending Asociados) nos cedeu, respeitantes ao terceiro trimestre, assinalam um crescimento acumulado de 3%, com a venda de 2.200 unidades, das quais 82% correspondem a máquinas de café e bebidas quentes e

Sistemas de Pagamento

17% à família dos snacks.

Embora liderem o mercado com

À semelhança do que acontece no

44% das vendas, seguidos dos leitores

Já relativamente à família dos Snacks, há a notar que a quase totalidade (98%) é dominada pelas máquinas de

mercado espanhol, a família do café teve

de notas (31%), os sistemas cashless

espirais, 77% das quais são já máquinas

um crescimento de 15%, contrariando a

apresentaram uma redução vertiginosa

com temperatura inferior a 5º.

descida de 87% e 22% verificada, respe-

(-54%). Ao invés, a família dos leitores de

tivamente, nas famílias das bebidas frias

notas foram a única modalidade a

e dos snacks.

crescer (+74%).

Sistemas de Pagamento No período considerado, conforme os dados da entidade que agrupa os

Dentro da família de maior expressão, designadamente a do café e bebidas

Mercado espanhol

fabricantes e operadores de produtos

quentes, as máquinas de café espresso

Relativamente ao mercado espa-

e/ou serviços do setor de vending na

nhol, segundo os dados disponibilizados,

Península Ibérica, foram vendidos, no

dora (94%). Em relação à família dos

observou-se um decréscimo de 1%, por

país vizinho, 31.000 sistemas de paga-

snacks, as máquinas de espirais lideram

comparação com igual período de 2011,

mento para máquinas de vending, o que

com 98%, das quais 54% são máquinas

tendo sido comercializadas 10.700 uni-

representa um acréscimo significativo

dades durante o período em análise.

de 9% face a 2011.

dominam com uma maioria esmaga-

com temperatura abaixo dos 5º.

Em oposição à acentuada descida

AO NÍVEL DOS SISTEMAS DE PAGAMENTO, VENDERAMSE, EM PORTUGAL, CERCA DE 3.400 SISTEMAS DE PAGAMENTO PARA MÁQUINAS DE VENDING, TRADUZINDO UMA QUEDA DE 36% FACE A 2011.

das máquinas de bebidas frias (-36%), as famílias de café e dos snacks tiveram um

Numa análise mais detalhada, foram os sistemas cashless e os moedeiros de

crescimento de 11% e 3%, respetiva-

troco a liderar o mercado, sendo

mente.

responsáveis, respetivamente, por 34%

Numa análise segmentar, a família das bebidas quentes representou 55%

e 35% das vendas, seguindo-se os leitores de notas (15%) e os seletores

das vendas, os snacks 31% e as frias

(16%). Se o grupo dos seletores e dos

12%.

leitores de notas cresceram, 77% e 46%,

No caso específico da maior família, a do café e bebidas quentes, 85% dizem respeito a máquinas de café espresso e 15% de café solúvel.

10 / estatísticas / HostelVendingPortugal

a família dos moedeiros de troco teve, porém, um recuo de 17%.


vending / HostelVendingPortugal

VENDING 2012 Um olhar retrospetivo De 12 a 15 de outubro, teve lugar, na ExpoSalão - Centro de Exposições da Batalha, a Vending 2012, onde os visitantes puderam presenciar os mais recentes e inovadores desenvolvimentos e avanços tecnológicos para o setor do vending e OCS. A nível de expositores, estiveram presentes algumas conhecidas empresas, como a N&W Global Vending Spain, a Délipan, a KNT, a Vendomat International PT, a DouroVending, a Organizações Quitex, a NaturalSumo, a HotVending, a Bianchi e a Beniregion, entre outras. Com expetativas elevadas, os expositores marcaram presença pelas mais variadas razões, com destaque para a promoção corporativa, reforço da visibilidade e notoriedade empresariais, a consolidação da posição no mercado, o reforço da relação de proximidade aos clientes, a conquista de novos clientes e negócios, bem como a divulgação de novos produtos.

NO CAMPO DAS NOVIDADES, FORAM APRESENTADOS DIVERSOS EQUIPAMENTOS E CONSUMÍVEIS PARA O SETOR DA DISTRIBUIÇÃO AUTOMÁTICA, OCS E HORECA. Na avaliação final, todos os expositores reconheceram como positiva a sua participação, tendo assinalado a boa afluência de visitantes e interessados, assim como o bom número de contatos estabelecidos, cumprindo-se, assim, os objetivos inicialmente delineados.

11 / vending / HostelVendingPortugal


feiras / HostelVendingPortugal

FOTOS FEIRA 2012 Empresas, espaรงos e produtos

12 / feiras / HostelVendingPortugal


feiras / HostelVendingPortugal

13 / feiras / HostelVendingPortugal


feiras / HostelVendingPortugal

SANDWICH & SNACK 2013 Mercado em crescimento O espaço de exposições Porte de Versailles, em Paris, irá acolher, de 20 a 21 de março, a 14.ª edição da exposição Sandwich & Snack, subordinada, este

Corinne Menegaux, Diretora da

Entre os aspetos que estarão em foco na edição deste ano, a Sandwick &

Sandwich & Snack Show. Relativamente à edição anterior de 2012, o certame, considerado uma

Snack dará realce ao snacking 'sweet' (através das rubricas 'Le Laboratoire de

ano, ao mote '100% Tendências e 100%

referência internacional neste mercado

Tendances', 'Le Carnet de Tendances' e

Negócio'.

específico, contou com a participação de

'Le Show Room "Nouveautés Sweet"),

300 expositores, correspondendo a um

à identificação dos conceitos de sucesso,

Apesar do atual cenário de desaceleração económica, o mercado do

acréscimo de 11% face a 2011, e de

ao tema do embalamento, à análise do

snacking em França vive ainda uma

11661 visitantes, tendo exibido mais de

mercado e, por último, a ideias de

situação de notável fulgor, com um

200 inovações. Pondo o acento em três

desenvolvimento.

volume de negócios de cerca de 33

principais tendências (Snackable, Righ

milhões de euros e 165.000 pontos de

Snack e Snackissime), esta edição incluiu

venda identificados em 2011.

um programa de atividades composto

"Verdadeira fonte de inspiração, a

por 14 conferências, 25 demonstrações

Sandwich & Snack Show irá decifrar,

de snacking a cargo de chefes de

este ano, em benefício dos agentes do

prestígio, 8 ateliers dedicados ao

mercado, todas as tendências de consu-

franchising em restauração rápida, para

mo móvel e de venda para fora", referiu

além de 10 seminários.

VENDEXPO RUSSIA 2013 Abertura a mercados do leste Irá celebrar-se, entre os dias 20 e 22

ficar a par de uma visão acerca dos

de março de 2013, a sétima edição da

desenvolvimentos e tendências emer-

VendExpo Russia, evento que estará

gentes no setor. Organizado pela E.M.T.G., este even-

serviços relacionados com a distribuição

to porá em marcha, a par da habitual

automática.

componente expositiva, um programa

Entre os seus méritos mais significa-

de especiais rubricas de negócio, com

tivos, ela permitirá identificar e auscul-

destaque para debates, mesas redon-

tar as reais e concretas necessidades

das, seminários e sessões, aos quais se

dos profissionais do setor. Com o CEC Expocentre (Moscovo) a servir-lhe de cenário, a VendExpo Russia é a principal exposição do género a

edição, é esperada a presença de empresas oriundas dos mais diversos países,

focado, uma vez mais, na exibição das mais recentes tecnologias, produtos e

Com o sucesso das edições anteriores a criar boas expetativas para a nova

junta também a competição Best Vending Beverage (BVB). Em termos do perfil do público-alvo, o certame dirige-se a empresas associa-

decorrer no florescente mercado russo.

das ao vending, muito especialmente os

Para além de poderem assistir a um

fabricantes de equipamentos e compo-

amplo programa de atividades de rele-

nentes, os fornecedores de consumíveis,

vo, os visitantes terão a oportunidade de

além de muitos outros.

14 / feiras / HostelVendingPortugal

bem como de produtos dos mais diferenciados âmbitos do vending.


feiras / HostelVendingPortugal

ALIMENTARIA & HOREXPO LISBOA 2013 "Novos Compradores, Novos Mercados, Novas Oportunidades” Realizar-se-á, de 14 a 17 de abril, nas instalações da FIL - Feira Internacional de Lisboa, a 12.ª edição da Alimentaria & Horexpo Lisboa - Salão Internacional da Alimentação, Hotelaria e Tecnologia para a Indústria Alimentar. Focada na indústria alimentar, hotelaria e distribuição em Portugal, este certame é já a 4.ª maior e mais relevante feira da alimentação da Europa. Sob o lema "Novos Compradores, Novos Mercados, Novas Oportunidades", a Alimentaria&Horexpo 2013, organizada em conjunto pela AIP-FCE e Alimentaria

todos eles com enfoque em temas de

promover mais contatos profissionais e

Exhibitions, líder internacional na

interesse para os setores representados; a

negócios, este modelo tripartido visa

organização de feiras do setor alimentar,

20.ª edição das Jornadas da AHRESP 2013;

proporcionar uma oferta mais ampla para

irá privilegiar uma nova orientação

o I Fórum de Internacionalização do setor

o mercado alimentar e de hotelaria, com a

estratégica: a exportação.

alimentar (visando estabelecer estratégias

presença de empresas produtoras e

Através do programa Hosted Buyers,

de promoção internacional, criar sinergias

distribuidoras de alimentos e bebidas, de

composto por reuniões e encontros entre

entre as empresas do setor na atividade da

equipamentos para restauração e

compradores estrangeiros convidados e as

exportação e definir as grandes linhas

hotelaria, tecnologia e maquinaria para a

empresas exportadoras expositoras, a

orientadoras para os próximos anos); o

indústria e distribuição alimentares.

organização da feira reforça a dimensão e

Congresso da Associação dos Diretores de

aposta internacionais, diversificando os

Hotel de Portugal - ADHP; e, pela primeira

da hotelaria e restauração, o vending terá

tipos de contatos efetuados e mobilizando

vez, a Gala de Excelência na Hotelaria,

também reservado um lugar especial. Na

No salão Horexpo, em específico, além

e atraindo compradores internacionais de

incluindo entrega de prémios, sob a

verdade, a Horexpo reúne 5 setores

novos e diferentes mercados exteriores.

promoção da ADHP e Publituris.

diferenciados: equipamento para hotéis,

Resumidamente, desafiar novos

No espaço Food I&DT, estarão em

restaurantes e pastelarias; Decorhotel;

mercados, internacionalizar e aumentar as

destaque a Inovação e a Tecnologia no

Tecnologia e Serviços; Vending (máquinas

exportações, valorizar os produtos

setor alimentar.

de venda automática); Espaço Café (café,

nacionais, assim como proporcionar novas

De grande importância, o Clube

máquinas e moinhos, sistemas de

oportunidades de negócio, constituem os

Portugal Exportador, iniciativa promovida

purificação de água). A nível do perfil do

principais desígnios que regem a que é

pela AIP/FCE, tem por objetivo apoiar as

visitante, é esperada a afluência de

considerada, a nível nacional, a maior

empresas exportadoras no processo de

diretores de hotel e operadores de vending,

plataforma de negócios e contatos

diversificação e conquista de novos

entre muitos outros.

profissionais para os setores em questão.

mercados e oportunidades de interna-

A par da estrita componente

A 'Tecnoalimentaria' reúne, por sua

cionalização. Este mesmo espaço acolherá

vez, uma oferta abrangente de tecnologias

expositiva, o certame contempla ainda um

justamente o referido programa Hosted

e equipamentos para a indústria e

conjunto de interessantes atividades

Buyers.

distribuição alimentares.

paralelas, dando a conhecer as novas tendências do setor. Entre as mais

Estando já confirmadas 250 empresas, esta única feira irá congregar, em simul-

De salientar que a HostelVending

significativas, temos, nomeadamente: a

tâneo, três distintos mas complementares

Portugal estará presente neste evento na

Innoval - Novos Produtos (exposição dos

salões (Alimentaria Lisboa, Horexpo e

condição de entidade colaboradora, mais

produtos e embalagens mais inovadores);

Tecnoalimentaria), realçando as sinergias

precisamente como Media Partner,

diversos congressos, seminários,

inerentes aos mesmos. Além de gerar

dispondo de um espaço próprio.

apresentações de estudos e conferências,

maior valor para expositores e visitantes,

16 / feiras / HostelVendingPortugal


reportagem / HostelVendingPortugal

VENDING CENTRO "Clientes procuram serviço de qualidade e de preço competitivo" ascensão, porque, por um lado, temos

"Temos um tecido empresarial forte,

muita heterogeneidade nas empresas,

mas composto maioritariamente de

operadores são, entre todos, os

não sendo, no entanto, um mercado de

micro e pequenas empresas".

profissionais que estão mais próximos

empresas de grande dimensão, obri-

Num mercado que engloba agentes distintos, mas complementares, os

dos consumidores. São, na verdade, os

gando a investimentos muitas vezes

primeiros a escutar e identificar as suas

avultados". Para Vivaldo Caseiro, gerente da

reais necessidades e desejos. Além

Para Vivaldo Caseiro, esta região difere das demais pelo "elevado número de estudantes do ensino secundário e

disto, são também importantes inter-

Nsol - Soluções Globais de Mercado,

sobretudo do ensino universitário",

mediários com os restantes profissio-

empresa que deu origem ao projeto

caraterística que ele considera,

nais do setor, como é o caso dos

nacional das lojas automáticas 24 horas

justamente, "um ponto chave para a

distribuidores e fabricantes.

Grab & Go, a "zona centro é um mercado

nossa região". Em termos de perfil de clientes, o responsável da Nsol é da opinião de que "a cidade de Coimbra difere um pouco das restantes cidades", com "as faculdades e hospitais" a serem os principais clientes, ao invés de outras cidades, onde "os clientes industriais têm um peso maior". Incentivados a definir os seus clientes e a indicar-nos quais os produtos que estes mais requisitam, os interlocutores inquiridos deram respostas várias. Neste âmbito, André Marques, incluindo empresas de produção no seu rol de clientes, assinala

Neste sentido, alguns operadores da região centro foram interpelados a

bastante importante para o vending

que elas "pretendem disponibilizar aos

nacional". Na descrição deste mercado,

seus colaboradores o acesso rápido, e ao

analisar o mercado da distribuição

Vivaldo assinala que "Conta com vários

mais reduzido custo, a produtos

automática na sua área específica de

operadores de vending de grande

alimentares. Procuram um serviço de

atuação.

dimensão e também muitos operadores

qualidade e de preço competitivo". Com

locais". Aprofundando mais a sua

a empresa a que pertence a pôr à

carateriza o mercado de vending na

análise, acrescenta: "Pela sua impor-

disposição dos consumidores uma vasta

Instado a pronunciar-se sobre o que zona centro, André Marques, presidente

tância e posição estratégica, a região

e bastante diversificada gama de

da empresa Leirivending, definiu-o

centro possui sedes ou filiais dos

produtos, este responsável identifica

nestes termos: "O mercado de vending

maiores fornecedores deste setor".

na zona centro é bastante promissor". Colocando a tónica nas qualidades que

Perante a questão de se saber em que circunstâncias esta zona se

lhe são inerentes, considera ser "um

diferencia das restantes regiões do país,

segmento que oferece conveniência e

André Marques, destacando a maior

praticidade aos consumidores, além de

incidência operacional da sua empresa

como "produtos mais requisitados as sandes, os Croissants, refrigerantes e bebidas solúveis". "CLIENTES DE TODAS AS IDADES, DOS 5 AOS 80 " Embora considere os "estudantes do

qualidade". Já em termos do tipo de

na região de Leiria, retoma alguns dos

empresas que operam nesta zona

pontos mencionados já na resposta

ensino secundário e universitário" como

centro, ele fala de "um mercado em

anterior. Assim sendo, insiste, de novo:

os principais clientes, Vivaldo Caseiro,

18 / empresa / HostelVendingPortugal


reportagem / HostelVendingPortugal

por sua vez, não deixa de assinalar

grande gestão (produtos e tempo) e que

Numa apreciação de natureza

possuir "clientes de todas as idades, dos

para manter essa qualidade temos de

assumidamente financeira, Vivaldo

5 aos 80 anos". Questionado relativa-

aumentar os nossos preços, o que nem

Caseiro destacou como principais

mente aos produtos mais requisitados,

sempre se afigura fácil e possível". A

entraves do setor na região "a falta de

ressaltou "as comidas quentes, água,

nível de produtos, para este respon-

financiamento da banca e o receio dos

sável, "Já não é só o café o produto mais

investidores". Num cenário em que as

requisitado, mas também um vasto

"notícias que vemos diariamente são

Eusébio Gomes, sócio-gerente da

leque de produtos frescos, que vão

altamente desencorajadoras e os

refrigerantes e chocolates". Diferentemente da opinião anterior, Canecao, preferiu destacar as PME's

desde as sandes aos bolos e bebidas

investidores retraem-se", o mesmo

como principais clientes-alvo. Na

frescas". Reforçando a convicção de que

responsável insiste, porém, que "é

descrição sumária que deles nos

o consumidor se tornou mais exigente,

nestes tempos de crise que se deve investir".

apresenta, este responsável indica que

Eusébio salienta que este "cuida cada

"os clientes exigem cada vez mais

vez mais da sua alimentação e, por esse

qualidade e diversidade nos produtos e

motivo, as vendas de barras de

questão, Eusébio Gomes, da Canecao,

serviços". Mais pormenorizadamente,

chocolate neste setor têm vindo a

realça que os principais desafios, a seu

acrescenta ainda: "Os nossos clientes,

diminuir".

culturas".

"A ZONA CENTRO É UM MERCADO BASTANTE IMPORTANTE PARA O VENDING NACIONAL"

ver, passam por "continuar a trabalhar de uma forma profissional com o

que têm vindo a ser mais exigentes, são de todas as idades e de diferentes

Debruçando-se sobre a mesma

Outra importante questão colocada

máximo de qualidade, o que impõe um

às empresas que tomaram parte na

aumento da diversidade dos produtos

presente reportagem diz respeito aos

para o nosso consumidor final". Além

desafios, carências e dificuldades com

disto, este responsável não disfarça

que se debate o negócio da distribuição

algum desalento, quando refere ter

automática na região.

muita pena que os nossos fornecedores

Devido às dificuldades atuais, o

não nos apoiem e não nos veem como

mercado, segundo André Marques, "faz-

um cliente importante nos seus volumes

-nos procurar e otimizar a nossa oferta,

de negócio".

de forma a rentabilizar mais este canal «OS CLIENTES EXIGEM CADA VEZ

dentro da nossa empresa. A diminuição

MAIS QUALIDADE E DIVERSIDADE

do consumo pela atual conjuntura

NOS PRODUTOS E SERVIÇOS" "É NESTES DEcomo CRISE EmboraTEMPOS reconheça legítima e

económica pode ser uma dificuldade acrescida também nos próximos anos,

QUE SE DEVE positiva aquelaINVESTIR» exigência, não se coíbe

se não conseguirmos reorganizar e

de acentuar que o "Vending implica uma

adaptar o nosso parque de máquinas".

19 / empresa / HostelVendingPortugal

"É NESTES TEMPOS DE CRISE QUE SE DEVE INVESTIR»


reportagem / HostelVendingPortugal

vending". Fazendo-se já notar esta tendência no presente, André Marques explica que isso se deve à circunstância dos produtos nas máquinas de vending, "além de elevada qualidade, poderem ser adquiridos a um melhor preço do que no canal HORECA", a que se junta a vantagem adicional de o consumidor não ter "necessidade de se deslocar para os adquirir". Atendendo a esta situação específica, considera que o "segmento está tendencialmente em crescimento". Com um modelo de negócio assente no conceito de lojas automáticas 24 horas, bem distinto do vending dito tradicional, a Grab & Go, no âmbito deste seu específico nicho de mercado, espera "abrir 20 lojas em 2013", mas admitindo que esse "número está ameaçado pela

«Seria do interesse de todos os forne-

setor na região em causa, André

cedores e profissionais do Vending

Marques entende que "o setor tenderá a

falta de financiamento dos bancos", um problema atual de que padece, como

trabalharem em conjunto, porque

crescer nos próximos anos, mas mais

continuo a acreditar que temos de

lentamente do que o que estávamos à

sabemos, a grande maioria das empre-

crescer muito mais no mercado e os

espera".

sas portuguesas.

Antevendo dificuldades para o setor,

consumidores devem entender que

Pondo em evidência outros aspetos,

somos profissionais da alimentação e

Vivaldo Caseiro julga que "vários opera-

Eusébio Gomes, em representação da

que estamos sempre atentos às tendên-

dores e também alguns fornecedores

Canecao, reconhece que, para 2013, as

cias de novos produtos. Servimos todos

deste setor irão passar por grandes

dificuldades que a empresa sentirá, que

os dias milhões de pessoas e o

dificuldades em 2013". Desenvolvendo

também se verificavam já em 2012,

consumidor precisa de saber que, por

este raciocínio, adianta ainda que os

dizem respeito, em boa medida, ao

detrás destas máquinas, são efetuados

"clientes estão cada vez mais exigentes

"custo dos transportes que todos os dias enfrentamos (combustíveis e portagens)

muitos esforços e trabalho para que se

nos produtos que consomem e os

possa consumir em qualquer lado e a

operadores e fornecedores terão de

e o aumento do IVA (2012)". Como refere

qualquer hora. Isto é que é o objetivo

estar à altura destas exigências, caso

ele, estas mesmas contrariedades

final das Máquinas de Venda Automáti-

contrário perderão competitividade".

obrigarão a empresa a fazer um esforço suplementar no sentido de "sensibilizar

ca", confidenciou-nos ele. O mesmo lamento está presente na alusão que faz a algumas das mais

"SEGMENTO ESTÁ TENDENCIALMEN-

os nossos clientes de que o nosso serviço

TE EM CRESCIMENTO"

é um serviço profissional e de qualidade,

Sem ignorar o atual cenário de crise

recentes tendências em termos de

económica, os intervenientes falaram

pagamento. Admitindo que seria ótimo vermos implantados, definitivamente,

das dificuldades que esperam para

os pagamentos através de cartão ou

2013. Contrariamente ao que seria de

telemóvel, entende que "para isso

o que nem sempre é aquilo que eles pensam de nós". Ainda a este respeito, esclarece, de resto, que a questão das "guias de

funcionar teremos de ter o apoio dos

supor, para a Leirivending, "o atual

transporte" constituirá um problema

bancos", razão pela qual estima que "não

cenário de crise económica será vanta-

adicional que o setor terá de enfrentar

irão realizar-se tão depressa, porque,

joso para o vending, na medida em que o

inevitavelmente. Admitindo que 2013

uma vez mais, teremos custos adicionais

consumidor, que tinha a preferência por

trará ainda maiores dificuldades ao

e ninguém para nos apoiar".

recorrer ao setor HORECA para adquirir

setor, este responsável adverte para a

os produtos, neste momento, devido à

premente necessidade de "continuar a

“CLIENTES CADA VEZ MAIS EXIGENTES”

retração económica que se faz sentir,

trabalhar muito e apostar nos nossos

passará a adquirir com mais frequência

serviços", acrescentando que "continuar

os produtos ao dispor nas máquinas de

a servir os nossos clientes sempre com o

Apontando para o que poderá mudar, em termos globais, no futuro do

20 / empresa / HostelVendingPortugal


reportagem / HostelVendingPortugal

Em complemento, sustenta ainda que

mesmo profissionalismo e entusiasmo"

No respeitante às medidas que o

ajudará a enfrentar o ano e a atenuar o

"Os produtos disponibilizados nas

setor deverá tomar, Vivaldo Caseiro

seu impacto.

nossas máquinas de vending são

acentua que todos "os operadores de

cuidadosamente ajustados aos interes-

vending terão de racionalizar os custos

"OS OPERADORES DE VENDING

ses dos clientes, permitindo-lhes a

operacionais e, ao mesmo tempo,

TERÃO DE RACIONALIZAR OS

seleção cuidadosa, dentro dum leque de

procurar produtos de melhor qualidade,

CUSTOS OPERACIONAIS”

produtos, dos que melhor se adequam

particularmente no café e produtos

às suas necessidades".

Previstas que estão inúmeras

Num outro âmbito, indica, no intuito

dificuldades para 2013, as empresas

frescos (sandes, bolos e salgados)". Sem desvalorizar também a questão da

inquiridas foram convidadas a expor

de superar as contrariedades resultan-

manutenção das máquinas, considerada

estratégias e iniciativas que o setor

tes da atual crise, utilizar o "marketing

de "extrema importância", Vivaldo

poderá adotar para ultrapassar as

digital para divulgarmos a nossa

conclui que, uma vez cumpridos aqueles

adversidades impostas pela atual crise.

empresa e atividade desenvolvida".

procedimentos, "só assim poderemos

Especificando ainda: "Nesse sentido,

manter e aumentar as vendas".

Fazendo alusão à estratégia plural

Com a distribuição a representar um

que a Leirivending está a assumir, André

implementámos uma newsletter como

Marques realça que a mesma pressupõe

estratégia de email-marketing, com o

encargo elevado para a sua empresa,

diversas valências, nomeadamente: "um

objetivo de efetuar o envio periódico de

Eusébio Gomes insiste que "temos de

serviço com disponibilidade e variedade

um boletim com as novidades da

tirar o máximo proveito da gestão a nível

de produtos alimentares e bebidas,

empresa aos clientes atuais e a

de tempo e custo", reiterando a

nomeadamente quentes e frias;

potenciais clientes identificados". De

convicção de que um serviço com

promover uma facilidade de aquisição

igual modo, referiu procurar também

profissionalismo e entusiasmo poderá

dos produtos por parte do consumidor;

"adaptar cada vez mais a nossa oferta de

servir de importante impulso para a

disponibilizar produtos com uma boa

produtos e equipamento à dimensão dos

superação das dificuldades em 2013.

relação qualidade/preço, praticando

clientes e cimentar as fortes parcerias

Tudo se "resume sempre a prestar um

preços inferiores aos do Canal HORECA".

que temos com os nossos fornecedores".

serviço de qualidade", remata ele.

21 / empresa / HostelVendingPortugal


empresa / HostelVendingPortugal

CAPPUCCINOS AROMATIZADOS CAPRIMO Uma gama completa para todos os gostos e ocasiões das quais poderão diversificar a oferta

Fruto de uma experiência de mais de

disponível no setor.

30 anos, a Caprimo possui uma vasta

Embora distintas, todas estas

gama de cappuccinos aromatizados, que constituem uma paragem obrigatória

variedades irão certamente deixar-nos

para os operadores de vending.

'Deliciados', com vontade de repetir. Distinguidas, desde 2007, com

Múltiplas são as opções diferen-

inúmeros galardões, são ideais, não só

ciadas que nela se incluem: Café Baunilha (de sabor suave e cremoso,

para jovens que procuram desfrutar de

com um toque exótico de baunilha), Café

novas experiências de sabor, mas

Avelã (com um toque final e requintado

também para os consumidores diários

de avelã), Café Caramelo (imensamente

de café, que procuram descobrir uma

cremoso, com o aroma delicioso do

boa alternativa às tradicionais bebidas

caramelo), Cappuccino Irlandês, Café

e completa gama de bebidas oferece aos

Choco-Mentol (proporcionando sensa-

jovens consumidores aquilo por que eles

ções refrescantes, com uma pitada de

tanto anseiam: puro deleite, sensações

Mentol Fresco) e o novo Cappuccino Anis

de gosto modernas e novos sabores.

(misturando notas de anis-estrelado e

Devido à sua enorme popularidade

de coentro). Beneficiando de uma excelente relação qualidade-preço, esta moderna

deste produto. Garantindo um sabor absolutamente inesquecível e tentador, basta um simples toque de botão para que todos os consumidores possam

em toda a Europa, estas bebidas

desfrutar realmente desta excelente

irresistíveis são opções de excelência

gama de cappuccinos com sabor.

para os operadores de vending, por meio

22 / empresa / HostelVendingPortugal


entrevista / HostelVendingPortugal

CATHERINE PIANA, DIRETORA-GERAL DA EVA "O CAFÉ TEM UMA DIMENSÃO SOCIAL" Depois de conhecidos os dados relativos à comercialização de máquinas de distribuição automática em Portugal no terceiro trimestre do ano, que foram gentilmente cedidos pela PVA (Fornecedores de Vending Associados), a Hostel Vending Portugal quis indagar possíveis razões para a maior prevalência do segmento das máquinas de bebidas quentes. Interpelada a pronunciar-se, Catherine Piana, Diretora Geral da EVA, associação europeia que dirige os destinos do mercado de distribuição automática, consentiu em responder numeras perguntas. - O que explica o crescimento do segmento das máquinas de bebidas quentes, em termos de vendas, face

quentes sempre foram predominantes

de café diminuiu, especialmente no

aos restantes segmentos da distri-

na Europa, seja no local de trabalho ou

grupo dos jovens. Com a introdução das

buição automática?

socialmente. Há uma boa razão para

cadeias de “coffee shops” (lojas de café),

A resposta a esta pergunta é, provavelmente, uma convergência das

que, na Europa continental, em todas as

há mais ou menos 15 anos, a tendência é

ocasiões da vida, se faça um “coffee

para aumentar novamente. Em termos

preferências de todas as partes

break” (pausa para café) ou se tenha

gerais, os operadores de venda na

interessadas (operadores, consumi-

uma conversa acompanhada de café.

Europa construíram o seu modelo de

dores e clientes), assim como uma das

Esta tendência não mudou de forma

negócio com base em bebidas quentes -

principais caraterísticas do mercado de

significativa recentemente, embora

café e chocolate quente, e, em menor

vending Europeu. De facto, as bebidas

tenha havido ciclos em que o consumo

medida, chá - e conhecem muito bem este segmento. Também é mais rentável do que o segmento das bebidas frias ou dos snacks. Da perspetiva de um consumidor, as bebidas quentes também são populares no local de trabalho, e os empregadores, às vezes, até as oferecem gratuitamente aos seus empregados e trabalhadores - este tem sido o caso da Holanda, por exemplo, e que explica o facto de eles terem a maior taxa de penetração de mercado - ou seja, o número de máquinas por trabalhador na Europa.

23 / entrevista / HostelVendingPortugal


entrevista / HostelVendingPortugal

- Com o café a ser a bebida predo-

particularmente no intervalo a meio da manhã ou a meio da tarde. Uma mega-

minante dentro do segmento das

- No futuro, que novas categorias de bebidas quentes julga que

bebidas quentes, o que é que o torna

tendência de consumo, a individuali-

integrarão e complementarão a atual

tão apetecível e requisitado? O que o

dade, é, particularmente, bem expressa

oferta?

distingue da restante oferta de

através do café, uma vez que este pode

produtos para o vending?

ser adaptado às necessidades de cada

especiais e de bebidas quentes à base de

um, por meio de combinações infinitas,

leite será reforçada, com uma gama

Isto está ligado à tradição na

Eu acho que a tendência dos cafés

Europa. Tem a vantagem de aquecer-

pela possibilidade de selecionar dife-

ainda maior de opções, assim como com

-nos e dar-nos energia para começar e

rentes tamanhos, intensidade, pela

escolhas de comércio orgânico e justo.

aguentar o dia. O café tem também uma

adição de leite ou sabores. Com café

Em paralelo, as infusões e os chás de

dimensão social, dado que é consumido

preparado a partir de café em grão,

ervas também devem crescer, apenas

perto da máquina e cria uma oportu-

obtém-se a possibilidade de experimen-

como resultado das mudanças demo-

nidade para um ponto de encontro entre

tar um café moído na hora e que vai

gráficas na Europa e do aumento da

os colegas. Sociólogos e especialistas do

diretamente para a bebida e que oferece

população que está habituada a beber

trabalho têm demonstrado em estudos

a melhor qualidade e sabor.

chá ao longo do dia.

recentes que a máquina de venda - Dentro do volume total de

automática é um lugar onde a informação pode ser partilhada de maneira

máquinas de distribuição automática

informal, e que, sem ela, possivelmente

comercializadas, que parcela detêm

não teria outra maneira de circular.

as máquinas de bebidas quentes?

"AS BEBIDAS QUENTES SEMPRE FORAM PREDOMINANTES NA EUROPA"

O relatório de mercado da EVA indica que, em média, mais de 80% da

- Que qualidades apreciam os consumidores nas bebidas à base de

estrutura das máquinas diz respeito a

- O consumidor atual procura

café?

máquinas de bebidas quentes. Esta é

produtos de qualidade mas a preços

uma caraterística típica na Europa e

competitivos e acessíveis. Como é

Estudos recentes da EVA demonstram que a visita à máquina de venda

América Latina, ao passo que, noutros

possível harmonizar estas duas

automática tem a ver com o fazer uma

grandes mercados de máquinas de

exigências, na aparência contra-

venda automática, como a América do

ditórias?

pausa e obter um impulso de energia,

Norte, se verifica o contrário. No Japão,

«A RECESSÃO NÃO É APENAS SOBRE MERCADOS PERDIDOS, É TAMBÉM SOBRE OPORTUNIDADES PARA OS OPERADORES DE VENDA AUTOMÁTICA»

Na verdade, estes fatores são muito

as bebidas quentes são servidas a partir

relativos. Testes cegos mostraram que a

das máquinas de venda automática, mas

qualidade é mais uma questão de

são, geralmente, vendidas em latas.

perceção e gosto individual do que uma caraterística intrínseca.

24 / entrevista / HostelVendingPortugal


entrevista / HostelVendingPortugal

Por exemplo, o mesmo café não será avaliado da mesma forma se vier de uma máquina atrativa e limpa, e num copo mais agradável ao olhar, do que se vier de uma máquina antiga e num copo feio. Quanto mais o café se parecer com uma bebida take-away de loja de café, maior será a perceção de qualidade e maior será o preço que o consumidor estará disposto a pagar por ele. Quando se considera que, em algumas lojas de café, as versões maiores são vendidas por 4€, a venda automática tem um longo caminho a percorrer e, na verdade, poderia conquistar quotas de mercado com

barata é de qualidade relativamente

da venda automática, enquanto que

preços que são relativamente altos para

baixa.

outros canais vão lutar muito mais,

café de venda automática, mas

Assim, penso que, dependendo da

porque os seus custos fixos são muito

relativamente baixos para lojas de café.

localização e do público-alvo, os

A recessão não é apenas sobre merca-

produtos têm de ser posicionados de

dos perdidos, é também sobre oportu-

maneira a que a bebida seja desejável,

nidades para os operadores de venda

de alta qualidade e a um preço que envie

particular para os operadores que

automática e consumidores que estão

a mensagem certa sobre o seu con-

consideram que a sua máquina não é

maiores. Assim, em breve, a mensagem é positiva para a venda automática, em

mais conscientes dos custos! Por outro

teúdo. Eu penso que qualidade,

"apenas mais uma máquina de bebidas

lado, os consumidores provavelmente

competitividade e acessibilidade de

quentes", mas sim "uma loja de café de 1

têm a expetativa de que uma bebida

preços estão absolutamente ao alcance

m2"!

«MAIS DE 80% DA ESTRUTURA DAS MÁQUINAS DIZ RESPEITO A MÁQUINAS DE BEBIDAS QUENTES»

25 / entrevista / HostelVendingPortugal


empresa / HostelVendingPortugal

HOTVENDING Máquinas Selfmat e Sharmat 24, uma aposta na versatilidade Com ligação a sistema GPS, que

Fabricadas pela empresa italiana

Adequada a responder a qualquer

permite ao operador controlar as

emergência de última hora, permite

pela empresa HotVending, as máquinas

vendas, conhecer o volume de faturação

satisfazer, com muita comodidade, as

Selfmat e Pharmat 24 têm na

e ser alertado para a necessidade de

necessidades dos consumidores fora do

Daint, e comercializadas no nosso país

versatilidade a sua qualidade mais

reposição de produtos, estas máquinas

horário de funcionamento das farmá-

relevante. Entre diversos fins, elas

podem, portanto, ser geridas à distân-

cias.

poderão ser utilizadas na comercia-

cia, sem necessidade de deslocações. Com caraterísticas antivandálicas,

lização de papel higiénico, lenços de

À semelhança da anterior, a máquina Selfmat, também disponível 24

papel, calçado em caixas, livros e

ambos os modelos estão também

horas, difere das tradicionais pela

medicamentos (não sujeitos a prescri-

direcionados ao vending público.

grande capacidade de armazenar

ção médica), permitindo o ajustamento conveniente da temperatura interna.

Dando destaque à Pharmat 24, esta máquina totalmente automática, que

produtos de tamanhos muito díspares. É este, justamente, o modelo que a marca

pode funcionar com moedeiro e leitor de

Renova utiliza para comercializar os

notas, permite vender vários produtos

seus tão afamados rolos de papel

de diferentes dimensões e formas, a

higiénico.

qualquer hora do dia. De volume variável, os compartimentos internos podem ser configurados e ajustados pelo próprio farmacêutico às dimensões do produto. Assim sendo, esta máquina está apta a acomodar embalagens, pacotes, garrafas, envelopes, produtos de diversas formas e composição material, sejam eles frágeis ou inquebráveis, de qualquer dimensão.

26 / empresa / HostelVendingPortugal


entrevista / HostelVendingPortugal

ENTREVISTA A YVES DALTON DALL'OLIO, PRESIDENTE DA “O consumidor brasileiro aprecia tecnologia e novidades”

Yves Dalton Dall'Olio, presidente da ABVA

Peça fundamental no mercado bra-

focou-se, de imediato, no consumo nas

«O consumidor busca agilidade no atendimento e variedade na oferta»

Além disso, a necessidade de

sileiro, a ABVA (Associação Brasileira de

empresas e não em pontos comerciais,

rapidez por parte dos usuários no

Vendas Automáticas) tem desenvolvido

como aconteceu em outros países com

mercado de fast-food ajudou à amplia-

inúmeros esforços para o seu crescente

um número maior de máquinas de

ção das operações através de outros

progresso, assumindo, desde logo, um

bebidas quentes, snacks e refrigerantes.

modelos de vending machines, diversifi-

importante papel de interlocutor com as

Hoje, já temos equipamentos instalados

cando, assim, este segmento.

instituições estatais, para além de

em locais públicos, como hospitais,

cooperar com associações congéneres e

aeroportos, hotéis e universidades,

outros distintos parceiros na defesa e

mercado que vem crescendo. - Que razões explicam o seu crescimento?

Yves Dalton Dall'Olio, presidente desta associação, acedeu, gentilmente, responder às nossas questões.

brasileiro e quais as qualidades que ele mais valoriza no vending?

representação dos interesses dos seus associados.

- O que carateriza o consumidor

O consumidor brasileiro aprecia tecnologia e novidades. Devido ao pouco

Inicialmente, o fator que mais

tempo disponível nos grandes centros

contribuiu para o seu crescimento foi a

urbanos, o consumidor busca agilidade

cultura do café nas empresas, devido ao

no atendimento e variedade na oferta.

grande volume consumido e às

- Como tem sido a evolução do

dificuldades outrora encontradas na

mercado de vending no Brasil?

produção e distribuição deste produto e

O mercado de Vending teve o seu início no Brasil em 1995 com operações

das bebidas quentes em fábricas e

de máquinas de refrigerantes, mas

escritórios.

28 / entrevista / HostelVendingPortugal

- Que importância tem tido a ABVA no progresso do setor? A ABVA tem desenvolvido, desde o começo, uma série de esforços


entrevista / HostelVendingPortugal

destinados à ampliação desse mercado,

Noutro campo, a associação

Com ligação a conhecidas asso-

com destaque para inúmeros cursos

constitui um importante interface com

ciações do setor, a ABVA é associada da

profissionais, organizados em parceria

os órgãos do governo, no que diz

Associação Norte-Americana de Venda

com o SENAI e empresas privadas, para

respeito a legislação e tributação,

Automática (NAMA) e da Associação

profissionais da área como técnicos e

procurando incentivos para o desenvol-

Europeia de Máquinas de Vending (EVA),

abastecedores.

vimento de todas as atividades do setor.

com as quais troca importantes

COMO ENTIDADE RECONHECIDA PELO GOVERNO BRASILEIRO, A ABVA TEM PRESENÇA ASSEGURADA EM TODAS AS AÇÕES QUE ENVOLVEM QUESTÕES RELATIVAS AO DESENVOLVIMENTO DO MERCADO DAS VENDING MACHINES

instituições, a ABVA atua junto de

Em interlocução com outras importantes parceiros como a Casa da

- Quais os objetivos que a

Moeda, o Banco Central e Operadores de

associação tem delineados para

Crédito, procurando encontrar maior

2013?

facilidade e diversificação nos meios de pagamento (moedas, cédulas, cartões de crédito). Adicionalmente, a associação realiza, todos os anos, a EXPOVENDING,

De igual modo, criou a “Cartilha do

informações.

Múltiplos são os objetivos que temos traçados, nomeadamente: incentivar e aperfeiçoar a questão da facilidade de compra dos produtos oferecidos nos equipamentos, através dos novos meios

evento que reúne fornecedores de

de pagamentos; alargar a atuação das

máquinas, equipamentos e serviços

empresas, buscando facilidade de

para os operadores, e que celebrará,

crédito para os operadores; buscar junto

Operador”, com recomendações e

este ano, a sua décima primeira edição.

do Governo Brasileiro melhores con-

orientações necessárias ao bom desem-

Hoje, este é considerado o maior evento

dições e incentivos para os seus

penho das empresas associadas.

do segmento na América do Sul.

Paralelamente, realiza reuniões perió-

Entre outras iniciativas de relevo,

associados; ampliar os modelos de máquinas, diversificando também os

dicas na sua sede, onde tem lugar a troca

importa assinalar que criámos, no ano

tipos de produtos oferecidos; descobrir

de informações valiosas entre os

de 2012, o selo do associado ABVA, que

novas e eficientes tecnologias de

operadores e fornecedores, divulgando,

proporciona descontos nas máquinas,

controlo das operações (por exemplo, a

assim, as novas tecnologias e meto-

insumos, cursos e serviços aos seus

telemetria); e, por último, preparar o

dologias, e discutindo 'cases' importan-

associados.

mercado para os eventos desportivos que se aproximam.

tes para este mercado.

29 / entrevista / HostelVendingPortugal


entrevista / HostelVendingPortugal

‘ACREDITAMOS QUE PODEREMOS CRESCER MAIS DE 50% APENAS NOS PRÓXIMOS DOIS ANOS... TODOS OS SEGMENTOS TERÃO O SEU INÍCIO E RESPETIVA AMPLIAÇÃO NOS PRÓXIMOS CINCO ANOS’

estrangeiras do setor se encontram

mundo. A evolução do mercado OCS

aí implantadas?

(Office Coffee System) no país tem

Temos a N&W Global Vending, Bianchi, Saeco, Rhea, Vendin, Nestlé e Sara Lee, entre outras.

acompanhado este movimento? Sem dúvida alguma! Pelo consumo atual verificado apenas nas empresas de pequena, média e grande dimensão,

- Nos próximos cinco anos, o

temos total certeza disso, mas ainda

Brasil acolherá a realização de

vamos ampliar o mercado VM (Vending

importantes eventos desportivos a

Machines) para os pontos comerciais.

nível internacional. De que forma o setor se associará a estes eventos e

- Qual o perfil das empresas que

empresário estrangeiro interessado

trarão?

em iniciar um negócio de vending no

Todos os segmentos de produtos e

disputam o mercado brasileiro? A maioria das empresas brasileiras atua procurando qualidade nos produtos

- O que terá de fazer um

que oportunidades de expansão lhe

de serviços que estarão abrangidos por estes eventos terão uma significativa

Brasil? Que exigências e condições terá de cumprir? A parceria com empresas brasileiras

e serviços oferecidos, visando também

expansão, desde a compra de um

é bem vinda. Portanto, investir nelas é

agilidade nas suas operações. Possui um

ingresso, passagens aéreas, alimentos,

um bom negócio. Para isso, torna-se

parque de máquinas instalado nas

serviço de segurança, fornecimento de

imprescindível certos requisitos:

principais cidades e, atualmente,

itens de beleza, passando pela higiene

conhecer o tipo de mercado em que

concentra as suas operações no

pessoal, vestuário, calçado, produtos

pretende atuar; conhecer a nossa

mercado de bebidas e alimentos.

eletrónicos, livros, revistas, óculos, entre

legislação; trabalhar com produtos que

outros.

desenvolvimento, que empresas

tenham boa aceitação no nosso país; e contactar a ABVA para o orientar nas

- Dado o enorme potencial de - O Brasil é um dos principais

by: Cristiano Silva

consumidores de café em todo o

30 / entrevista / HostelVendingPortugal

boas opções do nosso mercado.


especial / HostelVendingPortugal

NOVO DECRETO-LEI MARCA INÍCIO DE ANO Decreto-Lei n.º 197/2012 de 24 de Agosto Em vigor desde o início do ano, o novo Decreto-Lei n.º 197/2012 de 24 de Agosto, publicado em Diário da República, prevê a introdução de inúmeras alterações ao nível das regras em matéria de faturação, como a introdução de faturas simplificadas e diversas alterações ao nível da exigibilidade do imposto IVA. Exponhamos, então, as disposições mais relevantes deste diploma para o setor da distribuição automática. Entre as mais significativas, considere-se: a obrigatoriedade de emissão de "uma fatura por cada transmissão de bens ou prestação de serviços (...) independentemente da qualidade do adquirente dos bens ou destinatário dos serviços, ainda que estes não a solicitem...", qualquer que seja o setor de atividade em causa (alínea b do n.º 1 do Artigo 29.º).

de documentos ou do registo das

Neste diploma, promulgado a 14 de

Com a denominação específica de

operações, respetivamente, nas

'IVA - Decreto-Lei Nº 197/2012, de 24 de

agosto de 2012, surge, como veremos,

seguintes operações: a)… ; b) Trans-

Agosto - Novas Regras de Faturação',

uma breve mas explícita alusão ao setor

missões de bens efetuadas através de

este documento traz, concretamente na

do vending.

aparelhos de distribuição automática

secção 'IV - Cumprimento da obrigação

que não permitam a emissão de fatura". Dado este clima de incerteza que

COM VÁRIOS OPERADORES CONTACTADOS, AS REAÇÕES DE INCERTEZA E DÚVIDA FORAM AS MAIS PREDOMINANTEMENTE CONTABILIZADAS

tem pairado, todos eles foram unânimes em reconhecer a necessidade de uma célere e prévia elucidação. Neste sentido, solicitámos esclare-

de emissão de fatura por meios diversos', uma confirmação adicional do teor do referido decreto. Na subsecção '12. Cumprimento da obrigação mediante o registo das operações', aparece, assim, exposta a

cimentos junto da AT (Autoridade

confirmação: "Nas transmissões de bens

Tributária e Aduaneira), a entidade

efetuadas através de aparelhos de

competente melhor habilitada para no-

distribuição automática que não

-los prestar, que nos confirmou a

permitam a emissão de fatura, a

Onde o documento se lhe refere, de

obrigação por parte dos operadores de

obrigação a que se refere a alínea b) do

forma manifesta, é precisamente no n.º

registarem todas as transações efetua-

n.º 1 do artigo 29.º pode ser cumprida

5 do Artigo 40.º. Senão, vejamos: "Sem

das em máquinas de vending.

com o registo das operações".

prejuízo da obrigação de registo das

Para Pedro Veiga Cardoso, diretor

transmissões de bens e das prestações

Para desfazer por completo todas as

de serviços efetuadas, a obrigação refe-

dúvidas, a AT sugeriu ainda a consulta do

da APL - Automáticos Portugueses, Lda., o novo regulamento, "não terá impacto

rida na alínea b) do n.º 1 do artigo 29.º

Ofício-circulado n.º 30136/2012,

na indústria do vending, em virtude do

pode ser cumprida mediante a emissão

datado de 19 de novembro de 2012.

mesmo isentar da obrigatoriedade de

31 / especial / HostelVendingPortugal


especial / HostelVendingPortugal

emissão de documento de venda rela-

ções, quando possível, seja diversa de

tivo às máquinas de vending que não

MVA para MVA". "Existem MVA que nem um simples

estejam preparadas para a sua emis-

contador eletromecânico possuem

são". Antes mesmo, este responsável,

Questionado ainda acerca do tipo de constrangimentos e dificuldades operacionais decorrentes da aplicação do novo regulamento, confessa que,

dando conta de alguma falta de clareza

(exemplo das 'Bulk Vending Machines' ou

embora as máquinas mais recentes e

do decreto, havia-nos confidenciado: "Se

máquinas de venda automática de 'ovos'

evoluídas possam ser lidas através de

percebi corretamente, existe a

com brindes,…), enquanto que outras

consulta manual, a 'leitura manual' é

obrigação de registar as operações de

permitem produzir listagens mais ou

"uma operação mais ou menos morosa,

transmissão de bens e as prestações de

menos completas sobre as vendas

dependendo da MVA, o que agrava

serviços efetuadas".

efetuadas", particulariza. Mas adianta ainda: "Por exemplo, as

No entanto, não deixa de advertir de

MVA que funcionam com protocolo

bastante os custos de operação". Para além disto, adverte para o facto dessa leitura estar "sujeita a erros, porque

que "…dependerá do responsável da

Executivo podem/poderão ser lidas

também sabemos que os operadores

Autoridade Tributária (AT) que estiver a

através do Sistema de Pagamento por

tendem a não respeitar os Mapas de

fiscalizar aceitar ou não os registos das

Moedas, se este tiver kit de Audit, mas o

Cargas. Ou seja, numa MVA em que se

operações que lhe são apresentados por

mesmo já não acontece com as MVA a

tenha de registar as vendas "à mão", o

cada operador de máquinas de venda

funcionar com protocolo MDB". Relativamente ao tipo de modifica-

automática (MVA)".

período normal de visita aumentará em 15 a 20 minutos".

ções e adaptações técnicas que terão de

Como complemento, acrescenta

"Face ao estado da economia do

também que "o facto de existirem MVA

ser executadas para que a nova

recentes e outras menos recentes, e

normativa se cumpra efetivamente,

país, com as empresas cada vez mais

com protocolos de sistemas de

Pedro Veiga indica a "aquisição de

pequenas e com os utentes cada vez

pagamento diferentes (Executivo, MDB,

soſtware especializado e a sua

com menos dinheiro, as MVA têm cada

BDV,…), leva a que a recolha de informa-

implementação".

32 / especial / HostelVendingPortugal


especial / HostelVendingPortugal

torna-se necessário rentabilizar o custo

período de estadia de cada operador em cada MVA, estamos a fazer justamente o contrário".

ESTÃO JÁ DISPONÍVEIS NO MERCADO SOLUÇÕES QUE PERMITEM RENTABILIZAR A ATIVIDADE DOS OPERADORES

Num negócio como o do vending,

vez menos utilizações. Para as empresas de operação de MVA sobreviverem,

do operador com o maior número de

existe um conjunto de problemas com

visitas possível. Ao aumentarmos o

que os operadores se debatem

nível de rapidez e eficácia muito

nossas necessidades. Deste modo,

maior, permitindo, por conseguinte,

temos uma solução completa para

efetuar rotas mais longas.

controlo de stocks, inventários de

Entre outras vantagens da sua Exemplo disto é a solução SkySales do Grupo Growtrade /

máquinas, análises de vendas,

utilização, a solução SkySales

controlo do moedeiro, guias de

proporciona um maior controlo dos

circulação, mapas de carga, guias de

TouchIT, que engloba equipamentos

tempos de abastecimento e a

abastecimento / devolução /

móveis (PDA's) e um soſtware de

identificação das ruturas, isto é, dos

danificados, gestão de tarefas…",

gestão de vending baseado no PHC.

produtos que, no momento de

acrescentou ainda.

Entre várias funcionalidades,

abastecimento, se encontram esgotados.

esta solução permite "cruzar a informação lida dos moedeiros com a

De acordo com a empresa

Satisfeita com a solução contratada, a empresa espera que "o seu testemunho ajude outras

informação dos abastecimentos,

Covivending, que utiliza este

empresas que,

apurando facilmente os desvios por

sistema, "…as poupanças são de

atualmente,

máquina, rota e abastecedor. Para

cerca de 1 hora por dia em cada

procuram

além do controlo das perdas, é

rota…".

soluções

possível também saber quais os valores de vendas por IVA".

A empresa JumpStock é também

simples de

outro dos utilizadores deste sistema.

usar nas

"Com o seu crescimento anual e ne-

rotinas do

efetua também a leitura periódica

cessidade de colocar mais reposi-

dia a dia".

dos inventários das máquinas,

tores e viaturas nas rotas, a empresa

Ainda de relevante, o sistema

permitindo ter uma visão muito

deparou-se com uma enorme dificul-

próxima das vendas por produto e

dade em gerir todos os stocks e

dos inventários globais.

abastecimentos de forma correta",

Adicionalmente, a leitura automática dos moedeiros, asso-

comentou responsável da empresa. "Neste sentido, após a demons-

ciada a uma leitura por códigos de

tração do produto SkySales, achámos

barras dos produtos, assegura um

que o mesmo se enquadrava nas

33 / especial / HostelVendingPortugal


especial / HostelVendingPortugal

temos, nomeadamente: dificuldade de

Para a solução destes problemas, a

controlo rigoroso; ocorrência de perdas

resposta nem sempre é fácil, impli-

ções legais e, em simultâneo, ter um controlo suficientemente aceitável do

desconhecidas; dificuldade de ter um

cando, em algumas daquelas situações,

negócio, com níveis de investimento

inventário permanente dos produtos

um investimento muito elevado, e que

bastante reduzidos.

colocados nas máquinas; tempos gastos

nem sempre justifica os ganhos.

nos abastecimentos e assistências; vandalismo e avarias; consumos

Apesar disto, existem soluções que permitem dar cumprimento às obriga-

indevidos; furtos; e dificuldade na identificação dos produtos mais vendidos por máquina.

OBRIGAÇÃO DE EMISSÃO DE FATURA "PODE SER CUMPRIDA COM O REGISTO DAS OPERAÇÕES"

34 / especial / HostelVendingPortugal


empresa / HostelVendingPortugal

COMESTEROGROUP - SISTEMAS DE PAGAMENTO CASHLE A inovação nunca pára! Os meios de pagamento são uma parte inseparável do universo das máquinas de vending. De importância vital para o setor, sistemas de pagamento de fácil e cómoda utilização contribuem, em larga medida, para o êxito do negócio. Na dianteira da inovação tecnológica, a Comesterogroup, fabricante líder de sistemas de pagamento a nível mundial, serve os principais atores do setor do vending através de uma vasta oferta de produtos ajustados a todos os ambientes e necessidades de aplicação. Os seus sistemas cashless WorldKey baseados na tecnologia Mifare® são disso um bom exemplo. Eles são, de

incorporado na chave/tag no modo MDB

compatibilidade com todos os moe-

slave.

deiros de troco disponíveis no mercado;

Adicionalmente, é compatível com

e, por último, duas frentes diferentes

resto, muito mais do que meros siste-

todos os dispositivos Master MDB

(redonda, a mais frequentemente

mas cashless: podem controlar até sete

(máquinas de venda automática e

utilizada, e a oval, adequada para a

diferentes carteiras num único suporte e

validadores de troco) disponíveis no

readaptação).

proporcionar ao operador de vending

mercado, oferecendo uma excelente

um crescente volume de negócios por

versatilidade em termos de pagamento.

Resumidamente, o estreante sistema WorldKey UltraLite alia a

meio de estatísticas de compra e

inovação tecnológica ao excelente

diferenciação do usuário. Ampliada para

desempenho operacional e flexibilidade.

oferecer um conjunto de soluções e

DADA A SUA GRANDE POPULARIDADE, OS SISTEMAS CASHLESS SÃO, HOJE, UM DOS MAIS IMPORTANTES ALIADOS DO VENDING.

respostas a diversas exigências de instalação e gestão, a gama WorldKey abrange, agora, a nova solução WorldKey UltraLite, concebida especificamente para o mercado do vending.

Trazendo uma maior facilidade e conveniência à experiência de compra, vieram, em definitivo, para ficar. Na interação com a máquina, os consumidores já não precisam de utilizar dinheiro físico. MY RR6 HD

WORLDKEY ULTRALITE

Outra das estreias pertence ao My

Assente na tecnologia Mifare®, o

Entre as suas principais caraterísti-

RR6 HD. O validador de trocos da

WorldKey UltraLite, a mais recente

cas, figuram, em particular: MDB slave

Comesterogroup está agora disponível

novidade da Comesterogroup para o

como protocolo suportado; cabeça de

com o sistema cashless WorldKey

setor da distribuição automática,

leitura dotada de sinal luminoso de cor

UltraLite para a gestão completa dos

assegura elevados índices de segurança,

vermelha, segundo o padrão EVA-CVS,

pagamentos cash+cashless. O sistema

destacando-se ainda pela facilidade de

com três LEDs de estado; cabeça de

RR6 HD combina a fiabilidade com a

utilização e instalação. Considerado o

leitura com CPU integrado para a

segurança da tecnologia Mifare®,

melhor sistema cashless alguma vez

inserção de chave/tag; ativação de

tornando extremamente fácil a gestão e

visto no mercado, ele permite gerir, de

chaves/tags à primeira inserção, o que

oferecendo grande flexibilidade em

forma imediata e eficaz, o crédito

pode ser incluído como uma opção;

termos de pagamento.

36 / empresa / HostelVendingPortugal


empresa / HostelVendingPortugal

Projetado para assegurar o máximo desempenho operacional, durabilidade

NA INTERAÇÃO COM A MÁQUINA, OS CONSUMIDORES JÁ NÃO PRECISAM DE UTILIZAR DINHEIRO FÍSICO

e facilidade de uso e manutenção, este validador de troco reúne inúmeras caraterísticas inovadoras, entre as quais se incluem: múltiplos modos de gestão de preços; atualização de firmware no campo; deteção de transações em dinheiro e transações efetuadas com chaves/tags; preços de vendas (100 preços em dinheiro + 100 preços em

níveis, atualmente, no mercado: ela

cashless, com possibilidade de gerir dois

inclui mais de 10 sistemas que

intervalos de tempo anuais); modo de

permitem cumprir todas as neces-

vendas únicas ou múltiplas em dinheiro;

sidades de gestão, pagamento e

e gestão do valor máximo carregável no

recarga. O que é que esses sistemas têm

suporte.

em comum? O elevado nível de

Com a ênfase na inovação, Antonella

segurança oferecido pela tecnologia

Monti, Diretora de Comunicação da

Grupo responder às exigências dos

Mifare® e a extraordinária simplicidade

Comesterogroup Srl, afirmou: "A

Mercados Internacionais de Vending

de uso, programação e instalação. E não

com uma oferta completa de sistemas

esqueçamos que uma outra inovação

equipa de trabalho muito unida, aliada a

de pagamento. A gama de sistemas

interessante para table-tops está

contínuos investimentos em Pesquisa e

cashless World Key, em particular, está

prestes a chegar". Ficamos, então, a

Desenvolvimento, permitiu ao nosso

entre as mais amplas que estão dispo-

aguardar novidades…

by: Cristiano Silva

inovação está no nosso ADN. Uma

37 / empresa / HostelVendingPortugal


empresa / HostelVendingPortugal

ONEsw Nova solução para o vending A ONEsw, marca pertencente à empresa coimbrã Crossing Answers,

tório e intransmissível, a utilização

consequente e eficaz, o acesso de

deste documento foi a fórmula

menores ao tabaco, poderá operar em

Lda., com sede no Instituto Pedro Nunes,

encontrada pela empresa para asse-

simultâneo com o atual método de

desenvolveu um sistema ('Simplify

gurar "uma compra e venda legal,

desbloqueamento através de comando.

Vending') que permite desbloquear

segura e fidedigna", conforme assinala

máquinas de vending de tabaco, por

Franco Vingadas.

meio da utilização do cartão de cidadão.

Numa fase inicial, o novo sistema, que restringe e dificulta, de forma mais

Concluída com sucesso a sua fase

Sublinhe-se que o sistema em causa já se encontra disponível em diversas máquinas de vending instaladas nas cidades de Lisboa, Porto e Coimbra.

experimental, este novo produto irá tornar-se no substituto do falível sistema de controlo de idade atualmente disponível no mercado. Com esta nova solução, a aquisição de tabaco processa-se através da inserção do cartão de cidadão num leitor que identifica unicamente a data de nascimento do comprador, permitindo validar a compra de tabaco no caso do usuário ter, no mínimo, 18 anos. Contrariamente ao que poderia supor-se, este sistema não regista nem armazena qualquer dado pessoal, verificando apenas o campo da idade. "Evitar que os proprietários de cafés sejam responsabilizados por uma eventual venda ilegal, bem como acabar com o tempo de espera dos clientes e agilizar a logística de utilização das máquinas são algumas das vantagens que o novo sistema oferece", descreve, assim, Franco Vingadas, CEO da empresa, os inúmeros benefícios da sua utilização. O mesmo responsável acrescenta que "este equipamento foi pensado também para incorporar um sistema de localização anti-roubos". Os dados disponíveis demonstram um aumento considerável do número de menores com acesso sem controlo à compra de tabaco, o que reflete a ampla permeabilidade do atual sistema. Uma vez que o cartão de cidadão é obriga-

38 / empresa / HostelVendingPortugal

«A AQUISIÇÃO DE TABACO PROCESSA-SE ATRAVÉS DA INSERÇÃO DO CARTÃO DE CIDADÃO NUM LEITOR»


- Colocação gratuita de Máquinas de Vending (Bebidas frias, Snacks, café,...) - Reposições diárias 24h/7dias - Assitència técnica 24h/7dias - Serviço de Office Coffee - Viaturas equipadas com sistemas de refrigeração para transporte adequado de produtos alimentares - Implementação do HACCP

Lançamento do novo site www.cafenolar.pt - Serviço Online de chat (Apoio ao cliente) - Compras Seguras e tranquilas (MB, VISA, Pagamento no domicílio) - Comercialização das melhores marcas de cafée chá: * ILLY * NICOLA * DAMMANN - Nicola (Cápsulas compatíveis para máquinas Nespresso*, Lavazza*, Delta Q*, entre outras...) * Marca registada em nome da empresa não relacionada com CaféNoLar.pt

By: Cristiano Silva

Encomende com o cupão HVPORTUGAL e obtenha 5% de desconto em todas as suas compras. Uma parceria com a HOSTEL VENDING PORTUGAL

www.jumpstock.pt 214 305 208 geral@jumpstock.pt

www.cafenolar.pt 214 305 208 geral@cafenolar.pt


entrevista / HostelVendingPortugal

BEM-VINDO AO FUTURO Intel, uma parceira de excelência

A Intel Corp. é uma empresa norte-americana que se dedica, fundamental-

consumidores e retenção dos dados em

conceção da aplicação tecnológica

memória, permitindo efetuar a análise

interativa VE Connect), com a fabricante

mente, ao fabrico de componentes

facial do cliente e sugerir o produto que

japonesa Okaya Electronics, com a

eletrónicos para dispositivos informáti-

mais se lhe convém) e Intel Active

Rheavendors Italia (na criação da

cos (especialmente microprocessa-

Management Technology (AMT - para

máquina de vending inteligente HAL), entre outras.

dores), mantendo uma colaboração

gestão remota, gestão energética e

bastante assídua com a indústria do

opções de segurança como sistemas de

vending.

diagnóstico, permitindo uma redução efetiva dos custos operacionais).

Desde que iniciou a sua incursão pelo universo da distribuição automáti-

A colaboração que a Intel tem

Como prova da sua ligação inata à inovação, ela patrocinou, no âmbito da Eu'Vend & Coffeena 2011, a rubrica 'Intel Intelligent Vending Award', que visou

ca, tem-se notabilizado no desenvolvi-

desenvolvido, de forma muita estreita e

distinguir a proposta a concurso mais

mento de soluções inteligentes e

intensa, com os principais fabricantes de

inteligente e inovadora.

interativas diferenciadas para o setor,

máquinas de vending é demonstrativa

com especial impacto, por exemplo, ao

também da confiança que estes nela

nível da sinalização digital, considerada

depositam.

um dos elementos que mais representam o futuro deste específico mercado. Entre as mais significativas, inclu-

Várias têm sido, aliás, as parcerias

A destacar ainda, a empresa foi um dos patrocinadores Platinum da Assembleia Geral da EVA + Workshop 2012,

que assinalam a sua ligação ao vending:

evento realizado nos dias 13 e 14 de

colaboração com a Kraſt Foods (na

dezembro, onde esteve reservado um espaço de exposição para a apresenta-

em-se, nomeadamente: Intel Core, Intel

criação do soſtware 'Meal Planning

Audience Impression Metric Suite (AIM -

Solution' e máquina Kraſt's Tempta-

ção das suas mais recentes tecnologias

para a medição antropométrica dos

tions), com a VE Global Vending (na

e inovações.

40 / entrevista / HostelVendingPortugal


entrevista / HostelVendingPortugal

- Como será o futuro das máquinas de vending? Serão máquinas capazes de segmentar promoções e publicidade, vender vários produtos de uma só vez, bem como utilizar outras formas de pagamento… Em síntese, elas deverão, no mínimo, satisfazer estes requisitos, e com a ajuda das nossas tecnologias, estas máquinas poderão funcionar 24 horas por dia, 365 dias por ano. Representarão receitas permanentes e contínuas, terão uma exigência mínima de funcionários, para além de não implicar custos de local nem mobiliário.

Descrita, assim, muito resumidamente, a colaboração que a Intel Corp. tem desenvolvido, desde longa data,

melhor maneira possível, mas também

Paralelamente, estarão dirigidas a um

fazer com que a experiência do

mercado de elevada procura, já que se

consumidor seja cada vez mais intuitiva

trata de produtos de consumo, e terão

e completa.

uma grande variedade e rotação

Um bom exemplo são as soluções

com a indústria da distribuição auto-

permanente dos mesmos. O investi-

mática, este é o momento oportuno para

baseadas na nossa tecnologia Intel®

mento será moderado e algumas

conhecermos, mais de perto, a sua real

vPro™ de gestão remota, segurança e

máquinas poderão alugar-se. Haverá

contribuição para o setor. Neste sentido,

economia energética. Além disto, a

ainda uma grande diversidade de

Jorge Cordova, Channel Manager da

capacidade de exibir conteúdo Full HD,

franquias de vending, ao mesmo tempo

Intel Corporation Iberia, uma das

através das tecnologias dos nossos

que o retorno e reinvestimento de

subsidiárias do grupo, dispôs-se a abor-

microprocessadores relacionadas com o

capital será a médio prazo. Também em

dá-la mais pormenorizadamente.

vídeo, é também muito importante. E,

complemento, elas comportarão um

- Com que empresas tem colaborado? Durante 2012, colaborámos com

evidentemente, o Intel AIM (medição de

risco mínimo, já que deverão poder ser

audiência) é também muito útil como

facilmente mudadas de local. Com as

meio de analisar o impacto de um

tecnologias antes mencionadas, tudo

produto numa particular audiência.

isto é possível.

vários parceiros que já estavam a - Qual a vossa solução mais

trabalhar connosco no mercado da sinalização digital, como é o caso da

recente para a distribuição automá-

Crambo e Investronica, com dois proje-

tica? Tanto a máquina da Crambo como a

tos separados.

da Inves são apostas fortes. Queremos continuar a inovar, desenvolvendo as

- Que tipo de soluções produz a

soluções de acordo com as necessidades

Intel para este mercado?

do mercado.

A Intel está profundamente envolvida em todas as áreas que podem

- Quais as suas principais

melhorar a vida das pessoas e

caraterísticas?

empresas. Faz parte do nosso ADN conceber produtos, soluções e serviços que possam ter impacto na experiência

São máquinas com medição de audiências para segmentar a publici-

geral das pessoas e empresas, em

dade, incluindo telas transparentes

distintas áreas de negócio. A área do

táteis "in touch", pagamento por NFC e

vending não é exceção. O nosso objetivo

controlo de stocks.

é permitir às empresas vender os seus produtos e dirigir-se ao seu público da

41 / entrevista / HostelVendingPortugal


empresa / HostelVendingPortugal

NAYAX – UM MUNDO DE SOLUÇÕES PARA PAGAMENTO CASHLESS + TELEMETRIA A inovação está no seu ADN ticos às tecnologias NFC em cartões

O vending, tal como o conhecemos

contactless, passando pelos telemóveis

hoje, é um domínio muito vasto, reunindo múltiplas ferramentas essen-

que suportam carteiras eletrónicas

ciais à sua atividade.

existentes, como a Google, Santander e outras.

Os meios de pagamento e os sistemas de telemetria fazem parte,

Dentro de uma ampla oferta de

precisamente, do rol das mais signifi-

soluções, a sua solução de pagamento

cativas. Não restam dúvidas de que

em ambiente fechado permite aos

meios de pagamento mais diversificados

funcionários de uma empresa efetuar

e fiáveis garantem ao consumidor maior

compras em máquinas, bastando

comodidade, conveniência e liberdade

utilizar o ID de funcionário ou cartões de

no momento da compra, influenciando

acesso.

largamente a perceção que se tem do vending. Com inúmeras vantagens para os opera-dores, a utilização de sistemas de telemetria, por sua vez, promove, para além de uma redução considerável dos custos, uma maior eficiência opera-

esta solução é compatível com os principais esquemas de pagamento. A par disto, muitas outras caraterísticas nela se destacam: ecrã capaz de

Sistemas de pagamento Enquanto líder de mercado, a Nayax ferramentas para a melhoria da

leitores cashless, aceitando as modalidades de pagamento contact, contactless e banda magnética. Garantindo transações mais rápidas e seguras, graças às múltiplas configurações de criptografia disponíveis,

cional.

desenvolve novas e poderosas

O Nayax VPOS All-In-One Reader é a mais recente adição à sua gama de

suportar vários idiomas, luzes LEDs, instruções de voz, a integração simples (plug and play) na maior parte das máquinas de vending, entre outras.

eficiência, serviço e experiência de consumo nas máquinas. Exemplo notável de inovação tecnológica, esta companhia oferece ao mercado

Paralelamente, a Nayax lançou uma

Telemetria e ferramentas de gestão Prosseguindo a listagem das

aplicação de controlo de stock para smart phone, a qual permite atualizar o

inúmeras soluções de pagamento

soluções inovadoras Nayax, orientadas,

stock da máquina no local.

cashless, telemetria e ferramentas de

desta vez, para o domínio da gestão e

Seguindo o trilho da inovação, a Nayax

gestão. Assegurando elevados índices

controlo operacional, o seu fiável

continuará a conceber soluções de

de segurança e fiabilidade, todas elas

sistema de back Office, baseado na

pagamento cashless, telemetria e

trazem vantagens inestimáveis, em

nuvem, permite aos operadores

ferramentas de gestão capazes de

matéria de operacionalidade, redução

monitorizar e gerir, de modo remoto, o

satisfazer as mais distintas necessidades dos operadores.

de custos, praticidade, eficiência,

desempenho das suas máquinas a partir

rapidez, conveniência e agilidade. Além

de qualquer lugar do mundo. Através

disto, geram oportunidades adicionais

dele, é possível monitorizar, em tempo

de aumento das vendas e receitas. Como pioneira neste domínio, e possuindo larga experiência, a Nayax

Na análise à importância da inovação, Yair Nechmad, CEO da Nayax

real, o desempenho das máquinas,

International, assinala: "O uso de

conhecer o nível de stock, identificar

inovações tecnológicas concede aos

máquinas que carecem de manutenção,

operadores oportunidades de aumentar

oferece, em concreto, uma solução que

visualizar relatórios de gestão de

as receitas em localizações existentes,

aceita todos os tipos de tecnologias de

produtos e ainda receber alertas de

quase de imediato e com o mínimo de

pagamento, desde os cartões magné-

avaria.

risco".

42 / empresa / HostelVendingPortugal


empresa / HostelVendingPortugal

Abordando ainda as vantagens

«Tradicionalmente, a única maneira

daquele conceito, Nechmad declara: "O

de expandir é acrescentar novas

da eficiência e do controlo. Em última análise, isto pode libertar fundos e

localizações, mas isto requer investi-

uso das mais recentes tecnologias

recursos para investimentos de longo

mentos de capital. Há também o risco

cashless, no intuito de oferecer opções

prazo, como é o caso do desenvol-

normal de que as novas localizações

de pagamento adicionais em máquinas

vimento de novas localizações".

possam não ser tão rentáveis quanto se

existentes, aumenta as receitas sem a

imaginava. Além disso, leva tempo até

necessidade de significativos investi-

que elas comecem a apresentar

mentos iniciais. Como tal, o operador vê

ganhos", prossegue.

os resultados disto quase de imediato". "É um facto conhecido que a introdução de validadores de notas fez

Lançado recentemente, o

aumentar as compras por impulso nas

Nayax Amit 3.0 é um sistema

máquinas. Hoje, é a capacidade de fazer

de controlo remoto de nova

compras com cartões de crédito/débito

geração, com tecnologia ARM

e pagamentos móveis NFC que está

integrada, suporte

atraindo ainda mais clientes e fazendo

multilíngue (LCD texto &

aumentar os gastos destes por cada

Voice Audio), menu de

visita à máquina", acrescenta também.

navegação, atualização remota de soſtware e um

Por último, Nechmad conclui: "Mais ainda, nos bastidores, as tecnologias de ferramentas de gestão de back office

funcionalidades de serviço.

reduzem os custos através do aumento

by: Cristiano Silva

amplo conjunto de

"É NESTES TEMPOS DE CRISE QUE SE DEVE INVESTIR»

Uma doce tentaçã

Travessa das Maragatas, nº 334 4815-485 Vizela Portugal Tlf: +351 93 333 92 73 43 / empresa / HostelVendingPortugal


reportagem / HostelVendingPortugal

LOJAS DO CAFÉ ONLINE Uma nova solução ao serviço dos consumidores

As 'Lojas do Café' online são um recurso que iniciou, há relativamente pouco tempo, os primeiros passos no mundo da distribuição automática e OCS. Nestes setores, estão a surgir, de modo gradual, empresas que começam a disponibilizar este serviço aos seus clientes/consumidores. Com impacto notório na vida dos clientes, este serviço, veículo privilegiado para a divulgação de produtos, equipamentos e serviços associados, representa uma ferramenta que poderá ajudar a simplificar e facilitar algumas

No entanto, o facto de ser um serviço recente e pouco disseminado

das suas rotinas diárias. Na verdade,

São indiscutíveis os benefícios

com extrema facilidade, o consumidor,

explica por que razão muitos consumi-

práticos oferecidos a quem o utiliza.

no conforto do seu lar ou escritório, pode

dores desconhecem ainda as reais

Com uma disponibilidade 24 horas,

comprar os produtos que mais aprecia.

vantagens práticas da sua utilização.

aliada ao "conforto, segurança, rapidez" - como descreve Alfredo Cardoso, da empresa DouroVending -, juntamente com uma linha de apoio ao cliente personalizada, o cliente que pretenda comprar algum produto/equipamento encontra tudo o que precisa de saber, à distância apenas de um toque. Para fidelizar os consumidores, este recurso permite-lhes beneficiar de campanhas, promoções, ofertas ocasionais, e não só. Mas os benefícios deste serviço estendem-se também às empresas que o implementam. Para elas, isto constitui, por certo, uma via alternativa e complementar de rentabilização do seu negócio.

44 / reportagem / HostelVendingPortugal


reportagem / HostelVendingPortugal

Empresas como a DouroVending e a

As 'Lojas do Café' online são um recurso que iniciou, há relativamente pouco tempo, os primeiros passos no mundo da distribuição automática e OCS

JumpStock (com a marca registada CaféNoLar) são alguns dos exemplos de operadores que decidiram apostar neste serviço. Para a empresa douriense, a criação deste recurso teve por finalidade "colmatar uma necessidade do consumidor e, ao mesmo tempo, aproveitar uma boa oportunidade de negócio, aumentando, deste modo, a rentabilidade". Apresentada oficialmente na última edição da ExpoVending Batalha, a Loja do Café da DouroVending foi "fruto do enquadramento económico que vivemos tanto em Portugal como na Europa, mas também de uma tendência de mercado com enorme potencial". Focada em tudo o que rodeia esta soberba bebida, ela seleciona e

serviço, embora recente, permitiu-lhe já

apresenta um vasto catálogo de

conquistar mais de 25 novos clientes.

produtos e equipamentos de excelência. Dando conta da boa e progressiva

Para Rui Ramos, da JumpStock, este

Além disto, este responsável recomenda vivamente a sua utilização, considerando-a "tão segura quanto o

novo recurso, além de fortalecer a

seu serviço de homebanking". Pondo o enfoque em produtos de qualidade a

aceitação por parte dos consumidores,

relação de proximidade com o cliente,

com 85 utilizadores já registados,

permitirá ao consumidor "fazer a sua

baixo preço, refere também: "Seleciona-

Alfredo Cardoso, responsável da

compra comoda e tranquilamente no

mos as melhores marcas e produtos, de

referida empresa, refere que este

seu local de trabalho".

modo a facilitar a escolha de quem compra ou pretende comprar".

45 / reportagem / HostelVendingPortugal


produtos produtos / hostelvending

Máquina 'Nailmatic' Se há quem julgue que no vending nada mais há a acrescentar de novo, o próprio setor apressa-se, logo, a desmentir. A cada passo, somos surpreendidos por novos e improváveis equipamentos, com inovadores recursos e

Relativamente aos meios de pagamento aceites, a máquina está habilitada para moedas, notas e cartões de crédito. À semelhança do que acontece com toda a gama de máquinas Jofemar, a adaptabilidade, versatilidade e flexibilidade dos seus canais e sistema de extração sem espirais

funcionalidades. A Nailmatic, empresa parisiense que fabrica vernizes para

revelam-se perfeitamente adequados para proporcionar a

as unhas, apresentou, recentemente, uma máquina de vending

máxima capacidade, bem como uma melhor exposição do

que permite dispensar os seus produtos a um preço único de 5€.

produto. Entre outras particularidades de relevo, foi inserida, na

Mais do que um mero produto de beleza, os vernizes são, hoje,

parte lateral da máquina, uma paleta com as cores de esmalte

um acessório de moda incontornável para o público feminino.

disponíveis e o seu número de seleção.

Concebida pelo fabricante espanhol Jofemar, a Nailmatic, a primeira máquina deste tipo de produto, reúne uma oferta até 63 cores distintas, permitindo à empresa parisiense não só agilizar e simplificar as suas operações de venda, mas também acercar-se do público em geral. Em termos de especificações técnicas, esta máquina, vista como uma excelente alternativa aos canais de distribuição convencionais, integra um grupo de refrigeração destinado a conservar os vernizes a uma temperatura óptima de 14º, além de incluir um elevador de entrega do produto, que permite que este seja dispensado à altura da mão do usuário.

Máquina 'PoP Instant Entertainment 24x7' Adequada para localizações como

Resultado da parceria entre a Universal Pictures e a Sony Enter-

do dia, ajusta-se perfeitamente a um estilo e ritmo de vida 'on the go'.

tainment, a máquina 'PoP Instant

complexos de lazer e desporto, cinemas

Entertainment 24x7' é um equipamento

e centros de viagem, esta máquina

que permite aos usuários adquirir

constitui, na verdade, um único e

conteúdos multimédia como DVDs ou

inovador método de compra para esta

Blu-ray das suas películas favoritas e

específica categoria de produtos. O processo de aquisição é muito

videojogos PS3, entre outros. Considerada a sua principal novidade, esta máquina permite também obter

simples, demorando cerca de 30 segundos. Através do touchscreen

conteúdos descarregando-os direta-

integrado, os usuários poderão, com o

mente para a maioria dos aparelhos de

simples toque de um botão, selecionar,

MP3 ou MP4 ou cartões SD. No caso de

pesquisar e visualizar os trailers dos

usuários mais escrupulosos, que

conteúdos pretendidos, antes mesmo de

receiam incorrer em problemas legais

efetuarem a compra.

decorrentes da operação de download, a

equipamento, acessível a qualquer hora

lojas de comércio, universidades,

Reforçando a convicção de que o

Sony Entertainment reconhece total

vending se distingue pela facilidade de

legalidade e permissão para a executar.

uso, conveniência e proximidade, este

46 / produtos / HostelVendingPortugal


produtos produtos / hostelvending

Koralia Plus Koralia, um equipamento compacto de

Muito concretamente, este novo dispositivo consegue oferecer três

dispensa de sumo. Sob a designação de Koralia Plus, o novo dispensador vem alargar o

produtos diferentes, misturando água com concentrados como sumos e

catálogo de soluções que a N&W Global

xaropes. Entre outras particularidades

Vending oferece ao setor HoReCa. Desta

que merecem destaque, ele permite

forma, a empresa ajuda a dar resposta à

também que alteremos a proporção da

crescente procura por equipamentos

dissolução da bebida, para que

desta natureza em locais como cafés e

diferentes gostos possam ser realmente

bares, fruto de uma maior sensibilidade

satisfeitos.

dos consumidores para uma alimenAs suas dimensões reduzidas,

tação saudável. Incluindo um maior número de

aliadas a um design requintado e a uma

habituou, a N&W Global Vending

opções e contentores, a Koralia Plus é

estética inovadora e "fresca", tornam-no

continua a surpreender-nos com novas e

um dispensador 'post-mix' que permite

numa solução perfeitamente adequada

inovadoras soluções.

aos consumidores tirar partido de um

a diversas localizações, como é o caso

serviço de bebidas frias de notável

das salas de pequeno-almoço, hotéis e

qualidade.

centros turísticos.

Numa atitude à qual já nos

Para o mercado Horeca, acaba de lançar uma versão melhorada da

MOKADOR - Tisana Frutos do Bosque A Mokador, empresa italiana de torrefação de café, que conta com uma oferta diversificada de produtos em grão, cápsula e

intensamente a paixão e a história do inconfundível café espresso italiano.

pastilha, acabou de lançar no mercado uma nova cápsula monodose: a Tisana Frutos do Bosque, que combina os sabores dos mirtilos, groselhas e morangos. Rica em vitaminas A, B1, B2 e, sobretudo, em vitamina C, esta novidade, lançada com a assinatura da Castellari Caffè, é a sua mais recente proposta para o sistema MyMokador. Dirigida ao consumo profissional (escritórios) e doméstico / familiar, esta nova tisana, exibindo um intenso sabor e perfume, é ideal para revigorar o corpo e a alma, muito especialmente nos dias de maior agitação. Além da frescura natural, os frutos vermelhos contêm sal mineral e, em particular, potássio, elemento com excelentes propriedades antioxidantes, essenciais ao fortalecimento do nosso sistema imunitário. A Mokador oferece uma gama completa de cápsulas adequadas a todos os gostos, composta, até agora, por 11 referências: sete cafés e outras quatro bebidas. Com uma vasta experiência no setor do café, onde atua nos segmentos Horeca, Doméstico, Office Coffee System e Vending, a Mokador é sinónimo de qualidade e variedade, cultivando

47 / produtos / HostelVendingPortugal


produtos produtos / hostelvending

Máquina ‘Beautymart’ sociais e afetivas, não é alheia a sua

os produtos mais vendidos e emble-

influência.

máticos, desde as opções mais premium

Para o público feminino que gosta de cuidar da sua imagem, independentemente do sítio onde se encontra e para

Bourjois a Elizabeth Arden. A dupla criadora planeia instalá-lo

onde vai, o vending coloca à sua

em estações ferroviárias, galerias de

disposição uma nova máquina, de seu

arte e espaços de diversão noturna.

nome BeautyMART, que permite ter

Com preços que variam entre as

acesso, à distância de um simples botão,

3,45 libras e as 98 libras, esta máquina

às mais recentes tendências.

tem produtos adaptados às mais

Idealizado por Anna-Marie Solowij, Os cosméticos e os produtos de

às mais massificadas e usuais, de

antiga diretora de beleza da Vogue, e

higiene pessoal são um dos nichos de

Millie Kendall, criadora de marca de

distintas necessidades e orçamentos. Respondendo à lógica on-the-go, este tipo de dispositivo constitui a

negócio que o vending tem procurado

beleza, este equipamento dispensa, em

solução ideal para as mulheres que,

explorar. Na sociedade atual, bastante

sacos individuais, uma pluralidade de

embora gostem de apresentar, a toda a

marcada pelo ideal de beleza, são

artigos de beleza e maquilhagem,

hora, uma imagem cuidada, procuram descobrir uma solução que seja o mais

frequentes as situações onde a imagem

incluindo cremes de rosto, óleo capilar,

e o aspeto físicos ditam o sucesso

vernizes das unhas, máscaras faciais,

rápida e conveniente possível. A

pessoal. É possível observar que a

kits de maquilhagem, suprimentos de

BeautyMART garante que elas se

muitas das conquistas pessoais,

beleza para situações de emergência,

apresentem sempre no seu melhor,

sobretudo em termos profissionais,

entre outros itens. Alberga, na verdade,

estejam onde estiverem.

TOUCHSCREEN AV 7 A interatividade é uma das tendências mais expressivas e

máquinas de vending muito estáticas, o que significa que estas

interessantes dentro do universo da distribuição automática.

poderão incorporar as mais recentes inovações da AirVend,

Neste sentido, a AirVend, empresa que desenvolve soluções

como é o caso de publicidade, programas de fidelização,

tecnológicas inovadoras e acessíveis para o setor, acabou de

promoções, novos métodos de pagamento cashless,

lançar a AV 7, uma solução de touchscreen simplificada para

identificação biométrica anónima, mensagens personalizadas,

operadores de vending.

entre outras coisas.

Muito concretamente, ela destina-se não só a aumentar a rentabilidade dos profissionais do setor, mas também a

Nesta solução, tudo foi pensado para permitir aos operadores aumentar as suas receitas e fidelizar o cliente.

assegurar a conformidade com os regulamentos governamentais que obrigam à divulgação da informação nutricional e calórica relativa aos alimentos, cuja data de implementação está prevista para abril deste ano. Além de exibir informação nutricional de relevo, este novo dispositivo multiusos oferece muitas outras funcionalidades, incluindo opções de pagamento cashless através, por exemplo, de cartão de crédito e tecnologia NFC. A AV 7 está, de igual modo, conetada, via wireless, ao AV Live, um sistema baseado na nuvem que fornece, em tempo real, dados detalhados relativamente às vendas, bem como alertas, controlo de inventário, e não só. Por meio de simples atualizações de soſtware, esta plataforma torna-se num interface extremamente dinâmico em

48 / produtos / HostelVendingPortugal


A informação do vending sempre consigo...

Nova aplicação Android Hostel Vending Portugal Faça o download da APP através do QRcode

Para Android

INFOVEND - Publicações, Lda - AV. Narcido Ferreira, nº 25 r/c, Loja 15 - 252 938 420 redacao@infovending.pt



Hostel Vending Portugal #2