Page 1

FARROUPILHA

|

ANO XI

| EDIÇÃO 544

| 29 DE JUNHO DE 2018 |

R$ 3,00

Farroupilha vence Moa no DDD Yasmin Signori Andrade

Nem o adiamento em virtude da greve dos caminhoneiros, nem a partida da Seleção Brasileira na Copa do Mundo foram capazes de impedir a mobilização de mais de 20 mil farroupilhenses no Dia do Desafio, que resultou em triunfo sobre a rival cubana e a certeza de que o evento, promovido pelo Sesc, está cada vez mais consolidado Matéria Especial, páginas 2 e 3, e Editorial


2

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

MUDANÇA DE HÁBITOS

Dia do Desafio pelo incentivo da maior qualidade de vida Promovida pelo Serviço Social do Comércio (Sesc), a ação, que sempre ocorre na última quarta de maio, foi transferida devido à greve dos caminhoneiros, e mobilizou os farroupilhenses nesta semana Yasmin Signori Andrade

E

ste ano as ações do Dia do Desafio (DDD) aconteceram principalmente em empresas e escolas da cidade, mas também foram feitas brincadeiras ao ar livre na Praça da Emancipação, em frente à prefeitura. Lá, estava montado brinquedo inflável e slackline, para quem quisesse participar, fazendo algum esporte. A mudança de hábito e de rotina, para incluir uma atividade em prol da melhor qualidade de vida é o objetivo do DDD. A iniciativa, que se originou no Canadá, acontece anualmente em diferentes partes do mundo, e busca conscientizar as pessoas sobre a importância da atividade física. Sugerem que as pessoas se dediquem a 15 minutos consecutivos de qualquer atividade que faça o corpo mexer, como dança, musculação, vôlei ou corrida.

Corpo em movimento Alunos aproveitaram o tempo livre para dar atenção à atividade física na Praça da Emancipação na quarta à tarde


3

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

DESAFIO SOCIAL

DDD: vitória e boa participação Yasmin Signori Andrade

F

oram 492 municípios do Rio Grande do Sul a participarem do Dia do Desafio, e a ação envolveu 3 milhões de pessoas. Nessa data, diferentes cidades do Brasil e toda a América Latina se unem para disputar, amistosamente, desafios que estimulam o corpo, e Farroupilha competiu com a cidade cubana de Moa. O evento, remarcado devido à greve dos caminhoneiros, acabou coincidindo com o terceiro jogo do Brasil na Copa do Mundo. Mesmo com todas as adversidades, Farroupilha venceu, já que percentualmente mobilizou mais habitantes que a rival cubana. Com 63.635 mil habitantes (número do site do DDD), teve 20.496 participantes da ação, cerca de 32% da população (número mais baixo dos últimos 10 anos). Já Moa, a concorrente, com 75.021 mil habitantes, teve 22.506 munícipes que participaram do DDD, cerca de 30% da população. Além disto, estava acontecendo paralelamente a campanha de arrecadação de tênis de corrida. Foram cerca de 103 doados, que serão destinados a entidades sociais, para que todos sejam capazes de praticar uma atividade física e cuidar da sua saúde e bem estar.

Equipe unida O time do Sesc Farroupilha já estava esperando uma baixa devido ao adiamento, mas mesmo assim não deixou de comemorar os bons números que resultaram em uma nova vitória no DDD

Participação farroupilhense no Dia do Desafio nesta década 2009: 35.306 2010: 32.567 2011: 37.119 2012: 31.843 2013: 23.082

2014: 33.249 2015: 26.117 2016: 29.142 2017: 24.134 2018: 20.496


4

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Lula pode exercer campanha, mesmo Savio Chalita *

A

situação veio à tona com a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de 12 de junho, que negou pedido do ex-presidente para que fosse atribuído efeito suspensivo ao Recurso Especial interposto contra sua condenação no caso do triplex. A intenção estava em poder garantir a participação nos atos de campanha até que houvesse o julgamento definitivo do recurso pela 5ª Turma do STJ. A decisão proferida pelo relator, ministro Felix Fischer, indica que não haveria como conferir o pretendido efeito suspensivo ao recurso já que ainda pende de ser admitido pelo tribunal de origem, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4). No entendimento dos tribunais, trazido pela própria decisão, só é inaugurada a competência do STJ após esta admissão, o que não ocorreu. A condenação do ex-presidente Lula, confirmada pelo TRF4 em 24 de janeiro deste ano, trouxe uma consequência grave do ponto de vista de sua intenção em participação no pleito de 2018: a inelegibilidade prevista no art. 1°, I, e, LC 64/90. Com a confirmação da conde-

nação pelo órgão colegiado passou a ser latente a possibilidade de reconhecimento pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) da inelegibilidade indicada. Sim. A inelegibilidade não opera desde a confirmação da condenação, mas do reconhecimento pela Justiça Eleitoral, que no caso, atuará pelo órgão máximo, qual seja, o TSE. Em curtas palavras, após a apresentação do pedido de registro de candidatura (que poderá ser apresentado até às 19h do dia 15 de agosto. Lembrando que o pedido ocorrerá após a escolha de candidatos nas convenções eleitorais, que ocorrerão do dia 20 de julho a 5 de agosto), com demais fases que o procedimento impõe, haverá a necessária apreciação e decisão pela Justiça Eleitoral. No caso de eleições presidenciais, o órgão competente será o TSE. Apenas nesta oportunidade será possível reconhecer a hipótese de inelegibilidade, e não em outra. Um grande equívoco reside neste ponto. A condenação de natureza criminal, confirmada em segunda instância, não envolve a suspensão de direitos políticos (estes sim, apenas terão eficácia quanto a sua suspensão a partir do trânsito em julgado), mas tão somente a possibilidade de execução provisória da pena e a inevitável consequência de re-


FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

atos de preso? conhecimento de inelegibilidade condenação em segunda instân(nestes termos postos). cia (HC152752, julgado em 5 de abril deste ano). Tendo sido iniE os atos de campanha, ciado o cumprimento da condepode realizar? nação em 07 de abril, estamos Pela ótica do Direito Eleito- diante da execução penal do ral, o ex-presidente Lula está em sentenciado, ainda que pendenpleno exercício de seus direitos te o trânsito em julgado. políticos (lembrando que a susEm uma primeira análise, um pensão de direitos políticos só se dos direitos do preso é o “contato dará após o trânsito em julgado com o mundo exterior por meio de de sentença condenatória, art. correspondência escrita, da leitu15, III, da Constituição Federal. ra e de outros meios de informaA condenação confirmada em se- ção que não comprometam a mogunda instância em nada afeta ral e os bons costumes” (art. 41, aqui). Neste ponto, mesmo preso XV, da Lei de Execuções Penais), poderia participar do pleito e, in- o que em nada acena para a posclusive, fazer campanha eleitoral. sibilidade de sair fisicamente da A questão esbarra na execução prisão, mas sim a possibilidade penal e não no campo do Direito de gravar vídeos, áudios, peças Eleitoral. A Lei de Execuções Pe- publicitárias (propaganda eleitonais (Lei 7.210/84) traz compe- ral) no geral, limitado à estrutura tência ao juízo das execuções pe- do próprio presídio em garantir a nais em analisar situações como ordem integridade de todos, bem esta. Caberá a ele verificar se há como a própria análise nesta viacondições de que atos de campa- bilidade pelo juízo competente. nha sejam realizados dentro do A decisão, ainda pendente, ambiente prisional ou mesmo em certamente trará uma enorme eventuais saídas físicas destas repercussão de natureza eleitoinstalações para participar de co- ral (quanto ao aspecto do pleito mícios, debates, etc. eleitoral) e um precedente sensíLembrando: o entendimen- vel quanto a demais cidadãos que to majoritário do STF (sempre eventualmente estejam envolvipossível de mutação), está no dos em situações semelhantes. sentido da possibilidade do início de execução da pena, mes- * Advogado, mestre em Direito, mo sem o trânsito em julgado, professor universitário e do quando houver confirmação da Centro Preparatório Jurídico

5


6

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Devidamente consolidado A chuva, a cerração e o frio, quase sempre presentes no Dia do Desafio (DDD), não deram as caras neste ano, mas a edição 2018 do evento, promovido no País pelo Serviço Social do Comércio (Sesc), sofreu uma grande desmobilização. Primeiro por conta de seu adiamento no último dia 30 de maio, em virtude da greve dos caminhoneiros. Em segundo lugar

pelo fato do evento ter sido remarcado justamente no dia de um jogo do Brasil na Copa do Mundo, na quarta. Nem isso foi capaz de impedir uma expressiva participação dos farroupilhenses, muito acima do projetado inicialmente, que garantiu até mesmo a vitória no confronto particular com a cubana Moa, o que mostra que o DDD está consolidado e que o resultado,

diante de todas as adversidades, merece ser ainda mais comemorado (veja na Matéria Especial, páginas 2 e 3). Evidente que o maior mérito da iniciativa é fazer com que as pessoas adotem, não somente nesta data, mas durante todos os dias, uma prática de atividade física, que pode até ser uma breve caminhada, mas que certamente pode resultar em muitos

benefícios para a saúde se a ação for implementada de maneira regular. O Sesc Farroupilha, como coordenador da atividade, merece todos os méritos pelo engajamento e envolvimento da população com o DDD. Que a nova edição tenha tido esse alcance e poder, de mobilizar farroupilhenses para a adoção de atividades físicas em todos os dias do ano.

OPINIÃO

Opção pela direita Sirlei Cardoso Masiero * Quando jovem achamos que ser de esquerda é o ideal, pois levantando bandeiras e iremos combater todas as imperfeições políticas. Amadurecendo, descobrimos que por trás da esquerda poética, existem homens que dizem que lutam por ideais, mas na realidade somente lutam para se manter no poder. Hoje, no Brasil, não há esquerda, nem direita, nem conservadores, nem progressistas, há sim um amontoado de partidos que se coligam desrespeitando os eleitores e qualquer ideologia política. Os governos de esquerda são paternalistas, transformando a sociedade numa boiada conduzida por

um líder e se esse líder for um megalomaníaco, pobres dessas pessoas que se deixam levar! Governar não é empobrecer um País em benefício dos seus. Churchill disse que o defeito marcante da esquerda é a distribuição igualitária da miséria entre todos, exceto seus líderes. Quando os governantes de esquerda vão se dar conta de que para haver justiça social é preciso primeiro ter uma forte indústria, ter um comércio que se sustente? A justiça social e a dignidade humana só é alcançada quando há empregos para todos. Segundo Nelson Rodrigues “a democracia de esquerda deu ao idiota a consciência de sua superioridade numérica. Antes ele vivia sua vida besta, agora sabe que manda”.

Índice

Editorial

Matéria Especial....................................... Páginas 2 e 3 Editorial e Opinião.................................. Página 6 Economia ..................................................... Página 8 Cidade .......................................................... Páginas 9 e 10 Política ....................................................... Página 11 Educação..................................................... Página 12 Esporte........................................................ Páginas 13 a 15

Inside

Especial ....................................................... Capa Cinemas ........................................................ Página 2 Música .......................................................... Páginas 3 e 5 Crônicas da Redação............................... Página 4 Agenda ......................................................... Página 4 Paulo Roque Gasparetto ....................... Página 5 Social ........................................................... Páginas 6 e 7 Fabrício Oliboni ....................................... Página 8 Primeiro Parágrafo................................. Páginas 8 e 9 Dolores Maggioni .................................... Página 9 Sétima Arte................................................. Páginas 10 e 11 Horóscopo ................................................. Contracapa 8º Encontro da ATO 76 ......................... 4 páginas Saúde, Beleza & Estética...................... 4 páginas Classificados .......................................... 12 páginas

Essa ideia me reporta ao que vivemos no Rio Grande do Sul quando o partido de esquerda assumiu pela primeira vez o poder. Quem assumiu os cargos, naquela ocasião eram os “militantes” que só sabiam ser do contra, sem conhecimento, sem base, mas com o poder na mão. E quando o poder está na mão e há necessidade de resolver os problemas com conhecimento de causa que não se tem, surge a soberba ignorante que intimida, que grita para esconder o desconhecimento de tudo, porque sempre olhou o mundo de um lado só. A boiada conduzida lê pouco, é generalista, adota como verdade o que seus líderes dizem, trocando o conhecimento pela opinião dos quem sabem enganar e mentir. Observem o que

Redação - redacao@jornalinformante.com.br Juliana Inês Casa Barbieri juliana@jornalinformante.com.br Ramon Cardoso ramon@jornalinformante.com.br Yasmin Signori Andrade yasmin@jornalinformante.com.br

Comercial-comercial@jornalinformante.com.br Camila de Lima Alves camila@jornalinformante.com.br Fabiano Luiz Gasperin gasperin@jornalinformante.com.br Maria da Graça Potricos Leite maria@jornalinformante.com.br

Anúncios-anuncios@jornalinformante.com.br Marcelo Bortagaray Mello marcelo@jornalinformante.com.br Tiago Rodrigues da Silva tiago@jornalinformante.com.br

Financeiro-financeiro@jornalinformante.com.br Keli de Almeida Maciel keli@jornalinformante.com.br

aconteceu com a Venezuela (governo elogiado por alguns de nossos idiotas) de um País rico que, por incompetência e ganância de seus governantes, tornou-se miserável, fazendo com que seu povo abandonasse sua pátria. Seus governantes desconsideraram os princípios democráticos e os direitos humanos para todos. Governo que não cuida de seu povo e permite que abandonem o seu País em busca de melhores condições não pode ser chamado de governo. Pela experiência pessoal e análise objetiva de fatos recentes, recuso os princípios políticos fracassados da esquerda e opto sempre pela direita com suas ideias liberais e conservadoras. * Empresária

Assinaturas-assinaturas@jornalinformante.com.br Assinatura Bienal: R$ 240,00 Assinatura Anual: R$ 140,00

Telefones (54) 3401-3200 / (54) 3401-3201 (54) 3401-3202 / (54) 3401-3203

Endereço Rua Dr. Jaime Romeu Rössler, 348, Bairro Planalto

Colunistas Crônicas da Redação Dolores Maggioni Egui Baldasso Fabrício Oliboni

Guilherme Macalossi Gustavo Pimentel Lauro Edson Da Cás Paulo Roque Gasparetto

A manifestação dos colunistas é livre e independente e não necessariamente reflete a opinião do Tabloide sobre os temas abordados nas colunas

@PaperInformante www.jornalinformante.com.br

/jornalinformante


8

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

ADMINISTRAÇÃO

Settin conduz novos projetos no CCF Síndico quer fomentar vendas de atacado, investir em turismo e profissionalizar gestão do Centro de Compras Farroupilha jeto em parceria com a prefeitura, tornando o CCF um ponto de saída e chegada de passeio turístico. Um roteiro específico deverá ser montado, atraindo visitantes. “Também quero profissionalizar o Centro de Compras e mudar o modelo de gestão”, avisa Settin, que contratou um gestor, Paulo Scariot, para conduzir os trabalhos. Busca ainda alavancar as vendas e uma das intenções é reforçar a comercialização em atacado. “O Centro de Compras já teve 90% de suas vendas no atacado e hoje esse percentual é de 40%. Queremos retomar esse mercado”, salienta o síndico, que está no shopping praticamente desde o início, tendo entrado um ano após a fundação e hoje possui três lojas no empreendimento. Ele quer ainda firmar parcerias com empresas de

Juliana Inês Casa Barbieri

C

om 110 lojas e 21 anos de história, o Centro de Compras Farroupilha (CCF) é marca registrada da cidade e a intenção é que esta referência seja ainda fortalecida nos próximos anos. Diversas ações estão sendo conduzidas pelo novo síndico, Juliano Settin, que assumiu os trabalhos há 60 dias e quer movimentar o cenário local. “Minha vinda é para trazer o Centro de Compras de volta ao lugar dele. É trazer de volta o atacadista e firmar parcerias com o turismo, colocando o Centro de Compras dentro da rota turística”, considera Settin, que permanecerá à frente da administração do shopping por dois anos. Entre as propostas que estão sendo alinhavadas há a intenção de desenvolver pro-

turismo, fazendo com que aumente o número de visitantes, estimado entre 3 e 4 mil por final de semana. “Acredito que vamos dar um boom no Centro de Compras”, projeta, citando que

outra ação é juntar forças com os demais shoppings da cidade. O CCF está localizado na RS 122, ao lado da Estação Rodoviária e é o maior endereço de atacado e varejo da Serra Gaúcha.

Comércio e turismo Settin lidera projetos para fortalecimento do Centro de Compras Farroupilha


9

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

DIRETORIA LEONÍSTICA

Presidentes reeleitos nos Lions Itaroty Fagherazzi e Paulo de Castro foram reconduzidos por mais um mandato à frente dos clubes de serviço Arquivo Jornal Informante

P

ara presidir uma instituição que presta serviço social é preciso ter pulso firme e abrir mão do tempo em família para dedicar-se a uma causa comum. É com essa força de trabalho que o presidente do Lions Clube Farroupilha Imigrante, Itaroty Fagherazzi, e o presidente do Lions Clube Farroupilha Centro, Paulo de Castro, foram reeleitos para mais uma gestão na presidência das entidades. Fagherazzi foi reconduzido ao cargo em jantar no Parque dos Pinheiros na última segunda e Castro foi na noite de quinta, no Restaurante Maioli Assados. “Mais um ano de desafios e muito trabalho à frente de uma entidade com 35 anos de serviços à comunidade”, afirma Fagherazzi, que é reconduzido pela terceira gestão consecutiva na instituição que tem 23 participantes e que colabora com diversas iniciativas sociais. “Ser reconduzido é trabalho em dobro, mas gratificante”, reconhece Paulo, que preside 41 associados, destacando como principais projetos o Brechó Solidário realizado no bairro Industrial e um almoço beneficente que é anual. Colaboram também com outras iniciativas como Homens na Cozinha e Noite do Peixe. Mantém ações na área da saúde, como o projeto Pró Sorriso, que presta atendimento a crianças carentes de 1 a 5 anos.

Mais uma gestão Paulo, à esquerda, e Fagherazzi, com o apoio das esposas Andréia Cambruzzi de Castro e Teresinha Dalpan Fagherazzi

Diretoria Lions Imigrante 2018/2019

Presidente: Itaroty Fgaherazzi Secretária: Clarivone Duso Tesoureiro: João Carlos Zanco Diretor social: Armando Tasoniero Diretor de novos sócios: Célio Duso Diretora animadora: Ana Karen Brambilla de Brito

Diretoria Lions Centro 2018/2019 Presidente: Paulo de Castro Secretário: Vagner de Lorenzi Canever Tesoureiro: Ana Ducatti Butelli Diretora social: Jani Schneider Diretora de sócios: Edison Rossler Diretor animador: Márcio Rissi


10

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

MEMÓRIA

Legado de Raul Tartarotti

R

icônico da cidade, Raul é pai da engenheira mecânica Kátira Tartarotti e do engenheiro elétrico Raul Antônio Tartarotti, ambos moradores de Porto Alegre. Deixa ainda a “neta de coração”, como considerava Júlia Verônica Bueno e Mari Zambon, sua namorada por 22 anos. Foi sepultado no Cemitério Público Municipal. Homenageado Feira do Livro Raul, ao receber o convite do evento

Alguém quer me adotar? Essa lindeza é a Safira. Tem porte médio e cerca de um ano. Já está vacinada e será castrada. É sociável e se dá bem com outros animais e com crianças. Contato pelos fones 999.515.440 e 981.663.349. Importante: a ONG dos Peludos informa que não serão doados cães para ficarem presos em correntes.

ONG dos Peludos

aul Pedro Tartarotti, 87 anos, conhecido por sua atuação no município foi vítima de uma parada cardiorrespiratória no último domingo. Raul estava internado há quatro dias no São Carlos. Funcionário aposentado do Banrisul, instituição em que atuou por 33 anos, sendo 22 deles como gerente em diversas agências. Como hobby, se dedicava aos livros e à encadernação de exemplares. Dono de uma biblioteca com vasto material histórico e fotográfico do município, lançou, em 2014, o livro “Farroupilha: História de uma Cidade”. No mesmo ano recebeu a Medalha Farroupilha 80 anos e foi homenageado na Feira do Livro de 2015 por sua obra. Irmão de Dulce Tartarotti (em memória), outro nome

Edmilson de Arruda/Assessoria de Comunicação

Conhecida figura na cidade, bancário aposentado, escritor e apreciador de Literatura faleceu no último domingo

Obituário 21 de junho Nelita Bambina de Nascimento, 61 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal (CPM); Luiz Everaldo Kempka, 46 anos. Sepultamento no CPM; 22 de junho Antonio Fábio de Conto, 99 anos. Sepultamento no CPM; Dersi Borges da Silva, 60 anos. Sepultamento no CPM; Adenis Alves Mendes, 64 anos. Sepultamento no CPM; 23 de junho Alcides Smaniotto, 88 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade de Caravaggeto (4º Distrito); Ernesto Gheno, 70 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade de Pinto Bandeira; Marli Zilles de Oliveira, 55 anos. Sepultamento no CPM.

24 de junho Claudio João Picolli, 68 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade de Linha Paese (3º Distrito); Raul Pedro Tartarotti, 87 anos. Sepultamento no CPM. 26 de junho Claudina Silvestrin, 93 anos. Sepultamento no CPM; Regina Rosseti Maioli, 65 anos. Sepultamento no CPM. 27 de junho Olga Alves, 88 anos. Sepultamento no CPM; Ana Maria Mendes, 89 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza; Lúcio Flávio de Oliveira Júnior, 29 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza.


11

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

SETOR VITIVINÍCOLA

Farroupilha abre debate sobre Zona Franca da Uva e do Vinho Projeto de lei do deputado João Derly (Rede) será discutido em mesas redondas nas cidades contempladas com a iniciativa

P

aralelo ao trâmite que acontece nas comissões da Câmara dos Deputados, o projeto de lei que cria a Zona Franca da Uva e do Vinho também será debatido nas 23 cidades que serão diretamente beneficiadas pela iniciativa. Nesta sexta, às 9h, Farroupilha abre uma série de mesas redondas de discussão do tema. O evento é promovido pelo deputado federal João Derly (Rede/RS), autor do projeto, e pela Comissão de Integração Nacional e Desenvolvimento Regional, e acontece na Casa Legislativa Lidovino Antônio Fanton (Júlio de Castilhos, 420), a partir das 9h. A expectativa é que, no encontro, estejam presentes os municípios de Carlos Barbosa, Flores da Cunha, Nova Pádua, Pinto Bandeira, São Marcos e Vila Flores, além da representação farroupilhense.

A principal frente do projeto é focar no desenvolvimento da vitivinicultura local e no fortalecimento do enoturismo da região, buscando redução da tributação que incide sobre a cadeia vitivinícola, que faz com que o setor tenha diminuição de competitividade. Conforme o parlamentar, a medida poderia aumentar a capacidade produtiva das vinícolas e, por tabela, a geração de empregos no setor, isso sem falar nos benefícios que podem ser gerados a partir da cada vez mais presente ligação dos vinhos com o turismo. O projeto sugere a criação de uma Zona Franca, semelhante à de Manaus. Um regime tributário especial seria restrito às atividades da cadeia vitivinícola do Vale da Uva e do Vinho. Após o evento na cidade, está previsto para a próxima semana uma audiência pública sobre o tema em Bento Gonçalves, seguindo com as discussões.

Os 23 municípios que integram a Zona Franca da Uva e do Vinho Farroupilha Antônio Prado Bento Gonçalves Boa Vista do Sul Carlos Barbosa Caxias do Sul Coronel Pilar Cotiporã Flores da Cunha Garibaldi Guaporé

Ipê Monte Belo do Sul Nova Pádua Nova Prata Nova Roma do Sul Pinto Bandeira Santa Tereza Salvador do Sul São Marcos São Valentim do Sul Veranópolis Vila Flores


12

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

REMODELAÇÃO

CAI Odete Zanfeliz com nova estrutura Entidade foi reformada e funciona como Centro de Atendimento Integral, tendo cerimônia de entrega das obras na terça trabalho da escola de uma maneira mais lúdica: com jogos e atividades mais dinâmicas para complementar o processo de aprendizagem”, explica Aline Soletti, diretora da instituição. A entrega oficial das melhorias acontece na próxima terça, às 11h. Além das salas de aula e secretaria, também os sanitários, refeitório e sala de professores foram reformados. Conta ainda com ginásio de esportes, tem biblioteca, brinquedoteca, laboratório de informática e estudos de música no andar superior. Há espaço do Projeto Crescer que funciona como uma ação piloto voltado ao atendimento pedagógico para alunos de inclusão ou com dificuldades de aprendizagem. Para obter vaga é preciso manter contato com a entidade (Bassano, 441, São Roque). O atendimento é de acordo com o zoneamento, dando preferência a alunos de escolas municipais. Farroupilha conta ainda com os CAIs Senador Teotônio Vilela, no Industrial, e o do bairro 1º de Maio.

Juliana Inês Casa Barbieri

A

proposta da instituição é reforçar o atendimento pedagógico e a partir deste ano também a estrutura física está remodelada. O Centro de Atendimento Integral (CAI) Odete Zanfeliz, localizado no bairro São Roque, passou por reforma e atende 180 alunos, dos 4 aos 14 anos, todos matriculados na rede regular de ensino e que vão à instituição no turno contrário à escola. Anteriormente denominada Casa da Criança Odete Zanfeliz, que iniciou as atividades há 27 anos como albergue municipal e foi tomando outras funções, passa a ser CAI Odete Zanfeliz. Com nova proposta pedagógica, disponibiliza diversas oficinas e estudos orientados. Os alunos recebem todo o atendimento gratuitamente, assim como o transporte escolar e refeições. A coordenação é da Secretaria Municipal de Educação. “Visamos o desenvolvimento integral do aluno. Damos continuidade ao

Aperfeiçoando o trabalho Instituição melhorou estrutura de atendimento voltada a crianças e pré-adolescentes

Oficinas ofertadas

Teatro, taekwondo, dança, música, coral, arte, educação ambiental, educação física, oralidade e escrita, raciocínio lógico matemático, estudo orientado, informática e hora do conto são as oficinas realizadas. Um projeto em destaque é o “Cor de Pele”, que trabalha com a questão da diversidade, autoestima e identidade.


13

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

#COLECIONANDOQUILÔMETROS

Hermelu Runners consolidada Associação para incentivar prática esportiva é oficializada, cresce, ganha adeptos e está aberta a novas adesões de parcerias com empresas da cidade, que oferecem descontos aos associados (veja mais na lista abaixo). Além das atividades na terça à noite, o grupo também realiza treinos específicos na quinta e nos finais de semana. “Eu corria sozinho. Fiz muitas amizades no grupo e, quando percebi que ele estava crescendo, pensei em formalizar isso com o Bisol. Nosso objetivo é incentivar o pessoal a ter mais qualidade de vida por meio do esporte, seja correndo ou simplesmente caminhando. Ações que possam contribuir com a comunidade, independente do participante correr por uma questão de saúde ou para competir mesmo”, destaca o presidente Rafael Dalligna. Ele integra o grupo de sete fundadores da Hermelu Runners, que fazem parte da primeira diretoria (confira abaixo). O grupo criou até uma hashtag que o caracteriza, o #colecionandoquilômetros. A meta é justamente essa, a de estimular uma prática esportiva simples, barata, ao alcance de todos e, o melhor, em uma atividade em grupo. A Hermelu Runners conta com 27 associados, mas o número de envolvidos passa de 50. Informações pelo hermelurunners@outlook.com.br ou WhatsApp (54) 999.571.921.

Ramon Cardoso

F

oi em 20 de janeiro de 2016 que André Bisol, diretor da Hermelu Esportes, decidiu criar um grupo de corrida. Os encontros aconteciam sempre às terças, no princípio da noite, no próprio estabelecimento do empresário. A participação aumentou a cada nova reunião e, em 8 de março deste ano, nascia então a Hermelu Runners, uma associação de corredores, com CNPJ e tudo mais, uma ideia que cresceu e ganhou força em setembro de 2017, quando ocorreram as primeiras reuniões. “Percebemos a necessidade de nos organizarmos melhor, de buscarmos mais apoio e também incentivarmos o esporte. Correr é muito bom, mas correr em grupo é ainda melhor”, comentou Bisol. Ele destaca que a Hermelu Runners é aberta ao público. Quem quiser participar basta comparecer toda terça, às 19h, na Hermelu Esportes, onde o pessoal se reúne e, na sequência, faz um treino de corrida na cidade. Para quem deseja se associar há uma taxa de inscrição e uma mensalidade, que dá direito a um kit atleta, com camiseta, sacola e viseira. Além do mais, a Hermelu Runners também conta com uma série

Correria André Bisol e Rafael Dalligna idealizaram a Hermelu Runners: projeto cresce a cada dia, aumenta número de associados e fomenta parcerias na cidade

Parcerias estabelecidas

Borfar Seguros, Creative Colours, Deltasul, Denise Gaio Nutricionista, Life Health: Treinamento Físico Funcional, Mantomac, MarioTur, Monte Pasqual Vinhos & Espumantes, Sicredi, Talkers Idiomas e Tudo em Grãos

Diretoria Hermelu Runners

Presidente: Rafael Dalligna Diretor Financeiro: André Bisol Diretora Esportiva: Denise Gaio Diretora Administrativa: Daiana Maciel Conselho: Patrícia Peroni, Sirlei Meert e Maria Rosana de Jesus


14

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

João Sales

No Campeonato Municipal de Vôlei, ocorrido no último domingo, a Anselmi Vôlei e o Farrapos ficaram novamente com o caneco, conquistando o tetracampeonato da disputa citadina. No Feminino, o Vôlei Farroupilha ficou com o vice e as Gurias do Vôlei fecharam em 3º lugar. Os destaques individuais ficaram com Franciele (Gurias do Vôlei) com o melhor ataque, Taís (Vôlei Farroupilha) como melhor defesa e Aline (Anselmi Vôlei) como melhor levantadora. Já pelo Masculino, o Serra V.C. finalizou em 2º e o Farlley fechou o pódio. Nos prêmios individuais, Kid (Farrapos) teve o melhor ataque, Juliano (Serra V.C.) a melhor defesa e Douglas (Serra V.C.) foi eleito o melhor levantador. A competição aconteceu no Complexo Esportivo do Parque Cinquentenário. A organização foi do Departamento Municipal de Esporte e Lazer, vinculado à Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude.

Bárbara Gomes

Supremacia da Anselmi e Farrapos no Municipal de Vôlei

É tetra !!! Anselmi Vôlei, no Feminino, e Farrapos, no Masculino, novamente ficaram com o título na disputa citadina e mantiveram a hegemonia na competição

Liga Serrana nas Castanheiras

O sábado foi de duelo válido pela Liga Serrana nas categorias Sub-11, Sub-13 e Sub-15, entre a Socidade Esportiva, Recreativa e Cultural (SERC) Brasil e o Grêmio Esportivo São Luiz. Na abertura da tarde, com o Sub-15, o Grêmio São Luiz venceu por 2 a 0, com gols de Patrick Machado e Rodrigo Zuanazzi. Na sequência, pelo Sub-11, vitória rubro-verde por 4 a 2 com gols de Vinicius Soares, Cristian Basso e dois do artilheiro Igor Bristot, para o Brasil, com Kauê Rossi e Vitor Crispin marcando para o São Luiz. No encerramento da tarde de futebol de base, pelo Sub-13, novo triunfo do Grêmio, desta vez por 3 a 0, com gols de Bruno Zanonato, Andrei Freitas e João Aguiar. O grande destaque também ficou fora de campo. Mais de 600 foram até as Castanheiras para acompanhar as partidas e doaram alimentos não perecíveis que serão repassados ao Hospital Beneficente São Carlos. O Grêmio São Luiz volta a campo pela Liga Serrana neste sábado, quando enfrenta, em casa, no 3º Distrito, o Caxias.

Bochas em momento decisivo

No Torneio Municipal de Bochas Tiro e Ponto, o Roque Líris Ornaghi (em memória), o primeiro jogo da final mostrou muito equilíbrio entre Rancho de Gaudérios e Vinhedos, que empataram em 2 a 2, em partida disputada no Centro de Tradições Gaúchas (CTG). Na disputa do 3º lugar, o Aldeia Farroupilha fez 3 a 1 no Veteranos do Rancho atuando em casa. As partidas de volta ocorrem neste sábado, a partir das 13h30min. Pelo 3º lugar, no CTG Rancho de Gaudérios, o Veteranos encara o Aldeia. Em Linha Azevedo (Caruara), valendo a taça, o Vinhedos recebe o Rancho. Já no Torneio Zeno Pessin (patrono) de Bochas 48, o Vetera’s Bar e o Bar do Muth farão a grande final da disputa, depois de despacharem, nas semifinais, respectivamente, o Bar do André e o Bar Belvedere. Neste sábado, a partir das 16h, os jogos derradeiros serão abertos. No bairro Belvedere, Bar Belvedere recebe o Bar do André pelo 3º lugar. No bairro Alvorada, o Vetera’s Bar encara o Bar do Muth valendo o caneco.


15

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

VALE O CANECO

Santa e BGF na final da Copinha Equipe de Caxias do Sul, com goleada, e Bento Gonçalves, com placar apertado, garantiram lugar na decisão Fotos: Ramon Cardoso

A

disputa regional da Copa Farroupilha de Futsal Feminino vai ficar com título visitante. Santa Catarina Futsal, de Caxias do Sul, e BGF, de Bento Gonçalves, decidem o caneco da competição neste sábado, logo após a definição do 3º lugar, entre a farroupilhense 1º de Maio e a caxiense Comando São Paulo. As semifinais do último sábado começaram com o clássico entre as rivais de Caxias. Após um começo equilibrado, no início da etapa final o Santa Catarina abriu vantagem e acabou goleando por 7 a 2. No duelo de fundo, muito equilíbrio. A BGF saiu na frente com um gol de Monique, logo no início, placar que perdurou até o apito final, graças as grandes atuações das goleiras Rosana, do 1º de Maio, e Karine, da BGF. As partidas decisivas, que terão arbitragem feminina comandada pela dupla Andressa Hartmann e Letícia Helen Fassini, acontecem no Ginásio de Esportes de Lourdes, a partir das 19h15min. O ingresso custa R$ 5,00.

Pelo título Caxiense Santa Catarina Futsal e bento-gonçalvense BGF fazem a final da competição regional que reuniu 16 equipes de seis municípios

Preliminar Na abertura dos trabalhos, a farroupilhense Associação 1º de Maio encara a caxiense Comando São Paulo por um lugar no pódio da disputa


ECONOMIA

Incremento comercial Juliano Settin, novo síndico do Centro de Compras Farroupilha, quer fomentar turismo e vendas no atacado Página 8

CIDADE

PRIMEIRO PARÁGRAFO E SÉTIMA ARTE

Itaroty Fagherazzi e Paulo de Castro seguem à frente Página 9

Best-seller “O Doador de Memórias” ganhou adaptação para o cinema Inside, páginas 8 a 11

ESPORTE

ESPECIAL

Grupo de corrida é formalizado e está atrás de novos associados Página 13

Turma de odontologistas promove 8º Encontro, o primeiro em Farroupilha Caderno

Lions mantêm presidentes Para libertar os sentimentos

Hermelu Runners avança ATO 76 da UFPel reunida

EDUCAÇÃO

Nova estrutura no CAI Fotos: Juliana Inês Casa Barbieri

Centro de Atendimento Integral Odete Zanfeliz recebe melhorias no espaço físico e tem entrega oficial das obras na terça Página 12


8º Encontro da Odonto da UFPel

Parte integrante da Edição 544. Não pode ser vendido separadamente

29 de junho de 2018

Farroupilha recebe 8º Encontro ATO 76 da Odontologia da UFPel Formados pela Universidade Federal de Pelotas se encontram pela primeira vez na cidade e aproveitam o melhor da Serra Ramon Cardoso

O

Divulgação

fim de se- rato e Josiane P. Bilher. mana será Como lembrança, os prepautado pelo sentes também levarão para s a u d o s i s - casa uma carreta. Todas as mo com o 8º 20 foram construídas pelo Encontro da organizador, um trabalho cuiAssociação Turma Odontolan- dadoso e manual, que deve dos (ATO) 76, da Universida- deixar o reencontro da turma de Federal de Pelotas (UFPel). ainda mais especial. Tradicional, acontece pela “A carreta é um símbolo primeira vez em Farroupilha, de desenvolvimento da Serorganizado por um dos for- ra desde os tempos de imimandos da época, o cirurgião gração. Acho que representa dentista Ivo André Lovato. bem a região e marca essa “Há dois anos, quando re- nossa reunião”, finalizou Ivo, alizamos nossa reunião dos um dos quatro farroupilhense 40 anos, em Pelotas, fiquei da ATO 76, ao lado de Loreno encarregado de organizar a Messinger, Nestor Schülke e atividade aqui em Farroupi- Vera Feltrin, já falecida. lha. Desde então tenho trabaExpectativa alta lhado para mostrar o melhor Ivo tem se empenhado na organização da cidade e da Serra para a da reunião que ocorre no fim de semana turma”, destacou Ivo. As atividades começam nesta sexta quando, a partir das 13h, os cerca de 20 colegas começam a chegar no Farina Park Hotel. À noite haverá uma recepção no Café do local, seguido de um happy hour. No sábado, as atividades são intensas. Haverá visitas a uma queijaria, vinícola, Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio, T-Store e o dia será encerrado com um jantar de confraternização no Farina e show com a banda The Hawks. Um dos pontos marcantes da atividade será a homenagem realizada aos 12 colegas já falecidos. Para cada um será plantado um coqueiro no Farina, um forma de lembrar dos amigos Maria Lenita, Laura Parker de Oliveira, Roberto Montanari, Carlos Renato Oliveira (Galo), Edeni Pinto, Uratau B. Carvalho, Carlos Lund, Vera Feltrin, Flávio Schmidt, Para a história Gilberto Arduin, Fernando CeA formatura da Associação Turma Odontolandos de 1976, na Universidade Federal de Pelotas: dos 65 formandos, cerca de 20 estarão em Farroupilha


2

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Mantendo viva a tradição da ATO 76

Associação Turma de Odontolandos de 1976, da Universidade Federal de Pelotas, promoveu diversas reuniões de celebração desde

Início da tradição Como não poderia deixar de ser, Pelotas sediou o encontro dos 10 anos

20 Anos São Lourenço do Sul foi o palco da confraternização de duas décadas

25 Anos A ala feminina da ATO 76 na reunião pelotense, que aconteceu em 2001

Estreia na Serra Bento Gonçalves foi o ponto de encontro para a celebraçãos dos 28 anos

Novo Hamburgo Cidade do Vale do Rio dos Sinos sediou a festa dos 30 anos da ATO 76

Três décadas Turma reunida em festa hamburguense: comemoração ocorreu em 2006

Celebração emblemática para marcar a

6º Encontro Visita a pontos turísticos pelotenses fez parte da celebração de 2009

Mais recente As quatro décadas de formatura foram marcadas pela visita à UFPel

Pelotas voltou a ser o palco para o

A cidade do sul do Estado marcou a comem

Vizinha Bento sediou nova confraternização


3

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

6: primeiro encontro farroupilhense

e 1986. Abaixo, muitas fotos dessas confraternizações que passam a ser bienais a partir desta, que será realizada no fim de semana Fotos: Divulgação

Para celebrar moração dos 20 anos da formatura da ATO 76

As dentistas As formadas pela ATO 76, no 2º Encontro realizado em São Lourenço

Pelotas, de novo A cidade foi o palco para a festa dos 25 anos: na foto, a ala masculina

4º Encontro da turma da Universidade Federal de Pelotas

Regada a vinho A tradicional bebida celebrou o reencontro dos amigos no ano de 2004

Data marcante Evidente que um bolo não poderia faltar nos 30 anos de comemoração

5º Encontro as três décadas de formatura da unida turma

Volta a Pelotas Em 2009, nos 33 anos da conquista, reencontro onde tudo começou

Maior concentração Boa parte dos formandos fixou residência em Pelotas após a formatura

7º Encontro o reencontro dos amigos formados na ATO 76

Na Universidade Federal de Pelotas recebeu a visita dos ex-alunos durante nova reunião

Histórica Registro mostra o grupo junto ao quadro de formatura na Universidade


4

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

CARTA AOS COLEGAS

Lembrança Carroça produzida por Ivo marca o primeiro encontro da ATO 76 ocorrido em Farroupilha

Fotos: Ramon Cardoso

Homenagem pelos 42 anos de Formatura da ATO 76

Recordar é viver Farroupilhense Ivo conta com muito material dos tempos de faculdade: momento para relembrar com os colegas

Queridos colegas Amigos são conquistados no dia a dia, a partir de uma história. A nossa amizade começou da importância da integração em um ambiente novo, nova realidade, novos desafios e um único objetivo: Nossa Formação. Buscamos neste tempo a afirmação de nossos sonhos em conjunto e passamos a ser quase uma família. O tempo não parou, nos remeteu a data de hoje, para que comemorássemos o nosso 42º ano de formatura. Temos a certeza que ele não deixou que esquecêssemos a data de 1973, quando nos encontramos pela primeira vez. Foi como um amor à primeira vista. Nos entregamos de corpo e alma nessa amizade que até hoje permanece. Dias, meses, anos se passaram. Professores, aulas, provas, dificuldades das mais diversas. Mas, aos poucos, as superamos uma a uma até conquistarmos a nossa formação. O ano de 1976 chegou, nos formamos. A partir daí seguimos em frente para que cada um fizesse a sua própria história. Andamos por muitos lugares, construímos muitas histórias, mas sempre nos voltamos para viver nossa amizade e comemorarmos juntos o nosso amor à primeira vista. Muitos já partiram. Fizeram parte de nossa caminhada. Lembramos deles com muito carinho, na certeza de terem cumprido a sua missão. Aos nossos mestres, que também fazem parte de nossa história, agradecemos por nos passarem conhecimentos necessários ao desenvolvimento da nossa profissão. Então, hoje vamos comemorar. Vamos reviver todos os momentos que juntos compartilhamos. Juntemo-nos para celebrar este encontro, celebrar a nossa amizade, escrevendo um pouco mais a nossa história. Colegas, amo vocês! Ivo André Lovato Farroupilha, junho de 2018

Prontos para a festa Dentre a vasta documentação dos tempos de universitário, Ivo conta também com o documento da arrecadação final para a formatura, que teve o farroupilhense Nestor Schülke como tesoureiro

Marcantes As históricas edificações pelotenses: o Theatro Guarany, onde ocorreu a cerimônia de formatura, e o prédio da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Pelotas


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

PREVENÇÃO

Reflexões sobre suicídio e doenças da alma Padre, psiquiatra e psicólogo conduzem Mesa Redonda nesta sexta, numa conversa sobre a valorização da vida Divulgação

A

proposta é um momento de reflexão com o chamado “Doenças da alma: em busca de sentido e esperança”, abordando o suicídio e apontando a necessidade de se falar sobre a temática. O assunto será explanado numa Mesa Redonda nesta sexta, às 19h30min, no auditório do Colégio Nossa Senhora de Lourdes (CNSL). É aberta à comunidade escolar, mas a população com interesse também pode participar. O encontro terá como palestrantes Caetano Fenner Oliveira, psiquiatra caxiense, o padre Jocimar Romio que atua no Santuário de Caravaggio e a psicóloga farroupilhense Josiane Borges Soares. A intenção é justamente fornecer uma visão interdisciplinar sobre o assunto e orientar os pais. “Reconhecendo o importante papel da escola na educação de crianças e jovens, com o apoio da família poderemos ampliar esse trabalho de formação de uma sociedade melhor, mais humana e feliz”, considera a professora Fernanda Bortolini Souto, uma das organizadoras do encontro. A docente ressalta ainda a importância das instituições abrirem espaço de diálogo permanente para se discutir sobre os desafios e assuntos que envolvem a valorização da vida de crianças e adolescentes. Também ressalta o papel fundamental da família, quando pais ou responsáveis precisam acompanhar de perto a rotina dos filhos e estarem atentos a sinais que indiquem situações de risco. “É preciso exercitar a empatia, o diálogo, a resolução de conflitos e a cooperação, promovendo o respeito ao outro e aos direitos humanos”, reforça. A promoção é da Pastoral Escolar, direção do CNSL e Associação de Pais e Mestres (APM).

É preciso ficar de olho Encontro desta sexta busca alertar os pais e chama atenção para situações e comportamentos de risco

Programe-se O que: Mesa Redonda “Doenças da alma: em busca de sentido e esperança” Quando: nesta sexta, às 19h30min Onde: auditório do Colégio Nossa Senhora de Lourdes (Thomas Edison, 200, Centro) Quanto: evento gratuito. Destinado à comunidade escolar do CNSL, mas população interessada no assunto também pode acompanhar


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Luz Pulsada e se Equipe Espaço da Beleza *

A

Luz Intensa Pulsada (LIP) é uma tecnologia que emite luz com diferentes comprimentos de ondas, atingindo, assim, vários tipos de alvo como a melanina (sardas e manchas escuras), os vasos sanguíneos (microvasinhos da face, pescoço e colo) e o colágeno. Portanto pode ser utilizada para vários tratamentos. A luz emitida na pele gera calor, atinge a cor vermelha dos vasinhos e a cor escura da melanina das manchas, eliminando-os posteriormente, estimulando e remodelando o colágeno e mantendo a superfície da pele intacta. Quais são as condições que se beneficiam com o tratamento? * Melanose solar: manchas escuras arredondadas na face, antebraço e dorso das mãos; * Melasma; * Sardas; * Pequenos vasos sanguíneos na face; * Rosácea: apresenta-se como uma vermelhidão na face que, na verdade, é uma trama de vários vasos sanguíneos, ameniza a vermelhidão; * Poiquilodermia: ocorre devido à exposição solar com envelhecimento da pele, localiza-se no

pescoço e colo e apresenta-se como uma trama de vasos sanguíneos, vermelhidão, hiperpigmentação e atrofia da pele. A LIP tem ação sobre os componentes da poiquilodermia, conseguindo obter uma melhora acentuada do problema; * Flacidez; * Rugas finas; * Fotoenvelhecimento. Número de sessões de Luz Pulsada O número de sessões varia conforme o caso e a região a ser tratada. O profissional que vai determinar o número de sessões e o tempo de tratamento. O intervalo entre as sessões é de quatro semanas. Os resultados vão aparecendo progressivamente a cada aplicação e variam bastante de pessoa para pessoa. Primeiro passo O ideal é agendar uma avaliação, definir protocolo de tratamento e produtos específicos para usar em casa, mantendo assim o resultado do tratamento. * Espaço da Beleza Centro Estético Independência, 555 Centro de Farroupilha Fone (54) 3268-5511 WhatsApp: 981.195.645 Fan Page: Espaço da Beleza


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

eus benefícios

Divulgação


Compromisso com a Cidade. Compromisso com você.

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

IMUNIZAÇÃO

Restam doses da vacina contra a gripe Campanha abriu na terça para população em geral e continua nesta sexta em alguns Postos de Saúde

Ainda dá tempo Quem não se imunizou tem chance ainda nesta sexta, então é bom ir ao Posto de Saúde mais próximo e garantir sua dose

Programe-se O que: vacinação contra a gripe Quando: segue nesta sexta e, se durarem os estoques, na segunda Onde: Postos de Saúde do Belvedere, Cruzeiro, América, São José, Cinquentenário, Burati, Vila Esperança e Monte Pasqual Quanto: dose gratuita

Divulgação

A

vacina contra a gripe segue ainda nesta sexta em oito Postos de Saúde: Belvedere, Cruzeiro, América, São José, Cinquentenário, Burati, Vila Esperança e Monte Pasqual. Das 2,1 mil doses disponibilizadas ao público em geral desde a última terça, restam ainda 253 unidades que estão à disposição da população. A campanha iniciou em abril apenas para crianças de seis meses a menores de 5 anos, idosos, gestantes, puérperas, professores, trabalhadores da área da saúde, indígenas, idosos e portadores de doenças crônicas. Posteriormente foi ampliada para crianças até 9 anos e adultos a partir dos 50 anos. Tendo em vista a sobra de vacinas, foi aberta à comunidade em geral na última terça. Ao total já foram 16,7 mil doses aplicadas. Inicialmente a imunização foi disponibilizada em 12 Postos de Saúde, mas tendo em vista a procura, alguns já esgotaram os estoques. A dose é gratuita e o atendimento é das 7h30min às 11h30min e das 13h às 17h. Caso ainda sobrem, a campanha continua na próxima semana. A vacina protege contra três tipos de vírus da gripe: o Influenza A, nas variações H1N1 e H3N2, e o Influenza B. A contraindicação é para quem tem alergia severa a ovo.


Música

Ingressos para o show “Baixar Armas”, de Duca Leindecker, no dia 13, à venda no Sesc Farroupilha Página 5

Inside

Primeiro Parágrafo e Sétima Arte

“O Doador de Memórias”, nas resenhas casadas: livro de Lois Lowry e filme de Philip Noyce Páginas 8 a 11

Jantar beneficente

Gastronomia e solidariedade reunidas no 22º Jantar Baile Homens na Cozinha Promovido pela Associação de Prevenção e Combate ao Câncer de Farroupilha, o evento acontece no dia 18 de agosto

O

s ingressos poderão ser adquiridos a partir de terça, pelo valor individual de R$ 130,00. Por meio dos cozinheiros, voluntários e também serão definidos pontos de venda. O evento acontece no dia 18 de agosto, às 20h no Centro Municipal de Eventos Mario Bianchi, e é um apelo à solidariedade em prol da Liga de Combate ao Câncer de Farroupilha. Confira os cardápios da tradicional noite gastronômica e solidária. Cozinha 1: Bigfer Cardápio: Salmão à Moda Bigfer Cozinheiro: Ilui Frosi Cozinheiros auxiliares: Mauricio Alexandrini, Paulo Chiele e Luiz Gasperin Cozinha 2: CEF Farroupilha/Sabor de Lar Cardápio: Filé de congrio grelhado, arroz com ervas finas e strogonoff de camarão Cozinheiro: Daniel Ferronatto Cozinheiros auxiliares: Alexandre Augusto da Silva e Plínio Balbinot Cozinha 3: CICS Farroupilha Cardápio: Dourado à Primavera Cozinheiro: Eloi Carlos Pellizzari Cozinheiro auxiliar: João Pedro Fernandez

Cozinha 4: Grupo Sazi & Rotary Club Farroupilha Cardápio: Salmão assado, cobertura ao molho bechamel quatro queijos e crosta de castanhas Cozinheiro: Cristiano Lamb Cozinheiro auxiliar: Clarimundo Grundmann

goiaba (tropical ribs) e risoto de pêra Willians Cozinheiro: Tiago Novelli Cozinheiros auxiliares: João Dailor Machado e Rodolfo Candeia

Cozinha 5: Inspire-se Aromas Especiais e Bitcom TV e Internet Cardápio: Trutas peruanas ao molho de gorgonzola Cozinheiro: Cícero Roth Cozinheiro auxiliar: Samuel Roth

Cozinha 9: Sindigêneros/Restaurante Stefenon Cardápio: Codorna ao molho branco e macarrão ao molho do chef Cozinheiro: Jorge Stefenon Cozinheiro auxiliares: Gilberto Nienov e Rodrigo Nienov

Cozinha 6: Jornal Informante e Ferri & Gasperin Engenharia Elétrica Cardápio: Filé com bacon e ervas aromáticas com batata rústica à grillé Cozinheiro: Fabiano Luiz Gasperin Cozinheiro auxiliar: Paulo César Gasperin

Cozinha 10: Sindilojas Farroupilha Cadápio: Lombo de pirarucu ao molho de coco com camarão flambado, carne de siri na moranga, batata salteada e arroz branco Cozinheiro: Adeu Ferreira Cozinheiro auxiliar: Jeferson Ferreira

Cozinha 7: Lions Clube Farroupilha Centro Cardápio: Filé de congrio rosa ao molho de camarão com batata souté Cozinheiro: Valmor Roth Cozinheiros auxiliares: Rudimar Butteli e Paulo de Castro Cozinha 8: Sicredi Cardápio: Costelinha de porco com molho de

Programe-se O que: 22º Jantar Baile Homens na Cozinha Quando: 18 de agosto Onde: Centro Municipal de Eventos Mario Bianchi (Av. Prefeito Arno Domingos Busetti, s/nº, Complexo Esportivo do Parque Cinquentenário) Quanto: R$ 130,00


Inside

2

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Cinemas Imagens: Reprodução

Shopping Iguatemi (RST-453, quilômetro 3,5) Cinemas GNC 1: Não se Aceitam Devoluções - às 14h (com legenda descritiva), 16h30min, 18h40min e 21h GNC 2: Oito Mulhere e um Segredo - às 14h GNC 2: Jurassic World: Reino Ameaçado - às 16h30min e 21h50min (legendado), 19h10min (dublado) GNC 3: Hereditário (dublado) - às 14h20min GNC 3: Sicario: Dia do Soldado - às 17h, 19h30min e 22h GNC 4: Os Incríveis (dublado e em 3d) - às 13h10min, 15h50min, 18h30min e 21h15min GNC 5: Jurassic World: Reino Ameaçado - às 13h20min e 18h50min (dublado e em 3d), 16h e 21h40min (legendado e em 3d) GNC 6: Os Incríveis - às 13h30min, 16h20min e 19h (dublado), 21h30min (legendado) Ingressos: segunda e quinta (exceto feriado e Carnaval) a R$ 22,00 e R$ 28,00 (salas 3d); terça e quartas (exceto feriado e Carnaval) todos pagam meia entrada; sexta a domingo e feriado a R$ 26,00 e R$ 32,00 (salas 3d). Meia entrada todos os dias para menores de 18 anos e maiores de 60 (mediante apresentação de identidade), estudantes (mediante apresentação de Carteira de Identificação Estudantil), pessoas com deficiência (com documento que a comprove) e para o Movie Club Preferencial.

Shopping San Pelegrino (Avenida Rio Branco, 425) * Obs: o site do Cinépolis traz apenas os horários dos filmes, mas não informa em qual sala serão exibidos Hereditário - às 12h40min e 15h40min (dublado), 21h30min (legendado) Jurassic World: Reino Ameaçado - às 12h20min, 15h20min e 18h (dublado e em 3d), 20h50min (legendado e em 3d) Os Incríveis 2 (dublado e em 3d) - às 13h, 16h, 19h e 22h Os Incríveis 2 (dublado) - às 12h, 15h, 18h e 21h Os Incríveis 2 (dublado) - às 14h, 17h e 20h Sexy por Acidente - às 13h40min, 16h20min e 19h30min (dublado), 22h10min (legendado) Ingressos: nas salas tradicionais, segunda a quarta (exceto feriado) a R$ 23,00 e R$ 11,50 (meia); quinta (exceto feriado) a R$ 25,00 e R$ 11,50 (meia); sexta a domingo e feriado a R$ 26,00 e R$ 13,00 (meia). Nas salas 3d, segunda a quarta (exceto feriado) a R$ 29,00 e R$ 14,50 (meia); quinta (exceto feriado) a R$ 29,00 e R$ 15,00 (meia); sexta a domingo e feriado a R$ 32,00 e R$ 16,00 (meia).

Sala de Cinema Ulysses Geremia (Luiz Antunes, 312) Festival Varilux de Cinema Francês A Busca do Chef Ducasse - sexta, às 19h30min A Aparição - sábado, às 19h30min O Poder de Diane - domingo, às 18h Gauguin: Viagem ao Taiti - domingo, às 20h Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e sênior)

Franquias têm sequência Thriller “Sicario: Dia do Soldado” segue com roteiro de Taylor Sheridan, mas agora conta com direção do italiano Stefano Sollima. Para a criançada, a opção é “Os Incríveis 2”, novamente dirigido pelo americano Brad Bird


FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Inside

3

Música

Rock in Concert solidário no UCS Teatro O concerto acontece no domingo e terá valor destinado a três entidades assistenciais de Caxias do Sul Claudia Velho

E

sta é a 1ª edição da série Concertos da Solidariedade, uma mistura de música e bondade que inicia com o espetáculo “Rock in Concert”. Os ingressos estão em valor promocional de R$ 75,00, e podem ser adquiridos na UCS Store (no campus de Caxias do Sul), ou com os comendadores do evento. Quem já garantiu seu ingresso com valor integral, poderá retirar o mesmo número em cortesias. O concerto da Orquestra Sinfônica da UCS terá a regência do maestro Manfredo Schmiedt, e a banda será formado pelos músicos Rafael Gubert

no vocal, Johnatan Macedo na guitarra, Graziano Anzolin no teclado, Douglas Gutjahr na bateria e Fábio Alves no baixo. O repertório contará com os clássicos nacionais e internacionais do rock, indo de Queen, Deep Purple, Rolling Stones e U2, até Nenhum de Nós, Legião Urbana, Barão Vermelho, Raul Seixas e Paralamas do Sucesso. O montante arrecadado será destinado para o Projeto Mão Amiga, para a Pastoral de Apoio ao Toxicômano Nova Aurora (PATNA) e para os Médicos do Sorriso. O espetáculo é promovido pela Universidade de Caxias de Sul (UCS) e Associação

dos Dirigentes Cristãos de Empresas (ADCE). Conta também com o apoio da UCS FM, Neoplann Urbanizações, FW Flores e Decorações, HD Caxias Motorcycle Club, Editora São Miguel e Jonas Rosa Fotografias. A orquestra tem patrocínio da Unimed Nordeste e o apoio de LionsEducC.

Música e fraternidade A orquestra, que fará o 1º Concerto da Solidariedade, terá a regência do maestro Manfredo Schmiedt

Programe-se O que: Concerto da Solidariedade – Rock in Concert Quando: neste domingo, às 19h Onde: UCS Teatro (Francisco Getúlio Vargas, 1130, bairro Petrópolis, em Caxias do Sul) Quanto: R$ 75,00


Inside

4

Crônicas da Redação Ramon Cardoso

ramon@jornalinformante.com.br

Rico, no talento e na conta bancária, miserável de espírito

Agenda SEXTA Back to the 80’s República Beer, às 23h

SÁBADO Festa Gás Total Anos 80, 90 e 2000 Boteco do Chá, às 23h Jantar Baile Regional CTG Ronda Charrua, às 20h Fábio Silvestri

Véspera da estreia do Brasil na Copa do Mundo e o que chama a atenção no treino da Seleção é o novo penteado de Neymar, no estilo Calopsita. Lédio Carmona, que acho um comentarista muito limitado, foi o primeiro a disparar no SporTV. “Incrível como um atleta consegue se preocupar com uma coisa dessas um dia antes do primeiro jogo no Mundial”. Perfeito. Não só ele. O goleiro de “jogo grande” da Seleção, que ficou plantado no gol da Suíça, bancou a viagem de seu cabeleireiro pessoal para a Rússia. Eu não quero entrar na questão de que isso é ofensivo em um País onde a maior parte da população recebe um salário de fome (a que está empregada, certo, porque a quadrilha chefiada por Lula, Dilma e Temer deixou uma legião de milhões de desempregados e, por incrível que pareça, a grande maioria do grupo ainda não está presa) porque acho que a comparação não é apropriada. Esses caras ganham fortunas e se eles têm mérito e quem os pague, tudo certo. A questão que pretendo abordar não é essa. A Seleção se apresentou na Granja Comary, em Teresópolis, que fica perto do Rio de Janeiro. Mas os atletas foram levados até lá de helicóptero bancado pela CBF. Uma coisa sem necessidade alguma. Porém, nem todos. A Calopsita foi em seu helicóptero particular, como que para dizer: “eu sou muito melhor que vocês, seus otários, me respeitem”. Neymar é um pirralho mimado que não mostra o mínimo de espírito de grupo. É um monstrinho criado e alimentado por uma imprensa que não tem coragem de criticá-lo. Casagrande, outro comentarista meia boca, certa vez teceu comentários críticos em relação a Neymar. Ninguém ficou ao seu lado. Levou bronca até do Tite, o filósofo de São Braz. O pai da Calopsita chamou o ex-atleta de drogado. Ou seja, o mimado vive em um mundo que é só dele. Isso ficou claro no primeiro jogo da Copa, quando Neymar não soltou a bola em nenhum lance contra a Suíça. Roger e Ricardinho, dois bons comentaristas do SporTV e ex-meias de muita classe, criticaram seu individualismo. E foi só. Um silêncio constrangedor do resto da trupe que tem a maior equipe no Mundial. A ESPN Brasil, é bom ressaltar, o canal esportivo mais independente, não poupou críticas a Neymar após o duelo contra a Costa Rica. Embora tenha soltado mais a bola, simulou faltas em todos os lances como se tivesse sofrido uma fratura exposta. Mas o mais patético e ridículo foi o seu choro simulado ao final do jogo. Foi mais fingido que o pênalti que tentou cavar. Não foi a primeira vez. Fez a mesma coisa na final da Olimpíada do Rio. Com a mão na cara, para esconder, já que não estava chorando. Muitos falam que Neymar será em breve o melhor do mundo. É bem provável que o seja, porque talento não lhe falta. É um extraclasse, sem dúvida. Contudo, ele nunca chegará perto de Lionel Messi ou Cristiano Ronaldo. A dupla, que monopolizou a disputa do prêmio na última década, tem postura de atleta profissional, não de peladeiro. Não brigam com companheiro de clube, pedem cabeça de técnico, aparecem com um penteado ridículo ao invés de se concentrarem na partida, nem levam três meses para se curar de uma cirurgia simples que leva metade do tempo para recuperação plena. Messi e Ronaldo tem caráter, hombridade e, sobretudo, humildade. Neymar pode ser rico em sua capacidade técnica e conta bancária, de espírito ele é um dos mais miseráveis da história.

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018


FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Inside

Música

O artista fará show no próximo dia 13 e ingressos já podem ser adquiridos Divulgação

Reconhecimento Duca foi convidado por Bob Dylan para abrir seus shows no Brasil ao lado de Frank Solari, nos anos 90

A

Paulo Roque Gasparetto prgasparetto@terra.com.br

Duca em Farroupilha

atual turnê “Baixar Armas” traz as músicas mais tocadas da carreira de Duca Leindecker ao lado de Cidadão Quem, Pouca Vogal e as novas canções do último disco, de mesmo nome da turnê. Nele, o cantor faz uma reflexão sobre o momento de ódio e intolerância que o País está passando, sem deixar de lado a leveza e o otimismo. Ingressos disponíveis no Serviço Social do Comércio (Sesc) de Farroupilha, que é a entidade promotora, na Cel. Pena de Moraes, 320, Centro, com valores de R$ 18,00 a R$ 40,00. Nascido em Porto Alegre, iniciou sua carreira artística aos 13 anos, e hoje é um instrumentista, compositor, produtor e escritor de grande reconhecimento nacional. Já ganhou sete troféus Açorianos e teve suas canções interpretadas por grandes nomes como Milton Nascimento e Chimarruts.

5

Com a banda Cidadão Quem, o cantor lançou sete CDs e um DVD, além de participar da 3ª edição do Rock in Rio. Ao lado de Humberto Gessinger, formou o Pouca Vogal. Em 2013, o artista lançou o disco solo “Voz, Violão e Batucada”. O show que vai acontecer na cidade terá Claudio Mattos na bateria, Maurício Chaise nas guitarras e vocais, Igor Conrad no baixo e Duca no piano, guitarras e vocais.

Programe-se O que: show com Duca Leindecker Quando: próximo dia 13, às 21h Onde: Centro Municipal de Eventos (junto ao Complexo Esportivo do Parque Cinquentenário) Quanto: comércio e serviços com cartão Sesc/ Senac R$ 18,00; estudantes, professores e idosos R$ 20,00; empresários com cartão Sesc/ Senac R$ 27,00; e público em geral R$ 40,00

Um gesto de gratidão Meu viver é partilhar. Esse é um programa de vida. O tempo não é meu. Devo pô-lo à disposição. As qualidades não são minhas. Eu as recebi de graças. Tudo o que sou e tenho é uma graça, um presente e uma gratidão. Eu não me comprei. Não me fiz existir. Devo ser uma graça, um dom para os outros. E assim vai se realizando a partilha da vida, da fé, do amor e do bem. E Deus, que tudo partilhou, nos ensina a partilhar. Neste sentido, a Diocese de Caxias do Sul, já há alguns anos, escolheu o mês de julho como o “Mês do Dízimo”. Seu objetivo é aprofundar a reflexão e a vivência dessa prática que manifesta fé, gratidão e pertença à Igreja. O dízimo é uma maneira de dizer “muito obrigado” a Deus por tudo o que Ele nos dá. É uma resposta ao seu infinito amor. O dízimo faz parte da vivência cristã. É a nossa devolução do tanto que recebemos. O dízimo está presente desde o início da história do Povo de Deus. Ele é bíblico. É uma contribuição livre e consciente oferecida com sinceridade, generosidade e gratidão. Dízimo deve ser entendido através de três dimensões: a) Religiosa: para a manutenção do templo; b) Social: auxílio na promoção humana, especialmente em relação aos mais pobres, doentes, crianças e idosos; c) Missionária: auxílio na formação de lideranças, realização de cursos, retiros, ajuda aos seminários e outros investimentos em evangelização. Sabemos que há uma escala de valores. Uns devem prevalecer sobre os outros. A vida é o valor maior; a vida e todos os seus valores: justiça, fraternidade, paz, amor e tantos outros. A vida é um dom que pertence a Deus. Pessoa com gratidão é aquela que sabe viver a vida globalmente. É a pessoa corpo, mente e espírito. É a pessoa que tem os pés na terra e o coração no céu. Cada pessoa recebe de acordo com que oferece. Se der atenção e carinho receberá o mesmo. Se for atencioso, colherá bondade e amor. Quando espalhar amor todos se sentirão bem perto de você. Lembre-se que ninguém se aproxima do espinheiro por causa dos espinhos, mas todos apreciam e gostam de ficar perto das flores, porque exalam beleza e perfume. Que neste mês de julho, nas comunidades, reflitamos sobre essa Pastoral do Dízimo e nos dediquemos mais na ajuda, colaboração e participação. Que o dízimo seja um “obrigado” que brota generoso do coração de quem tem fé em Jesus Cristo. Que a oferta do dízimo seja feita com alegria e com amor. * Pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus e doutor em Comunicação


A

Brindando

Seleção de Vinhos de Farroupilha tem lançamento oficial na próxima terça, às 19h30min, no Salão Nobre da prefeitura. O evento, que é realizado pela Associação Farroupilhense de Produtores de Vinhos, Espumantes, Sucos e Derivados (Afavin) e Secretaria de Desenvolvimento Rural, está em sua 13ª edição e fortalece, a cada ano, o pujante setor vitivinícola do município.

Mixando

Luciana Alberti está à frente de mais uma edição do Mercado Chic Boutique, que ocorre no próximo dia 7, no Complexo Gastronômico e Cultural Fabbrica, em Caxias do Sul. O mix de feirinha de arte, moda, acessórios, decoração e comidinhas, que propõe o consumo sustentável, conta a participação de mais de 40 marcas. Como novidade haverá também o projeto Quitandinhas, com degustação de vinhos e drinks.

Biblioteca

Juliana Piccoli curte férias pelas paisagens incríveis do Canadá. Na foto visita as montanhas rochosas do Mo

A Cristiano de Oliveira

Arquivo Pessoal

A Olavo Bilac está em busca de interessados, entre 14 e 29 anos, para a formação de um Comitê Jovem, em prol do Conecta Biblioteca. O grupo vai discutir a formação de um novo conceito de biblioteca, podendo sugerir novas atividades. O encontro para explicar o trabalho será no dia 12, às 14h, na Olavo Bilac. Caso houver interesse, bastar entrar em contato pelo fone 996.329.829.

Wiliam Esgorla, Ana Cláudia Chiele, Milena Vieira, Helisson Teles no Coliseu, em Roma, na Itália, durante viagem pelo Velho Continente Acimar Freitas e Luana da Costa em festa no Boteco do Chá, na última sexta

Daniela Menti, que assina o blog Mome Mochila, em sua última viagem pelo Ca visitando o Upper Lake, em Pember


Arquivo Pessoal

Divulgação/Boteco Antonielle

Talia Saquetti curtiu o pagode que tem agitado o Boteco Antonielle aos domingos

Anderson Martins

oraine Lake

Arquivo Pessoal

entos de anadá, rton

Fique por Dentro Winter Party

No dia 14, rola a festa We Love Pepsi, no Pepsi Club Caxias. Como mimo exclusivo alguns embaixadores estão recebendo uma touca exclusiva do evento e convites para seus amigos, já que o agito marca a estação mais fria do ano. O destaque do line-up fica para músicos sertanejos Cassius Prado e Cris Lodea e para o projeto “What a Funk”.

Junina

A sexta é de Festa Julina na Favorita Beer Store, que promove seu Arraiá. A festa conta com a apresentação da banda Arrastão Sertanejo, o músico Patrick Ferreira e o DJ Rodi Saquetti. Quem vier de traje caipira ganha um caneco de chope de 300 ml.

Denise Balbinot Colombo, da D&C Cerimoniais, assinou o cerimonial do casamento de Adriana Muller e Diogo Dalcin, realizado na Igreja Matriz de Carlos Barbosa, no final de semana passado


Inside

8

Fabrício Oliboni fabrioliboni@gmail.com

Meia Copa O principal assunto do momento é a Copa, isso é inegável. Logo, nada mais justo do que fazer um compilado de destaques do Mundial de futebol até o dia de hoje (27/06). Não me refiro a detalhes tão técnicos do futebol, mas sim às histórias, os momentos fora de campo, das torcidas e por aí vai. A Copa não deixa ninguém indiferente, goste ou não de futebol. Uma galera aprende muito de Geografia e História pela Copa, então só isso já estaria valendo. Bom, já são 14 dias de Copa, amigo, chegamos na metade. Eu queria viver em uma eterna Copa, mas como não dá. Vamos curtir tudo que podemos até o dia 15/07. Beleza! Então, sem mais delongas, seguimos com a lista. * Teve uns mexicanos tentando separar uma briga de russos com um intuitivo “tranquilovski”. Nada menos que genial!; * a torcida islandesa tinha ¼ dos seus habitantes na Rússia, e eles representaram. Baita papel da torcida e dos vikings dentro de campo, mesmo sem a classificação; * o México só classificou pela improvável vitória da Coreia do Sul frente a Alemanha. Aí invadiram a Embaixada Sul Coreana na Ciudad de México e o embaixador deles teve que tomar tequila e fazer festa com os caras. Não há como não amar os mexicanos!; * Baloy marcou o 1º gol do Panamá em uma Copa do Mundo. O jogo foi 6x1 para a Inglaterra. Ninguém ligou e os caras comemoraram demais. Demais!; * para quem duvida do Cristiano Ronaldo, na estreia o cara mete 3 gols contra a Espanha. Eu nunca vi alguém tão competitivo no futebol quanto esse cara; * a aflição e empolgação – dependendo do lado – a cada vez que o VAR é acionado e o juiz vai caminhando até a tevezinha na beira do campo; * hino à capela do Brasil no jogo contra a Sérvia. Qualquer hino cantado dessa forma pela torcida ecoando no estádio é sensacional; * a história do atacante sul coreano, o Son, e o serviço militar. Vale dar um Google e pesquisar mais, porque é muito pra escrever aqui; * mesma coisa eu digo da comemoração dos suíços/kosovares Xhaka e Shaquiri nos gols contra a Sérvia. Mais uma bela aulinha de história; * Irã, mesmo não passando de fase foi uma boa surpresa. Legal ver a evolução do futebol por essas bandas; * outros que não passaram, mas mostraram evolução, complicando Seleções mais fortes foram Marrocos, Austrália, Coreia do Sul e Nigéria. Uns mais, outros menos, mas tá bem nivelada essa Copa; * México vencendo a Alemanha e toda a festa dos mexicanos com um resultado que poucos esperavam. A 1ª grande surpresa da Copa até então; * a torcida colombiana é sempre massa, assim como o futebol dos caras. Complicado não torcer para eles quando estão em um dia inspirado, como foi contra a Polônia; *a cada 5 fotos onde tem os jogadores do Uruguai uma é de “asado”. Para ressaltar isso, em um jogo deles, logo atrás do gol tinha a seguinte faixa “Asado y Vino”. Nada mais uruguaio; * muitos jogos com “Haja coração, amigo!”. Que siga assim. É Copa do Mundo, Amigo!; * Maradona é um meme ambulante. No vocabulário popular, o argentino “pifou o Nintendo” no jogo deles contra a Nigéria; * torcedores franceses com as camisetas da seleção e “ov” ao final de cada nome de jogador. “Mbappéov”/”Griezman nov”/”Pogbaov”. Genial!; * torcedores senegaleses e japoneses chegando no estádio cantando música tema de anime juntos. Eu quero morar na Copa, repito!; * Messi, enfim, virou argentino: deu carrinho, catimbou, gritou e foi um líder como ainda não tinha sido na Seleção; * Seleção com música nova, e boa. Tchau “ah, eu sou brasileiro com muito orgulho e muito amor”. Tava na hora, por favor!; * as histórias de vida de Romelu Lukaku (Bélgica) e Alireza Beiranvand (Irã). Dá um Google aí que vale muito a pena; * El-Hadary, goleiro saudita, mais velho a jogar um Mundial, 45 anos, e ainda pegando pênalti; * a febre da camisa da Nigéria; * a invasão peruana na Rússia; * Canarinho Pistola! Não acaba não, Copa, por favor! * Agente de intercâmbio e bacharel em Relações Internacionais

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Primeiro Parágrafo

Obra literária para sem amor, nada faz Com mais de 11 milhões de livros vendidos “O Doador de Memórias” traz uma visão futurista de uma sociedade que teve todas as suas memórias roubadas Yasmin Signori Andrade yasmin@jornalinformante.com.br

N

a obra, uma comunidade vive a vida no automático. A autora cria um mundo onde não há guerra, fome ou desigualdade, mas também não há amor, emoções e felicidade. Todos se conformam com esta condição, pois não sabem o que acontecia no passado, não sabem da verdade. Tirar as memórias e emoções de todos foi a solução encontrada para que a desordem do mundo se transformasse em uma utopia. Ninguém tem ideias do que são cores, animais, neve, guerra, fome, pois tudo isso foi suprimido das suas mentes. Ao completar 12 anos, cada criança recebe o objetivo que deve cumprir na vida, a sua função dentro daquele mundo completamente sistemático e aparentemente eficiente. As profissões vão de cuidador de idosos até recebedor de memórias, sendo essa a mais importante. Nessa busca pela sociedade perfeita, uma pessoa ficou responsável por guardar dentro de si todo o conhecimento do passado que a comunidade não tem, para assim poder ajudar e aconselhar, quando solicitado. O Doador tem a função de passar todas estas experiências que obteve durante a vida para um novo escolhido, e Jonas é

quem ganha esta função de honra, sendo logo avisado que precisará passar por um treinamento que exige coragem e disciplina. O livro é um infanto juvenil com uma linguagem fácil, mas promissora, que traz mais questionamentos para o leitor do que respostas. O garoto começa recebendo apenas memórias boas do passado como as cores, a alegria, o nascimento e os animais, e, portanto, não entende porque tudo isso foi roubado das pessoas. Mas com o passar do tempo, o Doador precisa passar memórias de guerra, perda e desigualdade, fazendo com que Jonas reconheça todas as dificuldades que a humanidade precisou enfrentar no passado. Mesmo com toda a maldade que viu, a cada encontro com o velho Doador, o garoto passa a questionar o mundo que vive. Toda aquela mesmice não faz mais sentido para ele, e os sentimento de falta e angústia tomam conta. Jonas então, toma a decisão de que todos da comunidade precisam ver o que ele vê e sentir tudo o que ele sente. Pois afinal era injusto somente ele guardar tudo de extraordinário que havia recebido. A partir da decisão, a obra ganha um rumo de ação, com o protagonista arriscando a própria vida em uma tentativa de melhorar aquilo que, antes, parecia ser o ideal. A leitura é muito rápida, sendo quase impossível largar o livro, que envolve muito mistério sobre tudo o que precisa


FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Inside

9

Dolores Maggioni

Primeiro Parágrafo

doloresmaggioni@terra.com.br

compreender que, o menor sentido desenrolar até o final. A autora Lois Lowry envolve o leitor com muitas dúvidas, e o livro termina em um momento crucial, deixando possibilidades acerca do que pode ter acontecido. O protagonista conquista, pois é possível sentiar a angústia conforme ele recebe todas aquelas informações sem poder compartilhar com aqueles que convive. A sensação no final da leitura é de reflexão sobre tudo o que há de errado no mundo, concluindo que precisamos dosar nossas emoções, sem nenhum tipo de extremismo. Uma ficção que trata de problemas reais e faz o leitor imaginar se toda essa manipulação do governo melhoraria em algo o nosso mundo.

O Doador de Memórias Autora: Lois Lowry Tradução: Maria Luiza Newlands Gênero: Ficção infanto-juvenil Literatura Americana Ano de publicação: 2014 Editora: Arqueiro Nº de páginas: 192 Preço médio: R$ 20,00

Imagem: Reprodução

Os sabores tão únicos dos ontens Fascinante engrenagem, essa recôndita necessidade de entender a mágica mecânica do coração. Feriado hoje. Ruas quase desertas... Onde estão as gentes? Em que mundo se esconderam? Em que labirinto recolheram suas imagens e suas almas? Um cheiro penetrante de algazarra enfeitando o feriado gasto desta Pátria de tantos dissabores! Tão festa agora! As ruas pintadas... estandartes multicores... olhares embrulhados de surpresas, sinos repicando e bandas explodindo pífaros e tambores. Tão festa agora! Como que ignorando a poluição corrosiva de tudo que se faz inatingível no momento em que vivemos. Corro as persianas. E, mesmo assim, resiste o sono. A arandela na parede verde, deita uma luz sonolenta deixando lacunas escuras, qual abismos profundos, circundados por mariposas insones. Respiro fundo. Um cheiro de infância ajoelha-se contido, encobrindo um maço de cartões postais de coisas idas... de angustiantes perdas e de outros embrulhos que nem sei como adjetivar. Já já vai ter início o grande evento. Todos de prontidão. Maestros, artistas, alegorias, estandartes, fantasias, coreografias... Mas, falta Ela. A Menina Ruiva. A Doce Mascote, ausente já há alguns anos. Não a veremos hoje... não brincarão os raios de sol entre os longos cachos de seu ruivo cabelo... sequer a rua será tocada pela leveza de sua sapatilha rosa... Mesmo assim, é festa! Entre lembranças e lembranças, há a lembrança. E, hoje, estou do lado da cancela proibitiva. Torna-se impossível desatar o nó do ressurgimento. Volto. Tenho décadas de lembranças acumuladas. Lembrar é a melhor forma de reter a vida, de eternizá-la na lembrança e de guardá-la para ser dita, ou escrita, ou... qualquer coisa em algum dia, quando, onde, pouco importa... vale a grandeza e a dor de recordar. É festa hoje. E houve o dia de ontem. E a lembrança ficou. São quaisquer horas de um dia qualquer... noite ou manhã... crepúsculo ou madrugada... a memória deslembra... não quero recordar o exato momento da interrupção do tempo. As recordações vão e voltam percorrendo os tufões da ventania. A memória reconstrói os testamentos apagados, o teclado registra novas caligrafias, o texto se constrói sem interrupções. E o instante que se foi agora é alongado na subjetivação de valiosas inferências. O recordar ganha a força da perpetuidade porque persiste até o último suspiro. Deixei onde o pequeno seixo que atapetava o corredor das tantas coisas lindas que faziam de mim, o alguém que já não sou? E para que esta incrível necessidade do resgate, se sei que o que busco recuperar na pressa da roleta é apenas o essencial que não vai retornar? Os sabores tão únicos dos ontens, diluíram-se na avalanche das sucessivas estações. Onde os cravos e as dálias dos jardins da minha infância? Onde os risos e as peraltices nos salões da Casa Cor de Rosa? Deixei que os homens arrancassem as sementes dos canteiros onde eu vivi. Há entulhos que se ocultam... tijolos empilhados... metralha abandonada. Mudaram-me o endereço. Para que lugar me levaram? Contudo, hoje é festa! * Escritora


Inside

10

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

Sétima Arte

Uma solução para o caos se transformar em harmonia Em “O Doador de Memórias” a sociedade vive sem guerra e conflitos, mas também não existe amor e emoções, uma ficção que mostra problemas reais de uma forma sensível Yasmin Signori Andrade yasmin@jornalinformante.com.br

F

antasiar o que pode acontecer com a sociedade no futuro é o propósito em “O Doador de Memórias”. O filme, inspirado no livro de mesmo nome (resenha nas páginas 8 e 9 do Inside), remete a outras histórias futuristas em que adolescentes lutam contra um governo totalitário, como Jogos Vorazes e Divergente. Jonas, interpretado por Brenton Thwaites, é um adolescente que está prestes a descobrir qual função irá desempenhar durante toda sua vida. Na comunidade onde o garoto vive, tudo é aparentemente perfeito, todas as lembranças do passado foram roubadas das pessoas, fazendo com que elas não saibam o significado de guerra, inveja, fome e também de carinho, solidariedade e amor. Cada um cumpre sua função, formando assim, uma engrenagem

onde não há espaço para erro. Uma pessoa é responsável de carregar todas as memórias do passado, para assim, aconselhar a sociedade com sabedoria, quando necessário. De tempos em tempos uma pessoa é destinada a receber todas as memórias e o escolhido para tal responsabilidade foi Jonas. O protagonista passa a maior parte do tempo com o Doador destas lembranças, interpretado pelo já ganhador de Oscar, Jeff Bridges. As pessoas que vivem nesta utopia, não enxergam nem mesmo cores para não causar inveja, portanto, o começo do filme se passa em preto e branco. Conforme o protagonista recebe as memórias o filme vai ganhando cor. Imagens lindas de pôr do sol e natureza inundam a tela com cores magníficas. Embora não tenha muita ação e nem muito romance, a obra traz reflexão. A superficialidade e a maneira como a sociedade age de forma automática, somente obedecendo aquela que go-

verna a comunidade, interpretada pela renomada Meryl Streep, é visível, e faz o espectador pensar se é possível sobreviver daquela maneira: Sem dor, mas levando uma vida completamente fútil. Ao passo que Jonas se dá conta de toda a verdade, ele se apaixona por sua melhor amiga de infância, Fiona (Odeya Rush), e tenta convencê-la de que todo sentimento dentro dele é real.

Na adaptação cinematográfica é possível perceber a frieza daqueles que não conhece o significado da palavra amor. Uma das partes mais emocionantes do filme, se dá quando o garoto recebe lembranças da música, contando com a participação especial da cantora Taylor Swift, que interpresa Rosemary, a penúltima receptora Diferente do livro, na adaptação é


Inside

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

11

Sétima Arte Divulgação

Imagem: Reprodução

Título original The Giver Título traduzido O Doador de Memórias

possível ouvir as músicas e perceber a emoção do personagem ao descobrir os sentimentos que enchem seu peito ao ouvir o som de um piano. Conforme o garoto recebe tudo o que lhe foi tirado, percebe que nada do mundo onde vive faz sentido, e então Jonas tem uma missão: fazer com que todos recebam as memórias. A obra mostra a importância do sentir, mos-

tra como a vida é bela, do jeito que ela é. Todas as imagens de vida real que aparecem no filme são magníficas, e a trilha sonora não deixa para menos. A banda One Rubublic gravou a música “Ordinary Human” especialmente para a adaptação. Quando o espectador acaba o filme, apenas uma reflexão vem à mente: a vida nunca será perfeita, mas sem o amor, nada faz sentido.

Sem emoção O Doador (Bridges) tem a função de passar para o jovem todo o seu conhecimento: por traz da utopia criada na comunidade onde vive, Jonas (Brenton) percebe que a liberdade que pensava ter é apenas uma ilusão e decide faz algo para mudar essa condição

Direção Phillip Noyce Roteiro Robert B. Weide Michael Mitnick Gênero Ficção Duração 97min País Estados Unidos Ano de produção 2014 Estúdio As Is Productions Tonik Productions Walden Media Distribuição Paris FIlmes


12

Horóscopo Áries - 21/03 a 20/04

É necessário avaliar como você vem se direcionando na carreira. As responsabilidades são altas e exigem maturidade e planejamento. O caminho profissional está aberto, mas você é testado em sua dedicação. É importante que as atividades do lar estejam organizadas para garantir estrutura profissional.

Touro - 21/04 a 20/05

É importante estruturar as ideias para conduzir planos com os estudos ou para dar seguimento a documentos importantes. Os caminhos estão abertos para inovar, porém você está sendo testado em sua comunicação e oa semana não tende a fluir como imaginava. É importante ser flexível e saber lidar com imprevistos.

Gêmeos - 21/05 a 20/06

Está estruturando planos financeiros para conquistar maior autonomia. O céu indica que você está no caminho certo, porém é necessário buscar mais aprendizado sobre negócios e mercado. As responsabilidades são altas e você pode se sentir um pouco sozinho durante o desenvolvimento do empreendimento.

Câncer - 21/06 a 20/07

O céu favorece projetos com o cônjuge ou com uma pessoa importante. Os caminhos estão abertos e ampliam atividades em grupo. Há promessas de afastamentos de algumas pessoas ou até mesmo cortes necessários para o seu desenvolvimento. Encare de frente a experiência e apoie a pessoa envolvida.

Leão - 21/07 a 22/08

É necessário focar no trabalho, visando novos caminhos e oportunidades. Uma conversa em segredo gera a necessidade de eliminar situações que impedem o seu progresso, mas isso mexe muito com o seu emocional. Atenção com os desafetos nas relações, que desafiam principalmente o núcleo familiar.

Vírgem - 23/08 a 22/09

O cenário apresentado lhe revela as responsabilidades que você deve assumir. Avalie como pode amadurecer desenvolvendo suas capacidades profissionais. Pode haver a necessidade de amadurecer experiências relacionadas a filhos ou romances. Os caminhos estão abertos para identificar a sua nova identidade.

Libra - 23/09 a 22/10

Existem responsabilidades altas que você deve assumir, envolvendo a família ou o imóvel. É importante assumir as rédeas, buscando um comprometimento maior na esfera doméstica. Há promessas de inovações para conduzir investimentos. Certamente você está amadurecendo a forma como administra o dinheiro.

Escorpião - 23/10 a 21/11

É importante assumir o controle profissional por meio de estudos ou de viagens de negócios. Estão abertas relações comerciais para que consiga inovar as ideias e interagir num novo campo profissional. As responsabilidades são altas. Há promessas de inovações que vem por meio do cônjuge ou sócios.

Sagitário - 22/11 a 21/12

É importantíssimo avaliar os investimentos e o modo como pode obter maior autonomia financeira. Há excelentes oportunidades de trabalho, mas para dar certo é necessário se afastar de pessoas e curar desafetos que impedem o seu progresso. Avalie os caminhos e depois comprometa-se com o que vale a pena.

Capricórnio - 22/12 a 20/01

Esta semana é muito importante para você, porque lhe são reveladas as mudanças pelas quais você vem passando. É importante assumir as responsabilidades e se esforçar. Existe uma pessoa que participa dessas mudanças e deseja inovar com você. O relacionamento segue ampliado e com concretizações.

Aquário - 21/01 a 19/02

As responsabilidades que você vem assumindo trazem inovações para o contexto familiar. Você está muito tenso, ansioso e sensível por tudo o que vem acontecendo. Seja mais flexível às mudanças para que consiga interagir com a experiência com maior fluidez. Há desafetos que devem ser reavaliados com atenção!

Peixes - 20/02 a 20/03

É o momento certo para se comprometer em atividades em grupo, com intenções profissionais ou com experiências que ativam responsabilidades altas. Há promessas de mudanças e inovações com pessoas do seu convívio. Pense sobre cursos que são necessários para o desenvolvimento de projetos.

Inside

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018


FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

ALUGO PAVILHÃO de 600m² no loteamento América, entrada para a Linha São Miguel, perto da Multi Nova. Altura interna de 8 metros, sem colunas. Amplo espaço para estacionamento. Tratar: (54)3268-0522 Melhor negócio! 2 TERRENOS PELO PREÇO DE 1! 613m² em rua toda asfaltada no Monte Verde. Apenas R$ 140.000,00! Confira! (54) 9 9925-2068. CHÁCARA em ALTO FELIZ. 2,5 hectares, com casa, água, luz e demais benfeitorias. 21 km de asfalto e 1000 metros de acesso com estrada de chão. Somente R$ 135.000,00. Ligue agora! (54) 9 9925-2068.


2

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018


FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018

3

VENDO TERRENO de esquina com 1.377m² a uma quadra da rodoviária e do Shopping Centro de compras. F. 9 9118.1642. VENDO TERRENO, localização central em Arroio do Sal a duas quadras do mar F. 9 9118.1642. ALUGUEL: direto com a proprietária de uma SALA COMERCIAL, na Independência, com 168m² no Bairro São Luiz. Fones: 9 9951.3583 / 3268-1062. VENDO 4 terrenos de Cooperativa já com área comprada. F.: 9 9118.1642. VENDO CASA MISTA localizada no Bairro Pio X, ao lado da Igreja. (A mesma já está alugada através de imobiliária pelos valores de R$ 1.000,00 por mês). Tratar: (54) 9 9118 1642.


4

FARROUPILHA, 29 DE JUNHO DE 2018


Edição 544  
Edição 544  
Advertisement