Page 1

informativonortecom@gmail.com

“Tudo passa pela cruz”

A história da humanidade perpassa o sacrifício de Jesus por cada um de nós. Em nossas vitórias, nos grandes desafios e também na missão de ir ao encontro do próximo, vemos os efeitos da oblação do Cristo, que, por amor aos homens, deu sua própria vida e desceu à mansão dos mortos. Em nosso dia a dia, depositamos, aos pés da cruz, nossas aflições, angústias e também nossos louvores, pois cremos que por Ela passam todos os nossos caminhos e que nesta mesma cruz alcançaremos nossa santificação. Ao Cristo que triunfou sobre a morte e confiou plenamente nos desígnios de Deus, entregamos nossa jornada terrena e buscamos ser Páscoa na vida dos nossos irmãos. Expediente Vicariato Norte Sede Rua São Francisco Xavier, 75, na Tijuca - CEP: 20550-010 - Tel.: (21) 2569-6312 / (21) 2568-8374 E-mail: vicariatonorte@arquidiocese.org.br / vnorterj@gmail.com - Site: www.vicariatonorterj.com.br Atendimento Vigário Episcopal: 3ª-feira de 14h às 18h e as 6ª-feira de 9h às 12h Secretaria: 2ª-feira a 6-feira, de 8h às 12h e de 13h30 às 18h


Foto: Carlos Moioli

Caríssimos irmãos e irmãs, Escrevo-vos para vos desejar, antes de mais, uma santa e abençoada Semana Santa que nos projeta para celebrarmos o ápice da nossa fé a Páscoa do Senhor. No início dessa missão que a mim foi confiado e que com muita simplicidade e espírito de serviço abraço em poder de alguma forma contribuir com a Igreja no Vicariato Norte, dando continuidade ao trabalho realizado pelo nosso tão estimado Côn. Claudio Santos, que sem medir esforços foi uma presença marcante no nosso meio, sobretudo no acolhimento, fortalecimento das pastorais e comunhão entre os irmãos no presbitério, confio a Nossa Senhora Aparecida toda caminhada a frente do nosso tão querido vicariato. Contando com o auxílio do Espirito Santo desejo ser um com vocês, para que juntos possamos nos despir de toda tentação de vaidade e nos deixar ser movidos pela alegria de poder ser apenas um servo bom e fiel. Rezemos para que a nossa oração seja realizada e oferecida como verdadeira alma de tudo quanto se faça na vida pastoral e evangelizadora. Assim foi com Cristo, assim é e será cada vez mais conosco, até porque não há iniciação cristã autêntica, nem vida batismal consequente sem se ganhar o gosto e a prática da oração filial e eclesial, no Espírito de Cristo Ressuscitado. Contemos muito uns com os outros, como Deus conta com todos e cada um. Não nos faltará o auxílio de Nossa Senhora Aparecida, para participarmos com Ela da Páscoa que se aproxima que é a substância permanente do Evangelho que anunciamos! Na alegria de servir, Pe. Aldo de Souto Santos Vigário Episcopal

2


24 horas para o Senhor: um despertar para Igreja As paróquias e comunidades de toda Arquidiocese do Rio de Janeiro realizaram o evento “24 horas para o Senhor”, que aconteceu nos dias 24 e 25 de março. A iniciativa atendeu um pedido do próprio Papa Francisco, para que as igrejas abrissem suas portas e fossem ao encontro dos mais necessitados. Com o tema “Família, local de misericórdia e vida”, acontecerão durante o encontro centenas de confissões, animação, louvor, recitação do terço e adoração ao Santíssimo. Sempre promovido durante a Quaresma, o encontro tem como principal objetivo levar os fiéis ao Sacramento da Reconciliação, uma vez que as paróquias permanecem de portas abertas durante 24 horas. No Vicariato Norte, o 24 horas para o Senhor aconteceu na Paróquia Divino Espírito Santo, no Maracanã, em seu primeiro dia. Já no segundo, toda programação foi realizada em plena Praça Saens Peña, na Tijuca. Além do bispo animador do vicariato, Dom Paulo Romão, participaram todos os clérigos da região. O encontro chamou a atenção dos transeuntes que passavam pelo local e que tiveram a oportunidade de renovar o primeiro amor com Deus, através da confissão, além de momentos de adoração, evangelização e pregação. “O evento foi um grande despertar para a fé de muitos fiéis que adormeceram e se distanciaram de Deus, mas que tiveram a oportunidade de experimentar o quanto Cristo é misericordioso. Os fortes momentos de evangelização, através da oração, pregação, testemunhos e adoração, deixaram uma forte marca nos corações daqueles que passaram pela praça, e com certeza foram tocados pelo Senhor”, afirmou. Aspas: “Desejo que também este ano tal momento privilegiado de graça do caminho quaresmal seja vivido em tantas igrejas para experimentar o alegre encontro com a misericórdia do Pai, que a todos acolhe e perdoa”, Papa Francisco

3


Uma Igreja em ação Em seus primeiros passos na missão como vigário episcopal, Pe. Aldo de Souto Santos se reuniu com o Conselho de Pastorais do Vicariato Norte em um primeiro encontro de partilha e também de planejamento, realizado na Paróquia São Francisco Xavier, na Tijuca. Durante o encontro, cada uma das lideranças pode se apresentar e falar um pouco sobre a ação missionária de seu grupo. Além disso, os presentes tiveram a oportunidade de conhecer um pouco mais da trajetória do novo vigário. No mesmo mês, Pe. Aldo também esteve com os membros da Pastoral da Comunicação e a equipe do NorteCom. O encontro aconteceu no dia 27, na Paróquia Sagrados Corações, na Tijuca. Com a presença do coordenador vicarial Igor Marques e as lideranças forâneas, o novo vigário pode conhecer mais a dinâmica da pastoral e também falar sobre novos projetos e ações que serão implantados ao longo do ano.

Primeira reunião do vigário episcopal com os coordenadores vicariais

Em um encontro de partilha, Pe. Aldo esteve com a equipe de coordenação da Pascom

4


O NorteCom parabeniza os clérigos que no mês de abril celebram aniversário natalício e de ordenação sacerdotal.

Aniversário de Nascimento 03

Pe. Paulo Cesar Vita Junior

Nossa Senhora da Luz - Rocha

04

Pe. Vinicius de Jesus Pessoa

05

Pe. Renato Prado Faria

Hospital São Vicente

06

Pe. Gustavo Correa Cola

Colégio Salesiano

06

Pe. Paulo Alves Romão

Bom Pastor

08

Pe. Valtemário Silva Frazão Junior

Nossa Senhora de Lourdes

11

Pe. Ricardo Gonçalves Castro

Casa do Padre

13

Pe. Alexandre Nahass Franco

Hospital São Vicente de Paulo

16

Pe. João Geraldo Machado Bellocchio

São Tiago Apóstolo

24

Côn. Leandro de Souza Câmara

Seminário São José

30

Pe. Fr. Ariel Ribeiro da Costa

São Francisco de Assis

Aniversário de Ordenação 06

Pe. Antônio Augusto da Silva Bezerra

Nossa Senhora das Graças

13

Pe. Walter Almeida Peixoto

São Cosme e São Damião

19

Dom Orani João Tempesta, O. Cist.

Posse como Arcebispo do Rio de Janeiro

21

Raimundo Lipski

Nossa Senhora da Salette

5


Santa Gemma Galgani 11 de abril “Quando rezava, Gema era constantemente vista rodeada de uma luz divina. Conversava com anjos e recebia a visita de são Gabriel, de Nossa Senhora das Dores passionista, como ela desejara ser. Logo lhe apareceram no corpo os estigmas de Cristo, que lhe trouxeram terríveis sofrimentos, mas que era tudo o que ela mais desejava”. Ao nascer, em 12 de março de 1878, na pequena Camigliano, perto de Luca, na Itália, Gema recebeu esse nome, que em italiano significa jóia, por ser a primeira menina dos cinco filhos do casal Galgani, que foi abençoado com um total de oito filhos. A família, muito rica e nobre, era também profundamente religiosa, passando os preceitos do cristianismo aos filhos desde a tenra idade. Gemma Galgani teve uma infância feliz, cercada de atenção pela mãe, que lhe ensinava as orações e o catecismo com alegria, incutindo o amor a Jesus na pequena. Ela aprendeu tão bem que não se cansava de recitá-las e pedia constantemente à mãe que lhe contasse as histórias da vida de Jesus. Mas essa felicidade caseira terminou aos sete anos. Sua mãe morreu precocemente e sua ausência também logo causou o falecimento do pai. Órfã, caiu doente e só suplantou a grave enfermidade graças ao abrigo encontrado no seio de uma família de Luca, também muito católica, que a adotou e cuidou de sua formação. Conta-se que Gema, com a tragédia da perda dos pais, apegou-se ainda mais à religião. Recebeu a primeira eucaristia antes mesmo do tempo marcado para as outras meninas e levava tão a sério os conceitos de caridade que dividia a própria merenda com os pobres. Demonstrava, sempre, vontade de tornar-se freira e tentou fazê-lo logo depois que Nossa Senhora lhe apareceu em sonho. Pediu a entrada no convento da Ordem das Passionistas de Corneto, mas a resposta foi negativa. Muito triste com a recusa, fez para si mesma os juramentos do serviço religioso, os votos de castidade e caridade, e fatos prodigiosos começaram a ocorrer em sua vida. Quando rezava, Gema era constantemente vista rodeada de uma luz divina. Conversava com anjos e recebia a visita de são Gabriel, de Nossa Senhora das Dores passionista, como ela desejara ser. Logo lhe apareceram no corpo os estigmas de Cristo, que lhe trouxeram terríveis sofrimentos, mas que era tudo o que ela mais desejava. Entretanto, fisicamente fraca, os estigmas e as penitências que se auto-infligia acabaram por consumir sua vida. Gema Galgani morreu muito doente, aos vinte e cinco anos, no Sábado Santo, dia 11 de abril de 1903. Logo em seguida, começou a devoção e veneração à “Virgem de Luca”, como passou a ser conhecida. Estão registradas muitas graças operadas com a intercessão de Gema Galgani, que foi canonizada em 1940 pelo papa Pio XII, que a declarou modelo para a juventude da Igreja, autorizando sua festa litúrgica para o dia de sua morte.

Expediente NorteCom Bispo Animador: Dom Paulo Alves Romão Vigário Episcopal: Pe. Aldo dos Santos Editor: Igor Marques Revisão ortográfica: Maria Célia Mello (Paróquia Sangue de Cristo) Edição: Marco Santos (Paróquia Nossa Senhora da Luz) Equipe: Alba Moraes, Eurídes Silva, Igor Marques, Marcelo Félix, Maria Alice Pereira, Paula Alberigi, Rodrigo Tiradentes, Rosanea Rangel, Sandra Santos, Sônia Oliveira, Valério Motta e Zaira Lima.

6

NorteCom - abril de 2017  

Caros irmãos em Cristo, Paz e Bem! Com alegria que estamos enviando a nossa 10ª Edição do NorteCom. Desejamos a todos uma abençoada Páscoa...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you